SlideShare uma empresa Scribd logo
Relatório de Reflexão Crítica Individual
Formação Contínua de Professores
1. IDENTIFICAÇÃO DA AÇÃO
Nº da Ação de Formação: Clique ou toque aqui para introduzir texto.
Designação da Ação: Dinamizar um blogue em Português
Modalidade: Curso de Formação
Local de realização: Clique ou toque aqui para introduzir texto.
2. IDENTIFICAÇÃO DO FORMANDO
Nome: Clique ou toque aqui para introduzir texto.
Agrupamento de Escolas: Clique ou toque aqui para introduzir texto.
Grupo de recrutamento: Clique ou toque aqui para introduzir texto. Data: Clique ou
toque para introduzir uma data.
3. REFLEXÃO CRÍTICA
3.1. EXPECTATIVAS EM RELAÇÃO A ESTA FORMAÇÃO
Descreva, de modo resumido, as principais razões ou motivos de interesse que o/a
levaram a frequentar esta formação.
Clique ou toque aqui para introduzir texto.
3.2. GRAU DE CUMPRIMENTO DOS OBJETIVOS E CONTEÚDOS
Indique, na sua perspetiva, o grau de cumprimento dos objetivos e conteúdos
previamente definidos para esta formação, bem como o modo como as suas expetativas
foram ou não superadas.
Clique ou toque aqui para introduzir texto.
3.3. DESCRIÇÃO DO TRABALHO DESENVOLVIDO
Descreva sucintamente o plano de ação desenvolvido, materiais utilizados / produzidos
e principais resultados obtidos. Faça uma apreciação das componentes teórica e prática
e sua interligação no desenvolvimento desta formação.
Clique ou toque aqui para introduzir texto.
3.4. IMPACTO DA FORMAÇÃO
Efeitos observados expectáveis a curto e médio prazo no seu desenvolvimento pessoal e
profissional, na melhoria do ensino e da aprendizagem dos alunos e da sua organização.
Clique ou toque aqui para introduzir texto.
3.5. AUTOAVALIAÇÃO
Apresente uma apreciação baseada na sua reflexão sobre o seu trabalho desenvolvido e
sua quantificação, utilizando uma escala de 1 a 10, tendo como referência os critérios de
avaliação estipulados.
Clique ou toque aqui para introduzir texto.
3.6. CONSIDERAÇÕES FINAIS
Refira os aspetos mais relevantes e os que se apresentaram com mais debilidades, dando
nota de eventuais sugestões a ter em linha de conta futuramente.
Clique ou toque aqui para introduzir texto.

Mais conteúdo relacionado

Semelhante a Relatório_Reflexão_Individual_formação.docx

Atps direito empresarial_e_tributario
Atps  direito empresarial_e_tributarioAtps  direito empresarial_e_tributario
Atps direito empresarial_e_tributario
Caio Henrique
 
Apresentação2
Apresentação2Apresentação2
Apresentação2
Nino Denani
 
Procedimento Treinamento
Procedimento Treinamento Procedimento Treinamento
Procedimento Treinamento
Marcos Abreu
 
8 Maneiras de melhorar a inteligencia emocional junto a sua equipe
8 Maneiras de melhorar a inteligencia emocional junto a sua equipe8 Maneiras de melhorar a inteligencia emocional junto a sua equipe
8 Maneiras de melhorar a inteligencia emocional junto a sua equipe
Jefferson Affonso - PMP®, ITIL®, MCTS®, MBA
 
Roteiro basico projeto_mariags
Roteiro basico projeto_mariagsRoteiro basico projeto_mariags
Roteiro basico projeto_mariags
Goretti Silva
 
Roteiro básico Projeto de Intervenção
Roteiro básico Projeto de IntervençãoRoteiro básico Projeto de Intervenção
Roteiro básico Projeto de Intervenção
Goretti Silva
 
Roteiro Projeto de Intervenção - Profuncionário Técnico Multimeios Didáticos ...
Roteiro Projeto de Intervenção - Profuncionário Técnico Multimeios Didáticos ...Roteiro Projeto de Intervenção - Profuncionário Técnico Multimeios Didáticos ...
Roteiro Projeto de Intervenção - Profuncionário Técnico Multimeios Didáticos ...
Goretti Silva
 
Atps adm analise_de_investimentos(2)
Atps adm analise_de_investimentos(2)Atps adm analise_de_investimentos(2)
Atps adm analise_de_investimentos(2)
priscilasetorg
 
Atps adm analise_de_investimentos
Atps adm analise_de_investimentosAtps adm analise_de_investimentos
Atps adm analise_de_investimentos
francieval da silva
 
Atps adm analise_de_investimentos (1)
Atps adm analise_de_investimentos (1)Atps adm analise_de_investimentos (1)
Atps adm analise_de_investimentos (1)
Rodrigo Silveira Sales Rezende
 
10 Dicas para aumentar o engajamento do Aluno
10 Dicas para aumentar o engajamento do Aluno10 Dicas para aumentar o engajamento do Aluno
10 Dicas para aumentar o engajamento do Aluno
Letícia Spina Tapia
 
Gestão publica grupo_1_semestre
Gestão publica grupo_1_semestreGestão publica grupo_1_semestre
Gestão publica grupo_1_semestre
Ronaldo Oliveira
 
Introducao ao Coaching amostra
Introducao ao Coaching amostraIntroducao ao Coaching amostra
Introducao ao Coaching amostra
Sergio Cabral
 
Manual de coach para PMs e VPs
Manual de coach para PMs e VPsManual de coach para PMs e VPs
Manual de coach para PMs e VPs
altierevasconcelos
 
O Poder das Metas Profissionais Autoconhecimento e Reflexão
O  Poder das Metas Profissionais Autoconhecimento e ReflexãoO  Poder das Metas Profissionais Autoconhecimento e Reflexão
O Poder das Metas Profissionais Autoconhecimento e Reflexão
João Carlos Barbosa
 
Definição de Objetivos - construção
Definição de Objetivos - construçãoDefinição de Objetivos - construção
Definição de Objetivos - construção
Ronaldo Otero
 
Conceitos Avaliação da Formação
Conceitos Avaliação da FormaçãoConceitos Avaliação da Formação
Conceitos Avaliação da Formação
João Lima
 
Sintese4 Metodologias Operacionalizacao Parte I Drealg T2 Dez09
Sintese4  Metodologias Operacionalizacao Parte I Drealg T2 Dez09Sintese4  Metodologias Operacionalizacao Parte I Drealg T2 Dez09
Sintese4 Metodologias Operacionalizacao Parte I Drealg T2 Dez09
Ana Cristina Matias
 
Unidade ii comunicacao
Unidade ii comunicacaoUnidade ii comunicacao
Unidade ii comunicacao
John Madson
 
Atps 2014 1_cco_3_tecnologias_gestao
Atps 2014 1_cco_3_tecnologias_gestaoAtps 2014 1_cco_3_tecnologias_gestao
Atps 2014 1_cco_3_tecnologias_gestao
Wellington Guimaraes
 

Semelhante a Relatório_Reflexão_Individual_formação.docx (20)

Atps direito empresarial_e_tributario
Atps  direito empresarial_e_tributarioAtps  direito empresarial_e_tributario
Atps direito empresarial_e_tributario
 
Apresentação2
Apresentação2Apresentação2
Apresentação2
 
Procedimento Treinamento
Procedimento Treinamento Procedimento Treinamento
Procedimento Treinamento
 
8 Maneiras de melhorar a inteligencia emocional junto a sua equipe
8 Maneiras de melhorar a inteligencia emocional junto a sua equipe8 Maneiras de melhorar a inteligencia emocional junto a sua equipe
8 Maneiras de melhorar a inteligencia emocional junto a sua equipe
 
Roteiro basico projeto_mariags
Roteiro basico projeto_mariagsRoteiro basico projeto_mariags
Roteiro basico projeto_mariags
 
Roteiro básico Projeto de Intervenção
Roteiro básico Projeto de IntervençãoRoteiro básico Projeto de Intervenção
Roteiro básico Projeto de Intervenção
 
Roteiro Projeto de Intervenção - Profuncionário Técnico Multimeios Didáticos ...
Roteiro Projeto de Intervenção - Profuncionário Técnico Multimeios Didáticos ...Roteiro Projeto de Intervenção - Profuncionário Técnico Multimeios Didáticos ...
Roteiro Projeto de Intervenção - Profuncionário Técnico Multimeios Didáticos ...
 
Atps adm analise_de_investimentos(2)
Atps adm analise_de_investimentos(2)Atps adm analise_de_investimentos(2)
Atps adm analise_de_investimentos(2)
 
Atps adm analise_de_investimentos
Atps adm analise_de_investimentosAtps adm analise_de_investimentos
Atps adm analise_de_investimentos
 
Atps adm analise_de_investimentos (1)
Atps adm analise_de_investimentos (1)Atps adm analise_de_investimentos (1)
Atps adm analise_de_investimentos (1)
 
10 Dicas para aumentar o engajamento do Aluno
10 Dicas para aumentar o engajamento do Aluno10 Dicas para aumentar o engajamento do Aluno
10 Dicas para aumentar o engajamento do Aluno
 
Gestão publica grupo_1_semestre
Gestão publica grupo_1_semestreGestão publica grupo_1_semestre
Gestão publica grupo_1_semestre
 
Introducao ao Coaching amostra
Introducao ao Coaching amostraIntroducao ao Coaching amostra
Introducao ao Coaching amostra
 
Manual de coach para PMs e VPs
Manual de coach para PMs e VPsManual de coach para PMs e VPs
Manual de coach para PMs e VPs
 
O Poder das Metas Profissionais Autoconhecimento e Reflexão
O  Poder das Metas Profissionais Autoconhecimento e ReflexãoO  Poder das Metas Profissionais Autoconhecimento e Reflexão
O Poder das Metas Profissionais Autoconhecimento e Reflexão
 
Definição de Objetivos - construção
Definição de Objetivos - construçãoDefinição de Objetivos - construção
Definição de Objetivos - construção
 
Conceitos Avaliação da Formação
Conceitos Avaliação da FormaçãoConceitos Avaliação da Formação
Conceitos Avaliação da Formação
 
Sintese4 Metodologias Operacionalizacao Parte I Drealg T2 Dez09
Sintese4  Metodologias Operacionalizacao Parte I Drealg T2 Dez09Sintese4  Metodologias Operacionalizacao Parte I Drealg T2 Dez09
Sintese4 Metodologias Operacionalizacao Parte I Drealg T2 Dez09
 
Unidade ii comunicacao
Unidade ii comunicacaoUnidade ii comunicacao
Unidade ii comunicacao
 
Atps 2014 1_cco_3_tecnologias_gestao
Atps 2014 1_cco_3_tecnologias_gestaoAtps 2014 1_cco_3_tecnologias_gestao
Atps 2014 1_cco_3_tecnologias_gestao
 

Mais de José Ferreira

Sessao 6_Sumário.pdf
Sessao 6_Sumário.pdfSessao 6_Sumário.pdf
Sessao 6_Sumário.pdf
José Ferreira
 
Sessao 6_Sumário.pdf
Sessao 6_Sumário.pdfSessao 6_Sumário.pdf
Sessao 6_Sumário.pdf
José Ferreira
 
Tarefa 9_Planificacao das atividades.docx
Tarefa 9_Planificacao das atividades.docxTarefa 9_Planificacao das atividades.docx
Tarefa 9_Planificacao das atividades.docx
José Ferreira
 
Sessao 5_Dinamizar blogue.pdf
Sessao 5_Dinamizar blogue.pdfSessao 5_Dinamizar blogue.pdf
Sessao 5_Dinamizar blogue.pdf
José Ferreira
 
Dinamizar um blogue em Português_Sessao 4_out2023.pdf
Dinamizar um blogue em Português_Sessao 4_out2023.pdfDinamizar um blogue em Português_Sessao 4_out2023.pdf
Dinamizar um blogue em Português_Sessao 4_out2023.pdf
José Ferreira
 
Tarefa 7 - Roteiro de dinamizacao blogue - dicas.pdf
Tarefa 7 - Roteiro de dinamizacao blogue - dicas.pdfTarefa 7 - Roteiro de dinamizacao blogue - dicas.pdf
Tarefa 7 - Roteiro de dinamizacao blogue - dicas.pdf
José Ferreira
 
Tarefa 6 - desenhar um post.docx
Tarefa 6 - desenhar um post.docxTarefa 6 - desenhar um post.docx
Tarefa 6 - desenhar um post.docx
José Ferreira
 
Tarefa 5 - descrever posts e interacao.docx
Tarefa 5 - descrever posts e interacao.docxTarefa 5 - descrever posts e interacao.docx
Tarefa 5 - descrever posts e interacao.docx
José Ferreira
 
Dinamizar um blogue em Português_Sessao 3_out2023.pdf
Dinamizar um blogue em Português_Sessao 3_out2023.pdfDinamizar um blogue em Português_Sessao 3_out2023.pdf
Dinamizar um blogue em Português_Sessao 3_out2023.pdf
José Ferreira
 
Tarefa 5 - descrever posts e interacao.docx
Tarefa 5 - descrever posts e interacao.docxTarefa 5 - descrever posts e interacao.docx
Tarefa 5 - descrever posts e interacao.docx
José Ferreira
 
Dinamizar um blogue em Português_Sessao 2_out2023.pdf
Dinamizar um blogue em Português_Sessao 2_out2023.pdfDinamizar um blogue em Português_Sessao 2_out2023.pdf
Dinamizar um blogue em Português_Sessao 2_out2023.pdf
José Ferreira
 
Tarefa 4_Analise de comentários.pdf
Tarefa 4_Analise de comentários.pdfTarefa 4_Analise de comentários.pdf
Tarefa 4_Analise de comentários.pdf
José Ferreira
 
Tarefa 3_Analise de posts.docx
Tarefa 3_Analise de posts.docxTarefa 3_Analise de posts.docx
Tarefa 3_Analise de posts.docx
José Ferreira
 
Tarefa 2_Analise de blogues.docx
Tarefa 2_Analise de blogues.docxTarefa 2_Analise de blogues.docx
Tarefa 2_Analise de blogues.docx
José Ferreira
 
Dinamizar um blogue em Português_Sessao 1_out2023.pdf
Dinamizar um blogue em Português_Sessao 1_out2023.pdfDinamizar um blogue em Português_Sessao 1_out2023.pdf
Dinamizar um blogue em Português_Sessao 1_out2023.pdf
José Ferreira
 
Jogo de apresentação.pdf
Jogo de apresentação.pdfJogo de apresentação.pdf
Jogo de apresentação.pdf
José Ferreira
 
Avaliação_Formandos.pdf
Avaliação_Formandos.pdfAvaliação_Formandos.pdf
Avaliação_Formandos.pdf
José Ferreira
 
Avaliação_Formandos.pdf
Avaliação_Formandos.pdfAvaliação_Formandos.pdf
Avaliação_Formandos.pdf
José Ferreira
 
Sessao 7_Sumário.pdf
Sessao 7_Sumário.pdfSessao 7_Sumário.pdf
Sessao 7_Sumário.pdf
José Ferreira
 
Sessao 7_Sumário.pdf
Sessao 7_Sumário.pdfSessao 7_Sumário.pdf
Sessao 7_Sumário.pdf
José Ferreira
 

Mais de José Ferreira (20)

Sessao 6_Sumário.pdf
Sessao 6_Sumário.pdfSessao 6_Sumário.pdf
Sessao 6_Sumário.pdf
 
Sessao 6_Sumário.pdf
Sessao 6_Sumário.pdfSessao 6_Sumário.pdf
Sessao 6_Sumário.pdf
 
Tarefa 9_Planificacao das atividades.docx
Tarefa 9_Planificacao das atividades.docxTarefa 9_Planificacao das atividades.docx
Tarefa 9_Planificacao das atividades.docx
 
Sessao 5_Dinamizar blogue.pdf
Sessao 5_Dinamizar blogue.pdfSessao 5_Dinamizar blogue.pdf
Sessao 5_Dinamizar blogue.pdf
 
Dinamizar um blogue em Português_Sessao 4_out2023.pdf
Dinamizar um blogue em Português_Sessao 4_out2023.pdfDinamizar um blogue em Português_Sessao 4_out2023.pdf
Dinamizar um blogue em Português_Sessao 4_out2023.pdf
 
Tarefa 7 - Roteiro de dinamizacao blogue - dicas.pdf
Tarefa 7 - Roteiro de dinamizacao blogue - dicas.pdfTarefa 7 - Roteiro de dinamizacao blogue - dicas.pdf
Tarefa 7 - Roteiro de dinamizacao blogue - dicas.pdf
 
Tarefa 6 - desenhar um post.docx
Tarefa 6 - desenhar um post.docxTarefa 6 - desenhar um post.docx
Tarefa 6 - desenhar um post.docx
 
Tarefa 5 - descrever posts e interacao.docx
Tarefa 5 - descrever posts e interacao.docxTarefa 5 - descrever posts e interacao.docx
Tarefa 5 - descrever posts e interacao.docx
 
Dinamizar um blogue em Português_Sessao 3_out2023.pdf
Dinamizar um blogue em Português_Sessao 3_out2023.pdfDinamizar um blogue em Português_Sessao 3_out2023.pdf
Dinamizar um blogue em Português_Sessao 3_out2023.pdf
 
Tarefa 5 - descrever posts e interacao.docx
Tarefa 5 - descrever posts e interacao.docxTarefa 5 - descrever posts e interacao.docx
Tarefa 5 - descrever posts e interacao.docx
 
Dinamizar um blogue em Português_Sessao 2_out2023.pdf
Dinamizar um blogue em Português_Sessao 2_out2023.pdfDinamizar um blogue em Português_Sessao 2_out2023.pdf
Dinamizar um blogue em Português_Sessao 2_out2023.pdf
 
Tarefa 4_Analise de comentários.pdf
Tarefa 4_Analise de comentários.pdfTarefa 4_Analise de comentários.pdf
Tarefa 4_Analise de comentários.pdf
 
Tarefa 3_Analise de posts.docx
Tarefa 3_Analise de posts.docxTarefa 3_Analise de posts.docx
Tarefa 3_Analise de posts.docx
 
Tarefa 2_Analise de blogues.docx
Tarefa 2_Analise de blogues.docxTarefa 2_Analise de blogues.docx
Tarefa 2_Analise de blogues.docx
 
Dinamizar um blogue em Português_Sessao 1_out2023.pdf
Dinamizar um blogue em Português_Sessao 1_out2023.pdfDinamizar um blogue em Português_Sessao 1_out2023.pdf
Dinamizar um blogue em Português_Sessao 1_out2023.pdf
 
Jogo de apresentação.pdf
Jogo de apresentação.pdfJogo de apresentação.pdf
Jogo de apresentação.pdf
 
Avaliação_Formandos.pdf
Avaliação_Formandos.pdfAvaliação_Formandos.pdf
Avaliação_Formandos.pdf
 
Avaliação_Formandos.pdf
Avaliação_Formandos.pdfAvaliação_Formandos.pdf
Avaliação_Formandos.pdf
 
Sessao 7_Sumário.pdf
Sessao 7_Sumário.pdfSessao 7_Sumário.pdf
Sessao 7_Sumário.pdf
 
Sessao 7_Sumário.pdf
Sessao 7_Sumário.pdfSessao 7_Sumário.pdf
Sessao 7_Sumário.pdf
 

Último

Guia Genealógico da Principesca e Ducal Casa de Mesolcina, 2024
Guia Genealógico da Principesca e Ducal Casa de Mesolcina, 2024Guia Genealógico da Principesca e Ducal Casa de Mesolcina, 2024
Guia Genealógico da Principesca e Ducal Casa de Mesolcina, 2024
principeandregalli
 
Organograma do Ministério da Defesa (MD).pdf
Organograma do Ministério da Defesa (MD).pdfOrganograma do Ministério da Defesa (MD).pdf
Organograma do Ministério da Defesa (MD).pdf
Falcão Brasil
 
Que Pena Amor! Eugénio de Sá - Soneto.ppsx
Que Pena Amor! Eugénio de Sá - Soneto.ppsxQue Pena Amor! Eugénio de Sá - Soneto.ppsx
Que Pena Amor! Eugénio de Sá - Soneto.ppsx
Luzia Gabriele
 
Endereços — Centro Gestor e Operacional do Sistema de Proteção da Amazônia - ...
Endereços — Centro Gestor e Operacional do Sistema de Proteção da Amazônia - ...Endereços — Centro Gestor e Operacional do Sistema de Proteção da Amazônia - ...
Endereços — Centro Gestor e Operacional do Sistema de Proteção da Amazônia - ...
Falcão Brasil
 
Caça-palavras - multiplicação
Caça-palavras  -  multiplicaçãoCaça-palavras  -  multiplicação
Caça-palavras - multiplicação
Mary Alvarenga
 
A Atuação das Forças Armadas na Garantia da Lei e da Ordem (GLO).pdf
A Atuação das Forças Armadas na Garantia da Lei e da Ordem (GLO).pdfA Atuação das Forças Armadas na Garantia da Lei e da Ordem (GLO).pdf
A Atuação das Forças Armadas na Garantia da Lei e da Ordem (GLO).pdf
Falcão Brasil
 
Slides Lição 4, CPAD, O Encontro de Rute com Boaz, 3Tr24.pptx
Slides Lição 4, CPAD, O Encontro de Rute com Boaz, 3Tr24.pptxSlides Lição 4, CPAD, O Encontro de Rute com Boaz, 3Tr24.pptx
Slides Lição 4, CPAD, O Encontro de Rute com Boaz, 3Tr24.pptx
LuizHenriquedeAlmeid6
 
Slide | Eurodeputados Portugueses (2024-2029) - Parlamento Europeu (atualiz. ...
Slide | Eurodeputados Portugueses (2024-2029) - Parlamento Europeu (atualiz. ...Slide | Eurodeputados Portugueses (2024-2029) - Parlamento Europeu (atualiz. ...
Slide | Eurodeputados Portugueses (2024-2029) - Parlamento Europeu (atualiz. ...
Centro Jacques Delors
 
Portfólio Estratégico da Força Aérea Brasileira (FAB).pdf
Portfólio Estratégico da Força Aérea Brasileira (FAB).pdfPortfólio Estratégico da Força Aérea Brasileira (FAB).pdf
Portfólio Estratégico da Força Aérea Brasileira (FAB).pdf
Falcão Brasil
 
17 Coisas que seus alunos deveriam saber sobre TRI para melhorar sua nota no ...
17 Coisas que seus alunos deveriam saber sobre TRI para melhorar sua nota no ...17 Coisas que seus alunos deveriam saber sobre TRI para melhorar sua nota no ...
17 Coisas que seus alunos deveriam saber sobre TRI para melhorar sua nota no ...
Estuda.com
 
Aviação de Asas Rotativas. Aos Rotores, o Sabre!.pdf
Aviação de Asas Rotativas. Aos Rotores, o Sabre!.pdfAviação de Asas Rotativas. Aos Rotores, o Sabre!.pdf
Aviação de Asas Rotativas. Aos Rotores, o Sabre!.pdf
Falcão Brasil
 
Plano_Aula_01_Introdução_com_Circuito_Piscar_LED
Plano_Aula_01_Introdução_com_Circuito_Piscar_LEDPlano_Aula_01_Introdução_com_Circuito_Piscar_LED
Plano_Aula_01_Introdução_com_Circuito_Piscar_LED
luggio9854
 
A GEOPOLÍTICA ATUAL E A INTEGRAÇÃO ECONÔMICA E SOCIAL
A GEOPOLÍTICA ATUAL E A INTEGRAÇÃO ECONÔMICA E SOCIALA GEOPOLÍTICA ATUAL E A INTEGRAÇÃO ECONÔMICA E SOCIAL
A GEOPOLÍTICA ATUAL E A INTEGRAÇÃO ECONÔMICA E SOCIAL
ArapiracaNoticiasFat
 
Geotecnologias Aplicadas na Gestão de Riscos e Desastres Hidrológicos.pdf
Geotecnologias Aplicadas na Gestão de Riscos e Desastres Hidrológicos.pdfGeotecnologias Aplicadas na Gestão de Riscos e Desastres Hidrológicos.pdf
Geotecnologias Aplicadas na Gestão de Riscos e Desastres Hidrológicos.pdf
Falcão Brasil
 
28 - Agente de Endemias (40 mapas mentais) - Amostra.pdf
28 - Agente de Endemias (40 mapas mentais) - Amostra.pdf28 - Agente de Endemias (40 mapas mentais) - Amostra.pdf
28 - Agente de Endemias (40 mapas mentais) - Amostra.pdf
SheylaAlves6
 
A Industria Brasileira de Defesa - Situação Atual e Perspectivas de Evolução.pdf
A Industria Brasileira de Defesa - Situação Atual e Perspectivas de Evolução.pdfA Industria Brasileira de Defesa - Situação Atual e Perspectivas de Evolução.pdf
A Industria Brasileira de Defesa - Situação Atual e Perspectivas de Evolução.pdf
Falcão Brasil
 
Uma Breve História da Origem, Formação e Evolução da Terra
Uma Breve História da Origem, Formação e Evolução da TerraUma Breve História da Origem, Formação e Evolução da Terra
Uma Breve História da Origem, Formação e Evolução da Terra
Luiz C. da Silva
 
Oceano, Fonte de Vida e Beleza Maria Inês Aroeira Braga.ppsx
Oceano, Fonte de Vida e Beleza Maria Inês Aroeira Braga.ppsxOceano, Fonte de Vida e Beleza Maria Inês Aroeira Braga.ppsx
Oceano, Fonte de Vida e Beleza Maria Inês Aroeira Braga.ppsx
Luzia Gabriele
 
Relatório do Ministério da Defesa (MD) 2017.pdf
Relatório do Ministério da Defesa (MD) 2017.pdfRelatório do Ministério da Defesa (MD) 2017.pdf
Relatório do Ministério da Defesa (MD) 2017.pdf
Falcão Brasil
 

Último (20)

Guia Genealógico da Principesca e Ducal Casa de Mesolcina, 2024
Guia Genealógico da Principesca e Ducal Casa de Mesolcina, 2024Guia Genealógico da Principesca e Ducal Casa de Mesolcina, 2024
Guia Genealógico da Principesca e Ducal Casa de Mesolcina, 2024
 
Organograma do Ministério da Defesa (MD).pdf
Organograma do Ministério da Defesa (MD).pdfOrganograma do Ministério da Defesa (MD).pdf
Organograma do Ministério da Defesa (MD).pdf
 
Que Pena Amor! Eugénio de Sá - Soneto.ppsx
Que Pena Amor! Eugénio de Sá - Soneto.ppsxQue Pena Amor! Eugénio de Sá - Soneto.ppsx
Que Pena Amor! Eugénio de Sá - Soneto.ppsx
 
Endereços — Centro Gestor e Operacional do Sistema de Proteção da Amazônia - ...
Endereços — Centro Gestor e Operacional do Sistema de Proteção da Amazônia - ...Endereços — Centro Gestor e Operacional do Sistema de Proteção da Amazônia - ...
Endereços — Centro Gestor e Operacional do Sistema de Proteção da Amazônia - ...
 
Caça-palavras - multiplicação
Caça-palavras  -  multiplicaçãoCaça-palavras  -  multiplicação
Caça-palavras - multiplicação
 
A Atuação das Forças Armadas na Garantia da Lei e da Ordem (GLO).pdf
A Atuação das Forças Armadas na Garantia da Lei e da Ordem (GLO).pdfA Atuação das Forças Armadas na Garantia da Lei e da Ordem (GLO).pdf
A Atuação das Forças Armadas na Garantia da Lei e da Ordem (GLO).pdf
 
Slides Lição 4, CPAD, O Encontro de Rute com Boaz, 3Tr24.pptx
Slides Lição 4, CPAD, O Encontro de Rute com Boaz, 3Tr24.pptxSlides Lição 4, CPAD, O Encontro de Rute com Boaz, 3Tr24.pptx
Slides Lição 4, CPAD, O Encontro de Rute com Boaz, 3Tr24.pptx
 
Slide | Eurodeputados Portugueses (2024-2029) - Parlamento Europeu (atualiz. ...
Slide | Eurodeputados Portugueses (2024-2029) - Parlamento Europeu (atualiz. ...Slide | Eurodeputados Portugueses (2024-2029) - Parlamento Europeu (atualiz. ...
Slide | Eurodeputados Portugueses (2024-2029) - Parlamento Europeu (atualiz. ...
 
Portfólio Estratégico da Força Aérea Brasileira (FAB).pdf
Portfólio Estratégico da Força Aérea Brasileira (FAB).pdfPortfólio Estratégico da Força Aérea Brasileira (FAB).pdf
Portfólio Estratégico da Força Aérea Brasileira (FAB).pdf
 
17 Coisas que seus alunos deveriam saber sobre TRI para melhorar sua nota no ...
17 Coisas que seus alunos deveriam saber sobre TRI para melhorar sua nota no ...17 Coisas que seus alunos deveriam saber sobre TRI para melhorar sua nota no ...
17 Coisas que seus alunos deveriam saber sobre TRI para melhorar sua nota no ...
 
Aviação de Asas Rotativas. Aos Rotores, o Sabre!.pdf
Aviação de Asas Rotativas. Aos Rotores, o Sabre!.pdfAviação de Asas Rotativas. Aos Rotores, o Sabre!.pdf
Aviação de Asas Rotativas. Aos Rotores, o Sabre!.pdf
 
Plano_Aula_01_Introdução_com_Circuito_Piscar_LED
Plano_Aula_01_Introdução_com_Circuito_Piscar_LEDPlano_Aula_01_Introdução_com_Circuito_Piscar_LED
Plano_Aula_01_Introdução_com_Circuito_Piscar_LED
 
A GEOPOLÍTICA ATUAL E A INTEGRAÇÃO ECONÔMICA E SOCIAL
A GEOPOLÍTICA ATUAL E A INTEGRAÇÃO ECONÔMICA E SOCIALA GEOPOLÍTICA ATUAL E A INTEGRAÇÃO ECONÔMICA E SOCIAL
A GEOPOLÍTICA ATUAL E A INTEGRAÇÃO ECONÔMICA E SOCIAL
 
Geotecnologias Aplicadas na Gestão de Riscos e Desastres Hidrológicos.pdf
Geotecnologias Aplicadas na Gestão de Riscos e Desastres Hidrológicos.pdfGeotecnologias Aplicadas na Gestão de Riscos e Desastres Hidrológicos.pdf
Geotecnologias Aplicadas na Gestão de Riscos e Desastres Hidrológicos.pdf
 
28 - Agente de Endemias (40 mapas mentais) - Amostra.pdf
28 - Agente de Endemias (40 mapas mentais) - Amostra.pdf28 - Agente de Endemias (40 mapas mentais) - Amostra.pdf
28 - Agente de Endemias (40 mapas mentais) - Amostra.pdf
 
A Industria Brasileira de Defesa - Situação Atual e Perspectivas de Evolução.pdf
A Industria Brasileira de Defesa - Situação Atual e Perspectivas de Evolução.pdfA Industria Brasileira de Defesa - Situação Atual e Perspectivas de Evolução.pdf
A Industria Brasileira de Defesa - Situação Atual e Perspectivas de Evolução.pdf
 
Uma Breve História da Origem, Formação e Evolução da Terra
Uma Breve História da Origem, Formação e Evolução da TerraUma Breve História da Origem, Formação e Evolução da Terra
Uma Breve História da Origem, Formação e Evolução da Terra
 
VIAGEM AO PASSADO -
VIAGEM AO PASSADO                        -VIAGEM AO PASSADO                        -
VIAGEM AO PASSADO -
 
Oceano, Fonte de Vida e Beleza Maria Inês Aroeira Braga.ppsx
Oceano, Fonte de Vida e Beleza Maria Inês Aroeira Braga.ppsxOceano, Fonte de Vida e Beleza Maria Inês Aroeira Braga.ppsx
Oceano, Fonte de Vida e Beleza Maria Inês Aroeira Braga.ppsx
 
Relatório do Ministério da Defesa (MD) 2017.pdf
Relatório do Ministério da Defesa (MD) 2017.pdfRelatório do Ministério da Defesa (MD) 2017.pdf
Relatório do Ministério da Defesa (MD) 2017.pdf
 

Relatório_Reflexão_Individual_formação.docx

  • 1. Relatório de Reflexão Crítica Individual Formação Contínua de Professores 1. IDENTIFICAÇÃO DA AÇÃO Nº da Ação de Formação: Clique ou toque aqui para introduzir texto. Designação da Ação: Dinamizar um blogue em Português Modalidade: Curso de Formação Local de realização: Clique ou toque aqui para introduzir texto. 2. IDENTIFICAÇÃO DO FORMANDO Nome: Clique ou toque aqui para introduzir texto. Agrupamento de Escolas: Clique ou toque aqui para introduzir texto. Grupo de recrutamento: Clique ou toque aqui para introduzir texto. Data: Clique ou toque para introduzir uma data. 3. REFLEXÃO CRÍTICA 3.1. EXPECTATIVAS EM RELAÇÃO A ESTA FORMAÇÃO Descreva, de modo resumido, as principais razões ou motivos de interesse que o/a levaram a frequentar esta formação. Clique ou toque aqui para introduzir texto. 3.2. GRAU DE CUMPRIMENTO DOS OBJETIVOS E CONTEÚDOS Indique, na sua perspetiva, o grau de cumprimento dos objetivos e conteúdos previamente definidos para esta formação, bem como o modo como as suas expetativas foram ou não superadas. Clique ou toque aqui para introduzir texto.
  • 2. 3.3. DESCRIÇÃO DO TRABALHO DESENVOLVIDO Descreva sucintamente o plano de ação desenvolvido, materiais utilizados / produzidos e principais resultados obtidos. Faça uma apreciação das componentes teórica e prática e sua interligação no desenvolvimento desta formação. Clique ou toque aqui para introduzir texto. 3.4. IMPACTO DA FORMAÇÃO Efeitos observados expectáveis a curto e médio prazo no seu desenvolvimento pessoal e profissional, na melhoria do ensino e da aprendizagem dos alunos e da sua organização. Clique ou toque aqui para introduzir texto. 3.5. AUTOAVALIAÇÃO Apresente uma apreciação baseada na sua reflexão sobre o seu trabalho desenvolvido e sua quantificação, utilizando uma escala de 1 a 10, tendo como referência os critérios de avaliação estipulados. Clique ou toque aqui para introduzir texto. 3.6. CONSIDERAÇÕES FINAIS Refira os aspetos mais relevantes e os que se apresentaram com mais debilidades, dando nota de eventuais sugestões a ter em linha de conta futuramente. Clique ou toque aqui para introduzir texto.