SlideShare uma empresa Scribd logo
Regime Militar Brasileiro:
Caracterização
Prof. Vagner Roberto
Arujá, 2015
Golpe civil-militar
• De acordo com os militares, comunistas
estavam infiltrados no Brasil desde 1961;
• A nacionalização de empresas e a reforma
agraria imposta por Goulart incomodavam
empresários, banqueiros e latifundiários, que
apoiaram o golpe.
• A população aceitou a situação em nome da
“segurança nacional” contra o comunismo;
Apoio dos EUA
• Atento a situação, o governo de Washington
envia Porta Aviões, Navios e batalha e
petroleiros para “apoiar” o golpe;
• Agentes da CIA mantinham vigilância de cada
passo dos militares brasileiros, garantindo que
fosse um “golpe da Direita”
Frota Americana no Litoral brasileiro
em 1964
Primeira repressão
• Já em 1964, partidos políticos de esquerda,
grêmios estudantis e uniões de estudantes
foram dissolvidos (inclusive com a destruição
de prédios) e intelectuais foram presos ou
exilados.
União dos Estudantes do Rio de Janeiro,
“fechada” pelos militares, 1964
E o Congresso Nacional??
• O Congresso ficou
aberto, só que de modo
figurativo, somente para
afirmar as nações
estrangeiras que o Brasil
continuava
“democrático”
Os Atos Institucionais ( AI´s)
• De modo continuo, os militares fizeram uso
dos Atos Institucionais, imposições legais sem
votação e sem o consentimento do congresso;
• Cara AI enrijecia mais e mais o governo,
entregando a força política para os militares.
• Foram dezessete AI´s, com mais de cem
emendas posteriores, que retiravam as
liberdades democraticas em nome da
“Segurança Nacional”.
Ato Institucional nº5 (AI-5)
• O mais rígido dos AI´s;
• Nele, qualquer lei que pudesse se opor aos
militares estava cancelada;
• O congresso foi fechado;
Repressões: Partidos políticos
• Tornou-se proibido ir
contra os ideais dos
militares;
• Políticos de todos os
partidos foram expulsos,
presos ou
“desapareceram”
Repressões: Juventude
• Estudantes colegiais e
universitários eram
avessos as ideias dos
militares;
• Suas manifestações
eram brutalmente
reprimidas
Repressões: Artistas e Intelectuais
• Quem não se enquadrasse aos padrões dos
militares, era censurado;
• Artistas plásticos, escritores, compositores e
interpretes foram expulsos do pais e suas obras
apreendidas ou destruídas.
Regime militar brasileiro
Regime militar brasileiro
Regime militar brasileiro

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Era Vargas - Parte II
Era Vargas - Parte IIEra Vargas - Parte II
Era Vargas - Parte II
Escola Modelo de Iguatu
 
A guerra civil americana (secessão)
A guerra civil americana (secessão) A guerra civil americana (secessão)
A guerra civil americana (secessão)
Marlon Barros Cardozo
 
Utopia e barbarie
Utopia e barbarieUtopia e barbarie
Utopia e barbarie
Marina Gonçalves
 
George washington
George washingtonGeorge washington
George washington
PAFB
 
Trabalho de História: George Washington
Trabalho de História: George WashingtonTrabalho de História: George Washington
Trabalho de História: George Washington
carolejuh
 
2013 eua no século xix
2013 eua no século xix2013 eua no século xix
2013 eua no século xix
MARIANO C7S
 
Guerra Fria - Atualizada
Guerra Fria - AtualizadaGuerra Fria - Atualizada
Guerra Fria - Atualizada
Portal do Vestibulando
 
Guerra de Secessão Americana
Guerra de Secessão AmericanaGuerra de Secessão Americana
Guerra de Secessão Americana
Marcos Mamute
 
Governos Dutra e Vargas: O Populismo Democrático
Governos Dutra e Vargas: O Populismo DemocráticoGovernos Dutra e Vargas: O Populismo Democrático
Governos Dutra e Vargas: O Populismo Democrático
Valéria Shoujofan
 
Guerra Fria e Am. Latina
Guerra Fria e Am. LatinaGuerra Fria e Am. Latina
Guerra Fria e Am. Latina
Lais Kerry
 
O último período de vargas
O último período de vargasO último período de vargas
O último período de vargas
proinfopccurso
 
A Guerra Fria
A Guerra FriaA Guerra Fria
A Guerra Fria
cattonia
 
Governo JK
Governo JKGoverno JK
Governo JK
Valéria Shoujofan
 
Estados Unidos: Dos "Golden Years" à Grande Depressão
Estados Unidos: Dos "Golden Years" à Grande DepressãoEstados Unidos: Dos "Golden Years" à Grande Depressão
Estados Unidos: Dos "Golden Years" à Grande Depressão
Valéria Shoujofan
 
Trabalho corpo e movimento
Trabalho corpo e movimentoTrabalho corpo e movimento
Trabalho corpo e movimento
Daniele Rodrigues
 
República dos Generais - Parte 1
República dos Generais - Parte 1República dos Generais - Parte 1
República dos Generais - Parte 1
Valéria Shoujofan
 
América latina e eua no século xix
América latina e eua no século xixAmérica latina e eua no século xix
América latina e eua no século xix
Isaquel Silva
 
Revolução Cubana.
Revolução Cubana.Revolução Cubana.
Revolução Cubana.
marise brandao
 
25. guerra fria
25. guerra fria25. guerra fria
25. guerra fria
José Augusto Fiorin
 

Mais procurados (19)

Era Vargas - Parte II
Era Vargas - Parte IIEra Vargas - Parte II
Era Vargas - Parte II
 
A guerra civil americana (secessão)
A guerra civil americana (secessão) A guerra civil americana (secessão)
A guerra civil americana (secessão)
 
Utopia e barbarie
Utopia e barbarieUtopia e barbarie
Utopia e barbarie
 
George washington
George washingtonGeorge washington
George washington
 
Trabalho de História: George Washington
Trabalho de História: George WashingtonTrabalho de História: George Washington
Trabalho de História: George Washington
 
2013 eua no século xix
2013 eua no século xix2013 eua no século xix
2013 eua no século xix
 
Guerra Fria - Atualizada
Guerra Fria - AtualizadaGuerra Fria - Atualizada
Guerra Fria - Atualizada
 
Guerra de Secessão Americana
Guerra de Secessão AmericanaGuerra de Secessão Americana
Guerra de Secessão Americana
 
Governos Dutra e Vargas: O Populismo Democrático
Governos Dutra e Vargas: O Populismo DemocráticoGovernos Dutra e Vargas: O Populismo Democrático
Governos Dutra e Vargas: O Populismo Democrático
 
Guerra Fria e Am. Latina
Guerra Fria e Am. LatinaGuerra Fria e Am. Latina
Guerra Fria e Am. Latina
 
O último período de vargas
O último período de vargasO último período de vargas
O último período de vargas
 
A Guerra Fria
A Guerra FriaA Guerra Fria
A Guerra Fria
 
Governo JK
Governo JKGoverno JK
Governo JK
 
Estados Unidos: Dos "Golden Years" à Grande Depressão
Estados Unidos: Dos "Golden Years" à Grande DepressãoEstados Unidos: Dos "Golden Years" à Grande Depressão
Estados Unidos: Dos "Golden Years" à Grande Depressão
 
Trabalho corpo e movimento
Trabalho corpo e movimentoTrabalho corpo e movimento
Trabalho corpo e movimento
 
República dos Generais - Parte 1
República dos Generais - Parte 1República dos Generais - Parte 1
República dos Generais - Parte 1
 
América latina e eua no século xix
América latina e eua no século xixAmérica latina e eua no século xix
América latina e eua no século xix
 
Revolução Cubana.
Revolução Cubana.Revolução Cubana.
Revolução Cubana.
 
25. guerra fria
25. guerra fria25. guerra fria
25. guerra fria
 

Destaque

Slides - A real face do regime militar brasileiro
Slides - A real face do regime militar brasileiroSlides - A real face do regime militar brasileiro
Slides - A real face do regime militar brasileiro
Stêvão Clós Limana
 
Estudos CACD - História do Brasil Aula07.1 - PEB durante a Ditadura Militar
Estudos CACD - História do Brasil Aula07.1 - PEB durante a Ditadura Militar Estudos CACD - História do Brasil Aula07.1 - PEB durante a Ditadura Militar
Estudos CACD - História do Brasil Aula07.1 - PEB durante a Ditadura Militar
missaodiplomatica
 
Regime Militar Brasileiro - 1964
Regime Militar Brasileiro - 1964Regime Militar Brasileiro - 1964
Regime Militar Brasileiro - 1964
Aline Oliveira
 
JoãO Goulart
JoãO GoulartJoãO Goulart
JoãO Goulart
Carlos Castro
 
Ditadura Militar
Ditadura MilitarDitadura Militar
Ditadura Militar
guest12728e
 
Ditadura militar
Ditadura militarDitadura militar
Ditadura militar
Elaine Bogo Pavani
 
Ditadura militar ( 1964 1985 )trabalho
Ditadura militar ( 1964   1985 )trabalhoDitadura militar ( 1964   1985 )trabalho
Ditadura militar ( 1964 1985 )trabalho
Nilmaguimaraes
 

Destaque (7)

Slides - A real face do regime militar brasileiro
Slides - A real face do regime militar brasileiroSlides - A real face do regime militar brasileiro
Slides - A real face do regime militar brasileiro
 
Estudos CACD - História do Brasil Aula07.1 - PEB durante a Ditadura Militar
Estudos CACD - História do Brasil Aula07.1 - PEB durante a Ditadura Militar Estudos CACD - História do Brasil Aula07.1 - PEB durante a Ditadura Militar
Estudos CACD - História do Brasil Aula07.1 - PEB durante a Ditadura Militar
 
Regime Militar Brasileiro - 1964
Regime Militar Brasileiro - 1964Regime Militar Brasileiro - 1964
Regime Militar Brasileiro - 1964
 
JoãO Goulart
JoãO GoulartJoãO Goulart
JoãO Goulart
 
Ditadura Militar
Ditadura MilitarDitadura Militar
Ditadura Militar
 
Ditadura militar
Ditadura militarDitadura militar
Ditadura militar
 
Ditadura militar ( 1964 1985 )trabalho
Ditadura militar ( 1964   1985 )trabalhoDitadura militar ( 1964   1985 )trabalho
Ditadura militar ( 1964 1985 )trabalho
 

Semelhante a Regime militar brasileiro

Ditadura militar
Ditadura militarDitadura militar
Ditadura militar
Lú Carvalho
 
Ditadura Civil Miliar
Ditadura Civil MiliarDitadura Civil Miliar
Ditadura Civil Miliar
Mauricio Resende
 
Ditadura civil-Militar.pptx
Ditadura civil-Militar.pptxDitadura civil-Militar.pptx
Ditadura civil-Militar.pptx
WirlanPaje2
 
A ditadura militar no brasil
A ditadura militar no brasilA ditadura militar no brasil
A ditadura militar no brasil
Nelia Salles Nantes
 
Ditadura militar
Ditadura militar Ditadura militar
Ditadura militar
Jéssica Simões
 
Período Democrático - Saboia - 9° ano
Período Democrático - Saboia - 9° anoPeríodo Democrático - Saboia - 9° ano
Período Democrático - Saboia - 9° ano
Ana Cláudia Dias
 
Ditadura militar
Ditadura militarDitadura militar
Ditadura militar
Kerol Brombal
 
A ditadura militar no brasil
A ditadura militar no brasilA ditadura militar no brasil
A ditadura militar no brasil
Nelia Salles Nantes
 
Resum oditaduramilitar
Resum oditaduramilitarResum oditaduramilitar
Resum oditaduramilitar
Lucas Reis
 
Os anos de chumbo (aula 13)
Os anos de chumbo (aula 13)Os anos de chumbo (aula 13)
Os anos de chumbo (aula 13)
Wilton Moretto
 
ditaduras - 9º ano.pptxbbbbbbbbbbbbbbbbb
ditaduras - 9º ano.pptxbbbbbbbbbbbbbbbbbditaduras - 9º ano.pptxbbbbbbbbbbbbbbbbb
ditaduras - 9º ano.pptxbbbbbbbbbbbbbbbbb
EmanoelLencio
 
Ditadura Militar no Brasil
Ditadura Militar no BrasilDitadura Militar no Brasil
Ditadura Militar no Brasil
João Gonçalves Macedo
 
A ditadura militar no brasil
A ditadura militar no brasilA ditadura militar no brasil
A ditadura militar no brasil
historiando
 
Slide Era Vargas - O Primeiro Governo
Slide Era Vargas - O Primeiro GovernoSlide Era Vargas - O Primeiro Governo
Slide Era Vargas - O Primeiro Governo
pibidhistoriaraulcordula
 
A ditadura militar no brasil
A ditadura militar no brasilA ditadura militar no brasil
A ditadura militar no brasil
Nelia Salles Nantes
 
Governos populistas no Brasil
Governos populistas no BrasilGovernos populistas no Brasil
Governos populistas no Brasil
Adriana Gomes Messias
 
Populismo 1945 1964
Populismo 1945   1964Populismo 1945   1964
Populismo 1945 1964
Isabel Aguiar
 
Ditadura militar
Ditadura militarDitadura militar
Ditadura militar
daviprofessor
 
A ditadura militar no brasil 2017
A ditadura militar no brasil   2017A ditadura militar no brasil   2017
A ditadura militar no brasil 2017
Nelia Salles Nantes
 
Ditadura militar
Ditadura militarDitadura militar
Ditadura militar
Lú Carvalho
 

Semelhante a Regime militar brasileiro (20)

Ditadura militar
Ditadura militarDitadura militar
Ditadura militar
 
Ditadura Civil Miliar
Ditadura Civil MiliarDitadura Civil Miliar
Ditadura Civil Miliar
 
Ditadura civil-Militar.pptx
Ditadura civil-Militar.pptxDitadura civil-Militar.pptx
Ditadura civil-Militar.pptx
 
A ditadura militar no brasil
A ditadura militar no brasilA ditadura militar no brasil
A ditadura militar no brasil
 
Ditadura militar
Ditadura militar Ditadura militar
Ditadura militar
 
Período Democrático - Saboia - 9° ano
Período Democrático - Saboia - 9° anoPeríodo Democrático - Saboia - 9° ano
Período Democrático - Saboia - 9° ano
 
Ditadura militar
Ditadura militarDitadura militar
Ditadura militar
 
A ditadura militar no brasil
A ditadura militar no brasilA ditadura militar no brasil
A ditadura militar no brasil
 
Resum oditaduramilitar
Resum oditaduramilitarResum oditaduramilitar
Resum oditaduramilitar
 
Os anos de chumbo (aula 13)
Os anos de chumbo (aula 13)Os anos de chumbo (aula 13)
Os anos de chumbo (aula 13)
 
ditaduras - 9º ano.pptxbbbbbbbbbbbbbbbbb
ditaduras - 9º ano.pptxbbbbbbbbbbbbbbbbbditaduras - 9º ano.pptxbbbbbbbbbbbbbbbbb
ditaduras - 9º ano.pptxbbbbbbbbbbbbbbbbb
 
Ditadura Militar no Brasil
Ditadura Militar no BrasilDitadura Militar no Brasil
Ditadura Militar no Brasil
 
A ditadura militar no brasil
A ditadura militar no brasilA ditadura militar no brasil
A ditadura militar no brasil
 
Slide Era Vargas - O Primeiro Governo
Slide Era Vargas - O Primeiro GovernoSlide Era Vargas - O Primeiro Governo
Slide Era Vargas - O Primeiro Governo
 
A ditadura militar no brasil
A ditadura militar no brasilA ditadura militar no brasil
A ditadura militar no brasil
 
Governos populistas no Brasil
Governos populistas no BrasilGovernos populistas no Brasil
Governos populistas no Brasil
 
Populismo 1945 1964
Populismo 1945   1964Populismo 1945   1964
Populismo 1945 1964
 
Ditadura militar
Ditadura militarDitadura militar
Ditadura militar
 
A ditadura militar no brasil 2017
A ditadura militar no brasil   2017A ditadura militar no brasil   2017
A ditadura militar no brasil 2017
 
Ditadura militar
Ditadura militarDitadura militar
Ditadura militar
 

Mais de Vagner Roberto

História e representações brinquedos
História e representações brinquedosHistória e representações brinquedos
História e representações brinquedos
Vagner Roberto
 
Período helenístico
Período helenísticoPeríodo helenístico
Período helenístico
Vagner Roberto
 
Esparta e o militarismo grego
Esparta e o militarismo gregoEsparta e o militarismo grego
Esparta e o militarismo grego
Vagner Roberto
 
Civilização grega ii
Civilização grega iiCivilização grega ii
Civilização grega ii
Vagner Roberto
 
Civilização grega i
Civilização grega iCivilização grega i
Civilização grega i
Vagner Roberto
 
Colonização portuguesa
Colonização portuguesaColonização portuguesa
Colonização portuguesa
Vagner Roberto
 
Colonização americana
Colonização americanaColonização americana
Colonização americana
Vagner Roberto
 
Segundo reinado (1840 – 1889)
Segundo reinado (1840 – 1889)Segundo reinado (1840 – 1889)
Segundo reinado (1840 – 1889)
Vagner Roberto
 
Movimentos sociais e politicos da europa no século
Movimentos sociais e politicos da europa no séculoMovimentos sociais e politicos da europa no século
Movimentos sociais e politicos da europa no século
Vagner Roberto
 
Guerra civil americana
Guerra civil americanaGuerra civil americana
Guerra civil americana
Vagner Roberto
 
O fim da guerra fria
O fim da guerra friaO fim da guerra fria
O fim da guerra fria
Vagner Roberto
 
Guerra fria e a cultura
Guerra fria e a culturaGuerra fria e a cultura
Guerra fria e a cultura
Vagner Roberto
 
A corrida espacial
A corrida espacialA corrida espacial
A corrida espacial
Vagner Roberto
 
A corrida armamentista
A corrida armamentistaA corrida armamentista
A corrida armamentista
Vagner Roberto
 
Revolução industrial inglesa
Revolução industrial inglesaRevolução industrial inglesa
Revolução industrial inglesa
Vagner Roberto
 
Revolução francesa
Revolução francesaRevolução francesa
Revolução francesa
Vagner Roberto
 
Era napoleónica
Era napoleónicaEra napoleónica
Era napoleónica
Vagner Roberto
 
Movimentos sociais e politicos da europa no século
Movimentos sociais e politicos da europa no séculoMovimentos sociais e politicos da europa no século
Movimentos sociais e politicos da europa no século
Vagner Roberto
 
Primeiro período vargas (1930 1945)
Primeiro período vargas (1930  1945)Primeiro período vargas (1930  1945)
Primeiro período vargas (1930 1945)
Vagner Roberto
 
Revolução francesa 8º
Revolução francesa 8ºRevolução francesa 8º
Revolução francesa 8º
Vagner Roberto
 

Mais de Vagner Roberto (20)

História e representações brinquedos
História e representações brinquedosHistória e representações brinquedos
História e representações brinquedos
 
Período helenístico
Período helenísticoPeríodo helenístico
Período helenístico
 
Esparta e o militarismo grego
Esparta e o militarismo gregoEsparta e o militarismo grego
Esparta e o militarismo grego
 
Civilização grega ii
Civilização grega iiCivilização grega ii
Civilização grega ii
 
Civilização grega i
Civilização grega iCivilização grega i
Civilização grega i
 
Colonização portuguesa
Colonização portuguesaColonização portuguesa
Colonização portuguesa
 
Colonização americana
Colonização americanaColonização americana
Colonização americana
 
Segundo reinado (1840 – 1889)
Segundo reinado (1840 – 1889)Segundo reinado (1840 – 1889)
Segundo reinado (1840 – 1889)
 
Movimentos sociais e politicos da europa no século
Movimentos sociais e politicos da europa no séculoMovimentos sociais e politicos da europa no século
Movimentos sociais e politicos da europa no século
 
Guerra civil americana
Guerra civil americanaGuerra civil americana
Guerra civil americana
 
O fim da guerra fria
O fim da guerra friaO fim da guerra fria
O fim da guerra fria
 
Guerra fria e a cultura
Guerra fria e a culturaGuerra fria e a cultura
Guerra fria e a cultura
 
A corrida espacial
A corrida espacialA corrida espacial
A corrida espacial
 
A corrida armamentista
A corrida armamentistaA corrida armamentista
A corrida armamentista
 
Revolução industrial inglesa
Revolução industrial inglesaRevolução industrial inglesa
Revolução industrial inglesa
 
Revolução francesa
Revolução francesaRevolução francesa
Revolução francesa
 
Era napoleónica
Era napoleónicaEra napoleónica
Era napoleónica
 
Movimentos sociais e politicos da europa no século
Movimentos sociais e politicos da europa no séculoMovimentos sociais e politicos da europa no século
Movimentos sociais e politicos da europa no século
 
Primeiro período vargas (1930 1945)
Primeiro período vargas (1930  1945)Primeiro período vargas (1930  1945)
Primeiro período vargas (1930 1945)
 
Revolução francesa 8º
Revolução francesa 8ºRevolução francesa 8º
Revolução francesa 8º
 

Último

Famílias Que Contribuíram Para O Crescimento Do Assaré
Famílias Que Contribuíram Para O Crescimento Do AssaréFamílias Que Contribuíram Para O Crescimento Do Assaré
Famílias Que Contribuíram Para O Crescimento Do Assaré
profesfrancleite
 
PP Slides Lição 11, Betel, Ordenança para exercer a fé, 2Tr24.pptx
PP Slides Lição 11, Betel, Ordenança para exercer a fé, 2Tr24.pptxPP Slides Lição 11, Betel, Ordenança para exercer a fé, 2Tr24.pptx
PP Slides Lição 11, Betel, Ordenança para exercer a fé, 2Tr24.pptx
LuizHenriquedeAlmeid6
 
D20 - Descritores SAEB de Língua Portuguesa
D20 - Descritores SAEB de Língua PortuguesaD20 - Descritores SAEB de Língua Portuguesa
D20 - Descritores SAEB de Língua Portuguesa
eaiprofpolly
 
Aula 2 - Revisando o significado de fração - Parte 2.pptx
Aula 2 - Revisando o significado de fração - Parte 2.pptxAula 2 - Revisando o significado de fração - Parte 2.pptx
Aula 2 - Revisando o significado de fração - Parte 2.pptx
LILIANPRESTESSCUDELE
 
Reino-Vegetal plantas e demais conceitos .pptx
Reino-Vegetal plantas e demais conceitos .pptxReino-Vegetal plantas e demais conceitos .pptx
Reino-Vegetal plantas e demais conceitos .pptx
CarinaSantos916505
 
347018542-PAULINA-CHIZIANE-Balada-de-Amor-ao-Vento-pdf.pdf
347018542-PAULINA-CHIZIANE-Balada-de-Amor-ao-Vento-pdf.pdf347018542-PAULINA-CHIZIANE-Balada-de-Amor-ao-Vento-pdf.pdf
347018542-PAULINA-CHIZIANE-Balada-de-Amor-ao-Vento-pdf.pdf
AntnioManuelAgdoma
 
Fernão Lopes. pptx
Fernão Lopes.                       pptxFernão Lopes.                       pptx
Fernão Lopes. pptx
TomasSousa7
 
Atividades de Inglês e Espanhol para Imprimir - Alfabetinho
Atividades de Inglês e Espanhol para Imprimir - AlfabetinhoAtividades de Inglês e Espanhol para Imprimir - Alfabetinho
Atividades de Inglês e Espanhol para Imprimir - Alfabetinho
MateusTavares54
 
Atividade de reforço de matemática 2º ano
Atividade de reforço de matemática 2º anoAtividade de reforço de matemática 2º ano
Atividade de reforço de matemática 2º ano
fernandacosta37763
 
Leonardo da Vinci .pptx
Leonardo da Vinci                  .pptxLeonardo da Vinci                  .pptx
Leonardo da Vinci .pptx
TomasSousa7
 
OS elementos de uma boa Redação para o ENEM.pdf
OS elementos de uma boa Redação para o ENEM.pdfOS elementos de uma boa Redação para o ENEM.pdf
OS elementos de uma boa Redação para o ENEM.pdf
AmiltonAparecido1
 
- TEMPLATE DA PRATICA - Psicomotricidade.pptx
- TEMPLATE DA PRATICA - Psicomotricidade.pptx- TEMPLATE DA PRATICA - Psicomotricidade.pptx
- TEMPLATE DA PRATICA - Psicomotricidade.pptx
LucianaCristina58
 
UFCD_10145_Enquadramento do setor farmacêutico_indice.pdf
UFCD_10145_Enquadramento do setor farmacêutico_indice.pdfUFCD_10145_Enquadramento do setor farmacêutico_indice.pdf
UFCD_10145_Enquadramento do setor farmacêutico_indice.pdf
Manuais Formação
 
Aula 1 do livro de Ciências do aluno - sons
Aula 1 do livro de Ciências do aluno - sonsAula 1 do livro de Ciências do aluno - sons
Aula 1 do livro de Ciências do aluno - sons
Érika Rufo
 
Potenciação e Radiciação de Números Racionais
Potenciação e Radiciação de Números RacionaisPotenciação e Radiciação de Números Racionais
Potenciação e Radiciação de Números Racionais
wagnermorais28
 
759-fortaleza-resultado-definitivo-prova-objetiva-2024-05-28.pdf
759-fortaleza-resultado-definitivo-prova-objetiva-2024-05-28.pdf759-fortaleza-resultado-definitivo-prova-objetiva-2024-05-28.pdf
759-fortaleza-resultado-definitivo-prova-objetiva-2024-05-28.pdf
MessiasMarianoG
 
A SOCIOLOGIA E O TRABALHO: ANÁLISES E VIVÊNCIAS
A SOCIOLOGIA E O TRABALHO: ANÁLISES E VIVÊNCIASA SOCIOLOGIA E O TRABALHO: ANÁLISES E VIVÊNCIAS
A SOCIOLOGIA E O TRABALHO: ANÁLISES E VIVÊNCIAS
HisrelBlog
 
Rimas, Luís Vaz de Camões. pptx
Rimas, Luís Vaz de Camões.          pptxRimas, Luís Vaz de Camões.          pptx
Rimas, Luís Vaz de Camões. pptx
TomasSousa7
 
cronograma-enem-2024-planejativo-estudos.pdf
cronograma-enem-2024-planejativo-estudos.pdfcronograma-enem-2024-planejativo-estudos.pdf
cronograma-enem-2024-planejativo-estudos.pdf
todorokillmepls
 
UFCD_10949_Lojas e-commerce no-code_índice.pdf
UFCD_10949_Lojas e-commerce no-code_índice.pdfUFCD_10949_Lojas e-commerce no-code_índice.pdf
UFCD_10949_Lojas e-commerce no-code_índice.pdf
Manuais Formação
 

Último (20)

Famílias Que Contribuíram Para O Crescimento Do Assaré
Famílias Que Contribuíram Para O Crescimento Do AssaréFamílias Que Contribuíram Para O Crescimento Do Assaré
Famílias Que Contribuíram Para O Crescimento Do Assaré
 
PP Slides Lição 11, Betel, Ordenança para exercer a fé, 2Tr24.pptx
PP Slides Lição 11, Betel, Ordenança para exercer a fé, 2Tr24.pptxPP Slides Lição 11, Betel, Ordenança para exercer a fé, 2Tr24.pptx
PP Slides Lição 11, Betel, Ordenança para exercer a fé, 2Tr24.pptx
 
D20 - Descritores SAEB de Língua Portuguesa
D20 - Descritores SAEB de Língua PortuguesaD20 - Descritores SAEB de Língua Portuguesa
D20 - Descritores SAEB de Língua Portuguesa
 
Aula 2 - Revisando o significado de fração - Parte 2.pptx
Aula 2 - Revisando o significado de fração - Parte 2.pptxAula 2 - Revisando o significado de fração - Parte 2.pptx
Aula 2 - Revisando o significado de fração - Parte 2.pptx
 
Reino-Vegetal plantas e demais conceitos .pptx
Reino-Vegetal plantas e demais conceitos .pptxReino-Vegetal plantas e demais conceitos .pptx
Reino-Vegetal plantas e demais conceitos .pptx
 
347018542-PAULINA-CHIZIANE-Balada-de-Amor-ao-Vento-pdf.pdf
347018542-PAULINA-CHIZIANE-Balada-de-Amor-ao-Vento-pdf.pdf347018542-PAULINA-CHIZIANE-Balada-de-Amor-ao-Vento-pdf.pdf
347018542-PAULINA-CHIZIANE-Balada-de-Amor-ao-Vento-pdf.pdf
 
Fernão Lopes. pptx
Fernão Lopes.                       pptxFernão Lopes.                       pptx
Fernão Lopes. pptx
 
Atividades de Inglês e Espanhol para Imprimir - Alfabetinho
Atividades de Inglês e Espanhol para Imprimir - AlfabetinhoAtividades de Inglês e Espanhol para Imprimir - Alfabetinho
Atividades de Inglês e Espanhol para Imprimir - Alfabetinho
 
Atividade de reforço de matemática 2º ano
Atividade de reforço de matemática 2º anoAtividade de reforço de matemática 2º ano
Atividade de reforço de matemática 2º ano
 
Leonardo da Vinci .pptx
Leonardo da Vinci                  .pptxLeonardo da Vinci                  .pptx
Leonardo da Vinci .pptx
 
OS elementos de uma boa Redação para o ENEM.pdf
OS elementos de uma boa Redação para o ENEM.pdfOS elementos de uma boa Redação para o ENEM.pdf
OS elementos de uma boa Redação para o ENEM.pdf
 
- TEMPLATE DA PRATICA - Psicomotricidade.pptx
- TEMPLATE DA PRATICA - Psicomotricidade.pptx- TEMPLATE DA PRATICA - Psicomotricidade.pptx
- TEMPLATE DA PRATICA - Psicomotricidade.pptx
 
UFCD_10145_Enquadramento do setor farmacêutico_indice.pdf
UFCD_10145_Enquadramento do setor farmacêutico_indice.pdfUFCD_10145_Enquadramento do setor farmacêutico_indice.pdf
UFCD_10145_Enquadramento do setor farmacêutico_indice.pdf
 
Aula 1 do livro de Ciências do aluno - sons
Aula 1 do livro de Ciências do aluno - sonsAula 1 do livro de Ciências do aluno - sons
Aula 1 do livro de Ciências do aluno - sons
 
Potenciação e Radiciação de Números Racionais
Potenciação e Radiciação de Números RacionaisPotenciação e Radiciação de Números Racionais
Potenciação e Radiciação de Números Racionais
 
759-fortaleza-resultado-definitivo-prova-objetiva-2024-05-28.pdf
759-fortaleza-resultado-definitivo-prova-objetiva-2024-05-28.pdf759-fortaleza-resultado-definitivo-prova-objetiva-2024-05-28.pdf
759-fortaleza-resultado-definitivo-prova-objetiva-2024-05-28.pdf
 
A SOCIOLOGIA E O TRABALHO: ANÁLISES E VIVÊNCIAS
A SOCIOLOGIA E O TRABALHO: ANÁLISES E VIVÊNCIASA SOCIOLOGIA E O TRABALHO: ANÁLISES E VIVÊNCIAS
A SOCIOLOGIA E O TRABALHO: ANÁLISES E VIVÊNCIAS
 
Rimas, Luís Vaz de Camões. pptx
Rimas, Luís Vaz de Camões.          pptxRimas, Luís Vaz de Camões.          pptx
Rimas, Luís Vaz de Camões. pptx
 
cronograma-enem-2024-planejativo-estudos.pdf
cronograma-enem-2024-planejativo-estudos.pdfcronograma-enem-2024-planejativo-estudos.pdf
cronograma-enem-2024-planejativo-estudos.pdf
 
UFCD_10949_Lojas e-commerce no-code_índice.pdf
UFCD_10949_Lojas e-commerce no-code_índice.pdfUFCD_10949_Lojas e-commerce no-code_índice.pdf
UFCD_10949_Lojas e-commerce no-code_índice.pdf
 

Regime militar brasileiro

  • 2. Golpe civil-militar • De acordo com os militares, comunistas estavam infiltrados no Brasil desde 1961; • A nacionalização de empresas e a reforma agraria imposta por Goulart incomodavam empresários, banqueiros e latifundiários, que apoiaram o golpe. • A população aceitou a situação em nome da “segurança nacional” contra o comunismo;
  • 3. Apoio dos EUA • Atento a situação, o governo de Washington envia Porta Aviões, Navios e batalha e petroleiros para “apoiar” o golpe; • Agentes da CIA mantinham vigilância de cada passo dos militares brasileiros, garantindo que fosse um “golpe da Direita”
  • 4. Frota Americana no Litoral brasileiro em 1964
  • 5. Primeira repressão • Já em 1964, partidos políticos de esquerda, grêmios estudantis e uniões de estudantes foram dissolvidos (inclusive com a destruição de prédios) e intelectuais foram presos ou exilados.
  • 6. União dos Estudantes do Rio de Janeiro, “fechada” pelos militares, 1964
  • 7. E o Congresso Nacional?? • O Congresso ficou aberto, só que de modo figurativo, somente para afirmar as nações estrangeiras que o Brasil continuava “democrático”
  • 8. Os Atos Institucionais ( AI´s) • De modo continuo, os militares fizeram uso dos Atos Institucionais, imposições legais sem votação e sem o consentimento do congresso; • Cara AI enrijecia mais e mais o governo, entregando a força política para os militares. • Foram dezessete AI´s, com mais de cem emendas posteriores, que retiravam as liberdades democraticas em nome da “Segurança Nacional”.
  • 9. Ato Institucional nº5 (AI-5) • O mais rígido dos AI´s; • Nele, qualquer lei que pudesse se opor aos militares estava cancelada; • O congresso foi fechado;
  • 10. Repressões: Partidos políticos • Tornou-se proibido ir contra os ideais dos militares; • Políticos de todos os partidos foram expulsos, presos ou “desapareceram”
  • 11. Repressões: Juventude • Estudantes colegiais e universitários eram avessos as ideias dos militares; • Suas manifestações eram brutalmente reprimidas
  • 12. Repressões: Artistas e Intelectuais • Quem não se enquadrasse aos padrões dos militares, era censurado; • Artistas plásticos, escritores, compositores e interpretes foram expulsos do pais e suas obras apreendidas ou destruídas.