SlideShare uma empresa Scribd logo
Secretaria Municipal de Meio Ambiente 
Gerência de Planejamento e Monitoramento Ambiental 
Gerência de Recursos Hídricos 
PROGRAMA DDEE RREECCUUPPEERRAAÇÇÃÃOO EE 
DDEESSEENNVVOOLLVVIIMMEENNTTOO AAMMBBIIEENNTTAALL DDAA 
BBAACCIIAA DDAA PPAAMMPPUULLHHAA 
Belo Horizonte 
Dez / 2014
Planta Geral da BBaacciiaa ddaa PPaammppuullhhaa 
• Superfície: ≈100 km2 
56% Contagem 
44% Belo Horizonte 
• População: 500.000 hab
CCoonnttaammiinnaaççããoo ddaa ÁÁgguuaa 
PROBLEMAS 
• Altas concentrações de algas e 
matéria orgânica; 
• Altos níveis de fósforo total, 
nitrogênio; coliformes totais e metais 
pesados. 
CAUSAS 
• Desmatamento e manejo inadequado 
do solo em loteamentos e ocupações 
desordenadas; 
• Lançamento de efluentes industriais; 
• Propagação de doenças devido às 
más condições de qualidade da água 
• Insuficiência das redes coletoras e 
interceptores de esgotos domésticos; 
• Insuficiência da coleta e disposição 
desordenada de lixo e entulhos; 
• Falta de infraestrutura para vigilância 
e controle.
/ Meta 2014
MMeettaa 22001144 
OObbjjeettiivvooss – PPaammppuullhhaa VViivvaa 
Objetivos Específicos 
(I) Desassoreamento e Despoluição da Lagoa da 
Pampulha 
• Dragagem de Sedimentos 
• Ampliação do Sistema de Esgotamento Sanitário 
•• TTrraattaammeennttoo ddaass ÁÁgguuaass ddaa LLaaggooaa 
(II) Gestão Ambiental 
• Promoção de ações de mobilização social e de 
educação ambiental na Bacia Hidrográfica da Lagoa da 
Pampulha 
• Monitoramento e apoio ao controle ambiental.
Atividades ddee GGeessttããoo AAmmbbiieennttaall 
PPRROOPPAAMM //AAppooiioo CCoonnssóórrcciioo 
• Educação Ambiental 
(Circuito de Percepção Ambiental, Concurso Águas 
da Pampulha, Exposição Itinerante, Palestras e Cursos 
Educativos, Oficinas Pedagógicas de Artesanato) 
• Controle Ambiental 
((MMoonniittoorraammeennttoo ddee ffooccooss eerroossiivvooss ee iirrrreegguullaarriiddaaddeess 
ambientais e encaminhamentos devidos) 
• Elaboração de minutas de termos 
de referência para projetos e 
programas visando o 
licenciamento ambiental; 
• Formação com Agentes 
Comunitários de Saúde, Técnicos 
da Zoonoses e Educadores.
Dragagem ddee SSeeddiimmeennttooss 
PQ. 
ECOLÓGICO 
Área assoreada em torno da Ilha dos Amores - 582.000 m3
DDrraaggaaggeemm ddee SSeeddiimmeennttooss 
EEnnsseeaaddaa ddaass 
GGaarrççaass 
IIllhhaa ddooss 
AAmmoorreess ee 
CCaannaall àà 
EEnnsseeaaddaa 
AAAABBBB 
jjuussaannttee EETTAAFF 
Áreas Dragadas (Meta 2014) 
CCóórrrreeggoo 
RReessssaaccaa // 
SSaarraannddii 
Volume Dragado (out/2014) ≈ 840.000m3 
Processo: Dragagem por Sucção e Mecânica 
Local de Bota-Fora: Aterro Autorizado em Contagem
Dragagem ddooss SSeeddiimmeennttooss
Tratamento para aa RReeccuuppeerraaççããoo ee 
MMaannuutteennççããoo ddaa QQuuaalliiddaaddee ddaa ÁÁgguuaa 
Biorremediação com CCllaassssee 33 
Sequestro de Fósforo 
Águas de Classe 3: 
Abastecimento doméstico (após tratamento 
convencional), irrigação de culturas arbóreas, 
cerealíferas e forrageiras, e dessedentação de animais, 
recreação de contato secundário – esportes aquáticos, 
Oxigenação / 
Ozonização 
ETAFs 
pesca, etc. 
(8 entradas de córregos)
Índice de QQuuaalliiddaaddee ddaa ÁÁgguuaa – IIQQAA 
RReepp.. ddaa PPaammppuullhhaa - PPoonnttooss IInntteerrnnooss 
2012/2014 
Igreja São Francisco Clube Belo Horizonte 
PIC
Obrigada. 
renatadelima@ppbbhh..ggoovv..bbrr

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Perda Auditiva Por Ruído- Saúde do Trabalhador
Perda Auditiva Por Ruído- Saúde do TrabalhadorPerda Auditiva Por Ruído- Saúde do Trabalhador
Perda Auditiva Por Ruído- Saúde do Trabalhador
Gabriela Toledo
 
Segurança e medicina do trabalho aula3
Segurança e medicina do trabalho aula3Segurança e medicina do trabalho aula3
Segurança e medicina do trabalho aula3
Augusto Junior
 
Manual ruido
Manual ruidoManual ruido
Manual ruido
Geraldo Ferigato
 
TREINAMENTO PROTEÇÃO AUDITIVA.pptx
TREINAMENTO PROTEÇÃO AUDITIVA.pptxTREINAMENTO PROTEÇÃO AUDITIVA.pptx
TREINAMENTO PROTEÇÃO AUDITIVA.pptx
HeleniceGonalves1
 
Percepção de Risco e Comportamento Seguro.pdf
Percepção de Risco e Comportamento Seguro.pdfPercepção de Risco e Comportamento Seguro.pdf
Percepção de Risco e Comportamento Seguro.pdf
TecnicadeseguranaTST
 
Exposição profissional a agentes químicos
Exposição profissional a agentes químicosExposição profissional a agentes químicos
Riscos do ruído e da luminosidade
Riscos do ruído e da luminosidadeRiscos do ruído e da luminosidade
Riscos do ruído e da luminosidade
Daniel Fabro
 
riscos físicos
riscos físicosriscos físicos
Segurança e Gestão na Manipulação de Produtos Químicos
Segurança e Gestão na Manipulação de Produtos QuímicosSegurança e Gestão na Manipulação de Produtos Químicos
Segurança e Gestão na Manipulação de Produtos Químicos
IZAIAS DE SOUZA AGUIAR
 
Produtos quimicos
Produtos quimicosProdutos quimicos
Produtos quimicos
Mariana Rei Ferreira
 
RISCO FÍSICO
RISCO FÍSICORISCO FÍSICO
RISCO FÍSICO
Ericlesia
 
Fispq solupan líquido
Fispq solupan líquidoFispq solupan líquido
Fispq solupan líquido
Walter Rigolino
 
Riscos físicos
Riscos físicosRiscos físicos
Riscos físicos
Filipa Andrade
 
Ficha de análise de risco
Ficha de análise de riscoFicha de análise de risco
Ficha de análise de risco
Coroa Natalense
 
O que é dds
O que é ddsO que é dds
O que é dds
Rbtconseg Tst
 
Introdução avaliação de risco.ppt
Introdução avaliação de risco.pptIntrodução avaliação de risco.ppt
Introdução avaliação de risco.ppt
Alexandre Maximiano
 
Análise de Riscos em um Ambiente Hospitalar
Análise de Riscos em um Ambiente HospitalarAnálise de Riscos em um Ambiente Hospitalar
Análise de Riscos em um Ambiente Hospitalar
Edmilson Pachêco
 
Prote o_auditiva
Prote  o_auditivaProte  o_auditiva
Prote o_auditiva
JB Silva
 
TREINAMENTO DE PROTEÇÃO AUDITIVA..ppt
TREINAMENTO DE PROTEÇÃO AUDITIVA..pptTREINAMENTO DE PROTEÇÃO AUDITIVA..ppt
TREINAMENTO DE PROTEÇÃO AUDITIVA..ppt
NilsonLemosMachado1
 
PLANO DE ATENDIMENTO A EMERGENCIA 2022.doc
PLANO DE ATENDIMENTO A EMERGENCIA 2022.docPLANO DE ATENDIMENTO A EMERGENCIA 2022.doc
PLANO DE ATENDIMENTO A EMERGENCIA 2022.doc
NADIA991365
 

Mais procurados (20)

Perda Auditiva Por Ruído- Saúde do Trabalhador
Perda Auditiva Por Ruído- Saúde do TrabalhadorPerda Auditiva Por Ruído- Saúde do Trabalhador
Perda Auditiva Por Ruído- Saúde do Trabalhador
 
Segurança e medicina do trabalho aula3
Segurança e medicina do trabalho aula3Segurança e medicina do trabalho aula3
Segurança e medicina do trabalho aula3
 
Manual ruido
Manual ruidoManual ruido
Manual ruido
 
TREINAMENTO PROTEÇÃO AUDITIVA.pptx
TREINAMENTO PROTEÇÃO AUDITIVA.pptxTREINAMENTO PROTEÇÃO AUDITIVA.pptx
TREINAMENTO PROTEÇÃO AUDITIVA.pptx
 
Percepção de Risco e Comportamento Seguro.pdf
Percepção de Risco e Comportamento Seguro.pdfPercepção de Risco e Comportamento Seguro.pdf
Percepção de Risco e Comportamento Seguro.pdf
 
Exposição profissional a agentes químicos
Exposição profissional a agentes químicosExposição profissional a agentes químicos
Exposição profissional a agentes químicos
 
Riscos do ruído e da luminosidade
Riscos do ruído e da luminosidadeRiscos do ruído e da luminosidade
Riscos do ruído e da luminosidade
 
riscos físicos
riscos físicosriscos físicos
riscos físicos
 
Segurança e Gestão na Manipulação de Produtos Químicos
Segurança e Gestão na Manipulação de Produtos QuímicosSegurança e Gestão na Manipulação de Produtos Químicos
Segurança e Gestão na Manipulação de Produtos Químicos
 
Produtos quimicos
Produtos quimicosProdutos quimicos
Produtos quimicos
 
RISCO FÍSICO
RISCO FÍSICORISCO FÍSICO
RISCO FÍSICO
 
Fispq solupan líquido
Fispq solupan líquidoFispq solupan líquido
Fispq solupan líquido
 
Riscos físicos
Riscos físicosRiscos físicos
Riscos físicos
 
Ficha de análise de risco
Ficha de análise de riscoFicha de análise de risco
Ficha de análise de risco
 
O que é dds
O que é ddsO que é dds
O que é dds
 
Introdução avaliação de risco.ppt
Introdução avaliação de risco.pptIntrodução avaliação de risco.ppt
Introdução avaliação de risco.ppt
 
Análise de Riscos em um Ambiente Hospitalar
Análise de Riscos em um Ambiente HospitalarAnálise de Riscos em um Ambiente Hospitalar
Análise de Riscos em um Ambiente Hospitalar
 
Prote o_auditiva
Prote  o_auditivaProte  o_auditiva
Prote o_auditiva
 
TREINAMENTO DE PROTEÇÃO AUDITIVA..ppt
TREINAMENTO DE PROTEÇÃO AUDITIVA..pptTREINAMENTO DE PROTEÇÃO AUDITIVA..ppt
TREINAMENTO DE PROTEÇÃO AUDITIVA..ppt
 
PLANO DE ATENDIMENTO A EMERGENCIA 2022.doc
PLANO DE ATENDIMENTO A EMERGENCIA 2022.docPLANO DE ATENDIMENTO A EMERGENCIA 2022.doc
PLANO DE ATENDIMENTO A EMERGENCIA 2022.doc
 

Destaque

Programa de Despoluição da Lagoa da Pampulha
Programa de Despoluição da Lagoa da PampulhaPrograma de Despoluição da Lagoa da Pampulha
Programa de Despoluição da Lagoa da Pampulha
CBH Rio das Velhas
 
Cadastramento de Nascentes da Bacia da Pampulha
Cadastramento de Nascentes da Bacia da PampulhaCadastramento de Nascentes da Bacia da Pampulha
Cadastramento de Nascentes da Bacia da Pampulha
CBH Rio das Velhas
 
Bacia hidrográfica da Pampulha
Bacia hidrográfica da PampulhaBacia hidrográfica da Pampulha
Bacia hidrográfica da Pampulha
Isabella Galdino
 
A Bacia Hidrográfica do Ribeirão Onça
A Bacia Hidrográfica do Ribeirão OnçaA Bacia Hidrográfica do Ribeirão Onça
A Bacia Hidrográfica do Ribeirão Onça
CBH Rio das Velhas
 
Bacia hidrográfica da pampulha
Bacia hidrográfica da pampulhaBacia hidrográfica da pampulha
Bacia hidrográfica da pampulha
Adriana Gotschalg
 
Projeto de Valorização das Nascentes Urbanas
Projeto de Valorização das Nascentes UrbanasProjeto de Valorização das Nascentes Urbanas
Projeto de Valorização das Nascentes Urbanas
CBH Rio das Velhas
 

Destaque (6)

Programa de Despoluição da Lagoa da Pampulha
Programa de Despoluição da Lagoa da PampulhaPrograma de Despoluição da Lagoa da Pampulha
Programa de Despoluição da Lagoa da Pampulha
 
Cadastramento de Nascentes da Bacia da Pampulha
Cadastramento de Nascentes da Bacia da PampulhaCadastramento de Nascentes da Bacia da Pampulha
Cadastramento de Nascentes da Bacia da Pampulha
 
Bacia hidrográfica da Pampulha
Bacia hidrográfica da PampulhaBacia hidrográfica da Pampulha
Bacia hidrográfica da Pampulha
 
A Bacia Hidrográfica do Ribeirão Onça
A Bacia Hidrográfica do Ribeirão OnçaA Bacia Hidrográfica do Ribeirão Onça
A Bacia Hidrográfica do Ribeirão Onça
 
Bacia hidrográfica da pampulha
Bacia hidrográfica da pampulhaBacia hidrográfica da pampulha
Bacia hidrográfica da pampulha
 
Projeto de Valorização das Nascentes Urbanas
Projeto de Valorização das Nascentes UrbanasProjeto de Valorização das Nascentes Urbanas
Projeto de Valorização das Nascentes Urbanas
 

Semelhante a Programa de Recuperação e Desenvolvimento Ambiental da Bacia da Pampulha

Painel VI – A EDS e a Comunicação em Ciência: Miguel Ferreira (SRRN-Açores) -...
Painel VI – A EDS e a Comunicação em Ciência: Miguel Ferreira (SRRN-Açores) -...Painel VI – A EDS e a Comunicação em Ciência: Miguel Ferreira (SRRN-Açores) -...
Painel VI – A EDS e a Comunicação em Ciência: Miguel Ferreira (SRRN-Açores) -...
CIDAADS
 
O Rio Paraopeba e o programa HELP - Breno Carone
O Rio Paraopeba e o programa HELP - Breno Carone O Rio Paraopeba e o programa HELP - Breno Carone
O Rio Paraopeba e o programa HELP - Breno Carone
forumsustentar
 
Diagnóstico Ambiental do Ribeirão Soberbo - Thiago Cotta Ribeiro/CEFET-MG
Diagnóstico Ambiental do Ribeirão Soberbo - Thiago Cotta Ribeiro/CEFET-MGDiagnóstico Ambiental do Ribeirão Soberbo - Thiago Cotta Ribeiro/CEFET-MG
Diagnóstico Ambiental do Ribeirão Soberbo - Thiago Cotta Ribeiro/CEFET-MG
CBH Rio das Velhas
 
ESTABELECIMENTO DE SUBSÍDIOS PARA A DELIMITAÇÃO DE PERÍMETRO DE PROTEÇÃO DE P...
ESTABELECIMENTO DE SUBSÍDIOS PARA A DELIMITAÇÃO DE PERÍMETRO DE PROTEÇÃO DE P...ESTABELECIMENTO DE SUBSÍDIOS PARA A DELIMITAÇÃO DE PERÍMETRO DE PROTEÇÃO DE P...
ESTABELECIMENTO DE SUBSÍDIOS PARA A DELIMITAÇÃO DE PERÍMETRO DE PROTEÇÃO DE P...
Gabriella Ribeiro
 
Entreverdes Campinas - Programa de educação ambiental permanente
Entreverdes Campinas - Programa de educação ambiental permanenteEntreverdes Campinas - Programa de educação ambiental permanente
Entreverdes Campinas - Programa de educação ambiental permanente
THCM
 
Reunião Comitê Gestor de Projeto Monitores Ambientais 060509
Reunião Comitê Gestor de Projeto Monitores Ambientais 060509Reunião Comitê Gestor de Projeto Monitores Ambientais 060509
Reunião Comitê Gestor de Projeto Monitores Ambientais 060509
marcelo otenio
 
Apresentação projeto de revitalização ambiental na bacia hidrográfica dos có...
Apresentação  projeto de revitalização ambiental na bacia hidrográfica dos có...Apresentação  projeto de revitalização ambiental na bacia hidrográfica dos có...
Apresentação projeto de revitalização ambiental na bacia hidrográfica dos có...
Rafael Oliveira
 
Saneamento Ambiental
Saneamento AmbientalSaneamento Ambiental
Saneamento Ambiental
Sergilainematos
 
17/03 - tarde_Mesa 2 - Ricardo de Oliveira Figueiredo
17/03 - tarde_Mesa 2 - Ricardo de Oliveira Figueiredo17/03 - tarde_Mesa 2 - Ricardo de Oliveira Figueiredo
17/03 - tarde_Mesa 2 - Ricardo de Oliveira Figueiredo
Comitê da Bacia Hidrográfica do Rio Doce - CBH-Doce
 
Plano Macro Metrópole do Comitê Gestor Águas PMSP e SABESP
Plano Macro Metrópole do Comitê Gestor Águas PMSP e SABESPPlano Macro Metrópole do Comitê Gestor Águas PMSP e SABESP
Plano Macro Metrópole do Comitê Gestor Águas PMSP e SABESP
Chico Macena
 
Apresentacao seminario inicial projeto ute jequitiba
Apresentacao seminario inicial projeto ute jequitibaApresentacao seminario inicial projeto ute jequitiba
Apresentacao seminario inicial projeto ute jequitiba
CBH Rio das Velhas
 
Luciane
LucianeLuciane
Luciane
ambiental
 
recursos hídricos, geografia
recursos hídricos, geografiarecursos hídricos, geografia
recursos hídricos, geografia
Nilton Goulart
 
Seminário Inicial - UTE Poderoso Vermelho
Seminário Inicial - UTE Poderoso VermelhoSeminário Inicial - UTE Poderoso Vermelho
Seminário Inicial - UTE Poderoso Vermelho
CBH Rio das Velhas
 
Secretaria do Meio Ambiente ¬ - Prefeitura da Cidade de Curitiba
Secretaria do Meio Ambiente ¬ - Prefeitura da Cidade de CuritibaSecretaria do Meio Ambiente ¬ - Prefeitura da Cidade de Curitiba
Secretaria do Meio Ambiente ¬ - Prefeitura da Cidade de Curitiba
Editora Fórum
 
Modelo apresentação ciclo MAUI 2016
Modelo apresentação ciclo MAUI 2016Modelo apresentação ciclo MAUI 2016
Modelo apresentação ciclo MAUI 2016
malanger
 
Pt mac edias
Pt mac ediasPt mac edias
Pt mac edias
PTMacaronesia
 
Programa Produtor de Água_Devanir Garcia dos Santos
Programa Produtor de Água_Devanir Garcia dos SantosPrograma Produtor de Água_Devanir Garcia dos Santos
Programa Produtor de Água_Devanir Garcia dos Santos
Instituto Sustentar de Responsabilidade Socioambiental
 
Produtor de Água Ribeirão Carioca em Itabirito
Produtor de Água Ribeirão Carioca em ItabiritoProdutor de Água Ribeirão Carioca em Itabirito
Produtor de Água Ribeirão Carioca em Itabirito
CBH Rio das Velhas
 
SERVIÇOS AMBIENTAIS E A VALORAÇÃO DOS RECURSOS NATURAIS - Albano Araújo
SERVIÇOS AMBIENTAIS E A VALORAÇÃO DOS RECURSOS NATURAIS - Albano Araújo SERVIÇOS AMBIENTAIS E A VALORAÇÃO DOS RECURSOS NATURAIS - Albano Araújo
SERVIÇOS AMBIENTAIS E A VALORAÇÃO DOS RECURSOS NATURAIS - Albano Araújo
forumsustentar
 

Semelhante a Programa de Recuperação e Desenvolvimento Ambiental da Bacia da Pampulha (20)

Painel VI – A EDS e a Comunicação em Ciência: Miguel Ferreira (SRRN-Açores) -...
Painel VI – A EDS e a Comunicação em Ciência: Miguel Ferreira (SRRN-Açores) -...Painel VI – A EDS e a Comunicação em Ciência: Miguel Ferreira (SRRN-Açores) -...
Painel VI – A EDS e a Comunicação em Ciência: Miguel Ferreira (SRRN-Açores) -...
 
O Rio Paraopeba e o programa HELP - Breno Carone
O Rio Paraopeba e o programa HELP - Breno Carone O Rio Paraopeba e o programa HELP - Breno Carone
O Rio Paraopeba e o programa HELP - Breno Carone
 
Diagnóstico Ambiental do Ribeirão Soberbo - Thiago Cotta Ribeiro/CEFET-MG
Diagnóstico Ambiental do Ribeirão Soberbo - Thiago Cotta Ribeiro/CEFET-MGDiagnóstico Ambiental do Ribeirão Soberbo - Thiago Cotta Ribeiro/CEFET-MG
Diagnóstico Ambiental do Ribeirão Soberbo - Thiago Cotta Ribeiro/CEFET-MG
 
ESTABELECIMENTO DE SUBSÍDIOS PARA A DELIMITAÇÃO DE PERÍMETRO DE PROTEÇÃO DE P...
ESTABELECIMENTO DE SUBSÍDIOS PARA A DELIMITAÇÃO DE PERÍMETRO DE PROTEÇÃO DE P...ESTABELECIMENTO DE SUBSÍDIOS PARA A DELIMITAÇÃO DE PERÍMETRO DE PROTEÇÃO DE P...
ESTABELECIMENTO DE SUBSÍDIOS PARA A DELIMITAÇÃO DE PERÍMETRO DE PROTEÇÃO DE P...
 
Entreverdes Campinas - Programa de educação ambiental permanente
Entreverdes Campinas - Programa de educação ambiental permanenteEntreverdes Campinas - Programa de educação ambiental permanente
Entreverdes Campinas - Programa de educação ambiental permanente
 
Reunião Comitê Gestor de Projeto Monitores Ambientais 060509
Reunião Comitê Gestor de Projeto Monitores Ambientais 060509Reunião Comitê Gestor de Projeto Monitores Ambientais 060509
Reunião Comitê Gestor de Projeto Monitores Ambientais 060509
 
Apresentação projeto de revitalização ambiental na bacia hidrográfica dos có...
Apresentação  projeto de revitalização ambiental na bacia hidrográfica dos có...Apresentação  projeto de revitalização ambiental na bacia hidrográfica dos có...
Apresentação projeto de revitalização ambiental na bacia hidrográfica dos có...
 
Saneamento Ambiental
Saneamento AmbientalSaneamento Ambiental
Saneamento Ambiental
 
17/03 - tarde_Mesa 2 - Ricardo de Oliveira Figueiredo
17/03 - tarde_Mesa 2 - Ricardo de Oliveira Figueiredo17/03 - tarde_Mesa 2 - Ricardo de Oliveira Figueiredo
17/03 - tarde_Mesa 2 - Ricardo de Oliveira Figueiredo
 
Plano Macro Metrópole do Comitê Gestor Águas PMSP e SABESP
Plano Macro Metrópole do Comitê Gestor Águas PMSP e SABESPPlano Macro Metrópole do Comitê Gestor Águas PMSP e SABESP
Plano Macro Metrópole do Comitê Gestor Águas PMSP e SABESP
 
Apresentacao seminario inicial projeto ute jequitiba
Apresentacao seminario inicial projeto ute jequitibaApresentacao seminario inicial projeto ute jequitiba
Apresentacao seminario inicial projeto ute jequitiba
 
Luciane
LucianeLuciane
Luciane
 
recursos hídricos, geografia
recursos hídricos, geografiarecursos hídricos, geografia
recursos hídricos, geografia
 
Seminário Inicial - UTE Poderoso Vermelho
Seminário Inicial - UTE Poderoso VermelhoSeminário Inicial - UTE Poderoso Vermelho
Seminário Inicial - UTE Poderoso Vermelho
 
Secretaria do Meio Ambiente ¬ - Prefeitura da Cidade de Curitiba
Secretaria do Meio Ambiente ¬ - Prefeitura da Cidade de CuritibaSecretaria do Meio Ambiente ¬ - Prefeitura da Cidade de Curitiba
Secretaria do Meio Ambiente ¬ - Prefeitura da Cidade de Curitiba
 
Modelo apresentação ciclo MAUI 2016
Modelo apresentação ciclo MAUI 2016Modelo apresentação ciclo MAUI 2016
Modelo apresentação ciclo MAUI 2016
 
Pt mac edias
Pt mac ediasPt mac edias
Pt mac edias
 
Programa Produtor de Água_Devanir Garcia dos Santos
Programa Produtor de Água_Devanir Garcia dos SantosPrograma Produtor de Água_Devanir Garcia dos Santos
Programa Produtor de Água_Devanir Garcia dos Santos
 
Produtor de Água Ribeirão Carioca em Itabirito
Produtor de Água Ribeirão Carioca em ItabiritoProdutor de Água Ribeirão Carioca em Itabirito
Produtor de Água Ribeirão Carioca em Itabirito
 
SERVIÇOS AMBIENTAIS E A VALORAÇÃO DOS RECURSOS NATURAIS - Albano Araújo
SERVIÇOS AMBIENTAIS E A VALORAÇÃO DOS RECURSOS NATURAIS - Albano Araújo SERVIÇOS AMBIENTAIS E A VALORAÇÃO DOS RECURSOS NATURAIS - Albano Araújo
SERVIÇOS AMBIENTAIS E A VALORAÇÃO DOS RECURSOS NATURAIS - Albano Araújo
 

Mais de CBH Rio das Velhas

10 propostas texto final - descanalização rios urbanos de BH
10 propostas texto final - descanalização rios urbanos de BH10 propostas texto final - descanalização rios urbanos de BH
10 propostas texto final - descanalização rios urbanos de BH
CBH Rio das Velhas
 
Apresentacao politica de gestao do risco de inundacoes em belo horizonte - ba...
Apresentacao politica de gestao do risco de inundacoes em belo horizonte - ba...Apresentacao politica de gestao do risco de inundacoes em belo horizonte - ba...
Apresentacao politica de gestao do risco de inundacoes em belo horizonte - ba...
CBH Rio das Velhas
 
Portaria igam n045.2019
Portaria igam n045.2019Portaria igam n045.2019
Portaria igam n045.2019
CBH Rio das Velhas
 
Qualidade agua - FIEMG
Qualidade agua - FIEMGQualidade agua - FIEMG
Qualidade agua - FIEMG
CBH Rio das Velhas
 
Senai
SenaiSenai
Saae
SaaeSaae
Pro mananciais
Pro mananciaisPro mananciais
Pro mananciais
CBH Rio das Velhas
 
Copasa
CopasaCopasa
Projeto jequitiba
Projeto jequitibaProjeto jequitiba
Projeto jequitiba
CBH Rio das Velhas
 
Trilha agroecologica estudantes
Trilha agroecologica estudantesTrilha agroecologica estudantes
Trilha agroecologica estudantes
CBH Rio das Velhas
 
Apresentacao SEMAD
Apresentacao SEMADApresentacao SEMAD
Apresentacao SEMAD
CBH Rio das Velhas
 
ProfÀgua
ProfÀguaProfÀgua
Modelo carta de indicacao - Santo Antonio Maquine
Modelo carta de indicacao - Santo Antonio MaquineModelo carta de indicacao - Santo Antonio Maquine
Modelo carta de indicacao - Santo Antonio Maquine
CBH Rio das Velhas
 
Reuniao final fechos 30_04_2019
Reuniao final fechos 30_04_2019Reuniao final fechos 30_04_2019
Reuniao final fechos 30_04_2019
CBH Rio das Velhas
 
Ppt peixe vivo
Ppt peixe vivoPpt peixe vivo
Ppt peixe vivo
CBH Rio das Velhas
 
Ppt feam
Ppt feamPpt feam
Ppt copasa
Ppt copasaPpt copasa
Ppt copasa
CBH Rio das Velhas
 
Parecer tecnico Agencia peixe Vivo 002 2019 sudecap
Parecer tecnico Agencia peixe Vivo 002 2019 sudecapParecer tecnico Agencia peixe Vivo 002 2019 sudecap
Parecer tecnico Agencia peixe Vivo 002 2019 sudecap
CBH Rio das Velhas
 
Evento inicial - Projeto na sub-bacia do Ribeirão Carioca em Itabirito
Evento inicial - Projeto na sub-bacia do Ribeirão Carioca em ItabiritoEvento inicial - Projeto na sub-bacia do Ribeirão Carioca em Itabirito
Evento inicial - Projeto na sub-bacia do Ribeirão Carioca em Itabirito
CBH Rio das Velhas
 
Subcomitê Ribeirões Caete Sabara
Subcomitê Ribeirões Caete SabaraSubcomitê Ribeirões Caete Sabara
Subcomitê Ribeirões Caete Sabara
CBH Rio das Velhas
 

Mais de CBH Rio das Velhas (20)

10 propostas texto final - descanalização rios urbanos de BH
10 propostas texto final - descanalização rios urbanos de BH10 propostas texto final - descanalização rios urbanos de BH
10 propostas texto final - descanalização rios urbanos de BH
 
Apresentacao politica de gestao do risco de inundacoes em belo horizonte - ba...
Apresentacao politica de gestao do risco de inundacoes em belo horizonte - ba...Apresentacao politica de gestao do risco de inundacoes em belo horizonte - ba...
Apresentacao politica de gestao do risco de inundacoes em belo horizonte - ba...
 
Portaria igam n045.2019
Portaria igam n045.2019Portaria igam n045.2019
Portaria igam n045.2019
 
Qualidade agua - FIEMG
Qualidade agua - FIEMGQualidade agua - FIEMG
Qualidade agua - FIEMG
 
Senai
SenaiSenai
Senai
 
Saae
SaaeSaae
Saae
 
Pro mananciais
Pro mananciaisPro mananciais
Pro mananciais
 
Copasa
CopasaCopasa
Copasa
 
Projeto jequitiba
Projeto jequitibaProjeto jequitiba
Projeto jequitiba
 
Trilha agroecologica estudantes
Trilha agroecologica estudantesTrilha agroecologica estudantes
Trilha agroecologica estudantes
 
Apresentacao SEMAD
Apresentacao SEMADApresentacao SEMAD
Apresentacao SEMAD
 
ProfÀgua
ProfÀguaProfÀgua
ProfÀgua
 
Modelo carta de indicacao - Santo Antonio Maquine
Modelo carta de indicacao - Santo Antonio MaquineModelo carta de indicacao - Santo Antonio Maquine
Modelo carta de indicacao - Santo Antonio Maquine
 
Reuniao final fechos 30_04_2019
Reuniao final fechos 30_04_2019Reuniao final fechos 30_04_2019
Reuniao final fechos 30_04_2019
 
Ppt peixe vivo
Ppt peixe vivoPpt peixe vivo
Ppt peixe vivo
 
Ppt feam
Ppt feamPpt feam
Ppt feam
 
Ppt copasa
Ppt copasaPpt copasa
Ppt copasa
 
Parecer tecnico Agencia peixe Vivo 002 2019 sudecap
Parecer tecnico Agencia peixe Vivo 002 2019 sudecapParecer tecnico Agencia peixe Vivo 002 2019 sudecap
Parecer tecnico Agencia peixe Vivo 002 2019 sudecap
 
Evento inicial - Projeto na sub-bacia do Ribeirão Carioca em Itabirito
Evento inicial - Projeto na sub-bacia do Ribeirão Carioca em ItabiritoEvento inicial - Projeto na sub-bacia do Ribeirão Carioca em Itabirito
Evento inicial - Projeto na sub-bacia do Ribeirão Carioca em Itabirito
 
Subcomitê Ribeirões Caete Sabara
Subcomitê Ribeirões Caete SabaraSubcomitê Ribeirões Caete Sabara
Subcomitê Ribeirões Caete Sabara
 

Programa de Recuperação e Desenvolvimento Ambiental da Bacia da Pampulha

  • 1. Secretaria Municipal de Meio Ambiente Gerência de Planejamento e Monitoramento Ambiental Gerência de Recursos Hídricos PROGRAMA DDEE RREECCUUPPEERRAAÇÇÃÃOO EE DDEESSEENNVVOOLLVVIIMMEENNTTOO AAMMBBIIEENNTTAALL DDAA BBAACCIIAA DDAA PPAAMMPPUULLHHAA Belo Horizonte Dez / 2014
  • 2. Planta Geral da BBaacciiaa ddaa PPaammppuullhhaa • Superfície: ≈100 km2 56% Contagem 44% Belo Horizonte • População: 500.000 hab
  • 3. CCoonnttaammiinnaaççããoo ddaa ÁÁgguuaa PROBLEMAS • Altas concentrações de algas e matéria orgânica; • Altos níveis de fósforo total, nitrogênio; coliformes totais e metais pesados. CAUSAS • Desmatamento e manejo inadequado do solo em loteamentos e ocupações desordenadas; • Lançamento de efluentes industriais; • Propagação de doenças devido às más condições de qualidade da água • Insuficiência das redes coletoras e interceptores de esgotos domésticos; • Insuficiência da coleta e disposição desordenada de lixo e entulhos; • Falta de infraestrutura para vigilância e controle.
  • 5. MMeettaa 22001144 OObbjjeettiivvooss – PPaammppuullhhaa VViivvaa Objetivos Específicos (I) Desassoreamento e Despoluição da Lagoa da Pampulha • Dragagem de Sedimentos • Ampliação do Sistema de Esgotamento Sanitário •• TTrraattaammeennttoo ddaass ÁÁgguuaass ddaa LLaaggooaa (II) Gestão Ambiental • Promoção de ações de mobilização social e de educação ambiental na Bacia Hidrográfica da Lagoa da Pampulha • Monitoramento e apoio ao controle ambiental.
  • 6. Atividades ddee GGeessttããoo AAmmbbiieennttaall PPRROOPPAAMM //AAppooiioo CCoonnssóórrcciioo • Educação Ambiental (Circuito de Percepção Ambiental, Concurso Águas da Pampulha, Exposição Itinerante, Palestras e Cursos Educativos, Oficinas Pedagógicas de Artesanato) • Controle Ambiental ((MMoonniittoorraammeennttoo ddee ffooccooss eerroossiivvooss ee iirrrreegguullaarriiddaaddeess ambientais e encaminhamentos devidos) • Elaboração de minutas de termos de referência para projetos e programas visando o licenciamento ambiental; • Formação com Agentes Comunitários de Saúde, Técnicos da Zoonoses e Educadores.
  • 7. Dragagem ddee SSeeddiimmeennttooss PQ. ECOLÓGICO Área assoreada em torno da Ilha dos Amores - 582.000 m3
  • 8. DDrraaggaaggeemm ddee SSeeddiimmeennttooss EEnnsseeaaddaa ddaass GGaarrççaass IIllhhaa ddooss AAmmoorreess ee CCaannaall àà EEnnsseeaaddaa AAAABBBB jjuussaannttee EETTAAFF Áreas Dragadas (Meta 2014) CCóórrrreeggoo RReessssaaccaa // SSaarraannddii Volume Dragado (out/2014) ≈ 840.000m3 Processo: Dragagem por Sucção e Mecânica Local de Bota-Fora: Aterro Autorizado em Contagem
  • 10. Tratamento para aa RReeccuuppeerraaççããoo ee MMaannuutteennççããoo ddaa QQuuaalliiddaaddee ddaa ÁÁgguuaa Biorremediação com CCllaassssee 33 Sequestro de Fósforo Águas de Classe 3: Abastecimento doméstico (após tratamento convencional), irrigação de culturas arbóreas, cerealíferas e forrageiras, e dessedentação de animais, recreação de contato secundário – esportes aquáticos, Oxigenação / Ozonização ETAFs pesca, etc. (8 entradas de córregos)
  • 11. Índice de QQuuaalliiddaaddee ddaa ÁÁgguuaa – IIQQAA RReepp.. ddaa PPaammppuullhhaa - PPoonnttooss IInntteerrnnooss 2012/2014 Igreja São Francisco Clube Belo Horizonte PIC