SlideShare uma empresa Scribd logo
LÍNGUA PORTUGUESA
VILSON NABOSNY
6.º ANO
Leitura de romance (Fragmento) III
AULA 39
Objetivos
● Ler fragmentos do romance O Pequeno Príncipe;
● Inferir o sentido de uma palavra ou expressão;
● Conhecer e identificar os elementos que constroem a
narrativa.
Você gosta de ler?
Que tal conhecermos trechos de
uma obra muito famosa no mundo
inteiro?
Já ouviu falar do Pequeno Príncipe?
O Pequeno Príncipe conta a história da amizade entre um
piloto com um principezinho. A amizade começa no dia
em que o avião do piloto teria caído no meio do deserto
do Saara. Lá, ele adormece e, ao acordar, se depara com o
pequeno príncipe.
O romance tem muitos personagens - O Pequeno Príncipe
é o protagonista da obra, uma criança que veio de um
asteroide e viaja pelo universo.
O Piloto - é o narrador da história e assume o papel de
protagonista juntamente com o Pequeno Príncipe.
Alguns dos personagens da história são: a Raposa; a Rosa; o
Carneiro e a Caixa; a Serpente; o Rei; o homem de negócios e
muitos outros.
Nesta aula vamos ler um trecho de um diálogo entre o
Pequeno Príncipe e a Raposa.
https://tenor.com/view/lectura-gif-9761669
O Pequeno Príncipe
[...]
— Nada é perfeito, suspirou a raposa. Mas a raposa voltou à
sua ideia.
— Minha vida é monótona. Eu caço as galinhas e os homens
me caçam. Todas as galinhas se parecem e todos os homens
se parecem também.
E por isso eu me aborreço um pouco. Mas se tu me cativas,
minha vida será como que cheia de sol. Conhecerei um
barulho de passos que será diferente dos outros. Os outros
passos me fazem entrar debaixo da terra.
O teu me chamará para fora da toca, como se fosse
música. E depois, olha! Vês, lá longe, os campos de trigo?
Eu não como pão. O trigo para mim é inútil. Os campos de
trigo não me lembram coisa alguma. E isso é triste, mas tu
tens cabelos cor de ouro. Então será maravilhoso quando
me tiveres cativado. O trigo, que é dourado, fará lembrar-
me de ti. E eu amarei o barulho do vento no trigo ...
A raposa calou-se e considerou por muito tempo o príncipe:
— Por favor... cativa-me disse ela.
— Bem quisera, disse o principezinho, mas eu não tenho muito
tempo. Tenho amigos a descobrir e muitas coisas a conhecer.
— A gente só conhece bem as coisas que cativou, disse a
raposa. Os homens não têm mais tempo de conhecer coisa
alguma. Compram tudo prontinho nas lojas.
[...]
SAINT-EXUPÉRY. O pequeno príncipe.Disponível em: https://5ca0e999-de9a-47e0-9b77-
7e3eeab0592c.usrfiles.com/ugd/5ca0e9_4f0dc25362284aa6b917c93a1e1708ba.pdf.
ATIVIDADE 1
Releia o trecho do romance “O Pequeno Príncipe”.
Qual a justificativa do pequeno príncipe para
não cativar/conquistar a raposa?
- Por favor... cativa-me disse ela.
- Bem quisera, disse o principezinho, mas eu não tenho
muito tempo. Tenho amigos a descobrir e muitas coisas a
conhecer.
CORREÇÃO
Ele justifica dizendo que não tinha muito tempo e queria
descobrir amigos e conhecer muitas coisas.
Gênero romance
É um texto ficcional, escrito em prosa, de extensão longa, com
vários personagens, variação de espaço e tempo e cuja
história é contada por um narrador.
RELEMBRANDO - Elementos narrativos
Personagens: quem vive a história.
Tempo: quando ou quanto tempo dura a história.
Espaço: lugar onde ocorre a história.
Narrador: quem conta a história.
Enredo: a história que é contada.
Vamos estudar um pouco mais sobre o narrador?
É um elemento muito importante na configuração dos
romances e das narrativas em geral, pois é ele quem conta a
história ao leitor.
Relembrando!
Ele pode ser: narrador personagem; narrador observador
e/ou narrador onisciente.
ATIVIDADE 2
Com base no trecho abaixo, responda: o narrador é um dos
personagens ou é um narrador observador? Justifique.
A raposa calou-se e considerou por muito
tempo o príncipe:
- Por favor... cativa-me disse ela.
- Bem quisera, disse o principezinho, mas eu
não tenho muito tempo. [...]
Com base nesse trecho o narrador não é um dos personagens,
porque se refere às personagens utilizando as expressões “a
raposa”(ela) e “o principezinho”(ele) ou seja, ele não participa
da história - 3ª pessoa.
A raposa calou-se e considerou por muito tempo o
príncipe:
- Por favor... cativa-me disse ela.
- Bem quisera, disse o principezinho, mas eu não
tenho muito tempo. [...]
CORREÇÃO
A temática dos romances
Os romances podem narrar histórias de várias temáticas.
Podem tratar em seu enredo de temas de amor, de guerra,
de aventura, de política, de fatos históricos, episódios
policiais etc. Podem abordar fatos simples do cotidianos ou
mais complexos como ocorre na narrativa do romance “O
pequeno príncipe”.
Leia o fragmento abaixo e identifique a crítica feita pela
raposa aos hábitos humanos.
- A gente só conhece bem as coisas que cativou, disse a
raposa. Os homens não têm mais tempo de conhecer
coisa alguma.
ATIVIDADE 3
A crítica está centrada no fato dos homens não
cativarem/conquistarem mais aos outros, pela falta de tempo.
Na correria do dia a dia, dedicam o seu tempo para outras
coisas (trabalho, estudo), deixando de lado, muitas vezes as
relações de amizade.
- A gente só conhece bem as coisas que cativou,
disse a raposa. Os homens não têm mais tempo de
conhecer coisa alguma.
CORREÇÃO
a)Você sabe o significado da palavra “monótona”?
b)Por que a raposa considera sua vida monótona?
Minha vida é monótona. Eu caço as galinhas e os homens
me caçam. Todas as galinhas se parecem e todos os
homens se parecem também.
ATIVIDADE 4
Releia o trecho abaixo do romance “O Pequeno Príncipe”.
CORREÇÃO
a) Monótona significa rotineira, repetitiva.
b) A raposa considerava que não havia novidade em sua vida,
que as ações se repetiam.
NA AULA DE HOJE
Lemos um fragmento do romance O Pequeno Príncipe;
inferimos o sentido de uma palavra ou expressão e
identificamos o tipo de narrador no fragmento do texto.
_lingua___portuguesa_6_ano__SLIDE_aula_39.pptx

Mais conteúdo relacionado

Semelhante a _lingua___portuguesa_6_ano__SLIDE_aula_39.pptx

PortefóLio1
PortefóLio1PortefóLio1
Aula 9 - 6º LP - Romance - Figuras de Linguagem.pptx
Aula 9 - 6º LP - Romance - Figuras de Linguagem.pptxAula 9 - 6º LP - Romance - Figuras de Linguagem.pptx
Aula 9 - 6º LP - Romance - Figuras de Linguagem.pptx
AnaPaulaSilva359199
 
O principezinho mariana macedo
O principezinho   mariana macedoO principezinho   mariana macedo
O principezinho mariana macedo
fantas45
 
O principezinho.docx resumo2
O principezinho.docx resumo2O principezinho.docx resumo2
O principezinho.docx resumo2
Elisa Dias
 
A crônica
A crônicaA crônica
A crônica
Marcia Oliveira
 
O pequeno príncipe
O pequeno príncipeO pequeno príncipe
O pequeno príncipe
João Lopes
 
O principezinho
O principezinhoO principezinho
O principezinho
IsabelPereira2010
 
Prova por-3 em-noite
Prova por-3 em-noiteProva por-3 em-noite
Prova por-3 em-noite
Breno Fostek
 
Prova por-3 em-noite
Prova por-3 em-noiteProva por-3 em-noite
Prova por-3 em-noite
Breno Fostek
 
Plano de aula - O pequeno príncipe
Plano de aula - O pequeno príncipePlano de aula - O pequeno príncipe
Plano de aula - O pequeno príncipe
laurinha3
 
Análise Crítica - O Pequeno Príncipe
Análise Crítica -  O Pequeno PríncipeAnálise Crítica -  O Pequeno Príncipe
Análise Crítica - O Pequeno Príncipe
Luísa Teixeira
 
Doc 11 resumo do principezinho
Doc 11  resumo do principezinhoDoc 11  resumo do principezinho
Doc 11 resumo do principezinho
helena frança
 
Narracao
NarracaoNarracao
Narracao
Dior FG
 
O principezinho
O principezinhoO principezinho
O principezinho
Luísa Marques
 
O Principezinho
O PrincipezinhoO Principezinho
O Principezinho
isabel preto
 
O principezinho mariana guia
O principezinho   mariana guiaO principezinho   mariana guia
O principezinho mariana guia
fantas45
 
Gênero textual narrativo do Ensino Médio: conto
Gênero textual narrativo do Ensino Médio: contoGênero textual narrativo do Ensino Médio: conto
Gênero textual narrativo do Ensino Médio: conto
Eduardo Almeida Falleiros Terçariol
 
o que aprendi sobre contos, organização, estrutura
o que aprendi sobre contos, organização, estruturao que aprendi sobre contos, organização, estrutura
o que aprendi sobre contos, organização, estrutura
ssuser784e30
 
Historia do principezinho_isabel_d
Historia do principezinho_isabel_dHistoria do principezinho_isabel_d
Historia do principezinho_isabel_d
didimartins
 
Conto
ContoConto

Semelhante a _lingua___portuguesa_6_ano__SLIDE_aula_39.pptx (20)

PortefóLio1
PortefóLio1PortefóLio1
PortefóLio1
 
Aula 9 - 6º LP - Romance - Figuras de Linguagem.pptx
Aula 9 - 6º LP - Romance - Figuras de Linguagem.pptxAula 9 - 6º LP - Romance - Figuras de Linguagem.pptx
Aula 9 - 6º LP - Romance - Figuras de Linguagem.pptx
 
O principezinho mariana macedo
O principezinho   mariana macedoO principezinho   mariana macedo
O principezinho mariana macedo
 
O principezinho.docx resumo2
O principezinho.docx resumo2O principezinho.docx resumo2
O principezinho.docx resumo2
 
A crônica
A crônicaA crônica
A crônica
 
O pequeno príncipe
O pequeno príncipeO pequeno príncipe
O pequeno príncipe
 
O principezinho
O principezinhoO principezinho
O principezinho
 
Prova por-3 em-noite
Prova por-3 em-noiteProva por-3 em-noite
Prova por-3 em-noite
 
Prova por-3 em-noite
Prova por-3 em-noiteProva por-3 em-noite
Prova por-3 em-noite
 
Plano de aula - O pequeno príncipe
Plano de aula - O pequeno príncipePlano de aula - O pequeno príncipe
Plano de aula - O pequeno príncipe
 
Análise Crítica - O Pequeno Príncipe
Análise Crítica -  O Pequeno PríncipeAnálise Crítica -  O Pequeno Príncipe
Análise Crítica - O Pequeno Príncipe
 
Doc 11 resumo do principezinho
Doc 11  resumo do principezinhoDoc 11  resumo do principezinho
Doc 11 resumo do principezinho
 
Narracao
NarracaoNarracao
Narracao
 
O principezinho
O principezinhoO principezinho
O principezinho
 
O Principezinho
O PrincipezinhoO Principezinho
O Principezinho
 
O principezinho mariana guia
O principezinho   mariana guiaO principezinho   mariana guia
O principezinho mariana guia
 
Gênero textual narrativo do Ensino Médio: conto
Gênero textual narrativo do Ensino Médio: contoGênero textual narrativo do Ensino Médio: conto
Gênero textual narrativo do Ensino Médio: conto
 
o que aprendi sobre contos, organização, estrutura
o que aprendi sobre contos, organização, estruturao que aprendi sobre contos, organização, estrutura
o que aprendi sobre contos, organização, estrutura
 
Historia do principezinho_isabel_d
Historia do principezinho_isabel_dHistoria do principezinho_isabel_d
Historia do principezinho_isabel_d
 
Conto
ContoConto
Conto
 

Mais de Silvana Silva

Copia_de_SLIDES_4_-_Ensino_Fundamental_-_LINGUA_PORTUGUESA_-_1o._ano_-_Genero...
Copia_de_SLIDES_4_-_Ensino_Fundamental_-_LINGUA_PORTUGUESA_-_1o._ano_-_Genero...Copia_de_SLIDES_4_-_Ensino_Fundamental_-_LINGUA_PORTUGUESA_-_1o._ano_-_Genero...
Copia_de_SLIDES_4_-_Ensino_Fundamental_-_LINGUA_PORTUGUESA_-_1o._ano_-_Genero...
Silvana Silva
 
Módulo 01 Formação Produção Textual Jornada Pedagógica 2024.pptx
Módulo 01 Formação Produção Textual Jornada Pedagógica 2024.pptxMódulo 01 Formação Produção Textual Jornada Pedagógica 2024.pptx
Módulo 01 Formação Produção Textual Jornada Pedagógica 2024.pptx
Silvana Silva
 
Cópia de AULA 2- ENSINO FUNDAMENTAL ANOS INICIAIS - LÍNGUA PORTUGUESA.pptx
Cópia de AULA 2- ENSINO FUNDAMENTAL ANOS INICIAIS - LÍNGUA PORTUGUESA.pptxCópia de AULA 2- ENSINO FUNDAMENTAL ANOS INICIAIS - LÍNGUA PORTUGUESA.pptx
Cópia de AULA 2- ENSINO FUNDAMENTAL ANOS INICIAIS - LÍNGUA PORTUGUESA.pptx
Silvana Silva
 
Apresentação1.pptxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxx
Apresentação1.pptxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxApresentação1.pptxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxx
Apresentação1.pptxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxx
Silvana Silva
 
Slides 1 - O gênero textual entrevista.pptx
Slides 1 - O gênero textual entrevista.pptxSlides 1 - O gênero textual entrevista.pptx
Slides 1 - O gênero textual entrevista.pptx
Silvana Silva
 
PASSA OU REPASSA - 3º ANO - MATERIAISPDG.ppsx
PASSA OU REPASSA - 3º ANO - MATERIAISPDG.ppsxPASSA OU REPASSA - 3º ANO - MATERIAISPDG.ppsx
PASSA OU REPASSA - 3º ANO - MATERIAISPDG.ppsx
Silvana Silva
 
ADJETIVO para 8 ano. Ensino funda.mental
ADJETIVO para 8 ano. Ensino funda.mentalADJETIVO para 8 ano. Ensino funda.mental
ADJETIVO para 8 ano. Ensino funda.mental
Silvana Silva
 
lingua_portuguesa_3aSerie_slides_aula132.pptx
lingua_portuguesa_3aSerie_slides_aula132.pptxlingua_portuguesa_3aSerie_slides_aula132.pptx
lingua_portuguesa_3aSerie_slides_aula132.pptx
Silvana Silva
 
Eja_EF_LPORT_Sem_2_aula_49.pptx português
Eja_EF_LPORT_Sem_2_aula_49.pptx portuguêsEja_EF_LPORT_Sem_2_aula_49.pptx português
Eja_EF_LPORT_Sem_2_aula_49.pptx português
Silvana Silva
 
06202256-1425650805dia-da-mulher-2015.ppt
06202256-1425650805dia-da-mulher-2015.ppt06202256-1425650805dia-da-mulher-2015.ppt
06202256-1425650805dia-da-mulher-2015.ppt
Silvana Silva
 

Mais de Silvana Silva (10)

Copia_de_SLIDES_4_-_Ensino_Fundamental_-_LINGUA_PORTUGUESA_-_1o._ano_-_Genero...
Copia_de_SLIDES_4_-_Ensino_Fundamental_-_LINGUA_PORTUGUESA_-_1o._ano_-_Genero...Copia_de_SLIDES_4_-_Ensino_Fundamental_-_LINGUA_PORTUGUESA_-_1o._ano_-_Genero...
Copia_de_SLIDES_4_-_Ensino_Fundamental_-_LINGUA_PORTUGUESA_-_1o._ano_-_Genero...
 
Módulo 01 Formação Produção Textual Jornada Pedagógica 2024.pptx
Módulo 01 Formação Produção Textual Jornada Pedagógica 2024.pptxMódulo 01 Formação Produção Textual Jornada Pedagógica 2024.pptx
Módulo 01 Formação Produção Textual Jornada Pedagógica 2024.pptx
 
Cópia de AULA 2- ENSINO FUNDAMENTAL ANOS INICIAIS - LÍNGUA PORTUGUESA.pptx
Cópia de AULA 2- ENSINO FUNDAMENTAL ANOS INICIAIS - LÍNGUA PORTUGUESA.pptxCópia de AULA 2- ENSINO FUNDAMENTAL ANOS INICIAIS - LÍNGUA PORTUGUESA.pptx
Cópia de AULA 2- ENSINO FUNDAMENTAL ANOS INICIAIS - LÍNGUA PORTUGUESA.pptx
 
Apresentação1.pptxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxx
Apresentação1.pptxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxApresentação1.pptxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxx
Apresentação1.pptxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxx
 
Slides 1 - O gênero textual entrevista.pptx
Slides 1 - O gênero textual entrevista.pptxSlides 1 - O gênero textual entrevista.pptx
Slides 1 - O gênero textual entrevista.pptx
 
PASSA OU REPASSA - 3º ANO - MATERIAISPDG.ppsx
PASSA OU REPASSA - 3º ANO - MATERIAISPDG.ppsxPASSA OU REPASSA - 3º ANO - MATERIAISPDG.ppsx
PASSA OU REPASSA - 3º ANO - MATERIAISPDG.ppsx
 
ADJETIVO para 8 ano. Ensino funda.mental
ADJETIVO para 8 ano. Ensino funda.mentalADJETIVO para 8 ano. Ensino funda.mental
ADJETIVO para 8 ano. Ensino funda.mental
 
lingua_portuguesa_3aSerie_slides_aula132.pptx
lingua_portuguesa_3aSerie_slides_aula132.pptxlingua_portuguesa_3aSerie_slides_aula132.pptx
lingua_portuguesa_3aSerie_slides_aula132.pptx
 
Eja_EF_LPORT_Sem_2_aula_49.pptx português
Eja_EF_LPORT_Sem_2_aula_49.pptx portuguêsEja_EF_LPORT_Sem_2_aula_49.pptx português
Eja_EF_LPORT_Sem_2_aula_49.pptx português
 
06202256-1425650805dia-da-mulher-2015.ppt
06202256-1425650805dia-da-mulher-2015.ppt06202256-1425650805dia-da-mulher-2015.ppt
06202256-1425650805dia-da-mulher-2015.ppt
 

Último

A dinâmica da população mundial de acordo com as teorias populacionais.pptx
A dinâmica da população mundial de acordo com as teorias populacionais.pptxA dinâmica da população mundial de acordo com as teorias populacionais.pptx
A dinâmica da população mundial de acordo com as teorias populacionais.pptx
ReinaldoSouza57
 
D20 - Descritores SAEB de Língua Portuguesa
D20 - Descritores SAEB de Língua PortuguesaD20 - Descritores SAEB de Língua Portuguesa
D20 - Descritores SAEB de Língua Portuguesa
eaiprofpolly
 
Slides Lição 11, Central Gospel, Os Mortos Em CRISTO, 2Tr24.pptx
Slides Lição 11, Central Gospel, Os Mortos Em CRISTO, 2Tr24.pptxSlides Lição 11, Central Gospel, Os Mortos Em CRISTO, 2Tr24.pptx
Slides Lição 11, Central Gospel, Os Mortos Em CRISTO, 2Tr24.pptx
LuizHenriquedeAlmeid6
 
Estrutura Pedagógica - Laboratório de Educação a Distância.ppt
Estrutura Pedagógica - Laboratório de Educação a Distância.pptEstrutura Pedagógica - Laboratório de Educação a Distância.ppt
Estrutura Pedagógica - Laboratório de Educação a Distância.ppt
livrosjovert
 
Atividades de Inglês e Espanhol para Imprimir - Alfabetinho
Atividades de Inglês e Espanhol para Imprimir - AlfabetinhoAtividades de Inglês e Espanhol para Imprimir - Alfabetinho
Atividades de Inglês e Espanhol para Imprimir - Alfabetinho
MateusTavares54
 
Livro: Pedagogia do Oprimido - Paulo Freire
Livro: Pedagogia do Oprimido - Paulo FreireLivro: Pedagogia do Oprimido - Paulo Freire
Livro: Pedagogia do Oprimido - Paulo Freire
WelberMerlinCardoso
 
UFCD_10145_Enquadramento do setor farmacêutico_indice.pdf
UFCD_10145_Enquadramento do setor farmacêutico_indice.pdfUFCD_10145_Enquadramento do setor farmacêutico_indice.pdf
UFCD_10145_Enquadramento do setor farmacêutico_indice.pdf
Manuais Formação
 
Rimas, Luís Vaz de Camões. pptx
Rimas, Luís Vaz de Camões.          pptxRimas, Luís Vaz de Camões.          pptx
Rimas, Luís Vaz de Camões. pptx
TomasSousa7
 
UFCD_10949_Lojas e-commerce no-code_índice.pdf
UFCD_10949_Lojas e-commerce no-code_índice.pdfUFCD_10949_Lojas e-commerce no-code_índice.pdf
UFCD_10949_Lojas e-commerce no-code_índice.pdf
Manuais Formação
 
1_10_06_2024_Criança e Cultura Escrita, Ana Maria de Oliveira Galvão.pdf
1_10_06_2024_Criança e Cultura Escrita, Ana Maria de Oliveira Galvão.pdf1_10_06_2024_Criança e Cultura Escrita, Ana Maria de Oliveira Galvão.pdf
1_10_06_2024_Criança e Cultura Escrita, Ana Maria de Oliveira Galvão.pdf
SILVIAREGINANAZARECA
 
Fernão Lopes. pptx
Fernão Lopes.                       pptxFernão Lopes.                       pptx
Fernão Lopes. pptx
TomasSousa7
 
UFCD_3546_Prevenção e primeiros socorros_geriatria.pdf
UFCD_3546_Prevenção e primeiros socorros_geriatria.pdfUFCD_3546_Prevenção e primeiros socorros_geriatria.pdf
UFCD_3546_Prevenção e primeiros socorros_geriatria.pdf
Manuais Formação
 
759-fortaleza-resultado-definitivo-prova-objetiva-2024-05-28.pdf
759-fortaleza-resultado-definitivo-prova-objetiva-2024-05-28.pdf759-fortaleza-resultado-definitivo-prova-objetiva-2024-05-28.pdf
759-fortaleza-resultado-definitivo-prova-objetiva-2024-05-28.pdf
MessiasMarianoG
 
Famílias Que Contribuíram Para O Crescimento Do Assaré
Famílias Que Contribuíram Para O Crescimento Do AssaréFamílias Que Contribuíram Para O Crescimento Do Assaré
Famílias Que Contribuíram Para O Crescimento Do Assaré
profesfrancleite
 
Redação e Leitura_7º ano_58_Produção de cordel .pptx
Redação e Leitura_7º ano_58_Produção de cordel .pptxRedação e Leitura_7º ano_58_Produção de cordel .pptx
Redação e Leitura_7º ano_58_Produção de cordel .pptx
DECIOMAURINARAMOS
 
AVALIAÇÃO DIAGNÓSTICA - 8º ANO 2024.pptx
AVALIAÇÃO DIAGNÓSTICA - 8º ANO 2024.pptxAVALIAÇÃO DIAGNÓSTICA - 8º ANO 2024.pptx
AVALIAÇÃO DIAGNÓSTICA - 8º ANO 2024.pptx
AntonioVieira539017
 
Aula história , caracteristicas e esteriótipos em relação a DANÇA DE SALAO.pptx
Aula história , caracteristicas e esteriótipos em relação a DANÇA DE SALAO.pptxAula história , caracteristicas e esteriótipos em relação a DANÇA DE SALAO.pptx
Aula história , caracteristicas e esteriótipos em relação a DANÇA DE SALAO.pptx
edivirgesribeiro1
 
A QUESTÃO ANTROPOLÓGICA: O QUE SOMOS OU QUEM SOMOS.pdf
A QUESTÃO ANTROPOLÓGICA: O QUE SOMOS OU QUEM SOMOS.pdfA QUESTÃO ANTROPOLÓGICA: O QUE SOMOS OU QUEM SOMOS.pdf
A QUESTÃO ANTROPOLÓGICA: O QUE SOMOS OU QUEM SOMOS.pdf
AurelianoFerreirades2
 
Sistema de Bibliotecas UCS - Chronica do emperador Clarimundo, donde os reis ...
Sistema de Bibliotecas UCS - Chronica do emperador Clarimundo, donde os reis ...Sistema de Bibliotecas UCS - Chronica do emperador Clarimundo, donde os reis ...
Sistema de Bibliotecas UCS - Chronica do emperador Clarimundo, donde os reis ...
Biblioteca UCS
 
05-os-pre-socraticos sociologia-28-slides.pptx
05-os-pre-socraticos sociologia-28-slides.pptx05-os-pre-socraticos sociologia-28-slides.pptx
05-os-pre-socraticos sociologia-28-slides.pptx
ValdineyRodriguesBez1
 

Último (20)

A dinâmica da população mundial de acordo com as teorias populacionais.pptx
A dinâmica da população mundial de acordo com as teorias populacionais.pptxA dinâmica da população mundial de acordo com as teorias populacionais.pptx
A dinâmica da população mundial de acordo com as teorias populacionais.pptx
 
D20 - Descritores SAEB de Língua Portuguesa
D20 - Descritores SAEB de Língua PortuguesaD20 - Descritores SAEB de Língua Portuguesa
D20 - Descritores SAEB de Língua Portuguesa
 
Slides Lição 11, Central Gospel, Os Mortos Em CRISTO, 2Tr24.pptx
Slides Lição 11, Central Gospel, Os Mortos Em CRISTO, 2Tr24.pptxSlides Lição 11, Central Gospel, Os Mortos Em CRISTO, 2Tr24.pptx
Slides Lição 11, Central Gospel, Os Mortos Em CRISTO, 2Tr24.pptx
 
Estrutura Pedagógica - Laboratório de Educação a Distância.ppt
Estrutura Pedagógica - Laboratório de Educação a Distância.pptEstrutura Pedagógica - Laboratório de Educação a Distância.ppt
Estrutura Pedagógica - Laboratório de Educação a Distância.ppt
 
Atividades de Inglês e Espanhol para Imprimir - Alfabetinho
Atividades de Inglês e Espanhol para Imprimir - AlfabetinhoAtividades de Inglês e Espanhol para Imprimir - Alfabetinho
Atividades de Inglês e Espanhol para Imprimir - Alfabetinho
 
Livro: Pedagogia do Oprimido - Paulo Freire
Livro: Pedagogia do Oprimido - Paulo FreireLivro: Pedagogia do Oprimido - Paulo Freire
Livro: Pedagogia do Oprimido - Paulo Freire
 
UFCD_10145_Enquadramento do setor farmacêutico_indice.pdf
UFCD_10145_Enquadramento do setor farmacêutico_indice.pdfUFCD_10145_Enquadramento do setor farmacêutico_indice.pdf
UFCD_10145_Enquadramento do setor farmacêutico_indice.pdf
 
Rimas, Luís Vaz de Camões. pptx
Rimas, Luís Vaz de Camões.          pptxRimas, Luís Vaz de Camões.          pptx
Rimas, Luís Vaz de Camões. pptx
 
UFCD_10949_Lojas e-commerce no-code_índice.pdf
UFCD_10949_Lojas e-commerce no-code_índice.pdfUFCD_10949_Lojas e-commerce no-code_índice.pdf
UFCD_10949_Lojas e-commerce no-code_índice.pdf
 
1_10_06_2024_Criança e Cultura Escrita, Ana Maria de Oliveira Galvão.pdf
1_10_06_2024_Criança e Cultura Escrita, Ana Maria de Oliveira Galvão.pdf1_10_06_2024_Criança e Cultura Escrita, Ana Maria de Oliveira Galvão.pdf
1_10_06_2024_Criança e Cultura Escrita, Ana Maria de Oliveira Galvão.pdf
 
Fernão Lopes. pptx
Fernão Lopes.                       pptxFernão Lopes.                       pptx
Fernão Lopes. pptx
 
UFCD_3546_Prevenção e primeiros socorros_geriatria.pdf
UFCD_3546_Prevenção e primeiros socorros_geriatria.pdfUFCD_3546_Prevenção e primeiros socorros_geriatria.pdf
UFCD_3546_Prevenção e primeiros socorros_geriatria.pdf
 
759-fortaleza-resultado-definitivo-prova-objetiva-2024-05-28.pdf
759-fortaleza-resultado-definitivo-prova-objetiva-2024-05-28.pdf759-fortaleza-resultado-definitivo-prova-objetiva-2024-05-28.pdf
759-fortaleza-resultado-definitivo-prova-objetiva-2024-05-28.pdf
 
Famílias Que Contribuíram Para O Crescimento Do Assaré
Famílias Que Contribuíram Para O Crescimento Do AssaréFamílias Que Contribuíram Para O Crescimento Do Assaré
Famílias Que Contribuíram Para O Crescimento Do Assaré
 
Redação e Leitura_7º ano_58_Produção de cordel .pptx
Redação e Leitura_7º ano_58_Produção de cordel .pptxRedação e Leitura_7º ano_58_Produção de cordel .pptx
Redação e Leitura_7º ano_58_Produção de cordel .pptx
 
AVALIAÇÃO DIAGNÓSTICA - 8º ANO 2024.pptx
AVALIAÇÃO DIAGNÓSTICA - 8º ANO 2024.pptxAVALIAÇÃO DIAGNÓSTICA - 8º ANO 2024.pptx
AVALIAÇÃO DIAGNÓSTICA - 8º ANO 2024.pptx
 
Aula história , caracteristicas e esteriótipos em relação a DANÇA DE SALAO.pptx
Aula história , caracteristicas e esteriótipos em relação a DANÇA DE SALAO.pptxAula história , caracteristicas e esteriótipos em relação a DANÇA DE SALAO.pptx
Aula história , caracteristicas e esteriótipos em relação a DANÇA DE SALAO.pptx
 
A QUESTÃO ANTROPOLÓGICA: O QUE SOMOS OU QUEM SOMOS.pdf
A QUESTÃO ANTROPOLÓGICA: O QUE SOMOS OU QUEM SOMOS.pdfA QUESTÃO ANTROPOLÓGICA: O QUE SOMOS OU QUEM SOMOS.pdf
A QUESTÃO ANTROPOLÓGICA: O QUE SOMOS OU QUEM SOMOS.pdf
 
Sistema de Bibliotecas UCS - Chronica do emperador Clarimundo, donde os reis ...
Sistema de Bibliotecas UCS - Chronica do emperador Clarimundo, donde os reis ...Sistema de Bibliotecas UCS - Chronica do emperador Clarimundo, donde os reis ...
Sistema de Bibliotecas UCS - Chronica do emperador Clarimundo, donde os reis ...
 
05-os-pre-socraticos sociologia-28-slides.pptx
05-os-pre-socraticos sociologia-28-slides.pptx05-os-pre-socraticos sociologia-28-slides.pptx
05-os-pre-socraticos sociologia-28-slides.pptx
 

_lingua___portuguesa_6_ano__SLIDE_aula_39.pptx

  • 1. LÍNGUA PORTUGUESA VILSON NABOSNY 6.º ANO Leitura de romance (Fragmento) III AULA 39
  • 2.
  • 3. Objetivos ● Ler fragmentos do romance O Pequeno Príncipe; ● Inferir o sentido de uma palavra ou expressão; ● Conhecer e identificar os elementos que constroem a narrativa.
  • 4. Você gosta de ler? Que tal conhecermos trechos de uma obra muito famosa no mundo inteiro? Já ouviu falar do Pequeno Príncipe?
  • 5. O Pequeno Príncipe conta a história da amizade entre um piloto com um principezinho. A amizade começa no dia em que o avião do piloto teria caído no meio do deserto do Saara. Lá, ele adormece e, ao acordar, se depara com o pequeno príncipe.
  • 6. O romance tem muitos personagens - O Pequeno Príncipe é o protagonista da obra, uma criança que veio de um asteroide e viaja pelo universo. O Piloto - é o narrador da história e assume o papel de protagonista juntamente com o Pequeno Príncipe.
  • 7. Alguns dos personagens da história são: a Raposa; a Rosa; o Carneiro e a Caixa; a Serpente; o Rei; o homem de negócios e muitos outros.
  • 8. Nesta aula vamos ler um trecho de um diálogo entre o Pequeno Príncipe e a Raposa. https://tenor.com/view/lectura-gif-9761669
  • 9. O Pequeno Príncipe [...] — Nada é perfeito, suspirou a raposa. Mas a raposa voltou à sua ideia. — Minha vida é monótona. Eu caço as galinhas e os homens me caçam. Todas as galinhas se parecem e todos os homens se parecem também.
  • 10. E por isso eu me aborreço um pouco. Mas se tu me cativas, minha vida será como que cheia de sol. Conhecerei um barulho de passos que será diferente dos outros. Os outros passos me fazem entrar debaixo da terra. O teu me chamará para fora da toca, como se fosse música. E depois, olha! Vês, lá longe, os campos de trigo?
  • 11. Eu não como pão. O trigo para mim é inútil. Os campos de trigo não me lembram coisa alguma. E isso é triste, mas tu tens cabelos cor de ouro. Então será maravilhoso quando me tiveres cativado. O trigo, que é dourado, fará lembrar- me de ti. E eu amarei o barulho do vento no trigo ...
  • 12. A raposa calou-se e considerou por muito tempo o príncipe: — Por favor... cativa-me disse ela. — Bem quisera, disse o principezinho, mas eu não tenho muito tempo. Tenho amigos a descobrir e muitas coisas a conhecer. — A gente só conhece bem as coisas que cativou, disse a raposa. Os homens não têm mais tempo de conhecer coisa alguma. Compram tudo prontinho nas lojas. [...] SAINT-EXUPÉRY. O pequeno príncipe.Disponível em: https://5ca0e999-de9a-47e0-9b77- 7e3eeab0592c.usrfiles.com/ugd/5ca0e9_4f0dc25362284aa6b917c93a1e1708ba.pdf.
  • 13. ATIVIDADE 1 Releia o trecho do romance “O Pequeno Príncipe”. Qual a justificativa do pequeno príncipe para não cativar/conquistar a raposa? - Por favor... cativa-me disse ela. - Bem quisera, disse o principezinho, mas eu não tenho muito tempo. Tenho amigos a descobrir e muitas coisas a conhecer.
  • 14. CORREÇÃO Ele justifica dizendo que não tinha muito tempo e queria descobrir amigos e conhecer muitas coisas.
  • 15. Gênero romance É um texto ficcional, escrito em prosa, de extensão longa, com vários personagens, variação de espaço e tempo e cuja história é contada por um narrador.
  • 16. RELEMBRANDO - Elementos narrativos Personagens: quem vive a história. Tempo: quando ou quanto tempo dura a história. Espaço: lugar onde ocorre a história. Narrador: quem conta a história. Enredo: a história que é contada.
  • 17. Vamos estudar um pouco mais sobre o narrador? É um elemento muito importante na configuração dos romances e das narrativas em geral, pois é ele quem conta a história ao leitor. Relembrando! Ele pode ser: narrador personagem; narrador observador e/ou narrador onisciente.
  • 18. ATIVIDADE 2 Com base no trecho abaixo, responda: o narrador é um dos personagens ou é um narrador observador? Justifique. A raposa calou-se e considerou por muito tempo o príncipe: - Por favor... cativa-me disse ela. - Bem quisera, disse o principezinho, mas eu não tenho muito tempo. [...]
  • 19. Com base nesse trecho o narrador não é um dos personagens, porque se refere às personagens utilizando as expressões “a raposa”(ela) e “o principezinho”(ele) ou seja, ele não participa da história - 3ª pessoa. A raposa calou-se e considerou por muito tempo o príncipe: - Por favor... cativa-me disse ela. - Bem quisera, disse o principezinho, mas eu não tenho muito tempo. [...] CORREÇÃO
  • 20. A temática dos romances Os romances podem narrar histórias de várias temáticas. Podem tratar em seu enredo de temas de amor, de guerra, de aventura, de política, de fatos históricos, episódios policiais etc. Podem abordar fatos simples do cotidianos ou mais complexos como ocorre na narrativa do romance “O pequeno príncipe”.
  • 21. Leia o fragmento abaixo e identifique a crítica feita pela raposa aos hábitos humanos. - A gente só conhece bem as coisas que cativou, disse a raposa. Os homens não têm mais tempo de conhecer coisa alguma. ATIVIDADE 3
  • 22. A crítica está centrada no fato dos homens não cativarem/conquistarem mais aos outros, pela falta de tempo. Na correria do dia a dia, dedicam o seu tempo para outras coisas (trabalho, estudo), deixando de lado, muitas vezes as relações de amizade. - A gente só conhece bem as coisas que cativou, disse a raposa. Os homens não têm mais tempo de conhecer coisa alguma. CORREÇÃO
  • 23. a)Você sabe o significado da palavra “monótona”? b)Por que a raposa considera sua vida monótona? Minha vida é monótona. Eu caço as galinhas e os homens me caçam. Todas as galinhas se parecem e todos os homens se parecem também. ATIVIDADE 4 Releia o trecho abaixo do romance “O Pequeno Príncipe”.
  • 24. CORREÇÃO a) Monótona significa rotineira, repetitiva. b) A raposa considerava que não havia novidade em sua vida, que as ações se repetiam.
  • 25. NA AULA DE HOJE Lemos um fragmento do romance O Pequeno Príncipe; inferimos o sentido de uma palavra ou expressão e identificamos o tipo de narrador no fragmento do texto.