SlideShare uma empresa Scribd logo
“Contanto que cumpra, com alegria a minha carreira e 
o ministério que recebi do Senhor Jesus”. At 20.24 
2014
Os planos fracassam por falta de conselho,mas 
são bem-sucedidos quando há muitos 
conselheiros. Provérbios 15:22 
A liderança pode ser observada ao decorrer da 
nossa história e é considerada fator de extrema 
importância para a direção das mais diversas 
organizações e civilizações que existem ou já 
existiram, ...
Dentre nações e povos, situações de crescimento, 
mudança de hábitos e costumes, defesa de crenças, a 
conquista da independência, a organização da 
economia dentre outros, exigem atitudes pró-ativas, 
disciplina, persuasão, coragem e sabedoria. 
Aqueles que correspondem a esta necessidade 
marcam sua história por seu inconformismo, sua 
forma diferenciada de enxergar o mundo, a coragem e 
competência com que enfrentam os problemas e a 
facilidade com que propõem soluções inovadoras.
Alguns exemplos históricos de liderança: 
Tutankhamon 
Alexandre, o Grande 
Jesus Cristo 
Maomé 
Gêngis Khan 
Davi 
Samuel 
Josué 
Mahatma Gandhi 
Adolf Hitler 
Martin Luther King 
Hassie Selassie II 
Siddartha Gautama 
Paulo 
Débora 
Maria 
Ana
Mas, sejam fortes e não desanimem, pois o trabalho de 
vocês será recompensado". 2 Crônicas 15:7 
CARACTERÍSTICAS DE COMPORTAMENTO 
TIPOS DE LIDERANÇA 
DISCIPLINA, PLANEJAMENTO E OBJETIVO
Líder, a palavra originou-se do inglês Leader, e só foi 
traduzida para o português no ano de 1900. 
Líder é alguém que se destaca em meio a um grupo e 
se mantém sempre a frente como um guia. 
Caracteriza-se um líder pelo bom relacionamento que 
deve ter com os liderados.
Liderança carismática: a liderança carismática é 
aquela que motiva os liderados para que haja 
confiança; 
Liderança executiva: Os lídereses que exercem esse 
tipo de líderança costumam possuir muitas 
habilidades técnicas e conhecimentos; 
Liderança coercitiva: é um tipo de liderança 
exercida por conta da coerção, violência, verbal ou 
física;
Liderança distributiva: apenas distribui tarefas, 
controlando, vendo de perto e exigindo resultados; 
Liderança educativa: É nesta liderança onde há 
troca de conhecimentos; 
Liderança inspiradora: Os liderados fazem por livre 
e espontânea vontade e gostam de fazer.
Um líder, em seu planejamento, tem que ser hábil em 
entender, guiar seus liderados e procurar conhecer o 
grupo. Existem grupos de personalidades diferentes e 
o líder tem que fazer um estudo e reconhecimento 
para cada tipo de grupo. 
Em seu planejamento o líder deve manter a disciplina 
de forma não agressiva, e sim, respeitando todos os 
envolvidos e não perdendo a visão de plano de 
liderança.
IMPACTOS NA SOCIEDADE 
LIDERANÇA NO ESPORTE 
LIDERANÇA NO TRABALHO
O poder é um instrumento a serviço do 
desenvolvimento humano, e existe uma busca 
constante por ele. O que falta é a consciência e respeito 
para seu uso. 
O caráter individual em seu emprego determina e 
muito seu uso e aplicação. A imperfeição pode 
oportunamente direcionar o uso ao abuso diante das 
diversas circunstâncias. 
A melhor forma de utilizá-lo em prol do bem comum, é 
medindo suas conseqüências, aprimorando o bom 
censo e o conhecimento individual.
Podem ser separados por dois pontos: 
Positivos: Uma liderança com força e democracia obtém 
facilmente a confiança, criatividade, estimula a 
participação da sociedade e obtém sua aprovação; 
Negativos: Características autoritárias, falta de diálogo, 
e centralização atuam negativamente no potencial da 
sociedade ou dos liderados.
No esporte, a liderança pode se tornar fundamental 
para o sucesso de um time, independente do esporte 
praticado. 
O grande líder é aquele que consegue abstrair dos 
atletas o máximo de seu talento 
Um exemplo de líder esportivo de sucesso hoje é o 
treinador da seleção masculina de Vôlei, Bernardinho 
(Bernardo Rocha Resende).
De acordo com Goethe “Se você tratar as pessoas 
como elas são faremos elas piores, mas se você tratar 
as pessoas como elas deveriam ser tratadas, você 
ajudará para que elas se tornem o que elas são capazes 
de se tornarem”.
LIDERANÇA COMO ESTRATÉGIA 
OS GRANDES LÍDERES
A liderança é fundamental no trabalho em equipe. 
Desenvolver as competências essenciais de cada 
colaborador é a base da estratégia empresarial. 
Existem duas habilidades importantes na liderança 
estratégica: Habilidades Humanas e Habilidades 
Conceituais.
Os grandes líderes atualmente são uma espécie quase 
que em extinção. 
“Não sabemos de fato, a veracidade, mas existem 
estudos mostrando que com o atual quadro, em cerca 
de quinze anos não haverá mais líderes no mundo, 
tudo isso, devido a falta de investimento das empresas, 
que por sua vez percebendo isso, tem mudado o 
presente quadro.” 
O que vemos cada vez mais é a figura do Chefe, que 
por autocracia e hierarquia lidera sua equipe.
TESTE DE LIDERANÇA
Algumas características são consideradas natas para 
um líder e somente precisam ser desenvolvidas. A 
habilidade de exercer influência sobre as pessoas é 
uma característica básica de um líder.
Diversos estudos foram e são realizados para tentar 
definir se você possui algum traço de perfil de líder e 
que tipo de líder seria. 
Para mostrarmos um pequeno exemplo disto, 
escolhemos um teste para apresentar e realizar com 
os integrantes da classe: 
Possui as qualidades de um líder?
"Vocês têm olhos, mas não vêem? Têm ouvidos, mas não ouvem?" Mc. 8:18 "Mais uma vez, Jesus 
colocou as mãos sobre os olhos do homem. Então seus olhos foram abertos, e sua vista lhe foi 
restaurada, e ele via tudo claramente." Mc. 8:25 
 Através da História, vemos que os cristãos influenciavam, pela 
sua forma de pensar e agir, as comunidades e nações nas quais 
viviam. Muito dessa influência foi positiva, afetando setores 
como o desenvolvimento da Educação Pública, o conceito da 
liberdade de imprensa e o auxílio às vítimas e aos desassistidos. 
 Queremos redescobrir os fundamentos bíblicos que levaram 
gerações de cristãos a influenciarem seu tempo.
1- Deus não existe? 
2- Deus, ou a Palavra de Deus, não são verdadeiros? A Bíblia 
ensina que Seus princípios aplicados vão influenciar a Sociedade 
como um todo, mas, na prática, isso funciona? 
3- Os valores bíblicos não estão sendo aplicados pelos cristãos de 
hoje, portanto, não podemos ver a influência que essas verdades 
teriam e tiveram na História. 
4 – Os cristãos tem aplicado ensinos e príncipios são considerados 
e APLICADOS?
"Respondeu Jesus: 'Ame o Senhor, o seu Deus de todo o seu coracã̧o, 
de toda a sua alma e de todo o seu entendimento' Este é o primeiro e 
maior mandamento." Mt. 22:37-38 
"Pois, se oro em uma língua, meu espírito ora, mas a minha mente fica 
infrutífera. Então, que farei? Orarei como espírito, mas também orarei 
com o entendimento...". 1 Co. 14:14-15 
 Será que o resultado da evangelização moderna reflete o "venha 
o Teu Reino, seja feita a Sua vontade assim na Terra como no 
Céu..."? Com certeza, não! 
 Onde está o poder para influenciar e transformar as 
comunidades que o apóstolo Paulo, São Patrício, Calvino e 
muitos outros experimentaram em suas épocas? 
 Onde perdemos nossa cosmovisão?
O EVANGELHO DIVIDIDO 
DICOTOMIA 
EVANGELHO DIVIDIDO 
ESPIRITUAL MATERIAL 
SALVAÇÃO SOCIAL 
ETERNO TEMPORÁRIO 
EVANGÉLICO LIBERAL 
SAGRADO SECULAR
RESULTADO 
 O resultado de um evangelho dividido e reduzido é fácil de ver 
no mundo em que vivemos atualmente. Nunca houve antes na 
História tantos cristãos, em tantas igrejas, em tantas nações, 
falando tantos idiomas. Mas, creio que também é justo dizer 
que nunca a expansão da Igreja teve tão pouco impacto em 
suas comunidades como nos dias de hoje. A Igreja evangélica 
atual é uma igreja enorme, porém fraca, pois, perdemos a 
maior parte da mensagem do Reino.
PERDEMOS NOSSA MISSÃO! 
"Pois, se lancar o alicerce e não for capaz ̧ de terminá-la, todos 
os que a virem rirão dele, dizendo: 'este homem comeco̧u a 
construir e não foi capaz de terminar'." Lc. 14:29-30 
"E a perseveranca̧ deve ter acã̧o completa, afim de que voceŝ 
sejam maduros e íntegros, sem lhes faltar coisa alguma." Tg. 1:4 
A ESPINHA DORÇAL: 
ALCANÇAR E ENSINAR
Mt.28:18-20 
Então, Jesus aproximou-se deles e disse: "Foi-me dada toda a 
autoridade nos Céus e na Terra. Portanto, vão e facam ̧ discípulos de 
todas as nacõ̧es, batizando-os em nome do Pai e do Filho e do Espírito 
Santo, ensinando-os a obedecer a tudo o que eu lhes ordenei. E eu 
estarei sempre com voceŝ, até o fim dos tempos". 
Mc. 16:15 
E disse-lhes: " Vão pelo mundo todo e preguem o evangelho a todas 
as pessoas." 
Lc. 24:45-47 
Então lhes abriu o entendimento, para que pudessem compreender as 
Escrituras. E lhes disse: "Está escrito que o Cristo haveria de sofrer e 
ressuscitar dos mortos no terceiro dia, e que em seu nome seria 
pregado o arrependimento para perdão de pecados a todas as nacõ̧es, 
comeca̧ndo por Jerusalém".
 GOVERNO 
 ECONOMIA 
 CIÊNCIA 
 IGREJA 
 FAMÍLIA 
 EDUCAÇÃO 
 COMUNICAÇÃO 
ONDE O LIDER CRISTÃO 
 ARTES E ENTRETERIMENTO 
DEVE ATUAR?
E NÓS VAMOS DISCIPULAR TODAS AS NAÇÕES... 
Arestauração de nossa mentalidade cristã vai requerer 
tempo, esforço e convicção. 
Sem ela, não poderemos cumprir com os propósitos de 
DEUS.
Paulo Ferreira

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

EBD - Curso para professores e oficiais
EBD - Curso para professores e oficiaisEBD - Curso para professores e oficiais
EBD - Curso para professores e oficiais
Eli Rocha Silva
 
O batismo nas águas
O  batismo nas águasO  batismo nas águas
O batismo nas águas
Marcelo Santos
 
Treinamento lideranca jni
Treinamento lideranca jniTreinamento lideranca jni
Treinamento lideranca jni
Joao Cerqueira
 
Lição 2 A disciplina na vida do obreiro
Lição 2   A disciplina na vida do obreiroLição 2   A disciplina na vida do obreiro
Lição 2 A disciplina na vida do obreiro
Wander Sousa
 
Esperando a volta de jesus
Esperando a volta de jesusEsperando a volta de jesus
Esperando a volta de jesus
Márcio Martins
 
Treinamento obreiros e auxiliares
Treinamento obreiros e auxiliaresTreinamento obreiros e auxiliares
Treinamento obreiros e auxiliares
Carlos Cirleno Neves
 
Princípios para uma Vida de Santidade
Princípios para uma Vida de SantidadePrincípios para uma Vida de Santidade
Princípios para uma Vida de Santidade
IBMemorialJC
 
Estudo biblico 22
Estudo biblico 22Estudo biblico 22
Estudo biblico 22
Edilson Jose Barbosa Barbosa
 
Lição 6 – frutos da maturidade cristã
Lição 6 – frutos da maturidade cristãLição 6 – frutos da maturidade cristã
Lição 6 – frutos da maturidade cristã
Joanilson França Garcia
 
Missões : Eu Um Missionário
Missões : Eu Um MissionárioMissões : Eu Um Missionário
Missões : Eu Um Missionário
jonasfreitasdejesus
 
Treinamento de Líderes
Treinamento de LíderesTreinamento de Líderes
Treinamento de Líderes
HFCNunes
 
Por que Jesus Morreu na Cruz?
Por que Jesus Morreu na Cruz?Por que Jesus Morreu na Cruz?
Por que Jesus Morreu na Cruz?
IBMemorialJC
 
Pregação crescimento Espiritual
Pregação crescimento EspiritualPregação crescimento Espiritual
Pregação crescimento Espiritual
suzyanne2010
 
Apostila preparacao obreiros
Apostila preparacao obreirosApostila preparacao obreiros
Apostila preparacao obreiros
mgno42
 
Módulo ii treinamento prático para evangelização urbano no dia do ide online
Módulo ii treinamento prático para evangelização urbano no dia do ide onlineMódulo ii treinamento prático para evangelização urbano no dia do ide online
Módulo ii treinamento prático para evangelização urbano no dia do ide online
Luiz Siles
 
58723691 curso-de-diacono-doc
58723691 curso-de-diacono-doc58723691 curso-de-diacono-doc
58723691 curso-de-diacono-doc
Anapaula Ribeiro
 
Teologia sistemática ii
Teologia sistemática iiTeologia sistemática ii
Teologia sistemática ii
ssuser2f0b10
 
Série Igreja A igreja que queremos ser
Série Igreja   A igreja que queremos serSérie Igreja   A igreja que queremos ser
Série Igreja A igreja que queremos ser
Eid Marques
 
Treinamento de professores Escola Bíblica Dominical -parte II
Treinamento de professores Escola Bíblica Dominical -parte IITreinamento de professores Escola Bíblica Dominical -parte II
Treinamento de professores Escola Bíblica Dominical -parte II
Ana Paula Baptista
 
Treinamento para professores da EBD
Treinamento para professores da EBDTreinamento para professores da EBD
Treinamento para professores da EBD
Jose Carlos Rodrigues
 

Mais procurados (20)

EBD - Curso para professores e oficiais
EBD - Curso para professores e oficiaisEBD - Curso para professores e oficiais
EBD - Curso para professores e oficiais
 
O batismo nas águas
O  batismo nas águasO  batismo nas águas
O batismo nas águas
 
Treinamento lideranca jni
Treinamento lideranca jniTreinamento lideranca jni
Treinamento lideranca jni
 
Lição 2 A disciplina na vida do obreiro
Lição 2   A disciplina na vida do obreiroLição 2   A disciplina na vida do obreiro
Lição 2 A disciplina na vida do obreiro
 
Esperando a volta de jesus
Esperando a volta de jesusEsperando a volta de jesus
Esperando a volta de jesus
 
Treinamento obreiros e auxiliares
Treinamento obreiros e auxiliaresTreinamento obreiros e auxiliares
Treinamento obreiros e auxiliares
 
Princípios para uma Vida de Santidade
Princípios para uma Vida de SantidadePrincípios para uma Vida de Santidade
Princípios para uma Vida de Santidade
 
Estudo biblico 22
Estudo biblico 22Estudo biblico 22
Estudo biblico 22
 
Lição 6 – frutos da maturidade cristã
Lição 6 – frutos da maturidade cristãLição 6 – frutos da maturidade cristã
Lição 6 – frutos da maturidade cristã
 
Missões : Eu Um Missionário
Missões : Eu Um MissionárioMissões : Eu Um Missionário
Missões : Eu Um Missionário
 
Treinamento de Líderes
Treinamento de LíderesTreinamento de Líderes
Treinamento de Líderes
 
Por que Jesus Morreu na Cruz?
Por que Jesus Morreu na Cruz?Por que Jesus Morreu na Cruz?
Por que Jesus Morreu na Cruz?
 
Pregação crescimento Espiritual
Pregação crescimento EspiritualPregação crescimento Espiritual
Pregação crescimento Espiritual
 
Apostila preparacao obreiros
Apostila preparacao obreirosApostila preparacao obreiros
Apostila preparacao obreiros
 
Módulo ii treinamento prático para evangelização urbano no dia do ide online
Módulo ii treinamento prático para evangelização urbano no dia do ide onlineMódulo ii treinamento prático para evangelização urbano no dia do ide online
Módulo ii treinamento prático para evangelização urbano no dia do ide online
 
58723691 curso-de-diacono-doc
58723691 curso-de-diacono-doc58723691 curso-de-diacono-doc
58723691 curso-de-diacono-doc
 
Teologia sistemática ii
Teologia sistemática iiTeologia sistemática ii
Teologia sistemática ii
 
Série Igreja A igreja que queremos ser
Série Igreja   A igreja que queremos serSérie Igreja   A igreja que queremos ser
Série Igreja A igreja que queremos ser
 
Treinamento de professores Escola Bíblica Dominical -parte II
Treinamento de professores Escola Bíblica Dominical -parte IITreinamento de professores Escola Bíblica Dominical -parte II
Treinamento de professores Escola Bíblica Dominical -parte II
 
Treinamento para professores da EBD
Treinamento para professores da EBDTreinamento para professores da EBD
Treinamento para professores da EBD
 

Destaque

Apostila para formação de obreiros
Apostila para formação de obreirosApostila para formação de obreiros
Apostila para formação de obreiros
JASIEL SOUZA DE ARAUJO
 
SemináRio LiderançA
SemináRio LiderançASemináRio LiderançA
SemináRio LiderançA
OCWillians
 
todas as parbolas da biblia
 todas as parbolas da biblia todas as parbolas da biblia
todas as parbolas da biblia
Anderson Luiz Soares
 
Estudo para a Liderança da Igreja
Estudo para a Liderança da IgrejaEstudo para a Liderança da Igreja
Estudo para a Liderança da Igreja
Daniel Junior
 
Homilética arte de pregar
Homilética   arte de pregar Homilética   arte de pregar
Homilética arte de pregar
Paulo Ferreira
 
1000 Mil esboços para sermões e pregações
1000 Mil esboços para sermões e pregações1000 Mil esboços para sermões e pregações
1000 Mil esboços para sermões e pregações
Gesiel Oliveira
 

Destaque (6)

Apostila para formação de obreiros
Apostila para formação de obreirosApostila para formação de obreiros
Apostila para formação de obreiros
 
SemináRio LiderançA
SemináRio LiderançASemináRio LiderançA
SemináRio LiderançA
 
todas as parbolas da biblia
 todas as parbolas da biblia todas as parbolas da biblia
todas as parbolas da biblia
 
Estudo para a Liderança da Igreja
Estudo para a Liderança da IgrejaEstudo para a Liderança da Igreja
Estudo para a Liderança da Igreja
 
Homilética arte de pregar
Homilética   arte de pregar Homilética   arte de pregar
Homilética arte de pregar
 
1000 Mil esboços para sermões e pregações
1000 Mil esboços para sermões e pregações1000 Mil esboços para sermões e pregações
1000 Mil esboços para sermões e pregações
 

Semelhante a Liderança cristã - Conversa com a Igreja

O Especialista da Toalha - Curso de Liderança Cristã
O Especialista da Toalha - Curso de Liderança CristãO Especialista da Toalha - Curso de Liderança Cristã
O Especialista da Toalha - Curso de Liderança Cristã
Márcio Melânia
 
Liderança motivação e formaçao de equipes - fabra jan 2014
Liderança   motivação e formaçao de equipes - fabra jan 2014Liderança   motivação e formaçao de equipes - fabra jan 2014
Liderança motivação e formaçao de equipes - fabra jan 2014
Darlan Campos
 
a1_lideranca_crista_ck.ppt
a1_lideranca_crista_ck.ppta1_lideranca_crista_ck.ppt
a1_lideranca_crista_ck.ppt
ErlandsonBarbosa
 
Curso liderança IG. BAT. CENTRAL 2013
Curso liderança IG. BAT. CENTRAL  2013Curso liderança IG. BAT. CENTRAL  2013
Curso liderança IG. BAT. CENTRAL 2013
Gildelanio Da Silva
 
Liderança crista eficaz
Liderança crista eficazLiderança crista eficaz
Liderança crista eficaz
Samuel Oliveira
 
Liderança
LiderançaLiderança
Liderança
IRINEU FILHO
 
Resenha os 10 mandamentos para vencer na vida
Resenha os 10 mandamentos para vencer na vidaResenha os 10 mandamentos para vencer na vida
Resenha os 10 mandamentos para vencer na vida
André Sandiêgo Falcão
 
Liderana 140316043242-phpapp02
Liderana 140316043242-phpapp02Liderana 140316043242-phpapp02
Liderana 140316043242-phpapp02
Universidade Unesa
 
Liderança cristã o lider e seus conflitos - Prof Abdias Barreto
Liderança cristã   o lider e seus conflitos - Prof Abdias BarretoLiderança cristã   o lider e seus conflitos - Prof Abdias Barreto
Liderança cristã o lider e seus conflitos - Prof Abdias Barreto
Abdias Barreto
 
Que é uma liderança
Que é uma liderançaQue é uma liderança
Que é uma liderança
Pastor Juscelino Freitas
 
O Líder servidor II - A essência da liderança na prática
O Líder servidor II - A essência da liderança na práticaO Líder servidor II - A essência da liderança na prática
O Líder servidor II - A essência da liderança na prática
Geyvison Ludugerio
 
Gestão e espiritualidade (1)
Gestão e espiritualidade (1)Gestão e espiritualidade (1)
Gestão e espiritualidade (1)
Afonso Murad (FAJE)
 
Como ser um líder eficaz no ministério cristão
Como ser um líder eficaz no ministério cristãoComo ser um líder eficaz no ministério cristão
Como ser um líder eficaz no ministério cristão
ANTÔNIO CARLOS G. BENTES
 
Liderança cristã o Líder e seus conflitos
Liderança cristã   o Líder e seus conflitosLiderança cristã   o Líder e seus conflitos
Liderança cristã o Líder e seus conflitos
Abdias Barreto
 
Liderança..
Liderança..Liderança..
Liderança..
ricardosantista
 
Liderana o-caminho-para-o-sucesso-1222751372562725-8
Liderana o-caminho-para-o-sucesso-1222751372562725-8Liderana o-caminho-para-o-sucesso-1222751372562725-8
Liderana o-caminho-para-o-sucesso-1222751372562725-8
Universidade Unesa
 
Gestao e espiritualidade diante da inovacao, humanismo solidario e sustentabi...
Gestao e espiritualidade diante da inovacao, humanismo solidario e sustentabi...Gestao e espiritualidade diante da inovacao, humanismo solidario e sustentabi...
Gestao e espiritualidade diante da inovacao, humanismo solidario e sustentabi...
Afonso Murad (FAJE)
 
Liderança | chefias
Liderança | chefiasLiderança | chefias
Forum de Gestão Pública - palestra Gestão de Pessoas, uma reflexão
Forum de Gestão Pública - palestra Gestão de Pessoas, uma reflexãoForum de Gestão Pública - palestra Gestão de Pessoas, uma reflexão
Forum de Gestão Pública - palestra Gestão de Pessoas, uma reflexão
Daniel de Carvalho Luz
 
liderança
liderançaliderança

Semelhante a Liderança cristã - Conversa com a Igreja (20)

O Especialista da Toalha - Curso de Liderança Cristã
O Especialista da Toalha - Curso de Liderança CristãO Especialista da Toalha - Curso de Liderança Cristã
O Especialista da Toalha - Curso de Liderança Cristã
 
Liderança motivação e formaçao de equipes - fabra jan 2014
Liderança   motivação e formaçao de equipes - fabra jan 2014Liderança   motivação e formaçao de equipes - fabra jan 2014
Liderança motivação e formaçao de equipes - fabra jan 2014
 
a1_lideranca_crista_ck.ppt
a1_lideranca_crista_ck.ppta1_lideranca_crista_ck.ppt
a1_lideranca_crista_ck.ppt
 
Curso liderança IG. BAT. CENTRAL 2013
Curso liderança IG. BAT. CENTRAL  2013Curso liderança IG. BAT. CENTRAL  2013
Curso liderança IG. BAT. CENTRAL 2013
 
Liderança crista eficaz
Liderança crista eficazLiderança crista eficaz
Liderança crista eficaz
 
Liderança
LiderançaLiderança
Liderança
 
Resenha os 10 mandamentos para vencer na vida
Resenha os 10 mandamentos para vencer na vidaResenha os 10 mandamentos para vencer na vida
Resenha os 10 mandamentos para vencer na vida
 
Liderana 140316043242-phpapp02
Liderana 140316043242-phpapp02Liderana 140316043242-phpapp02
Liderana 140316043242-phpapp02
 
Liderança cristã o lider e seus conflitos - Prof Abdias Barreto
Liderança cristã   o lider e seus conflitos - Prof Abdias BarretoLiderança cristã   o lider e seus conflitos - Prof Abdias Barreto
Liderança cristã o lider e seus conflitos - Prof Abdias Barreto
 
Que é uma liderança
Que é uma liderançaQue é uma liderança
Que é uma liderança
 
O Líder servidor II - A essência da liderança na prática
O Líder servidor II - A essência da liderança na práticaO Líder servidor II - A essência da liderança na prática
O Líder servidor II - A essência da liderança na prática
 
Gestão e espiritualidade (1)
Gestão e espiritualidade (1)Gestão e espiritualidade (1)
Gestão e espiritualidade (1)
 
Como ser um líder eficaz no ministério cristão
Como ser um líder eficaz no ministério cristãoComo ser um líder eficaz no ministério cristão
Como ser um líder eficaz no ministério cristão
 
Liderança cristã o Líder e seus conflitos
Liderança cristã   o Líder e seus conflitosLiderança cristã   o Líder e seus conflitos
Liderança cristã o Líder e seus conflitos
 
Liderança..
Liderança..Liderança..
Liderança..
 
Liderana o-caminho-para-o-sucesso-1222751372562725-8
Liderana o-caminho-para-o-sucesso-1222751372562725-8Liderana o-caminho-para-o-sucesso-1222751372562725-8
Liderana o-caminho-para-o-sucesso-1222751372562725-8
 
Gestao e espiritualidade diante da inovacao, humanismo solidario e sustentabi...
Gestao e espiritualidade diante da inovacao, humanismo solidario e sustentabi...Gestao e espiritualidade diante da inovacao, humanismo solidario e sustentabi...
Gestao e espiritualidade diante da inovacao, humanismo solidario e sustentabi...
 
Liderança | chefias
Liderança | chefiasLiderança | chefias
Liderança | chefias
 
Forum de Gestão Pública - palestra Gestão de Pessoas, uma reflexão
Forum de Gestão Pública - palestra Gestão de Pessoas, uma reflexãoForum de Gestão Pública - palestra Gestão de Pessoas, uma reflexão
Forum de Gestão Pública - palestra Gestão de Pessoas, uma reflexão
 
liderança
liderançaliderança
liderança
 

Mais de Paulo Ferreira

Sexo agora
Sexo agoraSexo agora
Sexo agora
Paulo Ferreira
 
Panorama do pentateuco
Panorama do pentateucoPanorama do pentateuco
Panorama do pentateuco
Paulo Ferreira
 
Profetas maiores e menores
Profetas maiores e menoresProfetas maiores e menores
Profetas maiores e menores
Paulo Ferreira
 
Identidade Fragmentada - racismo - sistema de cotas
Identidade Fragmentada - racismo - sistema de cotasIdentidade Fragmentada - racismo - sistema de cotas
Identidade Fragmentada - racismo - sistema de cotas
Paulo Ferreira
 
Adorar
AdorarAdorar
Políticas Educacionais Globais - PISA
Políticas Educacionais Globais - PISAPolíticas Educacionais Globais - PISA
Políticas Educacionais Globais - PISA
Paulo Ferreira
 
Políticas Educacionais Globais - PISA
Políticas Educacionais Globais - PISAPolíticas Educacionais Globais - PISA
Políticas Educacionais Globais - PISA
Paulo Ferreira
 

Mais de Paulo Ferreira (7)

Sexo agora
Sexo agoraSexo agora
Sexo agora
 
Panorama do pentateuco
Panorama do pentateucoPanorama do pentateuco
Panorama do pentateuco
 
Profetas maiores e menores
Profetas maiores e menoresProfetas maiores e menores
Profetas maiores e menores
 
Identidade Fragmentada - racismo - sistema de cotas
Identidade Fragmentada - racismo - sistema de cotasIdentidade Fragmentada - racismo - sistema de cotas
Identidade Fragmentada - racismo - sistema de cotas
 
Adorar
AdorarAdorar
Adorar
 
Políticas Educacionais Globais - PISA
Políticas Educacionais Globais - PISAPolíticas Educacionais Globais - PISA
Políticas Educacionais Globais - PISA
 
Políticas Educacionais Globais - PISA
Políticas Educacionais Globais - PISAPolíticas Educacionais Globais - PISA
Políticas Educacionais Globais - PISA
 

Último

Cartinhas de solidariedade e esperança.pptx
Cartinhas de solidariedade e esperança.pptxCartinhas de solidariedade e esperança.pptx
Cartinhas de solidariedade e esperança.pptx
Zenir Carmen Bez Trombeta
 
-Rudolf-Laban-e-a-teoria-do-movimento.ppt
-Rudolf-Laban-e-a-teoria-do-movimento.ppt-Rudolf-Laban-e-a-teoria-do-movimento.ppt
-Rudolf-Laban-e-a-teoria-do-movimento.ppt
fagnerlopes11
 
Aula de fundamentos de Programação Orientada a Objeto na linguagem de program...
Aula de fundamentos de Programação Orientada a Objeto na linguagem de program...Aula de fundamentos de Programação Orientada a Objeto na linguagem de program...
Aula de fundamentos de Programação Orientada a Objeto na linguagem de program...
samucajaime015
 
Dicas de normas ABNT para trabalho de conclusão de curso
Dicas de normas ABNT para trabalho de conclusão de cursoDicas de normas ABNT para trabalho de conclusão de curso
Dicas de normas ABNT para trabalho de conclusão de curso
Simone399395
 
Slides Lição 12, Central Gospel, O Milênio, 1Tr24, Pr Henrique.pptx
Slides Lição 12, Central Gospel, O Milênio, 1Tr24, Pr Henrique.pptxSlides Lição 12, Central Gospel, O Milênio, 1Tr24, Pr Henrique.pptx
Slides Lição 12, Central Gospel, O Milênio, 1Tr24, Pr Henrique.pptx
LuizHenriquedeAlmeid6
 
Apostila-Microbiologia-e-Parasitologia-doc.pdf
Apostila-Microbiologia-e-Parasitologia-doc.pdfApostila-Microbiologia-e-Parasitologia-doc.pdf
Apostila-Microbiologia-e-Parasitologia-doc.pdf
bmgrama
 
Slide de biologia aula2 2 bimestre no ano de 2024
Slide de biologia aula2  2 bimestre no ano de 2024Slide de biologia aula2  2 bimestre no ano de 2024
Slide de biologia aula2 2 bimestre no ano de 2024
vinibolado86
 
A Núbia e o Reino De Cuxe- 6º ano....ppt
A Núbia e o Reino De Cuxe- 6º ano....pptA Núbia e o Reino De Cuxe- 6º ano....ppt
A Núbia e o Reino De Cuxe- 6º ano....ppt
WilianeBarbosa2
 
Aula 02 - Introducao a Algoritmos.pptx.pdf
Aula 02 - Introducao a Algoritmos.pptx.pdfAula 02 - Introducao a Algoritmos.pptx.pdf
Aula 02 - Introducao a Algoritmos.pptx.pdf
AntonioAngeloNeves
 
UFCD_6580_Cuidados na saúde a populações mais vulneráveis_índice.pdf
UFCD_6580_Cuidados na saúde a populações mais vulneráveis_índice.pdfUFCD_6580_Cuidados na saúde a populações mais vulneráveis_índice.pdf
UFCD_6580_Cuidados na saúde a populações mais vulneráveis_índice.pdf
Manuais Formação
 
PALAVRA SECRETA - ALFABETIZAÇÃO- REFORÇO
PALAVRA SECRETA - ALFABETIZAÇÃO- REFORÇOPALAVRA SECRETA - ALFABETIZAÇÃO- REFORÇO
PALAVRA SECRETA - ALFABETIZAÇÃO- REFORÇO
ARIADNEMARTINSDACRUZ
 
AUTISMO LEGAL - DIREITOS DOS AUTISTAS- LEGISLAÇÃO
AUTISMO LEGAL - DIREITOS DOS AUTISTAS- LEGISLAÇÃOAUTISMO LEGAL - DIREITOS DOS AUTISTAS- LEGISLAÇÃO
AUTISMO LEGAL - DIREITOS DOS AUTISTAS- LEGISLAÇÃO
FernandaOliveira758273
 
A importância das conjunções- Ensino Médio
A importância das conjunções- Ensino MédioA importância das conjunções- Ensino Médio
A importância das conjunções- Ensino Médio
nunesly
 
filosofia e Direito- É a teoria que explica como a sociedade se organizou co...
filosofia e Direito- É a teoria que explica como a sociedade se organizou  co...filosofia e Direito- É a teoria que explica como a sociedade se organizou  co...
filosofia e Direito- É a teoria que explica como a sociedade se organizou co...
SidneySilva523387
 
7 ano - Rede e hierarquia urbana - Geografia - Alpha.pptx
7 ano - Rede e hierarquia urbana - Geografia - Alpha.pptx7 ano - Rede e hierarquia urbana - Geografia - Alpha.pptx
7 ano - Rede e hierarquia urbana - Geografia - Alpha.pptx
alphabarros2
 
O Mito da Caverna de Platão_ Uma Jornada em Busca da Verdade.pdf
O Mito da Caverna de Platão_ Uma Jornada em Busca da Verdade.pdfO Mito da Caverna de Platão_ Uma Jornada em Busca da Verdade.pdf
O Mito da Caverna de Platão_ Uma Jornada em Busca da Verdade.pdf
silvamelosilva300
 
Planejamento BNCC - 4 ANO -TRIMESTRAL - ENSINO FUNDAMENTAL
Planejamento BNCC - 4 ANO -TRIMESTRAL - ENSINO FUNDAMENTALPlanejamento BNCC - 4 ANO -TRIMESTRAL - ENSINO FUNDAMENTAL
Planejamento BNCC - 4 ANO -TRIMESTRAL - ENSINO FUNDAMENTAL
katbrochier1
 
Gênero Textual sobre Crônicas, 8º e 9º
Gênero Textual sobre Crônicas,  8º e  9ºGênero Textual sobre Crônicas,  8º e  9º
Gênero Textual sobre Crônicas, 8º e 9º
sjcelsorocha
 
Atpcg PEI Rev Irineu GESTÃO DE SALA DE AULA.pptx
Atpcg PEI Rev Irineu GESTÃO DE SALA DE AULA.pptxAtpcg PEI Rev Irineu GESTÃO DE SALA DE AULA.pptx
Atpcg PEI Rev Irineu GESTÃO DE SALA DE AULA.pptx
joaresmonte3
 
A SOCIOLOGIA E O TRABALHO: ANÁLISES E VIVÊNCIAS
A SOCIOLOGIA E O TRABALHO: ANÁLISES E VIVÊNCIASA SOCIOLOGIA E O TRABALHO: ANÁLISES E VIVÊNCIAS
A SOCIOLOGIA E O TRABALHO: ANÁLISES E VIVÊNCIAS
HisrelBlog
 

Último (20)

Cartinhas de solidariedade e esperança.pptx
Cartinhas de solidariedade e esperança.pptxCartinhas de solidariedade e esperança.pptx
Cartinhas de solidariedade e esperança.pptx
 
-Rudolf-Laban-e-a-teoria-do-movimento.ppt
-Rudolf-Laban-e-a-teoria-do-movimento.ppt-Rudolf-Laban-e-a-teoria-do-movimento.ppt
-Rudolf-Laban-e-a-teoria-do-movimento.ppt
 
Aula de fundamentos de Programação Orientada a Objeto na linguagem de program...
Aula de fundamentos de Programação Orientada a Objeto na linguagem de program...Aula de fundamentos de Programação Orientada a Objeto na linguagem de program...
Aula de fundamentos de Programação Orientada a Objeto na linguagem de program...
 
Dicas de normas ABNT para trabalho de conclusão de curso
Dicas de normas ABNT para trabalho de conclusão de cursoDicas de normas ABNT para trabalho de conclusão de curso
Dicas de normas ABNT para trabalho de conclusão de curso
 
Slides Lição 12, Central Gospel, O Milênio, 1Tr24, Pr Henrique.pptx
Slides Lição 12, Central Gospel, O Milênio, 1Tr24, Pr Henrique.pptxSlides Lição 12, Central Gospel, O Milênio, 1Tr24, Pr Henrique.pptx
Slides Lição 12, Central Gospel, O Milênio, 1Tr24, Pr Henrique.pptx
 
Apostila-Microbiologia-e-Parasitologia-doc.pdf
Apostila-Microbiologia-e-Parasitologia-doc.pdfApostila-Microbiologia-e-Parasitologia-doc.pdf
Apostila-Microbiologia-e-Parasitologia-doc.pdf
 
Slide de biologia aula2 2 bimestre no ano de 2024
Slide de biologia aula2  2 bimestre no ano de 2024Slide de biologia aula2  2 bimestre no ano de 2024
Slide de biologia aula2 2 bimestre no ano de 2024
 
A Núbia e o Reino De Cuxe- 6º ano....ppt
A Núbia e o Reino De Cuxe- 6º ano....pptA Núbia e o Reino De Cuxe- 6º ano....ppt
A Núbia e o Reino De Cuxe- 6º ano....ppt
 
Aula 02 - Introducao a Algoritmos.pptx.pdf
Aula 02 - Introducao a Algoritmos.pptx.pdfAula 02 - Introducao a Algoritmos.pptx.pdf
Aula 02 - Introducao a Algoritmos.pptx.pdf
 
UFCD_6580_Cuidados na saúde a populações mais vulneráveis_índice.pdf
UFCD_6580_Cuidados na saúde a populações mais vulneráveis_índice.pdfUFCD_6580_Cuidados na saúde a populações mais vulneráveis_índice.pdf
UFCD_6580_Cuidados na saúde a populações mais vulneráveis_índice.pdf
 
PALAVRA SECRETA - ALFABETIZAÇÃO- REFORÇO
PALAVRA SECRETA - ALFABETIZAÇÃO- REFORÇOPALAVRA SECRETA - ALFABETIZAÇÃO- REFORÇO
PALAVRA SECRETA - ALFABETIZAÇÃO- REFORÇO
 
AUTISMO LEGAL - DIREITOS DOS AUTISTAS- LEGISLAÇÃO
AUTISMO LEGAL - DIREITOS DOS AUTISTAS- LEGISLAÇÃOAUTISMO LEGAL - DIREITOS DOS AUTISTAS- LEGISLAÇÃO
AUTISMO LEGAL - DIREITOS DOS AUTISTAS- LEGISLAÇÃO
 
A importância das conjunções- Ensino Médio
A importância das conjunções- Ensino MédioA importância das conjunções- Ensino Médio
A importância das conjunções- Ensino Médio
 
filosofia e Direito- É a teoria que explica como a sociedade se organizou co...
filosofia e Direito- É a teoria que explica como a sociedade se organizou  co...filosofia e Direito- É a teoria que explica como a sociedade se organizou  co...
filosofia e Direito- É a teoria que explica como a sociedade se organizou co...
 
7 ano - Rede e hierarquia urbana - Geografia - Alpha.pptx
7 ano - Rede e hierarquia urbana - Geografia - Alpha.pptx7 ano - Rede e hierarquia urbana - Geografia - Alpha.pptx
7 ano - Rede e hierarquia urbana - Geografia - Alpha.pptx
 
O Mito da Caverna de Platão_ Uma Jornada em Busca da Verdade.pdf
O Mito da Caverna de Platão_ Uma Jornada em Busca da Verdade.pdfO Mito da Caverna de Platão_ Uma Jornada em Busca da Verdade.pdf
O Mito da Caverna de Platão_ Uma Jornada em Busca da Verdade.pdf
 
Planejamento BNCC - 4 ANO -TRIMESTRAL - ENSINO FUNDAMENTAL
Planejamento BNCC - 4 ANO -TRIMESTRAL - ENSINO FUNDAMENTALPlanejamento BNCC - 4 ANO -TRIMESTRAL - ENSINO FUNDAMENTAL
Planejamento BNCC - 4 ANO -TRIMESTRAL - ENSINO FUNDAMENTAL
 
Gênero Textual sobre Crônicas, 8º e 9º
Gênero Textual sobre Crônicas,  8º e  9ºGênero Textual sobre Crônicas,  8º e  9º
Gênero Textual sobre Crônicas, 8º e 9º
 
Atpcg PEI Rev Irineu GESTÃO DE SALA DE AULA.pptx
Atpcg PEI Rev Irineu GESTÃO DE SALA DE AULA.pptxAtpcg PEI Rev Irineu GESTÃO DE SALA DE AULA.pptx
Atpcg PEI Rev Irineu GESTÃO DE SALA DE AULA.pptx
 
A SOCIOLOGIA E O TRABALHO: ANÁLISES E VIVÊNCIAS
A SOCIOLOGIA E O TRABALHO: ANÁLISES E VIVÊNCIASA SOCIOLOGIA E O TRABALHO: ANÁLISES E VIVÊNCIAS
A SOCIOLOGIA E O TRABALHO: ANÁLISES E VIVÊNCIAS
 

Liderança cristã - Conversa com a Igreja

  • 1. “Contanto que cumpra, com alegria a minha carreira e o ministério que recebi do Senhor Jesus”. At 20.24 2014
  • 2. Os planos fracassam por falta de conselho,mas são bem-sucedidos quando há muitos conselheiros. Provérbios 15:22 A liderança pode ser observada ao decorrer da nossa história e é considerada fator de extrema importância para a direção das mais diversas organizações e civilizações que existem ou já existiram, ...
  • 3. Dentre nações e povos, situações de crescimento, mudança de hábitos e costumes, defesa de crenças, a conquista da independência, a organização da economia dentre outros, exigem atitudes pró-ativas, disciplina, persuasão, coragem e sabedoria. Aqueles que correspondem a esta necessidade marcam sua história por seu inconformismo, sua forma diferenciada de enxergar o mundo, a coragem e competência com que enfrentam os problemas e a facilidade com que propõem soluções inovadoras.
  • 4. Alguns exemplos históricos de liderança: Tutankhamon Alexandre, o Grande Jesus Cristo Maomé Gêngis Khan Davi Samuel Josué Mahatma Gandhi Adolf Hitler Martin Luther King Hassie Selassie II Siddartha Gautama Paulo Débora Maria Ana
  • 5. Mas, sejam fortes e não desanimem, pois o trabalho de vocês será recompensado". 2 Crônicas 15:7 CARACTERÍSTICAS DE COMPORTAMENTO TIPOS DE LIDERANÇA DISCIPLINA, PLANEJAMENTO E OBJETIVO
  • 6. Líder, a palavra originou-se do inglês Leader, e só foi traduzida para o português no ano de 1900. Líder é alguém que se destaca em meio a um grupo e se mantém sempre a frente como um guia. Caracteriza-se um líder pelo bom relacionamento que deve ter com os liderados.
  • 7. Liderança carismática: a liderança carismática é aquela que motiva os liderados para que haja confiança; Liderança executiva: Os lídereses que exercem esse tipo de líderança costumam possuir muitas habilidades técnicas e conhecimentos; Liderança coercitiva: é um tipo de liderança exercida por conta da coerção, violência, verbal ou física;
  • 8. Liderança distributiva: apenas distribui tarefas, controlando, vendo de perto e exigindo resultados; Liderança educativa: É nesta liderança onde há troca de conhecimentos; Liderança inspiradora: Os liderados fazem por livre e espontânea vontade e gostam de fazer.
  • 9. Um líder, em seu planejamento, tem que ser hábil em entender, guiar seus liderados e procurar conhecer o grupo. Existem grupos de personalidades diferentes e o líder tem que fazer um estudo e reconhecimento para cada tipo de grupo. Em seu planejamento o líder deve manter a disciplina de forma não agressiva, e sim, respeitando todos os envolvidos e não perdendo a visão de plano de liderança.
  • 10. IMPACTOS NA SOCIEDADE LIDERANÇA NO ESPORTE LIDERANÇA NO TRABALHO
  • 11. O poder é um instrumento a serviço do desenvolvimento humano, e existe uma busca constante por ele. O que falta é a consciência e respeito para seu uso. O caráter individual em seu emprego determina e muito seu uso e aplicação. A imperfeição pode oportunamente direcionar o uso ao abuso diante das diversas circunstâncias. A melhor forma de utilizá-lo em prol do bem comum, é medindo suas conseqüências, aprimorando o bom censo e o conhecimento individual.
  • 12. Podem ser separados por dois pontos: Positivos: Uma liderança com força e democracia obtém facilmente a confiança, criatividade, estimula a participação da sociedade e obtém sua aprovação; Negativos: Características autoritárias, falta de diálogo, e centralização atuam negativamente no potencial da sociedade ou dos liderados.
  • 13. No esporte, a liderança pode se tornar fundamental para o sucesso de um time, independente do esporte praticado. O grande líder é aquele que consegue abstrair dos atletas o máximo de seu talento Um exemplo de líder esportivo de sucesso hoje é o treinador da seleção masculina de Vôlei, Bernardinho (Bernardo Rocha Resende).
  • 14. De acordo com Goethe “Se você tratar as pessoas como elas são faremos elas piores, mas se você tratar as pessoas como elas deveriam ser tratadas, você ajudará para que elas se tornem o que elas são capazes de se tornarem”.
  • 15. LIDERANÇA COMO ESTRATÉGIA OS GRANDES LÍDERES
  • 16. A liderança é fundamental no trabalho em equipe. Desenvolver as competências essenciais de cada colaborador é a base da estratégia empresarial. Existem duas habilidades importantes na liderança estratégica: Habilidades Humanas e Habilidades Conceituais.
  • 17. Os grandes líderes atualmente são uma espécie quase que em extinção. “Não sabemos de fato, a veracidade, mas existem estudos mostrando que com o atual quadro, em cerca de quinze anos não haverá mais líderes no mundo, tudo isso, devido a falta de investimento das empresas, que por sua vez percebendo isso, tem mudado o presente quadro.” O que vemos cada vez mais é a figura do Chefe, que por autocracia e hierarquia lidera sua equipe.
  • 19. Algumas características são consideradas natas para um líder e somente precisam ser desenvolvidas. A habilidade de exercer influência sobre as pessoas é uma característica básica de um líder.
  • 20. Diversos estudos foram e são realizados para tentar definir se você possui algum traço de perfil de líder e que tipo de líder seria. Para mostrarmos um pequeno exemplo disto, escolhemos um teste para apresentar e realizar com os integrantes da classe: Possui as qualidades de um líder?
  • 21. "Vocês têm olhos, mas não vêem? Têm ouvidos, mas não ouvem?" Mc. 8:18 "Mais uma vez, Jesus colocou as mãos sobre os olhos do homem. Então seus olhos foram abertos, e sua vista lhe foi restaurada, e ele via tudo claramente." Mc. 8:25  Através da História, vemos que os cristãos influenciavam, pela sua forma de pensar e agir, as comunidades e nações nas quais viviam. Muito dessa influência foi positiva, afetando setores como o desenvolvimento da Educação Pública, o conceito da liberdade de imprensa e o auxílio às vítimas e aos desassistidos.  Queremos redescobrir os fundamentos bíblicos que levaram gerações de cristãos a influenciarem seu tempo.
  • 22. 1- Deus não existe? 2- Deus, ou a Palavra de Deus, não são verdadeiros? A Bíblia ensina que Seus princípios aplicados vão influenciar a Sociedade como um todo, mas, na prática, isso funciona? 3- Os valores bíblicos não estão sendo aplicados pelos cristãos de hoje, portanto, não podemos ver a influência que essas verdades teriam e tiveram na História. 4 – Os cristãos tem aplicado ensinos e príncipios são considerados e APLICADOS?
  • 23. "Respondeu Jesus: 'Ame o Senhor, o seu Deus de todo o seu coracã̧o, de toda a sua alma e de todo o seu entendimento' Este é o primeiro e maior mandamento." Mt. 22:37-38 "Pois, se oro em uma língua, meu espírito ora, mas a minha mente fica infrutífera. Então, que farei? Orarei como espírito, mas também orarei com o entendimento...". 1 Co. 14:14-15  Será que o resultado da evangelização moderna reflete o "venha o Teu Reino, seja feita a Sua vontade assim na Terra como no Céu..."? Com certeza, não!  Onde está o poder para influenciar e transformar as comunidades que o apóstolo Paulo, São Patrício, Calvino e muitos outros experimentaram em suas épocas?  Onde perdemos nossa cosmovisão?
  • 24. O EVANGELHO DIVIDIDO DICOTOMIA EVANGELHO DIVIDIDO ESPIRITUAL MATERIAL SALVAÇÃO SOCIAL ETERNO TEMPORÁRIO EVANGÉLICO LIBERAL SAGRADO SECULAR
  • 25. RESULTADO  O resultado de um evangelho dividido e reduzido é fácil de ver no mundo em que vivemos atualmente. Nunca houve antes na História tantos cristãos, em tantas igrejas, em tantas nações, falando tantos idiomas. Mas, creio que também é justo dizer que nunca a expansão da Igreja teve tão pouco impacto em suas comunidades como nos dias de hoje. A Igreja evangélica atual é uma igreja enorme, porém fraca, pois, perdemos a maior parte da mensagem do Reino.
  • 26. PERDEMOS NOSSA MISSÃO! "Pois, se lancar o alicerce e não for capaz ̧ de terminá-la, todos os que a virem rirão dele, dizendo: 'este homem comeco̧u a construir e não foi capaz de terminar'." Lc. 14:29-30 "E a perseveranca̧ deve ter acã̧o completa, afim de que voceŝ sejam maduros e íntegros, sem lhes faltar coisa alguma." Tg. 1:4 A ESPINHA DORÇAL: ALCANÇAR E ENSINAR
  • 27.
  • 28. Mt.28:18-20 Então, Jesus aproximou-se deles e disse: "Foi-me dada toda a autoridade nos Céus e na Terra. Portanto, vão e facam ̧ discípulos de todas as nacõ̧es, batizando-os em nome do Pai e do Filho e do Espírito Santo, ensinando-os a obedecer a tudo o que eu lhes ordenei. E eu estarei sempre com voceŝ, até o fim dos tempos". Mc. 16:15 E disse-lhes: " Vão pelo mundo todo e preguem o evangelho a todas as pessoas." Lc. 24:45-47 Então lhes abriu o entendimento, para que pudessem compreender as Escrituras. E lhes disse: "Está escrito que o Cristo haveria de sofrer e ressuscitar dos mortos no terceiro dia, e que em seu nome seria pregado o arrependimento para perdão de pecados a todas as nacõ̧es, comeca̧ndo por Jerusalém".
  • 29.  GOVERNO  ECONOMIA  CIÊNCIA  IGREJA  FAMÍLIA  EDUCAÇÃO  COMUNICAÇÃO ONDE O LIDER CRISTÃO  ARTES E ENTRETERIMENTO DEVE ATUAR?
  • 30. E NÓS VAMOS DISCIPULAR TODAS AS NAÇÕES... Arestauração de nossa mentalidade cristã vai requerer tempo, esforço e convicção. Sem ela, não poderemos cumprir com os propósitos de DEUS.
  • 31.