SlideShare uma empresa Scribd logo
1 de 38
Baixar para ler offline
Hackeando o
   com
            TDC2012
           @fmasanori
http://www.slideshare.net/fmasanori
•   Conhecendo o palestrante
•   Conhecendo os assistentes
•   Python vale a pena
•   Facebook
•   Demo
•   Perguntas
Conhecendo o palestrante
•   IME-USP e Mestrado ITA
•   ed e lint Cobra Tecnologia
•   Software Express
•   Credicard Mastercard
•   PriceWaterhouseCoopers
•   Itau BankBoston
•   Docente FATEC (amo dar aulas)
•   Interesses: Python, NoSQL, Google
    Technology, Facebook
Python: cases de sucesso
Python: cases de sucesso
Python: cases de sucesso
Python: cases de sucesso
Python: quem usa
Python: quem usa
Python: quem usa
Popularidade Github e StackOverflow
Job Trends Indeed.com
A linguagem do ano de 2010!
“A vida é melhor sem chaves“.
         “A vida é curta! Você precisa de Python”.
      “Python me ajuda a focar nos meus conceitos
        em vez de ficar brigando com a linguagem”.
“Eu não preciso digitar muito. Mas o que eu digito é certo”.
    Bruce Eckel, autor do best seller “Thinking in Java”.
”Entre todas as linguagens que eu aprendi, Python é a que menos
       interfere entre mim e o problema. É a mais efetiva para
                   traduzir pensamentos em ações“.
            Eric Raymond, Autor “A catedral e o Bazar”.
             Contribuidor do GNU Emac, Linux, Fetchmail.
Mantém o Jargonfile, mais conhecido como “Dicionário dos Hackers”
”Python tem sido uma parte importante do Google desde o início, e
permanece assim conforme o sistema cresce e evolui. Hoje, dezenas de
 engenheiros do Google usam Python, e estamos procurando por mais
           pessoas com conhecimento nessa linguagem“.
    Peter Norvig, diretor de qualidade de busca do Google Inc.
“[…] nossa filosofia aqui é “Python sempre que pudermos, C++ se
necessário”". Alex Martelli, Líder Técnico, Sistemas de Produção, Google.
“Python é rápido o suficiente para o nosso site e nos permite produzir
    características de fácil manutenção em tempos recordes, com um
mínimo de desenvolvedores”. Cuong Do, Software Architect, YouTube.com
Melhora da auto estima do aluno
Melhora da auto estima do aluno




   Hacking Facebook Friends Photos
   http://pastebin.com/9W22wsFf

          Simple Twitter Client
    http://pastebin.com/NJyfdmZp
Tempo para ser produtivo



  C              2a
  Java          6m
  Python        1m
Hackers não são “do mal”?
“O Facebook é dirigido por hackers. A
  maioria das pessoas pensa de um
  hacker como alguém que invade um
  sistema de computador. Mas nós
  vemos isso como uma filosofia. Aqui, os
  hackers assumem que sempre há uma
  maneira melhor, mais eficiente de resolver
  problemas.” facebook.com/careers
Leitura dados básicos JSON




Obs.: estes campos podem mudar, acesse a url no browser para checar
Gravar o logo encontrado
Leitura de um perfil FB
Leitura da foto do perfil
Facebook Graph API
• https://graph.facebook.com
• Os retornos são objetos JSON
• Os links para acesso de coleções já são
  autenticados
• Atenção: o access_token expira, para rodar
  novamente o programa basta acessar
  novamente graph.facebook.com ou autenticar
Listar os amigos
Listar as amigas
Gravar fotos das amigas



http://pastebin.com/9W22wsFf
Listar os álbuns de fotos
Baixar fotos dos álbuns
• Para baixar as fotos é necessário “tratar” o
  código html para descobrir as fotos em boa
  resolução
• Uma boa opção é o BeautifulSoup
Perguntas?
 fmasanori@gmail.com

facebook.com/fmasanori
 twitter.com/fmasanori

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

As 95 teses de Martinho Lutero
As 95 teses de Martinho LuteroAs 95 teses de Martinho Lutero
As 95 teses de Martinho LuteroEv.Antonio Vieira
 
IBADEP MÉDIO - RELIGIÕES E SEITAS AULA 1
IBADEP MÉDIO - RELIGIÕES E SEITAS AULA 1 IBADEP MÉDIO - RELIGIÕES E SEITAS AULA 1
IBADEP MÉDIO - RELIGIÕES E SEITAS AULA 1 Rubens Sohn
 
FIXAÇÃO BIOLÓGICA NA CULTURA DA SOJA
FIXAÇÃO BIOLÓGICA NA CULTURA DA SOJAFIXAÇÃO BIOLÓGICA NA CULTURA DA SOJA
FIXAÇÃO BIOLÓGICA NA CULTURA DA SOJAGeagra UFG
 
Classificação dos seres vivos
Classificação dos seres vivosClassificação dos seres vivos
Classificação dos seres vivosVinícia Becalli
 
Cronologia biblica-genesis-e-exodo-2
Cronologia biblica-genesis-e-exodo-2Cronologia biblica-genesis-e-exodo-2
Cronologia biblica-genesis-e-exodo-2JeffersonTEspritoSan
 
metabolismo e fixação de nitrogênio: BIOLOGICA E NÃO BIOLOGICA.
metabolismo e fixação de nitrogênio: BIOLOGICA E NÃO BIOLOGICA.metabolismo e fixação de nitrogênio: BIOLOGICA E NÃO BIOLOGICA.
metabolismo e fixação de nitrogênio: BIOLOGICA E NÃO BIOLOGICA.Leandro Araujo
 
HERBICIDAS ( Inibidores de Protox, ALS e EPSPS )
HERBICIDAS ( Inibidores de Protox, ALS e EPSPS )HERBICIDAS ( Inibidores de Protox, ALS e EPSPS )
HERBICIDAS ( Inibidores de Protox, ALS e EPSPS )Geagra UFG
 
2º Ano - Hormônios vegetais - Fitormônios
2º Ano - Hormônios vegetais - Fitormônios2º Ano - Hormônios vegetais - Fitormônios
2º Ano - Hormônios vegetais - FitormôniosEscola Modelo de Iguatu
 
Aula 1 - Apologética e suas Metodologias
Aula 1 - Apologética e suas MetodologiasAula 1 - Apologética e suas Metodologias
Aula 1 - Apologética e suas MetodologiasGustavo Zimmermann
 
Aula 1.1 histórico
Aula 1.1 históricoAula 1.1 histórico
Aula 1.1 históricokarolpoa
 
Fatores de formação do solo
Fatores de formação do soloFatores de formação do solo
Fatores de formação do soloLeandro Araujo
 

Mais procurados (20)

As 95 teses de Martinho Lutero
As 95 teses de Martinho LuteroAs 95 teses de Martinho Lutero
As 95 teses de Martinho Lutero
 
IBADEP MÉDIO - RELIGIÕES E SEITAS AULA 1
IBADEP MÉDIO - RELIGIÕES E SEITAS AULA 1 IBADEP MÉDIO - RELIGIÕES E SEITAS AULA 1
IBADEP MÉDIO - RELIGIÕES E SEITAS AULA 1
 
FIXAÇÃO BIOLÓGICA NA CULTURA DA SOJA
FIXAÇÃO BIOLÓGICA NA CULTURA DA SOJAFIXAÇÃO BIOLÓGICA NA CULTURA DA SOJA
FIXAÇÃO BIOLÓGICA NA CULTURA DA SOJA
 
Classificação dos seres vivos
Classificação dos seres vivosClassificação dos seres vivos
Classificação dos seres vivos
 
Cronologia biblica-genesis-e-exodo-2
Cronologia biblica-genesis-e-exodo-2Cronologia biblica-genesis-e-exodo-2
Cronologia biblica-genesis-e-exodo-2
 
Aula 03 ecologia do solo
Aula 03   ecologia do soloAula 03   ecologia do solo
Aula 03 ecologia do solo
 
Estresses ambientais em vegetais
Estresses ambientais em vegetaisEstresses ambientais em vegetais
Estresses ambientais em vegetais
 
Rizosfera
RizosferaRizosfera
Rizosfera
 
metabolismo e fixação de nitrogênio: BIOLOGICA E NÃO BIOLOGICA.
metabolismo e fixação de nitrogênio: BIOLOGICA E NÃO BIOLOGICA.metabolismo e fixação de nitrogênio: BIOLOGICA E NÃO BIOLOGICA.
metabolismo e fixação de nitrogênio: BIOLOGICA E NÃO BIOLOGICA.
 
Evolucionismo
EvolucionismoEvolucionismo
Evolucionismo
 
Fertilidade do solo potássio
Fertilidade do solo   potássioFertilidade do solo   potássio
Fertilidade do solo potássio
 
HERBICIDAS ( Inibidores de Protox, ALS e EPSPS )
HERBICIDAS ( Inibidores de Protox, ALS e EPSPS )HERBICIDAS ( Inibidores de Protox, ALS e EPSPS )
HERBICIDAS ( Inibidores de Protox, ALS e EPSPS )
 
Fitormônios
FitormôniosFitormônios
Fitormônios
 
Tomate
TomateTomate
Tomate
 
2º Ano - Hormônios vegetais - Fitormônios
2º Ano - Hormônios vegetais - Fitormônios2º Ano - Hormônios vegetais - Fitormônios
2º Ano - Hormônios vegetais - Fitormônios
 
Aula 1 - Apologética e suas Metodologias
Aula 1 - Apologética e suas MetodologiasAula 1 - Apologética e suas Metodologias
Aula 1 - Apologética e suas Metodologias
 
Aula 1.1 histórico
Aula 1.1 históricoAula 1.1 histórico
Aula 1.1 histórico
 
Fatores de formação do solo
Fatores de formação do soloFatores de formação do solo
Fatores de formação do solo
 
As giberelinas slide
As giberelinas slideAs giberelinas slide
As giberelinas slide
 
Cristologia aula05
Cristologia aula05Cristologia aula05
Cristologia aula05
 

Destaque

Como obter financiamentos milionarios a fundo perdido
Como obter financiamentos milionarios a fundo perdidoComo obter financiamentos milionarios a fundo perdido
Como obter financiamentos milionarios a fundo perdidoSEA Tecnologia
 
Incentivos Fiscais para Captação de Recursos
Incentivos Fiscais para Captação de RecursosIncentivos Fiscais para Captação de Recursos
Incentivos Fiscais para Captação de RecursosMichel Freller
 
Plano de Captação de Recursos
Plano de Captação de RecursosPlano de Captação de Recursos
Plano de Captação de RecursosABCR
 
Palestra - Economia Digital - Itaú 2011-05-20 SP
Palestra - Economia Digital - Itaú   2011-05-20 SPPalestra - Economia Digital - Itaú   2011-05-20 SP
Palestra - Economia Digital - Itaú 2011-05-20 SPConrado Adolpho
 
Voce ja tem_um_plano_b_conrado_adolpho_versao_10
Voce ja tem_um_plano_b_conrado_adolpho_versao_10Voce ja tem_um_plano_b_conrado_adolpho_versao_10
Voce ja tem_um_plano_b_conrado_adolpho_versao_10Andréia Soares de Sousa
 
Projeto de captação de recurso
Projeto de captação de recursoProjeto de captação de recurso
Projeto de captação de recursophillipbanks
 
Incentivos Fiscais Federais para a Captação de Recursos, por Michel Freller
Incentivos Fiscais Federais para a Captação de Recursos, por Michel FrellerIncentivos Fiscais Federais para a Captação de Recursos, por Michel Freller
Incentivos Fiscais Federais para a Captação de Recursos, por Michel FrellerMichel Freller
 
Plano de captação de recursos
Plano de captação de recursosPlano de captação de recursos
Plano de captação de recursosRodrigo Alvarez
 
Livro Captação De Recursos
Livro Captação De RecursosLivro Captação De Recursos
Livro Captação De RecursosLeonardo Leitao
 
Mobilização de Recursos - Geração de Renda Própria
Mobilização de Recursos - Geração de Renda PrópriaMobilização de Recursos - Geração de Renda Própria
Mobilização de Recursos - Geração de Renda PrópriaMichel Freller
 
Fundamentos e Práticas na EaD
Fundamentos e Práticas na EaDFundamentos e Práticas na EaD
Fundamentos e Práticas na EaDRafael Delmonego
 
Apostila refrigeracao domestica
Apostila refrigeracao domesticaApostila refrigeracao domestica
Apostila refrigeracao domesticaroaugustus2010
 
Marketing Digital: Treinamento Prático Marketing Digital
Marketing Digital: Treinamento Prático Marketing DigitalMarketing Digital: Treinamento Prático Marketing Digital
Marketing Digital: Treinamento Prático Marketing DigitalNWMídia Marketing
 
Controladoria prestcontas 052011
Controladoria prestcontas 052011Controladoria prestcontas 052011
Controladoria prestcontas 052011Michel Freller
 

Destaque (20)

Python e suas aplicações
Python e suas aplicaçõesPython e suas aplicações
Python e suas aplicações
 
Como obter financiamentos milionarios a fundo perdido
Como obter financiamentos milionarios a fundo perdidoComo obter financiamentos milionarios a fundo perdido
Como obter financiamentos milionarios a fundo perdido
 
Incentivos Fiscais para Captação de Recursos
Incentivos Fiscais para Captação de RecursosIncentivos Fiscais para Captação de Recursos
Incentivos Fiscais para Captação de Recursos
 
Plano de Captação de Recursos
Plano de Captação de RecursosPlano de Captação de Recursos
Plano de Captação de Recursos
 
Palestra - Economia Digital - Itaú 2011-05-20 SP
Palestra - Economia Digital - Itaú   2011-05-20 SPPalestra - Economia Digital - Itaú   2011-05-20 SP
Palestra - Economia Digital - Itaú 2011-05-20 SP
 
Voce ja tem_um_plano_b_conrado_adolpho_versao_10
Voce ja tem_um_plano_b_conrado_adolpho_versao_10Voce ja tem_um_plano_b_conrado_adolpho_versao_10
Voce ja tem_um_plano_b_conrado_adolpho_versao_10
 
Projeto de captação de recurso
Projeto de captação de recursoProjeto de captação de recurso
Projeto de captação de recurso
 
Gerenciamento de Custos - Ano 2013 - PMBOK 5 edição
Gerenciamento de Custos - Ano 2013 - PMBOK 5 ediçãoGerenciamento de Custos - Ano 2013 - PMBOK 5 edição
Gerenciamento de Custos - Ano 2013 - PMBOK 5 edição
 
Incentivos Fiscais Federais para a Captação de Recursos, por Michel Freller
Incentivos Fiscais Federais para a Captação de Recursos, por Michel FrellerIncentivos Fiscais Federais para a Captação de Recursos, por Michel Freller
Incentivos Fiscais Federais para a Captação de Recursos, por Michel Freller
 
Elaboração de projetos de bndes e bnb
Elaboração de projetos de bndes e bnbElaboração de projetos de bndes e bnb
Elaboração de projetos de bndes e bnb
 
Plano de captação de recursos
Plano de captação de recursosPlano de captação de recursos
Plano de captação de recursos
 
CAPTAÇÃO DE RECURSOS
CAPTAÇÃO DE RECURSOSCAPTAÇÃO DE RECURSOS
CAPTAÇÃO DE RECURSOS
 
Livro Captação De Recursos
Livro Captação De RecursosLivro Captação De Recursos
Livro Captação De Recursos
 
Mobilização de Recursos - Geração de Renda Própria
Mobilização de Recursos - Geração de Renda PrópriaMobilização de Recursos - Geração de Renda Própria
Mobilização de Recursos - Geração de Renda Própria
 
Analise de swot rodrigo lopes
Analise de swot   rodrigo lopesAnalise de swot   rodrigo lopes
Analise de swot rodrigo lopes
 
Fundamentos e Práticas na EaD
Fundamentos e Práticas na EaDFundamentos e Práticas na EaD
Fundamentos e Práticas na EaD
 
Apostila refrigeracao domestica
Apostila refrigeracao domesticaApostila refrigeracao domestica
Apostila refrigeracao domestica
 
Marketing Digital: Treinamento Prático Marketing Digital
Marketing Digital: Treinamento Prático Marketing DigitalMarketing Digital: Treinamento Prático Marketing Digital
Marketing Digital: Treinamento Prático Marketing Digital
 
Controladoria prestcontas 052011
Controladoria prestcontas 052011Controladoria prestcontas 052011
Controladoria prestcontas 052011
 
E mail marketing
E mail marketing E mail marketing
E mail marketing
 

Semelhante a Hackeando o Facebook com Python

Oficina Python: Hackeando a Web com Python 3
Oficina Python: Hackeando a Web com Python 3Oficina Python: Hackeando a Web com Python 3
Oficina Python: Hackeando a Web com Python 3Marcel Caraciolo
 
Hackeando o Facebook e o Twitter com Python TI no Vale
Hackeando o Facebook e o Twitter com Python TI no ValeHackeando o Facebook e o Twitter com Python TI no Vale
Hackeando o Facebook e o Twitter com Python TI no ValeFATEC São José dos Campos
 
Por que python? fisl 14 - 2013
Por que python?   fisl 14 - 2013Por que python?   fisl 14 - 2013
Por que python? fisl 14 - 2013Marco Mendes
 
The zen of python 2010
The zen of python 2010The zen of python 2010
The zen of python 2010Luiz Aldabalde
 
O poder do Python/Django
O poder do Python/DjangoO poder do Python/Django
O poder do Python/DjangoÁtila Bezerra
 
Primeiros passos em Python - Tchelinux Uruguaiana 2011
Primeiros passos em Python - Tchelinux Uruguaiana 2011Primeiros passos em Python - Tchelinux Uruguaiana 2011
Primeiros passos em Python - Tchelinux Uruguaiana 2011Jerônimo Medina Madruga
 
Por Que Python É Tão Lento?
Por Que Python É Tão Lento?Por Que Python É Tão Lento?
Por Que Python É Tão Lento?Rudá Moura
 
Junho 2016 - Django - A sua cápsula de soluções web em python
Junho 2016 - Django - A sua cápsula de soluções web em pythonJunho 2016 - Django - A sua cápsula de soluções web em python
Junho 2016 - Django - A sua cápsula de soluções web em pythonGrupo de Testes Carioca
 
Django - A sua cápsula de soluções web em python
Django - A sua cápsula de soluções web em pythonDjango - A sua cápsula de soluções web em python
Django - A sua cápsula de soluções web em pythonPaula Grangeiro
 
G.O. - Grafos Online
G.O. - Grafos OnlineG.O. - Grafos Online
G.O. - Grafos Onlinedudleyy
 
Palestra Apresentando Python e Suas Aplicações
Palestra Apresentando Python e Suas AplicaçõesPalestra Apresentando Python e Suas Aplicações
Palestra Apresentando Python e Suas AplicaçõesMarcos Thomaz
 
Python Mini Ccurso Consegi2011
Python Mini Ccurso Consegi2011Python Mini Ccurso Consegi2011
Python Mini Ccurso Consegi2011Luiz Aldabalde
 
Congresso iii unifacsv3
Congresso iii unifacsv3Congresso iii unifacsv3
Congresso iii unifacsv3IP10
 
AULA 06 - REVISÃO DE CONCEITOS INICIAIS DE ALGORITMOS
AULA 06 - REVISÃO DE CONCEITOS INICIAIS DE ALGORITMOSAULA 06 - REVISÃO DE CONCEITOS INICIAIS DE ALGORITMOS
AULA 06 - REVISÃO DE CONCEITOS INICIAIS DE ALGORITMOSprofjotamarcosduarte
 
Crescendo profissionalmente com o apoio comunidade
Crescendo profissionalmente com o apoio comunidadeCrescendo profissionalmente com o apoio comunidade
Crescendo profissionalmente com o apoio comunidadeFelipe Nascimento
 
NãNãNã Nã - Python Refresca até Pensamento
NãNãNã Nã - Python Refresca até PensamentoNãNãNã Nã - Python Refresca até Pensamento
NãNãNã Nã - Python Refresca até PensamentoOsvaldo Santana Neto
 

Semelhante a Hackeando o Facebook com Python (20)

Hackeando o Facebook com Python
Hackeando o Facebook com PythonHackeando o Facebook com Python
Hackeando o Facebook com Python
 
Oficina Python: Hackeando a Web com Python 3
Oficina Python: Hackeando a Web com Python 3Oficina Python: Hackeando a Web com Python 3
Oficina Python: Hackeando a Web com Python 3
 
Hackeando o Facebook e o Twitter com Python TI no Vale
Hackeando o Facebook e o Twitter com Python TI no ValeHackeando o Facebook e o Twitter com Python TI no Vale
Hackeando o Facebook e o Twitter com Python TI no Vale
 
Por que python? fisl 14 - 2013
Por que python?   fisl 14 - 2013Por que python?   fisl 14 - 2013
Por que python? fisl 14 - 2013
 
The zen of python 2010
The zen of python 2010The zen of python 2010
The zen of python 2010
 
O poder do Python/Django
O poder do Python/DjangoO poder do Python/Django
O poder do Python/Django
 
Slide
SlideSlide
Slide
 
Primeiros passos em Python - Tchelinux Uruguaiana 2011
Primeiros passos em Python - Tchelinux Uruguaiana 2011Primeiros passos em Python - Tchelinux Uruguaiana 2011
Primeiros passos em Python - Tchelinux Uruguaiana 2011
 
Com vocês, Django!
Com vocês, Django!Com vocês, Django!
Com vocês, Django!
 
Por Que Python É Tão Lento?
Por Que Python É Tão Lento?Por Que Python É Tão Lento?
Por Que Python É Tão Lento?
 
Junho 2016 - Django - A sua cápsula de soluções web em python
Junho 2016 - Django - A sua cápsula de soluções web em pythonJunho 2016 - Django - A sua cápsula de soluções web em python
Junho 2016 - Django - A sua cápsula de soluções web em python
 
Django - A sua cápsula de soluções web em python
Django - A sua cápsula de soluções web em pythonDjango - A sua cápsula de soluções web em python
Django - A sua cápsula de soluções web em python
 
G.O. - Grafos Online
G.O. - Grafos OnlineG.O. - Grafos Online
G.O. - Grafos Online
 
Palestra Apresentando Python e Suas Aplicações
Palestra Apresentando Python e Suas AplicaçõesPalestra Apresentando Python e Suas Aplicações
Palestra Apresentando Python e Suas Aplicações
 
Python Mini Ccurso Consegi2011
Python Mini Ccurso Consegi2011Python Mini Ccurso Consegi2011
Python Mini Ccurso Consegi2011
 
Congresso iii unifacsv3
Congresso iii unifacsv3Congresso iii unifacsv3
Congresso iii unifacsv3
 
AULA 06 - REVISÃO DE CONCEITOS INICIAIS DE ALGORITMOS
AULA 06 - REVISÃO DE CONCEITOS INICIAIS DE ALGORITMOSAULA 06 - REVISÃO DE CONCEITOS INICIAIS DE ALGORITMOS
AULA 06 - REVISÃO DE CONCEITOS INICIAIS DE ALGORITMOS
 
Crescendo profissionalmente com o apoio comunidade
Crescendo profissionalmente com o apoio comunidadeCrescendo profissionalmente com o apoio comunidade
Crescendo profissionalmente com o apoio comunidade
 
Aplicações do Python na escola e no mercado de trabalho
Aplicações do Python na escola e no mercado de trabalhoAplicações do Python na escola e no mercado de trabalho
Aplicações do Python na escola e no mercado de trabalho
 
NãNãNã Nã - Python Refresca até Pensamento
NãNãNã Nã - Python Refresca até PensamentoNãNãNã Nã - Python Refresca até Pensamento
NãNãNã Nã - Python Refresca até Pensamento
 

Mais de FATEC São José dos Campos

import pybr12: experiencias de inclusión en la última PyCon Brazil
import pybr12: experiencias de inclusión en la última PyCon Brazilimport pybr12: experiencias de inclusión en la última PyCon Brazil
import pybr12: experiencias de inclusión en la última PyCon BrazilFATEC São José dos Campos
 
Lista de exercícios III Desafios python para zumbis
Lista de exercícios III Desafios python para zumbisLista de exercícios III Desafios python para zumbis
Lista de exercícios III Desafios python para zumbisFATEC São José dos Campos
 

Mais de FATEC São José dos Campos (20)

Seja feliz programando em python
Seja feliz programando em pythonSeja feliz programando em python
Seja feliz programando em python
 
import pybr12: experiencias de inclusión en la última PyCon Brazil
import pybr12: experiencias de inclusión en la última PyCon Brazilimport pybr12: experiencias de inclusión en la última PyCon Brazil
import pybr12: experiencias de inclusión en la última PyCon Brazil
 
Import community pycon jp
Import community pycon jpImport community pycon jp
Import community pycon jp
 
Import community
Import communityImport community
Import community
 
Diversidade na Comunidade Python
Diversidade na Comunidade PythonDiversidade na Comunidade Python
Diversidade na Comunidade Python
 
Why python
Why pythonWhy python
Why python
 
Hackeando Dados públicos com python
Hackeando Dados públicos com pythonHackeando Dados públicos com python
Hackeando Dados públicos com python
 
Import community
Import communityImport community
Import community
 
Python, the next Brazilian generation
Python, the next Brazilian generationPython, the next Brazilian generation
Python, the next Brazilian generation
 
Para gostar de Python DevDay
Para gostar de Python DevDay Para gostar de Python DevDay
Para gostar de Python DevDay
 
Classic Games with Python in the browser
Classic Games with Python in the browserClassic Games with Python in the browser
Classic Games with Python in the browser
 
Exercício Programa 1 Python para Zumbis
Exercício Programa 1 Python para ZumbisExercício Programa 1 Python para Zumbis
Exercício Programa 1 Python para Zumbis
 
Lista de exercícios V python para zumbis
Lista de exercícios V python para zumbisLista de exercícios V python para zumbis
Lista de exercícios V python para zumbis
 
Lista de exercícios IV python para zumbis
Lista de exercícios IV python para zumbisLista de exercícios IV python para zumbis
Lista de exercícios IV python para zumbis
 
Lista de exercícios III Desafios python para zumbis
Lista de exercícios III Desafios python para zumbisLista de exercícios III Desafios python para zumbis
Lista de exercícios III Desafios python para zumbis
 
Lista de exercícios II python para zumbis
Lista de exercícios II python para zumbisLista de exercícios II python para zumbis
Lista de exercícios II python para zumbis
 
Lista de exercícios I python para zumbis
Lista de exercícios I python para zumbisLista de exercícios I python para zumbis
Lista de exercícios I python para zumbis
 
Lista de exercícios XIV Python para Zumbis
Lista de exercícios XIV Python para ZumbisLista de exercícios XIV Python para Zumbis
Lista de exercícios XIV Python para Zumbis
 
TWP56 DJ Mix 1
TWP56 DJ Mix 1TWP56 DJ Mix 1
TWP56 DJ Mix 1
 
TWP54 Exceções
TWP54 ExceçõesTWP54 Exceções
TWP54 Exceções
 

Último

Pré-História do Brasil, Luzia e Serra da Capivara
Pré-História do Brasil, Luzia e Serra da CapivaraPré-História do Brasil, Luzia e Serra da Capivara
Pré-História do Brasil, Luzia e Serra da Capivararambomarcos
 
1. Aula de sociologia - 1º Ano - Émile Durkheim.pdf
1. Aula de sociologia - 1º Ano - Émile Durkheim.pdf1. Aula de sociologia - 1º Ano - Émile Durkheim.pdf
1. Aula de sociologia - 1º Ano - Émile Durkheim.pdfaulasgege
 
História concisa da literatura brasileira- Alfredo Bosi..pdf
História concisa da literatura brasileira- Alfredo Bosi..pdfHistória concisa da literatura brasileira- Alfredo Bosi..pdf
História concisa da literatura brasileira- Alfredo Bosi..pdfGisellySobral
 
CATEQUESE primeiro ano . CATEQUESE 1ºano
CATEQUESE primeiro ano . CATEQUESE 1ºanoCATEQUESE primeiro ano . CATEQUESE 1ºano
CATEQUESE primeiro ano . CATEQUESE 1ºanomarla71199
 
5. EJEMPLOS DE ESTRUCTURASQUINTO GRADO.pptx
5. EJEMPLOS DE ESTRUCTURASQUINTO GRADO.pptx5. EJEMPLOS DE ESTRUCTURASQUINTO GRADO.pptx
5. EJEMPLOS DE ESTRUCTURASQUINTO GRADO.pptxnelsontobontrujillo
 
Maio Laranja - Combate à violência sexual contra crianças e adolescentes
Maio Laranja - Combate à violência sexual contra crianças e adolescentesMaio Laranja - Combate à violência sexual contra crianças e adolescentes
Maio Laranja - Combate à violência sexual contra crianças e adolescentesMary Alvarenga
 
Sopa de letras | Dia da Europa 2024 (nível 2)
Sopa de letras | Dia da Europa 2024 (nível 2)Sopa de letras | Dia da Europa 2024 (nível 2)
Sopa de letras | Dia da Europa 2024 (nível 2)Centro Jacques Delors
 
Questões sobre o Mito da Caverna de Platão
Questões sobre o Mito da Caverna de PlatãoQuestões sobre o Mito da Caverna de Platão
Questões sobre o Mito da Caverna de PlatãoCelimaraTiski
 
Modelos de Inteligencia Emocional segundo diversos autores
Modelos de Inteligencia Emocional segundo diversos autoresModelos de Inteligencia Emocional segundo diversos autores
Modelos de Inteligencia Emocional segundo diversos autoresAna Isabel Correia
 
Prova nivel 3 da XXII OBA DE 2019 - GABARITO POWER POINT.pptx
Prova nivel 3 da XXII OBA DE 2019 - GABARITO POWER POINT.pptxProva nivel 3 da XXII OBA DE 2019 - GABARITO POWER POINT.pptx
Prova nivel 3 da XXII OBA DE 2019 - GABARITO POWER POINT.pptxLucasFCapistrano
 
INTRODUÇÃO DE METODOLOGIA PARA TRABALHIOS CIENTIFICOS
INTRODUÇÃO DE METODOLOGIA PARA TRABALHIOS CIENTIFICOSINTRODUÇÃO DE METODOLOGIA PARA TRABALHIOS CIENTIFICOS
INTRODUÇÃO DE METODOLOGIA PARA TRABALHIOS CIENTIFICOSPedro Luis Moraes
 
atividade para 3ª serie do ensino medi sobrw biotecnologia( transgenicos, clo...
atividade para 3ª serie do ensino medi sobrw biotecnologia( transgenicos, clo...atividade para 3ª serie do ensino medi sobrw biotecnologia( transgenicos, clo...
atividade para 3ª serie do ensino medi sobrw biotecnologia( transgenicos, clo...WelitaDiaz1
 
MESTRES DA CULTURA DE ASSARÉ Prof. Francisco Leite.pdf
MESTRES DA CULTURA DE ASSARÉ Prof. Francisco Leite.pdfMESTRES DA CULTURA DE ASSARÉ Prof. Francisco Leite.pdf
MESTRES DA CULTURA DE ASSARÉ Prof. Francisco Leite.pdfprofesfrancleite
 
SQL Parte 1 - Criação de Banco de Dados.pdf
SQL Parte 1 - Criação de Banco de Dados.pdfSQL Parte 1 - Criação de Banco de Dados.pdf
SQL Parte 1 - Criação de Banco de Dados.pdfAndersonW5
 
QUESTÃO 4 Os estudos das competências pessoais é de extrema importância, pr...
QUESTÃO 4   Os estudos das competências pessoais é de extrema importância, pr...QUESTÃO 4   Os estudos das competências pessoais é de extrema importância, pr...
QUESTÃO 4 Os estudos das competências pessoais é de extrema importância, pr...azulassessoria9
 
RENASCIMENTO E HUMANISMO_QUIZ 7º ANO.pptx
RENASCIMENTO E HUMANISMO_QUIZ 7º ANO.pptxRENASCIMENTO E HUMANISMO_QUIZ 7º ANO.pptx
RENASCIMENTO E HUMANISMO_QUIZ 7º ANO.pptxAntonioVieira539017
 
425416820-Testes-7º-Ano-Leandro-Rei-Da-Heliria-Com-Solucoes.pdf
425416820-Testes-7º-Ano-Leandro-Rei-Da-Heliria-Com-Solucoes.pdf425416820-Testes-7º-Ano-Leandro-Rei-Da-Heliria-Com-Solucoes.pdf
425416820-Testes-7º-Ano-Leandro-Rei-Da-Heliria-Com-Solucoes.pdfCarinaSofiaDiasBoteq
 

Último (20)

Pré-História do Brasil, Luzia e Serra da Capivara
Pré-História do Brasil, Luzia e Serra da CapivaraPré-História do Brasil, Luzia e Serra da Capivara
Pré-História do Brasil, Luzia e Serra da Capivara
 
1. Aula de sociologia - 1º Ano - Émile Durkheim.pdf
1. Aula de sociologia - 1º Ano - Émile Durkheim.pdf1. Aula de sociologia - 1º Ano - Émile Durkheim.pdf
1. Aula de sociologia - 1º Ano - Émile Durkheim.pdf
 
História concisa da literatura brasileira- Alfredo Bosi..pdf
História concisa da literatura brasileira- Alfredo Bosi..pdfHistória concisa da literatura brasileira- Alfredo Bosi..pdf
História concisa da literatura brasileira- Alfredo Bosi..pdf
 
Poema - Aedes Aegypt.
Poema - Aedes Aegypt.Poema - Aedes Aegypt.
Poema - Aedes Aegypt.
 
CATEQUESE primeiro ano . CATEQUESE 1ºano
CATEQUESE primeiro ano . CATEQUESE 1ºanoCATEQUESE primeiro ano . CATEQUESE 1ºano
CATEQUESE primeiro ano . CATEQUESE 1ºano
 
5. EJEMPLOS DE ESTRUCTURASQUINTO GRADO.pptx
5. EJEMPLOS DE ESTRUCTURASQUINTO GRADO.pptx5. EJEMPLOS DE ESTRUCTURASQUINTO GRADO.pptx
5. EJEMPLOS DE ESTRUCTURASQUINTO GRADO.pptx
 
Maio Laranja - Combate à violência sexual contra crianças e adolescentes
Maio Laranja - Combate à violência sexual contra crianças e adolescentesMaio Laranja - Combate à violência sexual contra crianças e adolescentes
Maio Laranja - Combate à violência sexual contra crianças e adolescentes
 
Novena de Pentecostes com textos de São João Eudes
Novena de Pentecostes com textos de São João EudesNovena de Pentecostes com textos de São João Eudes
Novena de Pentecostes com textos de São João Eudes
 
Sopa de letras | Dia da Europa 2024 (nível 2)
Sopa de letras | Dia da Europa 2024 (nível 2)Sopa de letras | Dia da Europa 2024 (nível 2)
Sopa de letras | Dia da Europa 2024 (nível 2)
 
Questões sobre o Mito da Caverna de Platão
Questões sobre o Mito da Caverna de PlatãoQuestões sobre o Mito da Caverna de Platão
Questões sobre o Mito da Caverna de Platão
 
Modelos de Inteligencia Emocional segundo diversos autores
Modelos de Inteligencia Emocional segundo diversos autoresModelos de Inteligencia Emocional segundo diversos autores
Modelos de Inteligencia Emocional segundo diversos autores
 
Prova nivel 3 da XXII OBA DE 2019 - GABARITO POWER POINT.pptx
Prova nivel 3 da XXII OBA DE 2019 - GABARITO POWER POINT.pptxProva nivel 3 da XXII OBA DE 2019 - GABARITO POWER POINT.pptx
Prova nivel 3 da XXII OBA DE 2019 - GABARITO POWER POINT.pptx
 
INTRODUÇÃO DE METODOLOGIA PARA TRABALHIOS CIENTIFICOS
INTRODUÇÃO DE METODOLOGIA PARA TRABALHIOS CIENTIFICOSINTRODUÇÃO DE METODOLOGIA PARA TRABALHIOS CIENTIFICOS
INTRODUÇÃO DE METODOLOGIA PARA TRABALHIOS CIENTIFICOS
 
atividade para 3ª serie do ensino medi sobrw biotecnologia( transgenicos, clo...
atividade para 3ª serie do ensino medi sobrw biotecnologia( transgenicos, clo...atividade para 3ª serie do ensino medi sobrw biotecnologia( transgenicos, clo...
atividade para 3ª serie do ensino medi sobrw biotecnologia( transgenicos, clo...
 
MESTRES DA CULTURA DE ASSARÉ Prof. Francisco Leite.pdf
MESTRES DA CULTURA DE ASSARÉ Prof. Francisco Leite.pdfMESTRES DA CULTURA DE ASSARÉ Prof. Francisco Leite.pdf
MESTRES DA CULTURA DE ASSARÉ Prof. Francisco Leite.pdf
 
Poema - Maio Laranja
Poema - Maio Laranja Poema - Maio Laranja
Poema - Maio Laranja
 
SQL Parte 1 - Criação de Banco de Dados.pdf
SQL Parte 1 - Criação de Banco de Dados.pdfSQL Parte 1 - Criação de Banco de Dados.pdf
SQL Parte 1 - Criação de Banco de Dados.pdf
 
QUESTÃO 4 Os estudos das competências pessoais é de extrema importância, pr...
QUESTÃO 4   Os estudos das competências pessoais é de extrema importância, pr...QUESTÃO 4   Os estudos das competências pessoais é de extrema importância, pr...
QUESTÃO 4 Os estudos das competências pessoais é de extrema importância, pr...
 
RENASCIMENTO E HUMANISMO_QUIZ 7º ANO.pptx
RENASCIMENTO E HUMANISMO_QUIZ 7º ANO.pptxRENASCIMENTO E HUMANISMO_QUIZ 7º ANO.pptx
RENASCIMENTO E HUMANISMO_QUIZ 7º ANO.pptx
 
425416820-Testes-7º-Ano-Leandro-Rei-Da-Heliria-Com-Solucoes.pdf
425416820-Testes-7º-Ano-Leandro-Rei-Da-Heliria-Com-Solucoes.pdf425416820-Testes-7º-Ano-Leandro-Rei-Da-Heliria-Com-Solucoes.pdf
425416820-Testes-7º-Ano-Leandro-Rei-Da-Heliria-Com-Solucoes.pdf
 

Hackeando o Facebook com Python

  • 1. Hackeando o com TDC2012 @fmasanori http://www.slideshare.net/fmasanori
  • 2. Conhecendo o palestrante • Conhecendo os assistentes • Python vale a pena • Facebook • Demo • Perguntas
  • 4. IME-USP e Mestrado ITA • ed e lint Cobra Tecnologia • Software Express • Credicard Mastercard • PriceWaterhouseCoopers • Itau BankBoston • Docente FATEC (amo dar aulas) • Interesses: Python, NoSQL, Google Technology, Facebook
  • 5.
  • 13. Popularidade Github e StackOverflow
  • 15. A linguagem do ano de 2010!
  • 16. “A vida é melhor sem chaves“. “A vida é curta! Você precisa de Python”. “Python me ajuda a focar nos meus conceitos em vez de ficar brigando com a linguagem”. “Eu não preciso digitar muito. Mas o que eu digito é certo”. Bruce Eckel, autor do best seller “Thinking in Java”.
  • 17. ”Entre todas as linguagens que eu aprendi, Python é a que menos interfere entre mim e o problema. É a mais efetiva para traduzir pensamentos em ações“. Eric Raymond, Autor “A catedral e o Bazar”. Contribuidor do GNU Emac, Linux, Fetchmail. Mantém o Jargonfile, mais conhecido como “Dicionário dos Hackers”
  • 18. ”Python tem sido uma parte importante do Google desde o início, e permanece assim conforme o sistema cresce e evolui. Hoje, dezenas de engenheiros do Google usam Python, e estamos procurando por mais pessoas com conhecimento nessa linguagem“. Peter Norvig, diretor de qualidade de busca do Google Inc.
  • 19. “[…] nossa filosofia aqui é “Python sempre que pudermos, C++ se necessário”". Alex Martelli, Líder Técnico, Sistemas de Produção, Google.
  • 20. “Python é rápido o suficiente para o nosso site e nos permite produzir características de fácil manutenção em tempos recordes, com um mínimo de desenvolvedores”. Cuong Do, Software Architect, YouTube.com
  • 21.
  • 22. Melhora da auto estima do aluno
  • 23. Melhora da auto estima do aluno Hacking Facebook Friends Photos http://pastebin.com/9W22wsFf Simple Twitter Client http://pastebin.com/NJyfdmZp
  • 24. Tempo para ser produtivo C 2a Java 6m Python 1m
  • 25.
  • 26. Hackers não são “do mal”?
  • 27. “O Facebook é dirigido por hackers. A maioria das pessoas pensa de um hacker como alguém que invade um sistema de computador. Mas nós vemos isso como uma filosofia. Aqui, os hackers assumem que sempre há uma maneira melhor, mais eficiente de resolver problemas.” facebook.com/careers
  • 28. Leitura dados básicos JSON Obs.: estes campos podem mudar, acesse a url no browser para checar
  • 29. Gravar o logo encontrado
  • 30. Leitura de um perfil FB
  • 31. Leitura da foto do perfil
  • 32. Facebook Graph API • https://graph.facebook.com • Os retornos são objetos JSON • Os links para acesso de coleções já são autenticados • Atenção: o access_token expira, para rodar novamente o programa basta acessar novamente graph.facebook.com ou autenticar
  • 35. Gravar fotos das amigas http://pastebin.com/9W22wsFf
  • 36. Listar os álbuns de fotos
  • 37. Baixar fotos dos álbuns • Para baixar as fotos é necessário “tratar” o código html para descobrir as fotos em boa resolução • Uma boa opção é o BeautifulSoup