SlideShare uma empresa Scribd logo
Fisiologia Veterinária
Equipe :

Emanuelle Engel Cansian
           Vanêssa Jung
Endotérmicos




                Ovíparos
Com     apêndices locomotores    anteriores
modificados em assas , bico córneo e ossos
pneumáticos.
 Ao se estudar a anatomia e fisiologia aviaria,
  deve se lembrar que o corpo da galinha é
  composto por 9 sistemas interligados ,
  como um composto por órgãos constituídos
  de    músculos e tecidos. Estes sistemas
  funcionam em conjunto, como um delicado
  organismo , e são totalmente dependentes ,
  seja direta ou indiretamente, para seu
  funcionamento normal. A ave é uma máquina
  perfeita.
1.Sistema esquelético
• Proteção
• Moldura


2.Sistema muscular
„ serve para movimentação das aves
  , músculos das assas ,peito ,coxas e
  perna.

3. Sistema Tegumentar
• Fixação e
• Crescimento das penas
4.Sistema Digestivo
„ Função ‟ transformar o alimento em
  nutriente



5. Sistema Respiratório
„ Filtra , aquece e umidifica o ar inalado




6.Sistema Urogenital
„ Não possuem bexiga urinário , a urina é
  pastosa e eliminada junto com as fezes
7. Sistema Circulatório
„ A aorta localiza-se no ventrículo esquerdo, cuja
  croça curva-se para a direita, e ao ramificar-
  se, fornece sangue arterial (rico em oxigênio) a
  todo organismo


8. Sistema Nervoso
„ A ave tem um sistema nervoso bastante
  desenvolvido , com excelente visão , audição e
  bom tato, mas com pouca capacidade olfativa e
  gustativa


9. Sistema Endócrino
„ Atua sobre a reprodução e a migração
 Segundo Reece (2005) ‟ “ Respiração é o meio pelo qual
  os animais obtêm e usam oxigênio e eliminam o dióxido de
  carbono”
 sistema respiratório das aves apresenta estruturas funcionais bem
  definidas e particulares, que correspondem aos seguintes órgãos
  divididos em duas porções distintas:

 1. Vias aéreas superiores: narinas, cavidade nasal, orofaringe e
  laringe.

 2. Vias aéreas inferiores: traqueia , siringe (órgão fonador
  localizado    no    final   da    traqueia   -   início  dos
  brônquios), brônquios, sacos aéreos (que tem formação já nos
  brônquios primários) e pulmões .
Componentes do Sistema
    Respiratório

         Aves
Traqueia
 Conjunto       de       anéis
  cartilaginosos – 108 a 126.
 As cartilagens traqueais
  em todas as aves formam
  anéis completos
 Em       algumas        aves
  ossificam com a idade –
  frango , galo , pato.
Alças Traqueais
De uma classe de aves
para   outra,    existem
variações na anatomia
traqueal que possuem
significativas
implicações      para   a
ventilação.
Siring
e  Órgão vocal das aves
   Localiza     ‟se   ao   final    da
    traqueia- zona de ramificação
    para os brônquios esquerdo e
    direito.
  O    som      é     produzido     na
    passagem do ar da expiração e
    pela       vibração     de      duas
    membranas ‟timpânica interna
 Pato     e         ganso
  ,apresentam         uma
  bolha   timpaniforme,
  expansão da siringe ,
  no lado esquerdo ,
  que     provoca       a
  resonância    do    som
  produzido.
Pulmões
 São rígidos e de volume fixo,
  localizados    dorsalmente     na
  região torácica,
 É o único órgão efetor da
  troca      gasosa       e     da
  termorregulação,
 Praticamente       expansão   dos
  pulmões ‟ devido a ausência de
Brônquios
 Brônquio primário

 Brônquios secundários
  •   brônquios secundários medioventrais (4)
  •   brônquios secundários mediodorsais (8)
  •   brônquios secundários lateroventrais (8)
  •   brônquios secundários laterodorsais (25 a 30)

 Brônquios terciários (Parabrônquios) ‟ Hematose
  •   Paleopulmonares
  •   Neopulmonares
Brônquio intrapulmonar primário


É por onde o
            . Conduz o ar
para   os
             e para os
                    .
Brônquios secundários
   medioventrais


                  Conduzem    o
                  para   os
Brônquios secundários
    mediodorsais




   Conduzem o   para os   .
Brônquios secundários
   lateroventrais




   Conduzem o   para os   .
Brônquios terciários ou
        parabrônquios
Onde ocorrem as trocas gasosas nas aves. São:

 Neopulmonares
 Paleopulmonares

Emas e pinguins não apresentam ‟ parabrônquios neopulmonares
Parabrônquios    paleopulmonares:
               Entre os brônquios secundários
               médio-dorsais e médio-ventrais.




Parabrônquios
neopulmonares:
Cursam dos brônquios
secundários
mediodorsais, látero-
ventrais e do
brônquio      primário
intrapulmonar,
para os sacos aéreos
caudais.
Vídeo ‟ Pulmões e
Brônquios
Presença de Sacos Aéreos
                        
 Cavidades de paredes
  finas conectadas aos
  pulmões cuja função
  é    ‟   aumentar     a
  ventilação pulmonar
  ,   diminuir   o   peso
  especifico.
Sacos Aéreos

 Avasculares   ,    não   contribuem   para   o
  intercambio gasoso
 Participam        da     termorregulação     e
  umidificam o ar
 Reduzem e distribuem o peso no voo
 Ossos pneumáticos
Siringe
                                      Saco aéreo
  Traqueia                            clavicular (1)

Sacos                                      Grupo cranial
aéreos
cervicais                                          Sacos
Sacos aéreos
(2)                                                aéreos
torácicos craniais                                 torácicos
(2)                                                caudais (2)




                                               Grupo
                                               caudal

      Sacos aéreos abdominais
      (2)
Mecânica da Respiração
               
      Fisiologia Respiratória
Respiração por movimentos
           das costelas e esterno
                                                     
                                                                  Como as aves não possuem
                                                                  diafragma, a respiração se
                                                                  faz às custas de movimentos
                                                                  das costelas e do esterno -
                                                                  O     ar     passa      através         dos
                                                                  pulmões e não para dentro
                                                                  e para fora como em outros
                                                                   vertebrados.
http://www.ca.uky.edu/poultryprofitability/Production_manual/Chapter3_Anatomy_and_Physiology/Chapter3_respiratory.html
Ciclo Respiratório
                                  



                  ‟ o ar entra através da traqueia e brônquios , indo para
os sacos aéreos posteriores.
‟ o ar se move dos sacos aéreos caudais para
os pulmões
‟ o ar se move dos pulmões para os sacos
aéreos anteriores
‟ o ar se move dos sacos aéreos anteriores , para a
traqueia e saem.
Inspiração
  Aumento do volume toraco-
         abdominal

Diminui a pressão dos sacos em relação à atmosfera




O gás vai para os sacos aéreos passando pelo pulmão
Expiração
Diminuição do volume toraco-abdominal



Aumenta a pressão dos sacos em relação
             à atmosfera



Gás é forçado a sair dos sacos passando
       novamente pelos pulmões
Trajeto do ar
 O movimento do ar
 pelos
 parabrônquios
 paleopulmonares
 é     contínuo   e
 unidirecional    ‟
 reduzindo o desvio
 do        ar     e
 aumentando       a
 eficiência     da
 ventilação.
Capilares aéreos: Não existem alvéolos como
observado nos mamíferos, mas nos parabrônquios
existem tubos extremamente finos contendo ar, onde
ocorrem as trocas gasosas.
Cuidados Necessários
                              
 Manipulação: pode impedir o movimento de dobradiça do
  esterno
 Castração de frangos : podem romper os sacos aéreos
 Anestésicos:podem       induzir   a   parada   respiratória
  (ventilação mecânica)
 Decúbito dorsal : prejudica a ventilação
Referência
                                         
AZEVEDO, A.S. Fisiologia Veterinária. Disponível em: http://www.uff.br/fisiovet/. Acesso
    em 12.04.12.

SWENSON, M.J.; REECE, W.O.; Dukes Fisiologia dos Animais Domésticos. 11ª ed. Rio de
Janeiro, RJ, Editora Guanabara Koogan, Cap.55, p.904-905, 1996.Acesso 12/11/11.

FEDDE, M.R. Respiração nas Aves. In Swenson M.J. & Reece W.O.- Dukes- Fisiologia dos
Animais Domésticos. Parte II- Respiração e exercício. Cap. 14, - 1la ed. Editora Guanabara
Koogan S.A., Rio de Janeiro-RJ, p. 269-276,1996.

MORAES, I. A. ‟ Respiração das aves. Apostila do curso de Fisiologia Veterinária do
Departamento de Fisiologia e Farmacologia da Universidade Federal Fluminense
Niterói-RJ. 2001. 6p.

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Anatomia topográfica acessos - abdome 1
Anatomia topográfica   acessos - abdome 1Anatomia topográfica   acessos - abdome 1
Anatomia topográfica acessos - abdome 1
Vivian Leao
 
371742336 anatomia-e-fisiologia-das-aves
371742336 anatomia-e-fisiologia-das-aves371742336 anatomia-e-fisiologia-das-aves
371742336 anatomia-e-fisiologia-das-aves
Torquato Neto
 
Anatomia dos animais de produção ii
Anatomia dos animais de produção iiAnatomia dos animais de produção ii
Anatomia dos animais de produção ii
Francismara Carreira
 
Anatomia do sistema nervoso do equino
Anatomia do sistema nervoso do  equinoAnatomia do sistema nervoso do  equino
Anatomia do sistema nervoso do equino
Marília Gomes
 
Introdução e planos anatômicos - anatomia animal I
Introdução e planos anatômicos - anatomia animal IIntrodução e planos anatômicos - anatomia animal I
Introdução e planos anatômicos - anatomia animal I
Marília Gomes
 
BIOLOGIA: Os peixes (COMPLETO)
BIOLOGIA: Os peixes (COMPLETO)BIOLOGIA: Os peixes (COMPLETO)
BIOLOGIA: Os peixes (COMPLETO)
Ana Maciel
 
Sistema digestório - Anatomia animal
Sistema digestório - Anatomia animal Sistema digestório - Anatomia animal
Sistema digestório - Anatomia animal
Marília Gomes
 
Sistema endócrino veterinária
Sistema endócrino veterináriaSistema endócrino veterinária
Sistema endócrino veterinária
Marília Gomes
 
Sistema urinário - Anatomia veterinária
Sistema urinário - Anatomia veterináriaSistema urinário - Anatomia veterinária
Sistema urinário - Anatomia veterinária
Marília Gomes
 
Fisiologia animal
Fisiologia animal Fisiologia animal
Fisiologia animal
Marília Gomes
 
Sistema Articular (Anatomia Veterinária)
Sistema Articular (Anatomia Veterinária)Sistema Articular (Anatomia Veterinária)
Sistema Articular (Anatomia Veterinária)
Vicente Fernandes
 
Aparelho urogenital das aves
Aparelho urogenital das avesAparelho urogenital das aves
Aparelho urogenital das aves
Fernando Moreira
 
Sistema nervoso - Anatomia animal
Sistema nervoso - Anatomia animalSistema nervoso - Anatomia animal
Sistema nervoso - Anatomia animal
Marília Gomes
 
Sistema reprodutor feminino Animal
Sistema reprodutor feminino AnimalSistema reprodutor feminino Animal
Sistema reprodutor feminino Animal
Luísa Santana
 
Sistema cardiovascular e linfático - anatomia animal
Sistema cardiovascular e linfático - anatomia animalSistema cardiovascular e linfático - anatomia animal
Sistema cardiovascular e linfático - anatomia animal
Marília Gomes
 
Sistema reprodutor de uma ave
Sistema reprodutor de uma aveSistema reprodutor de uma ave
Sistema reprodutor de uma ave
00367p
 
Anatomia dos animais de produção i
Anatomia dos animais de produção iAnatomia dos animais de produção i
Anatomia dos animais de produção i
Francismara Carreira
 
Proteínas na alimentação animal
 Proteínas na alimentação animal Proteínas na alimentação animal
Proteínas na alimentação animal
wellison nascimento
 
Introdução Etologia e bem-estar animal - etologia e bem-estar animal
Introdução Etologia e bem-estar animal - etologia e bem-estar animalIntrodução Etologia e bem-estar animal - etologia e bem-estar animal
Introdução Etologia e bem-estar animal - etologia e bem-estar animal
Marília Gomes
 
Aula 1 de Histologia : Epitélio
Aula 1 de Histologia : Epitélio Aula 1 de Histologia : Epitélio
Aula 1 de Histologia : Epitélio
Julia Berardo
 

Mais procurados (20)

Anatomia topográfica acessos - abdome 1
Anatomia topográfica   acessos - abdome 1Anatomia topográfica   acessos - abdome 1
Anatomia topográfica acessos - abdome 1
 
371742336 anatomia-e-fisiologia-das-aves
371742336 anatomia-e-fisiologia-das-aves371742336 anatomia-e-fisiologia-das-aves
371742336 anatomia-e-fisiologia-das-aves
 
Anatomia dos animais de produção ii
Anatomia dos animais de produção iiAnatomia dos animais de produção ii
Anatomia dos animais de produção ii
 
Anatomia do sistema nervoso do equino
Anatomia do sistema nervoso do  equinoAnatomia do sistema nervoso do  equino
Anatomia do sistema nervoso do equino
 
Introdução e planos anatômicos - anatomia animal I
Introdução e planos anatômicos - anatomia animal IIntrodução e planos anatômicos - anatomia animal I
Introdução e planos anatômicos - anatomia animal I
 
BIOLOGIA: Os peixes (COMPLETO)
BIOLOGIA: Os peixes (COMPLETO)BIOLOGIA: Os peixes (COMPLETO)
BIOLOGIA: Os peixes (COMPLETO)
 
Sistema digestório - Anatomia animal
Sistema digestório - Anatomia animal Sistema digestório - Anatomia animal
Sistema digestório - Anatomia animal
 
Sistema endócrino veterinária
Sistema endócrino veterináriaSistema endócrino veterinária
Sistema endócrino veterinária
 
Sistema urinário - Anatomia veterinária
Sistema urinário - Anatomia veterináriaSistema urinário - Anatomia veterinária
Sistema urinário - Anatomia veterinária
 
Fisiologia animal
Fisiologia animal Fisiologia animal
Fisiologia animal
 
Sistema Articular (Anatomia Veterinária)
Sistema Articular (Anatomia Veterinária)Sistema Articular (Anatomia Veterinária)
Sistema Articular (Anatomia Veterinária)
 
Aparelho urogenital das aves
Aparelho urogenital das avesAparelho urogenital das aves
Aparelho urogenital das aves
 
Sistema nervoso - Anatomia animal
Sistema nervoso - Anatomia animalSistema nervoso - Anatomia animal
Sistema nervoso - Anatomia animal
 
Sistema reprodutor feminino Animal
Sistema reprodutor feminino AnimalSistema reprodutor feminino Animal
Sistema reprodutor feminino Animal
 
Sistema cardiovascular e linfático - anatomia animal
Sistema cardiovascular e linfático - anatomia animalSistema cardiovascular e linfático - anatomia animal
Sistema cardiovascular e linfático - anatomia animal
 
Sistema reprodutor de uma ave
Sistema reprodutor de uma aveSistema reprodutor de uma ave
Sistema reprodutor de uma ave
 
Anatomia dos animais de produção i
Anatomia dos animais de produção iAnatomia dos animais de produção i
Anatomia dos animais de produção i
 
Proteínas na alimentação animal
 Proteínas na alimentação animal Proteínas na alimentação animal
Proteínas na alimentação animal
 
Introdução Etologia e bem-estar animal - etologia e bem-estar animal
Introdução Etologia e bem-estar animal - etologia e bem-estar animalIntrodução Etologia e bem-estar animal - etologia e bem-estar animal
Introdução Etologia e bem-estar animal - etologia e bem-estar animal
 
Aula 1 de Histologia : Epitélio
Aula 1 de Histologia : Epitélio Aula 1 de Histologia : Epitélio
Aula 1 de Histologia : Epitélio
 

Destaque

Anatomia topografica- cavidade torácica
Anatomia topografica- cavidade torácicaAnatomia topografica- cavidade torácica
Anatomia topografica- cavidade torácica
wellison nascimento
 
Aves
AvesAves
Sistema esqueletico de aves
Sistema esqueletico de avesSistema esqueletico de aves
Sistema esqueletico de aves
Dalber Silva
 
Aves
AvesAves
Anatomia e histologia dos ossos pneumáticos das aves
Anatomia e histologia dos ossos pneumáticos das avesAnatomia e histologia dos ossos pneumáticos das aves
Anatomia e histologia dos ossos pneumáticos das aves
Giovane Costa
 
Uso da consanguinidade em equinos
Uso da consanguinidade em equinosUso da consanguinidade em equinos
Uso da consanguinidade em equinos
Karynne Chaves
 
ANATOMIA CANINA
ANATOMIA CANINAANATOMIA CANINA
ANATOMIA CANINA
Lorena Mundim
 
Aves - Biologia
Aves - BiologiaAves - Biologia
Aves - Biologia
Paulo Henrique LIBRAS
 
Aves
AvesAves
Aves
kittymust
 
Anatomia Aviar, Gonzalez Ivan
Anatomia Aviar, Gonzalez IvanAnatomia Aviar, Gonzalez Ivan
Anatomia Aviar, Gonzalez Ivan
Ivan Tiempo
 
Introdução a Anatomia e Fisiologia Veterinária
Introdução a Anatomia e Fisiologia VeterináriaIntrodução a Anatomia e Fisiologia Veterinária
Introdução a Anatomia e Fisiologia Veterinária
Felipe Damschi
 
Sistema circulatório 8º ano
Sistema circulatório   8º anoSistema circulatório   8º ano
Sistema circulatório 8º ano
Abmael Rocha Junior
 
Aula sistema circulatã³rio
Aula sistema circulatã³rioAula sistema circulatã³rio
Aula sistema circulatã³rio
Daisy
 
Aves
AvesAves
Reino animalia - aves
Reino animalia - avesReino animalia - aves
Reino animalia - aves
Matheus Alves
 
Revestimento do corpo das aves
Revestimento do corpo das avesRevestimento do corpo das aves
Revestimento do corpo das aves
00367p
 
SISTEMA RESPIRATÓRIO
SISTEMA RESPIRATÓRIOSISTEMA RESPIRATÓRIO
SISTEMA RESPIRATÓRIO
Patrícia Alves
 
Jonathan mamiferoseaves
Jonathan   mamiferoseavesJonathan   mamiferoseaves
Jonathan mamiferoseaves
SESI 422 - Americana
 
Debicagem 2013
Debicagem 2013Debicagem 2013
Debicagem 2013
Lucas Jorge
 
Bruna rocha livro digital, zootecnia
Bruna rocha livro digital, zootecniaBruna rocha livro digital, zootecnia
Bruna rocha livro digital, zootecnia
telepic2014
 

Destaque (20)

Anatomia topografica- cavidade torácica
Anatomia topografica- cavidade torácicaAnatomia topografica- cavidade torácica
Anatomia topografica- cavidade torácica
 
Aves
AvesAves
Aves
 
Sistema esqueletico de aves
Sistema esqueletico de avesSistema esqueletico de aves
Sistema esqueletico de aves
 
Aves
AvesAves
Aves
 
Anatomia e histologia dos ossos pneumáticos das aves
Anatomia e histologia dos ossos pneumáticos das avesAnatomia e histologia dos ossos pneumáticos das aves
Anatomia e histologia dos ossos pneumáticos das aves
 
Uso da consanguinidade em equinos
Uso da consanguinidade em equinosUso da consanguinidade em equinos
Uso da consanguinidade em equinos
 
ANATOMIA CANINA
ANATOMIA CANINAANATOMIA CANINA
ANATOMIA CANINA
 
Aves - Biologia
Aves - BiologiaAves - Biologia
Aves - Biologia
 
Aves
AvesAves
Aves
 
Anatomia Aviar, Gonzalez Ivan
Anatomia Aviar, Gonzalez IvanAnatomia Aviar, Gonzalez Ivan
Anatomia Aviar, Gonzalez Ivan
 
Introdução a Anatomia e Fisiologia Veterinária
Introdução a Anatomia e Fisiologia VeterináriaIntrodução a Anatomia e Fisiologia Veterinária
Introdução a Anatomia e Fisiologia Veterinária
 
Sistema circulatório 8º ano
Sistema circulatório   8º anoSistema circulatório   8º ano
Sistema circulatório 8º ano
 
Aula sistema circulatã³rio
Aula sistema circulatã³rioAula sistema circulatã³rio
Aula sistema circulatã³rio
 
Aves
AvesAves
Aves
 
Reino animalia - aves
Reino animalia - avesReino animalia - aves
Reino animalia - aves
 
Revestimento do corpo das aves
Revestimento do corpo das avesRevestimento do corpo das aves
Revestimento do corpo das aves
 
SISTEMA RESPIRATÓRIO
SISTEMA RESPIRATÓRIOSISTEMA RESPIRATÓRIO
SISTEMA RESPIRATÓRIO
 
Jonathan mamiferoseaves
Jonathan   mamiferoseavesJonathan   mamiferoseaves
Jonathan mamiferoseaves
 
Debicagem 2013
Debicagem 2013Debicagem 2013
Debicagem 2013
 
Bruna rocha livro digital, zootecnia
Bruna rocha livro digital, zootecniaBruna rocha livro digital, zootecnia
Bruna rocha livro digital, zootecnia
 

Semelhante a Fisiologia respiratória em aves 2

Resp_aves_andre.pptx aula de sistema respiratorio
Resp_aves_andre.pptx aula de sistema respiratorioResp_aves_andre.pptx aula de sistema respiratorio
Resp_aves_andre.pptx aula de sistema respiratorio
jarlianezootecnista
 
sistema_respiratorio_9º.ppt
sistema_respiratorio_9º.pptsistema_respiratorio_9º.ppt
sistema_respiratorio_9º.ppt
CIROROBERTODAROS
 
Aula sistema respiratório
Aula sistema respiratórioAula sistema respiratório
Aula sistema respiratório
carlotabuchi
 
Sistema Respiratorio - Patricia Santos
Sistema Respiratorio - Patricia SantosSistema Respiratorio - Patricia Santos
Sistema Respiratorio - Patricia Santos
Victoria Cabral
 
PARA 2S_ Sistema respitarório Mari + Ionara_ Para prova do 4°bim
 PARA 2S_ Sistema respitarório Mari + Ionara_  Para prova do 4°bim PARA 2S_ Sistema respitarório Mari + Ionara_  Para prova do 4°bim
PARA 2S_ Sistema respitarório Mari + Ionara_ Para prova do 4°bim
Ionara Urrutia Moura
 
Sistema respiratório
Sistema respiratórioSistema respiratório
Sistema respiratório
Joaquim André
 
Sistema respiratório
Sistema respiratórioSistema respiratório
Sistema respiratório
Mariana Sofia
 
A circulacao do_ar_e_sist_respiratorio_aula
A circulacao do_ar_e_sist_respiratorio_aulaA circulacao do_ar_e_sist_respiratorio_aula
A circulacao do_ar_e_sist_respiratorio_aula
tuchav
 
2020- Sistema Respiratório.pdfsistema respi
2020- Sistema Respiratório.pdfsistema respi2020- Sistema Respiratório.pdfsistema respi
2020- Sistema Respiratório.pdfsistema respi
IANAHAAS
 
Sistema Respiratório Carmo - Turma 181
Sistema Respiratório Carmo - Turma 181Sistema Respiratório Carmo - Turma 181
Sistema Respiratório Carmo - Turma 181
aferna
 
Sistema Respiratório
Sistema RespiratórioSistema Respiratório
Sistema Respiratório
guest46e0e6
 
Sistema Respiratório....
Sistema Respiratório....Sistema Respiratório....
Sistema Respiratório....
Gabriela Bruno
 
Slide Anatomia Humana
Slide Anatomia HumanaSlide Anatomia Humana
Slide Anatomia Humana
SABRINA
 
Slide Anatomia Humana
Slide Anatomia HumanaSlide Anatomia Humana
Slide Anatomia Humana
professoralivia
 
Ciências [fisiologia] sistema respiratório [henzo]
Ciências [fisiologia]   sistema respiratório [henzo]Ciências [fisiologia]   sistema respiratório [henzo]
Ciências [fisiologia] sistema respiratório [henzo]
henzo13
 
Sistema Respiratório
Sistema RespiratórioSistema Respiratório
Sistema Respiratório
Gabriela Bruno
 
Aula 9 - Sistema Respiratório - Anatomia Humana.pdf
Aula 9 - Sistema Respiratório - Anatomia  Humana.pdfAula 9 - Sistema Respiratório - Anatomia  Humana.pdf
Aula 9 - Sistema Respiratório - Anatomia Humana.pdf
Giza Carla Nitz
 
Sistema respiratório
Sistema respiratórioSistema respiratório
Sistema respiratório
URCA
 
Respirartorio
RespirartorioRespirartorio
Respirartorio
biomedunifil
 
Sistema respiratorio
Sistema respiratorioSistema respiratorio
Sistema respiratorio
AlanWillianLeonioSil
 

Semelhante a Fisiologia respiratória em aves 2 (20)

Resp_aves_andre.pptx aula de sistema respiratorio
Resp_aves_andre.pptx aula de sistema respiratorioResp_aves_andre.pptx aula de sistema respiratorio
Resp_aves_andre.pptx aula de sistema respiratorio
 
sistema_respiratorio_9º.ppt
sistema_respiratorio_9º.pptsistema_respiratorio_9º.ppt
sistema_respiratorio_9º.ppt
 
Aula sistema respiratório
Aula sistema respiratórioAula sistema respiratório
Aula sistema respiratório
 
Sistema Respiratorio - Patricia Santos
Sistema Respiratorio - Patricia SantosSistema Respiratorio - Patricia Santos
Sistema Respiratorio - Patricia Santos
 
PARA 2S_ Sistema respitarório Mari + Ionara_ Para prova do 4°bim
 PARA 2S_ Sistema respitarório Mari + Ionara_  Para prova do 4°bim PARA 2S_ Sistema respitarório Mari + Ionara_  Para prova do 4°bim
PARA 2S_ Sistema respitarório Mari + Ionara_ Para prova do 4°bim
 
Sistema respiratório
Sistema respiratórioSistema respiratório
Sistema respiratório
 
Sistema respiratório
Sistema respiratórioSistema respiratório
Sistema respiratório
 
A circulacao do_ar_e_sist_respiratorio_aula
A circulacao do_ar_e_sist_respiratorio_aulaA circulacao do_ar_e_sist_respiratorio_aula
A circulacao do_ar_e_sist_respiratorio_aula
 
2020- Sistema Respiratório.pdfsistema respi
2020- Sistema Respiratório.pdfsistema respi2020- Sistema Respiratório.pdfsistema respi
2020- Sistema Respiratório.pdfsistema respi
 
Sistema Respiratório Carmo - Turma 181
Sistema Respiratório Carmo - Turma 181Sistema Respiratório Carmo - Turma 181
Sistema Respiratório Carmo - Turma 181
 
Sistema Respiratório
Sistema RespiratórioSistema Respiratório
Sistema Respiratório
 
Sistema Respiratório....
Sistema Respiratório....Sistema Respiratório....
Sistema Respiratório....
 
Slide Anatomia Humana
Slide Anatomia HumanaSlide Anatomia Humana
Slide Anatomia Humana
 
Slide Anatomia Humana
Slide Anatomia HumanaSlide Anatomia Humana
Slide Anatomia Humana
 
Ciências [fisiologia] sistema respiratório [henzo]
Ciências [fisiologia]   sistema respiratório [henzo]Ciências [fisiologia]   sistema respiratório [henzo]
Ciências [fisiologia] sistema respiratório [henzo]
 
Sistema Respiratório
Sistema RespiratórioSistema Respiratório
Sistema Respiratório
 
Aula 9 - Sistema Respiratório - Anatomia Humana.pdf
Aula 9 - Sistema Respiratório - Anatomia  Humana.pdfAula 9 - Sistema Respiratório - Anatomia  Humana.pdf
Aula 9 - Sistema Respiratório - Anatomia Humana.pdf
 
Sistema respiratório
Sistema respiratórioSistema respiratório
Sistema respiratório
 
Respirartorio
RespirartorioRespirartorio
Respirartorio
 
Sistema respiratorio
Sistema respiratorioSistema respiratorio
Sistema respiratorio
 

Último

000. Para rezar o terço - Junho - mês do Sagrado Coração de Jesús.pdf
000. Para rezar o terço - Junho - mês do Sagrado Coração de Jesús.pdf000. Para rezar o terço - Junho - mês do Sagrado Coração de Jesús.pdf
000. Para rezar o terço - Junho - mês do Sagrado Coração de Jesús.pdf
YeniferGarcia36
 
REGULAMENTO DO CONCURSO DESENHOS AFRO/2024 - 14ª edição - CEIRI /UREI (ficha...
REGULAMENTO  DO CONCURSO DESENHOS AFRO/2024 - 14ª edição - CEIRI /UREI (ficha...REGULAMENTO  DO CONCURSO DESENHOS AFRO/2024 - 14ª edição - CEIRI /UREI (ficha...
REGULAMENTO DO CONCURSO DESENHOS AFRO/2024 - 14ª edição - CEIRI /UREI (ficha...
Eró Cunha
 
O Mito da Caverna de Platão_ Uma Jornada em Busca da Verdade.pdf
O Mito da Caverna de Platão_ Uma Jornada em Busca da Verdade.pdfO Mito da Caverna de Platão_ Uma Jornada em Busca da Verdade.pdf
O Mito da Caverna de Platão_ Uma Jornada em Busca da Verdade.pdf
silvamelosilva300
 
1ª LEI DE OHN, CARACTERISTICAS IMPORTANTES.
1ª LEI DE OHN, CARACTERISTICAS IMPORTANTES.1ª LEI DE OHN, CARACTERISTICAS IMPORTANTES.
1ª LEI DE OHN, CARACTERISTICAS IMPORTANTES.
LeticiaRochaCupaiol
 
Leis de Mendel - as ervilhas e a maneira simples de entender.ppt
Leis de Mendel - as ervilhas e a maneira simples de entender.pptLeis de Mendel - as ervilhas e a maneira simples de entender.ppt
Leis de Mendel - as ervilhas e a maneira simples de entender.ppt
PatriciaZanoli
 
Aula 2 - Revisando o significado de fração - Parte 2.pptx
Aula 2 - Revisando o significado de fração - Parte 2.pptxAula 2 - Revisando o significado de fração - Parte 2.pptx
Aula 2 - Revisando o significado de fração - Parte 2.pptx
LILIANPRESTESSCUDELE
 
D20 - Descritores SAEB de Língua Portuguesa
D20 - Descritores SAEB de Língua PortuguesaD20 - Descritores SAEB de Língua Portuguesa
D20 - Descritores SAEB de Língua Portuguesa
eaiprofpolly
 
A QUESTÃO ANTROPOLÓGICA: O QUE SOMOS OU QUEM SOMOS.pdf
A QUESTÃO ANTROPOLÓGICA: O QUE SOMOS OU QUEM SOMOS.pdfA QUESTÃO ANTROPOLÓGICA: O QUE SOMOS OU QUEM SOMOS.pdf
A QUESTÃO ANTROPOLÓGICA: O QUE SOMOS OU QUEM SOMOS.pdf
AurelianoFerreirades2
 
2020_09_17 - Biomas Mundiais [Salvo automaticamente].pptx
2020_09_17 - Biomas Mundiais [Salvo automaticamente].pptx2020_09_17 - Biomas Mundiais [Salvo automaticamente].pptx
2020_09_17 - Biomas Mundiais [Salvo automaticamente].pptx
PatriciaZanoli
 
Educação trabalho HQ em sala de aula uma excelente ideia
Educação  trabalho HQ em sala de aula uma excelente  ideiaEducação  trabalho HQ em sala de aula uma excelente  ideia
Educação trabalho HQ em sala de aula uma excelente ideia
joseanesouza36
 
Testes + soluções_Mensagens12 )11111.pdf
Testes + soluções_Mensagens12 )11111.pdfTestes + soluções_Mensagens12 )11111.pdf
Testes + soluções_Mensagens12 )11111.pdf
lveiga112
 
A Evolução da história da Física - Albert Einstein
A Evolução da história da Física - Albert EinsteinA Evolução da história da Física - Albert Einstein
A Evolução da história da Física - Albert Einstein
WelberMerlinCardoso
 
- TEMPLATE DA PRATICA - Psicomotricidade.pptx
- TEMPLATE DA PRATICA - Psicomotricidade.pptx- TEMPLATE DA PRATICA - Psicomotricidade.pptx
- TEMPLATE DA PRATICA - Psicomotricidade.pptx
LucianaCristina58
 
Potenciação e Radiciação de Números Racionais
Potenciação e Radiciação de Números RacionaisPotenciação e Radiciação de Números Racionais
Potenciação e Radiciação de Números Racionais
wagnermorais28
 
Pintura Romana .pptx
Pintura Romana                     .pptxPintura Romana                     .pptx
Pintura Romana .pptx
TomasSousa7
 
347018542-PAULINA-CHIZIANE-Balada-de-Amor-ao-Vento-pdf.pdf
347018542-PAULINA-CHIZIANE-Balada-de-Amor-ao-Vento-pdf.pdf347018542-PAULINA-CHIZIANE-Balada-de-Amor-ao-Vento-pdf.pdf
347018542-PAULINA-CHIZIANE-Balada-de-Amor-ao-Vento-pdf.pdf
AntnioManuelAgdoma
 
PP Slides Lição 11, Betel, Ordenança para exercer a fé, 2Tr24.pptx
PP Slides Lição 11, Betel, Ordenança para exercer a fé, 2Tr24.pptxPP Slides Lição 11, Betel, Ordenança para exercer a fé, 2Tr24.pptx
PP Slides Lição 11, Betel, Ordenança para exercer a fé, 2Tr24.pptx
LuizHenriquedeAlmeid6
 
epidemias endemia-pandemia-e-epidemia (1).ppt
epidemias endemia-pandemia-e-epidemia (1).pptepidemias endemia-pandemia-e-epidemia (1).ppt
epidemias endemia-pandemia-e-epidemia (1).ppt
MarceloMonteiro213738
 
OS elementos de uma boa Redação para o ENEM.pdf
OS elementos de uma boa Redação para o ENEM.pdfOS elementos de uma boa Redação para o ENEM.pdf
OS elementos de uma boa Redação para o ENEM.pdf
AmiltonAparecido1
 
Fernão Lopes. pptx
Fernão Lopes.                       pptxFernão Lopes.                       pptx
Fernão Lopes. pptx
TomasSousa7
 

Último (20)

000. Para rezar o terço - Junho - mês do Sagrado Coração de Jesús.pdf
000. Para rezar o terço - Junho - mês do Sagrado Coração de Jesús.pdf000. Para rezar o terço - Junho - mês do Sagrado Coração de Jesús.pdf
000. Para rezar o terço - Junho - mês do Sagrado Coração de Jesús.pdf
 
REGULAMENTO DO CONCURSO DESENHOS AFRO/2024 - 14ª edição - CEIRI /UREI (ficha...
REGULAMENTO  DO CONCURSO DESENHOS AFRO/2024 - 14ª edição - CEIRI /UREI (ficha...REGULAMENTO  DO CONCURSO DESENHOS AFRO/2024 - 14ª edição - CEIRI /UREI (ficha...
REGULAMENTO DO CONCURSO DESENHOS AFRO/2024 - 14ª edição - CEIRI /UREI (ficha...
 
O Mito da Caverna de Platão_ Uma Jornada em Busca da Verdade.pdf
O Mito da Caverna de Platão_ Uma Jornada em Busca da Verdade.pdfO Mito da Caverna de Platão_ Uma Jornada em Busca da Verdade.pdf
O Mito da Caverna de Platão_ Uma Jornada em Busca da Verdade.pdf
 
1ª LEI DE OHN, CARACTERISTICAS IMPORTANTES.
1ª LEI DE OHN, CARACTERISTICAS IMPORTANTES.1ª LEI DE OHN, CARACTERISTICAS IMPORTANTES.
1ª LEI DE OHN, CARACTERISTICAS IMPORTANTES.
 
Leis de Mendel - as ervilhas e a maneira simples de entender.ppt
Leis de Mendel - as ervilhas e a maneira simples de entender.pptLeis de Mendel - as ervilhas e a maneira simples de entender.ppt
Leis de Mendel - as ervilhas e a maneira simples de entender.ppt
 
Aula 2 - Revisando o significado de fração - Parte 2.pptx
Aula 2 - Revisando o significado de fração - Parte 2.pptxAula 2 - Revisando o significado de fração - Parte 2.pptx
Aula 2 - Revisando o significado de fração - Parte 2.pptx
 
D20 - Descritores SAEB de Língua Portuguesa
D20 - Descritores SAEB de Língua PortuguesaD20 - Descritores SAEB de Língua Portuguesa
D20 - Descritores SAEB de Língua Portuguesa
 
A QUESTÃO ANTROPOLÓGICA: O QUE SOMOS OU QUEM SOMOS.pdf
A QUESTÃO ANTROPOLÓGICA: O QUE SOMOS OU QUEM SOMOS.pdfA QUESTÃO ANTROPOLÓGICA: O QUE SOMOS OU QUEM SOMOS.pdf
A QUESTÃO ANTROPOLÓGICA: O QUE SOMOS OU QUEM SOMOS.pdf
 
2020_09_17 - Biomas Mundiais [Salvo automaticamente].pptx
2020_09_17 - Biomas Mundiais [Salvo automaticamente].pptx2020_09_17 - Biomas Mundiais [Salvo automaticamente].pptx
2020_09_17 - Biomas Mundiais [Salvo automaticamente].pptx
 
Educação trabalho HQ em sala de aula uma excelente ideia
Educação  trabalho HQ em sala de aula uma excelente  ideiaEducação  trabalho HQ em sala de aula uma excelente  ideia
Educação trabalho HQ em sala de aula uma excelente ideia
 
Testes + soluções_Mensagens12 )11111.pdf
Testes + soluções_Mensagens12 )11111.pdfTestes + soluções_Mensagens12 )11111.pdf
Testes + soluções_Mensagens12 )11111.pdf
 
A Evolução da história da Física - Albert Einstein
A Evolução da história da Física - Albert EinsteinA Evolução da história da Física - Albert Einstein
A Evolução da história da Física - Albert Einstein
 
- TEMPLATE DA PRATICA - Psicomotricidade.pptx
- TEMPLATE DA PRATICA - Psicomotricidade.pptx- TEMPLATE DA PRATICA - Psicomotricidade.pptx
- TEMPLATE DA PRATICA - Psicomotricidade.pptx
 
Potenciação e Radiciação de Números Racionais
Potenciação e Radiciação de Números RacionaisPotenciação e Radiciação de Números Racionais
Potenciação e Radiciação de Números Racionais
 
Pintura Romana .pptx
Pintura Romana                     .pptxPintura Romana                     .pptx
Pintura Romana .pptx
 
347018542-PAULINA-CHIZIANE-Balada-de-Amor-ao-Vento-pdf.pdf
347018542-PAULINA-CHIZIANE-Balada-de-Amor-ao-Vento-pdf.pdf347018542-PAULINA-CHIZIANE-Balada-de-Amor-ao-Vento-pdf.pdf
347018542-PAULINA-CHIZIANE-Balada-de-Amor-ao-Vento-pdf.pdf
 
PP Slides Lição 11, Betel, Ordenança para exercer a fé, 2Tr24.pptx
PP Slides Lição 11, Betel, Ordenança para exercer a fé, 2Tr24.pptxPP Slides Lição 11, Betel, Ordenança para exercer a fé, 2Tr24.pptx
PP Slides Lição 11, Betel, Ordenança para exercer a fé, 2Tr24.pptx
 
epidemias endemia-pandemia-e-epidemia (1).ppt
epidemias endemia-pandemia-e-epidemia (1).pptepidemias endemia-pandemia-e-epidemia (1).ppt
epidemias endemia-pandemia-e-epidemia (1).ppt
 
OS elementos de uma boa Redação para o ENEM.pdf
OS elementos de uma boa Redação para o ENEM.pdfOS elementos de uma boa Redação para o ENEM.pdf
OS elementos de uma boa Redação para o ENEM.pdf
 
Fernão Lopes. pptx
Fernão Lopes.                       pptxFernão Lopes.                       pptx
Fernão Lopes. pptx
 

Fisiologia respiratória em aves 2

  • 2. Equipe : Emanuelle Engel Cansian Vanêssa Jung
  • 3. Endotérmicos Ovíparos
  • 4. Com apêndices locomotores anteriores modificados em assas , bico córneo e ossos pneumáticos.
  • 5.  Ao se estudar a anatomia e fisiologia aviaria, deve se lembrar que o corpo da galinha é composto por 9 sistemas interligados , como um composto por órgãos constituídos de músculos e tecidos. Estes sistemas funcionam em conjunto, como um delicado organismo , e são totalmente dependentes , seja direta ou indiretamente, para seu funcionamento normal. A ave é uma máquina perfeita.
  • 6. 1.Sistema esquelético • Proteção • Moldura 2.Sistema muscular „ serve para movimentação das aves , músculos das assas ,peito ,coxas e perna. 3. Sistema Tegumentar • Fixação e • Crescimento das penas
  • 7. 4.Sistema Digestivo „ Função ‟ transformar o alimento em nutriente 5. Sistema Respiratório „ Filtra , aquece e umidifica o ar inalado 6.Sistema Urogenital „ Não possuem bexiga urinário , a urina é pastosa e eliminada junto com as fezes
  • 8. 7. Sistema Circulatório „ A aorta localiza-se no ventrículo esquerdo, cuja croça curva-se para a direita, e ao ramificar- se, fornece sangue arterial (rico em oxigênio) a todo organismo 8. Sistema Nervoso „ A ave tem um sistema nervoso bastante desenvolvido , com excelente visão , audição e bom tato, mas com pouca capacidade olfativa e gustativa 9. Sistema Endócrino „ Atua sobre a reprodução e a migração
  • 9.
  • 10.  Segundo Reece (2005) ‟ “ Respiração é o meio pelo qual os animais obtêm e usam oxigênio e eliminam o dióxido de carbono”
  • 11.  sistema respiratório das aves apresenta estruturas funcionais bem definidas e particulares, que correspondem aos seguintes órgãos divididos em duas porções distintas:  1. Vias aéreas superiores: narinas, cavidade nasal, orofaringe e laringe.  2. Vias aéreas inferiores: traqueia , siringe (órgão fonador localizado no final da traqueia - início dos brônquios), brônquios, sacos aéreos (que tem formação já nos brônquios primários) e pulmões .
  • 12.
  • 13. Componentes do Sistema Respiratório Aves
  • 14. Traqueia  Conjunto de anéis cartilaginosos – 108 a 126.  As cartilagens traqueais em todas as aves formam anéis completos  Em algumas aves ossificam com a idade – frango , galo , pato.
  • 15. Alças Traqueais De uma classe de aves para outra, existem variações na anatomia traqueal que possuem significativas implicações para a ventilação.
  • 16. Siring e  Órgão vocal das aves  Localiza ‟se ao final da traqueia- zona de ramificação para os brônquios esquerdo e direito. O som é produzido na passagem do ar da expiração e pela vibração de duas membranas ‟timpânica interna
  • 17.  Pato e ganso ,apresentam uma bolha timpaniforme, expansão da siringe , no lado esquerdo , que provoca a resonância do som produzido.
  • 18. Pulmões  São rígidos e de volume fixo, localizados dorsalmente na região torácica,  É o único órgão efetor da troca gasosa e da termorregulação,  Praticamente expansão dos pulmões ‟ devido a ausência de
  • 19.
  • 20. Brônquios  Brônquio primário  Brônquios secundários • brônquios secundários medioventrais (4) • brônquios secundários mediodorsais (8) • brônquios secundários lateroventrais (8) • brônquios secundários laterodorsais (25 a 30)  Brônquios terciários (Parabrônquios) ‟ Hematose • Paleopulmonares • Neopulmonares
  • 21.
  • 22. Brônquio intrapulmonar primário É por onde o . Conduz o ar para os e para os .
  • 23. Brônquios secundários medioventrais Conduzem o para os
  • 24. Brônquios secundários mediodorsais Conduzem o para os .
  • 25. Brônquios secundários lateroventrais Conduzem o para os .
  • 26. Brônquios terciários ou parabrônquios Onde ocorrem as trocas gasosas nas aves. São:  Neopulmonares  Paleopulmonares Emas e pinguins não apresentam ‟ parabrônquios neopulmonares
  • 27. Parabrônquios paleopulmonares: Entre os brônquios secundários médio-dorsais e médio-ventrais. Parabrônquios neopulmonares: Cursam dos brônquios secundários mediodorsais, látero- ventrais e do brônquio primário intrapulmonar, para os sacos aéreos caudais.
  • 28. Vídeo ‟ Pulmões e Brônquios
  • 29. Presença de Sacos Aéreos   Cavidades de paredes finas conectadas aos pulmões cuja função é ‟ aumentar a ventilação pulmonar , diminuir o peso especifico.
  • 30. Sacos Aéreos  Avasculares , não contribuem para o intercambio gasoso  Participam da termorregulação e umidificam o ar  Reduzem e distribuem o peso no voo  Ossos pneumáticos
  • 31. Siringe Saco aéreo Traqueia clavicular (1) Sacos Grupo cranial aéreos cervicais Sacos Sacos aéreos (2) aéreos torácicos craniais torácicos (2) caudais (2) Grupo caudal Sacos aéreos abdominais (2)
  • 32.
  • 33.
  • 34.
  • 35. Mecânica da Respiração  Fisiologia Respiratória
  • 36.
  • 37. Respiração por movimentos das costelas e esterno  Como as aves não possuem diafragma, a respiração se faz às custas de movimentos das costelas e do esterno - O ar passa através dos pulmões e não para dentro e para fora como em outros vertebrados. http://www.ca.uky.edu/poultryprofitability/Production_manual/Chapter3_Anatomy_and_Physiology/Chapter3_respiratory.html
  • 38. Ciclo Respiratório  ‟ o ar entra através da traqueia e brônquios , indo para os sacos aéreos posteriores.
  • 39. ‟ o ar se move dos sacos aéreos caudais para os pulmões
  • 40. ‟ o ar se move dos pulmões para os sacos aéreos anteriores
  • 41. ‟ o ar se move dos sacos aéreos anteriores , para a traqueia e saem.
  • 42.
  • 43. Inspiração Aumento do volume toraco- abdominal Diminui a pressão dos sacos em relação à atmosfera O gás vai para os sacos aéreos passando pelo pulmão
  • 44. Expiração Diminuição do volume toraco-abdominal Aumenta a pressão dos sacos em relação à atmosfera Gás é forçado a sair dos sacos passando novamente pelos pulmões
  • 45. Trajeto do ar O movimento do ar pelos parabrônquios paleopulmonares é contínuo e unidirecional ‟ reduzindo o desvio do ar e aumentando a eficiência da ventilação.
  • 46. Capilares aéreos: Não existem alvéolos como observado nos mamíferos, mas nos parabrônquios existem tubos extremamente finos contendo ar, onde ocorrem as trocas gasosas.
  • 47. Cuidados Necessários   Manipulação: pode impedir o movimento de dobradiça do esterno  Castração de frangos : podem romper os sacos aéreos  Anestésicos:podem induzir a parada respiratória (ventilação mecânica)  Decúbito dorsal : prejudica a ventilação
  • 48. Referência  AZEVEDO, A.S. Fisiologia Veterinária. Disponível em: http://www.uff.br/fisiovet/. Acesso em 12.04.12. SWENSON, M.J.; REECE, W.O.; Dukes Fisiologia dos Animais Domésticos. 11ª ed. Rio de Janeiro, RJ, Editora Guanabara Koogan, Cap.55, p.904-905, 1996.Acesso 12/11/11. FEDDE, M.R. Respiração nas Aves. In Swenson M.J. & Reece W.O.- Dukes- Fisiologia dos Animais Domésticos. Parte II- Respiração e exercício. Cap. 14, - 1la ed. Editora Guanabara Koogan S.A., Rio de Janeiro-RJ, p. 269-276,1996. MORAES, I. A. ‟ Respiração das aves. Apostila do curso de Fisiologia Veterinária do Departamento de Fisiologia e Farmacologia da Universidade Federal Fluminense Niterói-RJ. 2001. 6p.