SlideShare uma empresa Scribd logo
Módulo IntermediárioEXCEL 2007
O QUE VOCÊ SERÁ CAPAZ DE FAZER Efetuar cálculos utilizando fórmulas práticas  para buscar resultados rápidos e precisos    Obter o resultado desejado de uma fórmula ajustando um valor com o uso do recurso Atingir Meta Copiar itens complexos de uma planilha e colar só o que for especificado Resumir de modo interativo grandes quantidades de dados por meio da opção Tabela Dinâmica
O QUE VOCÊ SERÁ CAPAZ DE FAZER Ocultar linhas, colunas e fórmulas da tabela que não deseja visualizar no momento Utilizar as opções da guia Auditoria de Fórmulas
ÍNDICE 1. FUNÇÕES  1.1- HOJE 1.2- PROCV e PROCH 1.3- INDIRETO 1.4- SE, E , OU 1.5- CONT.SES 1.6- DESLOC 1.7- CORRESP
ÍNDICE 1.8- Arredondamentos (para cima, para baixo, ARRED) 1.9- SEERRO 1.10- VP 1.11- VF 1.12- PGTO 2. FUNÇÕES DE TEXTO 1.1- NÚM.CARACT 1.2- TIRAR 1.3- REPT
ÍNDICE 3. TABELA DINÂMICA 4. EDITAR LISTAS PERSONALIZADAS 5. COLAR ESPECIAL 6. OCULTAR/REEXIBIR 7. ATINGIR META 8. AUDITORIA DE FÓRMULA
FUNÇÕES HOJE Ao digitar em uma célula a seguinte fórmula: 	=HOJE() 	O Excel retornará a data atual. EXEMPLO: Você pode utilizar essa função para atualizar a data do seu relatório. Veja:
FUNÇÕES PROCV Essa função é utilizada para localizar informações, procurando um valor na primeira coluna de uma matriz de tabela e retornando outro valor, situado na mesma linha mas de outra coluna da mesma tabela. A função PROCV realiza uma varredura vertical por toda a matriz em busca do valor a ser localizado. ,[object Object],[object Object],[object Object],[object Object],[object Object]
Para isso precisamos fazer um PROCV  “puxando”   os números do primeiro relatório (mês atual).
A função utilizada será:,[object Object]
Matriz tabela:  é o local (tabela) onde o PROCV irá procurar o dado atrelado (numero de telefone) à referencia (CNPJ);
Numero índice coluna: é a coluna que contém o valor atrelado. No nosso exemplo é o número 4. Perceba que  na coluna 1 temos       “Cliente CNPJ” , na 2 “Cliente ABCD” , na 3 “Cliente Status”                     e na 4 “Cliente Telefone”;
Procurar Intervalo: é a distinção entre valor exato (FALSO OU 0)  e valor aproximado (VERDADEIRO ou 1) no nosso exemplo usamos o ZERO.,[object Object]
PROCV e PROCH ,[object Object]
DICA: para isso será utilizada a validação de dados em uma célula que  trará a lista com os meses a serem pesquisados.,[object Object]
Onde:
Valor Procurado: valor que será usado como referência. No nosso exemplo será o mês que está na célula com a formatação condicional, note que o símbolo “$”está sendo utilizado para “travar” a célula selecionada, evitando que a seleção “ande” ao se copiar a Função em outro local;,[object Object]
Numero índice linha: é a linha que contém o valor atrelado. No nosso exemplo utilizamos a coluna F  para numerar as linhas do relatório e facilitar a busca.
Procurar Intervalo: é a distinção entre valor exato (FALSO OU 0)  e valor aproximado (VERDADEIRO ou 1) no nosso exemplo usamos o ZERO.,[object Object]
FUNÇÕES INDIRETO A função INDIRETO transforma um valor de texto em uma referência a uma célula ou intervalo. Isto permite que um valor de texto inserido em uma célula seja interpretado e convertido em uma região qualquer da planilha. Esta função é utilizada quando desejamos mudar a referência a uma célula em uma fórmula sem modificar a própria fórmula.  Veja o exemplo a seguir em que temos uma planilha com várias abas e queremos construir fórmulas para transferir dados de uma aba para a outra sem precisar abrir uma por uma. E para isso vamos utilizar a função INDIRETO.
FUNÇÕES Observe: Abaixo estão as abas que vamos trabalhar: BASE é a aba principal a qual vamos inserir os dados presentes nas demais abas. Esta é a tabela geral presente na aba BASE, aonde vamos inserir os dados
FUNÇÕES Tabela da aba Belo Horizonte: Tabela presente na aba Campinas: Tabela da aba Goiânia:
Tabela da aba Rio de Janeiro: Tabela presente na aba Recife:
FUNÇÕES Veja as fórmulas utilizadas na aba BASE para que pudesse ser inseridos os dados das demais tabelas: ,[object Object],“’”indica que há espaço entre os dados da referência (no caso: “Belo Horizonte e Rio de Janeiro); &para concatenar; 	“!B2” indica a célula da aba (no caso B2) a qual desejamos transferir o dado;
FUNÇÕES Veja o resultado obtido na aba BASE: ,[object Object]
Com isso podemos perceber que, em uma situação a qual temos grande quantidade de informações e desejamos inseri-las em uma nova tabela, torna-se fácil se for utilizado a função INDIRETO.,[object Object]
=SE(condição; valor_verdadeiro; valor_falso),[object Object]
Funções “SE” , “E”  e   “OU” ,[object Object]
Os argumentos usados na função OU não são excludentes, ou seja, basta que um dos argumentos seja satisfeito para que a expressão seja considerada verdadeira. ,[object Object]
FUNÇÃO Utilizamos a fórmula: =CONT.SES(A1:B10;”<2000”;A1:B10;>50000) Onde:  A1:B10 é o intervalo que contém os dados; <2000 e >50000 são os critérios estipulados para as condições. Veja o resultado a seguir:
FUNÇÕES Observe que foram contados apenas os valores maiores que 2000 e abaixo de 50000 no intervalo A1:B10. Com isso o resultado retornado foi 5.
FUNÇÕES DESLOC Retorna uma referência para um intervalo de células, que é um número especificado de linhas e colunas de uma célula ou intervalo de células. A referência retornada pode ser uma única célula ou um intervalo de células. Você pode especificar o número de linhas e de colunas a serem retornadas. Com a  função DESLOC podemos reduzir ou expandir uma matriz de uma fórmula.
FUNÇÕES SINTAXE: =DESLOC(referência; linhas; colunas; altura; largura) Onde: 	referência indica a célula onde será calculado o deslocamento; 	linhas especifica quantas linhas abaixo ou acima da célula de referência encontra-se a célula de início do intervalo de dados. Lembrando que número positivo indica abaixo, o número negativo indica acima da célula e o número zero indica não há linhas de referência; colunas especifica quantas colunas a esquerda ou a direita da célula de referência encontra-se o início do intervalo de dados; altura e largura especificam quantas células e quantas colunas a função DESLOC abrangerá.
FUNÇÕES EXEMPLO: 	Utilizaremos a função DESLOC para que a soma a ser exibida na célula C1 seja automaticamente atualizada quando for inserido novos dados à tabela com o intervalo de células A1:A9.  Utilizando a seguinte fórmula em C1: =SOMA(DESLOC(A1;0;0;9;1)) Aparecerá o resultado 240 na célula C1.
FUNÇÕES E se inserirmos novos valores nas células vazias do intervalo A1:A9 o valor da célula C1 (240) será atualizado.  	Veja: 	Observe que foi inserido o número 260 dentro do intervalo A1:A9 para ser 	somado. Com isso o valor em C1 foi atualizado e passou a ser 500
FUNÇÕES CORRESP Essa função retorna a posição que o valor especificado ocupa dentro da matriz. A função CORRESP é utilizada quando se quer saber a posição de um item em uma matriz ao invés do próprio item. Geralmente é usada juntamente com outras funções. EXEMPLO: 	Para saber a posição que se encontra a informação do cliente “Carros e Peças” no Ranking Clientes Top 15 da matriz abaixo, é só digitar na célula desejada a seguinte fórmula: 			=CORRESP(“Carros e Peças”;A1:A9;0)
FUNÇÕES Observe: O resultado da fórmula será: 8
FUNÇÕES ARRED Com a função ARRED é possível arredondar um número até uma quantidade especificada de dígitos para cima ou para baixo. SINTAXE: =ARRED(núm; núm_dígitos)  Onde núm é o número que se deseja arredondar;  E núm_dígitosespecifica a quantidade de dígitos para o qual você deseja arredondar o número.
FUNÇÕES Observe os seguintes quesitos para o uso da função ARRED: ,[object Object]
Se o número de dígitos for zero, então o número será arredondado para o inteiro mais próximo;
Se o número de dígitos for menor que zero, então o número será arredondado para a esquerda da vírgula decimal.,[object Object]
FUNÇÕES ARREDONDAR.PARA.CIMA Essa função é utilizada para arredondar um determinado número para cima de acordo com a quantidade de casas decimais indicadas afastando-o de zero.  SINTAXE: =ARREDONDAR.PARA.CIMA(núm;núm_dígitos) Onde núm  é qualquer número real que se deseja arredondar para cima; 	      E núm_dígitosé a quantidade de dígitos que se deseja arrendondar.
FUNÇÕES SEERRO Retorna um valor especificado se uma fórmula gerar um erro; caso contrário, retorna o resultado da fórmula. Use a função SEERRO para capturar e controlar os erros em uma fórmula.  SINTAXE: =SEERRO(valor;valor_se_erro) Sendo que: valor: é o argumento verificado quanto ao erro valor_se_erro: é o valor a ser retornado se a fórmula gerar um erro. Os tipos de erros comuns são:  #N/D, #VALOR!, #REF!, #DIV/0!, #NÚM!, #NOME? ou #NULO!
FUNÇÕES DE TEXTO NÚM.CARACT Com esta função é possível descobrir o número de caracteres em uma sequência de caracteres de texto sendo eles letras, espaço entre texto ou números. Para isso é só digitar na célula desejada a fórmula indicando a célula que contém o conteúdo a ser analisado (no caso a célula A1) . 			    =NÚM.CARACT(A1)
FUNÇÕES DE TEXTO TIRAR A função TIRAR remove todos os caracteres do texto que não podem ser impressos. Ela pode ser utilizada em textos importados de outros aplicativos que contêm caracteres que talvez não possam ser impressos no seu sistema operacional, como o de uma linguagem de computador de baixo nível, por exemplo. Essa função TIRAR foi especialmente desenvolvida para remover os 32 primeiros caracteres não-imprimíveis no código ASCII de 7 bits (valores de 0 a 31) do texto. SINTAXE: =TIRAR(texto) 	Onde texto é qualquer informação da qual se deseja retirar caracteres não imprimíveis.
FUNÇÕES DE TEXTO REPT É uma função que repete um texto um determinado número de vezes. É muito útil para preencher uma célula com uma quantidade de vezes desejada de uma seqüência de caracteres de texto. SINTAXE: 	=REPT(texto; núm_vezes)  Sendo texto, o conteúdo da célula que se deseja repetir; E núm_vezes é a quantidade especificada que se deseja repetir o conteúdo da célula.
TABELA DINÂMICA TABELA DINÂMICA A Tabela Dinâmica é uma ferramenta interativa para análise de dados e tomada de decisões, cruzando informações de maneira rápida e flexível.  	Através dela você pode resumir várias informações, extrair de maneira rápida e prática diversos dados relevantes utilizando sua função principal de filtragem de dados, e com isso facilitar a visualização e utilização das informações da planilha.
TABELA DINÂMICA EXEMPLO Na tabela abaixo consta informações de 3 concessionárias diferentes  e  para facilitar a visualização dos dados, vamos sintetizá-los utilizando a ferramenta Tabela Dinâmica. Observe: ,[object Object],    você está usando no relatório de tabela dinâmica.  ,[object Object],   coluna, ou seja, uma coluna que contém números não deve conter texto, e assim         por diante.
TABELA DINÂMICA 	Para isso selecione a tabela que se quer utilizar a ferramenta, em seguida vá até a Guia Inserir, e escolha a opção Tabela Dinâmica, e em seguida clique em Tabela Dinâmica novamente. Feito isso aparecerá a seguinte Caixa de Diálogo: Escolha a opção Selecionar uma tabela ou intervalo eindique o intervalo a ser selecionado para ser inserido na tabela dinâmica.  Escolha a opção Nova Planilha se quiser que  o relatório seja inserido em uma nova planilha.  Por fim, clique em OK.
TABELA DINÂMICA Em seguida será inserido em uma nova planilha o relatório de Tabela Dinâmica, onde é possível através da Lista de Campos da Tabela Dinâmica, recriar relatórios, e mover dados mostrando só as informações que se pretende saber. Lista de Campos da Tabela Dinâmica, onde se encontram as opções que podem ser adicionadas ou removidas no Relatório. Área de Layout da Tabela Dinâmica
TABELA DINÂMICA Agora vamos utilizar a Tabela Dinâmica para responder a seguinte pergunta: Quanto cada pessoa vendeu? 	Observe: Resultado da busca: Selecione as opções: Vendedor e Vendas
TABELA DINÂMICA Usando o campo Concessionária como um filtro de relatório, você pode ver um  	relatório separado para a NewCar, CarroZero ou GoodCar, ou ainda ver as vendas para ambas as concessionárias juntas. Para adicionar o campo Concessionária  como filtro de relatório, clique com o botão direito do mouse em Concessionária na Lista de Campos da Tabela Dinâmica, clique em Adicionar a Filtro de Relatório.
TABELA DINÂMICA Outra forma de inserir o filtro é clicar e arrastar o campo Concessionária para a área Filtro de Relatório. Arraste o campo Concessionária o Filtro de Relatório
TABELA DINÂMICA Observe que agora pode-se escolher o filtro para Concessionária, é só escolher a opção clicando na seta. 	Em seguida abrirá a caixa de diálogo onde aparece a opção para escolha do filtro.
EDITAR LISTAS PERSONALIZADAS ,[object Object],Na tela clique “Editar Listas Personalizadas”
EDITAR LISTAS PERSONALIZADAS ,[object Object],[object Object]
Para usar esta ferramenta basta selecionar as células desejadas,      copiá-las (CTRL+C) e na hora de colar ao invés do famoso (CTRL+V),     pressionar nessa ordem (ALT, C, V, S)    ,[object Object]
COLAR ESPECIAL   (ALT,C,V,S) ,[object Object]
Fórmulas: Apenas as fórmulas, não leva valores ou formatação como fonte, cor de célula etc.
Valores: Apenas os valores, também não leva formatação.
Formatos: Cola apenas o formato (moeda, porcentagem, hora etc.) não leva os valores.
Comentários: Cola comentários inseridos em células.
Validação: Cola validações que tenham sido inseridas em células. Neste caso leva os valores da validação!,[object Object]
Larguras da Coluna: Também Auto explicativo! Cola apenas a largura das colunas selecionadas.
Fórmulas e Formatos de Número: Cola fórmulas e formatos e leva o valor.
Valores e Formatos de Número: Cola valores e formatos das células selecionadas.COLAR ESPECIAL   (ALT,C,V,S)
[object Object]
Operação: Permite fazer cálculos matemáticos como adição, subtração, multiplicação e divisão a partir de um número-base que servirá como parâmetro para o cálculo das operações matemáticas sobre os valores já existentes no destino.COLAR ESPECIAL   (ALT,C,V,S)
[object Object],                    EXEMPLO: Número            Base DESTINO COLAR ESPECIAL   (ALT,C,V,S)
Transpor: O Excel possui um recurso que no momento de colar determinada lista, ele permite que você mude a ordem dos dados copiados nas células de destino. Ele tem efeito somente se você selecionar um conjunto de duas ou mais células e copiá-las.       Existem dois resultados possíveis: se os dados que você copiou estavam em linha, ao colar serão transpostos em colunas, ou senão ocorre o contrário. Se você selecionou os dados em colunas, eles serão transpostos em linhas. COLAR ESPECIAL   (ALT,C,V,S)
OCULTAR/REEXIBIR OCULTAR LINHAS E COLUNAS Ocultar linhas ou colunas é um recurso, que permite que determinada linha ou coluna não apareça na planilha, mas não significa que foi excluída. Para ocultar linha ou coluna, vá até a Guia Início, no grupo Células clique na opção Formatar, depois selecione Visibilidade e escolha Ocultar e Reexibir depois clique em Ocultar colunas ou Ocultar linhas. Você pode também clicar direto na linha ou coluna que deseja ocultar com o botão direito do mouse, e selecione a opção Ocultar. Ou ainda, utilizar os seguintes atalhos: 	CTRL + (   Oculta linha selecionada 	CTRL + SHIFT + (  Exibe novamente linhas ocultas dentro da seleção 	CTRL + )  Oculta coluna selecionada 	CTRL + SHIFT + )  Exibe novamente colunas ocultas dentro da seleção
OCULTAR/REEXIBIR Outra possibilidade de Ocultar uma linha ou coluna é utilizando o recurso Agrupar presente na barra de ferramentas, na Guia Dados, grupo Estrutura de Tópicos, opção Agrupar.
OCULTAR/REEXIBIR Com esta opção é possível escolher as linhas ou colunas que deseja vincular para que possam ser recolhidas (ocultadas) ou expandidas (reexibidas). EXEMPLO: Queremos ocultar a coluna B, para isso vamos selecionar a coluna e usar a opção Agrupar. Veja: Depois: Antes: Atalho para Expandir  a Coluna. Atalho para Recolher a Coluna.
OCULTAR/REEXIBIR REEXIBIR LINHAS OU COLUNAS Para reexibir uma linha ou coluna depois de tê-la ocultado, selecione a área da tabela próxima a área ocultada e utilize o mesmo caminho de Ocultar, mas selecionando a opção Reexibir.

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

MS Excel - Aula 01
MS Excel - Aula 01MS Excel - Aula 01
MS Excel - Aula 01
Roney Sousa
 
Excel
ExcelExcel
Aula 1 Excel básico
Aula 1   Excel básicoAula 1   Excel básico
Aula 1 Excel básico
Saulo Said
 
EXCEL 2019
EXCEL 2019EXCEL 2019
EXCEL 2019
Bruno480365
 
Apostila Microsoft Office Excel 2016
Apostila Microsoft Office Excel 2016Apostila Microsoft Office Excel 2016
Apostila Microsoft Office Excel 2016
Cibele Kanegae
 
Funções e Fórmulas em Excel 2010
Funções e Fórmulas em Excel 2010Funções e Fórmulas em Excel 2010
Funções e Fórmulas em Excel 2010
Daniel Brandão
 
Exercício 1 powerpoint
Exercício 1 powerpointExercício 1 powerpoint
Exercício 1 powerpoint
Carlos Melo
 
Apostila excel 2016
Apostila excel 2016Apostila excel 2016
Apostila excel 2016
ProsubSig
 
Apresentaçao final planilhas eletrônica sv230511
Apresentaçao final planilhas eletrônica sv230511Apresentaçao final planilhas eletrônica sv230511
Apresentaçao final planilhas eletrônica sv230511
juhpardo
 
Descritiva Narrativa (Lógica de Programação)
Descritiva Narrativa (Lógica de Programação)Descritiva Narrativa (Lógica de Programação)
Descritiva Narrativa (Lógica de Programação)
Gercélia Ramos
 
Apresentação do Teclado e Mouse
Apresentação do Teclado e MouseApresentação do Teclado e Mouse
Apresentação do Teclado e Mouse
Fraan Bittencourt
 
Excel Básico - Introdução
Excel Básico - IntroduçãoExcel Básico - Introdução
Excel Básico - Introdução
Cleber Ramos
 
Aula Lógica de Programação - cap1
Aula Lógica de Programação - cap1 Aula Lógica de Programação - cap1
Aula Lógica de Programação - cap1
Cloves da Rocha
 
Introdução ao Python
Introdução ao PythonIntrodução ao Python
Introdução ao Python
Marcio Palheta
 
MC – Aula 04 – Unidade central de processamento e Memória
MC – Aula 04 – Unidade central de processamento e MemóriaMC – Aula 04 – Unidade central de processamento e Memória
MC – Aula 04 – Unidade central de processamento e Memória
Felipe J. R. Vieira
 
Excel basico
Excel basicoExcel basico
Excel basico
Carlos Melo
 
Lógica de programação em ppt
Lógica de programação em pptLógica de programação em ppt
Lógica de programação em ppt
Andrei Bastos
 
Aulas EXCEL
Aulas EXCELAulas EXCEL
Aulas EXCEL
Zaira Prado
 
Algoritmo aula 01-f
Algoritmo   aula 01-fAlgoritmo   aula 01-f
Algoritmo aula 01-f
Professor Samuel Ribeiro
 
Apostila de Excel para crianças (pequeninos)
Apostila de Excel para crianças (pequeninos)Apostila de Excel para crianças (pequeninos)
Apostila de Excel para crianças (pequeninos)
Welington Carvalho
 

Mais procurados (20)

MS Excel - Aula 01
MS Excel - Aula 01MS Excel - Aula 01
MS Excel - Aula 01
 
Excel
ExcelExcel
Excel
 
Aula 1 Excel básico
Aula 1   Excel básicoAula 1   Excel básico
Aula 1 Excel básico
 
EXCEL 2019
EXCEL 2019EXCEL 2019
EXCEL 2019
 
Apostila Microsoft Office Excel 2016
Apostila Microsoft Office Excel 2016Apostila Microsoft Office Excel 2016
Apostila Microsoft Office Excel 2016
 
Funções e Fórmulas em Excel 2010
Funções e Fórmulas em Excel 2010Funções e Fórmulas em Excel 2010
Funções e Fórmulas em Excel 2010
 
Exercício 1 powerpoint
Exercício 1 powerpointExercício 1 powerpoint
Exercício 1 powerpoint
 
Apostila excel 2016
Apostila excel 2016Apostila excel 2016
Apostila excel 2016
 
Apresentaçao final planilhas eletrônica sv230511
Apresentaçao final planilhas eletrônica sv230511Apresentaçao final planilhas eletrônica sv230511
Apresentaçao final planilhas eletrônica sv230511
 
Descritiva Narrativa (Lógica de Programação)
Descritiva Narrativa (Lógica de Programação)Descritiva Narrativa (Lógica de Programação)
Descritiva Narrativa (Lógica de Programação)
 
Apresentação do Teclado e Mouse
Apresentação do Teclado e MouseApresentação do Teclado e Mouse
Apresentação do Teclado e Mouse
 
Excel Básico - Introdução
Excel Básico - IntroduçãoExcel Básico - Introdução
Excel Básico - Introdução
 
Aula Lógica de Programação - cap1
Aula Lógica de Programação - cap1 Aula Lógica de Programação - cap1
Aula Lógica de Programação - cap1
 
Introdução ao Python
Introdução ao PythonIntrodução ao Python
Introdução ao Python
 
MC – Aula 04 – Unidade central de processamento e Memória
MC – Aula 04 – Unidade central de processamento e MemóriaMC – Aula 04 – Unidade central de processamento e Memória
MC – Aula 04 – Unidade central de processamento e Memória
 
Excel basico
Excel basicoExcel basico
Excel basico
 
Lógica de programação em ppt
Lógica de programação em pptLógica de programação em ppt
Lógica de programação em ppt
 
Aulas EXCEL
Aulas EXCELAulas EXCEL
Aulas EXCEL
 
Algoritmo aula 01-f
Algoritmo   aula 01-fAlgoritmo   aula 01-f
Algoritmo aula 01-f
 
Apostila de Excel para crianças (pequeninos)
Apostila de Excel para crianças (pequeninos)Apostila de Excel para crianças (pequeninos)
Apostila de Excel para crianças (pequeninos)
 

Destaque

Excel 2010-intermediario
Excel 2010-intermediarioExcel 2010-intermediario
Excel 2010-intermediario
José Maria Oliveira
 
Curso de Excel 2007/2010 (Aula 01 e 02)
Curso de Excel 2007/2010 (Aula 01 e 02)Curso de Excel 2007/2010 (Aula 01 e 02)
Curso de Excel 2007/2010 (Aula 01 e 02)
Instituto Inovar
 
Excel comandos avançados
Excel comandos avançadosExcel comandos avançados
Excel comandos avançados
Clausia Antoneli
 
101 dicas excel
101 dicas excel101 dicas excel
101 dicas excel
Rodolfo Rodrigo Acosta
 
Planilhas eletrônicas introdução ao excel
Planilhas eletrônicas   introdução ao excelPlanilhas eletrônicas   introdução ao excel
Planilhas eletrônicas introdução ao excel
Clausia Antoneli
 
Curso de excel avançado versão 2010
Curso de excel avançado versão 2010Curso de excel avançado versão 2010
Curso de excel avançado versão 2010
Vanderlei Quinteiro Dias
 
Prova pratica infor básica
Prova pratica infor básicaProva pratica infor básica
Prova pratica infor básica
Jota Sousa
 
Apostila do Curso Excel 2010 Básico
Apostila do Curso Excel 2010 BásicoApostila do Curso Excel 2010 Básico
Apostila do Curso Excel 2010 Básico
Jorgina Cunha
 
Excel lista de exercicios básicos
Excel   lista de exercicios básicosExcel   lista de exercicios básicos
Excel lista de exercicios básicos
Pessoal
 
Caderno de exercícios excel 2010
Caderno de exercícios excel 2010Caderno de exercícios excel 2010
Caderno de exercícios excel 2010
Luiz Alexandre Araujo Tobase
 
Modelo de currículo 1º emprego
Modelo de currículo 1º empregoModelo de currículo 1º emprego
Modelo de currículo 1º emprego
CebracManaus
 
Resenha inovação a arte de steve jobs
Resenha inovação  a arte de steve jobsResenha inovação  a arte de steve jobs
Resenha inovação a arte de steve jobs
Rodrigo Cisco
 
Troca desenha
Troca desenhaTroca desenha
Troca desenha
aprcds
 
Calculo1 aula18
Calculo1 aula18Calculo1 aula18
Calculo1 aula18
Cleide Soares
 
BOLETIM
BOLETIMBOLETIM
BOLETIM
guestc54be68
 
Dani Ching Zen
Dani Ching ZenDani Ching Zen
Dani Ching Zen
Daniela Terra Vasques
 
Pensamentos c.s.lewis
Pensamentos c.s.lewisPensamentos c.s.lewis
Pensamentos c.s.lewis
Fer Nanda
 
Substituindo o Excel pelo Google Spreadsheet
Substituindo o Excel pelo Google SpreadsheetSubstituindo o Excel pelo Google Spreadsheet
Substituindo o Excel pelo Google Spreadsheet
Setesys
 
Curso excel intermediario
Curso excel intermediarioCurso excel intermediario
Curso excel intermediario
Sula Souza
 
World Class Manufacturing - Analysis on Hayes and Wheelwright foundation
World Class Manufacturing - Analysis on Hayes and Wheelwright foundation World Class Manufacturing - Analysis on Hayes and Wheelwright foundation
World Class Manufacturing - Analysis on Hayes and Wheelwright foundation
mukesh00007
 

Destaque (20)

Excel 2010-intermediario
Excel 2010-intermediarioExcel 2010-intermediario
Excel 2010-intermediario
 
Curso de Excel 2007/2010 (Aula 01 e 02)
Curso de Excel 2007/2010 (Aula 01 e 02)Curso de Excel 2007/2010 (Aula 01 e 02)
Curso de Excel 2007/2010 (Aula 01 e 02)
 
Excel comandos avançados
Excel comandos avançadosExcel comandos avançados
Excel comandos avançados
 
101 dicas excel
101 dicas excel101 dicas excel
101 dicas excel
 
Planilhas eletrônicas introdução ao excel
Planilhas eletrônicas   introdução ao excelPlanilhas eletrônicas   introdução ao excel
Planilhas eletrônicas introdução ao excel
 
Curso de excel avançado versão 2010
Curso de excel avançado versão 2010Curso de excel avançado versão 2010
Curso de excel avançado versão 2010
 
Prova pratica infor básica
Prova pratica infor básicaProva pratica infor básica
Prova pratica infor básica
 
Apostila do Curso Excel 2010 Básico
Apostila do Curso Excel 2010 BásicoApostila do Curso Excel 2010 Básico
Apostila do Curso Excel 2010 Básico
 
Excel lista de exercicios básicos
Excel   lista de exercicios básicosExcel   lista de exercicios básicos
Excel lista de exercicios básicos
 
Caderno de exercícios excel 2010
Caderno de exercícios excel 2010Caderno de exercícios excel 2010
Caderno de exercícios excel 2010
 
Modelo de currículo 1º emprego
Modelo de currículo 1º empregoModelo de currículo 1º emprego
Modelo de currículo 1º emprego
 
Resenha inovação a arte de steve jobs
Resenha inovação  a arte de steve jobsResenha inovação  a arte de steve jobs
Resenha inovação a arte de steve jobs
 
Troca desenha
Troca desenhaTroca desenha
Troca desenha
 
Calculo1 aula18
Calculo1 aula18Calculo1 aula18
Calculo1 aula18
 
BOLETIM
BOLETIMBOLETIM
BOLETIM
 
Dani Ching Zen
Dani Ching ZenDani Ching Zen
Dani Ching Zen
 
Pensamentos c.s.lewis
Pensamentos c.s.lewisPensamentos c.s.lewis
Pensamentos c.s.lewis
 
Substituindo o Excel pelo Google Spreadsheet
Substituindo o Excel pelo Google SpreadsheetSubstituindo o Excel pelo Google Spreadsheet
Substituindo o Excel pelo Google Spreadsheet
 
Curso excel intermediario
Curso excel intermediarioCurso excel intermediario
Curso excel intermediario
 
World Class Manufacturing - Analysis on Hayes and Wheelwright foundation
World Class Manufacturing - Analysis on Hayes and Wheelwright foundation World Class Manufacturing - Analysis on Hayes and Wheelwright foundation
World Class Manufacturing - Analysis on Hayes and Wheelwright foundation
 

Semelhante a Excel Intermediário

excelintermedirio-090723125852-phpapp02.ppt
excelintermedirio-090723125852-phpapp02.pptexcelintermedirio-090723125852-phpapp02.ppt
excelintermedirio-090723125852-phpapp02.ppt
elainesanchoparaiso
 
Tutorial formulas excell
Tutorial formulas excellTutorial formulas excell
Tutorial formulas excell
gusmao2010
 
INA_-_Fórmulas_e_Funções_-_PDF_C4R.pdf
INA_-_Fórmulas_e_Funções_-_PDF_C4R.pdfINA_-_Fórmulas_e_Funções_-_PDF_C4R.pdf
INA_-_Fórmulas_e_Funções_-_PDF_C4R.pdf
serapossivel
 
05.ebook excel funcoesdentrodefuncoesnoexcel
05.ebook excel funcoesdentrodefuncoesnoexcel05.ebook excel funcoesdentrodefuncoesnoexcel
05.ebook excel funcoesdentrodefuncoesnoexcel
Patricia A. B
 
05.ebook excel funcoes dentro de funcoes no excel
05.ebook excel funcoes dentro de funcoes no excel05.ebook excel funcoes dentro de funcoes no excel
05.ebook excel funcoes dentro de funcoes no excel
Jose Tavares
 
Aula 23 - Excel 2010
Aula 23 - Excel 2010Aula 23 - Excel 2010
Aula 23 - Excel 2010
Renan Oliveira Baptista
 
Apostila excel avançado
Apostila excel avançadoApostila excel avançado
Apostila excel avançado
Edusafig
 
Dicas Excel
Dicas ExcelDicas Excel
Aula Geral Excel
Aula Geral   ExcelAula Geral   Excel
Apostila excel avançado
Apostila excel avançadoApostila excel avançado
Apostila excel avançado
aeduar
 
INA_-_Fórmulas_e_Funções_-_PDF_C2R.pdf
INA_-_Fórmulas_e_Funções_-_PDF_C2R.pdfINA_-_Fórmulas_e_Funções_-_PDF_C2R.pdf
INA_-_Fórmulas_e_Funções_-_PDF_C2R.pdf
serapossivel
 
Treinamento Excel Avançado
Treinamento Excel AvançadoTreinamento Excel Avançado
Treinamento Excel Avançado
Luis Dalmoneki
 
Aula-2 -Formulas.pptx
Aula-2 -Formulas.pptxAula-2 -Formulas.pptx
Aula-2 -Formulas.pptx
mauro Adriano
 
Techideias excel avançado v2012
Techideias excel avançado v2012Techideias excel avançado v2012
Techideias excel avançado v2012
Tech Ideias
 
Visão geral de fórmulas no excel
Visão geral de fórmulas no excelVisão geral de fórmulas no excel
Visão geral de fórmulas no excel
Manuel Pinto
 
Apostila excel-avancado
Apostila excel-avancadoApostila excel-avancado
Apostila excel-avancado-senac
Apostila excel-avancado-senacApostila excel-avancado-senac
Apostila excel-avancado-senac
Márcio Alexsandro P Santos
 
Excel 2003
Excel 2003Excel 2003
Dicas de Excel
Dicas de ExcelDicas de Excel
Dicas de Excel
Milena Maisa
 
Aula 7 - Planilhas
Aula 7 - PlanilhasAula 7 - Planilhas
Aula 7 - Planilhas
LucasMansueto
 

Semelhante a Excel Intermediário (20)

excelintermedirio-090723125852-phpapp02.ppt
excelintermedirio-090723125852-phpapp02.pptexcelintermedirio-090723125852-phpapp02.ppt
excelintermedirio-090723125852-phpapp02.ppt
 
Tutorial formulas excell
Tutorial formulas excellTutorial formulas excell
Tutorial formulas excell
 
INA_-_Fórmulas_e_Funções_-_PDF_C4R.pdf
INA_-_Fórmulas_e_Funções_-_PDF_C4R.pdfINA_-_Fórmulas_e_Funções_-_PDF_C4R.pdf
INA_-_Fórmulas_e_Funções_-_PDF_C4R.pdf
 
05.ebook excel funcoesdentrodefuncoesnoexcel
05.ebook excel funcoesdentrodefuncoesnoexcel05.ebook excel funcoesdentrodefuncoesnoexcel
05.ebook excel funcoesdentrodefuncoesnoexcel
 
05.ebook excel funcoes dentro de funcoes no excel
05.ebook excel funcoes dentro de funcoes no excel05.ebook excel funcoes dentro de funcoes no excel
05.ebook excel funcoes dentro de funcoes no excel
 
Aula 23 - Excel 2010
Aula 23 - Excel 2010Aula 23 - Excel 2010
Aula 23 - Excel 2010
 
Apostila excel avançado
Apostila excel avançadoApostila excel avançado
Apostila excel avançado
 
Dicas Excel
Dicas ExcelDicas Excel
Dicas Excel
 
Aula Geral Excel
Aula Geral   ExcelAula Geral   Excel
Aula Geral Excel
 
Apostila excel avançado
Apostila excel avançadoApostila excel avançado
Apostila excel avançado
 
INA_-_Fórmulas_e_Funções_-_PDF_C2R.pdf
INA_-_Fórmulas_e_Funções_-_PDF_C2R.pdfINA_-_Fórmulas_e_Funções_-_PDF_C2R.pdf
INA_-_Fórmulas_e_Funções_-_PDF_C2R.pdf
 
Treinamento Excel Avançado
Treinamento Excel AvançadoTreinamento Excel Avançado
Treinamento Excel Avançado
 
Aula-2 -Formulas.pptx
Aula-2 -Formulas.pptxAula-2 -Formulas.pptx
Aula-2 -Formulas.pptx
 
Techideias excel avançado v2012
Techideias excel avançado v2012Techideias excel avançado v2012
Techideias excel avançado v2012
 
Visão geral de fórmulas no excel
Visão geral de fórmulas no excelVisão geral de fórmulas no excel
Visão geral de fórmulas no excel
 
Apostila excel-avancado
Apostila excel-avancadoApostila excel-avancado
Apostila excel-avancado
 
Apostila excel-avancado-senac
Apostila excel-avancado-senacApostila excel-avancado-senac
Apostila excel-avancado-senac
 
Excel 2003
Excel 2003Excel 2003
Excel 2003
 
Dicas de Excel
Dicas de ExcelDicas de Excel
Dicas de Excel
 
Aula 7 - Planilhas
Aula 7 - PlanilhasAula 7 - Planilhas
Aula 7 - Planilhas
 

Último

Aula de fundamentos de Programação Orientada a Objeto na linguagem de program...
Aula de fundamentos de Programação Orientada a Objeto na linguagem de program...Aula de fundamentos de Programação Orientada a Objeto na linguagem de program...
Aula de fundamentos de Programação Orientada a Objeto na linguagem de program...
samucajaime015
 
Aula de filosofia sobre Sexo, Gênero e sexualidade
Aula de filosofia sobre Sexo, Gênero e sexualidadeAula de filosofia sobre Sexo, Gênero e sexualidade
Aula de filosofia sobre Sexo, Gênero e sexualidade
AlessandraRibas7
 
Planejamento BNCC - 4 ANO -TRIMESTRAL - ENSINO FUNDAMENTAL
Planejamento BNCC - 4 ANO -TRIMESTRAL - ENSINO FUNDAMENTALPlanejamento BNCC - 4 ANO -TRIMESTRAL - ENSINO FUNDAMENTAL
Planejamento BNCC - 4 ANO -TRIMESTRAL - ENSINO FUNDAMENTAL
katbrochier1
 
filosofia e Direito- É a teoria que explica como a sociedade se organizou co...
filosofia e Direito- É a teoria que explica como a sociedade se organizou  co...filosofia e Direito- É a teoria que explica como a sociedade se organizou  co...
filosofia e Direito- É a teoria que explica como a sociedade se organizou co...
SidneySilva523387
 
Slides Lição 12, Betel, Ordenança para amar o próximo, 2Tr24.pptx
Slides Lição 12, Betel, Ordenança para amar o próximo, 2Tr24.pptxSlides Lição 12, Betel, Ordenança para amar o próximo, 2Tr24.pptx
Slides Lição 12, Betel, Ordenança para amar o próximo, 2Tr24.pptx
LuizHenriquedeAlmeid6
 
Resumo de Química 10º ano Estudo exames nacionais
Resumo de Química 10º ano Estudo exames nacionaisResumo de Química 10º ano Estudo exames nacionais
Resumo de Química 10º ano Estudo exames nacionais
beatrizsilva525654
 
FUNCAO EQUAÇÃO DO 2° GRAU SLIDES AULA 1.ppt
FUNCAO EQUAÇÃO DO 2° GRAU SLIDES AULA 1.pptFUNCAO EQUAÇÃO DO 2° GRAU SLIDES AULA 1.ppt
FUNCAO EQUAÇÃO DO 2° GRAU SLIDES AULA 1.ppt
MarceloMonteiro213738
 
Telepsiquismo Utilize seu poder extrassensorial para atrair prosperidade (Jos...
Telepsiquismo Utilize seu poder extrassensorial para atrair prosperidade (Jos...Telepsiquismo Utilize seu poder extrassensorial para atrair prosperidade (Jos...
Telepsiquismo Utilize seu poder extrassensorial para atrair prosperidade (Jos...
fran0410
 
PALAVRA SECRETA - ALFABETIZAÇÃO- REFORÇO
PALAVRA SECRETA - ALFABETIZAÇÃO- REFORÇOPALAVRA SECRETA - ALFABETIZAÇÃO- REFORÇO
PALAVRA SECRETA - ALFABETIZAÇÃO- REFORÇO
ARIADNEMARTINSDACRUZ
 
TREINAMENTO DE BRIGADA DE INCENDIO BRIGADA CCB 2023.pptx
TREINAMENTO DE BRIGADA DE INCENDIO BRIGADA CCB 2023.pptxTREINAMENTO DE BRIGADA DE INCENDIO BRIGADA CCB 2023.pptx
TREINAMENTO DE BRIGADA DE INCENDIO BRIGADA CCB 2023.pptx
erssstcontato
 
PP Slides Lição 11, Betel, Ordenança para exercer a fé, 2Tr24.pptx
PP Slides Lição 11, Betel, Ordenança para exercer a fé, 2Tr24.pptxPP Slides Lição 11, Betel, Ordenança para exercer a fé, 2Tr24.pptx
PP Slides Lição 11, Betel, Ordenança para exercer a fé, 2Tr24.pptx
LuizHenriquedeAlmeid6
 
Gênero Textual sobre Crônicas, 8º e 9º
Gênero Textual sobre Crônicas,  8º e  9ºGênero Textual sobre Crônicas,  8º e  9º
Gênero Textual sobre Crônicas, 8º e 9º
sjcelsorocha
 
Atpcg PEI Rev Irineu GESTÃO DE SALA DE AULA.pptx
Atpcg PEI Rev Irineu GESTÃO DE SALA DE AULA.pptxAtpcg PEI Rev Irineu GESTÃO DE SALA DE AULA.pptx
Atpcg PEI Rev Irineu GESTÃO DE SALA DE AULA.pptx
joaresmonte3
 
O século XVII e o nascimento da pedagogia.pptx
O século XVII e o nascimento da pedagogia.pptxO século XVII e o nascimento da pedagogia.pptx
O século XVII e o nascimento da pedagogia.pptx
geiseortiz1
 
Concurso FEMAR Resultado Final Etapa1-EmpregoscomEtapaII.pdf
Concurso FEMAR Resultado Final Etapa1-EmpregoscomEtapaII.pdfConcurso FEMAR Resultado Final Etapa1-EmpregoscomEtapaII.pdf
Concurso FEMAR Resultado Final Etapa1-EmpregoscomEtapaII.pdf
TathyLopes1
 
Loteria - Adição, subtração, multiplicação e divisão.
Loteria - Adição,  subtração,  multiplicação e divisão.Loteria - Adição,  subtração,  multiplicação e divisão.
Loteria - Adição, subtração, multiplicação e divisão.
Mary Alvarenga
 
Aula 1 - Ordem Mundial Aula de Geografia
Aula 1 - Ordem Mundial Aula de GeografiaAula 1 - Ordem Mundial Aula de Geografia
Aula 1 - Ordem Mundial Aula de Geografia
WELTONROBERTOFREITAS
 
-Rudolf-Laban-e-a-teoria-do-movimento.ppt
-Rudolf-Laban-e-a-teoria-do-movimento.ppt-Rudolf-Laban-e-a-teoria-do-movimento.ppt
-Rudolf-Laban-e-a-teoria-do-movimento.ppt
fagnerlopes11
 
Psicologia e Sociologia - Módulo 2 – Sociedade e indivíduo.pptx
Psicologia e Sociologia - Módulo 2 – Sociedade e indivíduo.pptxPsicologia e Sociologia - Módulo 2 – Sociedade e indivíduo.pptx
Psicologia e Sociologia - Módulo 2 – Sociedade e indivíduo.pptx
TiagoLouro8
 
Cartinhas de solidariedade e esperança.pptx
Cartinhas de solidariedade e esperança.pptxCartinhas de solidariedade e esperança.pptx
Cartinhas de solidariedade e esperança.pptx
Zenir Carmen Bez Trombeta
 

Último (20)

Aula de fundamentos de Programação Orientada a Objeto na linguagem de program...
Aula de fundamentos de Programação Orientada a Objeto na linguagem de program...Aula de fundamentos de Programação Orientada a Objeto na linguagem de program...
Aula de fundamentos de Programação Orientada a Objeto na linguagem de program...
 
Aula de filosofia sobre Sexo, Gênero e sexualidade
Aula de filosofia sobre Sexo, Gênero e sexualidadeAula de filosofia sobre Sexo, Gênero e sexualidade
Aula de filosofia sobre Sexo, Gênero e sexualidade
 
Planejamento BNCC - 4 ANO -TRIMESTRAL - ENSINO FUNDAMENTAL
Planejamento BNCC - 4 ANO -TRIMESTRAL - ENSINO FUNDAMENTALPlanejamento BNCC - 4 ANO -TRIMESTRAL - ENSINO FUNDAMENTAL
Planejamento BNCC - 4 ANO -TRIMESTRAL - ENSINO FUNDAMENTAL
 
filosofia e Direito- É a teoria que explica como a sociedade se organizou co...
filosofia e Direito- É a teoria que explica como a sociedade se organizou  co...filosofia e Direito- É a teoria que explica como a sociedade se organizou  co...
filosofia e Direito- É a teoria que explica como a sociedade se organizou co...
 
Slides Lição 12, Betel, Ordenança para amar o próximo, 2Tr24.pptx
Slides Lição 12, Betel, Ordenança para amar o próximo, 2Tr24.pptxSlides Lição 12, Betel, Ordenança para amar o próximo, 2Tr24.pptx
Slides Lição 12, Betel, Ordenança para amar o próximo, 2Tr24.pptx
 
Resumo de Química 10º ano Estudo exames nacionais
Resumo de Química 10º ano Estudo exames nacionaisResumo de Química 10º ano Estudo exames nacionais
Resumo de Química 10º ano Estudo exames nacionais
 
FUNCAO EQUAÇÃO DO 2° GRAU SLIDES AULA 1.ppt
FUNCAO EQUAÇÃO DO 2° GRAU SLIDES AULA 1.pptFUNCAO EQUAÇÃO DO 2° GRAU SLIDES AULA 1.ppt
FUNCAO EQUAÇÃO DO 2° GRAU SLIDES AULA 1.ppt
 
Telepsiquismo Utilize seu poder extrassensorial para atrair prosperidade (Jos...
Telepsiquismo Utilize seu poder extrassensorial para atrair prosperidade (Jos...Telepsiquismo Utilize seu poder extrassensorial para atrair prosperidade (Jos...
Telepsiquismo Utilize seu poder extrassensorial para atrair prosperidade (Jos...
 
PALAVRA SECRETA - ALFABETIZAÇÃO- REFORÇO
PALAVRA SECRETA - ALFABETIZAÇÃO- REFORÇOPALAVRA SECRETA - ALFABETIZAÇÃO- REFORÇO
PALAVRA SECRETA - ALFABETIZAÇÃO- REFORÇO
 
TREINAMENTO DE BRIGADA DE INCENDIO BRIGADA CCB 2023.pptx
TREINAMENTO DE BRIGADA DE INCENDIO BRIGADA CCB 2023.pptxTREINAMENTO DE BRIGADA DE INCENDIO BRIGADA CCB 2023.pptx
TREINAMENTO DE BRIGADA DE INCENDIO BRIGADA CCB 2023.pptx
 
PP Slides Lição 11, Betel, Ordenança para exercer a fé, 2Tr24.pptx
PP Slides Lição 11, Betel, Ordenança para exercer a fé, 2Tr24.pptxPP Slides Lição 11, Betel, Ordenança para exercer a fé, 2Tr24.pptx
PP Slides Lição 11, Betel, Ordenança para exercer a fé, 2Tr24.pptx
 
Gênero Textual sobre Crônicas, 8º e 9º
Gênero Textual sobre Crônicas,  8º e  9ºGênero Textual sobre Crônicas,  8º e  9º
Gênero Textual sobre Crônicas, 8º e 9º
 
Atpcg PEI Rev Irineu GESTÃO DE SALA DE AULA.pptx
Atpcg PEI Rev Irineu GESTÃO DE SALA DE AULA.pptxAtpcg PEI Rev Irineu GESTÃO DE SALA DE AULA.pptx
Atpcg PEI Rev Irineu GESTÃO DE SALA DE AULA.pptx
 
O século XVII e o nascimento da pedagogia.pptx
O século XVII e o nascimento da pedagogia.pptxO século XVII e o nascimento da pedagogia.pptx
O século XVII e o nascimento da pedagogia.pptx
 
Concurso FEMAR Resultado Final Etapa1-EmpregoscomEtapaII.pdf
Concurso FEMAR Resultado Final Etapa1-EmpregoscomEtapaII.pdfConcurso FEMAR Resultado Final Etapa1-EmpregoscomEtapaII.pdf
Concurso FEMAR Resultado Final Etapa1-EmpregoscomEtapaII.pdf
 
Loteria - Adição, subtração, multiplicação e divisão.
Loteria - Adição,  subtração,  multiplicação e divisão.Loteria - Adição,  subtração,  multiplicação e divisão.
Loteria - Adição, subtração, multiplicação e divisão.
 
Aula 1 - Ordem Mundial Aula de Geografia
Aula 1 - Ordem Mundial Aula de GeografiaAula 1 - Ordem Mundial Aula de Geografia
Aula 1 - Ordem Mundial Aula de Geografia
 
-Rudolf-Laban-e-a-teoria-do-movimento.ppt
-Rudolf-Laban-e-a-teoria-do-movimento.ppt-Rudolf-Laban-e-a-teoria-do-movimento.ppt
-Rudolf-Laban-e-a-teoria-do-movimento.ppt
 
Psicologia e Sociologia - Módulo 2 – Sociedade e indivíduo.pptx
Psicologia e Sociologia - Módulo 2 – Sociedade e indivíduo.pptxPsicologia e Sociologia - Módulo 2 – Sociedade e indivíduo.pptx
Psicologia e Sociologia - Módulo 2 – Sociedade e indivíduo.pptx
 
Cartinhas de solidariedade e esperança.pptx
Cartinhas de solidariedade e esperança.pptxCartinhas de solidariedade e esperança.pptx
Cartinhas de solidariedade e esperança.pptx
 

Excel Intermediário

  • 2. O QUE VOCÊ SERÁ CAPAZ DE FAZER Efetuar cálculos utilizando fórmulas práticas para buscar resultados rápidos e precisos Obter o resultado desejado de uma fórmula ajustando um valor com o uso do recurso Atingir Meta Copiar itens complexos de uma planilha e colar só o que for especificado Resumir de modo interativo grandes quantidades de dados por meio da opção Tabela Dinâmica
  • 3. O QUE VOCÊ SERÁ CAPAZ DE FAZER Ocultar linhas, colunas e fórmulas da tabela que não deseja visualizar no momento Utilizar as opções da guia Auditoria de Fórmulas
  • 4. ÍNDICE 1. FUNÇÕES 1.1- HOJE 1.2- PROCV e PROCH 1.3- INDIRETO 1.4- SE, E , OU 1.5- CONT.SES 1.6- DESLOC 1.7- CORRESP
  • 5. ÍNDICE 1.8- Arredondamentos (para cima, para baixo, ARRED) 1.9- SEERRO 1.10- VP 1.11- VF 1.12- PGTO 2. FUNÇÕES DE TEXTO 1.1- NÚM.CARACT 1.2- TIRAR 1.3- REPT
  • 6. ÍNDICE 3. TABELA DINÂMICA 4. EDITAR LISTAS PERSONALIZADAS 5. COLAR ESPECIAL 6. OCULTAR/REEXIBIR 7. ATINGIR META 8. AUDITORIA DE FÓRMULA
  • 7. FUNÇÕES HOJE Ao digitar em uma célula a seguinte fórmula: =HOJE() O Excel retornará a data atual. EXEMPLO: Você pode utilizar essa função para atualizar a data do seu relatório. Veja:
  • 8.
  • 9. Para isso precisamos fazer um PROCV “puxando” os números do primeiro relatório (mês atual).
  • 10.
  • 11. Matriz tabela: é o local (tabela) onde o PROCV irá procurar o dado atrelado (numero de telefone) à referencia (CNPJ);
  • 12. Numero índice coluna: é a coluna que contém o valor atrelado. No nosso exemplo é o número 4. Perceba que na coluna 1 temos “Cliente CNPJ” , na 2 “Cliente ABCD” , na 3 “Cliente Status” e na 4 “Cliente Telefone”;
  • 13.
  • 14.
  • 15.
  • 16. Onde:
  • 17.
  • 18. Numero índice linha: é a linha que contém o valor atrelado. No nosso exemplo utilizamos a coluna F para numerar as linhas do relatório e facilitar a busca.
  • 19.
  • 20. FUNÇÕES INDIRETO A função INDIRETO transforma um valor de texto em uma referência a uma célula ou intervalo. Isto permite que um valor de texto inserido em uma célula seja interpretado e convertido em uma região qualquer da planilha. Esta função é utilizada quando desejamos mudar a referência a uma célula em uma fórmula sem modificar a própria fórmula. Veja o exemplo a seguir em que temos uma planilha com várias abas e queremos construir fórmulas para transferir dados de uma aba para a outra sem precisar abrir uma por uma. E para isso vamos utilizar a função INDIRETO.
  • 21. FUNÇÕES Observe: Abaixo estão as abas que vamos trabalhar: BASE é a aba principal a qual vamos inserir os dados presentes nas demais abas. Esta é a tabela geral presente na aba BASE, aonde vamos inserir os dados
  • 22. FUNÇÕES Tabela da aba Belo Horizonte: Tabela presente na aba Campinas: Tabela da aba Goiânia:
  • 23. Tabela da aba Rio de Janeiro: Tabela presente na aba Recife:
  • 24.
  • 25.
  • 26.
  • 27.
  • 28.
  • 29.
  • 30. FUNÇÃO Utilizamos a fórmula: =CONT.SES(A1:B10;”<2000”;A1:B10;>50000) Onde: A1:B10 é o intervalo que contém os dados; <2000 e >50000 são os critérios estipulados para as condições. Veja o resultado a seguir:
  • 31. FUNÇÕES Observe que foram contados apenas os valores maiores que 2000 e abaixo de 50000 no intervalo A1:B10. Com isso o resultado retornado foi 5.
  • 32. FUNÇÕES DESLOC Retorna uma referência para um intervalo de células, que é um número especificado de linhas e colunas de uma célula ou intervalo de células. A referência retornada pode ser uma única célula ou um intervalo de células. Você pode especificar o número de linhas e de colunas a serem retornadas. Com a função DESLOC podemos reduzir ou expandir uma matriz de uma fórmula.
  • 33. FUNÇÕES SINTAXE: =DESLOC(referência; linhas; colunas; altura; largura) Onde: referência indica a célula onde será calculado o deslocamento; linhas especifica quantas linhas abaixo ou acima da célula de referência encontra-se a célula de início do intervalo de dados. Lembrando que número positivo indica abaixo, o número negativo indica acima da célula e o número zero indica não há linhas de referência; colunas especifica quantas colunas a esquerda ou a direita da célula de referência encontra-se o início do intervalo de dados; altura e largura especificam quantas células e quantas colunas a função DESLOC abrangerá.
  • 34. FUNÇÕES EXEMPLO: Utilizaremos a função DESLOC para que a soma a ser exibida na célula C1 seja automaticamente atualizada quando for inserido novos dados à tabela com o intervalo de células A1:A9. Utilizando a seguinte fórmula em C1: =SOMA(DESLOC(A1;0;0;9;1)) Aparecerá o resultado 240 na célula C1.
  • 35. FUNÇÕES E se inserirmos novos valores nas células vazias do intervalo A1:A9 o valor da célula C1 (240) será atualizado. Veja: Observe que foi inserido o número 260 dentro do intervalo A1:A9 para ser somado. Com isso o valor em C1 foi atualizado e passou a ser 500
  • 36. FUNÇÕES CORRESP Essa função retorna a posição que o valor especificado ocupa dentro da matriz. A função CORRESP é utilizada quando se quer saber a posição de um item em uma matriz ao invés do próprio item. Geralmente é usada juntamente com outras funções. EXEMPLO: Para saber a posição que se encontra a informação do cliente “Carros e Peças” no Ranking Clientes Top 15 da matriz abaixo, é só digitar na célula desejada a seguinte fórmula: =CORRESP(“Carros e Peças”;A1:A9;0)
  • 37. FUNÇÕES Observe: O resultado da fórmula será: 8
  • 38. FUNÇÕES ARRED Com a função ARRED é possível arredondar um número até uma quantidade especificada de dígitos para cima ou para baixo. SINTAXE: =ARRED(núm; núm_dígitos) Onde núm é o número que se deseja arredondar; E núm_dígitosespecifica a quantidade de dígitos para o qual você deseja arredondar o número.
  • 39.
  • 40. Se o número de dígitos for zero, então o número será arredondado para o inteiro mais próximo;
  • 41.
  • 42. FUNÇÕES ARREDONDAR.PARA.CIMA Essa função é utilizada para arredondar um determinado número para cima de acordo com a quantidade de casas decimais indicadas afastando-o de zero. SINTAXE: =ARREDONDAR.PARA.CIMA(núm;núm_dígitos) Onde núm  é qualquer número real que se deseja arredondar para cima; E núm_dígitosé a quantidade de dígitos que se deseja arrendondar.
  • 43. FUNÇÕES SEERRO Retorna um valor especificado se uma fórmula gerar um erro; caso contrário, retorna o resultado da fórmula. Use a função SEERRO para capturar e controlar os erros em uma fórmula.  SINTAXE: =SEERRO(valor;valor_se_erro) Sendo que: valor: é o argumento verificado quanto ao erro valor_se_erro: é o valor a ser retornado se a fórmula gerar um erro. Os tipos de erros comuns são: #N/D, #VALOR!, #REF!, #DIV/0!, #NÚM!, #NOME? ou #NULO!
  • 44. FUNÇÕES DE TEXTO NÚM.CARACT Com esta função é possível descobrir o número de caracteres em uma sequência de caracteres de texto sendo eles letras, espaço entre texto ou números. Para isso é só digitar na célula desejada a fórmula indicando a célula que contém o conteúdo a ser analisado (no caso a célula A1) . =NÚM.CARACT(A1)
  • 45. FUNÇÕES DE TEXTO TIRAR A função TIRAR remove todos os caracteres do texto que não podem ser impressos. Ela pode ser utilizada em textos importados de outros aplicativos que contêm caracteres que talvez não possam ser impressos no seu sistema operacional, como o de uma linguagem de computador de baixo nível, por exemplo. Essa função TIRAR foi especialmente desenvolvida para remover os 32 primeiros caracteres não-imprimíveis no código ASCII de 7 bits (valores de 0 a 31) do texto. SINTAXE: =TIRAR(texto) Onde texto é qualquer informação da qual se deseja retirar caracteres não imprimíveis.
  • 46. FUNÇÕES DE TEXTO REPT É uma função que repete um texto um determinado número de vezes. É muito útil para preencher uma célula com uma quantidade de vezes desejada de uma seqüência de caracteres de texto. SINTAXE: =REPT(texto; núm_vezes) Sendo texto, o conteúdo da célula que se deseja repetir; E núm_vezes é a quantidade especificada que se deseja repetir o conteúdo da célula.
  • 47. TABELA DINÂMICA TABELA DINÂMICA A Tabela Dinâmica é uma ferramenta interativa para análise de dados e tomada de decisões, cruzando informações de maneira rápida e flexível. Através dela você pode resumir várias informações, extrair de maneira rápida e prática diversos dados relevantes utilizando sua função principal de filtragem de dados, e com isso facilitar a visualização e utilização das informações da planilha.
  • 48.
  • 49. TABELA DINÂMICA Para isso selecione a tabela que se quer utilizar a ferramenta, em seguida vá até a Guia Inserir, e escolha a opção Tabela Dinâmica, e em seguida clique em Tabela Dinâmica novamente. Feito isso aparecerá a seguinte Caixa de Diálogo: Escolha a opção Selecionar uma tabela ou intervalo eindique o intervalo a ser selecionado para ser inserido na tabela dinâmica. Escolha a opção Nova Planilha se quiser que o relatório seja inserido em uma nova planilha. Por fim, clique em OK.
  • 50. TABELA DINÂMICA Em seguida será inserido em uma nova planilha o relatório de Tabela Dinâmica, onde é possível através da Lista de Campos da Tabela Dinâmica, recriar relatórios, e mover dados mostrando só as informações que se pretende saber. Lista de Campos da Tabela Dinâmica, onde se encontram as opções que podem ser adicionadas ou removidas no Relatório. Área de Layout da Tabela Dinâmica
  • 51. TABELA DINÂMICA Agora vamos utilizar a Tabela Dinâmica para responder a seguinte pergunta: Quanto cada pessoa vendeu? Observe: Resultado da busca: Selecione as opções: Vendedor e Vendas
  • 52. TABELA DINÂMICA Usando o campo Concessionária como um filtro de relatório, você pode ver um relatório separado para a NewCar, CarroZero ou GoodCar, ou ainda ver as vendas para ambas as concessionárias juntas. Para adicionar o campo Concessionária como filtro de relatório, clique com o botão direito do mouse em Concessionária na Lista de Campos da Tabela Dinâmica, clique em Adicionar a Filtro de Relatório.
  • 53. TABELA DINÂMICA Outra forma de inserir o filtro é clicar e arrastar o campo Concessionária para a área Filtro de Relatório. Arraste o campo Concessionária o Filtro de Relatório
  • 54. TABELA DINÂMICA Observe que agora pode-se escolher o filtro para Concessionária, é só escolher a opção clicando na seta. Em seguida abrirá a caixa de diálogo onde aparece a opção para escolha do filtro.
  • 55.
  • 56.
  • 57.
  • 58.
  • 59. Fórmulas: Apenas as fórmulas, não leva valores ou formatação como fonte, cor de célula etc.
  • 60. Valores: Apenas os valores, também não leva formatação.
  • 61. Formatos: Cola apenas o formato (moeda, porcentagem, hora etc.) não leva os valores.
  • 62. Comentários: Cola comentários inseridos em células.
  • 63.
  • 64. Larguras da Coluna: Também Auto explicativo! Cola apenas a largura das colunas selecionadas.
  • 65. Fórmulas e Formatos de Número: Cola fórmulas e formatos e leva o valor.
  • 66. Valores e Formatos de Número: Cola valores e formatos das células selecionadas.COLAR ESPECIAL (ALT,C,V,S)
  • 67.
  • 68. Operação: Permite fazer cálculos matemáticos como adição, subtração, multiplicação e divisão a partir de um número-base que servirá como parâmetro para o cálculo das operações matemáticas sobre os valores já existentes no destino.COLAR ESPECIAL (ALT,C,V,S)
  • 69.
  • 70. Transpor: O Excel possui um recurso que no momento de colar determinada lista, ele permite que você mude a ordem dos dados copiados nas células de destino. Ele tem efeito somente se você selecionar um conjunto de duas ou mais células e copiá-las. Existem dois resultados possíveis: se os dados que você copiou estavam em linha, ao colar serão transpostos em colunas, ou senão ocorre o contrário. Se você selecionou os dados em colunas, eles serão transpostos em linhas. COLAR ESPECIAL (ALT,C,V,S)
  • 71. OCULTAR/REEXIBIR OCULTAR LINHAS E COLUNAS Ocultar linhas ou colunas é um recurso, que permite que determinada linha ou coluna não apareça na planilha, mas não significa que foi excluída. Para ocultar linha ou coluna, vá até a Guia Início, no grupo Células clique na opção Formatar, depois selecione Visibilidade e escolha Ocultar e Reexibir depois clique em Ocultar colunas ou Ocultar linhas. Você pode também clicar direto na linha ou coluna que deseja ocultar com o botão direito do mouse, e selecione a opção Ocultar. Ou ainda, utilizar os seguintes atalhos: CTRL + ( Oculta linha selecionada CTRL + SHIFT + ( Exibe novamente linhas ocultas dentro da seleção CTRL + ) Oculta coluna selecionada CTRL + SHIFT + ) Exibe novamente colunas ocultas dentro da seleção
  • 72. OCULTAR/REEXIBIR Outra possibilidade de Ocultar uma linha ou coluna é utilizando o recurso Agrupar presente na barra de ferramentas, na Guia Dados, grupo Estrutura de Tópicos, opção Agrupar.
  • 73. OCULTAR/REEXIBIR Com esta opção é possível escolher as linhas ou colunas que deseja vincular para que possam ser recolhidas (ocultadas) ou expandidas (reexibidas). EXEMPLO: Queremos ocultar a coluna B, para isso vamos selecionar a coluna e usar a opção Agrupar. Veja: Depois: Antes: Atalho para Expandir a Coluna. Atalho para Recolher a Coluna.
  • 74. OCULTAR/REEXIBIR REEXIBIR LINHAS OU COLUNAS Para reexibir uma linha ou coluna depois de tê-la ocultado, selecione a área da tabela próxima a área ocultada e utilize o mesmo caminho de Ocultar, mas selecionando a opção Reexibir.
  • 75. ATINGIR META A ferramenta ATINGIR META é utilizada quando já se sabe o resultado de uma fórmula mas não os valores de entrada necessários para se construir a fórmula e alcançar o resultado. Ao executar a função ATINGIR META, o Excel varia o valor contido em uma célula que você determina, até que a fórmula dependente daquela célula retorne o valor desejado. ATINGIR META
  • 76. ATINGIR META EXEMPLO: Em um orçamento de produção de uma empresa temos o Valor do Produto Primário de R$ 5000,00 e despesas com Insumos e Tributos que totalizam R$ 2000,00. Com isso o Valor do Produto final será R$ 7000,00. Para saber qual deve ser o Valor do Produto Primário necessário para que o Valor do Produto Final seja R$ 6100,00, considerando os insumos e tributos utilizaremos a função ATINGIR META.
  • 77. ATINGIR META Para isso vá até a Guia de Dados, depois selecione o Grupo Ferramentas de Dados, clique em Teste de Hipóteses, e depois escolha a opção Atingir Meta Veja:
  • 78. ATINGIR META Feito isso aparecerá a seguinte caixa de diálogo: Nos campos: Definir célula: insira o valor (célula) do Produto Final; Para valor: o valor que deseja como Produto Final; Alternando célula: o valor do atual Produto Primário. Depois clique em OK.
  • 79. ATINGIR META Logo depois automaticamente aparecerá o novo valor de Produto Primário, para que se tenha o resultado proposto no Valor do Produto Final e uma caixa de diálogo indicando a nova solução. Clique em OK. Observe:
  • 80.
  • 81. AUDITORIA DE FÓRMULAS Veja o exemplo abaixo que ilustra a opção Rastrear Precedentes: Antes: Depois: