O slideshow foi denunciado.
Utilizamos seu perfil e dados de atividades no LinkedIn para personalizar e exibir anúncios mais relevantes. Altere suas preferências de anúncios quando desejar.

Dani Ching Zen

272 visualizações

Publicada em

A ÁGUA E A PEDRA

  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Dani Ching Zen

  1. 1. Pensa naquela imagem zen budista de uma rocha no meio da correnteza, fria ou quente, gelada ou fervente, toda essa agua deve e Pensa naquela imagem zen budista de uma rocha no meio da correnteza, fria ou quente, gelada ou fervente , vai passar pela rocha, e a rocha fica na sua, quieta no seu canto. Adianta a rocha espernear, esbravejar, enraivecer, entristecer?
  2. 2. Toda essa água deve e vai passar pela rocha, e a rocha fica na sua, quieta no seu canto. Não adianta a rocha espernear, esbravejar, enraivecer, entristecer.
  3. 3. O papel da água é fluir, o da rocha permanecer.
  4. 4. <ul><li>São muito diferentes, mas podem e devem conviver, cada qual do seu jeito, sem alimentar sentimentos de perdas, ou expectativas. Ficar e deixar fluir. Ir deixar correr, cada qual do seu jeito. </li></ul><ul><li>Pensa na rocha e na água, como cada pessoa em relação as outras. </li></ul>
  5. 5. <ul><li>Texto: Wa Ching </li><ul><ul><ul><ul><ul><li>RS-BR </li></ul></ul></ul></ul></ul></ul><ul><li>Photo: By Minas Gerais’s friend e Daniterra- RS-BR </li></ul><ul><li>Cada um tem seu próprio mundo, único e incomparável, insubstituível. Mas interagem, também de modo único. Deixar fluir, deixar ficar. </li></ul>

×