SlideShare uma empresa Scribd logo
Comodismo
o grande obstáculo
conceituando
“que ou quem só pensa em
sua comodidade; egoísta.”
Dicionário Larousse
“Conheço a tuas obras, que nem és
frio nem quente. Quem dera fosse
frio ou quente! Assim, porque és
morno, e não és frio nem quente,
vomitar-te-ei da tua boca.”
Apocalipse, 3:15-16
“Os mornos estão representados pelas
criaturas que perpetuamente se
colocam a meio-termo, na pendência
de duas situações. Estão atentas,
vigilantes, para qual dos dois lados
penderá um dos pratos da balança do
imediatismo, a fim de seguir com ele,
na expressão dominante das coisas.”
Ide e Pregai, Newton Boechat
causas do comodismo
Egoísmo Preguiça
“Devagar que tenho pressa”,
Contudo, guarda a certeza
De que a preguiça começa
Na casa da vagareza.”
Espírito Cornélio Pires
“O Espírito de Cornélio Pires”, F. C. Xavier
“Todavia, quando se torna
prolongado o período reservado
para o refazimento das
energias, optando-se pela
comodidade que se nega às
atitudes indispensáveis ao
progresso, apresenta-se como
fenômeno anômalo de conduta.”
Espírito Joanna de Ângelis
“Conflitos Existenciais”, Divaldo P. Franco
“Do ponto de vista espiritual, o paciente da
preguiça, que se pode tornar crônica, ainda
se encontra em faixa primária de
desenvolvimento, sem resistências morais
para as lutas nem valores pessoais para os
desafios.
Diante de qualquer impedimento recua,
acusando aos outros ou a si mesmo
afligindo, no que se compraz, para fugir à
responsabilidade que não deseja assumir.”
Espírito Joanna de Ângelis
“Conflitos Existenciais”, Divaldo P. Franco
“O egoísmo pessoal, o comodismo, a falta de
generosidade, as pequenas cobardias do quotidiano,
tudo isto contribui para essa perniciosa forma de
cegueira mental que consiste em estar no mundo e
não ver o mundo, ou só ver dele o que, em cada
momento, for susceptível de servir os nossos
interesses.”
José Saramago
“Mas o egoísmo é uma deformação do
egocentrismo, uma doença do ego. Essa
doença se manifesta por vários sintomas
bem conhecidos: a arrogância, a
avareza, o comodismo, a ganância e
sobretudo a falta de respeito pelos
outros.”
Irmão Saulo
“Na Era do Espírito”, F.C. Xavier, J.H.Pires e Espíritos Diversos
características do comodista
“Que farei?”
Paulo
“Milhares de companheiros aproximam-se do
Evangelho para o culto inveterado ao
comodismo.
Como dominarei? – interrogam alguns.
Como descansarei? – indagam outros.
E os rogos se multiplicam, estranhos,
reprováveis, incompreensíveis...”
Espírito Emmanuel
“Fonte Viva”, F.C. Xavier
procrastinação
ignorância
doutrinária
“embriaguez
evangélica”
salvação medo
“Atos dos Apóstolos”, 22:10
“E, tendo medo,
escondi na terra o teu
talento.”
“Mateus, 25:25”
finalidade da encarnação
“- Deus a impõe com o fim de levá-los à perfeição:
para uns, é uma expiação; para outros, uma
missão. Mas, para chegar a essa perfeição, eles
devem sofrer todas as vicissitudes da existência
corpórea; nisto é que está a expiação. A encarnação
tem ainda outra finalidade, que é a de pôr o
Espírito em condições de enfrentar a sua parte na
obra da Criação.”
“O Livro dos Espíritos”, questão 132
“Em virtude da autotranscendência da
existência humana o homem é um ser
em busca de sentido. Ele é dominado
pela vontade de sentido.
“Um sentido para a vida”, Viktor Frankl
o tempo e o comodismo
“O tempo concedido ao Espírito para
uma reencarnação, por mais longo, é
sempre curto, comparado com o serviço
que somos chamados a realizar.
Importante, assim o aproveitamento das
horas.”
“Estude e Viva”, F.C. Xavier e Waldo Vieira
“Se, por um instante, pudésseis refletir
sobre a perda de tempo, mas refletir muito
seriamente e calcular o imenso erro que
cometeis, veríeis quanto esta hora, este
minuto escoado inutilmente que não
podeis recuperar, poderia ser necessário
ao vosso bem futuro.(...) E se usastes mal,
um dia sereis obrigados a repará-lo pela
expiação, e, talvez, de maneira terrível.”! O
que não daríeis, então, para recuperar o
tempo perdido!”
Espírito Massilon
“Revista Espírita” – Nov/1860 – Allan Kardec
“- Os meus perseguidores não me seviciaram o corpo, nem me
conturbaram a mente. Acalentaram apenas o meu comodismo e,
com isso, me impediram qualquer passo renovador. Volto da
Terra, meu caro, imitando o lavrador endividado e de mãos
vazias que regressa de um campo fértil, onde poderia ter
amealhado inimagináveis tesouros... Sei que você ainda escreve
para os homens, nossos irmãos. Conte-lhes minha pobre
experiência, refira-se, junto deles, à obsessão pacífica, perigosa,
mascarada... Diga-lhes alguma coisa acerca do valor do tempo,
da grandeza potencial de qualquer tempo na romagem
humana!...”
Espírito Irmão X
“Cartas e Crônicas”, F.C. Xavier
conhecimento de si
Qual o meio prático e eficaz para se
melhorar nesta vida e resistir ao
arrastamento do mal?
- Um sábio da Antiguidade vos disse:
“Conhece-te a ti mesmo.”
“O Livro dos Espíritos”, questão nº 919
“E fazei isso, conhecendo o
tempo. Já é hora de
despertarmos do sono,(...).”
Paulo
“Romanos”, 13:11
“Despertar, portanto, é indispensável abandonando o
letargo que procede das faixas por onde transitou,
libertando-se do marasmo, em forma de sono da
consciência, para as realidades transcendentes,
desapegando-se das constrições que impedem a
marcha, escravizando o Si nas paixões remanescentes,
adormecidas, por sua vez, ao inconsciente profundo,
que prossegue enviando mensagens pessimistas e
perturbadoras.”
Espírito Joanna de Ângelis
“Vida – Desafios e soluções”, Divaldo P. Franco.
missão dos espíritas
“Oh, verdadeiros adeptos do Espiritismo: vós sois os
eleitos de Deus! Ide e pregai a palavra divina. É
chegada a hora em que devem sacrificar os vossos
hábitos, os vossos trabalhos, as vossas futilidades, à
sua propagação. Ide e pregai: os Espíritos elevados
estão convosco. Falareis, certamente, a pessoas que
não quererão escutar a palavra de Deus, porque essa
palavra os convida incessantemente ao sacrifício.”
“O E.S.E”. XX:4
“Ide e agradecei a Deus a gloriosa
tarefa que vos concedeu. Mas,
cuidado, que entre os chamados para o
Espiritismo, muitos se desviaram da
senda! Atentai, pois, no vosso
caminho, e buscai a verdade.”
“O E.S.E”. XX:4

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Bons Espíritas
Bons EspíritasBons Espíritas
Bons Espíritas
Izabel Cristina Fonseca
 
Pensamento e vontade
Pensamento e vontadePensamento e vontade
Pensamento e vontade
Dalila Melo
 
Lei de causa e efeito
Lei de causa e efeitoLei de causa e efeito
Lei de causa e efeito
Ronaldo Pereira Rodrigues
 
A Eficácia da Prece
A Eficácia da PreceA Eficácia da Prece
A Eficácia da Prece
igmateus
 
Relações afetivas e o casamento na visão espírita!
Relações afetivas e o casamento na visão espírita!Relações afetivas e o casamento na visão espírita!
Relações afetivas e o casamento na visão espírita!
Leonardo Pereira
 
Lei de causa e efeito
Lei de causa e efeitoLei de causa e efeito
Lei de causa e efeito
Ponte de Luz ASEC
 
Livro dos Espíritos Q.287 ESE cap.24 item8
Livro dos Espíritos Q.287 ESE cap.24 item8Livro dos Espíritos Q.287 ESE cap.24 item8
Livro dos Espíritos Q.287 ESE cap.24 item8
Patricia Farias
 
Escândalos
EscândalosEscândalos
Escândalos
igmateus
 
Palestra Espírita - Suicidio e loucura
Palestra Espírita - Suicidio e loucuraPalestra Espírita - Suicidio e loucura
Palestra Espírita - Suicidio e loucura
Divulgador do Espiritismo
 
Além da Morte
Além da MorteAlém da Morte
Além da Morte
Antonino Silva
 
Princípios Básicos do Espiritismo
Princípios Básicos do EspiritismoPrincípios Básicos do Espiritismo
Princípios Básicos do Espiritismo
paikachambi
 
PALESTRA - RENOVANDO ATITUDES
PALESTRA - RENOVANDO ATITUDESPALESTRA - RENOVANDO ATITUDES
PALESTRA - RENOVANDO ATITUDES
Mauro Santos
 
Cap xi Amar ao proximo como a si mesmo
Cap xi Amar ao proximo como a si mesmoCap xi Amar ao proximo como a si mesmo
Cap xi Amar ao proximo como a si mesmo
gmo1973
 
Conhece a ti mesmo
Conhece a ti mesmoConhece a ti mesmo
Conhece a ti mesmo
CEENA_SS
 
Palestra Espirita - Tema livre-arbítrio
Palestra Espirita - Tema livre-arbítrio Palestra Espirita - Tema livre-arbítrio
Palestra Espirita - Tema livre-arbítrio
manumino
 
O Livro dos Espíritos
O Livro dos EspíritosO Livro dos Espíritos
O Livro dos Espíritos
Jose Maria Magalhaes
 
Trabalhador espírita
Trabalhador espíritaTrabalhador espírita
Trabalhador espírita
Norberto Tomasini Jr
 
Qualificação e prática da mediunidade
Qualificação e prática da mediunidadeQualificação e prática da mediunidade
Qualificação e prática da mediunidade
Francisco José
 
A lei de amor (ESE, Cap XI, item 8)
A lei de amor (ESE, Cap XI, item 8)A lei de amor (ESE, Cap XI, item 8)
A lei de amor (ESE, Cap XI, item 8)
RobertoAilton
 
A dor como terapia
A dor como terapiaA dor como terapia
A dor como terapia
Jefferson Louis Gomes
 

Mais procurados (20)

Bons Espíritas
Bons EspíritasBons Espíritas
Bons Espíritas
 
Pensamento e vontade
Pensamento e vontadePensamento e vontade
Pensamento e vontade
 
Lei de causa e efeito
Lei de causa e efeitoLei de causa e efeito
Lei de causa e efeito
 
A Eficácia da Prece
A Eficácia da PreceA Eficácia da Prece
A Eficácia da Prece
 
Relações afetivas e o casamento na visão espírita!
Relações afetivas e o casamento na visão espírita!Relações afetivas e o casamento na visão espírita!
Relações afetivas e o casamento na visão espírita!
 
Lei de causa e efeito
Lei de causa e efeitoLei de causa e efeito
Lei de causa e efeito
 
Livro dos Espíritos Q.287 ESE cap.24 item8
Livro dos Espíritos Q.287 ESE cap.24 item8Livro dos Espíritos Q.287 ESE cap.24 item8
Livro dos Espíritos Q.287 ESE cap.24 item8
 
Escândalos
EscândalosEscândalos
Escândalos
 
Palestra Espírita - Suicidio e loucura
Palestra Espírita - Suicidio e loucuraPalestra Espírita - Suicidio e loucura
Palestra Espírita - Suicidio e loucura
 
Além da Morte
Além da MorteAlém da Morte
Além da Morte
 
Princípios Básicos do Espiritismo
Princípios Básicos do EspiritismoPrincípios Básicos do Espiritismo
Princípios Básicos do Espiritismo
 
PALESTRA - RENOVANDO ATITUDES
PALESTRA - RENOVANDO ATITUDESPALESTRA - RENOVANDO ATITUDES
PALESTRA - RENOVANDO ATITUDES
 
Cap xi Amar ao proximo como a si mesmo
Cap xi Amar ao proximo como a si mesmoCap xi Amar ao proximo como a si mesmo
Cap xi Amar ao proximo como a si mesmo
 
Conhece a ti mesmo
Conhece a ti mesmoConhece a ti mesmo
Conhece a ti mesmo
 
Palestra Espirita - Tema livre-arbítrio
Palestra Espirita - Tema livre-arbítrio Palestra Espirita - Tema livre-arbítrio
Palestra Espirita - Tema livre-arbítrio
 
O Livro dos Espíritos
O Livro dos EspíritosO Livro dos Espíritos
O Livro dos Espíritos
 
Trabalhador espírita
Trabalhador espíritaTrabalhador espírita
Trabalhador espírita
 
Qualificação e prática da mediunidade
Qualificação e prática da mediunidadeQualificação e prática da mediunidade
Qualificação e prática da mediunidade
 
A lei de amor (ESE, Cap XI, item 8)
A lei de amor (ESE, Cap XI, item 8)A lei de amor (ESE, Cap XI, item 8)
A lei de amor (ESE, Cap XI, item 8)
 
A dor como terapia
A dor como terapiaA dor como terapia
A dor como terapia
 

Destaque

Raiva
RaivaRaiva
Raiva
Lisete B.
 
Relacionamentos, Encontros e Desencontros - Rosana De Rosa
Relacionamentos, Encontros e Desencontros - Rosana De RosaRelacionamentos, Encontros e Desencontros - Rosana De Rosa
Relacionamentos, Encontros e Desencontros - Rosana De Rosa
Rosana De Rosa
 
Socrates
SocratesSocrates
Socrates
Isaura Miike
 
Imortalidade - Letícia Thompson
Imortalidade - Letícia ThompsonImortalidade - Letícia Thompson
Imortalidade - Letícia Thompson
Mima Badan
 
EIS O HOMEM!
EIS O HOMEM!EIS O HOMEM!
EIS O HOMEM!
Jorge Luiz dos Santos
 
Dor vs Sofrimento - Rosana De Rosa
Dor vs Sofrimento - Rosana De RosaDor vs Sofrimento - Rosana De Rosa
Dor vs Sofrimento - Rosana De Rosa
Rosana De Rosa
 
RESISTINDO À MUDANÇA
RESISTINDO À MUDANÇARESISTINDO À MUDANÇA
RESISTINDO À MUDANÇA
Jorge Luiz dos Santos
 
Vida Após a Morte
Vida Após a MorteVida Após a Morte
Vida Após a Morte
Fábio Goulart
 
2013-05-05-O que é Reforma íntima?-Rosana De Rosa
2013-05-05-O que é Reforma íntima?-Rosana De Rosa2013-05-05-O que é Reforma íntima?-Rosana De Rosa
2013-05-05-O que é Reforma íntima?-Rosana De Rosa
Rosana De Rosa
 
Rosana De Rosa - Palestra Amai os Vossos Inimigos parte 2-Rosana De Rosa
Rosana De Rosa - Palestra Amai os Vossos Inimigos parte 2-Rosana De RosaRosana De Rosa - Palestra Amai os Vossos Inimigos parte 2-Rosana De Rosa
Rosana De Rosa - Palestra Amai os Vossos Inimigos parte 2-Rosana De Rosa
Rosana De Rosa
 
A caminho da luz
A caminho da luzA caminho da luz
A caminho da luz
Gustavo Soares
 
Precursores de Jesus - Wilma Badan
Precursores de Jesus - Wilma BadanPrecursores de Jesus - Wilma Badan
Precursores de Jesus - Wilma Badan
Wilma Badan C.G.
 
A caminho da luz cap 13
A caminho da luz   cap 13A caminho da luz   cap 13
A caminho da luz cap 13
Gustavo Soares
 
Relacoes Humanas e os factos espíritas
Relacoes Humanas e os factos espíritasRelacoes Humanas e os factos espíritas
Relacoes Humanas e os factos espíritas
ADEP Portugal
 
A Caminho da Luz
A Caminho da LuzA Caminho da Luz
A Caminho da Luz
Silvânia Melo
 
VIDA APÓS A MORTE
VIDA APÓS A MORTEVIDA APÓS A MORTE
VIDA APÓS A MORTE
Jorge Luiz dos Santos
 
A caminho da luz
A caminho da luzA caminho da luz
A caminho da luz
Eliane Silvério Almeida
 
Lição 06 - Sardes O perigo do comodismo
Lição 06 - Sardes O perigo do comodismoLição 06 - Sardes O perigo do comodismo
Lição 06 - Sardes O perigo do comodismo
Sergio Silva
 
2013 06-23-Imortalidade do Espírito-Rosana De Rosa
2013 06-23-Imortalidade do Espírito-Rosana De Rosa2013 06-23-Imortalidade do Espírito-Rosana De Rosa
2013 06-23-Imortalidade do Espírito-Rosana De Rosa
Rosana De Rosa
 
A Caminho da Luz
A Caminho da LuzA Caminho da Luz
A Caminho da Luz
Patricia Farias
 

Destaque (20)

Raiva
RaivaRaiva
Raiva
 
Relacionamentos, Encontros e Desencontros - Rosana De Rosa
Relacionamentos, Encontros e Desencontros - Rosana De RosaRelacionamentos, Encontros e Desencontros - Rosana De Rosa
Relacionamentos, Encontros e Desencontros - Rosana De Rosa
 
Socrates
SocratesSocrates
Socrates
 
Imortalidade - Letícia Thompson
Imortalidade - Letícia ThompsonImortalidade - Letícia Thompson
Imortalidade - Letícia Thompson
 
EIS O HOMEM!
EIS O HOMEM!EIS O HOMEM!
EIS O HOMEM!
 
Dor vs Sofrimento - Rosana De Rosa
Dor vs Sofrimento - Rosana De RosaDor vs Sofrimento - Rosana De Rosa
Dor vs Sofrimento - Rosana De Rosa
 
RESISTINDO À MUDANÇA
RESISTINDO À MUDANÇARESISTINDO À MUDANÇA
RESISTINDO À MUDANÇA
 
Vida Após a Morte
Vida Após a MorteVida Após a Morte
Vida Após a Morte
 
2013-05-05-O que é Reforma íntima?-Rosana De Rosa
2013-05-05-O que é Reforma íntima?-Rosana De Rosa2013-05-05-O que é Reforma íntima?-Rosana De Rosa
2013-05-05-O que é Reforma íntima?-Rosana De Rosa
 
Rosana De Rosa - Palestra Amai os Vossos Inimigos parte 2-Rosana De Rosa
Rosana De Rosa - Palestra Amai os Vossos Inimigos parte 2-Rosana De RosaRosana De Rosa - Palestra Amai os Vossos Inimigos parte 2-Rosana De Rosa
Rosana De Rosa - Palestra Amai os Vossos Inimigos parte 2-Rosana De Rosa
 
A caminho da luz
A caminho da luzA caminho da luz
A caminho da luz
 
Precursores de Jesus - Wilma Badan
Precursores de Jesus - Wilma BadanPrecursores de Jesus - Wilma Badan
Precursores de Jesus - Wilma Badan
 
A caminho da luz cap 13
A caminho da luz   cap 13A caminho da luz   cap 13
A caminho da luz cap 13
 
Relacoes Humanas e os factos espíritas
Relacoes Humanas e os factos espíritasRelacoes Humanas e os factos espíritas
Relacoes Humanas e os factos espíritas
 
A Caminho da Luz
A Caminho da LuzA Caminho da Luz
A Caminho da Luz
 
VIDA APÓS A MORTE
VIDA APÓS A MORTEVIDA APÓS A MORTE
VIDA APÓS A MORTE
 
A caminho da luz
A caminho da luzA caminho da luz
A caminho da luz
 
Lição 06 - Sardes O perigo do comodismo
Lição 06 - Sardes O perigo do comodismoLição 06 - Sardes O perigo do comodismo
Lição 06 - Sardes O perigo do comodismo
 
2013 06-23-Imortalidade do Espírito-Rosana De Rosa
2013 06-23-Imortalidade do Espírito-Rosana De Rosa2013 06-23-Imortalidade do Espírito-Rosana De Rosa
2013 06-23-Imortalidade do Espírito-Rosana De Rosa
 
A Caminho da Luz
A Caminho da LuzA Caminho da Luz
A Caminho da Luz
 

Semelhante a COMODISMO, O GRANDE OBSTÁCULO

Desencarne na visão espírita
Desencarne na visão espíritaDesencarne na visão espírita
Desencarne na visão espírita
Eduardo Ottonelli Pithan
 
PALESTRA VIVER VALE A PENA.pdf
PALESTRA VIVER VALE A PENA.pdfPALESTRA VIVER VALE A PENA.pdf
PALESTRA VIVER VALE A PENA.pdf
WennderTharso
 
Do outro lado do espelho (psicografia carlos antonio baccelli espírito inác...
Do outro lado do espelho (psicografia carlos antonio baccelli   espírito inác...Do outro lado do espelho (psicografia carlos antonio baccelli   espírito inác...
Do outro lado do espelho (psicografia carlos antonio baccelli espírito inác...
Beth Kozikoski
 
EXAMINANDO A OBSESSÃO - PARTE 2 DO LIVRO ESTUDO DO LIVRO NOS BASTIDORES DA OB...
EXAMINANDO A OBSESSÃO - PARTE 2 DO LIVRO ESTUDO DO LIVRO NOS BASTIDORES DA OB...EXAMINANDO A OBSESSÃO - PARTE 2 DO LIVRO ESTUDO DO LIVRO NOS BASTIDORES DA OB...
EXAMINANDO A OBSESSÃO - PARTE 2 DO LIVRO ESTUDO DO LIVRO NOS BASTIDORES DA OB...
Denise Aguiar
 
Conceito,causas e graus da obsessão
Conceito,causas e graus da obsessãoConceito,causas e graus da obsessão
Conceito,causas e graus da obsessão
jcevadro
 
002 cartas de uma morta maria joao de deus - chico xavier - ano 1935
002 cartas de uma morta   maria joao de deus - chico xavier - ano 1935002 cartas de uma morta   maria joao de deus - chico xavier - ano 1935
002 cartas de uma morta maria joao de deus - chico xavier - ano 1935
Everton Ferreira
 
Fixação mental slide1
Fixação mental  slide1Fixação mental  slide1
Fixação mental slide1
bonattinho
 
Divaldo franco nos bastidores da obsessão
Divaldo franco   nos bastidores  da obsessãoDivaldo franco   nos bastidores  da obsessão
Divaldo franco nos bastidores da obsessão
EWALDO DE SOUZA
 
Série Evangelho no Lar - Pão Nosso - Cap. 78 - Segundo a Carne
Série Evangelho no Lar - Pão Nosso - Cap. 78 - Segundo a CarneSérie Evangelho no Lar - Pão Nosso - Cap. 78 - Segundo a Carne
Série Evangelho no Lar - Pão Nosso - Cap. 78 - Segundo a Carne
Ricardo Azevedo
 
2 cartas de uma morta (chico xavier - maria joão de deus)
2   cartas de uma morta (chico xavier - maria joão de deus)2   cartas de uma morta (chico xavier - maria joão de deus)
2 cartas de uma morta (chico xavier - maria joão de deus)
luisbramao
 
Maria joão de deus
Maria joão de deusMaria joão de deus
Maria joão de deus
Rosane Reis
 
3854264 divaldo-franco-nos-bastidores-da-obsessao
3854264 divaldo-franco-nos-bastidores-da-obsessao3854264 divaldo-franco-nos-bastidores-da-obsessao
3854264 divaldo-franco-nos-bastidores-da-obsessao
EWALDO DE SOUZA
 
A região do Umbral
A região do UmbralA região do Umbral
A região do Umbral
Eduardo Henrique Marçal
 
Os espíritas diante da morte
Os espíritas diante da morteOs espíritas diante da morte
Os espíritas diante da morte
home
 
Livro dos Espíritos Questão 307 - Evangelho Especial dia das Mães
Livro dos Espíritos Questão 307 - Evangelho Especial dia das MãesLivro dos Espíritos Questão 307 - Evangelho Especial dia das Mães
Livro dos Espíritos Questão 307 - Evangelho Especial dia das Mães
Patricia Farias
 
Regressão terapêutica espirita
Regressão terapêutica espiritaRegressão terapêutica espirita
Regressão terapêutica espirita
Anselmo Heib
 
A vida Viaja na Luz
A vida Viaja na LuzA vida Viaja na Luz
A vida Viaja na Luz
Osvaldo Brascher
 
Livro dos Espíritos Q 312 ESE Cap.26 item 10
Livro dos Espíritos Q 312 ESE Cap.26 item 10Livro dos Espíritos Q 312 ESE Cap.26 item 10
Livro dos Espíritos Q 312 ESE Cap.26 item 10
Patricia Farias
 
Enquanto Você ainda Pode - - APRESENTAÇÃO
Enquanto Você ainda Pode - - APRESENTAÇÃOEnquanto Você ainda Pode - - APRESENTAÇÃO
Enquanto Você ainda Pode - - APRESENTAÇÃO
ADALBERTO COELHO DA SILVA JR
 
suicidio
suicidiosuicidio

Semelhante a COMODISMO, O GRANDE OBSTÁCULO (20)

Desencarne na visão espírita
Desencarne na visão espíritaDesencarne na visão espírita
Desencarne na visão espírita
 
PALESTRA VIVER VALE A PENA.pdf
PALESTRA VIVER VALE A PENA.pdfPALESTRA VIVER VALE A PENA.pdf
PALESTRA VIVER VALE A PENA.pdf
 
Do outro lado do espelho (psicografia carlos antonio baccelli espírito inác...
Do outro lado do espelho (psicografia carlos antonio baccelli   espírito inác...Do outro lado do espelho (psicografia carlos antonio baccelli   espírito inác...
Do outro lado do espelho (psicografia carlos antonio baccelli espírito inác...
 
EXAMINANDO A OBSESSÃO - PARTE 2 DO LIVRO ESTUDO DO LIVRO NOS BASTIDORES DA OB...
EXAMINANDO A OBSESSÃO - PARTE 2 DO LIVRO ESTUDO DO LIVRO NOS BASTIDORES DA OB...EXAMINANDO A OBSESSÃO - PARTE 2 DO LIVRO ESTUDO DO LIVRO NOS BASTIDORES DA OB...
EXAMINANDO A OBSESSÃO - PARTE 2 DO LIVRO ESTUDO DO LIVRO NOS BASTIDORES DA OB...
 
Conceito,causas e graus da obsessão
Conceito,causas e graus da obsessãoConceito,causas e graus da obsessão
Conceito,causas e graus da obsessão
 
002 cartas de uma morta maria joao de deus - chico xavier - ano 1935
002 cartas de uma morta   maria joao de deus - chico xavier - ano 1935002 cartas de uma morta   maria joao de deus - chico xavier - ano 1935
002 cartas de uma morta maria joao de deus - chico xavier - ano 1935
 
Fixação mental slide1
Fixação mental  slide1Fixação mental  slide1
Fixação mental slide1
 
Divaldo franco nos bastidores da obsessão
Divaldo franco   nos bastidores  da obsessãoDivaldo franco   nos bastidores  da obsessão
Divaldo franco nos bastidores da obsessão
 
Série Evangelho no Lar - Pão Nosso - Cap. 78 - Segundo a Carne
Série Evangelho no Lar - Pão Nosso - Cap. 78 - Segundo a CarneSérie Evangelho no Lar - Pão Nosso - Cap. 78 - Segundo a Carne
Série Evangelho no Lar - Pão Nosso - Cap. 78 - Segundo a Carne
 
2 cartas de uma morta (chico xavier - maria joão de deus)
2   cartas de uma morta (chico xavier - maria joão de deus)2   cartas de uma morta (chico xavier - maria joão de deus)
2 cartas de uma morta (chico xavier - maria joão de deus)
 
Maria joão de deus
Maria joão de deusMaria joão de deus
Maria joão de deus
 
3854264 divaldo-franco-nos-bastidores-da-obsessao
3854264 divaldo-franco-nos-bastidores-da-obsessao3854264 divaldo-franco-nos-bastidores-da-obsessao
3854264 divaldo-franco-nos-bastidores-da-obsessao
 
A região do Umbral
A região do UmbralA região do Umbral
A região do Umbral
 
Os espíritas diante da morte
Os espíritas diante da morteOs espíritas diante da morte
Os espíritas diante da morte
 
Livro dos Espíritos Questão 307 - Evangelho Especial dia das Mães
Livro dos Espíritos Questão 307 - Evangelho Especial dia das MãesLivro dos Espíritos Questão 307 - Evangelho Especial dia das Mães
Livro dos Espíritos Questão 307 - Evangelho Especial dia das Mães
 
Regressão terapêutica espirita
Regressão terapêutica espiritaRegressão terapêutica espirita
Regressão terapêutica espirita
 
A vida Viaja na Luz
A vida Viaja na LuzA vida Viaja na Luz
A vida Viaja na Luz
 
Livro dos Espíritos Q 312 ESE Cap.26 item 10
Livro dos Espíritos Q 312 ESE Cap.26 item 10Livro dos Espíritos Q 312 ESE Cap.26 item 10
Livro dos Espíritos Q 312 ESE Cap.26 item 10
 
Enquanto Você ainda Pode - - APRESENTAÇÃO
Enquanto Você ainda Pode - - APRESENTAÇÃOEnquanto Você ainda Pode - - APRESENTAÇÃO
Enquanto Você ainda Pode - - APRESENTAÇÃO
 
suicidio
suicidiosuicidio
suicidio
 

Mais de Jorge Luiz dos Santos

O ESPIRITISMO E A NECESSIDADE DO TRABALHO
O ESPIRITISMO E A NECESSIDADE DO TRABALHOO ESPIRITISMO E A NECESSIDADE DO TRABALHO
O ESPIRITISMO E A NECESSIDADE DO TRABALHO
Jorge Luiz dos Santos
 
O ESPIRITISMO E AS DESIGUALDADES SOCIAIS
O ESPIRITISMO E AS DESIGUALDADES SOCIAISO ESPIRITISMO E AS DESIGUALDADES SOCIAIS
O ESPIRITISMO E AS DESIGUALDADES SOCIAIS
Jorge Luiz dos Santos
 
A VERDADE QUE LIBERTA
A VERDADE QUE LIBERTAA VERDADE QUE LIBERTA
A VERDADE QUE LIBERTA
Jorge Luiz dos Santos
 
A ALMA DA TERRA
A ALMA DA TERRAA ALMA DA TERRA
A ALMA DA TERRA
Jorge Luiz dos Santos
 
MILAGRES À LUZ DO ESPIRITISMO
MILAGRES À LUZ DO ESPIRITISMOMILAGRES À LUZ DO ESPIRITISMO
MILAGRES À LUZ DO ESPIRITISMO
Jorge Luiz dos Santos
 
OS MÉDIUNS
OS MÉDIUNSOS MÉDIUNS
AMAI OS VOSSOS INIMIGOS
AMAI OS VOSSOS INIMIGOSAMAI OS VOSSOS INIMIGOS
AMAI OS VOSSOS INIMIGOS
Jorge Luiz dos Santos
 
MANIFESTAÇÕES FÍSICAS ESPONTÂNEAS
MANIFESTAÇÕES FÍSICAS ESPONTÂNEASMANIFESTAÇÕES FÍSICAS ESPONTÂNEAS
MANIFESTAÇÕES FÍSICAS ESPONTÂNEAS
Jorge Luiz dos Santos
 
LIVRE -ARBÍTRIO E DETERMINISMO
LIVRE -ARBÍTRIO E DETERMINISMOLIVRE -ARBÍTRIO E DETERMINISMO
LIVRE -ARBÍTRIO E DETERMINISMO
Jorge Luiz dos Santos
 
QUAL O TAMANHO DE VOSSA FÉ?
QUAL O TAMANHO DE VOSSA FÉ?QUAL O TAMANHO DE VOSSA FÉ?
QUAL O TAMANHO DE VOSSA FÉ?
Jorge Luiz dos Santos
 
O CONSOLADOR PROMETIDO
O CONSOLADOR PROMETIDOO CONSOLADOR PROMETIDO
O CONSOLADOR PROMETIDO
Jorge Luiz dos Santos
 
QUEM SÃO OS MÉDIUNS?
QUEM SÃO OS MÉDIUNS?QUEM SÃO OS MÉDIUNS?
QUEM SÃO OS MÉDIUNS?
Jorge Luiz dos Santos
 
PERISPÍRITO - MODELO ORGANIZADOR BIOLÓGICO (MOB)
PERISPÍRITO - MODELO ORGANIZADOR BIOLÓGICO (MOB)PERISPÍRITO - MODELO ORGANIZADOR BIOLÓGICO (MOB)
PERISPÍRITO - MODELO ORGANIZADOR BIOLÓGICO (MOB)
Jorge Luiz dos Santos
 
REENCARNAÇÃO - ASPECTOS CIENTÍFICOS, FILOSÓFICOS E MORAIS
REENCARNAÇÃO - ASPECTOS CIENTÍFICOS, FILOSÓFICOS E MORAISREENCARNAÇÃO - ASPECTOS CIENTÍFICOS, FILOSÓFICOS E MORAIS
REENCARNAÇÃO - ASPECTOS CIENTÍFICOS, FILOSÓFICOS E MORAIS
Jorge Luiz dos Santos
 
O DUELO
O DUELOO DUELO
DOLOROSO REMÉDIO (O MAL E O REMÉDIO)
DOLOROSO REMÉDIO (O MAL E O REMÉDIO)DOLOROSO REMÉDIO (O MAL E O REMÉDIO)
DOLOROSO REMÉDIO (O MAL E O REMÉDIO)
Jorge Luiz dos Santos
 
A VIDA CONTRA O ABORTO
A VIDA CONTRA O ABORTOA VIDA CONTRA O ABORTO
A VIDA CONTRA O ABORTO
Jorge Luiz dos Santos
 
O TEMPO - PRESENTE DO ETERNO
O TEMPO - PRESENTE DO ETERNOO TEMPO - PRESENTE DO ETERNO
O TEMPO - PRESENTE DO ETERNO
Jorge Luiz dos Santos
 
UM DESAFIO CHAMADO FAMIÍLIA
UM DESAFIO CHAMADO FAMIÍLIAUM DESAFIO CHAMADO FAMIÍLIA
UM DESAFIO CHAMADO FAMIÍLIA
Jorge Luiz dos Santos
 
Allan kardec, o homem, a missão
Allan kardec, o homem, a missãoAllan kardec, o homem, a missão
Allan kardec, o homem, a missão
Jorge Luiz dos Santos
 

Mais de Jorge Luiz dos Santos (20)

O ESPIRITISMO E A NECESSIDADE DO TRABALHO
O ESPIRITISMO E A NECESSIDADE DO TRABALHOO ESPIRITISMO E A NECESSIDADE DO TRABALHO
O ESPIRITISMO E A NECESSIDADE DO TRABALHO
 
O ESPIRITISMO E AS DESIGUALDADES SOCIAIS
O ESPIRITISMO E AS DESIGUALDADES SOCIAISO ESPIRITISMO E AS DESIGUALDADES SOCIAIS
O ESPIRITISMO E AS DESIGUALDADES SOCIAIS
 
A VERDADE QUE LIBERTA
A VERDADE QUE LIBERTAA VERDADE QUE LIBERTA
A VERDADE QUE LIBERTA
 
A ALMA DA TERRA
A ALMA DA TERRAA ALMA DA TERRA
A ALMA DA TERRA
 
MILAGRES À LUZ DO ESPIRITISMO
MILAGRES À LUZ DO ESPIRITISMOMILAGRES À LUZ DO ESPIRITISMO
MILAGRES À LUZ DO ESPIRITISMO
 
OS MÉDIUNS
OS MÉDIUNSOS MÉDIUNS
OS MÉDIUNS
 
AMAI OS VOSSOS INIMIGOS
AMAI OS VOSSOS INIMIGOSAMAI OS VOSSOS INIMIGOS
AMAI OS VOSSOS INIMIGOS
 
MANIFESTAÇÕES FÍSICAS ESPONTÂNEAS
MANIFESTAÇÕES FÍSICAS ESPONTÂNEASMANIFESTAÇÕES FÍSICAS ESPONTÂNEAS
MANIFESTAÇÕES FÍSICAS ESPONTÂNEAS
 
LIVRE -ARBÍTRIO E DETERMINISMO
LIVRE -ARBÍTRIO E DETERMINISMOLIVRE -ARBÍTRIO E DETERMINISMO
LIVRE -ARBÍTRIO E DETERMINISMO
 
QUAL O TAMANHO DE VOSSA FÉ?
QUAL O TAMANHO DE VOSSA FÉ?QUAL O TAMANHO DE VOSSA FÉ?
QUAL O TAMANHO DE VOSSA FÉ?
 
O CONSOLADOR PROMETIDO
O CONSOLADOR PROMETIDOO CONSOLADOR PROMETIDO
O CONSOLADOR PROMETIDO
 
QUEM SÃO OS MÉDIUNS?
QUEM SÃO OS MÉDIUNS?QUEM SÃO OS MÉDIUNS?
QUEM SÃO OS MÉDIUNS?
 
PERISPÍRITO - MODELO ORGANIZADOR BIOLÓGICO (MOB)
PERISPÍRITO - MODELO ORGANIZADOR BIOLÓGICO (MOB)PERISPÍRITO - MODELO ORGANIZADOR BIOLÓGICO (MOB)
PERISPÍRITO - MODELO ORGANIZADOR BIOLÓGICO (MOB)
 
REENCARNAÇÃO - ASPECTOS CIENTÍFICOS, FILOSÓFICOS E MORAIS
REENCARNAÇÃO - ASPECTOS CIENTÍFICOS, FILOSÓFICOS E MORAISREENCARNAÇÃO - ASPECTOS CIENTÍFICOS, FILOSÓFICOS E MORAIS
REENCARNAÇÃO - ASPECTOS CIENTÍFICOS, FILOSÓFICOS E MORAIS
 
O DUELO
O DUELOO DUELO
O DUELO
 
DOLOROSO REMÉDIO (O MAL E O REMÉDIO)
DOLOROSO REMÉDIO (O MAL E O REMÉDIO)DOLOROSO REMÉDIO (O MAL E O REMÉDIO)
DOLOROSO REMÉDIO (O MAL E O REMÉDIO)
 
A VIDA CONTRA O ABORTO
A VIDA CONTRA O ABORTOA VIDA CONTRA O ABORTO
A VIDA CONTRA O ABORTO
 
O TEMPO - PRESENTE DO ETERNO
O TEMPO - PRESENTE DO ETERNOO TEMPO - PRESENTE DO ETERNO
O TEMPO - PRESENTE DO ETERNO
 
UM DESAFIO CHAMADO FAMIÍLIA
UM DESAFIO CHAMADO FAMIÍLIAUM DESAFIO CHAMADO FAMIÍLIA
UM DESAFIO CHAMADO FAMIÍLIA
 
Allan kardec, o homem, a missão
Allan kardec, o homem, a missãoAllan kardec, o homem, a missão
Allan kardec, o homem, a missão
 

Último

Lição 3 Rute e Noemi - Entrelaçadas pelo Amor.pptx
Lição 3 Rute e Noemi - Entrelaçadas pelo Amor.pptxLição 3 Rute e Noemi - Entrelaçadas pelo Amor.pptx
Lição 3 Rute e Noemi - Entrelaçadas pelo Amor.pptx
Celso Napoleon
 
10 - A Piedade do Cristão.Alvo da Lição: Entender que o dar esmolas, orar e...
10 - A Piedade do Cristão.Alvo da Lição: Entender que o dar esmolas, orar  e...10 - A Piedade do Cristão.Alvo da Lição: Entender que o dar esmolas, orar  e...
10 - A Piedade do Cristão.Alvo da Lição: Entender que o dar esmolas, orar e...
PIB Penha
 
Palestra ECC - A Fé nos Reverses da Vida.pptx
Palestra ECC - A Fé nos Reverses da Vida.pptxPalestra ECC - A Fé nos Reverses da Vida.pptx
Palestra ECC - A Fé nos Reverses da Vida.pptx
NEDIONOSSOMUNDO
 
Biblia em ordem cronologica-Edward Reese e Frank Klassen-NVI-pdf.pdf
Biblia em ordem cronologica-Edward Reese e Frank Klassen-NVI-pdf.pdfBiblia em ordem cronologica-Edward Reese e Frank Klassen-NVI-pdf.pdf
Biblia em ordem cronologica-Edward Reese e Frank Klassen-NVI-pdf.pdf
AndreyCamarini
 
Oração Para Pedir A Bondade
Oração Para Pedir A BondadeOração Para Pedir A Bondade
Oração Para Pedir A Bondade
Nilson Almeida
 
16 - O compromisso do cristão.Relacionamento do crente com Deus
16 - O compromisso do cristão.Relacionamento do crente com Deus16 - O compromisso do cristão.Relacionamento do crente com Deus
16 - O compromisso do cristão.Relacionamento do crente com Deus
PIB Penha
 
9 - Negação e Afirmação na Vida do Cristão-Alvo da Lição: Entender que ser cr...
9 - Negação e Afirmação na Vida do Cristão-Alvo da Lição: Entender que ser cr...9 - Negação e Afirmação na Vida do Cristão-Alvo da Lição: Entender que ser cr...
9 - Negação e Afirmação na Vida do Cristão-Alvo da Lição: Entender que ser cr...
PIB Penha
 
15 - Renúncia - Escolha a vida para viver.pdf
15 - Renúncia - Escolha a vida para viver.pdf15 - Renúncia - Escolha a vida para viver.pdf
15 - Renúncia - Escolha a vida para viver.pdf
PIB Penha
 
12 - A ambição do Cristão. Alvo da Lição: Entender que a verdadeira ambição ...
12 - A ambição do Cristão. Alvo da Lição: Entender que a verdadeira  ambição ...12 - A ambição do Cristão. Alvo da Lição: Entender que a verdadeira  ambição ...
12 - A ambição do Cristão. Alvo da Lição: Entender que a verdadeira ambição ...
PIB Penha
 
Série Evangelho no Lar - Pão Nosso - Cap. 143 - Não Tiranizes
Série Evangelho no Lar - Pão Nosso - Cap. 143 - Não TiranizesSérie Evangelho no Lar - Pão Nosso - Cap. 143 - Não Tiranizes
Série Evangelho no Lar - Pão Nosso - Cap. 143 - Não Tiranizes
Ricardo Azevedo
 
A VIDA SEGUNDO O EVANGELHO - MICHAEL HORTON.pdf
A VIDA SEGUNDO O EVANGELHO - MICHAEL HORTON.pdfA VIDA SEGUNDO O EVANGELHO - MICHAEL HORTON.pdf
A VIDA SEGUNDO O EVANGELHO - MICHAEL HORTON.pdf
marcusviniciussabino1
 
Jardim de infância- A história de José 1
Jardim de infância- A história de José 1Jardim de infância- A história de José 1
Jardim de infância- A história de José 1
CleideTeles3
 
11 - A oração que Deus atende. Alvo da Lição: Entender que a verdadeira ambi...
11 - A oração que Deus atende. Alvo da Lição: Entender que a verdadeira  ambi...11 - A oração que Deus atende. Alvo da Lição: Entender que a verdadeira  ambi...
11 - A oração que Deus atende. Alvo da Lição: Entender que a verdadeira ambi...
PIB Penha
 
Lição 2 O Livro de Rute - CPAD Adultos.pptx
Lição 2 O Livro de Rute - CPAD Adultos.pptxLição 2 O Livro de Rute - CPAD Adultos.pptx
Lição 2 O Livro de Rute - CPAD Adultos.pptx
Celso Napoleon
 

Último (14)

Lição 3 Rute e Noemi - Entrelaçadas pelo Amor.pptx
Lição 3 Rute e Noemi - Entrelaçadas pelo Amor.pptxLição 3 Rute e Noemi - Entrelaçadas pelo Amor.pptx
Lição 3 Rute e Noemi - Entrelaçadas pelo Amor.pptx
 
10 - A Piedade do Cristão.Alvo da Lição: Entender que o dar esmolas, orar e...
10 - A Piedade do Cristão.Alvo da Lição: Entender que o dar esmolas, orar  e...10 - A Piedade do Cristão.Alvo da Lição: Entender que o dar esmolas, orar  e...
10 - A Piedade do Cristão.Alvo da Lição: Entender que o dar esmolas, orar e...
 
Palestra ECC - A Fé nos Reverses da Vida.pptx
Palestra ECC - A Fé nos Reverses da Vida.pptxPalestra ECC - A Fé nos Reverses da Vida.pptx
Palestra ECC - A Fé nos Reverses da Vida.pptx
 
Biblia em ordem cronologica-Edward Reese e Frank Klassen-NVI-pdf.pdf
Biblia em ordem cronologica-Edward Reese e Frank Klassen-NVI-pdf.pdfBiblia em ordem cronologica-Edward Reese e Frank Klassen-NVI-pdf.pdf
Biblia em ordem cronologica-Edward Reese e Frank Klassen-NVI-pdf.pdf
 
Oração Para Pedir A Bondade
Oração Para Pedir A BondadeOração Para Pedir A Bondade
Oração Para Pedir A Bondade
 
16 - O compromisso do cristão.Relacionamento do crente com Deus
16 - O compromisso do cristão.Relacionamento do crente com Deus16 - O compromisso do cristão.Relacionamento do crente com Deus
16 - O compromisso do cristão.Relacionamento do crente com Deus
 
9 - Negação e Afirmação na Vida do Cristão-Alvo da Lição: Entender que ser cr...
9 - Negação e Afirmação na Vida do Cristão-Alvo da Lição: Entender que ser cr...9 - Negação e Afirmação na Vida do Cristão-Alvo da Lição: Entender que ser cr...
9 - Negação e Afirmação na Vida do Cristão-Alvo da Lição: Entender que ser cr...
 
15 - Renúncia - Escolha a vida para viver.pdf
15 - Renúncia - Escolha a vida para viver.pdf15 - Renúncia - Escolha a vida para viver.pdf
15 - Renúncia - Escolha a vida para viver.pdf
 
12 - A ambição do Cristão. Alvo da Lição: Entender que a verdadeira ambição ...
12 - A ambição do Cristão. Alvo da Lição: Entender que a verdadeira  ambição ...12 - A ambição do Cristão. Alvo da Lição: Entender que a verdadeira  ambição ...
12 - A ambição do Cristão. Alvo da Lição: Entender que a verdadeira ambição ...
 
Série Evangelho no Lar - Pão Nosso - Cap. 143 - Não Tiranizes
Série Evangelho no Lar - Pão Nosso - Cap. 143 - Não TiranizesSérie Evangelho no Lar - Pão Nosso - Cap. 143 - Não Tiranizes
Série Evangelho no Lar - Pão Nosso - Cap. 143 - Não Tiranizes
 
A VIDA SEGUNDO O EVANGELHO - MICHAEL HORTON.pdf
A VIDA SEGUNDO O EVANGELHO - MICHAEL HORTON.pdfA VIDA SEGUNDO O EVANGELHO - MICHAEL HORTON.pdf
A VIDA SEGUNDO O EVANGELHO - MICHAEL HORTON.pdf
 
Jardim de infância- A história de José 1
Jardim de infância- A história de José 1Jardim de infância- A história de José 1
Jardim de infância- A história de José 1
 
11 - A oração que Deus atende. Alvo da Lição: Entender que a verdadeira ambi...
11 - A oração que Deus atende. Alvo da Lição: Entender que a verdadeira  ambi...11 - A oração que Deus atende. Alvo da Lição: Entender que a verdadeira  ambi...
11 - A oração que Deus atende. Alvo da Lição: Entender que a verdadeira ambi...
 
Lição 2 O Livro de Rute - CPAD Adultos.pptx
Lição 2 O Livro de Rute - CPAD Adultos.pptxLição 2 O Livro de Rute - CPAD Adultos.pptx
Lição 2 O Livro de Rute - CPAD Adultos.pptx
 

COMODISMO, O GRANDE OBSTÁCULO

  • 2. conceituando “que ou quem só pensa em sua comodidade; egoísta.” Dicionário Larousse
  • 3. “Conheço a tuas obras, que nem és frio nem quente. Quem dera fosse frio ou quente! Assim, porque és morno, e não és frio nem quente, vomitar-te-ei da tua boca.” Apocalipse, 3:15-16
  • 4. “Os mornos estão representados pelas criaturas que perpetuamente se colocam a meio-termo, na pendência de duas situações. Estão atentas, vigilantes, para qual dos dois lados penderá um dos pratos da balança do imediatismo, a fim de seguir com ele, na expressão dominante das coisas.” Ide e Pregai, Newton Boechat
  • 6. “Devagar que tenho pressa”, Contudo, guarda a certeza De que a preguiça começa Na casa da vagareza.” Espírito Cornélio Pires “O Espírito de Cornélio Pires”, F. C. Xavier
  • 7. “Todavia, quando se torna prolongado o período reservado para o refazimento das energias, optando-se pela comodidade que se nega às atitudes indispensáveis ao progresso, apresenta-se como fenômeno anômalo de conduta.” Espírito Joanna de Ângelis “Conflitos Existenciais”, Divaldo P. Franco
  • 8. “Do ponto de vista espiritual, o paciente da preguiça, que se pode tornar crônica, ainda se encontra em faixa primária de desenvolvimento, sem resistências morais para as lutas nem valores pessoais para os desafios. Diante de qualquer impedimento recua, acusando aos outros ou a si mesmo afligindo, no que se compraz, para fugir à responsabilidade que não deseja assumir.” Espírito Joanna de Ângelis “Conflitos Existenciais”, Divaldo P. Franco
  • 9. “O egoísmo pessoal, o comodismo, a falta de generosidade, as pequenas cobardias do quotidiano, tudo isto contribui para essa perniciosa forma de cegueira mental que consiste em estar no mundo e não ver o mundo, ou só ver dele o que, em cada momento, for susceptível de servir os nossos interesses.” José Saramago
  • 10. “Mas o egoísmo é uma deformação do egocentrismo, uma doença do ego. Essa doença se manifesta por vários sintomas bem conhecidos: a arrogância, a avareza, o comodismo, a ganância e sobretudo a falta de respeito pelos outros.” Irmão Saulo “Na Era do Espírito”, F.C. Xavier, J.H.Pires e Espíritos Diversos
  • 12. “Milhares de companheiros aproximam-se do Evangelho para o culto inveterado ao comodismo. Como dominarei? – interrogam alguns. Como descansarei? – indagam outros. E os rogos se multiplicam, estranhos, reprováveis, incompreensíveis...” Espírito Emmanuel “Fonte Viva”, F.C. Xavier
  • 14. “E, tendo medo, escondi na terra o teu talento.” “Mateus, 25:25”
  • 15. finalidade da encarnação “- Deus a impõe com o fim de levá-los à perfeição: para uns, é uma expiação; para outros, uma missão. Mas, para chegar a essa perfeição, eles devem sofrer todas as vicissitudes da existência corpórea; nisto é que está a expiação. A encarnação tem ainda outra finalidade, que é a de pôr o Espírito em condições de enfrentar a sua parte na obra da Criação.” “O Livro dos Espíritos”, questão 132
  • 16. “Em virtude da autotranscendência da existência humana o homem é um ser em busca de sentido. Ele é dominado pela vontade de sentido. “Um sentido para a vida”, Viktor Frankl
  • 17. o tempo e o comodismo “O tempo concedido ao Espírito para uma reencarnação, por mais longo, é sempre curto, comparado com o serviço que somos chamados a realizar. Importante, assim o aproveitamento das horas.” “Estude e Viva”, F.C. Xavier e Waldo Vieira
  • 18. “Se, por um instante, pudésseis refletir sobre a perda de tempo, mas refletir muito seriamente e calcular o imenso erro que cometeis, veríeis quanto esta hora, este minuto escoado inutilmente que não podeis recuperar, poderia ser necessário ao vosso bem futuro.(...) E se usastes mal, um dia sereis obrigados a repará-lo pela expiação, e, talvez, de maneira terrível.”! O que não daríeis, então, para recuperar o tempo perdido!” Espírito Massilon “Revista Espírita” – Nov/1860 – Allan Kardec
  • 19. “- Os meus perseguidores não me seviciaram o corpo, nem me conturbaram a mente. Acalentaram apenas o meu comodismo e, com isso, me impediram qualquer passo renovador. Volto da Terra, meu caro, imitando o lavrador endividado e de mãos vazias que regressa de um campo fértil, onde poderia ter amealhado inimagináveis tesouros... Sei que você ainda escreve para os homens, nossos irmãos. Conte-lhes minha pobre experiência, refira-se, junto deles, à obsessão pacífica, perigosa, mascarada... Diga-lhes alguma coisa acerca do valor do tempo, da grandeza potencial de qualquer tempo na romagem humana!...” Espírito Irmão X “Cartas e Crônicas”, F.C. Xavier
  • 20. conhecimento de si Qual o meio prático e eficaz para se melhorar nesta vida e resistir ao arrastamento do mal? - Um sábio da Antiguidade vos disse: “Conhece-te a ti mesmo.” “O Livro dos Espíritos”, questão nº 919
  • 21. “E fazei isso, conhecendo o tempo. Já é hora de despertarmos do sono,(...).” Paulo “Romanos”, 13:11
  • 22. “Despertar, portanto, é indispensável abandonando o letargo que procede das faixas por onde transitou, libertando-se do marasmo, em forma de sono da consciência, para as realidades transcendentes, desapegando-se das constrições que impedem a marcha, escravizando o Si nas paixões remanescentes, adormecidas, por sua vez, ao inconsciente profundo, que prossegue enviando mensagens pessimistas e perturbadoras.” Espírito Joanna de Ângelis “Vida – Desafios e soluções”, Divaldo P. Franco.
  • 23. missão dos espíritas “Oh, verdadeiros adeptos do Espiritismo: vós sois os eleitos de Deus! Ide e pregai a palavra divina. É chegada a hora em que devem sacrificar os vossos hábitos, os vossos trabalhos, as vossas futilidades, à sua propagação. Ide e pregai: os Espíritos elevados estão convosco. Falareis, certamente, a pessoas que não quererão escutar a palavra de Deus, porque essa palavra os convida incessantemente ao sacrifício.” “O E.S.E”. XX:4
  • 24. “Ide e agradecei a Deus a gloriosa tarefa que vos concedeu. Mas, cuidado, que entre os chamados para o Espiritismo, muitos se desviaram da senda! Atentai, pois, no vosso caminho, e buscai a verdade.” “O E.S.E”. XX:4