SlideShare uma empresa Scribd logo
1 de 4
Baixar para ler offline
Centro de Ensino Urbano Rocha
Professora: Mary Alvarenga Série: 1º ano Turma: ____ Turno Matutino
 Com base no que você estudou sobre a vida cultural na Europa medieval,
encontre no diagrama
1. Nome da doutrina que acredita que Deus é o criador do universo e de toda a vida do planeta.
2. Surgiu durante o Império Romano, mas foi durante a Idade Média que se consolidou como a mais
importante instituição da Europa ocidental.
3. Eram os mosteiros governados por um abade ou abadessa, que tiveram grande importância na Idade
Média.
4. É um edifício de habitação, oração e trabalho de uma comunidade de monges e freiras, e que é
construído fora da malha urbana de uma cidade.
5. Padre e teólogo que traduziu a Bíblia do hebraico e do grego para o latim.
6. Eram chamados os primeiros teólogos que estruturaram a ortodoxia cristã desde o final do Império
Romano.
7. Estruturou um sistema filosófico no qual compartilhava a fé cristã com a filosofia de Aristóteles.
8. Foi uma instituição em 1.184 para combater as heresias que despontavam na Europa e desafiavam a
doutrina católica e o poder do papado.
9. Doutrina que se opõe frontalmente aos dogmas da Igreja.
10. Criticavam os hábitos mundanos do clero e as intromissões da politica de reis e nobres na igreja e se
dedicavam mais à liturgia do que ao trabalho manual.
11. Foi fundada por Francisco de Assis (1216-1226), um jovem filho de burgueses do norte da Itália.
12. Foi fundada por Domingos de Gusmão (1.170 – 1.221) descendente da nobreza guerreira de Castela,
que lutava contra os muçulmanos.
13. Principio criador do mundo e continua atuando como modelo de perfeição e de inteligência superior
proporcionando ordem e harmonia à natureza e aos seres.
14. Foram expedições militares organizadas entre os séculos XI e XIII, por autoridades da Igreja Católica e
pelos nobres mais poderosos da Europa.
15. São compostas de arcos em meio círculo, abóbodas arredondadas e paredes maciças, com poucas
janelas.
16. Apresentam arcos ogivais, abóbodas cruzadas e paredes vazadas por enormes janelas, permitindo maior
entrada de luz.
17. Surgiu com a Igreja Católica, na época da Idade Média e do feudalismo, é representado pelos padres,
bispos, arcebispos, cardeais e o Papa.
18. Arquitetura que marcaram o período medieval.
19. Estilo dominante da arquitetura medieval.
20. Surgiu no sul da França (região chamada de Provença) e se espalhou pela Europa, foi marcada por
canções de amor, amizade ou escárnio, influenciando principalmente a cultura medieval francesa e
ibérica.
W T U Y Q B M C A S T E L O S E C A T E D R A I S
E Y K O P L J A A D G J K L O Z X Ç P R T W I O P
N L L R B M U T T Y M W C S E R B M U R T Y U X B
E P Ç M O S T E I R O S A Z X C R U Z A D A S Y U
Y U N M E Ã H D S Y N W C S E R B M U R T Y U X B
E R S D T O T R T U J A F S D C A S D F G B N M K
Q U U S R J U A U H E U A Z X R B M U L T Y U X R
F K K D O E S I V N S A N T A I N Q U I S I Ç Â O
C L K G P R A S X O D E U X B S Y F Y T U G U R M
B B B I D O C G Z T A I K Q W T U P U E D R B T Ã
T J J S A N V O A E O M E D A I H A H R Y E V Y N
O M M L D I O T R R R O U X B A N D N A U J T U I
M N N L E M R I P W D U D X Y N O R O T H A R J C
À O A Y M O W C S E E A D I E I T E T U N C P K A
S P B A Y R E A J X M I P R T S E S E R O A O L E
D W A M O T S S H O C M A R Y M R D R A T T W O G
E T D O R U C L O C L E R O Y O W A W T E O Ç M Ó
A Y I R D W Y S E I U O P A Z X Y I Y R R L Y N T
Q I A M E R P P I Y N M U R T Y U G P O W I W S I
U P P A M T O O U H Y G F S J K Ç R W V T C I Y C
I M M L D U H M U R T Y U D F S B E U A T A U X A
N J J D O O E N W X M U R T Y U E J Q D K J K N W
O R D E M F R A N C I S C A N A M A P O W I T S Z
A A E M I P E K B G Z X S H J I S P O R Ç B V W G
S A U W N A S K R S L O H A N S T Y U E I O P X B
G F S Y I T I V U F A P O I F G T I T S M K L V A
N V H K C O A C J M W G J L W R T N O C F G N M Ç
M B K M A R T Y O J J K L G F S T M U A T Y U Z U
A S D F N H J L C K A P O I F G U J K L G F S T P
Z X C V A E B C A T E D R A I S R O M A N I C A S
Aprenda a gostar, mas gostar mesmo, das coisas que deve fazer e das
pessoas que o cercam. Em pouco tempo descobrirá que a vida é muito
boa e que você é uma pessoa querida por todos.
Rubem Alves
1. Nome da doutrina que acredita que Deus é o criador do universo e de toda a vida do planeta.
Cristianismo
2. Surgiu durante o Império Romano, mas foi durante a Idade Média que se consolidou como a mais
importante instituição da Europa ocidental. Igreja Católica
3. Eram os mosteiros governados por um abade ou abadessa, que tiveram grande importância na Idade
Média. Abadia
4. É um edifício de habitação, oração e trabalho de uma comunidade de monges e freiras, e que é
construído fora da malha urbana de uma cidade. Mosteiros
5. Padre e teólogo que traduziu a Bíblia do hebraico e do grego para o latim. São Jerônimo
6. Eram chamados os primeiros teólogos que estruturaram a ortodoxia cristã desde o final do Império
Romano. Padres da Igreja
7. Estruturou um sistema filosófico no qual compartilhava a fé cristã com a filosofia de Aristóteles.
Tomás de Aquino
8. Foi uma instituição em 1.184 para combater as heresias que despontavam na Europa e desafiavam a
doutrina católica e o poder do papado. Santa Inquisição
9. Doutrina que se opõe frontalmente aos dogmas da Igreja. Heresia
10. Criticavam os hábitos mundanos do clero e as intromissões da politica de reis e nobres na igreja e se
dedicavam mais à liturgia do que ao trabalho manual. Monges da ordem Cluny
11. Foi fundada por Francisco de Assis (1216-1226), um jovem filho de burgueses do norte da Itália.
Ordem Franciscana
12. Foi fundada por Domingos de Gusmão (1.170 – 1.221) descendente da nobreza guerreira de Castela,
que lutava contra os muçulmanos. Ordem Dominicana
13. Principio criador do mundo e continua atuando como modelo de perfeição e de inteligência superior
proporcionando ordem e harmonia à natureza e aos seres. Deus
14. Foram expedições militares organizadas entre os séculos XI e XIII, por autoridades da Igreja Católica e
pelos nobres mais poderosos da Europa. As cruzadas
15. São compostas de arcos em meio círculo, abóbodas arredondadas e paredes maciças, com poucas
janelas. Catedrais românicas
16. Apresentam arcos ogivais, abóbodas cruzadas e paredes vazadas por enormes janelas, permitindo maior
entrada de luz. Catedrais góticas
17. Surgiu com a Igreja Católica, na época da Idade Média e do feudalismo, é representado pelos padres,
bispos, arcebispos, cardeais e o Papa. Clero
18. Arquitetura que marcaram o período medieval. Castelos e catedrais
19. Estilo dominante da arquitetura medieval. Românica e gótica.
20. Surgiu no sul da França (região chamada de Provença) e se espalhou pela Europa, foi marcada por
canções de amor, amizade ou escárnio, influenciando principalmente a cultura medieval francesa e
ibérica. Literatura trovadoresca.
W T U Y Q B M C A S T E L O S E C A T E D R A I S
E Y K O P L J A A D W J K L O Z X Ç P R T W I O P
N L L R B M U T T Y M W C S E R B M U R T Y U X B
E P Ç M O S T E I R O S A Z X C R U Z A D A S Y U
Y U N M E Ã H D S Y N W C S E R B M U R T Y U X B
E R S D T O T R T U J A F S D C A S D F G B N M K
Q U U S R J U A U H E U A Z X R B M U L T Y U X R
F K K D O E S I V N S A N T A I N Q U I S I Ç Â O
C L K G P R A S X O D E U X B S Y F Y T U G U R M
B B B I D O C G Z T A I K Q W T U P U E D R B T Ã
T J J S A N V O A E O M E D A I H A H R Y E V Y N
O M M L D I O T R R R O U X B A N D N A U J T U I
M N N L E M R I P W D U D X Y N O R O T H A R J C
À O A Y M O W C S E E A D I E I T E T U N C P K A
S P B A Y R E A J X M I P R T S E S E R O A O L E
D W A M O T S S H O C M A R Y M R D R A T T W O G
E T D O R U C L O C L E R O Y O W A W T E O Ç M Ó
A Y I R D W Y S E I U O P A Z X Y I Y R R L Y N T
Q I A M E R P P I Y N M U R T Y U G P O W I W S I
U P P A M T O O U H Y G F S J K Ç R W V T C I Y C
I M M L D U H M U R T Y U D F S B E U A T A U X A
N J J D O O E N W X M U R T Y U E J Q D K J K N W
O R D E M F R A N C I S C A N A M A P O W I T S Z
A A E M I P E K B G Z X S H J I S P O R Ç B V W G
S A U W N A S K R S L O H A N S T Y U E I O P X B
G F S Y I T I V U F A P O I F G T I T S M K L V A
N V H K C O A C J M W G J L W R T N O C F G N M Ç
M B K M A R T Y O J J K L G F S T M U A T Y U Z U
A S D F N H J L C K A P O I F G U J K L G F S T P
Z X C V A E B C A T E D R A I S R O M A N I C A S
Aprenda a gostar, mas gostar mesmo, das coisas que deve fazer e das
pessoas que o cercam. Em pouco tempo descobrirá que a vida é muito
boa e que você é uma pessoa querida por todos.
Rubem Alves

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Cruzadinha de História - O humanismo e o renascimento
Cruzadinha de História - O  humanismo e o renascimentoCruzadinha de História - O  humanismo e o renascimento
Cruzadinha de História - O humanismo e o renascimentoMary Alvarenga
 
Neocolonialismo e Primeira Guerra Mundial.
 Neocolonialismo e Primeira Guerra Mundial. Neocolonialismo e Primeira Guerra Mundial.
Neocolonialismo e Primeira Guerra Mundial.Luis Silva
 
Avaliação 9º ano república velha, guerra de canudos, revolta da vacina
Avaliação 9º ano república velha, guerra de canudos, revolta da vacinaAvaliação 9º ano república velha, guerra de canudos, revolta da vacina
Avaliação 9º ano república velha, guerra de canudos, revolta da vacinaAcrópole - História & Educação
 
Cruzadinha - A Grécia Antiga
Cruzadinha  - A Grécia AntigaCruzadinha  - A Grécia Antiga
Cruzadinha - A Grécia AntigaMary Alvarenga
 
Atividades de sociologia interpretação de textos e charges
Atividades de sociologia interpretação de textos e chargesAtividades de sociologia interpretação de textos e charges
Atividades de sociologia interpretação de textos e chargesAtividades Diversas Cláudia
 
Caça palavras Revolução Pernambucana,Inconfidência Mineira e Conjuração Baiana.
Caça palavras Revolução Pernambucana,Inconfidência Mineira e Conjuração Baiana.Caça palavras Revolução Pernambucana,Inconfidência Mineira e Conjuração Baiana.
Caça palavras Revolução Pernambucana,Inconfidência Mineira e Conjuração Baiana.Martileny Vieira
 
Iluminismo cruzadinhas 8º ano
Iluminismo cruzadinhas 8º anoIluminismo cruzadinhas 8º ano
Iluminismo cruzadinhas 8º anoThais Ribeiro
 
Grécia Antiga
 Grécia Antiga Grécia Antiga
Grécia AntigaLuis Silva
 
Interpretação texto arnaldojabor democracia, cidadania, direitos (1)
Interpretação texto arnaldojabor democracia, cidadania, direitos (1)Interpretação texto arnaldojabor democracia, cidadania, direitos (1)
Interpretação texto arnaldojabor democracia, cidadania, direitos (1)Atividades Diversas Cláudia
 
Atividades adaptadas- História --1.pdf
Atividades adaptadas- História --1.pdfAtividades adaptadas- História --1.pdf
Atividades adaptadas- História --1.pdfWenderson Santos Couto
 
História 6º-ano-quinzena-5
História 6º-ano-quinzena-5História 6º-ano-quinzena-5
História 6º-ano-quinzena-5GraaMoraes1
 
Prova Parcial 8serie A 2 Etapa Emei Vicente Fialho Gabarito
Prova Parcial 8serie A 2 Etapa Emei Vicente Fialho GabaritoProva Parcial 8serie A 2 Etapa Emei Vicente Fialho Gabarito
Prova Parcial 8serie A 2 Etapa Emei Vicente Fialho GabaritoJana Bento
 
Renascimento Reforma Protestante e Contrarreforma
Renascimento Reforma Protestante e ContrarreformaRenascimento Reforma Protestante e Contrarreforma
Renascimento Reforma Protestante e ContrarreformaLuis Silva
 
Caça Palavras - Países do continente europeu
Caça Palavras - Países do continente europeuCaça Palavras - Países do continente europeu
Caça Palavras - Países do continente europeuEduardo Menandes
 

Mais procurados (20)

Cruzadinha de História - O humanismo e o renascimento
Cruzadinha de História - O  humanismo e o renascimentoCruzadinha de História - O  humanismo e o renascimento
Cruzadinha de História - O humanismo e o renascimento
 
Neocolonialismo e Primeira Guerra Mundial.
 Neocolonialismo e Primeira Guerra Mundial. Neocolonialismo e Primeira Guerra Mundial.
Neocolonialismo e Primeira Guerra Mundial.
 
Avaliação 9º ano república velha, guerra de canudos, revolta da vacina
Avaliação 9º ano república velha, guerra de canudos, revolta da vacinaAvaliação 9º ano república velha, guerra de canudos, revolta da vacina
Avaliação 9º ano república velha, guerra de canudos, revolta da vacina
 
360426450 caca-palavras-sobre-renascimento
360426450 caca-palavras-sobre-renascimento360426450 caca-palavras-sobre-renascimento
360426450 caca-palavras-sobre-renascimento
 
Cruzadinha - A Grécia Antiga
Cruzadinha  - A Grécia AntigaCruzadinha  - A Grécia Antiga
Cruzadinha - A Grécia Antiga
 
Atividades de sociologia interpretação de textos e charges
Atividades de sociologia interpretação de textos e chargesAtividades de sociologia interpretação de textos e charges
Atividades de sociologia interpretação de textos e charges
 
Renascimento cultural
Renascimento cultural Renascimento cultural
Renascimento cultural
 
Atividade governo jk
Atividade governo jkAtividade governo jk
Atividade governo jk
 
Exercicio revolução russa
Exercicio revolução russaExercicio revolução russa
Exercicio revolução russa
 
Caça palavras Revolução Pernambucana,Inconfidência Mineira e Conjuração Baiana.
Caça palavras Revolução Pernambucana,Inconfidência Mineira e Conjuração Baiana.Caça palavras Revolução Pernambucana,Inconfidência Mineira e Conjuração Baiana.
Caça palavras Revolução Pernambucana,Inconfidência Mineira e Conjuração Baiana.
 
Iluminismo cruzadinhas 8º ano
Iluminismo cruzadinhas 8º anoIluminismo cruzadinhas 8º ano
Iluminismo cruzadinhas 8º ano
 
Grécia Antiga
 Grécia Antiga Grécia Antiga
Grécia Antiga
 
Interpretação texto arnaldojabor democracia, cidadania, direitos (1)
Interpretação texto arnaldojabor democracia, cidadania, direitos (1)Interpretação texto arnaldojabor democracia, cidadania, direitos (1)
Interpretação texto arnaldojabor democracia, cidadania, direitos (1)
 
Atividades adaptadas- História --1.pdf
Atividades adaptadas- História --1.pdfAtividades adaptadas- História --1.pdf
Atividades adaptadas- História --1.pdf
 
História 6º-ano-quinzena-5
História 6º-ano-quinzena-5História 6º-ano-quinzena-5
História 6º-ano-quinzena-5
 
Prova Parcial 8serie A 2 Etapa Emei Vicente Fialho Gabarito
Prova Parcial 8serie A 2 Etapa Emei Vicente Fialho GabaritoProva Parcial 8serie A 2 Etapa Emei Vicente Fialho Gabarito
Prova Parcial 8serie A 2 Etapa Emei Vicente Fialho Gabarito
 
Renascimento Reforma Protestante e Contrarreforma
Renascimento Reforma Protestante e ContrarreformaRenascimento Reforma Protestante e Contrarreforma
Renascimento Reforma Protestante e Contrarreforma
 
Atividades de independencia do brasil 2013
Atividades de independencia do brasil 2013Atividades de independencia do brasil 2013
Atividades de independencia do brasil 2013
 
Atividades Iluminismo
Atividades   IluminismoAtividades   Iluminismo
Atividades Iluminismo
 
Caça Palavras - Países do continente europeu
Caça Palavras - Países do continente europeuCaça Palavras - Países do continente europeu
Caça Palavras - Países do continente europeu
 

Destaque

Atividade de História - A vida cultural na Europa medieval
Atividade de História  - A vida cultural na Europa medievalAtividade de História  - A vida cultural na Europa medieval
Atividade de História - A vida cultural na Europa medievalMary Alvarenga
 
Cruzadinha de filosofia - A ciência
Cruzadinha de filosofia -    A ciênciaCruzadinha de filosofia -    A ciência
Cruzadinha de filosofia - A ciênciaMary Alvarenga
 
Cruzadinha de Filosofia - estética
Cruzadinha de Filosofia  - estética    Cruzadinha de Filosofia  - estética
Cruzadinha de Filosofia - estética Mary Alvarenga
 
Simbolos Do Natal
Simbolos Do NatalSimbolos Do Natal
Simbolos Do NatalJNR
 

Destaque (7)

Atividade de História - A vida cultural na Europa medieval
Atividade de História  - A vida cultural na Europa medievalAtividade de História  - A vida cultural na Europa medieval
Atividade de História - A vida cultural na Europa medieval
 
Cruzadinha de filosofia - A ciência
Cruzadinha de filosofia -    A ciênciaCruzadinha de filosofia -    A ciência
Cruzadinha de filosofia - A ciência
 
Simbolos do Natal
Simbolos do Natal Simbolos do Natal
Simbolos do Natal
 
Cruzadinha de Filosofia - estética
Cruzadinha de Filosofia  - estética    Cruzadinha de Filosofia  - estética
Cruzadinha de Filosofia - estética
 
Símbolos de natal
Símbolos de natalSímbolos de natal
Símbolos de natal
 
Símbolos de Natal
Símbolos de Natal Símbolos de Natal
Símbolos de Natal
 
Simbolos Do Natal
Simbolos Do NatalSimbolos Do Natal
Simbolos Do Natal
 

Semelhante a Caça palavras de História - A vida cultural do povo medieval

Caça palavra de Filosofia - A ciência
Caça palavra  de Filosofia - A  ciênciaCaça palavra  de Filosofia - A  ciência
Caça palavra de Filosofia - A ciênciaMary Alvarenga
 
Revista Passatempos Missionários 6 - A Tradução da Bíblia para todos os Povos
Revista Passatempos Missionários 6 - A Tradução da Bíblia para todos os PovosRevista Passatempos Missionários 6 - A Tradução da Bíblia para todos os Povos
Revista Passatempos Missionários 6 - A Tradução da Bíblia para todos os PovosSammis Reachers
 
Atividades bíblicas infantis caça palavras
Atividades bíblicas infantis   caça palavrasAtividades bíblicas infantis   caça palavras
Atividades bíblicas infantis caça palavrasCristinaAlves926979
 
Revista passatempos missionários 1
Revista passatempos missionários 1Revista passatempos missionários 1
Revista passatempos missionários 1Sammis Reachers
 
Época Realista y la obra de Madame Bovary.
Época Realista y la obra de Madame Bovary.Época Realista y la obra de Madame Bovary.
Época Realista y la obra de Madame Bovary.keislayyovera123
 
1. fontes, métodos e correntes historiográficas
1. fontes, métodos e correntes historiográficas1. fontes, métodos e correntes historiográficas
1. fontes, métodos e correntes historiográficasIsmael Vide González
 
Lição 8 (jovens)- O relacionamento com pessoas de uma fé diferente
Lição 8 (jovens)- O relacionamento com pessoas de uma fé diferenteLição 8 (jovens)- O relacionamento com pessoas de uma fé diferente
Lição 8 (jovens)- O relacionamento com pessoas de uma fé diferenteNatalino das Neves Neves
 
Diseño de producción película "Ahí te encargo".
Diseño de producción película "Ahí te encargo".Diseño de producción película "Ahí te encargo".
Diseño de producción película "Ahí te encargo".Alfredo Wigueras
 
ELS RELLOTGES INVENTEM!!
ELS RELLOTGES INVENTEM!!ELS RELLOTGES INVENTEM!!
ELS RELLOTGES INVENTEM!!ciclemitja34
 
A3. MEP 1 - Mod 1 - Tema3
A3. MEP 1 - Mod 1 - Tema3A3. MEP 1 - Mod 1 - Tema3
A3. MEP 1 - Mod 1 - Tema3Poliana Bellan
 
Teoria de vygotsky - Aprendizagem
Teoria de vygotsky  - AprendizagemTeoria de vygotsky  - Aprendizagem
Teoria de vygotsky - AprendizagemKellen Fonseca
 
L'art del renaixement, característiques.pdf
L'art del renaixement, característiques.pdfL'art del renaixement, característiques.pdf
L'art del renaixement, característiques.pdfselidris
 
PALESTRA PARA LIDERANÇAS .pptx
PALESTRA PARA LIDERANÇAS .pptxPALESTRA PARA LIDERANÇAS .pptx
PALESTRA PARA LIDERANÇAS .pptxRegis Silva
 
Lição 13 - O Cultivo das Relações Interpessoais
Lição 13 - O Cultivo das Relações InterpessoaisLição 13 - O Cultivo das Relações Interpessoais
Lição 13 - O Cultivo das Relações InterpessoaisRegio Davis
 

Semelhante a Caça palavras de História - A vida cultural do povo medieval (20)

cruzadinha.pdf
cruzadinha.pdfcruzadinha.pdf
cruzadinha.pdf
 
Caapalavrasidademdiaeja 160916013034
Caapalavrasidademdiaeja 160916013034Caapalavrasidademdiaeja 160916013034
Caapalavrasidademdiaeja 160916013034
 
Caça palavra de Filosofia - A ciência
Caça palavra  de Filosofia - A  ciênciaCaça palavra  de Filosofia - A  ciência
Caça palavra de Filosofia - A ciência
 
Revista Passatempos Missionários 6 - A Tradução da Bíblia para todos os Povos
Revista Passatempos Missionários 6 - A Tradução da Bíblia para todos os PovosRevista Passatempos Missionários 6 - A Tradução da Bíblia para todos os Povos
Revista Passatempos Missionários 6 - A Tradução da Bíblia para todos os Povos
 
Exercício de revisão de história
Exercício de revisão de históriaExercício de revisão de história
Exercício de revisão de história
 
Atividades bíblicas infantis caça palavras
Atividades bíblicas infantis   caça palavrasAtividades bíblicas infantis   caça palavras
Atividades bíblicas infantis caça palavras
 
Revista passatempos missionários 1
Revista passatempos missionários 1Revista passatempos missionários 1
Revista passatempos missionários 1
 
Caca palavras 36
Caca palavras 36Caca palavras 36
Caca palavras 36
 
Carta aberta
Carta abertaCarta aberta
Carta aberta
 
Época Realista y la obra de Madame Bovary.
Época Realista y la obra de Madame Bovary.Época Realista y la obra de Madame Bovary.
Época Realista y la obra de Madame Bovary.
 
1. fontes, métodos e correntes historiográficas
1. fontes, métodos e correntes historiográficas1. fontes, métodos e correntes historiográficas
1. fontes, métodos e correntes historiográficas
 
Mannheim gramsci bourdieu (1)
Mannheim gramsci bourdieu (1)Mannheim gramsci bourdieu (1)
Mannheim gramsci bourdieu (1)
 
Lição 8 (jovens)- O relacionamento com pessoas de uma fé diferente
Lição 8 (jovens)- O relacionamento com pessoas de uma fé diferenteLição 8 (jovens)- O relacionamento com pessoas de uma fé diferente
Lição 8 (jovens)- O relacionamento com pessoas de uma fé diferente
 
Diseño de producción película "Ahí te encargo".
Diseño de producción película "Ahí te encargo".Diseño de producción película "Ahí te encargo".
Diseño de producción película "Ahí te encargo".
 
ELS RELLOTGES INVENTEM!!
ELS RELLOTGES INVENTEM!!ELS RELLOTGES INVENTEM!!
ELS RELLOTGES INVENTEM!!
 
A3. MEP 1 - Mod 1 - Tema3
A3. MEP 1 - Mod 1 - Tema3A3. MEP 1 - Mod 1 - Tema3
A3. MEP 1 - Mod 1 - Tema3
 
Teoria de vygotsky - Aprendizagem
Teoria de vygotsky  - AprendizagemTeoria de vygotsky  - Aprendizagem
Teoria de vygotsky - Aprendizagem
 
L'art del renaixement, característiques.pdf
L'art del renaixement, característiques.pdfL'art del renaixement, característiques.pdf
L'art del renaixement, característiques.pdf
 
PALESTRA PARA LIDERANÇAS .pptx
PALESTRA PARA LIDERANÇAS .pptxPALESTRA PARA LIDERANÇAS .pptx
PALESTRA PARA LIDERANÇAS .pptx
 
Lição 13 - O Cultivo das Relações Interpessoais
Lição 13 - O Cultivo das Relações InterpessoaisLição 13 - O Cultivo das Relações Interpessoais
Lição 13 - O Cultivo das Relações Interpessoais
 

Mais de Mary Alvarenga

Acróstico - Maio Laranja
Acróstico  - Maio Laranja Acróstico  - Maio Laranja
Acróstico - Maio Laranja Mary Alvarenga
 
Maio Laranja - Combate à violência sexual contra crianças e adolescentes
Maio Laranja - Combate à violência sexual contra crianças e adolescentesMaio Laranja - Combate à violência sexual contra crianças e adolescentes
Maio Laranja - Combate à violência sexual contra crianças e adolescentesMary Alvarenga
 
Atividade - Letra da música Esperando na Janela.
Atividade -  Letra da música Esperando na Janela.Atividade -  Letra da música Esperando na Janela.
Atividade - Letra da música Esperando na Janela.Mary Alvarenga
 
CRUZADINHA - Leitura e escrita dos números
CRUZADINHA   -   Leitura e escrita dos números CRUZADINHA   -   Leitura e escrita dos números
CRUZADINHA - Leitura e escrita dos números Mary Alvarenga
 
Música Meu Abrigo - Texto e atividade
Música   Meu   Abrigo  -   Texto e atividadeMúsica   Meu   Abrigo  -   Texto e atividade
Música Meu Abrigo - Texto e atividadeMary Alvarenga
 
Bullying - Atividade com caça- palavras
Bullying   - Atividade com  caça- palavrasBullying   - Atividade com  caça- palavras
Bullying - Atividade com caça- palavrasMary Alvarenga
 
Bullying - Texto e cruzadinha
Bullying        -     Texto e cruzadinhaBullying        -     Texto e cruzadinha
Bullying - Texto e cruzadinhaMary Alvarenga
 
A Arte de Escrever Poemas - Dia das Mães
A Arte de Escrever Poemas - Dia das MãesA Arte de Escrever Poemas - Dia das Mães
A Arte de Escrever Poemas - Dia das MãesMary Alvarenga
 
Grupo Tribalhista - Música Velha Infância (cruzadinha e caça palavras)
Grupo Tribalhista - Música Velha Infância (cruzadinha e caça palavras)Grupo Tribalhista - Música Velha Infância (cruzadinha e caça palavras)
Grupo Tribalhista - Música Velha Infância (cruzadinha e caça palavras)Mary Alvarenga
 
19 de abril - Dia dos povos indigenas brasileiros
19 de abril - Dia dos povos indigenas brasileiros19 de abril - Dia dos povos indigenas brasileiros
19 de abril - Dia dos povos indigenas brasileirosMary Alvarenga
 
Mini livro sanfona - Diga não ao bullying
Mini livro sanfona - Diga não ao  bullyingMini livro sanfona - Diga não ao  bullying
Mini livro sanfona - Diga não ao bullyingMary Alvarenga
 
Mini livro sanfona - Povos Indigenas Brasileiros
Mini livro sanfona  - Povos Indigenas BrasileirosMini livro sanfona  - Povos Indigenas Brasileiros
Mini livro sanfona - Povos Indigenas BrasileirosMary Alvarenga
 
Poema em homenagem a Escola Santa Maria, pelos seus 37 anos.
Poema em homenagem a Escola Santa Maria, pelos seus 37 anos.Poema em homenagem a Escola Santa Maria, pelos seus 37 anos.
Poema em homenagem a Escola Santa Maria, pelos seus 37 anos.Mary Alvarenga
 
Ciclo de vida do mosquito Aedes aegypti e cruzadinha
Ciclo de vida do mosquito Aedes aegypti  e cruzadinhaCiclo de vida do mosquito Aedes aegypti  e cruzadinha
Ciclo de vida do mosquito Aedes aegypti e cruzadinhaMary Alvarenga
 
Mat - Casos prováveis de dengue (2023 - 2024)
Mat - Casos  prováveis de dengue (2023 - 2024)Mat - Casos  prováveis de dengue (2023 - 2024)
Mat - Casos prováveis de dengue (2023 - 2024)Mary Alvarenga
 
Cruzadinha da dengue - Mosquito Aedes aegypti
Cruzadinha da dengue - Mosquito Aedes aegyptiCruzadinha da dengue - Mosquito Aedes aegypti
Cruzadinha da dengue - Mosquito Aedes aegyptiMary Alvarenga
 
Poema sobre o mosquito Aedes aegipyti -
Poema sobre o mosquito Aedes aegipyti  -Poema sobre o mosquito Aedes aegipyti  -
Poema sobre o mosquito Aedes aegipyti -Mary Alvarenga
 

Mais de Mary Alvarenga (20)

Poema - Aedes Aegypt.
Poema - Aedes Aegypt.Poema - Aedes Aegypt.
Poema - Aedes Aegypt.
 
Poema - Maio Laranja
Poema - Maio Laranja Poema - Maio Laranja
Poema - Maio Laranja
 
Acróstico - Maio Laranja
Acróstico  - Maio Laranja Acróstico  - Maio Laranja
Acróstico - Maio Laranja
 
Maio Laranja - Combate à violência sexual contra crianças e adolescentes
Maio Laranja - Combate à violência sexual contra crianças e adolescentesMaio Laranja - Combate à violência sexual contra crianças e adolescentes
Maio Laranja - Combate à violência sexual contra crianças e adolescentes
 
Atividade - Letra da música Esperando na Janela.
Atividade -  Letra da música Esperando na Janela.Atividade -  Letra da música Esperando na Janela.
Atividade - Letra da música Esperando na Janela.
 
CRUZADINHA - Leitura e escrita dos números
CRUZADINHA   -   Leitura e escrita dos números CRUZADINHA   -   Leitura e escrita dos números
CRUZADINHA - Leitura e escrita dos números
 
Música Meu Abrigo - Texto e atividade
Música   Meu   Abrigo  -   Texto e atividadeMúsica   Meu   Abrigo  -   Texto e atividade
Música Meu Abrigo - Texto e atividade
 
Bullying, sai pra lá
Bullying,  sai pra láBullying,  sai pra lá
Bullying, sai pra lá
 
Bullying - Atividade com caça- palavras
Bullying   - Atividade com  caça- palavrasBullying   - Atividade com  caça- palavras
Bullying - Atividade com caça- palavras
 
Bullying - Texto e cruzadinha
Bullying        -     Texto e cruzadinhaBullying        -     Texto e cruzadinha
Bullying - Texto e cruzadinha
 
A Arte de Escrever Poemas - Dia das Mães
A Arte de Escrever Poemas - Dia das MãesA Arte de Escrever Poemas - Dia das Mães
A Arte de Escrever Poemas - Dia das Mães
 
Grupo Tribalhista - Música Velha Infância (cruzadinha e caça palavras)
Grupo Tribalhista - Música Velha Infância (cruzadinha e caça palavras)Grupo Tribalhista - Música Velha Infância (cruzadinha e caça palavras)
Grupo Tribalhista - Música Velha Infância (cruzadinha e caça palavras)
 
19 de abril - Dia dos povos indigenas brasileiros
19 de abril - Dia dos povos indigenas brasileiros19 de abril - Dia dos povos indigenas brasileiros
19 de abril - Dia dos povos indigenas brasileiros
 
Mini livro sanfona - Diga não ao bullying
Mini livro sanfona - Diga não ao  bullyingMini livro sanfona - Diga não ao  bullying
Mini livro sanfona - Diga não ao bullying
 
Mini livro sanfona - Povos Indigenas Brasileiros
Mini livro sanfona  - Povos Indigenas BrasileirosMini livro sanfona  - Povos Indigenas Brasileiros
Mini livro sanfona - Povos Indigenas Brasileiros
 
Poema em homenagem a Escola Santa Maria, pelos seus 37 anos.
Poema em homenagem a Escola Santa Maria, pelos seus 37 anos.Poema em homenagem a Escola Santa Maria, pelos seus 37 anos.
Poema em homenagem a Escola Santa Maria, pelos seus 37 anos.
 
Ciclo de vida do mosquito Aedes aegypti e cruzadinha
Ciclo de vida do mosquito Aedes aegypti  e cruzadinhaCiclo de vida do mosquito Aedes aegypti  e cruzadinha
Ciclo de vida do mosquito Aedes aegypti e cruzadinha
 
Mat - Casos prováveis de dengue (2023 - 2024)
Mat - Casos  prováveis de dengue (2023 - 2024)Mat - Casos  prováveis de dengue (2023 - 2024)
Mat - Casos prováveis de dengue (2023 - 2024)
 
Cruzadinha da dengue - Mosquito Aedes aegypti
Cruzadinha da dengue - Mosquito Aedes aegyptiCruzadinha da dengue - Mosquito Aedes aegypti
Cruzadinha da dengue - Mosquito Aedes aegypti
 
Poema sobre o mosquito Aedes aegipyti -
Poema sobre o mosquito Aedes aegipyti  -Poema sobre o mosquito Aedes aegipyti  -
Poema sobre o mosquito Aedes aegipyti -
 

Último

ATIVIDADE 2 - DESENVOLVIMENTO E APRENDIZAGEM MOTORA - 52_2024
ATIVIDADE 2 - DESENVOLVIMENTO E APRENDIZAGEM MOTORA - 52_2024ATIVIDADE 2 - DESENVOLVIMENTO E APRENDIZAGEM MOTORA - 52_2024
ATIVIDADE 2 - DESENVOLVIMENTO E APRENDIZAGEM MOTORA - 52_2024azulassessoria9
 
Filosofia - 1º ano - Ensino Médio do ensino médio para primeiro bimestre
Filosofia - 1º ano - Ensino Médio do ensino médio para primeiro bimestreFilosofia - 1º ano - Ensino Médio do ensino médio para primeiro bimestre
Filosofia - 1º ano - Ensino Médio do ensino médio para primeiro bimestreLeandroLima265595
 
ATIVIDADE 2 - DESENVOLVIMENTO E APRENDIZAGEM MOTORA - 52_2024
ATIVIDADE 2 - DESENVOLVIMENTO E APRENDIZAGEM MOTORA - 52_2024ATIVIDADE 2 - DESENVOLVIMENTO E APRENDIZAGEM MOTORA - 52_2024
ATIVIDADE 2 - DESENVOLVIMENTO E APRENDIZAGEM MOTORA - 52_2024azulassessoria9
 
Slides Lição 7, CPAD, O Perigo Da Murmuração, 2Tr24.pptx
Slides Lição 7, CPAD, O Perigo Da Murmuração, 2Tr24.pptxSlides Lição 7, CPAD, O Perigo Da Murmuração, 2Tr24.pptx
Slides Lição 7, CPAD, O Perigo Da Murmuração, 2Tr24.pptxLuizHenriquedeAlmeid6
 
Considerando as pesquisas de Gallahue, Ozmun e Goodway (2013) os bebês até an...
Considerando as pesquisas de Gallahue, Ozmun e Goodway (2013) os bebês até an...Considerando as pesquisas de Gallahue, Ozmun e Goodway (2013) os bebês até an...
Considerando as pesquisas de Gallahue, Ozmun e Goodway (2013) os bebês até an...azulassessoria9
 
13_mch9_hormonal.pptx............................
13_mch9_hormonal.pptx............................13_mch9_hormonal.pptx............................
13_mch9_hormonal.pptx............................mariagrave
 
No processo de aprendizagem motora, a forma como o indivíduo processa as info...
No processo de aprendizagem motora, a forma como o indivíduo processa as info...No processo de aprendizagem motora, a forma como o indivíduo processa as info...
No processo de aprendizagem motora, a forma como o indivíduo processa as info...azulassessoria9
 
Apresentação | Dia da Europa 2024 - Celebremos a União Europeia!
Apresentação | Dia da Europa 2024 - Celebremos a União Europeia!Apresentação | Dia da Europa 2024 - Celebremos a União Europeia!
Apresentação | Dia da Europa 2024 - Celebremos a União Europeia!Centro Jacques Delors
 
M0 Atendimento – Definição, Importância .pptx
M0 Atendimento – Definição, Importância .pptxM0 Atendimento – Definição, Importância .pptx
M0 Atendimento – Definição, Importância .pptxJustinoTeixeira1
 
INTRODUÇÃO DE METODOLOGIA PARA TRABALHIOS CIENTIFICOS
INTRODUÇÃO DE METODOLOGIA PARA TRABALHIOS CIENTIFICOSINTRODUÇÃO DE METODOLOGIA PARA TRABALHIOS CIENTIFICOS
INTRODUÇÃO DE METODOLOGIA PARA TRABALHIOS CIENTIFICOSPedro Luis Moraes
 
Apresentação | Símbolos e Valores da União Europeia
Apresentação | Símbolos e Valores da União EuropeiaApresentação | Símbolos e Valores da União Europeia
Apresentação | Símbolos e Valores da União EuropeiaCentro Jacques Delors
 
Regulamento do Festival de Teatro Negro - FESTIAFRO 2024 - 10ª edição - CEI...
Regulamento do Festival de Teatro Negro -  FESTIAFRO 2024 - 10ª edição -  CEI...Regulamento do Festival de Teatro Negro -  FESTIAFRO 2024 - 10ª edição -  CEI...
Regulamento do Festival de Teatro Negro - FESTIAFRO 2024 - 10ª edição - CEI...Eró Cunha
 
atividade-de-portugues-pontuação-4º-ou-5º-ano-respostas.pdf
atividade-de-portugues-pontuação-4º-ou-5º-ano-respostas.pdfatividade-de-portugues-pontuação-4º-ou-5º-ano-respostas.pdf
atividade-de-portugues-pontuação-4º-ou-5º-ano-respostas.pdfAutonoma
 
ATIVIDADE 3 - DESENVOLVIMENTO E APRENDIZAGEM MOTORA - 52_2024
ATIVIDADE 3 - DESENVOLVIMENTO E APRENDIZAGEM MOTORA - 52_2024ATIVIDADE 3 - DESENVOLVIMENTO E APRENDIZAGEM MOTORA - 52_2024
ATIVIDADE 3 - DESENVOLVIMENTO E APRENDIZAGEM MOTORA - 52_2024azulassessoria9
 
ATIVIDADE 2 - DESENVOLVIMENTO E APRENDIZAGEM MOTORA - 52_2024
ATIVIDADE 2 - DESENVOLVIMENTO E APRENDIZAGEM MOTORA - 52_2024ATIVIDADE 2 - DESENVOLVIMENTO E APRENDIZAGEM MOTORA - 52_2024
ATIVIDADE 2 - DESENVOLVIMENTO E APRENDIZAGEM MOTORA - 52_2024azulassessoria9
 
Quando a escola é de vidro, de Ruth Rocha
Quando a escola é de vidro, de Ruth RochaQuando a escola é de vidro, de Ruth Rocha
Quando a escola é de vidro, de Ruth RochaREGIANELAURALOUREIRO1
 
Edital do processo seletivo para contratação de agentes de saúde em Floresta, PE
Edital do processo seletivo para contratação de agentes de saúde em Floresta, PEEdital do processo seletivo para contratação de agentes de saúde em Floresta, PE
Edital do processo seletivo para contratação de agentes de saúde em Floresta, PEblogdoelvis
 
atividade-de-portugues-paronimos-e-homonimos-4º-e-5º-ano-respostas.pdf
atividade-de-portugues-paronimos-e-homonimos-4º-e-5º-ano-respostas.pdfatividade-de-portugues-paronimos-e-homonimos-4º-e-5º-ano-respostas.pdf
atividade-de-portugues-paronimos-e-homonimos-4º-e-5º-ano-respostas.pdfAutonoma
 
5. EJEMPLOS DE ESTRUCTURASQUINTO GRADO.pptx
5. EJEMPLOS DE ESTRUCTURASQUINTO GRADO.pptx5. EJEMPLOS DE ESTRUCTURASQUINTO GRADO.pptx
5. EJEMPLOS DE ESTRUCTURASQUINTO GRADO.pptxnelsontobontrujillo
 
425416820-Testes-7º-Ano-Leandro-Rei-Da-Heliria-Com-Solucoes.pdf
425416820-Testes-7º-Ano-Leandro-Rei-Da-Heliria-Com-Solucoes.pdf425416820-Testes-7º-Ano-Leandro-Rei-Da-Heliria-Com-Solucoes.pdf
425416820-Testes-7º-Ano-Leandro-Rei-Da-Heliria-Com-Solucoes.pdfCarinaSofiaDiasBoteq
 

Último (20)

ATIVIDADE 2 - DESENVOLVIMENTO E APRENDIZAGEM MOTORA - 52_2024
ATIVIDADE 2 - DESENVOLVIMENTO E APRENDIZAGEM MOTORA - 52_2024ATIVIDADE 2 - DESENVOLVIMENTO E APRENDIZAGEM MOTORA - 52_2024
ATIVIDADE 2 - DESENVOLVIMENTO E APRENDIZAGEM MOTORA - 52_2024
 
Filosofia - 1º ano - Ensino Médio do ensino médio para primeiro bimestre
Filosofia - 1º ano - Ensino Médio do ensino médio para primeiro bimestreFilosofia - 1º ano - Ensino Médio do ensino médio para primeiro bimestre
Filosofia - 1º ano - Ensino Médio do ensino médio para primeiro bimestre
 
ATIVIDADE 2 - DESENVOLVIMENTO E APRENDIZAGEM MOTORA - 52_2024
ATIVIDADE 2 - DESENVOLVIMENTO E APRENDIZAGEM MOTORA - 52_2024ATIVIDADE 2 - DESENVOLVIMENTO E APRENDIZAGEM MOTORA - 52_2024
ATIVIDADE 2 - DESENVOLVIMENTO E APRENDIZAGEM MOTORA - 52_2024
 
Slides Lição 7, CPAD, O Perigo Da Murmuração, 2Tr24.pptx
Slides Lição 7, CPAD, O Perigo Da Murmuração, 2Tr24.pptxSlides Lição 7, CPAD, O Perigo Da Murmuração, 2Tr24.pptx
Slides Lição 7, CPAD, O Perigo Da Murmuração, 2Tr24.pptx
 
Considerando as pesquisas de Gallahue, Ozmun e Goodway (2013) os bebês até an...
Considerando as pesquisas de Gallahue, Ozmun e Goodway (2013) os bebês até an...Considerando as pesquisas de Gallahue, Ozmun e Goodway (2013) os bebês até an...
Considerando as pesquisas de Gallahue, Ozmun e Goodway (2013) os bebês até an...
 
13_mch9_hormonal.pptx............................
13_mch9_hormonal.pptx............................13_mch9_hormonal.pptx............................
13_mch9_hormonal.pptx............................
 
No processo de aprendizagem motora, a forma como o indivíduo processa as info...
No processo de aprendizagem motora, a forma como o indivíduo processa as info...No processo de aprendizagem motora, a forma como o indivíduo processa as info...
No processo de aprendizagem motora, a forma como o indivíduo processa as info...
 
Apresentação | Dia da Europa 2024 - Celebremos a União Europeia!
Apresentação | Dia da Europa 2024 - Celebremos a União Europeia!Apresentação | Dia da Europa 2024 - Celebremos a União Europeia!
Apresentação | Dia da Europa 2024 - Celebremos a União Europeia!
 
M0 Atendimento – Definição, Importância .pptx
M0 Atendimento – Definição, Importância .pptxM0 Atendimento – Definição, Importância .pptx
M0 Atendimento – Definição, Importância .pptx
 
INTRODUÇÃO DE METODOLOGIA PARA TRABALHIOS CIENTIFICOS
INTRODUÇÃO DE METODOLOGIA PARA TRABALHIOS CIENTIFICOSINTRODUÇÃO DE METODOLOGIA PARA TRABALHIOS CIENTIFICOS
INTRODUÇÃO DE METODOLOGIA PARA TRABALHIOS CIENTIFICOS
 
Apresentação | Símbolos e Valores da União Europeia
Apresentação | Símbolos e Valores da União EuropeiaApresentação | Símbolos e Valores da União Europeia
Apresentação | Símbolos e Valores da União Europeia
 
Regulamento do Festival de Teatro Negro - FESTIAFRO 2024 - 10ª edição - CEI...
Regulamento do Festival de Teatro Negro -  FESTIAFRO 2024 - 10ª edição -  CEI...Regulamento do Festival de Teatro Negro -  FESTIAFRO 2024 - 10ª edição -  CEI...
Regulamento do Festival de Teatro Negro - FESTIAFRO 2024 - 10ª edição - CEI...
 
atividade-de-portugues-pontuação-4º-ou-5º-ano-respostas.pdf
atividade-de-portugues-pontuação-4º-ou-5º-ano-respostas.pdfatividade-de-portugues-pontuação-4º-ou-5º-ano-respostas.pdf
atividade-de-portugues-pontuação-4º-ou-5º-ano-respostas.pdf
 
ATIVIDADE 3 - DESENVOLVIMENTO E APRENDIZAGEM MOTORA - 52_2024
ATIVIDADE 3 - DESENVOLVIMENTO E APRENDIZAGEM MOTORA - 52_2024ATIVIDADE 3 - DESENVOLVIMENTO E APRENDIZAGEM MOTORA - 52_2024
ATIVIDADE 3 - DESENVOLVIMENTO E APRENDIZAGEM MOTORA - 52_2024
 
ATIVIDADE 2 - DESENVOLVIMENTO E APRENDIZAGEM MOTORA - 52_2024
ATIVIDADE 2 - DESENVOLVIMENTO E APRENDIZAGEM MOTORA - 52_2024ATIVIDADE 2 - DESENVOLVIMENTO E APRENDIZAGEM MOTORA - 52_2024
ATIVIDADE 2 - DESENVOLVIMENTO E APRENDIZAGEM MOTORA - 52_2024
 
Quando a escola é de vidro, de Ruth Rocha
Quando a escola é de vidro, de Ruth RochaQuando a escola é de vidro, de Ruth Rocha
Quando a escola é de vidro, de Ruth Rocha
 
Edital do processo seletivo para contratação de agentes de saúde em Floresta, PE
Edital do processo seletivo para contratação de agentes de saúde em Floresta, PEEdital do processo seletivo para contratação de agentes de saúde em Floresta, PE
Edital do processo seletivo para contratação de agentes de saúde em Floresta, PE
 
atividade-de-portugues-paronimos-e-homonimos-4º-e-5º-ano-respostas.pdf
atividade-de-portugues-paronimos-e-homonimos-4º-e-5º-ano-respostas.pdfatividade-de-portugues-paronimos-e-homonimos-4º-e-5º-ano-respostas.pdf
atividade-de-portugues-paronimos-e-homonimos-4º-e-5º-ano-respostas.pdf
 
5. EJEMPLOS DE ESTRUCTURASQUINTO GRADO.pptx
5. EJEMPLOS DE ESTRUCTURASQUINTO GRADO.pptx5. EJEMPLOS DE ESTRUCTURASQUINTO GRADO.pptx
5. EJEMPLOS DE ESTRUCTURASQUINTO GRADO.pptx
 
425416820-Testes-7º-Ano-Leandro-Rei-Da-Heliria-Com-Solucoes.pdf
425416820-Testes-7º-Ano-Leandro-Rei-Da-Heliria-Com-Solucoes.pdf425416820-Testes-7º-Ano-Leandro-Rei-Da-Heliria-Com-Solucoes.pdf
425416820-Testes-7º-Ano-Leandro-Rei-Da-Heliria-Com-Solucoes.pdf
 

Caça palavras de História - A vida cultural do povo medieval

  • 1. Centro de Ensino Urbano Rocha Professora: Mary Alvarenga Série: 1º ano Turma: ____ Turno Matutino  Com base no que você estudou sobre a vida cultural na Europa medieval, encontre no diagrama 1. Nome da doutrina que acredita que Deus é o criador do universo e de toda a vida do planeta. 2. Surgiu durante o Império Romano, mas foi durante a Idade Média que se consolidou como a mais importante instituição da Europa ocidental. 3. Eram os mosteiros governados por um abade ou abadessa, que tiveram grande importância na Idade Média. 4. É um edifício de habitação, oração e trabalho de uma comunidade de monges e freiras, e que é construído fora da malha urbana de uma cidade. 5. Padre e teólogo que traduziu a Bíblia do hebraico e do grego para o latim. 6. Eram chamados os primeiros teólogos que estruturaram a ortodoxia cristã desde o final do Império Romano. 7. Estruturou um sistema filosófico no qual compartilhava a fé cristã com a filosofia de Aristóteles. 8. Foi uma instituição em 1.184 para combater as heresias que despontavam na Europa e desafiavam a doutrina católica e o poder do papado. 9. Doutrina que se opõe frontalmente aos dogmas da Igreja. 10. Criticavam os hábitos mundanos do clero e as intromissões da politica de reis e nobres na igreja e se dedicavam mais à liturgia do que ao trabalho manual. 11. Foi fundada por Francisco de Assis (1216-1226), um jovem filho de burgueses do norte da Itália. 12. Foi fundada por Domingos de Gusmão (1.170 – 1.221) descendente da nobreza guerreira de Castela, que lutava contra os muçulmanos. 13. Principio criador do mundo e continua atuando como modelo de perfeição e de inteligência superior proporcionando ordem e harmonia à natureza e aos seres. 14. Foram expedições militares organizadas entre os séculos XI e XIII, por autoridades da Igreja Católica e pelos nobres mais poderosos da Europa. 15. São compostas de arcos em meio círculo, abóbodas arredondadas e paredes maciças, com poucas janelas. 16. Apresentam arcos ogivais, abóbodas cruzadas e paredes vazadas por enormes janelas, permitindo maior entrada de luz. 17. Surgiu com a Igreja Católica, na época da Idade Média e do feudalismo, é representado pelos padres, bispos, arcebispos, cardeais e o Papa. 18. Arquitetura que marcaram o período medieval. 19. Estilo dominante da arquitetura medieval. 20. Surgiu no sul da França (região chamada de Provença) e se espalhou pela Europa, foi marcada por canções de amor, amizade ou escárnio, influenciando principalmente a cultura medieval francesa e ibérica.
  • 2. W T U Y Q B M C A S T E L O S E C A T E D R A I S E Y K O P L J A A D G J K L O Z X Ç P R T W I O P N L L R B M U T T Y M W C S E R B M U R T Y U X B E P Ç M O S T E I R O S A Z X C R U Z A D A S Y U Y U N M E Ã H D S Y N W C S E R B M U R T Y U X B E R S D T O T R T U J A F S D C A S D F G B N M K Q U U S R J U A U H E U A Z X R B M U L T Y U X R F K K D O E S I V N S A N T A I N Q U I S I Ç Â O C L K G P R A S X O D E U X B S Y F Y T U G U R M B B B I D O C G Z T A I K Q W T U P U E D R B T Ã T J J S A N V O A E O M E D A I H A H R Y E V Y N O M M L D I O T R R R O U X B A N D N A U J T U I M N N L E M R I P W D U D X Y N O R O T H A R J C À O A Y M O W C S E E A D I E I T E T U N C P K A S P B A Y R E A J X M I P R T S E S E R O A O L E D W A M O T S S H O C M A R Y M R D R A T T W O G E T D O R U C L O C L E R O Y O W A W T E O Ç M Ó A Y I R D W Y S E I U O P A Z X Y I Y R R L Y N T Q I A M E R P P I Y N M U R T Y U G P O W I W S I U P P A M T O O U H Y G F S J K Ç R W V T C I Y C I M M L D U H M U R T Y U D F S B E U A T A U X A N J J D O O E N W X M U R T Y U E J Q D K J K N W O R D E M F R A N C I S C A N A M A P O W I T S Z A A E M I P E K B G Z X S H J I S P O R Ç B V W G S A U W N A S K R S L O H A N S T Y U E I O P X B G F S Y I T I V U F A P O I F G T I T S M K L V A N V H K C O A C J M W G J L W R T N O C F G N M Ç M B K M A R T Y O J J K L G F S T M U A T Y U Z U A S D F N H J L C K A P O I F G U J K L G F S T P Z X C V A E B C A T E D R A I S R O M A N I C A S Aprenda a gostar, mas gostar mesmo, das coisas que deve fazer e das pessoas que o cercam. Em pouco tempo descobrirá que a vida é muito boa e que você é uma pessoa querida por todos. Rubem Alves
  • 3. 1. Nome da doutrina que acredita que Deus é o criador do universo e de toda a vida do planeta. Cristianismo 2. Surgiu durante o Império Romano, mas foi durante a Idade Média que se consolidou como a mais importante instituição da Europa ocidental. Igreja Católica 3. Eram os mosteiros governados por um abade ou abadessa, que tiveram grande importância na Idade Média. Abadia 4. É um edifício de habitação, oração e trabalho de uma comunidade de monges e freiras, e que é construído fora da malha urbana de uma cidade. Mosteiros 5. Padre e teólogo que traduziu a Bíblia do hebraico e do grego para o latim. São Jerônimo 6. Eram chamados os primeiros teólogos que estruturaram a ortodoxia cristã desde o final do Império Romano. Padres da Igreja 7. Estruturou um sistema filosófico no qual compartilhava a fé cristã com a filosofia de Aristóteles. Tomás de Aquino 8. Foi uma instituição em 1.184 para combater as heresias que despontavam na Europa e desafiavam a doutrina católica e o poder do papado. Santa Inquisição 9. Doutrina que se opõe frontalmente aos dogmas da Igreja. Heresia 10. Criticavam os hábitos mundanos do clero e as intromissões da politica de reis e nobres na igreja e se dedicavam mais à liturgia do que ao trabalho manual. Monges da ordem Cluny 11. Foi fundada por Francisco de Assis (1216-1226), um jovem filho de burgueses do norte da Itália. Ordem Franciscana 12. Foi fundada por Domingos de Gusmão (1.170 – 1.221) descendente da nobreza guerreira de Castela, que lutava contra os muçulmanos. Ordem Dominicana 13. Principio criador do mundo e continua atuando como modelo de perfeição e de inteligência superior proporcionando ordem e harmonia à natureza e aos seres. Deus 14. Foram expedições militares organizadas entre os séculos XI e XIII, por autoridades da Igreja Católica e pelos nobres mais poderosos da Europa. As cruzadas 15. São compostas de arcos em meio círculo, abóbodas arredondadas e paredes maciças, com poucas janelas. Catedrais românicas 16. Apresentam arcos ogivais, abóbodas cruzadas e paredes vazadas por enormes janelas, permitindo maior entrada de luz. Catedrais góticas 17. Surgiu com a Igreja Católica, na época da Idade Média e do feudalismo, é representado pelos padres, bispos, arcebispos, cardeais e o Papa. Clero 18. Arquitetura que marcaram o período medieval. Castelos e catedrais 19. Estilo dominante da arquitetura medieval. Românica e gótica. 20. Surgiu no sul da França (região chamada de Provença) e se espalhou pela Europa, foi marcada por canções de amor, amizade ou escárnio, influenciando principalmente a cultura medieval francesa e ibérica. Literatura trovadoresca.
  • 4. W T U Y Q B M C A S T E L O S E C A T E D R A I S E Y K O P L J A A D W J K L O Z X Ç P R T W I O P N L L R B M U T T Y M W C S E R B M U R T Y U X B E P Ç M O S T E I R O S A Z X C R U Z A D A S Y U Y U N M E Ã H D S Y N W C S E R B M U R T Y U X B E R S D T O T R T U J A F S D C A S D F G B N M K Q U U S R J U A U H E U A Z X R B M U L T Y U X R F K K D O E S I V N S A N T A I N Q U I S I Ç Â O C L K G P R A S X O D E U X B S Y F Y T U G U R M B B B I D O C G Z T A I K Q W T U P U E D R B T Ã T J J S A N V O A E O M E D A I H A H R Y E V Y N O M M L D I O T R R R O U X B A N D N A U J T U I M N N L E M R I P W D U D X Y N O R O T H A R J C À O A Y M O W C S E E A D I E I T E T U N C P K A S P B A Y R E A J X M I P R T S E S E R O A O L E D W A M O T S S H O C M A R Y M R D R A T T W O G E T D O R U C L O C L E R O Y O W A W T E O Ç M Ó A Y I R D W Y S E I U O P A Z X Y I Y R R L Y N T Q I A M E R P P I Y N M U R T Y U G P O W I W S I U P P A M T O O U H Y G F S J K Ç R W V T C I Y C I M M L D U H M U R T Y U D F S B E U A T A U X A N J J D O O E N W X M U R T Y U E J Q D K J K N W O R D E M F R A N C I S C A N A M A P O W I T S Z A A E M I P E K B G Z X S H J I S P O R Ç B V W G S A U W N A S K R S L O H A N S T Y U E I O P X B G F S Y I T I V U F A P O I F G T I T S M K L V A N V H K C O A C J M W G J L W R T N O C F G N M Ç M B K M A R T Y O J J K L G F S T M U A T Y U Z U A S D F N H J L C K A P O I F G U J K L G F S T P Z X C V A E B C A T E D R A I S R O M A N I C A S Aprenda a gostar, mas gostar mesmo, das coisas que deve fazer e das pessoas que o cercam. Em pouco tempo descobrirá que a vida é muito boa e que você é uma pessoa querida por todos. Rubem Alves