SlideShare uma empresa Scribd logo
INDÚSTRIA
O QUE É INDÚSTRIA

• Processo de produção dentro de
 instalações – a fábrica –, usando
 máquinas e o trabalho humano, que
 transforma matérias-primas para produzir
 uma mercadoria.
Atividade industrial
ETAPAS

• ARTESANAL  manual, ferramentas
  rústicas, pequena produção, mercado
  local.
• MANUFATURA  divisão do trabalho,
  hierarquizaçao e disciplina  capitalista
  fazia a distribuição da produção.
• MAQUINOFATURA  organização do
  trabalho e técnica.
Atividade industrial
Atividade industrial
Atividade industrial
Atividade industrial
TIPOS DE INDUSTRIALIZAÇÃO


• CLÁSSICA

• PLANIFICADA

• TARDIA - sendo de dois
  modelos:
• Substituição dos importados
• Plataformas de Exportação
CLASSIFICAÇÃO

• INDÚSTRIA EXTRATIVA
• INDÚSTRIA DE TRANSFORMAÇÃO



•   De base ou de bens de produção (pesada)
•   De bens de capital ou intermediários
•   De bens de consumo (leve): duráveis e não-
    duráveis;
Atividade industrial
Atividade industrial
Atividade industrial
Atividade industrial
Atividade industrial
Atividade industrial
Três estágios do processo de
       modernização da produção
                industrial
•   Primeira Revolução Industrial (1750-1870)
•   Segunda Revolução Industrial (1870-1945)
•   Terceira Revolução Industrial ou Revolução
    Técnico-científica (após 1945)
A PRIMEIRA REVOLUÇÃO
             INDUSTRIAL
• FATOR ENERGIA  CARVÃO MINERAL
• INVENÇÃO DA MÁQUINA A VAPOR



• MUDANÇA NA LOCALIZAÇÃO INDUSTRIAL 
    Inglaterra, França, Alemanha, EUA
•   URBANIZAÇÃO
Atividade industrial
Atividade industrial
Atividade industrial
SEGUNDA REVOLUÇÃO
           INDUSTRIAL
•   HIDRELÉTRICA E PETRÓLEO
•   EXPANSÃO DOS TRANSPORTES
•   LOCALIZAÇÃO GEOGRÁFICA MAIS FLEXÍVEL
•   MONOPÓLIO
•   NOVA DIT
Atividade industrial
TERCEIRA REVOLUÇÃO
           INDUSTRIAL
•   PÓS SEGUNDA GUERRA
•   ENERGIAS ALTERNATIVAS
•   INFORMÁTICA E INVESTIMENTO EM PESQUISA
•   TELECOMUNICAÇÕES E TRANSPORTES
•   BIOTECNOLOGIA, ROBÓTICA, NUCLEAR,
    AEROESPACIAL,
•   FÁBRICAS GLOBAIS
•   TERCEIRIZAÇÃO E PRODUÇÃO FLEXÍVEL
Atividade industrial
Atividade industrial
Atividade industrial
INDÚSTRIAS DE PONTA, PESQUISA E
DESENVOLVIMENTO TECNOLÓGICO NO MUNDO
MODELOS PRODUTIVOS

•   Fordismo
•   Taylorismo
•   Toyotismo
Fordismo

•   Produção e consumo em massa.
•   Extrema especialização do trabalho.
•   Rígida padronização da produção.
•   Linha de montagem.
Taylorismo

• Separação do trabalho por tarefas e
  níveis hierárquicos.
• Racionalização da produção.
• Controle do tempo.
• Estabelecimento de níveis mínimos de
  produtividade.
Pós-Fordismo

• Estratégias de produção e consumo em
    escala planetária.
•   Valorização da pesquisa científica.
•   Desenvolvimento de novas tecnologias.
•   Terceirização e flexibilização dos
    contratos de trabalho.
•   Flexibilização locacional.
Atividade industrial
Atividade industrial
Atividade industrial
Atividade industrial
Atividade industrial
Atividade industrial
Atividade industrial
Atividade industrial
Atividade industrial
Atividade industrial
Atividade industrial
Atividade industrial
Atividade industrial
Atividade industrial
Atividade industrial
Atividade industrial
Atividade industrial
Atividade industrial
Atividade industrial
PRESENÇA
 DO ESTADO

 50 ANOS EM 5

MILAGRE
ECONÔMICO
(69-73)
DÉCADA
PERDIDA


GLOBALIZAÇÃO
PRIVATIZAÇÕES
Atividade industrial
Atividade industrial
Atividade industrial
Atividade industrial
VALE DO PARAIBA
Atividade industrial
CONCENTRAÇÃO EM SÃO PAULO


• DISPONIBILIDADE DE CAPITAIS
FORNECIDOS PELA AGRICULTURA;
• UMA REDE BANCÁRIA E COMERCIAL;
• ENRGIA ELÉTRICA;
• REDE DE TRANSPORTE FERROVIÁRIO;
• ATIVIDADE PORTUÁRIA;
• MAIOR CONTINGENTE DE MÃO-DE-
OBRA;
• MAIOR MERCADO CONSUMIDOR
REGIONAL;
• MATÉRIA-PRIMA LOCAL
01.(Fuvest –   SP) As afirmações abaixo apontam alguma
tendências      da   nova    lógica  de    localização industrial.

I-Distribuição dos estabelecimentos industriais das empresas
Em diferentes localidades de tradição manufatureira.

II-Separação territorial entre processo produtivo e
gerenciamento empresarial com reintegração de ambos por
intermédio de redes informacionais.

III- Desconcentração da atividade industrial e emergência de
novos espaços industriais, estruturando redes globalizadas.

IV-Concentração territorial da indústria dependente de fontes
de energia e matéria-prima.
Está correto apenas o que se afirma em:
a) I e II       b) I e III       c) II e III
d) II e IV      e) III e IV.
02.(UFMG) Assinale a alternativa incorreta:
A) Na Itália, as indústrias concentram-se no Vale do
    Pò, norte do país, que conta com riquezas
    minerais e maio proximidade com a “Europa
    Rica” ocidental.
B) Na Costa do Pacífico dos Estados Unidos,
    desenvolve-se uma dinâmica região industrial,
    que tem na tecnologia de ponta, sobretudo na
    eletrônica e computação. Seu maior destaque.
C) No Japão, as indústrias estão concentradas na
    região norte do país, onde fatores ambientais
    permitem uma relativa autonomia de matéria-
    prima.
D) Nos Estados Unidos, a região nordeste e sul dos
    Grandes Lagos, que ocupa uma faixa que se
    estende dos estados litorâneos do Atlântico,
    até,     aproximadamente,           Mineápolis, é
    denominada Manufacturing Belt.
E) O Vale do Reno–Ruhr é uma das regiões mais
    industrializadas da Europa e suas indústrias se
    apóiam nas facilidades de circulação e nas
    grandes jazidas de carvão.
03.(UFRS) Com relação aos fatores locacionais da indústria, pode-se afirmar

A)Independentemente do tipo de indústria, os fatores locacionais, em ordem
crescente de importância, são a mão-de-obra, as fontes de energia e as matérias-
primas.

B) A qualificação da força de trabalho foi mais importante nos setores típicos da
Primeira Revolução Industrial, o que caracterizou as zonas industriais até meados
do século XIX.

C)Na Segunda Revolução Industrial, as jazidas de carvão mineral condicionavam
a localização das fábricas surgindo grandes regiões industriais em torno das
bacias carboníferas de Londres e do Reno/Ruhr.

D)O mercado consumidor é um dos fatores determinantes da localização da
indústria, o que explica a ligação histórica entre o fenômeno industrial e as
concentrações urbanas
.
E)Em virtude dos avanços tecnológicos, a indústria contemporânea já pode
prescindir das redes de transportes e comunicações, o que explica o atual
processo de desconcentração espacial
04.(UFMG)Dentre os fenômenos de relevância geográfica
  mundial que ocorreram no século passado, e que estão
  repercutindo nesse início do século XXI, é incorreto
  afirmar:

A)O século XX destacou-se pelo fenômeno da urbanização.

B)O consumismo foi um marco dos países capitalistas nesse
  século.

C)As    estratégias   bélicas  dos  países desenvolvidos
  envolveram tecnologias avançadas como a utilização de
  satélites e sensoriamento remoto.

D)Os conflitos étnico-nacionalistas persistiram ao longo do
  século XX, dividindo países e regiões da Europa.

E)Os países ricos e desenvolvidos passaram a dividir seu
  conhecimento e tecnologia com países mais pobres e
  emergentes.
05. Analise as seguintes frases:

I-Ao longo do século XX percebe-se uma tendência
   à desconcentração industrial.

II-A desconcentração da indústria teve como
    conseqüência a industrialização de regiões
    situadas no mundo subdesenvolvido.

III-A   desconcentração      industrial      também  se
    manifestou    no        interior        do    mundo
    subdesenvolvido.

Apenas   a frase I é correta.
Apenas   a frase II é correta.
Apenas   as frases I e III são corretas.
Apenas   as frases II e III são corretas.
Atividade industrial
Atividade industrial
Atividade industrial
Atividade industrial

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Geografia da indústria introdução.ppt
Geografia da indústria introdução.pptGeografia da indústria introdução.ppt
Geografia da indústria introdução.ppt
Daniel Montarroyos
 
Industrialização
IndustrializaçãoIndustrialização
Industrialização
Anderson Cardozo
 
Espaço industrial novo
Espaço industrial   novoEspaço industrial   novo
Espaço industrial novo
Péricles Penuel
 
Industrialização
IndustrializaçãoIndustrialização
Industrialização
Suely Takahashi
 
A indústria
A indústriaA indústria
A indústria
Mayjö .
 
Indústria
IndústriaIndústria
Industrialização mundial
Industrialização mundialIndustrialização mundial
Industrialização mundial
Artur Lara
 
A Industria
A IndustriaA Industria
A Industria
Diogo Mateus
 
Industrialização
IndustrializaçãoIndustrialização
Industrialização
Uilson Pereira da Silva
 
Indústria
IndústriaIndústria
Indústria
Geografia .
 
Industrialização
IndustrializaçãoIndustrialização
Industrialização
karolpoa
 
Indústria
IndústriaIndústria
Geografia: Espaço Industrial
Geografia: Espaço IndustrialGeografia: Espaço Industrial
Geografia: Espaço Industrial
Irla Bonfim
 
Industrialização
IndustrializaçãoIndustrialização
Industrialização
Mozart Moisés
 
Atividade industrial
Atividade industrialAtividade industrial
Atividade industrial
Professor
 
Espaço Industrial
Espaço IndustrialEspaço Industrial
Espaço Industrial
Almir
 
Industrialização mundial
Industrialização mundialIndustrialização mundial
Industrialização mundial
Portal do Vestibulando
 
Evolução, classificação e modelos de industrialização
Evolução, classificação e modelos de industrializaçãoEvolução, classificação e modelos de industrialização
Evolução, classificação e modelos de industrialização
João José Ferreira Tojal
 
Aula 12 - Geografia das indústrias
Aula 12 - Geografia das indústriasAula 12 - Geografia das indústrias
Aula 12 - Geografia das indústrias
Gerson Coppes
 
Geografia industrialização (em)
Geografia industrialização (em)Geografia industrialização (em)
Geografia industrialização (em)
Adriana Gomes Messias
 

Mais procurados (20)

Geografia da indústria introdução.ppt
Geografia da indústria introdução.pptGeografia da indústria introdução.ppt
Geografia da indústria introdução.ppt
 
Industrialização
IndustrializaçãoIndustrialização
Industrialização
 
Espaço industrial novo
Espaço industrial   novoEspaço industrial   novo
Espaço industrial novo
 
Industrialização
IndustrializaçãoIndustrialização
Industrialização
 
A indústria
A indústriaA indústria
A indústria
 
Indústria
IndústriaIndústria
Indústria
 
Industrialização mundial
Industrialização mundialIndustrialização mundial
Industrialização mundial
 
A Industria
A IndustriaA Industria
A Industria
 
Industrialização
IndustrializaçãoIndustrialização
Industrialização
 
Indústria
IndústriaIndústria
Indústria
 
Industrialização
IndustrializaçãoIndustrialização
Industrialização
 
Indústria
IndústriaIndústria
Indústria
 
Geografia: Espaço Industrial
Geografia: Espaço IndustrialGeografia: Espaço Industrial
Geografia: Espaço Industrial
 
Industrialização
IndustrializaçãoIndustrialização
Industrialização
 
Atividade industrial
Atividade industrialAtividade industrial
Atividade industrial
 
Espaço Industrial
Espaço IndustrialEspaço Industrial
Espaço Industrial
 
Industrialização mundial
Industrialização mundialIndustrialização mundial
Industrialização mundial
 
Evolução, classificação e modelos de industrialização
Evolução, classificação e modelos de industrializaçãoEvolução, classificação e modelos de industrialização
Evolução, classificação e modelos de industrialização
 
Aula 12 - Geografia das indústrias
Aula 12 - Geografia das indústriasAula 12 - Geografia das indústrias
Aula 12 - Geografia das indústrias
 
Geografia industrialização (em)
Geografia industrialização (em)Geografia industrialização (em)
Geografia industrialização (em)
 

Destaque

RELAÇÕES DE TRABALHO E ATIVIDADES ECONÔMICAS RURAIS (CAPÍTULO 15)
RELAÇÕES DE TRABALHO E ATIVIDADES ECONÔMICAS RURAIS (CAPÍTULO 15)RELAÇÕES DE TRABALHO E ATIVIDADES ECONÔMICAS RURAIS (CAPÍTULO 15)
RELAÇÕES DE TRABALHO E ATIVIDADES ECONÔMICAS RURAIS (CAPÍTULO 15)
Paulo Dantas
 
Aula américa do_sul_07-12-2012
Aula américa do_sul_07-12-2012Aula américa do_sul_07-12-2012
Aula américa do_sul_07-12-2012
Antonio Pessoa
 
Relevo da america da norte
Relevo da america da norteRelevo da america da norte
Relevo da america da norte
Fernanda Cardoso
 
movimentos sociais NO CAMPO BRASILEIRO
movimentos sociais NO CAMPO BRASILEIROmovimentos sociais NO CAMPO BRASILEIRO
movimentos sociais NO CAMPO BRASILEIRO
Rogerio Gomes
 
Reforma Agrária
Reforma AgráriaReforma Agrária
Reforma Agrária
Luis Augusto
 
As questões do debate sobre a reforma agrária no brasil
As questões do debate sobre a reforma agrária no brasilAs questões do debate sobre a reforma agrária no brasil
As questões do debate sobre a reforma agrária no brasil
Gabriella Vieira
 
Os Movimentos Sociais e a Educação no Campo
Os Movimentos Sociais e a Educação no CampoOs Movimentos Sociais e a Educação no Campo
Os Movimentos Sociais e a Educação no Campo
Jairo Bonfim
 
Reforma Agrária Brasileira/Assuntos Possíveis para Enem!
Reforma Agrária Brasileira/Assuntos Possíveis para Enem!Reforma Agrária Brasileira/Assuntos Possíveis para Enem!
Reforma Agrária Brasileira/Assuntos Possíveis para Enem!
Joemille Leal
 
Reforma AgráRia No Brasil
Reforma AgráRia No BrasilReforma AgráRia No Brasil
Reforma AgráRia No Brasil
Roberto Kiel
 
Agropecuária Brasileira - Geografia
Agropecuária Brasileira - GeografiaAgropecuária Brasileira - Geografia
Agropecuária Brasileira - Geografia
Bruna M
 
Reforma agraria
Reforma agrariaReforma agraria
Reforma agraria
Ronaldo Rieling
 
Agricultura, Pecuária e Sistemas Agrários
Agricultura, Pecuária e Sistemas AgráriosAgricultura, Pecuária e Sistemas Agrários
Agricultura, Pecuária e Sistemas Agrários
Marcos Mororó
 
América do norte 8º ano
América do norte 8º anoAmérica do norte 8º ano
América do norte 8º ano
Débora Sales
 
Sistemas Agrícolas
Sistemas AgrícolasSistemas Agrícolas
Sistemas Agrícolas
joao paulo
 
Continente Americano Slides 2
Continente Americano Slides 2Continente Americano Slides 2
Continente Americano Slides 2
Jociene37
 
Movimentos sociais e educação
Movimentos sociais e educaçãoMovimentos sociais e educação
Movimentos sociais e educação
Diana Sampaio
 
Agropecuária brasileira
Agropecuária brasileira Agropecuária brasileira
Agropecuária brasileira
Gabriel Francisco
 
Cap. 5 o continente americano
Cap. 5   o continente americanoCap. 5   o continente americano
Cap. 5 o continente americano
profacacio
 
América do Norte (8° B)
América do Norte (8° B) América do Norte (8° B)
América do Norte (8° B)
Francis Torres
 
Continente americano
Continente americanoContinente americano
Continente americano
André Luiz Marques
 

Destaque (20)

RELAÇÕES DE TRABALHO E ATIVIDADES ECONÔMICAS RURAIS (CAPÍTULO 15)
RELAÇÕES DE TRABALHO E ATIVIDADES ECONÔMICAS RURAIS (CAPÍTULO 15)RELAÇÕES DE TRABALHO E ATIVIDADES ECONÔMICAS RURAIS (CAPÍTULO 15)
RELAÇÕES DE TRABALHO E ATIVIDADES ECONÔMICAS RURAIS (CAPÍTULO 15)
 
Aula américa do_sul_07-12-2012
Aula américa do_sul_07-12-2012Aula américa do_sul_07-12-2012
Aula américa do_sul_07-12-2012
 
Relevo da america da norte
Relevo da america da norteRelevo da america da norte
Relevo da america da norte
 
movimentos sociais NO CAMPO BRASILEIRO
movimentos sociais NO CAMPO BRASILEIROmovimentos sociais NO CAMPO BRASILEIRO
movimentos sociais NO CAMPO BRASILEIRO
 
Reforma Agrária
Reforma AgráriaReforma Agrária
Reforma Agrária
 
As questões do debate sobre a reforma agrária no brasil
As questões do debate sobre a reforma agrária no brasilAs questões do debate sobre a reforma agrária no brasil
As questões do debate sobre a reforma agrária no brasil
 
Os Movimentos Sociais e a Educação no Campo
Os Movimentos Sociais e a Educação no CampoOs Movimentos Sociais e a Educação no Campo
Os Movimentos Sociais e a Educação no Campo
 
Reforma Agrária Brasileira/Assuntos Possíveis para Enem!
Reforma Agrária Brasileira/Assuntos Possíveis para Enem!Reforma Agrária Brasileira/Assuntos Possíveis para Enem!
Reforma Agrária Brasileira/Assuntos Possíveis para Enem!
 
Reforma AgráRia No Brasil
Reforma AgráRia No BrasilReforma AgráRia No Brasil
Reforma AgráRia No Brasil
 
Agropecuária Brasileira - Geografia
Agropecuária Brasileira - GeografiaAgropecuária Brasileira - Geografia
Agropecuária Brasileira - Geografia
 
Reforma agraria
Reforma agrariaReforma agraria
Reforma agraria
 
Agricultura, Pecuária e Sistemas Agrários
Agricultura, Pecuária e Sistemas AgráriosAgricultura, Pecuária e Sistemas Agrários
Agricultura, Pecuária e Sistemas Agrários
 
América do norte 8º ano
América do norte 8º anoAmérica do norte 8º ano
América do norte 8º ano
 
Sistemas Agrícolas
Sistemas AgrícolasSistemas Agrícolas
Sistemas Agrícolas
 
Continente Americano Slides 2
Continente Americano Slides 2Continente Americano Slides 2
Continente Americano Slides 2
 
Movimentos sociais e educação
Movimentos sociais e educaçãoMovimentos sociais e educação
Movimentos sociais e educação
 
Agropecuária brasileira
Agropecuária brasileira Agropecuária brasileira
Agropecuária brasileira
 
Cap. 5 o continente americano
Cap. 5   o continente americanoCap. 5   o continente americano
Cap. 5 o continente americano
 
América do Norte (8° B)
América do Norte (8° B) América do Norte (8° B)
América do Norte (8° B)
 
Continente americano
Continente americanoContinente americano
Continente americano
 

Semelhante a Atividade industrial

Indústria
IndústriaIndústria
Industria
IndustriaIndustria
Industria
Débora Sales
 
Industria
IndustriaIndustria
Industria
Débora Sales
 
Industria
IndustriaIndustria
Industria
Débora Sales
 
A INDÚSTRIA NO ESPAÇO GEOGRÁFICO MUNDIAL.doc
A INDÚSTRIA NO ESPAÇO  GEOGRÁFICO MUNDIAL.docA INDÚSTRIA NO ESPAÇO  GEOGRÁFICO MUNDIAL.doc
A INDÚSTRIA NO ESPAÇO GEOGRÁFICO MUNDIAL.doc
AlfredoFilho18
 
Geografia 2ano 4bim1
Geografia 2ano 4bim1Geografia 2ano 4bim1
Geografia 2ano 4bim1
Junior Oliveira
 
Industrialização geografia. o que é indústria setores da economia setor prim...
Industrialização geografia. o que é indústria  setores da economia setor prim...Industrialização geografia. o que é indústria  setores da economia setor prim...
Industrialização geografia. o que é indústria setores da economia setor prim...
UNESA - RJ
 
Geografia – globalização 01 – 2013
Geografia – globalização 01 – 2013Geografia – globalização 01 – 2013
Geografia – globalização 01 – 2013
Jakson Raphael Pereira Barbosa
 
1. industrialização
1. industrialização1. industrialização
Atividade industrial
Atividade industrialAtividade industrial
Atividade industrial
Alexandre Gangorra
 
Lista de carnaval de geografia
Lista de carnaval de geografiaLista de carnaval de geografia
Lista de carnaval de geografia
Camila Brito
 
Indústria e espaço geográfico
Indústria e espaço geográficoIndústria e espaço geográfico
Indústria e espaço geográfico
João Lucas Oliveira
 
As revoluções industriais
As revoluções industriaisAs revoluções industriais
As revoluções industriais
vdailce
 
Avaliaçâo de geografia (revolução técnico científica)
Avaliaçâo de  geografia     (revolução técnico científica)Avaliaçâo de  geografia     (revolução técnico científica)
Avaliaçâo de geografia (revolução técnico científica)
Atividades Diversas Cláudia
 
3º bimestre geografia 9º ano ensino fundamental (salvo automaticamente) (salv...
3º bimestre geografia 9º ano ensino fundamental (salvo automaticamente) (salv...3º bimestre geografia 9º ano ensino fundamental (salvo automaticamente) (salv...
3º bimestre geografia 9º ano ensino fundamental (salvo automaticamente) (salv...
Atividades Diversas Cláudia
 
Apostila geo geral
Apostila geo geralApostila geo geral
Apostila geo geral
resolvidos
 
G1 - 9º ano -Capitulo 1 e 2.pptx
G1 - 9º ano -Capitulo 1 e 2.pptxG1 - 9º ano -Capitulo 1 e 2.pptx
G1 - 9º ano -Capitulo 1 e 2.pptx
VladimirCajadodeCast
 
8º_ano_hist_revoluCAo_industrial_-_3ªq_19015848.pdf
8º_ano_hist_revoluCAo_industrial_-_3ªq_19015848.pdf8º_ano_hist_revoluCAo_industrial_-_3ªq_19015848.pdf
8º_ano_hist_revoluCAo_industrial_-_3ªq_19015848.pdf
ricaMenezes3
 
Espaco industrial brasileiro 2011 prof edu gonzaga
Espaco industrial brasileiro 2011 prof edu gonzagaEspaco industrial brasileiro 2011 prof edu gonzaga
Espaco industrial brasileiro 2011 prof edu gonzaga
Edu Gonzaga
 
INDÚSTRIA
INDÚSTRIAINDÚSTRIA

Semelhante a Atividade industrial (20)

Indústria
IndústriaIndústria
Indústria
 
Industria
IndustriaIndustria
Industria
 
Industria
IndustriaIndustria
Industria
 
Industria
IndustriaIndustria
Industria
 
A INDÚSTRIA NO ESPAÇO GEOGRÁFICO MUNDIAL.doc
A INDÚSTRIA NO ESPAÇO  GEOGRÁFICO MUNDIAL.docA INDÚSTRIA NO ESPAÇO  GEOGRÁFICO MUNDIAL.doc
A INDÚSTRIA NO ESPAÇO GEOGRÁFICO MUNDIAL.doc
 
Geografia 2ano 4bim1
Geografia 2ano 4bim1Geografia 2ano 4bim1
Geografia 2ano 4bim1
 
Industrialização geografia. o que é indústria setores da economia setor prim...
Industrialização geografia. o que é indústria  setores da economia setor prim...Industrialização geografia. o que é indústria  setores da economia setor prim...
Industrialização geografia. o que é indústria setores da economia setor prim...
 
Geografia – globalização 01 – 2013
Geografia – globalização 01 – 2013Geografia – globalização 01 – 2013
Geografia – globalização 01 – 2013
 
1. industrialização
1. industrialização1. industrialização
1. industrialização
 
Atividade industrial
Atividade industrialAtividade industrial
Atividade industrial
 
Lista de carnaval de geografia
Lista de carnaval de geografiaLista de carnaval de geografia
Lista de carnaval de geografia
 
Indústria e espaço geográfico
Indústria e espaço geográficoIndústria e espaço geográfico
Indústria e espaço geográfico
 
As revoluções industriais
As revoluções industriaisAs revoluções industriais
As revoluções industriais
 
Avaliaçâo de geografia (revolução técnico científica)
Avaliaçâo de  geografia     (revolução técnico científica)Avaliaçâo de  geografia     (revolução técnico científica)
Avaliaçâo de geografia (revolução técnico científica)
 
3º bimestre geografia 9º ano ensino fundamental (salvo automaticamente) (salv...
3º bimestre geografia 9º ano ensino fundamental (salvo automaticamente) (salv...3º bimestre geografia 9º ano ensino fundamental (salvo automaticamente) (salv...
3º bimestre geografia 9º ano ensino fundamental (salvo automaticamente) (salv...
 
Apostila geo geral
Apostila geo geralApostila geo geral
Apostila geo geral
 
G1 - 9º ano -Capitulo 1 e 2.pptx
G1 - 9º ano -Capitulo 1 e 2.pptxG1 - 9º ano -Capitulo 1 e 2.pptx
G1 - 9º ano -Capitulo 1 e 2.pptx
 
8º_ano_hist_revoluCAo_industrial_-_3ªq_19015848.pdf
8º_ano_hist_revoluCAo_industrial_-_3ªq_19015848.pdf8º_ano_hist_revoluCAo_industrial_-_3ªq_19015848.pdf
8º_ano_hist_revoluCAo_industrial_-_3ªq_19015848.pdf
 
Espaco industrial brasileiro 2011 prof edu gonzaga
Espaco industrial brasileiro 2011 prof edu gonzagaEspaco industrial brasileiro 2011 prof edu gonzaga
Espaco industrial brasileiro 2011 prof edu gonzaga
 
INDÚSTRIA
INDÚSTRIAINDÚSTRIA
INDÚSTRIA
 

Mais de Marcio Cicchelli

Estados unidos noseculo xix
Estados unidos noseculo xixEstados unidos noseculo xix
Estados unidos noseculo xix
Marcio Cicchelli
 
Revolucao russa
Revolucao  russaRevolucao  russa
Revolucao russa
Marcio Cicchelli
 
Economia colonial
Economia colonialEconomia colonial
Economia colonial
Marcio Cicchelli
 
America espanhola (1)
America espanhola (1)America espanhola (1)
America espanhola (1)
Marcio Cicchelli
 
Crise de 1929
Crise de 1929Crise de 1929
Crise de 1929
Marcio Cicchelli
 
Roma antiga-resumo-ilustrado
Roma antiga-resumo-ilustradoRoma antiga-resumo-ilustrado
Roma antiga-resumo-ilustrado
Marcio Cicchelli
 
Formacao dos-estados-nacionais-absolutismo
Formacao dos-estados-nacionais-absolutismoFormacao dos-estados-nacionais-absolutismo
Formacao dos-estados-nacionais-absolutismo
Marcio Cicchelli
 
Crise do imperio_romano
Crise do imperio_romanoCrise do imperio_romano
Crise do imperio_romano
Marcio Cicchelli
 
Primeira guerra
Primeira guerraPrimeira guerra
Primeira guerra
Marcio Cicchelli
 
Teoria da historia
Teoria da historiaTeoria da historia
Teoria da historia
Marcio Cicchelli
 
Introdução a historia
Introdução a historiaIntrodução a historia
Introdução a historia
Marcio Cicchelli
 
Pre historia
Pre historiaPre historia
Pre historia
Marcio Cicchelli
 
2002ed d2 qui
2002ed d2 qui2002ed d2 qui
2002ed d2 qui
Marcio Cicchelli
 
2002ed d2 mat
2002ed d2 mat2002ed d2 mat
2002ed d2 mat
Marcio Cicchelli
 
2002ed d2 lplb
2002ed d2 lplb2002ed d2 lplb
2002ed d2 lplb
Marcio Cicchelli
 
2002ed d2 geo
2002ed d2 geo2002ed d2 geo
2002ed d2 geo
Marcio Cicchelli
 
2002ed d2 esp
2002ed d2 esp2002ed d2 esp
2002ed d2 esp
Marcio Cicchelli
 
2002ed d2 bio
2002ed d2 bio2002ed d2 bio
2002ed d2 bio
Marcio Cicchelli
 
2002ed d1 mat_uenf
2002ed d1 mat_uenf2002ed d1 mat_uenf
2002ed d1 mat_uenf
Marcio Cicchelli
 
2002ed d1 lpi+red
2002ed d1 lpi+red2002ed d1 lpi+red
2002ed d1 lpi+red
Marcio Cicchelli
 

Mais de Marcio Cicchelli (20)

Estados unidos noseculo xix
Estados unidos noseculo xixEstados unidos noseculo xix
Estados unidos noseculo xix
 
Revolucao russa
Revolucao  russaRevolucao  russa
Revolucao russa
 
Economia colonial
Economia colonialEconomia colonial
Economia colonial
 
America espanhola (1)
America espanhola (1)America espanhola (1)
America espanhola (1)
 
Crise de 1929
Crise de 1929Crise de 1929
Crise de 1929
 
Roma antiga-resumo-ilustrado
Roma antiga-resumo-ilustradoRoma antiga-resumo-ilustrado
Roma antiga-resumo-ilustrado
 
Formacao dos-estados-nacionais-absolutismo
Formacao dos-estados-nacionais-absolutismoFormacao dos-estados-nacionais-absolutismo
Formacao dos-estados-nacionais-absolutismo
 
Crise do imperio_romano
Crise do imperio_romanoCrise do imperio_romano
Crise do imperio_romano
 
Primeira guerra
Primeira guerraPrimeira guerra
Primeira guerra
 
Teoria da historia
Teoria da historiaTeoria da historia
Teoria da historia
 
Introdução a historia
Introdução a historiaIntrodução a historia
Introdução a historia
 
Pre historia
Pre historiaPre historia
Pre historia
 
2002ed d2 qui
2002ed d2 qui2002ed d2 qui
2002ed d2 qui
 
2002ed d2 mat
2002ed d2 mat2002ed d2 mat
2002ed d2 mat
 
2002ed d2 lplb
2002ed d2 lplb2002ed d2 lplb
2002ed d2 lplb
 
2002ed d2 geo
2002ed d2 geo2002ed d2 geo
2002ed d2 geo
 
2002ed d2 esp
2002ed d2 esp2002ed d2 esp
2002ed d2 esp
 
2002ed d2 bio
2002ed d2 bio2002ed d2 bio
2002ed d2 bio
 
2002ed d1 mat_uenf
2002ed d1 mat_uenf2002ed d1 mat_uenf
2002ed d1 mat_uenf
 
2002ed d1 lpi+red
2002ed d1 lpi+red2002ed d1 lpi+red
2002ed d1 lpi+red
 

Atividade industrial

  • 2. O QUE É INDÚSTRIA • Processo de produção dentro de instalações – a fábrica –, usando máquinas e o trabalho humano, que transforma matérias-primas para produzir uma mercadoria.
  • 4. ETAPAS • ARTESANAL  manual, ferramentas rústicas, pequena produção, mercado local. • MANUFATURA  divisão do trabalho, hierarquizaçao e disciplina  capitalista fazia a distribuição da produção. • MAQUINOFATURA  organização do trabalho e técnica.
  • 9. TIPOS DE INDUSTRIALIZAÇÃO • CLÁSSICA • PLANIFICADA • TARDIA - sendo de dois modelos: • Substituição dos importados • Plataformas de Exportação
  • 10. CLASSIFICAÇÃO • INDÚSTRIA EXTRATIVA • INDÚSTRIA DE TRANSFORMAÇÃO • De base ou de bens de produção (pesada) • De bens de capital ou intermediários • De bens de consumo (leve): duráveis e não- duráveis;
  • 17. Três estágios do processo de modernização da produção industrial • Primeira Revolução Industrial (1750-1870) • Segunda Revolução Industrial (1870-1945) • Terceira Revolução Industrial ou Revolução Técnico-científica (após 1945)
  • 18. A PRIMEIRA REVOLUÇÃO INDUSTRIAL • FATOR ENERGIA  CARVÃO MINERAL • INVENÇÃO DA MÁQUINA A VAPOR • MUDANÇA NA LOCALIZAÇÃO INDUSTRIAL  Inglaterra, França, Alemanha, EUA • URBANIZAÇÃO
  • 22. SEGUNDA REVOLUÇÃO INDUSTRIAL • HIDRELÉTRICA E PETRÓLEO • EXPANSÃO DOS TRANSPORTES • LOCALIZAÇÃO GEOGRÁFICA MAIS FLEXÍVEL • MONOPÓLIO • NOVA DIT
  • 24. TERCEIRA REVOLUÇÃO INDUSTRIAL • PÓS SEGUNDA GUERRA • ENERGIAS ALTERNATIVAS • INFORMÁTICA E INVESTIMENTO EM PESQUISA • TELECOMUNICAÇÕES E TRANSPORTES • BIOTECNOLOGIA, ROBÓTICA, NUCLEAR, AEROESPACIAL, • FÁBRICAS GLOBAIS • TERCEIRIZAÇÃO E PRODUÇÃO FLEXÍVEL
  • 28. INDÚSTRIAS DE PONTA, PESQUISA E DESENVOLVIMENTO TECNOLÓGICO NO MUNDO
  • 29. MODELOS PRODUTIVOS • Fordismo • Taylorismo • Toyotismo
  • 30. Fordismo • Produção e consumo em massa. • Extrema especialização do trabalho. • Rígida padronização da produção. • Linha de montagem.
  • 31. Taylorismo • Separação do trabalho por tarefas e níveis hierárquicos. • Racionalização da produção. • Controle do tempo. • Estabelecimento de níveis mínimos de produtividade.
  • 32. Pós-Fordismo • Estratégias de produção e consumo em escala planetária. • Valorização da pesquisa científica. • Desenvolvimento de novas tecnologias. • Terceirização e flexibilização dos contratos de trabalho. • Flexibilização locacional.
  • 52. PRESENÇA DO ESTADO 50 ANOS EM 5 MILAGRE ECONÔMICO (69-73) DÉCADA PERDIDA GLOBALIZAÇÃO PRIVATIZAÇÕES
  • 59. CONCENTRAÇÃO EM SÃO PAULO • DISPONIBILIDADE DE CAPITAIS FORNECIDOS PELA AGRICULTURA; • UMA REDE BANCÁRIA E COMERCIAL; • ENRGIA ELÉTRICA; • REDE DE TRANSPORTE FERROVIÁRIO; • ATIVIDADE PORTUÁRIA; • MAIOR CONTINGENTE DE MÃO-DE- OBRA; • MAIOR MERCADO CONSUMIDOR REGIONAL; • MATÉRIA-PRIMA LOCAL
  • 60. 01.(Fuvest – SP) As afirmações abaixo apontam alguma tendências da nova lógica de localização industrial. I-Distribuição dos estabelecimentos industriais das empresas Em diferentes localidades de tradição manufatureira. II-Separação territorial entre processo produtivo e gerenciamento empresarial com reintegração de ambos por intermédio de redes informacionais. III- Desconcentração da atividade industrial e emergência de novos espaços industriais, estruturando redes globalizadas. IV-Concentração territorial da indústria dependente de fontes de energia e matéria-prima. Está correto apenas o que se afirma em: a) I e II b) I e III c) II e III d) II e IV e) III e IV.
  • 61. 02.(UFMG) Assinale a alternativa incorreta: A) Na Itália, as indústrias concentram-se no Vale do Pò, norte do país, que conta com riquezas minerais e maio proximidade com a “Europa Rica” ocidental. B) Na Costa do Pacífico dos Estados Unidos, desenvolve-se uma dinâmica região industrial, que tem na tecnologia de ponta, sobretudo na eletrônica e computação. Seu maior destaque. C) No Japão, as indústrias estão concentradas na região norte do país, onde fatores ambientais permitem uma relativa autonomia de matéria- prima. D) Nos Estados Unidos, a região nordeste e sul dos Grandes Lagos, que ocupa uma faixa que se estende dos estados litorâneos do Atlântico, até, aproximadamente, Mineápolis, é denominada Manufacturing Belt. E) O Vale do Reno–Ruhr é uma das regiões mais industrializadas da Europa e suas indústrias se apóiam nas facilidades de circulação e nas grandes jazidas de carvão.
  • 62. 03.(UFRS) Com relação aos fatores locacionais da indústria, pode-se afirmar A)Independentemente do tipo de indústria, os fatores locacionais, em ordem crescente de importância, são a mão-de-obra, as fontes de energia e as matérias- primas. B) A qualificação da força de trabalho foi mais importante nos setores típicos da Primeira Revolução Industrial, o que caracterizou as zonas industriais até meados do século XIX. C)Na Segunda Revolução Industrial, as jazidas de carvão mineral condicionavam a localização das fábricas surgindo grandes regiões industriais em torno das bacias carboníferas de Londres e do Reno/Ruhr. D)O mercado consumidor é um dos fatores determinantes da localização da indústria, o que explica a ligação histórica entre o fenômeno industrial e as concentrações urbanas . E)Em virtude dos avanços tecnológicos, a indústria contemporânea já pode prescindir das redes de transportes e comunicações, o que explica o atual processo de desconcentração espacial
  • 63. 04.(UFMG)Dentre os fenômenos de relevância geográfica mundial que ocorreram no século passado, e que estão repercutindo nesse início do século XXI, é incorreto afirmar: A)O século XX destacou-se pelo fenômeno da urbanização. B)O consumismo foi um marco dos países capitalistas nesse século. C)As estratégias bélicas dos países desenvolvidos envolveram tecnologias avançadas como a utilização de satélites e sensoriamento remoto. D)Os conflitos étnico-nacionalistas persistiram ao longo do século XX, dividindo países e regiões da Europa. E)Os países ricos e desenvolvidos passaram a dividir seu conhecimento e tecnologia com países mais pobres e emergentes.
  • 64. 05. Analise as seguintes frases: I-Ao longo do século XX percebe-se uma tendência à desconcentração industrial. II-A desconcentração da indústria teve como conseqüência a industrialização de regiões situadas no mundo subdesenvolvido. III-A desconcentração industrial também se manifestou no interior do mundo subdesenvolvido. Apenas a frase I é correta. Apenas a frase II é correta. Apenas as frases I e III são corretas. Apenas as frases II e III são corretas.