SlideShare uma empresa Scribd logo
SCFV 
Nioaque
Local de Funcionamento: 
CRAS 
Rua Coronel Camisão, 278 
Jardim Ouro Verde 
Nioaque-MS 
Cep: 79220-000 
Telefone: 67-3236-2000 Fax: 
67-3236 1804 
Email: 
crasnioaque@hotmail.com 
Horário de 
Funcionamento: 
07 as 11h00 e 13h00 as 
17h00
Coordenadora : 
Vilma Oliveira Silva Arantes
Equipe de Referência: 
Psicóloga: Kiara Cristina Paula de Souza 
Assistente Social: Tânia Regina Rodrigues de Souza
Equipe Técnica 
Prof. Música: Almir Mendes da Silva 
Prof. Artesanato: Iara Brescovit 
Educador Físico: Leandro Fagundes 
Merendeira: Quitéria Aparecida Russo Rezende 
Recepcionista: Joana Rocha Martins
Equipe SCFV 0 a 6 anos e 15 a 17 anos 
Pedagoga: Josenilsa Silva Lemos Farias 
Equipe SCFV 7 a 14 anos 
Pedagoga: Josenith de Souza Cruz Moura 
Equipe SCFV Idosos 
Pedagoga: Fátima Cristina Lima Carbonaro
IDENTIFICAÇÃO DO MUNICÍPIO 
NIOAQUE-MS 
REGIÃO SUDOESTE 
PEQUENO PORTE I 
GESTÃO BÁSICA 
POPULAÇÃO 14.391 HABITANTES 
ÁREA DE VULNERABILIDADE RURAL 
09 ASSENTAMENTOS 
01 ACAMPAMENTO 
04 ALDEIAS 
04 QUILOMBOLAS 
70% DA POPULAÇÃO RURAL 
30% DA POPULAÇÃO URBANA 
ÁREA DE VULNERABILIDADE URBANA 
SÃO MIGUEL 
SANTA AMÉLIA 
BAIRRO LARGO DA BAÍA 
VILA COIMBRA 
BAIRRO JOCKEY CLUBE-CANCHA 
JARDIM OURO VERDE 
CENTRO 
VILA NOVA ESPERANÇA
FAMÍLIAS ATENDIDAS NO CRAS: 
Demanda Expontânea 
Busca Ativa 
Encaminhados por outros Equipamentos Sociais 
CRAS Itinerante 1 x por semana 
Serviços Eventuais são ofertados no CRAS e encaminhados 
para os SCFV 
2.472 famílias cadastradas 
2.650 famílias cadastradas no Cad. Único 
PBF: 1518 
BPC: 311 
Público Prioritário: 220 
SCFV 0 a 6: 20 
SCFV 7 a 14: 110 
SCFV 15 a 17: 25 
SCFV Idosos: 56 
SCFV Gestante: 15 rotativos
SERVIÇO DE FORTALECIMENTO DE VÍNCULOS PARA 
CRIANÇAS DE 0 a 06 ANOS 
O focoé“odesenvolvimentodeatividades comcrianças, 
familiares e comunidade, para fortalecer vínculos e prevenir 
ocorrênciadesituaçõesdeexclusãosocialederisco. 
O serviço é realizado no espaço do CRAS onde há uma 
brinquedoteca para o desenvolvimento das atividades com as 
crianças. Este serviço é realizado pela Orientadora Social Josenilsa 
orientada pela Técnica do CRAS a Psicóloga Kiara Cristina de Paula 
Souza. 
As atividades são voltadas para o fortalecimento dos 
vínculos familiar e acontecemtrês vezes por semana pormais ou 
menosumahoraemeia,emtrêsmomentos: 
-umsomentecomasmães; 
-umcommãesecriançase 
-commães separadamente.
SERVIÇO DE FORTALECIMENTO DE VÍNCULOS PARA 
CRIANÇAS DE 07 A 14 ANOS 
Atualmente atendendo Orientadoras Sociais 
Josenilsa e Josenith orientadas pela Técnica do CRAS a 
Psicologa Kiara. 
As atividades são voltadas para a 
participação e cidadania, desenvolvimento do 
protagonismo e da autonomia das crianças e 
adolescentes de segunda a sexta-feira no período 
vespertino e matutino. 
Diante o objetivo do serviço as crianças tem 
aulas de Judô em parceria com outras Secretarias, 
musica com o Professor Almir Mendes da Silva, 
realizado aulas dos seguintes instrumentos: 
percussão, corda e vocal ambos são segunda quarta e 
sexta-feira em horários alternados.
SERVIÇO DE FORTALECIMENTO DE VÍNCULOS PARA 
CRIANÇAS DE 15 a 17 ANOS 
O serviço é realizado no espaço do CRAS onde 
há Palestras, Oficinas com Dinâmicas de Grupos 
direcionadas para a idade, artesanatos 
Este serviço é realizado pela Orientadora Social Josenilsa 
orientada pela Técnica do CRAS a Psicóloga Kiara Cristina 
de Paula Souza. 
As atividades são voltadas para o fortalecimento 
dos vínculos familiar e acontecem três vezes por semana 
por mais ou menos uma hora e meia, em três momentos: 
-um somente com as mães; 
-um com mães e crianças e 
-com mães separadamente.
SERVIÇOS DE FORTALECIMENTO DE VÍNCULOS PARA 
GESTANTES 
Valorização da vida da mãe e do feto 
fortalecendo o vínculo mamãe e bebê com palestras em 
parceria com a Secretaria Municipal de Saúde dando a 
oportunidade de incrementar o enxoval do bebê, através 
das aulas de artesanato
SERVIÇOS DE FORTALECIMENTO DE VÍNCULOS PARA 
PESSOA IDOSA 
“O desenvolvimento das atividades que 
contribuam no processo de envelhecimento saudável, 
no desenvolvimento da autonomia e de sociabilidades, 
no fortalecimento dos vínculos familiares e do convívio 
comunitário e na prevenção de situações de risco social. 
A intervenção social deve estar pautada nas 
características, interesses e demandas dessa faixa etária 
e considerar que a vivência em grupo, as 
experimentações artísticas, culturais, esportivas e de 
lazer e a valorização das experiências vividas constituem 
formas privilegiadas de expressão, interação e proteção 
social”.
PRINCIPAIS DIFICULDADES 
A gestão anterior formatou todos os computadores e 
trocou os HDs e Memórias para outros inferiores. 
Veículos (uno SCFV – Siena PBF - Pegeot Hoggar 
compartilhado com a SEMAS 
Equipamentos permanentes (Xerox, Computador, Data 
Show, Note Book... 
Material de Consumo (Travessas, pratos...) 
A Equipe foi inteira remanejada da SEDUC e SESANI 
Pessoal Capacitado (Concursados cheios de vícios e 
Contratados sem capacitação para o cargo 
Demora na Licitação. 
Assent. Santa Guilhermina (limite com Maracaju)
PONTOS POSITIVOS 
Está funcionando, mesmo com 
todas as dificuldades 
Um dia em off a Vilma me 
confidenciou que 
anteriormente ela delegava 
funções e sentia dificuldades, 
Hoje ela executa as funções 
delegadas a ela e percebe que é 
possível. 
MULTIPLICAÇÃO DE 
INFORMAÇÕES 
A Vilma realizou 2 
reuniões com a 
equipe. 
O Plano de 
reordenamento está 
rascunhado.
SCFV Dia das 
Crianças ( 0 á 06 ) 
SCFV - Lanche
Dia a dia SCFV 
0 a 06 anos. 
Comemoração 
Dia da criança.
Projeto Musical Mirim
SCFV ( 07 a 15 ) 
Desfile 7 de 
setembro
SCFV 
Gestantes
SCFV ( 07 a 15 ) 
Desfile 7 de setembro 
SCFV IDOSOS 
Desfile 7 de setembro
COMEMORAÇÃO SEMANA DO IDOSO 
BALNEÁRIO DE JARDIM MS 
ABERTURA DOS TRABALHOS DO SCFV
PALESTRA DIREITO DO IDOSO 
SCFV Idosos Comemoração 
Dia das Mães
SCFV - INDO PARA O 
BALNEÁRIO MUNICIPAL 
DE JARDIM MS 
SCFV ATIVIDADE 
FÍSICA
CRISTINA DE SOUZA 
ASSISTENTE SOCIAL – 
67-9605-7539/9200-2505 celular 
67-3236-3292- fax 67-3236-2667 
67 – 3236-2498 residencial 
ph.cristina@hotmail.com
The End

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Eixos norteadores do scfv
Eixos norteadores do scfvEixos norteadores do scfv
Eixos norteadores do scfv
Joelson Honoratto
 
Suas 13 estudos de caso para debate
Suas  13 estudos de caso para debateSuas  13 estudos de caso para debate
Suas 13 estudos de caso para debate
Rosane Domingues
 
08 plano de acompanhamento familiar - folha de acoes - exemplos
08   plano de acompanhamento familiar - folha de acoes - exemplos08   plano de acompanhamento familiar - folha de acoes - exemplos
08 plano de acompanhamento familiar - folha de acoes - exemplos
Janaina Anjos
 
Oficina de serviço social elaboração de relatórios e laudos.
Oficina de serviço social   elaboração de relatórios e laudos.Oficina de serviço social   elaboração de relatórios e laudos.
Oficina de serviço social elaboração de relatórios e laudos.
Rosane Domingues
 
Cras paif
Cras paifCras paif
Cras paif
leilymoura
 
Cras
CrasCras
Scfv para idosos
Scfv para idososScfv para idosos
Scfv para idosos
Joelson Honoratto
 
COMO FAZER RELATÓRIOS
COMO FAZER RELATÓRIOSCOMO FAZER RELATÓRIOS
COMO FAZER RELATÓRIOS
Daiane Daine
 
Plano de ação setor de psicologia
Plano de ação   setor de psicologiaPlano de ação   setor de psicologia
Plano de ação setor de psicologia
José H B Ramos
 
Serviço Social - Serviço de Convivência e Fortalecimento de Vínculos-SCFV / s...
Serviço Social - Serviço de Convivência e Fortalecimento de Vínculos-SCFV / s...Serviço Social - Serviço de Convivência e Fortalecimento de Vínculos-SCFV / s...
Serviço Social - Serviço de Convivência e Fortalecimento de Vínculos-SCFV / s...
Educação
 
A atuação do Assistente Social no CAPS
A atuação do Assistente Social no CAPSA atuação do Assistente Social no CAPS
A atuação do Assistente Social no CAPS
Isabela Ferreira
 
Modelo parecer social
Modelo  parecer socialModelo  parecer social
Modelo parecer social
Rosane Domingues
 
11 cras orientações técnicas (1)
11  cras orientações técnicas (1)11  cras orientações técnicas (1)
11 cras orientações técnicas (1)
Alinebrauna Brauna
 
Informação, acolhimento e fortalecimento dos vínculos familiares - Maria do S...
Informação, acolhimento e fortalecimento dos vínculos familiares - Maria do S...Informação, acolhimento e fortalecimento dos vínculos familiares - Maria do S...
Informação, acolhimento e fortalecimento dos vínculos familiares - Maria do S...
SAE - Secretaria de Assuntos Estratégicos da Presidência da República
 
06 ficha de evolução de atendimento
06   ficha de evolução de atendimento06   ficha de evolução de atendimento
06 ficha de evolução de atendimento
Janaina Anjos
 
Microsoft word diretrizes técnicas para o processo de trabalho nos cras u…
Microsoft word   diretrizes técnicas para o processo de trabalho nos cras u…Microsoft word   diretrizes técnicas para o processo de trabalho nos cras u…
Microsoft word diretrizes técnicas para o processo de trabalho nos cras u…
NandaTome
 
Apresentação serviços do creas
Apresentação serviços do creasApresentação serviços do creas
Apresentação serviços do creas
Orlei Almeida
 
Centro de referência da assistência social cras
Centro de referência da assistência social   crasCentro de referência da assistência social   cras
Centro de referência da assistência social cras
Luiza Cristina Ribas
 
Metodologia de trabalho do creas
Metodologia de trabalho do creasMetodologia de trabalho do creas
Metodologia de trabalho do creas
Rosane Domingues
 
10. apresentação cras gloria
10. apresentação cras gloria10. apresentação cras gloria
10. apresentação cras gloria
NandaTome
 

Mais procurados (20)

Eixos norteadores do scfv
Eixos norteadores do scfvEixos norteadores do scfv
Eixos norteadores do scfv
 
Suas 13 estudos de caso para debate
Suas  13 estudos de caso para debateSuas  13 estudos de caso para debate
Suas 13 estudos de caso para debate
 
08 plano de acompanhamento familiar - folha de acoes - exemplos
08   plano de acompanhamento familiar - folha de acoes - exemplos08   plano de acompanhamento familiar - folha de acoes - exemplos
08 plano de acompanhamento familiar - folha de acoes - exemplos
 
Oficina de serviço social elaboração de relatórios e laudos.
Oficina de serviço social   elaboração de relatórios e laudos.Oficina de serviço social   elaboração de relatórios e laudos.
Oficina de serviço social elaboração de relatórios e laudos.
 
Cras paif
Cras paifCras paif
Cras paif
 
Cras
CrasCras
Cras
 
Scfv para idosos
Scfv para idososScfv para idosos
Scfv para idosos
 
COMO FAZER RELATÓRIOS
COMO FAZER RELATÓRIOSCOMO FAZER RELATÓRIOS
COMO FAZER RELATÓRIOS
 
Plano de ação setor de psicologia
Plano de ação   setor de psicologiaPlano de ação   setor de psicologia
Plano de ação setor de psicologia
 
Serviço Social - Serviço de Convivência e Fortalecimento de Vínculos-SCFV / s...
Serviço Social - Serviço de Convivência e Fortalecimento de Vínculos-SCFV / s...Serviço Social - Serviço de Convivência e Fortalecimento de Vínculos-SCFV / s...
Serviço Social - Serviço de Convivência e Fortalecimento de Vínculos-SCFV / s...
 
A atuação do Assistente Social no CAPS
A atuação do Assistente Social no CAPSA atuação do Assistente Social no CAPS
A atuação do Assistente Social no CAPS
 
Modelo parecer social
Modelo  parecer socialModelo  parecer social
Modelo parecer social
 
11 cras orientações técnicas (1)
11  cras orientações técnicas (1)11  cras orientações técnicas (1)
11 cras orientações técnicas (1)
 
Informação, acolhimento e fortalecimento dos vínculos familiares - Maria do S...
Informação, acolhimento e fortalecimento dos vínculos familiares - Maria do S...Informação, acolhimento e fortalecimento dos vínculos familiares - Maria do S...
Informação, acolhimento e fortalecimento dos vínculos familiares - Maria do S...
 
06 ficha de evolução de atendimento
06   ficha de evolução de atendimento06   ficha de evolução de atendimento
06 ficha de evolução de atendimento
 
Microsoft word diretrizes técnicas para o processo de trabalho nos cras u…
Microsoft word   diretrizes técnicas para o processo de trabalho nos cras u…Microsoft word   diretrizes técnicas para o processo de trabalho nos cras u…
Microsoft word diretrizes técnicas para o processo de trabalho nos cras u…
 
Apresentação serviços do creas
Apresentação serviços do creasApresentação serviços do creas
Apresentação serviços do creas
 
Centro de referência da assistência social cras
Centro de referência da assistência social   crasCentro de referência da assistência social   cras
Centro de referência da assistência social cras
 
Metodologia de trabalho do creas
Metodologia de trabalho do creasMetodologia de trabalho do creas
Metodologia de trabalho do creas
 
10. apresentação cras gloria
10. apresentação cras gloria10. apresentação cras gloria
10. apresentação cras gloria
 

Destaque

Cartilha paif 2016- articulação necessária na proteção social básica
Cartilha paif   2016- articulação necessária na proteção social básicaCartilha paif   2016- articulação necessária na proteção social básica
Cartilha paif 2016- articulação necessária na proteção social básica
Rosane Domingues
 
9. apresentação cras leste i
9. apresentação cras leste i9. apresentação cras leste i
9. apresentação cras leste i
NandaTome
 
Orientações técnicas sobre o serviço de convivência e fortalecimento de víncu...
Orientações técnicas sobre o serviço de convivência e fortalecimento de víncu...Orientações técnicas sobre o serviço de convivência e fortalecimento de víncu...
Orientações técnicas sobre o serviço de convivência e fortalecimento de víncu...
Rosane Domingues
 
Jornalzinho
JornalzinhoJornalzinho
Jornalzinho
funsag
 
13. apresentação cras leste ii acolhida
13. apresentação cras leste ii acolhida13. apresentação cras leste ii acolhida
13. apresentação cras leste ii acolhida
NandaTome
 
Cadastro unico
Cadastro unicoCadastro unico
Cadastro unico
Italo Mota
 
Cadastro unico aulas 1 a 7
Cadastro unico aulas 1 a 7Cadastro unico aulas 1 a 7
Cadastro unico aulas 1 a 7
Italo Mota
 
Formulario ingresso scfv
Formulario ingresso scfvFormulario ingresso scfv
Formulario ingresso scfv
NandaTome
 
Cartilha paif 2016- articulação necessária na proteção social básica
Cartilha paif   2016- articulação necessária na proteção social básicaCartilha paif   2016- articulação necessária na proteção social básica
Cartilha paif 2016- articulação necessária na proteção social básica
Rosane Domingues
 
Proposta de acordo coletivo de trabalho 2016 2017 12-09-2016
Proposta de acordo coletivo de trabalho 2016 2017 12-09-2016Proposta de acordo coletivo de trabalho 2016 2017 12-09-2016
Proposta de acordo coletivo de trabalho 2016 2017 12-09-2016
Jose Carlos
 
Audiência de prestação de contas Slide Assistência Social
Audiência de prestação de contas Slide Assistência SocialAudiência de prestação de contas Slide Assistência Social
Audiência de prestação de contas Slide Assistência Social
Cândido Sales
 
AngularJS For Beginners
AngularJS For BeginnersAngularJS For Beginners
AngularJS For Beginnersayman diab
 

Destaque (13)

Cartilha paif 2016- articulação necessária na proteção social básica
Cartilha paif   2016- articulação necessária na proteção social básicaCartilha paif   2016- articulação necessária na proteção social básica
Cartilha paif 2016- articulação necessária na proteção social básica
 
9. apresentação cras leste i
9. apresentação cras leste i9. apresentação cras leste i
9. apresentação cras leste i
 
Orientações técnicas sobre o serviço de convivência e fortalecimento de víncu...
Orientações técnicas sobre o serviço de convivência e fortalecimento de víncu...Orientações técnicas sobre o serviço de convivência e fortalecimento de víncu...
Orientações técnicas sobre o serviço de convivência e fortalecimento de víncu...
 
Jornalzinho
JornalzinhoJornalzinho
Jornalzinho
 
13. apresentação cras leste ii acolhida
13. apresentação cras leste ii acolhida13. apresentação cras leste ii acolhida
13. apresentação cras leste ii acolhida
 
Cadastro unico
Cadastro unicoCadastro unico
Cadastro unico
 
Cadastro unico aulas 1 a 7
Cadastro unico aulas 1 a 7Cadastro unico aulas 1 a 7
Cadastro unico aulas 1 a 7
 
Formulario ingresso scfv
Formulario ingresso scfvFormulario ingresso scfv
Formulario ingresso scfv
 
Cartilha paif 2016- articulação necessária na proteção social básica
Cartilha paif   2016- articulação necessária na proteção social básicaCartilha paif   2016- articulação necessária na proteção social básica
Cartilha paif 2016- articulação necessária na proteção social básica
 
Proposta de acordo coletivo de trabalho 2016 2017 12-09-2016
Proposta de acordo coletivo de trabalho 2016 2017 12-09-2016Proposta de acordo coletivo de trabalho 2016 2017 12-09-2016
Proposta de acordo coletivo de trabalho 2016 2017 12-09-2016
 
Audiência de prestação de contas Slide Assistência Social
Audiência de prestação de contas Slide Assistência SocialAudiência de prestação de contas Slide Assistência Social
Audiência de prestação de contas Slide Assistência Social
 
AngularJS For Beginners
AngularJS For BeginnersAngularJS For Beginners
AngularJS For Beginners
 
2
22
2
 

Semelhante a Apresentação reordenamento SCFV CRAS Nioaque-MS 11 11-2013

PROJETOS COM CRIANÇAS E ADOLESCENTES REALIZADOS E/OU COORDENADOS PELA SIDESC
PROJETOS COM CRIANÇAS E ADOLESCENTES REALIZADOS E/OU COORDENADOS PELA SIDESCPROJETOS COM CRIANÇAS E ADOLESCENTES REALIZADOS E/OU COORDENADOS PELA SIDESC
PROJETOS COM CRIANÇAS E ADOLESCENTES REALIZADOS E/OU COORDENADOS PELA SIDESC
Geh Braga
 
Cras Curumim Sao Benedito
Cras Curumim Sao BeneditoCras Curumim Sao Benedito
Cras Curumim Sao Benedito
Ana Cristina Baumgratz
 
Apresentação instituição
Apresentação instituiçãoApresentação instituição
Apresentação instituição
Oxten Comunicação
 
CADERNO_DE_ATIVIDADES_SCFV_0_A_6_ANOS.pdf
CADERNO_DE_ATIVIDADES_SCFV_0_A_6_ANOS.pdfCADERNO_DE_ATIVIDADES_SCFV_0_A_6_ANOS.pdf
CADERNO_DE_ATIVIDADES_SCFV_0_A_6_ANOS.pdf
yolandaabreu210
 
dinâmicas-de-convivênciainicia aulas.pdf
dinâmicas-de-convivênciainicia aulas.pdfdinâmicas-de-convivênciainicia aulas.pdf
dinâmicas-de-convivênciainicia aulas.pdf
FernandaTeixeiradasi5
 
INFORMATIVO ESCOLA ESTADUAL DOMINGOS ALBUQUERQUE
INFORMATIVO ESCOLA ESTADUAL DOMINGOS ALBUQUERQUEINFORMATIVO ESCOLA ESTADUAL DOMINGOS ALBUQUERQUE
INFORMATIVO ESCOLA ESTADUAL DOMINGOS ALBUQUERQUE
Elison Davi Crispim Ramos
 
Informativo Escolar 2015.2 (Escola Domingos Albuquerque)
Informativo Escolar 2015.2 (Escola Domingos Albuquerque)Informativo Escolar 2015.2 (Escola Domingos Albuquerque)
Informativo Escolar 2015.2 (Escola Domingos Albuquerque)
Governo do Estado de Pernambuco - Secretaria de Educação
 
Agosto 2012
Agosto 2012Agosto 2012
Agosto 2012
Rosi Zatta
 
Relatório de estágio 2014
Relatório de estágio 2014Relatório de estágio 2014
Relatório de estágio 2014
O Paixao
 
CV_Joana Rebelo_Maio 2016
CV_Joana Rebelo_Maio 2016CV_Joana Rebelo_Maio 2016
CV_Joana Rebelo_Maio 2016
Joana Rebelo
 
Informativo Semanal
 Informativo Semanal Informativo Semanal
Informativo Semanal
CEVP - Divulgação
 
Cafap
CafapCafap
Mulheres mil codir (2)
Mulheres mil   codir (2)Mulheres mil   codir (2)
Mulheres mil codir (2)
miguel zadoreski
 
Servas
ServasServas
Servas
nuvemfolia
 
Dia do desafio
Dia do desafioDia do desafio
Dia do desafio
Thiago Gacciona
 
Boletim op4 14
Boletim op4 14Boletim op4 14
Boletim op4 14
sintracompaixao
 
Boletim op4 14
Boletim op4 14Boletim op4 14
Boletim op4 14
sintracompaixao
 
Boletim CADI - Valença. III trimestre 2016
Boletim CADI - Valença. III trimestre 2016Boletim CADI - Valença. III trimestre 2016
Boletim CADI - Valença. III trimestre 2016
CADI BRASIL
 
Relatorio final 2013
Relatorio final 2013Relatorio final 2013
Relatorio final 2013
crascras12
 
Relatório Maio - Agosto 2017 - CADI Valença
Relatório Maio - Agosto 2017 -  CADI ValençaRelatório Maio - Agosto 2017 -  CADI Valença
Relatório Maio - Agosto 2017 - CADI Valença
CADI BRASIL
 

Semelhante a Apresentação reordenamento SCFV CRAS Nioaque-MS 11 11-2013 (20)

PROJETOS COM CRIANÇAS E ADOLESCENTES REALIZADOS E/OU COORDENADOS PELA SIDESC
PROJETOS COM CRIANÇAS E ADOLESCENTES REALIZADOS E/OU COORDENADOS PELA SIDESCPROJETOS COM CRIANÇAS E ADOLESCENTES REALIZADOS E/OU COORDENADOS PELA SIDESC
PROJETOS COM CRIANÇAS E ADOLESCENTES REALIZADOS E/OU COORDENADOS PELA SIDESC
 
Cras Curumim Sao Benedito
Cras Curumim Sao BeneditoCras Curumim Sao Benedito
Cras Curumim Sao Benedito
 
Apresentação instituição
Apresentação instituiçãoApresentação instituição
Apresentação instituição
 
CADERNO_DE_ATIVIDADES_SCFV_0_A_6_ANOS.pdf
CADERNO_DE_ATIVIDADES_SCFV_0_A_6_ANOS.pdfCADERNO_DE_ATIVIDADES_SCFV_0_A_6_ANOS.pdf
CADERNO_DE_ATIVIDADES_SCFV_0_A_6_ANOS.pdf
 
dinâmicas-de-convivênciainicia aulas.pdf
dinâmicas-de-convivênciainicia aulas.pdfdinâmicas-de-convivênciainicia aulas.pdf
dinâmicas-de-convivênciainicia aulas.pdf
 
INFORMATIVO ESCOLA ESTADUAL DOMINGOS ALBUQUERQUE
INFORMATIVO ESCOLA ESTADUAL DOMINGOS ALBUQUERQUEINFORMATIVO ESCOLA ESTADUAL DOMINGOS ALBUQUERQUE
INFORMATIVO ESCOLA ESTADUAL DOMINGOS ALBUQUERQUE
 
Informativo Escolar 2015.2 (Escola Domingos Albuquerque)
Informativo Escolar 2015.2 (Escola Domingos Albuquerque)Informativo Escolar 2015.2 (Escola Domingos Albuquerque)
Informativo Escolar 2015.2 (Escola Domingos Albuquerque)
 
Agosto 2012
Agosto 2012Agosto 2012
Agosto 2012
 
Relatório de estágio 2014
Relatório de estágio 2014Relatório de estágio 2014
Relatório de estágio 2014
 
CV_Joana Rebelo_Maio 2016
CV_Joana Rebelo_Maio 2016CV_Joana Rebelo_Maio 2016
CV_Joana Rebelo_Maio 2016
 
Informativo Semanal
 Informativo Semanal Informativo Semanal
Informativo Semanal
 
Cafap
CafapCafap
Cafap
 
Mulheres mil codir (2)
Mulheres mil   codir (2)Mulheres mil   codir (2)
Mulheres mil codir (2)
 
Servas
ServasServas
Servas
 
Dia do desafio
Dia do desafioDia do desafio
Dia do desafio
 
Boletim op4 14
Boletim op4 14Boletim op4 14
Boletim op4 14
 
Boletim op4 14
Boletim op4 14Boletim op4 14
Boletim op4 14
 
Boletim CADI - Valença. III trimestre 2016
Boletim CADI - Valença. III trimestre 2016Boletim CADI - Valença. III trimestre 2016
Boletim CADI - Valença. III trimestre 2016
 
Relatorio final 2013
Relatorio final 2013Relatorio final 2013
Relatorio final 2013
 
Relatório Maio - Agosto 2017 - CADI Valença
Relatório Maio - Agosto 2017 -  CADI ValençaRelatório Maio - Agosto 2017 -  CADI Valença
Relatório Maio - Agosto 2017 - CADI Valença
 

Mais de Cristina de Souza

Psicoativos
PsicoativosPsicoativos
Psicoativos
Cristina de Souza
 
Direitos e cultura de paz
Direitos e cultura de pazDireitos e cultura de paz
Direitos e cultura de paz
Cristina de Souza
 
Relacionamento interpessoal
Relacionamento interpessoalRelacionamento interpessoal
Relacionamento interpessoal
Cristina de Souza
 
Tripé da Seguridade social
 Tripé da Seguridade social  Tripé da Seguridade social
Tripé da Seguridade social
Cristina de Souza
 
Direito do idosos
Direito do idososDireito do idosos
Direito do idosos
Cristina de Souza
 
Fórum idosos11
Fórum idosos11Fórum idosos11
Fórum idosos11
Cristina de Souza
 
Rede de Atendimento Nioaque Slides pbf cadunico
Rede de Atendimento Nioaque Slides pbf cadunicoRede de Atendimento Nioaque Slides pbf cadunico
Rede de Atendimento Nioaque Slides pbf cadunico
Cristina de Souza
 
Cristina de SouzaQualidade no acolhimento
Cristina de SouzaQualidade no acolhimentoCristina de SouzaQualidade no acolhimento
Cristina de SouzaQualidade no acolhimento
Cristina de Souza
 
Cristina de Souza Fórum PCD apresentado na Semana de enfrentamento ao preconc...
Cristina de Souza Fórum PCD apresentado na Semana de enfrentamento ao preconc...Cristina de Souza Fórum PCD apresentado na Semana de enfrentamento ao preconc...
Cristina de Souza Fórum PCD apresentado na Semana de enfrentamento ao preconc...
Cristina de Souza
 
Diversidade etnica
Diversidade etnicaDiversidade etnica
Diversidade etnica
Cristina de Souza
 
Diga não ao preconceito
Diga não ao preconceitoDiga não ao preconceito
Diga não ao preconceito
Cristina de Souza
 
Construção da rede atendimento em Nioaque-MS
Construção da rede atendimento em Nioaque-MSConstrução da rede atendimento em Nioaque-MS
Construção da rede atendimento em Nioaque-MS
Cristina de Souza
 
Acolhimento com fluxo
Acolhimento com fluxoAcolhimento com fluxo
Acolhimento com fluxo
Cristina de Souza
 
Slide paara quebra de paradigmas
Slide paara quebra de paradigmasSlide paara quebra de paradigmas
Slide paara quebra de paradigmas
Cristina de Souza
 

Mais de Cristina de Souza (14)

Psicoativos
PsicoativosPsicoativos
Psicoativos
 
Direitos e cultura de paz
Direitos e cultura de pazDireitos e cultura de paz
Direitos e cultura de paz
 
Relacionamento interpessoal
Relacionamento interpessoalRelacionamento interpessoal
Relacionamento interpessoal
 
Tripé da Seguridade social
 Tripé da Seguridade social  Tripé da Seguridade social
Tripé da Seguridade social
 
Direito do idosos
Direito do idososDireito do idosos
Direito do idosos
 
Fórum idosos11
Fórum idosos11Fórum idosos11
Fórum idosos11
 
Rede de Atendimento Nioaque Slides pbf cadunico
Rede de Atendimento Nioaque Slides pbf cadunicoRede de Atendimento Nioaque Slides pbf cadunico
Rede de Atendimento Nioaque Slides pbf cadunico
 
Cristina de SouzaQualidade no acolhimento
Cristina de SouzaQualidade no acolhimentoCristina de SouzaQualidade no acolhimento
Cristina de SouzaQualidade no acolhimento
 
Cristina de Souza Fórum PCD apresentado na Semana de enfrentamento ao preconc...
Cristina de Souza Fórum PCD apresentado na Semana de enfrentamento ao preconc...Cristina de Souza Fórum PCD apresentado na Semana de enfrentamento ao preconc...
Cristina de Souza Fórum PCD apresentado na Semana de enfrentamento ao preconc...
 
Diversidade etnica
Diversidade etnicaDiversidade etnica
Diversidade etnica
 
Diga não ao preconceito
Diga não ao preconceitoDiga não ao preconceito
Diga não ao preconceito
 
Construção da rede atendimento em Nioaque-MS
Construção da rede atendimento em Nioaque-MSConstrução da rede atendimento em Nioaque-MS
Construção da rede atendimento em Nioaque-MS
 
Acolhimento com fluxo
Acolhimento com fluxoAcolhimento com fluxo
Acolhimento com fluxo
 
Slide paara quebra de paradigmas
Slide paara quebra de paradigmasSlide paara quebra de paradigmas
Slide paara quebra de paradigmas
 

Apresentação reordenamento SCFV CRAS Nioaque-MS 11 11-2013

  • 2. Local de Funcionamento: CRAS Rua Coronel Camisão, 278 Jardim Ouro Verde Nioaque-MS Cep: 79220-000 Telefone: 67-3236-2000 Fax: 67-3236 1804 Email: crasnioaque@hotmail.com Horário de Funcionamento: 07 as 11h00 e 13h00 as 17h00
  • 3. Coordenadora : Vilma Oliveira Silva Arantes
  • 4. Equipe de Referência: Psicóloga: Kiara Cristina Paula de Souza Assistente Social: Tânia Regina Rodrigues de Souza
  • 5. Equipe Técnica Prof. Música: Almir Mendes da Silva Prof. Artesanato: Iara Brescovit Educador Físico: Leandro Fagundes Merendeira: Quitéria Aparecida Russo Rezende Recepcionista: Joana Rocha Martins
  • 6. Equipe SCFV 0 a 6 anos e 15 a 17 anos Pedagoga: Josenilsa Silva Lemos Farias Equipe SCFV 7 a 14 anos Pedagoga: Josenith de Souza Cruz Moura Equipe SCFV Idosos Pedagoga: Fátima Cristina Lima Carbonaro
  • 7. IDENTIFICAÇÃO DO MUNICÍPIO NIOAQUE-MS REGIÃO SUDOESTE PEQUENO PORTE I GESTÃO BÁSICA POPULAÇÃO 14.391 HABITANTES ÁREA DE VULNERABILIDADE RURAL 09 ASSENTAMENTOS 01 ACAMPAMENTO 04 ALDEIAS 04 QUILOMBOLAS 70% DA POPULAÇÃO RURAL 30% DA POPULAÇÃO URBANA ÁREA DE VULNERABILIDADE URBANA SÃO MIGUEL SANTA AMÉLIA BAIRRO LARGO DA BAÍA VILA COIMBRA BAIRRO JOCKEY CLUBE-CANCHA JARDIM OURO VERDE CENTRO VILA NOVA ESPERANÇA
  • 8. FAMÍLIAS ATENDIDAS NO CRAS: Demanda Expontânea Busca Ativa Encaminhados por outros Equipamentos Sociais CRAS Itinerante 1 x por semana Serviços Eventuais são ofertados no CRAS e encaminhados para os SCFV 2.472 famílias cadastradas 2.650 famílias cadastradas no Cad. Único PBF: 1518 BPC: 311 Público Prioritário: 220 SCFV 0 a 6: 20 SCFV 7 a 14: 110 SCFV 15 a 17: 25 SCFV Idosos: 56 SCFV Gestante: 15 rotativos
  • 9. SERVIÇO DE FORTALECIMENTO DE VÍNCULOS PARA CRIANÇAS DE 0 a 06 ANOS O focoé“odesenvolvimentodeatividades comcrianças, familiares e comunidade, para fortalecer vínculos e prevenir ocorrênciadesituaçõesdeexclusãosocialederisco. O serviço é realizado no espaço do CRAS onde há uma brinquedoteca para o desenvolvimento das atividades com as crianças. Este serviço é realizado pela Orientadora Social Josenilsa orientada pela Técnica do CRAS a Psicóloga Kiara Cristina de Paula Souza. As atividades são voltadas para o fortalecimento dos vínculos familiar e acontecemtrês vezes por semana pormais ou menosumahoraemeia,emtrêsmomentos: -umsomentecomasmães; -umcommãesecriançase -commães separadamente.
  • 10. SERVIÇO DE FORTALECIMENTO DE VÍNCULOS PARA CRIANÇAS DE 07 A 14 ANOS Atualmente atendendo Orientadoras Sociais Josenilsa e Josenith orientadas pela Técnica do CRAS a Psicologa Kiara. As atividades são voltadas para a participação e cidadania, desenvolvimento do protagonismo e da autonomia das crianças e adolescentes de segunda a sexta-feira no período vespertino e matutino. Diante o objetivo do serviço as crianças tem aulas de Judô em parceria com outras Secretarias, musica com o Professor Almir Mendes da Silva, realizado aulas dos seguintes instrumentos: percussão, corda e vocal ambos são segunda quarta e sexta-feira em horários alternados.
  • 11. SERVIÇO DE FORTALECIMENTO DE VÍNCULOS PARA CRIANÇAS DE 15 a 17 ANOS O serviço é realizado no espaço do CRAS onde há Palestras, Oficinas com Dinâmicas de Grupos direcionadas para a idade, artesanatos Este serviço é realizado pela Orientadora Social Josenilsa orientada pela Técnica do CRAS a Psicóloga Kiara Cristina de Paula Souza. As atividades são voltadas para o fortalecimento dos vínculos familiar e acontecem três vezes por semana por mais ou menos uma hora e meia, em três momentos: -um somente com as mães; -um com mães e crianças e -com mães separadamente.
  • 12. SERVIÇOS DE FORTALECIMENTO DE VÍNCULOS PARA GESTANTES Valorização da vida da mãe e do feto fortalecendo o vínculo mamãe e bebê com palestras em parceria com a Secretaria Municipal de Saúde dando a oportunidade de incrementar o enxoval do bebê, através das aulas de artesanato
  • 13. SERVIÇOS DE FORTALECIMENTO DE VÍNCULOS PARA PESSOA IDOSA “O desenvolvimento das atividades que contribuam no processo de envelhecimento saudável, no desenvolvimento da autonomia e de sociabilidades, no fortalecimento dos vínculos familiares e do convívio comunitário e na prevenção de situações de risco social. A intervenção social deve estar pautada nas características, interesses e demandas dessa faixa etária e considerar que a vivência em grupo, as experimentações artísticas, culturais, esportivas e de lazer e a valorização das experiências vividas constituem formas privilegiadas de expressão, interação e proteção social”.
  • 14. PRINCIPAIS DIFICULDADES A gestão anterior formatou todos os computadores e trocou os HDs e Memórias para outros inferiores. Veículos (uno SCFV – Siena PBF - Pegeot Hoggar compartilhado com a SEMAS Equipamentos permanentes (Xerox, Computador, Data Show, Note Book... Material de Consumo (Travessas, pratos...) A Equipe foi inteira remanejada da SEDUC e SESANI Pessoal Capacitado (Concursados cheios de vícios e Contratados sem capacitação para o cargo Demora na Licitação. Assent. Santa Guilhermina (limite com Maracaju)
  • 15. PONTOS POSITIVOS Está funcionando, mesmo com todas as dificuldades Um dia em off a Vilma me confidenciou que anteriormente ela delegava funções e sentia dificuldades, Hoje ela executa as funções delegadas a ela e percebe que é possível. MULTIPLICAÇÃO DE INFORMAÇÕES A Vilma realizou 2 reuniões com a equipe. O Plano de reordenamento está rascunhado.
  • 16. SCFV Dia das Crianças ( 0 á 06 ) SCFV - Lanche
  • 17. Dia a dia SCFV 0 a 06 anos. Comemoração Dia da criança.
  • 19. SCFV ( 07 a 15 ) Desfile 7 de setembro
  • 21. SCFV ( 07 a 15 ) Desfile 7 de setembro SCFV IDOSOS Desfile 7 de setembro
  • 22. COMEMORAÇÃO SEMANA DO IDOSO BALNEÁRIO DE JARDIM MS ABERTURA DOS TRABALHOS DO SCFV
  • 23. PALESTRA DIREITO DO IDOSO SCFV Idosos Comemoração Dia das Mães
  • 24. SCFV - INDO PARA O BALNEÁRIO MUNICIPAL DE JARDIM MS SCFV ATIVIDADE FÍSICA
  • 25.
  • 26. CRISTINA DE SOUZA ASSISTENTE SOCIAL – 67-9605-7539/9200-2505 celular 67-3236-3292- fax 67-3236-2667 67 – 3236-2498 residencial ph.cristina@hotmail.com

Notas do Editor

  1. I
  2. I