SlideShare uma empresa Scribd logo
Seguro DPVAT
[object Object],INTRODUÇÃO Seguro Obrigatório de  D anos  P essoais causados por  V eículos   A utomotores de Via  T errestre ou por sua carga a pessoas transportadas ou não –  Seguro DPVAT . TÍTULO CRIAÇÃO OBJETIVO Cobrir danos pessoais causados por  veículos automotores de via terrestre   ou por suas cargas a pessoas transportadas ou não. Um seguro de responsabilidade civil  obrigatório , criado há 36 anos pela  Lei Federal Nº 6.194/1974 .
INTRODUÇÃO ,[object Object],[object Object],[object Object],[object Object],[object Object],[object Object],[object Object]
A Abrangência do Seguro DPVAT 5º  Maior País do Mundo 8,5 Milhões de Km 2 5.600 Municípios + de 190 Milhões de Habitantes 326 Pontos de Seguradoras 332 Parceiros DPVAT 91 Pontos de SINCORs 46 Pontos de Reguladoras 5 Pontos de DETRANs 8 Pontos de PROCONs  1 Ponto FENACOR Brasil Seguro DPVAT 809 Pontos de Atendimento em 05/2010 Única modalidade de seguro que dá cobertura para toda a população em qualquer ponto do país.
O PAPEL SOCIAL DO SEGURO DPVAT ,[object Object],[object Object]
[object Object],[object Object],[object Object],[object Object],[object Object],[object Object],[object Object],[object Object],[object Object],No Caso de  Morte No Caso de  Reembolso de DMH No Caso de  Invalidez Permanente
[object Object],[object Object]
[object Object],[object Object],[object Object],[object Object]
[object Object],FNS / SUS DENATRAN Repasse de 45% dos recursos do Seguro DPVAT ao Fundo Nacional de Saúde – FNS (Leis Nºs 8.212/91 e 9.503/97), do Ministério da Saúde, visando ao atendimento a vítimas de acidentes em hospitais da rede do SUS. Repasse de 5% do faturamento ao DENATRAN (Lei Nº 9.503/97), do Ministério das Cidades, para aplicação em campanhas de prevenção de acidentes e educação no trânsito. - Ainda por determinação legal, 48% dos prêmios arrecadados são destinados para pagamento de sinistros e despesas, além de demais custos da operação. - Os 2% restantes correspondem à margem de contribuição das consorciadas, ou seja, ao lucro da operação a ser dividido entre todas as seguradoras participantes dos consórcios.
[object Object]
Para aprimorar ainda mais o Seguro DPVAT, o Conselho Nacional de Seguros Privados – CNSP, através da sua Resolução n° 154 de 08 de dezembro de 2006, determinou a constituição de dois Consórcios específicos a serem administrados por uma seguradora especializada, na qualidade de líder. Para atender a essa exigência, foi criada a Seguradora Líder dos Consórcios do Seguro DPVAT, ou simplesmente Seguradora Líder – DPVAT, através da Portaria n° 2.797/07, publicada em 07 de dezembro de 2007. A Seguradora Líder - DPVAT é uma companhia de capital nacional, constituída por seguradoras que participam dos dois consórcios, e que começou a operar em 01 de janeiro de 2008. As seguradoras consorciadas permanecem responsáveis pela garantia das indenizações, prestando, também, atendimento a eventuais dúvidas e reclamações da sociedade. Contudo, a Seguradora Líder – DPVAT passou a representá-las nas esferas administrativa e judicial das operações de seguro, o que resulta em mais unidade e responsabilidade na centralização de ações. Além disso, facilita o acesso da Superintendência de Seguros Privados – SUSEP, na fiscalização das operações dos Consórcios, através dos registros da Seguradora Líder – DPVAT.
Os consórcios são formados por seguradoras legalmente  habilitadas, que assinam livremente um contrato de adesão aprovado pela SUSEP, para participar, simultaneamente, dos dois consórcios. Consórcio 1 Veículos das Categorias  1, 2, 9 e 10 Consórcio 2 Veículos das Categorias  3 e 4
CONSÓRCIO 1 Categoria  1  - automóveis particulares; Categoria  2  - táxis e carros de aluguel; Categoria  9  - motocicletas, motonetas, ciclomotores e similares ; Categoria 10  - máquinas de terraplanagem e equipamentos móveis em geral, quando licenciados, camionetas tipo "pick-up" de até 1.500 kg de carga, caminhões e outros veículos.   CONSÓRCIO 2 Categoria 3 -  ônibus, micro-ônibus e lotação com cobrança de frete (urbanos, interurbanos, rurais e interestaduais); Categoria 4 –  micro-ônibus com cobrança de frete, mas com lotação não superior a 10  passageiros e ônibus, micro-ônibus e lotações sem cobrança de frete  (urbanos, interurbanos, rurais e interestaduais);
[object Object],[object Object],[object Object],[object Object],[object Object],SEGURADORA  LÍDER  DOS  CONSÓRCIOS  DO SEGURO  DPVAT  S.A.
[object Object],[object Object],[object Object],[object Object]
O PRODUTO DPVAT
Coberturas Morte  Invalidez Permanente  Despesas Médicas e Hospitalares
VALORES DAS INDENIZAÇÕES Valores fixados pela Lei Nº 11.482, de 31/05/2007 MORTE  R$ 13.500,00 INVALIDEZ  PERMANENTE ATÉ R$ 13.500,00 DESPESAS MÉDICAS E HOSPITALARES ATÉ R$ 2.700,00
INDENIZAÇÕES CUMULATIVAS  DMH + MORTE OU IPA ,[object Object],[object Object]
 
A CONTRATAÇÃO DO SEGURO DPVAT
O bilhete de seguro é distribuído junto com o Certificado de Registro e Licenciamento de Veículo – CRLV ou Certificado de Registro do Veículo - CRV. O verso destes documentos informa  o que é  e  como usar  o DPVAT.
O PAGAMENTO DAS INDENIZAÇÕES
Seguradoras SINCORs Corretor Parceiro  Reguladoras DETRANS Outros ONDE RECLAMAR
Boletim de Ocorrência Policial Atestado de Óbito (Morte) Laudo do IML (Invalidez) Comprovação das Despesas Médicas (DAMS) Identificação da vítima Identificação/qualificação do beneficiário Comprovação do acidente DOCUMENTAÇÃO Como receber o Seguro DPVAT? 1.Procurar uma Seguradora ou o Sincor-ES 2.Apresentar a Documentação 3.Receber Carta-Aviso de Pagamento 4.Crédito na Conta Corrente ou Poupança
[object Object],[object Object],[object Object],[object Object]
O SEGURO DPVAT E O CORRETOR
[object Object],[object Object]
Melhoria da Imagem no Mercado Considerando o relevante caráter social do DPVAT, o corretor que conhece, oferece o seguro e auxilia os beneficiários pode se tornar bastante conhecido e mais respeitado na sua região.
[object Object],[object Object]
PROJETO CORRETOR PARCEIRO
O programa busca ampliar a rede de atendimento, lançando mão da melhor e mais qualificada rede organizada para tratar o tema, o que tende a reduzir participação de terceiros intermediários que em sua maioria oneram os beneficiários cobrando participação na indenização, em elevados percentuais. O modelo proposto compõe-se de um contrato formal  entre a Centauro Vida e Previdência e as  Corretoras de Seguros  e com a anuência do SINCOR - ES, através do qual são ajustados procedimentos simples de orientação, recepção e registro dos pedidos de indenização pela corretora, serviço que a ela será remunerado pela Seguradora, mensalmente, para todos os processos liquidados no mês encerrado.  Os valores para cada processo recepcionado, registrado e liquidado, serão de R$ 50,00 (cinquenta reais) para processos de Morte ou Invalidez e R$ 10,00 (dez reais) para processos de DAMS, vedada, contudo, a cobrança de valor a qualquer título do beneficiário.
Canais de Atendimento ao Cidadão O SINCOR-ES mantém em sua sede, Setor de Atendimento as vítimas de acidentes de trânsito e seus beneficiários. O Serviço consiste na instrução, atendimento telefônico e pessoal, analise, envio e acompanhamento do andamento do processo até a definição do pagamento da indenização. O atendimento é gratuito e não há cobrança de valores. Por isso não atendemos advogados, procuradores ou terceiros. A indenização é feita diretamente a vitima ou a seu beneficiário, com depósito diretamente em conta bancária, no prazo médio de 60 dias a partir do recebimento da documentação na Seguradora Líder.
Central DPVAT  (ligações gratuitas – Brasil) Fale Conosco  (sites) Atendimento pessoal  (pontos de atendimento) Qualidade  (atendimento personalizado)  Ouvidoria (fax ou carta) Canais de Atendimento ao Cidadão
SITES OFICIAIS DO SEGURO DPVAT 1. www.seguradoralider.com.br - Institucional, informes, comunicados, estatísticas etc; 2. www.dpvatseguro.com.br - Parceiro DPVAT, como se cadastrar  para operar nas categorias 3 e 4,  documentação básica para receber   indenizações, formulários úteis etc;
MANUAL DE INFORMAÇÕES SOBRE DPVAT
Capa de Boletim de Ocorrência Policial
Revista e Site do Sincor-ES
[object Object],[object Object],[object Object],[object Object],[object Object]

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

(PPT) Pegadaian Syari'ah
(PPT) Pegadaian Syari'ah(PPT) Pegadaian Syari'ah
(PPT) Pegadaian Syari'ah
KhafidFaozi
 
Os cuidados masculinos voltados para a saúde sexual, a reprodução e a PATERNI...
Os cuidados masculinos voltados para a saúde sexual, a reprodução e a PATERNI...Os cuidados masculinos voltados para a saúde sexual, a reprodução e a PATERNI...
Os cuidados masculinos voltados para a saúde sexual, a reprodução e a PATERNI...
Prof. Marcus Renato de Carvalho
 
SUS lei 8080 [Disposições Preliminares; Definição do Sistema Único de Saúde]
SUS lei 8080 [Disposições Preliminares; Definição do Sistema Único de Saúde]SUS lei 8080 [Disposições Preliminares; Definição do Sistema Único de Saúde]
SUS lei 8080 [Disposições Preliminares; Definição do Sistema Único de Saúde]
Juliana Alves Roque
 
MINI EBOOK GUIANDO A COMUNICAÇÃO DE NOTÍCIAS DIFÍCÉIS BASEADA NO PROTOCOLO SP...
MINI EBOOK GUIANDO A COMUNICAÇÃO DE NOTÍCIAS DIFÍCÉIS BASEADA NO PROTOCOLO SP...MINI EBOOK GUIANDO A COMUNICAÇÃO DE NOTÍCIAS DIFÍCÉIS BASEADA NO PROTOCOLO SP...
MINI EBOOK GUIANDO A COMUNICAÇÃO DE NOTÍCIAS DIFÍCÉIS BASEADA NO PROTOCOLO SP...
ssuser978969
 
Arrendamento Mercantil
Arrendamento MercantilArrendamento Mercantil
Arrendamento Mercantil
Maciel "Massa"
 
When can you approach the insurance ombudsman in india
When can you approach the insurance ombudsman in indiaWhen can you approach the insurance ombudsman in india
When can you approach the insurance ombudsman in india
ComparPolicy.com
 
carta escolar
carta escolarcarta escolar
carta escolar
germano tomas
 
Hemorragias
HemorragiasHemorragias
Hemorragias
Stefanny Corrêa
 
Competência em matéria ambiental
Competência em matéria ambientalCompetência em matéria ambiental
Competência em matéria ambiental
João Alfredo Telles Melo
 
Introducao a-saude-publica-1
Introducao a-saude-publica-1Introducao a-saude-publica-1
Introducao a-saude-publica-1
José Luis Müller
 
Manajemen Risiko Bagi Hasil Bank Syariah
Manajemen Risiko Bagi Hasil Bank SyariahManajemen Risiko Bagi Hasil Bank Syariah
Manajemen Risiko Bagi Hasil Bank Syariah
Syafril Djaelani,SE, MM
 
VMNI-Ventilação Mecânica Nao Invasiva
VMNI-Ventilação Mecânica Nao Invasiva VMNI-Ventilação Mecânica Nao Invasiva
VMNI-Ventilação Mecânica Nao Invasiva
Gilmar Roberto Batista
 
Aula rede-de-frio-2018-1
Aula rede-de-frio-2018-1Aula rede-de-frio-2018-1
Aula rede-de-frio-2018-1
mariojosepereiraneto1
 
Fire insurance
Fire insuranceFire insurance
Fire insurance
IshitaSrivastava21
 
Bank pengkreditan rakyat syariah
Bank pengkreditan rakyat syariahBank pengkreditan rakyat syariah
Bank pengkreditan rakyat syariahMarya Fitria
 
Contrato de locação
Contrato de locaçãoContrato de locação
Contrato de locação
Luciano Kilo Barbosa
 
Previne-Brasil_apre.pptx
Previne-Brasil_apre.pptxPrevine-Brasil_apre.pptx
Previne-Brasil_apre.pptx
Jorge Galvão
 
Política Nacional de Vigilância em Saúde - PNVS
Política Nacional de Vigilância em Saúde - PNVSPolítica Nacional de Vigilância em Saúde - PNVS
Política Nacional de Vigilância em Saúde - PNVS
Conselho Nacional de Secretários de Saúde - CONASS
 
OXIGENIOTERAPIA + SUPORTE RESPIRATÓRIO.pdf
OXIGENIOTERAPIA + SUPORTE RESPIRATÓRIO.pdfOXIGENIOTERAPIA + SUPORTE RESPIRATÓRIO.pdf
OXIGENIOTERAPIA + SUPORTE RESPIRATÓRIO.pdf
NaldoCastro7
 
Vissitudes constitucionais
Vissitudes constitucionaisVissitudes constitucionais
Vissitudes constitucionais
Amido Razia
 

Mais procurados (20)

(PPT) Pegadaian Syari'ah
(PPT) Pegadaian Syari'ah(PPT) Pegadaian Syari'ah
(PPT) Pegadaian Syari'ah
 
Os cuidados masculinos voltados para a saúde sexual, a reprodução e a PATERNI...
Os cuidados masculinos voltados para a saúde sexual, a reprodução e a PATERNI...Os cuidados masculinos voltados para a saúde sexual, a reprodução e a PATERNI...
Os cuidados masculinos voltados para a saúde sexual, a reprodução e a PATERNI...
 
SUS lei 8080 [Disposições Preliminares; Definição do Sistema Único de Saúde]
SUS lei 8080 [Disposições Preliminares; Definição do Sistema Único de Saúde]SUS lei 8080 [Disposições Preliminares; Definição do Sistema Único de Saúde]
SUS lei 8080 [Disposições Preliminares; Definição do Sistema Único de Saúde]
 
MINI EBOOK GUIANDO A COMUNICAÇÃO DE NOTÍCIAS DIFÍCÉIS BASEADA NO PROTOCOLO SP...
MINI EBOOK GUIANDO A COMUNICAÇÃO DE NOTÍCIAS DIFÍCÉIS BASEADA NO PROTOCOLO SP...MINI EBOOK GUIANDO A COMUNICAÇÃO DE NOTÍCIAS DIFÍCÉIS BASEADA NO PROTOCOLO SP...
MINI EBOOK GUIANDO A COMUNICAÇÃO DE NOTÍCIAS DIFÍCÉIS BASEADA NO PROTOCOLO SP...
 
Arrendamento Mercantil
Arrendamento MercantilArrendamento Mercantil
Arrendamento Mercantil
 
When can you approach the insurance ombudsman in india
When can you approach the insurance ombudsman in indiaWhen can you approach the insurance ombudsman in india
When can you approach the insurance ombudsman in india
 
carta escolar
carta escolarcarta escolar
carta escolar
 
Hemorragias
HemorragiasHemorragias
Hemorragias
 
Competência em matéria ambiental
Competência em matéria ambientalCompetência em matéria ambiental
Competência em matéria ambiental
 
Introducao a-saude-publica-1
Introducao a-saude-publica-1Introducao a-saude-publica-1
Introducao a-saude-publica-1
 
Manajemen Risiko Bagi Hasil Bank Syariah
Manajemen Risiko Bagi Hasil Bank SyariahManajemen Risiko Bagi Hasil Bank Syariah
Manajemen Risiko Bagi Hasil Bank Syariah
 
VMNI-Ventilação Mecânica Nao Invasiva
VMNI-Ventilação Mecânica Nao Invasiva VMNI-Ventilação Mecânica Nao Invasiva
VMNI-Ventilação Mecânica Nao Invasiva
 
Aula rede-de-frio-2018-1
Aula rede-de-frio-2018-1Aula rede-de-frio-2018-1
Aula rede-de-frio-2018-1
 
Fire insurance
Fire insuranceFire insurance
Fire insurance
 
Bank pengkreditan rakyat syariah
Bank pengkreditan rakyat syariahBank pengkreditan rakyat syariah
Bank pengkreditan rakyat syariah
 
Contrato de locação
Contrato de locaçãoContrato de locação
Contrato de locação
 
Previne-Brasil_apre.pptx
Previne-Brasil_apre.pptxPrevine-Brasil_apre.pptx
Previne-Brasil_apre.pptx
 
Política Nacional de Vigilância em Saúde - PNVS
Política Nacional de Vigilância em Saúde - PNVSPolítica Nacional de Vigilância em Saúde - PNVS
Política Nacional de Vigilância em Saúde - PNVS
 
OXIGENIOTERAPIA + SUPORTE RESPIRATÓRIO.pdf
OXIGENIOTERAPIA + SUPORTE RESPIRATÓRIO.pdfOXIGENIOTERAPIA + SUPORTE RESPIRATÓRIO.pdf
OXIGENIOTERAPIA + SUPORTE RESPIRATÓRIO.pdf
 
Vissitudes constitucionais
Vissitudes constitucionaisVissitudes constitucionais
Vissitudes constitucionais
 

Destaque

DPVAT E DIFERENÇA A RECEBER
DPVAT E DIFERENÇA A RECEBERDPVAT E DIFERENÇA A RECEBER
DPVAT E DIFERENÇA A RECEBER
Leonardo Costa
 
Acidentes de trânsito
Acidentes de trânsitoAcidentes de trânsito
Acidentes de trânsito
Nilton Goulart
 
Acidente
AcidenteAcidente
16 situações de sinistro múltiplo
16   situações de sinistro múltiplo16   situações de sinistro múltiplo
16 situações de sinistro múltiplo
jospa1960
 
RETROSPECTIVA CCF 20111
RETROSPECTIVA CCF 20111RETROSPECTIVA CCF 20111
RETROSPECTIVA CCF 20111
Celso Corrêa de Freitas
 
Flagrante delito e fiança
Flagrante delito e fiançaFlagrante delito e fiança
Flagrante delito e fiança
Jonathan Reginnie
 
Palestra banco de dados oab
Palestra banco de dados   oabPalestra banco de dados   oab
Palestra banco de dados oab
Nayron Toledo
 
Cuidados ao comprar um carro usado e direitos do consumidor após a compra
Cuidados ao comprar um carro usado e direitos do consumidor após a compraCuidados ao comprar um carro usado e direitos do consumidor após a compra
Cuidados ao comprar um carro usado e direitos do consumidor após a compra
Personal Car Auto
 
Aula responsabilidade planos de saúde
Aula responsabilidade planos de saúdeAula responsabilidade planos de saúde
Aula responsabilidade planos de saúde
Elaine Ribeiro
 
ANS - Aula 2
ANS - Aula 2ANS - Aula 2
ANS - Aula 2
Marcelo VERMUDT
 
Ans aula 1
Ans   aula 1Ans   aula 1
Ans aula 1
Marcelo VERMUDT
 
Direito e relações de consumo - MBA UniBrasil
Direito e relações de consumo - MBA UniBrasilDireito e relações de consumo - MBA UniBrasil
Direito e relações de consumo - MBA UniBrasil
Ney Azevedo
 
Manual sobre planos de saúde
Manual sobre planos de saúdeManual sobre planos de saúde
Manual sobre planos de saúde
Ministério da Justiça
 
Recall - Guia Prático do Fornecedor
Recall - Guia Prático do FornecedorRecall - Guia Prático do Fornecedor
Recall - Guia Prático do Fornecedor
Ministério da Justiça
 
Prisão
PrisãoPrisão
Aula sobre consórcios públicos
Aula sobre consórcios públicosAula sobre consórcios públicos
Aula sobre consórcios públicos
Fernando S. Marcato
 
Auditoria em folha de pagamento
Auditoria em folha de pagamentoAuditoria em folha de pagamento
Auditoria em folha de pagamento
David Marques
 
Guia IDEC de Planos de Saúde
Guia IDEC de Planos de SaúdeGuia IDEC de Planos de Saúde
Guia IDEC de Planos de Saúde
guest727222
 

Destaque (18)

DPVAT E DIFERENÇA A RECEBER
DPVAT E DIFERENÇA A RECEBERDPVAT E DIFERENÇA A RECEBER
DPVAT E DIFERENÇA A RECEBER
 
Acidentes de trânsito
Acidentes de trânsitoAcidentes de trânsito
Acidentes de trânsito
 
Acidente
AcidenteAcidente
Acidente
 
16 situações de sinistro múltiplo
16   situações de sinistro múltiplo16   situações de sinistro múltiplo
16 situações de sinistro múltiplo
 
RETROSPECTIVA CCF 20111
RETROSPECTIVA CCF 20111RETROSPECTIVA CCF 20111
RETROSPECTIVA CCF 20111
 
Flagrante delito e fiança
Flagrante delito e fiançaFlagrante delito e fiança
Flagrante delito e fiança
 
Palestra banco de dados oab
Palestra banco de dados   oabPalestra banco de dados   oab
Palestra banco de dados oab
 
Cuidados ao comprar um carro usado e direitos do consumidor após a compra
Cuidados ao comprar um carro usado e direitos do consumidor após a compraCuidados ao comprar um carro usado e direitos do consumidor após a compra
Cuidados ao comprar um carro usado e direitos do consumidor após a compra
 
Aula responsabilidade planos de saúde
Aula responsabilidade planos de saúdeAula responsabilidade planos de saúde
Aula responsabilidade planos de saúde
 
ANS - Aula 2
ANS - Aula 2ANS - Aula 2
ANS - Aula 2
 
Ans aula 1
Ans   aula 1Ans   aula 1
Ans aula 1
 
Direito e relações de consumo - MBA UniBrasil
Direito e relações de consumo - MBA UniBrasilDireito e relações de consumo - MBA UniBrasil
Direito e relações de consumo - MBA UniBrasil
 
Manual sobre planos de saúde
Manual sobre planos de saúdeManual sobre planos de saúde
Manual sobre planos de saúde
 
Recall - Guia Prático do Fornecedor
Recall - Guia Prático do FornecedorRecall - Guia Prático do Fornecedor
Recall - Guia Prático do Fornecedor
 
Prisão
PrisãoPrisão
Prisão
 
Aula sobre consórcios públicos
Aula sobre consórcios públicosAula sobre consórcios públicos
Aula sobre consórcios públicos
 
Auditoria em folha de pagamento
Auditoria em folha de pagamentoAuditoria em folha de pagamento
Auditoria em folha de pagamento
 
Guia IDEC de Planos de Saúde
Guia IDEC de Planos de SaúdeGuia IDEC de Planos de Saúde
Guia IDEC de Planos de Saúde
 

Semelhante a Apresentação sobre DPVAT

Responsabilidade - Por Danilo Sobreira
Responsabilidade - Por Danilo SobreiraResponsabilidade - Por Danilo Sobreira
Responsabilidade - Por Danilo Sobreira
Sincor-ES
 
35926403 apostila-contabilidade-seguros
35926403 apostila-contabilidade-seguros35926403 apostila-contabilidade-seguros
35926403 apostila-contabilidade-seguros
Universidade Federal de São João Del Rei (UFSJ)
 
Contabilidade de seguros
Contabilidade de segurosContabilidade de seguros
Contabilidade de seguros
Universidade Federal Fluminense
 
Apostila contabilidade seguros
Apostila contabilidade segurosApostila contabilidade seguros
Apostila contabilidade seguros
Universidade Federal Fluminense
 
Manual auto do corretor. v 07.2013
Manual auto do corretor. v 07.2013Manual auto do corretor. v 07.2013
Manual auto do corretor. v 07.2013
Espaço Allianz
 
Manual auto maio 2013
Manual auto   maio 2013Manual auto   maio 2013
Manual auto maio 2013
Espaço Allianz
 
Manual Auto Abril 2013
Manual Auto Abril 2013Manual Auto Abril 2013
Manual Auto Abril 2013
Espaço Allianz
 
Diferença a receber em dpvat
Diferença a receber em dpvatDiferença a receber em dpvat
Diferença a receber em dpvat
Leonardo Costa
 
Apresentação Bolsa de Seguros Online
Apresentação Bolsa de Seguros OnlineApresentação Bolsa de Seguros Online
Apresentação Bolsa de Seguros Online
leobr310
 
Portfólio Empresarial - Grupo CAIXA SEGUROS
Portfólio Empresarial - Grupo CAIXA SEGUROSPortfólio Empresarial - Grupo CAIXA SEGUROS
Portfólio Empresarial - Grupo CAIXA SEGUROS
CAIXA Seguradora
 
Aula 3
Aula 3Aula 3
Apresentação jacometo seguros
Apresentação jacometo segurosApresentação jacometo seguros
Apresentação jacometo seguros
Jacometo Corretora de Seguros Ltda
 
A Arte de Elaborar o Contrato: Estruturação do Contrato Automático de Resseguro
A Arte de Elaborar o Contrato: Estruturação do Contrato Automático de ResseguroA Arte de Elaborar o Contrato: Estruturação do Contrato Automático de Resseguro
A Arte de Elaborar o Contrato: Estruturação do Contrato Automático de Resseguro
Escola Nacional de Seguros
 
Estruturação do contrato automático de resseguro
Estruturação do contrato automático de resseguroEstruturação do contrato automático de resseguro
Estruturação do contrato automático de resseguro
Universidade Federal Fluminense
 
Estruturação do contrato automático de resseguro (2)
Estruturação do contrato automático de resseguro (2)Estruturação do contrato automático de resseguro (2)
Estruturação do contrato automático de resseguro (2)
Universidade Federal Fluminense
 
D&O - Circular 553 - Gustavo Galrão
D&O - Circular 553 - Gustavo GalrãoD&O - Circular 553 - Gustavo Galrão
D&O - Circular 553 - Gustavo Galrão
Oficina do Texto Assessoria de Comunicação
 
Seguradora para caminhão
Seguradora para caminhãoSeguradora para caminhão
Seguradora para caminhão
Pattini Seguros
 
Agv brasil institucional comercial
Agv brasil   institucional comercialAgv brasil   institucional comercial
Agv brasil institucional comercial
ProntoClube
 
Seguros para Motos
Seguros para MotosSeguros para Motos
Seguros para Motos
Pattini Seguros
 
Não delegue o direito de representatividade que possui junto ao garantidor do...
Não delegue o direito de representatividade que possui junto ao garantidor do...Não delegue o direito de representatividade que possui junto ao garantidor do...
Não delegue o direito de representatividade que possui junto ao garantidor do...
Darci Maria de Oliveira
 

Semelhante a Apresentação sobre DPVAT (20)

Responsabilidade - Por Danilo Sobreira
Responsabilidade - Por Danilo SobreiraResponsabilidade - Por Danilo Sobreira
Responsabilidade - Por Danilo Sobreira
 
35926403 apostila-contabilidade-seguros
35926403 apostila-contabilidade-seguros35926403 apostila-contabilidade-seguros
35926403 apostila-contabilidade-seguros
 
Contabilidade de seguros
Contabilidade de segurosContabilidade de seguros
Contabilidade de seguros
 
Apostila contabilidade seguros
Apostila contabilidade segurosApostila contabilidade seguros
Apostila contabilidade seguros
 
Manual auto do corretor. v 07.2013
Manual auto do corretor. v 07.2013Manual auto do corretor. v 07.2013
Manual auto do corretor. v 07.2013
 
Manual auto maio 2013
Manual auto   maio 2013Manual auto   maio 2013
Manual auto maio 2013
 
Manual Auto Abril 2013
Manual Auto Abril 2013Manual Auto Abril 2013
Manual Auto Abril 2013
 
Diferença a receber em dpvat
Diferença a receber em dpvatDiferença a receber em dpvat
Diferença a receber em dpvat
 
Apresentação Bolsa de Seguros Online
Apresentação Bolsa de Seguros OnlineApresentação Bolsa de Seguros Online
Apresentação Bolsa de Seguros Online
 
Portfólio Empresarial - Grupo CAIXA SEGUROS
Portfólio Empresarial - Grupo CAIXA SEGUROSPortfólio Empresarial - Grupo CAIXA SEGUROS
Portfólio Empresarial - Grupo CAIXA SEGUROS
 
Aula 3
Aula 3Aula 3
Aula 3
 
Apresentação jacometo seguros
Apresentação jacometo segurosApresentação jacometo seguros
Apresentação jacometo seguros
 
A Arte de Elaborar o Contrato: Estruturação do Contrato Automático de Resseguro
A Arte de Elaborar o Contrato: Estruturação do Contrato Automático de ResseguroA Arte de Elaborar o Contrato: Estruturação do Contrato Automático de Resseguro
A Arte de Elaborar o Contrato: Estruturação do Contrato Automático de Resseguro
 
Estruturação do contrato automático de resseguro
Estruturação do contrato automático de resseguroEstruturação do contrato automático de resseguro
Estruturação do contrato automático de resseguro
 
Estruturação do contrato automático de resseguro (2)
Estruturação do contrato automático de resseguro (2)Estruturação do contrato automático de resseguro (2)
Estruturação do contrato automático de resseguro (2)
 
D&O - Circular 553 - Gustavo Galrão
D&O - Circular 553 - Gustavo GalrãoD&O - Circular 553 - Gustavo Galrão
D&O - Circular 553 - Gustavo Galrão
 
Seguradora para caminhão
Seguradora para caminhãoSeguradora para caminhão
Seguradora para caminhão
 
Agv brasil institucional comercial
Agv brasil   institucional comercialAgv brasil   institucional comercial
Agv brasil institucional comercial
 
Seguros para Motos
Seguros para MotosSeguros para Motos
Seguros para Motos
 
Não delegue o direito de representatividade que possui junto ao garantidor do...
Não delegue o direito de representatividade que possui junto ao garantidor do...Não delegue o direito de representatividade que possui junto ao garantidor do...
Não delegue o direito de representatividade que possui junto ao garantidor do...
 

Mais de Sincor-ES

Marco Antônio - Tecnologia no Mercado Segurador
Marco Antônio - Tecnologia no Mercado SeguradorMarco Antônio - Tecnologia no Mercado Segurador
Marco Antônio - Tecnologia no Mercado Segurador
Sincor-ES
 
SINCORPREV - Material Explicativo
SINCORPREV - Material ExplicativoSINCORPREV - Material Explicativo
SINCORPREV - Material Explicativo
Sincor-ES
 
Palestra RC e Circular 127/2009 - Filomena
Palestra RC e Circular 127/2009 - FilomenaPalestra RC e Circular 127/2009 - Filomena
Palestra RC e Circular 127/2009 - Filomena
Sincor-ES
 
Apresentação Vendas Consultivas e a importância da gestão para os produtos Sa...
Apresentação Vendas Consultivas e a importância da gestão para os produtos Sa...Apresentação Vendas Consultivas e a importância da gestão para os produtos Sa...
Apresentação Vendas Consultivas e a importância da gestão para os produtos Sa...
Sincor-ES
 
Berkley internacional brasil
Berkley internacional brasilBerkley internacional brasil
Berkley internacional brasil
Sincor-ES
 
Previdência Complementar - Sr. Elcio Sestini - CVG-ES.
Previdência Complementar - Sr. Elcio Sestini - CVG-ES.Previdência Complementar - Sr. Elcio Sestini - CVG-ES.
Previdência Complementar - Sr. Elcio Sestini - CVG-ES.
Sincor-ES
 

Mais de Sincor-ES (6)

Marco Antônio - Tecnologia no Mercado Segurador
Marco Antônio - Tecnologia no Mercado SeguradorMarco Antônio - Tecnologia no Mercado Segurador
Marco Antônio - Tecnologia no Mercado Segurador
 
SINCORPREV - Material Explicativo
SINCORPREV - Material ExplicativoSINCORPREV - Material Explicativo
SINCORPREV - Material Explicativo
 
Palestra RC e Circular 127/2009 - Filomena
Palestra RC e Circular 127/2009 - FilomenaPalestra RC e Circular 127/2009 - Filomena
Palestra RC e Circular 127/2009 - Filomena
 
Apresentação Vendas Consultivas e a importância da gestão para os produtos Sa...
Apresentação Vendas Consultivas e a importância da gestão para os produtos Sa...Apresentação Vendas Consultivas e a importância da gestão para os produtos Sa...
Apresentação Vendas Consultivas e a importância da gestão para os produtos Sa...
 
Berkley internacional brasil
Berkley internacional brasilBerkley internacional brasil
Berkley internacional brasil
 
Previdência Complementar - Sr. Elcio Sestini - CVG-ES.
Previdência Complementar - Sr. Elcio Sestini - CVG-ES.Previdência Complementar - Sr. Elcio Sestini - CVG-ES.
Previdência Complementar - Sr. Elcio Sestini - CVG-ES.
 

Último

UFCD_10145_Enquadramento do setor farmacêutico_indice.pdf
UFCD_10145_Enquadramento do setor farmacêutico_indice.pdfUFCD_10145_Enquadramento do setor farmacêutico_indice.pdf
UFCD_10145_Enquadramento do setor farmacêutico_indice.pdf
Manuais Formação
 
Redação e Leitura_7º ano_58_Produção de cordel .pptx
Redação e Leitura_7º ano_58_Produção de cordel .pptxRedação e Leitura_7º ano_58_Produção de cordel .pptx
Redação e Leitura_7º ano_58_Produção de cordel .pptx
DECIOMAURINARAMOS
 
OS elementos de uma boa Redação para o ENEM.pdf
OS elementos de uma boa Redação para o ENEM.pdfOS elementos de uma boa Redação para o ENEM.pdf
OS elementos de uma boa Redação para o ENEM.pdf
AmiltonAparecido1
 
1_10_06_2024_Criança e Cultura Escrita, Ana Maria de Oliveira Galvão.pdf
1_10_06_2024_Criança e Cultura Escrita, Ana Maria de Oliveira Galvão.pdf1_10_06_2024_Criança e Cultura Escrita, Ana Maria de Oliveira Galvão.pdf
1_10_06_2024_Criança e Cultura Escrita, Ana Maria de Oliveira Galvão.pdf
SILVIAREGINANAZARECA
 
A Evolução da história da Física - Albert Einstein
A Evolução da história da Física - Albert EinsteinA Evolução da história da Física - Albert Einstein
A Evolução da história da Física - Albert Einstein
WelberMerlinCardoso
 
Atividade de reforço de matemática 2º ano
Atividade de reforço de matemática 2º anoAtividade de reforço de matemática 2º ano
Atividade de reforço de matemática 2º ano
fernandacosta37763
 
Atividades de Inglês e Espanhol para Imprimir - Alfabetinho
Atividades de Inglês e Espanhol para Imprimir - AlfabetinhoAtividades de Inglês e Espanhol para Imprimir - Alfabetinho
Atividades de Inglês e Espanhol para Imprimir - Alfabetinho
MateusTavares54
 
Testes + soluções_Mensagens12 )11111.pdf
Testes + soluções_Mensagens12 )11111.pdfTestes + soluções_Mensagens12 )11111.pdf
Testes + soluções_Mensagens12 )11111.pdf
lveiga112
 
Atividade letra da música - Espalhe Amor, Anavitória.
Atividade letra da música - Espalhe  Amor, Anavitória.Atividade letra da música - Espalhe  Amor, Anavitória.
Atividade letra da música - Espalhe Amor, Anavitória.
Mary Alvarenga
 
Livro: Pedagogia do Oprimido - Paulo Freire
Livro: Pedagogia do Oprimido - Paulo FreireLivro: Pedagogia do Oprimido - Paulo Freire
Livro: Pedagogia do Oprimido - Paulo Freire
WelberMerlinCardoso
 
epidemias endemia-pandemia-e-epidemia (1).ppt
epidemias endemia-pandemia-e-epidemia (1).pptepidemias endemia-pandemia-e-epidemia (1).ppt
epidemias endemia-pandemia-e-epidemia (1).ppt
MarceloMonteiro213738
 
Potenciação e Radiciação de Números Racionais
Potenciação e Radiciação de Números RacionaisPotenciação e Radiciação de Números Racionais
Potenciação e Radiciação de Números Racionais
wagnermorais28
 
Treinamento NR 38 - CORPO PRINCIPAL da NORMA.pptx
Treinamento NR 38 - CORPO PRINCIPAL da NORMA.pptxTreinamento NR 38 - CORPO PRINCIPAL da NORMA.pptx
Treinamento NR 38 - CORPO PRINCIPAL da NORMA.pptx
MarcosPaulo777883
 
347018542-PAULINA-CHIZIANE-Balada-de-Amor-ao-Vento-pdf.pdf
347018542-PAULINA-CHIZIANE-Balada-de-Amor-ao-Vento-pdf.pdf347018542-PAULINA-CHIZIANE-Balada-de-Amor-ao-Vento-pdf.pdf
347018542-PAULINA-CHIZIANE-Balada-de-Amor-ao-Vento-pdf.pdf
AntnioManuelAgdoma
 
A SOCIOLOGIA E O TRABALHO: ANÁLISES E VIVÊNCIAS
A SOCIOLOGIA E O TRABALHO: ANÁLISES E VIVÊNCIASA SOCIOLOGIA E O TRABALHO: ANÁLISES E VIVÊNCIAS
A SOCIOLOGIA E O TRABALHO: ANÁLISES E VIVÊNCIAS
HisrelBlog
 
As sequências didáticas: práticas educativas
As sequências didáticas: práticas educativasAs sequências didáticas: práticas educativas
As sequências didáticas: práticas educativas
rloureiro1
 
- TEMPLATE DA PRATICA - Psicomotricidade.pptx
- TEMPLATE DA PRATICA - Psicomotricidade.pptx- TEMPLATE DA PRATICA - Psicomotricidade.pptx
- TEMPLATE DA PRATICA - Psicomotricidade.pptx
LucianaCristina58
 
O Mito da Caverna de Platão_ Uma Jornada em Busca da Verdade.pdf
O Mito da Caverna de Platão_ Uma Jornada em Busca da Verdade.pdfO Mito da Caverna de Platão_ Uma Jornada em Busca da Verdade.pdf
O Mito da Caverna de Platão_ Uma Jornada em Busca da Verdade.pdf
silvamelosilva300
 
7133lllllllllllllllllllllllllllll67.pptx
7133lllllllllllllllllllllllllllll67.pptx7133lllllllllllllllllllllllllllll67.pptx
7133lllllllllllllllllllllllllllll67.pptx
LEANDROSPANHOL1
 
Pintura Romana .pptx
Pintura Romana                     .pptxPintura Romana                     .pptx
Pintura Romana .pptx
TomasSousa7
 

Último (20)

UFCD_10145_Enquadramento do setor farmacêutico_indice.pdf
UFCD_10145_Enquadramento do setor farmacêutico_indice.pdfUFCD_10145_Enquadramento do setor farmacêutico_indice.pdf
UFCD_10145_Enquadramento do setor farmacêutico_indice.pdf
 
Redação e Leitura_7º ano_58_Produção de cordel .pptx
Redação e Leitura_7º ano_58_Produção de cordel .pptxRedação e Leitura_7º ano_58_Produção de cordel .pptx
Redação e Leitura_7º ano_58_Produção de cordel .pptx
 
OS elementos de uma boa Redação para o ENEM.pdf
OS elementos de uma boa Redação para o ENEM.pdfOS elementos de uma boa Redação para o ENEM.pdf
OS elementos de uma boa Redação para o ENEM.pdf
 
1_10_06_2024_Criança e Cultura Escrita, Ana Maria de Oliveira Galvão.pdf
1_10_06_2024_Criança e Cultura Escrita, Ana Maria de Oliveira Galvão.pdf1_10_06_2024_Criança e Cultura Escrita, Ana Maria de Oliveira Galvão.pdf
1_10_06_2024_Criança e Cultura Escrita, Ana Maria de Oliveira Galvão.pdf
 
A Evolução da história da Física - Albert Einstein
A Evolução da história da Física - Albert EinsteinA Evolução da história da Física - Albert Einstein
A Evolução da história da Física - Albert Einstein
 
Atividade de reforço de matemática 2º ano
Atividade de reforço de matemática 2º anoAtividade de reforço de matemática 2º ano
Atividade de reforço de matemática 2º ano
 
Atividades de Inglês e Espanhol para Imprimir - Alfabetinho
Atividades de Inglês e Espanhol para Imprimir - AlfabetinhoAtividades de Inglês e Espanhol para Imprimir - Alfabetinho
Atividades de Inglês e Espanhol para Imprimir - Alfabetinho
 
Testes + soluções_Mensagens12 )11111.pdf
Testes + soluções_Mensagens12 )11111.pdfTestes + soluções_Mensagens12 )11111.pdf
Testes + soluções_Mensagens12 )11111.pdf
 
Atividade letra da música - Espalhe Amor, Anavitória.
Atividade letra da música - Espalhe  Amor, Anavitória.Atividade letra da música - Espalhe  Amor, Anavitória.
Atividade letra da música - Espalhe Amor, Anavitória.
 
Livro: Pedagogia do Oprimido - Paulo Freire
Livro: Pedagogia do Oprimido - Paulo FreireLivro: Pedagogia do Oprimido - Paulo Freire
Livro: Pedagogia do Oprimido - Paulo Freire
 
epidemias endemia-pandemia-e-epidemia (1).ppt
epidemias endemia-pandemia-e-epidemia (1).pptepidemias endemia-pandemia-e-epidemia (1).ppt
epidemias endemia-pandemia-e-epidemia (1).ppt
 
Potenciação e Radiciação de Números Racionais
Potenciação e Radiciação de Números RacionaisPotenciação e Radiciação de Números Racionais
Potenciação e Radiciação de Números Racionais
 
Treinamento NR 38 - CORPO PRINCIPAL da NORMA.pptx
Treinamento NR 38 - CORPO PRINCIPAL da NORMA.pptxTreinamento NR 38 - CORPO PRINCIPAL da NORMA.pptx
Treinamento NR 38 - CORPO PRINCIPAL da NORMA.pptx
 
347018542-PAULINA-CHIZIANE-Balada-de-Amor-ao-Vento-pdf.pdf
347018542-PAULINA-CHIZIANE-Balada-de-Amor-ao-Vento-pdf.pdf347018542-PAULINA-CHIZIANE-Balada-de-Amor-ao-Vento-pdf.pdf
347018542-PAULINA-CHIZIANE-Balada-de-Amor-ao-Vento-pdf.pdf
 
A SOCIOLOGIA E O TRABALHO: ANÁLISES E VIVÊNCIAS
A SOCIOLOGIA E O TRABALHO: ANÁLISES E VIVÊNCIASA SOCIOLOGIA E O TRABALHO: ANÁLISES E VIVÊNCIAS
A SOCIOLOGIA E O TRABALHO: ANÁLISES E VIVÊNCIAS
 
As sequências didáticas: práticas educativas
As sequências didáticas: práticas educativasAs sequências didáticas: práticas educativas
As sequências didáticas: práticas educativas
 
- TEMPLATE DA PRATICA - Psicomotricidade.pptx
- TEMPLATE DA PRATICA - Psicomotricidade.pptx- TEMPLATE DA PRATICA - Psicomotricidade.pptx
- TEMPLATE DA PRATICA - Psicomotricidade.pptx
 
O Mito da Caverna de Platão_ Uma Jornada em Busca da Verdade.pdf
O Mito da Caverna de Platão_ Uma Jornada em Busca da Verdade.pdfO Mito da Caverna de Platão_ Uma Jornada em Busca da Verdade.pdf
O Mito da Caverna de Platão_ Uma Jornada em Busca da Verdade.pdf
 
7133lllllllllllllllllllllllllllll67.pptx
7133lllllllllllllllllllllllllllll67.pptx7133lllllllllllllllllllllllllllll67.pptx
7133lllllllllllllllllllllllllllll67.pptx
 
Pintura Romana .pptx
Pintura Romana                     .pptxPintura Romana                     .pptx
Pintura Romana .pptx
 

Apresentação sobre DPVAT

  • 2.
  • 3.
  • 4. A Abrangência do Seguro DPVAT 5º Maior País do Mundo 8,5 Milhões de Km 2 5.600 Municípios + de 190 Milhões de Habitantes 326 Pontos de Seguradoras 332 Parceiros DPVAT 91 Pontos de SINCORs 46 Pontos de Reguladoras 5 Pontos de DETRANs 8 Pontos de PROCONs 1 Ponto FENACOR Brasil Seguro DPVAT 809 Pontos de Atendimento em 05/2010 Única modalidade de seguro que dá cobertura para toda a população em qualquer ponto do país.
  • 5.
  • 6.
  • 7.
  • 8.
  • 9.
  • 10.
  • 11. Para aprimorar ainda mais o Seguro DPVAT, o Conselho Nacional de Seguros Privados – CNSP, através da sua Resolução n° 154 de 08 de dezembro de 2006, determinou a constituição de dois Consórcios específicos a serem administrados por uma seguradora especializada, na qualidade de líder. Para atender a essa exigência, foi criada a Seguradora Líder dos Consórcios do Seguro DPVAT, ou simplesmente Seguradora Líder – DPVAT, através da Portaria n° 2.797/07, publicada em 07 de dezembro de 2007. A Seguradora Líder - DPVAT é uma companhia de capital nacional, constituída por seguradoras que participam dos dois consórcios, e que começou a operar em 01 de janeiro de 2008. As seguradoras consorciadas permanecem responsáveis pela garantia das indenizações, prestando, também, atendimento a eventuais dúvidas e reclamações da sociedade. Contudo, a Seguradora Líder – DPVAT passou a representá-las nas esferas administrativa e judicial das operações de seguro, o que resulta em mais unidade e responsabilidade na centralização de ações. Além disso, facilita o acesso da Superintendência de Seguros Privados – SUSEP, na fiscalização das operações dos Consórcios, através dos registros da Seguradora Líder – DPVAT.
  • 12. Os consórcios são formados por seguradoras legalmente habilitadas, que assinam livremente um contrato de adesão aprovado pela SUSEP, para participar, simultaneamente, dos dois consórcios. Consórcio 1 Veículos das Categorias 1, 2, 9 e 10 Consórcio 2 Veículos das Categorias 3 e 4
  • 13. CONSÓRCIO 1 Categoria 1 - automóveis particulares; Categoria 2 - táxis e carros de aluguel; Categoria 9 - motocicletas, motonetas, ciclomotores e similares ; Categoria 10 - máquinas de terraplanagem e equipamentos móveis em geral, quando licenciados, camionetas tipo "pick-up" de até 1.500 kg de carga, caminhões e outros veículos. CONSÓRCIO 2 Categoria 3 - ônibus, micro-ônibus e lotação com cobrança de frete (urbanos, interurbanos, rurais e interestaduais); Categoria 4 – micro-ônibus com cobrança de frete, mas com lotação não superior a 10 passageiros e ônibus, micro-ônibus e lotações sem cobrança de frete (urbanos, interurbanos, rurais e interestaduais);
  • 14.
  • 15.
  • 17. Coberturas Morte Invalidez Permanente Despesas Médicas e Hospitalares
  • 18. VALORES DAS INDENIZAÇÕES Valores fixados pela Lei Nº 11.482, de 31/05/2007 MORTE R$ 13.500,00 INVALIDEZ PERMANENTE ATÉ R$ 13.500,00 DESPESAS MÉDICAS E HOSPITALARES ATÉ R$ 2.700,00
  • 19.
  • 20.  
  • 21. A CONTRATAÇÃO DO SEGURO DPVAT
  • 22. O bilhete de seguro é distribuído junto com o Certificado de Registro e Licenciamento de Veículo – CRLV ou Certificado de Registro do Veículo - CRV. O verso destes documentos informa o que é e como usar o DPVAT.
  • 23. O PAGAMENTO DAS INDENIZAÇÕES
  • 24. Seguradoras SINCORs Corretor Parceiro Reguladoras DETRANS Outros ONDE RECLAMAR
  • 25. Boletim de Ocorrência Policial Atestado de Óbito (Morte) Laudo do IML (Invalidez) Comprovação das Despesas Médicas (DAMS) Identificação da vítima Identificação/qualificação do beneficiário Comprovação do acidente DOCUMENTAÇÃO Como receber o Seguro DPVAT? 1.Procurar uma Seguradora ou o Sincor-ES 2.Apresentar a Documentação 3.Receber Carta-Aviso de Pagamento 4.Crédito na Conta Corrente ou Poupança
  • 26.
  • 27. O SEGURO DPVAT E O CORRETOR
  • 28.
  • 29. Melhoria da Imagem no Mercado Considerando o relevante caráter social do DPVAT, o corretor que conhece, oferece o seguro e auxilia os beneficiários pode se tornar bastante conhecido e mais respeitado na sua região.
  • 30.
  • 32. O programa busca ampliar a rede de atendimento, lançando mão da melhor e mais qualificada rede organizada para tratar o tema, o que tende a reduzir participação de terceiros intermediários que em sua maioria oneram os beneficiários cobrando participação na indenização, em elevados percentuais. O modelo proposto compõe-se de um contrato formal entre a Centauro Vida e Previdência e as Corretoras de Seguros e com a anuência do SINCOR - ES, através do qual são ajustados procedimentos simples de orientação, recepção e registro dos pedidos de indenização pela corretora, serviço que a ela será remunerado pela Seguradora, mensalmente, para todos os processos liquidados no mês encerrado. Os valores para cada processo recepcionado, registrado e liquidado, serão de R$ 50,00 (cinquenta reais) para processos de Morte ou Invalidez e R$ 10,00 (dez reais) para processos de DAMS, vedada, contudo, a cobrança de valor a qualquer título do beneficiário.
  • 33. Canais de Atendimento ao Cidadão O SINCOR-ES mantém em sua sede, Setor de Atendimento as vítimas de acidentes de trânsito e seus beneficiários. O Serviço consiste na instrução, atendimento telefônico e pessoal, analise, envio e acompanhamento do andamento do processo até a definição do pagamento da indenização. O atendimento é gratuito e não há cobrança de valores. Por isso não atendemos advogados, procuradores ou terceiros. A indenização é feita diretamente a vitima ou a seu beneficiário, com depósito diretamente em conta bancária, no prazo médio de 60 dias a partir do recebimento da documentação na Seguradora Líder.
  • 34. Central DPVAT (ligações gratuitas – Brasil) Fale Conosco (sites) Atendimento pessoal (pontos de atendimento) Qualidade (atendimento personalizado) Ouvidoria (fax ou carta) Canais de Atendimento ao Cidadão
  • 35. SITES OFICIAIS DO SEGURO DPVAT 1. www.seguradoralider.com.br - Institucional, informes, comunicados, estatísticas etc; 2. www.dpvatseguro.com.br - Parceiro DPVAT, como se cadastrar para operar nas categorias 3 e 4, documentação básica para receber indenizações, formulários úteis etc;
  • 36. MANUAL DE INFORMAÇÕES SOBRE DPVAT
  • 37. Capa de Boletim de Ocorrência Policial
  • 38. Revista e Site do Sincor-ES
  • 39.