SlideShare uma empresa Scribd logo
1 de 31
ALGARVE
Uma região litoral
ENQUADRAMENTO
GEOGRÁFICO
O Algarve, onde se situa?
A região mais meridional de Portugal
Continental, contígua ao Alentejo
O Algarve e as suas dimensões
• Area de 5 412 km²
• População de 451 005 habitantes
(2011)
O Algarve, três faixas
CARACTERÍSTICAS
FÍSICAS E HUMANAS
O Clima
• Clima temperado
mediterrânico
• Invernos curtos
• Verões longos e secos
O Relevo
Constituída principalmente por planícies, a regiã0 do
Algarve tem duas algumas serras:
•Serra de Monchique
•Serra do Caldeirão
Os Solos
• Serra principalmente predominada por
Xisto, Mármore e Quartzo
• Barrocal principalmente predominado por
Calcário, Marga e Arenito
• No Litoral predomina principalemente a
Argila, Arenito e Conglomerado
Recursos Hídricos
• Pobre em recursos hídricos
• Rio Guadiana desagua junto aVila Real de Santo
António
• Alguns rios, ribeiros e ribeiras: Algibre, Alportel,
Alte, Alvor, Arade,Asseca / Séqua, Bensafrim,
Foupana-Odeleite, Gilão,Odeceixe, Odelouca,
Oeiras,Vascão…
População
Densidade populacional média de cerca de 90.3 hab/Km2
• A população no Algarve continua a crescer
Região do país que mais cresceu nas últimas duas décadas (15,7%, entre 1991 e 2001, e
14,1%, entre 2001 e 2011)
• As 5 cidades mais habitadas são Loulé, Faro, Portimão, Olhão e Albufeira
CARACTERÍSTICAS DAS
PAISAGENS AGRÁRIAS
Sistema de Cultura
• Os produtos agrícolas tradicionais são de frutos secos
(figos, amêndoas e alfarrobas), aguardente de medronho
e cortiça (Regiões do nordeste algarvio)
• LaranjaAlgarvia conhecida internacionalmente principalmente produzida
no concelho de Silves
Sistema de cultura
• Sistema Intensivo (culturas hortícolas)
• Sistema extensivo (cereais de sequeiro)
• Culturas arbustivas (figueira, amêndoa e
alfarrobeira)
• Produção de fruta (Laranjas)
Morfologia Agrária
Campos ...
• Minifúndios
• Fechados
• Irregulares
Povoamento rural
Povoamento rural
• Predomina no Algarve população agrícola com 45 anos ou mais
• A nível de estudos, a maior parte da população agrícola só tem 1.⁰ Ciclo
• Em 10 anos o numero de mulheres agricultoras aumentou de +/- 10%
SAU:
COMPOSIÇÃO E
ESTRUTURA
Composição
• Grande importância da
superficie florestal (52%)
• As culturas permanentes
ocupam a maior superficie
da região
Superfície das Principais Culturas
6%
94%
Superfície
Temporarias Permanentes
84%
1%
15%
0%
Culturas temporárias
Cereais para grão Leguminosas secas Batata Culturas para indústria
9%
0%
40%
22%
4%
25%
Culturas Permanentes
Frutos Secos Frutos Subtropicais Citrinos Frutos de Casca Rija Vinha Olival
Efetivos Pecuários
4%
11%
22%
7%
1%
36%
2%
17%
Efetivos pecuários
Bovinos Suínos Ovinos Caprinos Equídeos Aves Coelhos Colmeias e cortiços povoados
Diferentes Espécies Florestais
16%
43%
10%
31%
Distibuição das principais espécies
Pinheiro Sobreiro Azinheira Eucalipto
Evolução da SAU no Algarve
O Algarve não apresenta nenhuma grande
evolução na sua estrutura da SAU
TRABALHO REALISADO POR
Joana Matias e Miguel Costa, 11B

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Geografia A 10 ano - Recursos Marítimos
Geografia A 10 ano - Recursos MarítimosGeografia A 10 ano - Recursos Marítimos
Geografia A 10 ano - Recursos Marítimos
Raffaella Ergün
 
Sermão de santo antónio aos peixes
Sermão de santo antónio aos peixesSermão de santo antónio aos peixes
Sermão de santo antónio aos peixes
vermar2010
 
Agricultura Transmontana
Agricultura TransmontanaAgricultura Transmontana
Agricultura Transmontana
Oxana Marian
 

Mais procurados (20)

As fragilidades dos sistemas agrários
As fragilidades dos sistemas agráriosAs fragilidades dos sistemas agrários
As fragilidades dos sistemas agrários
 
Produção agrícola nacional- Alentejo
Produção agrícola nacional- AlentejoProdução agrícola nacional- Alentejo
Produção agrícola nacional- Alentejo
 
A Agricultura
A AgriculturaA Agricultura
A Agricultura
 
Geografia A 10 ano - Recursos Marítimos
Geografia A 10 ano - Recursos MarítimosGeografia A 10 ano - Recursos Marítimos
Geografia A 10 ano - Recursos Marítimos
 
Características da população agrícola
Características da população agrícolaCaracterísticas da população agrícola
Características da população agrícola
 
Sermão de santo antónio aos peixes
Sermão de santo antónio aos peixesSermão de santo antónio aos peixes
Sermão de santo antónio aos peixes
 
Região agrária do Ribatejo e Oeste.
Região agrária do Ribatejo e Oeste.Região agrária do Ribatejo e Oeste.
Região agrária do Ribatejo e Oeste.
 
Atividade piscatória
Atividade piscatóriaAtividade piscatória
Atividade piscatória
 
Problemas urbanos, soluções (2)
Problemas urbanos, soluções (2)Problemas urbanos, soluções (2)
Problemas urbanos, soluções (2)
 
Problemas no espaço urbano - Geografia 11º Ano
Problemas no espaço urbano - Geografia 11º AnoProblemas no espaço urbano - Geografia 11º Ano
Problemas no espaço urbano - Geografia 11º Ano
 
Geografia A - 10º/11º Ano
Geografia A - 10º/11º AnoGeografia A - 10º/11º Ano
Geografia A - 10º/11º Ano
 
As áreas rurais - geografia 11ºano
As áreas rurais - geografia 11ºanoAs áreas rurais - geografia 11ºano
As áreas rurais - geografia 11ºano
 
Recursos energéticos
Recursos energéticosRecursos energéticos
Recursos energéticos
 
Pac
PacPac
Pac
 
As características da rede urbana
As características da rede urbanaAs características da rede urbana
As características da rede urbana
 
As áreas metropolitanas de Lisboa e Porto - Geografia 11º ano
As áreas metropolitanas de Lisboa e Porto - Geografia 11º anoAs áreas metropolitanas de Lisboa e Porto - Geografia 11º ano
As áreas metropolitanas de Lisboa e Porto - Geografia 11º ano
 
A ExpansãO Urbana
A ExpansãO UrbanaA ExpansãO Urbana
A ExpansãO Urbana
 
Agricultura Transmontana
Agricultura TransmontanaAgricultura Transmontana
Agricultura Transmontana
 
A distribuição espacial das redes de transporte
A distribuição espacial das redes de transporteA distribuição espacial das redes de transporte
A distribuição espacial das redes de transporte
 
Recursos expressivos
Recursos expressivosRecursos expressivos
Recursos expressivos
 

Semelhante a Algarve - Região Agrária

3 a região alentejo
3 a região alentejo3 a região alentejo
3 a região alentejo
Pelo Siro
 
Europa natural
Europa naturalEuropa natural
Europa natural
Messiasgeo
 
Europa natural-130216095208-phpapp02
Europa natural-130216095208-phpapp02Europa natural-130216095208-phpapp02
Europa natural-130216095208-phpapp02
Messiasgeo
 
áFrica – aspectos naturais
áFrica – aspectos naturaisáFrica – aspectos naturais
áFrica – aspectos naturais
Cláudia Muneyme
 
Caderno de resumos HGP5 - Palavras ao quadrado - 5 ano
Caderno de resumos HGP5 - Palavras ao quadrado - 5 anoCaderno de resumos HGP5 - Palavras ao quadrado - 5 ano
Caderno de resumos HGP5 - Palavras ao quadrado - 5 ano
Marta Varino
 

Semelhante a Algarve - Região Agrária (13)

2_Est Ag_Alent_Alg.pdf
2_Est Ag_Alent_Alg.pdf2_Est Ag_Alent_Alg.pdf
2_Est Ag_Alent_Alg.pdf
 
O Algarve
O Algarve O Algarve
O Algarve
 
3 a região alentejo
3 a região alentejo3 a região alentejo
3 a região alentejo
 
Europa natural
Europa naturalEuropa natural
Europa natural
 
Europa natural-130216095208-phpapp02
Europa natural-130216095208-phpapp02Europa natural-130216095208-phpapp02
Europa natural-130216095208-phpapp02
 
áFrica – aspectos naturais
áFrica – aspectos naturaisáFrica – aspectos naturais
áFrica – aspectos naturais
 
Paisagens agrarias 2
Paisagens agrarias 2Paisagens agrarias 2
Paisagens agrarias 2
 
C - Que características apresentam as áreas rurais em Portugal.pdf
C - Que características apresentam as áreas rurais em Portugal.pdfC - Que características apresentam as áreas rurais em Portugal.pdf
C - Que características apresentam as áreas rurais em Portugal.pdf
 
Africa - Natureza
Africa - NaturezaAfrica - Natureza
Africa - Natureza
 
Africa - Natureza
Africa - NaturezaAfrica - Natureza
Africa - Natureza
 
Parque Natural da Arrábida
Parque Natural da ArrábidaParque Natural da Arrábida
Parque Natural da Arrábida
 
epai_ident_regional (2).pptx
epai_ident_regional (2).pptxepai_ident_regional (2).pptx
epai_ident_regional (2).pptx
 
Caderno de resumos HGP5 - Palavras ao quadrado - 5 ano
Caderno de resumos HGP5 - Palavras ao quadrado - 5 anoCaderno de resumos HGP5 - Palavras ao quadrado - 5 ano
Caderno de resumos HGP5 - Palavras ao quadrado - 5 ano
 

Último

Manual dos Principio básicos do Relacionamento e sexologia humana .pdf
Manual dos Principio básicos do Relacionamento e sexologia humana .pdfManual dos Principio básicos do Relacionamento e sexologia humana .pdf
Manual dos Principio básicos do Relacionamento e sexologia humana .pdf
Pastor Robson Colaço
 
Slide Licao 4 - 2T - 2024 - CPAD ADULTOS - Retangular.pptx
Slide Licao 4 - 2T - 2024 - CPAD ADULTOS - Retangular.pptxSlide Licao 4 - 2T - 2024 - CPAD ADULTOS - Retangular.pptx
Slide Licao 4 - 2T - 2024 - CPAD ADULTOS - Retangular.pptx
sfwsoficial
 
PPP6_ciencias final 6 ano ano de 23/24 final
PPP6_ciencias final 6 ano ano de 23/24 finalPPP6_ciencias final 6 ano ano de 23/24 final
PPP6_ciencias final 6 ano ano de 23/24 final
carlaOliveira438
 

Último (20)

Campanha 18 de. Maio laranja dds.pptx
Campanha 18 de.    Maio laranja dds.pptxCampanha 18 de.    Maio laranja dds.pptx
Campanha 18 de. Maio laranja dds.pptx
 
Nós Propomos! Sertã 2024 - Geografia C - 12º ano
Nós Propomos! Sertã 2024 - Geografia C - 12º anoNós Propomos! Sertã 2024 - Geografia C - 12º ano
Nós Propomos! Sertã 2024 - Geografia C - 12º ano
 
Geometria para 6 ano retas angulos .docx
Geometria para 6 ano retas angulos .docxGeometria para 6 ano retas angulos .docx
Geometria para 6 ano retas angulos .docx
 
Slides Lição 8, Betel, Ordenança para confessar os pecados e perdoar as ofens...
Slides Lição 8, Betel, Ordenança para confessar os pecados e perdoar as ofens...Slides Lição 8, Betel, Ordenança para confessar os pecados e perdoar as ofens...
Slides Lição 8, Betel, Ordenança para confessar os pecados e perdoar as ofens...
 
Nós Propomos! Canil/Gatil na Sertã - Amigos dos Animais
Nós Propomos! Canil/Gatil na Sertã - Amigos dos AnimaisNós Propomos! Canil/Gatil na Sertã - Amigos dos Animais
Nós Propomos! Canil/Gatil na Sertã - Amigos dos Animais
 
Manual dos Principio básicos do Relacionamento e sexologia humana .pdf
Manual dos Principio básicos do Relacionamento e sexologia humana .pdfManual dos Principio básicos do Relacionamento e sexologia humana .pdf
Manual dos Principio básicos do Relacionamento e sexologia humana .pdf
 
bem estar animal em proteção integrada componente animal
bem estar animal em proteção integrada componente animalbem estar animal em proteção integrada componente animal
bem estar animal em proteção integrada componente animal
 
Aparatologia na estética - Cavitação, radiofrequência e lipolaser.pdf
Aparatologia na estética - Cavitação, radiofrequência e lipolaser.pdfAparatologia na estética - Cavitação, radiofrequência e lipolaser.pdf
Aparatologia na estética - Cavitação, radiofrequência e lipolaser.pdf
 
Slide Licao 4 - 2T - 2024 - CPAD ADULTOS - Retangular.pptx
Slide Licao 4 - 2T - 2024 - CPAD ADULTOS - Retangular.pptxSlide Licao 4 - 2T - 2024 - CPAD ADULTOS - Retangular.pptx
Slide Licao 4 - 2T - 2024 - CPAD ADULTOS - Retangular.pptx
 
HISTORIA DA XILOGRAVURA A SUA IMPORTANCIA
HISTORIA DA XILOGRAVURA A SUA IMPORTANCIAHISTORIA DA XILOGRAVURA A SUA IMPORTANCIA
HISTORIA DA XILOGRAVURA A SUA IMPORTANCIA
 
Atividade do poema sobre mãe de mário quintana.pdf
Atividade do poema sobre mãe de mário quintana.pdfAtividade do poema sobre mãe de mário quintana.pdf
Atividade do poema sobre mãe de mário quintana.pdf
 
Enunciado_da_Avaliacao_1__Sistemas_de_Informacoes_Gerenciais_(IL60106).pdf
Enunciado_da_Avaliacao_1__Sistemas_de_Informacoes_Gerenciais_(IL60106).pdfEnunciado_da_Avaliacao_1__Sistemas_de_Informacoes_Gerenciais_(IL60106).pdf
Enunciado_da_Avaliacao_1__Sistemas_de_Informacoes_Gerenciais_(IL60106).pdf
 
Planejamento 2024 - 1º ano - Matemática 38 a 62.pdf
Planejamento 2024 - 1º ano - Matemática  38 a 62.pdfPlanejamento 2024 - 1º ano - Matemática  38 a 62.pdf
Planejamento 2024 - 1º ano - Matemática 38 a 62.pdf
 
APH- Avaliação de cena , analise geral do ambiente e paciente.
APH- Avaliação de cena , analise geral do ambiente e paciente.APH- Avaliação de cena , analise geral do ambiente e paciente.
APH- Avaliação de cena , analise geral do ambiente e paciente.
 
Meu corpo - Ruth Rocha e Anna Flora livro
Meu corpo - Ruth Rocha e Anna Flora livroMeu corpo - Ruth Rocha e Anna Flora livro
Meu corpo - Ruth Rocha e Anna Flora livro
 
PPP6_ciencias final 6 ano ano de 23/24 final
PPP6_ciencias final 6 ano ano de 23/24 finalPPP6_ciencias final 6 ano ano de 23/24 final
PPP6_ciencias final 6 ano ano de 23/24 final
 
O que é uma Revolução Solar. tecnica preditiva
O que é uma Revolução Solar. tecnica preditivaO que é uma Revolução Solar. tecnica preditiva
O que é uma Revolução Solar. tecnica preditiva
 
Sismologia_7ºano_causas e consequencias.pptx
Sismologia_7ºano_causas e consequencias.pptxSismologia_7ºano_causas e consequencias.pptx
Sismologia_7ºano_causas e consequencias.pptx
 
Descrever e planear atividades imersivas estruturadamente
Descrever e planear atividades imersivas estruturadamenteDescrever e planear atividades imersivas estruturadamente
Descrever e planear atividades imersivas estruturadamente
 
Slides Lição 8, Central Gospel, Os 144 Mil Que Não Se Curvarão Ao Anticristo....
Slides Lição 8, Central Gospel, Os 144 Mil Que Não Se Curvarão Ao Anticristo....Slides Lição 8, Central Gospel, Os 144 Mil Que Não Se Curvarão Ao Anticristo....
Slides Lição 8, Central Gospel, Os 144 Mil Que Não Se Curvarão Ao Anticristo....
 

Algarve - Região Agrária