SlideShare uma empresa Scribd logo
• Conjunto formado por uma grande cidade
(que exerce um efeito polarizador) e todo o
espaço envolvente e interdependente, mais
ou menos urbanizado.
Noção de
Área Metropolitana
Lisboa Porto
AMP
Área Metropolitana
do Porto
AML
Área Metropolitana
de Lisboa
A Área Metropolitana de Lisboa (AML) integra atualmente 18
municípios, que constituem 3,3% do território nacional e, que se
repartem entre...
Margem Norte do Tejo
Lisboa, Oeiras, Cascais, Amadora,
Odivelas, Loures, Sintra, Mafra e
Vila Franca de Xira
Margem Sul do Tejo
Almada, Sesimbra, Seixal, Barreiro,
Moita, Montijo, Alcochete, Setúbal
e Palmela
I – Área Meteropolitana de Lisboa
A Área Metropolitana de Lisboa é palco da maior
concentração demográfica e económica do país. Concentra:
Cerca de ¼ da população nacional,
(próxima dos 3 milhões de habitantes);
25% da população ativa;
30% das empresas nacionais;
33% do emprego e contribui com mais de 36% do PIB nacional.
I – Área Meteropolitana de Lisboa
Lisboa
A Área Metropolitana de Lisboa reúne um
conjunto de fatores capazes de lhe permitir
um desenvolvimento urbano sustentável:
Engloba a capital do país;
Reúne uma maior concentração geográfica de
recursos estratégicos para o desenvolvimento;
É um polo de atração de pessoas e atividades
qualificadas de outros países;
I – Área Meteropolitana de Lisboa
Sintra
A Área Metropolitana de Lisboa reúne um
conjunto de fatores capazes de lhe permitir
um desenvolvimento urbano sustentável:
Possui importantes redes supranacionais
de cooperação e intercâmbio;
Tem um importante património cultural;
Detém uma base económica baseada na
diversificação (da agricultura aos serviços).
I – Área Meteropolitana de Lisboa
A Área Metropolitana do Porto
integra 17 municípios, repartidos pelas...
NUT III, Grande Porto - Vila Nova de Gaia, Porto, Gondomar,
Vila do Conde, Trofa, Póvoa de Varzim, Matosinhos, Valongo,
Espinho, Santo Tirso, Maia;
NUT III, Entre Douro e Vouga - São João da Madeira, Arouca,
Oliveira de Azeméis, Vale de Cambra e Santa Maria da Feira;
NUT III, Tâmega: Paredes.
II – Área Meteropolitana de Porto
Esta região, que se estende ao longo de cerca de 1575 km2 , concentra cerca de
metade da riqueza gerada na região Norte e cerca de 1 570 800 habitantes.
Variação da população residente, por municípios das
Áreas Metropolitanas de Lisboa e do Porto (2001-2011)
• Os municípios de Lisboa
e do Porto continuaram
a ver a sua população a
diminuir.
• O município do Porto
perdeu mais habitantes
do que o de Lisboa
(– 9,7% e – 3,4%,
respetivamente).
Variação da população residente, por municípios das
Áreas Metropolitanas de Lisboa e do Porto (2001-2011)
• Perderam mais população,
para além do Porto,
foram: Vale de Cambra
(– 7,8%), Arouca (– 7,7%)
e Espinho (– 5,7%).
• Ganharam mais habitantes
foram: Maia (12,4%),
Valongo (9,0%) e Vila do
Conde (6,7%).
Variação da população residente, por municípios das
Áreas Metropolitanas de Lisboa e do Porto (2001-2011)
Na AM do Porto, os
municípios que:
• Perderam população, além
de Lisboa, foram: Moita e
Amadora (abaixo de 2%);
• Todos os restantes
municípios sofreram
ganhos de população:
Mafra (41,2%), Alcochete
(35,0%), Montijo (31,0%) e
Sesimbra (30,9%) foram os
concelhos onde a
população mais subiu.
Variação da população residente, por municípios das
Áreas Metropolitanas de Lisboa e do Porto (2001-2011)
Na AM de Lisboa, os
municípios que:
Lisboa Porto
a) Pela melhoria das acessibilidades às periferias (melhores redes e melhores
meios de transportes);
b) Pela má qualidade ambiental no interior das grandes cidades como Lisboa e Porto;
c) Por preços da habitação muito altos em Lisboa e Porto e muito mais acessíveis nos
concelhos da periferia.
Variação da população residente, por municípios das
Áreas Metropolitanas de Lisboa e do Porto (2001-2011)
As alterações demográficas nas duas áreas metropolitanas
explicam-se sobretudo:
A terciarização predomina nesta região, ou seja, verifica-se o claro
predomínio do setor terciário.
Contudo, ao considerar-se as duas grandes regiões que constituem esta
área metropolitana, verifica-se que:
I - NA AM DE LISBOA...
Predomina o setor terciário, associado
sobretudo ao imobiliário, aos serviços às
empresas, transportes e logística, serviços
financeiros, comércio, alojamento e restauração.
1 – Na Grande Lisboa...
Predomina a indústria transformadora que tem
um papel relevante no crescimento económico.
2 – Na Península de Setúbal...
ATIVIDADES ECONÓMICAS NAS ÁREAS METROPOLITANAS
I - NA AM DE LISBOA...
A Península de Setúbal, em
termos do setor secundário,
caracteriza-se por uma
elevada diversidade
produtiva:
Predominam as indústrias de bens de
equipamento e de bens intermédios,
de caráter intensivo e utilizadoras de
mão de obra qualificada;
Destacam-se as indústrias químicas,
de produtos farmacêuticos, a
construção naval, a indústria
automóvel, a construção, etc.
ATIVIDADES ECONÓMICAS NAS ÁREAS METROPOLITANAS
I - NA AM DE LISBOA...
Verifica-se a concentração da indústria nos municípios periféricos, devido:
À maior disponibilidade de terrenos;
Aos preços serem mais acessíveis;
Às boas vias de comunicação, o que se traduz numa forte
acessibilidade e no fácil acesso às matérias-primas, assim como
no rápido escoamento dos produtos finais.
ATIVIDADES ECONÓMICAS NAS ÁREAS METROPOLITANAS
Uso e ocupação do solo na Área Metropolitana de Lisboa, em 2006
II - NA AM DO PORTO...
ATIVIDADES ECONÓMICAS NAS ÁREAS METROPOLITANAS
O setor terciário predomina na AMP, sobretudo no município do Porto, em
atividades ligadas ao comércio, à hotelaria e à restauração.
Predominam as indústrias de bens de consumo, tradicionais e mão de obra
pouco qualificação, como os têxteis, o vestuário e o calçado, entre outras.
Em termos de localização, a indústria é relevante na maioria dos municípios,
sobretudo da Maia, de Vila do Conde e de Matosinhos.
A AMP tem sofrido uma diversificação do seu modelo industrial, baseada na
investigação científica e tecnológica, concretizada na construção de vários
parques tecnológicos (Porto, Maia, Europarque).
A localização industrial na AMP mostra-nos um padrão dominante disperso
(difuso), pois as unidades fabris vão-se intercalando com áreas agrícolas.
As áreas metropolitanas de Lisboa e Porto - Geografia 11º ano

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

FunçõEs Urbanas
FunçõEs UrbanasFunçõEs Urbanas
FunçõEs Urbanas
Maria Adelaide
 
As características da rede urbana
As características da rede urbanaAs características da rede urbana
As características da rede urbana
Ilda Bicacro
 
áReas metropolitanas de lisboa e do porto
áReas metropolitanas de lisboa e do portoáReas metropolitanas de lisboa e do porto
áReas metropolitanas de lisboa e do porto
Miguel Silva
 
A Rede Urbana Nacional
A Rede Urbana NacionalA Rede Urbana Nacional
A Rede Urbana Nacional
Maria Adelaide
 
Cidades médias
Cidades  médiasCidades  médias
Cidades médias
Idalina Leite
 
Rede urbana nacional
Rede urbana nacionalRede urbana nacional
Rede urbana nacional
Cacilda Basto
 
A agricultura portuguesa e a política agrícola comum
A agricultura portuguesa e a política agrícola comumA agricultura portuguesa e a política agrícola comum
A agricultura portuguesa e a política agrícola comum
Ilda Bicacro
 
Geografia11ºano
Geografia11ºanoGeografia11ºano
Geografia11ºano
Gonçalo Paiva
 
A distribuição espacial das redes de transporte
A distribuição espacial das redes de transporteA distribuição espacial das redes de transporte
A distribuição espacial das redes de transporte
Ilda Bicacro
 
Problemas urbanos
Problemas urbanosProblemas urbanos
Problemas urbanos
Ilda Bicacro
 
Geografia A 11 ano - Transportes
Geografia A 11 ano - TransportesGeografia A 11 ano - Transportes
Geografia A 11 ano - Transportes
Raffaella Ergün
 
As características da rede urbana: o caso de Portugal - Geografia 11º Ano
As características da rede urbana: o caso de Portugal - Geografia 11º AnoAs características da rede urbana: o caso de Portugal - Geografia 11º Ano
As características da rede urbana: o caso de Portugal - Geografia 11º Ano
713773
 
áReas funcionais
áReas funcionaisáReas funcionais
áReas funcionais
Pocarolas
 
A reorganização da rede urbana
A reorganização da rede urbanaA reorganização da rede urbana
A reorganização da rede urbana
Ilda Bicacro
 
As novas oportunidades para as áreas rurais
As novas oportunidades para as áreas ruraisAs novas oportunidades para as áreas rurais
As novas oportunidades para as áreas rurais
Ilda Bicacro
 
Evolução da população portuguesa
Evolução da população portuguesaEvolução da população portuguesa
Evolução da população portuguesa
Ilda Bicacro
 
Espaço urbano cidades
Espaço urbano cidadesEspaço urbano cidades
Espaço urbano cidades
Idalina Leite
 
As redes de transporte no território português - Geografia 11º Ano
As redes de transporte no território português - Geografia 11º AnoAs redes de transporte no território português - Geografia 11º Ano
As redes de transporte no território português - Geografia 11º Ano
713773
 
Geografia A 10 ano - População
Geografia A 10 ano - PopulaçãoGeografia A 10 ano - População
Geografia A 10 ano - População
Raffaella Ergün
 
Soluções para os problemas urbanos - Geografia 11º Ano
Soluções para os problemas urbanos - Geografia 11º AnoSoluções para os problemas urbanos - Geografia 11º Ano
Soluções para os problemas urbanos - Geografia 11º Ano
713773
 

Mais procurados (20)

FunçõEs Urbanas
FunçõEs UrbanasFunçõEs Urbanas
FunçõEs Urbanas
 
As características da rede urbana
As características da rede urbanaAs características da rede urbana
As características da rede urbana
 
áReas metropolitanas de lisboa e do porto
áReas metropolitanas de lisboa e do portoáReas metropolitanas de lisboa e do porto
áReas metropolitanas de lisboa e do porto
 
A Rede Urbana Nacional
A Rede Urbana NacionalA Rede Urbana Nacional
A Rede Urbana Nacional
 
Cidades médias
Cidades  médiasCidades  médias
Cidades médias
 
Rede urbana nacional
Rede urbana nacionalRede urbana nacional
Rede urbana nacional
 
A agricultura portuguesa e a política agrícola comum
A agricultura portuguesa e a política agrícola comumA agricultura portuguesa e a política agrícola comum
A agricultura portuguesa e a política agrícola comum
 
Geografia11ºano
Geografia11ºanoGeografia11ºano
Geografia11ºano
 
A distribuição espacial das redes de transporte
A distribuição espacial das redes de transporteA distribuição espacial das redes de transporte
A distribuição espacial das redes de transporte
 
Problemas urbanos
Problemas urbanosProblemas urbanos
Problemas urbanos
 
Geografia A 11 ano - Transportes
Geografia A 11 ano - TransportesGeografia A 11 ano - Transportes
Geografia A 11 ano - Transportes
 
As características da rede urbana: o caso de Portugal - Geografia 11º Ano
As características da rede urbana: o caso de Portugal - Geografia 11º AnoAs características da rede urbana: o caso de Portugal - Geografia 11º Ano
As características da rede urbana: o caso de Portugal - Geografia 11º Ano
 
áReas funcionais
áReas funcionaisáReas funcionais
áReas funcionais
 
A reorganização da rede urbana
A reorganização da rede urbanaA reorganização da rede urbana
A reorganização da rede urbana
 
As novas oportunidades para as áreas rurais
As novas oportunidades para as áreas ruraisAs novas oportunidades para as áreas rurais
As novas oportunidades para as áreas rurais
 
Evolução da população portuguesa
Evolução da população portuguesaEvolução da população portuguesa
Evolução da população portuguesa
 
Espaço urbano cidades
Espaço urbano cidadesEspaço urbano cidades
Espaço urbano cidades
 
As redes de transporte no território português - Geografia 11º Ano
As redes de transporte no território português - Geografia 11º AnoAs redes de transporte no território português - Geografia 11º Ano
As redes de transporte no território português - Geografia 11º Ano
 
Geografia A 10 ano - População
Geografia A 10 ano - PopulaçãoGeografia A 10 ano - População
Geografia A 10 ano - População
 
Soluções para os problemas urbanos - Geografia 11º Ano
Soluções para os problemas urbanos - Geografia 11º AnoSoluções para os problemas urbanos - Geografia 11º Ano
Soluções para os problemas urbanos - Geografia 11º Ano
 

Semelhante a As áreas metropolitanas de Lisboa e Porto - Geografia 11º ano

4 as áreas metropolitanas
4 as áreas metropolitanas4 as áreas metropolitanas
4 as áreas metropolitanas
Elsa Condeço
 
Dinamismo das am
Dinamismo das amDinamismo das am
Dinamismo das am
Rui Jesus
 
A expansão urbana
A expansão urbanaA expansão urbana
A expansão urbana
Ilda Bicacro
 
gA expansão urbana
gA expansão urbanagA expansão urbana
gA expansão urbana
bruno oliveira
 
Cidades Sustentáveis 2020
Cidades Sustentáveis 2020Cidades Sustentáveis 2020
Cidades Sustentáveis 2020
Idalina Leite
 
11 app-características rede urbana (1)
11 app-características rede urbana (1)11 app-características rede urbana (1)
11 app-características rede urbana (1)
bruno oliveira
 
Trabalho Oeiras
Trabalho OeirasTrabalho Oeiras
Trabalho Oeiras
asgeoprofessoras
 
Urbanismo E Mobilidade
Urbanismo E MobilidadeUrbanismo E Mobilidade
Urbanismo E Mobilidade
guestd3c7da502
 
9ºano: Cidades, critérios de definição e formas de expansão
9ºano: Cidades, critérios de definição e formas de expansão9ºano: Cidades, critérios de definição e formas de expansão
9ºano: Cidades, critérios de definição e formas de expansão
Idalina Leite
 
Rede e sistema urbanos em portugal.2
Rede e sistema urbanos em portugal.2Rede e sistema urbanos em portugal.2
Rede e sistema urbanos em portugal.2
Idalina Leite
 
Ines geografia
Ines   geografiaInes   geografia
Ines geografia
Mayjö .
 
Ines geografia
Ines   geografiaInes   geografia
Ines geografia
Mayjö .
 
áReas de fixação humanaesrp
áReas de fixação humanaesrpáReas de fixação humanaesrp
áReas de fixação humanaesrp
Geografias Geo
 
Áreas de fixação humana
Áreas de fixação humanaÁreas de fixação humana
Áreas de fixação humana
Carlamspc
 
www.centroapoio.com - Geografia - Urbanização - Vídeo Aula
www.centroapoio.com - Geografia - Urbanização - Vídeo Aulawww.centroapoio.com - Geografia - Urbanização - Vídeo Aula
www.centroapoio.com - Geografia - Urbanização - Vídeo Aula
Vídeo Aulas Apoio
 
www.videoaulagratisapoio.com.br - Urbanização
 www.videoaulagratisapoio.com.br - Urbanização www.videoaulagratisapoio.com.br - Urbanização
www.videoaulagratisapoio.com.br - Urbanização
Video Aulas Apoio
 
www.AulasEnsinoMedio.com.br - Geografia - Urbanização
www.AulasEnsinoMedio.com.br - Geografia -  Urbanizaçãowww.AulasEnsinoMedio.com.br - Geografia -  Urbanização
www.AulasEnsinoMedio.com.br - Geografia - Urbanização
AulasEnsinoMedio
 
Urbanização
UrbanizaçãoUrbanização
Urbanização
profleofonseca
 
Urbanizacao
UrbanizacaoUrbanizacao
Urbanizacao
Almir
 
Urbanização, rede urbana e metrópoles
Urbanização, rede urbana e metrópolesUrbanização, rede urbana e metrópoles
Urbanização, rede urbana e metrópoles
Professor
 

Semelhante a As áreas metropolitanas de Lisboa e Porto - Geografia 11º ano (20)

4 as áreas metropolitanas
4 as áreas metropolitanas4 as áreas metropolitanas
4 as áreas metropolitanas
 
Dinamismo das am
Dinamismo das amDinamismo das am
Dinamismo das am
 
A expansão urbana
A expansão urbanaA expansão urbana
A expansão urbana
 
gA expansão urbana
gA expansão urbanagA expansão urbana
gA expansão urbana
 
Cidades Sustentáveis 2020
Cidades Sustentáveis 2020Cidades Sustentáveis 2020
Cidades Sustentáveis 2020
 
11 app-características rede urbana (1)
11 app-características rede urbana (1)11 app-características rede urbana (1)
11 app-características rede urbana (1)
 
Trabalho Oeiras
Trabalho OeirasTrabalho Oeiras
Trabalho Oeiras
 
Urbanismo E Mobilidade
Urbanismo E MobilidadeUrbanismo E Mobilidade
Urbanismo E Mobilidade
 
9ºano: Cidades, critérios de definição e formas de expansão
9ºano: Cidades, critérios de definição e formas de expansão9ºano: Cidades, critérios de definição e formas de expansão
9ºano: Cidades, critérios de definição e formas de expansão
 
Rede e sistema urbanos em portugal.2
Rede e sistema urbanos em portugal.2Rede e sistema urbanos em portugal.2
Rede e sistema urbanos em portugal.2
 
Ines geografia
Ines   geografiaInes   geografia
Ines geografia
 
Ines geografia
Ines   geografiaInes   geografia
Ines geografia
 
áReas de fixação humanaesrp
áReas de fixação humanaesrpáReas de fixação humanaesrp
áReas de fixação humanaesrp
 
Áreas de fixação humana
Áreas de fixação humanaÁreas de fixação humana
Áreas de fixação humana
 
www.centroapoio.com - Geografia - Urbanização - Vídeo Aula
www.centroapoio.com - Geografia - Urbanização - Vídeo Aulawww.centroapoio.com - Geografia - Urbanização - Vídeo Aula
www.centroapoio.com - Geografia - Urbanização - Vídeo Aula
 
www.videoaulagratisapoio.com.br - Urbanização
 www.videoaulagratisapoio.com.br - Urbanização www.videoaulagratisapoio.com.br - Urbanização
www.videoaulagratisapoio.com.br - Urbanização
 
www.AulasEnsinoMedio.com.br - Geografia - Urbanização
www.AulasEnsinoMedio.com.br - Geografia -  Urbanizaçãowww.AulasEnsinoMedio.com.br - Geografia -  Urbanização
www.AulasEnsinoMedio.com.br - Geografia - Urbanização
 
Urbanização
UrbanizaçãoUrbanização
Urbanização
 
Urbanizacao
UrbanizacaoUrbanizacao
Urbanizacao
 
Urbanização, rede urbana e metrópoles
Urbanização, rede urbana e metrópolesUrbanização, rede urbana e metrópoles
Urbanização, rede urbana e metrópoles
 

Mais de 713773

Os transportes em Portugal - Geografia 11º Ano
Os transportes em Portugal - Geografia 11º AnoOs transportes em Portugal - Geografia 11º Ano
Os transportes em Portugal - Geografia 11º Ano
713773
 
O Cavaquinho
O CavaquinhoO Cavaquinho
O Cavaquinho
713773
 
Como Elaborar um Relatório Científico
Como Elaborar um Relatório CientíficoComo Elaborar um Relatório Científico
Como Elaborar um Relatório Científico
713773
 
Evolução Fonética
Evolução FonéticaEvolução Fonética
Evolução Fonética
713773
 
O Texto Expositivo
O Texto ExpositivoO Texto Expositivo
O Texto Expositivo
713773
 
O Advérbio
O Advérbio O Advérbio
O Advérbio
713773
 
Sílabas Métricas
Sílabas MétricasSílabas Métricas
Sílabas Métricas
713773
 
Utilização Correta dos Pronomes
Utilização Correta dos PronomesUtilização Correta dos Pronomes
Utilização Correta dos Pronomes
713773
 
Processos Fonológicos
Processos FonológicosProcessos Fonológicos
Processos Fonológicos
713773
 
Orações Coordenadas e Subordinadas
Orações Coordenadas e SubordinadasOrações Coordenadas e Subordinadas
Orações Coordenadas e Subordinadas
713773
 
Sustentabilidade na Terra
Sustentabilidade na TerraSustentabilidade na Terra
Sustentabilidade na Terra
713773
 
Ciências Naturais 7º Ano - Resumo da Matéria / Mapa de Conceitos
Ciências Naturais 7º Ano - Resumo da Matéria / Mapa de ConceitosCiências Naturais 7º Ano - Resumo da Matéria / Mapa de Conceitos
Ciências Naturais 7º Ano - Resumo da Matéria / Mapa de Conceitos
713773
 
Cem Anos de Solidão - Personagens
Cem Anos de Solidão - PersonagensCem Anos de Solidão - Personagens
Cem Anos de Solidão - Personagens
713773
 
Obtenção de Matéria pelos Seres Heterotróficos
Obtenção de Matéria pelos Seres Heterotróficos Obtenção de Matéria pelos Seres Heterotróficos
Obtenção de Matéria pelos Seres Heterotróficos
713773
 
A Água
A ÁguaA Água
A Água
713773
 
Preparação e Diluição de uma Solução
Preparação e Diluição de uma SoluçãoPreparação e Diluição de uma Solução
Preparação e Diluição de uma Solução
713773
 
Separação dos Componentes de uma Mistura
Separação dos Componentes de uma MisturaSeparação dos Componentes de uma Mistura
Separação dos Componentes de uma Mistura
713773
 
Biomoléculas - Biologia 10º Ano
Biomoléculas - Biologia 10º AnoBiomoléculas - Biologia 10º Ano
Biomoléculas - Biologia 10º Ano
713773
 
Painel Fotovoltaico
Painel Fotovoltaico Painel Fotovoltaico
Painel Fotovoltaico
713773
 
Equilíbrio Térmico - Balanço Energético da Terra
Equilíbrio Térmico - Balanço Energético da TerraEquilíbrio Térmico - Balanço Energético da Terra
Equilíbrio Térmico - Balanço Energético da Terra
713773
 

Mais de 713773 (20)

Os transportes em Portugal - Geografia 11º Ano
Os transportes em Portugal - Geografia 11º AnoOs transportes em Portugal - Geografia 11º Ano
Os transportes em Portugal - Geografia 11º Ano
 
O Cavaquinho
O CavaquinhoO Cavaquinho
O Cavaquinho
 
Como Elaborar um Relatório Científico
Como Elaborar um Relatório CientíficoComo Elaborar um Relatório Científico
Como Elaborar um Relatório Científico
 
Evolução Fonética
Evolução FonéticaEvolução Fonética
Evolução Fonética
 
O Texto Expositivo
O Texto ExpositivoO Texto Expositivo
O Texto Expositivo
 
O Advérbio
O Advérbio O Advérbio
O Advérbio
 
Sílabas Métricas
Sílabas MétricasSílabas Métricas
Sílabas Métricas
 
Utilização Correta dos Pronomes
Utilização Correta dos PronomesUtilização Correta dos Pronomes
Utilização Correta dos Pronomes
 
Processos Fonológicos
Processos FonológicosProcessos Fonológicos
Processos Fonológicos
 
Orações Coordenadas e Subordinadas
Orações Coordenadas e SubordinadasOrações Coordenadas e Subordinadas
Orações Coordenadas e Subordinadas
 
Sustentabilidade na Terra
Sustentabilidade na TerraSustentabilidade na Terra
Sustentabilidade na Terra
 
Ciências Naturais 7º Ano - Resumo da Matéria / Mapa de Conceitos
Ciências Naturais 7º Ano - Resumo da Matéria / Mapa de ConceitosCiências Naturais 7º Ano - Resumo da Matéria / Mapa de Conceitos
Ciências Naturais 7º Ano - Resumo da Matéria / Mapa de Conceitos
 
Cem Anos de Solidão - Personagens
Cem Anos de Solidão - PersonagensCem Anos de Solidão - Personagens
Cem Anos de Solidão - Personagens
 
Obtenção de Matéria pelos Seres Heterotróficos
Obtenção de Matéria pelos Seres Heterotróficos Obtenção de Matéria pelos Seres Heterotróficos
Obtenção de Matéria pelos Seres Heterotróficos
 
A Água
A ÁguaA Água
A Água
 
Preparação e Diluição de uma Solução
Preparação e Diluição de uma SoluçãoPreparação e Diluição de uma Solução
Preparação e Diluição de uma Solução
 
Separação dos Componentes de uma Mistura
Separação dos Componentes de uma MisturaSeparação dos Componentes de uma Mistura
Separação dos Componentes de uma Mistura
 
Biomoléculas - Biologia 10º Ano
Biomoléculas - Biologia 10º AnoBiomoléculas - Biologia 10º Ano
Biomoléculas - Biologia 10º Ano
 
Painel Fotovoltaico
Painel Fotovoltaico Painel Fotovoltaico
Painel Fotovoltaico
 
Equilíbrio Térmico - Balanço Energético da Terra
Equilíbrio Térmico - Balanço Energético da TerraEquilíbrio Térmico - Balanço Energético da Terra
Equilíbrio Térmico - Balanço Energético da Terra
 

As áreas metropolitanas de Lisboa e Porto - Geografia 11º ano

  • 1.
  • 2. • Conjunto formado por uma grande cidade (que exerce um efeito polarizador) e todo o espaço envolvente e interdependente, mais ou menos urbanizado. Noção de Área Metropolitana Lisboa Porto
  • 4. A Área Metropolitana de Lisboa (AML) integra atualmente 18 municípios, que constituem 3,3% do território nacional e, que se repartem entre... Margem Norte do Tejo Lisboa, Oeiras, Cascais, Amadora, Odivelas, Loures, Sintra, Mafra e Vila Franca de Xira Margem Sul do Tejo Almada, Sesimbra, Seixal, Barreiro, Moita, Montijo, Alcochete, Setúbal e Palmela I – Área Meteropolitana de Lisboa
  • 5. A Área Metropolitana de Lisboa é palco da maior concentração demográfica e económica do país. Concentra: Cerca de ¼ da população nacional, (próxima dos 3 milhões de habitantes); 25% da população ativa; 30% das empresas nacionais; 33% do emprego e contribui com mais de 36% do PIB nacional. I – Área Meteropolitana de Lisboa
  • 6. Lisboa A Área Metropolitana de Lisboa reúne um conjunto de fatores capazes de lhe permitir um desenvolvimento urbano sustentável: Engloba a capital do país; Reúne uma maior concentração geográfica de recursos estratégicos para o desenvolvimento; É um polo de atração de pessoas e atividades qualificadas de outros países; I – Área Meteropolitana de Lisboa
  • 7. Sintra A Área Metropolitana de Lisboa reúne um conjunto de fatores capazes de lhe permitir um desenvolvimento urbano sustentável: Possui importantes redes supranacionais de cooperação e intercâmbio; Tem um importante património cultural; Detém uma base económica baseada na diversificação (da agricultura aos serviços). I – Área Meteropolitana de Lisboa
  • 8. A Área Metropolitana do Porto integra 17 municípios, repartidos pelas... NUT III, Grande Porto - Vila Nova de Gaia, Porto, Gondomar, Vila do Conde, Trofa, Póvoa de Varzim, Matosinhos, Valongo, Espinho, Santo Tirso, Maia; NUT III, Entre Douro e Vouga - São João da Madeira, Arouca, Oliveira de Azeméis, Vale de Cambra e Santa Maria da Feira; NUT III, Tâmega: Paredes. II – Área Meteropolitana de Porto Esta região, que se estende ao longo de cerca de 1575 km2 , concentra cerca de metade da riqueza gerada na região Norte e cerca de 1 570 800 habitantes.
  • 9. Variação da população residente, por municípios das Áreas Metropolitanas de Lisboa e do Porto (2001-2011)
  • 10. • Os municípios de Lisboa e do Porto continuaram a ver a sua população a diminuir. • O município do Porto perdeu mais habitantes do que o de Lisboa (– 9,7% e – 3,4%, respetivamente). Variação da população residente, por municípios das Áreas Metropolitanas de Lisboa e do Porto (2001-2011)
  • 11. • Perderam mais população, para além do Porto, foram: Vale de Cambra (– 7,8%), Arouca (– 7,7%) e Espinho (– 5,7%). • Ganharam mais habitantes foram: Maia (12,4%), Valongo (9,0%) e Vila do Conde (6,7%). Variação da população residente, por municípios das Áreas Metropolitanas de Lisboa e do Porto (2001-2011) Na AM do Porto, os municípios que:
  • 12. • Perderam população, além de Lisboa, foram: Moita e Amadora (abaixo de 2%); • Todos os restantes municípios sofreram ganhos de população: Mafra (41,2%), Alcochete (35,0%), Montijo (31,0%) e Sesimbra (30,9%) foram os concelhos onde a população mais subiu. Variação da população residente, por municípios das Áreas Metropolitanas de Lisboa e do Porto (2001-2011) Na AM de Lisboa, os municípios que:
  • 13. Lisboa Porto a) Pela melhoria das acessibilidades às periferias (melhores redes e melhores meios de transportes); b) Pela má qualidade ambiental no interior das grandes cidades como Lisboa e Porto; c) Por preços da habitação muito altos em Lisboa e Porto e muito mais acessíveis nos concelhos da periferia. Variação da população residente, por municípios das Áreas Metropolitanas de Lisboa e do Porto (2001-2011) As alterações demográficas nas duas áreas metropolitanas explicam-se sobretudo:
  • 14. A terciarização predomina nesta região, ou seja, verifica-se o claro predomínio do setor terciário. Contudo, ao considerar-se as duas grandes regiões que constituem esta área metropolitana, verifica-se que: I - NA AM DE LISBOA... Predomina o setor terciário, associado sobretudo ao imobiliário, aos serviços às empresas, transportes e logística, serviços financeiros, comércio, alojamento e restauração. 1 – Na Grande Lisboa... Predomina a indústria transformadora que tem um papel relevante no crescimento económico. 2 – Na Península de Setúbal... ATIVIDADES ECONÓMICAS NAS ÁREAS METROPOLITANAS
  • 15. I - NA AM DE LISBOA... A Península de Setúbal, em termos do setor secundário, caracteriza-se por uma elevada diversidade produtiva: Predominam as indústrias de bens de equipamento e de bens intermédios, de caráter intensivo e utilizadoras de mão de obra qualificada; Destacam-se as indústrias químicas, de produtos farmacêuticos, a construção naval, a indústria automóvel, a construção, etc. ATIVIDADES ECONÓMICAS NAS ÁREAS METROPOLITANAS
  • 16. I - NA AM DE LISBOA... Verifica-se a concentração da indústria nos municípios periféricos, devido: À maior disponibilidade de terrenos; Aos preços serem mais acessíveis; Às boas vias de comunicação, o que se traduz numa forte acessibilidade e no fácil acesso às matérias-primas, assim como no rápido escoamento dos produtos finais. ATIVIDADES ECONÓMICAS NAS ÁREAS METROPOLITANAS
  • 17. Uso e ocupação do solo na Área Metropolitana de Lisboa, em 2006
  • 18. II - NA AM DO PORTO... ATIVIDADES ECONÓMICAS NAS ÁREAS METROPOLITANAS O setor terciário predomina na AMP, sobretudo no município do Porto, em atividades ligadas ao comércio, à hotelaria e à restauração. Predominam as indústrias de bens de consumo, tradicionais e mão de obra pouco qualificação, como os têxteis, o vestuário e o calçado, entre outras. Em termos de localização, a indústria é relevante na maioria dos municípios, sobretudo da Maia, de Vila do Conde e de Matosinhos. A AMP tem sofrido uma diversificação do seu modelo industrial, baseada na investigação científica e tecnológica, concretizada na construção de vários parques tecnológicos (Porto, Maia, Europarque). A localização industrial na AMP mostra-nos um padrão dominante disperso (difuso), pois as unidades fabris vão-se intercalando com áreas agrícolas.