SlideShare uma empresa Scribd logo
O Mordomo Infiel - Na Seara do Mestre
O Mordomo InfielO Mordomo Infiel
Na Seara do Mestre
Vinícius
“Havia um homem rico que tinha um
administrador; e este lhe foi denunciado como
esbanjador dos seus bens. Chamou-o, então, e lhe
disse: Que é isto que ouço dizer de ti? Dá conta da
tua administração; pois não podes mais ser meu
administrador.”
Lucas, 16 – 1 ao 13
“Disse o feitor consigo: Que hei de fazer, já que o
meu amo me tira a administração? Não tenho
forças para cavar, e de mendigar tenho vergonha.
Eu sei o que farei, para que, quando despedido do
meu emprego, tenha quem me receba em suas
casas.”
Lucas, 16 – 1 ao 13
“Convocando os devedores do seu amo,
perguntou ao primeiro: Quanto deves ao meu
amo? Respondeu ele: Cem cados de azeite. Disse-
lhe então: Toma a tua conta; senta-se depressa e
escreve cinquenta.”
Lucas, 16 – 1 ao 13
“Depois perguntou a outro: Quanto deves tu?
Respondeu ele: Cem coros de trigo. Disse-lhe
então: Toma a tua conta e escreve oitenta. E o
amo, sabendo de tudo, louvou o mordomo fiel,
por haver procedido sabiamente; porque os filhos
do século são mais sábios na sua geração do que
os filhos da luz.”
Lucas, 16 – 1 ao 13
Granjeai amigos com as riquezas da iniqüidade,
para que, quando estas vos faltarem, vos recebam
eles nos tabernáculos eternos.
Jesus diz:
Quem é fiel no pouco, também será no muito; e
quem é infiel no pouco, também o será no muito.
Se, pois, não fostes fiéis nas riquezas iníquas,
quem vos confiará as verdadeiras?
Jesus diz:
E se não fostes fiéis no alheio, quem vos dará o
que é vosso?
“Nenhum servo pode servir a dois senhores; pois
há de aborrecer a um a amar a outro, ou há de
unir-se a este e desprezar aqueles.”
Jesus diz:
“Não podeis servir a Deus e as riquezas.”
O proprietário é Deus
Na parábola do Mordomo Fiel:
Ele é o Senhor,criador, plasmador e mantenedor
dos seres, dos mundos e dos sóis. Nele vivemos e
nos movemos, porque dele somos geração.
A propriedade é o planeta que habitamos: a Terra.
Na parábola do Mordomo Fiel:
O mordomo infiel somos nós; é o homem.
Na parábola do Mordomo Fiel:
A nossa infidelidade procede do fato de nos
apossarmos dos bens que nos foram confiados
para administrar. Somos mordomos dolosos
porque praticamos o delito de apropriação
indébita.
Daqui da Terra, nada é nosso.
Na parábola do Mordomo Fiel:
Somos simples administradores. Tanto assim, que
o dia da prestação de contas chega para todos. É
o que na parábola representa a demissão.
Na parábola do Mordomo Fiel:
Todo mordomo infiel será, com a morte,
despedido da mordomia, despojando-se, então,
muito a contragosto, dos bens materiais em cuja
posse se achava.
Na parábola do Mordomo Fiel:
Nada é nosso.
Somos meros depositários e usufrutuários, por
tempo limitado e incerto, de tudo que nos vem às
mãos, inclusive parentes e amigos, mocidade,
saúde, beleza, e até mesmo a roupa com que nos
vestimos.
Na parábola do Mordomo Fiel:
Não obstante, todos nos apegamos às coisas
terrenas, como se realmente constituíssem
legítima propriedade nossa.
O egoísmo age em nós como velho instinto de
conservação, determinando a nossa conduta.
Na parábola do Mordomo Fiel:
Pois bem, já que nos apossamos indevidamente
da propriedade que nos foi confiada para
administrar, façamos, então, como o mordomo da
parábola:
Conquistemos amigos.
“Granjeai amigos com as riquezas da iniqüidade,
para que, quando estas vos faltarem, vos recebam
eles nos tabernáculos eternos.”
Jesus diz:
O Mordomo Infiel - Na Seara do Mestre

Mais conteúdo relacionado

Destaque

GRANJEAI AMIGOS- PÃO NOSSO EMMANUEL / FRANCISCO C. XAVIER / GRUPO ESPÍRITA AL...
GRANJEAI AMIGOS- PÃO NOSSO EMMANUEL / FRANCISCO C. XAVIER / GRUPO ESPÍRITA AL...GRANJEAI AMIGOS- PÃO NOSSO EMMANUEL / FRANCISCO C. XAVIER / GRUPO ESPÍRITA AL...
GRANJEAI AMIGOS- PÃO NOSSO EMMANUEL / FRANCISCO C. XAVIER / GRUPO ESPÍRITA AL...
Levi Antonio Amancio
 
Projeto final informática_educativa
Projeto final informática_educativaProjeto final informática_educativa
Projeto final informática_educativa
Ju_Oliveira
 
[E Book]Cabala Os72nomesdedeus
[E Book]Cabala Os72nomesdedeus[E Book]Cabala Os72nomesdedeus
[E Book]Cabala Os72nomesdedeus
Perillo Jose Sabino Nunes
 
Parábolas espirituais
Parábolas espirituaisParábolas espirituais
Parábolas espirituais
Luzia Gabriele
 
Contando Historias
Contando HistoriasContando Historias
Contando Historias
Guaraciara Lopes
 
Transe Integrativo e Psicossomática
Transe Integrativo e PsicossomáticaTranse Integrativo e Psicossomática
Transe Integrativo e Psicossomática
Projeto Crisálida
 
curso-de-meditacao-transcendental
 curso-de-meditacao-transcendental curso-de-meditacao-transcendental
curso-de-meditacao-transcendental
Re David
 
Meditação Transcendental
Meditação TranscendentalMeditação Transcendental
Meditação Transcendental
Emanuel Cerveira Pinto
 
Mensagens para Refletir
Mensagens para RefletirMensagens para Refletir
Mensagens para Refletir
veronikdigital
 
Estórias e parábolas
Estórias e parábolasEstórias e parábolas
Estórias e parábolas
cebv
 
K-PAX - Análise Psicológica
K-PAX - Análise PsicológicaK-PAX - Análise Psicológica
K-PAX - Análise Psicológica
Flávia Almeida
 
Medicina tibetana 6
Medicina tibetana 6Medicina tibetana 6
Medicina tibetana 6
Editora Chakpori
 
Apostila de conducao_da_meditacao_shinsokan
Apostila de conducao_da_meditacao_shinsokanApostila de conducao_da_meditacao_shinsokan
Apostila de conducao_da_meditacao_shinsokan
Sni Guiomar
 
Meditação
Meditação Meditação
Meditação
Victor Said
 
A Meditação da Plena Atenção
A Meditação da Plena AtençãoA Meditação da Plena Atenção
A Meditação da Plena Atenção
Matheus Sampaio
 
Meditação - A Arte de Viver
Meditação - A Arte de ViverMeditação - A Arte de Viver
Meditação - A Arte de Viver
Daniel Cukier
 
Curso de meditação
Curso de meditaçãoCurso de meditação
Curso de meditação
Método DeRose BeiraMar
 
Parábolas
ParábolasParábolas
Parábolas
Ana Claudia
 
Jogos e brincadeiras
Jogos e brincadeirasJogos e brincadeiras
Jogos e brincadeiras
Silvia Arrelaro
 
72 nomes de deus - Mesa Quântica Estelar
72 nomes de deus - Mesa Quântica Estelar72 nomes de deus - Mesa Quântica Estelar
72 nomes de deus - Mesa Quântica Estelar
Rodrigo Campos
 

Destaque (20)

GRANJEAI AMIGOS- PÃO NOSSO EMMANUEL / FRANCISCO C. XAVIER / GRUPO ESPÍRITA AL...
GRANJEAI AMIGOS- PÃO NOSSO EMMANUEL / FRANCISCO C. XAVIER / GRUPO ESPÍRITA AL...GRANJEAI AMIGOS- PÃO NOSSO EMMANUEL / FRANCISCO C. XAVIER / GRUPO ESPÍRITA AL...
GRANJEAI AMIGOS- PÃO NOSSO EMMANUEL / FRANCISCO C. XAVIER / GRUPO ESPÍRITA AL...
 
Projeto final informática_educativa
Projeto final informática_educativaProjeto final informática_educativa
Projeto final informática_educativa
 
[E Book]Cabala Os72nomesdedeus
[E Book]Cabala Os72nomesdedeus[E Book]Cabala Os72nomesdedeus
[E Book]Cabala Os72nomesdedeus
 
Parábolas espirituais
Parábolas espirituaisParábolas espirituais
Parábolas espirituais
 
Contando Historias
Contando HistoriasContando Historias
Contando Historias
 
Transe Integrativo e Psicossomática
Transe Integrativo e PsicossomáticaTranse Integrativo e Psicossomática
Transe Integrativo e Psicossomática
 
curso-de-meditacao-transcendental
 curso-de-meditacao-transcendental curso-de-meditacao-transcendental
curso-de-meditacao-transcendental
 
Meditação Transcendental
Meditação TranscendentalMeditação Transcendental
Meditação Transcendental
 
Mensagens para Refletir
Mensagens para RefletirMensagens para Refletir
Mensagens para Refletir
 
Estórias e parábolas
Estórias e parábolasEstórias e parábolas
Estórias e parábolas
 
K-PAX - Análise Psicológica
K-PAX - Análise PsicológicaK-PAX - Análise Psicológica
K-PAX - Análise Psicológica
 
Medicina tibetana 6
Medicina tibetana 6Medicina tibetana 6
Medicina tibetana 6
 
Apostila de conducao_da_meditacao_shinsokan
Apostila de conducao_da_meditacao_shinsokanApostila de conducao_da_meditacao_shinsokan
Apostila de conducao_da_meditacao_shinsokan
 
Meditação
Meditação Meditação
Meditação
 
A Meditação da Plena Atenção
A Meditação da Plena AtençãoA Meditação da Plena Atenção
A Meditação da Plena Atenção
 
Meditação - A Arte de Viver
Meditação - A Arte de ViverMeditação - A Arte de Viver
Meditação - A Arte de Viver
 
Curso de meditação
Curso de meditaçãoCurso de meditação
Curso de meditação
 
Parábolas
ParábolasParábolas
Parábolas
 
Jogos e brincadeiras
Jogos e brincadeirasJogos e brincadeiras
Jogos e brincadeiras
 
72 nomes de deus - Mesa Quântica Estelar
72 nomes de deus - Mesa Quântica Estelar72 nomes de deus - Mesa Quântica Estelar
72 nomes de deus - Mesa Quântica Estelar
 

Semelhante a O Mordomo Infiel - Na Seara do Mestre

Parábola do ADMINISTRADOR INFIEL - Espiritismo
Parábola do ADMINISTRADOR INFIEL - EspiritismoParábola do ADMINISTRADOR INFIEL - Espiritismo
Parábola do ADMINISTRADOR INFIEL - Espiritismo
ElianaAraujo49
 
Mordomia cristã
Mordomia cristãMordomia cristã
Mordomia cristã
prthiagonorato
 
Leituras: 25° Domingo Tempo Comum - Ano C
Leituras: 25° Domingo Tempo Comum - Ano CLeituras: 25° Domingo Tempo Comum - Ano C
Leituras: 25° Domingo Tempo Comum - Ano C
José Lima
 
20150924.Estudo PGs 21
20150924.Estudo PGs 2120150924.Estudo PGs 21
20150924.Estudo PGs 21
Andre Nascimento
 
Capítulo 16 - Que a
Capítulo 16 - Que aCapítulo 16 - Que a
Capítulo 16 - Que a
Roberta Andrade
 
Não se pode servir a Deus e a mamon.
Não se pode servir a Deus e a mamon. Não se pode servir a Deus e a mamon.
Não se pode servir a Deus e a mamon.
ThiagoPereiraSantos2
 
As parábolas de Jesus para crianças: Livro para colorir
As parábolas de Jesus para crianças: Livro para colorirAs parábolas de Jesus para crianças: Livro para colorir
As parábolas de Jesus para crianças: Livro para colorir
Freekidstories
 
Idolatria Avareza
Idolatria AvarezaIdolatria Avareza
Idolatria Avareza
Almy Alves
 
Idolatria Avareza
Idolatria AvarezaIdolatria Avareza
Idolatria Avareza
Almy Alves
 
Mudanças extraído da teoria de kurt lewin
Mudanças extraído da teoria de kurt lewinMudanças extraído da teoria de kurt lewin
Mudanças extraído da teoria de kurt lewin
melquisedeque Chagas
 

Semelhante a O Mordomo Infiel - Na Seara do Mestre (10)

Parábola do ADMINISTRADOR INFIEL - Espiritismo
Parábola do ADMINISTRADOR INFIEL - EspiritismoParábola do ADMINISTRADOR INFIEL - Espiritismo
Parábola do ADMINISTRADOR INFIEL - Espiritismo
 
Mordomia cristã
Mordomia cristãMordomia cristã
Mordomia cristã
 
Leituras: 25° Domingo Tempo Comum - Ano C
Leituras: 25° Domingo Tempo Comum - Ano CLeituras: 25° Domingo Tempo Comum - Ano C
Leituras: 25° Domingo Tempo Comum - Ano C
 
20150924.Estudo PGs 21
20150924.Estudo PGs 2120150924.Estudo PGs 21
20150924.Estudo PGs 21
 
Capítulo 16 - Que a
Capítulo 16 - Que aCapítulo 16 - Que a
Capítulo 16 - Que a
 
Não se pode servir a Deus e a mamon.
Não se pode servir a Deus e a mamon. Não se pode servir a Deus e a mamon.
Não se pode servir a Deus e a mamon.
 
As parábolas de Jesus para crianças: Livro para colorir
As parábolas de Jesus para crianças: Livro para colorirAs parábolas de Jesus para crianças: Livro para colorir
As parábolas de Jesus para crianças: Livro para colorir
 
Idolatria Avareza
Idolatria AvarezaIdolatria Avareza
Idolatria Avareza
 
Idolatria Avareza
Idolatria AvarezaIdolatria Avareza
Idolatria Avareza
 
Mudanças extraído da teoria de kurt lewin
Mudanças extraído da teoria de kurt lewinMudanças extraído da teoria de kurt lewin
Mudanças extraído da teoria de kurt lewin
 

Mais de Escola de Sabedoria Hilarion de Monte Nebo

Justiça e Misericórdia
Justiça e MisericórdiaJustiça e Misericórdia
Justiça e Misericórdia
Escola de Sabedoria Hilarion de Monte Nebo
 
A palavra
A palavraA palavra
Força interior 2
Força interior 2Força interior 2
Missão
MissãoMissão
Mude suas Perguntas
Mude suas PerguntasMude suas Perguntas
Jesus Redivivo
Jesus RedivivoJesus Redivivo
Coragem Moral
Coragem MoralCoragem Moral
Mediunidade de Prova
Mediunidade de ProvaMediunidade de Prova
A Prece
A PreceA Prece
Irmãos
IrmãosIrmãos
Renúncia
RenúnciaRenúncia
Pai e Filho
Pai e FilhoPai e Filho
O Próximo
O PróximoO Próximo
Cuidado e Cura Espiritual
Cuidado e Cura EspiritualCuidado e Cura Espiritual
Seara Espiritual e Atitudes Definidas
Seara Espiritual e Atitudes DefinidasSeara Espiritual e Atitudes Definidas
Seara Espiritual e Atitudes Definidas
Escola de Sabedoria Hilarion de Monte Nebo
 
Fiat Lux
Fiat LuxFiat Lux
Res, Non Verba
Res, Non VerbaRes, Non Verba
Reflexões
ReflexõesReflexões
O Verdadeiro Ensinamento
O Verdadeiro EnsinamentoO Verdadeiro Ensinamento
Mediunidade e Sintonia
Mediunidade e SintoniaMediunidade e Sintonia

Mais de Escola de Sabedoria Hilarion de Monte Nebo (20)

Justiça e Misericórdia
Justiça e MisericórdiaJustiça e Misericórdia
Justiça e Misericórdia
 
A palavra
A palavraA palavra
A palavra
 
Força interior 2
Força interior 2Força interior 2
Força interior 2
 
Missão
MissãoMissão
Missão
 
Mude suas Perguntas
Mude suas PerguntasMude suas Perguntas
Mude suas Perguntas
 
Jesus Redivivo
Jesus RedivivoJesus Redivivo
Jesus Redivivo
 
Coragem Moral
Coragem MoralCoragem Moral
Coragem Moral
 
Mediunidade de Prova
Mediunidade de ProvaMediunidade de Prova
Mediunidade de Prova
 
A Prece
A PreceA Prece
A Prece
 
Irmãos
IrmãosIrmãos
Irmãos
 
Renúncia
RenúnciaRenúncia
Renúncia
 
Pai e Filho
Pai e FilhoPai e Filho
Pai e Filho
 
O Próximo
O PróximoO Próximo
O Próximo
 
Cuidado e Cura Espiritual
Cuidado e Cura EspiritualCuidado e Cura Espiritual
Cuidado e Cura Espiritual
 
Seara Espiritual e Atitudes Definidas
Seara Espiritual e Atitudes DefinidasSeara Espiritual e Atitudes Definidas
Seara Espiritual e Atitudes Definidas
 
Fiat Lux
Fiat LuxFiat Lux
Fiat Lux
 
Res, Non Verba
Res, Non VerbaRes, Non Verba
Res, Non Verba
 
Reflexões
ReflexõesReflexões
Reflexões
 
O Verdadeiro Ensinamento
O Verdadeiro EnsinamentoO Verdadeiro Ensinamento
O Verdadeiro Ensinamento
 
Mediunidade e Sintonia
Mediunidade e SintoniaMediunidade e Sintonia
Mediunidade e Sintonia
 

O Mordomo Infiel - Na Seara do Mestre

  • 2. O Mordomo InfielO Mordomo Infiel Na Seara do Mestre Vinícius
  • 3. “Havia um homem rico que tinha um administrador; e este lhe foi denunciado como esbanjador dos seus bens. Chamou-o, então, e lhe disse: Que é isto que ouço dizer de ti? Dá conta da tua administração; pois não podes mais ser meu administrador.” Lucas, 16 – 1 ao 13
  • 4. “Disse o feitor consigo: Que hei de fazer, já que o meu amo me tira a administração? Não tenho forças para cavar, e de mendigar tenho vergonha. Eu sei o que farei, para que, quando despedido do meu emprego, tenha quem me receba em suas casas.” Lucas, 16 – 1 ao 13
  • 5. “Convocando os devedores do seu amo, perguntou ao primeiro: Quanto deves ao meu amo? Respondeu ele: Cem cados de azeite. Disse- lhe então: Toma a tua conta; senta-se depressa e escreve cinquenta.” Lucas, 16 – 1 ao 13
  • 6. “Depois perguntou a outro: Quanto deves tu? Respondeu ele: Cem coros de trigo. Disse-lhe então: Toma a tua conta e escreve oitenta. E o amo, sabendo de tudo, louvou o mordomo fiel, por haver procedido sabiamente; porque os filhos do século são mais sábios na sua geração do que os filhos da luz.” Lucas, 16 – 1 ao 13
  • 7. Granjeai amigos com as riquezas da iniqüidade, para que, quando estas vos faltarem, vos recebam eles nos tabernáculos eternos. Jesus diz: Quem é fiel no pouco, também será no muito; e quem é infiel no pouco, também o será no muito.
  • 8. Se, pois, não fostes fiéis nas riquezas iníquas, quem vos confiará as verdadeiras? Jesus diz: E se não fostes fiéis no alheio, quem vos dará o que é vosso?
  • 9. “Nenhum servo pode servir a dois senhores; pois há de aborrecer a um a amar a outro, ou há de unir-se a este e desprezar aqueles.” Jesus diz: “Não podeis servir a Deus e as riquezas.”
  • 10. O proprietário é Deus Na parábola do Mordomo Fiel: Ele é o Senhor,criador, plasmador e mantenedor dos seres, dos mundos e dos sóis. Nele vivemos e nos movemos, porque dele somos geração.
  • 11. A propriedade é o planeta que habitamos: a Terra. Na parábola do Mordomo Fiel:
  • 12. O mordomo infiel somos nós; é o homem. Na parábola do Mordomo Fiel: A nossa infidelidade procede do fato de nos apossarmos dos bens que nos foram confiados para administrar. Somos mordomos dolosos porque praticamos o delito de apropriação indébita.
  • 13. Daqui da Terra, nada é nosso. Na parábola do Mordomo Fiel: Somos simples administradores. Tanto assim, que o dia da prestação de contas chega para todos. É o que na parábola representa a demissão.
  • 14. Na parábola do Mordomo Fiel: Todo mordomo infiel será, com a morte, despedido da mordomia, despojando-se, então, muito a contragosto, dos bens materiais em cuja posse se achava.
  • 15. Na parábola do Mordomo Fiel: Nada é nosso. Somos meros depositários e usufrutuários, por tempo limitado e incerto, de tudo que nos vem às mãos, inclusive parentes e amigos, mocidade, saúde, beleza, e até mesmo a roupa com que nos vestimos.
  • 16. Na parábola do Mordomo Fiel: Não obstante, todos nos apegamos às coisas terrenas, como se realmente constituíssem legítima propriedade nossa. O egoísmo age em nós como velho instinto de conservação, determinando a nossa conduta.
  • 17. Na parábola do Mordomo Fiel: Pois bem, já que nos apossamos indevidamente da propriedade que nos foi confiada para administrar, façamos, então, como o mordomo da parábola: Conquistemos amigos.
  • 18. “Granjeai amigos com as riquezas da iniqüidade, para que, quando estas vos faltarem, vos recebam eles nos tabernáculos eternos.” Jesus diz: