SlideShare uma empresa Scribd logo

Cuidado e Cura Espiritual

Escola de Sabedoria Hilarion de Monte Nebo
Escola de Sabedoria Hilarion de Monte Nebo
Escola de Sabedoria Hilarion de Monte NeboEscola de Sabedoria Hilarion de Monte Nebo

Palestra do dia 25/06/2011

Cuidado e Cura Espiritual

1 de 41
Baixar para ler offline
Cuidado e Cura Espiritual
Cuidad0 Espiritual
Rio, 25 de junho de 2011
O que é cuidado espiritual ?
Tirar alguns instantes do seu dia
para refletir sobre o verdadeiro
sentido da vida.
Qual é o verdadeiro sentido da vida ?
Somos um Espírito
dentro de um corpo físico
com uma vida material a cuidar.
E o que acontece quando nos cuidamos
espiritualmente ?
Fortalecemos o Espírito,
para maior domínio do corpo físico
e, conseqüentemente, alcançar o
equilíbrio material.
E o que acontece quando nos cuidamos
espiritualmente ?
Gradativamente começamos a
perceber as mudanças que
temos que fazer em busca da
nossa PAZ.
Anúncio

Recomendados

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Palestra sobre Meditação
Palestra sobre MeditaçãoPalestra sobre Meditação
Palestra sobre Meditaçãoannedecio
 
Meditação
Meditação Meditação
Meditação annemader
 
Budismo - psicologia do autoconhecimento
Budismo - psicologia do autoconhecimentoBudismo - psicologia do autoconhecimento
Budismo - psicologia do autoconhecimentoKogen Gouveia
 
Espiritualidade e saúde (fatima)
Espiritualidade e saúde (fatima)Espiritualidade e saúde (fatima)
Espiritualidade e saúde (fatima)Fatima Carvalho
 
Princípios para a prática terapêutica
Princípios para a prática terapêuticaPrincípios para a prática terapêutica
Princípios para a prática terapêuticaBruno Carrasco
 
Assistência espiritual, obsessão e desobsessão
Assistência espiritual, obsessão e desobsessãoAssistência espiritual, obsessão e desobsessão
Assistência espiritual, obsessão e desobsessãoRivaldo Guedes Corrêa. Jr
 
Revista grito de alerta empresarial v
Revista grito de alerta empresarial vRevista grito de alerta empresarial v
Revista grito de alerta empresarial vGeraldo Souza
 
Aula 6 14 abr - Refletindo a Alma
Aula 6    14 abr - Refletindo a AlmaAula 6    14 abr - Refletindo a Alma
Aula 6 14 abr - Refletindo a AlmaProf. Paulo Ratki
 
Comparações entre Concepções de Felicidade Originárias da Filosofia e da Psic...
Comparações entre Concepções de Felicidade Originárias da Filosofia e da Psic...Comparações entre Concepções de Felicidade Originárias da Filosofia e da Psic...
Comparações entre Concepções de Felicidade Originárias da Filosofia e da Psic...Leandro Menezes Lopes
 
Livro Estilos de Reiki - Otávio Leal
Livro Estilos de Reiki - Otávio LealLivro Estilos de Reiki - Otávio Leal
Livro Estilos de Reiki - Otávio LealJULIO MKT
 
Apostila de estudos corporais segundo a mtc
Apostila de estudos corporais segundo a mtcApostila de estudos corporais segundo a mtc
Apostila de estudos corporais segundo a mtcparoca6
 
A doença da Alzheimer visão espírita
A doença da Alzheimer visão espírita A doença da Alzheimer visão espírita
A doença da Alzheimer visão espírita Felippe Abrao
 

Mais procurados (20)

Curso de meditação
Curso de meditaçãoCurso de meditação
Curso de meditação
 
Palestra sobre Meditação
Palestra sobre MeditaçãoPalestra sobre Meditação
Palestra sobre Meditação
 
Meditação
Meditação Meditação
Meditação
 
Saude integral aula 3
Saude integral aula 3Saude integral aula 3
Saude integral aula 3
 
Corpos
CorposCorpos
Corpos
 
Budismo - psicologia do autoconhecimento
Budismo - psicologia do autoconhecimentoBudismo - psicologia do autoconhecimento
Budismo - psicologia do autoconhecimento
 
Saude integral aula 2
Saude integral aula 2Saude integral aula 2
Saude integral aula 2
 
Espiritualidade e saúde (fatima)
Espiritualidade e saúde (fatima)Espiritualidade e saúde (fatima)
Espiritualidade e saúde (fatima)
 
Princípios para a prática terapêutica
Princípios para a prática terapêuticaPrincípios para a prática terapêutica
Princípios para a prática terapêutica
 
Reeducação Emocional
Reeducação  EmocionalReeducação  Emocional
Reeducação Emocional
 
Assistência espiritual, obsessão e desobsessão
Assistência espiritual, obsessão e desobsessãoAssistência espiritual, obsessão e desobsessão
Assistência espiritual, obsessão e desobsessão
 
Revista grito de alerta empresarial v
Revista grito de alerta empresarial vRevista grito de alerta empresarial v
Revista grito de alerta empresarial v
 
Mediunidade o que é isso apostila 038
Mediunidade o que é isso   apostila 038Mediunidade o que é isso   apostila 038
Mediunidade o que é isso apostila 038
 
Aula 6 14 abr - Refletindo a Alma
Aula 6    14 abr - Refletindo a AlmaAula 6    14 abr - Refletindo a Alma
Aula 6 14 abr - Refletindo a Alma
 
Comparações entre Concepções de Felicidade Originárias da Filosofia e da Psic...
Comparações entre Concepções de Felicidade Originárias da Filosofia e da Psic...Comparações entre Concepções de Felicidade Originárias da Filosofia e da Psic...
Comparações entre Concepções de Felicidade Originárias da Filosofia e da Psic...
 
A cura e auto cura 2
A cura e auto cura 2A cura e auto cura 2
A cura e auto cura 2
 
Livro Estilos de Reiki - Otávio Leal
Livro Estilos de Reiki - Otávio LealLivro Estilos de Reiki - Otávio Leal
Livro Estilos de Reiki - Otávio Leal
 
Apostila de estudos corporais segundo a mtc
Apostila de estudos corporais segundo a mtcApostila de estudos corporais segundo a mtc
Apostila de estudos corporais segundo a mtc
 
A DOR COMO ENSINAMENTO
A DOR COMO ENSINAMENTOA DOR COMO ENSINAMENTO
A DOR COMO ENSINAMENTO
 
A doença da Alzheimer visão espírita
A doença da Alzheimer visão espírita A doença da Alzheimer visão espírita
A doença da Alzheimer visão espírita
 

Destaque (15)

Cuidado Espiritual
Cuidado EspiritualCuidado Espiritual
Cuidado Espiritual
 
Necessidades espirituais
Necessidades espirituaisNecessidades espirituais
Necessidades espirituais
 
Religiao e espiritualidade
Religiao e espiritualidadeReligiao e espiritualidade
Religiao e espiritualidade
 
Cuidado Espiritual
Cuidado EspiritualCuidado Espiritual
Cuidado Espiritual
 
A espiritualidade no trabalho
A espiritualidade no trabalhoA espiritualidade no trabalho
A espiritualidade no trabalho
 
Necessidades espirituais do paciente
Necessidades espirituais do pacienteNecessidades espirituais do paciente
Necessidades espirituais do paciente
 
Espiritualidade e epistemologia
Espiritualidade e epistemologiaEspiritualidade e epistemologia
Espiritualidade e epistemologia
 
Espiritualidade e emoções
Espiritualidade e emoçõesEspiritualidade e emoções
Espiritualidade e emoções
 
Cuidados paliativos
Cuidados paliativosCuidados paliativos
Cuidados paliativos
 
O que é espiritualidade
O que é espiritualidadeO que é espiritualidade
O que é espiritualidade
 
Espiritualidade crista
 Espiritualidade crista  Espiritualidade crista
Espiritualidade crista
 
Saude espiritual
Saude espiritualSaude espiritual
Saude espiritual
 
Cuidado Espiritual
Cuidado EspiritualCuidado Espiritual
Cuidado Espiritual
 
Saude e Espiritualidade
Saude e EspiritualidadeSaude e Espiritualidade
Saude e Espiritualidade
 
Morte e luto
Morte e lutoMorte e luto
Morte e luto
 

Semelhante a Cuidado e Cura Espiritual

Artigos Terapia Holística
Artigos Terapia HolísticaArtigos Terapia Holística
Artigos Terapia HolísticaSimone Kobayashi
 
Medicina e o espiritismo
Medicina e o espiritismoMedicina e o espiritismo
Medicina e o espiritismosiaromjo
 
28 10 2016 - Diferença entre influenciação e obsessão
28 10 2016  - Diferença entre influenciação e obsessão 28 10 2016  - Diferença entre influenciação e obsessão
28 10 2016 - Diferença entre influenciação e obsessão Lar Irmã Zarabatana
 
apreesentação palestra 1 de maio.docx
apreesentação palestra 1 de maio.docxapreesentação palestra 1 de maio.docx
apreesentação palestra 1 de maio.docxRicardoRogrioBargade
 
A_MEDICINA_E_O_ESPIRITISMO.ppt
A_MEDICINA_E_O_ESPIRITISMO.pptA_MEDICINA_E_O_ESPIRITISMO.ppt
A_MEDICINA_E_O_ESPIRITISMO.pptlincolncvieira
 
11 de abril 2014 influenciação e obsessão diferenças
11 de abril 2014   influenciação e obsessão diferenças11 de abril 2014   influenciação e obsessão diferenças
11 de abril 2014 influenciação e obsessão diferençasLar Irmã Zarabatana
 
16 encontro espírita sobre medicina espiritual (celd)
16 encontro espírita sobre medicina espiritual (celd)16 encontro espírita sobre medicina espiritual (celd)
16 encontro espírita sobre medicina espiritual (celd)Ricardo Akerman
 
medicinaeespiritismo
medicinaeespiritismomedicinaeespiritismo
medicinaeespiritismoAri Carrasco
 
Medicinaeoespiritismo 091220141822-phpapp02
Medicinaeoespiritismo 091220141822-phpapp02Medicinaeoespiritismo 091220141822-phpapp02
Medicinaeoespiritismo 091220141822-phpapp02Alberto Barth
 

Semelhante a Cuidado e Cura Espiritual (20)

Experiência da cura 26jun10
Experiência da cura   26jun10Experiência da cura   26jun10
Experiência da cura 26jun10
 
Experiência da Cura
Experiência da CuraExperiência da Cura
Experiência da Cura
 
A doena como caminho
A doena como caminhoA doena como caminho
A doena como caminho
 
A doena como caminho
A doena como caminhoA doena como caminho
A doena como caminho
 
Artigos Terapia Holística
Artigos Terapia HolísticaArtigos Terapia Holística
Artigos Terapia Holística
 
Cuidado e cura espiritual 12mar2011
Cuidado e cura espiritual 12mar2011Cuidado e cura espiritual 12mar2011
Cuidado e cura espiritual 12mar2011
 
M E D I C I N A E E S P I R I T I S M O
M E D I C I N A  E  E S P I R I T I S M OM E D I C I N A  E  E S P I R I T I S M O
M E D I C I N A E E S P I R I T I S M O
 
Medicina e o espiritismo
Medicina e o espiritismoMedicina e o espiritismo
Medicina e o espiritismo
 
Experiência da cura 2a. parte - 03jul10
Experiência da cura   2a. parte - 03jul10Experiência da cura   2a. parte - 03jul10
Experiência da cura 2a. parte - 03jul10
 
Experiência da Cura - 2a Parte
Experiência da Cura - 2a ParteExperiência da Cura - 2a Parte
Experiência da Cura - 2a Parte
 
28 10 2016 - Diferença entre influenciação e obsessão
28 10 2016  - Diferença entre influenciação e obsessão 28 10 2016  - Diferença entre influenciação e obsessão
28 10 2016 - Diferença entre influenciação e obsessão
 
apreesentação palestra 1 de maio.docx
apreesentação palestra 1 de maio.docxapreesentação palestra 1 de maio.docx
apreesentação palestra 1 de maio.docx
 
A_MEDICINA_E_O_ESPIRITISMO.ppt
A_MEDICINA_E_O_ESPIRITISMO.pptA_MEDICINA_E_O_ESPIRITISMO.ppt
A_MEDICINA_E_O_ESPIRITISMO.ppt
 
11 de abril 2014 influenciação e obsessão diferenças
11 de abril 2014   influenciação e obsessão diferenças11 de abril 2014   influenciação e obsessão diferenças
11 de abril 2014 influenciação e obsessão diferenças
 
Apostila reiki-1-v.2018-16.04
Apostila reiki-1-v.2018-16.04Apostila reiki-1-v.2018-16.04
Apostila reiki-1-v.2018-16.04
 
A medicina e o espiritismo
A medicina e o espiritismoA medicina e o espiritismo
A medicina e o espiritismo
 
16 encontro espírita sobre medicina espiritual (celd)
16 encontro espírita sobre medicina espiritual (celd)16 encontro espírita sobre medicina espiritual (celd)
16 encontro espírita sobre medicina espiritual (celd)
 
medicinaeespiritismo
medicinaeespiritismomedicinaeespiritismo
medicinaeespiritismo
 
Medicinaeoespiritismo 091220141822-phpapp02
Medicinaeoespiritismo 091220141822-phpapp02Medicinaeoespiritismo 091220141822-phpapp02
Medicinaeoespiritismo 091220141822-phpapp02
 
Medicina e o_espiritismo
Medicina e o_espiritismoMedicina e o_espiritismo
Medicina e o_espiritismo
 

Mais de Escola de Sabedoria Hilarion de Monte Nebo

Mais de Escola de Sabedoria Hilarion de Monte Nebo (20)

Justiça e Misericórdia
Justiça e MisericórdiaJustiça e Misericórdia
Justiça e Misericórdia
 
A palavra
A palavraA palavra
A palavra
 
Força interior 2
Força interior 2Força interior 2
Força interior 2
 
Missão
MissãoMissão
Missão
 
Mude suas Perguntas
Mude suas PerguntasMude suas Perguntas
Mude suas Perguntas
 
Jesus Redivivo
Jesus RedivivoJesus Redivivo
Jesus Redivivo
 
Coragem Moral
Coragem MoralCoragem Moral
Coragem Moral
 
Mediunidade de Prova
Mediunidade de ProvaMediunidade de Prova
Mediunidade de Prova
 
A Prece
A PreceA Prece
A Prece
 
Irmãos
IrmãosIrmãos
Irmãos
 
Renúncia
RenúnciaRenúncia
Renúncia
 
Pai e Filho
Pai e FilhoPai e Filho
Pai e Filho
 
O Próximo
O PróximoO Próximo
O Próximo
 
Seara Espiritual e Atitudes Definidas
Seara Espiritual e Atitudes DefinidasSeara Espiritual e Atitudes Definidas
Seara Espiritual e Atitudes Definidas
 
Fiat Lux
Fiat LuxFiat Lux
Fiat Lux
 
Res, Non Verba
Res, Non VerbaRes, Non Verba
Res, Non Verba
 
Reflexões
ReflexõesReflexões
Reflexões
 
O Verdadeiro Ensinamento
O Verdadeiro EnsinamentoO Verdadeiro Ensinamento
O Verdadeiro Ensinamento
 
Mediunidade e Sintonia
Mediunidade e SintoniaMediunidade e Sintonia
Mediunidade e Sintonia
 
Grão de Trigo
Grão de TrigoGrão de Trigo
Grão de Trigo
 

Cuidado e Cura Espiritual

  • 2. Cuidad0 Espiritual Rio, 25 de junho de 2011
  • 3. O que é cuidado espiritual ? Tirar alguns instantes do seu dia para refletir sobre o verdadeiro sentido da vida.
  • 4. Qual é o verdadeiro sentido da vida ? Somos um Espírito dentro de um corpo físico com uma vida material a cuidar.
  • 5. E o que acontece quando nos cuidamos espiritualmente ? Fortalecemos o Espírito, para maior domínio do corpo físico e, conseqüentemente, alcançar o equilíbrio material.
  • 6. E o que acontece quando nos cuidamos espiritualmente ? Gradativamente começamos a perceber as mudanças que temos que fazer em busca da nossa PAZ.
  • 7. E o que é Paz ? Adquirimos PAZ quando temos a consciência tranqüila de que estamos efetuando as mudanças em nossa vida de forma coerente com o compromisso que assumimos com Deus.
  • 8. O que é Cura Espiritual ? Cura espiritual é todo o processo de mudança que passamos em nossa vida, quando buscamos o nosso equilíbrio total (espírito, físico e matéria).
  • 9. No momento que você inicia a sua jornada de cura, a primeira e a mais importante coisa a lembrar é que já não está sozinho. Você está ligado, por meio do Amor, à força de Deus; e quando recorre a essa prodigiosa energia, você se torna capaz de curar a sua dor e de curar a sua vida.
  • 10. A Cura começa quando confiamos no processo de mudança espiritual.
  • 11. A Experiência da Cura Você é o Senhor da sua Vida
  • 12. O amor é o rosto e o corpo do Universo. É o tecido conectivo do Universo, o material de que somos feitos. O amor é a experiência de ser total e ligado à Divindade Universal.
  • 13. Todo sofrimento é causado pela ilusão do isolamento, que gera o medo e o ódio de si mesmo, o qual, finalmente causa a doença.
  • 14. A única “doença terminal” de verdade é simplesmente o fato de ser humano. E “ser humano” não é de modo algum “terminal”, porque a morte é tão-somente a transição para outro nível de ser.
  • 15. Precisamos sair fora dos “limites normais” da nossa vida e começar a nos olhar de maneira diferente. Precisamos viver a nossa vida no limiar do tempo, o que nos permitirá nascer para uma vida nova a cada minuto.
  • 16. O que é essa Vida Nova? É perceber que tudo tem um campo de energia a nossa volta, que se assemelha à luz de uma vela.
  • 17. Precisamos apurar a nossa sensibilidade para perceber este campo de energia humana.
  • 18. O que é essa sensibilidade? Perceber as coisas além dos limites normais dos sentidos humanos. Pela sensibilidade podemos ver, ouvir, cheirar, provar e tocar coisas que normalmente não podem ser percebidas.
  • 19. O que é essa sensibilidade? A sensibilidade é um tipo de “ver”em que percebemos uma imagem em nossa mente sem o uso da visão normal. Não é imaginação.
  • 20. Como desenvolver esta sensibilidade? Importante entrar em um estado ampliado de consciência.
  • 21. Como desenvolver esta sensibilidade? Há muitos métodos. A Meditação torna-se o mais comum e pode ser praticada de muitas maneiras.
  • 22. Como desenvolver esta sensibilidade? Importante é encontrar a forma que melhor se ajusta a cada um. Podemos também alcançar esta estado de consciência ampliada, andando, pescando, observando o “vai e vem” das ondas do mar ou até mesmo observando as matas.
  • 23. Como desenvolver esta sensibilidade? O mais importante aqui é dar-nos tempo suficiente para prestar atenção a nós mesmos.
  • 24. Como desenvolver esta sensibilidade? Tempo suficiente para silenciar a mente barulhenta que não pára de falar sobre o que precisamos fazer, como teríamos podido vencer aquela discussão, resolver aquele problema, o que deveríamos ter feito, o que está errado conosco, etc, etc.
  • 25. Importante observar que esta sensibilidade nos faz perceber que o Campo de Energia, que está a nossa volta, está intimamente associado à saúde e ao bem-estar de cada pessoa.
  • 26. Se uma pessoa não for sadia (mental ou fisicamente), o mal se evidenciará no campo energético como um fluxo desequilibrado de energia e/ou uma energia estagnada que deixou de fluir e aparece com cores escurecidas.
  • 27. Em compensação, a pessoa saudável, mostra cores brilhantes, que fluem com facilidade num campo equilibrado. Essas cores e formas são peculiares a cada doença.
  • 28. A sensibilidade é extremamente valiosa em medicina e no aconselhamento psicológico.
  • 29. Com a sensibilidade o mecanismo das doenças psicossomáticas apresenta-se bem diante dos nossos olhos, e revela o modo com que se inicia nos campos de energia a maioria das doenças. E depois com o tempo e com os hábitos de vida, transmitida ao corpo, transformando-se em uma doença séria.
  • 30. É essencial lidarmos com o significado mais profundo de nossas enfermidades (mentais e físicas).
  • 31. Precisamos perguntar o que essa doença significa para nós, que posso aprender com ela?
  • 32. A doença pode ser vista simplesmente como uma mensagem do corpo dirigida a você, que diz, entre outras coisas: “Espere um minuto, alguma coisa não está certa. Você não está dando atenção ao seu Eu como um todo.”
  • 33. E você... Como está se cuidando Espiritualmente?
  • 35. Para ser inteiro, deixe-se quebrar. Para ser novo, deixe-se desgastar. Para ser reto, deixe-se dobrar. Para ter tudo, abra mão de tudo. Para ser completo, deixe-se estar vazio.
  • 36. Conhecer os outros é um tipo de conhecimento; Conquistar os outros requer força; conhecer a si próprio é Sabedoria. conquistar a si mesmo é o Verdadeiro Poder.
  • 37. Perceber que você tem o bastante é a verdadeira riqueza. Avançar com determinação pode funcionar, mas permanecer parado traz resistência. Morra sem perecer, e encontre o eterno.
  • 38. Saber que você não sabe é Força. Ignorar que você não sabe é uma Doença. A cura começa com o reconhecimento da doença.
  • 39. Conhecer o que é permanente: iluminação. Conhecer o que é permanente, abre a mente. Não conhecer o que é permanente: desastre. Coração aberto, magnanimidade. Mente aberta, coração aberto.