SlideShare uma empresa Scribd logo
1 de 19
Baixar para ler offline
A REVOLUÇÃO FRANCESA
A REVOLUÇÃO FRANCESA
IMPORTÂNCIA:
Marco da queda dos regimes absolutistas e
feudais. Coube a esta Revolução a definição
do perfil ideológico das revoluções
burguesas: liberal e democrático. Ela faz
parte de um processo global - atlântico ou
ocidental - iniciado nos Estados Unidos, que
atingiu sua maior violência na França, e
repercutiu em outros países (voltando
inclusive à França) em 1820, 30 e 48.
A REVOLUÇÃO FRANCESA
• Antecedentes/causas:
– Maior população da Europa Ocidental (25
milhões).
– 80% rural.
– Absolutismo parasitário
Luís XVI
Festas, banquetes,
pensões, guerras
inúteis, tratados
desvantajosos.
A REVOLUÇÃO FRANCESA
– Sociedade estamental (extrema desigualdade):
97%
2%
1%
1º ESTADO: CLERO
2º ESTADO: NOBREZA
3º ESTADO: BURGUESIA +
CAMPONESES + SANS
CULOTES: obrigações e impostos.
Terras,
cargos
prestígio,
privilégios, e
isenção fiscal
A REVOLUÇÃO FRANCESA
A REVOLUÇÃO FRANCESA
– Crise econômica: concorrência inglesa, excesso de
gastos, altos impostos, inundações, secas...
– Restrições mercantilistas: taxações, proibições,
monopólios.
– Difusão de ideais iluministas.
– Revolta dos Notáveis (1787): nobres inconformados
com proposta de cobrança de impostos, exigem
convocação dos Estados Gerais.
• Os Estados Gerais (1789):
– Reunião (consultiva) de membros dos 3 Estados.
– Objetivo básico: tributação.
– Divergência de votação (por deputado ou por Estado)
A REVOLUÇÃO FRANCESA
–3º Estado separa-se e autoproclama-
se em Assembléia Nacional
Constituinte (juramento da péla).
–Criação da Guarda Nacional (milícia
burguesa) para resistir ao rei.
–14/07/1789: QUEDA DA
BASTILHA (início oficial da
Revolução Francesa)
A REVOLUÇÃO FRANCESA
A REVOLUÇÃO FRANCESA
• A Assembléia Nacional (1789 – 1792):
– Grande Medo (AGO): camponeses rebelam-se contra
autoridade dos senhores feudais.
– Abolição de privilégios feudais.
– DECLARAÇÃO UNIVERSAL DOS DIREITOS DO
HOMEM E DO CIDADÃO – igualdade jurídica,
direito à propriedade e resistência à opressão.
Desigualdade econômica no lugar da sociedade
estamental.
– Constituição civil do clero (1790).
Igreja subordinada ao Estado.
Juramentados X Refratários.
A REVOLUÇÃO FRANCESA
A REVOLUÇÃO FRANCESA
– 1ª Constituição francesa (1791): monarquia
constitucional, divisão de poderes, voto censitário,
manutenção da escravidão nas colônias.
– Proibição de greves e associações de trabalhadores
(Le Chepelier).
– Divisões entre os parlamentares:
GIRONDINOS – alta burguesia, conservadores,
sentados na direita do parlamento.
JACOBINOS – pequena e média burguesia,
apoiados por sans-culotes, favoráveis a mudanças
mais radicais, sentados na esquerda do parlamento.
Apelidados de “montanheses”.
A REVOLUÇÃO FRANCESA
Planície (Feuillants) – burguesia financeira.
– Nobres começam a abandonar a França
(emigrados).
– Rei tenta fugir e é preso (1791).
– França é invadida por países absolutistas (Áustria
e Prússia).
– Exército popular (COMUNA INSURRECIONAL
DE PARIS), liderado por jacobinos, é formado
para conter inimigos.
– Rei = traidor
Monarquia é abolida (1792)
A REVOLUÇÃO FRANCESA
• A Convenção Nacional (1792 – 1795):
– Girondinos X Jacobinos
– Set/1792 – Jun/1793: Girondinos no poder.
Jan/1793 – Luís XVI é guilhotinado.
1ª coligação contra a FRA (AUS + PRUS
+ ESP + HOL + ING).
Revolta de camponeses e Crise econômica.
– Jun/1793 – Jul/1794: Jacobinos no poder.
Radicalismo.
A REVOLUÇÃO FRANCESA
• 1793: Constituição do Ano I – sufrágio universal,
fim da escravidão nas colônias.
• Comitê de Salvação Pública (administração e
defesa externa).
• Comitê de Salvação Nacional (segurança interna).
• Tribunais Revolucionários (julgamento de
opositores).
• Calendário Revolucionário.
• Lei do Preço Máximo.
• Ensino público e gratuito.
• Confisco e venda (a preços populares) de bens da
Igreja e nobreza.
A REVOLUÇÃO FRANCESA
• Assassinato de Marat
• Divergências entre jacobinos.
– Danton X Robespierre X Hérbert
• Terror: abuso da guilhotina.
• Desgaste do governo.
MARAT
ROBESPIERRE
DANTON
A REVOLUÇÃO FRANCESA
• Golpe do 9 Termidor (Reação Termidoriana):
Robespierre é guilhotinado e Girondinos retomam
o poder.
• Convenção Termidoriana (1794 – 1795):
– Anulação das leis dos jacobinos.
– Perseguições a populares (Terror Branco).
• O Diretório (1795 – 1799):
– 1795: Nova Constituição – 5 diretores (poder
executivo), voto censitário.
– 1795 e 1797 – golpes realistas (frustrados)
A REVOLUÇÃO FRANCESA
A REVOLUÇÃO FRANCESA
• 1796: Conspiração ou Conjura dos
Iguais (Graco Babeuf) – rebelião
popular fracassada.
• Segunda Coligação contra a França
(PRUS + ESP + HOL + ITA) –
derrotada.
• Crise econômica, corrupção,
impopularidade.
• Napoleão Bonaparte destaca-se.
• Golpe do 18 Brumário (1799):
Napoleão Bonaparte toma o poder.
– Fim da Revolução Francesa.
GRACO BABEUF
NAPOLEÃO BONAPARTE
A REVOLUÇÃO FRANCESA
•Importância do movimento:
–Fim do Antigo Regime.
–Ascensão da burguesia.
–Desenvolvimento do
capitalismo.

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Independência da América Espanhola
Independência da América EspanholaIndependência da América Espanhola
Independência da América Espanhola
Aulas de História
 
Brasil colonial as revoltas coloniais
Brasil colonial   as revoltas coloniaisBrasil colonial   as revoltas coloniais
Brasil colonial as revoltas coloniais
Edenilson Morais
 

Mais procurados (20)

Primeiro reinado
Primeiro reinadoPrimeiro reinado
Primeiro reinado
 
República velha
República velhaRepública velha
República velha
 
Renascimento Cultural
Renascimento CulturalRenascimento Cultural
Renascimento Cultural
 
2° ano - Processos de Independência na América
2° ano - Processos de Independência na América2° ano - Processos de Independência na América
2° ano - Processos de Independência na América
 
Revolução inglesa
Revolução inglesaRevolução inglesa
Revolução inglesa
 
Crise de 1929
Crise de 1929Crise de 1929
Crise de 1929
 
Renascimento cultural
Renascimento culturalRenascimento cultural
Renascimento cultural
 
O Renascimento - 7º Ano (2017)
O Renascimento - 7º Ano (2017)O Renascimento - 7º Ano (2017)
O Renascimento - 7º Ano (2017)
 
Aula revolução industrial
Aula revolução industrialAula revolução industrial
Aula revolução industrial
 
Uniao iberica slide
Uniao iberica slideUniao iberica slide
Uniao iberica slide
 
A colonização da América portuguesa
A colonização da América portuguesaA colonização da América portuguesa
A colonização da América portuguesa
 
Revolução russa
Revolução russaRevolução russa
Revolução russa
 
1° ano império romano - completo
1° ano    império romano - completo1° ano    império romano - completo
1° ano império romano - completo
 
Independência do brasil
Independência do brasilIndependência do brasil
Independência do brasil
 
Independência da América Espanhola
Independência da América EspanholaIndependência da América Espanhola
Independência da América Espanhola
 
Período regencial no Brasil
Período regencial no BrasilPeríodo regencial no Brasil
Período regencial no Brasil
 
o primeiro reinado (1822-1831)
o primeiro reinado (1822-1831)o primeiro reinado (1822-1831)
o primeiro reinado (1822-1831)
 
Grandes navegações
Grandes navegaçõesGrandes navegações
Grandes navegações
 
Brasil colonial as revoltas coloniais
Brasil colonial   as revoltas coloniaisBrasil colonial   as revoltas coloniais
Brasil colonial as revoltas coloniais
 
Período entre guerras
Período entre guerrasPeríodo entre guerras
Período entre guerras
 

Destaque

Slides revolução francesa
Slides revolução francesaSlides revolução francesa
Slides revolução francesa
profalced04
 
As causas da revolução francesa
As causas da revolução francesaAs causas da revolução francesa
As causas da revolução francesa
stcnsaidjv
 
Governos Populistas
Governos PopulistasGovernos Populistas
Governos Populistas
eiprofessor
 
As Guerras de Independência da África e Sudeste Asiático
As Guerras de Independência da África e Sudeste AsiáticoAs Guerras de Independência da África e Sudeste Asiático
As Guerras de Independência da África e Sudeste Asiático
eiprofessor
 
II Reinado - Decadência (parte final)
II Reinado - Decadência (parte final)II Reinado - Decadência (parte final)
II Reinado - Decadência (parte final)
eiprofessor
 
Sociedades na História da Humanidade
Sociedades na História da HumanidadeSociedades na História da Humanidade
Sociedades na História da Humanidade
José Augusto Fiorin
 
Oriente proximo evolucao_historica e geopolitica
Oriente proximo evolucao_historica e geopoliticaOriente proximo evolucao_historica e geopolitica
Oriente proximo evolucao_historica e geopolitica
Gisele Finatti Baraglio
 
Revolução Chinesa
Revolução ChinesaRevolução Chinesa
Revolução Chinesa
eiprofessor
 
História Social Inglesa (do trabalho)
História Social Inglesa (do trabalho)História Social Inglesa (do trabalho)
História Social Inglesa (do trabalho)
eiprofessor
 
Da Igreja a Moenda - Sociedade Colonial no Brasil
Da Igreja a Moenda - Sociedade Colonial no BrasilDa Igreja a Moenda - Sociedade Colonial no Brasil
Da Igreja a Moenda - Sociedade Colonial no Brasil
eiprofessor
 
Revolucao francesa (1)
Revolucao francesa (1)Revolucao francesa (1)
Revolucao francesa (1)
Érica Alegre
 
Movimento Operário e Doutrinas Sociais
Movimento Operário e Doutrinas SociaisMovimento Operário e Doutrinas Sociais
Movimento Operário e Doutrinas Sociais
eiprofessor
 
II Reinado - Política Externa (parte 3)
II Reinado - Política Externa (parte 3)II Reinado - Política Externa (parte 3)
II Reinado - Política Externa (parte 3)
eiprofessor
 
Período Regencial
Período RegencialPeríodo Regencial
Período Regencial
eiprofessor
 
República Velha (Espadas)
República Velha (Espadas)República Velha (Espadas)
República Velha (Espadas)
eiprofessor
 

Destaque (20)

Revolução Francesa
Revolução FrancesaRevolução Francesa
Revolução Francesa
 
Slides revolução francesa
Slides revolução francesaSlides revolução francesa
Slides revolução francesa
 
10. iluminismo
10. iluminismo10. iluminismo
10. iluminismo
 
As causas da revolução francesa
As causas da revolução francesaAs causas da revolução francesa
As causas da revolução francesa
 
O Iluminismo
O IluminismoO Iluminismo
O Iluminismo
 
Revolução francesa pdf
Revolução francesa pdfRevolução francesa pdf
Revolução francesa pdf
 
Governos Populistas
Governos PopulistasGovernos Populistas
Governos Populistas
 
Nicaraguan revolution
Nicaraguan revolutionNicaraguan revolution
Nicaraguan revolution
 
As Guerras de Independência da África e Sudeste Asiático
As Guerras de Independência da África e Sudeste AsiáticoAs Guerras de Independência da África e Sudeste Asiático
As Guerras de Independência da África e Sudeste Asiático
 
II Reinado - Decadência (parte final)
II Reinado - Decadência (parte final)II Reinado - Decadência (parte final)
II Reinado - Decadência (parte final)
 
Sociedades na História da Humanidade
Sociedades na História da HumanidadeSociedades na História da Humanidade
Sociedades na História da Humanidade
 
Oriente proximo evolucao_historica e geopolitica
Oriente proximo evolucao_historica e geopoliticaOriente proximo evolucao_historica e geopolitica
Oriente proximo evolucao_historica e geopolitica
 
Revolução Chinesa
Revolução ChinesaRevolução Chinesa
Revolução Chinesa
 
História Social Inglesa (do trabalho)
História Social Inglesa (do trabalho)História Social Inglesa (do trabalho)
História Social Inglesa (do trabalho)
 
Da Igreja a Moenda - Sociedade Colonial no Brasil
Da Igreja a Moenda - Sociedade Colonial no BrasilDa Igreja a Moenda - Sociedade Colonial no Brasil
Da Igreja a Moenda - Sociedade Colonial no Brasil
 
Revolucao francesa (1)
Revolucao francesa (1)Revolucao francesa (1)
Revolucao francesa (1)
 
Movimento Operário e Doutrinas Sociais
Movimento Operário e Doutrinas SociaisMovimento Operário e Doutrinas Sociais
Movimento Operário e Doutrinas Sociais
 
II Reinado - Política Externa (parte 3)
II Reinado - Política Externa (parte 3)II Reinado - Política Externa (parte 3)
II Reinado - Política Externa (parte 3)
 
Período Regencial
Período RegencialPeríodo Regencial
Período Regencial
 
República Velha (Espadas)
República Velha (Espadas)República Velha (Espadas)
República Velha (Espadas)
 

Semelhante a Revolucão Francesa

15. aula sobre revolução francesa
15. aula sobre revolução francesa15. aula sobre revolução francesa
15. aula sobre revolução francesa
Darlan Campos
 
Revolucaofrancesa fil-100925083334-phpapp02
Revolucaofrancesa fil-100925083334-phpapp02Revolucaofrancesa fil-100925083334-phpapp02
Revolucaofrancesa fil-100925083334-phpapp02
Artur Souza
 
Revolução francesa
Revolução francesaRevolução francesa
Revolução francesa
prof1campina
 
Revolução francesa
Revolução francesaRevolução francesa
Revolução francesa
prof1campina
 
A revolução francesa de 1789
A revolução francesa de 1789A revolução francesa de 1789
A revolução francesa de 1789
JulianaGimenes
 
A revolução francesa de 1789
A revolução francesa de 1789A revolução francesa de 1789
A revolução francesa de 1789
segundocol
 
Revolução Francesa - Entender como o Pacto Colonial e seus desdobramentos mud...
Revolução Francesa - Entender como o Pacto Colonial e seus desdobramentos mud...Revolução Francesa - Entender como o Pacto Colonial e seus desdobramentos mud...
Revolução Francesa - Entender como o Pacto Colonial e seus desdobramentos mud...
ColgioEstadualProfes3
 

Semelhante a Revolucão Francesa (20)

11. revolução francesa
11. revolução francesa11. revolução francesa
11. revolução francesa
 
Slides da aula de História (Daniel) sobre Revolução Francesa
Slides da aula de História (Daniel) sobre Revolução FrancesaSlides da aula de História (Daniel) sobre Revolução Francesa
Slides da aula de História (Daniel) sobre Revolução Francesa
 
15. aula sobre revolução francesa
15. aula sobre revolução francesa15. aula sobre revolução francesa
15. aula sobre revolução francesa
 
Revolucao francesa 01
Revolucao francesa 01Revolucao francesa 01
Revolucao francesa 01
 
Revolucaofrancesa fil-100925083334-phpapp02
Revolucaofrancesa fil-100925083334-phpapp02Revolucaofrancesa fil-100925083334-phpapp02
Revolucaofrancesa fil-100925083334-phpapp02
 
Revolução francesa
Revolução francesaRevolução francesa
Revolução francesa
 
Revolução francesa
Revolução francesaRevolução francesa
Revolução francesa
 
11
1111
11
 
Revolução francesa
Revolução francesaRevolução francesa
Revolução francesa
 
Revolução francesa
Revolução francesaRevolução francesa
Revolução francesa
 
Cap. 01 rev. francesa
Cap. 01   rev. francesaCap. 01   rev. francesa
Cap. 01 rev. francesa
 
Revolucao francesa 2014
Revolucao francesa 2014Revolucao francesa 2014
Revolucao francesa 2014
 
Revolução francesa - Prof. Elvis John
Revolução francesa - Prof. Elvis JohnRevolução francesa - Prof. Elvis John
Revolução francesa - Prof. Elvis John
 
Revolucao francesa.filé
Revolucao francesa.filéRevolucao francesa.filé
Revolucao francesa.filé
 
A revolução francesa de 1789
A revolução francesa de 1789A revolução francesa de 1789
A revolução francesa de 1789
 
A revolução francesa de 1789
A revolução francesa de 1789A revolução francesa de 1789
A revolução francesa de 1789
 
Revolução Francesa - Entender como o Pacto Colonial e seus desdobramentos mud...
Revolução Francesa - Entender como o Pacto Colonial e seus desdobramentos mud...Revolução Francesa - Entender como o Pacto Colonial e seus desdobramentos mud...
Revolução Francesa - Entender como o Pacto Colonial e seus desdobramentos mud...
 
15_revolucao_francesa.ppt
15_revolucao_francesa.ppt15_revolucao_francesa.ppt
15_revolucao_francesa.ppt
 
Revolucoes
RevolucoesRevolucoes
Revolucoes
 
Revolucaofrancesa 1789 1799
Revolucaofrancesa 1789 1799Revolucaofrancesa 1789 1799
Revolucaofrancesa 1789 1799
 

Mais de eiprofessor

Período Joanino, Independência e I Reinado
Período Joanino, Independência e I ReinadoPeríodo Joanino, Independência e I Reinado
Período Joanino, Independência e I Reinado
eiprofessor
 
Segunda Guerra Mundial
Segunda Guerra MundialSegunda Guerra Mundial
Segunda Guerra Mundial
eiprofessor
 
Revolução Russa
Revolução RussaRevolução Russa
Revolução Russa
eiprofessor
 
Primeira Guerra Mundial
Primeira Guerra MundialPrimeira Guerra Mundial
Primeira Guerra Mundial
eiprofessor
 
República Velha (Revoltas)
República Velha (Revoltas)República Velha (Revoltas)
República Velha (Revoltas)
eiprofessor
 
Revolução Industrial
Revolução IndustrialRevolução Industrial
Revolução Industrial
eiprofessor
 
Era Napoleônica
Era NapoleônicaEra Napoleônica
Era Napoleônica
eiprofessor
 
Independência da América Espanhola
Independência da América EspanholaIndependência da América Espanhola
Independência da América Espanhola
eiprofessor
 
Revolucão Industrial
Revolucão IndustrialRevolucão Industrial
Revolucão Industrial
eiprofessor
 
EUA no século XIX
EUA no século XIXEUA no século XIX
EUA no século XIX
eiprofessor
 
República Velha (Oligárquica)
República Velha (Oligárquica)República Velha (Oligárquica)
República Velha (Oligárquica)
eiprofessor
 
Independência das 13 Colônias Inglesas na América
Independência das 13 Colônias Inglesas na AméricaIndependência das 13 Colônias Inglesas na América
Independência das 13 Colônias Inglesas na América
eiprofessor
 
Sistema Colonial Mercantilista (Exploração e Povoamento)
Sistema Colonial Mercantilista (Exploração e Povoamento)Sistema Colonial Mercantilista (Exploração e Povoamento)
Sistema Colonial Mercantilista (Exploração e Povoamento)
eiprofessor
 
República Velha (Espadas)
República Velha (Espadas)República Velha (Espadas)
República Velha (Espadas)
eiprofessor
 
Revolucao Inglesa e Iluminismo
Revolucao Inglesa e IluminismoRevolucao Inglesa e Iluminismo
Revolucao Inglesa e Iluminismo
eiprofessor
 
Civilização Inca
Civilização IncaCivilização Inca
Civilização Inca
eiprofessor
 

Mais de eiprofessor (20)

Período Joanino, Independência e I Reinado
Período Joanino, Independência e I ReinadoPeríodo Joanino, Independência e I Reinado
Período Joanino, Independência e I Reinado
 
Segunda Guerra Mundial
Segunda Guerra MundialSegunda Guerra Mundial
Segunda Guerra Mundial
 
Nazifascismo
NazifascismoNazifascismo
Nazifascismo
 
Crise de 1929
Crise de 1929Crise de 1929
Crise de 1929
 
Revolução Russa
Revolução RussaRevolução Russa
Revolução Russa
 
Primeira Guerra Mundial
Primeira Guerra MundialPrimeira Guerra Mundial
Primeira Guerra Mundial
 
Imperialismo
ImperialismoImperialismo
Imperialismo
 
República Velha (Revoltas)
República Velha (Revoltas)República Velha (Revoltas)
República Velha (Revoltas)
 
Era Vargas
Era VargasEra Vargas
Era Vargas
 
Revolução Industrial
Revolução IndustrialRevolução Industrial
Revolução Industrial
 
Era Napoleônica
Era NapoleônicaEra Napoleônica
Era Napoleônica
 
Independência da América Espanhola
Independência da América EspanholaIndependência da América Espanhola
Independência da América Espanhola
 
Revolucão Industrial
Revolucão IndustrialRevolucão Industrial
Revolucão Industrial
 
EUA no século XIX
EUA no século XIXEUA no século XIX
EUA no século XIX
 
República Velha (Oligárquica)
República Velha (Oligárquica)República Velha (Oligárquica)
República Velha (Oligárquica)
 
Independência das 13 Colônias Inglesas na América
Independência das 13 Colônias Inglesas na AméricaIndependência das 13 Colônias Inglesas na América
Independência das 13 Colônias Inglesas na América
 
Sistema Colonial Mercantilista (Exploração e Povoamento)
Sistema Colonial Mercantilista (Exploração e Povoamento)Sistema Colonial Mercantilista (Exploração e Povoamento)
Sistema Colonial Mercantilista (Exploração e Povoamento)
 
República Velha (Espadas)
República Velha (Espadas)República Velha (Espadas)
República Velha (Espadas)
 
Revolucao Inglesa e Iluminismo
Revolucao Inglesa e IluminismoRevolucao Inglesa e Iluminismo
Revolucao Inglesa e Iluminismo
 
Civilização Inca
Civilização IncaCivilização Inca
Civilização Inca
 

Revolucão Francesa

  • 2. A REVOLUÇÃO FRANCESA IMPORTÂNCIA: Marco da queda dos regimes absolutistas e feudais. Coube a esta Revolução a definição do perfil ideológico das revoluções burguesas: liberal e democrático. Ela faz parte de um processo global - atlântico ou ocidental - iniciado nos Estados Unidos, que atingiu sua maior violência na França, e repercutiu em outros países (voltando inclusive à França) em 1820, 30 e 48.
  • 3. A REVOLUÇÃO FRANCESA • Antecedentes/causas: – Maior população da Europa Ocidental (25 milhões). – 80% rural. – Absolutismo parasitário Luís XVI Festas, banquetes, pensões, guerras inúteis, tratados desvantajosos.
  • 4. A REVOLUÇÃO FRANCESA – Sociedade estamental (extrema desigualdade): 97% 2% 1% 1º ESTADO: CLERO 2º ESTADO: NOBREZA 3º ESTADO: BURGUESIA + CAMPONESES + SANS CULOTES: obrigações e impostos. Terras, cargos prestígio, privilégios, e isenção fiscal
  • 6. A REVOLUÇÃO FRANCESA – Crise econômica: concorrência inglesa, excesso de gastos, altos impostos, inundações, secas... – Restrições mercantilistas: taxações, proibições, monopólios. – Difusão de ideais iluministas. – Revolta dos Notáveis (1787): nobres inconformados com proposta de cobrança de impostos, exigem convocação dos Estados Gerais. • Os Estados Gerais (1789): – Reunião (consultiva) de membros dos 3 Estados. – Objetivo básico: tributação. – Divergência de votação (por deputado ou por Estado)
  • 7. A REVOLUÇÃO FRANCESA –3º Estado separa-se e autoproclama- se em Assembléia Nacional Constituinte (juramento da péla). –Criação da Guarda Nacional (milícia burguesa) para resistir ao rei. –14/07/1789: QUEDA DA BASTILHA (início oficial da Revolução Francesa)
  • 9. A REVOLUÇÃO FRANCESA • A Assembléia Nacional (1789 – 1792): – Grande Medo (AGO): camponeses rebelam-se contra autoridade dos senhores feudais. – Abolição de privilégios feudais. – DECLARAÇÃO UNIVERSAL DOS DIREITOS DO HOMEM E DO CIDADÃO – igualdade jurídica, direito à propriedade e resistência à opressão. Desigualdade econômica no lugar da sociedade estamental. – Constituição civil do clero (1790). Igreja subordinada ao Estado. Juramentados X Refratários.
  • 11. A REVOLUÇÃO FRANCESA – 1ª Constituição francesa (1791): monarquia constitucional, divisão de poderes, voto censitário, manutenção da escravidão nas colônias. – Proibição de greves e associações de trabalhadores (Le Chepelier). – Divisões entre os parlamentares: GIRONDINOS – alta burguesia, conservadores, sentados na direita do parlamento. JACOBINOS – pequena e média burguesia, apoiados por sans-culotes, favoráveis a mudanças mais radicais, sentados na esquerda do parlamento. Apelidados de “montanheses”.
  • 12. A REVOLUÇÃO FRANCESA Planície (Feuillants) – burguesia financeira. – Nobres começam a abandonar a França (emigrados). – Rei tenta fugir e é preso (1791). – França é invadida por países absolutistas (Áustria e Prússia). – Exército popular (COMUNA INSURRECIONAL DE PARIS), liderado por jacobinos, é formado para conter inimigos. – Rei = traidor Monarquia é abolida (1792)
  • 13. A REVOLUÇÃO FRANCESA • A Convenção Nacional (1792 – 1795): – Girondinos X Jacobinos – Set/1792 – Jun/1793: Girondinos no poder. Jan/1793 – Luís XVI é guilhotinado. 1ª coligação contra a FRA (AUS + PRUS + ESP + HOL + ING). Revolta de camponeses e Crise econômica. – Jun/1793 – Jul/1794: Jacobinos no poder. Radicalismo.
  • 14. A REVOLUÇÃO FRANCESA • 1793: Constituição do Ano I – sufrágio universal, fim da escravidão nas colônias. • Comitê de Salvação Pública (administração e defesa externa). • Comitê de Salvação Nacional (segurança interna). • Tribunais Revolucionários (julgamento de opositores). • Calendário Revolucionário. • Lei do Preço Máximo. • Ensino público e gratuito. • Confisco e venda (a preços populares) de bens da Igreja e nobreza.
  • 15. A REVOLUÇÃO FRANCESA • Assassinato de Marat • Divergências entre jacobinos. – Danton X Robespierre X Hérbert • Terror: abuso da guilhotina. • Desgaste do governo. MARAT ROBESPIERRE DANTON
  • 16. A REVOLUÇÃO FRANCESA • Golpe do 9 Termidor (Reação Termidoriana): Robespierre é guilhotinado e Girondinos retomam o poder. • Convenção Termidoriana (1794 – 1795): – Anulação das leis dos jacobinos. – Perseguições a populares (Terror Branco). • O Diretório (1795 – 1799): – 1795: Nova Constituição – 5 diretores (poder executivo), voto censitário. – 1795 e 1797 – golpes realistas (frustrados)
  • 18. A REVOLUÇÃO FRANCESA • 1796: Conspiração ou Conjura dos Iguais (Graco Babeuf) – rebelião popular fracassada. • Segunda Coligação contra a França (PRUS + ESP + HOL + ITA) – derrotada. • Crise econômica, corrupção, impopularidade. • Napoleão Bonaparte destaca-se. • Golpe do 18 Brumário (1799): Napoleão Bonaparte toma o poder. – Fim da Revolução Francesa. GRACO BABEUF NAPOLEÃO BONAPARTE
  • 19. A REVOLUÇÃO FRANCESA •Importância do movimento: –Fim do Antigo Regime. –Ascensão da burguesia. –Desenvolvimento do capitalismo.