Disciplina: marketing. 
Desafio: criar um serviço inovador.
1. Empresa 
 Nome, localização e informações gerais 
A empresa se chamará meajuda.com e seu escritório será na grande São...
 Estrutura administrativa 
2. Serviço 
 Mercado – Mercado alvo (segmento de atuação e target, perfil psicográfico e psic...
Observação: o gráfico abaixo representa o nível de usuários ativos na internet por cada região do Brasil. 
Ao lado esquerd...
 Outras recomendações: 
1. A estratégia de divulgação contará com, ao menos, 80% de usuários que possuem presença nas red...
o Característica: 
1) Relacionado com o cliente 
O site, que se chamará meajuda.com, será destinado para o consumidor fina...
5. Ter, dentro do universo de 500 professores cadastrados, ao menos, 44% com rated de 5 estrelas em 8 meses. 
5) Grau de r...
pessoa em uma empresa, teremos níveis baixíssimos de de redução na performance de prestação do serviço – o que impactará m...
Diferencial (oportunidades e tendência) 
Oportunidades 
Fazendo uma verificação na internet, não conseguimos identificar s...
Tendência 
Tornou-se notável que o comportamento da sociedade foi remodelado devido às novas tecnologias, que atividades d...
EAD – ambiente digital ainda sem muita credibilidade. 
Como professor de Políticas Educacionais em Pós-Graduação noutra in...
 Equipe de trabalho 
O CEO será o responsável pela administração da empresa e terá o auxílio da área de novos negócios pa...
interação com os usuários e pela prospecção; o estagiário será o responsável pela classificação e filtragem das citações; ...
CEO 
o Como que o presidente gere a meajuda.com? 
o Em quais momentos que o CEO se reuniria com a área de novos negócios? ...
O primeiro caminho para que a pesquisa do mercado seja realizada, e que não tenha um gasto muito alto, será por meio de re...
o E o fluxo de trabalho dessa área, como seria? 
Abaixo, encontra-se o fluxo de trabalho do colaborador que irá relacionar...
o E o supervisor da área comercial, o que faz? 
o O gestor? 
Social media 
O planner em social media será responsável por:...
o Como seria o fluxo de trabalho do classificador? 
o E o do analista de interação? 
Classificador 
Analista de interação ...
Área de tecnologia 
Basicamente, essa área será responsável por tornar viável todas as sugestões de melhorias para a plata...
 Evidências físicas 
Abaixo, apresentamos o escritório da Mejuda.com. 
Legenda: 
1. Recepção confortável e com pinturas c...
6. Àrea comercial: mesa do supervisor posicionada para sua operação e a do gestor direcionada tanto para operação quanto p...
3. Política de preço 
O preço do serviço para o aluno será definido por apenas um fator: o nível em que o professor escolh...
4. Logística e Localização 
O maior ponto de investimento de distribuição do serviço será pela internet, claro. Mas, com o...
3º momento: newsletter com assuntos quentes da área de comunicação social. 
o Manutenção 
1º momento: disparar e-mail mark...
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

Projeto academico: meajuda.com

88 visualizações

Publicada em

Lá nos anos de 2012, na faculdade, desenvolvemos este projeto que tinha como objetivo apresentar um serviço inovador - que o chamamos de meajuda.com

Publicada em: Educação
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
88
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
1
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
1
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Projeto academico: meajuda.com

  1. 1. Disciplina: marketing. Desafio: criar um serviço inovador.
  2. 2. 1. Empresa  Nome, localização e informações gerais A empresa se chamará meajuda.com e seu escritório será na grande São Paulo, zona sul. O projeto será estruturar um site que consiga atender as necessidades de alunos universitários e que sirva, também, como uma atividade rentável para docentes.  Logo marca    Missão Estabelecer um novo modelo de ensino à distância para que docentes possam aplicar as melhores práticas de ensino e, consequentemente, evoluir o conhecimento crítico de alunos universitários sobre o curso que estão se graduando.  Visão Tornar-se o modelo ideal de ensino à distância para universitários.
  3. 3.  Estrutura administrativa 2. Serviço  Mercado – Mercado alvo (segmento de atuação e target, perfil psicográfico e psicossocial). A empresa prestará serviço para a área da educação (ensino superior) e terá seus esforços voltados tanto para alunos universitários quanto para docentes. Portanto, o público-alvo será separado por dois grupos: 1) Estudantes universitários 2) Docentes  Perfil psicográfico  Alunos 1. Qual é a idade desse público? Entre 18~25 anos. 2. Qual é o sexo desse público? Não será levado em conta. 3. Qual é a ocupação desse público? CEO Desenvolvimento DBA Comercial Novos negócios Financeiro Social media
  4. 4. Observação: o gráfico abaixo representa o nível de usuários ativos na internet por cada região do Brasil. Ao lado esquerdo, como apresenta a pesquisa da Experian Hitwise, de Abril/2011, Sudeste e Sul são as regiões onde os usuários mais acessam a internet – informação que define os locais que teremos maior investimento na comunicação/ações. 4. Qual é o grau de escolaridade desse público? Universitário.  Docente 1. Qual é a idade desse público? Entre 27~46 anos. 2. Qual é o sexo desse público? Não há. 3. Qual é a formação acadêmica desse público? 64% doutor; 23% mestre; 13% pós-graduado. 4. Qual é a ocupação desse público? Não há. O docente pode morar fora do Brasil e lecionar normalmente.  Análise psicossocial A seleção do público (alunos) que será prospectado pelo serviço se dará pela necessidade e dificuldade que ele possui para determinada atividade acadêmica. Abaixo, encontram-se exemplos do perfil que iremos direcionar nossos esforços de prospecção: 61% 16% 12% 7% 3% Sudeste Sul Nordeste Centro-Oeste Norte
  5. 5.  Outras recomendações: 1. A estratégia de divulgação contará com, ao menos, 80% de usuários que possuem presença nas redes sociais; 2. Na fase de diagnóstico será realizada uma pesquisa para avaliar quais são as matérias que os alunos universitários possuem maior dificuldade – processo que será necessário para avaliar o nível de penetração de cada matéria dentro do universo da disciplina de comunicação social. 3. Será realizada uma pesquisa com os perfis pesquisados a fim de saber quais são os gostos deles: filmes, livros, programas de TV, gastronomia, atividades físicas, entretenimento etc – esse procedimento será feito para munir o planejamento de informações que consigam tangibilizar o projeto já visando possibilidades de parcerias. Para os docentes: ao menos 60% deles devem praticar alguma atividade na internet. Isto é: ser frequentador das redes sociais, ter um blog que fale sobre negócios, ensino ou outros assuntos, participar de fóruns educacionais etc.  Descrição, característica e natureza do serviço. o Descrição: O site será desenvolvido, inicialmente, para a área de humanas – comunicação social, especificamente - e terá duas frentes de atuação: 1° Oferecer um ambiente que possibilite o docente aplicar suas aulas, ao vivo, para alunos que querem dominar determinado assunto, matéria e/ou atividade. 2° Conteúdo multimídia exclusivo para as melhores práticas para elaborar um TCC ou monografia. O ambiente, para ser desenvolvido, terá certo grau de complexidade, mas, pensando na percepção do consumidor final, levará como premissa básica de desenvolvimento a questão de usabilidade para o usuário. Isto é, como o site terá o objetivo de se posicionar com a mensagem “aprender e ensinar é fácil”, ele terá que ser prático: facilidade para o estudante conseguir agendar suas aulas, servidor de qualidade para que a plataforma tenha plena estabilidade, área administrativa para o docente conseguir manter-se organizado em relação ao agendamento das suas aulas e o último, mas não menos importante, manter sempre disponível pontos de contato para o usuário tirar suas dúvidas e aplicar feedbacks.
  6. 6. o Característica: 1) Relacionado com o cliente O site, que se chamará meajuda.com, será destinado para o consumidor final que, como já citado neste documento, será separado em dois grupos: estudante e docente. 2) Centrados no homem e centrados na máquina O serviço será centrado na máquina. Como a prestação de serviço se dará em um ambiente digital, conseguiremos agregar maior valor à plataforma com a relação que criaremos com os dois públicos - processo que terá total envolvimento com a área comercial da empresa. 3) Habilidade e treinamento formal requeridos do prestador de serviços A empresa meajuda.com contará com workshops e treinamentos especializados para a área comercial, que prestará constante suporte para o consumidor final: Os profissionais que darão suporte aos docentes terão que: entender as desvantagens do universo tradicional acadêmico – justamente para formular apresentações de prospecção; explicar e detalhar o modelo de negócio da meajuda.com; tangibilizar a rentabilidade do negócio, benefícios e vantagens que o docente terá ao lecionar no “ensino 2.0”. Os profissionais que darão suporte aos alunos terão que: explicar a plataforma e suas funcionalidades; apresentar o ranking de professores; detalhar o modelo de ensino; tirar dúvidas sobre o cadastro do usuário e informar qual o perfil que melhor encaixa-se para a sua necessidade. Como vimos, teremos que ter profissionais que entendam profundamente o universo acadêmico para que assim consigamos obter as melhores práticas de suporte aos professores – esse pensamento será para justamente dar maiores percepções aos docentes sobre os benefícios que o site pode trazer. 4) Orientados para o lucro ou sem fins lucrativos A meajuda.com conseguirá nascer com o capital de seus idealizadores. Os indicadores para mensurar a rentabilidade do negócio são: 1. Em 9 meses estabelecer um volume de 8 mil acessos/mês de visitas ao site – tendo os outros indicadores do analytics com cenário positivo; 2. Ter, em 11 meses, de 2 a 3 mil cadastros no site; 3. Vender 47% da mídia do site em 9 meses; 4. Firmar parcerias com, ao menos, 30% das universidades do estado de São Paulo em 6 meses;
  7. 7. 5. Ter, dentro do universo de 500 professores cadastrados, ao menos, 44% com rated de 5 estrelas em 8 meses. 5) Grau de regulamentação governamental Auto-regulamentação. 6) Grau de contato com o cliente Como o serviço será oferecido em um ambiente digital, a participação do cliente será de total necessidade – tanto dos docentes quanto dos alunos. Essa, aliás, será uma das maiores necessidades da plataforma, já tendo em vista a construção de relacionamentos que consigam potencializar a popularidade da plataforma.  Natureza do serviço o Intangibilidade Tratando-se do serviço ser oferecido em um ambiente digital e, no contexto atual de nossa sociedade, onde empresas conseguem aumentar suas vendas ou ir às ruínas com simples menções positivas ou negativas de usuários nas redes sociais, vemos que a intangibilidade deste serviço deverá ser bem trabalhada. Para isso, precisamos vender bem o primeiro contato com o prospect. Isto é: para o docente, precisamos tangibilizar o serviço a ponto de ele avaliar positivamente dois fatores: rentabilidade e reconhecimento profissional. Para o aluno, vemos que será necessário ter investimento pleno no ambiente que ele terá aulas. Ou seja: infraestrutura que suporte, com qualidade, as aulas on-line que ele terá. Ao levar em conta essas mitigações apresentadas, conseguiremos trabalhar, com maior facilidade, a comunicação do serviço, a precificação e a gestão da oferta. o Perecibilidade O site terá um recurso que conseguirá notificar ao aluno quais são os professores disponíveis e quais são os horários que eles podem lecionar. Outra possibilidade, para não ter uma porcentagem significativa de desistência, é oferecer ao aluno alternativas para ele estudar a matéria que tem interesse até que o seu docente “favorito” esteja disponível. Isto é: desenvolver uma inteligência no site que consiga indicar artigos, vídeos, matérias, documentários etc na internet que facilitarão o dia de aula do aluno com o seu professor. o Variabilidade O endomarketing será trabalhado de forma constante na empresa. O cuidado será abordado desde a fase de contratação (Gestão de processos do RH) do funcionário até a fase de execução do seu trabalho. Com programas inteligentes de desenvolvimento profissional, que consigam compreender os reais valores de uma
  8. 8. pessoa em uma empresa, teremos níveis baixíssimos de de redução na performance de prestação do serviço – o que impactará muito pouco na percepção dos consumidores finais do site. o Simultaneidade Teremos que criar a cultura “ensino 2.0” e, para isso, será de total necessidade a participação de entusiastas que possuem atuação assídua no segmento que atuaremos.  Espectro do produto, classificação e qualidade. o Espectro do produto Esse serviço, no quadro “O Espectro Produto-Serviço”, se encaixa em serviço relativamente puro, pois nada mais é do que um ambiente on-line de ensino acadêmico. o Classificação e qualidade Tangibilidade: para deixar o serviço tangível para o consumidor final, daremos ênfase na estratégia de comunicação. Isto é, gerar mídia impressa para anunciar ao público o novo recurso que eles tem à disposição, realizar compra de CPC, do social ads, do facebook e links patrocinados do google para potencializar o nome da marca no meio digital. Ou seja: os esforços serão feitos em dois ambientes: off e on. Confiabilidade: nesta etapa, terá que ser vendido com total consistência o real benefício que o consumidor final obteve ao “testar” o serviço. Isto é: enfatizar ao aluno que ele melhorou suas notas devido à plataforma e demonstrar ao docente que ele conseguiu obter uma atividade rentável. Presteza: aqui, haverá, como dito anteriormente, o esforço da “modelagem” do profissional da empresa – trabalho que reflete na performance dele de relacionamento com o consumidor final. Garantia: workshops e constantes treinamentos conseguirão fazer com que a área comercial tenha voz ativa no diálogo com os consumidores finais. Empatia: um simples e-mail marketing perguntando como que o usuário foi em sua prova é capaz de fidelizá-lo. Isto é: ações de comunicação, independente do canal, que possam colaborar com o ciclo de vida dele na empresa são capazes de firmar um relacionamento.
  9. 9. Diferencial (oportunidades e tendência) Oportunidades Fazendo uma verificação na internet, não conseguimos identificar sites que oferecessem exatamente o que propomos aqui neste documento. Alguns sites nacionais até traçam algo semelhante mas, tendo uma visão analítica, não são funcionais – o que dificulta bastante na rentabilidade do negócio, tanto em prospecção de consumidores finais quanto de venda de mídia. O site cursos 24 horas tem uma proposta de negócio semelhante, mas oferece apenas vídeo aula, avaliações, apostilas e games didáticos. O site Escola 24 horas oferece professores web 24 horas mas não em forma de vídeo conferência. Para utilizar o serviço, o usuário deve enviar uma pergunta. Além disso, o site não é funcional: layout confuso, links desativados. O site Ensino on-line não é funcional. As aulas são por meio de perguntas onde o professor, assim que recebe-as, responde-as ao aluno.
  10. 10. Tendência Tornou-se notável que o comportamento da sociedade foi remodelado devido às novas tecnologias, que atividades difíceis, até certo momento, tornaram-se faceis de serem executadas. Exemplos disso é a facilidade de realizar uma vídeo conferências para fechar um negócio ou um pai, por motivos de trabalho, ver o nascimento do seu filho ao vivo, pela internet. Abaixo, apresentaremos algumas pesquisas que foram realizadas e que derão suporte a ideia que está sendo apresentada neste documento: Internet, um recurso considerado como “doença” Dados da Internet World Stats mostram que o crescimento de uso da Internet foi de 290% a nível mundial e de 660% na América Latina (incluído o Brasil). Todos esses índices apresentados servem para fundamentar a mudança de hábito de seus usuários. É ótimo ter uma ferramenta como esta que nos permite acessar informações, entrar em contato com amigos, trocar mensagens, fotos e tantas outras utilidades. Mas, esse crescimento desenfreado tem tornado parte de seus usuários em verdadeiros "viciados" da Internet, pois eles não conseguem mais viver sem ela. De excelente ferramenta, a Internet começa a se tornar uma compulsão, um vício e, porque não dizer, uma doença. Uma doença? Sim isso mesmo. A edição do American Journal of Psychiatry de março de 2008 traz um alerta sobre essa questão que colocam o uso de modo compulsivo da Internet em jogos, envio de emails, ansiedade por recepção de emails e mensagens instantâneas, uso intensivo de salas de bate-papo como sintomas do que compreende um vício ou uma doença. Esse tipo de dependência ou vício da Internet se enquadra no que é denominado na Psiquiatria de DSM (Diagnostic and Statistical Manual of Mental Disorders ou Manual Diagnóstico e Estatístico de Desordens Mentais). Esse documento lista categorias de desordens mentais e critérios para se fazer o diagnóstico.¹ Printscreem tirado do site Yahoo respostas, em que o usuário afirma que a internet influencia, sim, em seu comportamento.
  11. 11. EAD – ambiente digital ainda sem muita credibilidade. Como professor de Políticas Educacionais em Pós-Graduação noutra instituição de ensino, e atualmente realizando tutoria de Ensino a Distância (EAD) na Universidade Federal do Rio Grande, surgem evidentemente algumas provocações em torno da questão da formação dos professores desta modalidade de ensino no Brasil. Tendo estas premissas iniciais, e analisando o texto sobre a formação de professores em EAD de José Moran (publicado na revista Educação, número 3, volume 32, ano 2009 da Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do SUL)² Conclusões:  Dos players analisados vimos que nenhum realiza o que iremos oferecer: aulas ao vivo;  A internet tem modelado o comportamento do usuário;  Aulas de EAD ainda não é um serviço que passa credibilidade aos consumidores finais. ¹Disponível em http://www.espacoacademico.com.br/086/86amsf.htm ²Disponível em http://www.eumed.net/rev/ced/08/casc.htm Pessoas
  12. 12.  Equipe de trabalho O CEO será o responsável pela administração da empresa e terá o auxílio da área de novos negócios para ter sempre ao seu alcance a visão geral das oportunidades de negócios que o projeto tem gerado. A área comercial, que terá o seus níveis hierarquicos, será totalmente dedicada ao suporte aos consumidores finais. A área de social media ficará responsável pela presença da meajuda.com nas redes sociais: interação, prospecção, ações promocionais etc. A área de desenvolvimento ficará responsável pela interface do portal. Isto é, toda e qualquer dúvida ou sugestão apresentada pelos consumidores será apresentada a essa àrea e ela verá se será viável realizar determinada alteração justamente para melhorar a funcionalidade da plataforma. A àrea de DBA ficará responsável por toda a manipulação do banco de dados que o site irá obter.  Profissionais Novos negócios (3):será representada por três coboradores. Não existirá nível hierarquico, porém, como essa área é um dos pilares mais importantes da empresa, será recomendado que eles sejam altamente qualificados no mercado de trabalho e que tenham espírito empreendedor independentemente da sua área de formação acadêmica. Àrea comercial (6): será composta, inicialmente, por seis colaboradores. Existirá nível hierarquico. Coordenador – àrea de formação: marketing (1): responsável pela gestão da área comercial ficará responsável por avaliar os indicadores e propor melhorias. Supervisor - àrea de formação: administração (1): será o responsável pela operação. Analista comercial - àrea de formação: comunicação social, marketing ou RP (4): será responsável pelo suporte ao consumidor final do portal: dois analistas dedicados aos estudantes e os outros dois dedicados aos docentes. Desenvolvimento/web designer (2) - àrea de formação: Ciencias da Computação e web designer: essa área contará, inicialmente, com dois colaboradores e estes serão os responsáveis pelo desenvolvimento da interface do site e a readaptação dele sempre visando a melhor usabilidade do consumidor final. Social media (3) – àreas de formação: Publicidade e Propaganda, Marketing, Jornalismo ou RP. Essa àrea será representada, inicialmente, por três colaboradores. Existirá nível hierarquico. O Planner ficará responsável por fazer a estratégia da meajuda.com nas redes sociais e terá que realizar a gestão dos KPI’s de negócio e dos indicadores de sua operação; O analista ficará responsável pela
  13. 13. interação com os usuários e pela prospecção; o estagiário será o responsável pela classificação e filtragem das citações; DBA (1) - àrea de formação: ciencias da computação e estatística: área que tomará conta da gestão do banco de dados do site contará com o apoio dedicado de um colaborador inicialmente. Conforme o crescimento do projeto e as novas demandas de base de dados, teremos que ter o planejamento para a contração de mais um colaborador. Financeiro (2) - àrea de formação: ciências contábeis e administração: àrea que ficará responsável por todos os processos que envolvem valores da empresa. Inicialmente, contaremos com dois colaboradores: o contabilista, que deverá ser pleno, pois exercerá liderança em sua área e o formado em administração, que terá maior responsabilidade nas partes burocrativas em que a empresa se envolver: pagamento aos docentes, venda de mídia, novas parcerias etc.  Processo de contratação Inicialmente, para os cargos que não exigem maior competencia e experiência, iremos identificar nas universidades os talentos que podem compor o time comercial da empresa. Para outros cargos, que exigem maior experiência, iremos prospectar docentes que estejam a fim de encarar desafios na àrea empresarial e que já possuem bagagem na direção de novos negócios. Como se pode notar, na estrutura administrativa da empresa não há a área de RH. Essa atitude foi natural, pois o processo de contratação será realizado pelos representantes de cada àrea. Isto é, se na equipe de novos negócios houver a necesside de contratação, um dos representantes ficará responsável em planejar, pesquisar e contratar o novo colaborador, tendo contato direto com a àrea financeira, justamente para manter o equilíbrio financeiro da empresa.  Treinamento Cada àrea ficará responsável em aplicar treinamentos. Mensalmente, a empresa terá o seu “meajuda.com day” onde o membro de cada àrea realizará uma apresentação contando uma novidade do mercado ou da própria experiência tida com o consumidor final. Acreditamos que treinamentos “menos quadrados” podem envolver o colaborador e fazer com que sua performance seja positiva a cada período. Em paralelo a isso, a empresa terá que investir em workshops e, para isso, será feito um calendário com base em uma pesquisa interna. Isto é: realizaremos, bimestralmente, uma pesquisa na empresa e avaliaremos qual conteúdo e/ou atividade que os colaboradores têm interesse em conhecer melhor.  Processos
  14. 14. CEO o Como que o presidente gere a meajuda.com? o Em quais momentos que o CEO se reuniria com a área de novos negócios? 1) FUP sobre a prospecção de clientes potenciais; 2) Reuniões emergenciais com acionistas ou investidores; 3) Conhecimento de um novo segmento para atuar; 4) Reformulação do plano de negócios em casos de ameaças. o Então, qual seria o fluxo de trabalho do CEO da meajuda.com? Novos negócios o Como que essa área daria novas visões de negócio para a meajuda.com? Financeiro CEO Novos negócios Reunião mensal que aborda os seguintes indicadores: a)Balanço de faturamento dos 30 dias; b)Horas de trabalho por àrea x conversão em lucro; c)Pipeline de novos negócios e potencial de movimentação no caixa. Fecha negócios Alinha processos com área comercial Analisa indicadores internos CEO Toma decisões Alinha processos com departamento financeiro Checa os e-mails Analisa indicadores externos Prospecta clientes potenciais
  15. 15. O primeiro caminho para que a pesquisa do mercado seja realizada, e que não tenha um gasto muito alto, será por meio de relatórios de monitoramento das redes sociais. Mensalmente, a área de social media poderá elaborar um relatório com determinados indicadores que irão contribuir com os processos da área de novos negócios. Observação: esse processo será feito com a área comercial também, porém abordando outros indicadores. o Então, o fluxo de trabalho da área de novos negócios da meajuda.com seria: Área comercial o E o tratamento com os consumidores finais da meajuda.com, como seria? Novos negócios Social media Relatório que apresente: 1) sentimento de alunos universitários; 2) sentimento dos usuários parante os concorrentes da meajuda.com; 3) informações do segmento da educação; 4) evolução do sentimento quanto à credibilidade ao modelo de ensino EAD. Toma decisões com o CEO Coleta informações com a área de social media Analisa os relatórios Novos negócios Elabora apresentações ao CEO Coleta informações com a área comercial Checa os e-mails Fica de olho nas ameaças e oportunidades Apresenta ao CEO os cenários a serem explorados
  16. 16. o E o fluxo de trabalho dessa área, como seria? Abaixo, encontra-se o fluxo de trabalho do colaborador que irá relacionar-se com os alunos: Agora, apresentaremos o fluxo de trabalho dos colaboradores que irão relacionar-se com os docentes: Como dito anteriormente, teremos dois colaboradores para cada consumidor final, com um supervisor e um gestor que gerencia os indicadores. Docentes Área comercial Alunos 2 2 1 1 Atualiza indicadores da operação Faz/recebe contato com consumidor final Armazena informações do consumidor em uma planilha Área comercial Posiciona supervisor sobre os casos do dia Tira toda e qualquer dúvida sobre o serviço Checa os pontos de contato Sendo feedback à plataforma passa para o desenvolvimento Compartilha com a operação os casos pendentes Atualiza indicadores da operação Faz/recebe contato com consumidor final Envia apresentações sobre o serviço Área comercial Posiciona supervisor sobre os casos do dia Esclarece o modelo de ensino Checa os pontos de contato Tira dúvidas sobre a plataforma Compartilha com a operação os casos pendentes
  17. 17. o E o supervisor da área comercial, o que faz? o O gestor? Social media O planner em social media será responsável por: elaborar diagnóstico, estratégia, plano tático e gestão da meajuda.com nas redes sociais. E, logo abaixo, apresentamos os processos que serão realizados pelo classificador e pelo analista de interação. Dá FUP na área de tecnologia Posiciona a operação Gera relatórios operacionais Área comercial (supervisor) Elabora ações de melhorias de performance Cria planos operacionais Avalia todos os casos Compartilha com o gestor Aplica feedbacks aos seus colaboradores Toma decisões operacionais Estrutura os indicadores falhos Elabora relatórios para área de novos negócios Área comercial (gestor) Aplica feedback no supervisor Propõe melhorias nos processos internos Avalia os relatórios Apresenta os KPI’s ao CEO. Realiza reuniões constantes com a operação Classificador Analista de interação Planner
  18. 18. o Como seria o fluxo de trabalho do classificador? o E o do analista de interação? Classificador Analista de interação Prospecção Interação Relacionamento Classifica Caso seja passível de interação direciona ao analista Classificador Colabora com na elaboração do report mensal Polariza Avalia a menção Mantém o coach com o planner Interage Inclui informação em uma planilha Analista de interação Colabora com na elaboração do report mensal Acrescenta tag de organização Avalia a menção Mantém o coach com o planner
  19. 19. Área de tecnologia Basicamente, essa área será responsável por tornar viável todas as sugestões de melhorias para a plataforma apresentada pelos consumidores finais, independente do ponto de contato que houve o feedback. Portanto, as duas áreas que fazem contato com os consumidores finais nada mais são como complementos para tornar o serviço algo tangível e benéfico para quem utiliza. Os processos para o recebimento do feedback e a realização da alteração, no site, basicamente são iguais, o único ponto que diferencia é a forma com que a mensagem é recebida e, como os processos das outras áreas foram apresentados, não há a necessidade de incluir aqui, novamente.  Salários CEO: R$ 18.000. Novos negócios: R$ 11.430. Àrea comercial: Coordenador: R$ 8.396; Supervisor: R$ 5.000; Analista comercial Senior: R$ 3.542; Analista comercial pleno: R$ 2.254; Analista comercial junior: R$ 1.395; Estágio: R$ 830,00. Àrea de social media: Planner Senior: R$ 5.000; Analista Jr: R$ 1.234; Estagiário: R$ 795,00 Desenvolvimento e webdesigner: R$ 4.395 (desenvolvimento) e R$ 4.000 senior; R$ 2.000 pleno e R$ 1.200 junior (variação para webdesigner). Financeiro: Contabilista senior: R$ 5.240; Administrador R$ 2.321. Área de tecnologia Área comercial Social Media
  20. 20.  Evidências físicas Abaixo, apresentamos o escritório da Mejuda.com. Legenda: 1. Recepção confortável e com pinturas claras: passar a sensação de ambiente calmo ao cliente e/ou fornecedor; 2. Àrea de novos negócios: reune conforto com uma televisão e sofá: O ambiente é sério mas por que não ter objetos que deixem-o mais light? 3. Área financeira: ambiente claro e sem muitos retoques. Afinal, dinheiro é coisa séria; 4. Sala do big boss: cadeira confortável, mesa para seu imac e duas cadeiras para uma conversa rápida; 5. Sala de reunião e conferência: televisão com 52 polegadas para que a apresentação fique bonita, visualmente falando; 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10
  21. 21. 6. Àrea comercial: mesa do supervisor posicionada para sua operação e a do gestor direcionada tanto para operação quanto para o supervisor: falar com cliente é coisa séria e precisa de uma gestão muito forte. 7. Àrea de social media: os garotinhos que farão o planejamento, atuação e gestão do meajuda.com na internet; 8. Àrea de tecnologia da empresa: banco de dados e interface. Observação: notemos que as instalações da sala em que as três àreas acima ficarão é bem bacana: duas televisões e uma mesinha de pillballl são capazes de deixar o ambiente mais relax. 9. Ambiente para os futuros Happy Hours da meajuda.com: desde equipamento para tirar um sonzinho até uma mesa de sinuca. A sinergia entre as àreas acontecerá na música tocada ou na zueira feita ao cara que não sabe jogar sinuca; 10. Refeitório feito para os colaboradores que gostam de trazer suas marmitas e comer a verdadeira comida caseira.  Fornecedores, parceiros, terceirizados Fornecedores o Informática: lenovo o Imóveis e decoração: Mário Catani o Produtos de limpeza: Pluslimp o Informática: Direct B2, do grupo Direct. o Serviço de despacho de documentos: despachante marcel o Serviço de monitoramento em redes sociais: SCUP Parceiros Mediremos esforços para firmar parcerias com as universidades de São Paulo que possuem boas avaliações na àrea de humanas – comunicação social, específicamente. Faculdades como: FAAP, ESPM, Anhembi Morumbi, FAPCOM, FIAM FAAM, UNIP, UNICSUL, UNINOVE, entre outras.
  22. 22. 3. Política de preço O preço do serviço para o aluno será definido por apenas um fator: o nível em que o professor escolhido por ele estiver. Isto é: O professor Márcio, da universidade FIAM FAAM, por exemplo, lecionou 30 vezes e sua média de votação apresenta um cenário positivo de 4 estrelas. Sua aula, portanto, terá o custo de R$ 130,90. Outra estratégia que será trabalhada, justamente para aumentar o público de interesse, é: reduzir o valor da aula dependendo da quantidade de alunos inscritos para aprender determinada matéria/atividade. Para o docente, trabalharemos com custos mensais, uma espécie de mensalidade, e que levará em conta dois fatores: 1) ranking que ele está; 2) quantidade de aulas realizadas durante o mês. Agora, para metrificar esses dois indicadores, desenvolveremos uma inteligência na àrea administrativa do site da meajuda.com. Resumindo: a avaliação da metodologia utilizada pelo professor não será feita por uma universidade, pelo meajuda.com ou por qualquer outra empresa. Essa atribuição de valor será dada pelos próprios alunos - algo que será de total importância para tangibilizar que o serviço é de qualidade. Outro aspecto que será trabalhado, justamente para fortalecer a importância desses preços, é o relacionamento que a equipe de social media e a àrea comercial construirão com os targets. Custo da aula: R$ 156,90 Pessoas convidadas Desconto de 15% para o aluno que convidou os outros; 1º aula com 30% de desconto para os convidados; Aluno que convidou os outros 2 participantes Site meajuda.com
  23. 23. 4. Logística e Localização O maior ponto de investimento de distribuição do serviço será pela internet, claro. Mas, com o mercado aquecido envolta de tablets, a meajuda.com trabalhará no desenvolvimento de aplicativos para que alunos possam ter aulas de qualquer lugar que estejam. 5. Comunicação Corporativa (identidade corporativa e identificação do ambiente) O site meajuda.com é o principal ponto de contato com os nossos consumidores e, por isso, sua identidade visual levará em conta um aspecto: estamos falando para estudantes de comunicação social, que é jovem, antenado e que gosta de novidades. Logo, o layout não poderá ser “quadrado”. Nosso segundo ponto de contato, será as redes sociais e, por isso, teremos que adequar a linguagem levando em conta outros três fatores: 1) Como que os usuários vêem o meajuda.com; 2) Como queremos que eles nos vejam; 3) respeitar as políticas de utilização de cada rede social. Obedecendo a essas recomendações, conseguiremos atingir um nível mais assertivo de estruturação das mensagens para os receptores. Para os docentes, o cenário terá que ser diferente a fim de tangibilizar o serviço: variação da identidade visual, adequação da mensagem a ser utilizada com eles etc. Mercadológica: o Captação Feito o diagnóstico dos perfis dos públicos-alvo e dos entusiastas do segmento que a meajuda.com atuará, daremos início às ações de ativação. 1º momento: Planejamento de ativação nas redes sociais com universidades conceituadas de SP: PUC, ESPM E FAAP, por exemplo: planejamento de conteúdo, mídia e ação de impacto. 2º momento: força tarefa nas universidades de São Paulo: recolhimento de cadastros em stands. o Conversão 1° momento: enviar para o e-mail do aluno um link que vá direto a um vídeo da equipe inteira do meajuda.com dando boas-vindas e apresentando a ele o endereço dos pontos de contato da marca; 2º momento: encaixar, dentro da guideline de publicações do meajuda.com nas redes sociais, assuntos relacionados ao universo de comunicação social: cursos, oportunidades de emprego em agências, workshops etc.
  24. 24. 3º momento: newsletter com assuntos quentes da área de comunicação social. o Manutenção 1º momento: disparar e-mail marketing para os alunos que acabaram de fazer a primeira aula: Ex. Olá, (nome do aluno). E aí, o que achou da aula do (nome do docente)? E, aproveitando, curtiu esse ambiente que disponibilizamos para você se sair bem nas provas da facul? Abraços. Equipe meajuda.com 2º momento: identificar quando que o aluno terá a avaliação em sua faculdade para, então, enviar um e-mail perguntando como que ele foi na prova. Ex. Oi, (nome do aluno). E aí, como foi na prova? Conta pra gente porque estamos aqui mais tensos do que você para saber do resultado dela. :D Abraços. Equipe meajuda.com 3º momento: noticiar que no final de cada ano o meajuda.com em parceria com uma grande universidade fará um evento de premiação para os professores 5 estrelas e os alunos que conseguiram tirar boas notas.

×