Anim2 Aula07 Temporizacao

442 visualizações

Publicada em

Animação - Temporização

Publicada em: Educação
0 comentários
3 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
442
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
3
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
35
Comentários
0
Gostaram
3
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Anim2 Aula07 Temporizacao

  1. 1. LAI-DI | DESIGN | UFPR • MatheusCezarotto, Marcia Alves e André Battaiola Animação II | Timing • Tempo 29| 1 Visão Geral
  2. 2. LAI-DI | DESIGN | UFPR • MatheusCezarotto, Marcia Alves e André Battaiola Animação II | Timing • Tempo 29| 2 O que é Timing? O tempo estabelece a intercalação de ações e guia a interpretação do espectador. John Lasseter (in Whitaker, Halas, 2009) “ Timingé a essência da animação ”. “ O Tempodá significado ao movimento ”.
  3. 3. LAI-DI | DESIGN | UFPR • MatheusCezarotto, Marcia Alves e André Battaiola Animação II | Timing • Tempo 29| 3 O que é Timing? Entendimento das ideias dependem de 2 fatores: 1.Boa apresentação de cenas e bom layout, claros e eficazes; 2.Boa distribuição de tempo: preparo para os acontecimentos e ações estabelecendo ritmos na composição que permitam ao espectador perceber com clareza o que é necessário para passar a mensagem. (Whitaker, Halas, 2009) Processo ou arte de determinar a velocidade e o tempo de cada movimento de uma ação. (Lopes Filho, 2005)
  4. 4. LAI-DI | DESIGN | UFPR • MatheusCezarotto, Marcia Alves e André Battaiola Animação II | Timing • Tempo 29| 4 O que é Timing? Timing de uma animação pode ser manipulado das seguintes formas: 1.Aceleração do tempo por segundo; 2.Desaceleração do tempo por segundo; 3.Inserção de quadros.
  5. 5. LAI-DI | DESIGN | UFPR • MatheusCezarotto, Marcia Alves e André Battaiola Animação II | Timing • Tempo 29| 5 O que é Timing? (Williams, 2009)
  6. 6. LAI-DI | DESIGN | UFPR • MatheusCezarotto, Marcia Alves e André Battaiola Animação II | Timing • Tempo 29| 6 O que é Spacing? (Williams, 2009)
  7. 7. LAI-DI | DESIGN | UFPR • MatheusCezarotto, Marcia Alves e André Battaiola Animação II | Timing • Tempo 29| 7 Aceleração Cenas e sequências são passadas rapidamente com um tempo acelerado para poder reduzir horas, dias, semanas e até anos em segundos e preservar a informação. Neste caso se comprime o tempo Patmore (2004).
  8. 8. LAI-DI | DESIGN | UFPR • MatheusCezarotto, Marcia Alves e André Battaiola Animação II | Timing • Tempo 29| 8 Desaceleração Visa diminuir a velocidade das cenas e das sequências para mostrar uma ação pequena, às vezes de um segundo, de maneira mais clara. Cenas de um segundo se estendem para um minuto ou mais conforme necessidade da informação. Neste caso se expande o tempo. Patmore (2004).
  9. 9. LAI-DI | DESIGN | UFPR • MatheusCezarotto, Marcia Alves e André Battaiola Animação II | Timing • Tempo 29| 9 Aceleraçãoe Desaceleração (Williams, 2009)
  10. 10. LAI-DI | DESIGN | UFPR • MatheusCezarotto, Marcia Alves e André Battaiola Animação II | Timing • Tempo 29| 10 Aceleraçãoe Desaceleração (Williams, 2009)
  11. 11. LAI-DI | DESIGN | UFPR • MatheusCezarotto, Marcia Alves e André Battaiola Animação II | Timing • Tempo 29| 11 Aceleraçãoe Desaceleração (Williams, 2009)
  12. 12. LAI-DI | DESIGN | UFPR • MatheusCezarotto, Marcia Alves e André Battaiola Animação II | Timing • Tempo 29| 12 Aceleraçãoe Desaceleração (Williams, 2009)
  13. 13. LAI-DI | DESIGN | UFPR • MatheusCezarotto, Marcia Alves e André Battaiola Animação II | Timing • Tempo 29| 13 Aceleraçãoe Desaceleração (Williams, 2009)
  14. 14. LAI-DI | DESIGN | UFPR • MatheusCezarotto, Marcia Alves e André Battaiola Animação II | Timing • Tempo 29| 14 Influências sobre o timing Alguns elementos podem influenciar a construção do tempo e da velocidade de um personagem ou cena: •O peso e o tamanho do personagem; •Os diferentes tempos de cada parte dos personagens; •A personalidade do personagem; •A intenção e a necessidade de comunicação da cena. (Lopes Filho, 2005)
  15. 15. LAI-DI | DESIGN | UFPR • MatheusCezarotto, Marcia Alves e André Battaiola Animação II | Timing • Tempo 29| 15 Alternando o tempo -peso Apostila de Animação de Eliseu de Souza Lopes Filho, 2005
  16. 16. LAI-DI | DESIGN | UFPR • MatheusCezarotto, Marcia Alves e André Battaiola Animação II | Timing • Tempo 29| 16 Alternando o tempo -peso Williams, 2009
  17. 17. LAI-DI | DESIGN | UFPR • MatheusCezarotto, Marcia Alves e André Battaiola Animação II | Timing • Tempo 29| 17 Alternando o tempo -peso Williams, 2009
  18. 18. LAI-DI | DESIGN | UFPR • MatheusCezarotto, Marcia Alves e André Battaiola Animação II | Timing • Tempo 29| 18 Alternando o tempo -peso O que difere um personagem pesado de um leve não são apenas as suas características físicas, mas também o tempo, o espaçamentodos desenhos e a forma de se utilizar o encolher e esticar. Personagens pesados: •Encolher lento e Esticar rápido. •Menor número de desenhos na trajetória de descida e mais espaçados -rapidez no movimento –cai rápido e demora para subir. Personagens leves: •Encolher rápido e um Esticar lento. •Passam mais tempo no ar e tem uma trajetória de subida mais rápida. Apostila de Animação de Eliseu de Souza Lopes Filho, 2005
  19. 19. LAI-DI | DESIGN | UFPR • MatheusCezarotto, Marcia Alves e André Battaiola Animação II | Timing • Tempo 29| 19 Alternando o tempo -peso https://www.youtube.com/watch?v=KRVhtMxQWRs
  20. 20. LAI-DI | DESIGN | UFPR • MatheusCezarotto, Marcia Alves e André Battaiola Animação II | Timing • Tempo 29| 20 Alternando o tempo -peso
  21. 21. LAI-DI | DESIGN | UFPR • MatheusCezarotto, Marcia Alves e André Battaiola Animação II | Timing • Tempo 29| 21 Alternando o tempo - partes do personagem
  22. 22. LAI-DI | DESIGN | UFPR • MatheusCezarotto, Marcia Alves e André Battaiola Animação II | Timing • Tempo 29| 22 Alternando o tempo - personalidade https://www.youtube.com/watch?v=b8buWkABZ2w
  23. 23. LAI-DI | DESIGN | UFPR • MatheusCezarotto, Marcia Alves e André Battaiola Animação II | Timing • Tempo 29| 23 Alternando o tempo – intenção da comunicação
  24. 24. LAI-DI | DESIGN | UFPR • MatheusCezarotto, Marcia Alves e André Battaiola Animação II | Timing • Tempo 29| 24 Alternando o tempo – intenção da comunicação
  25. 25. LAI-DI | DESIGN | UFPR • MatheusCezarotto, Marcia Alves e André Battaiola Animação II | Timing • Tempo 29| 25 X –Sheet –cronometrando
  26. 26. LAI-DI | DESIGN | UFPR • MatheusCezarotto, Marcia Alves e André Battaiola Animação II | Timing • Tempo 29| 26 X –Sheet
  27. 27. LAI-DI | DESIGN | UFPR • MatheusCezarotto, Marcia Alves e André Battaiola Animação II | Timing • Tempo 29| 27 Identificar no seu storyboard e animatic o tempo de uma cena que deve ser acelerado e desacelerado, justificar a sua escolha. Exercício
  28. 28. LAI-DI | DESIGN | UFPR • MatheusCezarotto, Marcia Alves e André Battaiola Animação II | Timing • Tempo 29| 28 (Williams, 2009) (Patmore, 2004) Conceitos | Referências
  29. 29. LAI-DI | DESIGN | UFPR • MatheusCezarotto, Marcia Alves e André Battaiola Animação II | Timing • Tempo 29| 29 Conceitos | Referências Apostila de Animação Eliseu de Souza Lopes Filho 2005 (Halas et al, 2011)

×