Módulo 6 - Vídeo e educação

163 visualizações

Publicada em

Módulo 6 - Vídeo e educação

Publicada em: Educação
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
163
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
1
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
2
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Módulo 6 - Vídeo e educação

  1. 1. APRESENTAÇÃOAPRESENTAÇÃO Prefeitura Municipal de Cabo FrioPrefeitura Municipal de Cabo Frio Secretaria Municipal de Educação Departamento de Formação Continuada Centro de Estudos Natália Caldonazzi Divisão de Informática Educativa Núcleo de Tecnologia Educacional Municipal Blog na Educação Material elaborado por: Jaqueline Godinho Contatos: E-mail: formadora_jaquegod@yahoo.com.br
  2. 2. LICENCIAMENTO Este material está registrado sob as leis da Creative Commons (www.creativecomons.org.br) nos termos da Atribuição-NãoComercial-CompartilhaIgual 3.0 Brasil (CC BY-NC-SA 3.0 BR). Você tem a liberdade de: •Compartilhar — copiar, distribuir e transmitir a obra. •Remixar — criar obras derivadas. Sob as seguintes condições: •Atribuição — Você deve creditar a obra da forma especificada pelo autor ou licenciante (mas não de maneira que sugira que estes concedem qualquer aval a você ou ao seu uso da obra). •Uso não comercial — Você não pode usar esta obra para fins comerciais. •Compartilhamento pela mesma licença Ficando claro que: •Renúncia — Qualquer das condições acima pode ser renunciada se você obtiver permissão do titular dos direitos autorais. •Domínio Público — Onde a obra ou qualquer de seus elementos estiver em domínio público sob o direito aplicável, esta condição não é, de maneira alguma, afetada pela licença. •Outros Direitos — Os seguintes direitos não são, de maneira alguma, afetados pela licença: • Limitações e exceções aos direitos autorais ou quaisquer usos livres aplicáveis; • Os direitos morais do autor; • Direitos que outras pessoas podem ter sobre a obra ou sobre a utilização da obra, tais como direitos de imagem ou privacidade. Aviso — Para qualquer reutilização ou distribuição, você deve deixar claro a terceiros os termos da licença a que se encontra submetida esta obra.
  3. 3. Vídeo e Educação - Semana 6 Na sociedade da informação todos estamos reaprendendo a conhecer, a comunicar-nos, a ensinar e a aprender; a integrar o humano e o tecnológico; a integrar o individual, o grupal e o social. Uma mudança qualitativa no processo de ensino/aprendizagem acontece quando conseguimos integrar dentro de uma visão inovadora todas as tecnologias: as telemáticas, as audiovisuais, as textuais, as orais, musicais, lúdicas e corporais. Passamos muito rapidamente do livro para a televisão e vídeo e destes para o computador e a Internet, sem aprender e explorar todas as possibilidades de cada meio. (MORAN, 2000) Na sociedade da informação todos estamos reaprendendo a conhecer, a comunicar-nos, a ensinar e a aprender; a integrar o humano e o tecnológico; a integrar o individual, o grupal e o social. Uma mudança qualitativa no processo de ensino/aprendizagem acontece quando conseguimos integrar dentro de uma visão inovadora todas as tecnologias: as telemáticas, as audiovisuais, as textuais, as orais, musicais, lúdicas e corporais. Passamos muito rapidamente do livro para a televisão e vídeo e destes para o computador e a Internet, sem aprender e explorar todas as possibilidades de cada meio. (MORAN, 2000)
  4. 4. Vídeo e Educação
  5. 5. Vídeo e Educação Estamos deslumbrados com o computador e a Internet na escola e vamos deixando de lado a televisão e o vídeo, como se já estivessem ultrapassados, não fossem mais tão importantes ou como se já dominássemos suas linguagens e sua utilização na educação. A televisão, o cinema e o vídeo - os meios de comunicação audiovisuais - desempenham, indiretamente, um papel educacional relevante. Passam continuamente informações, interpretadas; mostram modelos de comportamento, ensinam linguagens coloquiais e multimídia e privilegiam alguns valores em detrimento de outros.
  6. 6. Vídeo e Educação A informação e a forma de ver o mundo predominantes no Brasil provêm fundamentalmente da televisão. Ela alimenta e atualiza o universo sensorial, afetivo e ético que crianças e jovens – e grande parte dos adultos - levam para sala de aula. Como a TV o faz de forma mais despretensiosa e sedutora, é muito mais difícil para o educador contrapor uma visão mais crítica, um universo mais abstrato, complexo e na contramão da maioria como a escola se propõe a fazer.
  7. 7. Vídeo e Educação A eficácia de comunicação dos meios eletrônicos, em particular da televisão, se deve também à capacidade de articulação, de superposição e de combinação de linguagens diferentes - imagens, falas, música, escrita - com uma narrativa fluida, uma lógica pouco delimitada, gêneros, conteúdos e limites éticos pouco precisos, o que lhe permite alto grau de entropia, de flexibilidade, de adaptação à concorrência, a novas situações.
  8. 8. Vídeo e Educação A televisão e a Internet não são somente tecnologias de apoio às aulas, são mídias, meios de comunicação. Podemos analisá-las, dominar suas linguagens e produzir, divulgar o que fazemos. Podemos incentivar que os alunos filmem, apresentem suas pesquisas em vídeo, em CD ou em páginas WEB - páginas na Internet. E depois, analisar as produções dos alunos e a partir delas ampliar a reflexão teórica.
  9. 9. Vídeo e Educação A televisão, o cinema, a Internet e demais tecnologias nos ajudam a realizar o que já fazemos ou que desejamos. Educar com novas tecnologias é um desafio que até agora não foi enfrentado com profundidade. Temos feito apenas adaptações, pequenas mudanças. Agora, na escola, no trabalho e em casa, podemos aprender continuamente, de forma flexível, reunidos numa sala ou distantes geograficamente, mas conectados através de redes de televisão e da Internet.
  10. 10. Vídeo e Educação Podemos começar por formas de utilização das novas tecnologias mais simples e ir assumindo atividades mais complexas. Experimentar, avaliar e experimentar novamente é a chave para a inovação e a mudança desejadas e necessárias. Podemos começar por formas de utilização das novas tecnologias mais simples e ir assumindo atividades mais complexas. Experimentar, avaliar e experimentar novamente é a chave para a inovação e a mudança desejadas e necessárias.
  11. 11. Vídeo e Educação Caminhamos para uma flexibilização forte de cursos, tempos, espaços, gerenciamento, interação, metodologias, tecnologias, avaliação. Isso nos obriga a experimentar pessoal e institucionalmente a integração de tecnologias audiovisuais, telemáticas (Internet) e impressas. E vale a pena pesquisar novos caminhos de integração do humano e do tecnológico; do sensorial, emocional, racional e do ético; do presencial e do virtual; de integração da escola, do trabalho e da vida.
  12. 12. Vídeo e Educação
  13. 13. Atividades Atividade 1: Pesquisar no You Tube um vídeo que atenda a proposta do blog. Incorporar o vídeo no blog, seguindo orientações do tutorial disponibilizado. Postar junto com o vídeo um planejamento de aula. Atividade 1: Pesquisar no You Tube um vídeo que atenda a proposta do blog. Incorporar o vídeo no blog, seguindo orientações do tutorial disponibilizado. Postar junto com o vídeo um planejamento de aula. Como Fazer: Acessar o link: http://www.youtube.com.br e pesquisar um vídeo que contenha informações importantes para a sua aula. Seguir as orientações do tutorial de incorporação no blog. Editar a postagem do vídeo no blog com informações sobre o planejamento de aula criado. Para assistir: Tutorial para inserir vídeo no blog. Saiba mais clicando no link: http://www.youtube.com/watch? v=hnwQPoSPMx0&list=UU3qS9lCcDEKitDekG7mHk1Q&i ndex=3
  14. 14. Atividades Atividade 2: Compartilhamento do link da postagem com o formador. Envie o link da postagem com vídeo no blog para o e-mail do formador: formadora_jaquegod@yahoo.com.br Orientações: Você deve entrar no seu email e escolher a opção “Escrever” um novo email; no campo “Para”, colocar o email formadora_jaquegod@yahoo.com.br; no campo “Assunto”, escrever “Vídeo no blog”. Não esqueça de clicar em “Enviar” Atividade 2: Compartilhamento do link da postagem com o formador. Envie o link da postagem com vídeo no blog para o e-mail do formador: formadora_jaquegod@yahoo.com.br Orientações: Você deve entrar no seu email e escolher a opção “Escrever” um novo email; no campo “Para”, colocar o email formadora_jaquegod@yahoo.com.br; no campo “Assunto”, escrever “Vídeo no blog”. Não esqueça de clicar em “Enviar”

×