Revisão av1

1.146 visualizações

Publicada em

Publicada em: Economia e finanças
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
1.146
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
3
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
25
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide
  • Enfoques da Contabilidade
  • Revisão av1

    1. 1. BEM-VINDO À DISCIPLINA CONTABILIDADE E MERCADO DE TRABALHO Profa. ROSIMAR BESSA RESUMO AULAS 1 A 4
    2. 2. Nesta aula estudaremos sobre: Revisão para AV1: - Aula 1: Os importantes temas do Mundo contemporâneo; Mercado de Trabalho. - Aula 2: Oportunidades no mercado de trabalho; O papel do contador na tomada de decisão; Funções do Contador; Objetivos da Contabilidade. -Aula 3: Contabilidade como profissão; A evolução na Contabilidade; A Contabilidade no Brasil. - Aula 4: A Contabilidade como ciência; Os enfoques da Teoria da Contabilidade; Como está classificada a Teoria da Contabilidade; Metodologia aplicada à Ciência Contábil. 2 RESUMO AULAS 1 A 4
    3. 3. MUNDO EM QUE VIVEMOS Transformações do homem a partir da revolução tecnológica. Era industrial X Era pós-industrial RESUMO AULAS 1 A 4
    4. 4. MUNDO EM QUE VIVEMOS Mundo contemporâneo Temas que são importantes para a compreensão do mundo contemporâneo e para aperfeiçoar a visão sobre esse mundo: Educação - 4 pilares que, segundo a UNESCO, fundamentam a educação: Aprender a Conhecer = Aprender a aprender Aprender a Fazer = Ir além Aprender a Conviver = Aprender a se reconhecer Aprender a Ser = É harmonizar Diversidade Cultural Ética Espiritualidade Responsabilidade socioambiental RESUMO AULAS 1 A 4
    5. 5. MERCADO DE TRABALHO TRABALHO - associado à condição humana de transformar a realidade ao seu redor através do uso da sua capacidade física e mental.” (Peter Drucker) EMPREGO - Relação entre dois ou mais indivíduos, em que um organiza e o outro executa as ações, numa relação de interdependência entre capacidades. Características atuais RESUMO AULAS 1 A 4
    6. 6. MERCADO DE TRABALHO O perfil do profissional desejado: Agregador; Criativo; Inovador; Multifuncional. Competência = Conhecimento + Habilidade Conhecimento é a relação que se estabelece entre o sujeito que conhece ou deseja conhecer e o objeto a ser conhecido ou que se dá a conhecer. Habilidades estão associadas ao saber fazer: ação física ou mental que indica a capacidade adquirida. Competência é o conjunto de habilidades harmonicamente desenvolvidas pressupostas de: Operações mentais; Capacidades para usar as habilidades; Emprego de atitudes -adequadas à realização de tarefas. RESUMO AULAS 1 A 4
    7. 7. MERCADO DE TRABALHO Empregabilidade é a capacidade do indivíduo de conseguir novas oportunidades de emprego, manter-se empregado e conseguir promoções. Empresariedade é a capacidade que a empresa tem de reter talentos com ações que incentivam aos profissionais. RESUMO AULAS 1 A 4
    8. 8. OPORTUNIDADES NO MERCADO DE TRABALHO Recrutamento e Seleção Recrutamento é um conjunto de técnicas e procedimentos que visa atrair candidatos potencialmente qualificados e capazes de ocupar cargos dentro da organização. O resultado esperado para o recrutamento é o recebimento do currículo. Seleção São técnicas aplicadas pelo RH aos profissionais que responderam ao recrutamento, no intuito de escolher e decidir qual candidato ocupará o cargo disponível. Visam: Avaliar se possui as competências necessárias à função; Analisar se os valores, objetivos e expectativas estão alinhados com os da empresa; Buscar pessoas que satisfaçam e que também tenham suas necessidades satisfeitas. 8 RESUMO AULAS 1 A 4
    9. 9. O Papel do Contador na Tomada de Decisão As informações apuradas pela contabilidade não se restringe apenas aos limites da empresa, ela compõe o processo decisório também de outros segmentos. Hoje, exige-se um elenco de informações reais, contidas em relatórios contábeis para nortear as decisões, não baseando as decisões apenas na experiência e no feeling do administrador. O profissional contábil tem a habilidade em avaliar fatos passados, perceber os presentes e predizer eventos futuros, tornando-se fator predominante ao sucesso empresarial. 9 RESUMO AULAS 1 A 4
    10. 10. A Contabilidade e as Ferramentas da Informática O impacto das novas tecnologias, implantando novas ferramentas e programas de informática, permitiu à organização contábil e ao trabalho do contabilista: • Maior capacidade de armazenamento dos dados; • Realizar, de forma rápida, todos os lançamentos contábeis; • Facilitar a elaboração das Demonstrações Contábeis; • Permitir a articulação da informação contábeis com a fiscalização, etc. 10 RESUMO AULAS 1 A 4
    11. 11. A Função do Contador A função básica do contador é produzir informações úteis aos usuários da contabilidade para a tomada de decisões. O Objetivo da Contabilidade O objetivo principal da Contabilidade, é o de permitir a cada grupo principal de usuários a avaliação da situação econômica (receitas e despesas) e financeira (bens,direitos e obrigações) do patrimônio da entidade, num sentido estático,bem como fazer inferências sobre suas tendências futuras. 11 RESUMO AULAS 1 A 4
    12. 12. Cenários Contábeis Primitivos Desenvolvimento embrionário das entidades; O proprietário como a figura central da ação empresarial; Relativas estabilidades de preços em mercados delimitados; Lentas mudanças tecnológicas. Modernos Grande desenvolvimento de entidades; A entidade em si, como figura central da ação empresarial; Relativa instabilidade de preços em mercados ampliados; Velocíssimas mudanças na tecnologia. 12 RESUMO AULAS 1 A 4
    13. 13. A CONTABILIDADE COMO PROFISSÃO Vejamos abaixo algumas carreiras que o profissional contábil pode atuar: Contador  Controlador  Auditor  Analista Financeiro  Perito Contábil  Consultor Contábil  Professor de Contabilidade  Pesquisador  Fiscal de tributos e outros. 13 RESUMO AULAS 1 A 4
    14. 14. A Origem da Contabilidade Nascimento está relacionado à necessidade de registros do comércio, conforme o homem começava a possuir maior quantidade de seus bens, precisava saber quanto poderia render e como aumentaria a sua riqueza. Maturidade entre os séculos XIII e XVI no comércio com as Índias, burguesia, mercantilismo, etc.) Em 1494, Luca Paccioli, publicou o “Tratado Particular de Conta e Escrituração”, nascendo assim a Escola Italiana de Contabilidade. No início do século atual, os EUA, constituiu solo fértil para o avanço das teorias e práticas contábeis formando então a Escola Contábil Americana, que domina nosso cenário contábil atual. 14 RESUMO AULAS 1 A 4
    15. 15. A CONTABILIDADE NO BRASIL O Brasil foi um dos primeiros países a ter um estabelecimento de ensino superior de contabilidade, a Escola de Comércio Álvares Penteado - SP, criada em 1902 Outros acontecimentos relevantes: 1946 - Fundaçã da FEA-USP, instituiçã do curso de ciê o o ncias contábeis e atuariais e Criaçã do CFC e dos respectivos conselhos regionais; o 1976 - Publicaçã da Lei 6.404, a nova Lei das Sociedades Por Açõ (em o es vigor) e a criaçã da Comissã de Valores Mobiliários (CVM); o o 1993 - Publicaçã da Resoluçã CFC 750, que estabeleceu os novos o o princípios fundamentais de contabilidade (em vigor); 1995 – Publicaçã da Lei nº 9.249, que eliminou a correçã monetária das o o demonstraçõ contábeis. es 15 RESUMO AULAS 1 A 4
    16. 16. A Contabilidade como Ciência A Contabilidade é uma ciência social, pois influencia e sofre influências do meio em que opera e deve ser adaptada ao contexto das mudanças sociais, políticas e econômicas, sem prejudicar sua essência que é a de atender bem através do fornecimento da informação contábil a todos os vários usuários. Se justificando à medida que atende a todos os Requisitos lógicos necessários a uma ciência, segundo a Epistemologia e, estabelecendo conexão entre as razões relativas à matéria que é estudada pela ciência da Contabilidade. 16 RESUMO AULAS 1 A 4
    17. 17. Por Vincenzo Mais: Essa ordem lógica de raciocínios foi que ofereceu condição para que se classificasse a Contabilidade como uma ciência social. a) O objeto da Contabilidade é o patrimônio, como conjunto de meios aptos a suprir as necessidades humanas; b) As necessidades humanas a serem supridas é a das aziendas que são células sociais; c) As células sociais formam o todo da sociedade; d) A somatória dos patrimônios aziendais é que permite a formação do patrimônio das sociedades humanas. 17 RESUMO AULAS 1 A 4
    18. 18. TEORIA DA CONTABILIDADE Conceito e definição de Contabilidade É uma Ciência que estuda, registra e controla o patrimônio, com a finalidade de fornecer informações a todos usuários sobre a situação econômico-financeira da entidade, seja ela com ou sem fins lucrativos. Tem por objetivo controlar e evidenciar a situação patrimonial da entidade e a sua evolução. Campo de aplicação Azienda - Entidade econômicoadministrativa, assim chamada, aquela que, para atingir seu objetivo, seja ele econômico ou social, utilizam bens patrimoniais e necessita de administração. Objeto de estudo Patrimônio. 18 RESUMO AULAS 1 A 4
    19. 19. TEORIA DA CONTABILIDADE Usuários da Contabilidade Acionistas, Investidores Bancos Governo Funcionários Administradores Fornecedores Jornais e Revistas técnicas Sindicatos 19 RESUMO AULAS 1 A 4
    20. 20. TEORIA DA CONTABILIDADE Enfoques da Contabilidade Na evidenciação contábil e em problemáticas que envolvem mensuração e avaliação, a Contabilidade e seus conceitos influenciam e são influenciados por aspectos econômicos, sociais, comportamentais, políticos, fiscais entre outros. (Hendriksen e Van Breda 1999, p.21 a 28). Enfoque Fiscal: Legislação Fiscal no desenvolvimento de conceitos contábeis. Enfoque Legal: A lei (Constituição, Código Civil, Penal, etc.) como fator conflitante em questões relativas ao pensamento contábil. Enfoque Ético: Conceitos de justiça; subjetividade Enfoque Econômico: Conseqüências econômicas nos níveis Macroeconômico, Microeconômico e Contabilidade social-empresarial Enfoque Comportamental: A influência das informações contábeis no processo decisório do usuário (visão da Psicologia e Sociologia). Enfoque Estrutural: Estrutura do Sistema Contábil. 20 RESUMO AULAS 1 A 4
    21. 21. TEORIA DA CONTABILIDADE Conta é o nome que representa um elemento patrimonial (bem, direito, obrigação, patrimônio líquido); ou uma variação patrimonial: receita e despesa. Plano de Contas é o conjunto de contas criado pelo contador, para atender às necessidades de registro dos fatos administrativos, de forma a possibilitar a construção dos principais relatórios contábeis e atender a todos os usuários da informação contábil. deve atender primeiramente às necessidades específicas de cada empresa; o ponto de partida são as informações contábeis requeridas pelos dirigentes; a classificação deve partir do geral para o particular; a classificação deve partir do detalhamento adequado ao BP; os títulos das contas devem refletir os elementos patrimoniais que representam - devem ser claros e sucintos; deve ter flexibilidade ( margem para ampliação ) e operacionalidade. 21 RESUMO AULAS 1 A 4
    22. 22. TEORIA DA CONTABILIDADE Teoria das Contas Teoria Patrimonialista Teoria Materialista Contas patrimoniais: bens, direitos, obrigações e PL. Contas de resultado: despesas e receitas. Contas integrais: bens, direitos e obrigações. Contas diferenciais: PL e suas variações (receitas e despesas) Teoria Personalística As contas são ligadas às pessoas. Contas dos Agentes Correspondentes:direitos e obrigações Contas dos Agentes Consignatários: bens Contas dos Agentes Proprietários: PL e suas variações (receitas e despesas ) 22 RESUMO AULAS 1 A 4
    23. 23. TEORIA DA CONTABILIDADE Teoria das Contas Contas Patrimoniais  BENS Tudo que pode ser avaliado economicamente e que satisfaça necessidades humanas.  DIREITOS Tudo que a empresa tem a Receber de seus terceiros.Normalmente virá acompanhado da expressão á receber.  OBRIGAÇÕES Tudo aquilo que a empresa tem à pagar. Normalmente virá acompanhado da expressão à pagar. Contas de Resultado  RECEITAS é a entrada de elementos para o ativo em dinheiro ou direitos, correspondentes, à venda de produtos ou prestação de serviços.  DESPESAS representa o consumo de bens ou serviços no processo de obtenção de receita. 23 RESUMO AULAS 1 A 4

    ×