Caracol africano, como preparar

7.007 visualizações

Publicada em

Publicada em: Saúde e medicina
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
7.007
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
351
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
38
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Caracol africano, como preparar

  1. 1. Caracol Africano: de problema à solução. Campanha Aliança pela Vida http://projetocaramujoafricano.blogspot.com/2011/10/nesta-campanha-em-prol-da-preservacao.html
  2. 2. Qual a primeira coisa que você vem a sua cabeça ao falar de Caracol Africano ?
  3. 4. <ul><li>A primeira coisa que você precisa saber é que Caramujo vive na água, portanto, o Africano é Caracol . </li></ul><ul><li>A segunda informação, importantíssima, é que até outubro de 2011 o Africano não foi responsável por uma única zoonose transmitida no Brasil . </li></ul><ul><li>Cães, gatos, pombos, animais silvestres, bois, cabras, ovelha, cavalos, porcos... causam muito mais enfermidades ! </li></ul>
  4. 5. O pânico gerado pelo exagero jornalístico só serviu, até hoje, para elevar à categoria AMEAÇADOS , diversos moluscos NATIVOS , (lesmas, caracóis e caramujos ).
  5. 6. Vamos tentar mudar isso!?
  6. 7. Deixa eu te fazer uma pergunta: <ul><li>Quantas pessoas você conhece, pessoalmente, que já foram vitimadas pela queda raios ? </li></ul>
  7. 8. <ul><li>Eu, particularmente, nunca conheci e olha que eu já morei no campo, no pé da serra de Nova Friburgo! </li></ul><ul><li>Pois saiba que todos os anos morrem, em média, 100 pessoas no país, vitimadas por descargas elétricas naturais. </li></ul>
  8. 9. <ul><li>Saiba que até hoje, 23 anos depois da introdução do Africano no Brasil , não houve um único caso de doença transmitida por ele, apesar do enorme esforço de diagnóstico da FIOCRUZ . </li></ul><ul><li>Os quatro casos de Meningite Eosinofílica , uma doença, amplamente atribuída ao Africano, foram causadas pela ingestão de caramujos e lesmas nativas cruas e em nenhum dos trabalhos, o óbito é relatado . </li></ul>
  9. 10. Aí eu te pergunto de novo: <ul><li>Então, por que fazer tanto terrorismo, irresponsavelmente, influenciando a imprensa a publicar notícias exageradas que só contribuem para levar o pânico à população, já tão sofrida, que aproveita para descarregar sua frustração sobre todos os moluscos no país, sejam eles Africanos ou não? </li></ul>
  10. 11. Conheça algumas da mentiras divulgadas na Internet: <ul><li>Que o caracol africano NÃO É COMESTÍVEL: </li></ul><ul><li>Ele não só é comestível , como é saboroso , muito rico em minerais , como o ferro e com até 21% de proteínas ; </li></ul>
  11. 12. <ul><li>Até agora, apenas Sergipe relatou a sua presença em laranjais, muito embora, os estragos não tenham sido mostrados na matéria jornalística, exceto, inúmeros caracóis nativos mortos no meio dos Africanos. </li></ul>Que o Africano é um grande destruidor de plantações.
  12. 13. <ul><li>Esta grave enfermidade responsável por centenas de mortes, anualmente, apenas no nosso país, é transmitida, exclusivamente, por espécies de caramujos límnicos nativos planorbídeos (PLANORBIDAE) do gênero Biomphalaria . </li></ul>Que o Africano transmite Esquistossomose.
  13. 14. <ul><li>Existe um chance tão remota que isso aconteça que não deveria nem ser divulgado. É o mesmo que dizer que você pode morrer afagando um cão. </li></ul>Que o caracol mata ao simples contato :
  14. 15. <ul><li>No Brasil, até novembro de 2011, 23 anos de pois de sua introdução, não havia sido diagnosticado e publicado, um único caso, transmitido por ele. </li></ul>Que o Africano é transmissor de terríveis doenças fatais, como a Meningite Eosinofílica :
  15. 16. <ul><li>Meningite é uma inflamação causada, principalmente , por vírus, fungos, alergias a medicamentos, tumores e bactérias , que são os agentes responsáveis pelo pior tipo de meningite . </li></ul>Que o Africano tem sido responsável por epidemias de Meningite :
  16. 17. <ul><li>As conchas vazias, após a morte do caracol, podem acumular água, mas não são piores do que o lixo deixado pela população, em todo o canto. </li></ul>Que o Africano transmite dengue e febre amarela :
  17. 18. <ul><li>Quando o IBAMA proibiu a sua criação, estavam para ser inauguradas em São Paulo, cooperativas que iriam resolver o principal problema da criação: a comercialização . </li></ul>Que o Africano tenha sido jogado fora pelos criadores devido a falta de mercado :
  18. 19. <ul><li>Comendo caracóis, caramujos e lesmas CRUAS ou MAL COZIDAS . </li></ul><ul><li>Verduras ou legumes MAL LAVADOS. </li></ul>Como se pode contrair MENINGITE EOSINOFÍLICA ?
  19. 20. 3 Africanos , de tamanho médio, poderiam suprir as necessidades diárias de Proteínas de uma criança .
  20. 21. O cozimento de 20 minutos em panela de pressão ou 30 em panela comum, são mais do que suficientes para eliminar qualquer dos parasitos atribuídos ao exótico Africano .
  21. 22. Essa palavra já está fora de moda e deve ser substituída por racionalidade. E por que não utilizá-lo? PRECONCEITO ?
  22. 23. Como Abater o Caracol Africano para o Consumo Humano ?
  23. 24. O que é importante fazer ?
  24. 25. <ul><li>Nunca colete animais próximos a bueiros, esgotos, lixões ou similares ; </li></ul><ul><li>Lave os animais com água e escova; </li></ul><ul><li>Coloque-os em um balde ou latão, sem comida . </li></ul><ul><li>Lave os caracóis todos os dias, descartando os animais do fundo ou próximos dele; </li></ul><ul><li>Depois de 7 dias de jejum alimentar estão prontos para o abate. </li></ul>
  25. 27. Após limpar as conchas, coloque os animais numa panela com água em aquecimento para abatê-los, por alguns minutos.
  26. 29. Quando subir uma espuma branca (muco), desligue o fogo, e vá retirando o moluscos de suas conchas. Não deixe que os animais esfriem .
  27. 34. Depois de lavados, coloque os animais numa panela de pressão e cozinhe por 20 minutos (após o início da fervura) . Esse período é mais do que suficiente para eliminar qualquer nematódeo.
  28. 37. Sal Azeite Alcaparras Alho, salsinha, cebolinha
  29. 38. Numa frigideira com azeite extra virgem adicione o alho, a salsinha, a cebolinha . O azeite pode ser substituído por um óleo de boa qualidade.
  30. 41. Assim que o alho começar a dourar, acrescente os caracóis. Atenção, não é para fritá-los . Deixe no máximo 3 minutos. Pouco antes de apagar o fogo, acrescente as alcaparras .
  31. 43. Para popularizar o consumo , as alcaparras, que dão um gosto todo especial, podem ser substituídas por bacon, azeitonas, cogumelos ... Este molho básico eu uso para fazer um macarrão ao alho e óleo.
  32. 45. Esta é uma opção para o aproveitamento do Africano . Uma excelente opção alimentar para toda a população e para o controle do Africano na natureza . BOM APETITE!
  33. 47. Depois do que abordamos, qual a visão que você tem agora?
  34. 49. Dúvidas?
  35. 50. www. CaracolAfricano. com Projeto@ CaramujoAfricano .com
  36. 51. INICIATIVA:

×