SlideShare uma empresa Scribd logo
ZOOLOGIA DOS
INVERTEBRADOS

   MOLUSCOS
Mollusca - moluscos
                               Introdução
O   filo    Mollusca          (do     latim
mollis, mole) é o segundo
maior       reino        Animalia      em
números de espécies (mais de
150 mil já descritas) ficando
atrás      apenas        do    filo    dos
artropodes. Ele reune animais
com     corpo       de    consistencia
macia, protegido em geral por
concha calcaria.
Classes de moluscos
   Classe Aplacophora
A classe Aplacophora reune
moluscos                 pouco
conhecidos, sem concha, com
cerca    de    2.5    cm     de
comprimento      e    que    se
assemelham      a    pequenos
vermes.    Há     apenas    320
espécies descritas do grupo.
Os aplacóforos vivem nos
mares em profundidades entre
80     e     3000     m.     ou
mais,     alimentam-se       de
anelídeos       e        outros
Classes de moluscos
   Classe Monoplacophora

Os primeiros monoplacóforos
vivos foram descobertos a mais
de 3000 m. de profundidade, há
pouco mais de 50 anos. Até
entao esses moluscos eram
conhecidos apenas por fosseis e
acreditava-se que estivessem
extintos. O nome refere-se ao
fato de apresentarem uma
concha em forma de placa que
recobre todo o corpo.
Classes de moluscos
 Classe polyplacophora

Os poliplacóforos, cujos
representantes      mais
conhecidos pertencem ao
gênero     Chiton,   são
moluscos pequenos com
poucos centímetros de
comprimento, que vivem
exclusivamente        no
ambiente marinho.
Classes de moluscos
    Classe Scaphopoda
Os     escafópodes     são
moluscos
exclusivamente
marinhos, cuja concha
lembra uma pequena
presa de elefante, oca e
aberta      nas      duas
extremidades.       Vivem
enterrados na areia ou no
lodo e possuem um pé
afilado, especializado em
cavar.
Classes de moluscos
  Classe Bivalvia
Os bivalves podem ser tanto
marinhos quanto de agua
doce.                Muitas
espécies, como ostras e
mexilhões, vivem grudadas
a rochas e a outros
substratos       submersos.
Outras como mariscos e
berbigões, vivem enterrados
na areia. O termo bivalve
refere-se ao fato de esses
moluscos       apresentarem
concha formada por duas
valvas.
Classes de moluscos
  Classe Gastropoda
A classe gastropoda é a que
apresenta maior numero de
espécies e maior diversidade de
habitat         entre         os
moluscos, sendo a única com
representantes nos três tipos de
ambiente: marinho, de agua
doce e da terra firme, os mais
conhecidos são os caramujos
que vivem em agua doce ou no
mar, as lesmas e caracóis que
vivem em terra firme.
Classes de moluscos
  Classe Cephalopoda
Os     cefalópodes       vivem
exclusivamente no mar, há
alguns        tem      concha
interna, como lulas e sépias.
Outros tem conchas externas
espiralada como os náutilos, os
polvos não possuem concha.
Como         mecanismo       de
defesa, polvos, lulas e sépias
são dotados de uma bolsa de
tinta que contem um pigmento
negro, eliminado em situações
de perigo.
Anatomia e fisiologia dos moluscos
  Revestimento corporal e concha.           Estrutura da concha
O corpo dos moluscos é revestido por   A concha da maioria dos moluscos
uma epiderme rica em glândulas.        é constituída principalmente de
Além de glândulas produtoras de        cálcio (CaCO3) e possui três
muco, a maioria das espécies           camadas principais. A nacarada de
apresenta glândulas epidérmicas        aspecto liso e brilhante, a
responsáveis pela fabricação da        prismática, sendo formada por
concha, estrutura resistente que       cristais e a orgânica que protege o
protege e dá sustentação esquelética   calcário da concha.
ao animal.
Sistema digestório
Os moluscos tem sistema digestório completo, formado por um tubo que começa
na boca e termina no anus. Ao longo de seu comprimento o tubo apresenta
diversas especializações: cavidade bucal, esôfago, estomago e intestino, nos
cefalópodes a o deslocamento do alimento se dá por contrações, os bivalves
filtram partículas diretamente da água. A digestão dos cefalópodes é
exclusivamente extracelular. Os gastrópodes digerem se dá extra e intracelular
Sistema Circulatório
        Os moluscos apresentam uma novidade evolutiva em relação a
        cnidários, esponjas, platelmintos e nematelmintos: o sistema
        circulatório, responsável pelo transporte de nutrientes e de
        oxigênio a todas as células do corpo. O sistema circulatório dos
        cefalópodes é do tipo fechado, nos demais moluscos é do tipo
        aberto.




Sistema circulatório dos bivalves
Sistema respiratório e excretor
A maioria dos moluscos apresenta respiração branquial, mas existem
espécies com respiração pulmonar e outras ainda que respiram
exclusivamente pela superfície do corpo, ou seja, apresentam respiração
cutânea. As brânquias dos moluscos localizam-se na cavidade do manto
e apresentam cílios em sua superfície, com exceção dos cefalópodes. A
excreção dos moluscos é realizada por um par de metanefrídios, suas
estruturas ciliadas retiram as excreções da cavidade pericárdica,
eliminando-as pelos poros excretores que se abrem na cavidade do
manto.
Sistema nervoso e sentidos
O sistema nervoso dos moluscos é composto por alguns pares de
gânglios nervosos, onde se concentram os corpos das células
nervosas, os principais gânglios estão localizados na cabeça sobre o
tubo digestório e são denominados gânglios cerebrais. O sistema
sensorial varia nos diferente grupos. Os bivalves possuem terminações
nervosas capazes de perceber toques e pressões, gastrópodes e
cefalópodes tem olhos bem desenvolvidos, a visão perfeita das lulas e
polvos permitem que sejam predadores muito eficientes.
Reprodução dos moluscos
Os moluscos tem reprodução sexuada. Em algumas espécies, como o
caracol-de-jardim, ocorre desenvolvimento direto, em outras, como nas
ostras, o desenvolvimento é indireto, com duas fases larvais. Os
poliplacóforos, a maioria dos bivalves e alguns gastrópodes são
dioicos, liberam seus gametas na agua e apresentam fecundação externa.
A maioria dos gastrópodes são monoicos, apresentam uma única gônada
hermafrodita. Os cefalópodes são dioicos, o macho deposita um pacote de
esperma na cavidade do manto da fêmea, a fecundação é interna e logo
depois os ovos são liberados na agua.
Importância econômica dos
                moluscos
Os moluscos se constituem em importantes fontes de proteína, a preços
acessíveis, principalmente bivalves, cefalópodes e caracóis. Seus estoques são
grandes e rapidamente renováveis, muito embora, a exploração comercial dos
moluscos no Brasil não seja significativa quando comparada com outros países.
Os moluscos portadores de conchas são aproveitados para uma infinidade de
artigos industriais, tais como, fábricas de botões, broches, brincos e artesanatos
de madrepérola. As ostras perlíferas produzem as pérolas tão apreciadas no
mundo inteiro (Família Pteriidae). Produtos farmacêuticos, construção civil,
rações, etc.

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Aula 7º ano - Reino Animalia (Vertebrados)
Aula 7º ano - Reino Animalia (Vertebrados)Aula 7º ano - Reino Animalia (Vertebrados)
Aula 7º ano - Reino Animalia (Vertebrados)
Leonardo Kaplan
 
Poríferos - Power Point
Poríferos - Power PointPoríferos - Power Point
Poríferos - Power Point
Bio
 
Filo annelida
Filo annelidaFilo annelida
Filo annelida
MarianeSGS
 
Filo Nematoda (Power Point)
Filo Nematoda (Power Point)Filo Nematoda (Power Point)
Filo Nematoda (Power Point)
Bio
 
Os invertebrados
Os invertebrados Os invertebrados
Os invertebrados
unhadecorada
 
Poríferos e cnidários
Poríferos e cnidáriosPoríferos e cnidários
Poríferos e cnidários
Fabiano Reis
 
Moluscos - Biologia
Moluscos - BiologiaMoluscos - Biologia
Moluscos - Biologia
Bruna M
 
Moluscos Cefalópodes
Moluscos CefalópodesMoluscos Cefalópodes
Moluscos Cefalópodes
Vinicius Husein
 
Anelídeos (Power Point)
Anelídeos (Power Point)Anelídeos (Power Point)
Anelídeos (Power Point)
Bio
 
Poríferos
PoríferosPoríferos
Poríferos
Regina Oliveira
 
Artrópodes
ArtrópodesArtrópodes
Artrópodes
Killer Max
 
Esqueleto e Locomoção de Bivalvia
Esqueleto e Locomoção de BivalviaEsqueleto e Locomoção de Bivalvia
Esqueleto e Locomoção de Bivalvia
Leandro Lemos
 
IV.2 Anfíbios
IV.2 AnfíbiosIV.2 Anfíbios
IV.2 Anfíbios
Rebeca Vale
 
Vírus
VírusVírus
Vírus
profatatiana
 
Platelmintos
PlatelmintosPlatelmintos
Platelmintos
André Oliver
 
V.2 Briófitas e Pteridófitas
V.2 Briófitas e PteridófitasV.2 Briófitas e Pteridófitas
V.2 Briófitas e Pteridófitas
Rebeca Vale
 
Poriferos
PoriferosPoriferos
Aula completa reino protista
Aula completa reino protistaAula completa reino protista
Aula completa reino protista
Nelson Costa
 
Zoologia geral aulas 1
Zoologia geral aulas 1Zoologia geral aulas 1
Zoologia geral aulas 1
Henrique Zini
 
Anfíbios - Biologia
Anfíbios - BiologiaAnfíbios - Biologia
Anfíbios - Biologia
Killer Max
 

Mais procurados (20)

Aula 7º ano - Reino Animalia (Vertebrados)
Aula 7º ano - Reino Animalia (Vertebrados)Aula 7º ano - Reino Animalia (Vertebrados)
Aula 7º ano - Reino Animalia (Vertebrados)
 
Poríferos - Power Point
Poríferos - Power PointPoríferos - Power Point
Poríferos - Power Point
 
Filo annelida
Filo annelidaFilo annelida
Filo annelida
 
Filo Nematoda (Power Point)
Filo Nematoda (Power Point)Filo Nematoda (Power Point)
Filo Nematoda (Power Point)
 
Os invertebrados
Os invertebrados Os invertebrados
Os invertebrados
 
Poríferos e cnidários
Poríferos e cnidáriosPoríferos e cnidários
Poríferos e cnidários
 
Moluscos - Biologia
Moluscos - BiologiaMoluscos - Biologia
Moluscos - Biologia
 
Moluscos Cefalópodes
Moluscos CefalópodesMoluscos Cefalópodes
Moluscos Cefalópodes
 
Anelídeos (Power Point)
Anelídeos (Power Point)Anelídeos (Power Point)
Anelídeos (Power Point)
 
Poríferos
PoríferosPoríferos
Poríferos
 
Artrópodes
ArtrópodesArtrópodes
Artrópodes
 
Esqueleto e Locomoção de Bivalvia
Esqueleto e Locomoção de BivalviaEsqueleto e Locomoção de Bivalvia
Esqueleto e Locomoção de Bivalvia
 
IV.2 Anfíbios
IV.2 AnfíbiosIV.2 Anfíbios
IV.2 Anfíbios
 
Vírus
VírusVírus
Vírus
 
Platelmintos
PlatelmintosPlatelmintos
Platelmintos
 
V.2 Briófitas e Pteridófitas
V.2 Briófitas e PteridófitasV.2 Briófitas e Pteridófitas
V.2 Briófitas e Pteridófitas
 
Poriferos
PoriferosPoriferos
Poriferos
 
Aula completa reino protista
Aula completa reino protistaAula completa reino protista
Aula completa reino protista
 
Zoologia geral aulas 1
Zoologia geral aulas 1Zoologia geral aulas 1
Zoologia geral aulas 1
 
Anfíbios - Biologia
Anfíbios - BiologiaAnfíbios - Biologia
Anfíbios - Biologia
 

Semelhante a Moluscos caracteristicas gerais

Moluscos1
Moluscos1Moluscos1
Moluscos1
Gaspar Neto
 
Moluscos
MoluscosMoluscos
Filo Mollusca
Filo MolluscaFilo Mollusca
Filo Mollusca
Lucas Castro
 
Moluscos
MoluscosMoluscos
Moluscos
letyap
 
Moluscos
MoluscosMoluscos
Moluscos
letyap
 
Reino Animalia
Reino Animalia Reino Animalia
Reino Animalia
Rita Galrito
 
Reino Animal
Reino AnimalReino Animal
Reino Animal
CarlosAlexandre280
 
Artópodes e Equinodermos
Artópodes e EquinodermosArtópodes e Equinodermos
Artópodes e Equinodermos
Naira Silva
 
Moluscos 3 C 2015
Moluscos 3 C 2015Moluscos 3 C 2015
Moluscos 3 C 2015
Maria Teresa Iannaco Grego
 
Invertebrados
InvertebradosInvertebrados
Invertebrados
SESI 422 - Americana
 
Animais
AnimaisAnimais
Animais
wagneripo
 
Moluscos
MoluscosMoluscos
Moluscos
Altair Hoepers
 
AULA ANIMAIS.pptx
AULA ANIMAIS.pptxAULA ANIMAIS.pptx
AULA ANIMAIS.pptx
GabrielGomes556466
 
Artrópodes
ArtrópodesArtrópodes
Artrópodes
Iuri Fretta Wiggers
 
Filo mollusca texto
Filo mollusca textoFilo mollusca texto
Trabalho de biologia características gerais dos seres vivos
Trabalho de biologia características gerais dos seres vivosTrabalho de biologia características gerais dos seres vivos
Trabalho de biologia características gerais dos seres vivos
Alessandra Miranda
 
Animais 110913184501-phpapp02
Animais 110913184501-phpapp02Animais 110913184501-phpapp02
Animais 110913184501-phpapp02
Ferrari Ferrari
 
Características gerais dos seres vivos
Características gerais dos seres vivosCaracterísticas gerais dos seres vivos
Características gerais dos seres vivos
Alessandra Miranda
 
Vertebrados
VertebradosVertebrados
Poriferos
PoriferosPoriferos
Poriferos
Raquel Freiry
 

Semelhante a Moluscos caracteristicas gerais (20)

Moluscos1
Moluscos1Moluscos1
Moluscos1
 
Moluscos
MoluscosMoluscos
Moluscos
 
Filo Mollusca
Filo MolluscaFilo Mollusca
Filo Mollusca
 
Moluscos
MoluscosMoluscos
Moluscos
 
Moluscos
MoluscosMoluscos
Moluscos
 
Reino Animalia
Reino Animalia Reino Animalia
Reino Animalia
 
Reino Animal
Reino AnimalReino Animal
Reino Animal
 
Artópodes e Equinodermos
Artópodes e EquinodermosArtópodes e Equinodermos
Artópodes e Equinodermos
 
Moluscos 3 C 2015
Moluscos 3 C 2015Moluscos 3 C 2015
Moluscos 3 C 2015
 
Invertebrados
InvertebradosInvertebrados
Invertebrados
 
Animais
AnimaisAnimais
Animais
 
Moluscos
MoluscosMoluscos
Moluscos
 
AULA ANIMAIS.pptx
AULA ANIMAIS.pptxAULA ANIMAIS.pptx
AULA ANIMAIS.pptx
 
Artrópodes
ArtrópodesArtrópodes
Artrópodes
 
Filo mollusca texto
Filo mollusca textoFilo mollusca texto
Filo mollusca texto
 
Trabalho de biologia características gerais dos seres vivos
Trabalho de biologia características gerais dos seres vivosTrabalho de biologia características gerais dos seres vivos
Trabalho de biologia características gerais dos seres vivos
 
Animais 110913184501-phpapp02
Animais 110913184501-phpapp02Animais 110913184501-phpapp02
Animais 110913184501-phpapp02
 
Características gerais dos seres vivos
Características gerais dos seres vivosCaracterísticas gerais dos seres vivos
Características gerais dos seres vivos
 
Vertebrados
VertebradosVertebrados
Vertebrados
 
Poriferos
PoriferosPoriferos
Poriferos
 

Moluscos caracteristicas gerais

  • 2. Mollusca - moluscos Introdução O filo Mollusca (do latim mollis, mole) é o segundo maior reino Animalia em números de espécies (mais de 150 mil já descritas) ficando atrás apenas do filo dos artropodes. Ele reune animais com corpo de consistencia macia, protegido em geral por concha calcaria.
  • 3. Classes de moluscos Classe Aplacophora A classe Aplacophora reune moluscos pouco conhecidos, sem concha, com cerca de 2.5 cm de comprimento e que se assemelham a pequenos vermes. Há apenas 320 espécies descritas do grupo. Os aplacóforos vivem nos mares em profundidades entre 80 e 3000 m. ou mais, alimentam-se de anelídeos e outros
  • 4. Classes de moluscos Classe Monoplacophora Os primeiros monoplacóforos vivos foram descobertos a mais de 3000 m. de profundidade, há pouco mais de 50 anos. Até entao esses moluscos eram conhecidos apenas por fosseis e acreditava-se que estivessem extintos. O nome refere-se ao fato de apresentarem uma concha em forma de placa que recobre todo o corpo.
  • 5. Classes de moluscos Classe polyplacophora Os poliplacóforos, cujos representantes mais conhecidos pertencem ao gênero Chiton, são moluscos pequenos com poucos centímetros de comprimento, que vivem exclusivamente no ambiente marinho.
  • 6. Classes de moluscos Classe Scaphopoda Os escafópodes são moluscos exclusivamente marinhos, cuja concha lembra uma pequena presa de elefante, oca e aberta nas duas extremidades. Vivem enterrados na areia ou no lodo e possuem um pé afilado, especializado em cavar.
  • 7. Classes de moluscos Classe Bivalvia Os bivalves podem ser tanto marinhos quanto de agua doce. Muitas espécies, como ostras e mexilhões, vivem grudadas a rochas e a outros substratos submersos. Outras como mariscos e berbigões, vivem enterrados na areia. O termo bivalve refere-se ao fato de esses moluscos apresentarem concha formada por duas valvas.
  • 8. Classes de moluscos Classe Gastropoda A classe gastropoda é a que apresenta maior numero de espécies e maior diversidade de habitat entre os moluscos, sendo a única com representantes nos três tipos de ambiente: marinho, de agua doce e da terra firme, os mais conhecidos são os caramujos que vivem em agua doce ou no mar, as lesmas e caracóis que vivem em terra firme.
  • 9. Classes de moluscos Classe Cephalopoda Os cefalópodes vivem exclusivamente no mar, há alguns tem concha interna, como lulas e sépias. Outros tem conchas externas espiralada como os náutilos, os polvos não possuem concha. Como mecanismo de defesa, polvos, lulas e sépias são dotados de uma bolsa de tinta que contem um pigmento negro, eliminado em situações de perigo.
  • 10. Anatomia e fisiologia dos moluscos Revestimento corporal e concha. Estrutura da concha O corpo dos moluscos é revestido por A concha da maioria dos moluscos uma epiderme rica em glândulas. é constituída principalmente de Além de glândulas produtoras de cálcio (CaCO3) e possui três muco, a maioria das espécies camadas principais. A nacarada de apresenta glândulas epidérmicas aspecto liso e brilhante, a responsáveis pela fabricação da prismática, sendo formada por concha, estrutura resistente que cristais e a orgânica que protege o protege e dá sustentação esquelética calcário da concha. ao animal.
  • 11. Sistema digestório Os moluscos tem sistema digestório completo, formado por um tubo que começa na boca e termina no anus. Ao longo de seu comprimento o tubo apresenta diversas especializações: cavidade bucal, esôfago, estomago e intestino, nos cefalópodes a o deslocamento do alimento se dá por contrações, os bivalves filtram partículas diretamente da água. A digestão dos cefalópodes é exclusivamente extracelular. Os gastrópodes digerem se dá extra e intracelular
  • 12. Sistema Circulatório Os moluscos apresentam uma novidade evolutiva em relação a cnidários, esponjas, platelmintos e nematelmintos: o sistema circulatório, responsável pelo transporte de nutrientes e de oxigênio a todas as células do corpo. O sistema circulatório dos cefalópodes é do tipo fechado, nos demais moluscos é do tipo aberto. Sistema circulatório dos bivalves
  • 13. Sistema respiratório e excretor A maioria dos moluscos apresenta respiração branquial, mas existem espécies com respiração pulmonar e outras ainda que respiram exclusivamente pela superfície do corpo, ou seja, apresentam respiração cutânea. As brânquias dos moluscos localizam-se na cavidade do manto e apresentam cílios em sua superfície, com exceção dos cefalópodes. A excreção dos moluscos é realizada por um par de metanefrídios, suas estruturas ciliadas retiram as excreções da cavidade pericárdica, eliminando-as pelos poros excretores que se abrem na cavidade do manto.
  • 14. Sistema nervoso e sentidos O sistema nervoso dos moluscos é composto por alguns pares de gânglios nervosos, onde se concentram os corpos das células nervosas, os principais gânglios estão localizados na cabeça sobre o tubo digestório e são denominados gânglios cerebrais. O sistema sensorial varia nos diferente grupos. Os bivalves possuem terminações nervosas capazes de perceber toques e pressões, gastrópodes e cefalópodes tem olhos bem desenvolvidos, a visão perfeita das lulas e polvos permitem que sejam predadores muito eficientes.
  • 15. Reprodução dos moluscos Os moluscos tem reprodução sexuada. Em algumas espécies, como o caracol-de-jardim, ocorre desenvolvimento direto, em outras, como nas ostras, o desenvolvimento é indireto, com duas fases larvais. Os poliplacóforos, a maioria dos bivalves e alguns gastrópodes são dioicos, liberam seus gametas na agua e apresentam fecundação externa. A maioria dos gastrópodes são monoicos, apresentam uma única gônada hermafrodita. Os cefalópodes são dioicos, o macho deposita um pacote de esperma na cavidade do manto da fêmea, a fecundação é interna e logo depois os ovos são liberados na agua.
  • 16. Importância econômica dos moluscos Os moluscos se constituem em importantes fontes de proteína, a preços acessíveis, principalmente bivalves, cefalópodes e caracóis. Seus estoques são grandes e rapidamente renováveis, muito embora, a exploração comercial dos moluscos no Brasil não seja significativa quando comparada com outros países. Os moluscos portadores de conchas são aproveitados para uma infinidade de artigos industriais, tais como, fábricas de botões, broches, brincos e artesanatos de madrepérola. As ostras perlíferas produzem as pérolas tão apreciadas no mundo inteiro (Família Pteriidae). Produtos farmacêuticos, construção civil, rações, etc.