Slidesevangelhodemateus

519 visualizações

Publicada em

0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
519
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
2
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
7
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Slidesevangelhodemateus

  1. 1. Evangelho de Mateus Contexto do Evangelho Galileia, não maisContexto pós-70 Fariseus e Escribas Antioquia
  2. 2. A Composição Social da crianças brincando na praça do mercado (MtComunidade de Mateus 11.6); recrutamento de diaristas na praça do mercado• A comunidade (Mt 20.3); mateana é basicamente uma comunidade citadina. o ambiente urbano sugerido na parábola da grande ceia – um vai para o campo, e outro• O termo pólis (cidade) para o seu negócio (emporía, Mt 22.5); surge no Evangelho 27 vezes, em vez das 8 aparições do o ambiente urbano também é sugerido na Evangelho de Marcos, parábola das virgens (Mt 25.1ss); além das menções constantes ao mesmo que haja tais menções, ainda há fortes comércio no indicações de proximidade com o ambiente Evangelho. campesino, o que evidencia que o local de redação e/ou destino provavelmente é uma cidade pequena.
  3. 3. Perfil dos Membros daComunidade de Mateus José de Arimatéia, descrito em Marcos como um conselheiro, é descrito em Mateus como um homem rico que se torna discípulo de Jesus (Mt 27.57) o reino dos céus é descrito na imagem de um rico proprietário de vinhedos (Mt 20.1ss) o rico de Marcos transforma-se em Mateus no jovem rico (Mt 13.22; 19.23s) a crítica aos ricos de Marcos 10.23 é modificada: é feita uma menção explícita aos plousioí, ricos (Mt 19.23), além da menção à pobreza espiritual em Mt 5.3
  4. 4. Os Servos dos Ricos coletores de impostos (Mt 5.46; 9.10s; • A presença de um 10.3; 11.19; 18.17; 21.31s) considerável número de referências aos ricos em Mateus, militares (Mt 3.14; 5.25); quando comparado com os outros Sinóticos (especialmente Marcos), pode ser suboficiais romanos (Mt 8.5,8,13; 27.54); reforçada pela presença de referências àqueles que os servem: a guarda do sumo-sacerdote (Mt 26.58; 27.65,66; 28.11).
  5. 5. Conteúdo do Evangelho de Mateus • O Evangelho de Mateus apresenta, como outros Evangelhos Sinóticos, três sobre o grandes seções, sofrimento, sobre a sobre a morte e com temas pessoa (1.1- proclamação ressurreição 4.16) (4.17-16.20) diferenciados de Jesus para cada uma (16.21-28.20)
  6. 6. Evangelho de Mateus Esboço de MateusPrólogo• 1.1-2.23O Evangelho do Reino• 3.1-7.29O Reino expandido sob a autoridade de Jesus• 8.1-11.1O ensino e a pregação do Evangelho do Reino: aoposição crescente• 11.2-13.53A glória e a penumbra: a polarização progressiva• 13.54-19.2Oposição e escatologia: o triunfo da graça• 19.3-26.5A paixão e a ressurreição de Jesus• 26.6-28.20
  7. 7. Evangelho de Mateus Mateus 1-4 A libertação do exílio (Mt 1.1-17): Mateus 1. 17 A libertação da família (Mt 1.18-25): Mateus 1. 20 A libertação dos gentios (Mt 2.1-12): Mateus 2. 2 A libertação da morte (Mt 1.13-23): Mateus 2 .20 A libertação da tentação (Mt 4.1-11): Mateus 4.10-11
  8. 8. Evangelho de Mateus

×