SlideShare uma empresa Scribd logo
QUÍMICA                                                                                                  1ª SÉRIE

                                         MATERIAL DE APOIO



            Descrição dos Principais Materiais de Laboratório

Instruções                                                  04)
    ⇒ Pesquisar o nome e a função dos aparelhos de la-
    boratório apresentados nos espaços a seguir.
      ⇒ Em todas as provas que serão realizadas durante
      o ano, haverá questões referentes aos materiais de
      laboratório descritos.                                Nome: argola metálica
                                                            Utilidade: suporte para funil de vidro nas filtrações
                                                            ou tela de amianto.
01)
                                                            05)




                                                            Nome: garra metálica
Nome: Bico de Bunsen                                        Utilidade: serve para segurar buretas, balões,
Utilidade: Utilizado para aquecer materiais (para aque-     erlenmeyer, condensadores, funis em suporte univer-
cimento até temperatura de 800°C)                           sal.


02)                                                         06)




Nome: tela de amianto
Utilidade: serve para distribuir uniformemente o calor
durante o aquecimento.
                                                            Nome: suporte universal
                                                            Utilidade: peça metálica usada para montar apare-
03)
                                                            lhagem em geral.

                                                            07)




Nome: tripé de ferro
Utilidade: serve de suporte de telas de amianto e de tri-   Nome: tubo de ensaio
ângulos de porcelana.                                       Utilidade: serve para efetuar reações químicas em pe-
                                                            quena escala.




                                                                                                               1
QUÍMICA                                                                                                    1ª SÉRIE




08)                                                        12)




Nome: estante para tubo de ensaio
Utilidade: serve de suporte para guardar tubos de en-
saio.                                                      Nome: erlenmeyer
                                                           Utilidade: serve para aquecer líquidos, efetuar
                                                           titulações.
09)

                                                           13)




Nome: pinça de madeira
Utilidade: serve para segurar tubos de ensaio.

10)
                                                           Nome: balão de destilação ou balão de saída lateral
                                                           Utilidade: é utilizado em destilações.

                                                           14)




Nome: bastão de vidro ou bagueta
Utilidade: serve para agitação e transferência de líqui-
dos.

                                                           Nome: proveta
11)
                                                           Utilidade: serve para medidas aproximadas de volu-
                                                           mes de líquidos.

                                                           15)




Nome: copo de Bécker
Utilidade: serve para preparação de soluções, aqueci-
mento de líquidos.
                                                           Nome: balão volumétrico
                                                           Utilidade: utilizado para preparo de soluções de concen-
                                                           trações definidas, e mede volume preciso de líquidos.




2
QUÍMICA                                                                                                   1ª SÉRIE

                                        MATERIAL DE APOIO


16)                                                        20)




                                                           Nome: papel filtro
                                                           Utilidade: utilizado em filtrações.

                                                           21)
Nome: pipeta volumétrica
Utilidade: serve para escoar medidas precisas de líqui-
dos.

17)
                                                           Nome: funil de Büchner
                                                           Utilidade: utilizado em filtrações a vácuo.

                                                           22)


Nome: pipeta graduada
Utilidade: serve para escoar volumes variáveis e não-
precisos de líquidos.

18)
                                                           Nome: kitazato
                                                           Utilidade: utilizado para filtração por sucção ou a vá-
                                                           cuo (à pressão reduzida).

                                                           23)


Nome: bureta
Utilidade: utilizada em titulações, e mede volumes vari-
áveis e precisos de líquidos.

19)

                                                           Nome: funil de separação ou de bromo
                                                           Utilidade: serve para separar líquidos não miscíveis.




Nome: funil simples ou de vidro
Utilidade: serve para transferência de líquidos de um
frasco para outro e filtrações simples.




                                                                                                                   3
QUÍMICA                                                                                                       1ª SÉRIE




24)                                                          29)




Nome: vidro de relógio
Utilidade: serve para tampar copos de Bécker, evapo-
rar líquidos e fazer pesagens.

25)

                                                             Nome: condensadores
                                                             Utilidade: equipamento destinado à condensação de
                                                             vapores em destilações.


Nome: cadinho                                                30)
Utilidade: serve para calcinação e fusão de substâncias.

26)




                                                             Nome: frasco lavador
                                                             Utilidade: é utilizado na lavagem de recipientes ou
                                                             materiais com jatos do líquido nele contido.


Nome: triângulo de ferro com porcelana
Utilidade: serve como suporte em aquecimento de
cadinhos.

27)




Nome: almofariz com pistilo ou gral
Utilidade: utilizado na pulverização de sólidos em pe-
quena escala.                                                Bibliografia

28)                                                          USBERCO, Salvador. Química geral. V. 1. São Paulo:
                                                             Saraiva.
                                                             FONSECA, Martha Reis Marques da. Química: química
                                                             geral. São Paulo: FTD, 1992.
                                                             _____________ . De olho no vestibular: química geral. São
                                                             Paulo: FTD, 1996.
Nome: cápsula de porcelana                                   OLIVEIRA, Edson Albuquerque de. Aulas práticas de
Utilidade: serve para efetuar evaporação de líquidos, dis-   química. São Paulo: Moderna, 1990.
solução à quente, calcinação, secagem e aquecimento.         FELTRE, Ricardo. Química geral. V. 1. São Paulo: Mo-
                                                             derna.
                                                             TITO; CANTO. Química na abordagem do cotidiano. V. 1.
                                                             São Paulo: Moderna.




4

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Trabalho físico química 9º ano
Trabalho físico química 9º anoTrabalho físico química 9º ano
Trabalho físico química 9º anoanafilipacunha
 
Relatório - Medição em Quimica
Relatório - Medição em QuimicaRelatório - Medição em Quimica
Relatório - Medição em QuimicaCarlos Vieira
 
Principais vidrarias e equipamentos de laboratório
Principais vidrarias e equipamentos de laboratórioPrincipais vidrarias e equipamentos de laboratório
Principais vidrarias e equipamentos de laboratórioFabiano Araujo
 
Introdução ao laboratório de química
Introdução ao laboratório de químicaIntrodução ao laboratório de química
Introdução ao laboratório de químicacurtindoaquimica
 
Biologia - Relatório da Extração de DNA do Kiwi (11º Ano)
Biologia - Relatório da Extração de DNA do Kiwi (11º Ano)Biologia - Relatório da Extração de DNA do Kiwi (11º Ano)
Biologia - Relatório da Extração de DNA do Kiwi (11º Ano)Mountain Expedition
 
Relatório actividade experimental - batata & cebola
Relatório   actividade experimental - batata & cebolaRelatório   actividade experimental - batata & cebola
Relatório actividade experimental - batata & cebolaInês Fernandes
 
Relatório extração dna
Relatório extração dnaRelatório extração dna
Relatório extração dnamargaridabt
 
Regras de segurança no laboratório
Regras de segurança no laboratórioRegras de segurança no laboratório
Regras de segurança no laboratóriobelavideira
 
Al2.2. bola saltitona
Al2.2. bola saltitonaAl2.2. bola saltitona
Al2.2. bola saltitonaAna Garcez
 
Aula 1 história da eletricidade
Aula 1   história da eletricidadeAula 1   história da eletricidade
Aula 1 história da eletricidadeDaniel Bonamin
 
O rapaz do pijama às riscas
O rapaz do pijama às riscasO rapaz do pijama às riscas
O rapaz do pijama às riscasOdete Almeida
 
(4) evolução biológica e sistemas dos seres vivos
(4) evolução biológica e sistemas dos seres vivos(4) evolução biológica e sistemas dos seres vivos
(4) evolução biológica e sistemas dos seres vivosHugo Martins
 
Temperatura e Calor
Temperatura e Calor Temperatura e Calor
Temperatura e Calor Renato Brasil
 
Extração do ADN / DNA do kiwi - Relatório biologia 11º
Extração do ADN / DNA do kiwi - Relatório biologia 11ºExtração do ADN / DNA do kiwi - Relatório biologia 11º
Extração do ADN / DNA do kiwi - Relatório biologia 11ºFrancisco Palaio
 

Mais procurados (20)

Trabalho físico química 9º ano
Trabalho físico química 9º anoTrabalho físico química 9º ano
Trabalho físico química 9º ano
 
Relatório - Medição em Quimica
Relatório - Medição em QuimicaRelatório - Medição em Quimica
Relatório - Medição em Quimica
 
Vidraria.
Vidraria.Vidraria.
Vidraria.
 
Principais vidrarias e equipamentos de laboratório
Principais vidrarias e equipamentos de laboratórioPrincipais vidrarias e equipamentos de laboratório
Principais vidrarias e equipamentos de laboratório
 
Vidrarias
VidrariasVidrarias
Vidrarias
 
Material laboratorio
Material laboratorioMaterial laboratorio
Material laboratorio
 
Introdução ao laboratório de química
Introdução ao laboratório de químicaIntrodução ao laboratório de química
Introdução ao laboratório de química
 
Biologia - Relatório da Extração de DNA do Kiwi (11º Ano)
Biologia - Relatório da Extração de DNA do Kiwi (11º Ano)Biologia - Relatório da Extração de DNA do Kiwi (11º Ano)
Biologia - Relatório da Extração de DNA do Kiwi (11º Ano)
 
Relatório actividade experimental - batata & cebola
Relatório   actividade experimental - batata & cebolaRelatório   actividade experimental - batata & cebola
Relatório actividade experimental - batata & cebola
 
Relatório extração dna
Relatório extração dnaRelatório extração dna
Relatório extração dna
 
Regras de segurança no laboratório
Regras de segurança no laboratórioRegras de segurança no laboratório
Regras de segurança no laboratório
 
Al2.2. bola saltitona
Al2.2. bola saltitonaAl2.2. bola saltitona
Al2.2. bola saltitona
 
Aula 1 história da eletricidade
Aula 1   história da eletricidadeAula 1   história da eletricidade
Aula 1 história da eletricidade
 
O rapaz do pijama às riscas
O rapaz do pijama às riscasO rapaz do pijama às riscas
O rapaz do pijama às riscas
 
(4) evolução biológica e sistemas dos seres vivos
(4) evolução biológica e sistemas dos seres vivos(4) evolução biológica e sistemas dos seres vivos
(4) evolução biológica e sistemas dos seres vivos
 
Materiais de laboratório.ppt
Materiais de laboratório.pptMateriais de laboratório.ppt
Materiais de laboratório.ppt
 
Temperatura e Calor
Temperatura e Calor Temperatura e Calor
Temperatura e Calor
 
Medida de volume
Medida de volumeMedida de volume
Medida de volume
 
Relatório viscosidade
Relatório viscosidade Relatório viscosidade
Relatório viscosidade
 
Extração do ADN / DNA do kiwi - Relatório biologia 11º
Extração do ADN / DNA do kiwi - Relatório biologia 11ºExtração do ADN / DNA do kiwi - Relatório biologia 11º
Extração do ADN / DNA do kiwi - Relatório biologia 11º
 

Mais de Nai Mariano

Aula - Grandezas Químicas
Aula - Grandezas Químicas Aula - Grandezas Químicas
Aula - Grandezas Químicas Nai Mariano
 
Aula calculos quimicos positivo
Aula calculos quimicos positivoAula calculos quimicos positivo
Aula calculos quimicos positivoNai Mariano
 
Lista grandezas químicas e estequiometria
Lista grandezas químicas e estequiometriaLista grandezas químicas e estequiometria
Lista grandezas químicas e estequiometriaNai Mariano
 
Aula Funções Inorgânicas
Aula Funções InorgânicasAula Funções Inorgânicas
Aula Funções InorgânicasNai Mariano
 
Lista de exercícios estrutura atômica
Lista de exercícios estrutura atômicaLista de exercícios estrutura atômica
Lista de exercícios estrutura atômicaNai Mariano
 
Introdução - Química
Introdução - QuímicaIntrodução - Química
Introdução - QuímicaNai Mariano
 
Introducao quimica
Introducao quimicaIntroducao quimica
Introducao quimicaNai Mariano
 
Introducao quimica
Introducao quimicaIntroducao quimica
Introducao quimicaNai Mariano
 
Isomeria Cis-Trans e Óptica
Isomeria Cis-Trans e ÓpticaIsomeria Cis-Trans e Óptica
Isomeria Cis-Trans e ÓpticaNai Mariano
 
Aula de Esquiometria Prof Kamil
Aula de Esquiometria Prof KamilAula de Esquiometria Prof Kamil
Aula de Esquiometria Prof KamilNai Mariano
 
Aula sobre Grandezas Químicas!
Aula sobre Grandezas Químicas!Aula sobre Grandezas Químicas!
Aula sobre Grandezas Químicas!Nai Mariano
 
Reações inorgânicas
Reações inorgânicas Reações inorgânicas
Reações inorgânicas Nai Mariano
 
Aula funções inorgânicas e exercícios Positivo
Aula funções inorgânicas e exercícios PositivoAula funções inorgânicas e exercícios Positivo
Aula funções inorgânicas e exercícios PositivoNai Mariano
 
Aula funções inorgnicas e exercicios ibb
Aula funções inorgnicas e exercicios ibbAula funções inorgnicas e exercicios ibb
Aula funções inorgnicas e exercicios ibbNai Mariano
 
Forças intermoleculares
Forças intermolecularesForças intermoleculares
Forças intermolecularesNai Mariano
 
Ligações químicas
Ligações químicasLigações químicas
Ligações químicasNai Mariano
 

Mais de Nai Mariano (20)

Aula murialdo 2
Aula murialdo 2Aula murialdo 2
Aula murialdo 2
 
Aula - Grandezas Químicas
Aula - Grandezas Químicas Aula - Grandezas Químicas
Aula - Grandezas Químicas
 
Aula calculos quimicos positivo
Aula calculos quimicos positivoAula calculos quimicos positivo
Aula calculos quimicos positivo
 
Lista grandezas químicas e estequiometria
Lista grandezas químicas e estequiometriaLista grandezas químicas e estequiometria
Lista grandezas químicas e estequiometria
 
Aula Funções Inorgânicas
Aula Funções InorgânicasAula Funções Inorgânicas
Aula Funções Inorgânicas
 
Aula tabela[1]
Aula tabela[1]Aula tabela[1]
Aula tabela[1]
 
Lista de exercícios estrutura atômica
Lista de exercícios estrutura atômicaLista de exercícios estrutura atômica
Lista de exercícios estrutura atômica
 
Introdução - Química
Introdução - QuímicaIntrodução - Química
Introdução - Química
 
Introducao quimica
Introducao quimicaIntroducao quimica
Introducao quimica
 
Introducao quimica
Introducao quimicaIntroducao quimica
Introducao quimica
 
Isomeria Cis-Trans e Óptica
Isomeria Cis-Trans e ÓpticaIsomeria Cis-Trans e Óptica
Isomeria Cis-Trans e Óptica
 
Cinética
CinéticaCinética
Cinética
 
Aula de Esquiometria Prof Kamil
Aula de Esquiometria Prof KamilAula de Esquiometria Prof Kamil
Aula de Esquiometria Prof Kamil
 
Aula sobre Grandezas Químicas!
Aula sobre Grandezas Químicas!Aula sobre Grandezas Químicas!
Aula sobre Grandezas Químicas!
 
Reações inorgânicas
Reações inorgânicas Reações inorgânicas
Reações inorgânicas
 
Aula funções inorgânicas e exercícios Positivo
Aula funções inorgânicas e exercícios PositivoAula funções inorgânicas e exercícios Positivo
Aula funções inorgânicas e exercícios Positivo
 
Aula funções inorgnicas e exercicios ibb
Aula funções inorgnicas e exercicios ibbAula funções inorgnicas e exercicios ibb
Aula funções inorgnicas e exercicios ibb
 
Forças intermoleculares
Forças intermolecularesForças intermoleculares
Forças intermoleculares
 
Ligações químicas
Ligações químicasLigações químicas
Ligações químicas
 
Aula tabela
Aula tabelaAula tabela
Aula tabela
 

Lista de materiais de química

  • 1. QUÍMICA 1ª SÉRIE MATERIAL DE APOIO Descrição dos Principais Materiais de Laboratório Instruções 04) ⇒ Pesquisar o nome e a função dos aparelhos de la- boratório apresentados nos espaços a seguir. ⇒ Em todas as provas que serão realizadas durante o ano, haverá questões referentes aos materiais de laboratório descritos. Nome: argola metálica Utilidade: suporte para funil de vidro nas filtrações ou tela de amianto. 01) 05) Nome: garra metálica Nome: Bico de Bunsen Utilidade: serve para segurar buretas, balões, Utilidade: Utilizado para aquecer materiais (para aque- erlenmeyer, condensadores, funis em suporte univer- cimento até temperatura de 800°C) sal. 02) 06) Nome: tela de amianto Utilidade: serve para distribuir uniformemente o calor durante o aquecimento. Nome: suporte universal Utilidade: peça metálica usada para montar apare- 03) lhagem em geral. 07) Nome: tripé de ferro Utilidade: serve de suporte de telas de amianto e de tri- Nome: tubo de ensaio ângulos de porcelana. Utilidade: serve para efetuar reações químicas em pe- quena escala. 1
  • 2. QUÍMICA 1ª SÉRIE 08) 12) Nome: estante para tubo de ensaio Utilidade: serve de suporte para guardar tubos de en- saio. Nome: erlenmeyer Utilidade: serve para aquecer líquidos, efetuar titulações. 09) 13) Nome: pinça de madeira Utilidade: serve para segurar tubos de ensaio. 10) Nome: balão de destilação ou balão de saída lateral Utilidade: é utilizado em destilações. 14) Nome: bastão de vidro ou bagueta Utilidade: serve para agitação e transferência de líqui- dos. Nome: proveta 11) Utilidade: serve para medidas aproximadas de volu- mes de líquidos. 15) Nome: copo de Bécker Utilidade: serve para preparação de soluções, aqueci- mento de líquidos. Nome: balão volumétrico Utilidade: utilizado para preparo de soluções de concen- trações definidas, e mede volume preciso de líquidos. 2
  • 3. QUÍMICA 1ª SÉRIE MATERIAL DE APOIO 16) 20) Nome: papel filtro Utilidade: utilizado em filtrações. 21) Nome: pipeta volumétrica Utilidade: serve para escoar medidas precisas de líqui- dos. 17) Nome: funil de Büchner Utilidade: utilizado em filtrações a vácuo. 22) Nome: pipeta graduada Utilidade: serve para escoar volumes variáveis e não- precisos de líquidos. 18) Nome: kitazato Utilidade: utilizado para filtração por sucção ou a vá- cuo (à pressão reduzida). 23) Nome: bureta Utilidade: utilizada em titulações, e mede volumes vari- áveis e precisos de líquidos. 19) Nome: funil de separação ou de bromo Utilidade: serve para separar líquidos não miscíveis. Nome: funil simples ou de vidro Utilidade: serve para transferência de líquidos de um frasco para outro e filtrações simples. 3
  • 4. QUÍMICA 1ª SÉRIE 24) 29) Nome: vidro de relógio Utilidade: serve para tampar copos de Bécker, evapo- rar líquidos e fazer pesagens. 25) Nome: condensadores Utilidade: equipamento destinado à condensação de vapores em destilações. Nome: cadinho 30) Utilidade: serve para calcinação e fusão de substâncias. 26) Nome: frasco lavador Utilidade: é utilizado na lavagem de recipientes ou materiais com jatos do líquido nele contido. Nome: triângulo de ferro com porcelana Utilidade: serve como suporte em aquecimento de cadinhos. 27) Nome: almofariz com pistilo ou gral Utilidade: utilizado na pulverização de sólidos em pe- quena escala. Bibliografia 28) USBERCO, Salvador. Química geral. V. 1. São Paulo: Saraiva. FONSECA, Martha Reis Marques da. Química: química geral. São Paulo: FTD, 1992. _____________ . De olho no vestibular: química geral. São Paulo: FTD, 1996. Nome: cápsula de porcelana OLIVEIRA, Edson Albuquerque de. Aulas práticas de Utilidade: serve para efetuar evaporação de líquidos, dis- química. São Paulo: Moderna, 1990. solução à quente, calcinação, secagem e aquecimento. FELTRE, Ricardo. Química geral. V. 1. São Paulo: Mo- derna. TITO; CANTO. Química na abordagem do cotidiano. V. 1. São Paulo: Moderna. 4