2014 independência das 13 colônias e os eua no século xix

544 visualizações

Publicada em

Publicada em: Educação
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
544
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
3
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
10
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

2014 independência das 13 colônias e os eua no século xix

  1. 1. A INDEPENDÊNCIA DOS EUA 1-CONTEXTO HISTÓRICO: 1.1- TREZE COLÔNIAS: A – Sul: Plantation B- Norte e Centro: Colônia de povoamento: predomínio da pequena e média propriedade; mercado interno; trabalho livre. C- Liberdade comercial: comércio triangular.
  2. 2. 1.2-INGLATERRA: A- Revolução Industrial: necessidade de mais matéria-prima e mercado consumidor. B- Tentativa de implantação do pacto colonial nas Treze Colônias: aumento de impostos; criação de monopólios;
  3. 3. 1.3- GUERRA DOS SETE ANOS: A- Conflito entre colonos ingleses e colonos franceses. B- Motivo: disputa da área produtora de peles de animais, ao leste das Treze Colônias e ao sul do Canadá, que eram vendidas no mercado europeu. C- Vitória dos colonos ingleses. D- A o governo da Inglaterra decide aumentar os impostos sobre os seus colonos com o objetivo de cobrir os custos referentes à guerra. Mostrando-se insensível e explorador, pois os maiores gastos na guerra haviam sido pagos pelos próprios colonos.
  4. 4. 2- MEDIDAS ABUSIVAS DO GOVERNO INGLÊS: 2.1- Lei do Açúcar 2.2- Lei do Selo 2.3- Atos Intoleráveis 2.4- Lei do Chá
  5. 5. 3- A REAÇÃO DOS COLONOS: 3.1- Passeata e massacre em Boston 3.2- A festa do chá de Boston 3.3- Inspirados pelo liberalismo político os colonos ingleses (norte- americanos) passaram a exigir o direito de votar e se candidatarem ao parlamento inglês, pois afirmavam que somente obedeceriam as leis e taxações vindas da Inglaterra se tivessem representantes no parlamento.
  6. 6. 3.4- O CONGRESSO DA FILADÉLFIA: A- Reuniu representantes de quase todas as colônias e de quase todas as classes sociais para debaterem sobre as mediadas abusivas adotadas pelo governo inglês.
  7. 7. B- Formação de um exército revolucionário sob o comando do fazendeiro George Washington.
  8. 8. C- A declaração de independência: todos os homens nascem iguais e tem direito à vida, a liberdade e a busca pela felicidade. Os governos foram criados pelos homens e deve servi-los, caso contrário devem ser mudados. D- Movimento político liberal iluminista e universal.
  9. 9. OS EUA NO SÉCULO XIX 1- CONTEXTO HISTÓRICO: 1.1- OS EUA: República constitucional federativa e presidencialista; 1.2- George Washington: crescimento econômico; aumento da imigração; 1.3- A Segunda Guerra de Independência: • Expansão americana = choques com a Inglaterra; • Acordo de Paz Eterna de Gand. • Nacionalismo.
  10. 10. 2- A Doutrina Monroe (1823): 2.1- “América para os americanos”; 2.2- Impedir a restauração do colonialismo pós-Congresso de Viena; 2.3- Apoio aos movimentos liberais de independência da América; 3- Marcha para o Oeste: 3.1- Do Atlântico para o Pacífico; 3.2- Os “Pioneiros”: imigrantes; reservas para a revolução industrial; 3.3- Ampliação territorial: conquista das terras indígenas; compra e guerras.
  11. 11. 4- A GUERRA DE SECESSÃO (1861 – 1865) 4.1- Norte: industrializado, pequena propriedade, trabalho livre, mentalidade industrial e autonomia comercial marítima; 4.2- Sul: monocultura de exportação, escravidão, mercado externo, mentalidade colonialista;
  12. 12. A GUERRA DE SECESSÃO (1861 – 1865)
  13. 13. 4.3- Motivos: série de desavenças em relação as taxas alfandegárias e a questão escravista; 4.4- Primeira guerra moderna. 4.5- Vitória nortista e a morte de Abraham Lincoln
  14. 14. 5- O IMPERIALISMO NORTE-AMERICANO: 5.1- Teoria do Destino Manifesto;
  15. 15. 5.2- Política do Big Stick: A- Corolário Roosevelt: Destino Manifesto e Doutrina Monroe; B- Intervenções na Nicarágua e Panamá;
  16. 16. 5.3- Cuba: Emenda Platt: Autorizava os EUA a atuar militarmente na ilha como protetores e garantidores da estabilidade interna.

×