O Canal Porta dos Fundos e a Nova Propaganda - Hibridizações e Emolduramentos em Webvídeos

403 visualizações

Publicada em

0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
403
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
43
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
2
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

O Canal Porta dos Fundos e a Nova Propaganda - Hibridizações e Emolduramentos em Webvídeos

  1. 1. O CANAL PORTA DOS FUNDOS EA NOVA PROPAGANDA: Hibridizações e Emolduramentos em Webvídeos Tiago Azevedo Appolinario da Silva Orientador Prof. MS André Conti Silva
  2. 2. ? CONTEXTUALIZAÇÃO DO TEMA Estudo de caso e análise dos vídeos produzidos pelo canal do YouTube “Porta dos Fundos” e seus desdobramentos no Meio Web e Televisivo sob a ótica mercadológica.
  3. 3. PROBLEMATIZAÇÃO E QUESTÃO NORTEADORA Como o canal “Porta dos Fundos” cria novas formas de Publicidade e Propaganda à partir da negação (ou desconstrução) das ferramentas mercadológicas tradicionais?
  4. 4. JUSTIFICATIVA É cada vez mais latente questões de pesquisa sobre produtos e práticas midiáticas em que a digitalização e o ciberespaço sejam os atores principais. "[...] diante disso, não se trata mais de raciocinar em termos de impacto, mas em termos de projetos.“ Santaella (2001, p. 79-80)
  5. 5. DELIMITAÇÃO Conceitos e estudos do composto de Marketing, permeados por entendimentos de Meios, Mediações, Remidiações e Audiovisualidades aplicadas ao cenário contemporâneo das Relações Públicas, da Indústria Criativa, da Publicidade e da Propaganda dos vídeos de conteúdo humorístico hibridizados com elementos propagandistíicos e publicitários do canal.
  6. 6. OBJETIVOS Analisar a produção do canal Porta dos Fundos na busca de contrapontos entre a ironia e a divulgação de marcas. ESPECÍFICOS - ELABORAR uma fundamentação teórica de leitura sistêmica e empírica; - DISSECAR a produção do canal Porta dos Fundos; - ENTENDER como se dá a dinâmica de percepção dos webvídeos; - ESTABELECER um modelo de abordagem.  
  7. 7. REFERENCIAL TEÓRICO
  8. 8. REFERENCIAL TEÓRICO   -­‐  Meios  e  mediações       -­‐  Remidiações  e  audiovisualidades   -­‐  Marke3ng  3.0  e  novos  paradigmas   -­‐  Emoção  e  humor  na  propaganda   -­‐  Ambientes  Pró-­‐Branding        
  9. 9. METODOLOGIA  
  10. 10. METODOLOGIA   - Estudo de caso - Emolduramentos e dissecações  
  11. 11. METODOLOGIA   -  Constelações/recursos digitais: Touchgraph  
  12. 12. Análise dos dados  
  13. 13. ANÁLISE DOS DADOS   Autenticação das molduras através de parâmetros de Ethicidades e outros:         - Meio (TV ou WEB) - Durações - Disponibilidade - Personas - Linguagem   - Narrativa - Elementos mercadológicos - Iniciativa - Objeto    
  14. 14. ANÁLISE DOS DADOS   Aeiou Celular Coral de Memes Moldura VídeoBuzz Buscapé Dá um Busca MeioTV Devassa “Proibido” Paris Hilton Moldura WebSpot Canal Pró-Brand MolduraYT Claro 4G Max Vlogers/Blogueiros CanalPF Moldura Moldura VídeoEsquete VídeoEsquete MeioWeb WebEsquete Zorra Total Moldura Quem Manda Na Lata VídeoSpot Havaianas Vendedor Moldura WebBuzz Mídias Sociais Hotsites Outros sites Adolf Mercedes Benz Molduras Principais e Acessórias - Exemplos
  15. 15. ANÁLISE DOS DADOS   Moldura WebEsquete CanalPF Spoleto 1 MeioTV MolduraYT Moldura WebBuzz Canal Pró-Brand Spoleto 2 Caso  1  –  Spoleto  1  e  2   Mídias Sociais Hotsites Outros sites MeioWeb
  16. 16. ANÁLISE DOS DADOS   Moldura WebEsquete CanalPF MolduraYT Canal Pró-Brand MeioTV Moldura WebBuzz MeioWeb Fiat Líder de Torcida Moldura WebSpot Mídias Sociais Hotsites Outros sites Caso  2  –  Fiat  Líder  de  Torcida  
  17. 17. ANÁLISE DOS DADOS   Moldura WebEsquete CanalPF MolduraYT Quem Manda Moldura Canal Pró-Brand VídeoBuzz Moldura WebBuzz MeioTV Kuat Oh Yeah! MeioWeb Mídias Sociais Hotsites Outros sites Caso  3  –  Guaraná  Kuat  Oh  Yeah!  E  Quem  Manda    
  18. 18. AUTENTICAÇÃO DE MODELOS   Emolduramentos e re-emolduramentos de um webvídeo
  19. 19. AUTENTICAÇÃO DE MODELOS   Molduraçaões e re-emolduramentos dos casos analisados  
  20. 20. AUTENTICAÇÃO DE MODELOS   Caso 1 - Gerenciando Crises e Gerando Valor
  21. 21. AUTENTICAÇÃO DE MODELOS   Caso 2 – Remidiando Formatos
  22. 22. AUTENTICAÇÃO DE MODELOS   Caso 3 – Convergindo Meios
  23. 23. CONSIDERAÇÕES FINAIS •  •  O POSICIONAMENTO DO CANALPF já sedimentou-se no ethos audiovisual brasileiro; AS MEDIAÇÕES APLICADAS AO MARKETING 3.0 do canal estão sintonizadas com as novos cenários comunicacionais mercadológicos; •  •  AS DINÂMICA DE RE-EMOLDURAMENTOS E ETAPAS EVOLUTIVAS PERCEBIDAS nos vídeos produzidos pelo CanalPF tendem a convergir sempre para a Moldura WebBuzz; O MÉTODO DE DISSECAÇÃO DE WEBVÍDEOS POR MOLDURAS proposto inicialmente foram acertados e bem sucedidos na realização da intenção inicial; •  AS CRISES DE IMAGEM GERADAS POR WEBVÍDEOS devem ser tratadas com a mesma linguagem e no mesmo meio em que esta foi gerada; •  OS ASPECTOS DE LINGUAGEM E FATORES DE VIRALIZAÇÃO podem ser amplamente trabalhados no esforço assertivo mercadológico; •  O FATOR HUMORÍSTICO propicia maior receptividade e simpatia das marcas referenciadas; •  A CONVERGÊNCIA ENTRE MEIOS É UMA REALIDADE que exige a reinvenção das campanhas e das linguagens propagandísticas.
  24. 24. QUESTÕES PARA O FUTURO •  Processos de re-emolduramentos dinâmicos; •  Pesquisas de mídia sobre aspectos de duração, rentabilização e mensurações investimento/retorno em streaming; •  Remidiações e referenciações entre vídeos complementares; •  Processos de mediação e convergência de canais de comércio eletrônico e auto-referência; •  Gerenciamento de crises, Relações Públicas e Assessoria de Imprensa em Mídias Sociais; •  Aprofundamento do entendimento em Teorias Funcionalistas; •  Ativismo social e politico na convergência das mediações culturais contemporâneas.
  25. 25. OBRIGADO !

×