Aumente a Produtividade deDesenvolvimento de Conteúdocom a Escrita Colaborativa                    Norton Moreira         ...
Vamos começar perguntando…                                     Adaptado de>                              “El Profe Virtual...
O que éeducação?
Educação é simplesmente…
...uma história de histórias.
Alguém quercontá-las!
Alguém quercontá-las!  +Alguém querouví-las
É uma equação simples!.
De um lado,está o tempo e o espaço do   professor   abc               t1               e1   Professor
De um lado,        Do outro lado,está o tempo e       o tempo e o o espaço do          espaço do   professor          estu...
Educação Tradicional   abc                          abc             t1 = t2             e1 = e2     Na educação tradiciona...
Educação Virtual   abc                      abc           t1 = t2           e1 = e2  Na educação virtual, o tempoou o espa...
Educação Virtual   abc                      abc           t1 = t2           e1 = e2  Na educação virtual, o tempoou o espa...
Educação Virtual               WWW   abc                      abc           t1 = t2           e1 = e2  Na educação virtual...
Mas a educação virtual
Mas a educação virtualtem estado por aí há séculos.
Mas a educação virtual tem estado por aí há séculos.Professores e alunos
Mas a educação virtual tem estado por aí há séculos.Professores e alunos em diferentes tempos e lugares
Mas a educação virtual tem estado por aí há séculos.Professores e alunos em diferentes tempos e lugarestem estado conectados
Antigamente  Hieróglifos       Berthe Morisot (1870)Leitura + Escrita
Antigamente                    e          Ontem  Hieróglifos                                    Gravação                  ...
Hoje e Amanhã:                          Realidade                           Virtual                         AumentadaVídeo...
Tendências da Educação Corporativa    •   Personalização    •   Ubiquidade                   Foco em maximizar o    •   La...
Evolução nas formas                                                                     de                                ...
Ou seja, ferramentas diferentespara cada público
Ou seja, ferramentas diferentespara cada público    Diferentes mídias
Ou seja, ferramentas diferentespara cada público    Diferentes mídias   Diferentes velocidades
Quando a educaçãotem um tempo e um lugar
Nós temos um    curso
Um curso é um lugar
Um curso é um lugar onde podemos ir
para escutar umahistória
Então um curso é
Uma história
Uma história    +Um anfitrião
Uma história         +   Um anfitrião        +Vários convidados
Mas hoje...e cada vez mais,teremos:
Mas hoje...e cada vez mais,teremos:Um lugar cheio de ferramentas
Mas hoje...e cada vez mais,teremos:Um lugar cheio de ferramentaspara que o anfitrião encontrenovas maneiras
de contar a história
Uma história pode ser contada...
em sequência  Aula Virtual
em sequência     Ou não…  Aula Virtual   Aula Virtual
Ela pode ser cheiade recursos  Leituras         Áudios Links        Vídeos  Simulaçãos Objetos de aprendizagem
E atividadesGlossários    Wikis        DiscussõesBlogs             ChatsQuestionários        TarefasJogos
Mas ahistória não   terá vida
Mas ahistória não   terá vida   Se não levar em    consideração
Mas ahistória não   terá vida               Quem são               os convidados
Mas ahistória não   terá vida               Quem são               os convidados
Na formação profissional essedesafio também está presente
panorama atual“apagão”de mão-de-obra
educaçãoInvestimentospúblicos e privados                 Pronatec 2014:              8 milhões de vagas            R$ 24 b...
educação                                        Matrículas em                a distância              curso técnico       ...
EaD é              realidadeAlunos deEaD tiraram                                     15%                                  ...
Tripé da                  EaD                                    Tecnologia                         Serviços              ...
Então,quem organizaa história para        contar
o problemaProfessor de graduação   Professor técnico   Professores em geralFoco na                  Foco na             Se...
o desafio2013-20173.000 novos cursosTécnico - privado1.500 novos cursosGraduação - privadas               4.5M            ...
uma das                            empresa que                           mais desenvolve                            conteú...
processo decriação de conteúdo
nosso processo de criação      de conteúdo
identifique  a melhorabordagem
Planejamento de Cursos em EAD
O Desenho Geral do Curso deve considerar os seguintes  aspectos:• definições iniciais que envolvem a opção por determinada...
COMPONENTES                                        ESTRUTURA PEDAGÓGICADA ESTRUTURA                                       ...
Projeto Instrucional
Projeto Instrucional   Projeto Gráfico
formalize os  objetivos deaprendizagem
Taxonomia de Bloom revisada     Fonte: http://penta2.ufrgs.br/edu/bloom/teobloom.htm
estruture os   objetos deaprendizagem
objetos deaprendizagem       • Pedaços de informações,                     descritos a partir de                     objet...
A EmentaA Ementa fornece uma lista de assuntos organizada em dois níveis• Assunto Geral 1   – Assunto Específico 1.1   – A...
Passo   1 Assuntos GeraisO grau de detalhamento dos Assuntos Gerais deve ser tal que ao ler alista completa identificamos:...
Prova   1 Assuntos Gerais1. Divida a carga horária da disciplina pela quantidade de Assuntos   Gerais.2. Atribua a carga h...
Exemplo de             Dimensionamento da                Carga Horáriahttps://video.google.com/get_player?BASE_URL=https%3...
Agora é com você.Veja como usar a tabela.                           1- Coloque a carga                              horári...
Agora é com você.Veja como usar a tabela.         2- Digite os assuntos aqui                                      1- Coloq...
Agora é com você.Veja como usar a tabela.                                                      3- Digite a carga          ...
Passo   2 Assuntos EspecíficosPara cada Assunto Específico relativo a um Assunto Geral, avalie se: • O texto é coerente e ...
Prova   2 Assuntos Específicos1. Divida a carga horária atribuída ao Assunto Geral pela   quantidade de Assuntos Específic...
Agora é com você.                                           1- Faça uma linha para cada                                   ...
Agora é com você.                                           1- Faça uma linha para cada                                   ...
Agora é com você.                                           1- Faça uma linha para cada                                   ...
Agora é com você.                                           1- Faça uma linha para cada                                   ...
Agora é com você.                                           1- Faça uma linha para cada                                   ...
Agora é com você.                                           1- Faça uma linha para cada                                   ...
Agora que você terminou:• Finalize todas as análises de refinamento dos assuntos específicos  na aba Passo 2.• Quando vc t...
Passo   3 Selecione o Tipo do AssuntoDepois que você conseguiu fechar uma lista coerente de assuntosgerais e específicos, ...
Passo   3 Selecione o Tipo do Assunto  Depois que você conseguiu fechar uma lista coerente de assuntos  gerais e específic...
Passo   4   Confira o detalhamento do assuntoPara cada tipo de assunto escolhido por você, será sugerida umdetalhamento do...
Passo   4   Confira o detalhamento do assuntoPara cada tipo de assunto escolhido por você, será sugerida umdetalhamento do...
Passo   5 Escolha o Nível de BloomA Taxonomia deBloom define qual                        Criação   combinar partes não org...
Passo   5 Escolha o Nível de BloomPara cada Assunto Específico pense no perfil do aluno, narelação deste assunto com os de...
Antes de ir para a Planilha Lembre quem é o aluno:  • egresso do ensino médio  • 20 anos de idade Lembre o que é um curso ...
Escolha o verbo de aprendizagemO Verbo de Aprendizagem define uma estratégia para que o alunoatinja um nível cognitivo (de...
Exemplo de uso do Verbo de aprendizagemPor exemplo, para ensinar um aluno sobre: • assunto: "O que é hardware"    o detalh...
Para que serve o verbo de aprendizagem?       Para cada verbo de aprendizgem, teremos       uma estrutura pré-definida que...
Definição da Carga Horária finalUma vez definido o assunto, o detalhamento e o nível cognitivo quese espera que o aluno at...
escolha umaestratégia de abordagem
VínculoDesenvolvimento   Conclusão   Retenção
desenvolva     escritacolaborativa
Qual linguagem utilizar? • A linguagem utilizada deve seguir um estilo direto,   objetivo, que reproduza na medida do poss...
Qual linguagem utilizar? • Conteúdo com aplicabilidade no dia a dia do aluno • Linguagem mais objetiva tende a tornar mais...
Conteúdo eficiente deve possuir: • Concisão: escrever objetiva e resumidamente, mantendo   sempre textos curtos e eliminan...
Suporte ao conteudista FabriCO • Ambiente de aprendizagem do conteudista • Ambiente de desenvolvimento    – Editor de obje...
Fluxo de escrita colaborativa
Ferramentas de escritacolaborativa
valide conteúdoproduzido
roteirizemídias paraimpresso e     online
produza   objetos deaprendizagem
empacote  curso
conclusões
obrigado           Norton Moreira           norton.moreira@fabrico.com.br           48 30293123
Aumente a produtividade no desenvolvimento de conteúdo com a Escrita Colaborativa
Aumente a produtividade no desenvolvimento de conteúdo com a Escrita Colaborativa
Aumente a produtividade no desenvolvimento de conteúdo com a Escrita Colaborativa
Aumente a produtividade no desenvolvimento de conteúdo com a Escrita Colaborativa
Aumente a produtividade no desenvolvimento de conteúdo com a Escrita Colaborativa
Aumente a produtividade no desenvolvimento de conteúdo com a Escrita Colaborativa
Aumente a produtividade no desenvolvimento de conteúdo com a Escrita Colaborativa
Aumente a produtividade no desenvolvimento de conteúdo com a Escrita Colaborativa
Aumente a produtividade no desenvolvimento de conteúdo com a Escrita Colaborativa
Aumente a produtividade no desenvolvimento de conteúdo com a Escrita Colaborativa
Aumente a produtividade no desenvolvimento de conteúdo com a Escrita Colaborativa
Aumente a produtividade no desenvolvimento de conteúdo com a Escrita Colaborativa
Aumente a produtividade no desenvolvimento de conteúdo com a Escrita Colaborativa
Aumente a produtividade no desenvolvimento de conteúdo com a Escrita Colaborativa
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

Aumente a produtividade no desenvolvimento de conteúdo com a Escrita Colaborativa

315 visualizações

Publicada em

Aumente a produtividade no desenvolvimento de conteúdo com a Escrita Colaborativa

Publicada em: Educação
0 comentários
3 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
315
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
7
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
0
Comentários
0
Gostaram
3
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Aumente a produtividade no desenvolvimento de conteúdo com a Escrita Colaborativa

  1. 1. Aumente a Produtividade deDesenvolvimento de Conteúdocom a Escrita Colaborativa Norton Moreira norton.moreira@fabrico.com.br
  2. 2. Vamos começar perguntando… Adaptado de> “El Profe Virtual” em: http://www.profevirtual.com Guillermo Ramírez Out/2010
  3. 3. O que éeducação?
  4. 4. Educação é simplesmente…
  5. 5. ...uma história de histórias.
  6. 6. Alguém quercontá-las!
  7. 7. Alguém quercontá-las! +Alguém querouví-las
  8. 8. É uma equação simples!.
  9. 9. De um lado,está o tempo e o espaço do professor abc t1 e1 Professor
  10. 10. De um lado, Do outro lado,está o tempo e o tempo e o o espaço do espaço do professor estudante abc abc t1 t2 e1 e2 Professor Estudante
  11. 11. Educação Tradicional abc abc t1 = t2 e1 = e2 Na educação tradicionalo tempo e o espaço são os mesmos
  12. 12. Educação Virtual abc abc t1 = t2 e1 = e2 Na educação virtual, o tempoou o espaço podem ser diferentes
  13. 13. Educação Virtual abc abc t1 = t2 e1 = e2 Na educação virtual, o tempoou o espaço podem ser diferentes E a conexão é…
  14. 14. Educação Virtual WWW abc abc t1 = t2 e1 = e2 Na educação virtual, o tempoou o espaço podem ser diferentes E a conexão é… a tecnologia
  15. 15. Mas a educação virtual
  16. 16. Mas a educação virtualtem estado por aí há séculos.
  17. 17. Mas a educação virtual tem estado por aí há séculos.Professores e alunos
  18. 18. Mas a educação virtual tem estado por aí há séculos.Professores e alunos em diferentes tempos e lugares
  19. 19. Mas a educação virtual tem estado por aí há séculos.Professores e alunos em diferentes tempos e lugarestem estado conectados
  20. 20. Antigamente Hieróglifos Berthe Morisot (1870)Leitura + Escrita
  21. 21. Antigamente e Ontem Hieróglifos Gravação + Reprodução Berthe Morisot (1870)Leitura + Escrita
  22. 22. Hoje e Amanhã: Realidade Virtual AumentadaVídeo aulas E-learning Simulares
  23. 23. Tendências da Educação Corporativa • Personalização • Ubiquidade Foco em maximizar o • Largura de banda processo de aprendizagem e seu • Multimídia impacto no trabalho • Comunidades de PráticaFonte: Bersin Associates - 2011
  24. 24. Evolução nas formas de Aprender e EnsinarBrown, T.H. (2004) The role of m-learning in the future ofe-learning in Africa? In Distance Education andTechnology:Issues and Practice. Hong Kong
  25. 25. Ou seja, ferramentas diferentespara cada público
  26. 26. Ou seja, ferramentas diferentespara cada público Diferentes mídias
  27. 27. Ou seja, ferramentas diferentespara cada público Diferentes mídias Diferentes velocidades
  28. 28. Quando a educaçãotem um tempo e um lugar
  29. 29. Nós temos um curso
  30. 30. Um curso é um lugar
  31. 31. Um curso é um lugar onde podemos ir
  32. 32. para escutar umahistória
  33. 33. Então um curso é
  34. 34. Uma história
  35. 35. Uma história +Um anfitrião
  36. 36. Uma história + Um anfitrião +Vários convidados
  37. 37. Mas hoje...e cada vez mais,teremos:
  38. 38. Mas hoje...e cada vez mais,teremos:Um lugar cheio de ferramentas
  39. 39. Mas hoje...e cada vez mais,teremos:Um lugar cheio de ferramentaspara que o anfitrião encontrenovas maneiras
  40. 40. de contar a história
  41. 41. Uma história pode ser contada...
  42. 42. em sequência Aula Virtual
  43. 43. em sequência Ou não… Aula Virtual Aula Virtual
  44. 44. Ela pode ser cheiade recursos Leituras Áudios Links Vídeos Simulaçãos Objetos de aprendizagem
  45. 45. E atividadesGlossários Wikis DiscussõesBlogs ChatsQuestionários TarefasJogos
  46. 46. Mas ahistória não terá vida
  47. 47. Mas ahistória não terá vida Se não levar em consideração
  48. 48. Mas ahistória não terá vida Quem são os convidados
  49. 49. Mas ahistória não terá vida Quem são os convidados
  50. 50. Na formação profissional essedesafio também está presente
  51. 51. panorama atual“apagão”de mão-de-obra
  52. 52. educaçãoInvestimentospúblicos e privados Pronatec 2014: 8 milhões de vagas R$ 24 bilhões Fonte: Portal Pronatec - MEC 31/05/2012
  53. 53. educação Matrículas em a distância curso técnico a distância crescem 162%76 mil Crescimento de 12% no presencial28 mil Fonte: UOL Educação 28/06/2012 2010 2011
  54. 54. EaD é realidadeAlunos deEaD tiraram 15% das matrículas6,7pontos a mais no ENADE do em graduação Fonte: Estadão 31/05/2012que alunos de cursos presenciais
  55. 55. Tripé da EaD Tecnologia Serviços Conteúdo 57%Fonte: ABED Censo 2010
  56. 56. Então,quem organizaa história para contar
  57. 57. o problemaProfessor de graduação Professor técnico Professores em geralFoco na Foco na Sem formação para escreverteoria prática conteúdo
  58. 58. o desafio2013-20173.000 novos cursosTécnico - privado1.500 novos cursosGraduação - privadas 4.5M horas de conteúdo Estimativa a partir do SISTEC/MEC, em 28/08/2012
  59. 59. uma das empresa que mais desenvolve conteúdo técnico em EaD no Brasil 2012 3.200 horas 20 mil páginas HTML15 mil páginas de livros
  60. 60. processo decriação de conteúdo
  61. 61. nosso processo de criação de conteúdo
  62. 62. identifique a melhorabordagem
  63. 63. Planejamento de Cursos em EAD
  64. 64. O Desenho Geral do Curso deve considerar os seguintes aspectos:• definições iniciais que envolvem a opção por determinadas estratégias pedagógicas,• o detalhamento da grade de conteúdo e dos objetivos específicos,• a definição dos meios tecnológicos a serem utilizados;• a organização do conteúdo e da forma como será disponibilizado;• as atividades e tarefas que serão objetos de avaliação da aprendizagem;• o modelo de interatividade e tutoria a ser adotado.
  65. 65. COMPONENTES ESTRUTURA PEDAGÓGICADA ESTRUTURA Módulo Apresentação dos objetivosConteúdodidático: Elementos de Lembretes sobre motivação lição anterior Bolhas Questio- de Charges reflexão nament o Textos explicativos e informativos O referencial: os conteúdos do ensino e suas subdivisões Síntese do módulo Recapitulação do Exercícios de Atividades diversificadas Reflexões conteúdo fixação Preparação para o próximo tema aula 1 Introdução ao Conclusão do módulo aula 2 módulo aula 3
  66. 66. Projeto Instrucional
  67. 67. Projeto Instrucional Projeto Gráfico
  68. 68. formalize os objetivos deaprendizagem
  69. 69. Taxonomia de Bloom revisada Fonte: http://penta2.ufrgs.br/edu/bloom/teobloom.htm
  70. 70. estruture os objetos deaprendizagem
  71. 71. objetos deaprendizagem • Pedaços de informações, descritos a partir de objetivos de aprendizagem • Reutilizável • Independente • Um objetivo de aprendizagem • Equivalente a uma aula: • duração de 30 a 60 minutos • de 1.500 a 3.000 caracteres).
  72. 72. A EmentaA Ementa fornece uma lista de assuntos organizada em dois níveis• Assunto Geral 1 – Assunto Específico 1.1 – Assunto Específico 1.2• Assunto Geral 2
  73. 73. Passo 1 Assuntos GeraisO grau de detalhamento dos Assuntos Gerais deve ser tal que ao ler alista completa identificamos:• os grandes assuntos que constituem a disciplina• os assuntos que constroem as competências solicitadas• uma sequência lógica entre os assuntosPara saber se o detalhamento está adequado à carga horária dadisciplina, faça a "Prova 1". https://video.google.com/get_player?BASE_URL=https%3A%2F%2Fdocs.google.com%2F&authuser=0&docid=0B7MOJE 2Naa_ZZjA1Y2MyMjctYTlhMS00Njg4LTg3NmEtYWJjZTgxOGM5ZWU3&partnerid=30&ps=docs
  74. 74. Prova 1 Assuntos Gerais1. Divida a carga horária da disciplina pela quantidade de Assuntos Gerais.2. Atribua a carga horária média para cada Assunto Geral.3. Com base na sua experiência de sala de aula, faça o ajuste da quantidade de horas para cada Assunto Geral.4. Some as horas e verifique se está dentro da margem de 20% para mais ou para menos.5. Se não estiver, você tem duas possibilidades: ajustar a quantidade de horas e/ou de Assuntos Gerais.
  75. 75. Exemplo de Dimensionamento da Carga Horáriahttps://video.google.com/get_player?BASE_URL=https%3A%2F%2Fdocs.google.com%2F&authuser=0&docid=0B7MOJE2Naa_ZOGI1NTkwYmItOWQ0Ny00NDk5LWEzN2YtNzFjODkzNGFlNTMy&partnerid=30&ps=docs
  76. 76. Agora é com você.Veja como usar a tabela. 1- Coloque a carga horária aqui
  77. 77. Agora é com você.Veja como usar a tabela. 2- Digite os assuntos aqui 1- Coloque a carga horária aqui
  78. 78. Agora é com você.Veja como usar a tabela. 3- Digite a carga horária ajustada aqui 2- Digite os assuntos aqui 1- Coloque a carga horária aqui
  79. 79. Passo 2 Assuntos EspecíficosPara cada Assunto Específico relativo a um Assunto Geral, avalie se: • O texto é coerente e completo? o Exemplo: o assunto chamado "Definição" deveria ser escrito "Definição de sistemas operacionais multiplataforma"• Tem relação com o Assunto Geral?Para o conjunto dos Assuntos Específicos de um Assunto Geral, avaliese: • Está em uma ordem lógica? • Descreve totalmente o Assunto Geral?Para saber se o detalhamento está adequado à carga horária doAssunto Geral, faça a "Prova 2". https://video.google.com/get_player?BASE_URL=https%3A%2F%2Fdocs.google.com%2F&authuser=0&doci d=0B7MOJE2Naa_ZNDVkZTgzYWItZDkxYy00ZTY0LTkzYWUtYjMxYTJlODc1MTdj&partnerid=30&ps=docs
  80. 80. Prova 2 Assuntos Específicos1. Divida a carga horária atribuída ao Assunto Geral pela quantidade de Assuntos Específicos2. Atribua a carga horária média para cada Assunto Específico. A CARGA HORÁRIA DE CADA ASSUNTO ESPECÍFICO DEVERÁ SER 30min, 1h ou 2h.3. Com base na sua experiência de sala de aula, faça o ajuste fino da quantidade de horas para cada Assunto Específico.4. Verifique se a soma da carga horária dos Assuntos Específicos é igual a carga horária do Assunto Geral.5. Se não estiver, você tem duas possibilidades: ajustar a quantidade de horas e/ou de Assuntos Específicos. https://video.google.com/get_player?BASE_URL=https%3A%2F%2Fdocs.google.com%2F&authuser=0&docid=0B 7MOJE2Naa_ZMjBlNDAzNzMtMzE4ZC00NjJjLWIyNTgtY2RmZjVjOTJkYmRi&partnerid=30&ps=docs
  81. 81. Agora é com você. 1- Faça uma linha para cada Assunto Específico,Veja como usar a tabela. deixando a primeira somente com o Assunto Geral 1 1 1 1 1 1 1 1 1https://video.google.com/get_player?BASE_URL=https%3A%2F%2Fdocs.google.com%2F&authuser=0&docid=0B7MOJE2Na_ZZjFkOTY4MDQtOGYxZS00YWJlLWIwZTUtNGMxNzgwZTgzZjc4&partnerid=30&ps=docs
  82. 82. Agora é com você. 1- Faça uma linha para cada Assunto Específico,Veja como usar a tabela. deixando a primeira somente com o Assunto Geral 1 1 1 1 1 1 2- Coloque o nome da 1 disciplina 1 1https://video.google.com/get_player?BASE_URL=https%3A%2F%2Fdocs.google.com%2F&authuser=0&docid=0B7MOJE2Na_ZZjFkOTY4MDQtOGYxZS00YWJlLWIwZTUtNGMxNzgwZTgzZjc4&partnerid=30&ps=docs
  83. 83. Agora é com você. 1- Faça uma linha para cada Assunto Específico,Veja como usar a tabela. deixando a primeira somente com o Assunto Geral 1 1 1 1 1 1 2- Coloque o nome da 3- Coloque o 1 disciplina Assunto Geral 1 1https://video.google.com/get_player?BASE_URL=https%3A%2F%2Fdocs.google.com%2F&authuser=0&docid=0B7MOJE2Na_ZZjFkOTY4MDQtOGYxZS00YWJlLWIwZTUtNGMxNzgwZTgzZjc4&partnerid=30&ps=docs
  84. 84. Agora é com você. 1- Faça uma linha para cada Assunto Específico,Veja como usar a tabela. deixando a primeira somente com o Assunto Geral 1 1 1 1 1 1 2- Coloque o 4- Coloque o nome da 3- Coloque o Assunto 1 disciplina Assunto Geral Específico 1 1https://video.google.com/get_player?BASE_URL=https%3A%2F%2Fdocs.google.com%2F&authuser=0&docid=0B7MOJE2Na_ZZjFkOTY4MDQtOGYxZS00YWJlLWIwZTUtNGMxNzgwZTgzZjc4&partnerid=30&ps=docs
  85. 85. Agora é com você. 1- Faça uma linha para cada Assunto Específico,Veja como usar a tabela. deixando a primeira somente com o Assunto Geral 5- Coloque 1 a estimativa 1 de Carga Horária 1 1 1 1 2- Coloque o 4- Coloque o nome da 3- Coloque o Assunto 1 disciplina Assunto Geral Específico 1 1https://video.google.com/get_player?BASE_URL=https%3A%2F%2Fdocs.google.com%2F&authuser=0&docid=0B7MOJE2Na_ZZjFkOTY4MDQtOGYxZS00YWJlLWIwZTUtNGMxNzgwZTgzZjc4&partnerid=30&ps=docs
  86. 86. Agora é com você. 1- Faça uma linha para cada Assunto Específico,Veja como usar a tabela. deixando a primeira somente com o Assunto Geral 5- Coloque 1 a estimativa 1 de Carga Horária 1 1 1 6- marque as células e 1 verifique som 2- Coloque o 4- Coloque o nome da 3- Coloque o Assunto atório 1 das horas disciplina Assunto Geral Específico 1 1https://video.google.com/get_player?BASE_URL=https%3A%2F%2Fdocs.google.com%2F&authuser=0&docid=0B7MOJE2Na_ZZjFkOTY4MDQtOGYxZS00YWJlLWIwZTUtNGMxNzgwZTgzZjc4&partnerid=30&ps=docs
  87. 87. Agora que você terminou:• Finalize todas as análises de refinamento dos assuntos específicos na aba Passo 2.• Quando vc tiver refinado o suficiente e tiver somente assuntos com menos de 1h de duração:• Marque todo o contéudo das colunas A, B e C da Passo 2• Copie (ctrl + c)• Vá para a aba Prosseguindo• Clique na célula A2• Cole o conteúdo (ctrl + v)• Qualquer alteração que você precisar fazer, faça na aba Prosseguindo• Não tente manter compatibilidade com a aba Passo 2.
  88. 88. Passo 3 Selecione o Tipo do AssuntoDepois que você conseguiu fechar uma lista coerente de assuntosgerais e específicos, vamos selecionar o Tipo do Assunto Específico. Mas o que é “Assunto Específico"? Com base nas ementas criadas, procuramos encontrar os assuntos mais usados, agrupamos e atribuimos um nome. Veja a seguir. https://video.google.com/get_player?BASE_URL=https%3A%2F%2Fdocs.google.com%2F&authuser=0&docid= 0B7MOJE2Naa_ZOTc0NjhjOTItZWMxOC00NDU5LThhM2UtOWM4YTBkMTAwYmMw&partnerid=30&ps=docs
  89. 89. Passo 3 Selecione o Tipo do Assunto Depois que você conseguiu fechar uma lista coerente de assuntos gerais e específicos, vamos selecionar o Tipo do Assunto. Mas o que é "Tipo do Assunto"? Conceito Contexto Procedimento Comportamento https://video.google.com/get_player?BASE_URL=https%3A%2F%2Fdocs.google.com%2F&authuser=0&docid=0B7 MOJE2Naa_ZMzFkMzBkNzEtNzVkZC00YjRmLWE5MDYtYWU3NjhmYzhjMTg2&partnerid=30&ps=docs
  90. 90. Passo 4 Confira o detalhamento do assuntoPara cada tipo de assunto escolhido por você, será sugerida umdetalhamento do assunto.
  91. 91. Passo 4 Confira o detalhamento do assuntoPara cada tipo de assunto escolhido por você, será sugerida umdetalhamento do assunto. Reflita a respeito. Delete aqueles que não são úteis. Se realmente precisar, inclua novos.
  92. 92. Passo 5 Escolha o Nível de BloomA Taxonomia deBloom define qual Criação combinar partes não organizadas paradimensão do formar um todoprocesso cognitivovocê quer que o Avaliação julgar o valor do conhecimentoaluno atinja para oassunto específico Análise identificar as partes e suas inter-relaçõesem questão. Aplicação aplicar o conhecimento em situações concretas Compreensão entender a informação, captar seu significado, utilizá-la noutro contexto Conhecimento lembrar informações sobre: fatos, datas, teorias, classificações, regras, métodos
  93. 93. Passo 5 Escolha o Nível de BloomPara cada Assunto Específico pense no perfil do aluno, narelação deste assunto com os demais e faça uma reflexão. • O que o aluno precisa fazer com essa informação? • Qual o resultado esperado? • O aluno já tem os pré-requisitos para atingir este resultado?
  94. 94. Antes de ir para a Planilha Lembre quem é o aluno: • egresso do ensino médio • 20 anos de idade Lembre o que é um curso técnico: • curso aplicado • prática é fundamental
  95. 95. Escolha o verbo de aprendizagemO Verbo de Aprendizagem define uma estratégia para que o alunoatinja um nível cognitivo (de conhecimento) para um dado assunto.Ou seja, escolhendo um verbo de aprendizagem, você estarádefinindo um caminho para ensinar.
  96. 96. Exemplo de uso do Verbo de aprendizagemPor exemplo, para ensinar um aluno sobre: • assunto: "O que é hardware" o detalhamento: o que é, para que serve, características, estrutura. • nível cognitivo: "Compreensão"Uma forma de fazer isso é levar o aluno a reconhecer o papel dohardware através da descrição de um cenário no qual se descreve erelaciona os assuntos.
  97. 97. Para que serve o verbo de aprendizagem? Para cada verbo de aprendizgem, teremos uma estrutura pré-definida que irá guiar a escrita do conteúdo. Com isso, o professor terá na mão um grande facilitador para organizar o conteúdo.
  98. 98. Definição da Carga Horária finalUma vez definido o assunto, o detalhamento e o nível cognitivo quese espera que o aluno atinja, podemos definir a carga horárianecessária. Por fim, se a carga horária for maior que uma hora aula, procure refinar o assunto para que seja possível ensiná-lo em até uma hora.
  99. 99. escolha umaestratégia de abordagem
  100. 100. VínculoDesenvolvimento Conclusão Retenção
  101. 101. desenvolva escritacolaborativa
  102. 102. Qual linguagem utilizar? • A linguagem utilizada deve seguir um estilo direto, objetivo, que reproduza na medida do possível uma conversa, predominando, portanto, o emprego coloquial da língua portuguesa. • Deve-se evitar o uso de jargões, de termos muito técnicos e a apresentação de informações supérfluas.
  103. 103. Qual linguagem utilizar? • Conteúdo com aplicabilidade no dia a dia do aluno • Linguagem mais objetiva tende a tornar mais eficaz a transmissão do conhecimento • Textos breves já que um dos maiores desafios a ser vencido por quem elabora material instrucional é a impaciência dos leitores.
  104. 104. Conteúdo eficiente deve possuir: • Concisão: escrever objetiva e resumidamente, mantendo sempre textos curtos e eliminando palavras desnecessárias; • Clareza: usar palavras precisas para expressão de ideias, procurando sempre as palavras específicas para cada contexto, evitando generalizações; • Limpeza: manter o texto limpo e bem organizado. Para isso, releia-o, eliminando todas as palavras que não devam fazer parte da mensagem principal; • Credibilidade: garantir a honestidade e a integridade do texto.
  105. 105. Suporte ao conteudista FabriCO • Ambiente de aprendizagem do conteudista • Ambiente de desenvolvimento – Editor de objetivos de aprendizagem – Editor de aula • Modelos de tipos de aula • Escrita colaborativa • Consultoria educacional contínua • Ferramenta de comunicação online
  106. 106. Fluxo de escrita colaborativa
  107. 107. Ferramentas de escritacolaborativa
  108. 108. valide conteúdoproduzido
  109. 109. roteirizemídias paraimpresso e online
  110. 110. produza objetos deaprendizagem
  111. 111. empacote curso
  112. 112. conclusões
  113. 113. obrigado Norton Moreira norton.moreira@fabrico.com.br 48 30293123

×