M.Schafer

1.345 visualizações

Publicada em

Criado por Enny Parejo

Publicada em: Educação
0 comentários
1 gostou
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
1.345
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
18
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
22
Comentários
0
Gostaram
1
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

M.Schafer

  1. 1. Murray Schafer (Canadá – 1933)
  2. 2. <ul><li>O primeiro passo prático em qualquer reforma educativa é dá-lo. </li></ul><ul><li>2. Em educação, os fracassos são mais importantes do que os êxitos. Não há nada tão deprimente como uma história de sucesso. </li></ul><ul><li>3. Ensino no limite do perigo. </li></ul><ul><li>4. Já não há professores. Só existe uma comunidade de aprendizes. </li></ul><ul><li>5. Não desenvolva uma filosofia de educação para outros. Desenvolva uma para você mesmo. Talvez, alguns desejarão compartilhá-la com você. </li></ul><ul><li>6. Para a criança de cinco anos, a arte é vida e a vida é arte. Para a de seis, a vida é vida e a arte é arte. O primeiro ano de escola é uma ruptura na história da criança: um trauma. </li></ul>M. SCHAFER - Máximas para educadores
  3. 3. 7.O antigo enfoque: o professor tem a informação; o aluno tem a cabeça vazia. Observações: no começo, o professor é um imbecil; ao final, o aluno é um imbecil. 8. Ao contrário, uma aula deveria ser um momento de mil descobrimentos. Para que isto ocorra, o professor e o aluno deveriam primeiramente descobrir-se reciprocamente. 9. Porque será que os únicos que nunca prestam exame de ingresso a seus próprios cursos são os professores? 10. Ensine sempre de maneira provisória. Só Deus pode ter certeza. M. SCHAFER – Máximas para educadores
  4. 4. A ESCUTA DOS SONS DO MUNDO “ Apresentar aos estudantes de todas as idades os sons do ambiente; induzi-los a tratar a paisagem sonora do mundo como uma composição musical cujo principal compositor é o homem e a produzir apreciações críticas que possam conduzir à sua melhoria.” M. SCHAFER - Princípios pedagógicos
  5. 5. M. SCHAFER - Princípios pedagógicos CRIATIVIDADE MUSICAL no coração do currículo “ Meu trabalho se centrou fundamentalmente no fazer musical criativo, distinguindo-se da corrente educativa principal, que se preocupou sobretudo em desenvolver habilidades interpretativas.”
  6. 6. M. SCHAFER - Princípios pedagógicos A COMPOSIÇÃO como um recurso mestre da educação musical “ (...) ainda não encontrei uma criança que fosse incapaz de realizar uma peça musical original.”
  7. 7. M.SCHAFER - Princípios pedagógicos “ A maioria das atividades expostas em meus pequenos livros não exigem recursos elaborados; somente uns poucos sons, algumas vozes. As ferramentas audiovisuais mais elaboradas foram omitidas, talvez não conscientemente, mas sim, porque, de alguma maneira, resultavam desnecessárias.” RECURSOS MÍNIMOS para a educação musical
  8. 8. M. SCHAFER - Princípios pedagógicos O professor que EDUCA A SI MESMO “ Cada docente está primeiramente educando a si mesmo (...)qualquer projeto educativo que não faça crescer o professor é falso.”
  9. 9. M. SCHAFER - Princípios pedagógicos Aula de música SOCIEDADE EM MICROCOSMO “ (...) a banda ou orquestra, na qual um só homem intimida a outros sessenta ou cem, é no melhor dos casos aristocrática, e, com mais frequência ditatorial. O que dizer do coro, no qual uma heterogênea coleção de vozes se juntam de maneira tal que a nenhuma delas se permite destacar-se acima da homogênea “fusão” do grupo? O canto coral é o mais perfeito exemplo de comunismo jamais alcançado pelo homem.”
  10. 10. Uma EDUCAÇÃO MUSICAL PARA TODO SER HUMANO “ Estou simplesmente tratando de sinalizar que a educação musical, limitada à inteligência humana média, pode ter suas próprias recompensas; e seria certamente mais apropriada para lugares, como as escolas, onde se congregam seres humanos comuns.”

×