SlideShare uma empresa Scribd logo
1 de 27
TEORIA MUSICAL
MÚSICA

   Combinação de sons de forma agradável.

   Combinação de sons sucessivos ou simultâneos,que
    conservam entre si uma relação lógica e ordenada.

   Arte de manifestar os diversos afetos da nossa alma
    mediante o som.
MÚSICA

   A música se divide em 3 (três) partes; melodia, harmonia
    e ritmo.

     Melodia: combinação de sons sucessivos.
     Harmonia: combinação de sons simultâneos.
     Ritmo: combinação de valores.
SOM
   É tudo aquilo que impressiona os nossos ouvidos.




   Na prática musical,o som assume 4 (quatro)
    propriedades; altura, duração, intensidade e timbre.
ALTURA
   É a propriedade do som que o define como;grave,
    médio ou agudo.

     Graves: sons mais grossos.
     Agudos: sons mais finos.
     Médios: sons que se estabelecem entre os graves e agudos.



   Para se obter um som médio, é preciso ter referências
    dos sons graves e agudos.
DURAÇÃO
   É a propriedade que determina o tempo de produção
    do som.
     O som pode ser curto   ou longo.


               Curto                     Longo
INTENSIDADE

   É a propriedade que determina a força com que o som é
    executado (volume).

   O som pode ser forte ou fraco.
TIMBRE

   É a Propriedade que caracteriza o som.

   As vezes dois sons têm a mesma altura, duração, e
    intensidade, mas os timbres são diferentes.

   É através dele que podemos dizer se um som vêm da
    flauta, piano, voz humana, etc...
PENTAGRAMA
 Escreve-se a música sobre 5 linhas e 4 espaços,
  chamados de pentagrama ou pauta musical.
 As linhas e espaços são contadas debaixo para cima:




 Cada Linha ou espaço representa uma nota musical.
 As Claves atribuem notas específicas à linhas e espaços
  determinados.
CLAVES
 Normalmente são usadas duas claves.
 A clave de Sol e a clave de FÁ.




 A clave de Sol é usada para sons médios e agudos.
 A clave de FÁ é usada para sons graves (baixo).
CLAVE DE SOL
 A primeira Clave que vamos discutir é a clave de Sol.
 A Clave de Sol assina-se na 2ª linha (ponto vermelho).

 Portanto a 2ª linha (mostrada de vermelho),representa a
  nota Sol. Qualquer nota colocada nesta linha torna-se
  um Sol.
NOTAS DA CLAVE DE SOL
   A nota no espaço acima do Sol, é o Lá.




   A linha acima do Lá é o Si, e assim esse processo
    continua.
LINHAS SUPLEMENTARES
   E quando acabam-se as 5 linhas e os 4 espaços?




   As linhas suplementares dão continuidade à marcação
    das notas.
LINHAS SUPLEMENTARES
 Uma Linha suplementar, é uma pequena linha que
  amplia a pauta quando o espaço para as notas acaba.
 Com a linha suplementar então desenhada, podemos
  colocar o LÁ, e assim vão se adicionando novas Linhas e
  espaços.
SUPERIOR E INFERIOR
 Existem as Linhas e espaços suplementares superiores e
  inferiores.
 Ao subirmos as linhas e espaços,temos os sons mais
  agudos, e ao descermos teremos sons mais graves.
CLAVE DE FÁ
   Quando queremos obter um som mais grave, e que a
    clave de SOL não pode emitir, usaremos a clave de FÁ.




   A clave de FÁ assina-se na 4ª linha, portanto esta linha é
    o FÁ (linha vermelha).
NOTAS DA CLAVE DE FÁ.
   À partir desta linha podemos preencher o resto da
    pauta com notas.




   Também são acrescentadas Linhas e espaços
    suplementares inferiores e superiores quando preciso.
SISTEMA DE 11 LINHAS
   É uma pauta teórica chamada de endecagrama.




   Quando eliminamos a linha do meio,ficamos com 2
    pautas normais.
RELAÇÃO ENTRE AS PAUTAS
   Ao adicionarmos uma clave de SOL na pauta superior,e
    uma clave de FÁ na pauta inferior, podemos ver a
    relação entre as duas pautas.
RELAÇÃO ENTRE AS PAUTAS




   Observe como as duas claves são “unidas” pelo DÓ.

   Ele é chamado de “DÓ central”, já que corresponde à
    linha do meio entre as pautas da clave de SOL e de FÁ.
NOTAS E VALORES
    Número relativo   Tempo de cada nota
COMPASSO E FÓRMULA DE COMPASSO
   Linhas verticais chamadas barra de compasso, ou
    travessões, dividem a pauta em compassos.




   No exemplo abaixo,dividimos a pauta em 2 compassos.
COMPASSO E FÓRMULA DE COMPASSO




   A fração, ou fórmula de compasso, define a qualidade e
    o tipo das notas que cada compasso pode conter.

   No exemplo acima,o primeiro compasso é um compasso
    4/4 e o segundo, um compasso 3/4.
COMPASSO E FÓRMULA DE COMPASSO
   O primeiro compasso, 4/4 contém quatro semínimas.




   O segundo compasso, 3/4 contém três semínimas.
PONTO DE AUMENTO
   É o sinal colocado ao lado de um valor, para indicar o
    aumento de metade em sua duração.
DUPLO PONTO DE AUMENTO
   Um segundo ponto indica aumento igual à metade do
    valor do primeiro ponto.




   Esses pontos de aumentos também são aplicados às
    pausas musicais.
TEMPOS
   São movimentos que fixam a duração absoluta dos
    valores.
     Podem ser fortes ou fracos.


   Compasso é a reunião de tempos.
     Há compassos simples e compostos.


   São mais usados compassos de dois, três e quatro
    tempos.
     Binário, ternário e quartenário.

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Apostila de violao
Apostila de violaoApostila de violao
Apostila de violaoJúlio Rocha
 
Apostila teoria musical - Conhecimento Básico - Clailton França
Apostila teoria musical - Conhecimento Básico - Clailton FrançaApostila teoria musical - Conhecimento Básico - Clailton França
Apostila teoria musical - Conhecimento Básico - Clailton FrançaPartitura de Banda
 
Caderno de exercicios_mts_-_respondido
Caderno de exercicios_mts_-_respondidoCaderno de exercicios_mts_-_respondido
Caderno de exercicios_mts_-_respondidojoilsonmaciel
 
Apostila com Instruções Práticas e Básicas para Violão/Guitarra (Iniciantes)....
Apostila com Instruções Práticas e Básicas para Violão/Guitarra (Iniciantes)....Apostila com Instruções Práticas e Básicas para Violão/Guitarra (Iniciantes)....
Apostila com Instruções Práticas e Básicas para Violão/Guitarra (Iniciantes)....Gilmar Damião
 
Evangelização - Apostila de Música - Teoria Musical Infantil
Evangelização - Apostila de Música - Teoria Musical InfantilEvangelização - Apostila de Música - Teoria Musical Infantil
Evangelização - Apostila de Música - Teoria Musical InfantilAntonino Silva
 
Aula 2 - Flauta Transversal - Nível 1 e 2 - Projeto Aprendiz VV - 2012
Aula 2 - Flauta Transversal - Nível 1 e 2 - Projeto Aprendiz VV - 2012Aula 2 - Flauta Transversal - Nível 1 e 2 - Projeto Aprendiz VV - 2012
Aula 2 - Flauta Transversal - Nível 1 e 2 - Projeto Aprendiz VV - 2012Ramon Fávero
 
Conceitos para tirar e tocar músicas de ouvido
Conceitos para tirar e tocar músicas de ouvidoConceitos para tirar e tocar músicas de ouvido
Conceitos para tirar e tocar músicas de ouvidopaulo_206
 
Curso Básico de Violão para Iniciantes
Curso Básico de Violão para IniciantesCurso Básico de Violão para Iniciantes
Curso Básico de Violão para IniciantesWilson Diamantino
 
Apostila de violao (alan salles)
Apostila de violao (alan salles)Apostila de violao (alan salles)
Apostila de violao (alan salles)Mille Barreto
 
Apostila de teoria musical - Princípios básicos da música - Jorge Nobre
Apostila  de teoria musical - Princípios básicos da música - Jorge NobreApostila  de teoria musical - Princípios básicos da música - Jorge Nobre
Apostila de teoria musical - Princípios básicos da música - Jorge NobrePartitura de Banda
 
Teste para alunos do curso de música_Gilmar Damião
Teste para alunos do curso de música_Gilmar DamiãoTeste para alunos do curso de música_Gilmar Damião
Teste para alunos do curso de música_Gilmar DamiãoGilmar Damião
 

Mais procurados (20)

Curso de teoria musical
Curso de teoria musicalCurso de teoria musical
Curso de teoria musical
 
Apostila de violao
Apostila de violaoApostila de violao
Apostila de violao
 
Apostila teoria musical - Conhecimento Básico - Clailton França
Apostila teoria musical - Conhecimento Básico - Clailton FrançaApostila teoria musical - Conhecimento Básico - Clailton França
Apostila teoria musical - Conhecimento Básico - Clailton França
 
Apostila de Violão - Grupo SIM
Apostila de Violão - Grupo SIMApostila de Violão - Grupo SIM
Apostila de Violão - Grupo SIM
 
Caderno de exercicios_mts_-_respondido
Caderno de exercicios_mts_-_respondidoCaderno de exercicios_mts_-_respondido
Caderno de exercicios_mts_-_respondido
 
Apostila com Instruções Práticas e Básicas para Violão/Guitarra (Iniciantes)....
Apostila com Instruções Práticas e Básicas para Violão/Guitarra (Iniciantes)....Apostila com Instruções Práticas e Básicas para Violão/Guitarra (Iniciantes)....
Apostila com Instruções Práticas e Básicas para Violão/Guitarra (Iniciantes)....
 
Apostila violao-completa
Apostila violao-completaApostila violao-completa
Apostila violao-completa
 
Evangelização - Apostila de Música - Teoria Musical Infantil
Evangelização - Apostila de Música - Teoria Musical InfantilEvangelização - Apostila de Música - Teoria Musical Infantil
Evangelização - Apostila de Música - Teoria Musical Infantil
 
Teoria musical
Teoria musicalTeoria musical
Teoria musical
 
Aula 2 - Flauta Transversal - Nível 1 e 2 - Projeto Aprendiz VV - 2012
Aula 2 - Flauta Transversal - Nível 1 e 2 - Projeto Aprendiz VV - 2012Aula 2 - Flauta Transversal - Nível 1 e 2 - Projeto Aprendiz VV - 2012
Aula 2 - Flauta Transversal - Nível 1 e 2 - Projeto Aprendiz VV - 2012
 
Conceitos para tirar e tocar músicas de ouvido
Conceitos para tirar e tocar músicas de ouvidoConceitos para tirar e tocar músicas de ouvido
Conceitos para tirar e tocar músicas de ouvido
 
Curso Básico de Violão para Iniciantes
Curso Básico de Violão para IniciantesCurso Básico de Violão para Iniciantes
Curso Básico de Violão para Iniciantes
 
Apostila de violao (alan salles)
Apostila de violao (alan salles)Apostila de violao (alan salles)
Apostila de violao (alan salles)
 
Curso de violao
Curso de violaoCurso de violao
Curso de violao
 
Intervalos
IntervalosIntervalos
Intervalos
 
Apostila de teoria musical - Princípios básicos da música - Jorge Nobre
Apostila  de teoria musical - Princípios básicos da música - Jorge NobreApostila  de teoria musical - Princípios básicos da música - Jorge Nobre
Apostila de teoria musical - Princípios básicos da música - Jorge Nobre
 
Novo bona ccb
Novo bona ccbNovo bona ccb
Novo bona ccb
 
Teste para alunos do curso de música_Gilmar Damião
Teste para alunos do curso de música_Gilmar DamiãoTeste para alunos do curso de música_Gilmar Damião
Teste para alunos do curso de música_Gilmar Damião
 
Escalas maiores e menores
Escalas maiores e menoresEscalas maiores e menores
Escalas maiores e menores
 
Apostila teclado
Apostila tecladoApostila teclado
Apostila teclado
 

Destaque

Teoria musical princípios básicos da música para a juventude - vol 2
Teoria musical   princípios básicos da música para a juventude - vol 2Teoria musical   princípios básicos da música para a juventude - vol 2
Teoria musical princípios básicos da música para a juventude - vol 2Leandro Silva
 
Apresentação slide ludmila
Apresentação slide   ludmilaApresentação slide   ludmila
Apresentação slide ludmilaludmila1roder
 
Apostila infantil - Teoria Musical
Apostila infantil - Teoria MusicalApostila infantil - Teoria Musical
Apostila infantil - Teoria MusicalED FOGAÇA
 
Sons e instrumentos musicais
Sons e instrumentos musicaisSons e instrumentos musicais
Sons e instrumentos musicaisDeaaSouza
 
Ensinando figuras de rítmo e valores musicais de forma divertida!
Ensinando figuras de rítmo e valores musicais de forma divertida!Ensinando figuras de rítmo e valores musicais de forma divertida!
Ensinando figuras de rítmo e valores musicais de forma divertida!Priscila Alencastre
 
Caderno de exercicios mts (2)
Caderno de exercicios mts (2)Caderno de exercicios mts (2)
Caderno de exercicios mts (2)Eliel Mariano
 
Leitura de partituras
Leitura de partiturasLeitura de partituras
Leitura de partiturasdea7gil
 
A música na educação infantil
A música na educação infantilA música na educação infantil
A música na educação infantiljaqueegervasio
 
A Importância da Música na Escola
A Importância da Música na EscolaA Importância da Música na Escola
A Importância da Música na EscolaBelister Paulino
 
MTS Método CCB exercicios preenchidos, corrigido e revisado
MTS Método CCB exercicios preenchidos, corrigido e revisadoMTS Método CCB exercicios preenchidos, corrigido e revisado
MTS Método CCB exercicios preenchidos, corrigido e revisadocreito cezares
 
1206729320 propriedades do_som
1206729320 propriedades do_som1206729320 propriedades do_som
1206729320 propriedades do_somPelo Siro
 
Método de Teoria e Solfejo(Novo Bona)
Método de Teoria e Solfejo(Novo Bona)Método de Teoria e Solfejo(Novo Bona)
Método de Teoria e Solfejo(Novo Bona)Natalie Moreno
 

Destaque (20)

Teoria musical princípios básicos da música para a juventude - vol 2
Teoria musical   princípios básicos da música para a juventude - vol 2Teoria musical   princípios básicos da música para a juventude - vol 2
Teoria musical princípios básicos da música para a juventude - vol 2
 
Apresentação slide ludmila
Apresentação slide   ludmilaApresentação slide   ludmila
Apresentação slide ludmila
 
Apostila infantil - Teoria Musical
Apostila infantil - Teoria MusicalApostila infantil - Teoria Musical
Apostila infantil - Teoria Musical
 
Sons e instrumentos musicais
Sons e instrumentos musicaisSons e instrumentos musicais
Sons e instrumentos musicais
 
Ensinando figuras de rítmo e valores musicais de forma divertida!
Ensinando figuras de rítmo e valores musicais de forma divertida!Ensinando figuras de rítmo e valores musicais de forma divertida!
Ensinando figuras de rítmo e valores musicais de forma divertida!
 
O som
O somO som
O som
 
Caderno de exercicios mts (2)
Caderno de exercicios mts (2)Caderno de exercicios mts (2)
Caderno de exercicios mts (2)
 
Propriedades do som
Propriedades do somPropriedades do som
Propriedades do som
 
Propriedades do som
Propriedades do somPropriedades do som
Propriedades do som
 
As propriedades do som
As propriedades do somAs propriedades do som
As propriedades do som
 
Leitura de partituras
Leitura de partiturasLeitura de partituras
Leitura de partituras
 
O som
O somO som
O som
 
Apostila Jogos e Brincadeiras
Apostila Jogos e BrincadeirasApostila Jogos e Brincadeiras
Apostila Jogos e Brincadeiras
 
A música na educação infantil
A música na educação infantilA música na educação infantil
A música na educação infantil
 
Projeto música
Projeto músicaProjeto música
Projeto música
 
A Importância da Música na Escola
A Importância da Música na EscolaA Importância da Música na Escola
A Importância da Música na Escola
 
MTS Método CCB exercicios preenchidos, corrigido e revisado
MTS Método CCB exercicios preenchidos, corrigido e revisadoMTS Método CCB exercicios preenchidos, corrigido e revisado
MTS Método CCB exercicios preenchidos, corrigido e revisado
 
Teoria musical
Teoria musicalTeoria musical
Teoria musical
 
1206729320 propriedades do_som
1206729320 propriedades do_som1206729320 propriedades do_som
1206729320 propriedades do_som
 
Método de Teoria e Solfejo(Novo Bona)
Método de Teoria e Solfejo(Novo Bona)Método de Teoria e Solfejo(Novo Bona)
Método de Teoria e Solfejo(Novo Bona)
 

Semelhante a Teoria Musical em

Semelhante a Teoria Musical em (20)

teoriamusical-120819101047-phpapp02.ppt
teoriamusical-120819101047-phpapp02.pptteoriamusical-120819101047-phpapp02.ppt
teoriamusical-120819101047-phpapp02.ppt
 
metodo Teoria musical
metodo Teoria musicalmetodo Teoria musical
metodo Teoria musical
 
Livro digital paulo zuben
Livro digital paulo zubenLivro digital paulo zuben
Livro digital paulo zuben
 
Apostila teoria musical - Rose Andréia.pdf
Apostila teoria musical - Rose Andréia.pdfApostila teoria musical - Rose Andréia.pdf
Apostila teoria musical - Rose Andréia.pdf
 
teoriamusical-160407030341.pdf
teoriamusical-160407030341.pdfteoriamusical-160407030341.pdf
teoriamusical-160407030341.pdf
 
Abcmusical
AbcmusicalAbcmusical
Abcmusical
 
Teoria Cintra
Teoria CintraTeoria Cintra
Teoria Cintra
 
Teoria musical2009
Teoria musical2009Teoria musical2009
Teoria musical2009
 
Teoriamusical
TeoriamusicalTeoriamusical
Teoriamusical
 
Apostila Iniciação Musical.pdf
Apostila Iniciação Musical.pdfApostila Iniciação Musical.pdf
Apostila Iniciação Musical.pdf
 
Apt000002
Apt000002Apt000002
Apt000002
 
Apostila de teoria musical
Apostila de teoria musicalApostila de teoria musical
Apostila de teoria musical
 
Introdução ao estudo da teoria musical
Introdução ao estudo da teoria musicalIntrodução ao estudo da teoria musical
Introdução ao estudo da teoria musical
 
Apostila de Teoria -M.Jorge Nobre.pdf
Apostila de Teoria -M.Jorge Nobre.pdfApostila de Teoria -M.Jorge Nobre.pdf
Apostila de Teoria -M.Jorge Nobre.pdf
 
Apostila de Música.pdf
Apostila de Música.pdfApostila de Música.pdf
Apostila de Música.pdf
 
Apostila teoria musical
Apostila teoria musicalApostila teoria musical
Apostila teoria musical
 
Teoria musical para iniciante
Teoria musical para iniciante Teoria musical para iniciante
Teoria musical para iniciante
 
Apostila de teoria musical
Apostila de teoria musicalApostila de teoria musical
Apostila de teoria musical
 
Teoria musical
Teoria musicalTeoria musical
Teoria musical
 
Apostilade teoria musical
Apostilade teoria musicalApostilade teoria musical
Apostilade teoria musical
 

Teoria Musical em

  • 2. MÚSICA  Combinação de sons de forma agradável.  Combinação de sons sucessivos ou simultâneos,que conservam entre si uma relação lógica e ordenada.  Arte de manifestar os diversos afetos da nossa alma mediante o som.
  • 3. MÚSICA  A música se divide em 3 (três) partes; melodia, harmonia e ritmo.  Melodia: combinação de sons sucessivos.  Harmonia: combinação de sons simultâneos.  Ritmo: combinação de valores.
  • 4. SOM  É tudo aquilo que impressiona os nossos ouvidos.  Na prática musical,o som assume 4 (quatro) propriedades; altura, duração, intensidade e timbre.
  • 5. ALTURA  É a propriedade do som que o define como;grave, médio ou agudo.  Graves: sons mais grossos.  Agudos: sons mais finos.  Médios: sons que se estabelecem entre os graves e agudos.  Para se obter um som médio, é preciso ter referências dos sons graves e agudos.
  • 6. DURAÇÃO  É a propriedade que determina o tempo de produção do som.  O som pode ser curto ou longo. Curto Longo
  • 7. INTENSIDADE  É a propriedade que determina a força com que o som é executado (volume).  O som pode ser forte ou fraco.
  • 8. TIMBRE  É a Propriedade que caracteriza o som.  As vezes dois sons têm a mesma altura, duração, e intensidade, mas os timbres são diferentes.  É através dele que podemos dizer se um som vêm da flauta, piano, voz humana, etc...
  • 9. PENTAGRAMA  Escreve-se a música sobre 5 linhas e 4 espaços, chamados de pentagrama ou pauta musical.  As linhas e espaços são contadas debaixo para cima:  Cada Linha ou espaço representa uma nota musical.  As Claves atribuem notas específicas à linhas e espaços determinados.
  • 10. CLAVES  Normalmente são usadas duas claves.  A clave de Sol e a clave de FÁ.  A clave de Sol é usada para sons médios e agudos.  A clave de FÁ é usada para sons graves (baixo).
  • 11. CLAVE DE SOL  A primeira Clave que vamos discutir é a clave de Sol.  A Clave de Sol assina-se na 2ª linha (ponto vermelho).  Portanto a 2ª linha (mostrada de vermelho),representa a nota Sol. Qualquer nota colocada nesta linha torna-se um Sol.
  • 12. NOTAS DA CLAVE DE SOL  A nota no espaço acima do Sol, é o Lá.  A linha acima do Lá é o Si, e assim esse processo continua.
  • 13. LINHAS SUPLEMENTARES  E quando acabam-se as 5 linhas e os 4 espaços?  As linhas suplementares dão continuidade à marcação das notas.
  • 14. LINHAS SUPLEMENTARES  Uma Linha suplementar, é uma pequena linha que amplia a pauta quando o espaço para as notas acaba.  Com a linha suplementar então desenhada, podemos colocar o LÁ, e assim vão se adicionando novas Linhas e espaços.
  • 15. SUPERIOR E INFERIOR  Existem as Linhas e espaços suplementares superiores e inferiores.  Ao subirmos as linhas e espaços,temos os sons mais agudos, e ao descermos teremos sons mais graves.
  • 16. CLAVE DE FÁ  Quando queremos obter um som mais grave, e que a clave de SOL não pode emitir, usaremos a clave de FÁ.  A clave de FÁ assina-se na 4ª linha, portanto esta linha é o FÁ (linha vermelha).
  • 17. NOTAS DA CLAVE DE FÁ.  À partir desta linha podemos preencher o resto da pauta com notas.  Também são acrescentadas Linhas e espaços suplementares inferiores e superiores quando preciso.
  • 18. SISTEMA DE 11 LINHAS  É uma pauta teórica chamada de endecagrama.  Quando eliminamos a linha do meio,ficamos com 2 pautas normais.
  • 19. RELAÇÃO ENTRE AS PAUTAS  Ao adicionarmos uma clave de SOL na pauta superior,e uma clave de FÁ na pauta inferior, podemos ver a relação entre as duas pautas.
  • 20. RELAÇÃO ENTRE AS PAUTAS  Observe como as duas claves são “unidas” pelo DÓ.  Ele é chamado de “DÓ central”, já que corresponde à linha do meio entre as pautas da clave de SOL e de FÁ.
  • 21. NOTAS E VALORES Número relativo Tempo de cada nota
  • 22. COMPASSO E FÓRMULA DE COMPASSO  Linhas verticais chamadas barra de compasso, ou travessões, dividem a pauta em compassos.  No exemplo abaixo,dividimos a pauta em 2 compassos.
  • 23. COMPASSO E FÓRMULA DE COMPASSO  A fração, ou fórmula de compasso, define a qualidade e o tipo das notas que cada compasso pode conter.  No exemplo acima,o primeiro compasso é um compasso 4/4 e o segundo, um compasso 3/4.
  • 24. COMPASSO E FÓRMULA DE COMPASSO  O primeiro compasso, 4/4 contém quatro semínimas.  O segundo compasso, 3/4 contém três semínimas.
  • 25. PONTO DE AUMENTO  É o sinal colocado ao lado de um valor, para indicar o aumento de metade em sua duração.
  • 26. DUPLO PONTO DE AUMENTO  Um segundo ponto indica aumento igual à metade do valor do primeiro ponto.  Esses pontos de aumentos também são aplicados às pausas musicais.
  • 27. TEMPOS  São movimentos que fixam a duração absoluta dos valores.  Podem ser fortes ou fracos.  Compasso é a reunião de tempos.  Há compassos simples e compostos.  São mais usados compassos de dois, três e quatro tempos.  Binário, ternário e quartenário.