Idese e Bloco Saúde (Rafael Bernardini)

119 visualizações

Publicada em

Apresentação realizada em Painel alusivo ao Dia Mundial da Saúde.

Participantes:
- Marcelo Larratea e Ademir Koucher (IBGE)
- Cristian Guimarães (Secretaria Estadual da Saúde)
- Natalia Giordani (UFRGS)
- Marilyn Agranonik (FEE)
- Rafael Bernardini (FEE
Mediação: Marilene Dias Bandeira (FEE)

Data: 07/04/2016
Local: Auditório da FEE (Rua Duque de Caxias, 1691)

Publicada em: Notícias e política
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
119
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
4
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
0
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Idese e Bloco Saúde (Rafael Bernardini)

  1. 1. Bloco Saúde do Idese
  2. 2. Idese o que é? Indicador síntese de desenvolvimento dos municípios do RS http://commons.wikimedia.org/wiki/File:US_Navy_doctors_deliver_a_ healthy_baby_-b.jpg By Suzanne M. Day [Public domain], via Wikimedia Commons
  3. 3. Para que serve? • Avaliação • Acompanhamento • Políticas públicas  Espen Faugstad http://www.flickr.com/photos/noxstar/5647888910/
  4. 4. Educação escolarização adulta matrícula na educação infantil e ensino médio indicadores confiáveis de qualidade da educação Nota na Prova Brasil (5° e 9º ano do ensino fundamental) Taxa de matrícula na pré-escola Taxa de matrícula no ensino médio Proporção da população adulta com EF completo
  5. 5. Renda gerada: PIB per capita Renda apropriada: Renda domiciliar per capita de todos os trabalhos Renda Renda apropriada Renda gerada
  6. 6. Saúde viver mais e melhor saúde infantil e da mulher mortes por causas evitáveis e saúde pública Condições Gerais de Saúde Saúde materno- infantil Longevidade • Taxa bruta de mortalidade padronizada • Taxa bruta de mortalidade padronizada • Óbitos por causas evitáveis • Óbitos por causas mal definidas • Óbitos por causas evitáveis • Óbitos por causas mal definidas • TMM5 • Consultas pré- natal • TMM5 • Consultas pré- natal
  7. 7. Saúde Taxa de Mortalidade de Menores de 5 anos • Peso no sub-bloco: 50% • Limite Inferior: 105,8‰ • Limite Superior: 5,6‰ • Média Trienal • Estimativa bayesiana, para os municípios, pelo modelo conjugado Bernoulli(𝑝) – Beta(𝛼, 𝛽), com 𝛼 definido pelo número de óbitos no triênio da microrregião a qual o município pertence e 𝛼 + 𝛽 = 250. Condições Gerais de Saúde Saúde materno- infantil Longevidade • Taxa bruta de mortalidade padronizada • Taxa bruta de mortalidade padronizada • Óbitos por causas evitáveis • Óbitos por causas mal definidas • Óbitos por causas evitáveis • Óbitos por causas mal definidas • TMM5 • Consultas pré- natal • TMM5 • Consultas pré- natal
  8. 8. Saúde Proporção de nascidos vivos cujas mães tiveram sete ou mais consultas pré-natal • Peso no sub-bloco: 50% • Limite Inferior: 0% • Limite Superior: 100% • Média Trienal • Estimativa bayesiana, para os municípios, pelo modelo conjugado Bernoulli(𝑝) – Beta(𝛼, 𝛽), com 𝛼 definido pelo número de óbitos no triênio da microrregião a qual o município pertence e 𝛼 + 𝛽 = 250. Condições Gerais de Saúde Saúde materno- infantil Longevidade • Taxa bruta de mortalidade padronizada • Taxa bruta de mortalidade padronizada • Óbitos por causas evitáveis • Óbitos por causas mal definidas • Óbitos por causas evitáveis • Óbitos por causas mal definidas • TMM5 • Consultas pré- natal • TMM5 • Consultas pré- natal
  9. 9. Saúde Taxa de mortalidade por causas evitáveis • Óbitos por causa evitáveis da população de 5 a 74 anos reduzíveis pelas ações • 1.1. de imunoprevenção • 1.2. contra doenças infecciosas • 1.3. contra doenças não transmissíveis • 1.4. contra causas maternas Condições Gerais de Saúde Saúde materno- infantil Longevidade • Taxa bruta de mortalidade padronizada • Taxa bruta de mortalidade padronizada • Óbitos por causas evitáveis • Óbitos por causas mal definidas • Óbitos por causas evitáveis • Óbitos por causas mal definidas • TMM5 • Consultas pré- natal • TMM5 • Consultas pré- natal
  10. 10. Saúde Taxa de mortalidade por causas evitáveis • Peso no sub-bloco: 50% • Limite Inferior: 6,7‰ • Limite Superior: 0‰ • Média Trienal • Estimativa bayesiana, para os municípios, pelo modelo conjugado Bernoulli(𝑝) – Beta(𝛼, 𝛽), com 𝛼 definido pelo número de óbitos no triênio da microrregião a qual o município pertence e 𝛼 + 𝛽 = 2500. Condições Gerais de Saúde Saúde materno- infantil Longevidade • Taxa bruta de mortalidade padronizada • Taxa bruta de mortalidade padronizada • Óbitos por causas evitáveis • Óbitos por causas mal definidas • Óbitos por causas evitáveis • Óbitos por causas mal definidas • TMM5 • Consultas pré- natal • TMM5 • Consultas pré- natal
  11. 11. Saúde Proporção de óbitos por causas mal definidas • Peso no sub-bloco: 50% • Limite Inferior: 48,8% • Limite Superior: 0% • Média Trienal • Estimativa bayesiana, para os municípios, pelo modelo conjugado Bernoulli(𝑝) – Beta(𝛼, 𝛽), com 𝛼 definido pelo número de óbitos no triênio da microrregião a qual o município pertence e 𝛼 + 𝛽 = 250. Condições Gerais de Saúde Saúde materno- infantil Longevidade • Taxa bruta de mortalidade padronizada • Taxa bruta de mortalidade padronizada • Óbitos por causas evitáveis • Óbitos por causas mal definidas • Óbitos por causas evitáveis • Óbitos por causas mal definidas • TMM5 • Consultas pré- natal • TMM5 • Consultas pré- natal
  12. 12. Saúde Taxa bruta de mortalidade padronizada • Padronizada pela estrutura etária do Estado em 2010 (agrupada em faixas etárias de 5 anos) • Peso no sub-bloco: 100% • Limite Inferior: 25‰ • Limite Superior: 4‰ • Média Trienal Condições Gerais de Saúde Saúde materno- infantil Longevidade • Taxa bruta de mortalidade padronizada • Taxa bruta de mortalidade padronizada • Óbitos por causas evitáveis • Óbitos por causas mal definidas • Óbitos por causas evitáveis • Óbitos por causas mal definidas • TMM5 • Consultas pré- natal • TMM5 • Consultas pré- natal
  13. 13. Bloco Saúde Saúde Longevidade 1/3 Longevidade 1/3 Saúde materno- infantil 1/3 Saúde materno- infantil 1/3 Condições Gerais de Saúde 1/3 Condições Gerais de Saúde 1/3
  14. 14. Blocos do Idese Idese Saúde 1/3 Saúde 1/3 Renda 1/3 Renda 1/3 Educação 1/3 Educação 1/3
  15. 15. Idese Estado, 2013 Educação Renda Saúde Idese 0,679 0,752 0,809 0,747 http://www.flickr.com/photos/agecombahia/6069568813/sizes/l/in/photostream/ Carol Garcia / SECOM Foto alterada (preto e branco)
  16. 16. Saúde materno- infantil Condições gerais de saúde Longevidade Bloco Saúde 0,821 0,748 0,858 0,809 Bloco Saúde Estado, 2013 Ministério da Saúde http://www.flickr.com/photos/ministeriodasaude/5055253758/sizes/o/in/photostream/ foto alterada: preto e branco [http://creativecommons.org/licenses/by-nc-sa/4.0/]
  17. 17. Evolução do Idese Estado, 2007-2013 0,700 0,704 0,713 0,720 0,726 0,734 0,747 0,627 0,622 0,638 0,640 0,651 0,664 0,679 0,682 0,691 0,698 0,712 0,721 0,730 0,752 0,792 0,799 0,803 0,807 0,807 0,809 0,809 0,500 0,550 0,600 0,650 0,700 0,750 0,800 0,850 0,900 2007 2008 2009 2010 2011 2012 2013 Idese Educação Renda Saúde
  18. 18. Evolução do Bloco Saúde Estado, 2007-2013 0,792 0,799 0,803 0,807 0,807 0,809 0,809 0,790 0,803 0,811 0,818 0,819 0,820 0,821 0,744 0,749 0,750 0,752 0,749 0,749 0,748 0,840 0,845 0,847 0,852 0,852 0,857 0,858 0,700 0,750 0,800 0,850 0,900 2007 2008 2009 2010 2011 2012 2013 Bloco Saúde Saúde materno-infantil Condições gerais de saúde Longevidade
  19. 19. Evolução da Saúde materno-infantil Estado, 2007-2013 0,790 0,803 0,811 0,818 0,819 0,820 0,821 0,901 0,905 0,911 0,918 0,922 0,926 0,928 0,680 0,702 0,710 0,718 0,715 0,715 0,713 0,650 0,700 0,750 0,800 0,850 0,900 0,950 1,000 2007 2008 2009 2010 2011 2012 2013 Saúde materno-infantil TMM5 Consultas pré-natal
  20. 20. Evolução das Condições gerais de saúde Estado, 2007-2013 0,744 0,749 0,750 0,752 0,749 0,749 0,748 0,603 0,603 0,601 0,602 0,599 0,600 0,598 0,886 0,895 0,900 0,903 0,900 0,898 0,897 0,550 0,600 0,650 0,700 0,750 0,800 0,850 0,900 0,950 2007 2008 2009 2010 2011 2012 2013 Condições gerais de saúde Óbitos por causas evitáveis Óbitos por causas mal definidas
  21. 21. Coredes 2013 1. Corede Serra Saúde: 0,874 2. Corede Vale do Taquari Saúde: 0,858 3. Corede Nordeste Saúde: 0,857 Jeff Belmonte https://www.flickr.com/photos/jeffbelmon te/90014135/ Alterado: [preto e branco]
  22. 22. primeiros colocados Ranking Municipal Saúde 2013 * Contagem realizada com arredondamento do índice para três casas decimais. Serra Nova Pádua 0,918 Vale do Taquari Colinas 0,914 Vale do Taquari Coqueiro Baixo 0,914 Serra Nova Roma do Sul 0,912 Serra Vila Flores 0,911 Serra Fagundes Varela 0,910 Serra São Jorge 0,909 Serra Nova Araçá 0,908 Rio da Várzea Barra Funda 0,904 Produção Vanini 0,904 Estado: 0,809
  23. 23. Ranking Municipal Saúde 2013 * Contagem realizada com arredondamento do índice para três casas decimais. Sul Pelotas 0,738 Fronteira Oeste Itaqui 0,733 Litoral Imbé 0,732 Metropolitano do Delta do Jacuí Viamão 0,732 Campanha Lavras do Sul 0,731 Sul Pinheiro Machado 0,725 Litoral Tramandaí 0,723 Sul Capão do Leão 0,722 Fronteira Oeste Uruguaiana 0,718 Sul Pedro Osório 0,668 Estado: 0,809 últimos colocados
  24. 24. Ranking Municipal Saúde 2013 Acima de 100 mil habitantes * Contagem realizada com arredondamento do índice para três casas decimais. Bento Gonçalves 0,886 Caxias do Sul 0,870 Erechim 0,836 Santa Cruz do Sul 0,835 Porto Alegre 0,821 Santa Maria 0,808 Cachoeirinha 0,808 Passo Fundo 0,807 Gravataí 0,801 Novo Hamburgo 0,793 20 municípios Estado: 0,809 Sapucaia do Sul 0,786 Bagé 0,784 Guaíba 0,782 São Leopoldo 0,776 Canoas 0,771 Rio Grande 0,756 Alvorada 0,746 Pelotas 0,738 Viamão 0,732 Uruguaiana 0,718
  25. 25. Fundação de Economia e Estatística Siegfried Emanuel Heuser Diretoria Presidente: Igor Alexandre Clemente de Morais Diretor Técnico: Martinho Roberto Lazzari Diretora Administrativa: Nóra Angela Gundlach Kraemer Rua Duque de Caxias, 1691 Centro Histórico, Porto Alegre CEP: 90010-283 (51) 3216.9000 Núcleo de Indicadores Sociais (NIS) Centro de Indicadores Econômicos e Sociais (CIES) Fundação de Economia e Estatística Rafael Bernardini (coord.) Lívio L. Soares de Oliveira Marcos Vinício Wink Jr. Marilene Bandeira Marilyn Agranonik Thomas Hyeono Kang Ana Clara C. de Lima (bolsista)

×