Migrações Internas e Emigração<br />
Migrações Internas;<br />Nesta categoria podemos integrar as:<br /> Deslocações sazonais de trabalhadores entre zonas rura...
Os fluxos migratórios dos campos para as cidades, ocorreu pelo facto de existirem ofertas para trabalhar em fábricas, na c...
A Emigração <br />Em primeiro lugar temos de mencionar que entre 1815 e 1914 a população europeia duplicou.<br />Este cres...
As razões que motivaram a emigração de quase 80 milhões de pessoas, na sua maioria Europeus, foi sem dúvida a procura de m...
Motivos para as Emigrações;<br />Em primeiro lugar encontram-se os motivos demográficos e económicos.<br />A Europa estava...
Razões para as Emigrações;<br />A razão que conduziu os britânicos á emigração foi, o desemprego tecnológico causado pela ...
A Emigração Portuguesa<br />Em finais do século XIX os portugueses começam a procurar activamente novos destinos alternati...
Trabalho realizado por:<br />Alice Rodrigues<br />Sara Dias<br />						11ºH<br />Escola secundaria de caldas das taipas<br...
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

Migrações internas e emigração

12.077 visualizações

Publicada em

Publicada em: Negócios
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
12.077
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
1.955
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
115
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Migrações internas e emigração

  1. 1. Migrações Internas e Emigração<br />
  2. 2. Migrações Internas;<br />Nesta categoria podemos integrar as:<br /> Deslocações sazonais de trabalhadores entre zonas rurais. Estas deslocações ocorreram na França, entre as cidades de Vinhedos de Maicon e as planícies cerealíferas de Bresse. <br />Em Portugal as migrações ficaram celebres como sendo as migrações dos “ratinhos” das Beiras para as províncias do Sul, nomeadamente o Alentejo.<br />
  3. 3. Os fluxos migratórios dos campos para as cidades, ocorreu pelo facto de existirem ofertas para trabalhar em fábricas, na construção civil, nos caminhos – de – ferro ou no serviço doméstico.<br />As cidades foram atracções para as massas camponesas.<br />
  4. 4.
  5. 5. A Emigração <br />Em primeiro lugar temos de mencionar que entre 1815 e 1914 a população europeia duplicou.<br />Este crescimento populacional deve-se a novas práticas de higiene e à vacinação. Tudo isto vai traduzir-se numa baixa taxa de mortalidade, aumentando assim o crescimento natural.<br />Este aumento demográfico traduz-se não só na redução de salários, mas também no desemprego crónico e no pauperismo, ou seja: miséria, penúria e pobreza. <br />Tudo isto, aliado a crises agrícolas, que provocavam a falta e encarecimento dos alimentos que leva à fome em regiões rurais mais populosas.<br />
  6. 6. As razões que motivaram a emigração de quase 80 milhões de pessoas, na sua maioria Europeus, foi sem dúvida a procura de melhores condições de vida, nomeadamente melhores condições económicas.<br /> Muitas pessoas foram praticamente obrigadas a fugir às más condições de vida que o seu país de origem se deparava.<br /> Como tal, verifica-se um maior número de emigrantes entre a população mais pobre.<br />
  7. 7.
  8. 8. Motivos para as Emigrações;<br />Em primeiro lugar encontram-se os motivos demográficos e económicos.<br />A Europa estava densamente povoada, com uma precária distribuição dos recursos, uma agricultura pouco compensadora e um insuficiente desenvolvimento industrial, esta era a situação da Europa do Sul e da Europa Oriental, que arrancava tardiamente para a industrialização. <br />
  9. 9. Razões para as Emigrações;<br />A razão que conduziu os britânicos á emigração foi, o desemprego tecnológico causado pela precoce e forte industrialização. <br />Foram os factores económicos que impeliram Irlandeses e Alemães para fora da Europa.<br />Os motivos políticos e religiosos tiveram, também a sua quota-parte no caudal emigratório Europeu.<br />
  10. 10.
  11. 11. A Emigração Portuguesa<br />Em finais do século XIX os portugueses começam a procurar activamente novos destinos alternativos ao Brasil, e á Europa.<br /> Ao longo do século XX, espalham-se pelos EUA, Argentina, Venezuela, Canadá, Austrália. O fluxo emigratório para África aumenta, em especial para Angola, Moçambique e outras regiões da África Austral como a África do Sul, Zimbabwe ou o Congo. <br />
  12. 12.
  13. 13.
  14. 14. Trabalho realizado por:<br />Alice Rodrigues<br />Sara Dias<br /> 11ºH<br />Escola secundaria de caldas das taipas<br /> 22-04-2010<br />

×