Apresentação Curso Online Ao Vivo Gratuito Combata as fraudes da sua loja virtual

4.669 visualizações

Publicada em

No último dia 27 de junho tivemos o Curso online ao vivo gratuito "Combata as fraudes da sua loja virtual", ministrado pelo professor Rogério Anacleto, especialista em Análise de Riscos e Fraudes da FControl.

Publicada em: Educação
  • Seja o primeiro a comentar

Apresentação Curso Online Ao Vivo Gratuito Combata as fraudes da sua loja virtual

  1. 1. O que é fraude? Conceitualmente e de acordo com a legislação brasileira, Fraude é um ato/ação praticado deliberadamente com fins de obtenção de ganhos de forma desonesta e/ou ilegal. A fraude pode ser explicada pela coexistência de três fatores primários:  Existência de golpistas motivados  Existência de vítimas adequadas e vulneráveis  Ausência de controles eficazes
  2. 2. Como a fraude acontece? Normalmente, não é uma tarefa simples atacar e fraudar dados em um servidor de uma instituição bancária ou comercial e, por este motivo, golpistas vêm concentrando esforços na exploração de fragilidades dos usuários. Utilizando técnicas de engenharia social e por diferentes meios e discursos, os golpistas procuram enganar e persuadir as potenciais vítimas a fornecerem informações sensíveis ou a realizarem ações, como executar códigos maliciosos e acessar páginas falsas. De posse dos dados das vítimas, os golpistas costumam efetuar transações financeiras, acessar sites, enviar mensagens eletrônicas, abrir empresas fantasmas e criar contas bancárias ilegítimas, entre outras atividades maliciosas. Muitos dos golpes aplicados na Internet podem ser considerados crimes contra o patrimônio, tipificados como estelionato. Dessa forma, o golpista pode ser considerado um estelionatário. Golpes de comércio eletrônico , são aqueles nos quais golpistas, com o objetivo de obter vantagens financeiras, exploram a relação de confiança existente entre as partes envolvidas em uma transação comercial.
  3. 3. Como a fraude online acontece ( meio mais comum)
  4. 4. Fraudador Fraudador Fraudador Fraudador 1º passo: fraudador faz testes de fraudes nos pequenos lojistas 2º passo: obtendo sucesso com os pequenos, fraudador aplica golpe no grande varejista 1ª tentativa 2ª tentativa 3ª tentativa 4ª tentativa (...) Grandes Varejistas Após sucesso nas tentativas de fraude nos pequenos lojistas, fraudador aplica golpe no grande varejista. Caminho da fraude
  5. 5. O chargeback é a contestação da compra por parte do comprador, por insatisfação, não recebimento do produto ou até mesmo não reconhecimento da compra. É feito um lançamento de débito contra o estabelecimento por força do consumidor/portador do cartão. Consequências e riscos Perda do valor monetário + perda do produto, ou seja, além do vendedor enviar o produto, ele será debitado sobre o valor da venda Risco de multa por parte dos adquirentes, caso o lojista ultrapasse um percentual (média de 2%) em relação a chargeback. Além da multa, o adquirente poderá desligar o lojista. Conceito Fraudador Loja Dono do CartãoAdministradora do Cartão Fraudador efetua compra na loja Loja aprova a transação fraudulenta Verdadeiro dono do cartão recebe a fatura Dono do cartão não reconhece a compra Estorno do valor e prejuízo da loja $ Chargeback
  6. 6. Chargeback Cancelamento da compra por parte do comprador feito pela administradora do cartão, por insatisfação, não recebimento do produto ou até mesmo não reconhecimento da compra. Multa ao Estabelecimento Caso o estabelecimento ultrapasse o índice de 2% de Chargeback por fraude em relação ao faturamento do estabelecimento, o mesmo poderá ser multado Desligamento da Maquineta Caso o estabelecimento tenha um grande volume de Chargeback (independente de sua origem) e não tome nenhuma ação preventiva para o controle do mesmo (Fcontrol) as administradoras poderão cancelar a maquineta e o contrato de serviço. Prejuizos causados em fraudes com Cartão
  7. 7. Auto-Fraude Cliente realiza a compra, recebe o produto o no momento da cobrança, desconhece a mesma, informando nunca ter comprado na loja. Fraude Amigável Transação efetuada por alguém da família ou pessoa próxima do titular do cartão, com ou sem consentimento do mesmo Desacordo Comercial Há fraudadores que utilizam esse método para efetuar o chargeback na administradora do cartão. Informam ter recebido o produto com algum tipo de problema ou até mesmo, nunca ter recebido mesmo. Fraude efetiva Transação efetuada sem o conhecimento do portador do cartão e com dados obtidos de forma ilícita. Tipos de Fraude
  8. 8. Falsificação de Documentos Alteração de dados de um documento original Montagem/Elaboração de um novo documento com dados de terceiros (nome de pessoas inexistentes, ou mais facilmente em nome de quem teve sua identidade "roubada" ) Marketing ativo Vendas e/ou coleta de dados por telefone, o que facilita a comercialização dos mesmos no mercado de fraudes. Phishing é uma forma de fraude eletrônica, caracterizada por tentativas de adquirir dados pessoais de diversos tipos; senhas, dados financeiros como número de cartões de crédito e outros dados pessoais. Tipos de Fraude
  9. 9. Quando é necessário ter uma ferramenta anti-fraude online? • Em qualquer transação não presencial; • Tele-vendas; • Compras pela internet.
  10. 10. • Consiste em certificar a veracidade das informações cadastrais e dados prestados na ação da compra realizada pelo usuário comprador, através de cartão de crédito. No que consiste a Análise de Transação • O objetivo principal é mitigar os seguintes riscos: • Fraude - A transação não há relação com o comprador; • Adquirente não garante o recebimento; • O titular tem até 12 meses para contestar. Objetivo • É primordial uma ferramenta de analise de riscos, uma vez que toda responsabilidade pelas vendas online (não presenciais) é de responsabilidade 100% do vendedor. Ferramenta Análise de Transações
  11. 11.  Compra vários produtos sem uma ligação lógica.  Utilizam e-mails gratuitos, ou sem nenhuma relação com o nome do comprador Atitudes Suspeitas  Fazem o maior número de compras no menor espaço de tempo possível.  Pedidos em nomes de diferentes portadores para o mesmo endereço.  Produtos com valores agregados e fácil revenda.
  12. 12. Algumas dicas que podem melhorar a análise manual  Aplicar perguntas incomuns como "qual é o seu signo?" "Quando é seu aniversário?" Seguido de "quantos anos você tem?“  Alternativas pessoais e não questões pessoais ("qual o banco é o emissor do seu cartão de crédito?")  Deixe o comprador falar, tanto quanto possível, tentando criar situações de conflito com ele / ela  Faça a mesma pergunta mais de uma vez
  13. 13. Dicas Importantes Sempre que só possuir um telefone celular cadastrado, ligar nesse número e perguntar se o comprador tem algum telefone fixo, mesmo se ele não estiver na casa, no trabalho ou perto do telefone, anotar o número. Pergunte: Você poderia me informar um número fixo, só para registrar em sua conta? Só efetuar contato telefônico depois de ter todas as pesquisas efetuadas. Sempre que tiver um telefone vinculado ao CPF com outro DDD, ligar nesse telefone. Sempre que a Síntese Cadastral estiver em outro estado é indício de suposta fraude ou cancelada Suspeita. Realize consultas externas para localizar outros telefones vinculados ao endereço. Em caso de Fraude, o que podemos informar? Podemos informar à vítima: Produto,Bandeira do cartão,Emissor do Cartão, Cidade de entrega, Data e horário da compra. E orientar que entre em contato com a operadora de cartão e verifique se existem outros lançamentos indevidos na fatura. Não podemos informar à vítima: Endereço de entrega, endereço de cobrança, qualquer endereço relacionado, qualquer telefone relacionado, e-mail utilizado na compra Orientar que registre boletim de ocorrência. Após as confirmações efetuadas com o cliente já podemos finalizar a análise.
  14. 14. Solicitação de documentos: Segurança ou inconveniência?
  15. 15. Evolução do cenário de Fraude $1,5 $1,7 $2,1 $1,9 $2,6 $2,8 $3,1 $3,7 $4,0 $3,3 $2,7 $- $0,5 $1,0 $1,5 $2,0 $2,5 $3,0 $3,5 $4,0 $4,5 2001 2002 2003 2004 2005 2006 2007 2008 2009 2010 2011 $LossinBillions Perdas de receita estimada com fraudes onlie $2.7B em 2010 % Perda de receita com fraude online 3,60% 3,20% 2,90% 1,70%1,80% 1,60% 1,40%1,40%1,40% 1,20% 0,90% 0,00% 0,50% 1,00% 1,50% 2,00% 2,50% 3,00% 3,50% 4,00% 2001 2002 2003 2004 2005 2006 2007 2008 2009 2010 2011 %OnlineRevenueloss
  16. 16. Volume Total do e-commerce (US$ BI) 3,7 4,8 6,2 8,7 11,0 13,8 16,8 6,2 10,4 10,4 14,5 18,3 22,9 27,9 2007 2008 2009 2010 2011* 2012* 2013* Brazil LatAm
  17. 17. % de Fraude por segmento. 7,92% 3,71% 2,36% 2,18% 2,01% 1,57% 1,49% 1,12% 0,80% 0,37% Telefonia Turismo Serviços Informática Eletrodomésticos Automóveis e Veículos Outro Eletrônicos Moda e Acessórios Compras Coletivas
  18. 18. % Fraude por Estado.
  19. 19. Como funciona FControl funciona integrado a sua plataforma de loja virtual: Como faço para implantar a FControl: Em primeiro lugar verifique se seu fornecedor de solução ecommerce já está homologado, caso esteja homologado você já pode utilizar a FControl imediatamente, basta fazer o cadastro em nosso site. Se seu desenvolvedor ainda não está na lista dos desenvolvedores homologados ele receberá o manual de integração da FControl. A integração é simples e segura. Diferencias do FControl: - Sistema de redes neurais: Sistema de inteligência artificial, possibilitando aprendizado mais rápido do perfil de cada loja, o que resulta em um maior número de aprovação de pedidos e menor indice de perdas com transações fraudulentas; - Validação de CPF automático: validação de situação e contribuinte no ato da consulta; - Analise comportamental de navegação em parceria com as empresas do Grupo BuscaPé; - Validação do Banco emissor do cartão de crédito; - Integração com vários Bureaus de informação; - Identificação de dispositivo (notebook, desktop, tablets, celulares, etc.)
  20. 20. • Inteligência Artificial; • Base de dados é alimentada a cada nova transação. Redes Neurais • A Rede Neural e o Sistema Especialista identificam os risco e classifica a transação em Baixo, Médio e Alto Risco. Filtros de riscos • Histórico de Consultas • Comparação dos dados na rede FControl que utilizaram o mesmo dados; • Acesso ao Status de outros pedidos em outras lojas. Quais são as bases de pesquisa da FControl? • Restrições: ACSP, Pró-Score e ZipCode; • Geolocalizador de IP: Score para detecção de proxy; • Post-query Analysis: Monitoramento do CPF durante 48 horas e disparo de avisos por e-mail. Bases Externas: Fcontrol – Como funciona ?
  21. 21. 95 O Fcontrol classifica a transação com Score de Risco, esta pontuação é gerado a partir de características da compra como por exemplo: região do comprador, caracteres no e-mail, produto, valor, horário da compra, etc. Informações que o Fcontrol considera positiva ou não, a partir destas informações ele gera a classificação de Risco do cliente. Fcontrol – Como funciona ? Score com pontuação de 0 a 500 considerado de baixo Risco. Score com pontuação de 500 a 700 considerado de médio Risco. Score com pontuação de acima de 700 considerado Alto Risco.
  22. 22. Pacotes / Soulções: FControl PRÉ-PAGO: Consultas de risco de acordo com a sua necessidade É a opção mais indicada para lojas com pouco volume mensal em transações. As consultas são realizadas pedido a pedido. Ao adquirir esta opção, a sua loja também ganha a validação de CPF na Receita Federal. FControl WORKFLOW : Gestão e análise de risco realizada por equipe própria Recomendada para lojas com médio ou grande volume mensal de transações. Melhora o fluxo de trabalho de maneira mais flexível e aderente às necessidades do seu negócio. FControl RISK MANAGEMENT: Gestão completa de Risco em suas vendas online Conheça alguns dos benefícios: • SLA de risco de chargeback • SLA de atendimento • Redução de custos operacionais • Equipe especializada • Maiores índices de aprovação do mercado FControl Device Fingerprint: Gestão de Risco a partir de identificações de dispositivos Assim como uma impressão digital, esta solução tecnológica possibilita a autenticação do comprador através de uma identificação única.
  23. 23. Obrigado! 1 Rogério Anacleto rogerio@fcontrol.com.br Fone: 11-3848-8721

×