SlideShare uma empresa Scribd logo
Vinícius de Moraes
Biografia
Marcus Vinícius da Cruz de Mello Moraes nasceu em 1913, no Rio de
Janeiro, em uma família de intelectuais. Em 1928,começou a fazer
suas primeiras composições musicais. Formou-se em letras em 1929 e
em direito em 1933,ano em que publicou seu primeiro livro de
poemas, O caminho para a distância .Tornou-se representante do
Ministério de Educação junto a censura cinematográfica. Na década de
1940 ingressou na carreira diplomática e também no jornalismo, como
cronista e crítico de cinema, Como diplomata, viveu durante muitos
anos em Los Angeles, Paris e Montevidéu, com alguns intervalos no
Brasil.
Nesse período, conheceu intelectuais e artistas de todo mundo. Na
década de 1950,interessou-se por música de Câmera e popular e
começou a compor.
Em 1956,publicou a peça teatral Orfeu da Conceição, levada ao palco
do teatro Municipal do Rio de Janeiro com grande sucesso.
Marcus Vinícius de Mello Moraes morreu no Rio de Janeiro em 1980
com edema pulmonar.
Principaiscaracterísticasde suas Obras
As características de suas obras sofreram variações e mudanças
durante o tempo.
•Inicialmente, Vinicius é um poeta místico-religioso, típico do
Neossimbolismo, com as abstrações e levezas.
•Após descobrir que seu país era composto de injustiçados e famintos,
derivou para a temática social.
•Porém, o traço mais forte e aplicado nas suas obras poéticas é o culto ao
amor, sempre em relação a mulher amada, ou mesmo apenas desejada.
Soneto de Fidelidade
De tudo, ao meu amor serei atento
Antes, e com tal zelo, e sempre, e tanto
Que mesmo em face do maior encanto
Dele se encante mais meu pensamento.
Quero vivê-lo em cada vão momento
E em seu louvor hei de espalhar meu canto
E rir meu riso e derramar meu pranto
Ao seu pesar ou seu contentamento.
E assim, quanto mais tarde me procure
Quem sabe a morte, angústia de quem vive
Quem sabe a solidão, fim de quem ama.
Eu possa me dizer do amor (que tive):
Que não seja imortal, posto que é chama
Mas que seja infinito enquanto dure.
Vinicius de Moraes: Biografia

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

14 biografia e repintura tarsila do amaral
14  biografia e repintura tarsila do amaral14  biografia e repintura tarsila do amaral
14 biografia e repintura tarsila do amaral
Vanessa de Souza Rodrigues
 
Conteúdos d arte e ed. f[isica para o 1º e 2º ano do ensino fundamental
Conteúdos d arte e ed. f[isica para o 1º e 2º ano do ensino fundamentalConteúdos d arte e ed. f[isica para o 1º e 2º ano do ensino fundamental
Conteúdos d arte e ed. f[isica para o 1º e 2º ano do ensino fundamental
josivaldopassos
 
Sequência de atividades despertar da cidadania_hino nacional
Sequência de atividades despertar da cidadania_hino nacionalSequência de atividades despertar da cidadania_hino nacional
Sequência de atividades despertar da cidadania_hino nacional
Adriana Melo
 
Sequencia didatica caricatura arte 9º ano
Sequencia didatica caricatura   arte 9º anoSequencia didatica caricatura   arte 9º ano
Sequencia didatica caricatura arte 9º ano
Fabiola Oliveira
 
Sequência didática poemas
Sequência didática poemasSequência didática poemas
Sequência didática poemas
Dário Reis
 
Tarsila do amaral
Tarsila do amaral Tarsila do amaral
Tarsila do amaral
Roselynn B. Araújo
 
Apostila de Arte Ensino Fundamental I
Apostila de Arte Ensino Fundamental IApostila de Arte Ensino Fundamental I
Apostila de Arte Ensino Fundamental I
Eliane Sanches
 
Autobiografia: proposta de produção textual
Autobiografia: proposta de produção textualAutobiografia: proposta de produção textual
Autobiografia: proposta de produção textual
Maria Cecilia Silva
 
Projeto carnaval
Projeto carnavalProjeto carnaval
Projeto carnaval
Aridiane Santos
 
Sequencia didatica poesia
Sequencia didatica poesiaSequencia didatica poesia
Sequencia didatica poesia
Keila Arruda
 
Slide sítio com atividades
Slide sítio com atividadesSlide sítio com atividades
Slide sítio com atividades
Gi Barbosa - Ideia Criativa
 
Sugestões para trabalhar a cultura africana na educação
Sugestões para trabalhar a cultura africana na educaçãoSugestões para trabalhar a cultura africana na educação
Sugestões para trabalhar a cultura africana na educação
jaqueegervasio
 
P rovas 6°ao 9º Ano- Artes Professora Leoneide Carvalho
P rovas 6°ao 9º Ano- Artes  Professora Leoneide CarvalhoP rovas 6°ao 9º Ano- Artes  Professora Leoneide Carvalho
P rovas 6°ao 9º Ano- Artes Professora Leoneide Carvalho
Leoneide Carvalho
 
A MÚSICA NA SALA DE AULA
A MÚSICA NA SALA DE AULAA MÚSICA NA SALA DE AULA
A MÚSICA NA SALA DE AULA
amiltonp
 
Gênero textual: Cordel
Gênero textual: CordelGênero textual: Cordel
Gênero textual: Cordel
Mary Alvarenga
 
Somos todos iguais, porém diferentes!
Somos todos iguais, porém diferentes! Somos todos iguais, porém diferentes!
Somos todos iguais, porém diferentes!
Maria da Paz Cerqueira
 
O dia em que um monstro veio à escola
O dia em que um monstro veio à escolaO dia em que um monstro veio à escola
O dia em que um monstro veio à escola
Mafalda Souto
 
Grafite - Arte nas paredes e nos muros
   Grafite - Arte nas paredes e nos muros   Grafite - Arte nas paredes e nos muros
Grafite - Arte nas paredes e nos muros
Mary Alvarenga
 
Oficina de descritores português 9º ano
Oficina de descritores português 9º anoOficina de descritores português 9º ano
Oficina de descritores português 9º ano
ClaudiaAdrianaSouzaS
 
Avaliação bimestral de artes 1º bimestre 2015
Avaliação bimestral de artes 1º bimestre 2015Avaliação bimestral de artes 1º bimestre 2015
Avaliação bimestral de artes 1º bimestre 2015
Denilson Parreira Dos Reis
 

Mais procurados (20)

14 biografia e repintura tarsila do amaral
14  biografia e repintura tarsila do amaral14  biografia e repintura tarsila do amaral
14 biografia e repintura tarsila do amaral
 
Conteúdos d arte e ed. f[isica para o 1º e 2º ano do ensino fundamental
Conteúdos d arte e ed. f[isica para o 1º e 2º ano do ensino fundamentalConteúdos d arte e ed. f[isica para o 1º e 2º ano do ensino fundamental
Conteúdos d arte e ed. f[isica para o 1º e 2º ano do ensino fundamental
 
Sequência de atividades despertar da cidadania_hino nacional
Sequência de atividades despertar da cidadania_hino nacionalSequência de atividades despertar da cidadania_hino nacional
Sequência de atividades despertar da cidadania_hino nacional
 
Sequencia didatica caricatura arte 9º ano
Sequencia didatica caricatura   arte 9º anoSequencia didatica caricatura   arte 9º ano
Sequencia didatica caricatura arte 9º ano
 
Sequência didática poemas
Sequência didática poemasSequência didática poemas
Sequência didática poemas
 
Tarsila do amaral
Tarsila do amaral Tarsila do amaral
Tarsila do amaral
 
Apostila de Arte Ensino Fundamental I
Apostila de Arte Ensino Fundamental IApostila de Arte Ensino Fundamental I
Apostila de Arte Ensino Fundamental I
 
Autobiografia: proposta de produção textual
Autobiografia: proposta de produção textualAutobiografia: proposta de produção textual
Autobiografia: proposta de produção textual
 
Projeto carnaval
Projeto carnavalProjeto carnaval
Projeto carnaval
 
Sequencia didatica poesia
Sequencia didatica poesiaSequencia didatica poesia
Sequencia didatica poesia
 
Slide sítio com atividades
Slide sítio com atividadesSlide sítio com atividades
Slide sítio com atividades
 
Sugestões para trabalhar a cultura africana na educação
Sugestões para trabalhar a cultura africana na educaçãoSugestões para trabalhar a cultura africana na educação
Sugestões para trabalhar a cultura africana na educação
 
P rovas 6°ao 9º Ano- Artes Professora Leoneide Carvalho
P rovas 6°ao 9º Ano- Artes  Professora Leoneide CarvalhoP rovas 6°ao 9º Ano- Artes  Professora Leoneide Carvalho
P rovas 6°ao 9º Ano- Artes Professora Leoneide Carvalho
 
A MÚSICA NA SALA DE AULA
A MÚSICA NA SALA DE AULAA MÚSICA NA SALA DE AULA
A MÚSICA NA SALA DE AULA
 
Gênero textual: Cordel
Gênero textual: CordelGênero textual: Cordel
Gênero textual: Cordel
 
Somos todos iguais, porém diferentes!
Somos todos iguais, porém diferentes! Somos todos iguais, porém diferentes!
Somos todos iguais, porém diferentes!
 
O dia em que um monstro veio à escola
O dia em que um monstro veio à escolaO dia em que um monstro veio à escola
O dia em que um monstro veio à escola
 
Grafite - Arte nas paredes e nos muros
   Grafite - Arte nas paredes e nos muros   Grafite - Arte nas paredes e nos muros
Grafite - Arte nas paredes e nos muros
 
Oficina de descritores português 9º ano
Oficina de descritores português 9º anoOficina de descritores português 9º ano
Oficina de descritores português 9º ano
 
Avaliação bimestral de artes 1º bimestre 2015
Avaliação bimestral de artes 1º bimestre 2015Avaliação bimestral de artes 1º bimestre 2015
Avaliação bimestral de artes 1º bimestre 2015
 

Destaque

Antologia Poética - Vinícius de Moraes - 3ª A - 2011
Antologia Poética - Vinícius de Moraes - 3ª A - 2011Antologia Poética - Vinícius de Moraes - 3ª A - 2011
Antologia Poética - Vinícius de Moraes - 3ª A - 2011
Maria Inês de Souza Vitorino Justino
 
Vinicius de Moraes - Tudo sobre vida, obra e curiosidades
Vinicius de Moraes - Tudo sobre vida, obra e curiosidadesVinicius de Moraes - Tudo sobre vida, obra e curiosidades
Vinicius de Moraes - Tudo sobre vida, obra e curiosidades
naathyb
 
Poetas da contemporaneidade: Adélia Prado, Manoel de Barros e José Paulo Paes
Poetas da contemporaneidade: Adélia Prado, Manoel de Barros e José Paulo PaesPoetas da contemporaneidade: Adélia Prado, Manoel de Barros e José Paulo Paes
Poetas da contemporaneidade: Adélia Prado, Manoel de Barros e José Paulo Paes
Paula Back
 
Vinicius de Moraes - Vida e Obra
Vinicius de Moraes - Vida e ObraVinicius de Moraes - Vida e Obra
Vinicius de Moraes - Vida e Obra
Sara Guerra
 
vinicius de moraes vida e obra
vinicius de moraes vida e obravinicius de moraes vida e obra
vinicius de moraes vida e obra
Vitor Julio
 
Vinícius de moraes trabalho
Vinícius de moraes trabalhoVinícius de moraes trabalho
Vinícius de moraes trabalho
coezica
 
Vida e obra de vinicius de moraes aula mara
Vida e obra de vinicius de moraes  aula maraVida e obra de vinicius de moraes  aula mara
Vida e obra de vinicius de moraes aula mara
Orcilene
 
Tributos, encargos e rendas medievais
Tributos, encargos e rendas medievaisTributos, encargos e rendas medievais
Tributos, encargos e rendas medievais
Sara Guerra
 
Vinicius de moraes
Vinicius de moraesVinicius de moraes
Vinicius de moraes
Luzia Gabriele
 
Vinicius de moraes
Vinicius de moraesVinicius de moraes
Vinicius de moraes
hercoles mateus
 
Vinícius de Moraes
Vinícius de Moraes  Vinícius de Moraes
Vinícius de Moraes
Silvia Pegoraro Generoso
 
Elaboração de biografia
Elaboração de biografia Elaboração de biografia
Elaboração de biografia
Edson Alves
 
Soneto de fidelidade
Soneto de fidelidadeSoneto de fidelidade
Soneto de fidelidade
guestba2987c1
 
Vinicius de Moraes
Vinicius de MoraesVinicius de Moraes
Vinicius de Moraes
gisele25
 
Biografia de vinícius de moraes
Biografia de vinícius de moraesBiografia de vinícius de moraes
Biografia de vinícius de moraes
geysamy
 
Vinícius de moraes
Vinícius de moraesVinícius de moraes
Vinícius de moraes
Ronaldo Rom
 
Letra f 1
Letra f 1Letra f 1
Trabalho Vinicius
Trabalho ViniciusTrabalho Vinicius
Trabalho Vinicius
martinsramon
 
Projeto vinícius de moraes (1)
Projeto vinícius de moraes (1)Projeto vinícius de moraes (1)
Projeto vinícius de moraes (1)
joyceroselilas
 
Noite cultural1
Noite cultural1Noite cultural1
Noite cultural1
EPNSA
 

Destaque (20)

Antologia Poética - Vinícius de Moraes - 3ª A - 2011
Antologia Poética - Vinícius de Moraes - 3ª A - 2011Antologia Poética - Vinícius de Moraes - 3ª A - 2011
Antologia Poética - Vinícius de Moraes - 3ª A - 2011
 
Vinicius de Moraes - Tudo sobre vida, obra e curiosidades
Vinicius de Moraes - Tudo sobre vida, obra e curiosidadesVinicius de Moraes - Tudo sobre vida, obra e curiosidades
Vinicius de Moraes - Tudo sobre vida, obra e curiosidades
 
Poetas da contemporaneidade: Adélia Prado, Manoel de Barros e José Paulo Paes
Poetas da contemporaneidade: Adélia Prado, Manoel de Barros e José Paulo PaesPoetas da contemporaneidade: Adélia Prado, Manoel de Barros e José Paulo Paes
Poetas da contemporaneidade: Adélia Prado, Manoel de Barros e José Paulo Paes
 
Vinicius de Moraes - Vida e Obra
Vinicius de Moraes - Vida e ObraVinicius de Moraes - Vida e Obra
Vinicius de Moraes - Vida e Obra
 
vinicius de moraes vida e obra
vinicius de moraes vida e obravinicius de moraes vida e obra
vinicius de moraes vida e obra
 
Vinícius de moraes trabalho
Vinícius de moraes trabalhoVinícius de moraes trabalho
Vinícius de moraes trabalho
 
Vida e obra de vinicius de moraes aula mara
Vida e obra de vinicius de moraes  aula maraVida e obra de vinicius de moraes  aula mara
Vida e obra de vinicius de moraes aula mara
 
Tributos, encargos e rendas medievais
Tributos, encargos e rendas medievaisTributos, encargos e rendas medievais
Tributos, encargos e rendas medievais
 
Vinicius de moraes
Vinicius de moraesVinicius de moraes
Vinicius de moraes
 
Vinicius de moraes
Vinicius de moraesVinicius de moraes
Vinicius de moraes
 
Vinícius de Moraes
Vinícius de Moraes  Vinícius de Moraes
Vinícius de Moraes
 
Elaboração de biografia
Elaboração de biografia Elaboração de biografia
Elaboração de biografia
 
Soneto de fidelidade
Soneto de fidelidadeSoneto de fidelidade
Soneto de fidelidade
 
Vinicius de Moraes
Vinicius de MoraesVinicius de Moraes
Vinicius de Moraes
 
Biografia de vinícius de moraes
Biografia de vinícius de moraesBiografia de vinícius de moraes
Biografia de vinícius de moraes
 
Vinícius de moraes
Vinícius de moraesVinícius de moraes
Vinícius de moraes
 
Letra f 1
Letra f 1Letra f 1
Letra f 1
 
Trabalho Vinicius
Trabalho ViniciusTrabalho Vinicius
Trabalho Vinicius
 
Projeto vinícius de moraes (1)
Projeto vinícius de moraes (1)Projeto vinícius de moraes (1)
Projeto vinícius de moraes (1)
 
Noite cultural1
Noite cultural1Noite cultural1
Noite cultural1
 

Semelhante a Vinicius de Moraes: Biografia

Vnicius de mores 1
Vnicius de mores 1Vnicius de mores 1
Vnicius de mores 1
Luzia Gabriele
 
Jornal literário modernismo
Jornal literário modernismoJornal literário modernismo
Jornal literário modernismo
Neena Santos
 
Vinícius de moraes
Vinícius de moraesVinícius de moraes
Vinícius de moraes
Ronaldo Rom
 
SEMINÁRIO DE LITERATURA - VINÍCIUS DE MORAES
SEMINÁRIO DE LITERATURA - VINÍCIUS DE MORAESSEMINÁRIO DE LITERATURA - VINÍCIUS DE MORAES
SEMINÁRIO DE LITERATURA - VINÍCIUS DE MORAES
Marcelo Fernandes
 
Antologia poética
Antologia poéticaAntologia poética
Antologia poética
Wallace Truyts
 
Slide cafeliterario viniciusdemorais
Slide cafeliterario viniciusdemoraisSlide cafeliterario viniciusdemorais
Slide cafeliterario viniciusdemorais
muniketaynara20
 
vinicius_de_moraes_apres_3008.pptx
vinicius_de_moraes_apres_3008.pptxvinicius_de_moraes_apres_3008.pptx
vinicius_de_moraes_apres_3008.pptx
Clarice Menezes
 
Vinicius de Moraes
Vinicius de MoraesVinicius de Moraes
Vinicius de Moraes
Nathália Fagundez
 
Biografia 4º d
Biografia 4º dBiografia 4º d
Biografia 4º d
informaticapd
 
Biografia 4º D
Biografia 4º DBiografia 4º D
Biografia 4º D
informaticapd
 
BIOGRAFIA ROMANCEADA..pptx
BIOGRAFIA ROMANCEADA..pptxBIOGRAFIA ROMANCEADA..pptx
BIOGRAFIA ROMANCEADA..pptx
Mariany Dutra
 
Geração de 30
Geração de 30Geração de 30
Geração de 30
Karina Cunha
 
MáRio DioníSio
MáRio DioníSioMáRio DioníSio
MáRio DioníSio
CRRA
 
Luan e vinicius ok cópia
Luan e vinicius ok   cópiaLuan e vinicius ok   cópia
Luan e vinicius ok cópia
Valdirene Carneiro
 
Luan e vinicius ok
Luan e vinicius okLuan e vinicius ok
Luan e vinicius ok
Valdirene Carneiro
 
Vilmario,Douglas,Messias,Leones,Leanne e Ismael
Vilmario,Douglas,Messias,Leones,Leanne e IsmaelVilmario,Douglas,Messias,Leones,Leanne e Ismael
Vilmario,Douglas,Messias,Leones,Leanne e Ismael
padrecoriolano
 
Cecília Meireles, vida, obras, características e homenagens...
Cecília Meireles, vida, obras, características e homenagens...Cecília Meireles, vida, obras, características e homenagens...
Cecília Meireles, vida, obras, características e homenagens...
Daniel Meneses
 
sophia, natália correia e vinicius
sophia, natália correia e viniciussophia, natália correia e vinicius
sophia, natália correia e vinicius
Rosário Cunha
 
Apresentação1 cic vinícius
Apresentação1 cic viníciusApresentação1 cic vinícius
Apresentação1 cic vinícius
Ronaldo Rom
 

Semelhante a Vinicius de Moraes: Biografia (20)

Vnicius de mores 1
Vnicius de mores 1Vnicius de mores 1
Vnicius de mores 1
 
Jornal literário modernismo
Jornal literário modernismoJornal literário modernismo
Jornal literário modernismo
 
Vinícius de moraes
Vinícius de moraesVinícius de moraes
Vinícius de moraes
 
SEMINÁRIO DE LITERATURA - VINÍCIUS DE MORAES
SEMINÁRIO DE LITERATURA - VINÍCIUS DE MORAESSEMINÁRIO DE LITERATURA - VINÍCIUS DE MORAES
SEMINÁRIO DE LITERATURA - VINÍCIUS DE MORAES
 
Antologia poética
Antologia poéticaAntologia poética
Antologia poética
 
Slide cafeliterario viniciusdemorais
Slide cafeliterario viniciusdemoraisSlide cafeliterario viniciusdemorais
Slide cafeliterario viniciusdemorais
 
vinicius_de_moraes_apres_3008.pptx
vinicius_de_moraes_apres_3008.pptxvinicius_de_moraes_apres_3008.pptx
vinicius_de_moraes_apres_3008.pptx
 
Vinicius de Moraes
Vinicius de MoraesVinicius de Moraes
Vinicius de Moraes
 
Biografia 4º d
Biografia 4º dBiografia 4º d
Biografia 4º d
 
Biografia 4º D
Biografia 4º DBiografia 4º D
Biografia 4º D
 
BIOGRAFIA ROMANCEADA..pptx
BIOGRAFIA ROMANCEADA..pptxBIOGRAFIA ROMANCEADA..pptx
BIOGRAFIA ROMANCEADA..pptx
 
Geração de 30
Geração de 30Geração de 30
Geração de 30
 
MáRio DioníSio
MáRio DioníSioMáRio DioníSio
MáRio DioníSio
 
Luan e vinicius ok cópia
Luan e vinicius ok   cópiaLuan e vinicius ok   cópia
Luan e vinicius ok cópia
 
Luan e vinicius ok
Luan e vinicius okLuan e vinicius ok
Luan e vinicius ok
 
Vinicius de Moraes
Vinicius de MoraesVinicius de Moraes
Vinicius de Moraes
 
Vilmario,Douglas,Messias,Leones,Leanne e Ismael
Vilmario,Douglas,Messias,Leones,Leanne e IsmaelVilmario,Douglas,Messias,Leones,Leanne e Ismael
Vilmario,Douglas,Messias,Leones,Leanne e Ismael
 
Cecília Meireles, vida, obras, características e homenagens...
Cecília Meireles, vida, obras, características e homenagens...Cecília Meireles, vida, obras, características e homenagens...
Cecília Meireles, vida, obras, características e homenagens...
 
sophia, natália correia e vinicius
sophia, natália correia e viniciussophia, natália correia e vinicius
sophia, natália correia e vinicius
 
Apresentação1 cic vinícius
Apresentação1 cic viníciusApresentação1 cic vinícius
Apresentação1 cic vinícius
 

Mais de Fernando Pereira

Usina hidreletrica
Usina hidreletricaUsina hidreletrica
Usina hidreletrica
Fernando Pereira
 
Modelo OSI Camada Física
Modelo OSI Camada FísicaModelo OSI Camada Física
Modelo OSI Camada Física
Fernando Pereira
 
Erico verissimo Biografia
Erico verissimo BiografiaErico verissimo Biografia
Erico verissimo Biografia
Fernando Pereira
 
Jorge amado biografia
Jorge amado biografiaJorge amado biografia
Jorge amado biografia
Fernando Pereira
 
Herança do Sexo
Herança do SexoHerança do Sexo
Herança do Sexo
Fernando Pereira
 
Murilo mendes: Biografia
Murilo mendes: Biografia Murilo mendes: Biografia
Murilo mendes: Biografia
Fernando Pereira
 
O método da ciência da natureza
O método da ciência da natureza O método da ciência da natureza
O método da ciência da natureza
Fernando Pereira
 
Período entre Guerras
Período entre Guerras Período entre Guerras
Período entre Guerras
Fernando Pereira
 
Instalações Elétricas
Instalações Elétricas Instalações Elétricas
Instalações Elétricas
Fernando Pereira
 
O consumo de Energia no Brasil
O consumo de Energia no BrasilO consumo de Energia no Brasil
O consumo de Energia no Brasil
Fernando Pereira
 
Carvão Mineral e Energia Elétrica
Carvão Mineral e Energia ElétricaCarvão Mineral e Energia Elétrica
Carvão Mineral e Energia Elétrica
Fernando Pereira
 
A grande guerra
A grande guerraA grande guerra
A grande guerra
Fernando Pereira
 
Conceitos básicos de eletricidade
Conceitos básicos de eletricidadeConceitos básicos de eletricidade
Conceitos básicos de eletricidade
Fernando Pereira
 
História social do romantismo
História social do romantismoHistória social do romantismo
História social do romantismo
Fernando Pereira
 
As vanguardas Brasileiras e Vanguardas Europeias
As vanguardas Brasileiras e Vanguardas Europeias As vanguardas Brasileiras e Vanguardas Europeias
As vanguardas Brasileiras e Vanguardas Europeias
Fernando Pereira
 

Mais de Fernando Pereira (15)

Usina hidreletrica
Usina hidreletricaUsina hidreletrica
Usina hidreletrica
 
Modelo OSI Camada Física
Modelo OSI Camada FísicaModelo OSI Camada Física
Modelo OSI Camada Física
 
Erico verissimo Biografia
Erico verissimo BiografiaErico verissimo Biografia
Erico verissimo Biografia
 
Jorge amado biografia
Jorge amado biografiaJorge amado biografia
Jorge amado biografia
 
Herança do Sexo
Herança do SexoHerança do Sexo
Herança do Sexo
 
Murilo mendes: Biografia
Murilo mendes: Biografia Murilo mendes: Biografia
Murilo mendes: Biografia
 
O método da ciência da natureza
O método da ciência da natureza O método da ciência da natureza
O método da ciência da natureza
 
Período entre Guerras
Período entre Guerras Período entre Guerras
Período entre Guerras
 
Instalações Elétricas
Instalações Elétricas Instalações Elétricas
Instalações Elétricas
 
O consumo de Energia no Brasil
O consumo de Energia no BrasilO consumo de Energia no Brasil
O consumo de Energia no Brasil
 
Carvão Mineral e Energia Elétrica
Carvão Mineral e Energia ElétricaCarvão Mineral e Energia Elétrica
Carvão Mineral e Energia Elétrica
 
A grande guerra
A grande guerraA grande guerra
A grande guerra
 
Conceitos básicos de eletricidade
Conceitos básicos de eletricidadeConceitos básicos de eletricidade
Conceitos básicos de eletricidade
 
História social do romantismo
História social do romantismoHistória social do romantismo
História social do romantismo
 
As vanguardas Brasileiras e Vanguardas Europeias
As vanguardas Brasileiras e Vanguardas Europeias As vanguardas Brasileiras e Vanguardas Europeias
As vanguardas Brasileiras e Vanguardas Europeias
 

Último

Folheto | Centro de Informação Europeia Jacques Delors (junho/2024)
Folheto | Centro de Informação Europeia Jacques Delors (junho/2024)Folheto | Centro de Informação Europeia Jacques Delors (junho/2024)
Folheto | Centro de Informação Europeia Jacques Delors (junho/2024)
Centro Jacques Delors
 
UFCD_10949_Lojas e-commerce no-code_índice.pdf
UFCD_10949_Lojas e-commerce no-code_índice.pdfUFCD_10949_Lojas e-commerce no-code_índice.pdf
UFCD_10949_Lojas e-commerce no-code_índice.pdf
Manuais Formação
 
Testes + soluções_Mensagens12 )11111.pdf
Testes + soluções_Mensagens12 )11111.pdfTestes + soluções_Mensagens12 )11111.pdf
Testes + soluções_Mensagens12 )11111.pdf
lveiga112
 
Aula 1 do livro de Ciências do aluno - sons
Aula 1 do livro de Ciências do aluno - sonsAula 1 do livro de Ciências do aluno - sons
Aula 1 do livro de Ciências do aluno - sons
Érika Rufo
 
A dinâmica da população mundial de acordo com as teorias populacionais.pptx
A dinâmica da população mundial de acordo com as teorias populacionais.pptxA dinâmica da população mundial de acordo com as teorias populacionais.pptx
A dinâmica da população mundial de acordo com as teorias populacionais.pptx
ReinaldoSouza57
 
1_10_06_2024_Criança e Cultura Escrita, Ana Maria de Oliveira Galvão.pdf
1_10_06_2024_Criança e Cultura Escrita, Ana Maria de Oliveira Galvão.pdf1_10_06_2024_Criança e Cultura Escrita, Ana Maria de Oliveira Galvão.pdf
1_10_06_2024_Criança e Cultura Escrita, Ana Maria de Oliveira Galvão.pdf
SILVIAREGINANAZARECA
 
D20 - Descritores SAEB de Língua Portuguesa
D20 - Descritores SAEB de Língua PortuguesaD20 - Descritores SAEB de Língua Portuguesa
D20 - Descritores SAEB de Língua Portuguesa
eaiprofpolly
 
GÊNERO TEXTUAL - POEMA.pptx
GÊNERO      TEXTUAL     -     POEMA.pptxGÊNERO      TEXTUAL     -     POEMA.pptx
GÊNERO TEXTUAL - POEMA.pptx
Marlene Cunhada
 
Sinais de pontuação
Sinais de pontuaçãoSinais de pontuação
Sinais de pontuação
Mary Alvarenga
 
UFCD_10145_Enquadramento do setor farmacêutico_indice.pdf
UFCD_10145_Enquadramento do setor farmacêutico_indice.pdfUFCD_10145_Enquadramento do setor farmacêutico_indice.pdf
UFCD_10145_Enquadramento do setor farmacêutico_indice.pdf
Manuais Formação
 
Funções e Progressões - Livro completo prisma
Funções e Progressões - Livro completo prismaFunções e Progressões - Livro completo prisma
Funções e Progressões - Livro completo prisma
djincognito
 
Potenciação e Radiciação de Números Racionais
Potenciação e Radiciação de Números RacionaisPotenciação e Radiciação de Números Racionais
Potenciação e Radiciação de Números Racionais
wagnermorais28
 
Slides Lição 11, Central Gospel, Os Mortos Em CRISTO, 2Tr24.pptx
Slides Lição 11, Central Gospel, Os Mortos Em CRISTO, 2Tr24.pptxSlides Lição 11, Central Gospel, Os Mortos Em CRISTO, 2Tr24.pptx
Slides Lição 11, Central Gospel, Os Mortos Em CRISTO, 2Tr24.pptx
LuizHenriquedeAlmeid6
 
OS elementos de uma boa Redação para o ENEM.pdf
OS elementos de uma boa Redação para o ENEM.pdfOS elementos de uma boa Redação para o ENEM.pdf
OS elementos de uma boa Redação para o ENEM.pdf
AmiltonAparecido1
 
Treinamento NR 38 - CORPO PRINCIPAL da NORMA.pptx
Treinamento NR 38 - CORPO PRINCIPAL da NORMA.pptxTreinamento NR 38 - CORPO PRINCIPAL da NORMA.pptx
Treinamento NR 38 - CORPO PRINCIPAL da NORMA.pptx
MarcosPaulo777883
 
UFCD_3546_Prevenção e primeiros socorros_geriatria.pdf
UFCD_3546_Prevenção e primeiros socorros_geriatria.pdfUFCD_3546_Prevenção e primeiros socorros_geriatria.pdf
UFCD_3546_Prevenção e primeiros socorros_geriatria.pdf
Manuais Formação
 
Livro: Pedagogia do Oprimido - Paulo Freire
Livro: Pedagogia do Oprimido - Paulo FreireLivro: Pedagogia do Oprimido - Paulo Freire
Livro: Pedagogia do Oprimido - Paulo Freire
WelberMerlinCardoso
 
Slides Lição 11, CPAD, A Realidade Bíblica do Inferno, 2Tr24.pptx
Slides Lição 11, CPAD, A Realidade Bíblica do Inferno, 2Tr24.pptxSlides Lição 11, CPAD, A Realidade Bíblica do Inferno, 2Tr24.pptx
Slides Lição 11, CPAD, A Realidade Bíblica do Inferno, 2Tr24.pptx
LuizHenriquedeAlmeid6
 
Aula 2 - Revisando o significado de fração - Parte 2.pptx
Aula 2 - Revisando o significado de fração - Parte 2.pptxAula 2 - Revisando o significado de fração - Parte 2.pptx
Aula 2 - Revisando o significado de fração - Parte 2.pptx
LILIANPRESTESSCUDELE
 
Sistema de Bibliotecas UCS - Chronica do emperador Clarimundo, donde os reis ...
Sistema de Bibliotecas UCS - Chronica do emperador Clarimundo, donde os reis ...Sistema de Bibliotecas UCS - Chronica do emperador Clarimundo, donde os reis ...
Sistema de Bibliotecas UCS - Chronica do emperador Clarimundo, donde os reis ...
Biblioteca UCS
 

Último (20)

Folheto | Centro de Informação Europeia Jacques Delors (junho/2024)
Folheto | Centro de Informação Europeia Jacques Delors (junho/2024)Folheto | Centro de Informação Europeia Jacques Delors (junho/2024)
Folheto | Centro de Informação Europeia Jacques Delors (junho/2024)
 
UFCD_10949_Lojas e-commerce no-code_índice.pdf
UFCD_10949_Lojas e-commerce no-code_índice.pdfUFCD_10949_Lojas e-commerce no-code_índice.pdf
UFCD_10949_Lojas e-commerce no-code_índice.pdf
 
Testes + soluções_Mensagens12 )11111.pdf
Testes + soluções_Mensagens12 )11111.pdfTestes + soluções_Mensagens12 )11111.pdf
Testes + soluções_Mensagens12 )11111.pdf
 
Aula 1 do livro de Ciências do aluno - sons
Aula 1 do livro de Ciências do aluno - sonsAula 1 do livro de Ciências do aluno - sons
Aula 1 do livro de Ciências do aluno - sons
 
A dinâmica da população mundial de acordo com as teorias populacionais.pptx
A dinâmica da população mundial de acordo com as teorias populacionais.pptxA dinâmica da população mundial de acordo com as teorias populacionais.pptx
A dinâmica da população mundial de acordo com as teorias populacionais.pptx
 
1_10_06_2024_Criança e Cultura Escrita, Ana Maria de Oliveira Galvão.pdf
1_10_06_2024_Criança e Cultura Escrita, Ana Maria de Oliveira Galvão.pdf1_10_06_2024_Criança e Cultura Escrita, Ana Maria de Oliveira Galvão.pdf
1_10_06_2024_Criança e Cultura Escrita, Ana Maria de Oliveira Galvão.pdf
 
D20 - Descritores SAEB de Língua Portuguesa
D20 - Descritores SAEB de Língua PortuguesaD20 - Descritores SAEB de Língua Portuguesa
D20 - Descritores SAEB de Língua Portuguesa
 
GÊNERO TEXTUAL - POEMA.pptx
GÊNERO      TEXTUAL     -     POEMA.pptxGÊNERO      TEXTUAL     -     POEMA.pptx
GÊNERO TEXTUAL - POEMA.pptx
 
Sinais de pontuação
Sinais de pontuaçãoSinais de pontuação
Sinais de pontuação
 
UFCD_10145_Enquadramento do setor farmacêutico_indice.pdf
UFCD_10145_Enquadramento do setor farmacêutico_indice.pdfUFCD_10145_Enquadramento do setor farmacêutico_indice.pdf
UFCD_10145_Enquadramento do setor farmacêutico_indice.pdf
 
Funções e Progressões - Livro completo prisma
Funções e Progressões - Livro completo prismaFunções e Progressões - Livro completo prisma
Funções e Progressões - Livro completo prisma
 
Potenciação e Radiciação de Números Racionais
Potenciação e Radiciação de Números RacionaisPotenciação e Radiciação de Números Racionais
Potenciação e Radiciação de Números Racionais
 
Slides Lição 11, Central Gospel, Os Mortos Em CRISTO, 2Tr24.pptx
Slides Lição 11, Central Gospel, Os Mortos Em CRISTO, 2Tr24.pptxSlides Lição 11, Central Gospel, Os Mortos Em CRISTO, 2Tr24.pptx
Slides Lição 11, Central Gospel, Os Mortos Em CRISTO, 2Tr24.pptx
 
OS elementos de uma boa Redação para o ENEM.pdf
OS elementos de uma boa Redação para o ENEM.pdfOS elementos de uma boa Redação para o ENEM.pdf
OS elementos de uma boa Redação para o ENEM.pdf
 
Treinamento NR 38 - CORPO PRINCIPAL da NORMA.pptx
Treinamento NR 38 - CORPO PRINCIPAL da NORMA.pptxTreinamento NR 38 - CORPO PRINCIPAL da NORMA.pptx
Treinamento NR 38 - CORPO PRINCIPAL da NORMA.pptx
 
UFCD_3546_Prevenção e primeiros socorros_geriatria.pdf
UFCD_3546_Prevenção e primeiros socorros_geriatria.pdfUFCD_3546_Prevenção e primeiros socorros_geriatria.pdf
UFCD_3546_Prevenção e primeiros socorros_geriatria.pdf
 
Livro: Pedagogia do Oprimido - Paulo Freire
Livro: Pedagogia do Oprimido - Paulo FreireLivro: Pedagogia do Oprimido - Paulo Freire
Livro: Pedagogia do Oprimido - Paulo Freire
 
Slides Lição 11, CPAD, A Realidade Bíblica do Inferno, 2Tr24.pptx
Slides Lição 11, CPAD, A Realidade Bíblica do Inferno, 2Tr24.pptxSlides Lição 11, CPAD, A Realidade Bíblica do Inferno, 2Tr24.pptx
Slides Lição 11, CPAD, A Realidade Bíblica do Inferno, 2Tr24.pptx
 
Aula 2 - Revisando o significado de fração - Parte 2.pptx
Aula 2 - Revisando o significado de fração - Parte 2.pptxAula 2 - Revisando o significado de fração - Parte 2.pptx
Aula 2 - Revisando o significado de fração - Parte 2.pptx
 
Sistema de Bibliotecas UCS - Chronica do emperador Clarimundo, donde os reis ...
Sistema de Bibliotecas UCS - Chronica do emperador Clarimundo, donde os reis ...Sistema de Bibliotecas UCS - Chronica do emperador Clarimundo, donde os reis ...
Sistema de Bibliotecas UCS - Chronica do emperador Clarimundo, donde os reis ...
 

Vinicius de Moraes: Biografia

  • 2. Biografia Marcus Vinícius da Cruz de Mello Moraes nasceu em 1913, no Rio de Janeiro, em uma família de intelectuais. Em 1928,começou a fazer suas primeiras composições musicais. Formou-se em letras em 1929 e em direito em 1933,ano em que publicou seu primeiro livro de poemas, O caminho para a distância .Tornou-se representante do Ministério de Educação junto a censura cinematográfica. Na década de 1940 ingressou na carreira diplomática e também no jornalismo, como cronista e crítico de cinema, Como diplomata, viveu durante muitos anos em Los Angeles, Paris e Montevidéu, com alguns intervalos no Brasil.
  • 3. Nesse período, conheceu intelectuais e artistas de todo mundo. Na década de 1950,interessou-se por música de Câmera e popular e começou a compor. Em 1956,publicou a peça teatral Orfeu da Conceição, levada ao palco do teatro Municipal do Rio de Janeiro com grande sucesso. Marcus Vinícius de Mello Moraes morreu no Rio de Janeiro em 1980 com edema pulmonar.
  • 4. Principaiscaracterísticasde suas Obras As características de suas obras sofreram variações e mudanças durante o tempo. •Inicialmente, Vinicius é um poeta místico-religioso, típico do Neossimbolismo, com as abstrações e levezas. •Após descobrir que seu país era composto de injustiçados e famintos, derivou para a temática social. •Porém, o traço mais forte e aplicado nas suas obras poéticas é o culto ao amor, sempre em relação a mulher amada, ou mesmo apenas desejada.
  • 5. Soneto de Fidelidade De tudo, ao meu amor serei atento Antes, e com tal zelo, e sempre, e tanto Que mesmo em face do maior encanto Dele se encante mais meu pensamento. Quero vivê-lo em cada vão momento E em seu louvor hei de espalhar meu canto E rir meu riso e derramar meu pranto Ao seu pesar ou seu contentamento. E assim, quanto mais tarde me procure Quem sabe a morte, angústia de quem vive Quem sabe a solidão, fim de quem ama. Eu possa me dizer do amor (que tive): Que não seja imortal, posto que é chama Mas que seja infinito enquanto dure.