SlideShare uma empresa Scribd logo
ANATOMIA DESCRITIVA ANIMAL I
             PERÍODO 2011/1
VICENTE DE PAULA FERNANDES NETO
                MÉDICO VETERINÁRIO

                 ÁREAS DE ATUAÇÃO:
                     FISIOLOGIA
                 REPRODUÇÃO ANIMAL

MESTRANDO PELO PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM CIÊNCIA
                  ANIMAL/CCA/UFPI

 BOLSISTA DO PROGRAMA DE AUXÍLIO DOCENTE DO REUNI
       DISCIPLINA: ANATOMIA DESCRITIVA ANIMAL I



                                  vtefernandes@hotmail.com
ARTROLOGIA/SINDESMOLOGIA
 Grego: Arthron = juntura

 Latim: Articulatio = articulação, juntura

 Grego: syndeo = ligar; syndesmos = ligamento
FUNÇÕES DAS ARTICULAÇÕES
 Proteção

 Inserções

 Alavancas

 Locomoção

 Angulação, Torção ou Deslocamento
CLASSIFICAÇÃO

 QUANTO AO MEIO DE UNIÃO:                     QUANTO À RELAÇÃO DO OSSOS:

   Articulações Fibrosas                        Por Continuidade

   Articulações Cartilaginosas
                                                 Por Contigüidade
   Articulações Sinoviais   (Próxima Aula)
Articulação                  Articulação
 Fibrosa                      Sinovial
              Articulação
              Cartilagínea
ARTICULAÇÕES FIBROSAS
 Unidas por tecido fibroso

 Não apresentam cavidade articular

 Temporária: SINOSTOSE

 Tipos:
    Sindesmose

    Gonfose

    Sutura
TIPOS DE ARTICULAÇÕES FIBROSAS

SINDESMOSE:

   As peças ósseas encontram-se à distância

   Grande quantidade de tecido conjuntivo formando ligamentos ou

    mebranas (Tec. Fibroso Branco e/ou Tec. Elástico)

   Ex:

       Entre as diáfises do rádio e da ulna do cão

       Entre os processos espinhosos das vértebras
SINDESMOSE
TIPOS DE ARTICULAÇÕES FIBROSAS

GONFOSE:

  Pouquíssimo tecido

  Articulação de pino e encaixe

  Dentes e alvéolos dentários
TIPOS DE ARTICULAÇÕES FIBROSAS

SUTURA:

  Os ossos que se unem encontram-se

   próximos

  A maioria encontra-se na cabeça

  Tem pouco tecido conjuntivo
TIPOS DE SUTURAS
SERREADA OU SERRÁTIL:

   Bordas (dentículos) que se engrenam.

   Ex: Sutura interfrontal ou interparietal
TIPOS DE SUTURAS
ESCAMOSA:

  Bordas em forma de bisel, ficando superpostas

  Ex: Entre Porção escamosa do temporal e o

   Parietal
SUTURA ESCAMOSA
TIPOS DE SUTURAS
PLANA:

  Margens ósseas planas e lisas, ou

   levemente enrugadas

  Ex: Sutura internasal
TIPOS DE SUTURAS
FOLHEADA:

  Margens que se engrenam como

   folhas de 2 livros.

  Ex: Entre o nasal e frontal do suíno
ARTICULAÇÕES CARTILAGINOSAS
 União por fibrocartilagem e/ou cartilagem hialina

 Tipos:
    Sincondrose

    Sínfise
TIPOS DE ARTICULAÇÕES
               CARTILAGINOSAS
SINCONDROSE:

  União por cartilagem hialina (SINOSTOSE)

  Porção persistente de esqueleto cartilaginoso do embrião

  Desaparece antes da idade adulta (temporária)

  Tipos:

      Intra-óssea (Epífise e diáfise de um osso longo)

      Inter-óssea (unem ossos diferentes)
SINCONDROSE
TIPOS DE ARTICULAÇÕES
              CARTILAGINOSAS

SÍNFISE:

   Articulação fibrocartilagínea,

    na qual é permitido pequeno
    grau de movimento.
ARTICULAÇÕES SINOVIAIS

 CONCEITO

 CARACTERÍSTICAS

   Não tendem a SINOSTOSE


   Apresentam cavidade articular delimitada por uma membrana

    sinovial
ARTICULAÇÕES SINOVIAIS



      ELEMENTOS OBRIGATÓRIOS

   SUPERFÍCIES ARTICULARES

   CARTILAGENS ARTICULARES

   CÁPSULA ARTICULAR

   SINÓVIA

   CAVIDADE ARTICULAR
ARTICULAÇÕES SINOVIAIS



      ELEMENTOS OBRIGATÓRIOS
   SUPERFÍCIE ARTICULAR
       Superfície do osso que se articula
       Recoberta por cartilagem articular


   CARTILAGENS ARTICULARES
       Constituídas de cartilagem hialina
       Baixo atrito
       Não apresentam inervação e vascularização
       Nutridas pela sinóvia
ARTICULAÇÕES SINOVIAIS
ARTICULAÇÕES SINOVIAIS



      ELEMENTOS OBRIGATÓRIOS
   CÁPSULA ARTICULAR
       Envolve a articulação
       Possui uma MEMBRANA FIBROSA e uma MEMBRANA
         SINOVIAL

   Membrana Fibrosa (Folheto Externo)
       Tecido conjuntivo fibroso rico em fibras colágenas
         (esbranquiçado) e fibras elásticas que, por espessamento,
         formam os ligamentos capsulares
ARTICULAÇÕES SINOVIAIS



      ELEMENTOS OBRIGATÓRIOS

   Membrana Sinovial (Folheto Interno)
       Tecido vascularizado responsável pela produção de sinóvia
       Possui vilosidades
       Reveste todo o interior das articulação sinovial, exceto a
         cartilagem articular e as superfícies de contato das lâminas
         fibrocartilagíneas.
ARTICULAÇÕES SINOVIAIS
ARTICULAÇÕES SINOVIAIS
ARTICULAÇÕES SINOVIAIS



      ELEMENTOS OBRIGATÓRIOS
   LÍQUIDO SINOVIAL
       Encontrado nas cavidades articulares, bolsas sinoviais e bainhas
        sinoviais
       CARACTERÍSTICAS
            Claro ou Amarelo Palha
            Viscoso (semelhante à clara de ovo)
            pH levemente alcalino
       FUNÇÕES
            Nutrição da cartilagem articular
            Lubrificação
ARTICULAÇÕES SINOVIAIS
ARTICULAÇÕES SINOVIAIS
ARTICULAÇÕES SINOVIAIS



               ELEMENTOS ANEXOS

   LIGAMENTOS

   FORMAÇÕES FIBROCARTILAGÍNEAS
       Lábios Articulares
       Discos Articulares
       Meniscos Articulares


   CORPO ADIPOSO
ARTICULAÇÕES SINOVIAIS



                ELEMENTOS ANEXOS

   LIGAMENTO

       É uma fita ou um cordão, que une dois ou mais ossos. Une os

         ossos em pontos estratégicos
       TIPOS
            Ligamentos capsulares
            Ligamentos Extracapsulares
            Ligamentos Intracapsulares
ARTICULAÇÕES SINOVIAIS




              LIGAMENTO CAPSULAR
ARTICULAÇÕES SINOVIAIS




    LIGAMENTO EXTRACAPSULAR
ARTICULAÇÕES SINOVIAIS




     LIGAMENTO INTRACAPSULAR
ARTICULAÇÕES SINOVIAIS



               ELEMENTOS ANEXOS

   FORMAÇÕES FIBROCARTILAGÍNEAS

   Lábios Articulares (Orlas Articulares)

       Prolongamentos das cartilagens articulares

       Ampliação da capacidade de recepção
ARTICULAÇÕES SINOVIAIS
ARTICULAÇÕES SINOVIAIS



               ELEMENTOS ANEXOS
   Discos
       Dividem a cavidade articular em dois compartimentos

       Ex: articulação temporomandibular


   Meniscos
       São semilunares. Não dividem a articulação em duas mas tornam uma
         articulação incongruente em uma congruente, atuando também como
         amortecedor
       Ex: articulação do joelho
ARTICULAÇÕES SINOVIAIS




                 DISCO ARTICULAR
ARTICULAÇÕES SINOVIAIS




                 DISCO ARTICULAR
ARTICULAÇÕES SINOVIAIS




               MENISCO ARTICULAR
CLASSIFICAÇÃO DAS
       ARTICULAÇÕES SINOVIAIS

1 – QUANTO AO NÚMERO DE OSSOS QUE A CONSTITUEM:

     A.1. SIMPLES
     A.2. COMPOSTA

2 - QUANTO A "LIBERDADE" DOS MOVIMENTOS

     2.1. DEPENDENTES
     2.2. INDEPENDENTES
MOVIMENTOS ARTICULARES
A) Flexão -eixo latero-lateral

B) Extensão -eixo latero-lateral

C) Adução - eixo cranio-caudal

D) Abdução - eixo cranio-caudal

E) Rotação - movimento em que o segmento gira em torno de um
eixo longitudinal.

F) Translação – movimento de deslizamento – sem eixo definido

G) Circundação = A+B+C+D
GATO
CLASSIFICAÇÃO QUANTO A FORMA
  DAS SUPERFÍCIES ARTICULARES


ARTICULAÇÃO PLANA - SUPERFÍCIES
ARTICULARES RAZOAVELMENTE PLANAS.
EX.: Articulação entre os ossos carpianos e articulações
dos processos articulares das vértebras.
ARTICULAÇÃO
   PLANA
ARTICULAÇÃO GÍNGLIMO -
DOBRADIÇA RESTRINGE OS
MOVIMENTOS DE FLEXÃO E
EXTENSÃO.
EX.: Articulação Do Cotovelo E Articulação
Metacarpofalângica
ARTICULAÇÃO
  GÍNGLIMO
ARTICULAÇÃO TROCÓIDEA/EM
PIVÔ - SEGMENTOS DE
CILINDRO SENDO UM CHEIO
QUE SE ALOJA NO OUTRO
ESCAVADO


EX.: articulação atlantoaxial.
ARTICULAÇÃO CONDILAR –
PROEMINÊNCIAS ARREDONDADAS
OU CÔNDILOS QUE SE ENCAIXA
NUMA DEPRESSÃO RECÍPROCA OU
CÔNDILOS DO OSSO ADJACENTE


EX.: Articulação temporomandibular e a
articulação do joelho.
ARTICULAÇÃO
 CONDILAR
ARTICULAÇÃO SELAR - CADA
SUPERFÍCIE É CONVEXA NUMA
DIREÇÃO E CÔNCAVA NA OUTRA.

EX: Articulação interfalângica no cão
ARTICULAÇÃO ELIPSÓIDEA -
SEGMENTOS MENORES QUE
MEIA ESFERA, DE UM LADO
CHEIO E DO OUTRO ESCAVADO.

EX.: Articulação atlantooccipital e
articulação do ombro.
Articulação elipsóidea
ARTICULAÇÃO ESFERÓIDEA -
SEGMENTOS MAIORES QUE
MEIA ESFERA, DE UM LADO
CHEIO E DO OUTRO
ESCAVADO.

EX: Articulação do quadril
(coxofemoral)
ARTICULAÇÃO ESFERÓIDEA
CLASSIFICAÇÃO QUANTO AO
      NÚMERO DE EIXOS
MONOAXIAL (articulação uniaxial)
    EIXO LONGITUDINAL OU
    EIXO LATERO-LATERAL
BIAXIAL
    A - EIXO LATERO-LATERAL
    B - EIXO CRANIO-CAUDAL
TRIAXIAL
    A – EIXO LONGITUDINAL
    B – EIXO LATERO-LATERAL
    C – EIXO CRANIO-CAUDAL
Sistema Articular (Anatomia Veterinária)
Sistema Articular (Anatomia Veterinária)

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Artrologia e sindesmologia veterinária
Artrologia e sindesmologia veterináriaArtrologia e sindesmologia veterinária
Artrologia e sindesmologia veterinária
Marília Gomes
 
Sistema respiratório veterinária
Sistema respiratório veterináriaSistema respiratório veterinária
Sistema respiratório veterinária
Marília Gomes
 
Osteologia Veterinária
Osteologia VeterináriaOsteologia Veterinária
Osteologia Veterinária
Patrícia Oliver
 
Sistema urinário - Anatomia veterinária
Sistema urinário - Anatomia veterináriaSistema urinário - Anatomia veterinária
Sistema urinário - Anatomia veterinária
Marília Gomes
 
Tegumento comum - Anatomia animal
Tegumento comum - Anatomia animalTegumento comum - Anatomia animal
Tegumento comum - Anatomia animal
Marília Gomes
 
Apresentação ossos da cabeça
Apresentação ossos da cabeça Apresentação ossos da cabeça
Apresentação ossos da cabeça
Med. Veterinária 2011
 
Aula 1 Anatomia - Osteologia veterinária
Aula 1 Anatomia - Osteologia veterináriaAula 1 Anatomia - Osteologia veterinária
Aula 1 Anatomia - Osteologia veterinária
Julia Berardo
 
Musculos do cão
Musculos do cãoMusculos do cão
Musculos do cão
Lisi Camana
 
Planos e eixos
Planos e eixosPlanos e eixos
Planos e eixos
Larissa Vaccarini Ávila
 
Sistema reprodutor feminino Animal
Sistema reprodutor feminino AnimalSistema reprodutor feminino Animal
Sistema reprodutor feminino Animal
Luísa Santana
 
Artrologia
ArtrologiaArtrologia
Topografia veterinária - tórax
Topografia veterinária - tóraxTopografia veterinária - tórax
Topografia veterinária - tórax
Marília Gomes
 
Anatomia dos animais de produção ii
Anatomia dos animais de produção iiAnatomia dos animais de produção ii
Anatomia dos animais de produção ii
Francismara Carreira
 
Aula 3 Anatomia - Pele e Anexos
Aula 3 Anatomia - Pele e Anexos Aula 3 Anatomia - Pele e Anexos
Aula 3 Anatomia - Pele e Anexos
Julia Berardo
 
Anatomia do sistema nervoso do equino
Anatomia do sistema nervoso do  equinoAnatomia do sistema nervoso do  equino
Anatomia do sistema nervoso do equino
Marília Gomes
 
Topografia veterinária - membros torácicos e pélvicos
Topografia veterinária - membros torácicos e pélvicosTopografia veterinária - membros torácicos e pélvicos
Topografia veterinária - membros torácicos e pélvicos
Marília Gomes
 
Sistema reprodutor - Anatomia veterinária
Sistema reprodutor - Anatomia veterináriaSistema reprodutor - Anatomia veterinária
Sistema reprodutor - Anatomia veterinária
Marília Gomes
 
Osteologia animal - anatomia animal I
Osteologia animal - anatomia animal IOsteologia animal - anatomia animal I
Osteologia animal - anatomia animal I
Marília Gomes
 
Topografia veterinária - pescoço e coluna vertebral
Topografia veterinária - pescoço e coluna vertebralTopografia veterinária - pescoço e coluna vertebral
Topografia veterinária - pescoço e coluna vertebral
Marília Gomes
 
Fisiologia do sistema nervoso - Anatomia e Funções
Fisiologia do sistema nervoso - Anatomia e FunçõesFisiologia do sistema nervoso - Anatomia e Funções
Fisiologia do sistema nervoso - Anatomia e Funções
Pedro Augusto
 

Mais procurados (20)

Artrologia e sindesmologia veterinária
Artrologia e sindesmologia veterináriaArtrologia e sindesmologia veterinária
Artrologia e sindesmologia veterinária
 
Sistema respiratório veterinária
Sistema respiratório veterináriaSistema respiratório veterinária
Sistema respiratório veterinária
 
Osteologia Veterinária
Osteologia VeterináriaOsteologia Veterinária
Osteologia Veterinária
 
Sistema urinário - Anatomia veterinária
Sistema urinário - Anatomia veterináriaSistema urinário - Anatomia veterinária
Sistema urinário - Anatomia veterinária
 
Tegumento comum - Anatomia animal
Tegumento comum - Anatomia animalTegumento comum - Anatomia animal
Tegumento comum - Anatomia animal
 
Apresentação ossos da cabeça
Apresentação ossos da cabeça Apresentação ossos da cabeça
Apresentação ossos da cabeça
 
Aula 1 Anatomia - Osteologia veterinária
Aula 1 Anatomia - Osteologia veterináriaAula 1 Anatomia - Osteologia veterinária
Aula 1 Anatomia - Osteologia veterinária
 
Musculos do cão
Musculos do cãoMusculos do cão
Musculos do cão
 
Planos e eixos
Planos e eixosPlanos e eixos
Planos e eixos
 
Sistema reprodutor feminino Animal
Sistema reprodutor feminino AnimalSistema reprodutor feminino Animal
Sistema reprodutor feminino Animal
 
Artrologia
ArtrologiaArtrologia
Artrologia
 
Topografia veterinária - tórax
Topografia veterinária - tóraxTopografia veterinária - tórax
Topografia veterinária - tórax
 
Anatomia dos animais de produção ii
Anatomia dos animais de produção iiAnatomia dos animais de produção ii
Anatomia dos animais de produção ii
 
Aula 3 Anatomia - Pele e Anexos
Aula 3 Anatomia - Pele e Anexos Aula 3 Anatomia - Pele e Anexos
Aula 3 Anatomia - Pele e Anexos
 
Anatomia do sistema nervoso do equino
Anatomia do sistema nervoso do  equinoAnatomia do sistema nervoso do  equino
Anatomia do sistema nervoso do equino
 
Topografia veterinária - membros torácicos e pélvicos
Topografia veterinária - membros torácicos e pélvicosTopografia veterinária - membros torácicos e pélvicos
Topografia veterinária - membros torácicos e pélvicos
 
Sistema reprodutor - Anatomia veterinária
Sistema reprodutor - Anatomia veterináriaSistema reprodutor - Anatomia veterinária
Sistema reprodutor - Anatomia veterinária
 
Osteologia animal - anatomia animal I
Osteologia animal - anatomia animal IOsteologia animal - anatomia animal I
Osteologia animal - anatomia animal I
 
Topografia veterinária - pescoço e coluna vertebral
Topografia veterinária - pescoço e coluna vertebralTopografia veterinária - pescoço e coluna vertebral
Topografia veterinária - pescoço e coluna vertebral
 
Fisiologia do sistema nervoso - Anatomia e Funções
Fisiologia do sistema nervoso - Anatomia e FunçõesFisiologia do sistema nervoso - Anatomia e Funções
Fisiologia do sistema nervoso - Anatomia e Funções
 

Destaque

Sistema articular
Sistema articularSistema articular
Sistema articular
Laercio Leao
 
Sistema articular
Sistema articularSistema articular
Sistema articular
marcossage
 
Summers Alunos
Summers AlunosSummers Alunos
Summers Alunos
adrianacarrazoni
 
Tecido ósseo
Tecido ósseo Tecido ósseo
Tecido ósseo
Raquelrenno
 
02 osteoma osteoide
02  osteoma osteoide02  osteoma osteoide
02 osteoma osteoide
dantonfabio
 
ClassificaçãO E Tipos De Implantes Alunos
ClassificaçãO E Tipos De Implantes AlunosClassificaçãO E Tipos De Implantes Alunos
ClassificaçãO E Tipos De Implantes Alunos
adrianacarrazoni
 
2ª aula slides sinais vitais
2ª aula slides   sinais vitais2ª aula slides   sinais vitais
2ª aula slides sinais vitais
Simone Alvarenga
 
Enxertos osseos abo 2013
Enxertos osseos abo 2013Enxertos osseos abo 2013
Enxertos osseos abo 2013
Bruna Sartori
 
Conceito de Saúde 2
Conceito de Saúde 2Conceito de Saúde 2
Conceito de Saúde 2
Rondinelli Salvador Silva
 
Cirurgia avançada em implantodontia ALTERNATIVAS CIRURGICAS PARA REABILITAÇÃO
Cirurgia avançada em implantodontia ALTERNATIVAS CIRURGICAS PARA REABILITAÇÃOCirurgia avançada em implantodontia ALTERNATIVAS CIRURGICAS PARA REABILITAÇÃO
Cirurgia avançada em implantodontia ALTERNATIVAS CIRURGICAS PARA REABILITAÇÃO
Alex Albanese
 
Princípios de Consolidação e Tratamento das Fraturas
Princípios de Consolidação e Tratamento das FraturasPrincípios de Consolidação e Tratamento das Fraturas
Princípios de Consolidação e Tratamento das Fraturas
Caio Gonçalves de Souza
 
Enxertos ósseos
Enxertos ósseosEnxertos ósseos
Biomateriais em implantodontia
Biomateriais em implantodontiaBiomateriais em implantodontia
Biomateriais em implantodontia
Camilla Bringel
 
Aula Saúde Mental
Aula Saúde MentalAula Saúde Mental
Aula Saúde Mental
Simone Elisa Heitor
 
Emoções, Sentimentos e Afectos
Emoções, Sentimentos e AfectosEmoções, Sentimentos e Afectos
Emoções, Sentimentos e Afectos
guested634f
 
Afetos, emoções e sentimentos
Afetos, emoções e sentimentosAfetos, emoções e sentimentos
Afetos, emoções e sentimentos
Clécio Doroteu
 

Destaque (16)

Sistema articular
Sistema articularSistema articular
Sistema articular
 
Sistema articular
Sistema articularSistema articular
Sistema articular
 
Summers Alunos
Summers AlunosSummers Alunos
Summers Alunos
 
Tecido ósseo
Tecido ósseo Tecido ósseo
Tecido ósseo
 
02 osteoma osteoide
02  osteoma osteoide02  osteoma osteoide
02 osteoma osteoide
 
ClassificaçãO E Tipos De Implantes Alunos
ClassificaçãO E Tipos De Implantes AlunosClassificaçãO E Tipos De Implantes Alunos
ClassificaçãO E Tipos De Implantes Alunos
 
2ª aula slides sinais vitais
2ª aula slides   sinais vitais2ª aula slides   sinais vitais
2ª aula slides sinais vitais
 
Enxertos osseos abo 2013
Enxertos osseos abo 2013Enxertos osseos abo 2013
Enxertos osseos abo 2013
 
Conceito de Saúde 2
Conceito de Saúde 2Conceito de Saúde 2
Conceito de Saúde 2
 
Cirurgia avançada em implantodontia ALTERNATIVAS CIRURGICAS PARA REABILITAÇÃO
Cirurgia avançada em implantodontia ALTERNATIVAS CIRURGICAS PARA REABILITAÇÃOCirurgia avançada em implantodontia ALTERNATIVAS CIRURGICAS PARA REABILITAÇÃO
Cirurgia avançada em implantodontia ALTERNATIVAS CIRURGICAS PARA REABILITAÇÃO
 
Princípios de Consolidação e Tratamento das Fraturas
Princípios de Consolidação e Tratamento das FraturasPrincípios de Consolidação e Tratamento das Fraturas
Princípios de Consolidação e Tratamento das Fraturas
 
Enxertos ósseos
Enxertos ósseosEnxertos ósseos
Enxertos ósseos
 
Biomateriais em implantodontia
Biomateriais em implantodontiaBiomateriais em implantodontia
Biomateriais em implantodontia
 
Aula Saúde Mental
Aula Saúde MentalAula Saúde Mental
Aula Saúde Mental
 
Emoções, Sentimentos e Afectos
Emoções, Sentimentos e AfectosEmoções, Sentimentos e Afectos
Emoções, Sentimentos e Afectos
 
Afetos, emoções e sentimentos
Afetos, emoções e sentimentosAfetos, emoções e sentimentos
Afetos, emoções e sentimentos
 

Semelhante a Sistema Articular (Anatomia Veterinária)

Articulacoes cinesiologia
Articulacoes  cinesiologiaArticulacoes  cinesiologia
Articulacoes cinesiologia
Laine Costa
 
Aula 002 ArticulaçõEs
Aula 002   ArticulaçõEsAula 002   ArticulaçõEs
Aula 002 ArticulaçõEs
Tiago Domingos
 
Artrologia
ArtrologiaArtrologia
Artrologia
Hugo Pedrosa
 
Aulaarticulaes paraenvio
Aulaarticulaes paraenvioAulaarticulaes paraenvio
Aulaarticulaes paraenvio
Odonto ufrj
 
Sistema Articular
Sistema ArticularSistema Articular
Sistema Articular
VitoriaBarreto7
 
Sistema óSseo
Sistema óSseoSistema óSseo
Sistema óSseo
Eduardo Gomes da Silva
 
ARTROLOGIA NOVO.ppt
ARTROLOGIA NOVO.pptARTROLOGIA NOVO.ppt
ARTROLOGIA NOVO.ppt
IgorMartinsMartins
 
Aparelho Locomotor Sistema Articular.ppt
Aparelho Locomotor Sistema Articular.pptAparelho Locomotor Sistema Articular.ppt
Aparelho Locomotor Sistema Articular.ppt
AndiryLeiteGuedes
 
Apostila Sistema Articular - Junturas
Apostila  Sistema Articular - JunturasApostila  Sistema Articular - Junturas
Apostila Sistema Articular - Junturas
Dan Moreyra
 
Artrologia
ArtrologiaArtrologia
Artrologia
LarissaComparini
 
Aula Articulações.ppt
Aula Articulações.pptAula Articulações.ppt
Aula Articulações.ppt
FlorDELiz60
 
Sistema articular aula 4 (1).pdf articulações e junturas
Sistema articular aula 4 (1).pdf articulações e junturasSistema articular aula 4 (1).pdf articulações e junturas
Sistema articular aula 4 (1).pdf articulações e junturas
rfmbrandao
 
Sistema articular aula 4 (1).pdf
Sistema articular aula 4 (1).pdfSistema articular aula 4 (1).pdf
Sistema articular aula 4 (1).pdf
glendaregosoares2
 
Artrologia - Anatomia humana
Artrologia - Anatomia humana Artrologia - Anatomia humana
Artrologia - Anatomia humana
Marília Gomes
 
Artrologia.pptx
Artrologia.pptxArtrologia.pptx
Artrologia.pptx
ssuser45a5cd
 
Aula 03 sistema articular
Aula 03   sistema articularAula 03   sistema articular
Aula 03 sistema articular
Felipe Beijamini
 
Sistema articular
Sistema articularSistema articular
Sistema articular
Laercio Leao
 
Sistema esquelético e tegumentar
Sistema esquelético e tegumentarSistema esquelético e tegumentar
Sistema esquelético e tegumentar
Ana Carolina Andrade
 
ANATOMIA - SISTEMA ARTICULAR-1 (2).ppt
ANATOMIA - SISTEMA ARTICULAR-1 (2).pptANATOMIA - SISTEMA ARTICULAR-1 (2).ppt
ANATOMIA - SISTEMA ARTICULAR-1 (2).ppt
RAFAELVALENZUELA44
 
Articulacoes
ArticulacoesArticulacoes
Articulacoes
Kelly Crystine
 

Semelhante a Sistema Articular (Anatomia Veterinária) (20)

Articulacoes cinesiologia
Articulacoes  cinesiologiaArticulacoes  cinesiologia
Articulacoes cinesiologia
 
Aula 002 ArticulaçõEs
Aula 002   ArticulaçõEsAula 002   ArticulaçõEs
Aula 002 ArticulaçõEs
 
Artrologia
ArtrologiaArtrologia
Artrologia
 
Aulaarticulaes paraenvio
Aulaarticulaes paraenvioAulaarticulaes paraenvio
Aulaarticulaes paraenvio
 
Sistema Articular
Sistema ArticularSistema Articular
Sistema Articular
 
Sistema óSseo
Sistema óSseoSistema óSseo
Sistema óSseo
 
ARTROLOGIA NOVO.ppt
ARTROLOGIA NOVO.pptARTROLOGIA NOVO.ppt
ARTROLOGIA NOVO.ppt
 
Aparelho Locomotor Sistema Articular.ppt
Aparelho Locomotor Sistema Articular.pptAparelho Locomotor Sistema Articular.ppt
Aparelho Locomotor Sistema Articular.ppt
 
Apostila Sistema Articular - Junturas
Apostila  Sistema Articular - JunturasApostila  Sistema Articular - Junturas
Apostila Sistema Articular - Junturas
 
Artrologia
ArtrologiaArtrologia
Artrologia
 
Aula Articulações.ppt
Aula Articulações.pptAula Articulações.ppt
Aula Articulações.ppt
 
Sistema articular aula 4 (1).pdf articulações e junturas
Sistema articular aula 4 (1).pdf articulações e junturasSistema articular aula 4 (1).pdf articulações e junturas
Sistema articular aula 4 (1).pdf articulações e junturas
 
Sistema articular aula 4 (1).pdf
Sistema articular aula 4 (1).pdfSistema articular aula 4 (1).pdf
Sistema articular aula 4 (1).pdf
 
Artrologia - Anatomia humana
Artrologia - Anatomia humana Artrologia - Anatomia humana
Artrologia - Anatomia humana
 
Artrologia.pptx
Artrologia.pptxArtrologia.pptx
Artrologia.pptx
 
Aula 03 sistema articular
Aula 03   sistema articularAula 03   sistema articular
Aula 03 sistema articular
 
Sistema articular
Sistema articularSistema articular
Sistema articular
 
Sistema esquelético e tegumentar
Sistema esquelético e tegumentarSistema esquelético e tegumentar
Sistema esquelético e tegumentar
 
ANATOMIA - SISTEMA ARTICULAR-1 (2).ppt
ANATOMIA - SISTEMA ARTICULAR-1 (2).pptANATOMIA - SISTEMA ARTICULAR-1 (2).ppt
ANATOMIA - SISTEMA ARTICULAR-1 (2).ppt
 
Articulacoes
ArticulacoesArticulacoes
Articulacoes
 

Último

1_10_06_2024_Criança e Cultura Escrita, Ana Maria de Oliveira Galvão.pdf
1_10_06_2024_Criança e Cultura Escrita, Ana Maria de Oliveira Galvão.pdf1_10_06_2024_Criança e Cultura Escrita, Ana Maria de Oliveira Galvão.pdf
1_10_06_2024_Criança e Cultura Escrita, Ana Maria de Oliveira Galvão.pdf
SILVIAREGINANAZARECA
 
- TEMPLATE DA PRATICA - Psicomotricidade.pptx
- TEMPLATE DA PRATICA - Psicomotricidade.pptx- TEMPLATE DA PRATICA - Psicomotricidade.pptx
- TEMPLATE DA PRATICA - Psicomotricidade.pptx
LucianaCristina58
 
slides de Didática 2.pdf para apresentar
slides de Didática 2.pdf para apresentarslides de Didática 2.pdf para apresentar
slides de Didática 2.pdf para apresentar
JoeteCarvalho
 
UFCD_3546_Prevenção e primeiros socorros_geriatria.pdf
UFCD_3546_Prevenção e primeiros socorros_geriatria.pdfUFCD_3546_Prevenção e primeiros socorros_geriatria.pdf
UFCD_3546_Prevenção e primeiros socorros_geriatria.pdf
Manuais Formação
 
Atividade letra da música - Espalhe Amor, Anavitória.
Atividade letra da música - Espalhe  Amor, Anavitória.Atividade letra da música - Espalhe  Amor, Anavitória.
Atividade letra da música - Espalhe Amor, Anavitória.
Mary Alvarenga
 
UFCD_10145_Enquadramento do setor farmacêutico_indice.pdf
UFCD_10145_Enquadramento do setor farmacêutico_indice.pdfUFCD_10145_Enquadramento do setor farmacêutico_indice.pdf
UFCD_10145_Enquadramento do setor farmacêutico_indice.pdf
Manuais Formação
 
A SOCIOLOGIA E O TRABALHO: ANÁLISES E VIVÊNCIAS
A SOCIOLOGIA E O TRABALHO: ANÁLISES E VIVÊNCIASA SOCIOLOGIA E O TRABALHO: ANÁLISES E VIVÊNCIAS
A SOCIOLOGIA E O TRABALHO: ANÁLISES E VIVÊNCIAS
HisrelBlog
 
Leonardo da Vinci .pptx
Leonardo da Vinci                  .pptxLeonardo da Vinci                  .pptx
Leonardo da Vinci .pptx
TomasSousa7
 
Reino-Vegetal plantas e demais conceitos .pptx
Reino-Vegetal plantas e demais conceitos .pptxReino-Vegetal plantas e demais conceitos .pptx
Reino-Vegetal plantas e demais conceitos .pptx
CarinaSantos916505
 
Potenciação e Radiciação de Números Racionais
Potenciação e Radiciação de Números RacionaisPotenciação e Radiciação de Números Racionais
Potenciação e Radiciação de Números Racionais
wagnermorais28
 
Slides Lição 11, CPAD, A Realidade Bíblica do Inferno, 2Tr24.pptx
Slides Lição 11, CPAD, A Realidade Bíblica do Inferno, 2Tr24.pptxSlides Lição 11, CPAD, A Realidade Bíblica do Inferno, 2Tr24.pptx
Slides Lição 11, CPAD, A Realidade Bíblica do Inferno, 2Tr24.pptx
LuizHenriquedeAlmeid6
 
Vogais Ilustrados para alfabetização infantil
Vogais Ilustrados para alfabetização infantilVogais Ilustrados para alfabetização infantil
Vogais Ilustrados para alfabetização infantil
mamaeieby
 
GÊNERO TEXTUAL - POEMA.pptx
GÊNERO      TEXTUAL     -     POEMA.pptxGÊNERO      TEXTUAL     -     POEMA.pptx
GÊNERO TEXTUAL - POEMA.pptx
Marlene Cunhada
 
cronograma-enem-2024-planejativo-estudos.pdf
cronograma-enem-2024-planejativo-estudos.pdfcronograma-enem-2024-planejativo-estudos.pdf
cronograma-enem-2024-planejativo-estudos.pdf
todorokillmepls
 
Cartinhas de solidariedade e esperança.pptx
Cartinhas de solidariedade e esperança.pptxCartinhas de solidariedade e esperança.pptx
Cartinhas de solidariedade e esperança.pptx
Zenir Carmen Bez Trombeta
 
Dicas de normas ABNT para trabalho de conclusão de curso
Dicas de normas ABNT para trabalho de conclusão de cursoDicas de normas ABNT para trabalho de conclusão de curso
Dicas de normas ABNT para trabalho de conclusão de curso
Simone399395
 
O Mito da Caverna de Platão_ Uma Jornada em Busca da Verdade.pdf
O Mito da Caverna de Platão_ Uma Jornada em Busca da Verdade.pdfO Mito da Caverna de Platão_ Uma Jornada em Busca da Verdade.pdf
O Mito da Caverna de Platão_ Uma Jornada em Busca da Verdade.pdf
silvamelosilva300
 
1ª LEI DE OHN, CARACTERISTICAS IMPORTANTES.
1ª LEI DE OHN, CARACTERISTICAS IMPORTANTES.1ª LEI DE OHN, CARACTERISTICAS IMPORTANTES.
1ª LEI DE OHN, CARACTERISTICAS IMPORTANTES.
LeticiaRochaCupaiol
 
Educação trabalho HQ em sala de aula uma excelente ideia
Educação  trabalho HQ em sala de aula uma excelente  ideiaEducação  trabalho HQ em sala de aula uma excelente  ideia
Educação trabalho HQ em sala de aula uma excelente ideia
joseanesouza36
 
Livro: Pedagogia do Oprimido - Paulo Freire
Livro: Pedagogia do Oprimido - Paulo FreireLivro: Pedagogia do Oprimido - Paulo Freire
Livro: Pedagogia do Oprimido - Paulo Freire
WelberMerlinCardoso
 

Último (20)

1_10_06_2024_Criança e Cultura Escrita, Ana Maria de Oliveira Galvão.pdf
1_10_06_2024_Criança e Cultura Escrita, Ana Maria de Oliveira Galvão.pdf1_10_06_2024_Criança e Cultura Escrita, Ana Maria de Oliveira Galvão.pdf
1_10_06_2024_Criança e Cultura Escrita, Ana Maria de Oliveira Galvão.pdf
 
- TEMPLATE DA PRATICA - Psicomotricidade.pptx
- TEMPLATE DA PRATICA - Psicomotricidade.pptx- TEMPLATE DA PRATICA - Psicomotricidade.pptx
- TEMPLATE DA PRATICA - Psicomotricidade.pptx
 
slides de Didática 2.pdf para apresentar
slides de Didática 2.pdf para apresentarslides de Didática 2.pdf para apresentar
slides de Didática 2.pdf para apresentar
 
UFCD_3546_Prevenção e primeiros socorros_geriatria.pdf
UFCD_3546_Prevenção e primeiros socorros_geriatria.pdfUFCD_3546_Prevenção e primeiros socorros_geriatria.pdf
UFCD_3546_Prevenção e primeiros socorros_geriatria.pdf
 
Atividade letra da música - Espalhe Amor, Anavitória.
Atividade letra da música - Espalhe  Amor, Anavitória.Atividade letra da música - Espalhe  Amor, Anavitória.
Atividade letra da música - Espalhe Amor, Anavitória.
 
UFCD_10145_Enquadramento do setor farmacêutico_indice.pdf
UFCD_10145_Enquadramento do setor farmacêutico_indice.pdfUFCD_10145_Enquadramento do setor farmacêutico_indice.pdf
UFCD_10145_Enquadramento do setor farmacêutico_indice.pdf
 
A SOCIOLOGIA E O TRABALHO: ANÁLISES E VIVÊNCIAS
A SOCIOLOGIA E O TRABALHO: ANÁLISES E VIVÊNCIASA SOCIOLOGIA E O TRABALHO: ANÁLISES E VIVÊNCIAS
A SOCIOLOGIA E O TRABALHO: ANÁLISES E VIVÊNCIAS
 
Leonardo da Vinci .pptx
Leonardo da Vinci                  .pptxLeonardo da Vinci                  .pptx
Leonardo da Vinci .pptx
 
Reino-Vegetal plantas e demais conceitos .pptx
Reino-Vegetal plantas e demais conceitos .pptxReino-Vegetal plantas e demais conceitos .pptx
Reino-Vegetal plantas e demais conceitos .pptx
 
Potenciação e Radiciação de Números Racionais
Potenciação e Radiciação de Números RacionaisPotenciação e Radiciação de Números Racionais
Potenciação e Radiciação de Números Racionais
 
Slides Lição 11, CPAD, A Realidade Bíblica do Inferno, 2Tr24.pptx
Slides Lição 11, CPAD, A Realidade Bíblica do Inferno, 2Tr24.pptxSlides Lição 11, CPAD, A Realidade Bíblica do Inferno, 2Tr24.pptx
Slides Lição 11, CPAD, A Realidade Bíblica do Inferno, 2Tr24.pptx
 
Vogais Ilustrados para alfabetização infantil
Vogais Ilustrados para alfabetização infantilVogais Ilustrados para alfabetização infantil
Vogais Ilustrados para alfabetização infantil
 
GÊNERO TEXTUAL - POEMA.pptx
GÊNERO      TEXTUAL     -     POEMA.pptxGÊNERO      TEXTUAL     -     POEMA.pptx
GÊNERO TEXTUAL - POEMA.pptx
 
cronograma-enem-2024-planejativo-estudos.pdf
cronograma-enem-2024-planejativo-estudos.pdfcronograma-enem-2024-planejativo-estudos.pdf
cronograma-enem-2024-planejativo-estudos.pdf
 
Cartinhas de solidariedade e esperança.pptx
Cartinhas de solidariedade e esperança.pptxCartinhas de solidariedade e esperança.pptx
Cartinhas de solidariedade e esperança.pptx
 
Dicas de normas ABNT para trabalho de conclusão de curso
Dicas de normas ABNT para trabalho de conclusão de cursoDicas de normas ABNT para trabalho de conclusão de curso
Dicas de normas ABNT para trabalho de conclusão de curso
 
O Mito da Caverna de Platão_ Uma Jornada em Busca da Verdade.pdf
O Mito da Caverna de Platão_ Uma Jornada em Busca da Verdade.pdfO Mito da Caverna de Platão_ Uma Jornada em Busca da Verdade.pdf
O Mito da Caverna de Platão_ Uma Jornada em Busca da Verdade.pdf
 
1ª LEI DE OHN, CARACTERISTICAS IMPORTANTES.
1ª LEI DE OHN, CARACTERISTICAS IMPORTANTES.1ª LEI DE OHN, CARACTERISTICAS IMPORTANTES.
1ª LEI DE OHN, CARACTERISTICAS IMPORTANTES.
 
Educação trabalho HQ em sala de aula uma excelente ideia
Educação  trabalho HQ em sala de aula uma excelente  ideiaEducação  trabalho HQ em sala de aula uma excelente  ideia
Educação trabalho HQ em sala de aula uma excelente ideia
 
Livro: Pedagogia do Oprimido - Paulo Freire
Livro: Pedagogia do Oprimido - Paulo FreireLivro: Pedagogia do Oprimido - Paulo Freire
Livro: Pedagogia do Oprimido - Paulo Freire
 

Sistema Articular (Anatomia Veterinária)

  • 1. ANATOMIA DESCRITIVA ANIMAL I PERÍODO 2011/1
  • 2. VICENTE DE PAULA FERNANDES NETO MÉDICO VETERINÁRIO ÁREAS DE ATUAÇÃO: FISIOLOGIA REPRODUÇÃO ANIMAL MESTRANDO PELO PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM CIÊNCIA ANIMAL/CCA/UFPI BOLSISTA DO PROGRAMA DE AUXÍLIO DOCENTE DO REUNI DISCIPLINA: ANATOMIA DESCRITIVA ANIMAL I vtefernandes@hotmail.com
  • 3. ARTROLOGIA/SINDESMOLOGIA  Grego: Arthron = juntura  Latim: Articulatio = articulação, juntura  Grego: syndeo = ligar; syndesmos = ligamento
  • 4. FUNÇÕES DAS ARTICULAÇÕES  Proteção  Inserções  Alavancas  Locomoção  Angulação, Torção ou Deslocamento
  • 5. CLASSIFICAÇÃO  QUANTO AO MEIO DE UNIÃO:  QUANTO À RELAÇÃO DO OSSOS:  Articulações Fibrosas  Por Continuidade  Articulações Cartilaginosas  Por Contigüidade  Articulações Sinoviais (Próxima Aula)
  • 6. Articulação Articulação Fibrosa Sinovial Articulação Cartilagínea
  • 7.
  • 8. ARTICULAÇÕES FIBROSAS  Unidas por tecido fibroso  Não apresentam cavidade articular  Temporária: SINOSTOSE  Tipos:  Sindesmose  Gonfose  Sutura
  • 9. TIPOS DE ARTICULAÇÕES FIBROSAS SINDESMOSE:  As peças ósseas encontram-se à distância  Grande quantidade de tecido conjuntivo formando ligamentos ou mebranas (Tec. Fibroso Branco e/ou Tec. Elástico)  Ex:  Entre as diáfises do rádio e da ulna do cão  Entre os processos espinhosos das vértebras
  • 11. TIPOS DE ARTICULAÇÕES FIBROSAS GONFOSE:  Pouquíssimo tecido  Articulação de pino e encaixe  Dentes e alvéolos dentários
  • 12. TIPOS DE ARTICULAÇÕES FIBROSAS SUTURA:  Os ossos que se unem encontram-se próximos  A maioria encontra-se na cabeça  Tem pouco tecido conjuntivo
  • 13. TIPOS DE SUTURAS SERREADA OU SERRÁTIL:  Bordas (dentículos) que se engrenam.  Ex: Sutura interfrontal ou interparietal
  • 14. TIPOS DE SUTURAS ESCAMOSA:  Bordas em forma de bisel, ficando superpostas  Ex: Entre Porção escamosa do temporal e o Parietal
  • 16. TIPOS DE SUTURAS PLANA:  Margens ósseas planas e lisas, ou levemente enrugadas  Ex: Sutura internasal
  • 17. TIPOS DE SUTURAS FOLHEADA:  Margens que se engrenam como folhas de 2 livros.  Ex: Entre o nasal e frontal do suíno
  • 18. ARTICULAÇÕES CARTILAGINOSAS  União por fibrocartilagem e/ou cartilagem hialina  Tipos:  Sincondrose  Sínfise
  • 19. TIPOS DE ARTICULAÇÕES CARTILAGINOSAS SINCONDROSE:  União por cartilagem hialina (SINOSTOSE)  Porção persistente de esqueleto cartilaginoso do embrião  Desaparece antes da idade adulta (temporária)  Tipos:  Intra-óssea (Epífise e diáfise de um osso longo)  Inter-óssea (unem ossos diferentes)
  • 21. TIPOS DE ARTICULAÇÕES CARTILAGINOSAS SÍNFISE:  Articulação fibrocartilagínea, na qual é permitido pequeno grau de movimento.
  • 22.
  • 23. ARTICULAÇÕES SINOVIAIS  CONCEITO  CARACTERÍSTICAS  Não tendem a SINOSTOSE  Apresentam cavidade articular delimitada por uma membrana sinovial
  • 24. ARTICULAÇÕES SINOVIAIS ELEMENTOS OBRIGATÓRIOS  SUPERFÍCIES ARTICULARES  CARTILAGENS ARTICULARES  CÁPSULA ARTICULAR  SINÓVIA  CAVIDADE ARTICULAR
  • 25. ARTICULAÇÕES SINOVIAIS ELEMENTOS OBRIGATÓRIOS  SUPERFÍCIE ARTICULAR  Superfície do osso que se articula  Recoberta por cartilagem articular  CARTILAGENS ARTICULARES  Constituídas de cartilagem hialina  Baixo atrito  Não apresentam inervação e vascularização  Nutridas pela sinóvia
  • 27. ARTICULAÇÕES SINOVIAIS ELEMENTOS OBRIGATÓRIOS  CÁPSULA ARTICULAR  Envolve a articulação  Possui uma MEMBRANA FIBROSA e uma MEMBRANA SINOVIAL  Membrana Fibrosa (Folheto Externo)  Tecido conjuntivo fibroso rico em fibras colágenas (esbranquiçado) e fibras elásticas que, por espessamento, formam os ligamentos capsulares
  • 28. ARTICULAÇÕES SINOVIAIS ELEMENTOS OBRIGATÓRIOS  Membrana Sinovial (Folheto Interno)  Tecido vascularizado responsável pela produção de sinóvia  Possui vilosidades  Reveste todo o interior das articulação sinovial, exceto a cartilagem articular e as superfícies de contato das lâminas fibrocartilagíneas.
  • 31. ARTICULAÇÕES SINOVIAIS ELEMENTOS OBRIGATÓRIOS  LÍQUIDO SINOVIAL  Encontrado nas cavidades articulares, bolsas sinoviais e bainhas sinoviais  CARACTERÍSTICAS  Claro ou Amarelo Palha  Viscoso (semelhante à clara de ovo)  pH levemente alcalino  FUNÇÕES  Nutrição da cartilagem articular  Lubrificação
  • 34. ARTICULAÇÕES SINOVIAIS ELEMENTOS ANEXOS  LIGAMENTOS  FORMAÇÕES FIBROCARTILAGÍNEAS  Lábios Articulares  Discos Articulares  Meniscos Articulares  CORPO ADIPOSO
  • 35. ARTICULAÇÕES SINOVIAIS ELEMENTOS ANEXOS  LIGAMENTO  É uma fita ou um cordão, que une dois ou mais ossos. Une os ossos em pontos estratégicos  TIPOS  Ligamentos capsulares  Ligamentos Extracapsulares  Ligamentos Intracapsulares
  • 36. ARTICULAÇÕES SINOVIAIS LIGAMENTO CAPSULAR
  • 37. ARTICULAÇÕES SINOVIAIS LIGAMENTO EXTRACAPSULAR
  • 38. ARTICULAÇÕES SINOVIAIS LIGAMENTO INTRACAPSULAR
  • 39. ARTICULAÇÕES SINOVIAIS ELEMENTOS ANEXOS  FORMAÇÕES FIBROCARTILAGÍNEAS  Lábios Articulares (Orlas Articulares)  Prolongamentos das cartilagens articulares  Ampliação da capacidade de recepção
  • 41. ARTICULAÇÕES SINOVIAIS ELEMENTOS ANEXOS  Discos  Dividem a cavidade articular em dois compartimentos  Ex: articulação temporomandibular  Meniscos  São semilunares. Não dividem a articulação em duas mas tornam uma articulação incongruente em uma congruente, atuando também como amortecedor  Ex: articulação do joelho
  • 42. ARTICULAÇÕES SINOVIAIS DISCO ARTICULAR
  • 43. ARTICULAÇÕES SINOVIAIS DISCO ARTICULAR
  • 44. ARTICULAÇÕES SINOVIAIS MENISCO ARTICULAR
  • 45. CLASSIFICAÇÃO DAS ARTICULAÇÕES SINOVIAIS 1 – QUANTO AO NÚMERO DE OSSOS QUE A CONSTITUEM: A.1. SIMPLES A.2. COMPOSTA 2 - QUANTO A "LIBERDADE" DOS MOVIMENTOS 2.1. DEPENDENTES 2.2. INDEPENDENTES
  • 46. MOVIMENTOS ARTICULARES A) Flexão -eixo latero-lateral B) Extensão -eixo latero-lateral C) Adução - eixo cranio-caudal D) Abdução - eixo cranio-caudal E) Rotação - movimento em que o segmento gira em torno de um eixo longitudinal. F) Translação – movimento de deslizamento – sem eixo definido G) Circundação = A+B+C+D
  • 47.
  • 48. GATO
  • 49.
  • 50.
  • 51. CLASSIFICAÇÃO QUANTO A FORMA DAS SUPERFÍCIES ARTICULARES ARTICULAÇÃO PLANA - SUPERFÍCIES ARTICULARES RAZOAVELMENTE PLANAS. EX.: Articulação entre os ossos carpianos e articulações dos processos articulares das vértebras.
  • 52. ARTICULAÇÃO PLANA
  • 53.
  • 54. ARTICULAÇÃO GÍNGLIMO - DOBRADIÇA RESTRINGE OS MOVIMENTOS DE FLEXÃO E EXTENSÃO. EX.: Articulação Do Cotovelo E Articulação Metacarpofalângica
  • 56.
  • 57. ARTICULAÇÃO TROCÓIDEA/EM PIVÔ - SEGMENTOS DE CILINDRO SENDO UM CHEIO QUE SE ALOJA NO OUTRO ESCAVADO EX.: articulação atlantoaxial.
  • 58.
  • 59. ARTICULAÇÃO CONDILAR – PROEMINÊNCIAS ARREDONDADAS OU CÔNDILOS QUE SE ENCAIXA NUMA DEPRESSÃO RECÍPROCA OU CÔNDILOS DO OSSO ADJACENTE EX.: Articulação temporomandibular e a articulação do joelho.
  • 61. ARTICULAÇÃO SELAR - CADA SUPERFÍCIE É CONVEXA NUMA DIREÇÃO E CÔNCAVA NA OUTRA. EX: Articulação interfalângica no cão
  • 62.
  • 63. ARTICULAÇÃO ELIPSÓIDEA - SEGMENTOS MENORES QUE MEIA ESFERA, DE UM LADO CHEIO E DO OUTRO ESCAVADO. EX.: Articulação atlantooccipital e articulação do ombro.
  • 65.
  • 66. ARTICULAÇÃO ESFERÓIDEA - SEGMENTOS MAIORES QUE MEIA ESFERA, DE UM LADO CHEIO E DO OUTRO ESCAVADO. EX: Articulação do quadril (coxofemoral)
  • 68.
  • 69. CLASSIFICAÇÃO QUANTO AO NÚMERO DE EIXOS MONOAXIAL (articulação uniaxial) EIXO LONGITUDINAL OU EIXO LATERO-LATERAL BIAXIAL A - EIXO LATERO-LATERAL B - EIXO CRANIO-CAUDAL TRIAXIAL A – EIXO LONGITUDINAL B – EIXO LATERO-LATERAL C – EIXO CRANIO-CAUDAL