SlideShare uma empresa Scribd logo
PARANÁ CENTRO ON-LINE: UM SISTEMA
INFORMATIZADO NO AUXÍLIO DE GESTÃO DE NOTÍCIAS
                   NA WEB

                                                                Marcelo Weihmayr da Silva
                                                                    Onivaldo Flores Júnior


                                        RESUMO

O uso da internet tornou-se, hoje, essencial para o levantamento e aperfeiçoamento de
informações por seus usuários. Sendo assim, as empresas se atualizam através de novos
recursos, através de projetos, que possibilitam a gestão de notícias na web. O Jornal Paraná
Centro, do município de Ivaiporã, criou, em 2004, o seu primeiro site que sofreu diversas
modificações com o tempo, mas não conseguiu deixar de apresentar falhas, que dificultam o
trabalho no momento de atualizações, prejudicando, conseqüentemente, o processo de
divulgação das informações. Logo, este artigo apresenta os resultados parciais de uma
pesquisa que visa ao desenvolvimento de um novo modelo de site de informações noticiarias
para a empresa Jornal Paraná Centro. Trata-se de um sistema de gerenciamento de notícias,
vídeos e fotos, que visa à melhoria nas atualizações de informações via internet, permitindo
transmiti-las à sociedade de forma ágil e precisa, contribuindo, assim, com o crescimento
social e político da região e para a melhoria do sistema administrativo. Assim, visitou-se e
estudou-se a empresa, demarcando os atuais problemas relacionados ao site e trazendo
algumas sugestões de melhoria, a fim de possibilitar o futuro desenvolvimento do site. Os
resultados demonstram a necessidade da criação de um sistema mais eficaz para as
atualizações, pois todos os dias um colaborador faz uma atualização. Isso poderia ser feito
uma única vez, durante a atualização geral do site, que é feita aos domingos, com um sistema
que pudesse programar a entrada da matéria no site, assim durante a semana o colaborador
poderia se empenhar em outros serviços da empresa.


Palavras-chave: Internet; Gestão de Notícias; Paraná Centro On-line.
XXVIII SEMAD 2008 – SEMANA DO ADMINISTRADOR/UEM – 30/09 a 03/10/2008 – Maringá/PR




1 INTRODUÇÃO

            As evoluções tecnológicas vividas por nossa sociedade nos últimos anos têm
evidenciado o valor da informação e provocado a utilização crescente de computadores e da
internet, que trouxe consigo o aumento na quantidade de conteúdo e diversas melhorias no
ambiente visual, possibilitando uma maior facilidade de acesso para os usuários. Esses
aspectos, considerados positivos no âmbito social, decorreram da necessidade que os usuários
tinham de uma navegação mais ágil, interativa e segura. Com todas essas melhoras ocorridas,
os usuários, necessitam de atualização, buscando informação e conhecimento, através da
internet. Diante disso, observa-se que as empresas buscam a melhorias e novos recursos, por
meio de projetos.
            Foi com esse pensamento que o “Jornal Paraná Centro”, do município de Ivaiporã-
PR, resolveu criar um site de informações noticiarias, para que as notícias que antes
circulavam apenas na versão impressa, circulassem também na web. Percebe-se que a versão
impressa é limitada para apenas alguns municípios e a adesão de um meio de informação on-
line possibilita a ampliação do jornalismo para além das fronteiras regionais, por isso,
ressalta-se a importância desse avanço. O modelo de site empregado atualmente pelo jornal
apresenta falhas que dificultam o trabalho no momento de atualizações, prejudicando,
conseqüentemente, o processo de divulgação das informações.
            Desta forma, este artigo apresenta os resultados parciais de uma pesquisa que visa
ao desenvolvimento de um novo modelo de site de informações noticiarias para a empresa
Jornal Paraná Centro. Trata-se de um sistema de gerenciamento de notícias, vídeos e fotos,
que visa à melhoria nas atualizações de informações via internet, permitindo transmiti-las à
sociedade de forma ágil e precisa, contribuindo, assim, com o crescimento social e político da
região. Assim, visitou-se e estudou-se a empresa, demarcando os atuais problemas
relacionados ao site e trazendo algumas propostas de melhoria, a fim de possibilitar o futuro
desenvolvimento do site. Para atingir tal objetivo, faz-se necessário considerar os aspectos
teóricos demarcados pela Administração, com fundamentos na análise de sistema,
demarcando suas funções, como a definição de sistema e as linguagens de programação, que
possibilitam o desenvolvimento e a efetivação da pesquisa.


2 REVISÃO BIBLIOGRÁFICA

2.1 DEFINIÇÕES DE SISTEMA

            Pode-se considerar que todo sistema é constituído por vários subsistemas,
trabalhando em conjunto, com o intuito de agrupar dados que são processados separadamente
e criando informações completas sobre diversas áreas. Deve-se levar em consideração que um
sistema independe da informática, podendo ser desde um processo manual de alocação de
dados, como por exemplo, um arquivo com fichas de clientes, até um sistema informatizado.
Sendo assim, entende-se que:

                       Um sistema pode compor-se sucessivamente, de subsistemas (também
                       conjunto de partes interdependentes) que se relaciona entre si, compondo o
                       sistema maior. Assim um organismo humano pode ser decomposto no
                       sistema ósseo, sistema nervoso, sistema circulatório etc. (BIO, 1985, p. 18).

            Observa-se que o sistema é concebido, de forma geral, como “um conjunto de
partes interagentes e interdependentes que, conjuntamente, formam um todo (OLIVEIRA,


                                                2
XXVIII SEMAD 2008 – SEMANA DO ADMINISTRADOR/UEM – 30/09 a 03/10/2008 – Maringá/PR




1998, p. 23), sendo que, esse “todo apresenta propriedades que não são encontrados em
nenhum dos elementos isolados” (CHIAVENATO, 1993, p. 481).
           Dessa forma torna-se possível compreender que todo sistema é definido com um
conjunto de subsistemas que trabalhando unidas geram as informações necessárias. Dando
continuidade no embasamento teórico do presente trabalho, faz-se necessário entender
também um pouco do que diz respeito à informação e o que há envolve.


2.2 DEFINIÇÕES DE INFORMAÇÃO

             Conforme Oliveira (1998), o propósito básico da informação é o de habilitar a
empresa a alcançar seus objetivos pelo uso eficiente dos recursos disponíveis, nos quais se
inserem pessoas, materiais, equipamentos, tecnologia, dinheiro, além da própria informação.
Nesse sentido, a teoria da informação considera os problemas e as adequações do seu uso
eficiente, eficaz e efetivo pelos executivos da empresa.

                       Informação é o produto da análise dos dados existentes na empresa,
                       devidamente registrados, classificados, organizados, relacionados e
                       interpretados dentro de um contexto para transmitir conhecimento e permitir
                       a tomada de decisão de forma otimizada (OLIVEIRA, 1998, p. 36).

            Oliveira (1998) na sua concepção considera ainda que a informação é um recurso
imprescindível para uma empresa, mas para um bom aproveito das vantagens da informação,
ela precisa ser bem estruturada, pois uma informação produzida que não seja distribuída em
tempo hábil da tomada de decisão praticamente perde seu sentido.
            Um dos fatores que justifica o fato da informação apresentar esta necessidade de
ser bem estruturada é que ela se torna “infinitamente reutilizável, não se deteriora nem se
deprecia“ (MCGEE, 1994, p.23).


2.3 INFORMAÇÕES X DADOS

            Oliveira (1998) em seus estudos menciona que: “inicialmente deve-se distinguir
dados de informação. O que distingui dado ou um conjunto de dados de informação, a qual
auxilia no processo decisório, é o conhecimento que ela propicia ao tomador de decisão”.
            Retomando a abordagem realizada sobre a informação, concluiu-se que o termo se
trata de um conjunto de dados e no que diz respeito a dados, fala-se em uma informação
específica.
            O fato do auxílio que as informações e os dados propiciam na tomada de decisão,
leva o executivo a obter o conhecimento, a partir do dado transformado, o que lhe
proporciona um processo dinâmico ou um elemento de ação. Esta situação dinâmica permite
ao executivo posicionar-se diante de um problema ou situação qualquer.

                       Como exemplo de dados em uma empresa, citam-se quantidade de produção,
                       custo de matéria-prima, número de empregados. A informação seria o
                       resultado da análise desses dados, ou seja, capacidade de produção, custo de
                       venda de produto, produtividade do funcionário (OLIVEIRA, 1998, p. 34).




                                                3
XXVIII SEMAD 2008 – SEMANA DO ADMINISTRADOR/UEM – 30/09 a 03/10/2008 – Maringá/PR




                      Fig. 2 – Modelo genérico de um sistema de informação
                     Fonte: Ildemar de Araújo Santos - Informática na empresa


2.4 SISTEMAS DE INFORMAÇÕES GERENCIAIS – SIG

          Conforme Beuren (1994), um sistema de informações gerenciais deve fornecer
informações básicas de que os gestores necessitam em suas tomadas de decisão.

                       Sistema de informações gerenciais é um método organizado de prover
                       informações passadas, presentes e futuras, relacionadas com as operações
                       internas e o serviço de inteligência externa. Serve de suporte para as funções
                       de planejamento, controle e operações de uma empresa através do
                       fornecimento de informações no padrão de tempo apropriado para assistir o
                       tomador de decisões (OLIVEIRA, 1998, p. 38).

            Com base em todos os aspectos apresentados, verifica-se, então, que o sistema de
informações gerenciais tem elevada importância, pois é o processo de transformação de dados
em informações.
            A partir da linguagem de programação, é possível desenvolver um sistema, o que,
por sua vez, trará uma informação ao usuário.


2.5 LINGUAGENS DE PROGRAMAÇÃO

2.5.1 PHP como proposta para desenvolvimento de sistemas

           Diz Soares (2004) que, PHP pode ser entendido como uma linguagem de
programação que veio para somar novos recursos e fazer com que o desenvolvimento de site
tivesse uma significativa melhora deixando de ter apenas sites estáticos para partir para um
ambiente mais dinâmico.

                       Quando você acessa uma página PHP por meio de seu navegador, todo o
                       código PHP é executado no servidor, e os resultados são enviados para o seu
                       navegador. Portanto, o navegador exibe a página já processada, sem
                       consumir recursos de seu computador, além das linhas de programação não
                       poderem ser vistas por ninguém, pois elas são executadas no servidor.
                       (NIEDERAUER, 2004, p. 21)

      PHP é acrônimo de Hypertext Preprocessor (Pré-processador de hipertexto), uma
poderosa linguagem de programação open source, mundialmente utilizada, principalmente no
ambiente web (SOARES, 2004).

                                                4
XXVIII SEMAD 2008 – SEMANA DO ADMINISTRADOR/UEM – 30/09 a 03/10/2008 – Maringá/PR




2.5.1.1 Por que PHP?

            Segundo Park (2002) para utilizar o PHP não existe custo, além de ser código
aberto (open source). É de fácil aprendizado, em comparação com outras linguagens. O PHP
é incorporado dentro da HTML (Hypertext Marckup Language), multiplataforma (independe
de sistema operacional), estável, rápido, não é baseado em tags, e ainda é uma das mais
populares linguagens da atualidade e está em total crescimento e expansão.
            Diante das vantagens vistas do uso desta linguagem de programação, considera-
se, que o PHP se apresenta como a mais viável linguagem para o desenvolvimento da
pesquisa, considerando que seu custo ficará baixo e ainda terá uma grande compatibilidade
com a maioria dos bancos de dados existentes.


2.6 BANCO DE DADOS

           A construção de um banco de dados é o processo de armazenar os dados em
alguma mídia apropriada e controlado por um SGDB (Sistema Gerenciador de Banco de
Dados). O banco de dados é projetado, construído e “populado” por dados, atendendo a uma
proposta específica. Possui um grupo de usuários definidos e algumas aplicações
preconcebidas, de acordo com o interesse desse grupo de usuários.

                       Um banco de dados é uma coleção lógica e coerente de dados com algum
                       significado inerente. Uma organização de dados ao acaso (randômica) não
                       pode ser corretamente interpretada como um banco de dados, pode ser de
                       qualquer tamanho e de complexidade variável (NAVTHE, 2004, p. 4).


             Silberschatz (2006) acrescenta dizendo que um sistema de banco de dados é uma
coleção inter-relacionada e um conjunto de programas que permitem aos usuários acessar e
modificar esses dados.
             A flexibilidade que o uso de banco de dados oferece ao usuário valoriza o
emprego do seu uso, a internet amplamente utiliza este sistema para a organização de dados,
sendo ela parte integrante deste projeto dá-se a seguir o respaldo acerca deste assunto.


2.7 INTERNET – SERVIÇOS WEB

            A internet tornou-se nos últimos anos, se não a maior, uma das maiores formas de
interação social, econômica e de empreendimentos. Uma grande vantagem da atualidade é o
acesso de recursos tecnológicos que possibilita a criação de ferramentas gerenciais em vários
segmentos.

                       Em contraste, as camadas sobrepostas pela tecnologia de serviços Web
                       interagem com um amplo conjunto de outros recursos, contribuindo para
                       aumentar a flexibilidade das conexões. O resultado é que a tecnologia de
                       serviços Web permite que a empresa combine economicamente mais
                       recursos, de diferentes maneiras, extraindo mais valor dos ativos existentes
                       (HAGEL, 2003).




                                                5
XXVIII SEMAD 2008 – SEMANA DO ADMINISTRADOR/UEM – 30/09 a 03/10/2008 – Maringá/PR




2.8 SERVIDOR APACHE – GERENCIAMENTO DE RECURSOS PARA PÁGINAS DA
INTERNET

            No âmbito da internet, o servidor apache se destaca na escolha dos
desenvolvedores, devido ao seu baixo custo e fácil manuseio. “O servidor Web Apache é a
ferramenta de gerenciamento de páginas para internet mais popular. No momento ele ocupa
mais de 60% do mercado”. (MAXFIELD, 2002, p.80)
            O servidor Apache é uma das diversas ferramentas disponíveis nesse segmento.
Ele está disponível para as plataformas Unix Like, Solaris, Sun, Windows entre outras. Sendo
um software de livre distribuição.

                       O Apache não é o servidor mais rápido disponível, mas é muito estável e
                       altamente expansível por meio de módulos. Esse recurso permite suportar
                       todas as linguagens e formatos de computador usados na WWW atualmente
                       (MAXFIELD, 2002, p. 80).


2.9 CARACTERÍSTICAS BÁSICAS DE UMA ANÁLISE DE SISTEMAS

        É importante destacar que a estruturação do desenvolvimento da pesquisa será feita
através da Análise de Sistemas e de uma modelagem do projeto. Segundo Yordon (1990),
para a análise de sistema é importante fornecer uma declaração dos requisitos verdadeiros do
projeto que será construído. “Um requerimento verdadeiro, também conhecido como um
requerimento essencial ou lógico, é uma característica que o sistema deve ter, qualquer que
seja a tecnologia utilizada para implementá-los” ( p. 13). Ainda, segundo o autor, o projeto
que faz parte da análise, é uma área crítica que, em muitas organizações, tem sido ignorado,
delegado a pessoas erradas, ou executada por alguém não capacitado para fazer o trabalho. O
que ocorre na maioria das vezes é que o projeto não feito ou executado de maneira correta
acaba trazendo problemas no final.

                       Projeto significa planejar ou estabelecer a forma e o método de uma solução.
                       É o processo que determina as características principais do sistema final, que
                       estabelece os limites superiores em desempenho e qualidade que a melhor
                       implementação pode alcançar, e que pode até determinar qual será o custo
                       final. (YORDON, 1990, p. 13)

            A construção de um modelo de sistemas relativamente grande ou altamente
complexo é uma abordagem sólida na tentativa de administrar seu tamanho ou complexidade,
para isso são utilizados os diagramas de fluxo de dados e de entidade relacionamento.
            Um diagrama de fluxo de dados é uma forma gráfica de mostrar a
interdependência das funções que compõem um sistema, apresentando fluxos de dados entre
elas. Essa forma de apresentação facilita a visualização e permite a compreensão rápida e
organizada dos dados.
        O diagrama de entidade-relacionamento é um modelo em rede que descreve a
diagramação dos dados armazenados de um sistema em alto nível de abstração.


3 JORNAL PARANÁ CENTRO ON-LINE

          Diante dos avanços tecnológicos, possibilitados pelo uso da internet, os sites
tornaram um veículo de circulação de informação. Dessa forma, um dos principais jornais da

                                                6
XXVIII SEMAD 2008 – SEMANA DO ADMINISTRADOR/UEM – 30/09 a 03/10/2008 – Maringá/PR




região de Ivaiporã-PR, “Jornal Paraná Centro”, resolveu criar, em 2004, seu primeiro site de
informações noticiarias, para que as notícias que, antes circulavam apenas na versão impressa,
circulassem também na web. A primeira versão é limitada para alguns municípios e a adesão
de um meio de informação on-line possibilita a ampliação do jornalismo para além das
fronteiras regionais, por isso, ressalta-se a importância desse avanço.
             Após o primeiro site de notícias ser criado, e ter um número de acesso máximo de
700 visitas, a direção do jornal percebeu a necessidade de trabalhar com maiores recursos para
que o usuário encontrasse o que estava procurando com uma maior facilidade. Para isso, foi
criado um novo site que incorpora uma versão mais atraente, que conta com um sistema
informatizado para as atualizações serem feitas com maior agilidade. As atualizações antes
eram feitas manualmente, mas, posteriormente, alguns recursos passaram a ser
informatizados, o que, por sua vez, permitiu que o acesso fosse menos demorado. Com este
novo site, a meta de facilitar o acesso às informações foi alcançada, sendo percebido por meio
do aumento de visitas. A quantidade de internautas acessando o site cresceu
significativamente, após dois anos da versão ser lançada, o número de visitantes passou para
uma média de 30.000.
            Para chegar a esse número, esta versão do site foi sendo alterada aos poucos,
conforme as necessidades que iam surgindo, indicando como ponto positivo para o
crescimento dos recursos existentes no site. Contudo, devido a falta de organização e de
projeto, a área administrativa do sistema acabou sendo praticamente inutilizada, restando
apenas o módulo de inserção de matérias e que, ainda assim, é limitada.
             Em meados de 2005, a segunda versão do site foi colocada para funcionar. O novo
site foi bem aceito pelos internautas, fato esse que pode ser visto no crescente número de
acessos que a empresa passou a ter, chegando à média de 1000 novas visitas a cada mês,
assim como se constata no gráfico:




Gráfico 1: Demonstrativo do número de acessos entre os anos de 2006 e 2008.
Fonte: Extraído da Ferramenta Google Analytics - http://www.google.com/analytics/pt-BR/



            Para manter o sucesso entre os internautas, a versão foi sendo modificada pouco a
pouco, mas devido à falta de projeto do site, essas modificações acabaram fazendo com que a
área administrativa do sistema de inserção fosse inutilizada aos poucos, fazendo com que as
atualizações ficassem demoradas e restritas às pessoas que tem conhecimento sobre
linguagem de programação.
           Tendo em vista que as visitas dificilmente ultrapassam 30.000 acessos, no ano de
2008, a empresa novamente traçou metas para o crescimento na quantidade de usuários, para
isso foram identificados diversos problemas na atual versão.



                                                     7
XXVIII SEMAD 2008 – SEMANA DO ADMINISTRADOR/UEM – 30/09 a 03/10/2008 – Maringá/PR




3.1 JORNAL PARANÁ CENTRO ON-LINE: DESCRIÇÃO DO SISTEMA ATUAL E
PROPOSTAS DE MELHORIA

            Ao analisar o site em funcionamento, observou-se que o maior problema
encontrado é o intervalo entre as atualizações que, em geral, são feitas apenas uma vez por
dia. Isso faz com que o usuário acesse o site uma vez e não se interesse em voltar a visitá-lo
no mesmo dia, pois o conteúdo será o mesmo até o dia seguinte, sendo este o principal
problema encontrado. O que ocorre é que a página de notícias que, depende diretamente da
versão impressa do jornal, editado semanalmente, torna insuficiente a quantidade de matérias,
pois diversas delas acabam se tornando depreciadas para a publicação, devido ao tempo
passado.
            Tendo conhecimento dos problemas, um novo projeto, com base no site já
existente, será criado. A pesquisa, de forma geral, propõe-se a demarcar as diversas falhas
encontradas no atual sistema e apresentar novos recursos, possibilitando uma melhoria
significativa, entre elas e a interação do usuário, de forma a atender as suas expectativas.
            Para solucionar os problemas mencionados, o novo site deverá obrigatoriamente
ter todos os processos informatizados, pois isso, já resolverá parte dos problemas encontrados
na versão atual.
            Em reunião com a diretoria da empresa, foi levantada a questão de criar uma
interação dos internautas com o site. Para a solução deste problema foi proposta a criação de
um sistema de comentários nas notícias publicadas. Para a participação do usuário no sistema
de comentários, o indivíduo deverá se cadastrar no site. Os comentários deverão passar por
uma aprovação antes de ser publicado.
             Para o desenvolvimento da pesquisa e do futuro site, realizou-se até o momento a
coleta de dados que utiliza dois métodos, que visam a obter as informações necessárias:

   •   Questionários que se identificam como instrumentos de pesquisa;
   •   Elaboração de relatórios que serão desenvolvidos por meio de observações durante as
       visitas à Empresa.

       Durante as visitas à empresa, levantaram-se os dados e fez-se o encaminhamento de
algumas questões para os colaboradores do centro de processamento de dados (CPD), como,
por exemplo:

   •   A empresa possui o site há quanto tempo?
   •   Quantas versões o site já teve?
   •   O site já está totalmente automatizado? Se não, o que falta ser automatizado?
   •   Além de automatizar esses processos, o site irá agregar novos recursos? Quais?
   •   O cadastro de usuários do site será utilizado apenas para que eles possam fazer
       comentários?

        Abaixo uma lista das funções que estão faltando ou funcionando de modo
insatisfatório no sistema atual:
    • O espaço disponível para a hospedagem é pequeno para a quantidade de informações,
        o que faz com que haja a necessidade de apagar conteúdo do site para algumas
        atualizações. É necessário aumentar o espaço de armazenamento;
    • É complicado e demorado fazer atualizações, pois o sistema administrativo do
        gerenciador de notícias está quase todo inutilizado;
    • Existe um grande intervalo durante as atualizações;
    • O atual site não tem nenhum tipo relatório.

                                              8
XXVIII SEMAD 2008 – SEMANA DO ADMINISTRADOR/UEM – 30/09 a 03/10/2008 – Maringá/PR




        Mediante aos problemas destacados a diretoria da empresa visse a necessidade de criar
um novo site para que as diversas falhas da versão atual fossem corrigidas. A nova versão do
site deverá trazer novos recursos, tais como:

       Sistema de comentário nas notícias inseridas;
       Cadastro de usuários, para que possam fazer comentários;
       Controle sobre as propagandas que são inseridas no site;
       Sistema de pesquisa de notícias por cidade.

            Além de novos recursos, também serão melhorados e informatizados todos os
processos já existentes no site. Dependendo das futuras necessidades da empresa, poderão ser
acrescentados outros módulos ao sistema. Avaliou-se também que o site mantém apenas um
dos recursos informatizados em funcionamento, o de inserção de notícias, mas que ainda
assim é limitado, pois, o processo só aceita a inserção de uma foto por matéria. Havendo a
necessidade de inserir mais fotos, o processo precisa ser feito por meio de códigos.
           Como propostas, na informatização e melhoria dos processos, têm-se: a inclusão e
a exclusão de fotos, a inclusão, a exclusão e a alteração de matérias sem limite de fotos, a
inclusão e a exclusão de publicidade, a inclusão e a exclusão de vídeos, a criação de novas
edições, a criação de categorias para as matérias e um controle dos administradores do site
com controle de permissões. Deve-se levar em consideração que na inserção de matérias e
vídeos deverá constar uma opção para a vinculação de uma matéria com um vídeo.
            Notou-se também a necessidade da criação de um sistema mais eficaz para as
atualizações, pois todos os dias um colaborador faz uma atualização. Isso poderia ser feito
uma única vez, durante a atualização geral do site, que é feita aos domingos, com um sistema
que pudesse programar a entrada da matéria no site, assim durante a semana o colaborador
poderia se empenhar em outros serviços da empresa.
           Observou-se que algumas idéias já foram traçadas, em relação à construção do
site. Todavia para que haja a sua construção e efetivação, faz-se necessário perpassar alguns
passos:

3.1.1 ANÁLISE DE SISTEMA

           Nesta etapa do projeto, foram utilizados os recursos apresentados pelo
levantamento de dados, para a criação de uma modelagem dos diagramas de entidade-
relacionamento e fluxo de dados, que dará uma maior dimensão dos processos para
continuidade da conclusão do projeto final.


4 CONCLUSÃO

            Este artigo apresentou os resultados parciais de uma pesquisa que busca
desenvolver um novo modelo de site de informações noticiarias, para a empresa Jornal Paraná
Centro on-line, gerenciado por um sistema informatizado, capaz de controlar a emissão de
noticias vinculada a vídeos e fotos, que visa à melhoria nas atualizações de informações via
internet, possibilitando a sua transmissão à sociedade de forma ágil e precisa, contribuindo,
assim, com o crescimento social e político da região. Algumas visitas e estudos foram
realizados para o levantamento dos atuais problemas relacionados ao site e algumas propostas
de melhoria trazidas, a fim de possibilitar o seu futuro desenvolvimento.


                                              9
XXVIII SEMAD 2008 – SEMANA DO ADMINISTRADOR/UEM – 30/09 a 03/10/2008 – Maringá/PR




            Diante dos problemas abordados, como a questão da atualização das informações
na web, além de um constante uso de trabalhos manuais sem muito conhecimento técnico,
colocou-se em prática a metodologia científica das teorias da Administração, agregada aos
fatores tecnológicos, que viabilizam a possibilidade de desenvolver um projeto e criar um
sistema informatizado capaz de gerenciar o controle de notícias.
            A finalização do projeto trará um desempenho maior para a empresa, ao que se
refere ao gerenciamento de suas notícias e possibilitando uma harmonia e aproveitamento
maior de seus colaboradores em áreas específicas.


                                   5 REFERÊNCIAS


BEUREN, I. M. Gerenciamento da informação. São Paulo: Atlas S.A., 1998.

BIO, S. R. Sistemas de informação um enfoque gerencial. São Paulo: Atlas S.A., 1985.

CHIAVENATO, I. Introdução à teoria geral da administração. 6 ed. São Paulo: Campus,
2000.

HAGEL, J. Pensando fora do quadrado. Rio de Janeiro: Campus, 2003

MAXFIELD, W. Aprendendo MySQL & PHP. São Paulo: Pearson Education do Brasil,
2002.

MCGEE, J. Gerenciamento estratégico da informação. 5. ed. Rio de Janeiro: Campus,
1994.

NAVATHE, S. B. Sistemas de banco de dados. 4. ed. São Paulo: Pearson Addison Wesley,
2006.

NIEDERAUER, J. Desenvolvendo websites com PHP. São Paulo: Novatec editora Ltda.

OLIVEIRA, D. P. R. Sistemas de informações gerenciais. 5. ed. São Paulo: Atlas S.A.,
1998.

PARK, J. PHP a Bíblia. 2. ed. Rio de Janeiro: Campus, 2002.

SANTOS, A. A. Informática na empresa. São Paulo: Atlas S.A., 1998.

SILBERSCHATZ, A. Sistema de banco de dados. 5. ed. Rio de Janeiro: Campus, 2006.

SOARES, W. PHP 5: Conceitos, Programação e Integração com Banco de Dados. São Paulo:
Erica, 2004.

THOMSON, L. PHP e MySQL desenvolvimento web. 5. ed. Rio de Janeiro: Campus, 2003.

YOURDON, E. Análise estruturada moderna. 3. ed. Rio de Janeiro: Campus, 1992.




                                           10

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Sig unidade i
Sig   unidade iSig   unidade i
Sig unidade i
nouragomes
 
Gestão Da Informação
Gestão Da InformaçãoGestão Da Informação
Gestão Da Informação
Felipe Goulart
 
3 marketing nas redes sociais
3   marketing nas redes sociais3   marketing nas redes sociais
3 marketing nas redes sociais
cefaprodematupa
 
Apresentacao
ApresentacaoApresentacao
14.01.02 business intelligence no ambiente
14.01.02    business intelligence no ambiente14.01.02    business intelligence no ambiente
14.01.02 business intelligence no ambiente
Talita Lima
 
Sistemas de informações gerenciais kenneth c. laudon - jane p
Sistemas de informações gerenciais   kenneth c. laudon - jane pSistemas de informações gerenciais   kenneth c. laudon - jane p
Sistemas de informações gerenciais kenneth c. laudon - jane p
Tarciso Ferreira
 
Dayana222
Dayana222Dayana222
Dayana222
Dayana Gomes
 
Fundamentos TI
Fundamentos TIFundamentos TI
Fundamentos TI
Egnaldo Paulino
 
Sig
SigSig
Agsinf resumo do livro (sistemas de informações gerenciais - cap. 1 e 2)
Agsinf   resumo do livro (sistemas de informações gerenciais - cap. 1 e 2)Agsinf   resumo do livro (sistemas de informações gerenciais - cap. 1 e 2)
Agsinf resumo do livro (sistemas de informações gerenciais - cap. 1 e 2)
Tarciso Ferreira
 
Sistemas de Informações Gerenciais - Aula 01
Sistemas de Informações Gerenciais - Aula 01Sistemas de Informações Gerenciais - Aula 01
Sistemas de Informações Gerenciais - Aula 01
Leandro Rezende
 
Cap 1 sie
Cap 1   sieCap 1   sie
Cap 1 sie
sferna
 
Sistema de Informação Gerencial
Sistema de Informação GerencialSistema de Informação Gerencial
Sistema de Informação Gerencial
Loham Silva
 
INTRODUÇÃO FUNDAMENTOS DE SISTEMAS DE INFORMAÇÃO
INTRODUÇÃO FUNDAMENTOS DE SISTEMAS DE INFORMAÇÃOINTRODUÇÃO FUNDAMENTOS DE SISTEMAS DE INFORMAÇÃO
INTRODUÇÃO FUNDAMENTOS DE SISTEMAS DE INFORMAÇÃO
Edson Lima
 
Sistema de computacao e informacao u1
Sistema de computacao e informacao u1Sistema de computacao e informacao u1
Sistema de computacao e informacao u1
Art IT
 
SISTEMAS DE INFORMAÇÃO 1
SISTEMAS DE INFORMAÇÃO 1SISTEMAS DE INFORMAÇÃO 1
SISTEMAS DE INFORMAÇÃO 1
R D
 
Sistemas de informação e ti aplicada a logística
Sistemas de informação e ti aplicada a logísticaSistemas de informação e ti aplicada a logística
Sistemas de informação e ti aplicada a logística
tonype2010
 
Gestão da informação
Gestão da informaçãoGestão da informação
Gestão da informação
Anderson Simão
 
Informação e Conhecimento nas organizações - Gestão
Informação e Conhecimento nas organizações - GestãoInformação e Conhecimento nas organizações - Gestão
Informação e Conhecimento nas organizações - Gestão
Leonardo Moraes
 

Mais procurados (19)

Sig unidade i
Sig   unidade iSig   unidade i
Sig unidade i
 
Gestão Da Informação
Gestão Da InformaçãoGestão Da Informação
Gestão Da Informação
 
3 marketing nas redes sociais
3   marketing nas redes sociais3   marketing nas redes sociais
3 marketing nas redes sociais
 
Apresentacao
ApresentacaoApresentacao
Apresentacao
 
14.01.02 business intelligence no ambiente
14.01.02    business intelligence no ambiente14.01.02    business intelligence no ambiente
14.01.02 business intelligence no ambiente
 
Sistemas de informações gerenciais kenneth c. laudon - jane p
Sistemas de informações gerenciais   kenneth c. laudon - jane pSistemas de informações gerenciais   kenneth c. laudon - jane p
Sistemas de informações gerenciais kenneth c. laudon - jane p
 
Dayana222
Dayana222Dayana222
Dayana222
 
Fundamentos TI
Fundamentos TIFundamentos TI
Fundamentos TI
 
Sig
SigSig
Sig
 
Agsinf resumo do livro (sistemas de informações gerenciais - cap. 1 e 2)
Agsinf   resumo do livro (sistemas de informações gerenciais - cap. 1 e 2)Agsinf   resumo do livro (sistemas de informações gerenciais - cap. 1 e 2)
Agsinf resumo do livro (sistemas de informações gerenciais - cap. 1 e 2)
 
Sistemas de Informações Gerenciais - Aula 01
Sistemas de Informações Gerenciais - Aula 01Sistemas de Informações Gerenciais - Aula 01
Sistemas de Informações Gerenciais - Aula 01
 
Cap 1 sie
Cap 1   sieCap 1   sie
Cap 1 sie
 
Sistema de Informação Gerencial
Sistema de Informação GerencialSistema de Informação Gerencial
Sistema de Informação Gerencial
 
INTRODUÇÃO FUNDAMENTOS DE SISTEMAS DE INFORMAÇÃO
INTRODUÇÃO FUNDAMENTOS DE SISTEMAS DE INFORMAÇÃOINTRODUÇÃO FUNDAMENTOS DE SISTEMAS DE INFORMAÇÃO
INTRODUÇÃO FUNDAMENTOS DE SISTEMAS DE INFORMAÇÃO
 
Sistema de computacao e informacao u1
Sistema de computacao e informacao u1Sistema de computacao e informacao u1
Sistema de computacao e informacao u1
 
SISTEMAS DE INFORMAÇÃO 1
SISTEMAS DE INFORMAÇÃO 1SISTEMAS DE INFORMAÇÃO 1
SISTEMAS DE INFORMAÇÃO 1
 
Sistemas de informação e ti aplicada a logística
Sistemas de informação e ti aplicada a logísticaSistemas de informação e ti aplicada a logística
Sistemas de informação e ti aplicada a logística
 
Gestão da informação
Gestão da informaçãoGestão da informação
Gestão da informação
 
Informação e Conhecimento nas organizações - Gestão
Informação e Conhecimento nas organizações - GestãoInformação e Conhecimento nas organizações - Gestão
Informação e Conhecimento nas organizações - Gestão
 

Destaque

Como funcionam as atualizações do Ubuntu
Como funcionam as atualizações do UbuntuComo funcionam as atualizações do Ubuntu
Como funcionam as atualizações do Ubuntu
Marcelo Weihmayr
 
Empregabilidade reputacao redes_sociais
Empregabilidade reputacao redes_sociaisEmpregabilidade reputacao redes_sociais
Empregabilidade reputacao redes_sociais
Marcelo Weihmayr
 
Trading StocksSemanal15/10/2010
Trading StocksSemanal15/10/2010Trading StocksSemanal15/10/2010
Trading StocksSemanal15/10/2010
BNP Paribas Personal Investors
 
Hibiscus
HibiscusHibiscus
Hibiscus
João Felix
 
Literatura en las aulas entre el placer y el trabajo 29.11.2013 - lanacion
Literatura en las aulas  entre el placer y el trabajo   29.11.2013 - lanacionLiteratura en las aulas  entre el placer y el trabajo   29.11.2013 - lanacion
Literatura en las aulas entre el placer y el trabajo 29.11.2013 - lanacion
Hey Jude Waeo
 

Destaque (6)

Como funcionam as atualizações do Ubuntu
Como funcionam as atualizações do UbuntuComo funcionam as atualizações do Ubuntu
Como funcionam as atualizações do Ubuntu
 
Empregabilidade reputacao redes_sociais
Empregabilidade reputacao redes_sociaisEmpregabilidade reputacao redes_sociais
Empregabilidade reputacao redes_sociais
 
Trading StocksSemanal15/10/2010
Trading StocksSemanal15/10/2010Trading StocksSemanal15/10/2010
Trading StocksSemanal15/10/2010
 
Hibiscus
HibiscusHibiscus
Hibiscus
 
Mikonos
MikonosMikonos
Mikonos
 
Literatura en las aulas entre el placer y el trabajo 29.11.2013 - lanacion
Literatura en las aulas  entre el placer y el trabajo   29.11.2013 - lanacionLiteratura en las aulas  entre el placer y el trabajo   29.11.2013 - lanacion
Literatura en las aulas entre el placer y el trabajo 29.11.2013 - lanacion
 

Semelhante a PARANÁ CENTRO ON-LINE: UM SISTEMA INFORMATIZADO NO AUXÍLIO DE GESTÃO DE NOTÍCIAS NA WEB

AULA 1 SIC 29-01-2024 - sistemas de informações contabeis UNIRG
AULA 1 SIC 29-01-2024 - sistemas de informações contabeis UNIRGAULA 1 SIC 29-01-2024 - sistemas de informações contabeis UNIRG
AULA 1 SIC 29-01-2024 - sistemas de informações contabeis UNIRG
EuripedesJr3
 
TCC CORRIGIDO.pdf
TCC CORRIGIDO.pdfTCC CORRIGIDO.pdf
O Sistema de informação
O Sistema de informaçãoO Sistema de informação
O Sistema de informação
Filipe Simão Kembo
 
Business intelligence
Business intelligenceBusiness intelligence
Business intelligence
Viviane Guerra
 
apostila1.pdf
apostila1.pdfapostila1.pdf
apostila1.pdf
Fabiano Favretto
 
Modelo elaboracao tcc_monografia_2016
Modelo elaboracao tcc_monografia_2016Modelo elaboracao tcc_monografia_2016
Modelo elaboracao tcc_monografia_2016
edinaldo lopes da cr lopes
 
Portfolio em grupo ads - 6. semestre enviar
Portfolio em grupo  ads - 6. semestre enviarPortfolio em grupo  ads - 6. semestre enviar
Portfolio em grupo ads - 6. semestre enviar
edinaldo lopes da cr lopes
 
Síntese da Dissertação
Síntese da DissertaçãoSíntese da Dissertação
Síntese da Dissertação
Claudio Mesquita
 
Artigo 1 - Importancia dos SIs.pdf
Artigo 1 - Importancia dos SIs.pdfArtigo 1 - Importancia dos SIs.pdf
Artigo 1 - Importancia dos SIs.pdf
GabaritandoPreparatr
 
A Governança de TI atraves da Gestão Estratégica da Informação
A Governança de TI atraves da Gestão Estratégica da InformaçãoA Governança de TI atraves da Gestão Estratégica da Informação
A Governança de TI atraves da Gestão Estratégica da Informação
Weig Oliveira
 
0000000
00000000000000
0000000
aldinei274878
 
Módulo 9 gids
Módulo 9 gidsMódulo 9 gids
Módulo 9 gids
Diogo Marques
 
Contabilidade e seu desenvolvimento junto à tecnologia da informação
Contabilidade e seu desenvolvimento junto à tecnologia da  informaçãoContabilidade e seu desenvolvimento junto à tecnologia da  informação
Contabilidade e seu desenvolvimento junto à tecnologia da informação
Victor Sousa
 
Sistemas de Informação (1).ppt
Sistemas de Informação (1).pptSistemas de Informação (1).ppt
Sistemas de Informação (1).ppt
Agrupamento de escolas de Pombal
 
Sistemas de Informação - Faveni - Prof. Evaldo Wolkers - Aula 1
Sistemas de Informação - Faveni - Prof. Evaldo Wolkers - Aula 1Sistemas de Informação - Faveni - Prof. Evaldo Wolkers - Aula 1
Sistemas de Informação - Faveni - Prof. Evaldo Wolkers - Aula 1
Evaldo Wolkers
 
Sig
SigSig
Erp welton
Erp weltonErp welton
Erp welton
Welton Mendes
 
Artigo Entrevista na empresa weWillMov.it
Artigo Entrevista na empresa weWillMov.itArtigo Entrevista na empresa weWillMov.it
Artigo Entrevista na empresa weWillMov.it
Ana Carolina Ferreira
 
Sistemas de informações para executivos sie
Sistemas de informações para executivos sieSistemas de informações para executivos sie
Sistemas de informações para executivos sie
Ana Faracini
 
Atps sig
Atps sigAtps sig
Atps sig
Maria Helena
 

Semelhante a PARANÁ CENTRO ON-LINE: UM SISTEMA INFORMATIZADO NO AUXÍLIO DE GESTÃO DE NOTÍCIAS NA WEB (20)

AULA 1 SIC 29-01-2024 - sistemas de informações contabeis UNIRG
AULA 1 SIC 29-01-2024 - sistemas de informações contabeis UNIRGAULA 1 SIC 29-01-2024 - sistemas de informações contabeis UNIRG
AULA 1 SIC 29-01-2024 - sistemas de informações contabeis UNIRG
 
TCC CORRIGIDO.pdf
TCC CORRIGIDO.pdfTCC CORRIGIDO.pdf
TCC CORRIGIDO.pdf
 
O Sistema de informação
O Sistema de informaçãoO Sistema de informação
O Sistema de informação
 
Business intelligence
Business intelligenceBusiness intelligence
Business intelligence
 
apostila1.pdf
apostila1.pdfapostila1.pdf
apostila1.pdf
 
Modelo elaboracao tcc_monografia_2016
Modelo elaboracao tcc_monografia_2016Modelo elaboracao tcc_monografia_2016
Modelo elaboracao tcc_monografia_2016
 
Portfolio em grupo ads - 6. semestre enviar
Portfolio em grupo  ads - 6. semestre enviarPortfolio em grupo  ads - 6. semestre enviar
Portfolio em grupo ads - 6. semestre enviar
 
Síntese da Dissertação
Síntese da DissertaçãoSíntese da Dissertação
Síntese da Dissertação
 
Artigo 1 - Importancia dos SIs.pdf
Artigo 1 - Importancia dos SIs.pdfArtigo 1 - Importancia dos SIs.pdf
Artigo 1 - Importancia dos SIs.pdf
 
A Governança de TI atraves da Gestão Estratégica da Informação
A Governança de TI atraves da Gestão Estratégica da InformaçãoA Governança de TI atraves da Gestão Estratégica da Informação
A Governança de TI atraves da Gestão Estratégica da Informação
 
0000000
00000000000000
0000000
 
Módulo 9 gids
Módulo 9 gidsMódulo 9 gids
Módulo 9 gids
 
Contabilidade e seu desenvolvimento junto à tecnologia da informação
Contabilidade e seu desenvolvimento junto à tecnologia da  informaçãoContabilidade e seu desenvolvimento junto à tecnologia da  informação
Contabilidade e seu desenvolvimento junto à tecnologia da informação
 
Sistemas de Informação (1).ppt
Sistemas de Informação (1).pptSistemas de Informação (1).ppt
Sistemas de Informação (1).ppt
 
Sistemas de Informação - Faveni - Prof. Evaldo Wolkers - Aula 1
Sistemas de Informação - Faveni - Prof. Evaldo Wolkers - Aula 1Sistemas de Informação - Faveni - Prof. Evaldo Wolkers - Aula 1
Sistemas de Informação - Faveni - Prof. Evaldo Wolkers - Aula 1
 
Sig
SigSig
Sig
 
Erp welton
Erp weltonErp welton
Erp welton
 
Artigo Entrevista na empresa weWillMov.it
Artigo Entrevista na empresa weWillMov.itArtigo Entrevista na empresa weWillMov.it
Artigo Entrevista na empresa weWillMov.it
 
Sistemas de informações para executivos sie
Sistemas de informações para executivos sieSistemas de informações para executivos sie
Sistemas de informações para executivos sie
 
Atps sig
Atps sigAtps sig
Atps sig
 

PARANÁ CENTRO ON-LINE: UM SISTEMA INFORMATIZADO NO AUXÍLIO DE GESTÃO DE NOTÍCIAS NA WEB

  • 1. PARANÁ CENTRO ON-LINE: UM SISTEMA INFORMATIZADO NO AUXÍLIO DE GESTÃO DE NOTÍCIAS NA WEB Marcelo Weihmayr da Silva Onivaldo Flores Júnior RESUMO O uso da internet tornou-se, hoje, essencial para o levantamento e aperfeiçoamento de informações por seus usuários. Sendo assim, as empresas se atualizam através de novos recursos, através de projetos, que possibilitam a gestão de notícias na web. O Jornal Paraná Centro, do município de Ivaiporã, criou, em 2004, o seu primeiro site que sofreu diversas modificações com o tempo, mas não conseguiu deixar de apresentar falhas, que dificultam o trabalho no momento de atualizações, prejudicando, conseqüentemente, o processo de divulgação das informações. Logo, este artigo apresenta os resultados parciais de uma pesquisa que visa ao desenvolvimento de um novo modelo de site de informações noticiarias para a empresa Jornal Paraná Centro. Trata-se de um sistema de gerenciamento de notícias, vídeos e fotos, que visa à melhoria nas atualizações de informações via internet, permitindo transmiti-las à sociedade de forma ágil e precisa, contribuindo, assim, com o crescimento social e político da região e para a melhoria do sistema administrativo. Assim, visitou-se e estudou-se a empresa, demarcando os atuais problemas relacionados ao site e trazendo algumas sugestões de melhoria, a fim de possibilitar o futuro desenvolvimento do site. Os resultados demonstram a necessidade da criação de um sistema mais eficaz para as atualizações, pois todos os dias um colaborador faz uma atualização. Isso poderia ser feito uma única vez, durante a atualização geral do site, que é feita aos domingos, com um sistema que pudesse programar a entrada da matéria no site, assim durante a semana o colaborador poderia se empenhar em outros serviços da empresa. Palavras-chave: Internet; Gestão de Notícias; Paraná Centro On-line.
  • 2. XXVIII SEMAD 2008 – SEMANA DO ADMINISTRADOR/UEM – 30/09 a 03/10/2008 – Maringá/PR 1 INTRODUÇÃO As evoluções tecnológicas vividas por nossa sociedade nos últimos anos têm evidenciado o valor da informação e provocado a utilização crescente de computadores e da internet, que trouxe consigo o aumento na quantidade de conteúdo e diversas melhorias no ambiente visual, possibilitando uma maior facilidade de acesso para os usuários. Esses aspectos, considerados positivos no âmbito social, decorreram da necessidade que os usuários tinham de uma navegação mais ágil, interativa e segura. Com todas essas melhoras ocorridas, os usuários, necessitam de atualização, buscando informação e conhecimento, através da internet. Diante disso, observa-se que as empresas buscam a melhorias e novos recursos, por meio de projetos. Foi com esse pensamento que o “Jornal Paraná Centro”, do município de Ivaiporã- PR, resolveu criar um site de informações noticiarias, para que as notícias que antes circulavam apenas na versão impressa, circulassem também na web. Percebe-se que a versão impressa é limitada para apenas alguns municípios e a adesão de um meio de informação on- line possibilita a ampliação do jornalismo para além das fronteiras regionais, por isso, ressalta-se a importância desse avanço. O modelo de site empregado atualmente pelo jornal apresenta falhas que dificultam o trabalho no momento de atualizações, prejudicando, conseqüentemente, o processo de divulgação das informações. Desta forma, este artigo apresenta os resultados parciais de uma pesquisa que visa ao desenvolvimento de um novo modelo de site de informações noticiarias para a empresa Jornal Paraná Centro. Trata-se de um sistema de gerenciamento de notícias, vídeos e fotos, que visa à melhoria nas atualizações de informações via internet, permitindo transmiti-las à sociedade de forma ágil e precisa, contribuindo, assim, com o crescimento social e político da região. Assim, visitou-se e estudou-se a empresa, demarcando os atuais problemas relacionados ao site e trazendo algumas propostas de melhoria, a fim de possibilitar o futuro desenvolvimento do site. Para atingir tal objetivo, faz-se necessário considerar os aspectos teóricos demarcados pela Administração, com fundamentos na análise de sistema, demarcando suas funções, como a definição de sistema e as linguagens de programação, que possibilitam o desenvolvimento e a efetivação da pesquisa. 2 REVISÃO BIBLIOGRÁFICA 2.1 DEFINIÇÕES DE SISTEMA Pode-se considerar que todo sistema é constituído por vários subsistemas, trabalhando em conjunto, com o intuito de agrupar dados que são processados separadamente e criando informações completas sobre diversas áreas. Deve-se levar em consideração que um sistema independe da informática, podendo ser desde um processo manual de alocação de dados, como por exemplo, um arquivo com fichas de clientes, até um sistema informatizado. Sendo assim, entende-se que: Um sistema pode compor-se sucessivamente, de subsistemas (também conjunto de partes interdependentes) que se relaciona entre si, compondo o sistema maior. Assim um organismo humano pode ser decomposto no sistema ósseo, sistema nervoso, sistema circulatório etc. (BIO, 1985, p. 18). Observa-se que o sistema é concebido, de forma geral, como “um conjunto de partes interagentes e interdependentes que, conjuntamente, formam um todo (OLIVEIRA, 2
  • 3. XXVIII SEMAD 2008 – SEMANA DO ADMINISTRADOR/UEM – 30/09 a 03/10/2008 – Maringá/PR 1998, p. 23), sendo que, esse “todo apresenta propriedades que não são encontrados em nenhum dos elementos isolados” (CHIAVENATO, 1993, p. 481). Dessa forma torna-se possível compreender que todo sistema é definido com um conjunto de subsistemas que trabalhando unidas geram as informações necessárias. Dando continuidade no embasamento teórico do presente trabalho, faz-se necessário entender também um pouco do que diz respeito à informação e o que há envolve. 2.2 DEFINIÇÕES DE INFORMAÇÃO Conforme Oliveira (1998), o propósito básico da informação é o de habilitar a empresa a alcançar seus objetivos pelo uso eficiente dos recursos disponíveis, nos quais se inserem pessoas, materiais, equipamentos, tecnologia, dinheiro, além da própria informação. Nesse sentido, a teoria da informação considera os problemas e as adequações do seu uso eficiente, eficaz e efetivo pelos executivos da empresa. Informação é o produto da análise dos dados existentes na empresa, devidamente registrados, classificados, organizados, relacionados e interpretados dentro de um contexto para transmitir conhecimento e permitir a tomada de decisão de forma otimizada (OLIVEIRA, 1998, p. 36). Oliveira (1998) na sua concepção considera ainda que a informação é um recurso imprescindível para uma empresa, mas para um bom aproveito das vantagens da informação, ela precisa ser bem estruturada, pois uma informação produzida que não seja distribuída em tempo hábil da tomada de decisão praticamente perde seu sentido. Um dos fatores que justifica o fato da informação apresentar esta necessidade de ser bem estruturada é que ela se torna “infinitamente reutilizável, não se deteriora nem se deprecia“ (MCGEE, 1994, p.23). 2.3 INFORMAÇÕES X DADOS Oliveira (1998) em seus estudos menciona que: “inicialmente deve-se distinguir dados de informação. O que distingui dado ou um conjunto de dados de informação, a qual auxilia no processo decisório, é o conhecimento que ela propicia ao tomador de decisão”. Retomando a abordagem realizada sobre a informação, concluiu-se que o termo se trata de um conjunto de dados e no que diz respeito a dados, fala-se em uma informação específica. O fato do auxílio que as informações e os dados propiciam na tomada de decisão, leva o executivo a obter o conhecimento, a partir do dado transformado, o que lhe proporciona um processo dinâmico ou um elemento de ação. Esta situação dinâmica permite ao executivo posicionar-se diante de um problema ou situação qualquer. Como exemplo de dados em uma empresa, citam-se quantidade de produção, custo de matéria-prima, número de empregados. A informação seria o resultado da análise desses dados, ou seja, capacidade de produção, custo de venda de produto, produtividade do funcionário (OLIVEIRA, 1998, p. 34). 3
  • 4. XXVIII SEMAD 2008 – SEMANA DO ADMINISTRADOR/UEM – 30/09 a 03/10/2008 – Maringá/PR Fig. 2 – Modelo genérico de um sistema de informação Fonte: Ildemar de Araújo Santos - Informática na empresa 2.4 SISTEMAS DE INFORMAÇÕES GERENCIAIS – SIG Conforme Beuren (1994), um sistema de informações gerenciais deve fornecer informações básicas de que os gestores necessitam em suas tomadas de decisão. Sistema de informações gerenciais é um método organizado de prover informações passadas, presentes e futuras, relacionadas com as operações internas e o serviço de inteligência externa. Serve de suporte para as funções de planejamento, controle e operações de uma empresa através do fornecimento de informações no padrão de tempo apropriado para assistir o tomador de decisões (OLIVEIRA, 1998, p. 38). Com base em todos os aspectos apresentados, verifica-se, então, que o sistema de informações gerenciais tem elevada importância, pois é o processo de transformação de dados em informações. A partir da linguagem de programação, é possível desenvolver um sistema, o que, por sua vez, trará uma informação ao usuário. 2.5 LINGUAGENS DE PROGRAMAÇÃO 2.5.1 PHP como proposta para desenvolvimento de sistemas Diz Soares (2004) que, PHP pode ser entendido como uma linguagem de programação que veio para somar novos recursos e fazer com que o desenvolvimento de site tivesse uma significativa melhora deixando de ter apenas sites estáticos para partir para um ambiente mais dinâmico. Quando você acessa uma página PHP por meio de seu navegador, todo o código PHP é executado no servidor, e os resultados são enviados para o seu navegador. Portanto, o navegador exibe a página já processada, sem consumir recursos de seu computador, além das linhas de programação não poderem ser vistas por ninguém, pois elas são executadas no servidor. (NIEDERAUER, 2004, p. 21) PHP é acrônimo de Hypertext Preprocessor (Pré-processador de hipertexto), uma poderosa linguagem de programação open source, mundialmente utilizada, principalmente no ambiente web (SOARES, 2004). 4
  • 5. XXVIII SEMAD 2008 – SEMANA DO ADMINISTRADOR/UEM – 30/09 a 03/10/2008 – Maringá/PR 2.5.1.1 Por que PHP? Segundo Park (2002) para utilizar o PHP não existe custo, além de ser código aberto (open source). É de fácil aprendizado, em comparação com outras linguagens. O PHP é incorporado dentro da HTML (Hypertext Marckup Language), multiplataforma (independe de sistema operacional), estável, rápido, não é baseado em tags, e ainda é uma das mais populares linguagens da atualidade e está em total crescimento e expansão. Diante das vantagens vistas do uso desta linguagem de programação, considera- se, que o PHP se apresenta como a mais viável linguagem para o desenvolvimento da pesquisa, considerando que seu custo ficará baixo e ainda terá uma grande compatibilidade com a maioria dos bancos de dados existentes. 2.6 BANCO DE DADOS A construção de um banco de dados é o processo de armazenar os dados em alguma mídia apropriada e controlado por um SGDB (Sistema Gerenciador de Banco de Dados). O banco de dados é projetado, construído e “populado” por dados, atendendo a uma proposta específica. Possui um grupo de usuários definidos e algumas aplicações preconcebidas, de acordo com o interesse desse grupo de usuários. Um banco de dados é uma coleção lógica e coerente de dados com algum significado inerente. Uma organização de dados ao acaso (randômica) não pode ser corretamente interpretada como um banco de dados, pode ser de qualquer tamanho e de complexidade variável (NAVTHE, 2004, p. 4). Silberschatz (2006) acrescenta dizendo que um sistema de banco de dados é uma coleção inter-relacionada e um conjunto de programas que permitem aos usuários acessar e modificar esses dados. A flexibilidade que o uso de banco de dados oferece ao usuário valoriza o emprego do seu uso, a internet amplamente utiliza este sistema para a organização de dados, sendo ela parte integrante deste projeto dá-se a seguir o respaldo acerca deste assunto. 2.7 INTERNET – SERVIÇOS WEB A internet tornou-se nos últimos anos, se não a maior, uma das maiores formas de interação social, econômica e de empreendimentos. Uma grande vantagem da atualidade é o acesso de recursos tecnológicos que possibilita a criação de ferramentas gerenciais em vários segmentos. Em contraste, as camadas sobrepostas pela tecnologia de serviços Web interagem com um amplo conjunto de outros recursos, contribuindo para aumentar a flexibilidade das conexões. O resultado é que a tecnologia de serviços Web permite que a empresa combine economicamente mais recursos, de diferentes maneiras, extraindo mais valor dos ativos existentes (HAGEL, 2003). 5
  • 6. XXVIII SEMAD 2008 – SEMANA DO ADMINISTRADOR/UEM – 30/09 a 03/10/2008 – Maringá/PR 2.8 SERVIDOR APACHE – GERENCIAMENTO DE RECURSOS PARA PÁGINAS DA INTERNET No âmbito da internet, o servidor apache se destaca na escolha dos desenvolvedores, devido ao seu baixo custo e fácil manuseio. “O servidor Web Apache é a ferramenta de gerenciamento de páginas para internet mais popular. No momento ele ocupa mais de 60% do mercado”. (MAXFIELD, 2002, p.80) O servidor Apache é uma das diversas ferramentas disponíveis nesse segmento. Ele está disponível para as plataformas Unix Like, Solaris, Sun, Windows entre outras. Sendo um software de livre distribuição. O Apache não é o servidor mais rápido disponível, mas é muito estável e altamente expansível por meio de módulos. Esse recurso permite suportar todas as linguagens e formatos de computador usados na WWW atualmente (MAXFIELD, 2002, p. 80). 2.9 CARACTERÍSTICAS BÁSICAS DE UMA ANÁLISE DE SISTEMAS É importante destacar que a estruturação do desenvolvimento da pesquisa será feita através da Análise de Sistemas e de uma modelagem do projeto. Segundo Yordon (1990), para a análise de sistema é importante fornecer uma declaração dos requisitos verdadeiros do projeto que será construído. “Um requerimento verdadeiro, também conhecido como um requerimento essencial ou lógico, é uma característica que o sistema deve ter, qualquer que seja a tecnologia utilizada para implementá-los” ( p. 13). Ainda, segundo o autor, o projeto que faz parte da análise, é uma área crítica que, em muitas organizações, tem sido ignorado, delegado a pessoas erradas, ou executada por alguém não capacitado para fazer o trabalho. O que ocorre na maioria das vezes é que o projeto não feito ou executado de maneira correta acaba trazendo problemas no final. Projeto significa planejar ou estabelecer a forma e o método de uma solução. É o processo que determina as características principais do sistema final, que estabelece os limites superiores em desempenho e qualidade que a melhor implementação pode alcançar, e que pode até determinar qual será o custo final. (YORDON, 1990, p. 13) A construção de um modelo de sistemas relativamente grande ou altamente complexo é uma abordagem sólida na tentativa de administrar seu tamanho ou complexidade, para isso são utilizados os diagramas de fluxo de dados e de entidade relacionamento. Um diagrama de fluxo de dados é uma forma gráfica de mostrar a interdependência das funções que compõem um sistema, apresentando fluxos de dados entre elas. Essa forma de apresentação facilita a visualização e permite a compreensão rápida e organizada dos dados. O diagrama de entidade-relacionamento é um modelo em rede que descreve a diagramação dos dados armazenados de um sistema em alto nível de abstração. 3 JORNAL PARANÁ CENTRO ON-LINE Diante dos avanços tecnológicos, possibilitados pelo uso da internet, os sites tornaram um veículo de circulação de informação. Dessa forma, um dos principais jornais da 6
  • 7. XXVIII SEMAD 2008 – SEMANA DO ADMINISTRADOR/UEM – 30/09 a 03/10/2008 – Maringá/PR região de Ivaiporã-PR, “Jornal Paraná Centro”, resolveu criar, em 2004, seu primeiro site de informações noticiarias, para que as notícias que, antes circulavam apenas na versão impressa, circulassem também na web. A primeira versão é limitada para alguns municípios e a adesão de um meio de informação on-line possibilita a ampliação do jornalismo para além das fronteiras regionais, por isso, ressalta-se a importância desse avanço. Após o primeiro site de notícias ser criado, e ter um número de acesso máximo de 700 visitas, a direção do jornal percebeu a necessidade de trabalhar com maiores recursos para que o usuário encontrasse o que estava procurando com uma maior facilidade. Para isso, foi criado um novo site que incorpora uma versão mais atraente, que conta com um sistema informatizado para as atualizações serem feitas com maior agilidade. As atualizações antes eram feitas manualmente, mas, posteriormente, alguns recursos passaram a ser informatizados, o que, por sua vez, permitiu que o acesso fosse menos demorado. Com este novo site, a meta de facilitar o acesso às informações foi alcançada, sendo percebido por meio do aumento de visitas. A quantidade de internautas acessando o site cresceu significativamente, após dois anos da versão ser lançada, o número de visitantes passou para uma média de 30.000. Para chegar a esse número, esta versão do site foi sendo alterada aos poucos, conforme as necessidades que iam surgindo, indicando como ponto positivo para o crescimento dos recursos existentes no site. Contudo, devido a falta de organização e de projeto, a área administrativa do sistema acabou sendo praticamente inutilizada, restando apenas o módulo de inserção de matérias e que, ainda assim, é limitada. Em meados de 2005, a segunda versão do site foi colocada para funcionar. O novo site foi bem aceito pelos internautas, fato esse que pode ser visto no crescente número de acessos que a empresa passou a ter, chegando à média de 1000 novas visitas a cada mês, assim como se constata no gráfico: Gráfico 1: Demonstrativo do número de acessos entre os anos de 2006 e 2008. Fonte: Extraído da Ferramenta Google Analytics - http://www.google.com/analytics/pt-BR/ Para manter o sucesso entre os internautas, a versão foi sendo modificada pouco a pouco, mas devido à falta de projeto do site, essas modificações acabaram fazendo com que a área administrativa do sistema de inserção fosse inutilizada aos poucos, fazendo com que as atualizações ficassem demoradas e restritas às pessoas que tem conhecimento sobre linguagem de programação. Tendo em vista que as visitas dificilmente ultrapassam 30.000 acessos, no ano de 2008, a empresa novamente traçou metas para o crescimento na quantidade de usuários, para isso foram identificados diversos problemas na atual versão. 7
  • 8. XXVIII SEMAD 2008 – SEMANA DO ADMINISTRADOR/UEM – 30/09 a 03/10/2008 – Maringá/PR 3.1 JORNAL PARANÁ CENTRO ON-LINE: DESCRIÇÃO DO SISTEMA ATUAL E PROPOSTAS DE MELHORIA Ao analisar o site em funcionamento, observou-se que o maior problema encontrado é o intervalo entre as atualizações que, em geral, são feitas apenas uma vez por dia. Isso faz com que o usuário acesse o site uma vez e não se interesse em voltar a visitá-lo no mesmo dia, pois o conteúdo será o mesmo até o dia seguinte, sendo este o principal problema encontrado. O que ocorre é que a página de notícias que, depende diretamente da versão impressa do jornal, editado semanalmente, torna insuficiente a quantidade de matérias, pois diversas delas acabam se tornando depreciadas para a publicação, devido ao tempo passado. Tendo conhecimento dos problemas, um novo projeto, com base no site já existente, será criado. A pesquisa, de forma geral, propõe-se a demarcar as diversas falhas encontradas no atual sistema e apresentar novos recursos, possibilitando uma melhoria significativa, entre elas e a interação do usuário, de forma a atender as suas expectativas. Para solucionar os problemas mencionados, o novo site deverá obrigatoriamente ter todos os processos informatizados, pois isso, já resolverá parte dos problemas encontrados na versão atual. Em reunião com a diretoria da empresa, foi levantada a questão de criar uma interação dos internautas com o site. Para a solução deste problema foi proposta a criação de um sistema de comentários nas notícias publicadas. Para a participação do usuário no sistema de comentários, o indivíduo deverá se cadastrar no site. Os comentários deverão passar por uma aprovação antes de ser publicado. Para o desenvolvimento da pesquisa e do futuro site, realizou-se até o momento a coleta de dados que utiliza dois métodos, que visam a obter as informações necessárias: • Questionários que se identificam como instrumentos de pesquisa; • Elaboração de relatórios que serão desenvolvidos por meio de observações durante as visitas à Empresa. Durante as visitas à empresa, levantaram-se os dados e fez-se o encaminhamento de algumas questões para os colaboradores do centro de processamento de dados (CPD), como, por exemplo: • A empresa possui o site há quanto tempo? • Quantas versões o site já teve? • O site já está totalmente automatizado? Se não, o que falta ser automatizado? • Além de automatizar esses processos, o site irá agregar novos recursos? Quais? • O cadastro de usuários do site será utilizado apenas para que eles possam fazer comentários? Abaixo uma lista das funções que estão faltando ou funcionando de modo insatisfatório no sistema atual: • O espaço disponível para a hospedagem é pequeno para a quantidade de informações, o que faz com que haja a necessidade de apagar conteúdo do site para algumas atualizações. É necessário aumentar o espaço de armazenamento; • É complicado e demorado fazer atualizações, pois o sistema administrativo do gerenciador de notícias está quase todo inutilizado; • Existe um grande intervalo durante as atualizações; • O atual site não tem nenhum tipo relatório. 8
  • 9. XXVIII SEMAD 2008 – SEMANA DO ADMINISTRADOR/UEM – 30/09 a 03/10/2008 – Maringá/PR Mediante aos problemas destacados a diretoria da empresa visse a necessidade de criar um novo site para que as diversas falhas da versão atual fossem corrigidas. A nova versão do site deverá trazer novos recursos, tais como: Sistema de comentário nas notícias inseridas; Cadastro de usuários, para que possam fazer comentários; Controle sobre as propagandas que são inseridas no site; Sistema de pesquisa de notícias por cidade. Além de novos recursos, também serão melhorados e informatizados todos os processos já existentes no site. Dependendo das futuras necessidades da empresa, poderão ser acrescentados outros módulos ao sistema. Avaliou-se também que o site mantém apenas um dos recursos informatizados em funcionamento, o de inserção de notícias, mas que ainda assim é limitado, pois, o processo só aceita a inserção de uma foto por matéria. Havendo a necessidade de inserir mais fotos, o processo precisa ser feito por meio de códigos. Como propostas, na informatização e melhoria dos processos, têm-se: a inclusão e a exclusão de fotos, a inclusão, a exclusão e a alteração de matérias sem limite de fotos, a inclusão e a exclusão de publicidade, a inclusão e a exclusão de vídeos, a criação de novas edições, a criação de categorias para as matérias e um controle dos administradores do site com controle de permissões. Deve-se levar em consideração que na inserção de matérias e vídeos deverá constar uma opção para a vinculação de uma matéria com um vídeo. Notou-se também a necessidade da criação de um sistema mais eficaz para as atualizações, pois todos os dias um colaborador faz uma atualização. Isso poderia ser feito uma única vez, durante a atualização geral do site, que é feita aos domingos, com um sistema que pudesse programar a entrada da matéria no site, assim durante a semana o colaborador poderia se empenhar em outros serviços da empresa. Observou-se que algumas idéias já foram traçadas, em relação à construção do site. Todavia para que haja a sua construção e efetivação, faz-se necessário perpassar alguns passos: 3.1.1 ANÁLISE DE SISTEMA Nesta etapa do projeto, foram utilizados os recursos apresentados pelo levantamento de dados, para a criação de uma modelagem dos diagramas de entidade- relacionamento e fluxo de dados, que dará uma maior dimensão dos processos para continuidade da conclusão do projeto final. 4 CONCLUSÃO Este artigo apresentou os resultados parciais de uma pesquisa que busca desenvolver um novo modelo de site de informações noticiarias, para a empresa Jornal Paraná Centro on-line, gerenciado por um sistema informatizado, capaz de controlar a emissão de noticias vinculada a vídeos e fotos, que visa à melhoria nas atualizações de informações via internet, possibilitando a sua transmissão à sociedade de forma ágil e precisa, contribuindo, assim, com o crescimento social e político da região. Algumas visitas e estudos foram realizados para o levantamento dos atuais problemas relacionados ao site e algumas propostas de melhoria trazidas, a fim de possibilitar o seu futuro desenvolvimento. 9
  • 10. XXVIII SEMAD 2008 – SEMANA DO ADMINISTRADOR/UEM – 30/09 a 03/10/2008 – Maringá/PR Diante dos problemas abordados, como a questão da atualização das informações na web, além de um constante uso de trabalhos manuais sem muito conhecimento técnico, colocou-se em prática a metodologia científica das teorias da Administração, agregada aos fatores tecnológicos, que viabilizam a possibilidade de desenvolver um projeto e criar um sistema informatizado capaz de gerenciar o controle de notícias. A finalização do projeto trará um desempenho maior para a empresa, ao que se refere ao gerenciamento de suas notícias e possibilitando uma harmonia e aproveitamento maior de seus colaboradores em áreas específicas. 5 REFERÊNCIAS BEUREN, I. M. Gerenciamento da informação. São Paulo: Atlas S.A., 1998. BIO, S. R. Sistemas de informação um enfoque gerencial. São Paulo: Atlas S.A., 1985. CHIAVENATO, I. Introdução à teoria geral da administração. 6 ed. São Paulo: Campus, 2000. HAGEL, J. Pensando fora do quadrado. Rio de Janeiro: Campus, 2003 MAXFIELD, W. Aprendendo MySQL & PHP. São Paulo: Pearson Education do Brasil, 2002. MCGEE, J. Gerenciamento estratégico da informação. 5. ed. Rio de Janeiro: Campus, 1994. NAVATHE, S. B. Sistemas de banco de dados. 4. ed. São Paulo: Pearson Addison Wesley, 2006. NIEDERAUER, J. Desenvolvendo websites com PHP. São Paulo: Novatec editora Ltda. OLIVEIRA, D. P. R. Sistemas de informações gerenciais. 5. ed. São Paulo: Atlas S.A., 1998. PARK, J. PHP a Bíblia. 2. ed. Rio de Janeiro: Campus, 2002. SANTOS, A. A. Informática na empresa. São Paulo: Atlas S.A., 1998. SILBERSCHATZ, A. Sistema de banco de dados. 5. ed. Rio de Janeiro: Campus, 2006. SOARES, W. PHP 5: Conceitos, Programação e Integração com Banco de Dados. São Paulo: Erica, 2004. THOMSON, L. PHP e MySQL desenvolvimento web. 5. ed. Rio de Janeiro: Campus, 2003. YOURDON, E. Análise estruturada moderna. 3. ed. Rio de Janeiro: Campus, 1992. 10