SlideShare uma empresa Scribd logo
1 de 14
Baixar para ler offline
DOMINGO
EDIÇÃO DE RETROSPECTIVA
confira de um jeito diferente
como o ano aconteceu na
política, economia, esportes,
ensino, cultura e mundo.
ANO 123 | Nº 92
PORTO ALEGRE, DOMINGO, 31/12/2017
SC, PR - R$ 3,00 | RS - R$ 2,15
LOGO NO INÍCIO DO anO um
escândalo envolvendo
frigoríficos. A polícia federal
deflagrou a operação Carne
Fraca EM MARÇO para
desarticular uma rede formada
por inspetores sanitários e
frigoríficos para vender carne
e outros alimentos adulterados.
A NOTÍCIA levou vários países a
cancelar temporariamente a
importação do produto e
gerou uma crise no setor.
O agronegócio não
pode ser
desvalorizado por
'pequeno núcleo'
No litoral do Rio, uma tragédia:
Um avião cai com 4
pesSoas a bordo em
Paraty, Rio de
Janeiro. O ministro
Teori Zavascki do
Supremo Tribunal
Federal, que era
relator da Lava Jato
na Corte, foi uma
das vítimas.
19 de janeiro
No mundo corporativo, uma
imagem impensável anos atrás:
o homem que já foi considerado
o mais rico do Brasil vai parar
atrás das grades e aparece com
o cabelo raspado.
Eike Batista foi preso no fim de janeiro na Operação Eficiência,
um desdobramento da Lava Jato. Meses depois, foi solto.
enquanto isSo
em brasília...
A instabilidade
política não
deu trégua!
O presidente Michel
Temer também esteve
no olho do furação.
No dia 17 de maio foi divulgado
um diálogo entre temer e o
empresário Joesley Batista:
Tô de bem com Eduardo.
Muito bem.
...e...
Tem que manter isSo, viu?
Todo mês....
O Eduardo também, né?
Também.
joesley:
TEMER:
joesley:
joesley:
joesley:
TEMER:
TEMER:
Foi o estopim de
mais uma grave
crise política!
A conversa foi
gravada por Joesley,
um dos
proprietários do
frigorífico JBS, no
palácio do Jaburu.
Para os
procuradores, o
áudio mostrou que
Temer tentou
comprar o silêncio
do ex-deputado
Eduardo Cunha. EsSa
e outras acusações
levaram o Ministério
Público Federal
denunciar o
presidente por
corRupção e depois
por obstrução à
Justiça e
organização
criminosa.
janot denunciou temer ao stf por
corRupção pasSiva em 26 de junho
O Brasil VIVEU mais um ano
intenso na política com as
investigações da Lava Jato.
No olho do furação, o
presidente Michel Temer.
Na economia, uma leve
recuperação.
OS
QUADROS
DE
o ministro fachin, do stf,
autorizou a investigação de
dezenas de políticos
3
8
24
39
governadores
ministros
deputados
senadores
6 | CORREIO DO POVO +DOMINGO | 31/12/2017
Um ano depois do impeachment
de Dilma RousSefF o Brasil se
deparou novamente com batalhas
políticas na Câmara...
GOLPISTA!
petralha!
os dois pedidos de investigação
do presidente, algo inédito,
foram a votação em plenário....
...e foram barRados pelo
governo com facilidade.
263 x 227
251 x 233
Mas a
delação dos
executivos
da JBS ainda
teria outros
capítulos.
Joesley e
Ricardo
Saud
acabaram
presos
por suspeita
de omitir
informações
ao MPF.
A Lava Jato
entrou no terceiro
ano e mais uma vez tirou
o sono de vários
outros políticos.
além de temer, quem também
SE TORNOU alvo foi o senador
aécio neves. gravado pedindo
R$ 2 milhões, ele chegou a ser
afastado do cargo, mas retomou
o mandato e teve o pedido de
investigação arquivado.
Um deles foi Lula...
EM JULHO O juiz Sergio Moro condenou o ex-presidente a nove anos e
meio de prisão. O líder petista foi acusado de ser o beneficiário do
apartamento triplex no Guarujá, oferecido pela OAS em troca de sua
influência para obter contratos na Petrobras.
o dinheiro estava em um
apartamento em salvador
utilizado como um bunker
pelo ex-ministro GedDel Vieira
Lima. ele acabou preso.
R$ 51 milhões
a fortuna foi considerada a
maior apreEnsão de dinheiro vivo
da história da Polícia federal.
mas a imagem que
ficará marcada
como o retrato da
corRupção em 2017
será esta:
a decisão teve forte impacto no
cenário político, gerou protestos
e deve ter novo desDobramento
em 2018, quando o TRF-4, em
porto alegre, vai analisar o
caso em segunda instância. O
JULGAMENTO SERÁ NO DIA 24/1.
lula
“Se alguém pensa que
com esSa sentença me
tiraram do jogo, podem
saber que eu estou no jogo.
(...) a partir de agora vou
reivindicar do PT o direito
de me colocar como
postulante à candidatura à
Presidência da República”.
CONTINUA >>
antes disSo, ainda no início do
ano, quem também recebeu
condenação no âmbito da Lava
jato foi eduardo cunha.
15 ANOS
POLÍTICO
PRESO
NO OLHO DO FURACÃO, A PGR
TROCOU DE COMANDO. SAI rodrigo
JANOT E ENTRA RAQUEL DODGE.
ENQUANTO UNS ENTRAM PARA A
PRISÃO, OUTROS SAEM. GILMAR
MENDES FOI BASTANTE CRITICADO
PELA QUANTIDADE DE HABEAS
CORPUS EXPEDIDOS EM
FAVOR DE INVESTIGADOS.
AGUARDA
JULGAMENTO
POLÍTICO
PRESO
mendes também foi
protagonista no
julgamento da
chapa dilma-temer.
com o seu voto o
tse decidiu manter
O PRESIDENTE
NO CARGO.
garotinho que o diga!
31/12/2017 | CORREIO DO POVO +DOMINGO | 7
escândalos também
no rio de janeiro.
a cidade maravilhosa
viveu sua pior crise.
políticos presos,
instituições sob
suspeita, cofres
vazios, insegurança
recorde...
JÁ no apagar das luzes de 2017,
mais uma cena impensável: paulo
maluf é preso aos 86 anos
por lavagem de dinheiro.
fim
PESQUISAEINFOGRAFIA:JONATHASCOSTA | ARTESOBFOTOSDERODRIGOFONSECA/AFP/CP;PEDROCADEIRA/FOLHAPRESS/CP;STF/DIVULGAÇÃO;MARINHA/
REPRODUÇÃO;RICARDOBORGES/FOLHAPRESS/CP;EVARISTOSA/AFP/CP;RODRIGOPOZZEBOM/AGBR/CP;MARCELOCAMARGO/AGBR/CP;RODRIGOPOZZEBOM/
AGBR/CP;DANILOVERPA/FOLHAPRESS/CP;ANDRESSAANHOLETE/AFP/CP;FELIPEARAÚJO/PT/CP;JOSÉCRUZ/AGBR/CP;VLADIMIRPLATONOW AGBR/CP;
PEDROLADEIRA/FOLHAPRESS/CP;MARCELOCAMARGO/AGBR/CP;PF/DIVULGAÇÃO;PEDROLADEIRA/FOLHAPRESS/CP;FABIOWANDERLEY/PIXABAY;DIVULGAÇÃO
/CP;DIVULGAÇÃO/CP;TCERJ/DIVULGAÇÃO/CP;HOANATALITA/DIVULGAÇÃO/CP;JOSÉCRUZ/AGBR/CP;ENELSONANTOINE/FOLHAPRESS/CP
MAS O GOVERNO REÚNE ESFORÇOS
EM OUTRO PROJETO. OS ÚLTIMOS
EMBATES POLÍTICOS DO ANO
FICARAM POR CONTA DA
REFORMA DA PREVIDÊNCIA.
SE NA POLÍTICA SÓ NOTÍCIAS RUINS,
NA ECONOMIA UMA RECUPERAÇÃO
TÍMIDA MANTEVE VIVA A ESPERANÇA
DE DIAS MELHORES. A SUPERSAFRA
DE 2017, A MELHOR DA HISTÓRIA,
FOI UM DOS DESTAQUES.
já o banco central, nA ÚLTIMA
REUNIÃO DO ANO, cortou OS JUROS
PARA O MENOR PATAMAR HISTÓRICO.
O BOM RESULTADO OCOREU Graças
às condições climáticas
excepcionalmente favoráveis aos
grãos (com exceção do trigo).
Apesar diSo, o setor primário
não fez festa. É que os
preços dos principais
produtos recuaram ou ficaram
estagnados durante o ano.
outro fato comemorado
pelo governo foi a
aprovação, pelo congreSo,
da reforma trabalhista.
A CLT foi alterada em
vários pontos.
Trabalho
ntermitente
Trabalho
remoto
Terceirização
Multa
Ações
na Justiça
quem também não tem
o que comemorar é a
CADEIA leiteira,
que viveu um
ano de crise.
Na tentativa de enxugar a oferta, o governo chegou a suspender
importações do Uruguai, mas a medida acabou revogada.
faltou avisar as operadoras
de cartão de crédito...
CONSIDERADA ESENCIAL PARA O
GOVERNO, A PROPOSTA DEVE PAUTAR
A AGENDA POLÍTICA E ECONÔMICA
NOS PRÓXIMOS MESES.
87 ANOS
POLÍTICO
PRESO
ex-governador
sérgio cabral
AGUARDA
JULGAMENTO
POLÍTICO
PRESO
presidente aSEMBLEIA
jorge piCiani
INVESTIGADO
ex-presidente tce-rj
jonas lopes
OS EX-GOVERNADORES GAROTINHO E CABRAL FORAM PRESOS. O ATUAL, LUIZ FERNANDO PEZÃO, É RÉU. O PRESIDENTE DA ASEMBLEIA LEGISLATIVA E OUTROS DOIS
DEPUTADOS TAMBÉM FORAM PARAR ATRÁS DAS GRADES. NO TRIBUNAL DE CONTAS, UMA LIMPA RETIROU QUATRO DOS SETE CONSELHEIROS. O RIO PEDIU SOCORO EM 2017!
SAFRA
RECORDE
237MILHÕES DE TONELADAS
35MILHÕES DE TONELADAS
R$ 67
JAN
R$ 64
DEZ
R$ 57
MAI
R$ 31
JAN
R$ 27
DEZ
R$ 22
MAI
R$ 48
JAN R$ 36
DEZR$ 39
MAI
soja
milho
arroz
337,9%
taxa selic
7%
juros do cartão de crédito
“a reforma
é a única saída”
é, 2018 promete!
7 ANOS
POLÍTICO
PRESO
8 | CORREIO DO POVO +DOMINGO | 31/12/2017
AS DIFICULDADES FINANCEIRAS DO
ESTADO SEGUIRAM PAUTANDO O GOVERNO
SARTORI AO LONGO DO ANO.
OS
QUADROS
DE
fim
PESQUISA: ANÁLIA KOHLER | INFOGRAFIA: JONATHAS COSTA | ARTE SOBRE FOTOS DE MAURO SCHAEFER / CP
MEMÓRIA; RODRIGO ZIEBELL / SSP / CP MEMÓRIA; TARSILA PEREIRA / CP MEMÓRIA; MAURO SCHAEFER; SAMUEL
MACIEL; GUERREIRO / AGÊNCIA ALRS / CP; REPRODUÇÃO; CARLOS MOURA / SCO / STF / CP; KARINE VIANA / PALÁCIO
PIRATINI / CP; CARLOS MOURA / SCO / STF; PEDRO BELO GARCIA / AGÊNCIA ALRS / CP; RICARDO GIUSTI.
2017 começou no rescaldo do
ano anterior. No apagar das
luzes de 2016, a AsSembleia
gaúcha aprovou a extinção de
várias fundações, dentro de um
pacote de mudanças do estado.
e A crise nos cofres públicos
pautou o governo.
o Estado conseguiu que duas
fundações deixasSem
oficialmente de existir: a
Superintendência de Portos e
Hidrovias (SPH) e a Fundação
Estadual de Produção e Pesquisa
em Saúde (FEpPS), que tiveram os
CNPJs extintos.
O mesmo destino teria a Corag
e a Metroplan, não fosSem as
inúmeras medidas judiciais que
terminaram por trancar o
procesSo. a decisão chegou a
ser anunciada no Diário Oficial,
mas acabou travada na justiça e
segue indefinida.
Anunciada como a primeira a ser
extinta, a fundaçãO PIRATINI se
manteve funcionando durante
todo o ano. Foram idas e vindas
de ações legislativas, liminares
jurídicas e mobilização sindical.
o governo também tentou
privatizar a CeEE, a CRM e a
Sulgás, mas é preciso de
respaldo em plebiscito. a pauta
gerou debates que fizeram ir e
voltar o projeto na AsSembleia,
sem qualquer definição.
o RS pasSou o ano negociando
com a União uma forma de
jogar para adiante a dívida. para
isSo, ofereceu o BRDE, o
Badesul e a EGR, mas técnicos
federais insistem em ativos
'melhores'.
Com tantas indefinições e com a
crise se agravando, o Estado
não viu solução a curto prazo
e tomou uma decisão: priorizar
o pagamento dos salários
menores, deixando para as
semanas seguintes os mais
altos, na dependência de
disponibilidade de caixa.
sartori também decidiu não
pagar as parcelas da
dívida e ingresSar
na justiça. a
medida surtiu
efeito e o stf
aceitou suspender
temporariamente
os pagamentos.
Com esSe alívio momentâneo,
o Estado pasSou a agilizar as
negociações do chamado
Regime de Recuperação Fiscal
com o governo federal. um
pré-acordo foi asSinado em
dezembro.
novas
discusSões
levaram o stf a
garantir ao rs o
direito de não
abrir mão de
procesSos
judiciais contra
a união para
manter a
renegociação
anterior da
dívida.
apesar do cenário de
indefinição na asSembleia, o
governo aposta no acordo
para alivar os cofres públicos
e tentar normalizar o
pagamento dos salários do
funcionalismo público.
ainda asSim era preciso aprovar o
pré-acordo na AsSembleia, feito
que ficou para 2018. depois de
muito debate, os Deputados
acabaram não votando a proposta,
que deverá voltar à análise,
posSivelmente em janeiro.
as contas do
rs não podem
ser bloqueadas!
A CeEE ÉPATRIMÔNIO
DOS GAÚCHOS!
O ESTADO
PRECISA
VENDER ATIVOS!
“NÃO HÁ
PLANO B”
31/12/2017 | CORREIO DO POVO +DOMINGO | 9
Greves e parcelamento de
salários afetaram
profesSores públicos
estaduais e municipais,
gerando embates, o ano
todo. Houve mudanças em
programas nacionais, como
o novo Fies, e desponta a
Base CurRicular Nacional. Já
o corte de recursos
federais deixou no limite
universidades, ciência e
tecnologia.
OS
QUADROS
DE
2017 começou com um novo
secretário da educação na
capital. estreante na administração
pública, ele provoca polêmica
quando, ainda em período de
férias, determina
mudanças
na carga
horária
docente
e rotinas
escolares.
Na esfera estadual, o magistério público amarga, em 2017, o 3º
ano ininterRupto de parcelamento de salários. Com as crises
econômica e política no país, os protestos se intensificam,
gerando fortes confrontos com o governo do Estado.
O começo das aulas veio acompanhado de cobranças do Cpers por
melhorias no Ensino. AsSim, ainda em março, o Sindicato deu início a
paralisações de profesSores, que, no decorRer do ano, se
aprofundaram e registraram a segunda maior greve do magistério
estadual, totalizando, de setembro a dezembro, 94 dias sem aulas,
ainda que não com adesão total da categoria.
“dança das cadeiras” no comando
da Secretaria. Luís Alcoba de
Freitas abriu 2017 ainda no comando
da pasta, mas ficou no cargo só
até abril. Em maio, asSumiu, então,
o administrador de empresas
Ronald KrumMenauer, outro
novato na gestão pública.
Já no Cpers, a experiência de
Helenir Aguiar Schürer é
aprovada nas urnas. em maio, a
profesSora é reEleita
presidente do Cpers, tomando
posSe em junho, para nova
gestão no Sindicato.
A pauta nacional, estadual e
municipal, em muitos casos com
enfrentamentos comuns, uniu os
funcionários públicos e
fortaleceu os protestos do
magistério. Os servidores
foram, desSa forma, vistos
juntos com constância, no
decorRer de 2017.
A falta de diálogo inicial e
posteriores parcelamentos de
salários resultaram em
protestos. a categoria
realizou greve de 40 dias junto
aos demais servidores
municipais em embates que se
seguiram durante o ano.
Também no limite, o Ensino
Superior — que abriu 2017 com
orçamento menor que o de
2016 — deu sinais de desespero.
em agosto, os cortes e atrasos
de repasSses federais mobilizaram
reitores de todo o país. Ciência e
Tecnologia foram também afetadas.
Depois de um ano de escasSez
de verbas, no final de
novembro, o MEC anunciou a
liberação de 100% do custeio.
Adriano Naves de Brito
aumentamos
o tempo do
profesSor
em sala de aula
Não temosrecursosem caixa queremos o
fim dos
parcelamentos
LIBERAMOS R$ 343,54 milhões
para as universidades federais
E R$ 148,54 milhões para os
institutos federais.
10 | CORREIO DO POVO +DOMINGO | 31/12/2017
fim
PESQUISAMARIAJOSÉVASCONCELOSEVERANUNES: |INFOGRAFIA:JONATHASCOSTA | ARTESOBREFOTOSDE
RICARDOGIUSTI;SAMUELMACIEL;DIEGOCOSTA/SEDUC/CP;RICARDOGIUSTI;RODRIGORODRIGUES/SEC-RS/CP;
GUILHERMETESTA/CPMEMÓRIA;GUILHERMETESTA/CPMEMÓRIA;DIVULGACAO/CPMEMÓRIA;GUILHERMETESTA;
DIVULGAÇÃO/UNIRITTER/CP’;ALINEESPINDULA/DIVULGACAO; PIXABAY/DIVULGAÇÃO
já na Ufrgs, alterações na
política de Ações Afirmativas
permitirão ingresSo de
pesSoas com deficiências. já a
política de verificação das
cotas foi contestada e ainda
será pauta em 2018.
Em cenário de dificuldades, as
novidades se limitaram. Mas a
autorização do MEC, em agosto,
de novos cursos de Medicina no
país — dois deles no RS — se
destacou. As turmas serão
oferecidas pela FeEvale, e Unisinos.
a lista gaúcha fica completa com
a permisSão de abertura de
Medicina na URI Erechim e
autorização para a unijuí.
Mas quando a vida acadêmica
parecia ter um fôlego, ao
findar 2017, dezembro
surpreEnde com o anúncio de
demisSões, em grande
quantidade, de docentes no
Ensino Superior do país.
homologada em dezembro, a
Base Nacional Comum CurRicular
da educação básica também
mobiliza 2018. a aplicação terá
2 anos para implementação nas
escolas. já a BNcC do Ensino
Médio não decolou em 2017 e
será mais uma tarefa para o
próximo ano.
o Fies também sofreu
alterações neste ano. divulgado
em julho e sancionado em
dezembro, O benefício será
dividido em três modalidades a
partir de 2018. as mudanças
foram criticadas pelo Ensino
Superior privado.
Base CurRicular
Nacional, Novo Fies,
PNE, orçamentos e
salários seguem na
pauta. o magistério
público, em todas
as esferas e níveis
de Ensino, tudo
indica, se mantém no
combate às
reformas
trabalhista e da
Previdência em 2018.
no RS, Na UniritTer, houve troca
da grade curRicular e demisSão
de 128 profesSores. a
instituição, contudo, acabou
impedida, pelo TRT, de efetuar a
rescisão com os docentes. No
grupo Estácio, mesmo embate
judicial se segue E serão, ainda,
asSuntos em 2018.
31/12/2017 | CORREIO DO POVO +DOMINGO | 11
A área da segurança toma
conta dos noticiários,
mas, em meio a tantos
fatos, 2017 também foi um
ano em que a natureza
mostrou sua força.
OS
QUADROS
DE
a violência em presídios do
Amazonas; Roraima e Rio Grande
do Norte marcou o começo do
ano. Confronto entre facções
criminosas dentro das casas
prisionais deixaram mais de uma
centena de mortos.
No Rio Grande do Sul, a guerRa
entre facções criminosas está
nas ruas. Integrantes de
gangues como V7, Bala na Cara e
Antibala se enfrentam em
conflitos por pontos de
drogas e domínio de áreas.
AsSasSinatos, muitas vezes com
esquartejamentos,
estenderam-se por todo ao ano.
Porto Alegre e as cidades da Região Metropolitana são as que mais
sofrem. Em um dos episódios de violência, em Gravataí, a disputa
entre grupos criminosos causou a morte de duas pesSoas e deixou
33 feridas em um atentado a uma festa.
o estado também fez sua maior
investida contra as facções
criminosas e o tráfico de
drogas. Em julho, transferiu 27
presos para presídios federais.
Como se não bastasSe a criminalidade, o sistema penitenciário do
Estado esteve superlotado. Presos ficaram em delegacias ou
algemados em ônibus e viaturas da Brigada Militar. até um aparelho
de ar condicionado foi utilizado para algemar detidos.
do semiaberto da Capital fugiu
Cláudio Adriano ribeiro, o
Papagaio. Foi sua sétima fuga
do sistema prisional. Papagaio
foi o primeiro e único detento
a conseguir fugir da pasc.
mas No interior do Estado, os
bancos continuaram sendo o
alvo dos asSaltantes em ataques
que, em alguns casos, fizeram a
população de escudo humano.
Em meio à violência nas ruas
do país, policiais reclamam de
más condições de trabalho e
baixos salários. Em Vitória, no
Espírito Santo, policiais
militares entram em greve,
gerando caos nas ruas. No
final do ano, os policiais
militares, civis e bombeiros do
Rio Grande do Norte também
paralisaram as atividades.
No Rio, além da
eclosão da
violência em
muitas favelas,
o asSasSinato
de policiais
militares
também foi a
tônica. foram
132 execuções
no ano.
brutalidade também em minas
gerais, onde um segurança
ateou fogo em uma creche e
matou a profesSora e crianças.
o ataque chocou o país.
na busca para estancar a crise, o governo
do estado inaugurou o presídio de canoas
e três centros de triagem. no final do
ano, a BM também recebeu novas viaturas.
12 | CORREIO DO POVO +DOMINGO | 31/12/2017
fim
PESQUISA:ANÁLIAKOLLER,PAULOROBERTOTAVARES,ANAALÉCIAEVERIDIANADALLAVECHIA|INFOGRAFIA:JONATHASCOSTA | ARTESOBREFOTOS
DERICARDOGIUSTI;POLICIACIVIL/DIVULGAÇÃO/CP;24BPM/DIVULGAÇÃO;FERNANDABASSOA/CPMEMÓRIA;RODRIGOZIEBELL/SSP/CP;PC/
DIVULGAÇÃO/CP;RODRIGOZIEBELL/SSP/CP;DIVULGAÇÃO/CP;GABRIELLORDELLO/FOLHAPRESS/CP;VLADIMIRPLATONOW/AGÊNCIABRASIL/CP
MEMÓRIA;DIVULGAÇÃO/PMMG/CP;ARQUIVOPESSOAL/DIVULGAÇÃO/CP;MARCELLODANTAS/OPOPULAR/FOLHAPRESS/CP;HALDERRAMOS/CP
MEMÓRIA;PAULOPASA/FOLHADECAXIAS/DIVULGAÇÃO/CP;FERNANDABASSÔA/ESPECIAL/CPMEMÓRIA;RICARDOGIUSTI;STEPHANYSANDER/CP
MEMÓRIA;ALINASOUZA;MPRS/DIVULGAÇÃO;JOAOALVES/CPMEMÓRIA;MAUROSCHAEFER;SAMUELMACIEL;MAUROSCHAEFER.
Em goiânia, um Aluno atirou em
colegas dentro de uma escola,
matou dois deles e feriu quatro.
temporais, ventanias, enxurRadas, cheias, alagamentos e até tornados. Os eventos climáticos adversos no
rio grande do sul resultaram em estragos de imóveis, danos na agricultura e quedas de árvores e postes,
além de deixarem famílias desabrigadas ou desalojadas e causarem mortes.
Em março, um
tornado, com
rajadas de até
150 km/h atingiu o
município de São
Francisco de Paula,
na SerRa, causando
a morte de um
morador, ferindo
outros 70 e
deixando aos menos
1,5 mil pesSoas
fora de casa.
Os ventos ainda causaram outros
estragos. Em Esteio, a queda de
parte da estrutura do palco
durante um festival de música
eletrônica causou uma morte e
deixou mais três pesSoas feridas.
E não foi só o vento que tirou
famílias de casa em 2017. Vários
episódios de enxurRadas e
alagamentos no vale do
paranhana e nas Fronteiras
Oeste e Noroeste prejudicaram
milhares de moradores.
A polêmica envolvendo os abates
de cervos exóticos do parque
Pampas Safari veio à tona em
agosto. Diante da suspeita de
contaminação por tuberculose,
o sacrifício envolveria cerca de
300 animais. Vinte chegaram a ser
abatidos. O caso ganhou
repercusSão no país e até no
Exterior, tornando-se alvo de
protestos de grupos
defensores de animais.
Um dos asSuntos mais
importantes neste ano
envolvendo a tragédia da
boate KisS foi que, em 1º de
dezembro, o Tribunal de
Justiça do RS decidiu que os
quatro réus do caso não
devem ir a júri popular.
O ano também foi marcado pelo
anúncio do projeto de
construção de um memorial às
242 vítimas da tragédia. A obra
deverá ser executada na área
onde funcionava a casa noturna.
Em Porto Alegre, um grupo
alemão venceu o leilão pelo
Aeroporto Salgado Filho. A
empresa vai administrar o
aeroporto pelos próximos
25 anos, prorRogáveis por
mais cinco.
por falar em automóveis, a nova
política de reajustes para os
combustíveis do governo
federal obrigou o consumidor
a uma nova realidade: conviver
com aumentos de preços quase
semanais e a busca do valor
mais em conta nas bombas.
Susto também na hora de fazer
comida! o preço do botijão de
gás subiu mais de 84% ao longo
do ano. Na conta de energia
elétrica da ceEe,
aumento de
30% justo no
“apagar das
luzes” de 2017.
Em junho, outro
tornado causou duas
mortes no distrito de
Vila Oliva, em Caxias do
Sul, além de ferir mais
cinco pesSoas e deixar
450 desalojados.
já a GM anunciou INVESTIMENTOS
PARA A expansão da unidade de
Gravataí, o que consolida a
unidade como a mais importante
da montadora na América Latina.
na capital, uma tempestade
atingiu o Concerto de
Primavera da Orquestra
Sinfônica de Porto Alegre,
derRubando o palco e
asSustando o público.
Cabe recurso
ao Superior
Tribunal de
Justiça e o
Ministério
Público JÁ
DECIDIU O QUE
FAZER:
VAMOS
RECOrRERDA DECISÃO!
R$ 1,4 bilhãoR$ 1,4 bilhão
31/12/2017 | CORREIO DO POVO +DOMINGO | 13
MARCADO POR
DESASTRES NATURAIS
E ATENTADOS, 2017
FICARÁ PARA A
HISTÓRIA COMO O
PRIMEIRO ANO DE
TRUMP NO PODER
OS
QUADROS
DE
Em 2017, o
mundo
conheceu
o estilo
Trump de
governar.
Já na posSe o republicano
deixou bem claro: em seu
governo os Estados Unidos
estarão em primeiro lugar.
Trump desfez quase tudo O que o
governo do antecesSor apoiou, mandou
deportar os migrantes em situação
irRegular e deixou o acordo do clima
de Paris. Além disSo, criou um decreto
anti-imigração para fechar as fronteiras
dos Estados Unidos aos refugiados e
cidadãos de vários países muçulmanos.
Apesar de várias informações
novas, a investigação sobre os
laços da campanha de Trump
com a RúsSia não foi concluída.
A Casa Branca e o regime
norte-coreano
protagonizaram uma guerRa
verbal que elevou os temores
de um conflito nuclear.
Pyongyang surpreEndeu a
comunidade internacional ao
realizar um teste com a
poderosa bomba de
hidrogênio.
Já no fim do ano, trump decidiu
reconhecer Jerusalém como
capital de Israel. A medida foi
criticada por líderes árabes e
por parte da comunidade
internacional e levou
a confrontos
entre
palestinos
e forças de
segurança
israelenses.
No Caribe e no Golfo do
México, tempestades
provocaram destruição e
morte. As mais devastadorAs
foram os furacões Harvey,
Maria e irma - que chegou a se
formar entre outros dois
furacões ao mesmo tempo.
Em Portugal, 64 pesSoas
morReram carbonizadas dentro
de seus carRos quando
tentavam fugir de incêndios
florestais.
O fogo também levou
destruição e morte para a
Califórnia. BairRos inteiros
viraram cinzas. Mais de 40
pesSoas perderam a vida e
milhares ficaram desabrigadas.
AMERICAN
FIRST!
#CHATEADO
NO!
Em segundos de pânico, um
sismo de magnitude 7,1 deixou
369 mortos na Cidade do
México. A tragédia ocorReu no
dia 19 de setembro, quando se
completavam 32 anos do
terRemoto de 1985.
a terRa voltou a tremer Em
novembro, quando um tremor
de magnitude 7,3 atingiu a
região da fronteira entre Irã
e Iraque. Mais de 400 pesSoas
morReram.
jose
irma
katia
14 | CORREIO DO POVO +DOMINGO | 31/12/2017
fim
PESQUISA: MARINA GREGOLIN | INFOGRAFIA: JONATHAS COSTA | ARTE SOBRE FOTOS DE: JIM WATSON / AFP / CP; MARK WILSON/GETTY
IMAGES/AFP; SAUL LOEB/ AFP; DAVID MCNEW / AFP; JEWEL SAMA / AFP; ROBYN BECK / AFP; BEN STANSALL/ AFP; JOE RAEDLE / AFP; KCNA
VIA KNS / STR / SOUTH KOREA OUT / AFP; GOVERNO NORTE-COREANO/ AFP/ CP; SPENCER PLATT / GETTY IMAGES NORTH AMERICA / AFP;
RONALDO SCHEMIDT / AFP; POURIA PAKIZEH/ ISNA/ AFP; NASA / DIVULGAÇÃO; PATRICIA DE MELO MOREIRA / AFP ; ROBYN BECK / AFP;
DANIEL LEAL-OLIVAS / AFP; DAVID BECKER / AFP; DIVULGAÇÃO / AFP; FEDERICO PARRA / AFP; PRESIDENCIA / AFP; FEDERICO PARRA / AFP;
LLUIS GENE / AFP; JOSEF LAGO/ AFP; EITAN ABRAMOVICH / AFP
Em Londres,
pânico e
pavor em
meio às
chamas. O
fogo
consumiu um
prédio de
27 andares
e matou 70
pesSoas.
O terRorismo não deu trégua em 2017.
Em Las Vegas, da janela de um
hotel, o aposentado Stephen
PadDock abriu fogo contra
uma multidão que asSistia a um
show. No total, 58 pesSoas
perderam a vida e mais de 500
ficaram feridas. Foi o
maior ataque a tiros
da história americana.
O ciberataque atingiu empresas
e instituições de mais de 150
países, incluindo o Brasil.
Na Venezuela, a crise política e econômica se agravou.
Entre abril e julho as manifestações exigindo a saída
do presidente Nicolas Maduro deixaram 125 mortos.
Madri destituiu o governo
catalão de Carles Puigdemont,
disSolveu o parlamento e
convocou eleições. REALIZADO
EM DEZEMBRO, O PLEITO
CONFIRMOU A VITÓRIA DOS
SEPARATISTAS.
Na Argentina, o
desaparecimento do submarino
ARA San Juan com 44
tripulantes abalou o país.
VáriAS NAÇÕES se uniram para
realizar as buscas, mas o ano
acaba sem notícias.
Na ESPANHA, o segundo
semestre do ano foi marcado
por uma grave crise
desencadeada por um
referendo sobre a
independência da Catalunha,
região autônoma DO PAÍS.
No dia da votação, houve
represSão policial e mais de
800 pesSoas ficaram feridas.
O governo espanhol e a
comunidade internacional não
reconheceram o resultado.
E FOI NO AMBIENTE DIGITAL QUE O
MUNDO VIU A MAIOR VALORIZAÇÃO
DA HISTÓRIA DE UMA MOEDA. OS
BITCOINS SALTARAM DE U$ 1 NO
INÍCIO DO ANO PARA MAIS DE
U$ 16 MIL EM DEZEMBRO.
Maduro convocou uma AsSembleia Constituinte, que tem
poderes absolutos e não é reconhecida por governos
americanos nem europeus. O país deixou a Organização
dos Estados Americanos e foi suspenso do Mercosul.
MORTES E MEDO TAMBÉM EM Estocolmo, Paris, São Petersburgo, IstambuL E CIDADES DOS EUA.
na somália e no egito, os ataques deixaram mais de 300 mortos em cada país.
22 MORTES
MANCHESTER
7 MORTES
LONDRES
8 MORTES
nova iorque
13 MORTES
barcelona
Em 2017, o mundo viu
o maior ataque
cibernético da
história!
AsSembleia Constituinte,
TENSÃO
TAMBÉM
NA EUROPA
31/12/2017 | CORREIO DO POVO +DOMINGO | 15
O ano esportivo foi
recheado de façanhas
que marcaram época,
como o tri da América
do Grêmio e o bi mundial
de Mayra Aguiar, além de
realizações fora de
campo, como as
investigações de
corRupção no futebol.
OS
QUADROS
DE
Se 2016 já havia sido bom para
os gremistas, com a conquista
do penta da Copa do Brasil, 2017
reservava vitórias ainda mais
expresSivas. Apesar de ser
eliminado nas semifinais do
Gauchão, no início
do ano, o foco
tricolor
sempre foi a
Libertadores.
E desta vez o
tricampeonato
não escapou.
Em uma campanha consistente, a
equipe treinada por Renato
Gaúcho levantou a taça ao
vencer na final os argentinos
do Lanús por 1 a 0 em Porto
Alegre e depois por 2 a 1, na
Argentina, com direito a um
golaço de Luan, o jogador
que mais se destacou ao
longo do ano.
Duas semanas depois da festa
pelo título, o Grêmio já estreava
no Mundial de Clubes, em Abu Dhabi,
na esperança do bicampeonato. O
time até pasSou pelo Pachuca, mas
não conseguiu fazer frente ao
superelenco do Real Madrid e
perdeu por 1 a 0.
campeão da
libertadorescampeão da
libertadores
Gauchão é aquele campeonato
no início da temporada
vencido por Inter ou Grêmio,
certo? Nem sempre. Em 2017, o
Novo Hamburgo resolveu
atrapalhar a série de
conquistas da dupla Gre-Nal.
E Se O ANO prometia ser DIFÍCIL
para o Inter, bem, não
decepcionou. para variar, alguns
técnicos pagaram o pato.
Ao final da temporada, o então interino Odair
HelLmanN foi promovido a técnico para 2018.
Já o time, com
alguma dose
de sofrimento,
mas amparado
em nomes
como
D'AlesSandro,
terminou em
segundo lugar
e garantiu o
retorno à
Série A.
campeão
gaúchocampeão
gaúcho
ANTÔNIO CARLOS ZAGO
ERA APOSTA, MAS CAIU
NO INÍCIO DA SÉRIE B
ENCAMINHOU O TIME,
MAS NÃO EMPOLGOU
GUTO FErREIRA
“2018 será um ano de
aprendizados para não
cometermos os erRos do pasSado”
Naquela que provavelmente deve
ter sido a última edição da Copa
das Confederações, a Alemanha
nem precisou de força máxima
para levantar a taça.
POR FALAR EM COPA, O BRASIL
GARANTIU A VAGA sem sofrimento
ao vencer o Paraguai por 3 a 0 e
alcançar oito vitórias
consecutivas sob o comando de
Tite. A CLAsSIFICAÇÃO VEIo com
quatro rodadas de antecedência.
Com todas as 32 seleções
definidas - e sem algumas
tradicionais, como Itália e
Holanda -, a Fifa sorteou os
grupos da Copa de 2018, na
RúsSia. E o Brasil não teve
muito do que reclamar...
FESTA TAMBÉM PARA A SELEÇÃO
FEMININA DE VÔLEI, QUE
COMEMOROU mais um título de
Grand Prix, o 12º. OS HOMENS
FICARAM COM O VICE DO MUNDIAL.
campeão da
copa das
confederações
campeão da
copa das
confederações
campeãs
do grand prix
campeãs
do grand prix
EITA!
SUÍÇA COSTA RICA SÉRVIA
FALTA A ESTÁTUA!
16 | CORREIO DO POVO +DOMINGO | 31/12/2017
fim
PESQUISA: CARLOS CORRÊA | INFOGRAFIA: JONATHAS COSTA | ARTE SOBRE FOTOS DE: FABIANO DO AMARAL; RICARDO GIUSTI;
RICARDO GIUSTI; RICARDO GIUSTI; MAURO SCHAEFER; SAMUEL MACIEL; MAURO SCHAEFER; GUILHERME TESTA / CP MEMÓRIA;
GUILHERME TESTA / CP MEMÓRIA; RANCOIS XAVIER MARIT/ AFP; LUCAS FIGUEIREDO / CBF / CP; AFP / GETTY IMAGES; AFP / GETTY
IMAGES; AFP / GETTY IMAGES; FIVB/ DIVULGAÇÃO; NBA / GETTY IMAGES; / AFP; FRANCK FIFE / AFP; BEN STANSALL/ AFP; TIMOTHY A.
CLARY/ AFP; ANDREJ ISAKOVIC / AFP; RICARDO MOREIRA/ FOTOARENA/ FOLHAPRESS/ CP; LUCAS FIGUEIREDO / CBF / CP; ATTILA
KISBENEDEK / AFP ; CARLA WOLSKI / FUTURA PRESS / FOLHAPRESS; MAURO PIMENTEL / AFP E DANIEL MARENCO / FOHAPRESS / CP
OUTRO ÍCONE DO ESPORTE, USAIN BOLT SE
despedIU DAS PISTAS NESTE ANO, MAS NÃO DA
MANEIRA COMO TODOS ESPERAVAM...
NOS RINGUES, o norte-americano
Floyd Mayweather Jr. e o
irlandês ConNor McGregor
TRAVARAM UM GRANDE DUELO.
Mayweather venceu por nocaute
no 10º asSalto E levou para
casa incríveis
100 milhões
de dólares.
JÁ o
cruzeiro
ficou com a
copa do
brasil pela
5ª vez.
aqui no brasil, depois de um
começo arRasador, no qual
terminou o primeiro turno
invicto, o Corinthians
disparou na liderança do
Campeonato Brasileiro e de
lá não saiu mais, tornando-se
campeão pela 7ª vez.
Ainda abalada pela tragédia de
2016, a ChapeCOENSE não apenas
venceu o Campeonato Catarinense,
como só não avançou na
Libertadores por uma punição
administrativa. De quebra, no
Brasileirão, onde se temia o
rebaixamento, terminou em 8º.
quem também fez história foi
Mayra Aguiar. Ao derRotar a
japonesa Umeki Mami na final, a
atleta tornou-se bicampeã
mundial, feito nunca alcançado
por uma judoca brasileira.
mas os
esportes
não ficaram
imunes aos
escândalos.
Carlos
Arthur
Nuzman foi
preso pela
PF, acusado
de participar
da compra de
votos para o
Rio ser sede
dos Jogos
de 2016. Foi
liberado 15
dias depois,
mas AINDA É
investigaDO.
a cbf também esteve no alvo. O
presidente Marco Polo Del
Nero foi afastado do cargo
acusado pelos EUA de fraude e
lavagem de dinheiro. já o
ex-presidente José Maria Marín
foi condenado pela justiça
norte-americana e está preso.
NA F-1, A temporada bem que
ensaiou uma disputa acirRada
entre Hamilton e VetTel. MAS à
medida que o campeonato foi
ganhando o ano, a vantagem do
britânico da Mercedes foi
ficando maior. No final, Hamilton
festejou o títulO pela 4ª vez.
EMOÇÃO TAMBÉM NA DISPUTA DO
TÍTULO DA NFL. no terceiro
quarto o placar apontava 28 a 3
para os Atlanta Falcons. Só que
do outro lado estavam os New
England
Patriots, que
buscaram o
empate no último
minuto,
forçando a
prorRogação.
o homem mais rápido do mundo, oito vezes ouro nos Jogos
Olímpicos, não conseguiu subir ao lugar mais alto do pódio em
seu último Mundial: foi bronze nos 100m rasos e nos 4x100m
não completou a prova em virtude de fortes cãibras.
No final, 34 a 28 para os Patriots
em uma vitória histórica.
QUANDO O Golden State WarRiors
ANUNCIOU A CONTRATAÇÃO DE Kevin
Durant, já se imaginava que o
supertime seria quase imbatível.
As finais da temporada não
deixaram dúvidas.
E FALANDO EM
RECORDES... O PSG peitou o
Barcelona e bancou
uma multa milionária
de R$ 821 milhões
para TER NEYMAR NO
ELENC. O BRASILEIRO
pasSou a ganhar
míseros R$ 137
milhões por ano.
O ANO TAMBÉM
FOI MARCADO POR
GRANDES FEITOS!
campeão
da nba
campeão
da nba
campeão
da nfl
campeão
da nfl
campeão
da f-1
campeão
da f-1
campeão
do brasileirão
campeão
do brasileirão
campeão da
copa do brasilcampeão da
copa do brasil
campeã do
mundial de judôcampeã do
mundial de judô
#VAMO
CHAPE!
31/12/2017 | CORREIO DO POVO +DOMINGO | 17
2017 JÁ COMEÇOU MOSTRANDO A QUE
VEIO! NA ENTREGA DO PRÊMIO MAIS
ESPERADO DO ANO, UM erRo
INACREDITÁVEL. o oscar DE
MELHOR FILME FOI anunciado para
LA LA LAND, MAS NO MEIO DOS
AGRADECIMENTOS SURGE O ENVELOPE
COM O INDICADO COrRETO:
MoOnlight.
2017 teve a cultura em
alta, com grandes shows
na Capital e belos
eventos literários, mas a
censura a mostras e os
escândalos de asSédio
sexual mancharam o
mundo das artes.
OS
QUADROS
DE
fim
PESQUISA: LUIZ GONZAGA LOPES | INFOGRAFIA: JONATHAS COSTA | ARTE SOBRE FOTOS DE MARK RALSTON / AFP / CP; RICARDO GIUSTI;
RICARDO GIUSTI; SAMUEL MACIEL; ALINA SOUZA; LUCA DEL PIA / DIVULGAÇÃO / CP; BRAYAN MARTINS/ PMPA / CP; REPRODUÇÃO / CP;
BERTRAND GUAY / AFP / CP; REPRODUÇÃO / CP; MPRS/DIVULGAÇÃO / CP; MAURO SCHAEFER; MAURO SCHAEFER
EEERRRROOU
Porto Alegre novamente esteve na rota dOS shows.
A cidade asSistiu a apresentações de James Taylor e Elton John;
Bon Jovi, The Who, Paul McCartney, Coldplay, The Cult, Pet Shop
Boys, entre outros grandes da música.
OUTRA TRADIÇÃO DA CAPITAL, A
FEIRA DO LIVRO REALIZOU A SUA
63ª EDIÇÃO NESTE ANO.
A FEIRA Recebeu uma delegação
com 11 escritores, além de
ministros, embaixadores e
cônsules dos países que
compõem a Escandinávia.
63ª EDIÇÃO NESTE ANO.
VALESCA DE AsSIS FOI A PATRONA
Mesmo com a crise, o Porto
Alegre em Cena, em sua 23ª
edição, manteve o alto nível com
atrações da Espanha, França e
Uruguai, entre outros países.
OUTRO DESTAQUE DA CENA CULTURAL
PORTO-ALEGRENSE foi a volta do
Festival de Inverno. FORAM
cursos sobre Jorge Luis
Borges, literatura argentina,
feminina, entre outros temas,
além de shows como o da
Banda Municipal e o dos
argentinos do Esteban
Morgado Cuarteto.
Nunca antes na história do MUNDO ARTÍSTICO HOUVE tantas denúncias de
asSédio sexual envolvendo grandes nomes do cinema e das artes em
geral, como o produtor Harvey Weinstein e o ator Kevin Spacey.
MAS 2017 TROUXE AINDA
MUITAS REVELAÇÕES
NO showbizZ
OS ESCÂNDALOS SEXUAIS ENVOLVERAM TAMBÉM
grandes nomes da política, DA MÚSICA, DOS
ESPORTES E DO MUNDO EMPRESARIAL. EM
VÁRIOS PAÍSES, MILHARES DE MULHERES
PROTESTARAM E AsSINARAM PETIÇÕES FAZENDO
DENÚNCIAS E COBRANDO PUNIÇÕES.
NO BRASIL A POLÊMICA GIROU EM
TORNO DA MOSTRA QUeERMUSEU, NO
SANTANDER CULTURAL, EM PORTO
ALEGRE.
a presSão de grupos
conservadores levou ao
fechamento da mostra um mês
antes do previsto e incitou
debates brasil afora.
18 | CORREIO DO POVO +DOMINGO | 31/12/2017

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Institutos criam núcleos para atrair investidores
Institutos criam núcleos para atrair investidoresInstitutos criam núcleos para atrair investidores
Institutos criam núcleos para atrair investidoresAgricultura Sao Paulo
 
Atualidade sobre política brasileira
Atualidade sobre política brasileiraAtualidade sobre política brasileira
Atualidade sobre política brasileiraBruna Azevedo
 
Jornal O Dia - CENTENAS DE PRESOS SÃO SOLTOS POR ORDEM DO STJ
Jornal O Dia - CENTENAS DE PRESOS SÃO SOLTOS POR ORDEM DO STJJornal O Dia - CENTENAS DE PRESOS SÃO SOLTOS POR ORDEM DO STJ
Jornal O Dia - CENTENAS DE PRESOS SÃO SOLTOS POR ORDEM DO STJODiaMais
 
O Dia Digital - USTIÇA BLOQUEIA R$ 252 MILHÕES DO PCC
O Dia Digital - USTIÇA BLOQUEIA R$ 252 MILHÕES DO PCCO Dia Digital - USTIÇA BLOQUEIA R$ 252 MILHÕES DO PCC
O Dia Digital - USTIÇA BLOQUEIA R$ 252 MILHÕES DO PCCODiaMais
 
Tragédia em Santa Maria
Tragédia em Santa MariaTragédia em Santa Maria
Tragédia em Santa MariaElton Zanoni
 
Alegações Finais da Defesa pgs 340-363
Alegações Finais da Defesa pgs 340-363Alegações Finais da Defesa pgs 340-363
Alegações Finais da Defesa pgs 340-363Marcelo Bancalero
 
Resolucao política do PT
Resolucao política do PTResolucao política do PT
Resolucao política do PTpoliticaleiaja
 
Jornal Ipiranga seu Estilo de Vida / Janeiro
Jornal Ipiranga seu Estilo de Vida / Janeiro Jornal Ipiranga seu Estilo de Vida / Janeiro
Jornal Ipiranga seu Estilo de Vida / Janeiro Elejota Editora
 

Mais procurados (20)

Informativo 05
Informativo 05Informativo 05
Informativo 05
 
JOFOCO
JOFOCOJOFOCO
JOFOCO
 
 
Institutos criam núcleos para atrair investidores
Institutos criam núcleos para atrair investidoresInstitutos criam núcleos para atrair investidores
Institutos criam núcleos para atrair investidores
 
EDIÇÃO 253
EDIÇÃO 253 EDIÇÃO 253
EDIÇÃO 253
 
Atualidade sobre política brasileira
Atualidade sobre política brasileiraAtualidade sobre política brasileira
Atualidade sobre política brasileira
 
Jornal O Dia - CENTENAS DE PRESOS SÃO SOLTOS POR ORDEM DO STJ
Jornal O Dia - CENTENAS DE PRESOS SÃO SOLTOS POR ORDEM DO STJJornal O Dia - CENTENAS DE PRESOS SÃO SOLTOS POR ORDEM DO STJ
Jornal O Dia - CENTENAS DE PRESOS SÃO SOLTOS POR ORDEM DO STJ
 
O Dia Digital - USTIÇA BLOQUEIA R$ 252 MILHÕES DO PCC
O Dia Digital - USTIÇA BLOQUEIA R$ 252 MILHÕES DO PCCO Dia Digital - USTIÇA BLOQUEIA R$ 252 MILHÕES DO PCC
O Dia Digital - USTIÇA BLOQUEIA R$ 252 MILHÕES DO PCC
 
Jornal digital 26 10-2018
Jornal digital 26 10-2018Jornal digital 26 10-2018
Jornal digital 26 10-2018
 
Jornal digital 20 12-2018
Jornal digital 20 12-2018Jornal digital 20 12-2018
Jornal digital 20 12-2018
 
Ficha caiu
Ficha caiuFicha caiu
Ficha caiu
 
Jornal digital 4987 seg_22082016
Jornal digital 4987 seg_22082016Jornal digital 4987 seg_22082016
Jornal digital 4987 seg_22082016
 
Jornal digital 04 09-2018
Jornal digital 04 09-2018Jornal digital 04 09-2018
Jornal digital 04 09-2018
 
Impeachement
ImpeachementImpeachement
Impeachement
 
TSE 24 2018
TSE 24 2018TSE 24 2018
TSE 24 2018
 
Tragédia em Santa Maria
Tragédia em Santa MariaTragédia em Santa Maria
Tragédia em Santa Maria
 
Alegações Finais da Defesa pgs 340-363
Alegações Finais da Defesa pgs 340-363Alegações Finais da Defesa pgs 340-363
Alegações Finais da Defesa pgs 340-363
 
Jornal digital 12-04-17
Jornal digital 12-04-17Jornal digital 12-04-17
Jornal digital 12-04-17
 
Resolucao política do PT
Resolucao política do PTResolucao política do PT
Resolucao política do PT
 
Jornal Ipiranga seu Estilo de Vida / Janeiro
Jornal Ipiranga seu Estilo de Vida / Janeiro Jornal Ipiranga seu Estilo de Vida / Janeiro
Jornal Ipiranga seu Estilo de Vida / Janeiro
 

Semelhante a Relembre os principais acontecimentos políticos e econômicos de 2017

Revista entre lagos ed113 web
Revista entre lagos ed113 webRevista entre lagos ed113 web
Revista entre lagos ed113 webdornaschiquinho
 
Eleições governamentais do rio grande do sul
Eleições governamentais do rio grande do sulEleições governamentais do rio grande do sul
Eleições governamentais do rio grande do sulAlexandre Misturini
 
Eduardo kruschewsky coluna 15.09.23
Eduardo kruschewsky coluna 15.09.23Eduardo kruschewsky coluna 15.09.23
Eduardo kruschewsky coluna 15.09.23Roberto Rabat Chame
 
Especial - Os nomes do mensalão Correio Braziliense
Especial - Os nomes do mensalão Correio BrazilienseEspecial - Os nomes do mensalão Correio Braziliense
Especial - Os nomes do mensalão Correio BrazilienseItalo Ridney
 
O Dia Digital - INOCENTE NA CADEIA
O Dia Digital - INOCENTE NA CADEIAO Dia Digital - INOCENTE NA CADEIA
O Dia Digital - INOCENTE NA CADEIAODiaMais
 
Folha de S.Paulo - Poder, p. 4
Folha de S.Paulo - Poder, p. 4Folha de S.Paulo - Poder, p. 4
Folha de S.Paulo - Poder, p. 4Luciana Moherdaui
 

Semelhante a Relembre os principais acontecimentos políticos e econômicos de 2017 (20)

Revista entre lagos ed113 web
Revista entre lagos ed113 webRevista entre lagos ed113 web
Revista entre lagos ed113 web
 
Jornal digital 28 06-17
Jornal digital 28 06-17Jornal digital 28 06-17
Jornal digital 28 06-17
 
Jornal digital 10 04-18
Jornal digital 10 04-18Jornal digital 10 04-18
Jornal digital 10 04-18
 
Jornal digital 04 06-18
Jornal digital 04 06-18Jornal digital 04 06-18
Jornal digital 04 06-18
 
Jornal digital 28 03-18
Jornal digital 28 03-18Jornal digital 28 03-18
Jornal digital 28 03-18
 
Jornal digital 4926_sex_27052016
Jornal digital 4926_sex_27052016Jornal digital 4926_sex_27052016
Jornal digital 4926_sex_27052016
 
Jornal digital 30 01-18
Jornal digital 30 01-18Jornal digital 30 01-18
Jornal digital 30 01-18
 
Jornal digital 16-03-17
Jornal digital 16-03-17Jornal digital 16-03-17
Jornal digital 16-03-17
 
Jornal digital 29 06-18
Jornal digital 29 06-18Jornal digital 29 06-18
Jornal digital 29 06-18
 
Eleições governamentais do rio grande do sul
Eleições governamentais do rio grande do sulEleições governamentais do rio grande do sul
Eleições governamentais do rio grande do sul
 
Jornal digital 09 04-18
Jornal digital 09 04-18Jornal digital 09 04-18
Jornal digital 09 04-18
 
Jornal digital 29 08-18
Jornal digital 29 08-18Jornal digital 29 08-18
Jornal digital 29 08-18
 
Jornal digital 21 02-18
Jornal digital 21 02-18Jornal digital 21 02-18
Jornal digital 21 02-18
 
Jornal digital 21-03-17
Jornal digital 21-03-17Jornal digital 21-03-17
Jornal digital 21-03-17
 
Eduardo kruschewsky coluna 15.09.23
Eduardo kruschewsky coluna 15.09.23Eduardo kruschewsky coluna 15.09.23
Eduardo kruschewsky coluna 15.09.23
 
Especial - Os nomes do mensalão Correio Braziliense
Especial - Os nomes do mensalão Correio BrazilienseEspecial - Os nomes do mensalão Correio Braziliense
Especial - Os nomes do mensalão Correio Braziliense
 
Jornal digital 17-03-17
Jornal digital 17-03-17Jornal digital 17-03-17
Jornal digital 17-03-17
 
O Dia Digital - INOCENTE NA CADEIA
O Dia Digital - INOCENTE NA CADEIAO Dia Digital - INOCENTE NA CADEIA
O Dia Digital - INOCENTE NA CADEIA
 
Jornal digital 25 04-18
Jornal digital 25 04-18Jornal digital 25 04-18
Jornal digital 25 04-18
 
Folha de S.Paulo - Poder, p. 4
Folha de S.Paulo - Poder, p. 4Folha de S.Paulo - Poder, p. 4
Folha de S.Paulo - Poder, p. 4
 

Mais de tyromello

Folha de s_paulo29_de_dezembro_de_2017_primeiro_cadernopag8
Folha de s_paulo29_de_dezembro_de_2017_primeiro_cadernopag8Folha de s_paulo29_de_dezembro_de_2017_primeiro_cadernopag8
Folha de s_paulo29_de_dezembro_de_2017_primeiro_cadernopag8tyromello
 
Wole soyinka
Wole soyinkaWole soyinka
Wole soyinkatyromello
 
Reforma e a justiça
Reforma e a justiçaReforma e a justiça
Reforma e a justiçatyromello
 
Wole soyinka e o ciclo da existência
Wole soyinka e o ciclo da existênciaWole soyinka e o ciclo da existência
Wole soyinka e o ciclo da existênciatyromello
 
Terreno oferecido à Uergs pelo município é do governo estadual
Terreno oferecido à Uergs pelo município é do governo estadualTerreno oferecido à Uergs pelo município é do governo estadual
Terreno oferecido à Uergs pelo município é do governo estadualtyromello
 
Revolução russa
Revolução russaRevolução russa
Revolução russatyromello
 
50 ANOS SEM CHEGUEVARA
50 ANOS SEM CHEGUEVARA50 ANOS SEM CHEGUEVARA
50 ANOS SEM CHEGUEVARAtyromello
 
Direito a terra
Direito  a terraDireito  a terra
Direito a terratyromello
 
Revista matria 2017
Revista matria 2017Revista matria 2017
Revista matria 2017tyromello
 
Representações sociais dos alunos
Representações sociais dos alunosRepresentações sociais dos alunos
Representações sociais dos alunostyromello
 
Geografia sem terra
Geografia sem terraGeografia sem terra
Geografia sem terratyromello
 
Um lugar que vê o futuro no passado
Um lugar que vê o futuro no passadoUm lugar que vê o futuro no passado
Um lugar que vê o futuro no passadotyromello
 
Rincãoo do inferno
Rincãoo do infernoRincãoo do inferno
Rincãoo do infernotyromello
 
Minas do camaqua
Minas do camaquaMinas do camaqua
Minas do camaquatyromello
 
Ex escravos na zona rural de Bagé
Ex escravos na zona rural de BagéEx escravos na zona rural de Bagé
Ex escravos na zona rural de Bagétyromello
 

Mais de tyromello (20)

2019 em
2019 em2019 em
2019 em
 
Folha de s_paulo29_de_dezembro_de_2017_primeiro_cadernopag8
Folha de s_paulo29_de_dezembro_de_2017_primeiro_cadernopag8Folha de s_paulo29_de_dezembro_de_2017_primeiro_cadernopag8
Folha de s_paulo29_de_dezembro_de_2017_primeiro_cadernopag8
 
Wole soyinka
Wole soyinkaWole soyinka
Wole soyinka
 
Reforma e a justiça
Reforma e a justiçaReforma e a justiça
Reforma e a justiça
 
Wole soyinka e o ciclo da existência
Wole soyinka e o ciclo da existênciaWole soyinka e o ciclo da existência
Wole soyinka e o ciclo da existência
 
Terreno oferecido à Uergs pelo município é do governo estadual
Terreno oferecido à Uergs pelo município é do governo estadualTerreno oferecido à Uergs pelo município é do governo estadual
Terreno oferecido à Uergs pelo município é do governo estadual
 
Revolução russa
Revolução russaRevolução russa
Revolução russa
 
50 ANOS SEM CHEGUEVARA
50 ANOS SEM CHEGUEVARA50 ANOS SEM CHEGUEVARA
50 ANOS SEM CHEGUEVARA
 
Piketty
PikettyPiketty
Piketty
 
Refugiados
RefugiadosRefugiados
Refugiados
 
Direito a terra
Direito  a terraDireito  a terra
Direito a terra
 
Revista matria 2017
Revista matria 2017Revista matria 2017
Revista matria 2017
 
Representações sociais dos alunos
Representações sociais dos alunosRepresentações sociais dos alunos
Representações sociais dos alunos
 
Geografia sem terra
Geografia sem terraGeografia sem terra
Geografia sem terra
 
Um lugar que vê o futuro no passado
Um lugar que vê o futuro no passadoUm lugar que vê o futuro no passado
Um lugar que vê o futuro no passado
 
Rincãoo do inferno
Rincãoo do infernoRincãoo do inferno
Rincãoo do inferno
 
Pignatari
PignatariPignatari
Pignatari
 
Minas do camaqua
Minas do camaquaMinas do camaqua
Minas do camaqua
 
Belchior
BelchiorBelchior
Belchior
 
Ex escravos na zona rural de Bagé
Ex escravos na zona rural de BagéEx escravos na zona rural de Bagé
Ex escravos na zona rural de Bagé
 

Último

QUIZ – GEOGRAFIA - 8º ANO - PROVA MENSAL.pptx
QUIZ – GEOGRAFIA - 8º ANO - PROVA MENSAL.pptxQUIZ – GEOGRAFIA - 8º ANO - PROVA MENSAL.pptx
QUIZ – GEOGRAFIA - 8º ANO - PROVA MENSAL.pptxAntonioVieira539017
 
ÁREA DE FIGURAS PLANAS - DESCRITOR DE MATEMATICA D12 ENSINO MEDIO.pptx
ÁREA DE FIGURAS PLANAS - DESCRITOR DE MATEMATICA D12 ENSINO MEDIO.pptxÁREA DE FIGURAS PLANAS - DESCRITOR DE MATEMATICA D12 ENSINO MEDIO.pptx
ÁREA DE FIGURAS PLANAS - DESCRITOR DE MATEMATICA D12 ENSINO MEDIO.pptxDeyvidBriel
 
Gametogênese, formação dos gametas masculino e feminino
Gametogênese, formação dos gametas masculino e femininoGametogênese, formação dos gametas masculino e feminino
Gametogênese, formação dos gametas masculino e femininoCelianeOliveira8
 
Linguagem verbal , não verbal e mista.pdf
Linguagem verbal , não verbal e mista.pdfLinguagem verbal , não verbal e mista.pdf
Linguagem verbal , não verbal e mista.pdfLaseVasconcelos1
 
A Inteligência Artificial na Educação e a Inclusão Linguística
A Inteligência Artificial na Educação e a Inclusão LinguísticaA Inteligência Artificial na Educação e a Inclusão Linguística
A Inteligência Artificial na Educação e a Inclusão LinguísticaFernanda Ledesma
 
VACINAR E DOAR, É SÓ COMEÇAR - - 1º BIMESTRE
VACINAR E DOAR, É SÓ COMEÇAR - - 1º BIMESTREVACINAR E DOAR, É SÓ COMEÇAR - - 1º BIMESTRE
VACINAR E DOAR, É SÓ COMEÇAR - - 1º BIMESTREIVONETETAVARESRAMOS
 
Aula 1, 2 Bacterias Características e Morfologia.pptx
Aula 1, 2  Bacterias Características e Morfologia.pptxAula 1, 2  Bacterias Características e Morfologia.pptx
Aula 1, 2 Bacterias Características e Morfologia.pptxpamelacastro71
 
O guia definitivo para conquistar a aprovação em concurso público.pdf
O guia definitivo para conquistar a aprovação em concurso público.pdfO guia definitivo para conquistar a aprovação em concurso público.pdf
O guia definitivo para conquistar a aprovação em concurso público.pdfErasmo Portavoz
 
TIPOS DE DISCURSO - TUDO SALA DE AULA.pdf
TIPOS DE DISCURSO - TUDO SALA DE AULA.pdfTIPOS DE DISCURSO - TUDO SALA DE AULA.pdf
TIPOS DE DISCURSO - TUDO SALA DE AULA.pdfmarialuciadasilva17
 
parte indígena.pptxzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzz
parte indígena.pptxzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzparte indígena.pptxzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzz
parte indígena.pptxzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzAlexandrePereira818171
 
A população Brasileira e diferença de populoso e povoado
A população Brasileira e diferença de populoso e povoadoA população Brasileira e diferença de populoso e povoado
A população Brasileira e diferença de populoso e povoadodanieligomes4
 
Junto ao poço estava eu Quando um homem judeu Viu a sede que havia em mim
Junto ao poço estava eu Quando um homem judeu Viu a sede que havia em mimJunto ao poço estava eu Quando um homem judeu Viu a sede que havia em mim
Junto ao poço estava eu Quando um homem judeu Viu a sede que havia em mimWashingtonSampaio5
 
POETAS CONTEMPORANEOS_TEMATICAS_explicacao.pptx
POETAS CONTEMPORANEOS_TEMATICAS_explicacao.pptxPOETAS CONTEMPORANEOS_TEMATICAS_explicacao.pptx
POETAS CONTEMPORANEOS_TEMATICAS_explicacao.pptxJMTCS
 
Geometria 5to Educacion Primaria EDU Ccesa007.pdf
Geometria  5to Educacion Primaria EDU  Ccesa007.pdfGeometria  5to Educacion Primaria EDU  Ccesa007.pdf
Geometria 5to Educacion Primaria EDU Ccesa007.pdfDemetrio Ccesa Rayme
 
Revolução Industrial - Revolução Industrial .pptx
Revolução Industrial - Revolução Industrial .pptxRevolução Industrial - Revolução Industrial .pptx
Revolução Industrial - Revolução Industrial .pptxHlioMachado1
 
Orientações para a análise do poema Orfeu Rebelde.pptx
Orientações para a análise do poema Orfeu Rebelde.pptxOrientações para a análise do poema Orfeu Rebelde.pptx
Orientações para a análise do poema Orfeu Rebelde.pptxJMTCS
 
As Viagens Missionária do Apostolo Paulo.pptx
As Viagens Missionária do Apostolo Paulo.pptxAs Viagens Missionária do Apostolo Paulo.pptx
As Viagens Missionária do Apostolo Paulo.pptxAlexandreFrana33
 
Mini livro sanfona - Povos Indigenas Brasileiros
Mini livro sanfona  - Povos Indigenas BrasileirosMini livro sanfona  - Povos Indigenas Brasileiros
Mini livro sanfona - Povos Indigenas BrasileirosMary Alvarenga
 
Slides Lição 3, CPAD, O Céu - o Destino do Cristão, 2Tr24,.pptx
Slides Lição 3, CPAD, O Céu - o Destino do Cristão, 2Tr24,.pptxSlides Lição 3, CPAD, O Céu - o Destino do Cristão, 2Tr24,.pptx
Slides Lição 3, CPAD, O Céu - o Destino do Cristão, 2Tr24,.pptxLuizHenriquedeAlmeid6
 

Último (20)

QUIZ – GEOGRAFIA - 8º ANO - PROVA MENSAL.pptx
QUIZ – GEOGRAFIA - 8º ANO - PROVA MENSAL.pptxQUIZ – GEOGRAFIA - 8º ANO - PROVA MENSAL.pptx
QUIZ – GEOGRAFIA - 8º ANO - PROVA MENSAL.pptx
 
ÁREA DE FIGURAS PLANAS - DESCRITOR DE MATEMATICA D12 ENSINO MEDIO.pptx
ÁREA DE FIGURAS PLANAS - DESCRITOR DE MATEMATICA D12 ENSINO MEDIO.pptxÁREA DE FIGURAS PLANAS - DESCRITOR DE MATEMATICA D12 ENSINO MEDIO.pptx
ÁREA DE FIGURAS PLANAS - DESCRITOR DE MATEMATICA D12 ENSINO MEDIO.pptx
 
Gametogênese, formação dos gametas masculino e feminino
Gametogênese, formação dos gametas masculino e femininoGametogênese, formação dos gametas masculino e feminino
Gametogênese, formação dos gametas masculino e feminino
 
“O AMANHÃ EXIGE O MELHOR DE HOJE” _
“O AMANHÃ EXIGE O MELHOR DE HOJE”       _“O AMANHÃ EXIGE O MELHOR DE HOJE”       _
“O AMANHÃ EXIGE O MELHOR DE HOJE” _
 
Linguagem verbal , não verbal e mista.pdf
Linguagem verbal , não verbal e mista.pdfLinguagem verbal , não verbal e mista.pdf
Linguagem verbal , não verbal e mista.pdf
 
A Inteligência Artificial na Educação e a Inclusão Linguística
A Inteligência Artificial na Educação e a Inclusão LinguísticaA Inteligência Artificial na Educação e a Inclusão Linguística
A Inteligência Artificial na Educação e a Inclusão Linguística
 
VACINAR E DOAR, É SÓ COMEÇAR - - 1º BIMESTRE
VACINAR E DOAR, É SÓ COMEÇAR - - 1º BIMESTREVACINAR E DOAR, É SÓ COMEÇAR - - 1º BIMESTRE
VACINAR E DOAR, É SÓ COMEÇAR - - 1º BIMESTRE
 
Aula 1, 2 Bacterias Características e Morfologia.pptx
Aula 1, 2  Bacterias Características e Morfologia.pptxAula 1, 2  Bacterias Características e Morfologia.pptx
Aula 1, 2 Bacterias Características e Morfologia.pptx
 
O guia definitivo para conquistar a aprovação em concurso público.pdf
O guia definitivo para conquistar a aprovação em concurso público.pdfO guia definitivo para conquistar a aprovação em concurso público.pdf
O guia definitivo para conquistar a aprovação em concurso público.pdf
 
TIPOS DE DISCURSO - TUDO SALA DE AULA.pdf
TIPOS DE DISCURSO - TUDO SALA DE AULA.pdfTIPOS DE DISCURSO - TUDO SALA DE AULA.pdf
TIPOS DE DISCURSO - TUDO SALA DE AULA.pdf
 
parte indígena.pptxzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzz
parte indígena.pptxzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzparte indígena.pptxzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzz
parte indígena.pptxzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzz
 
A população Brasileira e diferença de populoso e povoado
A população Brasileira e diferença de populoso e povoadoA população Brasileira e diferença de populoso e povoado
A população Brasileira e diferença de populoso e povoado
 
Junto ao poço estava eu Quando um homem judeu Viu a sede que havia em mim
Junto ao poço estava eu Quando um homem judeu Viu a sede que havia em mimJunto ao poço estava eu Quando um homem judeu Viu a sede que havia em mim
Junto ao poço estava eu Quando um homem judeu Viu a sede que havia em mim
 
POETAS CONTEMPORANEOS_TEMATICAS_explicacao.pptx
POETAS CONTEMPORANEOS_TEMATICAS_explicacao.pptxPOETAS CONTEMPORANEOS_TEMATICAS_explicacao.pptx
POETAS CONTEMPORANEOS_TEMATICAS_explicacao.pptx
 
Geometria 5to Educacion Primaria EDU Ccesa007.pdf
Geometria  5to Educacion Primaria EDU  Ccesa007.pdfGeometria  5to Educacion Primaria EDU  Ccesa007.pdf
Geometria 5to Educacion Primaria EDU Ccesa007.pdf
 
Revolução Industrial - Revolução Industrial .pptx
Revolução Industrial - Revolução Industrial .pptxRevolução Industrial - Revolução Industrial .pptx
Revolução Industrial - Revolução Industrial .pptx
 
Orientações para a análise do poema Orfeu Rebelde.pptx
Orientações para a análise do poema Orfeu Rebelde.pptxOrientações para a análise do poema Orfeu Rebelde.pptx
Orientações para a análise do poema Orfeu Rebelde.pptx
 
As Viagens Missionária do Apostolo Paulo.pptx
As Viagens Missionária do Apostolo Paulo.pptxAs Viagens Missionária do Apostolo Paulo.pptx
As Viagens Missionária do Apostolo Paulo.pptx
 
Mini livro sanfona - Povos Indigenas Brasileiros
Mini livro sanfona  - Povos Indigenas BrasileirosMini livro sanfona  - Povos Indigenas Brasileiros
Mini livro sanfona - Povos Indigenas Brasileiros
 
Slides Lição 3, CPAD, O Céu - o Destino do Cristão, 2Tr24,.pptx
Slides Lição 3, CPAD, O Céu - o Destino do Cristão, 2Tr24,.pptxSlides Lição 3, CPAD, O Céu - o Destino do Cristão, 2Tr24,.pptx
Slides Lição 3, CPAD, O Céu - o Destino do Cristão, 2Tr24,.pptx
 

Relembre os principais acontecimentos políticos e econômicos de 2017

  • 1. DOMINGO EDIÇÃO DE RETROSPECTIVA confira de um jeito diferente como o ano aconteceu na política, economia, esportes, ensino, cultura e mundo. ANO 123 | Nº 92 PORTO ALEGRE, DOMINGO, 31/12/2017 SC, PR - R$ 3,00 | RS - R$ 2,15
  • 2. LOGO NO INÍCIO DO anO um escândalo envolvendo frigoríficos. A polícia federal deflagrou a operação Carne Fraca EM MARÇO para desarticular uma rede formada por inspetores sanitários e frigoríficos para vender carne e outros alimentos adulterados. A NOTÍCIA levou vários países a cancelar temporariamente a importação do produto e gerou uma crise no setor. O agronegócio não pode ser desvalorizado por 'pequeno núcleo' No litoral do Rio, uma tragédia: Um avião cai com 4 pesSoas a bordo em Paraty, Rio de Janeiro. O ministro Teori Zavascki do Supremo Tribunal Federal, que era relator da Lava Jato na Corte, foi uma das vítimas. 19 de janeiro No mundo corporativo, uma imagem impensável anos atrás: o homem que já foi considerado o mais rico do Brasil vai parar atrás das grades e aparece com o cabelo raspado. Eike Batista foi preso no fim de janeiro na Operação Eficiência, um desdobramento da Lava Jato. Meses depois, foi solto. enquanto isSo em brasília... A instabilidade política não deu trégua! O presidente Michel Temer também esteve no olho do furação. No dia 17 de maio foi divulgado um diálogo entre temer e o empresário Joesley Batista: Tô de bem com Eduardo. Muito bem. ...e... Tem que manter isSo, viu? Todo mês.... O Eduardo também, né? Também. joesley: TEMER: joesley: joesley: joesley: TEMER: TEMER: Foi o estopim de mais uma grave crise política! A conversa foi gravada por Joesley, um dos proprietários do frigorífico JBS, no palácio do Jaburu. Para os procuradores, o áudio mostrou que Temer tentou comprar o silêncio do ex-deputado Eduardo Cunha. EsSa e outras acusações levaram o Ministério Público Federal denunciar o presidente por corRupção e depois por obstrução à Justiça e organização criminosa. janot denunciou temer ao stf por corRupção pasSiva em 26 de junho O Brasil VIVEU mais um ano intenso na política com as investigações da Lava Jato. No olho do furação, o presidente Michel Temer. Na economia, uma leve recuperação. OS QUADROS DE o ministro fachin, do stf, autorizou a investigação de dezenas de políticos 3 8 24 39 governadores ministros deputados senadores 6 | CORREIO DO POVO +DOMINGO | 31/12/2017
  • 3. Um ano depois do impeachment de Dilma RousSefF o Brasil se deparou novamente com batalhas políticas na Câmara... GOLPISTA! petralha! os dois pedidos de investigação do presidente, algo inédito, foram a votação em plenário.... ...e foram barRados pelo governo com facilidade. 263 x 227 251 x 233 Mas a delação dos executivos da JBS ainda teria outros capítulos. Joesley e Ricardo Saud acabaram presos por suspeita de omitir informações ao MPF. A Lava Jato entrou no terceiro ano e mais uma vez tirou o sono de vários outros políticos. além de temer, quem também SE TORNOU alvo foi o senador aécio neves. gravado pedindo R$ 2 milhões, ele chegou a ser afastado do cargo, mas retomou o mandato e teve o pedido de investigação arquivado. Um deles foi Lula... EM JULHO O juiz Sergio Moro condenou o ex-presidente a nove anos e meio de prisão. O líder petista foi acusado de ser o beneficiário do apartamento triplex no Guarujá, oferecido pela OAS em troca de sua influência para obter contratos na Petrobras. o dinheiro estava em um apartamento em salvador utilizado como um bunker pelo ex-ministro GedDel Vieira Lima. ele acabou preso. R$ 51 milhões a fortuna foi considerada a maior apreEnsão de dinheiro vivo da história da Polícia federal. mas a imagem que ficará marcada como o retrato da corRupção em 2017 será esta: a decisão teve forte impacto no cenário político, gerou protestos e deve ter novo desDobramento em 2018, quando o TRF-4, em porto alegre, vai analisar o caso em segunda instância. O JULGAMENTO SERÁ NO DIA 24/1. lula “Se alguém pensa que com esSa sentença me tiraram do jogo, podem saber que eu estou no jogo. (...) a partir de agora vou reivindicar do PT o direito de me colocar como postulante à candidatura à Presidência da República”. CONTINUA >> antes disSo, ainda no início do ano, quem também recebeu condenação no âmbito da Lava jato foi eduardo cunha. 15 ANOS POLÍTICO PRESO NO OLHO DO FURACÃO, A PGR TROCOU DE COMANDO. SAI rodrigo JANOT E ENTRA RAQUEL DODGE. ENQUANTO UNS ENTRAM PARA A PRISÃO, OUTROS SAEM. GILMAR MENDES FOI BASTANTE CRITICADO PELA QUANTIDADE DE HABEAS CORPUS EXPEDIDOS EM FAVOR DE INVESTIGADOS. AGUARDA JULGAMENTO POLÍTICO PRESO mendes também foi protagonista no julgamento da chapa dilma-temer. com o seu voto o tse decidiu manter O PRESIDENTE NO CARGO. garotinho que o diga! 31/12/2017 | CORREIO DO POVO +DOMINGO | 7
  • 4. escândalos também no rio de janeiro. a cidade maravilhosa viveu sua pior crise. políticos presos, instituições sob suspeita, cofres vazios, insegurança recorde... JÁ no apagar das luzes de 2017, mais uma cena impensável: paulo maluf é preso aos 86 anos por lavagem de dinheiro. fim PESQUISAEINFOGRAFIA:JONATHASCOSTA | ARTESOBFOTOSDERODRIGOFONSECA/AFP/CP;PEDROCADEIRA/FOLHAPRESS/CP;STF/DIVULGAÇÃO;MARINHA/ REPRODUÇÃO;RICARDOBORGES/FOLHAPRESS/CP;EVARISTOSA/AFP/CP;RODRIGOPOZZEBOM/AGBR/CP;MARCELOCAMARGO/AGBR/CP;RODRIGOPOZZEBOM/ AGBR/CP;DANILOVERPA/FOLHAPRESS/CP;ANDRESSAANHOLETE/AFP/CP;FELIPEARAÚJO/PT/CP;JOSÉCRUZ/AGBR/CP;VLADIMIRPLATONOW AGBR/CP; PEDROLADEIRA/FOLHAPRESS/CP;MARCELOCAMARGO/AGBR/CP;PF/DIVULGAÇÃO;PEDROLADEIRA/FOLHAPRESS/CP;FABIOWANDERLEY/PIXABAY;DIVULGAÇÃO /CP;DIVULGAÇÃO/CP;TCERJ/DIVULGAÇÃO/CP;HOANATALITA/DIVULGAÇÃO/CP;JOSÉCRUZ/AGBR/CP;ENELSONANTOINE/FOLHAPRESS/CP MAS O GOVERNO REÚNE ESFORÇOS EM OUTRO PROJETO. OS ÚLTIMOS EMBATES POLÍTICOS DO ANO FICARAM POR CONTA DA REFORMA DA PREVIDÊNCIA. SE NA POLÍTICA SÓ NOTÍCIAS RUINS, NA ECONOMIA UMA RECUPERAÇÃO TÍMIDA MANTEVE VIVA A ESPERANÇA DE DIAS MELHORES. A SUPERSAFRA DE 2017, A MELHOR DA HISTÓRIA, FOI UM DOS DESTAQUES. já o banco central, nA ÚLTIMA REUNIÃO DO ANO, cortou OS JUROS PARA O MENOR PATAMAR HISTÓRICO. O BOM RESULTADO OCOREU Graças às condições climáticas excepcionalmente favoráveis aos grãos (com exceção do trigo). Apesar diSo, o setor primário não fez festa. É que os preços dos principais produtos recuaram ou ficaram estagnados durante o ano. outro fato comemorado pelo governo foi a aprovação, pelo congreSo, da reforma trabalhista. A CLT foi alterada em vários pontos. Trabalho ntermitente Trabalho remoto Terceirização Multa Ações na Justiça quem também não tem o que comemorar é a CADEIA leiteira, que viveu um ano de crise. Na tentativa de enxugar a oferta, o governo chegou a suspender importações do Uruguai, mas a medida acabou revogada. faltou avisar as operadoras de cartão de crédito... CONSIDERADA ESENCIAL PARA O GOVERNO, A PROPOSTA DEVE PAUTAR A AGENDA POLÍTICA E ECONÔMICA NOS PRÓXIMOS MESES. 87 ANOS POLÍTICO PRESO ex-governador sérgio cabral AGUARDA JULGAMENTO POLÍTICO PRESO presidente aSEMBLEIA jorge piCiani INVESTIGADO ex-presidente tce-rj jonas lopes OS EX-GOVERNADORES GAROTINHO E CABRAL FORAM PRESOS. O ATUAL, LUIZ FERNANDO PEZÃO, É RÉU. O PRESIDENTE DA ASEMBLEIA LEGISLATIVA E OUTROS DOIS DEPUTADOS TAMBÉM FORAM PARAR ATRÁS DAS GRADES. NO TRIBUNAL DE CONTAS, UMA LIMPA RETIROU QUATRO DOS SETE CONSELHEIROS. O RIO PEDIU SOCORO EM 2017! SAFRA RECORDE 237MILHÕES DE TONELADAS 35MILHÕES DE TONELADAS R$ 67 JAN R$ 64 DEZ R$ 57 MAI R$ 31 JAN R$ 27 DEZ R$ 22 MAI R$ 48 JAN R$ 36 DEZR$ 39 MAI soja milho arroz 337,9% taxa selic 7% juros do cartão de crédito “a reforma é a única saída” é, 2018 promete! 7 ANOS POLÍTICO PRESO 8 | CORREIO DO POVO +DOMINGO | 31/12/2017
  • 5. AS DIFICULDADES FINANCEIRAS DO ESTADO SEGUIRAM PAUTANDO O GOVERNO SARTORI AO LONGO DO ANO. OS QUADROS DE fim PESQUISA: ANÁLIA KOHLER | INFOGRAFIA: JONATHAS COSTA | ARTE SOBRE FOTOS DE MAURO SCHAEFER / CP MEMÓRIA; RODRIGO ZIEBELL / SSP / CP MEMÓRIA; TARSILA PEREIRA / CP MEMÓRIA; MAURO SCHAEFER; SAMUEL MACIEL; GUERREIRO / AGÊNCIA ALRS / CP; REPRODUÇÃO; CARLOS MOURA / SCO / STF / CP; KARINE VIANA / PALÁCIO PIRATINI / CP; CARLOS MOURA / SCO / STF; PEDRO BELO GARCIA / AGÊNCIA ALRS / CP; RICARDO GIUSTI. 2017 começou no rescaldo do ano anterior. No apagar das luzes de 2016, a AsSembleia gaúcha aprovou a extinção de várias fundações, dentro de um pacote de mudanças do estado. e A crise nos cofres públicos pautou o governo. o Estado conseguiu que duas fundações deixasSem oficialmente de existir: a Superintendência de Portos e Hidrovias (SPH) e a Fundação Estadual de Produção e Pesquisa em Saúde (FEpPS), que tiveram os CNPJs extintos. O mesmo destino teria a Corag e a Metroplan, não fosSem as inúmeras medidas judiciais que terminaram por trancar o procesSo. a decisão chegou a ser anunciada no Diário Oficial, mas acabou travada na justiça e segue indefinida. Anunciada como a primeira a ser extinta, a fundaçãO PIRATINI se manteve funcionando durante todo o ano. Foram idas e vindas de ações legislativas, liminares jurídicas e mobilização sindical. o governo também tentou privatizar a CeEE, a CRM e a Sulgás, mas é preciso de respaldo em plebiscito. a pauta gerou debates que fizeram ir e voltar o projeto na AsSembleia, sem qualquer definição. o RS pasSou o ano negociando com a União uma forma de jogar para adiante a dívida. para isSo, ofereceu o BRDE, o Badesul e a EGR, mas técnicos federais insistem em ativos 'melhores'. Com tantas indefinições e com a crise se agravando, o Estado não viu solução a curto prazo e tomou uma decisão: priorizar o pagamento dos salários menores, deixando para as semanas seguintes os mais altos, na dependência de disponibilidade de caixa. sartori também decidiu não pagar as parcelas da dívida e ingresSar na justiça. a medida surtiu efeito e o stf aceitou suspender temporariamente os pagamentos. Com esSe alívio momentâneo, o Estado pasSou a agilizar as negociações do chamado Regime de Recuperação Fiscal com o governo federal. um pré-acordo foi asSinado em dezembro. novas discusSões levaram o stf a garantir ao rs o direito de não abrir mão de procesSos judiciais contra a união para manter a renegociação anterior da dívida. apesar do cenário de indefinição na asSembleia, o governo aposta no acordo para alivar os cofres públicos e tentar normalizar o pagamento dos salários do funcionalismo público. ainda asSim era preciso aprovar o pré-acordo na AsSembleia, feito que ficou para 2018. depois de muito debate, os Deputados acabaram não votando a proposta, que deverá voltar à análise, posSivelmente em janeiro. as contas do rs não podem ser bloqueadas! A CeEE ÉPATRIMÔNIO DOS GAÚCHOS! O ESTADO PRECISA VENDER ATIVOS! “NÃO HÁ PLANO B” 31/12/2017 | CORREIO DO POVO +DOMINGO | 9
  • 6. Greves e parcelamento de salários afetaram profesSores públicos estaduais e municipais, gerando embates, o ano todo. Houve mudanças em programas nacionais, como o novo Fies, e desponta a Base CurRicular Nacional. Já o corte de recursos federais deixou no limite universidades, ciência e tecnologia. OS QUADROS DE 2017 começou com um novo secretário da educação na capital. estreante na administração pública, ele provoca polêmica quando, ainda em período de férias, determina mudanças na carga horária docente e rotinas escolares. Na esfera estadual, o magistério público amarga, em 2017, o 3º ano ininterRupto de parcelamento de salários. Com as crises econômica e política no país, os protestos se intensificam, gerando fortes confrontos com o governo do Estado. O começo das aulas veio acompanhado de cobranças do Cpers por melhorias no Ensino. AsSim, ainda em março, o Sindicato deu início a paralisações de profesSores, que, no decorRer do ano, se aprofundaram e registraram a segunda maior greve do magistério estadual, totalizando, de setembro a dezembro, 94 dias sem aulas, ainda que não com adesão total da categoria. “dança das cadeiras” no comando da Secretaria. Luís Alcoba de Freitas abriu 2017 ainda no comando da pasta, mas ficou no cargo só até abril. Em maio, asSumiu, então, o administrador de empresas Ronald KrumMenauer, outro novato na gestão pública. Já no Cpers, a experiência de Helenir Aguiar Schürer é aprovada nas urnas. em maio, a profesSora é reEleita presidente do Cpers, tomando posSe em junho, para nova gestão no Sindicato. A pauta nacional, estadual e municipal, em muitos casos com enfrentamentos comuns, uniu os funcionários públicos e fortaleceu os protestos do magistério. Os servidores foram, desSa forma, vistos juntos com constância, no decorRer de 2017. A falta de diálogo inicial e posteriores parcelamentos de salários resultaram em protestos. a categoria realizou greve de 40 dias junto aos demais servidores municipais em embates que se seguiram durante o ano. Também no limite, o Ensino Superior — que abriu 2017 com orçamento menor que o de 2016 — deu sinais de desespero. em agosto, os cortes e atrasos de repasSses federais mobilizaram reitores de todo o país. Ciência e Tecnologia foram também afetadas. Depois de um ano de escasSez de verbas, no final de novembro, o MEC anunciou a liberação de 100% do custeio. Adriano Naves de Brito aumentamos o tempo do profesSor em sala de aula Não temosrecursosem caixa queremos o fim dos parcelamentos LIBERAMOS R$ 343,54 milhões para as universidades federais E R$ 148,54 milhões para os institutos federais. 10 | CORREIO DO POVO +DOMINGO | 31/12/2017
  • 7. fim PESQUISAMARIAJOSÉVASCONCELOSEVERANUNES: |INFOGRAFIA:JONATHASCOSTA | ARTESOBREFOTOSDE RICARDOGIUSTI;SAMUELMACIEL;DIEGOCOSTA/SEDUC/CP;RICARDOGIUSTI;RODRIGORODRIGUES/SEC-RS/CP; GUILHERMETESTA/CPMEMÓRIA;GUILHERMETESTA/CPMEMÓRIA;DIVULGACAO/CPMEMÓRIA;GUILHERMETESTA; DIVULGAÇÃO/UNIRITTER/CP’;ALINEESPINDULA/DIVULGACAO; PIXABAY/DIVULGAÇÃO já na Ufrgs, alterações na política de Ações Afirmativas permitirão ingresSo de pesSoas com deficiências. já a política de verificação das cotas foi contestada e ainda será pauta em 2018. Em cenário de dificuldades, as novidades se limitaram. Mas a autorização do MEC, em agosto, de novos cursos de Medicina no país — dois deles no RS — se destacou. As turmas serão oferecidas pela FeEvale, e Unisinos. a lista gaúcha fica completa com a permisSão de abertura de Medicina na URI Erechim e autorização para a unijuí. Mas quando a vida acadêmica parecia ter um fôlego, ao findar 2017, dezembro surpreEnde com o anúncio de demisSões, em grande quantidade, de docentes no Ensino Superior do país. homologada em dezembro, a Base Nacional Comum CurRicular da educação básica também mobiliza 2018. a aplicação terá 2 anos para implementação nas escolas. já a BNcC do Ensino Médio não decolou em 2017 e será mais uma tarefa para o próximo ano. o Fies também sofreu alterações neste ano. divulgado em julho e sancionado em dezembro, O benefício será dividido em três modalidades a partir de 2018. as mudanças foram criticadas pelo Ensino Superior privado. Base CurRicular Nacional, Novo Fies, PNE, orçamentos e salários seguem na pauta. o magistério público, em todas as esferas e níveis de Ensino, tudo indica, se mantém no combate às reformas trabalhista e da Previdência em 2018. no RS, Na UniritTer, houve troca da grade curRicular e demisSão de 128 profesSores. a instituição, contudo, acabou impedida, pelo TRT, de efetuar a rescisão com os docentes. No grupo Estácio, mesmo embate judicial se segue E serão, ainda, asSuntos em 2018. 31/12/2017 | CORREIO DO POVO +DOMINGO | 11
  • 8. A área da segurança toma conta dos noticiários, mas, em meio a tantos fatos, 2017 também foi um ano em que a natureza mostrou sua força. OS QUADROS DE a violência em presídios do Amazonas; Roraima e Rio Grande do Norte marcou o começo do ano. Confronto entre facções criminosas dentro das casas prisionais deixaram mais de uma centena de mortos. No Rio Grande do Sul, a guerRa entre facções criminosas está nas ruas. Integrantes de gangues como V7, Bala na Cara e Antibala se enfrentam em conflitos por pontos de drogas e domínio de áreas. AsSasSinatos, muitas vezes com esquartejamentos, estenderam-se por todo ao ano. Porto Alegre e as cidades da Região Metropolitana são as que mais sofrem. Em um dos episódios de violência, em Gravataí, a disputa entre grupos criminosos causou a morte de duas pesSoas e deixou 33 feridas em um atentado a uma festa. o estado também fez sua maior investida contra as facções criminosas e o tráfico de drogas. Em julho, transferiu 27 presos para presídios federais. Como se não bastasSe a criminalidade, o sistema penitenciário do Estado esteve superlotado. Presos ficaram em delegacias ou algemados em ônibus e viaturas da Brigada Militar. até um aparelho de ar condicionado foi utilizado para algemar detidos. do semiaberto da Capital fugiu Cláudio Adriano ribeiro, o Papagaio. Foi sua sétima fuga do sistema prisional. Papagaio foi o primeiro e único detento a conseguir fugir da pasc. mas No interior do Estado, os bancos continuaram sendo o alvo dos asSaltantes em ataques que, em alguns casos, fizeram a população de escudo humano. Em meio à violência nas ruas do país, policiais reclamam de más condições de trabalho e baixos salários. Em Vitória, no Espírito Santo, policiais militares entram em greve, gerando caos nas ruas. No final do ano, os policiais militares, civis e bombeiros do Rio Grande do Norte também paralisaram as atividades. No Rio, além da eclosão da violência em muitas favelas, o asSasSinato de policiais militares também foi a tônica. foram 132 execuções no ano. brutalidade também em minas gerais, onde um segurança ateou fogo em uma creche e matou a profesSora e crianças. o ataque chocou o país. na busca para estancar a crise, o governo do estado inaugurou o presídio de canoas e três centros de triagem. no final do ano, a BM também recebeu novas viaturas. 12 | CORREIO DO POVO +DOMINGO | 31/12/2017
  • 9. fim PESQUISA:ANÁLIAKOLLER,PAULOROBERTOTAVARES,ANAALÉCIAEVERIDIANADALLAVECHIA|INFOGRAFIA:JONATHASCOSTA | ARTESOBREFOTOS DERICARDOGIUSTI;POLICIACIVIL/DIVULGAÇÃO/CP;24BPM/DIVULGAÇÃO;FERNANDABASSOA/CPMEMÓRIA;RODRIGOZIEBELL/SSP/CP;PC/ DIVULGAÇÃO/CP;RODRIGOZIEBELL/SSP/CP;DIVULGAÇÃO/CP;GABRIELLORDELLO/FOLHAPRESS/CP;VLADIMIRPLATONOW/AGÊNCIABRASIL/CP MEMÓRIA;DIVULGAÇÃO/PMMG/CP;ARQUIVOPESSOAL/DIVULGAÇÃO/CP;MARCELLODANTAS/OPOPULAR/FOLHAPRESS/CP;HALDERRAMOS/CP MEMÓRIA;PAULOPASA/FOLHADECAXIAS/DIVULGAÇÃO/CP;FERNANDABASSÔA/ESPECIAL/CPMEMÓRIA;RICARDOGIUSTI;STEPHANYSANDER/CP MEMÓRIA;ALINASOUZA;MPRS/DIVULGAÇÃO;JOAOALVES/CPMEMÓRIA;MAUROSCHAEFER;SAMUELMACIEL;MAUROSCHAEFER. Em goiânia, um Aluno atirou em colegas dentro de uma escola, matou dois deles e feriu quatro. temporais, ventanias, enxurRadas, cheias, alagamentos e até tornados. Os eventos climáticos adversos no rio grande do sul resultaram em estragos de imóveis, danos na agricultura e quedas de árvores e postes, além de deixarem famílias desabrigadas ou desalojadas e causarem mortes. Em março, um tornado, com rajadas de até 150 km/h atingiu o município de São Francisco de Paula, na SerRa, causando a morte de um morador, ferindo outros 70 e deixando aos menos 1,5 mil pesSoas fora de casa. Os ventos ainda causaram outros estragos. Em Esteio, a queda de parte da estrutura do palco durante um festival de música eletrônica causou uma morte e deixou mais três pesSoas feridas. E não foi só o vento que tirou famílias de casa em 2017. Vários episódios de enxurRadas e alagamentos no vale do paranhana e nas Fronteiras Oeste e Noroeste prejudicaram milhares de moradores. A polêmica envolvendo os abates de cervos exóticos do parque Pampas Safari veio à tona em agosto. Diante da suspeita de contaminação por tuberculose, o sacrifício envolveria cerca de 300 animais. Vinte chegaram a ser abatidos. O caso ganhou repercusSão no país e até no Exterior, tornando-se alvo de protestos de grupos defensores de animais. Um dos asSuntos mais importantes neste ano envolvendo a tragédia da boate KisS foi que, em 1º de dezembro, o Tribunal de Justiça do RS decidiu que os quatro réus do caso não devem ir a júri popular. O ano também foi marcado pelo anúncio do projeto de construção de um memorial às 242 vítimas da tragédia. A obra deverá ser executada na área onde funcionava a casa noturna. Em Porto Alegre, um grupo alemão venceu o leilão pelo Aeroporto Salgado Filho. A empresa vai administrar o aeroporto pelos próximos 25 anos, prorRogáveis por mais cinco. por falar em automóveis, a nova política de reajustes para os combustíveis do governo federal obrigou o consumidor a uma nova realidade: conviver com aumentos de preços quase semanais e a busca do valor mais em conta nas bombas. Susto também na hora de fazer comida! o preço do botijão de gás subiu mais de 84% ao longo do ano. Na conta de energia elétrica da ceEe, aumento de 30% justo no “apagar das luzes” de 2017. Em junho, outro tornado causou duas mortes no distrito de Vila Oliva, em Caxias do Sul, além de ferir mais cinco pesSoas e deixar 450 desalojados. já a GM anunciou INVESTIMENTOS PARA A expansão da unidade de Gravataí, o que consolida a unidade como a mais importante da montadora na América Latina. na capital, uma tempestade atingiu o Concerto de Primavera da Orquestra Sinfônica de Porto Alegre, derRubando o palco e asSustando o público. Cabe recurso ao Superior Tribunal de Justiça e o Ministério Público JÁ DECIDIU O QUE FAZER: VAMOS RECOrRERDA DECISÃO! R$ 1,4 bilhãoR$ 1,4 bilhão 31/12/2017 | CORREIO DO POVO +DOMINGO | 13
  • 10. MARCADO POR DESASTRES NATURAIS E ATENTADOS, 2017 FICARÁ PARA A HISTÓRIA COMO O PRIMEIRO ANO DE TRUMP NO PODER OS QUADROS DE Em 2017, o mundo conheceu o estilo Trump de governar. Já na posSe o republicano deixou bem claro: em seu governo os Estados Unidos estarão em primeiro lugar. Trump desfez quase tudo O que o governo do antecesSor apoiou, mandou deportar os migrantes em situação irRegular e deixou o acordo do clima de Paris. Além disSo, criou um decreto anti-imigração para fechar as fronteiras dos Estados Unidos aos refugiados e cidadãos de vários países muçulmanos. Apesar de várias informações novas, a investigação sobre os laços da campanha de Trump com a RúsSia não foi concluída. A Casa Branca e o regime norte-coreano protagonizaram uma guerRa verbal que elevou os temores de um conflito nuclear. Pyongyang surpreEndeu a comunidade internacional ao realizar um teste com a poderosa bomba de hidrogênio. Já no fim do ano, trump decidiu reconhecer Jerusalém como capital de Israel. A medida foi criticada por líderes árabes e por parte da comunidade internacional e levou a confrontos entre palestinos e forças de segurança israelenses. No Caribe e no Golfo do México, tempestades provocaram destruição e morte. As mais devastadorAs foram os furacões Harvey, Maria e irma - que chegou a se formar entre outros dois furacões ao mesmo tempo. Em Portugal, 64 pesSoas morReram carbonizadas dentro de seus carRos quando tentavam fugir de incêndios florestais. O fogo também levou destruição e morte para a Califórnia. BairRos inteiros viraram cinzas. Mais de 40 pesSoas perderam a vida e milhares ficaram desabrigadas. AMERICAN FIRST! #CHATEADO NO! Em segundos de pânico, um sismo de magnitude 7,1 deixou 369 mortos na Cidade do México. A tragédia ocorReu no dia 19 de setembro, quando se completavam 32 anos do terRemoto de 1985. a terRa voltou a tremer Em novembro, quando um tremor de magnitude 7,3 atingiu a região da fronteira entre Irã e Iraque. Mais de 400 pesSoas morReram. jose irma katia 14 | CORREIO DO POVO +DOMINGO | 31/12/2017
  • 11. fim PESQUISA: MARINA GREGOLIN | INFOGRAFIA: JONATHAS COSTA | ARTE SOBRE FOTOS DE: JIM WATSON / AFP / CP; MARK WILSON/GETTY IMAGES/AFP; SAUL LOEB/ AFP; DAVID MCNEW / AFP; JEWEL SAMA / AFP; ROBYN BECK / AFP; BEN STANSALL/ AFP; JOE RAEDLE / AFP; KCNA VIA KNS / STR / SOUTH KOREA OUT / AFP; GOVERNO NORTE-COREANO/ AFP/ CP; SPENCER PLATT / GETTY IMAGES NORTH AMERICA / AFP; RONALDO SCHEMIDT / AFP; POURIA PAKIZEH/ ISNA/ AFP; NASA / DIVULGAÇÃO; PATRICIA DE MELO MOREIRA / AFP ; ROBYN BECK / AFP; DANIEL LEAL-OLIVAS / AFP; DAVID BECKER / AFP; DIVULGAÇÃO / AFP; FEDERICO PARRA / AFP; PRESIDENCIA / AFP; FEDERICO PARRA / AFP; LLUIS GENE / AFP; JOSEF LAGO/ AFP; EITAN ABRAMOVICH / AFP Em Londres, pânico e pavor em meio às chamas. O fogo consumiu um prédio de 27 andares e matou 70 pesSoas. O terRorismo não deu trégua em 2017. Em Las Vegas, da janela de um hotel, o aposentado Stephen PadDock abriu fogo contra uma multidão que asSistia a um show. No total, 58 pesSoas perderam a vida e mais de 500 ficaram feridas. Foi o maior ataque a tiros da história americana. O ciberataque atingiu empresas e instituições de mais de 150 países, incluindo o Brasil. Na Venezuela, a crise política e econômica se agravou. Entre abril e julho as manifestações exigindo a saída do presidente Nicolas Maduro deixaram 125 mortos. Madri destituiu o governo catalão de Carles Puigdemont, disSolveu o parlamento e convocou eleições. REALIZADO EM DEZEMBRO, O PLEITO CONFIRMOU A VITÓRIA DOS SEPARATISTAS. Na Argentina, o desaparecimento do submarino ARA San Juan com 44 tripulantes abalou o país. VáriAS NAÇÕES se uniram para realizar as buscas, mas o ano acaba sem notícias. Na ESPANHA, o segundo semestre do ano foi marcado por uma grave crise desencadeada por um referendo sobre a independência da Catalunha, região autônoma DO PAÍS. No dia da votação, houve represSão policial e mais de 800 pesSoas ficaram feridas. O governo espanhol e a comunidade internacional não reconheceram o resultado. E FOI NO AMBIENTE DIGITAL QUE O MUNDO VIU A MAIOR VALORIZAÇÃO DA HISTÓRIA DE UMA MOEDA. OS BITCOINS SALTARAM DE U$ 1 NO INÍCIO DO ANO PARA MAIS DE U$ 16 MIL EM DEZEMBRO. Maduro convocou uma AsSembleia Constituinte, que tem poderes absolutos e não é reconhecida por governos americanos nem europeus. O país deixou a Organização dos Estados Americanos e foi suspenso do Mercosul. MORTES E MEDO TAMBÉM EM Estocolmo, Paris, São Petersburgo, IstambuL E CIDADES DOS EUA. na somália e no egito, os ataques deixaram mais de 300 mortos em cada país. 22 MORTES MANCHESTER 7 MORTES LONDRES 8 MORTES nova iorque 13 MORTES barcelona Em 2017, o mundo viu o maior ataque cibernético da história! AsSembleia Constituinte, TENSÃO TAMBÉM NA EUROPA 31/12/2017 | CORREIO DO POVO +DOMINGO | 15
  • 12. O ano esportivo foi recheado de façanhas que marcaram época, como o tri da América do Grêmio e o bi mundial de Mayra Aguiar, além de realizações fora de campo, como as investigações de corRupção no futebol. OS QUADROS DE Se 2016 já havia sido bom para os gremistas, com a conquista do penta da Copa do Brasil, 2017 reservava vitórias ainda mais expresSivas. Apesar de ser eliminado nas semifinais do Gauchão, no início do ano, o foco tricolor sempre foi a Libertadores. E desta vez o tricampeonato não escapou. Em uma campanha consistente, a equipe treinada por Renato Gaúcho levantou a taça ao vencer na final os argentinos do Lanús por 1 a 0 em Porto Alegre e depois por 2 a 1, na Argentina, com direito a um golaço de Luan, o jogador que mais se destacou ao longo do ano. Duas semanas depois da festa pelo título, o Grêmio já estreava no Mundial de Clubes, em Abu Dhabi, na esperança do bicampeonato. O time até pasSou pelo Pachuca, mas não conseguiu fazer frente ao superelenco do Real Madrid e perdeu por 1 a 0. campeão da libertadorescampeão da libertadores Gauchão é aquele campeonato no início da temporada vencido por Inter ou Grêmio, certo? Nem sempre. Em 2017, o Novo Hamburgo resolveu atrapalhar a série de conquistas da dupla Gre-Nal. E Se O ANO prometia ser DIFÍCIL para o Inter, bem, não decepcionou. para variar, alguns técnicos pagaram o pato. Ao final da temporada, o então interino Odair HelLmanN foi promovido a técnico para 2018. Já o time, com alguma dose de sofrimento, mas amparado em nomes como D'AlesSandro, terminou em segundo lugar e garantiu o retorno à Série A. campeão gaúchocampeão gaúcho ANTÔNIO CARLOS ZAGO ERA APOSTA, MAS CAIU NO INÍCIO DA SÉRIE B ENCAMINHOU O TIME, MAS NÃO EMPOLGOU GUTO FErREIRA “2018 será um ano de aprendizados para não cometermos os erRos do pasSado” Naquela que provavelmente deve ter sido a última edição da Copa das Confederações, a Alemanha nem precisou de força máxima para levantar a taça. POR FALAR EM COPA, O BRASIL GARANTIU A VAGA sem sofrimento ao vencer o Paraguai por 3 a 0 e alcançar oito vitórias consecutivas sob o comando de Tite. A CLAsSIFICAÇÃO VEIo com quatro rodadas de antecedência. Com todas as 32 seleções definidas - e sem algumas tradicionais, como Itália e Holanda -, a Fifa sorteou os grupos da Copa de 2018, na RúsSia. E o Brasil não teve muito do que reclamar... FESTA TAMBÉM PARA A SELEÇÃO FEMININA DE VÔLEI, QUE COMEMOROU mais um título de Grand Prix, o 12º. OS HOMENS FICARAM COM O VICE DO MUNDIAL. campeão da copa das confederações campeão da copa das confederações campeãs do grand prix campeãs do grand prix EITA! SUÍÇA COSTA RICA SÉRVIA FALTA A ESTÁTUA! 16 | CORREIO DO POVO +DOMINGO | 31/12/2017
  • 13. fim PESQUISA: CARLOS CORRÊA | INFOGRAFIA: JONATHAS COSTA | ARTE SOBRE FOTOS DE: FABIANO DO AMARAL; RICARDO GIUSTI; RICARDO GIUSTI; RICARDO GIUSTI; MAURO SCHAEFER; SAMUEL MACIEL; MAURO SCHAEFER; GUILHERME TESTA / CP MEMÓRIA; GUILHERME TESTA / CP MEMÓRIA; RANCOIS XAVIER MARIT/ AFP; LUCAS FIGUEIREDO / CBF / CP; AFP / GETTY IMAGES; AFP / GETTY IMAGES; AFP / GETTY IMAGES; FIVB/ DIVULGAÇÃO; NBA / GETTY IMAGES; / AFP; FRANCK FIFE / AFP; BEN STANSALL/ AFP; TIMOTHY A. CLARY/ AFP; ANDREJ ISAKOVIC / AFP; RICARDO MOREIRA/ FOTOARENA/ FOLHAPRESS/ CP; LUCAS FIGUEIREDO / CBF / CP; ATTILA KISBENEDEK / AFP ; CARLA WOLSKI / FUTURA PRESS / FOLHAPRESS; MAURO PIMENTEL / AFP E DANIEL MARENCO / FOHAPRESS / CP OUTRO ÍCONE DO ESPORTE, USAIN BOLT SE despedIU DAS PISTAS NESTE ANO, MAS NÃO DA MANEIRA COMO TODOS ESPERAVAM... NOS RINGUES, o norte-americano Floyd Mayweather Jr. e o irlandês ConNor McGregor TRAVARAM UM GRANDE DUELO. Mayweather venceu por nocaute no 10º asSalto E levou para casa incríveis 100 milhões de dólares. JÁ o cruzeiro ficou com a copa do brasil pela 5ª vez. aqui no brasil, depois de um começo arRasador, no qual terminou o primeiro turno invicto, o Corinthians disparou na liderança do Campeonato Brasileiro e de lá não saiu mais, tornando-se campeão pela 7ª vez. Ainda abalada pela tragédia de 2016, a ChapeCOENSE não apenas venceu o Campeonato Catarinense, como só não avançou na Libertadores por uma punição administrativa. De quebra, no Brasileirão, onde se temia o rebaixamento, terminou em 8º. quem também fez história foi Mayra Aguiar. Ao derRotar a japonesa Umeki Mami na final, a atleta tornou-se bicampeã mundial, feito nunca alcançado por uma judoca brasileira. mas os esportes não ficaram imunes aos escândalos. Carlos Arthur Nuzman foi preso pela PF, acusado de participar da compra de votos para o Rio ser sede dos Jogos de 2016. Foi liberado 15 dias depois, mas AINDA É investigaDO. a cbf também esteve no alvo. O presidente Marco Polo Del Nero foi afastado do cargo acusado pelos EUA de fraude e lavagem de dinheiro. já o ex-presidente José Maria Marín foi condenado pela justiça norte-americana e está preso. NA F-1, A temporada bem que ensaiou uma disputa acirRada entre Hamilton e VetTel. MAS à medida que o campeonato foi ganhando o ano, a vantagem do britânico da Mercedes foi ficando maior. No final, Hamilton festejou o títulO pela 4ª vez. EMOÇÃO TAMBÉM NA DISPUTA DO TÍTULO DA NFL. no terceiro quarto o placar apontava 28 a 3 para os Atlanta Falcons. Só que do outro lado estavam os New England Patriots, que buscaram o empate no último minuto, forçando a prorRogação. o homem mais rápido do mundo, oito vezes ouro nos Jogos Olímpicos, não conseguiu subir ao lugar mais alto do pódio em seu último Mundial: foi bronze nos 100m rasos e nos 4x100m não completou a prova em virtude de fortes cãibras. No final, 34 a 28 para os Patriots em uma vitória histórica. QUANDO O Golden State WarRiors ANUNCIOU A CONTRATAÇÃO DE Kevin Durant, já se imaginava que o supertime seria quase imbatível. As finais da temporada não deixaram dúvidas. E FALANDO EM RECORDES... O PSG peitou o Barcelona e bancou uma multa milionária de R$ 821 milhões para TER NEYMAR NO ELENC. O BRASILEIRO pasSou a ganhar míseros R$ 137 milhões por ano. O ANO TAMBÉM FOI MARCADO POR GRANDES FEITOS! campeão da nba campeão da nba campeão da nfl campeão da nfl campeão da f-1 campeão da f-1 campeão do brasileirão campeão do brasileirão campeão da copa do brasilcampeão da copa do brasil campeã do mundial de judôcampeã do mundial de judô #VAMO CHAPE! 31/12/2017 | CORREIO DO POVO +DOMINGO | 17
  • 14. 2017 JÁ COMEÇOU MOSTRANDO A QUE VEIO! NA ENTREGA DO PRÊMIO MAIS ESPERADO DO ANO, UM erRo INACREDITÁVEL. o oscar DE MELHOR FILME FOI anunciado para LA LA LAND, MAS NO MEIO DOS AGRADECIMENTOS SURGE O ENVELOPE COM O INDICADO COrRETO: MoOnlight. 2017 teve a cultura em alta, com grandes shows na Capital e belos eventos literários, mas a censura a mostras e os escândalos de asSédio sexual mancharam o mundo das artes. OS QUADROS DE fim PESQUISA: LUIZ GONZAGA LOPES | INFOGRAFIA: JONATHAS COSTA | ARTE SOBRE FOTOS DE MARK RALSTON / AFP / CP; RICARDO GIUSTI; RICARDO GIUSTI; SAMUEL MACIEL; ALINA SOUZA; LUCA DEL PIA / DIVULGAÇÃO / CP; BRAYAN MARTINS/ PMPA / CP; REPRODUÇÃO / CP; BERTRAND GUAY / AFP / CP; REPRODUÇÃO / CP; MPRS/DIVULGAÇÃO / CP; MAURO SCHAEFER; MAURO SCHAEFER EEERRRROOU Porto Alegre novamente esteve na rota dOS shows. A cidade asSistiu a apresentações de James Taylor e Elton John; Bon Jovi, The Who, Paul McCartney, Coldplay, The Cult, Pet Shop Boys, entre outros grandes da música. OUTRA TRADIÇÃO DA CAPITAL, A FEIRA DO LIVRO REALIZOU A SUA 63ª EDIÇÃO NESTE ANO. A FEIRA Recebeu uma delegação com 11 escritores, além de ministros, embaixadores e cônsules dos países que compõem a Escandinávia. 63ª EDIÇÃO NESTE ANO. VALESCA DE AsSIS FOI A PATRONA Mesmo com a crise, o Porto Alegre em Cena, em sua 23ª edição, manteve o alto nível com atrações da Espanha, França e Uruguai, entre outros países. OUTRO DESTAQUE DA CENA CULTURAL PORTO-ALEGRENSE foi a volta do Festival de Inverno. FORAM cursos sobre Jorge Luis Borges, literatura argentina, feminina, entre outros temas, além de shows como o da Banda Municipal e o dos argentinos do Esteban Morgado Cuarteto. Nunca antes na história do MUNDO ARTÍSTICO HOUVE tantas denúncias de asSédio sexual envolvendo grandes nomes do cinema e das artes em geral, como o produtor Harvey Weinstein e o ator Kevin Spacey. MAS 2017 TROUXE AINDA MUITAS REVELAÇÕES NO showbizZ OS ESCÂNDALOS SEXUAIS ENVOLVERAM TAMBÉM grandes nomes da política, DA MÚSICA, DOS ESPORTES E DO MUNDO EMPRESARIAL. EM VÁRIOS PAÍSES, MILHARES DE MULHERES PROTESTARAM E AsSINARAM PETIÇÕES FAZENDO DENÚNCIAS E COBRANDO PUNIÇÕES. NO BRASIL A POLÊMICA GIROU EM TORNO DA MOSTRA QUeERMUSEU, NO SANTANDER CULTURAL, EM PORTO ALEGRE. a presSão de grupos conservadores levou ao fechamento da mostra um mês antes do previsto e incitou debates brasil afora. 18 | CORREIO DO POVO +DOMINGO | 31/12/2017