SlideShare uma empresa Scribd logo
Noções  de  Obsessão  e  Desobsessão Luciano Menezes
Noções de  Obsessão e Desobsessão Para que se entenda a obsessão, tem-se que aceitar a fragilidade humana. Para que se entenda o obsessor, tem-se que compreender a dor humana.
Transtorno psíquico é obsessão. O Espiritismo enxerga o espírito e seu comportamento. O Psiquiátrico vê o cérebro, é só tomar remédio vão ao efeito e não a causa. O Psicológico é preparado para enxergar o individuo, não vê a obsessão.
Ou seja, quando estão vendo o individuo estão vendo com faces diferentes. Eles reduzem o problema, impedem a visão de totalidade. A mente não está no cérebro. O Corpo é uma extensão da mente, o corpo é uma forma da mente acessar a forma material. Obsessão, um tipo de parceria entre pessoas.
Obsessão atua por: 1 º Idéia – Porque faz? 2º Emoções – O que sente? 3º Complexos – De que está fugindo? 4º - Obsessão exacerba os  complexos.
O Complexo é que causa transtornos psíquicos, suga a energia do ego. Exemplo:  Complexo do poder em relação à cargo. Complexo da mulher separada. Tímido se basta, não quer ser criticado ( Sente-se superior) “ O complexo é o oposto da consciência”
Extrovertido Se pauta pelas coisas externas, pelos objetos externos. Extra “pra fora”, ou seja a vida é movida pelo que acontece do lado de fora. Não é alegria ele age com o que vê.
Introvertido Se pauta não pelo que está vendo, mas pelas impressões que tem do externo, não é pelo que está acontecendo, ele se move pelo que acha que está acontecendo.
Conceito: Transtorno Psíquico  Transtorno mentais são padrões comportamentais ou psicológicos clinicamente importante, associado a sofrimento, incapacitação ou prejuízo funcional, com respostas imprevisíveis culturalmente não aceitos. Trata-se de uma disfunção comportamental psicológica ou biológica no individuo.
O Caos externo é para conter toda pressão do inconsciente para o consciente. É como doença, é um sistema regulador, aparece para equilibrar algo que está em desequilíbrio. As funções ectopsíquicas – Sensação, pensamento, sentimento, intuição – ego. As funções endopsíquicas – Memória, subjetividade das funções, emoções, invasões vem do interior da psiquê. Inconsciente.
Temos que buscar as causas internas na obsessão. Sofrimentos que nos livram de coisas piores. Certos bloqueios psicológico, são pois analgésico da consciência ( Sentido Moral ). A consciência é masculina “drogas ilícitas, complexo paterno”. O inconsciente é feminino “drogas licitas”, complexo materno.
Prisioneiros do Eu O erro, culpa, o arrependimento ou, remorso, repressão ou fuga, bloqueio, formação de núcleo traumático, sensação de angustia ou inquietação, neuroses, somatização, cartase, racionalização, responsabilidade.
Chama-se Obsessão: A ação persistente que um espírito mau exerce sobre um individuo. (A Gênese). Que apresenta características diferentes. 1ª Causas anteriores, 2ª Causas atuais, 3ª Influência espiritual.
Obsessão Simples Confusão Mental, influências mutuas, o tempo todo, instala-se pelo padrão mental.
Obsessão por Fascinação Fantasias, ilusão, irrealidade, pára o raciocínio, não acredita que está enganado, o espírito espira-lhe confiança cega.
Obsessão por Subjugação Perda  do ego, da vontade, catatonia, anedonia, pode ser moral , corporal ou os dois.
A Reforma íntima pressupõe um processo de transformação efetiva que inclui a aquisição do conhecimento gradativo das leis de Deus. Não se trata de simples modificação no comportamento, mas na mudança emocional e racional.  A reforma íntima é um trabalho de conhecimento de Si mesmo que permite a ocorrência cotidiana de transformação na forma de construir os próprios ideais e de vivenciar as emoções.
O Espiritismo fala de reforma íntima, e não de reforma comportamental, é mudança interior, não basta o desejo de mudar, a consciência de mudar, a intenção de mudar. Só vai valer quando a experiência se repetir, a pessoa é testada, para ter um novo olhar.
Obsessão tem tudo a ver com médium. Obsessão da convivência social. 1º - População no tempo de Jesus -  300 milhões de habitantes. 2º - População em 1850 -  1 bilhão e quinhentos milhões. 3º - em 1950  -  2 bilhões. 4º - em 1987 – 4 bilhões.
Alteração provocada pela  Obsessão e Transtorno 1º  Alteração do Senso-percepção = 5 sentidos físicos. 2º  Alteração das Representações = alucinações, destorcer a realidade. 3º  Alteração de Conceitos = alteração dos juízos “delírios”.  4º Alteração do Raciocínio = lentidão, fuga de idéias, Toc, etc.
5º Alteração da Memória = Amnésia. 6º Alteração de Atenção = TDA 7º Alteração da Orientação = Espaço e tempo. 8º Alteração da Consciência = Consciência do Eu. 9º Alteração da Afetividade = euforia, depressão, pânico, fobias, humor, etc.
10º Alteração da Atividade Voluntária = Tiques, volição, catatonia, etc. 11º Alteração da Tendência Vital = Anorexia, bulimia, compulsões, etc.  12 º Alteração da Linguagem.
“ QUANTAS EXISTÊNCIAS, QUANTOS CORPOS, QUANTOS SÉCULOS, QUANTOS SERVIÇOS, QUANTOS TRIUNFOS, QUANTAS MORTES NECESSITAMOS AINDA?”  ANDRÉ LUIZ

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Obsessão , prevenção, tratamento e cura (Leonardo Pereira).
Obsessão , prevenção, tratamento e cura (Leonardo Pereira). Obsessão , prevenção, tratamento e cura (Leonardo Pereira).
Obsessão , prevenção, tratamento e cura (Leonardo Pereira).
Leonardo Pereira
 
Obsessão e desobsessão
Obsessão e desobsessãoObsessão e desobsessão
Obsessão e desobsessão
KATIA MARIA FARAH V DA SILVA
 
26 de junho 2015 desobsessão preciso passar
26 de junho 2015 desobsessão   preciso passar26 de junho 2015 desobsessão   preciso passar
26 de junho 2015 desobsessão preciso passar
Lar Irmã Zarabatana
 
Obsessão doença moral ( Leonardo Pereira).
Obsessão doença moral ( Leonardo Pereira). Obsessão doença moral ( Leonardo Pereira).
Obsessão doença moral ( Leonardo Pereira).
Leonardo Pereira
 
Obsessao 1
Obsessao 1Obsessao 1
Obsessao 1
Graça Maciel
 
Obsessão conceitos causas e graus
Obsessão conceitos causas e grausObsessão conceitos causas e graus
Obsessão conceitos causas e graus
Shantappa Jewur
 
Exposicao 28 junho 2011 auto-obsessao
Exposicao 28 junho 2011   auto-obsessaoExposicao 28 junho 2011   auto-obsessao
Exposicao 28 junho 2011 auto-obsessao
caminhodaluz41
 
Obsessão: Definição e Características
Obsessão:  Definição e CaracterísticasObsessão:  Definição e Características
Obsessão: Definição e Características
igmateus
 
Obsessão e desobsessão
Obsessão e desobsessãoObsessão e desobsessão
Obsessão e desobsessão
Wilma Badan C.G.
 
Obsessão doença moral!
Obsessão doença moral!Obsessão doença moral!
Obsessão doença moral!
Leonardo Pereira
 
Obsessão e Desobsessão
Obsessão e Desobsessão Obsessão e Desobsessão
Obsessão e Desobsessão
igmateus
 
Obsessão
ObsessãoObsessão
Obsessão
meebpeixotinho
 
Influências espirituais Sutis
Influências espirituais Sutis Influências espirituais Sutis
Influências espirituais Sutis
Leonardo Pereira
 
Instituto Espírita de Educação - Como combater a obsessão
Instituto Espírita de Educação -  Como combater a obsessãoInstituto Espírita de Educação -  Como combater a obsessão
Instituto Espírita de Educação - Como combater a obsessão
Instituto Espírita de Educação
 
Passe e Desobsessão - os estudos de Allan Kardec
Passe e Desobsessão - os estudos de Allan KardecPasse e Desobsessão - os estudos de Allan Kardec
Passe e Desobsessão - os estudos de Allan Kardec
Ponte de Luz ASEC
 
Procrastinação e Obsessão Espiritual
Procrastinação e Obsessão EspiritualProcrastinação e Obsessão Espiritual
Procrastinação e Obsessão Espiritual
Ricardo Azevedo
 
Seminário: As Terapias Desobsessivas
Seminário: As Terapias DesobsessivasSeminário: As Terapias Desobsessivas
Seminário: As Terapias Desobsessivas
costaunicastelo
 
Obsessão - problema ou oportunidade de renovação?
Obsessão - problema ou oportunidade de renovação?Obsessão - problema ou oportunidade de renovação?
Obsessão - problema ou oportunidade de renovação?
Ricardo Azevedo
 
15ª aula obsessão meios e combate-la - coem
15ª aula   obsessão meios e combate-la - coem15ª aula   obsessão meios e combate-la - coem
15ª aula obsessão meios e combate-la - coem
Wagner Quadros
 

Mais procurados (19)

Obsessão , prevenção, tratamento e cura (Leonardo Pereira).
Obsessão , prevenção, tratamento e cura (Leonardo Pereira). Obsessão , prevenção, tratamento e cura (Leonardo Pereira).
Obsessão , prevenção, tratamento e cura (Leonardo Pereira).
 
Obsessão e desobsessão
Obsessão e desobsessãoObsessão e desobsessão
Obsessão e desobsessão
 
26 de junho 2015 desobsessão preciso passar
26 de junho 2015 desobsessão   preciso passar26 de junho 2015 desobsessão   preciso passar
26 de junho 2015 desobsessão preciso passar
 
Obsessão doença moral ( Leonardo Pereira).
Obsessão doença moral ( Leonardo Pereira). Obsessão doença moral ( Leonardo Pereira).
Obsessão doença moral ( Leonardo Pereira).
 
Obsessao 1
Obsessao 1Obsessao 1
Obsessao 1
 
Obsessão conceitos causas e graus
Obsessão conceitos causas e grausObsessão conceitos causas e graus
Obsessão conceitos causas e graus
 
Exposicao 28 junho 2011 auto-obsessao
Exposicao 28 junho 2011   auto-obsessaoExposicao 28 junho 2011   auto-obsessao
Exposicao 28 junho 2011 auto-obsessao
 
Obsessão: Definição e Características
Obsessão:  Definição e CaracterísticasObsessão:  Definição e Características
Obsessão: Definição e Características
 
Obsessão e desobsessão
Obsessão e desobsessãoObsessão e desobsessão
Obsessão e desobsessão
 
Obsessão doença moral!
Obsessão doença moral!Obsessão doença moral!
Obsessão doença moral!
 
Obsessão e Desobsessão
Obsessão e Desobsessão Obsessão e Desobsessão
Obsessão e Desobsessão
 
Obsessão
ObsessãoObsessão
Obsessão
 
Influências espirituais Sutis
Influências espirituais Sutis Influências espirituais Sutis
Influências espirituais Sutis
 
Instituto Espírita de Educação - Como combater a obsessão
Instituto Espírita de Educação -  Como combater a obsessãoInstituto Espírita de Educação -  Como combater a obsessão
Instituto Espírita de Educação - Como combater a obsessão
 
Passe e Desobsessão - os estudos de Allan Kardec
Passe e Desobsessão - os estudos de Allan KardecPasse e Desobsessão - os estudos de Allan Kardec
Passe e Desobsessão - os estudos de Allan Kardec
 
Procrastinação e Obsessão Espiritual
Procrastinação e Obsessão EspiritualProcrastinação e Obsessão Espiritual
Procrastinação e Obsessão Espiritual
 
Seminário: As Terapias Desobsessivas
Seminário: As Terapias DesobsessivasSeminário: As Terapias Desobsessivas
Seminário: As Terapias Desobsessivas
 
Obsessão - problema ou oportunidade de renovação?
Obsessão - problema ou oportunidade de renovação?Obsessão - problema ou oportunidade de renovação?
Obsessão - problema ou oportunidade de renovação?
 
15ª aula obsessão meios e combate-la - coem
15ª aula   obsessão meios e combate-la - coem15ª aula   obsessão meios e combate-la - coem
15ª aula obsessão meios e combate-la - coem
 

Semelhante a Obsessão

Funções psíquicas
Funções psíquicas Funções psíquicas
Funções psíquicas
thaissamaia
 
Doenças da alma
Doenças da alma Doenças da alma
Doenças da alma
Victor Passos
 
Doenças da alma
Doenças da almaDoenças da alma
Doenças da alma
Dinorah Pessoa da Costa
 
Psicologia: Diferentes Abordagens
Psicologia: Diferentes AbordagensPsicologia: Diferentes Abordagens
Psicologia: Diferentes Abordagens
Bruno Carrasco
 
24-201-2017-desenvolvimentoemocionaleaprendizagem-reginamigliori.ppt
24-201-2017-desenvolvimentoemocionaleaprendizagem-reginamigliori.ppt24-201-2017-desenvolvimentoemocionaleaprendizagem-reginamigliori.ppt
24-201-2017-desenvolvimentoemocionaleaprendizagem-reginamigliori.ppt
fcodacruz1919
 
JUNG E A FORMAÇÃO DA IDENTIDADE personalidade.ppt
JUNG E A FORMAÇÃO DA IDENTIDADE personalidade.pptJUNG E A FORMAÇÃO DA IDENTIDADE personalidade.ppt
JUNG E A FORMAÇÃO DA IDENTIDADE personalidade.ppt
alinerabelo31
 
Psicanálise
PsicanálisePsicanálise
Psicanálise
Micaella Gomes
 
12 encontro espírita sobre medicina espiritual (celd)
12 encontro espírita sobre medicina espiritual (celd)12 encontro espírita sobre medicina espiritual (celd)
12 encontro espírita sobre medicina espiritual (celd)
Ricardo Akerman
 
Psicopatologia I- Aula 7: Alterações da Percepção
Psicopatologia I- Aula 7: Alterações da PercepçãoPsicopatologia I- Aula 7: Alterações da Percepção
Psicopatologia I- Aula 7: Alterações da Percepção
Alexandre Simoes
 
Apresentaopsicanlise
ApresentaopsicanliseApresentaopsicanlise
Apresentaopsicanlise
Manuela Santos
 
Ebook-Os-Tipos-Psicológicos.pdf
Ebook-Os-Tipos-Psicológicos.pdfEbook-Os-Tipos-Psicológicos.pdf
Ebook-Os-Tipos-Psicológicos.pdf
paolacarvalho25
 
Juventude e emoção
Juventude e emoçãoJuventude e emoção
Juventude e emoção
Ana Paula Ribeiro de Oliveira
 
Fundamentos de psicopatologia
Fundamentos de psicopatologiaFundamentos de psicopatologia
Fundamentos de psicopatologia
UNICEP
 
Depressão na visão espírita
Depressão na visão espíritaDepressão na visão espírita
Depressão na visão espírita
grupodepaisceb
 
Psicanálise
PsicanálisePsicanálise
Palestra Depressão: Doença Física ou Espiritual?
Palestra Depressão: Doença Física ou Espiritual?Palestra Depressão: Doença Física ou Espiritual?
Palestra Depressão: Doença Física ou Espiritual?
Marcelo Suster
 
Processos Emocionais
Processos EmocionaisProcessos Emocionais
Processos Emocionais
Jorge Barbosa
 
Processos Emocionais
Processos EmocionaisProcessos Emocionais
Processos Emocionais
Jorge Barbosa
 
Psicologia
PsicologiaPsicologia
Psicologia
Pedro Silva
 
Faceli - Direito - 2° Período - Curso de Psicologia Jurídica - 03
Faceli - Direito - 2° Período - Curso de Psicologia Jurídica - 03Faceli - Direito - 2° Período - Curso de Psicologia Jurídica - 03
Faceli - Direito - 2° Período - Curso de Psicologia Jurídica - 03
Jordano Santos Cerqueira
 

Semelhante a Obsessão (20)

Funções psíquicas
Funções psíquicas Funções psíquicas
Funções psíquicas
 
Doenças da alma
Doenças da alma Doenças da alma
Doenças da alma
 
Doenças da alma
Doenças da almaDoenças da alma
Doenças da alma
 
Psicologia: Diferentes Abordagens
Psicologia: Diferentes AbordagensPsicologia: Diferentes Abordagens
Psicologia: Diferentes Abordagens
 
24-201-2017-desenvolvimentoemocionaleaprendizagem-reginamigliori.ppt
24-201-2017-desenvolvimentoemocionaleaprendizagem-reginamigliori.ppt24-201-2017-desenvolvimentoemocionaleaprendizagem-reginamigliori.ppt
24-201-2017-desenvolvimentoemocionaleaprendizagem-reginamigliori.ppt
 
JUNG E A FORMAÇÃO DA IDENTIDADE personalidade.ppt
JUNG E A FORMAÇÃO DA IDENTIDADE personalidade.pptJUNG E A FORMAÇÃO DA IDENTIDADE personalidade.ppt
JUNG E A FORMAÇÃO DA IDENTIDADE personalidade.ppt
 
Psicanálise
PsicanálisePsicanálise
Psicanálise
 
12 encontro espírita sobre medicina espiritual (celd)
12 encontro espírita sobre medicina espiritual (celd)12 encontro espírita sobre medicina espiritual (celd)
12 encontro espírita sobre medicina espiritual (celd)
 
Psicopatologia I- Aula 7: Alterações da Percepção
Psicopatologia I- Aula 7: Alterações da PercepçãoPsicopatologia I- Aula 7: Alterações da Percepção
Psicopatologia I- Aula 7: Alterações da Percepção
 
Apresentaopsicanlise
ApresentaopsicanliseApresentaopsicanlise
Apresentaopsicanlise
 
Ebook-Os-Tipos-Psicológicos.pdf
Ebook-Os-Tipos-Psicológicos.pdfEbook-Os-Tipos-Psicológicos.pdf
Ebook-Os-Tipos-Psicológicos.pdf
 
Juventude e emoção
Juventude e emoçãoJuventude e emoção
Juventude e emoção
 
Fundamentos de psicopatologia
Fundamentos de psicopatologiaFundamentos de psicopatologia
Fundamentos de psicopatologia
 
Depressão na visão espírita
Depressão na visão espíritaDepressão na visão espírita
Depressão na visão espírita
 
Psicanálise
PsicanálisePsicanálise
Psicanálise
 
Palestra Depressão: Doença Física ou Espiritual?
Palestra Depressão: Doença Física ou Espiritual?Palestra Depressão: Doença Física ou Espiritual?
Palestra Depressão: Doença Física ou Espiritual?
 
Processos Emocionais
Processos EmocionaisProcessos Emocionais
Processos Emocionais
 
Processos Emocionais
Processos EmocionaisProcessos Emocionais
Processos Emocionais
 
Psicologia
PsicologiaPsicologia
Psicologia
 
Faceli - Direito - 2° Período - Curso de Psicologia Jurídica - 03
Faceli - Direito - 2° Período - Curso de Psicologia Jurídica - 03Faceli - Direito - 2° Período - Curso de Psicologia Jurídica - 03
Faceli - Direito - 2° Período - Curso de Psicologia Jurídica - 03
 

Obsessão

  • 1. Noções de Obsessão e Desobsessão Luciano Menezes
  • 2. Noções de Obsessão e Desobsessão Para que se entenda a obsessão, tem-se que aceitar a fragilidade humana. Para que se entenda o obsessor, tem-se que compreender a dor humana.
  • 3. Transtorno psíquico é obsessão. O Espiritismo enxerga o espírito e seu comportamento. O Psiquiátrico vê o cérebro, é só tomar remédio vão ao efeito e não a causa. O Psicológico é preparado para enxergar o individuo, não vê a obsessão.
  • 4. Ou seja, quando estão vendo o individuo estão vendo com faces diferentes. Eles reduzem o problema, impedem a visão de totalidade. A mente não está no cérebro. O Corpo é uma extensão da mente, o corpo é uma forma da mente acessar a forma material. Obsessão, um tipo de parceria entre pessoas.
  • 5. Obsessão atua por: 1 º Idéia – Porque faz? 2º Emoções – O que sente? 3º Complexos – De que está fugindo? 4º - Obsessão exacerba os complexos.
  • 6. O Complexo é que causa transtornos psíquicos, suga a energia do ego. Exemplo: Complexo do poder em relação à cargo. Complexo da mulher separada. Tímido se basta, não quer ser criticado ( Sente-se superior) “ O complexo é o oposto da consciência”
  • 7. Extrovertido Se pauta pelas coisas externas, pelos objetos externos. Extra “pra fora”, ou seja a vida é movida pelo que acontece do lado de fora. Não é alegria ele age com o que vê.
  • 8. Introvertido Se pauta não pelo que está vendo, mas pelas impressões que tem do externo, não é pelo que está acontecendo, ele se move pelo que acha que está acontecendo.
  • 9. Conceito: Transtorno Psíquico Transtorno mentais são padrões comportamentais ou psicológicos clinicamente importante, associado a sofrimento, incapacitação ou prejuízo funcional, com respostas imprevisíveis culturalmente não aceitos. Trata-se de uma disfunção comportamental psicológica ou biológica no individuo.
  • 10. O Caos externo é para conter toda pressão do inconsciente para o consciente. É como doença, é um sistema regulador, aparece para equilibrar algo que está em desequilíbrio. As funções ectopsíquicas – Sensação, pensamento, sentimento, intuição – ego. As funções endopsíquicas – Memória, subjetividade das funções, emoções, invasões vem do interior da psiquê. Inconsciente.
  • 11. Temos que buscar as causas internas na obsessão. Sofrimentos que nos livram de coisas piores. Certos bloqueios psicológico, são pois analgésico da consciência ( Sentido Moral ). A consciência é masculina “drogas ilícitas, complexo paterno”. O inconsciente é feminino “drogas licitas”, complexo materno.
  • 12. Prisioneiros do Eu O erro, culpa, o arrependimento ou, remorso, repressão ou fuga, bloqueio, formação de núcleo traumático, sensação de angustia ou inquietação, neuroses, somatização, cartase, racionalização, responsabilidade.
  • 13. Chama-se Obsessão: A ação persistente que um espírito mau exerce sobre um individuo. (A Gênese). Que apresenta características diferentes. 1ª Causas anteriores, 2ª Causas atuais, 3ª Influência espiritual.
  • 14. Obsessão Simples Confusão Mental, influências mutuas, o tempo todo, instala-se pelo padrão mental.
  • 15. Obsessão por Fascinação Fantasias, ilusão, irrealidade, pára o raciocínio, não acredita que está enganado, o espírito espira-lhe confiança cega.
  • 16. Obsessão por Subjugação Perda do ego, da vontade, catatonia, anedonia, pode ser moral , corporal ou os dois.
  • 17. A Reforma íntima pressupõe um processo de transformação efetiva que inclui a aquisição do conhecimento gradativo das leis de Deus. Não se trata de simples modificação no comportamento, mas na mudança emocional e racional. A reforma íntima é um trabalho de conhecimento de Si mesmo que permite a ocorrência cotidiana de transformação na forma de construir os próprios ideais e de vivenciar as emoções.
  • 18. O Espiritismo fala de reforma íntima, e não de reforma comportamental, é mudança interior, não basta o desejo de mudar, a consciência de mudar, a intenção de mudar. Só vai valer quando a experiência se repetir, a pessoa é testada, para ter um novo olhar.
  • 19. Obsessão tem tudo a ver com médium. Obsessão da convivência social. 1º - População no tempo de Jesus - 300 milhões de habitantes. 2º - População em 1850 - 1 bilhão e quinhentos milhões. 3º - em 1950 - 2 bilhões. 4º - em 1987 – 4 bilhões.
  • 20. Alteração provocada pela Obsessão e Transtorno 1º Alteração do Senso-percepção = 5 sentidos físicos. 2º Alteração das Representações = alucinações, destorcer a realidade. 3º Alteração de Conceitos = alteração dos juízos “delírios”. 4º Alteração do Raciocínio = lentidão, fuga de idéias, Toc, etc.
  • 21. 5º Alteração da Memória = Amnésia. 6º Alteração de Atenção = TDA 7º Alteração da Orientação = Espaço e tempo. 8º Alteração da Consciência = Consciência do Eu. 9º Alteração da Afetividade = euforia, depressão, pânico, fobias, humor, etc.
  • 22. 10º Alteração da Atividade Voluntária = Tiques, volição, catatonia, etc. 11º Alteração da Tendência Vital = Anorexia, bulimia, compulsões, etc. 12 º Alteração da Linguagem.
  • 23. “ QUANTAS EXISTÊNCIAS, QUANTOS CORPOS, QUANTOS SÉCULOS, QUANTOS SERVIÇOS, QUANTOS TRIUNFOS, QUANTAS MORTES NECESSITAMOS AINDA?” ANDRÉ LUIZ