SlideShare uma empresa Scribd logo
O problema do Mal – DEUS CRIOU O MAL



Bom a um tempo eu coloquei um topico com esse tipo de assunto.
Se Deus criou o mal.
Se não me engano foi um video que coloquei.
O video relata essa historia:
Alemanha
Inicio do século 20
Durante uma conferência com vários universitários, um professor da
Universidade de Berlim desafiou seus alunos com esta pergunta:
“Deus criou tudo o que existe?”
Um aluno respondeu valentemente:
“Sim, Ele criou.”
“Deus criou tudo?”
Perguntou novamente o professor.
“Sim senhor”, respondeu o jovem.
O professor respondeu,
“Se Deus criou tudo, então Deus fez o mal? Pois o mal existe, e partindo
do preceito de que nossas obras são um reflexo de nós mesmos, então
Deus é mau?”
O jovem ficou calado diante de tal resposta e o professor, feliz, se
regozijava de ter provado mais uma vez que a fé era um mito.
Outro estudante levantou a mão e disse:
“Posso fazer uma pergunta, professor?”
“Lógico.” Foi a resposta do professor.
O jovem ficou de pé e perguntou:
“Professor, o frio existe?”
“Que pergunta é essa? Lógico que existe, ou por acaso você nunca
sentiu frio?”
O rapaz respondeu:
“De fato, senhor, o frio não existe. Segundo as leis da Física, o que
consideramos frio, na realidade é a ausência de calor. Todo corpo ou
objeto é susceptível de estudo quando possui ou transmite energia, o
calor é o que faz com que este corpo tenha ou transmita energia.
O zero absoluto é a ausência total e absoluta de calor, todos os corpos
ficam inertes, incapazes de reagir, mas o frio não existe. Nós criamos
essa definição para descrever como nos sentimos se não temos calor”
“E, existe a escuridão?”
Continuou o estudante.
O professor respondeu: “Existe.”
O estudante respondeu:
“Novamente comete um erro, senhor, a escuridão também não existe. A
escuridão na realidade é a ausência de luz.
A luz pode-se estudar, a escuridão não!
Até existe o prisma de Nichols para decompor a luz branca nas várias
cores de que está composta, com suas diferentes longitudes de ondas.
A escuridão não!
Um simples raio de luz atravessa as trevas e ilumina a superfície onde
termina o raio de luz.
Como pode saber quão escuro está um espaço determinado? Com base na
quantidade de luz presente nesse espaço, não é assim?
Escuridão é uma definição que o homem desenvolveu para descrever o que
acontece quando não há luz presente”
Finalmente, o jovem perguntou ao professor:
“Senhor, o mal existe?”
O professor respondeu:
“Claro que sim, lógico que existe, como disse desde o começo, vemos
estupros, crimes e violência no mundo todo, essas coisas são do mal.”
E o estudante respondeu:
“O mal não existe, senhor, pelo menos não existe por si mesmo. O mal é
simplesmente a ausência do bem, é o mesmo dos casos anteriores, o mal é
uma definição que o homem criou para descrever a ausência de Deus.
Deus não criou o mal.
Não é como a fé ou como o amor, que existem como existem o calor e a
luz.
O mal é o resultado da humanidade não ter Deus presente em seus
corações.
É como acontece com o frio quando não há calor, ou a escuridão quando
não há luz.”
Por volta dos anos 1900, este jovem foi aplaudido de pé, e o
professor apenas balançou a cabeça permanecendo calado…
Imediatamente o diretor dirigiu-se àquele jovem e perguntou qual era
seu nome?
E ele respondeu:
“ALBERT EINSTEIN.”

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Einsten-Existencia De Deus
Einsten-Existencia De DeusEinsten-Existencia De Deus
Einsten-Existencia De Deus
João Melo
 
"Deus criou tudo que existe?"
"Deus criou tudo que existe?""Deus criou tudo que existe?"
"Deus criou tudo que existe?"
DG1 Divulgue
 
Só mesmo de um gênio poderia vir tal afirmação...
Só mesmo de um gênio poderia vir tal afirmação...Só mesmo de um gênio poderia vir tal afirmação...
Só mesmo de um gênio poderia vir tal afirmação...
ield
 
Einsten Gib
Einsten GibEinsten Gib
Einsten Gib
zilma
 
Einsten Gib
Einsten GibEinsten Gib
Einsten Gib
Alessandra Freitas
 
Deus Existe Albert Einstein
Deus Existe   Albert EinsteinDeus Existe   Albert Einstein
Deus Existe Albert Einstein
cristinammelo
 
Slides Einstein O Bem E O Mal
Slides  Einstein   O Bem E O Mal Slides  Einstein   O Bem E O Mal
Slides Einstein O Bem E O Mal
silasicm
 
SeráQueomalexiste.Pps
SeráQueomalexiste.PpsSeráQueomalexiste.Pps
SeráQueomalexiste.Pps
cab3032
 
Seraqueomalexiste
SeraqueomalexisteSeraqueomalexiste
Seraqueomalexiste
cab3032
 
Ser Queomalexiste
Ser QueomalexisteSer Queomalexiste
Ser Queomalexiste
Rachel V.
 
Ser Queomalexiste
Ser QueomalexisteSer Queomalexiste
Ser Queomalexiste
batistabk
 
Einsten Gib
Einsten GibEinsten Gib
Einsten Gib
QSEJAETERNO
 
Genial
GenialGenial
Genial
jonathas01
 
Genial 2
Genial 2Genial 2
Genial 2
AN7ONYO
 
Sensacional
SensacionalSensacional
Sensacional
recebinoemail
 
Sera que o mal existe
Sera que o mal existeSera que o mal existe
Sera que o mal existe
Zé Vitor Rabelo
 
Será Que [1]..
Será Que [1]..Será Que [1]..
Será Que [1]..
Alessandra Freitas
 
EINSTEN-UM PEQUENO GRANDE MENINO.
EINSTEN-UM PEQUENO GRANDE MENINO.EINSTEN-UM PEQUENO GRANDE MENINO.
EINSTEN-UM PEQUENO GRANDE MENINO.
BRANDAO.ILSON
 
Professor...
Professor...Professor...
Professor...
Doni Cia
 
Sobre Deus
Sobre DeusSobre Deus
Sobre Deus
mariaticiana
 

Mais procurados (20)

Einsten-Existencia De Deus
Einsten-Existencia De DeusEinsten-Existencia De Deus
Einsten-Existencia De Deus
 
"Deus criou tudo que existe?"
"Deus criou tudo que existe?""Deus criou tudo que existe?"
"Deus criou tudo que existe?"
 
Só mesmo de um gênio poderia vir tal afirmação...
Só mesmo de um gênio poderia vir tal afirmação...Só mesmo de um gênio poderia vir tal afirmação...
Só mesmo de um gênio poderia vir tal afirmação...
 
Einsten Gib
Einsten GibEinsten Gib
Einsten Gib
 
Einsten Gib
Einsten GibEinsten Gib
Einsten Gib
 
Deus Existe Albert Einstein
Deus Existe   Albert EinsteinDeus Existe   Albert Einstein
Deus Existe Albert Einstein
 
Slides Einstein O Bem E O Mal
Slides  Einstein   O Bem E O Mal Slides  Einstein   O Bem E O Mal
Slides Einstein O Bem E O Mal
 
SeráQueomalexiste.Pps
SeráQueomalexiste.PpsSeráQueomalexiste.Pps
SeráQueomalexiste.Pps
 
Seraqueomalexiste
SeraqueomalexisteSeraqueomalexiste
Seraqueomalexiste
 
Ser Queomalexiste
Ser QueomalexisteSer Queomalexiste
Ser Queomalexiste
 
Ser Queomalexiste
Ser QueomalexisteSer Queomalexiste
Ser Queomalexiste
 
Einsten Gib
Einsten GibEinsten Gib
Einsten Gib
 
Genial
GenialGenial
Genial
 
Genial 2
Genial 2Genial 2
Genial 2
 
Sensacional
SensacionalSensacional
Sensacional
 
Sera que o mal existe
Sera que o mal existeSera que o mal existe
Sera que o mal existe
 
Será Que [1]..
Será Que [1]..Será Que [1]..
Será Que [1]..
 
EINSTEN-UM PEQUENO GRANDE MENINO.
EINSTEN-UM PEQUENO GRANDE MENINO.EINSTEN-UM PEQUENO GRANDE MENINO.
EINSTEN-UM PEQUENO GRANDE MENINO.
 
Professor...
Professor...Professor...
Professor...
 
Sobre Deus
Sobre DeusSobre Deus
Sobre Deus
 

Destaque

Eleição - João Calvino
Eleição - João CalvinoEleição - João Calvino
Eleição - João Calvino
Gcom digital factory
 
Novo Mapa das Religiões no Brasil
Novo Mapa das Religiões no BrasilNovo Mapa das Religiões no Brasil
Novo Mapa das Religiões no Brasil
Gcom digital factory
 
Bacharel em teologia
Bacharel em teologiaBacharel em teologia
Bacharel em teologia
Gcom digital factory
 
Introducción a la Cristología
Introducción a la CristologíaIntroducción a la Cristología
Introducción a la Cristología
faropaideia
 
Cristologia - Introdução
Cristologia - IntroduçãoCristologia - Introdução
Cristologia - Introdução
Dilean Melo
 
Introdução 1 cristologia
Introdução 1 cristologiaIntrodução 1 cristologia
Introdução 1 cristologia
frpoverello
 
Cristologia
CristologiaCristologia
Cristologia
Jose Otero
 
Tratado de Cristologia
Tratado de CristologiaTratado de Cristologia
Tratado de Cristologia
clasesteologia
 
Teologia sistematica - Cristologia
Teologia sistematica - CristologiaTeologia sistematica - Cristologia
Teologia sistematica - Cristologia
Gcom digital factory
 
MINI-CURSO DE TEOLOGIA - CRISTOLOGIA
MINI-CURSO DE TEOLOGIA - CRISTOLOGIAMINI-CURSO DE TEOLOGIA - CRISTOLOGIA
MINI-CURSO DE TEOLOGIA - CRISTOLOGIA
Leonam dos Santos
 

Destaque (10)

Eleição - João Calvino
Eleição - João CalvinoEleição - João Calvino
Eleição - João Calvino
 
Novo Mapa das Religiões no Brasil
Novo Mapa das Religiões no BrasilNovo Mapa das Religiões no Brasil
Novo Mapa das Religiões no Brasil
 
Bacharel em teologia
Bacharel em teologiaBacharel em teologia
Bacharel em teologia
 
Introducción a la Cristología
Introducción a la CristologíaIntroducción a la Cristología
Introducción a la Cristología
 
Cristologia - Introdução
Cristologia - IntroduçãoCristologia - Introdução
Cristologia - Introdução
 
Introdução 1 cristologia
Introdução 1 cristologiaIntrodução 1 cristologia
Introdução 1 cristologia
 
Cristologia
CristologiaCristologia
Cristologia
 
Tratado de Cristologia
Tratado de CristologiaTratado de Cristologia
Tratado de Cristologia
 
Teologia sistematica - Cristologia
Teologia sistematica - CristologiaTeologia sistematica - Cristologia
Teologia sistematica - Cristologia
 
MINI-CURSO DE TEOLOGIA - CRISTOLOGIA
MINI-CURSO DE TEOLOGIA - CRISTOLOGIAMINI-CURSO DE TEOLOGIA - CRISTOLOGIA
MINI-CURSO DE TEOLOGIA - CRISTOLOGIA
 

Semelhante a O problema do mal

Declaração de albert einstein
Declaração de albert einsteinDeclaração de albert einstein
Declaração de albert einstein
Fábio Luis Mailiote
 
43432 ser..
43432 ser..43432 ser..
43432 ser..
Marcos Patricio
 
Sobre Deus
Sobre DeusSobre Deus
Sobre Deus
mariaticiana
 
7º Ano : Albert Einstein
7º Ano : Albert Einstein7º Ano : Albert Einstein
7º Ano : Albert Einstein
Zaara Miranda
 
Existe O Mal
Existe O MalExiste O Mal
Existe O Mal
Chuck Gary
 
Será que o mal existe?
Será que o mal existe?Será que o mal existe?
Será que o mal existe?
Evangelizando Brasil
 
SERÁ QUE O MAL EXISTE?
SERÁ QUE O MAL EXISTE?SERÁ QUE O MAL EXISTE?
SERÁ QUE O MAL EXISTE?
batepapoespirita
 
Será que o mal existe
Será que o mal existeSerá que o mal existe
Será que o mal existe
fcantarim
 
Albert outra face
Albert outra faceAlbert outra face
Albert outra face
Mensagens Virtuais
 
O mal existe
O mal existeO mal existe
O mal existe
Amadeu Wolff
 
Existeelmal[1]...
Existeelmal[1]...Existeelmal[1]...
Existeelmal[1]...
Priscila Angel
 

Semelhante a O problema do mal (11)

Declaração de albert einstein
Declaração de albert einsteinDeclaração de albert einstein
Declaração de albert einstein
 
43432 ser..
43432 ser..43432 ser..
43432 ser..
 
Sobre Deus
Sobre DeusSobre Deus
Sobre Deus
 
7º Ano : Albert Einstein
7º Ano : Albert Einstein7º Ano : Albert Einstein
7º Ano : Albert Einstein
 
Existe O Mal
Existe O MalExiste O Mal
Existe O Mal
 
Será que o mal existe?
Será que o mal existe?Será que o mal existe?
Será que o mal existe?
 
SERÁ QUE O MAL EXISTE?
SERÁ QUE O MAL EXISTE?SERÁ QUE O MAL EXISTE?
SERÁ QUE O MAL EXISTE?
 
Será que o mal existe
Será que o mal existeSerá que o mal existe
Será que o mal existe
 
Albert outra face
Albert outra faceAlbert outra face
Albert outra face
 
O mal existe
O mal existeO mal existe
O mal existe
 
Existeelmal[1]...
Existeelmal[1]...Existeelmal[1]...
Existeelmal[1]...
 

Mais de Gcom digital factory

Doutrina da palavra
Doutrina da palavraDoutrina da palavra
Doutrina da palavra
Gcom digital factory
 
Doutrina do homem
Doutrina do homemDoutrina do homem
Doutrina do homem
Gcom digital factory
 
Doutrina de deus
Doutrina de deusDoutrina de deus
Doutrina de deus
Gcom digital factory
 
Teologia sistemática, introdução
Teologia sistemática, introduçãoTeologia sistemática, introdução
Teologia sistemática, introdução
Gcom digital factory
 
Teodicéia e teologia do AT
Teodicéia e teologia do ATTeodicéia e teologia do AT
Teodicéia e teologia do AT
Gcom digital factory
 
Teologia do AT tipologia
Teologia do AT tipologiaTeologia do AT tipologia
Teologia do AT tipologia
Gcom digital factory
 
Como ler o antigo testamento
Como ler o antigo testamentoComo ler o antigo testamento
Como ler o antigo testamento
Gcom digital factory
 
Teo at 3 credo historico
Teo at 3   credo historicoTeo at 3   credo historico
Teo at 3 credo historico
Gcom digital factory
 
Deus no antigo testamento
Deus no antigo testamentoDeus no antigo testamento
Deus no antigo testamento
Gcom digital factory
 
Teologia do antigo testamento p1
Teologia do antigo testamento p1Teologia do antigo testamento p1
Teologia do antigo testamento p1
Gcom digital factory
 
Introdução
IntroduçãoIntrodução
Introdução
Gcom digital factory
 
Liberalismo Teológico
Liberalismo TeológicoLiberalismo Teológico
Liberalismo Teológico
Gcom digital factory
 
Teologia Contemporânea
Teologia ContemporâneaTeologia Contemporânea
Teologia Contemporânea
Gcom digital factory
 
Revista contemporanea
Revista contemporaneaRevista contemporanea
Revista contemporanea
Gcom digital factory
 
Teologia gay
Teologia gayTeologia gay
Teologia gay
Gcom digital factory
 
Teologia da prosperidade
Teologia da prosperidadeTeologia da prosperidade
Teologia da prosperidade
Gcom digital factory
 
Teísmo aberto
Teísmo abertoTeísmo aberto
Teísmo aberto
Gcom digital factory
 
Teologia Contemporânea - Aspectos
Teologia Contemporânea - AspectosTeologia Contemporânea - Aspectos
Teologia Contemporânea - Aspectos
Gcom digital factory
 
Introdução
IntroduçãoIntrodução
Introdução
Gcom digital factory
 

Mais de Gcom digital factory (20)

face to face
face to faceface to face
face to face
 
Doutrina da palavra
Doutrina da palavraDoutrina da palavra
Doutrina da palavra
 
Doutrina do homem
Doutrina do homemDoutrina do homem
Doutrina do homem
 
Doutrina de deus
Doutrina de deusDoutrina de deus
Doutrina de deus
 
Teologia sistemática, introdução
Teologia sistemática, introduçãoTeologia sistemática, introdução
Teologia sistemática, introdução
 
Teodicéia e teologia do AT
Teodicéia e teologia do ATTeodicéia e teologia do AT
Teodicéia e teologia do AT
 
Teologia do AT tipologia
Teologia do AT tipologiaTeologia do AT tipologia
Teologia do AT tipologia
 
Como ler o antigo testamento
Como ler o antigo testamentoComo ler o antigo testamento
Como ler o antigo testamento
 
Teo at 3 credo historico
Teo at 3   credo historicoTeo at 3   credo historico
Teo at 3 credo historico
 
Deus no antigo testamento
Deus no antigo testamentoDeus no antigo testamento
Deus no antigo testamento
 
Teologia do antigo testamento p1
Teologia do antigo testamento p1Teologia do antigo testamento p1
Teologia do antigo testamento p1
 
Introdução
IntroduçãoIntrodução
Introdução
 
Liberalismo Teológico
Liberalismo TeológicoLiberalismo Teológico
Liberalismo Teológico
 
Teologia Contemporânea
Teologia ContemporâneaTeologia Contemporânea
Teologia Contemporânea
 
Revista contemporanea
Revista contemporaneaRevista contemporanea
Revista contemporanea
 
Teologia gay
Teologia gayTeologia gay
Teologia gay
 
Teologia da prosperidade
Teologia da prosperidadeTeologia da prosperidade
Teologia da prosperidade
 
Teísmo aberto
Teísmo abertoTeísmo aberto
Teísmo aberto
 
Teologia Contemporânea - Aspectos
Teologia Contemporânea - AspectosTeologia Contemporânea - Aspectos
Teologia Contemporânea - Aspectos
 
Introdução
IntroduçãoIntrodução
Introdução
 

Último

12 - A ambição do Cristão. Alvo da Lição: Entender que a verdadeira ambição ...
12 - A ambição do Cristão. Alvo da Lição: Entender que a verdadeira  ambição ...12 - A ambição do Cristão. Alvo da Lição: Entender que a verdadeira  ambição ...
12 - A ambição do Cristão. Alvo da Lição: Entender que a verdadeira ambição ...
PIB Penha
 
Jardim de infância- A história de José 1
Jardim de infância- A história de José 1Jardim de infância- A história de José 1
Jardim de infância- A história de José 1
CleideTeles3
 
15 - Renúncia - Escolha a vida para viver.pdf
15 - Renúncia - Escolha a vida para viver.pdf15 - Renúncia - Escolha a vida para viver.pdf
15 - Renúncia - Escolha a vida para viver.pdf
PIB Penha
 
11 - A oração que Deus atende. Alvo da Lição: Entender que a verdadeira ambi...
11 - A oração que Deus atende. Alvo da Lição: Entender que a verdadeira  ambi...11 - A oração que Deus atende. Alvo da Lição: Entender que a verdadeira  ambi...
11 - A oração que Deus atende. Alvo da Lição: Entender que a verdadeira ambi...
PIB Penha
 
Série Evangelho no Lar - Pão Nosso - Cap. 143 - Não Tiranizes
Série Evangelho no Lar - Pão Nosso - Cap. 143 - Não TiranizesSérie Evangelho no Lar - Pão Nosso - Cap. 143 - Não Tiranizes
Série Evangelho no Lar - Pão Nosso - Cap. 143 - Não Tiranizes
Ricardo Azevedo
 
10 - A Piedade do Cristão.Alvo da Lição: Entender que o dar esmolas, orar e...
10 - A Piedade do Cristão.Alvo da Lição: Entender que o dar esmolas, orar  e...10 - A Piedade do Cristão.Alvo da Lição: Entender que o dar esmolas, orar  e...
10 - A Piedade do Cristão.Alvo da Lição: Entender que o dar esmolas, orar e...
PIB Penha
 
Lição 3 Rute e Noemi - Entrelaçadas pelo Amor.pptx
Lição 3 Rute e Noemi - Entrelaçadas pelo Amor.pptxLição 3 Rute e Noemi - Entrelaçadas pelo Amor.pptx
Lição 3 Rute e Noemi - Entrelaçadas pelo Amor.pptx
Celso Napoleon
 
Oração Para Pedir A Bondade
Oração Para Pedir A BondadeOração Para Pedir A Bondade
Oração Para Pedir A Bondade
Nilson Almeida
 
metafc3adsica-da-sac3bade-vol-4-luiz-gasparetto.pdf
metafc3adsica-da-sac3bade-vol-4-luiz-gasparetto.pdfmetafc3adsica-da-sac3bade-vol-4-luiz-gasparetto.pdf
metafc3adsica-da-sac3bade-vol-4-luiz-gasparetto.pdf
GuilhermeCerqueira17
 
9 - Negação e Afirmação na Vida do Cristão-Alvo da Lição: Entender que ser cr...
9 - Negação e Afirmação na Vida do Cristão-Alvo da Lição: Entender que ser cr...9 - Negação e Afirmação na Vida do Cristão-Alvo da Lição: Entender que ser cr...
9 - Negação e Afirmação na Vida do Cristão-Alvo da Lição: Entender que ser cr...
PIB Penha
 
Discipulado Kids 01 Cristão Lição 01.pdf
Discipulado Kids 01 Cristão Lição 01.pdfDiscipulado Kids 01 Cristão Lição 01.pdf
Discipulado Kids 01 Cristão Lição 01.pdf
LEILANEGOUVEIA1
 
A VIDA SEGUNDO O EVANGELHO - MICHAEL HORTON.pdf
A VIDA SEGUNDO O EVANGELHO - MICHAEL HORTON.pdfA VIDA SEGUNDO O EVANGELHO - MICHAEL HORTON.pdf
A VIDA SEGUNDO O EVANGELHO - MICHAEL HORTON.pdf
marcusviniciussabino1
 
16 - O compromisso do cristão.Relacionamento do crente com Deus
16 - O compromisso do cristão.Relacionamento do crente com Deus16 - O compromisso do cristão.Relacionamento do crente com Deus
16 - O compromisso do cristão.Relacionamento do crente com Deus
PIB Penha
 
Palestra ECC - A Fé nos Reverses da Vida.pptx
Palestra ECC - A Fé nos Reverses da Vida.pptxPalestra ECC - A Fé nos Reverses da Vida.pptx
Palestra ECC - A Fé nos Reverses da Vida.pptx
NEDIONOSSOMUNDO
 

Último (14)

12 - A ambição do Cristão. Alvo da Lição: Entender que a verdadeira ambição ...
12 - A ambição do Cristão. Alvo da Lição: Entender que a verdadeira  ambição ...12 - A ambição do Cristão. Alvo da Lição: Entender que a verdadeira  ambição ...
12 - A ambição do Cristão. Alvo da Lição: Entender que a verdadeira ambição ...
 
Jardim de infância- A história de José 1
Jardim de infância- A história de José 1Jardim de infância- A história de José 1
Jardim de infância- A história de José 1
 
15 - Renúncia - Escolha a vida para viver.pdf
15 - Renúncia - Escolha a vida para viver.pdf15 - Renúncia - Escolha a vida para viver.pdf
15 - Renúncia - Escolha a vida para viver.pdf
 
11 - A oração que Deus atende. Alvo da Lição: Entender que a verdadeira ambi...
11 - A oração que Deus atende. Alvo da Lição: Entender que a verdadeira  ambi...11 - A oração que Deus atende. Alvo da Lição: Entender que a verdadeira  ambi...
11 - A oração que Deus atende. Alvo da Lição: Entender que a verdadeira ambi...
 
Série Evangelho no Lar - Pão Nosso - Cap. 143 - Não Tiranizes
Série Evangelho no Lar - Pão Nosso - Cap. 143 - Não TiranizesSérie Evangelho no Lar - Pão Nosso - Cap. 143 - Não Tiranizes
Série Evangelho no Lar - Pão Nosso - Cap. 143 - Não Tiranizes
 
10 - A Piedade do Cristão.Alvo da Lição: Entender que o dar esmolas, orar e...
10 - A Piedade do Cristão.Alvo da Lição: Entender que o dar esmolas, orar  e...10 - A Piedade do Cristão.Alvo da Lição: Entender que o dar esmolas, orar  e...
10 - A Piedade do Cristão.Alvo da Lição: Entender que o dar esmolas, orar e...
 
Lição 3 Rute e Noemi - Entrelaçadas pelo Amor.pptx
Lição 3 Rute e Noemi - Entrelaçadas pelo Amor.pptxLição 3 Rute e Noemi - Entrelaçadas pelo Amor.pptx
Lição 3 Rute e Noemi - Entrelaçadas pelo Amor.pptx
 
Oração Para Pedir A Bondade
Oração Para Pedir A BondadeOração Para Pedir A Bondade
Oração Para Pedir A Bondade
 
metafc3adsica-da-sac3bade-vol-4-luiz-gasparetto.pdf
metafc3adsica-da-sac3bade-vol-4-luiz-gasparetto.pdfmetafc3adsica-da-sac3bade-vol-4-luiz-gasparetto.pdf
metafc3adsica-da-sac3bade-vol-4-luiz-gasparetto.pdf
 
9 - Negação e Afirmação na Vida do Cristão-Alvo da Lição: Entender que ser cr...
9 - Negação e Afirmação na Vida do Cristão-Alvo da Lição: Entender que ser cr...9 - Negação e Afirmação na Vida do Cristão-Alvo da Lição: Entender que ser cr...
9 - Negação e Afirmação na Vida do Cristão-Alvo da Lição: Entender que ser cr...
 
Discipulado Kids 01 Cristão Lição 01.pdf
Discipulado Kids 01 Cristão Lição 01.pdfDiscipulado Kids 01 Cristão Lição 01.pdf
Discipulado Kids 01 Cristão Lição 01.pdf
 
A VIDA SEGUNDO O EVANGELHO - MICHAEL HORTON.pdf
A VIDA SEGUNDO O EVANGELHO - MICHAEL HORTON.pdfA VIDA SEGUNDO O EVANGELHO - MICHAEL HORTON.pdf
A VIDA SEGUNDO O EVANGELHO - MICHAEL HORTON.pdf
 
16 - O compromisso do cristão.Relacionamento do crente com Deus
16 - O compromisso do cristão.Relacionamento do crente com Deus16 - O compromisso do cristão.Relacionamento do crente com Deus
16 - O compromisso do cristão.Relacionamento do crente com Deus
 
Palestra ECC - A Fé nos Reverses da Vida.pptx
Palestra ECC - A Fé nos Reverses da Vida.pptxPalestra ECC - A Fé nos Reverses da Vida.pptx
Palestra ECC - A Fé nos Reverses da Vida.pptx
 

O problema do mal

  • 1. O problema do Mal – DEUS CRIOU O MAL Bom a um tempo eu coloquei um topico com esse tipo de assunto. Se Deus criou o mal. Se não me engano foi um video que coloquei. O video relata essa historia: Alemanha Inicio do século 20 Durante uma conferência com vários universitários, um professor da Universidade de Berlim desafiou seus alunos com esta pergunta: “Deus criou tudo o que existe?” Um aluno respondeu valentemente: “Sim, Ele criou.” “Deus criou tudo?” Perguntou novamente o professor. “Sim senhor”, respondeu o jovem. O professor respondeu, “Se Deus criou tudo, então Deus fez o mal? Pois o mal existe, e partindo do preceito de que nossas obras são um reflexo de nós mesmos, então Deus é mau?” O jovem ficou calado diante de tal resposta e o professor, feliz, se regozijava de ter provado mais uma vez que a fé era um mito. Outro estudante levantou a mão e disse: “Posso fazer uma pergunta, professor?” “Lógico.” Foi a resposta do professor. O jovem ficou de pé e perguntou: “Professor, o frio existe?” “Que pergunta é essa? Lógico que existe, ou por acaso você nunca sentiu frio?” O rapaz respondeu: “De fato, senhor, o frio não existe. Segundo as leis da Física, o que consideramos frio, na realidade é a ausência de calor. Todo corpo ou objeto é susceptível de estudo quando possui ou transmite energia, o calor é o que faz com que este corpo tenha ou transmita energia. O zero absoluto é a ausência total e absoluta de calor, todos os corpos ficam inertes, incapazes de reagir, mas o frio não existe. Nós criamos essa definição para descrever como nos sentimos se não temos calor” “E, existe a escuridão?” Continuou o estudante. O professor respondeu: “Existe.” O estudante respondeu: “Novamente comete um erro, senhor, a escuridão também não existe. A escuridão na realidade é a ausência de luz. A luz pode-se estudar, a escuridão não! Até existe o prisma de Nichols para decompor a luz branca nas várias cores de que está composta, com suas diferentes longitudes de ondas. A escuridão não! Um simples raio de luz atravessa as trevas e ilumina a superfície onde
  • 2. termina o raio de luz. Como pode saber quão escuro está um espaço determinado? Com base na quantidade de luz presente nesse espaço, não é assim? Escuridão é uma definição que o homem desenvolveu para descrever o que acontece quando não há luz presente” Finalmente, o jovem perguntou ao professor: “Senhor, o mal existe?” O professor respondeu: “Claro que sim, lógico que existe, como disse desde o começo, vemos estupros, crimes e violência no mundo todo, essas coisas são do mal.” E o estudante respondeu: “O mal não existe, senhor, pelo menos não existe por si mesmo. O mal é simplesmente a ausência do bem, é o mesmo dos casos anteriores, o mal é uma definição que o homem criou para descrever a ausência de Deus. Deus não criou o mal. Não é como a fé ou como o amor, que existem como existem o calor e a luz. O mal é o resultado da humanidade não ter Deus presente em seus corações. É como acontece com o frio quando não há calor, ou a escuridão quando não há luz.” Por volta dos anos 1900, este jovem foi aplaudido de pé, e o professor apenas balançou a cabeça permanecendo calado… Imediatamente o diretor dirigiu-se àquele jovem e perguntou qual era seu nome? E ele respondeu: “ALBERT EINSTEIN.”