SlideShare uma empresa Scribd logo
Evolução da Tecnologia na
Sala de Aula
Renato M.E. Sabbatini
Instituto Edumed
Campinas, SP
Junho 2009
Qual foi a evolução
da tecnologia na
sala de aula nos
últimos 800 anos?
Tecnologia na Cozinha
1200
2000
Tecnologia em Sala de Aula
1200
2000
“O maior progresso
tecnológico em sala
de aula no Brasil no
último século foi o
giz colorido”
Fredric Litto
A Revolução Digital
 As formas tradicionais
de EAD (papel e
correio, TV, rádio) estão
sendo substituídas pelo
acesso e interação por
meios eletrônicos
digitais (computadores,
redes)
A Revolução Digital
 Computador:
substituição barata
e em massa da
interação
 Livro: substituição
barata e em massa da
instrução
“O impacto da revolução das
tecnologias de informação na
história está criando uma
nova civilização”.
Alvin Toffler
A Geração Internet
 Ambientes e tecnologias de
acesso à informação e
aprendizado radicalmente
diferentes do que encontram na
escola
 Celular, iPod, câmara digital,
MSN, Orkut, Google, blog, Twitter
 Estilos radicalmente diferentes de
aprendizado
 Dissonância tecnológica e de
conhecimento em relação aos
professores
 Impactos sobre a motivação de
aprender
Uma revolução generacional
 Pela primeira vez na
história da humanidade,
surge uma geração que
domina com mais
facilidade e naturalidade
tecnologias do que as
gerações anteriores que as
criaram
Metas da Nova Educação
 Reduzir muito o ensino expositivo em classe Reservar
o ensino expositivo para atividades de alto impacto
motivador e inspirador
 Tornar o ensino em classe mais dinâmico e
participativo, usar mais tecnologia de informação
 Envolver no ensino as tecnologias que os alunos usam
e gostam
 Tirar o aluno da classe, induzir, treinar e tornar
possível e frutífero o aprendizado autônomo, mas
supervisionado
 Promover e fomentar a socialização e o aprendizado
colaborativo
 Formar o “life-long learner” e o profissional
empreendedor
Novas Formas Didático-
Pedagógicas
 ABL - Aprendizado Baseado em Atividades
 PBL – Aprendizado Baseado em Problemas
 CML – Aprendizado Mediado p/ Computador
 ALN – Redes Assíncronas de Aprendizado
 Construcionismo, aprendizado autônomo
 Aprendizado colaborativo
 Aprendizado em equipe
 Aprendizado em serviço
 Simulações e jogos
Novos Modelos de Organização
do Ensino
 Coletivo (class) x
Individual (desktop)
 Presencial x a
distância
 Misto (blended)
 Semi-individual
 Semi-presencial
A Nova Sala de Aula
 Conectada
 Interativa
 Multimídia
2006
Tecnologias para a classe
 Antes:
 Lousa e giz
 Mesa do professor
 Carteira
 Caderno e caneta
 Livro
 Retroprojetor
 Agora:
 Quadro interativo
 Videoconferência
 Telepúlpito
 Teclados interativos
 Projetor multimídia
 Câmara de documentos
 Computadores em rede
 iPod, smartphone
 PowerPoint
 Compartilhamento digital
 Internet
 Ambiente virtual de
aprendizado
Avanços Tecnológicos
Gravação em vídeo e
áudio de todas as aulas
Sistema de TV em
circuito fechado em
todas as classe
Disponibilização de vídeos
digitais pela rede para os
alunos
Câmara de documentos
 Epidiascópio digital
 Substitui o retroprojetor
Quadro Interativo
 Conectado a um
computador e Internet
 Projeção de vídeo
 Substitui a lousa
tradicional
 Sensível ao toque
 Multimídia
 Interativo
 Grava aulas
Monitor e tablete interativo
Teclados interativos
 Respostas e
votação em
tempo real
 Provas
 Interage com
quadro
eletrônico,
computador,
etc.
Pilares do Novo Ensino:
Tecnologias da Informação
1. Todas as disciplinas devem ter apoio de
tecnologias educacionais:
 home page da disciplina
 disponibilização de materiais on-line
 funções de comunicação
 funções de gerenciamento do aprendizado
 substituição da carga horária teórica
 grau variável de presencialidade: não existem mais
disciplinas puramente presenciais ou puramente à
distância
Pilares do Novo Ensino:
Acesso à Informação
2. Todos os alunos e todos docentes têm
acesso 24/7 à informação eletrônica:
 CD-ROMs e DVD
 áudio, vídeo sob demanda
 teleconferência
 livros e periódicos eletrônicos
 computadores portáteis e palmtops para
empréstimo
 redes de computadores na escola e hospital
Informatização do campus
Todos os campus
interligados por VPN e
TV satélite
Grande número de
computadores para os
alunos
Classes informatizadas
Bibliotecas digitais
Rede sem fio
Informatização pessoal
Empréstimo de notebooks Treinamento para todos
Computadores para professores
Uso de
PDAs e
celulares
O futuro: um computador por aluno
2B1 ClassMate
Mobilis
TV Digital Interativa
PocketDish
Interactive Digital Video
Decoder-Recorder
O futuro da TV digital
Set-top box com
videoconferência
TV com teclado
Videofone
WiFi TV
Educação a Distância (EAD)
 Ocorre quando
existe
independência do
aprendiz quanto à
localização física e
tempo
 Mediada por uma ou
mais tecnologias de
entrega
 Variáveis graus de
presencialidade
Tecnologias digitais
 Papel e correio
 Videocassete, DVD
 Rádio ou TV, terrestre
ou satelital
 Computador e meio
digital fisico
 Computador e redes
 Internet
 Combinações de várias
mídias
As Tendências da Educação
“Haverá uma profunda mudança no papel do
professor em relação ao aluno. O ensino será
mais focalizado na construção do
conhecimento pelo próprio aluno do que do
ensino pelo professor”.
Jacques Marcovitch
Ex-Reitor da USP
Formas de acesso ao conteúdo
Estudo individual pela Web
Computação móvel
Ensino em classe
Rede sem fio
Biblioteca Digital
Periódicos on-line
CD
DVD
e-Books
Suporte On-Line às
Disciplinas
Slides das aulas
Plataforma de e-learning
Tutorial Interativo Multimedia
Videoconferência
Os Elementos Básicos da
Educação
 Instrução
Textos de leitura, aulas expositivas, slides e
transparências, imagens, exercícios propostos,
estudos de caso, sites recomendados, etc.
 Interação e participação
Grupo de discussão, interação em classe virtual,
participação do aluno, etc.
 Avaliação
Exames e provas on-line, trabalhos de casa, etc.
 Certificação
 Gestão
Educação semi-presencial
Auto-estudo
Fóruns
Seminários presenciais
Provas
Sessões plenárias
Assíncrono
A distância
Presencial
Síncrono
Chat
Videoconferência
Webcast
Atividades/Biblioteca
Principais Soluções de EAD
 Ensino via WWW e Internet (Ambiente Virtual
de Aprendizado – AVA)
 Plataformas LMS (Learning Management
System): TelEduc e Moodle
 Classe Virtual (áudio e vídeo via Internet, com
interação em tempo real)
 Ensino Telepresencial por Videoconferência
 Transmissão via Satélite
 Transmissão via rede terrestre dedicada
 Rede para todo o campus
Ambiente Virtual de
Aprendizagem
 O que é: servidor com software especializado
com todas as ferramentas e recursos
necessários para ministrar um curso
totalmente pela Web
 Inscrição on-line do aluno, envio automático
de senha
 Controle acadêmico (presença, provas,
participação, etc.)
 E-learning: Disponibilização de aulas,
apostilas, slides, recursos na Internet
 Interatividade (batepapo, fórum, email)
 Aprendizado independente e colaborativo
Plataformas de EAD
 Comerciais
 Lotus Learning Space
 Docent
 WebCT
 Blackboard
 WebAula
 Software livre
 Moodle
 Teleduc
 Dot Learning
 Doxeos
Ferramentas e Recursos
 Livros eletrônicos
 Wikis
 Lições interativas
 Páginas em HTML
 Arquivos PDF, PPT,
etc.
 Páginas de links
 Áudios e vídeos
 Tarefas, trabalhos com
correção
 Calendário
 Fóruns de discussão
 Enquetes
 Chats
 Email
 Mural de avisos
 Diário e Portfólio
 Blogs
 Perfil do aluno
 Questionários de
avaliação, provas
Leitura
(PDF)
Glossário
Fórum
Prova
Classe Virtual em Tempo Real
Chat
audio
texto
Video
stream
Soluções de Classes Virtuais
 Adobe Connect
 Centra
 Elluminate
 DimDim
 ePresenter
 Webconference Brasil
 Webex Cisco
 Nucleo Media (Broadneeds)
 FlashMeeting (Open University)
Ambiente Virtual de Aprendizagem
 Cursos Puramente Presenciais
 Home-page do curso
 Suporte on-line a material didático
 Comunicação com alunos via email
 Cursos Mistos ou Puramente
Remotos
 Mais: Comunicação síncrona (chat)
 Gerenciamento acadêmico on-line
 Avaliação on-line
Virtualização do Ensino
 Todos os docentes e discentes serão cadastrados e terão
uma senha de acesso
 Carregamento semestral automático da árvore de cursos e
disciplinas no ambiente virtual, juntamente com ementas,
docentes e alunos matriculados em cada uma
 Docentes serão treinados presencialmente para usar o
ambiente virtual, inclusive carregamento de materiais,
interatividade e gestão
 Discentes serão treinados semi-presencialmente para usar
o ambiente virtual adequadamente
 Docentes carregarão slides, apostilas, artigos,
questionários, exercícios e provas, links na Internet, etc.
para servir de apoio a distância e poderão interagir com os
alunos fora de classe
 Tutores especialmente contratados e treinados, com menor
custo, auxiliarão o grosso das atividades no site
Cursos por Videoconferência
 Aulas expositivas por vídeo digital em tempo real
podendo utilizar slides, retroprojetor, vídeos, lousa
eletrônica
 Classe sintetizada: um professor pode transmitir
interativamente para várias salas ao mesmo tempo
 Alunos podem interagir em tempo real com o professor,
através de áudio, vídeo e texto
 Alunos recebem os materiais suplementares, apostilas,
exercícios, trabalhos e provas em forma impressa ou
eletrônica
 Tutor local especialmente treinado trabalha diretamente
com os alunos, auxiliando o professor
Plataforma Integrada EPCIS
 Plataforma Web/Internet para suporte on-
line ao ensino e aprendizagem (AVA –
Ambiente Virtual de Aprendizagem)
 Plataforma de vídeo digital interativo via
satélite ou rede terrestre
 Em tempo real (ao vivo, gravado, misto)
 Sob demanda
 Integração total entre as duas plataformas
 Metodologia pedagógica especialmente
desenvolvida para implementação dos
vários usos da EAD na instituição
Fundamentos do EPCIS
 Baseado em quatro pilares:
 Atividades presenciais (vivenciais,
laboratoriais, de campo, de avaliação, etc.)
 Atividades telepresenciais interativas
(geração centralizada, inserção curricular)
 Atividades autônomas (a distância, através
de um ambiente on-line pela Internet)
 Tutoria a distância
Fundamentos do EPCIS
 Baseado em quatro competências:
 Capacitação do discentes
 Capacitação dos docentes e tutores
 Trabalho de equipe multidisciplinar
 Avaliação múltipla e permanente
IRD
Satélite Bidirecional
> Downlink: satélite
> Uplink: satélite
Geração de
Conteúdo
Salas de aula
HUB
TV
VCR
Internet
IP
IRD
Modem
360E
switch Streaming Vídeo
MPEG-2
IRD TV
VCR
IP
IRD
Modem
360E
switch Streaming Vídeo
MPEG-2
Modularização
Cidade 1
Sala 1
Cidade 1
Sala 2
Cidade 2
Sala 1
Estúdio
Campinas
 Um estúdio central transmite
uma aula simultaneamente
para 5 a 20 remotas,
dependendo do tipo de curso
 Um professor pode dar aula
para 200 a 2.000 alunos
 O mesmo professor dá aula
sempre para o mesmo GFU
 As salas de um GFU poderão
estar em qualquer lugar
GFU
Grupo
Fechado de
Usuários
Centro de Geração de
Conteúdo
Cidade 1
Sala 1
Cidade 1
Sala 2
Cidade 2
Sala 1
Estúdio
Central 1
C
id
a
d
e1
1
S
a
la1
C
id
a
d
e4
1
S
a
la2
C
id
a
d
e2
3
S
a
la1
E
s
tú
d
io
C
e
n
tra
l2
 O CGC pode ter vários estúdios, transmitindo pelo mesmo
satélite
 O número de estúdios e professores cresce gradativamente
respondendo à demanda
 O CGC conta com recursos adicionais, como ilhas de edição,
equipe de gravação, centro de controle, etc.
Área atingida pelo satélite
Estúdio de geração de aulas por TV
Câmara de
documentos
Computador
para slides
Computador
Para
perguntas
Teleprompter
TV
Recursos audiovisuais
 Slides
 Vídeos e áudios
digitais
 Animações
interativas
 Cenários virtuais
 Questionários em
tempo real
 Navegação em
softwares
 Lousa eletrônica
 Câmara de
documentos
Unidade de Recepção
Internet
TV
Sala multiuso Sala de computadores
Videoconferência
Computador de videoconferência
TV
Webcam
Monitor de
vídeo
Microfone
PC
Mouse
Interatividade aluno-professor
 Em tempo real:
 Vídeo e áudio
 Só áudio
 Áudio e texto
 Só texto
 Em tempo deferido
 Email
 Fórum
O Assistente do Educador
 Auxilia o professor no
intercâmbio com os
tutores e alunos,
recebe e filtra
perguntas, ajuda no
comando dos
equipamentos da sala
 Especialista na
matéria sendo
ministrada
Suporte ao aluno
 Presencial (pólos remotos)
 A distância (centralizado)
 Correio
 Acesso ao site (fórum, email)
 Chat, messenger
 Help desk por telefone e fax
 Videoconferência
 Sessões de tira-dúvidas
Presencialidade nos Pólos
 Tutoria semanal por disciplina
 Laboratórios didáticos
 Laboratórios de informática
 Biblioteca
 Sala de estudos
 Estudos dirigidos a seminários
 Exames presenciais
Outras aplicações
 Reuniões
administrativas e de
planejamento
 Videoconferências
entre matriz e filiais
 Entrevistas a
distância
 Defesas de teses
Outras aplicações
 Seminários de
desenvolvimento
administrativo, docente,
etc.
 Transmissão de
congressos,
convenções virtuais
 Lançamento de novos
projetos e serviços
 Grupos de foco
Tendências da EAD
 Mercado quer
qualificação mais rápida
do que a oferta
 Empresas vão montar
cada vez mais
programas internos de
educação
 Queda nos custos do
ensino de qualidade
através da EAD
 Cursos presenciais vão
perder espaço, devido
aos maiores custos
 Instituições cada vez
menores tendem a
acessar altos níveis
educacionais via EAD
 Distinção entre
presencial e distância
está perdendo o sentido
 Governos estão
implantando EAD em
todos níveis e demandas
 Comunidades de
aprendizagem nacionais
e internacionais
Tendências em EAD (2)
 Uso cada maior de
jogos, simulações,
dinâmica,
experimentação,
vivência, contextos
virtuais, atividades, etc
 Colaboração e
compartilhamento de
dados em comunidade
produtivas em rede
 Wireless em expansão
 Mobilidade em
expansão (PDA,
celulares)
 Mais simples e fácil ser
um professor de EAD
 Exigência de mercado
para os professores que
tenham capacitação em
EAD (prerequisito)
 Inclusão digital
mandatória de todos os
professores e alunos
 Crescimento de open
software: menores
custos, maior
padronização
Instituto Edumed
Quem Somos
 Associação de pesquisa, desenvolvimento e
ensino sem fins lucrativos, fundada em 2000,
em Campinas
 Formada por professores e pesquisadores da
UNICAMP da área de informática médica e
educacional
 Coordena um consórcio de 27 universidades
e associações científicas e 14 empresas,
para desenvolver uma rede de educação a
distância
 13 anos de experiência em educação a
distância e publicações eletrônicas
Consórcio Edumed
 Universidade Federal do Amazonas
 Escola de Saúde da Família de Sobral
 Escola de Saúde Pública do Ceará
 Universidade Federal de Pernambuco
 Universidade Federal de Goiás
 Pontifícia Universidade Católica do Paraná
 Universidade Federal de Santa Catarina
 Universidade de São Paulo
 Universidade Estadual de Campinas
 ...
Realizações
 Rede Edumed de Educação a Distância em Medicina e
Saúde
 Biblioteca Digital Multimídia
 Projeto Onconet de EAD em oncologia
 Centro de Estudos em Saúde e Trabalho
 Núcleo de TV Digital Interativa
 Desenvolvimento, padronização e implementação das
tecnologias-chave
 Desenvolvimento de cursos on-line (mais de 4.000 alunos
em 2002) na área médica e outras
 Consultoria de EaD para entidades educacionais e empresas
(Microlins, UNIBAN, UNIANHANGUERA, METROCAMP,
entre outras)
 Centro corporativo em Campinas
Serviços da EduLogica
 Prospecção e consultoria tecnológica e
pedagógica, e estruturação operacional de
redes próprias de EaD
 Venda e instalação de equipamentos
 Treinamento e capacitação de recursos
humanos
 Desenvolvimento/adaptação, oferta e
certificação de cursos
 Terceirização de operações de EaD,
geração e conversão de conteúdos
 Locação da infraestrutura logística,
estúdios, etc.
Publicações eletrônicas
Hospedagem de e-learning
Contatos
Renato M.E. Sabbatini, PhD
EduLogica Educação e Tecnologia
http://www.edulogica.com.br
rsabbatini@edulogica.com.br
Instituto Edumed
Tel. (019) 3295-8191
Cel. (081) 9601-7854

Mais conteúdo relacionado

Semelhante a O futuro e o impacto da tecnologia nas salas de aulas

O uso de meios digitais no contexto do ensino superior
O uso de meios digitais no contexto do ensino superiorO uso de meios digitais no contexto do ensino superior
O uso de meios digitais no contexto do ensino superior
Luis Borges Gouveia
 
Cefet dezembro2011
Cefet dezembro2011Cefet dezembro2011
Cefet dezembro2011
Katia Tavares
 
Construção de Conhecimento em Educação Online
Construção de Conhecimento em Educação OnlineConstrução de Conhecimento em Educação Online
Construção de Conhecimento em Educação Online
MAURILIO LUIELE
 
Apresentação inovacao na forma de educar
Apresentação inovacao na forma de educarApresentação inovacao na forma de educar
Apresentação inovacao na forma de educar
Mônica Braga
 
Pós tice
Pós ticePós tice
Pós tice
simonereginainf
 
Uso das nti cs na ead
Uso das nti cs na eadUso das nti cs na ead
Uso das nti cs na ead
Alex Oliveira
 
Apresentação AVA
Apresentação  AVAApresentação  AVA
Apresentação AVA
Jaqueline Gomes Dos Santos
 
Trabalho web
Trabalho webTrabalho web
Trabalho web
celinaribeiro62
 
Ead – antes e depois da cibercultura
Ead – antes e depois da ciberculturaEad – antes e depois da cibercultura
Ead – antes e depois da cibercultura
zezebeth
 
Ead – antes e depois da cibercultura
Ead – antes e depois da ciberculturaEad – antes e depois da cibercultura
Ead – antes e depois da cibercultura
zezebeth
 
O uso das Novas Tecnologias da Informação no Ensino a Distância
O uso das Novas Tecnologias da Informação no Ensino a DistânciaO uso das Novas Tecnologias da Informação no Ensino a Distância
O uso das Novas Tecnologias da Informação no Ensino a Distância
Renata Ribeiro
 
Seffa 2010 ana_dias
Seffa 2010 ana_diasSeffa 2010 ana_dias
Seffa 2010 ana_dias
Seminário EFFA
 
Comunidades educativas em rede
Comunidades educativas em redeComunidades educativas em rede
Comunidades educativas em rede
Neuza Pedro
 
Tecnologias da informação e da comunicação na educação
Tecnologias da informação e da comunicação na educação Tecnologias da informação e da comunicação na educação
Tecnologias da informação e da comunicação na educação
Katia Tavares
 
Ambiente Virtual de Anprendizagem IFNMG Pos em EAD
Ambiente Virtual de Anprendizagem IFNMG Pos em EADAmbiente Virtual de Anprendizagem IFNMG Pos em EAD
Ambiente Virtual de Anprendizagem IFNMG Pos em EAD
Aleandro Ferreira Lima
 
Novas tecnologias no ensino de ingles
Novas tecnologias no ensino de inglesNovas tecnologias no ensino de ingles
Novas tecnologias no ensino de ingles
Claudio Franco
 
Aprendizagem Eletrônica
Aprendizagem EletrônicaAprendizagem Eletrônica
Aprendizagem Eletrônica
Daniel Marques da Silva
 
Retomada 2o. sem EF2 2008
Retomada 2o. sem EF2 2008Retomada 2o. sem EF2 2008
Retomada 2o. sem EF2 2008
mzylb
 
Ambientes virtuais
Ambientes virtuaisAmbientes virtuais
Ambientes virtuais
bragaeliete
 
Áurea Santos_T 2_2101350.odt_powerpoint (1).pptx
Áurea Santos_T 2_2101350.odt_powerpoint (1).pptxÁurea Santos_T 2_2101350.odt_powerpoint (1).pptx
Áurea Santos_T 2_2101350.odt_powerpoint (1).pptx
urea9
 

Semelhante a O futuro e o impacto da tecnologia nas salas de aulas (20)

O uso de meios digitais no contexto do ensino superior
O uso de meios digitais no contexto do ensino superiorO uso de meios digitais no contexto do ensino superior
O uso de meios digitais no contexto do ensino superior
 
Cefet dezembro2011
Cefet dezembro2011Cefet dezembro2011
Cefet dezembro2011
 
Construção de Conhecimento em Educação Online
Construção de Conhecimento em Educação OnlineConstrução de Conhecimento em Educação Online
Construção de Conhecimento em Educação Online
 
Apresentação inovacao na forma de educar
Apresentação inovacao na forma de educarApresentação inovacao na forma de educar
Apresentação inovacao na forma de educar
 
Pós tice
Pós ticePós tice
Pós tice
 
Uso das nti cs na ead
Uso das nti cs na eadUso das nti cs na ead
Uso das nti cs na ead
 
Apresentação AVA
Apresentação  AVAApresentação  AVA
Apresentação AVA
 
Trabalho web
Trabalho webTrabalho web
Trabalho web
 
Ead – antes e depois da cibercultura
Ead – antes e depois da ciberculturaEad – antes e depois da cibercultura
Ead – antes e depois da cibercultura
 
Ead – antes e depois da cibercultura
Ead – antes e depois da ciberculturaEad – antes e depois da cibercultura
Ead – antes e depois da cibercultura
 
O uso das Novas Tecnologias da Informação no Ensino a Distância
O uso das Novas Tecnologias da Informação no Ensino a DistânciaO uso das Novas Tecnologias da Informação no Ensino a Distância
O uso das Novas Tecnologias da Informação no Ensino a Distância
 
Seffa 2010 ana_dias
Seffa 2010 ana_diasSeffa 2010 ana_dias
Seffa 2010 ana_dias
 
Comunidades educativas em rede
Comunidades educativas em redeComunidades educativas em rede
Comunidades educativas em rede
 
Tecnologias da informação e da comunicação na educação
Tecnologias da informação e da comunicação na educação Tecnologias da informação e da comunicação na educação
Tecnologias da informação e da comunicação na educação
 
Ambiente Virtual de Anprendizagem IFNMG Pos em EAD
Ambiente Virtual de Anprendizagem IFNMG Pos em EADAmbiente Virtual de Anprendizagem IFNMG Pos em EAD
Ambiente Virtual de Anprendizagem IFNMG Pos em EAD
 
Novas tecnologias no ensino de ingles
Novas tecnologias no ensino de inglesNovas tecnologias no ensino de ingles
Novas tecnologias no ensino de ingles
 
Aprendizagem Eletrônica
Aprendizagem EletrônicaAprendizagem Eletrônica
Aprendizagem Eletrônica
 
Retomada 2o. sem EF2 2008
Retomada 2o. sem EF2 2008Retomada 2o. sem EF2 2008
Retomada 2o. sem EF2 2008
 
Ambientes virtuais
Ambientes virtuaisAmbientes virtuais
Ambientes virtuais
 
Áurea Santos_T 2_2101350.odt_powerpoint (1).pptx
Áurea Santos_T 2_2101350.odt_powerpoint (1).pptxÁurea Santos_T 2_2101350.odt_powerpoint (1).pptx
Áurea Santos_T 2_2101350.odt_powerpoint (1).pptx
 

Último

Segurança Digital Pessoal e Boas Práticas
Segurança Digital Pessoal e Boas PráticasSegurança Digital Pessoal e Boas Práticas
Segurança Digital Pessoal e Boas Práticas
Danilo Pinotti
 
TOO - TÉCNICAS DE ORIENTAÇÃO A OBJETOS aula 1.pdf
TOO - TÉCNICAS DE ORIENTAÇÃO A OBJETOS aula 1.pdfTOO - TÉCNICAS DE ORIENTAÇÃO A OBJETOS aula 1.pdf
TOO - TÉCNICAS DE ORIENTAÇÃO A OBJETOS aula 1.pdf
Momento da Informática
 
PRODUÇÃO E CONSUMO DE ENERGIA DA PRÉ-HISTÓRIA À ERA CONTEMPORÂNEA E SUA EVOLU...
PRODUÇÃO E CONSUMO DE ENERGIA DA PRÉ-HISTÓRIA À ERA CONTEMPORÂNEA E SUA EVOLU...PRODUÇÃO E CONSUMO DE ENERGIA DA PRÉ-HISTÓRIA À ERA CONTEMPORÂNEA E SUA EVOLU...
PRODUÇÃO E CONSUMO DE ENERGIA DA PRÉ-HISTÓRIA À ERA CONTEMPORÂNEA E SUA EVOLU...
Faga1939
 
Escola Virtual - Fundação Bradesco - ITIL - Gabriel Faustino.pdf
Escola Virtual - Fundação Bradesco - ITIL - Gabriel Faustino.pdfEscola Virtual - Fundação Bradesco - ITIL - Gabriel Faustino.pdf
Escola Virtual - Fundação Bradesco - ITIL - Gabriel Faustino.pdf
Gabriel de Mattos Faustino
 
História da Rádio- 1936-1970 século XIX .2.pptx
História da Rádio- 1936-1970 século XIX   .2.pptxHistória da Rádio- 1936-1970 século XIX   .2.pptx
História da Rádio- 1936-1970 século XIX .2.pptx
TomasSousa7
 
Manual-de-Credenciamento ANATER 2023.pdf
Manual-de-Credenciamento ANATER 2023.pdfManual-de-Credenciamento ANATER 2023.pdf
Manual-de-Credenciamento ANATER 2023.pdf
WELITONNOGUEIRA3
 
Logica de Progamacao - Aula (1) (1).pptx
Logica de Progamacao - Aula (1) (1).pptxLogica de Progamacao - Aula (1) (1).pptx
Logica de Progamacao - Aula (1) (1).pptx
Momento da Informática
 

Último (7)

Segurança Digital Pessoal e Boas Práticas
Segurança Digital Pessoal e Boas PráticasSegurança Digital Pessoal e Boas Práticas
Segurança Digital Pessoal e Boas Práticas
 
TOO - TÉCNICAS DE ORIENTAÇÃO A OBJETOS aula 1.pdf
TOO - TÉCNICAS DE ORIENTAÇÃO A OBJETOS aula 1.pdfTOO - TÉCNICAS DE ORIENTAÇÃO A OBJETOS aula 1.pdf
TOO - TÉCNICAS DE ORIENTAÇÃO A OBJETOS aula 1.pdf
 
PRODUÇÃO E CONSUMO DE ENERGIA DA PRÉ-HISTÓRIA À ERA CONTEMPORÂNEA E SUA EVOLU...
PRODUÇÃO E CONSUMO DE ENERGIA DA PRÉ-HISTÓRIA À ERA CONTEMPORÂNEA E SUA EVOLU...PRODUÇÃO E CONSUMO DE ENERGIA DA PRÉ-HISTÓRIA À ERA CONTEMPORÂNEA E SUA EVOLU...
PRODUÇÃO E CONSUMO DE ENERGIA DA PRÉ-HISTÓRIA À ERA CONTEMPORÂNEA E SUA EVOLU...
 
Escola Virtual - Fundação Bradesco - ITIL - Gabriel Faustino.pdf
Escola Virtual - Fundação Bradesco - ITIL - Gabriel Faustino.pdfEscola Virtual - Fundação Bradesco - ITIL - Gabriel Faustino.pdf
Escola Virtual - Fundação Bradesco - ITIL - Gabriel Faustino.pdf
 
História da Rádio- 1936-1970 século XIX .2.pptx
História da Rádio- 1936-1970 século XIX   .2.pptxHistória da Rádio- 1936-1970 século XIX   .2.pptx
História da Rádio- 1936-1970 século XIX .2.pptx
 
Manual-de-Credenciamento ANATER 2023.pdf
Manual-de-Credenciamento ANATER 2023.pdfManual-de-Credenciamento ANATER 2023.pdf
Manual-de-Credenciamento ANATER 2023.pdf
 
Logica de Progamacao - Aula (1) (1).pptx
Logica de Progamacao - Aula (1) (1).pptxLogica de Progamacao - Aula (1) (1).pptx
Logica de Progamacao - Aula (1) (1).pptx
 

O futuro e o impacto da tecnologia nas salas de aulas

  • 1. Evolução da Tecnologia na Sala de Aula Renato M.E. Sabbatini Instituto Edumed Campinas, SP Junho 2009
  • 2. Qual foi a evolução da tecnologia na sala de aula nos últimos 800 anos?
  • 4. Tecnologia em Sala de Aula 1200 2000 “O maior progresso tecnológico em sala de aula no Brasil no último século foi o giz colorido” Fredric Litto
  • 5. A Revolução Digital  As formas tradicionais de EAD (papel e correio, TV, rádio) estão sendo substituídas pelo acesso e interação por meios eletrônicos digitais (computadores, redes)
  • 6. A Revolução Digital  Computador: substituição barata e em massa da interação  Livro: substituição barata e em massa da instrução
  • 7. “O impacto da revolução das tecnologias de informação na história está criando uma nova civilização”. Alvin Toffler
  • 8. A Geração Internet  Ambientes e tecnologias de acesso à informação e aprendizado radicalmente diferentes do que encontram na escola  Celular, iPod, câmara digital, MSN, Orkut, Google, blog, Twitter  Estilos radicalmente diferentes de aprendizado  Dissonância tecnológica e de conhecimento em relação aos professores  Impactos sobre a motivação de aprender
  • 9. Uma revolução generacional  Pela primeira vez na história da humanidade, surge uma geração que domina com mais facilidade e naturalidade tecnologias do que as gerações anteriores que as criaram
  • 10. Metas da Nova Educação  Reduzir muito o ensino expositivo em classe Reservar o ensino expositivo para atividades de alto impacto motivador e inspirador  Tornar o ensino em classe mais dinâmico e participativo, usar mais tecnologia de informação  Envolver no ensino as tecnologias que os alunos usam e gostam  Tirar o aluno da classe, induzir, treinar e tornar possível e frutífero o aprendizado autônomo, mas supervisionado  Promover e fomentar a socialização e o aprendizado colaborativo  Formar o “life-long learner” e o profissional empreendedor
  • 11. Novas Formas Didático- Pedagógicas  ABL - Aprendizado Baseado em Atividades  PBL – Aprendizado Baseado em Problemas  CML – Aprendizado Mediado p/ Computador  ALN – Redes Assíncronas de Aprendizado  Construcionismo, aprendizado autônomo  Aprendizado colaborativo  Aprendizado em equipe  Aprendizado em serviço  Simulações e jogos
  • 12. Novos Modelos de Organização do Ensino  Coletivo (class) x Individual (desktop)  Presencial x a distância  Misto (blended)  Semi-individual  Semi-presencial
  • 13. A Nova Sala de Aula  Conectada  Interativa  Multimídia 2006
  • 14. Tecnologias para a classe  Antes:  Lousa e giz  Mesa do professor  Carteira  Caderno e caneta  Livro  Retroprojetor  Agora:  Quadro interativo  Videoconferência  Telepúlpito  Teclados interativos  Projetor multimídia  Câmara de documentos  Computadores em rede  iPod, smartphone  PowerPoint  Compartilhamento digital  Internet  Ambiente virtual de aprendizado
  • 15. Avanços Tecnológicos Gravação em vídeo e áudio de todas as aulas Sistema de TV em circuito fechado em todas as classe Disponibilização de vídeos digitais pela rede para os alunos
  • 16. Câmara de documentos  Epidiascópio digital  Substitui o retroprojetor
  • 17. Quadro Interativo  Conectado a um computador e Internet  Projeção de vídeo  Substitui a lousa tradicional  Sensível ao toque  Multimídia  Interativo  Grava aulas
  • 18. Monitor e tablete interativo
  • 19. Teclados interativos  Respostas e votação em tempo real  Provas  Interage com quadro eletrônico, computador, etc.
  • 20. Pilares do Novo Ensino: Tecnologias da Informação 1. Todas as disciplinas devem ter apoio de tecnologias educacionais:  home page da disciplina  disponibilização de materiais on-line  funções de comunicação  funções de gerenciamento do aprendizado  substituição da carga horária teórica  grau variável de presencialidade: não existem mais disciplinas puramente presenciais ou puramente à distância
  • 21. Pilares do Novo Ensino: Acesso à Informação 2. Todos os alunos e todos docentes têm acesso 24/7 à informação eletrônica:  CD-ROMs e DVD  áudio, vídeo sob demanda  teleconferência  livros e periódicos eletrônicos  computadores portáteis e palmtops para empréstimo  redes de computadores na escola e hospital
  • 22. Informatização do campus Todos os campus interligados por VPN e TV satélite Grande número de computadores para os alunos Classes informatizadas Bibliotecas digitais Rede sem fio
  • 23. Informatização pessoal Empréstimo de notebooks Treinamento para todos Computadores para professores Uso de PDAs e celulares
  • 24. O futuro: um computador por aluno 2B1 ClassMate Mobilis
  • 25. TV Digital Interativa PocketDish Interactive Digital Video Decoder-Recorder
  • 26. O futuro da TV digital Set-top box com videoconferência TV com teclado Videofone WiFi TV
  • 27. Educação a Distância (EAD)  Ocorre quando existe independência do aprendiz quanto à localização física e tempo  Mediada por uma ou mais tecnologias de entrega  Variáveis graus de presencialidade
  • 28. Tecnologias digitais  Papel e correio  Videocassete, DVD  Rádio ou TV, terrestre ou satelital  Computador e meio digital fisico  Computador e redes  Internet  Combinações de várias mídias
  • 29. As Tendências da Educação “Haverá uma profunda mudança no papel do professor em relação ao aluno. O ensino será mais focalizado na construção do conhecimento pelo próprio aluno do que do ensino pelo professor”. Jacques Marcovitch Ex-Reitor da USP
  • 30. Formas de acesso ao conteúdo Estudo individual pela Web Computação móvel Ensino em classe Rede sem fio
  • 32. Suporte On-Line às Disciplinas Slides das aulas Plataforma de e-learning
  • 35. Os Elementos Básicos da Educação  Instrução Textos de leitura, aulas expositivas, slides e transparências, imagens, exercícios propostos, estudos de caso, sites recomendados, etc.  Interação e participação Grupo de discussão, interação em classe virtual, participação do aluno, etc.  Avaliação Exames e provas on-line, trabalhos de casa, etc.  Certificação  Gestão
  • 36. Educação semi-presencial Auto-estudo Fóruns Seminários presenciais Provas Sessões plenárias Assíncrono A distância Presencial Síncrono Chat Videoconferência Webcast Atividades/Biblioteca
  • 37. Principais Soluções de EAD  Ensino via WWW e Internet (Ambiente Virtual de Aprendizado – AVA)  Plataformas LMS (Learning Management System): TelEduc e Moodle  Classe Virtual (áudio e vídeo via Internet, com interação em tempo real)  Ensino Telepresencial por Videoconferência  Transmissão via Satélite  Transmissão via rede terrestre dedicada  Rede para todo o campus
  • 38. Ambiente Virtual de Aprendizagem  O que é: servidor com software especializado com todas as ferramentas e recursos necessários para ministrar um curso totalmente pela Web  Inscrição on-line do aluno, envio automático de senha  Controle acadêmico (presença, provas, participação, etc.)  E-learning: Disponibilização de aulas, apostilas, slides, recursos na Internet  Interatividade (batepapo, fórum, email)  Aprendizado independente e colaborativo
  • 39. Plataformas de EAD  Comerciais  Lotus Learning Space  Docent  WebCT  Blackboard  WebAula  Software livre  Moodle  Teleduc  Dot Learning  Doxeos
  • 40.
  • 41. Ferramentas e Recursos  Livros eletrônicos  Wikis  Lições interativas  Páginas em HTML  Arquivos PDF, PPT, etc.  Páginas de links  Áudios e vídeos  Tarefas, trabalhos com correção  Calendário  Fóruns de discussão  Enquetes  Chats  Email  Mural de avisos  Diário e Portfólio  Blogs  Perfil do aluno  Questionários de avaliação, provas
  • 43. Classe Virtual em Tempo Real Chat audio texto Video stream
  • 44. Soluções de Classes Virtuais  Adobe Connect  Centra  Elluminate  DimDim  ePresenter  Webconference Brasil  Webex Cisco  Nucleo Media (Broadneeds)  FlashMeeting (Open University)
  • 45. Ambiente Virtual de Aprendizagem  Cursos Puramente Presenciais  Home-page do curso  Suporte on-line a material didático  Comunicação com alunos via email  Cursos Mistos ou Puramente Remotos  Mais: Comunicação síncrona (chat)  Gerenciamento acadêmico on-line  Avaliação on-line
  • 46. Virtualização do Ensino  Todos os docentes e discentes serão cadastrados e terão uma senha de acesso  Carregamento semestral automático da árvore de cursos e disciplinas no ambiente virtual, juntamente com ementas, docentes e alunos matriculados em cada uma  Docentes serão treinados presencialmente para usar o ambiente virtual, inclusive carregamento de materiais, interatividade e gestão  Discentes serão treinados semi-presencialmente para usar o ambiente virtual adequadamente  Docentes carregarão slides, apostilas, artigos, questionários, exercícios e provas, links na Internet, etc. para servir de apoio a distância e poderão interagir com os alunos fora de classe  Tutores especialmente contratados e treinados, com menor custo, auxiliarão o grosso das atividades no site
  • 47. Cursos por Videoconferência  Aulas expositivas por vídeo digital em tempo real podendo utilizar slides, retroprojetor, vídeos, lousa eletrônica  Classe sintetizada: um professor pode transmitir interativamente para várias salas ao mesmo tempo  Alunos podem interagir em tempo real com o professor, através de áudio, vídeo e texto  Alunos recebem os materiais suplementares, apostilas, exercícios, trabalhos e provas em forma impressa ou eletrônica  Tutor local especialmente treinado trabalha diretamente com os alunos, auxiliando o professor
  • 48. Plataforma Integrada EPCIS  Plataforma Web/Internet para suporte on- line ao ensino e aprendizagem (AVA – Ambiente Virtual de Aprendizagem)  Plataforma de vídeo digital interativo via satélite ou rede terrestre  Em tempo real (ao vivo, gravado, misto)  Sob demanda  Integração total entre as duas plataformas  Metodologia pedagógica especialmente desenvolvida para implementação dos vários usos da EAD na instituição
  • 49. Fundamentos do EPCIS  Baseado em quatro pilares:  Atividades presenciais (vivenciais, laboratoriais, de campo, de avaliação, etc.)  Atividades telepresenciais interativas (geração centralizada, inserção curricular)  Atividades autônomas (a distância, através de um ambiente on-line pela Internet)  Tutoria a distância
  • 50. Fundamentos do EPCIS  Baseado em quatro competências:  Capacitação do discentes  Capacitação dos docentes e tutores  Trabalho de equipe multidisciplinar  Avaliação múltipla e permanente
  • 51. IRD Satélite Bidirecional > Downlink: satélite > Uplink: satélite Geração de Conteúdo Salas de aula HUB TV VCR Internet IP IRD Modem 360E switch Streaming Vídeo MPEG-2 IRD TV VCR IP IRD Modem 360E switch Streaming Vídeo MPEG-2
  • 52. Modularização Cidade 1 Sala 1 Cidade 1 Sala 2 Cidade 2 Sala 1 Estúdio Campinas  Um estúdio central transmite uma aula simultaneamente para 5 a 20 remotas, dependendo do tipo de curso  Um professor pode dar aula para 200 a 2.000 alunos  O mesmo professor dá aula sempre para o mesmo GFU  As salas de um GFU poderão estar em qualquer lugar GFU Grupo Fechado de Usuários
  • 53. Centro de Geração de Conteúdo Cidade 1 Sala 1 Cidade 1 Sala 2 Cidade 2 Sala 1 Estúdio Central 1 C id a d e1 1 S a la1 C id a d e4 1 S a la2 C id a d e2 3 S a la1 E s tú d io C e n tra l2  O CGC pode ter vários estúdios, transmitindo pelo mesmo satélite  O número de estúdios e professores cresce gradativamente respondendo à demanda  O CGC conta com recursos adicionais, como ilhas de edição, equipe de gravação, centro de controle, etc.
  • 54. Área atingida pelo satélite
  • 55. Estúdio de geração de aulas por TV Câmara de documentos Computador para slides Computador Para perguntas Teleprompter TV
  • 56. Recursos audiovisuais  Slides  Vídeos e áudios digitais  Animações interativas  Cenários virtuais  Questionários em tempo real  Navegação em softwares  Lousa eletrônica  Câmara de documentos
  • 57. Unidade de Recepção Internet TV Sala multiuso Sala de computadores Videoconferência
  • 59. Interatividade aluno-professor  Em tempo real:  Vídeo e áudio  Só áudio  Áudio e texto  Só texto  Em tempo deferido  Email  Fórum
  • 60. O Assistente do Educador  Auxilia o professor no intercâmbio com os tutores e alunos, recebe e filtra perguntas, ajuda no comando dos equipamentos da sala  Especialista na matéria sendo ministrada
  • 61. Suporte ao aluno  Presencial (pólos remotos)  A distância (centralizado)  Correio  Acesso ao site (fórum, email)  Chat, messenger  Help desk por telefone e fax  Videoconferência  Sessões de tira-dúvidas
  • 62. Presencialidade nos Pólos  Tutoria semanal por disciplina  Laboratórios didáticos  Laboratórios de informática  Biblioteca  Sala de estudos  Estudos dirigidos a seminários  Exames presenciais
  • 63. Outras aplicações  Reuniões administrativas e de planejamento  Videoconferências entre matriz e filiais  Entrevistas a distância  Defesas de teses
  • 64. Outras aplicações  Seminários de desenvolvimento administrativo, docente, etc.  Transmissão de congressos, convenções virtuais  Lançamento de novos projetos e serviços  Grupos de foco
  • 65. Tendências da EAD  Mercado quer qualificação mais rápida do que a oferta  Empresas vão montar cada vez mais programas internos de educação  Queda nos custos do ensino de qualidade através da EAD  Cursos presenciais vão perder espaço, devido aos maiores custos  Instituições cada vez menores tendem a acessar altos níveis educacionais via EAD  Distinção entre presencial e distância está perdendo o sentido  Governos estão implantando EAD em todos níveis e demandas  Comunidades de aprendizagem nacionais e internacionais
  • 66. Tendências em EAD (2)  Uso cada maior de jogos, simulações, dinâmica, experimentação, vivência, contextos virtuais, atividades, etc  Colaboração e compartilhamento de dados em comunidade produtivas em rede  Wireless em expansão  Mobilidade em expansão (PDA, celulares)  Mais simples e fácil ser um professor de EAD  Exigência de mercado para os professores que tenham capacitação em EAD (prerequisito)  Inclusão digital mandatória de todos os professores e alunos  Crescimento de open software: menores custos, maior padronização
  • 68. Quem Somos  Associação de pesquisa, desenvolvimento e ensino sem fins lucrativos, fundada em 2000, em Campinas  Formada por professores e pesquisadores da UNICAMP da área de informática médica e educacional  Coordena um consórcio de 27 universidades e associações científicas e 14 empresas, para desenvolver uma rede de educação a distância  13 anos de experiência em educação a distância e publicações eletrônicas
  • 69. Consórcio Edumed  Universidade Federal do Amazonas  Escola de Saúde da Família de Sobral  Escola de Saúde Pública do Ceará  Universidade Federal de Pernambuco  Universidade Federal de Goiás  Pontifícia Universidade Católica do Paraná  Universidade Federal de Santa Catarina  Universidade de São Paulo  Universidade Estadual de Campinas  ...
  • 70. Realizações  Rede Edumed de Educação a Distância em Medicina e Saúde  Biblioteca Digital Multimídia  Projeto Onconet de EAD em oncologia  Centro de Estudos em Saúde e Trabalho  Núcleo de TV Digital Interativa  Desenvolvimento, padronização e implementação das tecnologias-chave  Desenvolvimento de cursos on-line (mais de 4.000 alunos em 2002) na área médica e outras  Consultoria de EaD para entidades educacionais e empresas (Microlins, UNIBAN, UNIANHANGUERA, METROCAMP, entre outras)  Centro corporativo em Campinas
  • 71.
  • 72. Serviços da EduLogica  Prospecção e consultoria tecnológica e pedagógica, e estruturação operacional de redes próprias de EaD  Venda e instalação de equipamentos  Treinamento e capacitação de recursos humanos  Desenvolvimento/adaptação, oferta e certificação de cursos  Terceirização de operações de EaD, geração e conversão de conteúdos  Locação da infraestrutura logística, estúdios, etc.
  • 75. Contatos Renato M.E. Sabbatini, PhD EduLogica Educação e Tecnologia http://www.edulogica.com.br rsabbatini@edulogica.com.br Instituto Edumed Tel. (019) 3295-8191 Cel. (081) 9601-7854