SlideShare uma empresa Scribd logo
Professora: Ana Paula Silva

Aparecimento da
nuvem carregada e
bramido do mar
 Retrato físico e
psicológico
do
gigante
 Medo provocado
pelo Gigante nos
marinheiros


Fala
(apóstrofe
ousada)

do

à

Gigante
gente

 Profecias feitas
Gigante
sobre
Portugueses

pelo
os

 Intervenção de Vasco da
Gama
 História do Gigante
(confissão do seu passado
amoroso)


Desaparecimento
do Gigante
 Vasco da Gama
faz um pedido a
Deus
Antes do aparecimento
do gigante
Cenário

Aquando do aparecimento
do gigante

“prosperamente os
ventos assoprando”

“nuvem , que os ares
escurece”
“tão temerosa vinha e
carregada”
“bramindo, o negro mar de
longe brada”
“nos corações um grande
medo”
“tão temerosa”
“ameaço divino”

Sentimentos das Os marinheiros estavam
personagens
“descuidados”
Há
gradação
e
paralelismo
no
aparecimento da figura e no efeito que
provoca no espírito dos navegadores:
1- a nuvem
grande medo
2- rugido do mar
ameaço
divino
3- aparecimento do gigante
arrepiam-se as carnes e os cabelos

Gradação
Disposição dos
termos por ordem
progressiva no seio
de uma enumeração.
Pode ser crescente
ou decrescente.

Paralelismo
Repetição do
esquema ou
construção da
frase ou do
verso.
• Figura robusta e válida;
• Estatura disforme e grandíssima;
• Rosto carregado; (psicológica)
• Barba esquálida (suja);
• Olhos encovados;
• Postura medonha e má; (psicológica)
• Cor terrena e pálida;
• Cabelos crespos;
• Boca negra e dentes amarelos;
• Membros grandes;
• Voz horrenda e grossa.

Feita do geral para o particular
Comparação com o colosso de Rodes
Adjetivação expressiva
O Adamastor sente-se
lesado:
“E
navegar
meus mares ousas /
que eu tanto tempo há
já que guardo e tenho”

Glorificação
da
tenacidade
dos
Portugueses:
“gente
ousada”,

 a morte de quem o
descobriu
( Bartolomeu Dias)
 a morte de D. Francisco
de Almeida, 1º vice-rei da
Índia
 naufrágio e morte da
família Sepúlveda
 Profecias
relativas
a
futuros
desastres
das
naus portuguesas
Vasco da
Gama

Adamastor

1- Amedrontado (arrepiam-se as
carnes e os cabelos)
2- Sem medo, de cabeça erguida, num
tom de igual para igual, quase de
desafio.
3- Atitude de fé. Pede a Deus que
“removesse os duros casos que
Adamastor contou futuros”.

1- Mostra-se rancoroso, vingativo,
ameaçador.
2- Dor profunda, raiva e desespero.
Humaniza-se e reconhece a sua
derrota.
3- Desaparece.
Mitologicamente: gigante apaixonado
pela deusa Tétis, transformado em
promontório pelos deuses que não
toleram ousadias.
- Símbolo da frustração amorosa.
Geograficamente:
Cabo
das
Tormentas, posteriormente chamado
cabo da Boa Esperança.
Simbolicamente:
da viagem.

Perigo/obstáculos
A dificuldade em passar este cabo, que marca a transição do
Atlântico para o Índico, alimentou a lenda do gigante Adamastor.

Cabo da Boa Esperança
O adamastor

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

A tempestade
A tempestadeA tempestade
A tempestade
Vanda Marques
 
Adamastor
AdamastorAdamastor
Adamastor
antoniosampaio11
 
Episódio "O Gigante Adamastor" d' Os Lusíadas
Episódio "O Gigante Adamastor" d' Os LusíadasEpisódio "O Gigante Adamastor" d' Os Lusíadas
Episódio "O Gigante Adamastor" d' Os Lusíadas
AnaGomes40
 
Tétis e a ilha dos amores
Tétis e a ilha dos amoresTétis e a ilha dos amores
Tétis e a ilha dos amores
Bruno Neves
 
Ilha dos Amores
Ilha dos AmoresIlha dos Amores
Ilha dos Amores
Vanda Marques
 
Auto da Barca do Inferno-Judeu
Auto da Barca do Inferno-JudeuAuto da Barca do Inferno-Judeu
Auto da Barca do Inferno-Judeu
Pedro Lucas
 
Auto_Barca_Cavaleiros_Os_Quatro_Cavaleiros
Auto_Barca_Cavaleiros_Os_Quatro_CavaleirosAuto_Barca_Cavaleiros_Os_Quatro_Cavaleiros
Auto_Barca_Cavaleiros_Os_Quatro_Cavaleiros
sin3stesia
 
Despedidas em belém
Despedidas em belémDespedidas em belém
Despedidas em belém
Lurdes
 
A alcoviteira
A alcoviteiraA alcoviteira
A alcoviteira
ElisabeteMarques
 
O consílio dos deuses
O consílio dos deusesO consílio dos deuses
O consílio dos deuses
annapaulasilva
 
Onzeneiro
OnzeneiroOnzeneiro
Episódio de inês de castro
Episódio de inês de castroEpisódio de inês de castro
Episódio de inês de castro
Quezia Neves
 
A Morte de Inês de Castro - Os Lusíadas
A Morte de Inês de Castro - Os LusíadasA Morte de Inês de Castro - Os Lusíadas
A Morte de Inês de Castro - Os Lusíadas
sin3stesia
 
Síntese do consílio dos deuses
Síntese do consílio dos deusesSíntese do consílio dos deuses
Síntese do consílio dos deuses
Eva Antunes
 
Auto da barca do inferno- O frade
Auto da barca do inferno- O fradeAuto da barca do inferno- O frade
Auto da barca do inferno- O frade
Zé Carlos Barbosa
 
Inês de castro
Inês de castroInês de castro
Inês de castro
Lurdes
 
Mensagem - Fernando Pessoa
Mensagem - Fernando Pessoa Mensagem - Fernando Pessoa
Mensagem - Fernando Pessoa
JulianaCarvalho265
 
Estrutura do sermão de sto antónio aos peixes
Estrutura do sermão de sto antónio aos peixesEstrutura do sermão de sto antónio aos peixes
Estrutura do sermão de sto antónio aos peixes
beonline5
 
Auto da-barca-do-inferno-analise-cenas
Auto da-barca-do-inferno-analise-cenasAuto da-barca-do-inferno-analise-cenas
Auto da-barca-do-inferno-analise-cenas
Claudia Lazarini
 
Estrutura do Sermão de Santo António aos Peixes
Estrutura do Sermão de Santo António aos PeixesEstrutura do Sermão de Santo António aos Peixes
Estrutura do Sermão de Santo António aos Peixes
António Fernandes
 

Mais procurados (20)

A tempestade
A tempestadeA tempestade
A tempestade
 
Adamastor
AdamastorAdamastor
Adamastor
 
Episódio "O Gigante Adamastor" d' Os Lusíadas
Episódio "O Gigante Adamastor" d' Os LusíadasEpisódio "O Gigante Adamastor" d' Os Lusíadas
Episódio "O Gigante Adamastor" d' Os Lusíadas
 
Tétis e a ilha dos amores
Tétis e a ilha dos amoresTétis e a ilha dos amores
Tétis e a ilha dos amores
 
Ilha dos Amores
Ilha dos AmoresIlha dos Amores
Ilha dos Amores
 
Auto da Barca do Inferno-Judeu
Auto da Barca do Inferno-JudeuAuto da Barca do Inferno-Judeu
Auto da Barca do Inferno-Judeu
 
Auto_Barca_Cavaleiros_Os_Quatro_Cavaleiros
Auto_Barca_Cavaleiros_Os_Quatro_CavaleirosAuto_Barca_Cavaleiros_Os_Quatro_Cavaleiros
Auto_Barca_Cavaleiros_Os_Quatro_Cavaleiros
 
Despedidas em belém
Despedidas em belémDespedidas em belém
Despedidas em belém
 
A alcoviteira
A alcoviteiraA alcoviteira
A alcoviteira
 
O consílio dos deuses
O consílio dos deusesO consílio dos deuses
O consílio dos deuses
 
Onzeneiro
OnzeneiroOnzeneiro
Onzeneiro
 
Episódio de inês de castro
Episódio de inês de castroEpisódio de inês de castro
Episódio de inês de castro
 
A Morte de Inês de Castro - Os Lusíadas
A Morte de Inês de Castro - Os LusíadasA Morte de Inês de Castro - Os Lusíadas
A Morte de Inês de Castro - Os Lusíadas
 
Síntese do consílio dos deuses
Síntese do consílio dos deusesSíntese do consílio dos deuses
Síntese do consílio dos deuses
 
Auto da barca do inferno- O frade
Auto da barca do inferno- O fradeAuto da barca do inferno- O frade
Auto da barca do inferno- O frade
 
Inês de castro
Inês de castroInês de castro
Inês de castro
 
Mensagem - Fernando Pessoa
Mensagem - Fernando Pessoa Mensagem - Fernando Pessoa
Mensagem - Fernando Pessoa
 
Estrutura do sermão de sto antónio aos peixes
Estrutura do sermão de sto antónio aos peixesEstrutura do sermão de sto antónio aos peixes
Estrutura do sermão de sto antónio aos peixes
 
Auto da-barca-do-inferno-analise-cenas
Auto da-barca-do-inferno-analise-cenasAuto da-barca-do-inferno-analise-cenas
Auto da-barca-do-inferno-analise-cenas
 
Estrutura do Sermão de Santo António aos Peixes
Estrutura do Sermão de Santo António aos PeixesEstrutura do Sermão de Santo António aos Peixes
Estrutura do Sermão de Santo António aos Peixes
 

Destaque

A proposição
A proposiçãoA proposição
A proposição
annapasilva
 
O adamastor
O adamastorO adamastor
O adamastor
annapaulasilva
 
Plural dos nomes compostos
Plural dos nomes compostosPlural dos nomes compostos
Plural dos nomes compostos
annapasilva
 
Bd -gramatica_da_bd
Bd  -gramatica_da_bdBd  -gramatica_da_bd
Bd -gramatica_da_bd
annapasilva
 
A carta
A cartaA carta
A carta
annapasilva
 
Inês de castro
Inês de castroInês de castro
Inês de castro
annapaulasilva
 
O gigante adamastor
O gigante adamastorO gigante adamastor
O gigante adamastor
annapaulasilva
 
9ºano gramática – português
9ºano gramática – português9ºano gramática – português
9ºano gramática – português
Mariana Monteiro
 
Gigante adamastor
Gigante adamastorGigante adamastor
Gigante adamastor
armindaalmeida
 
Funções sintácticas
Funções sintácticasFunções sintácticas
Funções sintácticas
Teresa Pombo
 
Descobrimentos Portugueses
Descobrimentos PortuguesesDescobrimentos Portugueses
Descobrimentos Portugueses
João Fernandes
 
Funções sintáticas
Funções sintáticasFunções sintáticas
Funções sintáticas
Célia Gonçalves
 
Oracoes subordinadas
Oracoes subordinadasOracoes subordinadas
Oracoes subordinadas
Delfina Vernuccio
 
Análise de Os Lusíadas
Análise de Os Lusíadas Análise de Os Lusíadas
Análise de Os Lusíadas
Lurdes Augusto
 

Destaque (14)

A proposição
A proposiçãoA proposição
A proposição
 
O adamastor
O adamastorO adamastor
O adamastor
 
Plural dos nomes compostos
Plural dos nomes compostosPlural dos nomes compostos
Plural dos nomes compostos
 
Bd -gramatica_da_bd
Bd  -gramatica_da_bdBd  -gramatica_da_bd
Bd -gramatica_da_bd
 
A carta
A cartaA carta
A carta
 
Inês de castro
Inês de castroInês de castro
Inês de castro
 
O gigante adamastor
O gigante adamastorO gigante adamastor
O gigante adamastor
 
9ºano gramática – português
9ºano gramática – português9ºano gramática – português
9ºano gramática – português
 
Gigante adamastor
Gigante adamastorGigante adamastor
Gigante adamastor
 
Funções sintácticas
Funções sintácticasFunções sintácticas
Funções sintácticas
 
Descobrimentos Portugueses
Descobrimentos PortuguesesDescobrimentos Portugueses
Descobrimentos Portugueses
 
Funções sintáticas
Funções sintáticasFunções sintáticas
Funções sintáticas
 
Oracoes subordinadas
Oracoes subordinadasOracoes subordinadas
Oracoes subordinadas
 
Análise de Os Lusíadas
Análise de Os Lusíadas Análise de Os Lusíadas
Análise de Os Lusíadas
 

Semelhante a O adamastor

Análise_Adamastor.pptx
Análise_Adamastor.pptxAnálise_Adamastor.pptx
Análise_Adamastor.pptx
Carmen Carvalho
 
Os lusíadas adamastor - resumo (por estrofe) e análise global[1]
Os lusíadas   adamastor - resumo (por estrofe) e análise global[1]Os lusíadas   adamastor - resumo (por estrofe) e análise global[1]
Os lusíadas adamastor - resumo (por estrofe) e análise global[1]
Maria João Lima
 
Caderno informativo sobre os lusiadas_fichaapoio.pdf
Caderno informativo sobre os lusiadas_fichaapoio.pdfCaderno informativo sobre os lusiadas_fichaapoio.pdf
Caderno informativo sobre os lusiadas_fichaapoio.pdf
Paula Duarte
 
Tempestade e Chegada à Índia
Tempestade e Chegada à ÍndiaTempestade e Chegada à Índia
Tempestade e Chegada à Índia
sin3stesia
 
Dinosssauros
DinosssaurosDinosssauros
Dinosssauros
Eduardo Sousa Gomes
 
Apresentação para décimo segundo ano de 2013 4, aula 124-125
Apresentação para décimo segundo ano de 2013 4, aula 124-125Apresentação para décimo segundo ano de 2013 4, aula 124-125
Apresentação para décimo segundo ano de 2013 4, aula 124-125
luisprista
 

Semelhante a O adamastor (6)

Análise_Adamastor.pptx
Análise_Adamastor.pptxAnálise_Adamastor.pptx
Análise_Adamastor.pptx
 
Os lusíadas adamastor - resumo (por estrofe) e análise global[1]
Os lusíadas   adamastor - resumo (por estrofe) e análise global[1]Os lusíadas   adamastor - resumo (por estrofe) e análise global[1]
Os lusíadas adamastor - resumo (por estrofe) e análise global[1]
 
Caderno informativo sobre os lusiadas_fichaapoio.pdf
Caderno informativo sobre os lusiadas_fichaapoio.pdfCaderno informativo sobre os lusiadas_fichaapoio.pdf
Caderno informativo sobre os lusiadas_fichaapoio.pdf
 
Tempestade e Chegada à Índia
Tempestade e Chegada à ÍndiaTempestade e Chegada à Índia
Tempestade e Chegada à Índia
 
Dinosssauros
DinosssaurosDinosssauros
Dinosssauros
 
Apresentação para décimo segundo ano de 2013 4, aula 124-125
Apresentação para décimo segundo ano de 2013 4, aula 124-125Apresentação para décimo segundo ano de 2013 4, aula 124-125
Apresentação para décimo segundo ano de 2013 4, aula 124-125
 

Mais de annapasilva

Prépositions
PrépositionsPrépositions
Prépositions
annapasilva
 
La france
La franceLa france
La france
annapasilva
 
O fidalgo
O fidalgoO fidalgo
O fidalgo
annapasilva
 
Cena inicial
Cena inicialCena inicial
Cena inicial
annapasilva
 
Cena inicial
Cena inicialCena inicial
Cena inicial
annapasilva
 
Acheter en france
Acheter en franceAcheter en france
Acheter en franceannapasilva
 
Acheter en france
Acheter en franceAcheter en france
Acheter en franceannapasilva
 
Faire, accepter et refuser une invitation
Faire,  accepter et refuser une invitationFaire,  accepter et refuser une invitation
Faire, accepter et refuser une invitationannapasilva
 
Savoir téléphoner
Savoir téléphonerSavoir téléphoner
Savoir téléphonerannapasilva
 
Faire, accepter et refuser une invitation
Faire,  accepter et refuser une invitationFaire,  accepter et refuser une invitation
Faire, accepter et refuser une invitationannapasilva
 
Carte postale de vacances
Carte postale de vacancesCarte postale de vacances
Carte postale de vacancesannapasilva
 

Mais de annapasilva (13)

Prépositions
PrépositionsPrépositions
Prépositions
 
La france
La franceLa france
La france
 
O fidalgo
O fidalgoO fidalgo
O fidalgo
 
Cena inicial
Cena inicialCena inicial
Cena inicial
 
Cena inicial
Cena inicialCena inicial
Cena inicial
 
Acheter en france
Acheter en franceAcheter en france
Acheter en france
 
Acheter en france
Acheter en franceAcheter en france
Acheter en france
 
La négation
La négationLa négation
La négation
 
Faire, accepter et refuser une invitation
Faire,  accepter et refuser une invitationFaire,  accepter et refuser une invitation
Faire, accepter et refuser une invitation
 
Savoir téléphoner
Savoir téléphonerSavoir téléphoner
Savoir téléphoner
 
Faire, accepter et refuser une invitation
Faire,  accepter et refuser une invitationFaire,  accepter et refuser une invitation
Faire, accepter et refuser une invitation
 
França
FrançaFrança
França
 
Carte postale de vacances
Carte postale de vacancesCarte postale de vacances
Carte postale de vacances
 

O adamastor

  • 2.  Aparecimento da nuvem carregada e bramido do mar  Retrato físico e psicológico do gigante  Medo provocado pelo Gigante nos marinheiros  Fala (apóstrofe ousada) do à Gigante gente  Profecias feitas Gigante sobre Portugueses pelo os  Intervenção de Vasco da Gama  História do Gigante (confissão do seu passado amoroso)  Desaparecimento do Gigante  Vasco da Gama faz um pedido a Deus
  • 3. Antes do aparecimento do gigante Cenário Aquando do aparecimento do gigante “prosperamente os ventos assoprando” “nuvem , que os ares escurece” “tão temerosa vinha e carregada” “bramindo, o negro mar de longe brada” “nos corações um grande medo” “tão temerosa” “ameaço divino” Sentimentos das Os marinheiros estavam personagens “descuidados”
  • 4. Há gradação e paralelismo no aparecimento da figura e no efeito que provoca no espírito dos navegadores: 1- a nuvem grande medo 2- rugido do mar ameaço divino 3- aparecimento do gigante arrepiam-se as carnes e os cabelos Gradação Disposição dos termos por ordem progressiva no seio de uma enumeração. Pode ser crescente ou decrescente. Paralelismo Repetição do esquema ou construção da frase ou do verso.
  • 5. • Figura robusta e válida; • Estatura disforme e grandíssima; • Rosto carregado; (psicológica) • Barba esquálida (suja); • Olhos encovados; • Postura medonha e má; (psicológica) • Cor terrena e pálida; • Cabelos crespos; • Boca negra e dentes amarelos; • Membros grandes; • Voz horrenda e grossa. Feita do geral para o particular Comparação com o colosso de Rodes Adjetivação expressiva
  • 6. O Adamastor sente-se lesado: “E navegar meus mares ousas / que eu tanto tempo há já que guardo e tenho”  Glorificação da tenacidade dos Portugueses: “gente ousada”,  a morte de quem o descobriu ( Bartolomeu Dias)  a morte de D. Francisco de Almeida, 1º vice-rei da Índia  naufrágio e morte da família Sepúlveda  Profecias relativas a futuros desastres das naus portuguesas
  • 7. Vasco da Gama Adamastor 1- Amedrontado (arrepiam-se as carnes e os cabelos) 2- Sem medo, de cabeça erguida, num tom de igual para igual, quase de desafio. 3- Atitude de fé. Pede a Deus que “removesse os duros casos que Adamastor contou futuros”. 1- Mostra-se rancoroso, vingativo, ameaçador. 2- Dor profunda, raiva e desespero. Humaniza-se e reconhece a sua derrota. 3- Desaparece.
  • 8. Mitologicamente: gigante apaixonado pela deusa Tétis, transformado em promontório pelos deuses que não toleram ousadias. - Símbolo da frustração amorosa. Geograficamente: Cabo das Tormentas, posteriormente chamado cabo da Boa Esperança. Simbolicamente: da viagem. Perigo/obstáculos
  • 9. A dificuldade em passar este cabo, que marca a transição do Atlântico para o Índico, alimentou a lenda do gigante Adamastor. Cabo da Boa Esperança