SlideShare uma empresa Scribd logo
Escola Bíblica Dominical
A Palavra de Deus revelada na Terra – aos homens de boa vontade
Álvares Machado (SP) – Brasil
“Procuremos, pois, entrar naquele
repouso, para que ninguém caia no
mesmo exemplo de desobediência”.
TEXTO ÁUREO
O descanso provido por Josué foi
terreno, temporário e incompleto; o
descanso provido por Cristo é
celestial, eterno e completo.
Escola Bíblica Dominical
A Palavra de Deus revelada na Terra – aos homens de boa vontade
Álvares Machado (SP) – Brasil
VERDADE PRÁTICA
1 — Temamos, pois, que, porventura, deixada a
promessa de entrar no seu repouso, pareça que
algum de vós fique para trás.
2 — Porque também a nós foram pregadas as
boas-novas, como a eles, mas a palavra da
pregação nada lhes ?aproveitou, porquanto não
estava misturada com a fé naqueles que a
ouviram.
3 — Porque nós, os que temos crido, entramos no
repouso, tal como disse: Assim, jurei na minha ira
que não entrarão no meu repouso; embora as suas
obras estivessem acabadas desde a fundação do
mundo.
Escola Bíblica Dominical
A Palavra de Deus revelada na Terra – aos homens de boa vontade
Álvares Machado (SP) – Brasil
LEITURA BÍBLICA EM CLASSE
Hb 4.1-13
4 — Porque, em certo lugar, disse assim do dia sétimo:
E repousou Deus de todas as suas obras no sétimo
dia.
5 — E outra vez neste lugar: Não entrarão no meu
repouso.
6 — Visto, pois, que resta que alguns entrem nele e
que aqueles a quem primeiro foram pregadas as boas-
novas não entraram por causa da desobediência,
7 — determina, outra vez, um certo dia, Hoje, dizendo
por Davi, muito tempo depois, como está dito: Hoje, se
ouvirdes a sua voz, não endureçais o vosso coração.
8 — Porque, se Josué lhes houvesse dado repouso,
não falaria, depois disso, de outro dia.
Escola Bíblica Dominical
A Palavra de Deus revelada na Terra – aos homens de boa vontade
Álvares Machado (SP) – Brasil
LEITURA BÍBLICA EM CLASSE
Hb 4.1-13
9 — Portanto, resta ainda um repouso para o povo de
Deus.
10 — Porque aquele que entrou no seu repouso, ele
próprio repousou de suas obras, como Deus das suas.
11 — Procuremos, pois, entrar naquele repouso, para
que ninguém caia no mesmo exemplo de
desobediência.
12 — Porque a palavra de Deus é viva, e eficaz, e mais
penetrante do que qualquer espada de dois gumes, e
penetra até à divisão da alma, e do espírito, e das
juntas e medulas, e é apta para discernir os
pensamentos e intenções do coração.
13 — E não há criatura alguma encoberta diante dele;
antes, todas as coisas estão nuas e patentes aos
olhos daquele com quem temos de tratar.
Escola Bíblica Dominical
A Palavra de Deus revelada na Terra – aos homens de boa vontade
Álvares Machado (SP) – Brasil
LEITURA BÍBLICA EM CLASSE
Hb 4.1-13
A conquista de Cana, segundo o autor da Carta
aos Hebreus, é um tipo da Canaã celestial. Deus
havia prometido a conquista da terra a Moisés e
Josué, mas a incredulidade e a desobediência,
somadas à falta de ânimo, fizeram com que o
povo não vivesse as promessas de Deus em sua
plenitude. O mesmo processo estava se repetindo
com os crentes da Nova Aliança e pelas mesmas
razões.
Escola Bíblica Dominical
A Palavra de Deus revelada na Terra – aos homens de boa vontade
Álvares Machado (SP) – Brasil
INTRODUÇÃO
1. UMA MENSAGEM QUE DEVE SER RECEBIDA PELA FÉ.
• Grande verdade: “as boas-novas foram pregadas”;
• Muitos ficaram de fora da promessa nos dias de Josué;
• A mensagem não foi recebida com fé.
2. UMA MENSAGEM FUNDAMENTADA NA OBEDIÊNCIA.
• Os que ouviram primeiro não entraram em Canaã;
• Motivo: a incredulidade dos filhos da desobediência;
• O crente, quando não crê, age como o incrédulo.
3. UMA MENSAGEM QUE CONDUZ À CONTRIÇÃO.
• A mensagem de Deus necessita corações receptivos;
• “Hoje, se ouvirdes...não endureçais o vosso coração”;
• É o homem, e não Deus, que endurece o coração.
Escola Bíblica Dominical
A Palavra de Deus revelada na Terra – aos homens de boa vontade
Álvares Machado (SP) – Brasil
I – JESUS PROVEU UMA MENSAGEM
SUPERIOR A DE JOSUÉ
1. UM DESCANSO TOTAL.
• Josué conquistou ou não Canaã? Conquistou!
• O descanso de Josué antecedeu o pleno controle;
• O descanso provido por Jesus foi completo e total.
2. UM DESCANSO REAL.
• Conquista de Canaã – sombra da obra de Jesus;
• O descanso para o povo de Deus foi provido por Jesus;
• Este repouso é uma realidade presente e completa.
3. UM DESCANSO ETERNO.
• O descanso provido por Josué foi também temporário;
• “Portanto, resta ainda um repouso” para o povo;
• O descanso não é aqui! O futuro aguarda a plenitude.
Escola Bíblica Dominical
A Palavra de Deus revelada na Terra – aos homens de boa vontade
Álvares Machado (SP) – Brasil
II – JESUS PROVEU UM DESCANSO
SUPERIOR AO DE JOSUÉ
1. UMA PALAVRA VIVA.
• A geração do Êxodo ouviu as boas-novas de Deus;
• Os hebreus não souberam se portar diante da Palavra;
• Jesus afirmou que suas palavras “são espírito e vida”.
2. UMA PALAVRA EFICAZ.
• A Palavra de Deus é viva, ela produz vida e é eficaz;
• Ela produz resultados e permanece para sempre;
• Assim é a Palavra que sai da “boca de Deus”.
3. UMA PALAVRA PENETRANTE.
• A Palavra é um instrumento vivo, eficaz e cortante;
• A Palavra de Deus não fica na superfície, vai além;
• Deveríamos ser mais prontos à responder a Palavra.
Escola Bíblica Dominical
A Palavra de Deus revelada na Terra – aos homens de boa vontade
Álvares Machado (SP) – Brasil
III – JESUS PROVEU UMA ORIENTAÇÃO
SUPERIOR A DE JOSUÉ
O problema, portanto, não é se cansar, mas permitir que
fatores diversos interrompam a nossa jornada de fé. Com
os israelitas o desânimo veio como consequência da
infidelidade, incredulidade e desobediência. As mesmas
coisas podem acontecer conosco se não atentarmos para
a santa, viva e eficaz Palavra de Deus.
Contatos:
ailtonsilva2000@gmail.com
ailtonsilva2000.blogspot.com.br
Álvares Machado (SP) – 1º trim. 2018
WatsApp (18) 99790-3718 (Vivo)
Escola Bíblica Dominical
A Palavra de Deus revelada na Terra – aos homens de boa vontade
Álvares Machado (SP) – Brasil
CONCLUSÃO

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Ebd Lições bíblicas 2016 aula 7 Israel no plano da redenção.
Ebd Lições bíblicas 2016 aula 7 Israel no plano da redenção.Ebd Lições bíblicas 2016 aula 7 Israel no plano da redenção.
Ebd Lições bíblicas 2016 aula 7 Israel no plano da redenção.
GIDEONE Moura Santos Ferreira
 
Lição 10 - Sofonias, o juízo vindouro
Lição 10 - Sofonias, o juízo vindouroLição 10 - Sofonias, o juízo vindouro
Lição 10 - Sofonias, o juízo vindouro
Ailton da Silva
 
AS BEM AVENTURANÇAS
AS BEM AVENTURANÇAS AS BEM AVENTURANÇAS
AS BEM AVENTURANÇAS
Sergio Menezes
 
Lição 1 - Inspiração Divina e autoridade da Bíblia
Lição 1 - Inspiração Divina e autoridade da BíbliaLição 1 - Inspiração Divina e autoridade da Bíblia
Lição 1 - Inspiração Divina e autoridade da Bíblia
Ailton da Silva
 
Lição10: Ministrando aos galileus
Lição10: Ministrando aos galileusLição10: Ministrando aos galileus
Lição10: Ministrando aos galileus
Quenia Damata
 
Valorizando a obra de deus
Valorizando a obra de deusValorizando a obra de deus
Valorizando a obra de deus
Edilson Jose Barbosa Barbosa
 
Missões
MissõesMissões
Lição 2 - Deus o primeiro evangelista
Lição 2 - Deus o primeiro evangelistaLição 2 - Deus o primeiro evangelista
Lição 2 - Deus o primeiro evangelista
Ailton da Silva
 
A inspiração de pedro 1
A inspiração de pedro 1A inspiração de pedro 1
A inspiração de pedro 1
Sergio Menezes
 
Profetas Maiores
Profetas MaioresProfetas Maiores
Profetas Maiores
Tsushya marco
 
2021 2º trimestre jovem - lição 02
2021   2º trimestre jovem - lição 022021   2º trimestre jovem - lição 02
2021 2º trimestre jovem - lição 02
Joel Silva
 
Propósito
PropósitoPropósito
Propósito
PauloGuima1
 
Lição 08 - Israel no Plano da Redenção
Lição 08 - Israel no Plano da RedençãoLição 08 - Israel no Plano da Redenção
Lição 08 - Israel no Plano da Redenção
Regio Davis
 
O poder do lugar secreto de oração (david Wikerson
O poder do lugar secreto de oração (david WikersonO poder do lugar secreto de oração (david Wikerson
O poder do lugar secreto de oração (david Wikerson
Jhonatan Guilherme
 
“Passou a noite toda em oração a Deus”
“Passou a noite toda em oração a Deus”“Passou a noite toda em oração a Deus”
“Passou a noite toda em oração a Deus”
JUERP
 
Sou Crente... E Agora, o Que Eu Faço?
Sou Crente... E Agora, o Que Eu Faço?Sou Crente... E Agora, o Que Eu Faço?
Sou Crente... E Agora, o Que Eu Faço?
Jonas Martins Olímpio
 
Lição 2: Os caminhos de Deus
Lição 2: Os caminhos de DeusLição 2: Os caminhos de Deus
Lição 2: Os caminhos de Deus
Quenia Damata
 
2022 1º trimestre jovens lição 02
2022 1º trimestre jovens lição 022022 1º trimestre jovens lição 02
2022 1º trimestre jovens lição 02
Joel Silva
 
Lição 4 - a comissão cultural e a grande comissão
Lição 4 - a comissão cultural e a grande comissãoLição 4 - a comissão cultural e a grande comissão
Lição 4 - a comissão cultural e a grande comissão
Ailton da Silva
 
04 eliaseosprofetasdebaal
04 eliaseosprofetasdebaal04 eliaseosprofetasdebaal
04 eliaseosprofetasdebaal
cledsondrumms
 

Mais procurados (20)

Ebd Lições bíblicas 2016 aula 7 Israel no plano da redenção.
Ebd Lições bíblicas 2016 aula 7 Israel no plano da redenção.Ebd Lições bíblicas 2016 aula 7 Israel no plano da redenção.
Ebd Lições bíblicas 2016 aula 7 Israel no plano da redenção.
 
Lição 10 - Sofonias, o juízo vindouro
Lição 10 - Sofonias, o juízo vindouroLição 10 - Sofonias, o juízo vindouro
Lição 10 - Sofonias, o juízo vindouro
 
AS BEM AVENTURANÇAS
AS BEM AVENTURANÇAS AS BEM AVENTURANÇAS
AS BEM AVENTURANÇAS
 
Lição 1 - Inspiração Divina e autoridade da Bíblia
Lição 1 - Inspiração Divina e autoridade da BíbliaLição 1 - Inspiração Divina e autoridade da Bíblia
Lição 1 - Inspiração Divina e autoridade da Bíblia
 
Lição10: Ministrando aos galileus
Lição10: Ministrando aos galileusLição10: Ministrando aos galileus
Lição10: Ministrando aos galileus
 
Valorizando a obra de deus
Valorizando a obra de deusValorizando a obra de deus
Valorizando a obra de deus
 
Missões
MissõesMissões
Missões
 
Lição 2 - Deus o primeiro evangelista
Lição 2 - Deus o primeiro evangelistaLição 2 - Deus o primeiro evangelista
Lição 2 - Deus o primeiro evangelista
 
A inspiração de pedro 1
A inspiração de pedro 1A inspiração de pedro 1
A inspiração de pedro 1
 
Profetas Maiores
Profetas MaioresProfetas Maiores
Profetas Maiores
 
2021 2º trimestre jovem - lição 02
2021   2º trimestre jovem - lição 022021   2º trimestre jovem - lição 02
2021 2º trimestre jovem - lição 02
 
Propósito
PropósitoPropósito
Propósito
 
Lição 08 - Israel no Plano da Redenção
Lição 08 - Israel no Plano da RedençãoLição 08 - Israel no Plano da Redenção
Lição 08 - Israel no Plano da Redenção
 
O poder do lugar secreto de oração (david Wikerson
O poder do lugar secreto de oração (david WikersonO poder do lugar secreto de oração (david Wikerson
O poder do lugar secreto de oração (david Wikerson
 
“Passou a noite toda em oração a Deus”
“Passou a noite toda em oração a Deus”“Passou a noite toda em oração a Deus”
“Passou a noite toda em oração a Deus”
 
Sou Crente... E Agora, o Que Eu Faço?
Sou Crente... E Agora, o Que Eu Faço?Sou Crente... E Agora, o Que Eu Faço?
Sou Crente... E Agora, o Que Eu Faço?
 
Lição 2: Os caminhos de Deus
Lição 2: Os caminhos de DeusLição 2: Os caminhos de Deus
Lição 2: Os caminhos de Deus
 
2022 1º trimestre jovens lição 02
2022 1º trimestre jovens lição 022022 1º trimestre jovens lição 02
2022 1º trimestre jovens lição 02
 
Lição 4 - a comissão cultural e a grande comissão
Lição 4 - a comissão cultural e a grande comissãoLição 4 - a comissão cultural e a grande comissão
Lição 4 - a comissão cultural e a grande comissão
 
04 eliaseosprofetasdebaal
04 eliaseosprofetasdebaal04 eliaseosprofetasdebaal
04 eliaseosprofetasdebaal
 

Semelhante a Lição 4 - Jesus é superior a Josué. O meio de entrar no repouso de Deus

Lição 4 - Jesus é Superior a Josué - O meio de entrar no Repouso de Deus
Lição 4 - Jesus é Superior a Josué - O meio de entrar no Repouso de DeusLição 4 - Jesus é Superior a Josué - O meio de entrar no Repouso de Deus
Lição 4 - Jesus é Superior a Josué - O meio de entrar no Repouso de Deus
Éder Tomé
 
Vença e conquiste pela Palavra
Vença e conquiste pela PalavraVença e conquiste pela Palavra
Vença e conquiste pela Palavra
Josenilton Pinheiro Pinheiro
 
44468 os-fundamentos-corrigido
44468 os-fundamentos-corrigido44468 os-fundamentos-corrigido
44468 os-fundamentos-corrigido
Antonio Ferreira
 
44468 os-fundamentos-corrigido
44468 os-fundamentos-corrigido44468 os-fundamentos-corrigido
44468 os-fundamentos-corrigido
Antonio Ferreira
 
4º trimestre 2015 adolescentes lição 06
4º trimestre 2015 adolescentes lição 064º trimestre 2015 adolescentes lição 06
4º trimestre 2015 adolescentes lição 06
Joel Silva
 
4 MANEIRAS DE VOCÊ SER CURADO
4 MANEIRAS DE VOCÊ SER CURADO4 MANEIRAS DE VOCÊ SER CURADO
4 MANEIRAS DE VOCÊ SER CURADO
Juarez Fragata
 
Lição 3 - A superioridade de Jesus em relação a Moisés
Lição 3 - A superioridade de Jesus em relação a MoisésLição 3 - A superioridade de Jesus em relação a Moisés
Lição 3 - A superioridade de Jesus em relação a Moisés
Ailton da Silva
 
lição 9 - Habacuque, a Soberania Divina sobre as nações
lição 9 - Habacuque, a Soberania Divina sobre as naçõeslição 9 - Habacuque, a Soberania Divina sobre as nações
lição 9 - Habacuque, a Soberania Divina sobre as nações
Ailton da Silva
 
A súplica do espírito santo (charles haddon spurgeon)
A súplica do espírito santo (charles haddon spurgeon)A súplica do espírito santo (charles haddon spurgeon)
A súplica do espírito santo (charles haddon spurgeon)
Deusdete Soares
 
Enchimento do espírito santo emanuel rev01
Enchimento do espírito santo   emanuel rev01Enchimento do espírito santo   emanuel rev01
Enchimento do espírito santo emanuel rev01
Luiza Dayana
 
A palavra de deus não volta vazia 10 07 2005 - 15 dom. tempo comum - culto ...
A palavra de deus não volta vazia   10 07 2005 - 15 dom. tempo comum - culto ...A palavra de deus não volta vazia   10 07 2005 - 15 dom. tempo comum - culto ...
A palavra de deus não volta vazia 10 07 2005 - 15 dom. tempo comum - culto ...
Paulo Dias Nogueira
 
Dom de profecia
Dom de profeciaDom de profecia
Dom de profecia
Pastor Robson Colaço
 
Etapas Do Crescimento Modulo 3
Etapas Do Crescimento Modulo 3Etapas Do Crescimento Modulo 3
Etapas Do Crescimento Modulo 3
fogotv
 
Lição 4 Hebreus
Lição 4   HebreusLição 4   Hebreus
Os dons de elocução
Os dons de elocuçãoOs dons de elocução
Os dons de elocução
Ailton da Silva
 
Deus e a revelação_Resumo_Liç_242012_Esc_Sab.
Deus e a revelação_Resumo_Liç_242012_Esc_Sab.Deus e a revelação_Resumo_Liç_242012_Esc_Sab.
Deus e a revelação_Resumo_Liç_242012_Esc_Sab.
Gerson G. Ramos
 
5008118 curai-enfermos-e-expulsai-demonios-t-l-osborn-120624160506-phpapp01
5008118 curai-enfermos-e-expulsai-demonios-t-l-osborn-120624160506-phpapp015008118 curai-enfermos-e-expulsai-demonios-t-l-osborn-120624160506-phpapp01
5008118 curai-enfermos-e-expulsai-demonios-t-l-osborn-120624160506-phpapp01
GILMAR BASTOS
 
Lição 12 Confiando firmemente em Deus
Lição 12   Confiando firmemente em DeusLição 12   Confiando firmemente em Deus
Lição 12 Confiando firmemente em Deus
Wander Sousa
 
Estudo Bíblico - A Evidências de ser cheio do espírito santo de Deus.pptx
Estudo Bíblico - A Evidências de ser cheio do espírito santo de Deus.pptxEstudo Bíblico - A Evidências de ser cheio do espírito santo de Deus.pptx
Estudo Bíblico - A Evidências de ser cheio do espírito santo de Deus.pptx
vinicius252017
 
O descanso de_deus
O descanso de_deusO descanso de_deus
O descanso de_deus
Abraao Jaco
 

Semelhante a Lição 4 - Jesus é superior a Josué. O meio de entrar no repouso de Deus (20)

Lição 4 - Jesus é Superior a Josué - O meio de entrar no Repouso de Deus
Lição 4 - Jesus é Superior a Josué - O meio de entrar no Repouso de DeusLição 4 - Jesus é Superior a Josué - O meio de entrar no Repouso de Deus
Lição 4 - Jesus é Superior a Josué - O meio de entrar no Repouso de Deus
 
Vença e conquiste pela Palavra
Vença e conquiste pela PalavraVença e conquiste pela Palavra
Vença e conquiste pela Palavra
 
44468 os-fundamentos-corrigido
44468 os-fundamentos-corrigido44468 os-fundamentos-corrigido
44468 os-fundamentos-corrigido
 
44468 os-fundamentos-corrigido
44468 os-fundamentos-corrigido44468 os-fundamentos-corrigido
44468 os-fundamentos-corrigido
 
4º trimestre 2015 adolescentes lição 06
4º trimestre 2015 adolescentes lição 064º trimestre 2015 adolescentes lição 06
4º trimestre 2015 adolescentes lição 06
 
4 MANEIRAS DE VOCÊ SER CURADO
4 MANEIRAS DE VOCÊ SER CURADO4 MANEIRAS DE VOCÊ SER CURADO
4 MANEIRAS DE VOCÊ SER CURADO
 
Lição 3 - A superioridade de Jesus em relação a Moisés
Lição 3 - A superioridade de Jesus em relação a MoisésLição 3 - A superioridade de Jesus em relação a Moisés
Lição 3 - A superioridade de Jesus em relação a Moisés
 
lição 9 - Habacuque, a Soberania Divina sobre as nações
lição 9 - Habacuque, a Soberania Divina sobre as naçõeslição 9 - Habacuque, a Soberania Divina sobre as nações
lição 9 - Habacuque, a Soberania Divina sobre as nações
 
A súplica do espírito santo (charles haddon spurgeon)
A súplica do espírito santo (charles haddon spurgeon)A súplica do espírito santo (charles haddon spurgeon)
A súplica do espírito santo (charles haddon spurgeon)
 
Enchimento do espírito santo emanuel rev01
Enchimento do espírito santo   emanuel rev01Enchimento do espírito santo   emanuel rev01
Enchimento do espírito santo emanuel rev01
 
A palavra de deus não volta vazia 10 07 2005 - 15 dom. tempo comum - culto ...
A palavra de deus não volta vazia   10 07 2005 - 15 dom. tempo comum - culto ...A palavra de deus não volta vazia   10 07 2005 - 15 dom. tempo comum - culto ...
A palavra de deus não volta vazia 10 07 2005 - 15 dom. tempo comum - culto ...
 
Dom de profecia
Dom de profeciaDom de profecia
Dom de profecia
 
Etapas Do Crescimento Modulo 3
Etapas Do Crescimento Modulo 3Etapas Do Crescimento Modulo 3
Etapas Do Crescimento Modulo 3
 
Lição 4 Hebreus
Lição 4   HebreusLição 4   Hebreus
Lição 4 Hebreus
 
Os dons de elocução
Os dons de elocuçãoOs dons de elocução
Os dons de elocução
 
Deus e a revelação_Resumo_Liç_242012_Esc_Sab.
Deus e a revelação_Resumo_Liç_242012_Esc_Sab.Deus e a revelação_Resumo_Liç_242012_Esc_Sab.
Deus e a revelação_Resumo_Liç_242012_Esc_Sab.
 
5008118 curai-enfermos-e-expulsai-demonios-t-l-osborn-120624160506-phpapp01
5008118 curai-enfermos-e-expulsai-demonios-t-l-osborn-120624160506-phpapp015008118 curai-enfermos-e-expulsai-demonios-t-l-osborn-120624160506-phpapp01
5008118 curai-enfermos-e-expulsai-demonios-t-l-osborn-120624160506-phpapp01
 
Lição 12 Confiando firmemente em Deus
Lição 12   Confiando firmemente em DeusLição 12   Confiando firmemente em Deus
Lição 12 Confiando firmemente em Deus
 
Estudo Bíblico - A Evidências de ser cheio do espírito santo de Deus.pptx
Estudo Bíblico - A Evidências de ser cheio do espírito santo de Deus.pptxEstudo Bíblico - A Evidências de ser cheio do espírito santo de Deus.pptx
Estudo Bíblico - A Evidências de ser cheio do espírito santo de Deus.pptx
 
O descanso de_deus
O descanso de_deusO descanso de_deus
O descanso de_deus
 

Mais de Ailton da Silva

Lição 3 - Os primeiros passos de Abraão
Lição 3 - Os primeiros passos de AbraãoLição 3 - Os primeiros passos de Abraão
Lição 3 - Os primeiros passos de Abraão
Ailton da Silva
 
Lição 2 - O primeiro dia depois do sim
Lição 2 - O primeiro dia depois do simLição 2 - O primeiro dia depois do sim
Lição 2 - O primeiro dia depois do sim
Ailton da Silva
 
Lição 1 - Abraão, chamada e revelação
Lição 1 - Abraão, chamada e revelaçãoLição 1 - Abraão, chamada e revelação
Lição 1 - Abraão, chamada e revelação
Ailton da Silva
 
01 - A Carta aos hebreus e a excelência de Cristo
01 - A Carta aos hebreus e a excelência de Cristo01 - A Carta aos hebreus e a excelência de Cristo
01 - A Carta aos hebreus e a excelência de Cristo
Ailton da Silva
 
Lição 13 - Glorificados em Cristo
Lição 13 - Glorificados em CristoLição 13 - Glorificados em Cristo
Lição 13 - Glorificados em Cristo
Ailton da Silva
 
Lição 12 - Perseverando na fé
Lição 12 - Perseverando na féLição 12 - Perseverando na fé
Lição 12 - Perseverando na fé
Ailton da Silva
 
Lição 11 - Adotados por Deus
Lição 11 - Adotados por DeusLição 11 - Adotados por Deus
Lição 11 - Adotados por Deus
Ailton da Silva
 
Lição 10 - O processo da salvação
Lição 10 - O processo da salvaçãoLição 10 - O processo da salvação
Lição 10 - O processo da salvação
Ailton da Silva
 
Lição 9 - Arrependimento e fé para salvação
Lição 9 - Arrependimento e fé para salvaçãoLição 9 - Arrependimento e fé para salvação
Lição 9 - Arrependimento e fé para salvação
Ailton da Silva
 
Lição 8 - A salvação e o livre-arbítrio
Lição 8 - A salvação e o livre-arbítrioLição 8 - A salvação e o livre-arbítrio
Lição 8 - A salvação e o livre-arbítrio
Ailton da Silva
 
Lição 7 - A Salvação pela Graça
Lição 7 - A Salvação pela GraçaLição 7 - A Salvação pela Graça
Lição 7 - A Salvação pela Graça
Ailton da Silva
 
Lição 6 - A abrangência universal da salvação
Lição 6 - A abrangência universal da salvaçãoLição 6 - A abrangência universal da salvação
Lição 6 - A abrangência universal da salvação
Ailton da Silva
 
Lição 5 - A obra salvífica de Jesus Cristo
Lição 5 - A obra salvífica de Jesus CristoLição 5 - A obra salvífica de Jesus Cristo
Lição 5 - A obra salvífica de Jesus Cristo
Ailton da Silva
 
Lição 8 - A Igreja de Cristo
Lição 8 - A Igreja de CristoLição 8 - A Igreja de Cristo
Lição 8 - A Igreja de Cristo
Ailton da Silva
 
Lição 7 - A necessidade do novo nascimento
Lição 7 - A necessidade do novo nascimentoLição 7 - A necessidade do novo nascimento
Lição 7 - A necessidade do novo nascimento
Ailton da Silva
 
Lição 6 - A pecaminosidade humana e a sua restauração a Deus
Lição 6 - A pecaminosidade humana e a sua restauração a DeusLição 6 - A pecaminosidade humana e a sua restauração a Deus
Lição 6 - A pecaminosidade humana e a sua restauração a Deus
Ailton da Silva
 
Lição 5 - A identidade do Espírito Santo
Lição 5 - A identidade do Espírito SantoLição 5 - A identidade do Espírito Santo
Lição 5 - A identidade do Espírito Santo
Ailton da Silva
 
Lição 3 - A Santíssima Trindade: um só Deus em três pessoas
Lição 3 - A Santíssima Trindade: um só Deus em três pessoasLição 3 - A Santíssima Trindade: um só Deus em três pessoas
Lição 3 - A Santíssima Trindade: um só Deus em três pessoas
Ailton da Silva
 
Lição 2 - O Único Deus verdadeiro e a criação
Lição 2 - O Único Deus verdadeiro e a criaçãoLição 2 - O Único Deus verdadeiro e a criação
Lição 2 - O Único Deus verdadeiro e a criação
Ailton da Silva
 
Lição 11 - Maria, mãe de Jesus, uma serva humilde
Lição 11 - Maria, mãe de Jesus, uma serva humildeLição 11 - Maria, mãe de Jesus, uma serva humilde
Lição 11 - Maria, mãe de Jesus, uma serva humilde
Ailton da Silva
 

Mais de Ailton da Silva (20)

Lição 3 - Os primeiros passos de Abraão
Lição 3 - Os primeiros passos de AbraãoLição 3 - Os primeiros passos de Abraão
Lição 3 - Os primeiros passos de Abraão
 
Lição 2 - O primeiro dia depois do sim
Lição 2 - O primeiro dia depois do simLição 2 - O primeiro dia depois do sim
Lição 2 - O primeiro dia depois do sim
 
Lição 1 - Abraão, chamada e revelação
Lição 1 - Abraão, chamada e revelaçãoLição 1 - Abraão, chamada e revelação
Lição 1 - Abraão, chamada e revelação
 
01 - A Carta aos hebreus e a excelência de Cristo
01 - A Carta aos hebreus e a excelência de Cristo01 - A Carta aos hebreus e a excelência de Cristo
01 - A Carta aos hebreus e a excelência de Cristo
 
Lição 13 - Glorificados em Cristo
Lição 13 - Glorificados em CristoLição 13 - Glorificados em Cristo
Lição 13 - Glorificados em Cristo
 
Lição 12 - Perseverando na fé
Lição 12 - Perseverando na féLição 12 - Perseverando na fé
Lição 12 - Perseverando na fé
 
Lição 11 - Adotados por Deus
Lição 11 - Adotados por DeusLição 11 - Adotados por Deus
Lição 11 - Adotados por Deus
 
Lição 10 - O processo da salvação
Lição 10 - O processo da salvaçãoLição 10 - O processo da salvação
Lição 10 - O processo da salvação
 
Lição 9 - Arrependimento e fé para salvação
Lição 9 - Arrependimento e fé para salvaçãoLição 9 - Arrependimento e fé para salvação
Lição 9 - Arrependimento e fé para salvação
 
Lição 8 - A salvação e o livre-arbítrio
Lição 8 - A salvação e o livre-arbítrioLição 8 - A salvação e o livre-arbítrio
Lição 8 - A salvação e o livre-arbítrio
 
Lição 7 - A Salvação pela Graça
Lição 7 - A Salvação pela GraçaLição 7 - A Salvação pela Graça
Lição 7 - A Salvação pela Graça
 
Lição 6 - A abrangência universal da salvação
Lição 6 - A abrangência universal da salvaçãoLição 6 - A abrangência universal da salvação
Lição 6 - A abrangência universal da salvação
 
Lição 5 - A obra salvífica de Jesus Cristo
Lição 5 - A obra salvífica de Jesus CristoLição 5 - A obra salvífica de Jesus Cristo
Lição 5 - A obra salvífica de Jesus Cristo
 
Lição 8 - A Igreja de Cristo
Lição 8 - A Igreja de CristoLição 8 - A Igreja de Cristo
Lição 8 - A Igreja de Cristo
 
Lição 7 - A necessidade do novo nascimento
Lição 7 - A necessidade do novo nascimentoLição 7 - A necessidade do novo nascimento
Lição 7 - A necessidade do novo nascimento
 
Lição 6 - A pecaminosidade humana e a sua restauração a Deus
Lição 6 - A pecaminosidade humana e a sua restauração a DeusLição 6 - A pecaminosidade humana e a sua restauração a Deus
Lição 6 - A pecaminosidade humana e a sua restauração a Deus
 
Lição 5 - A identidade do Espírito Santo
Lição 5 - A identidade do Espírito SantoLição 5 - A identidade do Espírito Santo
Lição 5 - A identidade do Espírito Santo
 
Lição 3 - A Santíssima Trindade: um só Deus em três pessoas
Lição 3 - A Santíssima Trindade: um só Deus em três pessoasLição 3 - A Santíssima Trindade: um só Deus em três pessoas
Lição 3 - A Santíssima Trindade: um só Deus em três pessoas
 
Lição 2 - O Único Deus verdadeiro e a criação
Lição 2 - O Único Deus verdadeiro e a criaçãoLição 2 - O Único Deus verdadeiro e a criação
Lição 2 - O Único Deus verdadeiro e a criação
 
Lição 11 - Maria, mãe de Jesus, uma serva humilde
Lição 11 - Maria, mãe de Jesus, uma serva humildeLição 11 - Maria, mãe de Jesus, uma serva humilde
Lição 11 - Maria, mãe de Jesus, uma serva humilde
 

Último

Estrutura Pedagógica - Laboratório de Educação a Distância.ppt
Estrutura Pedagógica - Laboratório de Educação a Distância.pptEstrutura Pedagógica - Laboratório de Educação a Distância.ppt
Estrutura Pedagógica - Laboratório de Educação a Distância.ppt
livrosjovert
 
Atividades de Inglês e Espanhol para Imprimir - Alfabetinho
Atividades de Inglês e Espanhol para Imprimir - AlfabetinhoAtividades de Inglês e Espanhol para Imprimir - Alfabetinho
Atividades de Inglês e Espanhol para Imprimir - Alfabetinho
MateusTavares54
 
GÊNERO TEXTUAL - POEMA.pptx
GÊNERO      TEXTUAL     -     POEMA.pptxGÊNERO      TEXTUAL     -     POEMA.pptx
GÊNERO TEXTUAL - POEMA.pptx
Marlene Cunhada
 
Leis de Mendel - as ervilhas e a maneira simples de entender.ppt
Leis de Mendel - as ervilhas e a maneira simples de entender.pptLeis de Mendel - as ervilhas e a maneira simples de entender.ppt
Leis de Mendel - as ervilhas e a maneira simples de entender.ppt
PatriciaZanoli
 
Introdução à Sociologia: caça-palavras na escola
Introdução à Sociologia: caça-palavras na escolaIntrodução à Sociologia: caça-palavras na escola
Introdução à Sociologia: caça-palavras na escola
Professor Belinaso
 
000. Para rezar o terço - Junho - mês do Sagrado Coração de Jesús.pdf
000. Para rezar o terço - Junho - mês do Sagrado Coração de Jesús.pdf000. Para rezar o terço - Junho - mês do Sagrado Coração de Jesús.pdf
000. Para rezar o terço - Junho - mês do Sagrado Coração de Jesús.pdf
YeniferGarcia36
 
As sequências didáticas: práticas educativas
As sequências didáticas: práticas educativasAs sequências didáticas: práticas educativas
As sequências didáticas: práticas educativas
rloureiro1
 
Atividade de reforço de matemática 2º ano
Atividade de reforço de matemática 2º anoAtividade de reforço de matemática 2º ano
Atividade de reforço de matemática 2º ano
fernandacosta37763
 
Slides Lição 11, CPAD, A Realidade Bíblica do Inferno, 2Tr24.pptx
Slides Lição 11, CPAD, A Realidade Bíblica do Inferno, 2Tr24.pptxSlides Lição 11, CPAD, A Realidade Bíblica do Inferno, 2Tr24.pptx
Slides Lição 11, CPAD, A Realidade Bíblica do Inferno, 2Tr24.pptx
LuizHenriquedeAlmeid6
 
Livro: Pedagogia do Oprimido - Paulo Freire
Livro: Pedagogia do Oprimido - Paulo FreireLivro: Pedagogia do Oprimido - Paulo Freire
Livro: Pedagogia do Oprimido - Paulo Freire
WelberMerlinCardoso
 
347018542-PAULINA-CHIZIANE-Balada-de-Amor-ao-Vento-pdf.pdf
347018542-PAULINA-CHIZIANE-Balada-de-Amor-ao-Vento-pdf.pdf347018542-PAULINA-CHIZIANE-Balada-de-Amor-ao-Vento-pdf.pdf
347018542-PAULINA-CHIZIANE-Balada-de-Amor-ao-Vento-pdf.pdf
AntnioManuelAgdoma
 
Slides Lição 11, Central Gospel, Os Mortos Em CRISTO, 2Tr24.pptx
Slides Lição 11, Central Gospel, Os Mortos Em CRISTO, 2Tr24.pptxSlides Lição 11, Central Gospel, Os Mortos Em CRISTO, 2Tr24.pptx
Slides Lição 11, Central Gospel, Os Mortos Em CRISTO, 2Tr24.pptx
LuizHenriquedeAlmeid6
 
1ª LEI DE OHN, CARACTERISTICAS IMPORTANTES.
1ª LEI DE OHN, CARACTERISTICAS IMPORTANTES.1ª LEI DE OHN, CARACTERISTICAS IMPORTANTES.
1ª LEI DE OHN, CARACTERISTICAS IMPORTANTES.
LeticiaRochaCupaiol
 
A Evolução da história da Física - Albert Einstein
A Evolução da história da Física - Albert EinsteinA Evolução da história da Física - Albert Einstein
A Evolução da história da Física - Albert Einstein
WelberMerlinCardoso
 
2020_09_17 - Biomas Mundiais [Salvo automaticamente].pptx
2020_09_17 - Biomas Mundiais [Salvo automaticamente].pptx2020_09_17 - Biomas Mundiais [Salvo automaticamente].pptx
2020_09_17 - Biomas Mundiais [Salvo automaticamente].pptx
PatriciaZanoli
 
Reino-Vegetal plantas e demais conceitos .pptx
Reino-Vegetal plantas e demais conceitos .pptxReino-Vegetal plantas e demais conceitos .pptx
Reino-Vegetal plantas e demais conceitos .pptx
CarinaSantos916505
 
O Mito da Caverna de Platão_ Uma Jornada em Busca da Verdade.pdf
O Mito da Caverna de Platão_ Uma Jornada em Busca da Verdade.pdfO Mito da Caverna de Platão_ Uma Jornada em Busca da Verdade.pdf
O Mito da Caverna de Platão_ Uma Jornada em Busca da Verdade.pdf
silvamelosilva300
 
Cartinhas de solidariedade e esperança.pptx
Cartinhas de solidariedade e esperança.pptxCartinhas de solidariedade e esperança.pptx
Cartinhas de solidariedade e esperança.pptx
Zenir Carmen Bez Trombeta
 
D20 - Descritores SAEB de Língua Portuguesa
D20 - Descritores SAEB de Língua PortuguesaD20 - Descritores SAEB de Língua Portuguesa
D20 - Descritores SAEB de Língua Portuguesa
eaiprofpolly
 
1_10_06_2024_Criança e Cultura Escrita, Ana Maria de Oliveira Galvão.pdf
1_10_06_2024_Criança e Cultura Escrita, Ana Maria de Oliveira Galvão.pdf1_10_06_2024_Criança e Cultura Escrita, Ana Maria de Oliveira Galvão.pdf
1_10_06_2024_Criança e Cultura Escrita, Ana Maria de Oliveira Galvão.pdf
SILVIAREGINANAZARECA
 

Último (20)

Estrutura Pedagógica - Laboratório de Educação a Distância.ppt
Estrutura Pedagógica - Laboratório de Educação a Distância.pptEstrutura Pedagógica - Laboratório de Educação a Distância.ppt
Estrutura Pedagógica - Laboratório de Educação a Distância.ppt
 
Atividades de Inglês e Espanhol para Imprimir - Alfabetinho
Atividades de Inglês e Espanhol para Imprimir - AlfabetinhoAtividades de Inglês e Espanhol para Imprimir - Alfabetinho
Atividades de Inglês e Espanhol para Imprimir - Alfabetinho
 
GÊNERO TEXTUAL - POEMA.pptx
GÊNERO      TEXTUAL     -     POEMA.pptxGÊNERO      TEXTUAL     -     POEMA.pptx
GÊNERO TEXTUAL - POEMA.pptx
 
Leis de Mendel - as ervilhas e a maneira simples de entender.ppt
Leis de Mendel - as ervilhas e a maneira simples de entender.pptLeis de Mendel - as ervilhas e a maneira simples de entender.ppt
Leis de Mendel - as ervilhas e a maneira simples de entender.ppt
 
Introdução à Sociologia: caça-palavras na escola
Introdução à Sociologia: caça-palavras na escolaIntrodução à Sociologia: caça-palavras na escola
Introdução à Sociologia: caça-palavras na escola
 
000. Para rezar o terço - Junho - mês do Sagrado Coração de Jesús.pdf
000. Para rezar o terço - Junho - mês do Sagrado Coração de Jesús.pdf000. Para rezar o terço - Junho - mês do Sagrado Coração de Jesús.pdf
000. Para rezar o terço - Junho - mês do Sagrado Coração de Jesús.pdf
 
As sequências didáticas: práticas educativas
As sequências didáticas: práticas educativasAs sequências didáticas: práticas educativas
As sequências didáticas: práticas educativas
 
Atividade de reforço de matemática 2º ano
Atividade de reforço de matemática 2º anoAtividade de reforço de matemática 2º ano
Atividade de reforço de matemática 2º ano
 
Slides Lição 11, CPAD, A Realidade Bíblica do Inferno, 2Tr24.pptx
Slides Lição 11, CPAD, A Realidade Bíblica do Inferno, 2Tr24.pptxSlides Lição 11, CPAD, A Realidade Bíblica do Inferno, 2Tr24.pptx
Slides Lição 11, CPAD, A Realidade Bíblica do Inferno, 2Tr24.pptx
 
Livro: Pedagogia do Oprimido - Paulo Freire
Livro: Pedagogia do Oprimido - Paulo FreireLivro: Pedagogia do Oprimido - Paulo Freire
Livro: Pedagogia do Oprimido - Paulo Freire
 
347018542-PAULINA-CHIZIANE-Balada-de-Amor-ao-Vento-pdf.pdf
347018542-PAULINA-CHIZIANE-Balada-de-Amor-ao-Vento-pdf.pdf347018542-PAULINA-CHIZIANE-Balada-de-Amor-ao-Vento-pdf.pdf
347018542-PAULINA-CHIZIANE-Balada-de-Amor-ao-Vento-pdf.pdf
 
Slides Lição 11, Central Gospel, Os Mortos Em CRISTO, 2Tr24.pptx
Slides Lição 11, Central Gospel, Os Mortos Em CRISTO, 2Tr24.pptxSlides Lição 11, Central Gospel, Os Mortos Em CRISTO, 2Tr24.pptx
Slides Lição 11, Central Gospel, Os Mortos Em CRISTO, 2Tr24.pptx
 
1ª LEI DE OHN, CARACTERISTICAS IMPORTANTES.
1ª LEI DE OHN, CARACTERISTICAS IMPORTANTES.1ª LEI DE OHN, CARACTERISTICAS IMPORTANTES.
1ª LEI DE OHN, CARACTERISTICAS IMPORTANTES.
 
A Evolução da história da Física - Albert Einstein
A Evolução da história da Física - Albert EinsteinA Evolução da história da Física - Albert Einstein
A Evolução da história da Física - Albert Einstein
 
2020_09_17 - Biomas Mundiais [Salvo automaticamente].pptx
2020_09_17 - Biomas Mundiais [Salvo automaticamente].pptx2020_09_17 - Biomas Mundiais [Salvo automaticamente].pptx
2020_09_17 - Biomas Mundiais [Salvo automaticamente].pptx
 
Reino-Vegetal plantas e demais conceitos .pptx
Reino-Vegetal plantas e demais conceitos .pptxReino-Vegetal plantas e demais conceitos .pptx
Reino-Vegetal plantas e demais conceitos .pptx
 
O Mito da Caverna de Platão_ Uma Jornada em Busca da Verdade.pdf
O Mito da Caverna de Platão_ Uma Jornada em Busca da Verdade.pdfO Mito da Caverna de Platão_ Uma Jornada em Busca da Verdade.pdf
O Mito da Caverna de Platão_ Uma Jornada em Busca da Verdade.pdf
 
Cartinhas de solidariedade e esperança.pptx
Cartinhas de solidariedade e esperança.pptxCartinhas de solidariedade e esperança.pptx
Cartinhas de solidariedade e esperança.pptx
 
D20 - Descritores SAEB de Língua Portuguesa
D20 - Descritores SAEB de Língua PortuguesaD20 - Descritores SAEB de Língua Portuguesa
D20 - Descritores SAEB de Língua Portuguesa
 
1_10_06_2024_Criança e Cultura Escrita, Ana Maria de Oliveira Galvão.pdf
1_10_06_2024_Criança e Cultura Escrita, Ana Maria de Oliveira Galvão.pdf1_10_06_2024_Criança e Cultura Escrita, Ana Maria de Oliveira Galvão.pdf
1_10_06_2024_Criança e Cultura Escrita, Ana Maria de Oliveira Galvão.pdf
 

Lição 4 - Jesus é superior a Josué. O meio de entrar no repouso de Deus

  • 1.
  • 2. Escola Bíblica Dominical A Palavra de Deus revelada na Terra – aos homens de boa vontade Álvares Machado (SP) – Brasil “Procuremos, pois, entrar naquele repouso, para que ninguém caia no mesmo exemplo de desobediência”. TEXTO ÁUREO
  • 3. O descanso provido por Josué foi terreno, temporário e incompleto; o descanso provido por Cristo é celestial, eterno e completo. Escola Bíblica Dominical A Palavra de Deus revelada na Terra – aos homens de boa vontade Álvares Machado (SP) – Brasil VERDADE PRÁTICA
  • 4. 1 — Temamos, pois, que, porventura, deixada a promessa de entrar no seu repouso, pareça que algum de vós fique para trás. 2 — Porque também a nós foram pregadas as boas-novas, como a eles, mas a palavra da pregação nada lhes ?aproveitou, porquanto não estava misturada com a fé naqueles que a ouviram. 3 — Porque nós, os que temos crido, entramos no repouso, tal como disse: Assim, jurei na minha ira que não entrarão no meu repouso; embora as suas obras estivessem acabadas desde a fundação do mundo. Escola Bíblica Dominical A Palavra de Deus revelada na Terra – aos homens de boa vontade Álvares Machado (SP) – Brasil LEITURA BÍBLICA EM CLASSE Hb 4.1-13
  • 5. 4 — Porque, em certo lugar, disse assim do dia sétimo: E repousou Deus de todas as suas obras no sétimo dia. 5 — E outra vez neste lugar: Não entrarão no meu repouso. 6 — Visto, pois, que resta que alguns entrem nele e que aqueles a quem primeiro foram pregadas as boas- novas não entraram por causa da desobediência, 7 — determina, outra vez, um certo dia, Hoje, dizendo por Davi, muito tempo depois, como está dito: Hoje, se ouvirdes a sua voz, não endureçais o vosso coração. 8 — Porque, se Josué lhes houvesse dado repouso, não falaria, depois disso, de outro dia. Escola Bíblica Dominical A Palavra de Deus revelada na Terra – aos homens de boa vontade Álvares Machado (SP) – Brasil LEITURA BÍBLICA EM CLASSE Hb 4.1-13
  • 6. 9 — Portanto, resta ainda um repouso para o povo de Deus. 10 — Porque aquele que entrou no seu repouso, ele próprio repousou de suas obras, como Deus das suas. 11 — Procuremos, pois, entrar naquele repouso, para que ninguém caia no mesmo exemplo de desobediência. 12 — Porque a palavra de Deus é viva, e eficaz, e mais penetrante do que qualquer espada de dois gumes, e penetra até à divisão da alma, e do espírito, e das juntas e medulas, e é apta para discernir os pensamentos e intenções do coração. 13 — E não há criatura alguma encoberta diante dele; antes, todas as coisas estão nuas e patentes aos olhos daquele com quem temos de tratar. Escola Bíblica Dominical A Palavra de Deus revelada na Terra – aos homens de boa vontade Álvares Machado (SP) – Brasil LEITURA BÍBLICA EM CLASSE Hb 4.1-13
  • 7. A conquista de Cana, segundo o autor da Carta aos Hebreus, é um tipo da Canaã celestial. Deus havia prometido a conquista da terra a Moisés e Josué, mas a incredulidade e a desobediência, somadas à falta de ânimo, fizeram com que o povo não vivesse as promessas de Deus em sua plenitude. O mesmo processo estava se repetindo com os crentes da Nova Aliança e pelas mesmas razões. Escola Bíblica Dominical A Palavra de Deus revelada na Terra – aos homens de boa vontade Álvares Machado (SP) – Brasil INTRODUÇÃO
  • 8. 1. UMA MENSAGEM QUE DEVE SER RECEBIDA PELA FÉ. • Grande verdade: “as boas-novas foram pregadas”; • Muitos ficaram de fora da promessa nos dias de Josué; • A mensagem não foi recebida com fé. 2. UMA MENSAGEM FUNDAMENTADA NA OBEDIÊNCIA. • Os que ouviram primeiro não entraram em Canaã; • Motivo: a incredulidade dos filhos da desobediência; • O crente, quando não crê, age como o incrédulo. 3. UMA MENSAGEM QUE CONDUZ À CONTRIÇÃO. • A mensagem de Deus necessita corações receptivos; • “Hoje, se ouvirdes...não endureçais o vosso coração”; • É o homem, e não Deus, que endurece o coração. Escola Bíblica Dominical A Palavra de Deus revelada na Terra – aos homens de boa vontade Álvares Machado (SP) – Brasil I – JESUS PROVEU UMA MENSAGEM SUPERIOR A DE JOSUÉ
  • 9. 1. UM DESCANSO TOTAL. • Josué conquistou ou não Canaã? Conquistou! • O descanso de Josué antecedeu o pleno controle; • O descanso provido por Jesus foi completo e total. 2. UM DESCANSO REAL. • Conquista de Canaã – sombra da obra de Jesus; • O descanso para o povo de Deus foi provido por Jesus; • Este repouso é uma realidade presente e completa. 3. UM DESCANSO ETERNO. • O descanso provido por Josué foi também temporário; • “Portanto, resta ainda um repouso” para o povo; • O descanso não é aqui! O futuro aguarda a plenitude. Escola Bíblica Dominical A Palavra de Deus revelada na Terra – aos homens de boa vontade Álvares Machado (SP) – Brasil II – JESUS PROVEU UM DESCANSO SUPERIOR AO DE JOSUÉ
  • 10. 1. UMA PALAVRA VIVA. • A geração do Êxodo ouviu as boas-novas de Deus; • Os hebreus não souberam se portar diante da Palavra; • Jesus afirmou que suas palavras “são espírito e vida”. 2. UMA PALAVRA EFICAZ. • A Palavra de Deus é viva, ela produz vida e é eficaz; • Ela produz resultados e permanece para sempre; • Assim é a Palavra que sai da “boca de Deus”. 3. UMA PALAVRA PENETRANTE. • A Palavra é um instrumento vivo, eficaz e cortante; • A Palavra de Deus não fica na superfície, vai além; • Deveríamos ser mais prontos à responder a Palavra. Escola Bíblica Dominical A Palavra de Deus revelada na Terra – aos homens de boa vontade Álvares Machado (SP) – Brasil III – JESUS PROVEU UMA ORIENTAÇÃO SUPERIOR A DE JOSUÉ
  • 11. O problema, portanto, não é se cansar, mas permitir que fatores diversos interrompam a nossa jornada de fé. Com os israelitas o desânimo veio como consequência da infidelidade, incredulidade e desobediência. As mesmas coisas podem acontecer conosco se não atentarmos para a santa, viva e eficaz Palavra de Deus. Contatos: ailtonsilva2000@gmail.com ailtonsilva2000.blogspot.com.br Álvares Machado (SP) – 1º trim. 2018 WatsApp (18) 99790-3718 (Vivo) Escola Bíblica Dominical A Palavra de Deus revelada na Terra – aos homens de boa vontade Álvares Machado (SP) – Brasil CONCLUSÃO