SlideShare uma empresa Scribd logo
Introdução
Os fósseis são os restos de antigos organismos ou as manifestações da sua atividade
que ficaram mais ou menos bem conservados nas rochas. Esta conservação do fóssil
ocorre graças aos fenómenos da natureza (gelo, argila, aridez do solo). Esta
conservação acontece de forma natural. As condições mais favoráveis á fossilização
ocorrem quando o ser vivo é rapidamente coberto por sedimentos, a existência de
partes duras e temperatura baixa.

A fossilização é um conjunto de fenómenos físicos, químicos e biológicos que
permitem a formação de um fóssil. E os fósseis podem-se fossilizar de 4 formas
diferentes: conservação, mineralização, moldagem e marcas. A que está proposta
neste trabalho é a moldagem. E a moldagem é o processo em que o organismo acaba
por desaparecer deixando, nas rochas, a sua marca, ou seja o ser vivo fica moldado
na rocha.

Os fósseis são muito importantes pois servem para identificar o paleoambiente,
gerador das rochas sedimentares, a sua idade relativa, o movimento dos continentes,
a variação do clima da Terra, procurar entender como surgiu a grande diversidade de
organismos, o entendimento dos processos que controlaram a evolução e dispersão
dos organismos por toda Terra(são úteis para a compreensão de temas como o
surgimento da vida, surgimento de novas espécies, crises biológicas, etc.), entre
outras mais coisas!

Também existem outros tipos de fosseis: os vivos, que são organismos que não se
alteraram durante milhões de anos, os de idade, que servem para indicarem a idade
das rochas em que se encontram; mas nem todos são de idade pois têm que ter sido
muito abundantes numa ampla distribuição geográfica e que tenham vivido durante
um certo período de tempo geológico; e fósseis de ambiente ou fósseis de fácies que
permitem conhecermos as condições de ambiente em que eles se formaram e em que
se formaram os estratos sedimentares que os possuem.

Também existem 4 princípios geológicos: da horizontalidade, da sobreposição, da
intersecção e da identidade paleontológica. O princípio da horizontalidade prova que
todos os estratos se formam na horizontal. O princípio da sobreposição prova que a
camada mais antiga está por baixo e a mais recente por cima. O princípio da
intersecção prova que a intercepção é mais recente que a camada que intercepta. E
por fim,o princípio da Identidade Paleontológica prova que os estratos que
apresentam os mesmos fosseis tem a merma idade.

Curiosidade – Intrusões são rochas magmáticas que solidificam no interior, onde se
conseguem formar cristais, nas partes mais fracas dos estratos/camadas
Introdução (produção de moldes)

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

A terra conta a sua história os fósseis
A terra conta a sua história   os fósseisA terra conta a sua história   os fósseis
A terra conta a sua história os fósseis
Bárbara Pereira
 
HistóRia Da Terra
HistóRia Da TerraHistóRia Da Terra
HistóRia Da Terra
Isabel Lopes
 
fósseis - 7º ano
fósseis - 7º anofósseis - 7º ano
fósseis - 7º ano
olgacacao
 
Trabalho de fosseis
Trabalho de fosseisTrabalho de fosseis
Trabalho de fosseis
Luciano Ferraz
 
Fósseis de Fácies
Fósseis de FáciesFósseis de Fácies
Fósseis de Fácies
Teresa Monteiro
 
Terra historia parte 2
Terra historia  parte 2Terra historia  parte 2
P Pdo Jant..[1]
P Pdo Jant..[1]P Pdo Jant..[1]
P Pdo Jant..[1]
8ºC
 
A terra conta a sua história ii
A terra conta a sua história iiA terra conta a sua história ii
A terra conta a sua história ii
Bárbara Pereira
 
História da vida na terra
História da vida na terraHistória da vida na terra
História da vida na terra
Cláudia Moura
 
Os fósseis
Os fósseisOs fósseis
Os fósseis
Catir
 
Fosseis
FosseisFosseis
Os fósseis
Os fósseisOs fósseis
Os fósseis
Mokida
 
Fosseis
FosseisFosseis
Fosseis
cpfss
 
História da terra
História da terraHistória da terra
História da terra
novaisdias
 
Fosseis e Datação ras Rochas
Fosseis e Datação ras RochasFosseis e Datação ras Rochas
Fosseis e Datação ras Rochas
Sérgio Luiz
 
Ficha de Trabalho "Grandes Etapas da História da Terra" - 7.ºano
Ficha de Trabalho "Grandes Etapas da História da Terra" - 7.ºanoFicha de Trabalho "Grandes Etapas da História da Terra" - 7.ºano
Ficha de Trabalho "Grandes Etapas da História da Terra" - 7.ºano
Maria Rocha R
 
Relatório científico- Fósseis
Relatório científico- FósseisRelatório científico- Fósseis
Relatório científico- Fósseis
Machado6
 
Fósseis 3º ano
Fósseis 3º anoFósseis 3º ano
Fósseis 3º ano
Luciana Blum
 
P Pdo Jant..
P Pdo Jant..P Pdo Jant..
P Pdo Jant..
8ºC
 
Tempo Geológico/ Fósseis/ Estratigrafia
Tempo Geológico/ Fósseis/ EstratigrafiaTempo Geológico/ Fósseis/ Estratigrafia
Tempo Geológico/ Fósseis/ Estratigrafia
anabela
 

Mais procurados (20)

A terra conta a sua história os fósseis
A terra conta a sua história   os fósseisA terra conta a sua história   os fósseis
A terra conta a sua história os fósseis
 
HistóRia Da Terra
HistóRia Da TerraHistóRia Da Terra
HistóRia Da Terra
 
fósseis - 7º ano
fósseis - 7º anofósseis - 7º ano
fósseis - 7º ano
 
Trabalho de fosseis
Trabalho de fosseisTrabalho de fosseis
Trabalho de fosseis
 
Fósseis de Fácies
Fósseis de FáciesFósseis de Fácies
Fósseis de Fácies
 
Terra historia parte 2
Terra historia  parte 2Terra historia  parte 2
Terra historia parte 2
 
P Pdo Jant..[1]
P Pdo Jant..[1]P Pdo Jant..[1]
P Pdo Jant..[1]
 
A terra conta a sua história ii
A terra conta a sua história iiA terra conta a sua história ii
A terra conta a sua história ii
 
História da vida na terra
História da vida na terraHistória da vida na terra
História da vida na terra
 
Os fósseis
Os fósseisOs fósseis
Os fósseis
 
Fosseis
FosseisFosseis
Fosseis
 
Os fósseis
Os fósseisOs fósseis
Os fósseis
 
Fosseis
FosseisFosseis
Fosseis
 
História da terra
História da terraHistória da terra
História da terra
 
Fosseis e Datação ras Rochas
Fosseis e Datação ras RochasFosseis e Datação ras Rochas
Fosseis e Datação ras Rochas
 
Ficha de Trabalho "Grandes Etapas da História da Terra" - 7.ºano
Ficha de Trabalho "Grandes Etapas da História da Terra" - 7.ºanoFicha de Trabalho "Grandes Etapas da História da Terra" - 7.ºano
Ficha de Trabalho "Grandes Etapas da História da Terra" - 7.ºano
 
Relatório científico- Fósseis
Relatório científico- FósseisRelatório científico- Fósseis
Relatório científico- Fósseis
 
Fósseis 3º ano
Fósseis 3º anoFósseis 3º ano
Fósseis 3º ano
 
P Pdo Jant..
P Pdo Jant..P Pdo Jant..
P Pdo Jant..
 
Tempo Geológico/ Fósseis/ Estratigrafia
Tempo Geológico/ Fósseis/ EstratigrafiaTempo Geológico/ Fósseis/ Estratigrafia
Tempo Geológico/ Fósseis/ Estratigrafia
 

Semelhante a Introdução (produção de moldes)

ciclodasrochas_2.doc
ciclodasrochas_2.docciclodasrochas_2.doc
ciclodasrochas_2.doc
carlotapontes2
 
Fósseis
FósseisFósseis
Fósseis
Alexandra Xana
 
Fosseis
FosseisFosseis
Fosseis
Sabina Tique
 
Fosseis
FosseisFosseis
Fosseis
Sabina Tique
 
A terra conta a sua história
A terra conta a sua históriaA terra conta a sua história
A terra conta a sua história
Mara Linda Santos Manuel
 
Praia Carcavelos Alunos
Praia Carcavelos AlunosPraia Carcavelos Alunos
Praia Carcavelos Alunos
Ministério da Educação
 
Fosseis 1 cópia
Fosseis 1   cópiaFosseis 1   cópia
Fosseis 1 cópia
Pelo Siro
 
Datação Das Rochas
 Datação Das Rochas Datação Das Rochas
Datação Das Rochas
tmar
 
Os fósseis
Os fósseisOs fósseis
Os fósseis
MINEDU
 
Fósseis
FósseisFósseis
Fósseis
Catir
 
CiêNcias Naturais
CiêNcias NaturaisCiêNcias Naturais
CiêNcias Naturais
8ºC
 
P Pdo Jant..[1]
P Pdo Jant..[1]P Pdo Jant..[1]
P Pdo Jant..[1]
8ºC
 
7º 2.1.
7º 2.1.7º 2.1.
7º 2.1.
Nuno Coelho
 
Fósseis e História da Terra
Fósseis e História da TerraFósseis e História da Terra
Fósseis e História da Terra
Eduardo1
 
Fosseis
FosseisFosseis
Fósseis - Alinne Borges
Fósseis - Alinne BorgesFósseis - Alinne Borges
Fósseis - Alinne Borges
7 de Setembro
 
A Terra conta a sua historia
A Terra conta a sua historiaA Terra conta a sua historia
A Terra conta a sua historia
Leonardo Alves
 
1VF VERÔNICA GEOLOGIA
1VF VERÔNICA GEOLOGIA1VF VERÔNICA GEOLOGIA
1VF VERÔNICA GEOLOGIA
CETEP RECÔNCAVO SAJ/BAHIA
 
Trabalho de fosseis
Trabalho de fosseisTrabalho de fosseis
Trabalho de fosseis
Luciano Ferraz
 
7a série da evolução à extinção parte 1 atualizada (até o período permiano)
7a série   da evolução à extinção parte 1 atualizada (até o período permiano)7a série   da evolução à extinção parte 1 atualizada (até o período permiano)
7a série da evolução à extinção parte 1 atualizada (até o período permiano)
SESI 422 - Americana
 

Semelhante a Introdução (produção de moldes) (20)

ciclodasrochas_2.doc
ciclodasrochas_2.docciclodasrochas_2.doc
ciclodasrochas_2.doc
 
Fósseis
FósseisFósseis
Fósseis
 
Fosseis
FosseisFosseis
Fosseis
 
Fosseis
FosseisFosseis
Fosseis
 
A terra conta a sua história
A terra conta a sua históriaA terra conta a sua história
A terra conta a sua história
 
Praia Carcavelos Alunos
Praia Carcavelos AlunosPraia Carcavelos Alunos
Praia Carcavelos Alunos
 
Fosseis 1 cópia
Fosseis 1   cópiaFosseis 1   cópia
Fosseis 1 cópia
 
Datação Das Rochas
 Datação Das Rochas Datação Das Rochas
Datação Das Rochas
 
Os fósseis
Os fósseisOs fósseis
Os fósseis
 
Fósseis
FósseisFósseis
Fósseis
 
CiêNcias Naturais
CiêNcias NaturaisCiêNcias Naturais
CiêNcias Naturais
 
P Pdo Jant..[1]
P Pdo Jant..[1]P Pdo Jant..[1]
P Pdo Jant..[1]
 
7º 2.1.
7º 2.1.7º 2.1.
7º 2.1.
 
Fósseis e História da Terra
Fósseis e História da TerraFósseis e História da Terra
Fósseis e História da Terra
 
Fosseis
FosseisFosseis
Fosseis
 
Fósseis - Alinne Borges
Fósseis - Alinne BorgesFósseis - Alinne Borges
Fósseis - Alinne Borges
 
A Terra conta a sua historia
A Terra conta a sua historiaA Terra conta a sua historia
A Terra conta a sua historia
 
1VF VERÔNICA GEOLOGIA
1VF VERÔNICA GEOLOGIA1VF VERÔNICA GEOLOGIA
1VF VERÔNICA GEOLOGIA
 
Trabalho de fosseis
Trabalho de fosseisTrabalho de fosseis
Trabalho de fosseis
 
7a série da evolução à extinção parte 1 atualizada (até o período permiano)
7a série   da evolução à extinção parte 1 atualizada (até o período permiano)7a série   da evolução à extinção parte 1 atualizada (até o período permiano)
7a série da evolução à extinção parte 1 atualizada (até o período permiano)
 

Mais de Sasuke Sakura

Estatística
Estatística Estatística
Estatística
Sasuke Sakura
 
Era Paleozóica
Era PaleozóicaEra Paleozóica
Era Paleozóica
Sasuke Sakura
 
Relatório de ciências
Relatório de ciências Relatório de ciências
Relatório de ciências
Sasuke Sakura
 
Facebook
Facebook Facebook
Facebook
Sasuke Sakura
 
Estrutura interna da Terra
Estrutura interna da TerraEstrutura interna da Terra
Estrutura interna da Terra
Sasuke Sakura
 
Estatística
Estatística Estatística
Estatística
Sasuke Sakura
 
Doping
Doping Doping
Doping
Sasuke Sakura
 
Cientista
CientistaCientista
Cientista
Sasuke Sakura
 
A vizinha
A vizinha A vizinha
A vizinha
Sasuke Sakura
 
A nossa estatística (2)
A nossa estatística (2)A nossa estatística (2)
A nossa estatística (2)
Sasuke Sakura
 
A nossa estatística
A nossa estatística  A nossa estatística
A nossa estatística
Sasuke Sakura
 
A célula
A célula A célula
A célula
Sasuke Sakura
 
Um conflito inesperado
Um conflito inesperadoUm conflito inesperado
Um conflito inesperado
Sasuke Sakura
 
Resultados (Vulcanismo)
Resultados (Vulcanismo)Resultados (Vulcanismo)
Resultados (Vulcanismo)
Sasuke Sakura
 
Resultados 3 (Vulcanismo)
Resultados 3 (Vulcanismo)Resultados 3 (Vulcanismo)
Resultados 3 (Vulcanismo)
Sasuke Sakura
 
Resultados 2 (Vulcanismo)
Resultados 2 (Vulcanismo)Resultados 2 (Vulcanismo)
Resultados 2 (Vulcanismo)
Sasuke Sakura
 
Material (Vulcanismo)
Material (Vulcanismo)Material (Vulcanismo)
Material (Vulcanismo)
Sasuke Sakura
 
Material 3 (Vulcanismo)
Material 3 (Vulcanismo)Material 3 (Vulcanismo)
Material 3 (Vulcanismo)
Sasuke Sakura
 
Material 2 (Vulcanismo)
Material 2 (Vulcanismo)Material 2 (Vulcanismo)
Material 2 (Vulcanismo)
Sasuke Sakura
 
Introdução (Vulcanismo)
Introdução (Vulcanismo)Introdução (Vulcanismo)
Introdução (Vulcanismo)
Sasuke Sakura
 

Mais de Sasuke Sakura (20)

Estatística
Estatística Estatística
Estatística
 
Era Paleozóica
Era PaleozóicaEra Paleozóica
Era Paleozóica
 
Relatório de ciências
Relatório de ciências Relatório de ciências
Relatório de ciências
 
Facebook
Facebook Facebook
Facebook
 
Estrutura interna da Terra
Estrutura interna da TerraEstrutura interna da Terra
Estrutura interna da Terra
 
Estatística
Estatística Estatística
Estatística
 
Doping
Doping Doping
Doping
 
Cientista
CientistaCientista
Cientista
 
A vizinha
A vizinha A vizinha
A vizinha
 
A nossa estatística (2)
A nossa estatística (2)A nossa estatística (2)
A nossa estatística (2)
 
A nossa estatística
A nossa estatística  A nossa estatística
A nossa estatística
 
A célula
A célula A célula
A célula
 
Um conflito inesperado
Um conflito inesperadoUm conflito inesperado
Um conflito inesperado
 
Resultados (Vulcanismo)
Resultados (Vulcanismo)Resultados (Vulcanismo)
Resultados (Vulcanismo)
 
Resultados 3 (Vulcanismo)
Resultados 3 (Vulcanismo)Resultados 3 (Vulcanismo)
Resultados 3 (Vulcanismo)
 
Resultados 2 (Vulcanismo)
Resultados 2 (Vulcanismo)Resultados 2 (Vulcanismo)
Resultados 2 (Vulcanismo)
 
Material (Vulcanismo)
Material (Vulcanismo)Material (Vulcanismo)
Material (Vulcanismo)
 
Material 3 (Vulcanismo)
Material 3 (Vulcanismo)Material 3 (Vulcanismo)
Material 3 (Vulcanismo)
 
Material 2 (Vulcanismo)
Material 2 (Vulcanismo)Material 2 (Vulcanismo)
Material 2 (Vulcanismo)
 
Introdução (Vulcanismo)
Introdução (Vulcanismo)Introdução (Vulcanismo)
Introdução (Vulcanismo)
 

Último

Educação trabalho HQ em sala de aula uma excelente ideia
Educação  trabalho HQ em sala de aula uma excelente  ideiaEducação  trabalho HQ em sala de aula uma excelente  ideia
Educação trabalho HQ em sala de aula uma excelente ideia
joseanesouza36
 
REGULAMENTO DO CONCURSO DESENHOS AFRO/2024 - 14ª edição - CEIRI /UREI (ficha...
REGULAMENTO  DO CONCURSO DESENHOS AFRO/2024 - 14ª edição - CEIRI /UREI (ficha...REGULAMENTO  DO CONCURSO DESENHOS AFRO/2024 - 14ª edição - CEIRI /UREI (ficha...
REGULAMENTO DO CONCURSO DESENHOS AFRO/2024 - 14ª edição - CEIRI /UREI (ficha...
Eró Cunha
 
Introdução à Sociologia: caça-palavras na escola
Introdução à Sociologia: caça-palavras na escolaIntrodução à Sociologia: caça-palavras na escola
Introdução à Sociologia: caça-palavras na escola
Professor Belinaso
 
slides de Didática 2.pdf para apresentar
slides de Didática 2.pdf para apresentarslides de Didática 2.pdf para apresentar
slides de Didática 2.pdf para apresentar
JoeteCarvalho
 
UFCD_4667_Preparação e confeção de molhos e fundos de cozinha_índice.pdf
UFCD_4667_Preparação e confeção de molhos e fundos de cozinha_índice.pdfUFCD_4667_Preparação e confeção de molhos e fundos de cozinha_índice.pdf
UFCD_4667_Preparação e confeção de molhos e fundos de cozinha_índice.pdf
Manuais Formação
 
Slides Lição 12, CPAD, A Bendita Esperança, A Marca do Cristão, 2Tr24.pptx
Slides Lição 12, CPAD, A Bendita Esperança, A Marca do Cristão, 2Tr24.pptxSlides Lição 12, CPAD, A Bendita Esperança, A Marca do Cristão, 2Tr24.pptx
Slides Lição 12, CPAD, A Bendita Esperança, A Marca do Cristão, 2Tr24.pptx
LuizHenriquedeAlmeid6
 
Slide de biologia aula2 2 bimestre no ano de 2024
Slide de biologia aula2  2 bimestre no ano de 2024Slide de biologia aula2  2 bimestre no ano de 2024
Slide de biologia aula2 2 bimestre no ano de 2024
vinibolado86
 
TUTORIAL PARA LANÇAMENTOGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGG
TUTORIAL PARA LANÇAMENTOGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGTUTORIAL PARA LANÇAMENTOGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGG
TUTORIAL PARA LANÇAMENTOGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGG
ProfessoraTatianaT
 
JOGO DA VELHA FESTA JUNINA - ARQUIVO GRATUITO.pdf
JOGO DA VELHA FESTA JUNINA - ARQUIVO GRATUITO.pdfJOGO DA VELHA FESTA JUNINA - ARQUIVO GRATUITO.pdf
JOGO DA VELHA FESTA JUNINA - ARQUIVO GRATUITO.pdf
ClaudiaMainoth
 
-Rudolf-Laban-e-a-teoria-do-movimento.ppt
-Rudolf-Laban-e-a-teoria-do-movimento.ppt-Rudolf-Laban-e-a-teoria-do-movimento.ppt
-Rudolf-Laban-e-a-teoria-do-movimento.ppt
fagnerlopes11
 
Rimas, Luís Vaz de Camões. pptx
Rimas, Luís Vaz de Camões.          pptxRimas, Luís Vaz de Camões.          pptx
Rimas, Luís Vaz de Camões. pptx
TomasSousa7
 
Cartinhas de solidariedade e esperança.pptx
Cartinhas de solidariedade e esperança.pptxCartinhas de solidariedade e esperança.pptx
Cartinhas de solidariedade e esperança.pptx
Zenir Carmen Bez Trombeta
 
AULA-001---AS-CELULAS_5546dad041b949bbb7b1f0fa841a6d1f.pdf
AULA-001---AS-CELULAS_5546dad041b949bbb7b1f0fa841a6d1f.pdfAULA-001---AS-CELULAS_5546dad041b949bbb7b1f0fa841a6d1f.pdf
AULA-001---AS-CELULAS_5546dad041b949bbb7b1f0fa841a6d1f.pdf
SthafaniHussin1
 
1_10_06_2024_Criança e Cultura Escrita, Ana Maria de Oliveira Galvão.pdf
1_10_06_2024_Criança e Cultura Escrita, Ana Maria de Oliveira Galvão.pdf1_10_06_2024_Criança e Cultura Escrita, Ana Maria de Oliveira Galvão.pdf
1_10_06_2024_Criança e Cultura Escrita, Ana Maria de Oliveira Galvão.pdf
SILVIAREGINANAZARECA
 
APRESENTAÇÃO PARA AULA DE URGÊNCIA E EMERGÊNCIA
APRESENTAÇÃO PARA AULA DE URGÊNCIA E EMERGÊNCIAAPRESENTAÇÃO PARA AULA DE URGÊNCIA E EMERGÊNCIA
APRESENTAÇÃO PARA AULA DE URGÊNCIA E EMERGÊNCIA
karinenobre2033
 
Slides Lição 11, Central Gospel, Os Mortos Em CRISTO, 2Tr24.pptx
Slides Lição 11, Central Gospel, Os Mortos Em CRISTO, 2Tr24.pptxSlides Lição 11, Central Gospel, Os Mortos Em CRISTO, 2Tr24.pptx
Slides Lição 11, Central Gospel, Os Mortos Em CRISTO, 2Tr24.pptx
LuizHenriquedeAlmeid6
 
PP Slides Lição 11, Betel, Ordenança para exercer a fé, 2Tr24.pptx
PP Slides Lição 11, Betel, Ordenança para exercer a fé, 2Tr24.pptxPP Slides Lição 11, Betel, Ordenança para exercer a fé, 2Tr24.pptx
PP Slides Lição 11, Betel, Ordenança para exercer a fé, 2Tr24.pptx
LuizHenriquedeAlmeid6
 
Telepsiquismo Utilize seu poder extrassensorial para atrair prosperidade (Jos...
Telepsiquismo Utilize seu poder extrassensorial para atrair prosperidade (Jos...Telepsiquismo Utilize seu poder extrassensorial para atrair prosperidade (Jos...
Telepsiquismo Utilize seu poder extrassensorial para atrair prosperidade (Jos...
fran0410
 
Vogais Ilustrados para alfabetização infantil
Vogais Ilustrados para alfabetização infantilVogais Ilustrados para alfabetização infantil
Vogais Ilustrados para alfabetização infantil
mamaeieby
 
Dicas de normas ABNT para trabalho de conclusão de curso
Dicas de normas ABNT para trabalho de conclusão de cursoDicas de normas ABNT para trabalho de conclusão de curso
Dicas de normas ABNT para trabalho de conclusão de curso
Simone399395
 

Último (20)

Educação trabalho HQ em sala de aula uma excelente ideia
Educação  trabalho HQ em sala de aula uma excelente  ideiaEducação  trabalho HQ em sala de aula uma excelente  ideia
Educação trabalho HQ em sala de aula uma excelente ideia
 
REGULAMENTO DO CONCURSO DESENHOS AFRO/2024 - 14ª edição - CEIRI /UREI (ficha...
REGULAMENTO  DO CONCURSO DESENHOS AFRO/2024 - 14ª edição - CEIRI /UREI (ficha...REGULAMENTO  DO CONCURSO DESENHOS AFRO/2024 - 14ª edição - CEIRI /UREI (ficha...
REGULAMENTO DO CONCURSO DESENHOS AFRO/2024 - 14ª edição - CEIRI /UREI (ficha...
 
Introdução à Sociologia: caça-palavras na escola
Introdução à Sociologia: caça-palavras na escolaIntrodução à Sociologia: caça-palavras na escola
Introdução à Sociologia: caça-palavras na escola
 
slides de Didática 2.pdf para apresentar
slides de Didática 2.pdf para apresentarslides de Didática 2.pdf para apresentar
slides de Didática 2.pdf para apresentar
 
UFCD_4667_Preparação e confeção de molhos e fundos de cozinha_índice.pdf
UFCD_4667_Preparação e confeção de molhos e fundos de cozinha_índice.pdfUFCD_4667_Preparação e confeção de molhos e fundos de cozinha_índice.pdf
UFCD_4667_Preparação e confeção de molhos e fundos de cozinha_índice.pdf
 
Slides Lição 12, CPAD, A Bendita Esperança, A Marca do Cristão, 2Tr24.pptx
Slides Lição 12, CPAD, A Bendita Esperança, A Marca do Cristão, 2Tr24.pptxSlides Lição 12, CPAD, A Bendita Esperança, A Marca do Cristão, 2Tr24.pptx
Slides Lição 12, CPAD, A Bendita Esperança, A Marca do Cristão, 2Tr24.pptx
 
Slide de biologia aula2 2 bimestre no ano de 2024
Slide de biologia aula2  2 bimestre no ano de 2024Slide de biologia aula2  2 bimestre no ano de 2024
Slide de biologia aula2 2 bimestre no ano de 2024
 
TUTORIAL PARA LANÇAMENTOGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGG
TUTORIAL PARA LANÇAMENTOGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGTUTORIAL PARA LANÇAMENTOGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGG
TUTORIAL PARA LANÇAMENTOGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGG
 
JOGO DA VELHA FESTA JUNINA - ARQUIVO GRATUITO.pdf
JOGO DA VELHA FESTA JUNINA - ARQUIVO GRATUITO.pdfJOGO DA VELHA FESTA JUNINA - ARQUIVO GRATUITO.pdf
JOGO DA VELHA FESTA JUNINA - ARQUIVO GRATUITO.pdf
 
-Rudolf-Laban-e-a-teoria-do-movimento.ppt
-Rudolf-Laban-e-a-teoria-do-movimento.ppt-Rudolf-Laban-e-a-teoria-do-movimento.ppt
-Rudolf-Laban-e-a-teoria-do-movimento.ppt
 
Rimas, Luís Vaz de Camões. pptx
Rimas, Luís Vaz de Camões.          pptxRimas, Luís Vaz de Camões.          pptx
Rimas, Luís Vaz de Camões. pptx
 
Cartinhas de solidariedade e esperança.pptx
Cartinhas de solidariedade e esperança.pptxCartinhas de solidariedade e esperança.pptx
Cartinhas de solidariedade e esperança.pptx
 
AULA-001---AS-CELULAS_5546dad041b949bbb7b1f0fa841a6d1f.pdf
AULA-001---AS-CELULAS_5546dad041b949bbb7b1f0fa841a6d1f.pdfAULA-001---AS-CELULAS_5546dad041b949bbb7b1f0fa841a6d1f.pdf
AULA-001---AS-CELULAS_5546dad041b949bbb7b1f0fa841a6d1f.pdf
 
1_10_06_2024_Criança e Cultura Escrita, Ana Maria de Oliveira Galvão.pdf
1_10_06_2024_Criança e Cultura Escrita, Ana Maria de Oliveira Galvão.pdf1_10_06_2024_Criança e Cultura Escrita, Ana Maria de Oliveira Galvão.pdf
1_10_06_2024_Criança e Cultura Escrita, Ana Maria de Oliveira Galvão.pdf
 
APRESENTAÇÃO PARA AULA DE URGÊNCIA E EMERGÊNCIA
APRESENTAÇÃO PARA AULA DE URGÊNCIA E EMERGÊNCIAAPRESENTAÇÃO PARA AULA DE URGÊNCIA E EMERGÊNCIA
APRESENTAÇÃO PARA AULA DE URGÊNCIA E EMERGÊNCIA
 
Slides Lição 11, Central Gospel, Os Mortos Em CRISTO, 2Tr24.pptx
Slides Lição 11, Central Gospel, Os Mortos Em CRISTO, 2Tr24.pptxSlides Lição 11, Central Gospel, Os Mortos Em CRISTO, 2Tr24.pptx
Slides Lição 11, Central Gospel, Os Mortos Em CRISTO, 2Tr24.pptx
 
PP Slides Lição 11, Betel, Ordenança para exercer a fé, 2Tr24.pptx
PP Slides Lição 11, Betel, Ordenança para exercer a fé, 2Tr24.pptxPP Slides Lição 11, Betel, Ordenança para exercer a fé, 2Tr24.pptx
PP Slides Lição 11, Betel, Ordenança para exercer a fé, 2Tr24.pptx
 
Telepsiquismo Utilize seu poder extrassensorial para atrair prosperidade (Jos...
Telepsiquismo Utilize seu poder extrassensorial para atrair prosperidade (Jos...Telepsiquismo Utilize seu poder extrassensorial para atrair prosperidade (Jos...
Telepsiquismo Utilize seu poder extrassensorial para atrair prosperidade (Jos...
 
Vogais Ilustrados para alfabetização infantil
Vogais Ilustrados para alfabetização infantilVogais Ilustrados para alfabetização infantil
Vogais Ilustrados para alfabetização infantil
 
Dicas de normas ABNT para trabalho de conclusão de curso
Dicas de normas ABNT para trabalho de conclusão de cursoDicas de normas ABNT para trabalho de conclusão de curso
Dicas de normas ABNT para trabalho de conclusão de curso
 

Introdução (produção de moldes)

  • 1. Introdução Os fósseis são os restos de antigos organismos ou as manifestações da sua atividade que ficaram mais ou menos bem conservados nas rochas. Esta conservação do fóssil ocorre graças aos fenómenos da natureza (gelo, argila, aridez do solo). Esta conservação acontece de forma natural. As condições mais favoráveis á fossilização ocorrem quando o ser vivo é rapidamente coberto por sedimentos, a existência de partes duras e temperatura baixa. A fossilização é um conjunto de fenómenos físicos, químicos e biológicos que permitem a formação de um fóssil. E os fósseis podem-se fossilizar de 4 formas diferentes: conservação, mineralização, moldagem e marcas. A que está proposta neste trabalho é a moldagem. E a moldagem é o processo em que o organismo acaba por desaparecer deixando, nas rochas, a sua marca, ou seja o ser vivo fica moldado na rocha. Os fósseis são muito importantes pois servem para identificar o paleoambiente, gerador das rochas sedimentares, a sua idade relativa, o movimento dos continentes, a variação do clima da Terra, procurar entender como surgiu a grande diversidade de organismos, o entendimento dos processos que controlaram a evolução e dispersão dos organismos por toda Terra(são úteis para a compreensão de temas como o surgimento da vida, surgimento de novas espécies, crises biológicas, etc.), entre outras mais coisas! Também existem outros tipos de fosseis: os vivos, que são organismos que não se alteraram durante milhões de anos, os de idade, que servem para indicarem a idade das rochas em que se encontram; mas nem todos são de idade pois têm que ter sido muito abundantes numa ampla distribuição geográfica e que tenham vivido durante um certo período de tempo geológico; e fósseis de ambiente ou fósseis de fácies que permitem conhecermos as condições de ambiente em que eles se formaram e em que se formaram os estratos sedimentares que os possuem. Também existem 4 princípios geológicos: da horizontalidade, da sobreposição, da intersecção e da identidade paleontológica. O princípio da horizontalidade prova que todos os estratos se formam na horizontal. O princípio da sobreposição prova que a camada mais antiga está por baixo e a mais recente por cima. O princípio da intersecção prova que a intercepção é mais recente que a camada que intercepta. E por fim,o princípio da Identidade Paleontológica prova que os estratos que apresentam os mesmos fosseis tem a merma idade. Curiosidade – Intrusões são rochas magmáticas que solidificam no interior, onde se conseguem formar cristais, nas partes mais fracas dos estratos/camadas