SlideShare uma empresa Scribd logo
1 de 17
PROCESSO DE
SOCIALIZAÇÃO
E INSTITUIÇÕES SOCIAIS
O que é
socialização ?
• É um processo através do qual
os indivíduos são preparados
para participar dos processos
sociais. O processo de
socialização dura a vida toda, e
durante esse processo o
individuo sofre diversas
transformações.
O processo de
socialização
• O processo de socialização consiste na
transmissão dos códigos culturais de um grupo
social aos indivíduos que dele fazem parte.
• Os processos de socialização acontecem em
dois níveis:
• Primário: interações face a face; envolve
proximidade, intimidade e afetividade.
Exemplo: a família.
Secundário: ocorre de forma mais dispersa; há
maior diversificação dos agentes. Exemplo: escola
e trabalho.
Os agentes de
socialização
• Tem o objetivo de implementar
tal processo; dentre os que se
destacam no nosso cotidiano
estão os pais
(família),professores (escola),
amigos (grupos sociais) e, cada
vez mais, personagens ou
personalidades que nos chegam
através dos meios de
comunicação de massa ou redes
sociais on-line.
INSTITUIÇÕES
SOCIAIS
• Entende-se por instituição
social o conjunto de regras e
procedimentos padronizados,
adotados, admitidos e aceitos
pela sociedade, e que possui
um grande valor social.
Também pode ser concebidas
como modos de pensar e agir
que o indivíduo encontra
estabilidade. Exerce controle
na vida social.
CONTROLE SOCIAL
• Os mecanismos através dos quais se garante conformidade à ordem
social constituem o que chamamos controle social.
Perspectivas de análise sobre o controle social:
• Mecanismos e agentes de controle social são todos os elementos
sociais que fixam padrões de conduta a fim de conduzir as ações
individuais para limites previsíveis; tais mecanismos podem ser legais
ou sociais.
Família
• A mais importante instituição social: Introduz o
novo ser na sociedade; “Hominiza” a criança
(desenvolve a natureza humana, ensina a agir e
conviver com os outros);
• Interfere no comportamento e no caráter dos
indivíduos, através de pessoas tomadas com
referências (marcos referenciais).
• É considerada fundamento básico e universal por
se encontrar em todos os agrupamentos humanos.
• São variáveis em estrutura e funcionamento.
• As culturas têm formas específicas de organizar as
famílias
Escola
• Depois da família, é a instituição mais importante. Oferece
conhecimentos teóricos e práticos. Lida com os comportamentos
emocional, social, vocacional e ético. Estimula a autonomia, o respeito ao
outro, as habilidades etc.
• Todo grupo, para a sua sobrevivência, necessita que as novas gerações
tomem ciência do acervo de conhecimentos, normas,ideologias, valores,
ideias etc.
EDUCAÇÃO INFORMAL
A cargo de grupos como a família, os amigos, a comunidade, a vizinhança,
a igreja etc.
EDUCAÇÃO FORMAL
Através de organizações específicas – as escolas.
Religião
• A instituição religião é o meio pelo qual o indivíduo se
ajusta a seu ambiente sobrenatural.
• Há necessidade de humana de se ajustar ao ambiente
sobrenatural, assim como aos demais ambientes: social e
natural.
• Alguns críticos prognosticam sua extinção, mas o que se
percebe é:
* As religiões têm passado por transformações e se
adaptando aos novos tempos.
* As religiões continuam a influenciar as questões morais, a
origem da família e do casamento, as questões políticas e
morais
Estado
• A principal instituição política é o Estado.
• Estado (governo) é a organização que administra a vida do povo,
visando conciliar interesses e trabalhar pelo bem público.
• O governo mantém a ordem e estabelece as normas relativas às
relações entre os cidadãos.
Funções do Estado
• As principais funções do Estado são:
*Manter a ordem
*Garantir a soberania
*Promover o bem-estar social
*Elevar a expectativa e qualidade de vida da população
*Reverter o quadro de miséria
*Garantir a segurança pública
*Elevar os padrões da assistência médico-sanitária.
INSTITUIÇÕES
DE REINSERÇÃO
• Todo indivíduo que ocupa
um lugar nos grupos
sociais, tem a finalidade
de cumprir determinado
papel social.
• A finalidade da reinserção
social é ajudar o indivíduo
a integrar-se ao convívio
social.
PRINCIPAIS
INSTITUIÇÕES DE
REINSERÇÃO
• Prisões
• Manicômios
• Educandários
• Asilos
INSTITUIÇÕES TOTAIS – IRVING GOFFMAN
• Segundo Goffman (1974, p.11):
"uma instituição total pode ser definida como um local de residência e
trabalho onde um grande número de indivíduos com situação
semelhante, separados da sociedade mais ampla por considerável
período de tempo, levam uma vida fechada e formalmente
administrada”.Essas instituições totais, muitas vezes, não permitem
qualquer contato entre o indivíduo internado e o mundo exterior.
O objetivo é que o indivíduo passe por um processo de
“reaprendizagem”.

Mais conteúdo relacionado

Semelhante a Instituições

Processo de socialização
Processo de socializaçãoProcesso de socialização
Processo de socialização
homago
 
Sociologia 3 em aula 8 instituicoes sociais
Sociologia 3 em aula 8 instituicoes sociaisSociologia 3 em aula 8 instituicoes sociais
Sociologia 3 em aula 8 instituicoes sociais
Rigo Rodrigues
 
Sociologia 3 em aula 8 instituicoes sociais
Sociologia 3 em aula 8 instituicoes sociaisSociologia 3 em aula 8 instituicoes sociais
Sociologia 3 em aula 8 instituicoes sociais
Rigo Rodrigues
 
Sociologia cap-4-os-agrupamentos-sociais-13
Sociologia cap-4-os-agrupamentos-sociais-13Sociologia cap-4-os-agrupamentos-sociais-13
Sociologia cap-4-os-agrupamentos-sociais-13
dcm116
 
Sociologia cap-4-os-agrupamentos-sociais-13
Sociologia cap-4-os-agrupamentos-sociais-13Sociologia cap-4-os-agrupamentos-sociais-13
Sociologia cap-4-os-agrupamentos-sociais-13
dcm116
 
Sociologia cap-4-os-agrupamentos-sociais-13
Sociologia cap-4-os-agrupamentos-sociais-13Sociologia cap-4-os-agrupamentos-sociais-13
Sociologia cap-4-os-agrupamentos-sociais-13
dcm116
 
CULTURA E SOCIALIZAÇÃO
CULTURA E SOCIALIZAÇÃOCULTURA E SOCIALIZAÇÃO
CULTURA E SOCIALIZAÇÃO
catynes
 
2014 conceitos básicos sociologia
2014 conceitos básicos sociologia2014 conceitos básicos sociologia
2014 conceitos básicos sociologia
Felipe Hiago
 

Semelhante a Instituições (20)

Processo de socialização
Processo de socializaçãoProcesso de socialização
Processo de socialização
 
Sociologia aplicada ao aluno
Sociologia aplicada ao alunoSociologia aplicada ao aluno
Sociologia aplicada ao aluno
 
Sociologia 3 em aula 8 instituicoes sociais
Sociologia 3 em aula 8 instituicoes sociaisSociologia 3 em aula 8 instituicoes sociais
Sociologia 3 em aula 8 instituicoes sociais
 
Sociologia 3 em aula 8 instituicoes sociais
Sociologia 3 em aula 8 instituicoes sociaisSociologia 3 em aula 8 instituicoes sociais
Sociologia 3 em aula 8 instituicoes sociais
 
Sociologia cap-4-os-agrupamentos-sociais-13
Sociologia cap-4-os-agrupamentos-sociais-13Sociologia cap-4-os-agrupamentos-sociais-13
Sociologia cap-4-os-agrupamentos-sociais-13
 
Sociologia cap-4-os-agrupamentos-sociais-13
Sociologia cap-4-os-agrupamentos-sociais-13Sociologia cap-4-os-agrupamentos-sociais-13
Sociologia cap-4-os-agrupamentos-sociais-13
 
Sociologia cap-4-os-agrupamentos-sociais-13
Sociologia cap-4-os-agrupamentos-sociais-13Sociologia cap-4-os-agrupamentos-sociais-13
Sociologia cap-4-os-agrupamentos-sociais-13
 
A socialização e os seus agentes
A socialização e os seus agentesA socialização e os seus agentes
A socialização e os seus agentes
 
Cultura - Psicologia
Cultura - PsicologiaCultura - Psicologia
Cultura - Psicologia
 
PRÁTICA PEDAGÓGICA III
PRÁTICA PEDAGÓGICA IIIPRÁTICA PEDAGÓGICA III
PRÁTICA PEDAGÓGICA III
 
7º ano - Socialização e cultura
7º ano - Socialização e cultura7º ano - Socialização e cultura
7º ano - Socialização e cultura
 
Instituições sociais
Instituições sociaisInstituições sociais
Instituições sociais
 
Resumo sobre as instituições sociais
Resumo sobre as instituições sociaisResumo sobre as instituições sociais
Resumo sobre as instituições sociais
 
Socialização
SocializaçãoSocialização
Socialização
 
Apresentação Processos de socialização.pdf
Apresentação Processos de socialização.pdfApresentação Processos de socialização.pdf
Apresentação Processos de socialização.pdf
 
CULTURA E SOCIALIZAÇÃO
CULTURA E SOCIALIZAÇÃOCULTURA E SOCIALIZAÇÃO
CULTURA E SOCIALIZAÇÃO
 
A socialização
A socializaçãoA socialização
A socialização
 
Instituições Sociais
Instituições SociaisInstituições Sociais
Instituições Sociais
 
Sociologia - Durkheim
Sociologia - Durkheim  Sociologia - Durkheim
Sociologia - Durkheim
 
2014 conceitos básicos sociologia
2014 conceitos básicos sociologia2014 conceitos básicos sociologia
2014 conceitos básicos sociologia
 

Último

O Reizinho Autista.pdf - livro maravilhoso
O Reizinho Autista.pdf - livro maravilhosoO Reizinho Autista.pdf - livro maravilhoso
O Reizinho Autista.pdf - livro maravilhoso
VALMIRARIBEIRO1
 
Manual dos Principio básicos do Relacionamento e sexologia humana .pdf
Manual dos Principio básicos do Relacionamento e sexologia humana .pdfManual dos Principio básicos do Relacionamento e sexologia humana .pdf
Manual dos Principio básicos do Relacionamento e sexologia humana .pdf
Pastor Robson Colaço
 
Slide Licao 4 - 2T - 2024 - CPAD ADULTOS - Retangular.pptx
Slide Licao 4 - 2T - 2024 - CPAD ADULTOS - Retangular.pptxSlide Licao 4 - 2T - 2024 - CPAD ADULTOS - Retangular.pptx
Slide Licao 4 - 2T - 2024 - CPAD ADULTOS - Retangular.pptx
sfwsoficial
 
PPP6_ciencias final 6 ano ano de 23/24 final
PPP6_ciencias final 6 ano ano de 23/24 finalPPP6_ciencias final 6 ano ano de 23/24 final
PPP6_ciencias final 6 ano ano de 23/24 final
carlaOliveira438
 

Último (20)

análise obra Nós matamos o cão Tinhoso.pdf
análise obra Nós matamos o cão Tinhoso.pdfanálise obra Nós matamos o cão Tinhoso.pdf
análise obra Nós matamos o cão Tinhoso.pdf
 
Campanha 18 de. Maio laranja dds.pptx
Campanha 18 de.    Maio laranja dds.pptxCampanha 18 de.    Maio laranja dds.pptx
Campanha 18 de. Maio laranja dds.pptx
 
Unidade 4 (Texto poético) (Teste sem correção) (2).docx
Unidade 4 (Texto poético) (Teste sem correção) (2).docxUnidade 4 (Texto poético) (Teste sem correção) (2).docx
Unidade 4 (Texto poético) (Teste sem correção) (2).docx
 
O que é, de facto, a Educação de Infância
O que é, de facto, a Educação de InfânciaO que é, de facto, a Educação de Infância
O que é, de facto, a Educação de Infância
 
O Reizinho Autista.pdf - livro maravilhoso
O Reizinho Autista.pdf - livro maravilhosoO Reizinho Autista.pdf - livro maravilhoso
O Reizinho Autista.pdf - livro maravilhoso
 
"Nós Propomos! Escola Secundária em Pedrógão Grande"
"Nós Propomos! Escola Secundária em Pedrógão Grande""Nós Propomos! Escola Secundária em Pedrógão Grande"
"Nós Propomos! Escola Secundária em Pedrógão Grande"
 
Aparatologia na estética - Cavitação, radiofrequência e lipolaser.pdf
Aparatologia na estética - Cavitação, radiofrequência e lipolaser.pdfAparatologia na estética - Cavitação, radiofrequência e lipolaser.pdf
Aparatologia na estética - Cavitação, radiofrequência e lipolaser.pdf
 
Manual dos Principio básicos do Relacionamento e sexologia humana .pdf
Manual dos Principio básicos do Relacionamento e sexologia humana .pdfManual dos Principio básicos do Relacionamento e sexologia humana .pdf
Manual dos Principio básicos do Relacionamento e sexologia humana .pdf
 
Enunciado_da_Avaliacao_1__Sistemas_de_Informacoes_Gerenciais_(IL60106).pdf
Enunciado_da_Avaliacao_1__Sistemas_de_Informacoes_Gerenciais_(IL60106).pdfEnunciado_da_Avaliacao_1__Sistemas_de_Informacoes_Gerenciais_(IL60106).pdf
Enunciado_da_Avaliacao_1__Sistemas_de_Informacoes_Gerenciais_(IL60106).pdf
 
ufcd_9649_Educação Inclusiva e Necessidades Educativas Especificas_índice.pdf
ufcd_9649_Educação Inclusiva e Necessidades Educativas Especificas_índice.pdfufcd_9649_Educação Inclusiva e Necessidades Educativas Especificas_índice.pdf
ufcd_9649_Educação Inclusiva e Necessidades Educativas Especificas_índice.pdf
 
APH- Avaliação de cena , analise geral do ambiente e paciente.
APH- Avaliação de cena , analise geral do ambiente e paciente.APH- Avaliação de cena , analise geral do ambiente e paciente.
APH- Avaliação de cena , analise geral do ambiente e paciente.
 
livro para educação infantil conceitos sensorial
livro para educação infantil conceitos sensoriallivro para educação infantil conceitos sensorial
livro para educação infantil conceitos sensorial
 
Livro infantil: A onda da raiva. pdf-crianças
Livro infantil: A onda da raiva. pdf-criançasLivro infantil: A onda da raiva. pdf-crianças
Livro infantil: A onda da raiva. pdf-crianças
 
Movimento Negro Unificado , slide completo.pptx
Movimento Negro Unificado , slide completo.pptxMovimento Negro Unificado , slide completo.pptx
Movimento Negro Unificado , slide completo.pptx
 
o-homem-que-calculava-malba-tahan-1_123516.pdf
o-homem-que-calculava-malba-tahan-1_123516.pdfo-homem-que-calculava-malba-tahan-1_123516.pdf
o-homem-que-calculava-malba-tahan-1_123516.pdf
 
Slide Licao 4 - 2T - 2024 - CPAD ADULTOS - Retangular.pptx
Slide Licao 4 - 2T - 2024 - CPAD ADULTOS - Retangular.pptxSlide Licao 4 - 2T - 2024 - CPAD ADULTOS - Retangular.pptx
Slide Licao 4 - 2T - 2024 - CPAD ADULTOS - Retangular.pptx
 
"Nós Propomos! Mobilidade sustentável na Sertã"
"Nós Propomos! Mobilidade sustentável na Sertã""Nós Propomos! Mobilidade sustentável na Sertã"
"Nós Propomos! Mobilidade sustentável na Sertã"
 
PPP6_ciencias final 6 ano ano de 23/24 final
PPP6_ciencias final 6 ano ano de 23/24 finalPPP6_ciencias final 6 ano ano de 23/24 final
PPP6_ciencias final 6 ano ano de 23/24 final
 
Abuso Sexual da Criança e do adolescente
Abuso Sexual da Criança e do adolescenteAbuso Sexual da Criança e do adolescente
Abuso Sexual da Criança e do adolescente
 
EB1 Cumeada Co(n)Vida à Leitura - Livros à Solta_Serta.pptx
EB1 Cumeada Co(n)Vida à Leitura - Livros à Solta_Serta.pptxEB1 Cumeada Co(n)Vida à Leitura - Livros à Solta_Serta.pptx
EB1 Cumeada Co(n)Vida à Leitura - Livros à Solta_Serta.pptx
 

Instituições

  • 2. O que é socialização ? • É um processo através do qual os indivíduos são preparados para participar dos processos sociais. O processo de socialização dura a vida toda, e durante esse processo o individuo sofre diversas transformações.
  • 3. O processo de socialização • O processo de socialização consiste na transmissão dos códigos culturais de um grupo social aos indivíduos que dele fazem parte. • Os processos de socialização acontecem em dois níveis: • Primário: interações face a face; envolve proximidade, intimidade e afetividade. Exemplo: a família. Secundário: ocorre de forma mais dispersa; há maior diversificação dos agentes. Exemplo: escola e trabalho.
  • 4. Os agentes de socialização • Tem o objetivo de implementar tal processo; dentre os que se destacam no nosso cotidiano estão os pais (família),professores (escola), amigos (grupos sociais) e, cada vez mais, personagens ou personalidades que nos chegam através dos meios de comunicação de massa ou redes sociais on-line.
  • 5. INSTITUIÇÕES SOCIAIS • Entende-se por instituição social o conjunto de regras e procedimentos padronizados, adotados, admitidos e aceitos pela sociedade, e que possui um grande valor social. Também pode ser concebidas como modos de pensar e agir que o indivíduo encontra estabilidade. Exerce controle na vida social.
  • 6. CONTROLE SOCIAL • Os mecanismos através dos quais se garante conformidade à ordem social constituem o que chamamos controle social. Perspectivas de análise sobre o controle social: • Mecanismos e agentes de controle social são todos os elementos sociais que fixam padrões de conduta a fim de conduzir as ações individuais para limites previsíveis; tais mecanismos podem ser legais ou sociais.
  • 7. Família • A mais importante instituição social: Introduz o novo ser na sociedade; “Hominiza” a criança (desenvolve a natureza humana, ensina a agir e conviver com os outros); • Interfere no comportamento e no caráter dos indivíduos, através de pessoas tomadas com referências (marcos referenciais). • É considerada fundamento básico e universal por se encontrar em todos os agrupamentos humanos. • São variáveis em estrutura e funcionamento. • As culturas têm formas específicas de organizar as famílias
  • 8. Escola • Depois da família, é a instituição mais importante. Oferece conhecimentos teóricos e práticos. Lida com os comportamentos emocional, social, vocacional e ético. Estimula a autonomia, o respeito ao outro, as habilidades etc. • Todo grupo, para a sua sobrevivência, necessita que as novas gerações tomem ciência do acervo de conhecimentos, normas,ideologias, valores, ideias etc. EDUCAÇÃO INFORMAL A cargo de grupos como a família, os amigos, a comunidade, a vizinhança, a igreja etc. EDUCAÇÃO FORMAL Através de organizações específicas – as escolas.
  • 9. Religião • A instituição religião é o meio pelo qual o indivíduo se ajusta a seu ambiente sobrenatural. • Há necessidade de humana de se ajustar ao ambiente sobrenatural, assim como aos demais ambientes: social e natural. • Alguns críticos prognosticam sua extinção, mas o que se percebe é: * As religiões têm passado por transformações e se adaptando aos novos tempos. * As religiões continuam a influenciar as questões morais, a origem da família e do casamento, as questões políticas e morais
  • 11. • A principal instituição política é o Estado. • Estado (governo) é a organização que administra a vida do povo, visando conciliar interesses e trabalhar pelo bem público. • O governo mantém a ordem e estabelece as normas relativas às relações entre os cidadãos.
  • 12. Funções do Estado • As principais funções do Estado são: *Manter a ordem *Garantir a soberania *Promover o bem-estar social *Elevar a expectativa e qualidade de vida da população *Reverter o quadro de miséria *Garantir a segurança pública *Elevar os padrões da assistência médico-sanitária.
  • 13. INSTITUIÇÕES DE REINSERÇÃO • Todo indivíduo que ocupa um lugar nos grupos sociais, tem a finalidade de cumprir determinado papel social. • A finalidade da reinserção social é ajudar o indivíduo a integrar-se ao convívio social.
  • 14. PRINCIPAIS INSTITUIÇÕES DE REINSERÇÃO • Prisões • Manicômios • Educandários • Asilos
  • 15.
  • 16.
  • 17. INSTITUIÇÕES TOTAIS – IRVING GOFFMAN • Segundo Goffman (1974, p.11): "uma instituição total pode ser definida como um local de residência e trabalho onde um grande número de indivíduos com situação semelhante, separados da sociedade mais ampla por considerável período de tempo, levam uma vida fechada e formalmente administrada”.Essas instituições totais, muitas vezes, não permitem qualquer contato entre o indivíduo internado e o mundo exterior. O objetivo é que o indivíduo passe por um processo de “reaprendizagem”.