SlideShare uma empresa Scribd logo
1 de 19
Baixar para ler offline
Área de Integração
Módulo 2
Tema Problema 1.2: Pessoa e Cultura
 A construção do ser humano pressupõe uma base biológica e
hereditária que liga os membros das mesma espécie;
 O homem só adquire as características do verdadeiro ser
humano porque a sua vida decorre no seio de um grupo
social;
 É o convívio com os outros que lhes permite actualizar os
caracteres geneticamente recebidos, ou seja, as suas
competências linguísticas, cognitivas, afectivas, sociais e
culturais.
 Desenvolvendo-se no convívio humano, a criança aprende a
comportar-se tendo como referência certas normas que a
comunidade lhe apresenta e que deve seguir para ser aceite
e nela se integrar.
 A sociedade ensina ao indivíduo as formas de proceder mais
aconselháveis, dispondo de meios de controlar os
comportamentos individuais.
 Horas de sono, hábitos de
higiene, tipo de
alimentação,
entretenimento, vestuário,
maneiras de saudar as
pessoas, tudo é sugerido
ao individuo, que, através
da imitação, vai
padronizando as suas
condutas, ajustando-as
aos ditames sociais.
Socialização: processo pelo qual os indivíduos se
integram no grupo social, adquirindo as atitudes,
as crenças e os valores mais significativos da
cultura desse grupo
SOCIALIZAÇÃO
- Processo de ensino-aprendizagem
da cultura de um grupo social
- Começa quando o indivíduo nasce e
só termina com a sua morte
 Por outras palavras, a
socialização refere-se à
aprendizagem que o
individuo faz dos traços da
cultura da sociedade em que
vive. Trata-se de um
processo interiorização de
atitudes, costumes, valores,
normas e modos de agir
característicos de uma
comunidade, os quais
tendem a ser reproduzidos
pelas gerações vindouras
Tipos de Socialização
SOCIALIZAÇÃO PRIMÁRIA
• Ocorre nos primeiros
anos de vida
• A criança aprende desde
cedo, normalmente com
a família, a comportar-se
como membro da sua
comunidade
SOCIALIZAÇÃO SECUNDÁRIA
• Veiculada pela escola, amigos e
meios de comunicação social,
que completarão o processo de
ensino-aprendizagem
• Prolonga-se com a
aprendizagem de outros
comportamentos, consoante os
grupos por onde os indivíduos
forem passando
• Decorre essencialmente durante a infância e a
adolescência;
• Adaptação às mais diversas situações da vida
quotidiana;
• Influencia privilegiada da família e da escola, a
pessoa adquire hábitos de higiene e de
alimentação, aprende a cumprir instruções, etc.,
Socialização
primária
• Processo de adopção de novas atitudes e novos
comportamentos que permitem os adultos continuar a viver
integrados na comunidade;
• Esta socialização ocorre a propósito de modificações no
estatuto e nos papeis sociais dos adultos, ou seja,
• quando ocorrem alterações significativas na condição social
das pessoas;
• Ex. Mudança no estado civil, nascimento dos filho, ficar
desempregado, etc.
Socialização
secundária
 OS AGENTES DE
SOCIALIZAÇÃO SÃO TODOS
AQUELES QUE TÊM COMO FUNÇÃO
REALIZAR A SOCIALIZAÇÃO DO
INDIVÍDUO NO GRUPO OU GRUPOS.
ENTRE OS MAIS IMPORTANTES AGENTES
DE SOCIALIZAÇÃO PODEM CITAR-SE:
 FAMÍLIA
• A FAMÍLIA, AGENTE PRIORITÁRIO DE SOCIALIZAÇÃO,
É AQUELA QUE SE TORNA MAIS PRÓXIMA DO
INDIVÍDUO NOS PRIMEIROS ANOS DA SUA
EXISTÊNCIA.
• É COM ESTE AGENTE DE SOCIALIZAÇÃO QUE SE
INICIA O PROCESSO, LEVANDO O INDIVÍDUO A
APREENDER E A ADQUIRIR UM VASTO CONJUNTO DE
VALORES, NORMAS E COMPORTAMENTOS QUE
SERÃO UTILIZADOS NA VIDA SOCIAL.
• O PROCESSO DE SOCIALIZAÇÃO OBRIGA A QUE A
CRIANÇA ADAPTE OS SEUS COMPORTAMENTOS ÀS
PRÁTICAS CULTURAIS DO GRUPO SOCIAL A QUE
PERTENCE.
 ESCOLA
• A ESCOLA FORNECE AO INDIVÍDUO UM CONJUNTO DE
INSTRUMENTOS, DE METODOLOGIAS, HÁBITOS E NOVOS
CONHECIMENTOS QUE SERÃO ÚTEIS NO FUTURO,
SOBRETUDO, AQUANDO DA INSERÇÃO NOUTROS GRUPOS
(EX: DE TRABALHO).
• A ESCOLA, PARA ALÉM DE TRANSMITIR OS
CONHECIMENTOS CIENTÍFICOS E TÉCNICOS QUE IRÃO
PERMITIR AO INDIVÍDUO EXERCER UM PAPEL NO
APARELHO PRODUTIVO, TAMBÉM DEVE SER
RESPONSÁVEL PELA TRANSMISSÃO DAS NORMAS
SOCIAIS, NOÇÕES ÉTICAS BÁSICAS E IDEAIS DA
SOCIEDADE, INDISPENSÁVEIS A UMA FÁCIL INSERÇÃO
SOCIAL POR PARTE DOS INDIVÍDUOS.
 AMIGOS
• O GRUPO DE AMIGOS COM IDADES APROXIMADAS
CONSTITUI-SE NUMA REFERÊNCIA PARA CADA
INDIVÍDUO, TENDO UM PAPEL IMPORTANTE NO
DESENVOLVIMENTO DE RELAÇÕES DE SOLIDARIEDADE,
COOPERAÇÃO, INTERDEPENDÊNCIA E IDENTIDADE
PESSOAL.
• O GRUPO DE PARES ADQUIRE PARTICULAR RELEVÂNCIA
NA ADOLESCÊNCIA, NOMEADAMENTE, AQUANDO DO
CONFRONTO COM OS PAIS, PROFESSORES, BEM COMO
NAS INCERTEZAS PRÓPRIAS DA ADOLESCÊNCIA.
 MASS MEDIA
• AO LONGO DA SUA VIDA, OS INDIVÍDUOS
SÃO CONFRONTADOS COM VALORES, IDEIAS
E COMPORTAMENTOS TRANSMITIDOS E
DADOS A CONHECER PELOS MASS MEDIA,
EM ESPECIAL PELA TELEVISÃO, O QUE
CONDICIONA E MOLDA OS
COMPORTAMENTOS, ESPECIALMENTE, DOS
JOVENS.
OUTRAS INSTITUIÇÕES TAMBÉM INTERVÊM NO
PROCESSO DE SOCIALIZAÇÃO: IGREJAS, PARTIDOS
POLÍTICOS, EMPRESAS DIVERSAS, SINDICATOS,
EXÉRCITO……
A ESCOLA
OS
MASS MEDIA
OS AMIGOS
A FAMÍLIA
AGENTES DE
SOCIALIZAÇÃO
A INTERNET
A TELEVISÃO
Mecanismos de
socialização
Por aprendizagem Por imitação Por identificação
Aprende-se por
tentativas,
erros e repetições
Repete-se
mecanicamente
os comportamentos
observados
Assume-se como
nossos os
comportamentos de
indivíduos com os quais
nos identificamos
 A socialização dos indivíduos faz-se ao longo
de toda a sua vida, esforçando-se por agir de modo a não
destoarem dos grupos em que se vão incluindo:
família, escola, amigos, vizinhos, etc.
 A sua adaptação eficaz implica que pensem, sintam e actuem
em consonância com a sociedade, que tomem como referencia
as relações habituais entre as pessoas, as práticas correntes de
vida, as instituições vigentes, os valores e as técnicas mais
usuais.
 A vida em sociedade seria impossível, caótica, sem a
existência destas formas relativamente estáveis e
padronizadas de conduta, sem existência de códigos de
culturais e de regras em comum.
 É necessário que cada indivíduo aprenda, interiorize,
partilhe e valorize as orientações dos meios sociais e
culturais.
O processo de socialização:
 Desenvolve a sociabilidade (tendência para interagir com
os outros e para se associar a eles);
 Permite a interiorização de um padrão, de um modo
colectivo de agir, pensar e sentir;
 Gera sentimentos, atitudes e comportamentos
relativamente comuns;
 Possibilita a integração;
 Constrói sentimentos de pertença, o “Nós”, a identidade
social e cultural dos indivíduos.

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Psicologia - socialização
Psicologia - socializaçãoPsicologia - socialização
Psicologia - socializaçãohana kitsune
 
Sociologia: Interação social
Sociologia: Interação socialSociologia: Interação social
Sociologia: Interação socialhap99
 
Socialização e cultura - SOCIOLOGIA 12º ANO
Socialização e cultura - SOCIOLOGIA 12º ANOSocialização e cultura - SOCIOLOGIA 12º ANO
Socialização e cultura - SOCIOLOGIA 12º ANODrew Mello
 
Trabalho de sociologia (1)
Trabalho de sociologia (1)Trabalho de sociologia (1)
Trabalho de sociologia (1)Daniel Nunes
 
A socialização e os seus agentes e mecanismos
A socialização e os seus agentes e mecanismosA socialização e os seus agentes e mecanismos
A socialização e os seus agentes e mecanismosturma12c1617
 
Interação social
Interação socialInteração social
Interação socialturma12d
 
Pobreza e exclusão social (2)
Pobreza e exclusão social (2)Pobreza e exclusão social (2)
Pobreza e exclusão social (2)Alcina Barbosa
 
Grupos sociais
Grupos sociaisGrupos sociais
Grupos sociaismikto
 
Socialização e seus agentes
Socialização e seus agentesSocialização e seus agentes
Socialização e seus agentesturma12c1617
 
Módulo 1 1.2.
Módulo 1   1.2.Módulo 1   1.2.
Módulo 1 1.2.cattonia
 
Socialização
SocializaçãoSocialização
Socializaçãosashaa2194
 
CULTURA E SOCIALIZAÇÃO
CULTURA E SOCIALIZAÇÃOCULTURA E SOCIALIZAÇÃO
CULTURA E SOCIALIZAÇÃOcatynes
 
Cultura - Psicologia
Cultura - PsicologiaCultura - Psicologia
Cultura - PsicologiaAna Felizardo
 
Area integracao - subtema 2_3 - A construcao da democracia
Area integracao - subtema 2_3 - A construcao da democraciaArea integracao - subtema 2_3 - A construcao da democracia
Area integracao - subtema 2_3 - A construcao da democraciaCarlos Henrique Tavares
 
Socialização e cultura
Socialização e culturaSocialização e cultura
Socialização e culturaSergio Grunbaum
 

Mais procurados (20)

Psicologia - socialização
Psicologia - socializaçãoPsicologia - socialização
Psicologia - socialização
 
Sociologia: Interação social
Sociologia: Interação socialSociologia: Interação social
Sociologia: Interação social
 
Socialização e cultura - SOCIOLOGIA 12º ANO
Socialização e cultura - SOCIOLOGIA 12º ANOSocialização e cultura - SOCIOLOGIA 12º ANO
Socialização e cultura - SOCIOLOGIA 12º ANO
 
Trabalho de sociologia (1)
Trabalho de sociologia (1)Trabalho de sociologia (1)
Trabalho de sociologia (1)
 
Socialização
SocializaçãoSocialização
Socialização
 
A socialização e os seus agentes e mecanismos
A socialização e os seus agentes e mecanismosA socialização e os seus agentes e mecanismos
A socialização e os seus agentes e mecanismos
 
Interação social
Interação socialInteração social
Interação social
 
Ai 1 2_pessoa e cultura
Ai 1 2_pessoa e culturaAi 1 2_pessoa e cultura
Ai 1 2_pessoa e cultura
 
Pobreza e exclusão social (2)
Pobreza e exclusão social (2)Pobreza e exclusão social (2)
Pobreza e exclusão social (2)
 
Grupos sociais
Grupos sociaisGrupos sociais
Grupos sociais
 
A socialização
A socializaçãoA socialização
A socialização
 
Socialização e seus agentes
Socialização e seus agentesSocialização e seus agentes
Socialização e seus agentes
 
Módulo 1 1.2.
Módulo 1   1.2.Módulo 1   1.2.
Módulo 1 1.2.
 
Grupos sociais
Grupos sociaisGrupos sociais
Grupos sociais
 
ESS - "Pobreza"
ESS - "Pobreza"ESS - "Pobreza"
ESS - "Pobreza"
 
Socialização
SocializaçãoSocialização
Socialização
 
CULTURA E SOCIALIZAÇÃO
CULTURA E SOCIALIZAÇÃOCULTURA E SOCIALIZAÇÃO
CULTURA E SOCIALIZAÇÃO
 
Cultura - Psicologia
Cultura - PsicologiaCultura - Psicologia
Cultura - Psicologia
 
Area integracao - subtema 2_3 - A construcao da democracia
Area integracao - subtema 2_3 - A construcao da democraciaArea integracao - subtema 2_3 - A construcao da democracia
Area integracao - subtema 2_3 - A construcao da democracia
 
Socialização e cultura
Socialização e culturaSocialização e cultura
Socialização e cultura
 

Destaque

Relativismo Cultural
Relativismo CulturalRelativismo Cultural
Relativismo CulturalBruno Pedro
 
Diversidade cultural
Diversidade culturalDiversidade cultural
Diversidade culturalSoraya Filipa
 
Pessoa e personalidade portoed
Pessoa e personalidade portoedPessoa e personalidade portoed
Pessoa e personalidade portoedaintazambuja
 
Relativismo cultural
Relativismo culturalRelativismo cultural
Relativismo culturalAndrea Suarez
 
Fenómenos fonéticos português 9º
Fenómenos fonéticos português 9ºFenómenos fonéticos português 9º
Fenómenos fonéticos português 9ºFelisbela da Silva
 
Diversidade cultural na América
Diversidade cultural na AméricaDiversidade cultural na América
Diversidade cultural na AméricaJoão Machado
 
Orações subordinadas relativas
Orações subordinadas relativasOrações subordinadas relativas
Orações subordinadas relativasMargarida Tomaz
 
Cantigas de escárnio e maldizer
Cantigas de escárnio e maldizerCantigas de escárnio e maldizer
Cantigas de escárnio e maldizerHelena Coutinho
 

Destaque (10)

Relativismo cultural e diversidade cultural
Relativismo cultural e diversidade culturalRelativismo cultural e diversidade cultural
Relativismo cultural e diversidade cultural
 
Relativismo Cultural
Relativismo CulturalRelativismo Cultural
Relativismo Cultural
 
Diversidade cultural
Diversidade culturalDiversidade cultural
Diversidade cultural
 
Pessoa e personalidade portoed
Pessoa e personalidade portoedPessoa e personalidade portoed
Pessoa e personalidade portoed
 
Relativismo cultural
Relativismo culturalRelativismo cultural
Relativismo cultural
 
Fenómenos fonéticos português 9º
Fenómenos fonéticos português 9ºFenómenos fonéticos português 9º
Fenómenos fonéticos português 9º
 
Diversidade cultural na América
Diversidade cultural na AméricaDiversidade cultural na América
Diversidade cultural na América
 
Orações subordinadas relativas
Orações subordinadas relativasOrações subordinadas relativas
Orações subordinadas relativas
 
Cantigas de escárnio e maldizer
Cantigas de escárnio e maldizerCantigas de escárnio e maldizer
Cantigas de escárnio e maldizer
 
Oracoes subordinadas
Oracoes subordinadasOracoes subordinadas
Oracoes subordinadas
 

Semelhante a A socialização

A socialização e os seus agentes
A socialização e os seus agentesA socialização e os seus agentes
A socialização e os seus agentesturma12c1617
 
Psicologia b
Psicologia bPsicologia b
Psicologia bRute1993
 
Trabalho de sociologia (1)
Trabalho de sociologia (1)Trabalho de sociologia (1)
Trabalho de sociologia (1)Daniel Nunes
 
Trabalho de sociologia (1)
Trabalho de sociologia (1)Trabalho de sociologia (1)
Trabalho de sociologia (1)Daniel Nunes
 
Trabalho de sociologia (1)
Trabalho de sociologia (1)Trabalho de sociologia (1)
Trabalho de sociologia (1)Daniel Nunes
 
Processo de socialização
Processo de socializaçãoProcesso de socialização
Processo de socializaçãohomago
 
Socialização e os agentes de socialização.
Socialização e os agentes de socialização.Socialização e os agentes de socialização.
Socialização e os agentes de socialização.turma12c1617
 
Socialização
SocializaçãoSocialização
Socializaçãojoanaanm
 
Socialização e agentes de socialização
Socialização e agentes de socializaçãoSocialização e agentes de socialização
Socialização e agentes de socializaçãoturma12c1617
 
Portefolio Área De Integração - Módulo 1
Portefolio Área De Integração - Módulo 1Portefolio Área De Integração - Módulo 1
Portefolio Área De Integração - Módulo 1Patricia Martins
 
AULA 01 - slide socialização DISCIPLINA DE SOCIEDADE
AULA 01 - slide socialização DISCIPLINA DE SOCIEDADEAULA 01 - slide socialização DISCIPLINA DE SOCIEDADE
AULA 01 - slide socialização DISCIPLINA DE SOCIEDADEnicolleivanoski
 
socialização e seus agentes
socialização e seus agentessocialização e seus agentes
socialização e seus agentesturma12c1617
 
socialização e seus agentes
socialização e seus agentessocialização e seus agentes
socialização e seus agentesturma12c1617
 

Semelhante a A socialização (20)

A socialização e os seus agentes
A socialização e os seus agentesA socialização e os seus agentes
A socialização e os seus agentes
 
Instituições
InstituiçõesInstituições
Instituições
 
Sociologia generico
Sociologia genericoSociologia generico
Sociologia generico
 
INDIVÍDUO E SOCIALIZAÇÃO
INDIVÍDUO E SOCIALIZAÇÃOINDIVÍDUO E SOCIALIZAÇÃO
INDIVÍDUO E SOCIALIZAÇÃO
 
INDIVÍDUO E SOCIALIZAÇÃO 2020
INDIVÍDUO E SOCIALIZAÇÃO 2020INDIVÍDUO E SOCIALIZAÇÃO 2020
INDIVÍDUO E SOCIALIZAÇÃO 2020
 
Indivíduo e Socialização 2020
Indivíduo e Socialização 2020Indivíduo e Socialização 2020
Indivíduo e Socialização 2020
 
Psicologia b
Psicologia bPsicologia b
Psicologia b
 
Trabalho de sociologia (1)
Trabalho de sociologia (1)Trabalho de sociologia (1)
Trabalho de sociologia (1)
 
Trabalho de sociologia (1)
Trabalho de sociologia (1)Trabalho de sociologia (1)
Trabalho de sociologia (1)
 
Trabalho de sociologia (1)
Trabalho de sociologia (1)Trabalho de sociologia (1)
Trabalho de sociologia (1)
 
Processo de socialização
Processo de socializaçãoProcesso de socialização
Processo de socialização
 
Socialização e os agentes de socialização.
Socialização e os agentes de socialização.Socialização e os agentes de socialização.
Socialização e os agentes de socialização.
 
Socialização
SocializaçãoSocialização
Socialização
 
Socialização e agentes de socialização
Socialização e agentes de socializaçãoSocialização e agentes de socialização
Socialização e agentes de socialização
 
Aulastemaiiiculturaesocializao 110305134647-phpapp02
Aulastemaiiiculturaesocializao 110305134647-phpapp02Aulastemaiiiculturaesocializao 110305134647-phpapp02
Aulastemaiiiculturaesocializao 110305134647-phpapp02
 
Portefolio Área De Integração - Módulo 1
Portefolio Área De Integração - Módulo 1Portefolio Área De Integração - Módulo 1
Portefolio Área De Integração - Módulo 1
 
AULA 01 - slide socialização DISCIPLINA DE SOCIEDADE
AULA 01 - slide socialização DISCIPLINA DE SOCIEDADEAULA 01 - slide socialização DISCIPLINA DE SOCIEDADE
AULA 01 - slide socialização DISCIPLINA DE SOCIEDADE
 
11178
1117811178
11178
 
socialização e seus agentes
socialização e seus agentessocialização e seus agentes
socialização e seus agentes
 
socialização e seus agentes
socialização e seus agentessocialização e seus agentes
socialização e seus agentes
 

Mais de aintazambuja

Mais de aintazambuja (10)

L2 ppt2
L2 ppt2L2 ppt2
L2 ppt2
 
L2 ppt2
L2 ppt2L2 ppt2
L2 ppt2
 
Estrutura Familiar e Dinâmica Social
Estrutura Familiar e Dinâmica SocialEstrutura Familiar e Dinâmica Social
Estrutura Familiar e Dinâmica Social
 
L1 ppt3
L1 ppt3L1 ppt3
L1 ppt3
 
Guião de trabalho
Guião de trabalhoGuião de trabalho
Guião de trabalho
 
Opiniao publica
Opiniao publicaOpiniao publica
Opiniao publica
 
Cultura
Cultura Cultura
Cultura
 
Pessoa e personalidade
Pessoa e personalidade Pessoa e personalidade
Pessoa e personalidade
 
Petiscos asiáticos
Petiscos asiáticosPetiscos asiáticos
Petiscos asiáticos
 
Cultura
Cultura Cultura
Cultura
 

A socialização

  • 1. Área de Integração Módulo 2 Tema Problema 1.2: Pessoa e Cultura
  • 2.  A construção do ser humano pressupõe uma base biológica e hereditária que liga os membros das mesma espécie;  O homem só adquire as características do verdadeiro ser humano porque a sua vida decorre no seio de um grupo social;  É o convívio com os outros que lhes permite actualizar os caracteres geneticamente recebidos, ou seja, as suas competências linguísticas, cognitivas, afectivas, sociais e culturais.
  • 3.  Desenvolvendo-se no convívio humano, a criança aprende a comportar-se tendo como referência certas normas que a comunidade lhe apresenta e que deve seguir para ser aceite e nela se integrar.  A sociedade ensina ao indivíduo as formas de proceder mais aconselháveis, dispondo de meios de controlar os comportamentos individuais.
  • 4.  Horas de sono, hábitos de higiene, tipo de alimentação, entretenimento, vestuário, maneiras de saudar as pessoas, tudo é sugerido ao individuo, que, através da imitação, vai padronizando as suas condutas, ajustando-as aos ditames sociais.
  • 5. Socialização: processo pelo qual os indivíduos se integram no grupo social, adquirindo as atitudes, as crenças e os valores mais significativos da cultura desse grupo
  • 6. SOCIALIZAÇÃO - Processo de ensino-aprendizagem da cultura de um grupo social - Começa quando o indivíduo nasce e só termina com a sua morte
  • 7.  Por outras palavras, a socialização refere-se à aprendizagem que o individuo faz dos traços da cultura da sociedade em que vive. Trata-se de um processo interiorização de atitudes, costumes, valores, normas e modos de agir característicos de uma comunidade, os quais tendem a ser reproduzidos pelas gerações vindouras
  • 8. Tipos de Socialização SOCIALIZAÇÃO PRIMÁRIA • Ocorre nos primeiros anos de vida • A criança aprende desde cedo, normalmente com a família, a comportar-se como membro da sua comunidade SOCIALIZAÇÃO SECUNDÁRIA • Veiculada pela escola, amigos e meios de comunicação social, que completarão o processo de ensino-aprendizagem • Prolonga-se com a aprendizagem de outros comportamentos, consoante os grupos por onde os indivíduos forem passando
  • 9. • Decorre essencialmente durante a infância e a adolescência; • Adaptação às mais diversas situações da vida quotidiana; • Influencia privilegiada da família e da escola, a pessoa adquire hábitos de higiene e de alimentação, aprende a cumprir instruções, etc., Socialização primária • Processo de adopção de novas atitudes e novos comportamentos que permitem os adultos continuar a viver integrados na comunidade; • Esta socialização ocorre a propósito de modificações no estatuto e nos papeis sociais dos adultos, ou seja, • quando ocorrem alterações significativas na condição social das pessoas; • Ex. Mudança no estado civil, nascimento dos filho, ficar desempregado, etc. Socialização secundária
  • 10.  OS AGENTES DE SOCIALIZAÇÃO SÃO TODOS AQUELES QUE TÊM COMO FUNÇÃO REALIZAR A SOCIALIZAÇÃO DO INDIVÍDUO NO GRUPO OU GRUPOS. ENTRE OS MAIS IMPORTANTES AGENTES DE SOCIALIZAÇÃO PODEM CITAR-SE:
  • 11.  FAMÍLIA • A FAMÍLIA, AGENTE PRIORITÁRIO DE SOCIALIZAÇÃO, É AQUELA QUE SE TORNA MAIS PRÓXIMA DO INDIVÍDUO NOS PRIMEIROS ANOS DA SUA EXISTÊNCIA. • É COM ESTE AGENTE DE SOCIALIZAÇÃO QUE SE INICIA O PROCESSO, LEVANDO O INDIVÍDUO A APREENDER E A ADQUIRIR UM VASTO CONJUNTO DE VALORES, NORMAS E COMPORTAMENTOS QUE SERÃO UTILIZADOS NA VIDA SOCIAL. • O PROCESSO DE SOCIALIZAÇÃO OBRIGA A QUE A CRIANÇA ADAPTE OS SEUS COMPORTAMENTOS ÀS PRÁTICAS CULTURAIS DO GRUPO SOCIAL A QUE PERTENCE.
  • 12.  ESCOLA • A ESCOLA FORNECE AO INDIVÍDUO UM CONJUNTO DE INSTRUMENTOS, DE METODOLOGIAS, HÁBITOS E NOVOS CONHECIMENTOS QUE SERÃO ÚTEIS NO FUTURO, SOBRETUDO, AQUANDO DA INSERÇÃO NOUTROS GRUPOS (EX: DE TRABALHO). • A ESCOLA, PARA ALÉM DE TRANSMITIR OS CONHECIMENTOS CIENTÍFICOS E TÉCNICOS QUE IRÃO PERMITIR AO INDIVÍDUO EXERCER UM PAPEL NO APARELHO PRODUTIVO, TAMBÉM DEVE SER RESPONSÁVEL PELA TRANSMISSÃO DAS NORMAS SOCIAIS, NOÇÕES ÉTICAS BÁSICAS E IDEAIS DA SOCIEDADE, INDISPENSÁVEIS A UMA FÁCIL INSERÇÃO SOCIAL POR PARTE DOS INDIVÍDUOS.
  • 13.  AMIGOS • O GRUPO DE AMIGOS COM IDADES APROXIMADAS CONSTITUI-SE NUMA REFERÊNCIA PARA CADA INDIVÍDUO, TENDO UM PAPEL IMPORTANTE NO DESENVOLVIMENTO DE RELAÇÕES DE SOLIDARIEDADE, COOPERAÇÃO, INTERDEPENDÊNCIA E IDENTIDADE PESSOAL. • O GRUPO DE PARES ADQUIRE PARTICULAR RELEVÂNCIA NA ADOLESCÊNCIA, NOMEADAMENTE, AQUANDO DO CONFRONTO COM OS PAIS, PROFESSORES, BEM COMO NAS INCERTEZAS PRÓPRIAS DA ADOLESCÊNCIA.
  • 14.  MASS MEDIA • AO LONGO DA SUA VIDA, OS INDIVÍDUOS SÃO CONFRONTADOS COM VALORES, IDEIAS E COMPORTAMENTOS TRANSMITIDOS E DADOS A CONHECER PELOS MASS MEDIA, EM ESPECIAL PELA TELEVISÃO, O QUE CONDICIONA E MOLDA OS COMPORTAMENTOS, ESPECIALMENTE, DOS JOVENS. OUTRAS INSTITUIÇÕES TAMBÉM INTERVÊM NO PROCESSO DE SOCIALIZAÇÃO: IGREJAS, PARTIDOS POLÍTICOS, EMPRESAS DIVERSAS, SINDICATOS, EXÉRCITO……
  • 15. A ESCOLA OS MASS MEDIA OS AMIGOS A FAMÍLIA AGENTES DE SOCIALIZAÇÃO A INTERNET A TELEVISÃO
  • 16. Mecanismos de socialização Por aprendizagem Por imitação Por identificação Aprende-se por tentativas, erros e repetições Repete-se mecanicamente os comportamentos observados Assume-se como nossos os comportamentos de indivíduos com os quais nos identificamos
  • 17.  A socialização dos indivíduos faz-se ao longo de toda a sua vida, esforçando-se por agir de modo a não destoarem dos grupos em que se vão incluindo: família, escola, amigos, vizinhos, etc.  A sua adaptação eficaz implica que pensem, sintam e actuem em consonância com a sociedade, que tomem como referencia as relações habituais entre as pessoas, as práticas correntes de vida, as instituições vigentes, os valores e as técnicas mais usuais.
  • 18.  A vida em sociedade seria impossível, caótica, sem a existência destas formas relativamente estáveis e padronizadas de conduta, sem existência de códigos de culturais e de regras em comum.  É necessário que cada indivíduo aprenda, interiorize, partilhe e valorize as orientações dos meios sociais e culturais.
  • 19. O processo de socialização:  Desenvolve a sociabilidade (tendência para interagir com os outros e para se associar a eles);  Permite a interiorização de um padrão, de um modo colectivo de agir, pensar e sentir;  Gera sentimentos, atitudes e comportamentos relativamente comuns;  Possibilita a integração;  Constrói sentimentos de pertença, o “Nós”, a identidade social e cultural dos indivíduos.