SlideShare uma empresa Scribd logo
FACULDADE DE CIÊNCIAS SOCIAIS E FILOSÓFICAS.
DEPARTAMENTO DE CIÊNCIAS SOCIAIS, CURSO DE HISTORIA
GUIA DE DISCIPLINA
Disciplina de Pratica Pedagógica Geral
MODALIDADE ANO ANO
ACADÉMICO
SEMESTRE Nº DE
CRÉDITOS
TOTAL DE
HORAS
DE ESTUDO
DOCENTE/TUTOR DE ESPECIALIDADE
EaD 2º 2017 2º 03 27 Angelo Pelembe Bunguele
OBJECTIVOS GERAIS DA DISCIPLINA˸
 Dominar o conceito de escola, suas características, actividades que se desenvolvem e seus intervenientes;
 Conhecer a instituição escolar e a comunidade envolvente;
 Desenvolver capacidades de análise crítica e criativa, para uma melhoria da qualidade do ensino e da aprendizagem;
 Realizar trabalho de campo na instituição escolar nos aspectos organizacionais, pedagógicos e administrativos;
ORIENTAÇÕES INICIAIS
Bem-vindo à disciplina de Pratica Pedagógica, cujo Plano temático foi concebidos para que possas visando o principio de aprender a ser
professor na realidade objectiva da escola moçambicana, através da observação e integração num meio escolar concreto. Esta disciplina pretende
que o estudante tenha as competências de integração de conhecimentos, articulação dos saberes científicos específicos, psicopedagógicos e didácticos;
descrever de forma científica, coerente e integrada a vivência experimentada nas Práticas Pedagógicas, analisar científica e criticamente as questões da educação,
propor melhorias ao Projecto Pedagógico da escola e contribuir para a melhoria da qualidade de ensino-aprendizagem. Caro estudante, todos os cursos,
sobretudo os à distância, desafiam sua capacidade de organização e autonomia, contudo, você dispõe do guia do estudante produzido pela equipa do
CEAD, um valioso suporte que você deve consultar para a eficácia e eficiência do seu estudo. Por outro lado a visita regular à Plataforma, no caso
desta disciplina nas quartas-feiras e domingos, porque na sala virtual encontrará actividades, meus comentários e espaço de interação (chat e fórum)
conforme a programação da semana, bem como recursos como por exemplo, textos complementares, links, vídeos, filmes e outros. O estudo em
grupo é uma estratégia que simula a realidade, indispensável para a socialização das experiências individuais, aliás, a educação é um fenómeno
eminentemente de enculturação e socialização do património universal, por isso terá um trabalho em orientado e outos sob sua iniciativa.
Por último, parece importante aproveitar este espaço para minha sucinta apresentação. Angelo Pelembe Bunguele é Doutorando em História da
Africa Contemporânea, Mestre em Administração Pública, especialidade de Desenvolvimento Local pelo Instituto Superior em Administração
Pública de Moçambique (ISAP), que lhe confere autoridade científica para ensino, planificação e consultoria da gestão humana e patrimonial das
organizações e instituições públicas e privadas; Graduado em ensino de história e Geografia pela Faculdade de Educação (UEM/8 de Março) e pela
Universidade Pedagógica (UP); Docente da Universidade Pedagógica, com experiência na direcção de escolas secundárias; na Planificação e
Construções escolares e na docência de História Política, Geopolítica-Globalização, Epistemologia de Ciências Sociais, Relações Públicas,
Antropologia, Fundamentos de Policiamento Ambiental e Didáctica/Prática Pedagógica Gerais. Possui trabalhos de pesquisa sobre instituições
políticas pré-coloniais e sistema colonial português no Khocene, Politicas de desenvolvimento endógeno, financiamento e orçamento locais. Exerce
docência há 28 anos, 12 dos quais no ensino superior (contactos:844554089, netopelembe@yahoo.com.br e apbunguele@gmail.com)
MATERIAL A SER UTILIZADO NO ESTUDO DA DISCIPLINA
A observação e integracao no meio escolar, objecto desta disciplina usa como recursos materiais de trabalho o Regulamento Académico da UP,
Regulamento do Ensino Secundário Geral, textos de apoio elaborados pelo tutor, o livro “Praticas Pedagógicas” de Ribeiro (2014), o “Manual de
supervisão e Praticas Pedagógicas” de Duarte, Pereira e Francisco (2008), entre outros sempre acompanhados de guias de estudos, que
oportunamente serão apresentados detalhadamente de modo a ajudar o caro estudante a manuseá-los.
PROPOSTA DO PROGRAMA DE ACTIVIDADES SEMANAIS (em faina)
SEMANA CONTEÚDO OBJECTIVOS DE
APRENDIZAGEM
ACTIVIDADES
E
EXERCÍCIOS
A
ACTIVIDADES
E EXERCÍCIOS
DO MÓDULO E
OUTROS
RECURSOS PARA O
ESTUDO DO CONTEÚDO
PRÁTICAS
2
LABORAT
ORIAIS
DATAS
DAS
AVALIAÇ
1
Veja a tabela na parte final deste Guia.
2
No caso da previsão de uma determinada prática laboratorial, neste caso na sua escola de ensaio.
METODOLOGIA DE ENSINO E APRENDIZAGEM
As metodologias que irão orientar o estudo da disciplina privilegiam o estímulo sua actividade e autonomia. Os estudantes serão convidados para
uma comunicação em tempo real, em 10 fóruns e whatsApp para a socialização das problemáticas da observação e integração no meio escolar e dos
conteúdo de seminários (observação teoria e pratica na escola aa luz do RESG e PTPPG), serão criados 3 chat incidindo sobre dois temas (escola e
suas componentes organizacionais e oficinas pedagógicas), considerado no percurso. Por fim, será avaliado um trabalho (relatório de Praticas
pedagógicas) e um questionário/teste.
PERCURSO
Aqui apresento a proposta do programa de actividades semanais1
AVALIAÇÃO DA APRENDIZAGEM
Fóruns, correspondem a seminários com peso de 30%
Chats, correspondem a participação com peso de 15%
Trabalho, corresponde ao trabalho de investigação, com peso de 25%
Questionário, corresponde ao teste, com peso de 30%
NOTA: Nesta disciplina o caro estudante não será submetido a exame final (consulte o plano de estudos e o plano temático da disciplina)
DESENVOLVE
R NA
PLATAFORM
A
MATERIAIS ÕES
4/8 a
10/9
Unidade I: Importância e objectivos das práticas
pedagógicas gerais no processo de formação de
professores;
1.1. A escola e suas componentes obrigacionais;
1.2. As funções do professor;
1.3. O professor e a escola;
1.4. O bom professor
 Conceituar
escola,
 Descrever suas
características,
actividades e
intervenientes,
com enfase
para o
professor;
Atender às
questões doso
fóruns
respeitantes à
unidade I
Leitura dos
materiais
disponibilizad
os e troca de
ideias.
Duarte, S., Pereira, J.L. e
Francisco, Z (2008)
Manual de supervisão de
práticas pedagógicas,
Maputo: Educar-UP, pp.
33 a 44
Esta é a
base
teórica
geral para
o trabalho
na escola
4ªfeira e
doming
o (o chat
será aberto
na quarta e
fechado e
continuado
do
domingo)
2ª
11/9-
17/9
Unidade II: Sistema Nacional de Educação
2.1. Princípios, estrutura, subsistemas do SNE e suas
funções na 1ª e na 2ª Repúblicas
 Relacionar as
politicas
educacionais e o
processo histórico
nacional
 Conhecer a
instituição escolar
e a comunidade
envolvente;
 Desenvolver
capacidades de
análise crítica e
criativa, para uma
melhoria da
qualidade do
ensino e da
aprendizagem;
Atender às
questões do
1º chat
Leitura dos
materiais
disponibilizad
os e
preparação da
interação
Lei 8/84
Lei 6/92
Mazula (1995)
Educação, cultura e
ideologia em
moçambique: 1975-
1985 …
Gómez (1999)
Educação
moçambicana: história
de um progresso:1962-
1984…
Esta é a
base
teórica
geral para
o trabalho
na escola
4ªfeira e
doming
o (chats)
3ª
18/9-
Unidade III: A observação como técnica de recolha de
dados na escola e nas salas
3.1. Métodos, formas e instrumentos de
observação
3.2. Técnicas, formas e instrumentos de
realização de entrevistas e questionários
Descrever as técnicas de
observação directa e indirecta
da pesquisa social
Atender às
questões doso
fóruns
respeitantes à
unidade III
Leitura dos
materiais
disponibilizad
os e troca de
ideias.
Giddens (2004: 641-
663) Sociologia…
Material usado em
Introdução à história e
Esta é a
base
teórica
específica
do
4ªfeira e
doming
o (chats)
24/9 3.3. Métodos da recolha de dados e de estudo
documental
3.4. Técnicas e formas de análise dos
documentos e informações
3.5. Valor da observação na formação dos
conteúdos do currículo local
metodologia de
investigação científica.
Duarte, Pereira e
Francisco, 2008: 73 a 76.
trabalho
na escola
4ª
25/9-
1/10
Unidade IV: TRABALHO DE CAMPO: PRATICA
PEDAGÓGICA I, PROPRIAMENTE DITA (Ponte
com o regulamento do ensino secundário geral e demais
instrumentos normativos)
Preparar o trabalho de
campo na instituição
escolar nos aspectos
organizacionais,
pedagógicos e
administrativos;
Partilhar
experiencias
(positivas e
negativas) do
trabalho na
escola (Fóruns)
Preparação da
visita lendo os
materiais e
observar
humilde e
cortesmente a
realidade escolar
Plano temático de PPG
Regulamento
académico da UP
Regulamento do ensino
secundário geral
Ribeiro (2013)
Identificar
a tua
escola-
laboratório
, solicitar
credencial
e
programar/r
ealizar a
observação
4ªfeira e
doming
o (chats)
5ª
2/10-
8/10
4.1. ACTIVIDADES DA ÁREA
ORGANIZACIONAL
 Contacto preliminar com a Direcção da
Escola com a finalidade de familiarização
com a organização da escola;
 Estudo e análise da documentação básica
da escola: Plano geral da escola e planos
sectoriais; Regulamento de avaliação;
Instruções e despachos ministeriais; Planos
de estudo e circulares; Estatuto Geral dos
Funcionários do Estado, Estatuto do
Professor e outros; Livro da turma.
Realizar trabalho de campo
na instituição escolar nos
aspectos organizacionais,
Partilhar
experiencias
(positivas e
negativas) do
trabalho na
escola (Fóruns)
Preparação da
visita lendo os
materiais e
observar
humilde e
cortesmente a
realidade escolar
Plano temático de PPG
Regulamento
académico da UP
Regulamento do ensino
secundário geral
Ribeiro (2013)
Visitar a
tua
escola-
laboratóri
o
4ªfeira e
doming
o (chats)
6ª
9/10-
15/10
4.2. ACTIVIDADES DA ÁREA PEDAGÓGICA
 Estudo e análise de documentos
pedagógicos da escola: Planos de estudos de
classes, ciclos e grupos de disciplinas;
Mapas estatísticos: efectivos escolares,
número de alunos por classes e turmas;
Número de professores por classes, ciclos,
níveis e grupos de disciplina; Elaboração do
horário escolar; Organização das turmas;
Função do director de turma;Estudo de
outros documentos dos directores de
Realizar trabalho de campo
na instituição escolar nos
aspectos pedagógicos
Plano temático de PPG
Regulamento
académico da UP
Regulamento do ensino
secundário geral
Ribeiro (2013)
Visitar a
tua
escola-
laboratóri
o
4ªfeira e
doming
o (chats)
turmas.
 Estudo de documentos do aproveitamento
pedagógico: Registo de notas: pautas, livros
e cadastros de notas; Mapas estatísticos de
aproveitamento pedagógico.
 Processos de exames – organização e
controle;
 - Biblioteca
7ª
16/10-
22/10
4.3. ACTIVIDADES DA ÁREA ADMINISTRATIVA
 Estudo dos documentos da Secretaria:
Processos dos funcionários; Processos dos
alunos.
 Organização do arquivo: Pastas de entrada
do expediente - sua codificação; Pastas de
saída do expediente - sua codificação
 Inventários dos bens móveis e imóveis;
Pastas de entrada do expediente - sua
codificação; Pastas de saída do expediente -
sua codificação; Classificador dos bens
móveis e imóveis; Actualização do
inventário - aquisição e abates
 Organização do processo de contas:
Organização do processo de matrículas dos
alunos.
 Contactos com outras secções existentes na
escola: Produção escolar; Cantina
escolar/centro social; Clube escolar; Centro
de saúde.
Realizar trabalho de campo
na instituição escolar nos
aspectos administrativos;
Partilhar
experiencias
(positivas e
negativas) do
trabalho na
escola (Fóruns)
Preparação da
visita lendo os
materiais e
observar
humilde e
cortesmente a
realidade escolar
Plano temático de PPG
Regulamento
académico da UP
Regulamento do ensino
secundário geral
Ribeiro (2013)
Visitar a
tua
escola-
laboratóri
o
4ªfeira e
doming
o (chats)
8ª
23/10-
29/10
Unidade V: SISTEMATIZACAO
Projecto pedagógico da escola
 Conceito de projecto, sua concepção e
importância na sociologia organizacional.
 o director e conselho da escola e projecto
pedagógico
Conceber um projecto
pedagógico, base para
habilitar-se na gestão escolar
Atender às
questões doso
fóruns
respeitantes à
unidade I
Leitura dos
materiais
disponibilizad
os e troca de
ideias.
Obras sobre sociologia
organizacional
RESG e outras normas
Esta é a
consolidaç
ão do
trabalho
na escola
4ªfeira e
doming
o (chats)
9ª
30/10-
Reuniões pedagógicas
 Tipos e funções das reuniões no meio
organizacional
 Reuniões pedagógicas e seu alcance na
implementação do projecto educativo da escola
Desenvolver capacidades de
análise crítica e criativa, para
uma melhoria da qualidade do
ensino e da aprendizagem
Atender às
questões do
2º chat
Leitura dos
materiais
disponibilizad
os e
Obras sobre sociologia
organizacional
(Seekings,1989, Como
organizar conferencias e
Esta é a
consolidaç
ão do
trabalho
4ªfeira e
doming
o (chats)
5/11 preparação da
interação
reuniões …)
RESG e outras normas
na escola
10ª
6/11-
12/11
Continuação Continuação 4ªfeira e
doming
o (chats)
11ª
13/11-
19/11
Oficinas pedagógicas
 Conceito
 Concepção e produção de meios de ensino
 Uso do manual do aluno
Desenvolver capacidades de
análise crítica e criativa, para
uma melhoria da qualidade do
ensino e da aprendizagem
Atender às
questões do
3º chat
Leitura dos
materiais
disponibilizad
os e
preparação da
interação
Nérici (1993:99-140)
RESG e outras normas
Módulo prótese (a14/
livro escolar; 15, 16,
17 e 18/ métodos,
técnicas, recursos e
tenologias0
Esta é a
consolidaç
ão do
trabalho
na escola
4ªfeira e
doming
o (chats)
12ª
20/11-
26/11
Questionário/ teste Idem 21/11/2
017
13ª
27/11-
3/12
Envio do relatório de PP I Idem 23 a
27/11/2
017

Mais conteúdo relacionado

Semelhante a guia-de-disciplina-de-pratica-pedagogica-geral.pdf

Portifólio clicia
 Portifólio clicia Portifólio clicia
Portifólio clicia
monalisaqueiroz
 
[Bloco 8.1] Oficina Guia de Aprendizagem.pptx
[Bloco 8.1] Oficina Guia de Aprendizagem.pptx[Bloco 8.1] Oficina Guia de Aprendizagem.pptx
[Bloco 8.1] Oficina Guia de Aprendizagem.pptx
LinoReisLino
 
Equipamentos e materiais_didaticos
Equipamentos e materiais_didaticosEquipamentos e materiais_didaticos
Equipamentos e materiais_didaticos
didapgdy
 
CARTILHA TUTORIA.pdf
CARTILHA TUTORIA.pdfCARTILHA TUTORIA.pdf
CARTILHA TUTORIA.pdf
GiselleMoreira13
 
ESTÁGIO SUPERVISIONADO NA EDUCAÇÃO INFANTIL
ESTÁGIO SUPERVISIONADO NA EDUCAÇÃO INFANTIL ESTÁGIO SUPERVISIONADO NA EDUCAÇÃO INFANTIL
ESTÁGIO SUPERVISIONADO NA EDUCAÇÃO INFANTIL
Arivaldom
 
Portfólio hipólito
Portfólio   hipólitoPortfólio   hipólito
Portfólio hipólito
familiaestagio
 
Proposta Pedagógica 2014
Proposta Pedagógica 2014Proposta Pedagógica 2014
Proposta Pedagógica 2014
eemarquesdesaovicente
 
TRABALHO LABORATORIAL NO 1.º CICLO DO ENSINO BÁSICO. CONCEÇÕES E PRÁTICAS DE ...
TRABALHO LABORATORIAL NO 1.º CICLO DO ENSINO BÁSICO. CONCEÇÕES E PRÁTICAS DE ...TRABALHO LABORATORIAL NO 1.º CICLO DO ENSINO BÁSICO. CONCEÇÕES E PRÁTICAS DE ...
TRABALHO LABORATORIAL NO 1.º CICLO DO ENSINO BÁSICO. CONCEÇÕES E PRÁTICAS DE ...
Marisa Correia
 
1363970315927(1)
1363970315927(1)1363970315927(1)
1363970315927(1)
Rodrigo Ggomes
 
Gestar II - UFPE - 2013 - Apresentação
Gestar II - UFPE - 2013 - ApresentaçãoGestar II - UFPE - 2013 - Apresentação
Gestar II - UFPE - 2013 - Apresentação
rogerioignacio
 
ROTEIRO DE APOIO À ANÁLISE DE MATERIAIS DIDÁTICOS (1).pptx
ROTEIRO DE APOIO À ANÁLISE DE MATERIAIS DIDÁTICOS (1).pptxROTEIRO DE APOIO À ANÁLISE DE MATERIAIS DIDÁTICOS (1).pptx
ROTEIRO DE APOIO À ANÁLISE DE MATERIAIS DIDÁTICOS (1).pptx
JUSTINOOLIVEIRA
 
Plano de ensino
Plano de ensinoPlano de ensino
Plano de ensino
alyssonfred
 
4º ano
4º ano4º ano
Caderno do professor de geografia 5ª série 6 º ano vol 2
Caderno do professor de geografia 5ª série 6 º ano   vol 2Caderno do professor de geografia 5ª série 6 º ano   vol 2
Caderno do professor de geografia 5ª série 6 º ano vol 2
Neide Marques
 
Caderno do professor 2014_2017_vol2_baixa_ch_geografia_ef_5s_6a
Caderno do professor 2014_2017_vol2_baixa_ch_geografia_ef_5s_6aCaderno do professor 2014_2017_vol2_baixa_ch_geografia_ef_5s_6a
Caderno do professor 2014_2017_vol2_baixa_ch_geografia_ef_5s_6a
professora de geografia
 
Apresentação rondinelle
Apresentação rondinelleApresentação rondinelle
Apresentação rondinelle
familiaestagio
 
Pauta roteiro de estudo e o protagonismo
Pauta roteiro de estudo e o protagonismoPauta roteiro de estudo e o protagonismo
Pauta roteiro de estudo e o protagonismo
Gelson Rocha
 
Pauta roteiro de estudo e o protagonismo
Pauta roteiro de estudo e o protagonismoPauta roteiro de estudo e o protagonismo
Pauta roteiro de estudo e o protagonismo
Gelson Rocha
 
Relatorio 3º Periodo 2011-2012
Relatorio 3º Periodo 2011-2012Relatorio 3º Periodo 2011-2012
Relatorio 3º Periodo 2011-2012
SalaAmarela Enxara Do Bispo
 
EXPERIÊNCIAS VIVENCIADAS NO ENSINO E NA PESQUISA NA DISCIPLINA HISTÓRIA DA ED...
EXPERIÊNCIAS VIVENCIADAS NO ENSINO E NA PESQUISA NA DISCIPLINA HISTÓRIA DA ED...EXPERIÊNCIAS VIVENCIADAS NO ENSINO E NA PESQUISA NA DISCIPLINA HISTÓRIA DA ED...
EXPERIÊNCIAS VIVENCIADAS NO ENSINO E NA PESQUISA NA DISCIPLINA HISTÓRIA DA ED...
Josi Rodrigues
 

Semelhante a guia-de-disciplina-de-pratica-pedagogica-geral.pdf (20)

Portifólio clicia
 Portifólio clicia Portifólio clicia
Portifólio clicia
 
[Bloco 8.1] Oficina Guia de Aprendizagem.pptx
[Bloco 8.1] Oficina Guia de Aprendizagem.pptx[Bloco 8.1] Oficina Guia de Aprendizagem.pptx
[Bloco 8.1] Oficina Guia de Aprendizagem.pptx
 
Equipamentos e materiais_didaticos
Equipamentos e materiais_didaticosEquipamentos e materiais_didaticos
Equipamentos e materiais_didaticos
 
CARTILHA TUTORIA.pdf
CARTILHA TUTORIA.pdfCARTILHA TUTORIA.pdf
CARTILHA TUTORIA.pdf
 
ESTÁGIO SUPERVISIONADO NA EDUCAÇÃO INFANTIL
ESTÁGIO SUPERVISIONADO NA EDUCAÇÃO INFANTIL ESTÁGIO SUPERVISIONADO NA EDUCAÇÃO INFANTIL
ESTÁGIO SUPERVISIONADO NA EDUCAÇÃO INFANTIL
 
Portfólio hipólito
Portfólio   hipólitoPortfólio   hipólito
Portfólio hipólito
 
Proposta Pedagógica 2014
Proposta Pedagógica 2014Proposta Pedagógica 2014
Proposta Pedagógica 2014
 
TRABALHO LABORATORIAL NO 1.º CICLO DO ENSINO BÁSICO. CONCEÇÕES E PRÁTICAS DE ...
TRABALHO LABORATORIAL NO 1.º CICLO DO ENSINO BÁSICO. CONCEÇÕES E PRÁTICAS DE ...TRABALHO LABORATORIAL NO 1.º CICLO DO ENSINO BÁSICO. CONCEÇÕES E PRÁTICAS DE ...
TRABALHO LABORATORIAL NO 1.º CICLO DO ENSINO BÁSICO. CONCEÇÕES E PRÁTICAS DE ...
 
1363970315927(1)
1363970315927(1)1363970315927(1)
1363970315927(1)
 
Gestar II - UFPE - 2013 - Apresentação
Gestar II - UFPE - 2013 - ApresentaçãoGestar II - UFPE - 2013 - Apresentação
Gestar II - UFPE - 2013 - Apresentação
 
ROTEIRO DE APOIO À ANÁLISE DE MATERIAIS DIDÁTICOS (1).pptx
ROTEIRO DE APOIO À ANÁLISE DE MATERIAIS DIDÁTICOS (1).pptxROTEIRO DE APOIO À ANÁLISE DE MATERIAIS DIDÁTICOS (1).pptx
ROTEIRO DE APOIO À ANÁLISE DE MATERIAIS DIDÁTICOS (1).pptx
 
Plano de ensino
Plano de ensinoPlano de ensino
Plano de ensino
 
4º ano
4º ano4º ano
4º ano
 
Caderno do professor de geografia 5ª série 6 º ano vol 2
Caderno do professor de geografia 5ª série 6 º ano   vol 2Caderno do professor de geografia 5ª série 6 º ano   vol 2
Caderno do professor de geografia 5ª série 6 º ano vol 2
 
Caderno do professor 2014_2017_vol2_baixa_ch_geografia_ef_5s_6a
Caderno do professor 2014_2017_vol2_baixa_ch_geografia_ef_5s_6aCaderno do professor 2014_2017_vol2_baixa_ch_geografia_ef_5s_6a
Caderno do professor 2014_2017_vol2_baixa_ch_geografia_ef_5s_6a
 
Apresentação rondinelle
Apresentação rondinelleApresentação rondinelle
Apresentação rondinelle
 
Pauta roteiro de estudo e o protagonismo
Pauta roteiro de estudo e o protagonismoPauta roteiro de estudo e o protagonismo
Pauta roteiro de estudo e o protagonismo
 
Pauta roteiro de estudo e o protagonismo
Pauta roteiro de estudo e o protagonismoPauta roteiro de estudo e o protagonismo
Pauta roteiro de estudo e o protagonismo
 
Relatorio 3º Periodo 2011-2012
Relatorio 3º Periodo 2011-2012Relatorio 3º Periodo 2011-2012
Relatorio 3º Periodo 2011-2012
 
EXPERIÊNCIAS VIVENCIADAS NO ENSINO E NA PESQUISA NA DISCIPLINA HISTÓRIA DA ED...
EXPERIÊNCIAS VIVENCIADAS NO ENSINO E NA PESQUISA NA DISCIPLINA HISTÓRIA DA ED...EXPERIÊNCIAS VIVENCIADAS NO ENSINO E NA PESQUISA NA DISCIPLINA HISTÓRIA DA ED...
EXPERIÊNCIAS VIVENCIADAS NO ENSINO E NA PESQUISA NA DISCIPLINA HISTÓRIA DA ED...
 

Último

FUNCAO EQUAÇÃO DO 2° GRAU SLIDES AULA 1.ppt
FUNCAO EQUAÇÃO DO 2° GRAU SLIDES AULA 1.pptFUNCAO EQUAÇÃO DO 2° GRAU SLIDES AULA 1.ppt
FUNCAO EQUAÇÃO DO 2° GRAU SLIDES AULA 1.ppt
MarceloMonteiro213738
 
TREINAMENTO DE BRIGADA DE INCENDIO BRIGADA CCB 2023.pptx
TREINAMENTO DE BRIGADA DE INCENDIO BRIGADA CCB 2023.pptxTREINAMENTO DE BRIGADA DE INCENDIO BRIGADA CCB 2023.pptx
TREINAMENTO DE BRIGADA DE INCENDIO BRIGADA CCB 2023.pptx
erssstcontato
 
planejamento maternal 2 atualizado.pdf e
planejamento maternal 2 atualizado.pdf eplanejamento maternal 2 atualizado.pdf e
planejamento maternal 2 atualizado.pdf e
HelenStefany
 
Slides Lição 12, CPAD, A Bendita Esperança, A Marca do Cristão, 2Tr24.pptx
Slides Lição 12, CPAD, A Bendita Esperança, A Marca do Cristão, 2Tr24.pptxSlides Lição 12, CPAD, A Bendita Esperança, A Marca do Cristão, 2Tr24.pptx
Slides Lição 12, CPAD, A Bendita Esperança, A Marca do Cristão, 2Tr24.pptx
LuizHenriquedeAlmeid6
 
Resumo de Química 10º ano Estudo exames nacionais
Resumo de Química 10º ano Estudo exames nacionaisResumo de Química 10º ano Estudo exames nacionais
Resumo de Química 10º ano Estudo exames nacionais
beatrizsilva525654
 
Tabela Funções Orgânicas.pdfnsknsknksnksn nkasn
Tabela Funções Orgânicas.pdfnsknsknksnksn nkasnTabela Funções Orgânicas.pdfnsknsknksnksn nkasn
Tabela Funções Orgânicas.pdfnsknsknksnksn nkasn
CarlosJean21
 
REGULAMENTO DO CONCURSO DESENHOS AFRO/2024 - 14ª edição - CEIRI /UREI (ficha...
REGULAMENTO  DO CONCURSO DESENHOS AFRO/2024 - 14ª edição - CEIRI /UREI (ficha...REGULAMENTO  DO CONCURSO DESENHOS AFRO/2024 - 14ª edição - CEIRI /UREI (ficha...
REGULAMENTO DO CONCURSO DESENHOS AFRO/2024 - 14ª edição - CEIRI /UREI (ficha...
Eró Cunha
 
PALAVRA SECRETA - ALFABETIZAÇÃO- REFORÇO
PALAVRA SECRETA - ALFABETIZAÇÃO- REFORÇOPALAVRA SECRETA - ALFABETIZAÇÃO- REFORÇO
PALAVRA SECRETA - ALFABETIZAÇÃO- REFORÇO
ARIADNEMARTINSDACRUZ
 
Cartinhas de solidariedade e esperança.pptx
Cartinhas de solidariedade e esperança.pptxCartinhas de solidariedade e esperança.pptx
Cartinhas de solidariedade e esperança.pptx
Zenir Carmen Bez Trombeta
 
AUTISMO LEGAL - DIREITOS DOS AUTISTAS- LEGISLAÇÃO
AUTISMO LEGAL - DIREITOS DOS AUTISTAS- LEGISLAÇÃOAUTISMO LEGAL - DIREITOS DOS AUTISTAS- LEGISLAÇÃO
AUTISMO LEGAL - DIREITOS DOS AUTISTAS- LEGISLAÇÃO
FernandaOliveira758273
 
Slides Lição 12, Central Gospel, O Milênio, 1Tr24, Pr Henrique.pptx
Slides Lição 12, Central Gospel, O Milênio, 1Tr24, Pr Henrique.pptxSlides Lição 12, Central Gospel, O Milênio, 1Tr24, Pr Henrique.pptx
Slides Lição 12, Central Gospel, O Milênio, 1Tr24, Pr Henrique.pptx
LuizHenriquedeAlmeid6
 
ATIVIDADES de alfabetização do mês de junho
ATIVIDADES de alfabetização do mês de junhoATIVIDADES de alfabetização do mês de junho
ATIVIDADES de alfabetização do mês de junho
Crisnaiara
 
A festa junina é uma tradicional festividade popular que acontece durante o m...
A festa junina é uma tradicional festividade popular que acontece durante o m...A festa junina é uma tradicional festividade popular que acontece durante o m...
A festa junina é uma tradicional festividade popular que acontece durante o m...
ANDRÉA FERREIRA
 
O Profeta Jeremias - A Biografia de Jeremias.pptx4
O Profeta Jeremias - A Biografia de Jeremias.pptx4O Profeta Jeremias - A Biografia de Jeremias.pptx4
O Profeta Jeremias - A Biografia de Jeremias.pptx4
DouglasMoraes54
 
O Mito da Caverna de Platão_ Uma Jornada em Busca da Verdade.pdf
O Mito da Caverna de Platão_ Uma Jornada em Busca da Verdade.pdfO Mito da Caverna de Platão_ Uma Jornada em Busca da Verdade.pdf
O Mito da Caverna de Platão_ Uma Jornada em Busca da Verdade.pdf
silvamelosilva300
 
Telepsiquismo Utilize seu poder extrassensorial para atrair prosperidade (Jos...
Telepsiquismo Utilize seu poder extrassensorial para atrair prosperidade (Jos...Telepsiquismo Utilize seu poder extrassensorial para atrair prosperidade (Jos...
Telepsiquismo Utilize seu poder extrassensorial para atrair prosperidade (Jos...
fran0410
 
O século XVII e o nascimento da pedagogia.pptx
O século XVII e o nascimento da pedagogia.pptxO século XVII e o nascimento da pedagogia.pptx
O século XVII e o nascimento da pedagogia.pptx
geiseortiz1
 
TUTORIAL PARA LANÇAMENTOGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGG
TUTORIAL PARA LANÇAMENTOGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGTUTORIAL PARA LANÇAMENTOGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGG
TUTORIAL PARA LANÇAMENTOGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGG
ProfessoraTatianaT
 
Aula de fundamentos de Programação Orientada a Objeto na linguagem de program...
Aula de fundamentos de Programação Orientada a Objeto na linguagem de program...Aula de fundamentos de Programação Orientada a Objeto na linguagem de program...
Aula de fundamentos de Programação Orientada a Objeto na linguagem de program...
samucajaime015
 
cidadas 5° ano - ensino fundamental 2 ..
cidadas 5° ano - ensino fundamental 2 ..cidadas 5° ano - ensino fundamental 2 ..
cidadas 5° ano - ensino fundamental 2 ..
MatheusSousa716350
 

Último (20)

FUNCAO EQUAÇÃO DO 2° GRAU SLIDES AULA 1.ppt
FUNCAO EQUAÇÃO DO 2° GRAU SLIDES AULA 1.pptFUNCAO EQUAÇÃO DO 2° GRAU SLIDES AULA 1.ppt
FUNCAO EQUAÇÃO DO 2° GRAU SLIDES AULA 1.ppt
 
TREINAMENTO DE BRIGADA DE INCENDIO BRIGADA CCB 2023.pptx
TREINAMENTO DE BRIGADA DE INCENDIO BRIGADA CCB 2023.pptxTREINAMENTO DE BRIGADA DE INCENDIO BRIGADA CCB 2023.pptx
TREINAMENTO DE BRIGADA DE INCENDIO BRIGADA CCB 2023.pptx
 
planejamento maternal 2 atualizado.pdf e
planejamento maternal 2 atualizado.pdf eplanejamento maternal 2 atualizado.pdf e
planejamento maternal 2 atualizado.pdf e
 
Slides Lição 12, CPAD, A Bendita Esperança, A Marca do Cristão, 2Tr24.pptx
Slides Lição 12, CPAD, A Bendita Esperança, A Marca do Cristão, 2Tr24.pptxSlides Lição 12, CPAD, A Bendita Esperança, A Marca do Cristão, 2Tr24.pptx
Slides Lição 12, CPAD, A Bendita Esperança, A Marca do Cristão, 2Tr24.pptx
 
Resumo de Química 10º ano Estudo exames nacionais
Resumo de Química 10º ano Estudo exames nacionaisResumo de Química 10º ano Estudo exames nacionais
Resumo de Química 10º ano Estudo exames nacionais
 
Tabela Funções Orgânicas.pdfnsknsknksnksn nkasn
Tabela Funções Orgânicas.pdfnsknsknksnksn nkasnTabela Funções Orgânicas.pdfnsknsknksnksn nkasn
Tabela Funções Orgânicas.pdfnsknsknksnksn nkasn
 
REGULAMENTO DO CONCURSO DESENHOS AFRO/2024 - 14ª edição - CEIRI /UREI (ficha...
REGULAMENTO  DO CONCURSO DESENHOS AFRO/2024 - 14ª edição - CEIRI /UREI (ficha...REGULAMENTO  DO CONCURSO DESENHOS AFRO/2024 - 14ª edição - CEIRI /UREI (ficha...
REGULAMENTO DO CONCURSO DESENHOS AFRO/2024 - 14ª edição - CEIRI /UREI (ficha...
 
PALAVRA SECRETA - ALFABETIZAÇÃO- REFORÇO
PALAVRA SECRETA - ALFABETIZAÇÃO- REFORÇOPALAVRA SECRETA - ALFABETIZAÇÃO- REFORÇO
PALAVRA SECRETA - ALFABETIZAÇÃO- REFORÇO
 
Cartinhas de solidariedade e esperança.pptx
Cartinhas de solidariedade e esperança.pptxCartinhas de solidariedade e esperança.pptx
Cartinhas de solidariedade e esperança.pptx
 
AUTISMO LEGAL - DIREITOS DOS AUTISTAS- LEGISLAÇÃO
AUTISMO LEGAL - DIREITOS DOS AUTISTAS- LEGISLAÇÃOAUTISMO LEGAL - DIREITOS DOS AUTISTAS- LEGISLAÇÃO
AUTISMO LEGAL - DIREITOS DOS AUTISTAS- LEGISLAÇÃO
 
Slides Lição 12, Central Gospel, O Milênio, 1Tr24, Pr Henrique.pptx
Slides Lição 12, Central Gospel, O Milênio, 1Tr24, Pr Henrique.pptxSlides Lição 12, Central Gospel, O Milênio, 1Tr24, Pr Henrique.pptx
Slides Lição 12, Central Gospel, O Milênio, 1Tr24, Pr Henrique.pptx
 
ATIVIDADES de alfabetização do mês de junho
ATIVIDADES de alfabetização do mês de junhoATIVIDADES de alfabetização do mês de junho
ATIVIDADES de alfabetização do mês de junho
 
A festa junina é uma tradicional festividade popular que acontece durante o m...
A festa junina é uma tradicional festividade popular que acontece durante o m...A festa junina é uma tradicional festividade popular que acontece durante o m...
A festa junina é uma tradicional festividade popular que acontece durante o m...
 
O Profeta Jeremias - A Biografia de Jeremias.pptx4
O Profeta Jeremias - A Biografia de Jeremias.pptx4O Profeta Jeremias - A Biografia de Jeremias.pptx4
O Profeta Jeremias - A Biografia de Jeremias.pptx4
 
O Mito da Caverna de Platão_ Uma Jornada em Busca da Verdade.pdf
O Mito da Caverna de Platão_ Uma Jornada em Busca da Verdade.pdfO Mito da Caverna de Platão_ Uma Jornada em Busca da Verdade.pdf
O Mito da Caverna de Platão_ Uma Jornada em Busca da Verdade.pdf
 
Telepsiquismo Utilize seu poder extrassensorial para atrair prosperidade (Jos...
Telepsiquismo Utilize seu poder extrassensorial para atrair prosperidade (Jos...Telepsiquismo Utilize seu poder extrassensorial para atrair prosperidade (Jos...
Telepsiquismo Utilize seu poder extrassensorial para atrair prosperidade (Jos...
 
O século XVII e o nascimento da pedagogia.pptx
O século XVII e o nascimento da pedagogia.pptxO século XVII e o nascimento da pedagogia.pptx
O século XVII e o nascimento da pedagogia.pptx
 
TUTORIAL PARA LANÇAMENTOGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGG
TUTORIAL PARA LANÇAMENTOGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGTUTORIAL PARA LANÇAMENTOGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGG
TUTORIAL PARA LANÇAMENTOGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGG
 
Aula de fundamentos de Programação Orientada a Objeto na linguagem de program...
Aula de fundamentos de Programação Orientada a Objeto na linguagem de program...Aula de fundamentos de Programação Orientada a Objeto na linguagem de program...
Aula de fundamentos de Programação Orientada a Objeto na linguagem de program...
 
cidadas 5° ano - ensino fundamental 2 ..
cidadas 5° ano - ensino fundamental 2 ..cidadas 5° ano - ensino fundamental 2 ..
cidadas 5° ano - ensino fundamental 2 ..
 

guia-de-disciplina-de-pratica-pedagogica-geral.pdf

  • 1. FACULDADE DE CIÊNCIAS SOCIAIS E FILOSÓFICAS. DEPARTAMENTO DE CIÊNCIAS SOCIAIS, CURSO DE HISTORIA GUIA DE DISCIPLINA Disciplina de Pratica Pedagógica Geral MODALIDADE ANO ANO ACADÉMICO SEMESTRE Nº DE CRÉDITOS TOTAL DE HORAS DE ESTUDO DOCENTE/TUTOR DE ESPECIALIDADE EaD 2º 2017 2º 03 27 Angelo Pelembe Bunguele OBJECTIVOS GERAIS DA DISCIPLINA˸  Dominar o conceito de escola, suas características, actividades que se desenvolvem e seus intervenientes;  Conhecer a instituição escolar e a comunidade envolvente;  Desenvolver capacidades de análise crítica e criativa, para uma melhoria da qualidade do ensino e da aprendizagem;  Realizar trabalho de campo na instituição escolar nos aspectos organizacionais, pedagógicos e administrativos; ORIENTAÇÕES INICIAIS Bem-vindo à disciplina de Pratica Pedagógica, cujo Plano temático foi concebidos para que possas visando o principio de aprender a ser professor na realidade objectiva da escola moçambicana, através da observação e integração num meio escolar concreto. Esta disciplina pretende que o estudante tenha as competências de integração de conhecimentos, articulação dos saberes científicos específicos, psicopedagógicos e didácticos;
  • 2. descrever de forma científica, coerente e integrada a vivência experimentada nas Práticas Pedagógicas, analisar científica e criticamente as questões da educação, propor melhorias ao Projecto Pedagógico da escola e contribuir para a melhoria da qualidade de ensino-aprendizagem. Caro estudante, todos os cursos, sobretudo os à distância, desafiam sua capacidade de organização e autonomia, contudo, você dispõe do guia do estudante produzido pela equipa do CEAD, um valioso suporte que você deve consultar para a eficácia e eficiência do seu estudo. Por outro lado a visita regular à Plataforma, no caso desta disciplina nas quartas-feiras e domingos, porque na sala virtual encontrará actividades, meus comentários e espaço de interação (chat e fórum) conforme a programação da semana, bem como recursos como por exemplo, textos complementares, links, vídeos, filmes e outros. O estudo em grupo é uma estratégia que simula a realidade, indispensável para a socialização das experiências individuais, aliás, a educação é um fenómeno eminentemente de enculturação e socialização do património universal, por isso terá um trabalho em orientado e outos sob sua iniciativa. Por último, parece importante aproveitar este espaço para minha sucinta apresentação. Angelo Pelembe Bunguele é Doutorando em História da Africa Contemporânea, Mestre em Administração Pública, especialidade de Desenvolvimento Local pelo Instituto Superior em Administração Pública de Moçambique (ISAP), que lhe confere autoridade científica para ensino, planificação e consultoria da gestão humana e patrimonial das organizações e instituições públicas e privadas; Graduado em ensino de história e Geografia pela Faculdade de Educação (UEM/8 de Março) e pela Universidade Pedagógica (UP); Docente da Universidade Pedagógica, com experiência na direcção de escolas secundárias; na Planificação e Construções escolares e na docência de História Política, Geopolítica-Globalização, Epistemologia de Ciências Sociais, Relações Públicas, Antropologia, Fundamentos de Policiamento Ambiental e Didáctica/Prática Pedagógica Gerais. Possui trabalhos de pesquisa sobre instituições políticas pré-coloniais e sistema colonial português no Khocene, Politicas de desenvolvimento endógeno, financiamento e orçamento locais. Exerce docência há 28 anos, 12 dos quais no ensino superior (contactos:844554089, netopelembe@yahoo.com.br e apbunguele@gmail.com) MATERIAL A SER UTILIZADO NO ESTUDO DA DISCIPLINA A observação e integracao no meio escolar, objecto desta disciplina usa como recursos materiais de trabalho o Regulamento Académico da UP, Regulamento do Ensino Secundário Geral, textos de apoio elaborados pelo tutor, o livro “Praticas Pedagógicas” de Ribeiro (2014), o “Manual de supervisão e Praticas Pedagógicas” de Duarte, Pereira e Francisco (2008), entre outros sempre acompanhados de guias de estudos, que oportunamente serão apresentados detalhadamente de modo a ajudar o caro estudante a manuseá-los.
  • 3. PROPOSTA DO PROGRAMA DE ACTIVIDADES SEMANAIS (em faina) SEMANA CONTEÚDO OBJECTIVOS DE APRENDIZAGEM ACTIVIDADES E EXERCÍCIOS A ACTIVIDADES E EXERCÍCIOS DO MÓDULO E OUTROS RECURSOS PARA O ESTUDO DO CONTEÚDO PRÁTICAS 2 LABORAT ORIAIS DATAS DAS AVALIAÇ 1 Veja a tabela na parte final deste Guia. 2 No caso da previsão de uma determinada prática laboratorial, neste caso na sua escola de ensaio. METODOLOGIA DE ENSINO E APRENDIZAGEM As metodologias que irão orientar o estudo da disciplina privilegiam o estímulo sua actividade e autonomia. Os estudantes serão convidados para uma comunicação em tempo real, em 10 fóruns e whatsApp para a socialização das problemáticas da observação e integração no meio escolar e dos conteúdo de seminários (observação teoria e pratica na escola aa luz do RESG e PTPPG), serão criados 3 chat incidindo sobre dois temas (escola e suas componentes organizacionais e oficinas pedagógicas), considerado no percurso. Por fim, será avaliado um trabalho (relatório de Praticas pedagógicas) e um questionário/teste. PERCURSO Aqui apresento a proposta do programa de actividades semanais1 AVALIAÇÃO DA APRENDIZAGEM Fóruns, correspondem a seminários com peso de 30% Chats, correspondem a participação com peso de 15% Trabalho, corresponde ao trabalho de investigação, com peso de 25% Questionário, corresponde ao teste, com peso de 30% NOTA: Nesta disciplina o caro estudante não será submetido a exame final (consulte o plano de estudos e o plano temático da disciplina)
  • 4. DESENVOLVE R NA PLATAFORM A MATERIAIS ÕES 4/8 a 10/9 Unidade I: Importância e objectivos das práticas pedagógicas gerais no processo de formação de professores; 1.1. A escola e suas componentes obrigacionais; 1.2. As funções do professor; 1.3. O professor e a escola; 1.4. O bom professor  Conceituar escola,  Descrever suas características, actividades e intervenientes, com enfase para o professor; Atender às questões doso fóruns respeitantes à unidade I Leitura dos materiais disponibilizad os e troca de ideias. Duarte, S., Pereira, J.L. e Francisco, Z (2008) Manual de supervisão de práticas pedagógicas, Maputo: Educar-UP, pp. 33 a 44 Esta é a base teórica geral para o trabalho na escola 4ªfeira e doming o (o chat será aberto na quarta e fechado e continuado do domingo) 2ª 11/9- 17/9 Unidade II: Sistema Nacional de Educação 2.1. Princípios, estrutura, subsistemas do SNE e suas funções na 1ª e na 2ª Repúblicas  Relacionar as politicas educacionais e o processo histórico nacional  Conhecer a instituição escolar e a comunidade envolvente;  Desenvolver capacidades de análise crítica e criativa, para uma melhoria da qualidade do ensino e da aprendizagem; Atender às questões do 1º chat Leitura dos materiais disponibilizad os e preparação da interação Lei 8/84 Lei 6/92 Mazula (1995) Educação, cultura e ideologia em moçambique: 1975- 1985 … Gómez (1999) Educação moçambicana: história de um progresso:1962- 1984… Esta é a base teórica geral para o trabalho na escola 4ªfeira e doming o (chats) 3ª 18/9- Unidade III: A observação como técnica de recolha de dados na escola e nas salas 3.1. Métodos, formas e instrumentos de observação 3.2. Técnicas, formas e instrumentos de realização de entrevistas e questionários Descrever as técnicas de observação directa e indirecta da pesquisa social Atender às questões doso fóruns respeitantes à unidade III Leitura dos materiais disponibilizad os e troca de ideias. Giddens (2004: 641- 663) Sociologia… Material usado em Introdução à história e Esta é a base teórica específica do 4ªfeira e doming o (chats)
  • 5. 24/9 3.3. Métodos da recolha de dados e de estudo documental 3.4. Técnicas e formas de análise dos documentos e informações 3.5. Valor da observação na formação dos conteúdos do currículo local metodologia de investigação científica. Duarte, Pereira e Francisco, 2008: 73 a 76. trabalho na escola 4ª 25/9- 1/10 Unidade IV: TRABALHO DE CAMPO: PRATICA PEDAGÓGICA I, PROPRIAMENTE DITA (Ponte com o regulamento do ensino secundário geral e demais instrumentos normativos) Preparar o trabalho de campo na instituição escolar nos aspectos organizacionais, pedagógicos e administrativos; Partilhar experiencias (positivas e negativas) do trabalho na escola (Fóruns) Preparação da visita lendo os materiais e observar humilde e cortesmente a realidade escolar Plano temático de PPG Regulamento académico da UP Regulamento do ensino secundário geral Ribeiro (2013) Identificar a tua escola- laboratório , solicitar credencial e programar/r ealizar a observação 4ªfeira e doming o (chats) 5ª 2/10- 8/10 4.1. ACTIVIDADES DA ÁREA ORGANIZACIONAL  Contacto preliminar com a Direcção da Escola com a finalidade de familiarização com a organização da escola;  Estudo e análise da documentação básica da escola: Plano geral da escola e planos sectoriais; Regulamento de avaliação; Instruções e despachos ministeriais; Planos de estudo e circulares; Estatuto Geral dos Funcionários do Estado, Estatuto do Professor e outros; Livro da turma. Realizar trabalho de campo na instituição escolar nos aspectos organizacionais, Partilhar experiencias (positivas e negativas) do trabalho na escola (Fóruns) Preparação da visita lendo os materiais e observar humilde e cortesmente a realidade escolar Plano temático de PPG Regulamento académico da UP Regulamento do ensino secundário geral Ribeiro (2013) Visitar a tua escola- laboratóri o 4ªfeira e doming o (chats) 6ª 9/10- 15/10 4.2. ACTIVIDADES DA ÁREA PEDAGÓGICA  Estudo e análise de documentos pedagógicos da escola: Planos de estudos de classes, ciclos e grupos de disciplinas; Mapas estatísticos: efectivos escolares, número de alunos por classes e turmas; Número de professores por classes, ciclos, níveis e grupos de disciplina; Elaboração do horário escolar; Organização das turmas; Função do director de turma;Estudo de outros documentos dos directores de Realizar trabalho de campo na instituição escolar nos aspectos pedagógicos Plano temático de PPG Regulamento académico da UP Regulamento do ensino secundário geral Ribeiro (2013) Visitar a tua escola- laboratóri o 4ªfeira e doming o (chats)
  • 6. turmas.  Estudo de documentos do aproveitamento pedagógico: Registo de notas: pautas, livros e cadastros de notas; Mapas estatísticos de aproveitamento pedagógico.  Processos de exames – organização e controle;  - Biblioteca 7ª 16/10- 22/10 4.3. ACTIVIDADES DA ÁREA ADMINISTRATIVA  Estudo dos documentos da Secretaria: Processos dos funcionários; Processos dos alunos.  Organização do arquivo: Pastas de entrada do expediente - sua codificação; Pastas de saída do expediente - sua codificação  Inventários dos bens móveis e imóveis; Pastas de entrada do expediente - sua codificação; Pastas de saída do expediente - sua codificação; Classificador dos bens móveis e imóveis; Actualização do inventário - aquisição e abates  Organização do processo de contas: Organização do processo de matrículas dos alunos.  Contactos com outras secções existentes na escola: Produção escolar; Cantina escolar/centro social; Clube escolar; Centro de saúde. Realizar trabalho de campo na instituição escolar nos aspectos administrativos; Partilhar experiencias (positivas e negativas) do trabalho na escola (Fóruns) Preparação da visita lendo os materiais e observar humilde e cortesmente a realidade escolar Plano temático de PPG Regulamento académico da UP Regulamento do ensino secundário geral Ribeiro (2013) Visitar a tua escola- laboratóri o 4ªfeira e doming o (chats) 8ª 23/10- 29/10 Unidade V: SISTEMATIZACAO Projecto pedagógico da escola  Conceito de projecto, sua concepção e importância na sociologia organizacional.  o director e conselho da escola e projecto pedagógico Conceber um projecto pedagógico, base para habilitar-se na gestão escolar Atender às questões doso fóruns respeitantes à unidade I Leitura dos materiais disponibilizad os e troca de ideias. Obras sobre sociologia organizacional RESG e outras normas Esta é a consolidaç ão do trabalho na escola 4ªfeira e doming o (chats) 9ª 30/10- Reuniões pedagógicas  Tipos e funções das reuniões no meio organizacional  Reuniões pedagógicas e seu alcance na implementação do projecto educativo da escola Desenvolver capacidades de análise crítica e criativa, para uma melhoria da qualidade do ensino e da aprendizagem Atender às questões do 2º chat Leitura dos materiais disponibilizad os e Obras sobre sociologia organizacional (Seekings,1989, Como organizar conferencias e Esta é a consolidaç ão do trabalho 4ªfeira e doming o (chats)
  • 7. 5/11 preparação da interação reuniões …) RESG e outras normas na escola 10ª 6/11- 12/11 Continuação Continuação 4ªfeira e doming o (chats) 11ª 13/11- 19/11 Oficinas pedagógicas  Conceito  Concepção e produção de meios de ensino  Uso do manual do aluno Desenvolver capacidades de análise crítica e criativa, para uma melhoria da qualidade do ensino e da aprendizagem Atender às questões do 3º chat Leitura dos materiais disponibilizad os e preparação da interação Nérici (1993:99-140) RESG e outras normas Módulo prótese (a14/ livro escolar; 15, 16, 17 e 18/ métodos, técnicas, recursos e tenologias0 Esta é a consolidaç ão do trabalho na escola 4ªfeira e doming o (chats) 12ª 20/11- 26/11 Questionário/ teste Idem 21/11/2 017 13ª 27/11- 3/12 Envio do relatório de PP I Idem 23 a 27/11/2 017