SlideShare uma empresa Scribd logo
PREFEITURA MUNICIPAL DE MOSSORÓ
Secretaria Municipal de Educação
Rua Pedro Alves Cabral, 01 – Aeroporto – 59607-140 Mossoró / RN
 IDENTIFICAÇÃO DA UNIDADE EDUCACIONAL:
Nome: Escola Municipal Heloisa Leão
Endereço :Antonio Geraldo de Medeiros
Bairro : Bom Jesus telefone ( 84 ) 3315-5121
E-mail: emheloisaleao@gmail.com
JUSTIFICATIVA
É fundamental que a apresentação seja organizada por itens, contendo os seguintes aspectos:
a - apresentação da escola, revelando as suas características principais como
organização social e sua identidade educacional;
b - descrição da forma como as linhas básicas do Projeto Pedagógico da escola são
implementadas;
c - análise e interpretação dos principais processos de gestão, seus desafios e sua
relação com os resultados de aprendizagem dos alunos;
d - indicação dos principais aspectos que tornam a “escola de qualidade”;
e - destaque da evolução do rendimento escolar dos alunos nos últimos dois anos,
utilizando tabelas e/ou gráficos, e das ações promovidas para a sua melhoria.
Obs.: Se for o caso, explicitar porque os índices de desempenho dos alunos permaneceram os
mesmos.
A -
CARACTERIZAÇÃO DA ESCOLA
 NÍVEIS E MODALIDADES DE ENSINO OFERTADO:
( ) Educação Infantil ( x ) Ensino Fundamental ( ) Educação de Jovens e Adultos
 PERÍODO DE FUNCIONAMENTO:
( x ) Manhã ( x ) Tarde ( ) Noite ( x ) Horário integral/Mais Educação
 NÚMERO DE ALUNOS POR TURMA EM 2014:
TURMAS 1º 2° 3º 4º 5º 6º 7º 8º 9º TOTAL
DE
ALUNOS
MÉDIA DE
ALUNOS POR
TURMA
Manhã 32 26 48 42 42 190 24
Tarde - - - - - 37 35 19 09 100 25
Noite - - - - - - - - - - -
Integral - - - - - - - - - - -
TOTAL DE
ALUNOS
32 26 48 42 42 37 35 19 09 290
 QUADRO DE DOCENTES DA ESCOLA EM 2014
N° PROFESSOR ANO ESCOLAR CARGA HORÁRIA
01 EVA LÚCIA DANTAS 1º ANO U 30
02 MARIA LÚCIA DE OLIVEIRA NASCIMENTO 2º ANO U 30
03 ROSÂNGELA MARIA NOBERTO DA SILVA 3º ANO A VACÂNCIA
04 ELIEMARY APARECIDA CORDEIRODE FREITAS 3º ANO B BOLSISTA
05 ERIKA LAYANE BASÍLIO 4º ANO A 40
06 EDNA MARIA ALVES DA SILVA 4º ANO B 30
07 CLEIDE REGINA DA SILVA 5º ANO A 30
08 CLEIDE REGINA DA SILVA 5º ANO B VACÂNCIA
09 CARLOS DANTAS FERNANDES 1º AO 5º ANO 30 EDUC. FÍSICA
10 MARIA DE FÁTIMA BARBOSA DA SILVA 6º AO 9º ANO 30
11 STÊNIO LÚCIO DA ROCHA 6º AO 9º ANO 40
12 MELQUISEDEC KLEBER DA SILVA 6º AO 9º ANO 40
13 JOÃO PAULO MONTENEGRO SILVA 6º AO 9º ANO 40 EDUC. FISICA
14 CRISTIANA GOMES DE OLIVEIRA 6º AO 9º ANO 30
15 DANIEL GUSTAVO LIRA DOS SANTOS 6º AO 9º ANO 40
16 FRANCISCO VALBERTO DANTAS 6º AO 9º ANO 30
17 WALBER FERREIRA DA SILVA 6º AO 9º ANO 30
Obs.1
O Parâmetro 2 da dimensão Gestão Pedagógica destaca como critério práticas inovadoras apresentadas por total de professores em
porcentagem, no processo de análise será necessário o quadro de docentes para identificarmos quantos professores da escola realizaram práticas
inovadoras.
 INDICADORES DESEMPENHO DA ESCOLA:
A- EDUCAÇÃO INFANTIL:
INDICADOR
ANO
MATRICULA
INICIAL
MATRICULA
FINAL
ÍNDICE DE
FREQUÊNCIA (%)
TAXA DE
ABANDONO (%)
2013 - - - -
2014 - - - -
Obs.2
Conforme Lei de nº 12.796, de 4 de abril de 2013 a frequência mínima obrigatória na Educação infantil é de 60%. Quanto a criança que
falta, a instituição deve informar ao Conselho Tutelar e ao Ministério Público.
B- ANOS INICIAIS:
INDICADOR
ANO
MATRICULA
FINAL
TAXA DE
ALFABETIZAÇÃO
(%)
TAXA DE
APROVAÇÃO
(%)
TAXA DE
REPROVAÇÃO
(%)
TAXA DE
ABANDONO
(%)
TAXA DE
DISTORÇÃO
IDADE/SÉRIE
(%)
MÉDIA
GLOBAL
2013 176 77,0 83,0 17,0 1,1 15,3 6,5
2014 176 86,0 93,8 6,3 - 19,3 7,0
C - ANOS FINAIS:
INDICADOR
ANO
MATRICULA
FINAL
TAXA DE
APROVAÇÃO
(%)
TAXA DE
REPROVAÇÃO
(%)
TAXA DE
ABANDONO
(%)
TAXA DE
DISTORÇÃO
IDADE/SÉRIE (%)
MÉDIA
GLOBAL
2013 91 81,3 18,7 1,1 16,5 6,7
2014 90 83,0 7,8 - 45,6 7,0
D - EDUCAÇÃO DE JOVENS E ADULTOS:
INDICADOR
ANO
MATRICULA
FINAL
TAXA DE
APROVAÇÃO
(%)
TAXA DE
REPROVAÇÃO
(%)
TAXA DE
ABANDONO
(%)
TAXA DE
DISTORÇÃO
IDADE/SÉRIE (%)
TAXA DE
ALFABETIZAÇÃO
MÉDIA
GLOBAL
2013 34 82,4 17,6 50,0 - - 7,4
2014 - - - - - - -
 DADOS DA PROVINHA BRASIL E IDEB:
ANO
PROVINHA BRASIL
1ª FASE
PROVINHA BRASIL
2ª FASE
IDEB
1º ao 5º ano 6º ao 9º ano
L. PORTUGUESA MATEMÁTICA L. PORTUGUESA MATEMÁTICA
2013
4,5
2014
 DADOS DA ANA:
ANO
ANA - LEITURA ANA - ESCRITA ANA - MATEMÁTICA
FREQUÊNCIA
DE ALUNOS
QUANTIDADE DE ALUNOS
POR NÍVEL ALCANÇADO
FREQUÊNCIA
DE ALUNOS
QUANTIDADE DE ALUNOS
POR NÍVEL ALCANÇADO
FREQUÊNCIA
DE ALUNOS
QUANTIDADE DE ALUNOS
POR NÍVEL ALCANÇADO
NÍVEL
1
NÍVEL
2
NÍVEL
3
NÍVEL
4
NÍVEL
1
NÍVEL
1
NÍVEL
1
NÍVEL
4
NÍVEL
1
NÍVEL
1
NÍVEL
1
NÍVEL
4
2013 33,33 51,67 15,00 0,00
53,57 14,29 20,00 5,00 24,99 48,57 22,14 5,00
2014
 DADOS DOS ALUNOS DESTAQUES
ANO ESCOLAR
5° ANO
Claúdia Ines Ferreira da Silva
ANO ESCOLAR
MÉDIA
GLOBAL
PERC. DE
FREQUÊNCIA
9,5 97%
ANO ESCOLAR
9° ANO
NOME COMPLETO
ANO ESCOLAR
MÉDIA
FINAL
PERC. DE
FREQUÊNCIA
Obs.3
Conforme Lei de Responsabilidade Educacional, de nº 2717/2010, o aluno destaque deve ter frequência média superior a 85% e os
melhores rendimentos em todas as disciplinas.
Comissão Própria de Avaliação - CPA
Mossoró, ____ de ____________ de 2015.
OBSERVAÇÕES:
 Os dados devem ser coletados em documentos oficiais: Boletins do Censo Escolar, Mapa Educacional
2014 e em documentos da escola.
 Anexar ata da reunião do Conselho Escolar e Comissão para preenchimento dos documentos que
compõem a FASE DE AUTO AVALIAÇÃO.
 Os dados do consolidado da autoavaliação devem estar coerentes com os dados do detalhamento.
 Os documentos comprobatórios devem, necessariamente, estar relacionados ao parâmetro e
critérios marcados em cada dimensão.
 O DOSSIÊ DEVERÁ SER ENTREGUE ATÉ O DIA 31/07/2015 - (ATÉ AS 17h).
 APÓS PREENCHIMENTO DESTE INSTRUMENTO EXCLUA AS OBSERVAÇÕES
CONSOLIDADO DA AUTOAVALIAÇÃO – PRÊMIO “ESCOLA DE QUALIDADE”
DIMENSÃO PARÂMETROS
INDICADOR
1 2 3 4 5
1. Gestão pedagógica:
Abrange processos e práticas de gestão
pedagógica orientados para assegurar a
aprendizagem dos alunos, em
# Garante o acesso e a permanência dos alunos, inclusive com
deficiências, nas classes comuns do ensino regular.
x
# Realiza práticas de organização do tempo/espaço, de modo
que assegure ações que aprimoram a qualidade do ensino e o
atendimento às necessidades de aprendizagens dos alunos.
x
# Garante a atualização e validação do Projeto Político
Pedagógico anualmente, com a participação de todos os
segmentos da comunidade escolar.
x
consonância com o Projeto Pedagógico
da escola.
PESO: 4,0 Subtotal
2. Gestão de pessoas:
Abrange processos e práticas de gestão
dos profissionais da educação.
# Promove o desenvolvimento profissional em relação aos
conhecimentos, habilidades e atitudes, através de ações de
formação continuada com base nas necessidades identificadas.
x
# Adota práticas avaliativas do desempenho de professores e
dos demais profissionais, ao longo do ano letivo.
x
# Promove práticas de valorização e reconhecimento do
trabalho e esforço dos professores e demais profissionais da
escola no sentido de reforçar ações voltadas para melhoria da
qualidade do ensino.
x
PESO: 1,0 Subtotal
3. Planejamento e gestão: Abrange
processos e práticas de gestão dos
serviços de apoio, recursos físicos e
financeiros.
# Realiza de forma sistemática, coletiva e cooperativa o
planejamento dos serviços e das atividades escolares
oferecidas.
x
# Zela pela transparência da gestão, utilizando os canais de
comunicação da escola para divulgar informações de prestação
de contas dos recursos, dos resultados obtidos pela escola e
das estratégias utilizadas na resolução de problemas.
x
# Desenvolve projetos nas áreas de saúde, esporte, assistência
social e/ou cultura, ampliando as atividades internas e externas
da escola, firmando parcerias externas a comunidade escolar.
x
# Aplica os recursos financeiros conforme plano de aplicação
construído coletivamente, dando prioridade as necessidades e
faz a entrega das prestações de contas na SME dentro dos
prazos determinados.
x
PESO: 2,0 Subtotal
4. Avaliação e resultados: Abrange
processos e práticas de gestão voltadas
para assegurar a melhoria dos
resultados de desempenho da escola –
rendimento, frequência e proficiência
dos alunos.
# Desenvolve um sistema de monitoramento das metas e ações
estabelecidas no Projeto Político Pedagógico, garantindo
condições de efetivação e sucesso.
x
# Acompanha cada aluno da escola individualmente, mediante
registro de sua frequência e do seu desempenho nas
avaliações.
x
# Alfabetiza as crianças até, no máximo, os oito anos de idade,
aferindo os resultados por exame periódico específico.
x
# Adota ações de combate à evasão e repetência, com
sistemática de monitoramento a fim de garantir a efetividade e
sucesso dos alunos.
x
PESO: 3,0 Subtotal
TOTAL GERAL
LEGENDA 1:
1. MUITO AQUÉM DO ESPERADO
2. AQUÉM DO ESPERADO
3. NÍVEL ACEITAVÉL
4. ALÉM DO ESPERADO
5. MUITO ALÉM DO ESPERADO
DETALHAMENTO DA AUTOAVALIAÇÃO - PRÊMIO “ESCOLA DE QUALIDADE” –
a) Gestão pedagógica: Abrange processos e práticas de gestão pedagógica orientados para
assegurar a aprendizagem dos alunos, em consonância com o Projeto Pedagógico da escola.
Estabelece como foco a melhoria da qualidade do processo de ensino e de aprendizagem.
PARÂMETRO CRITÉRIO
MARQUE
APENAS UMA
ALTERNATIVA
# Garante o acesso e a permanência dos
alunos, inclusive com deficiências, nas
classes comuns do ensino regular.
1. Não houve matrícula nova e a evasão foi superior a
10%.
2. Não houve matrícula nova e houve evasão até 5%.
3. Houve matrícula nova e menos de 5% de evasão.
4. Houve expansão de matrícula e não houve evasão. x
5. Houve expansão acima de 20% e não houve evasão.
# Realiza práticas de organização do
tempo/espaço, de modo que assegure
ações que aprimoram a qualidade do
ensino e o atendimento às necessidades
de aprendizagens dos alunos.
1. Não foi apresentada nenhuma prática inovadora por
nenhum dos professores.
2. Foram apresentadas praticas inovadoras por menos de
10% dos professores.
3. Foram apresentadas praticas inovadoras por mais de
10% dos professores
4. Foram apresentadas praticas inovadoras por 20% dos
professores.
x
5. Foram apresentadas praticas inovadoras por mais de
20% dos professores
# Garante a atualização e validação do
Projeto Político Pedagógico anualmente,
com a participação de todos os segmentos
da comunidade escolar.
1. O PPP não foi atualizado e nem validado.
2. O PPP foi atualizado, mas NÃO foi validado com a
participação dos segmentos da comunidade escolar.
3. O PPP foi atualizado e validado com a participação de
representantes dos segmentos da comunidade escolar.
4. O PPP foi atualizado e validado com a participação de
representantes dos segmentos da comunidade escolar, com
resultados positivos.
x
5. O PPP foi atualizado e validado com a participação de
representantes dos segmentos da comunidade escolar, com
resultados positivos e inovadores.
Total de pontos
* Quando a expansão da matrícula foi limitada pelo espaço físico considerar o nível 5.
RELATÓRIO POR PARÂMETRO (EXEMPLO)
A) Garante o acesso e a permanência dos alunos, inclusive com deficiências nas classes comuns do ensino
regular.
3. Houve matrícula nova e menos de 5% de evasão.
Em 2014 a matrícula cresceu 10% em relação a 2013 e a evasão atingiu 1,0%. Conforme Boletim do Censo
Educacional 2014 (anexo 1).
A escola recebeu 02 alunos com deficiências (anexo 2).
Encaminhou para o atendimento no AEE em outra Instituição Educacional os alunos deficientes conforme
declaração do AEE (anexo 3).
(APÓS LEITURA, EXCLUA TUDO QUE ESTIVER EM VERMELHO)
A) Garante o acesso e a permanência dos alunos, inclusive com deficiências nas classes comuns do ensino
regular.
4. Houve expansão de matrícula e não houve evasão.
A Escola Municipal Heloisa Leão de Moura iniciou o ano de 2014 com 267 alunos e não houve
evasão, fato que não ocorria há muitos anos, fruto de um trabalho árduo e contínuo. Mesmo com a extinção
do EJA a escola manteve a mesma média de matrículas, segundo o Censo Escolar 2014(anexo 1). A EJA foi
analisada pela equipe da secretaria que por várias vezes visitou a escola no turno noturno e percebeu a
ausência de alunos, de professores e de supervisor, o índice muito grande de violência, chegando à
conclusão que melhor seria extinguir a EJA. A escola aceitou a decisão pensando no melhor para a
comunidade escolar.
A escola teve sete alunos com deficiência (anexo 2-Censo Escolar). Todos participando efetivamente
das atividades pedagógicas. (esse texto pode ser expandido acrescentando mais detalhes.)
(colocar nesse espaço fotos de alunos com deficiência realizando atividades na escola )
B) Realiza práticas de organização do tempo/espaço, de modo que assegure ações que aprimoram a
qualidade do ensino e o atendimento às necessidades de aprendizagens dos alunos.
4. Foram apresentadas práticas inovadoras por 20% dos professores.
Para o melhor desempenho dos alunos, e do espaço físico da escola desenvolvemos atividades que
envolvessem a biblioteca e a sala de informática, para que de forma significativa possamos construir novos
conhecimentos, e também ganhamos as mesas digitais que causou um efeito muito produtivo juntos aos
alunos do 1º ano. Com os recursos do PDDE sustentabilidade, compramos depósitos de coleta seletiva
visando a conscientização e preservação do nosso espaço físico e do meio ambiente.
Aprendendo nas mesas digitais ( todo o ano) Aula de leitura na biblioteca
Pesquisa no laboratório de informática Utilização dos coletores pelos alunos
RESULTADOS
Observamos que os nossos alunos com relação a biblioteca estão com uma nova postura valorizando o
significado da leitura para uma boa aprendizagem, e usando a muti mídia como instrumento de pesquisa para
aprimorar os conhecimentos. Com os coletores passaram a utilizar no dia a dia, evitando a sujeira no espaço
físico,utilizado por todos.
IMPACTO
Percebemos uma mudança significativa 80% dos alunos mais conscientes da necessidade da busca de novos
conhecimentos e um ambiente mais limpo e acolhedor.
A escola realizou o Projeto Interdisciplinar “O lixo no nosso ambiente escolar” (anexo 4), envolvendo as
disciplinas Língua Portuguesa, Ciências e Artes, cujo objetivo foi estimular a mudança prática de atitudes e a
formações de novos hábitos, proporcionando a reflexão sobre a importância e responsabilidade em manter a
escola limpa.
Fig. 1. Dramatização “Escola Limpa”, alunos do 5º ano A, 15/04/2014. Fig.2. Paródia Reciclar é preciso, alunas do 5° B, 16/04/2015.
OBS.: Fotos usadas apenas como ilustração, retiradas do site slideshare.net, todos os direitos reservados ao site.
RESULTADOS
Percebeu-se mudanças nas atitudes dos alunos, pois com a realização do projeto estes passaram a usar
cotidianamente as lixeiras e evitam jogar o lixo nas salas de aulas e nos demais ambientes da escola.
IMPACTO
A mudança de atitude com relação a manter a escola limpa, envolveu aproximadamente 70% do total de
alunos da escola.
C) Garante a atualização e validação do Projeto Político Pedagógico anualmente, com a participação de
todos os segmentos da comunidade escolar.
4. O PPP foi atualizado e validado com a participação de representantes dos segmentos da comunidade
escolar, com resultados positivos.
A escola realizou atualizações no diagnóstico da escola, nas concepções de aprendizagem e avaliação,
nos resultados esperados, como também nos projetos realizados (anexos 5 e 6) com a validação e
participação do Conselho Escolar conforme consta em ata (anexo 7). Com isso apresentou-se melhoria nas
práticas escolares que se refletiram na redução do índice de evasão (anexo 8).
Obs.: Aqui é essencial especificar quais as atualizações foram realizadas, o que foi retirado ou modificado.
4. O PPP foi atualizado e validado com a participação de representantes dos segmentos da comunidade escolar, com resultados
positivos.
Visando melhorar os resultados obtidos, metas a ser alcançadas, objetivos a ser cumpridos a equipe juntamente com a
comunidade escolar em reunião discutiu a importância das ações inseridas no PPP , em várias momentos de extrarregência com os
docentes e reuniões com os pais e responsáveis, discutimos sobre atualização do ppp , contamos com a colaboração de todos. Por
entender a sua importância no processo do ensino aprendizagem.
 ANEXAR DOCUMENTOS COMPROBATÓRIOS PARA CADA PARÂMETRO
INDICADO.
DETALHAMENTO DA AUTOAVALIAÇÃO - PRÊMIO “ESCOLA DE QUALIDADE” –
b) Gestão de pessoas: Abrange processos e práticas de gestão dos profissionais da educação:
Estabelece como foco o envolvimento e o compromisso das pessoas (professores e demais
profissionais, pais e alunos) com o projeto pedagógico da escola e as inovações na gestão.
PARÂMETRO CRITÉRIO
MARQUE
APENAS UMA
ALTERNATIVA
# Promove o desenvolvimento
profissional em relação aos
conhecimentos, habilidades e atitudes,
através de ações de formação continuada
com base nas necessidades identificadas.
1. Não houve ações de formação continuada promovidas pela
escola.
2. Houve apenas uma ação de formação continuada com base
nas necessidades e envolveu menos de 50% dos profissionais
da escola.
3. Houve apenas cinco ações de formação continuada com
base nas necessidades, envolvendo 50% dos profissionais da
escola.
4. Houve mais de cinco e menos de dez ações de formação
continuada com base nas necessidades, envolvendo mais 50%
dos profissionais da escola.
x
5. Houve mais de dez ações de formação continuada com
base nas necessidades, envolvendo 100% dos profissionais da
escola.
# Adota práticas avaliativas do
desempenho de professores e dos demais
profissionais, ao longo do ano letivo.
1. Não foi realizada nenhuma prática avaliativa do
desempenho dos profissionais.
2. Foram realizadas práticas avaliativas apenas dos
professores.
3. Foram realizadas práticas avaliativas do desempenho dos
profissionais da educação pela equipe gestora.
4. Foram realizadas práticas avaliativas do desempenho dos
profissionais da educação pelo Conselho Escolar 1 vez por
ano.
5. Foram realizadas práticas avaliativas do desempenho dos
profissionais da educação pelo Conselho Escolar 1 vez por
semestre.
1. Não promove ações de valorização e reconhecimento.
# Promove práticas de valorização e
reconhecimento do trabalho e esforço
dos professores e demais profissionais
da escola no sentido de reforçar ações
voltadas para melhoria da qualidade do
ensino.
2. Promove ações pontuais sem planejamento.
3. Promove ações com base em diagnóstico e planejamento. x
4. Promove ações, monitora e avalia os resultados.
5. Promove ações proativas e tem resultados positivos.
Total de pontos
RELATÓRIO POR PARÂMETRO
# Promove o desenvolvimento profissional em relação aos conhecimentos, habilidades e atitudes, através de ações de
formação continuada com base nas necessidades identificadas.
4. Houve mais de cinco e menos de dez ações de formação continuada com base nas necessidades, envolvendo mais 50% dos
profissionais da escola.
# Adota práticas avaliativas do desempenho de professores e dos demais profissionais, ao longo do ano letivo.
# Promove práticas de valorização e reconhecimento do trabalho e esforço dos professores e demais profissionais da
escola no sentido de reforçar ações voltadas para melhoria da qualidade do ensino.
ANEXAR DOCUMENTOS COMPROBATÓRIOS PARA CADA PARÂMETRO INDICADO.
DETALHAMENTO DA AUTOAVALIAÇÃO - PRÊMIO “ESCOLA DE QUALIDADE” –
c) Planejamento e gestão: Abrangem processos e práticas de gestão dos serviços de apoio,
recursos físicos e financeiros.
Estabelecer como foco os processos e práticas eficientes e eficazes de gestão dos serviços de
apoio, recursos físicos e financeiros.
PARÂMETRO CRITÉRIO
MARQUE APENAS
UMA ALTERNATIVA
# Realiza de forma sistemática, coletiva
e cooperativa o planejamento dos
serviços e das atividades escolares
oferecidas.
1. Não planeja.
2. Planeja sem participação da comunidade escolar.
3. Planeja com os professores, supervisores e
demais profissionais da escola.
4. Planeja coletivamente, monitora e avalia.
5. Planeja efetivamente, monitora e avalia com toda
equipe escolar.
x
# Zela pela transparência da gestão,
utilizando os canais de comunicação da
escola para divulgar informações de
prestação de contas dos recursos, dos
resultados obtidos pela escola e das
estratégias utilizadas na resolução de
1. Não zela pela transparência da gestão.
2. Divulga os resultados e publica prestação de
constas 1 vez no ano.
3. Divulga os resultados e publica prestação de
constas semestralmente nos murais da escola
4. Divulga os resultados e publica prestação de
constas da escola, mensalmente, em vários canais.
problemas. 5. Divulga os resultados e publica prestação de
constas da escola, mensalmente, avaliando os
impactos.
x
# Desenvolve projetos nas áreas de
saúde, esporte, assistência social e/ou
cultura, ampliando as atividades internas
e externas da escola, firmando parcerias
externas a comunidade escolar.
1. Não desenvolve projetos.
2. Desenvolve projetos apenas na área da saúde.
3. Desenvolve projetos em mais de duas áreas, sem
parcerias.
4. Desenvolve projetos internos nas diversas áreas,
com parcerias.
5. Desenvolve projetos internos e externos nas
diversas áreas, com várias parcerias.
x
# Aplica os recursos financeiros
conforme plano de aplicação construído
coletivamente, dando prioridade as
necessidades e faz a entrega das
prestações de contas na SME dentro dos
prazos determinados.
1. Não constrói Plano de Aplicação.
2. Constrói Plano de Aplicação sem a consultar o
Conselho e sem respeitar as prioridades.
3. Constrói Plano de Aplicação com consulta ao
Conselho e respeitando as prioridades.
4. Constrói Plano com consulta ao Conselho, e
aplica recursos respeitando as prioridades e entrega
as prestações de contas na SME dentro dos prazos
estabelecidos.
5. Constrói Plano com consulta ao Conselho, aplica
os recursos respeitando as prioridades entrega as
prestações de contas na SME dentro dos prazos
estabelecidos e amplia com parcerias.
x
Total de pontos
RELATÓRIO POR PARÂMETRO
# Realiza de forma sistemática, coletiva e cooperativa o planejamento dos serviços e das atividades escolares
oferecidas.
6. Planeja efetivamente, monitora e avalia com toda equipe escolar.
Nos encontros de extrarregência,os docentes tem oportunidade em expor suas dificuldades enfrentadas no
dia a dia em sala de aula , monitoramos e avaliamos individualmente alunos com dificuldades na
aprendizagem e comportamento, discutimos o que podemos fazer nos casos mais críticos, sobre os alunos
faltosos entramos em contato com a família através de visitas domiciliar ou por telefone para saber quais os
motivos que levam a criança a faltar aula, e como a escola pode ajudar de forma significativa , foi assim
que conseguimos todas as metas planejadas com relação aos índices de aprovação e evasão.
# Zela pela transparência da gestão, utilizando os canais de comunicação da escola para divulgar informações de
prestação de contas dos recursos, dos resultados obtidos pela escola e das estratégias utilizadas na resolução de
problemas.
5. Divulga os resultados e publica prestação de constas da escola, mensalmente, avaliando os impactos.
Zelando pela democracia, fazemos juntos o nosso plano de aplicação e conforme vamos recebendo os recursos
vamos expondo nos quadros de anúncios da escola.
# Desenvolve projetos nas áreas de saúde, esporte, assistência social e/ou cultura, ampliando as atividades internas e
externas da escola, firmando parcerias externas a comunidade escolar.
7. Desenvolve projetos internos e externos nas diversas áreas, com várias parcerias.
As parcerias são de grande importância e contribui significativamente com o desenvolvimento da instituição
escolar. É muito gratificante falarmos dos nossos parceiros, que sempre nos ajudam a ampliarmos nossas atividades,
beneficiando toda comunidade escolar. São eles:Unidade Básica de Saúde - UBS do bairro , Universidade Estadual do
Rio Grande do Norte - UERN (educart), Companhia de Teatro máscara projeto escola em cena, Mulheres em Ação,
Gazeta do Oeste ,Conselho Tutelar e a policia militar com o PROERD.
Relatório das ações desenvolvidas pela UBS Dr. Antonio Soares Junior –
Dentro das ações e estratégias do Programa de Saúde realizadas no ano de 2014 nesta escola tivemos: palestras
educativas e apresentações audiovisuais com temas relacionados à educação sexual, saúde reprodutiva e
prevenção das DST/AIDS, prevenção no uso de drogas e violência,controle das vacinas , promoção da saúde
ambiental, saúde bucal, escovação,juntamente com aplicação de flúor , distribuição de escovas nas turmas do 1º
ao 9º ano, supervisionado pela Drª Jacqueline Cavalcante e Silva . Esse conjunto de ações só foi possível
acontecer graças ao esforço dos profissionais da UBS e Escola Municipal Heloisa Leão de Moura.
Tratamento dentário Controle de vacina
Escovação com aplicação de flúor Palestra
Escola em Cena Companhia Máscara Escola em Cena
Esse projeto desenvolvido nas escolas municipais de Mossoró é destinado à professores , alunos e tem como
ojetivo organizar o acesso dos mesmos produção de teatro e dança, visando orientação as escolas para que essas
atividades culturais sejam articuladas ao desenvolvimento do currículo de forma a contextualizar no ensino das
disciplinas.As linguagens de teatro e dança são componentes da disciplina e Ensino da Arte no EnsinoFundamental. É
importante que o professor comece esse trabalho antes do momento de apreciação de um espetáculo e a participação
pelos alunos permitindo experiencias mais significativa para ambos. Esse projeto vem como complemento das
atividades pedagógicas e deve está coerente com os objetivos e procedimentos definido no planejamento do professor.
Um grupo de alunos da E.M.Heloisa Leão de Moura participaram de uma apresentação teatral na E.M. Mauricio de
Oliveira/Maisa RN e no Teatro Municipal Dix- Huit Rosado Maia, com o tema “Nem Tudo Que o Mestre Mandar” foi
muito gratificante à atuação e o envolvimento dos mesmos.
Escola em cena Apresentação em uma escola na zona rural
Polícia Militar – PROERD
O Programa Educacional de Resistência as Drogas visa o envolvimento da escola, família e comunidade na
questão das drogas e violência, desenvolve ações pedagógica de prevenção ao uso de drogas e a violência nas escolas
públicas de um modo geral, tem como objetivo „ fortalecer a auto-estima das crianças e adolescentes a valorizarem a
vida, mostrando opções saudáveis de comportamento, longe das drogas e da violência”. Essa parceria tem contribuído
muito com o bom desempenho dos alunos através de atividades esportivas,competições e ações solidárias. Na E.M.
Heloisa Leão de Moura temos duas turmas de 5º ano que participam das aulas dois dias na semana com policial Edmar
que desenvolvia atividades pedagogias, como aula expositiva,filmes, música e o uso do livro enfatizando os prejuízos
causados a saúde com o uso das drogas. No final do ano foi realizado a cerimônia de conclusão com todas as escolas
que participaram do curso, com a entrega do certificado e a camiseta aos alunos que participaram do programa.
Sala de aula 5º ano Cerimônia de Conclusão do PROERD
UERN - EDUCART
O educart é um programa desenvolvido pela Pró-Reitoria de Extensão – PROEX, coordenado pelo professor
Alexandre Nader desenvolvido nessa escola dois dias na semana com alunos do 6º ao 9º ano com as atividades
diversificadas, ministradas por bolsistas da UERN. Esse programa tem como objetivo desenvolver manifestações
artísticas nas escolas públicas de Mossoró. Nessa temática os professores desenvolvem atividades de teatro, dança,
música ( violão) e audiovisual em escolas públicas, aliando arte à educação. Nessa escola temos um grupo de meninos
e meninas que participam com entusiasmo dedicação e responsabilidade as aulas ministradas no horário intermediário.
Podemos perceber mudanças de atitudes e a valorização à arte e o envolvimento de cada um.
EDUCART – aula de dança Aula de violão - EDUCART
Visão Mundial – mulheres em Ação
Mulheres em ação desenvolvem atividades diversas em parceria com o Projeto da Visão
Mundial através de apadrinhamentos de pessoas voluntárias de outros países que contribuem
financeiramente com o mesmo para desenvolver programas de ajuda as pessoas da comunidade
visando o bem estar de cada um e o acompanhamento dos filhos em idade escolar.Essas crianças
são selecionadas através do contato com a família, são cadastradas no programa e a partir daí são
estabelecidos vínculos com os padrinhos através de cartas que a própria criança escreve. Nesta
escola temos vários alunos que participam das atividades desenvolvidas por esse grupo.
Atividades na escola Apresentação de Teatro
UERN- Prevenção contra a Violência e drogas
Essa Instituição de Ensino mantêm parceria com esta escola e desenvolve ações relacionadas a prevenção contra ao
uso das drogas e a prática de violência. São designados estudantes universitários do curso de pedagogia para vir dois
dias na semana, para realizar atividades com os alunos do 6º ao 9º ano em horário oposto ao que estuda. São atividades
diversificadas como: palestra, futebol, dinâmicas, brincadeiras, filmes etc.. Todas essas atividades tem como objetivo
levar o aluno a refletir sobre os prejuízos que a droga e a violência promove na vida do ser humano.
Atividades com os alunos Assistindo filmes
CONSELHO TUTELAR
Sabemos que esse conselho foi criado para garantir os direitos da criança e dos adolescentes previsto no Estatuto
da Criança e do Adolescente e sua função tomar providências em casos de ameaças ou violação a esses direitos, para
isso tem os conselheiros que são acionados para verificar essa violação. Hoje enfrentamos muitos problemas nas
escolas com alunos problemáticos e as famílias que não tem responsabilidade em mandar o filho para a escola e
acompanhar o mesmo. Por várias vezes a equipe pedagógica da escola já encaminhou alunos ao Conselho Tutelar
através de relatórios e também convidando o mesmo para realizar palestra para os pais mostrando a responsabilidade
deles para com os filhos.
Reunião de pais Palestra com os pais / conselho tutelar
GAZETA CIDADÃ
O projeto Gazeta Cidadã esteve presente na E. M. Heloisa Leão de Moura com o objetivo de trazer novos
conhecimentos com metodologias inovadoras para ser desenvolvido com os alunos de 1º ao 9º ano com o propósito do
professor trabalhar leitura e escrita em sala de aula, para tanto a escola recebeu o jornal. Os alunos tiveram
oportunidade de conhecer o que é um jornal, quais as partes,quem escreve e onde é feito.Apresentaram teatro
mostrando a importância do jornal como meio de comunicação, distribuíram picolé, pipoca. Houve uma participação
de todos que fazem essa Instituição de Ensino.
Gazeta Cidadã na escola Atividade na escola com a Gazeta Cidadã
# Aplica os recursos financeiros conforme plano de aplicação construído coletivamente, dando prioridade as
necessidades e faz a entrega das prestações de contas na Secretaria Municipal de Educação (SME) dentro do prazo
determinado.
8. Constrói Plano com consulta ao Conselho, aplica os recursos respeitando as prioridades entrega as prestações
de contas na SME dentro dos prazos estabelecidos e amplia com parcerias.
Tendo como base uma gestão democrática, conversamos com os membros do conselho e com toda escola, ouvimos
as opiniões, verificamos quais são as prioridades, e dessa forma fazemos o nosso plano de aplicação, estão sempre
trabalhando para fazer melhor e fazemos com responsabilidade a entrega das prestações em dias de acordo com seus
respectivos setores.
PRESTAÇOES EXPOSTAS NOS MURAIS
Obs.: Entre as comprovações para este indicador deve constar declaração do setor de prestações de contas da SME de
que as prestações de contas da escola foram entregues dentro dos prazos determinado, ou seja, até 30 dias após
recebimento dos recursos.
ANEXAR DOCUMENTOS COMPROBATÓRIOS PARA CADA PARÂMETRO INDICADO.
DETALHAMENTO DA AUTOAVALIAÇÃO - PRÊMIO “ESCOLA DE QUALIDADE” –
d) Avaliação e resultados: Abrange processos e práticas de gestão voltadas para assegurar a
melhoria dos resultados de desempenho da escola – rendimento, freqüência e proficiência dos
alunos.
Estabelece como foco a aprendizagem, apontando resultados concretos a atingir.
PARÂMETRO CRITÉRIO
MARQUE APENAS
UMA
ALTERNATIVA
# Desenvolve um sistema de
monitoramento das metas e ações
estabelecidas no Projeto Político
Pedagógico, garantindo condições de
efetivação e sucesso.
1. Não desenvolve sistema de monitoramento do
PPP.
2. Tem o sistema e não desenvolve o
monitoramento.
3. Tem o sistema de monitoramento do PPP.
4. Tem sistema de efetivo monitoramento das metas
e ações do PPP.
5. Tem sistema de efetivo monitoramento das metas
e ações do PPP, redimensionando o planejamento
da escola.
x
# Acompanha cada aluno da escola
individualmente, mediante registro de
sua frequência e do seu desempenho nas
avaliações.
1. Não faz acompanhamento dos alunos.
2. Faz o acompanhamento e não registra as
informações.
3. Faz o acompanhamento e registra as
informações.
4. Faz o acompanhamento, registra e analisa as
informações.
5. Faz o acompanhamento, registra, analisa e faz
uso dessas informações no planejamento.
x
# Alfabetiza as crianças até, no máximo,
os oito anos de idade, aferindo os
resultados por exame periódico
específico.
1. Alfabetizou menos de 50% das crianças com até
oito anos.
2. Alfabetizou entre 51% a 69%% das crianças com
até oito anos.
3. Alfabetizou entre 70% a 79% das crianças com
até oito anos.
4. Alfabetizou entre 80% a 99% das crianças com
até oito anos.
x
5. Alfabetizou 100% das crianças com até oito
anos.
# Adota ações de combate à evasão e
repetência, com sistemática de
monitoramento a fim de garantir o a
efetividade e sucesso dos alunos.
1. Não adota ações de combate a evasão.
2. Adota ações de combate a evasão, sem
monitoramento.
3. Adota ações de combate à evasão, com
monitoramento, e mesmo assim apresentou índice
de evasão abaixo de 10%.
4. Adota ações de combate à evasão, com
monitoramento, zerando o índice de evasão.
5. Adota ações de combate à evasão, com
monitoramento, zerando o índice de evasão e
garantindo o sucesso dos alunos.
X
Total de pontos
RELATÓRIO POR PARÂMETRO
# Desenvolve um sistema de monitoramento das metas e ações estabelecidas no Projeto Político Pedagógico,
garantindo condições de efetivação e sucesso.
5. Tem sistema de efetivo monitoramento das metas e ações do PPP, redimensionando o planejamento da escola.+
Mensalmente nos encontros de extras, analisamos com esta nosso planejamento, nossas metas e nossas ações
avaliando e reavaliando cada uma de nossas ações.
Planejamento envolvendo todos da escola, também os monitores do Mais Educação, monitoramento das ações,
avaliação geral do nosso PPP, e reavaliação de nossas metas.
# Acompanha cada aluno da escola individualmente, mediante registro de sua frequência e do seu desempenho
nas avaliações.
5. Faz o acompanhamento, registra, analisa e faz uso dessas informações no planejamento
Junto com parte da equipe que tem mais alunos faltosos e com muita dificuldade de aprendizagem , elaborando praticas que
ajude a esses alunos .
# Alfabetiza as crianças até, no máximo, os oito anos de idade, aferindo os resultados por exame periódico
específico.
4. Alfabetizou entre 80% a 99% das crianças com até oito anos.
Conforme nossos anexos 80% das nossas crianças foram alfabetizadas
# Adota ações de combate à evasão e repetência, com sistemática de monitoramento a fim de garantir o a
efetividade e sucesso dos alunos.
5. Adota ações de combate à evasão, com monitoramento, zerando o índice de evasão e garantindo o sucesso dos alunos.
ANEXAR DOCUMENTOS COMPROBATÓRIOS PARA CADA PARÂMETRO INDICADO.
Dossiê

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Aee 08 agr_elias_garcia_r
Aee 08 agr_elias_garcia_rAee 08 agr_elias_garcia_r
Aee 08 agr_elias_garcia_r
alexandranuneslopes
 
Projeto de aceleração
Projeto de aceleraçãoProjeto de aceleração
Projeto de aceleração
Mônix Sousa
 
Leia-me Prova Brasil 2013 - Inep
Leia-me Prova Brasil 2013 - InepLeia-me Prova Brasil 2013 - Inep
Leia-me Prova Brasil 2013 - Inep
Portal QEdu
 
Censo escolar 2016 sistema educacenso
Censo escolar 2016   sistema educacensoCenso escolar 2016   sistema educacenso
Censo escolar 2016 sistema educacenso
Escola Estadual Deputado Emílio Justo
 
Modelo financeiro-cefm-matosinhos
Modelo financeiro-cefm-matosinhosModelo financeiro-cefm-matosinhos
Modelo financeiro-cefm-matosinhos
Prof_Infinito
 
modelo_financeiro_cefm matosinhos
modelo_financeiro_cefm matosinhosmodelo_financeiro_cefm matosinhos
modelo_financeiro_cefm matosinhos
Pedro Barreiros
 
Projeto aceleracao
Projeto aceleracaoProjeto aceleracao
Projeto aceleracao
Virginia Do Espirito Santo
 
Apresentação dos resultados escolares à comunidade 2010_2011
Apresentação dos resultados escolares à comunidade 2010_2011Apresentação dos resultados escolares à comunidade 2010_2011
Apresentação dos resultados escolares à comunidade 2010_2011
gabavaliacaomontenegro
 
Pjf jovem de_futuro_apresentacao_diretores_25_agosto_2011_2
Pjf jovem de_futuro_apresentacao_diretores_25_agosto_2011_2Pjf jovem de_futuro_apresentacao_diretores_25_agosto_2011_2
Pjf jovem de_futuro_apresentacao_diretores_25_agosto_2011_2
magdantecrato
 
Seminário Aprova Brasil - 2 - PE - 2010
Seminário Aprova Brasil - 2  - PE - 2010Seminário Aprova Brasil - 2  - PE - 2010
Seminário Aprova Brasil - 2 - PE - 2010
Editora Moderna
 
Aragoiânia
AragoiâniaAragoiânia
Aragoiânia
Thiago Peixoto
 
Programas Educacionais 2012
Programas Educacionais 2012Programas Educacionais 2012
Programas Educacionais 2012
Elisângela Santos Menezes
 
Novo Plano de Carreira do Magistério 2015
Novo Plano de Carreira do Magistério 2015Novo Plano de Carreira do Magistério 2015
Novo Plano de Carreira do Magistério 2015
Governo de Santa Catarina
 
Programas De CorreçãO De Fluxo
Programas De CorreçãO De FluxoProgramas De CorreçãO De Fluxo
Programas De CorreçãO De Fluxo
guestd17cc5
 
Se Liga e Acelera em Itabaiana
Se Liga e Acelera em ItabaianaSe Liga e Acelera em Itabaiana
Se Liga e Acelera em Itabaiana
guest90f41f
 
Aee ae francisco simões versão final
Aee ae francisco simões versão finalAee ae francisco simões versão final
Aee ae francisco simões versão final
Isabel Paulos
 
A PROVA BRASIL e a Escola - MA
A PROVA BRASIL e a Escola - MAA PROVA BRASIL e a Escola - MA
A PROVA BRASIL e a Escola - MA
Editora Moderna
 
SARESP - CICLO I
SARESP - CICLO ISARESP - CICLO I
SARESP - CICLO I
telasnorte1
 
Programas Pedagógicos 2012
Programas Pedagógicos 2012Programas Pedagógicos 2012
Programas Pedagógicos 2012
Elisângela Santos Menezes
 
Doc2 relatório igec aee2012 ag cuba
Doc2 relatório igec aee2012 ag cubaDoc2 relatório igec aee2012 ag cuba
Doc2 relatório igec aee2012 ag cuba
mfcpestana
 

Mais procurados (20)

Aee 08 agr_elias_garcia_r
Aee 08 agr_elias_garcia_rAee 08 agr_elias_garcia_r
Aee 08 agr_elias_garcia_r
 
Projeto de aceleração
Projeto de aceleraçãoProjeto de aceleração
Projeto de aceleração
 
Leia-me Prova Brasil 2013 - Inep
Leia-me Prova Brasil 2013 - InepLeia-me Prova Brasil 2013 - Inep
Leia-me Prova Brasil 2013 - Inep
 
Censo escolar 2016 sistema educacenso
Censo escolar 2016   sistema educacensoCenso escolar 2016   sistema educacenso
Censo escolar 2016 sistema educacenso
 
Modelo financeiro-cefm-matosinhos
Modelo financeiro-cefm-matosinhosModelo financeiro-cefm-matosinhos
Modelo financeiro-cefm-matosinhos
 
modelo_financeiro_cefm matosinhos
modelo_financeiro_cefm matosinhosmodelo_financeiro_cefm matosinhos
modelo_financeiro_cefm matosinhos
 
Projeto aceleracao
Projeto aceleracaoProjeto aceleracao
Projeto aceleracao
 
Apresentação dos resultados escolares à comunidade 2010_2011
Apresentação dos resultados escolares à comunidade 2010_2011Apresentação dos resultados escolares à comunidade 2010_2011
Apresentação dos resultados escolares à comunidade 2010_2011
 
Pjf jovem de_futuro_apresentacao_diretores_25_agosto_2011_2
Pjf jovem de_futuro_apresentacao_diretores_25_agosto_2011_2Pjf jovem de_futuro_apresentacao_diretores_25_agosto_2011_2
Pjf jovem de_futuro_apresentacao_diretores_25_agosto_2011_2
 
Seminário Aprova Brasil - 2 - PE - 2010
Seminário Aprova Brasil - 2  - PE - 2010Seminário Aprova Brasil - 2  - PE - 2010
Seminário Aprova Brasil - 2 - PE - 2010
 
Aragoiânia
AragoiâniaAragoiânia
Aragoiânia
 
Programas Educacionais 2012
Programas Educacionais 2012Programas Educacionais 2012
Programas Educacionais 2012
 
Novo Plano de Carreira do Magistério 2015
Novo Plano de Carreira do Magistério 2015Novo Plano de Carreira do Magistério 2015
Novo Plano de Carreira do Magistério 2015
 
Programas De CorreçãO De Fluxo
Programas De CorreçãO De FluxoProgramas De CorreçãO De Fluxo
Programas De CorreçãO De Fluxo
 
Se Liga e Acelera em Itabaiana
Se Liga e Acelera em ItabaianaSe Liga e Acelera em Itabaiana
Se Liga e Acelera em Itabaiana
 
Aee ae francisco simões versão final
Aee ae francisco simões versão finalAee ae francisco simões versão final
Aee ae francisco simões versão final
 
A PROVA BRASIL e a Escola - MA
A PROVA BRASIL e a Escola - MAA PROVA BRASIL e a Escola - MA
A PROVA BRASIL e a Escola - MA
 
SARESP - CICLO I
SARESP - CICLO ISARESP - CICLO I
SARESP - CICLO I
 
Programas Pedagógicos 2012
Programas Pedagógicos 2012Programas Pedagógicos 2012
Programas Pedagógicos 2012
 
Doc2 relatório igec aee2012 ag cuba
Doc2 relatório igec aee2012 ag cubaDoc2 relatório igec aee2012 ag cuba
Doc2 relatório igec aee2012 ag cuba
 

Destaque

شهادة دورة
شهادة  دورةشهادة  دورة
شهادة دورةIsmat Adam
 
شهادة أتوكاد
شهادة أتوكادشهادة أتوكاد
شهادة أتوكادahmed othman
 
السيرة الذاتية
السيرة الذاتيةالسيرة الذاتية
السيرة الذاتيةahmed othman
 
شهادة خبرة كوماتسو
شهادة خبرة كوماتسوشهادة خبرة كوماتسو
شهادة خبرة كوماتسوahmed othman
 
-MY FAMILY'S MILITARY ORDER -
-MY FAMILY'S MILITARY ORDER --MY FAMILY'S MILITARY ORDER -
شهادة خبرة NSK
شهادة خبرة NSKشهادة خبرة NSK
شهادة خبرة NSKahmed othman
 
Ismat Ayoub Haji CV_Feb. 2016
Ismat Ayoub Haji CV_Feb. 2016Ismat Ayoub Haji CV_Feb. 2016
Ismat Ayoub Haji CV_Feb. 2016
Ismat Adam
 
شهاده Ccnp ابراهيم الزامل
شهاده Ccnp ابراهيم الزاملشهاده Ccnp ابراهيم الزامل
شهاده Ccnp ابراهيم الزامل
ibrahim alzamil
 
محمد صالح جاد صالح
محمد صالح جاد صالحمحمد صالح جاد صالح
محمد صالح جاد صالح
Mohamed Saleh
 
شهادة خبره
شهادة خبرهشهادة خبره
شهادة خبرهOsama Shoaeb
 
شهاده خبره طاهر
شهاده خبره طاهرشهاده خبره طاهر
شهاده خبره طاهرTaher Mohamed
 
شهادة-خبرة-مهندس-مجدى
شهادة-خبرة-مهندس-مجدىشهادة-خبرة-مهندس-مجدى
شهادة-خبرة-مهندس-مجدى
Magdy Ali
 
شهادة خبرة من شركة سمامة
شهادة خبرة من شركة سمامةشهادة خبرة من شركة سمامة
شهادة خبرة من شركة سمامةAwad Al-Otaibi
 
Introduction to oracle primavera
Introduction to oracle primaveraIntroduction to oracle primavera
Introduction to oracle primavera
Dsunte Wilson
 

Destaque (20)

شهادة دورة
شهادة  دورةشهادة  دورة
شهادة دورة
 
شهادة أتوكاد
شهادة أتوكادشهادة أتوكاد
شهادة أتوكاد
 
شهادة1
شهادة1شهادة1
شهادة1
 
السيرة الذاتية
السيرة الذاتيةالسيرة الذاتية
السيرة الذاتية
 
شهادة خبرة كوماتسو
شهادة خبرة كوماتسوشهادة خبرة كوماتسو
شهادة خبرة كوماتسو
 
-MY FAMILY'S MILITARY ORDER -
-MY FAMILY'S MILITARY ORDER --MY FAMILY'S MILITARY ORDER -
-MY FAMILY'S MILITARY ORDER -
 
شركة كن ساين
شركة كن ساينشركة كن ساين
شركة كن ساين
 
شهادة 4
شهادة 4شهادة 4
شهادة 4
 
شهادة خبرة NSK
شهادة خبرة NSKشهادة خبرة NSK
شهادة خبرة NSK
 
شهادة
شهادةشهادة
شهادة
 
Mubarak Resume
Mubarak ResumeMubarak Resume
Mubarak Resume
 
transcript
transcripttranscript
transcript
 
Ismat Ayoub Haji CV_Feb. 2016
Ismat Ayoub Haji CV_Feb. 2016Ismat Ayoub Haji CV_Feb. 2016
Ismat Ayoub Haji CV_Feb. 2016
 
شهاده Ccnp ابراهيم الزامل
شهاده Ccnp ابراهيم الزاملشهاده Ccnp ابراهيم الزامل
شهاده Ccnp ابراهيم الزامل
 
محمد صالح جاد صالح
محمد صالح جاد صالحمحمد صالح جاد صالح
محمد صالح جاد صالح
 
شهادة خبره
شهادة خبرهشهادة خبره
شهادة خبره
 
شهاده خبره طاهر
شهاده خبره طاهرشهاده خبره طاهر
شهاده خبره طاهر
 
شهادة-خبرة-مهندس-مجدى
شهادة-خبرة-مهندس-مجدىشهادة-خبرة-مهندس-مجدى
شهادة-خبرة-مهندس-مجدى
 
شهادة خبرة من شركة سمامة
شهادة خبرة من شركة سمامةشهادة خبرة من شركة سمامة
شهادة خبرة من شركة سمامة
 
Introduction to oracle primavera
Introduction to oracle primaveraIntroduction to oracle primavera
Introduction to oracle primavera
 

Semelhante a Dossiê

Dossiê 2015 2014 pdf
Dossiê 2015   2014 pdfDossiê 2015   2014 pdf
Dossiê 2015 2014 pdf
Uei Maria Caldas
 
vf..Divulgação do ADE Desempenho 2024 II (1).pptx
vf..Divulgação do ADE Desempenho 2024 II (1).pptxvf..Divulgação do ADE Desempenho 2024 II (1).pptx
vf..Divulgação do ADE Desempenho 2024 II (1).pptx
micassalesale
 
Apresentação dos resultados escolares à comunidade 2012_2013
Apresentação dos resultados escolares à comunidade 2012_2013Apresentação dos resultados escolares à comunidade 2012_2013
Apresentação dos resultados escolares à comunidade 2012_2013
gabavaliacaomontenegro
 
Prova saerj matemática nono ano
Prova saerj matemática nono anoProva saerj matemática nono ano
Prova saerj matemática nono ano
Rodolfo Freitas
 
Prova saerj matemática terceiro ano
Prova saerj matemática terceiro anoProva saerj matemática terceiro ano
Prova saerj matemática terceiro ano
Rodolfo Freitas
 
Prova saerj matemática sexto ano
Prova saerj matemática sexto anoProva saerj matemática sexto ano
Prova saerj matemática sexto ano
Rodolfo Freitas
 
Modelo do dossiê 2014 - pronto
Modelo do dossiê  2014 - prontoModelo do dossiê  2014 - pronto
Modelo do dossiê 2014 - pronto
nayanapaula3
 
Dossie2 celjs 2013
 Dossie2 celjs 2013 Dossie2 celjs 2013
Dossie2 celjs 2013
cmevangelico
 
Desafios da educação brasileira
Desafios da educação brasileiraDesafios da educação brasileira
Desafios da educação brasileira
Paulo Hartung
 
Apresentação do Gabinete de Autoavaliação
Apresentação do Gabinete de Autoavaliação Apresentação do Gabinete de Autoavaliação
Apresentação do Gabinete de Autoavaliação
gabavaliacaomontenegro
 
Por que usar indicadores de desempenho na Educação?
Por que usar indicadores de desempenho na Educação?Por que usar indicadores de desempenho na Educação?
Por que usar indicadores de desempenho na Educação?
Elizabeth Fantauzzi
 
Audiência pública pme
Audiência pública pmeAudiência pública pme
Audiência pública pme
educacaobicas
 
PRÊMIO GESTÃO ESCOLAR 2012
PRÊMIO GESTÃO ESCOLAR 2012PRÊMIO GESTÃO ESCOLAR 2012
PRÊMIO GESTÃO ESCOLAR 2012
sitedcoeste
 
Cw 20141110102416
Cw 20141110102416Cw 20141110102416
Cw 20141110102416
7f14_15
 
Apresentação sp
Apresentação spApresentação sp
Apresentação sp
telasnorte1
 
Apresentação sp
Apresentação spApresentação sp
Apresentação sp
telasnorte1
 
Convite ao debate
Convite ao debateConvite ao debate
Convite ao debate
edufolhapopular
 
PPP 2014 SAAD A. SARQUIS
PPP 2014 SAAD A. SARQUISPPP 2014 SAAD A. SARQUIS
PPP 2014 SAAD A. SARQUIS
Ronaldo dos Santos
 
Tutoria l saerjinho mapa de resultados e banco de ítens nterj18 itaocara
Tutoria l saerjinho   mapa de resultados e banco de ítens nterj18 itaocaraTutoria l saerjinho   mapa de resultados e banco de ítens nterj18 itaocara
Tutoria l saerjinho mapa de resultados e banco de ítens nterj18 itaocara
flaviacrm
 
MAIS EDUCACAO
MAIS EDUCACAOMAIS EDUCACAO
MAIS EDUCACAO
cleise32
 

Semelhante a Dossiê (20)

Dossiê 2015 2014 pdf
Dossiê 2015   2014 pdfDossiê 2015   2014 pdf
Dossiê 2015 2014 pdf
 
vf..Divulgação do ADE Desempenho 2024 II (1).pptx
vf..Divulgação do ADE Desempenho 2024 II (1).pptxvf..Divulgação do ADE Desempenho 2024 II (1).pptx
vf..Divulgação do ADE Desempenho 2024 II (1).pptx
 
Apresentação dos resultados escolares à comunidade 2012_2013
Apresentação dos resultados escolares à comunidade 2012_2013Apresentação dos resultados escolares à comunidade 2012_2013
Apresentação dos resultados escolares à comunidade 2012_2013
 
Prova saerj matemática nono ano
Prova saerj matemática nono anoProva saerj matemática nono ano
Prova saerj matemática nono ano
 
Prova saerj matemática terceiro ano
Prova saerj matemática terceiro anoProva saerj matemática terceiro ano
Prova saerj matemática terceiro ano
 
Prova saerj matemática sexto ano
Prova saerj matemática sexto anoProva saerj matemática sexto ano
Prova saerj matemática sexto ano
 
Modelo do dossiê 2014 - pronto
Modelo do dossiê  2014 - prontoModelo do dossiê  2014 - pronto
Modelo do dossiê 2014 - pronto
 
Dossie2 celjs 2013
 Dossie2 celjs 2013 Dossie2 celjs 2013
Dossie2 celjs 2013
 
Desafios da educação brasileira
Desafios da educação brasileiraDesafios da educação brasileira
Desafios da educação brasileira
 
Apresentação do Gabinete de Autoavaliação
Apresentação do Gabinete de Autoavaliação Apresentação do Gabinete de Autoavaliação
Apresentação do Gabinete de Autoavaliação
 
Por que usar indicadores de desempenho na Educação?
Por que usar indicadores de desempenho na Educação?Por que usar indicadores de desempenho na Educação?
Por que usar indicadores de desempenho na Educação?
 
Audiência pública pme
Audiência pública pmeAudiência pública pme
Audiência pública pme
 
PRÊMIO GESTÃO ESCOLAR 2012
PRÊMIO GESTÃO ESCOLAR 2012PRÊMIO GESTÃO ESCOLAR 2012
PRÊMIO GESTÃO ESCOLAR 2012
 
Cw 20141110102416
Cw 20141110102416Cw 20141110102416
Cw 20141110102416
 
Apresentação sp
Apresentação spApresentação sp
Apresentação sp
 
Apresentação sp
Apresentação spApresentação sp
Apresentação sp
 
Convite ao debate
Convite ao debateConvite ao debate
Convite ao debate
 
PPP 2014 SAAD A. SARQUIS
PPP 2014 SAAD A. SARQUISPPP 2014 SAAD A. SARQUIS
PPP 2014 SAAD A. SARQUIS
 
Tutoria l saerjinho mapa de resultados e banco de ítens nterj18 itaocara
Tutoria l saerjinho   mapa de resultados e banco de ítens nterj18 itaocaraTutoria l saerjinho   mapa de resultados e banco de ítens nterj18 itaocara
Tutoria l saerjinho mapa de resultados e banco de ítens nterj18 itaocara
 
MAIS EDUCACAO
MAIS EDUCACAOMAIS EDUCACAO
MAIS EDUCACAO
 

Último

Slides Lição 11, CPAD, A Realidade Bíblica do Inferno, 2Tr24.pptx
Slides Lição 11, CPAD, A Realidade Bíblica do Inferno, 2Tr24.pptxSlides Lição 11, CPAD, A Realidade Bíblica do Inferno, 2Tr24.pptx
Slides Lição 11, CPAD, A Realidade Bíblica do Inferno, 2Tr24.pptx
LuizHenriquedeAlmeid6
 
Redação e Leitura_7º ano_58_Produção de cordel .pptx
Redação e Leitura_7º ano_58_Produção de cordel .pptxRedação e Leitura_7º ano_58_Produção de cordel .pptx
Redação e Leitura_7º ano_58_Produção de cordel .pptx
DECIOMAURINARAMOS
 
Potenciação e Radiciação de Números Racionais
Potenciação e Radiciação de Números RacionaisPotenciação e Radiciação de Números Racionais
Potenciação e Radiciação de Números Racionais
wagnermorais28
 
A SOCIOLOGIA E O TRABALHO: ANÁLISES E VIVÊNCIAS
A SOCIOLOGIA E O TRABALHO: ANÁLISES E VIVÊNCIASA SOCIOLOGIA E O TRABALHO: ANÁLISES E VIVÊNCIAS
A SOCIOLOGIA E O TRABALHO: ANÁLISES E VIVÊNCIAS
HisrelBlog
 
As sequências didáticas: práticas educativas
As sequências didáticas: práticas educativasAs sequências didáticas: práticas educativas
As sequências didáticas: práticas educativas
rloureiro1
 
Introdução à Sociologia: caça-palavras na escola
Introdução à Sociologia: caça-palavras na escolaIntrodução à Sociologia: caça-palavras na escola
Introdução à Sociologia: caça-palavras na escola
Professor Belinaso
 
OS elementos de uma boa Redação para o ENEM.pdf
OS elementos de uma boa Redação para o ENEM.pdfOS elementos de uma boa Redação para o ENEM.pdf
OS elementos de uma boa Redação para o ENEM.pdf
AmiltonAparecido1
 
D20 - Descritores SAEB de Língua Portuguesa
D20 - Descritores SAEB de Língua PortuguesaD20 - Descritores SAEB de Língua Portuguesa
D20 - Descritores SAEB de Língua Portuguesa
eaiprofpolly
 
Educação trabalho HQ em sala de aula uma excelente ideia
Educação  trabalho HQ em sala de aula uma excelente  ideiaEducação  trabalho HQ em sala de aula uma excelente  ideia
Educação trabalho HQ em sala de aula uma excelente ideia
joseanesouza36
 
000. Para rezar o terço - Junho - mês do Sagrado Coração de Jesús.pdf
000. Para rezar o terço - Junho - mês do Sagrado Coração de Jesús.pdf000. Para rezar o terço - Junho - mês do Sagrado Coração de Jesús.pdf
000. Para rezar o terço - Junho - mês do Sagrado Coração de Jesús.pdf
YeniferGarcia36
 
O Mito da Caverna de Platão_ Uma Jornada em Busca da Verdade.pdf
O Mito da Caverna de Platão_ Uma Jornada em Busca da Verdade.pdfO Mito da Caverna de Platão_ Uma Jornada em Busca da Verdade.pdf
O Mito da Caverna de Platão_ Uma Jornada em Busca da Verdade.pdf
silvamelosilva300
 
UFCD_10949_Lojas e-commerce no-code_índice.pdf
UFCD_10949_Lojas e-commerce no-code_índice.pdfUFCD_10949_Lojas e-commerce no-code_índice.pdf
UFCD_10949_Lojas e-commerce no-code_índice.pdf
Manuais Formação
 
Atividade letra da música - Espalhe Amor, Anavitória.
Atividade letra da música - Espalhe  Amor, Anavitória.Atividade letra da música - Espalhe  Amor, Anavitória.
Atividade letra da música - Espalhe Amor, Anavitória.
Mary Alvarenga
 
Vogais Ilustrados para alfabetização infantil
Vogais Ilustrados para alfabetização infantilVogais Ilustrados para alfabetização infantil
Vogais Ilustrados para alfabetização infantil
mamaeieby
 
2020_09_17 - Biomas Mundiais [Salvo automaticamente].pptx
2020_09_17 - Biomas Mundiais [Salvo automaticamente].pptx2020_09_17 - Biomas Mundiais [Salvo automaticamente].pptx
2020_09_17 - Biomas Mundiais [Salvo automaticamente].pptx
PatriciaZanoli
 
Fernão Lopes. pptx
Fernão Lopes.                       pptxFernão Lopes.                       pptx
Fernão Lopes. pptx
TomasSousa7
 
Treinamento NR 38 - CORPO PRINCIPAL da NORMA.pptx
Treinamento NR 38 - CORPO PRINCIPAL da NORMA.pptxTreinamento NR 38 - CORPO PRINCIPAL da NORMA.pptx
Treinamento NR 38 - CORPO PRINCIPAL da NORMA.pptx
MarcosPaulo777883
 
PP Slides Lição 11, Betel, Ordenança para exercer a fé, 2Tr24.pptx
PP Slides Lição 11, Betel, Ordenança para exercer a fé, 2Tr24.pptxPP Slides Lição 11, Betel, Ordenança para exercer a fé, 2Tr24.pptx
PP Slides Lição 11, Betel, Ordenança para exercer a fé, 2Tr24.pptx
LuizHenriquedeAlmeid6
 
Slides Lição 11, Central Gospel, Os Mortos Em CRISTO, 2Tr24.pptx
Slides Lição 11, Central Gospel, Os Mortos Em CRISTO, 2Tr24.pptxSlides Lição 11, Central Gospel, Os Mortos Em CRISTO, 2Tr24.pptx
Slides Lição 11, Central Gospel, Os Mortos Em CRISTO, 2Tr24.pptx
LuizHenriquedeAlmeid6
 
Dicas de normas ABNT para trabalho de conclusão de curso
Dicas de normas ABNT para trabalho de conclusão de cursoDicas de normas ABNT para trabalho de conclusão de curso
Dicas de normas ABNT para trabalho de conclusão de curso
Simone399395
 

Último (20)

Slides Lição 11, CPAD, A Realidade Bíblica do Inferno, 2Tr24.pptx
Slides Lição 11, CPAD, A Realidade Bíblica do Inferno, 2Tr24.pptxSlides Lição 11, CPAD, A Realidade Bíblica do Inferno, 2Tr24.pptx
Slides Lição 11, CPAD, A Realidade Bíblica do Inferno, 2Tr24.pptx
 
Redação e Leitura_7º ano_58_Produção de cordel .pptx
Redação e Leitura_7º ano_58_Produção de cordel .pptxRedação e Leitura_7º ano_58_Produção de cordel .pptx
Redação e Leitura_7º ano_58_Produção de cordel .pptx
 
Potenciação e Radiciação de Números Racionais
Potenciação e Radiciação de Números RacionaisPotenciação e Radiciação de Números Racionais
Potenciação e Radiciação de Números Racionais
 
A SOCIOLOGIA E O TRABALHO: ANÁLISES E VIVÊNCIAS
A SOCIOLOGIA E O TRABALHO: ANÁLISES E VIVÊNCIASA SOCIOLOGIA E O TRABALHO: ANÁLISES E VIVÊNCIAS
A SOCIOLOGIA E O TRABALHO: ANÁLISES E VIVÊNCIAS
 
As sequências didáticas: práticas educativas
As sequências didáticas: práticas educativasAs sequências didáticas: práticas educativas
As sequências didáticas: práticas educativas
 
Introdução à Sociologia: caça-palavras na escola
Introdução à Sociologia: caça-palavras na escolaIntrodução à Sociologia: caça-palavras na escola
Introdução à Sociologia: caça-palavras na escola
 
OS elementos de uma boa Redação para o ENEM.pdf
OS elementos de uma boa Redação para o ENEM.pdfOS elementos de uma boa Redação para o ENEM.pdf
OS elementos de uma boa Redação para o ENEM.pdf
 
D20 - Descritores SAEB de Língua Portuguesa
D20 - Descritores SAEB de Língua PortuguesaD20 - Descritores SAEB de Língua Portuguesa
D20 - Descritores SAEB de Língua Portuguesa
 
Educação trabalho HQ em sala de aula uma excelente ideia
Educação  trabalho HQ em sala de aula uma excelente  ideiaEducação  trabalho HQ em sala de aula uma excelente  ideia
Educação trabalho HQ em sala de aula uma excelente ideia
 
000. Para rezar o terço - Junho - mês do Sagrado Coração de Jesús.pdf
000. Para rezar o terço - Junho - mês do Sagrado Coração de Jesús.pdf000. Para rezar o terço - Junho - mês do Sagrado Coração de Jesús.pdf
000. Para rezar o terço - Junho - mês do Sagrado Coração de Jesús.pdf
 
O Mito da Caverna de Platão_ Uma Jornada em Busca da Verdade.pdf
O Mito da Caverna de Platão_ Uma Jornada em Busca da Verdade.pdfO Mito da Caverna de Platão_ Uma Jornada em Busca da Verdade.pdf
O Mito da Caverna de Platão_ Uma Jornada em Busca da Verdade.pdf
 
UFCD_10949_Lojas e-commerce no-code_índice.pdf
UFCD_10949_Lojas e-commerce no-code_índice.pdfUFCD_10949_Lojas e-commerce no-code_índice.pdf
UFCD_10949_Lojas e-commerce no-code_índice.pdf
 
Atividade letra da música - Espalhe Amor, Anavitória.
Atividade letra da música - Espalhe  Amor, Anavitória.Atividade letra da música - Espalhe  Amor, Anavitória.
Atividade letra da música - Espalhe Amor, Anavitória.
 
Vogais Ilustrados para alfabetização infantil
Vogais Ilustrados para alfabetização infantilVogais Ilustrados para alfabetização infantil
Vogais Ilustrados para alfabetização infantil
 
2020_09_17 - Biomas Mundiais [Salvo automaticamente].pptx
2020_09_17 - Biomas Mundiais [Salvo automaticamente].pptx2020_09_17 - Biomas Mundiais [Salvo automaticamente].pptx
2020_09_17 - Biomas Mundiais [Salvo automaticamente].pptx
 
Fernão Lopes. pptx
Fernão Lopes.                       pptxFernão Lopes.                       pptx
Fernão Lopes. pptx
 
Treinamento NR 38 - CORPO PRINCIPAL da NORMA.pptx
Treinamento NR 38 - CORPO PRINCIPAL da NORMA.pptxTreinamento NR 38 - CORPO PRINCIPAL da NORMA.pptx
Treinamento NR 38 - CORPO PRINCIPAL da NORMA.pptx
 
PP Slides Lição 11, Betel, Ordenança para exercer a fé, 2Tr24.pptx
PP Slides Lição 11, Betel, Ordenança para exercer a fé, 2Tr24.pptxPP Slides Lição 11, Betel, Ordenança para exercer a fé, 2Tr24.pptx
PP Slides Lição 11, Betel, Ordenança para exercer a fé, 2Tr24.pptx
 
Slides Lição 11, Central Gospel, Os Mortos Em CRISTO, 2Tr24.pptx
Slides Lição 11, Central Gospel, Os Mortos Em CRISTO, 2Tr24.pptxSlides Lição 11, Central Gospel, Os Mortos Em CRISTO, 2Tr24.pptx
Slides Lição 11, Central Gospel, Os Mortos Em CRISTO, 2Tr24.pptx
 
Dicas de normas ABNT para trabalho de conclusão de curso
Dicas de normas ABNT para trabalho de conclusão de cursoDicas de normas ABNT para trabalho de conclusão de curso
Dicas de normas ABNT para trabalho de conclusão de curso
 

Dossiê

  • 1. PREFEITURA MUNICIPAL DE MOSSORÓ Secretaria Municipal de Educação Rua Pedro Alves Cabral, 01 – Aeroporto – 59607-140 Mossoró / RN  IDENTIFICAÇÃO DA UNIDADE EDUCACIONAL: Nome: Escola Municipal Heloisa Leão Endereço :Antonio Geraldo de Medeiros
  • 2. Bairro : Bom Jesus telefone ( 84 ) 3315-5121 E-mail: emheloisaleao@gmail.com JUSTIFICATIVA É fundamental que a apresentação seja organizada por itens, contendo os seguintes aspectos: a - apresentação da escola, revelando as suas características principais como organização social e sua identidade educacional; b - descrição da forma como as linhas básicas do Projeto Pedagógico da escola são implementadas; c - análise e interpretação dos principais processos de gestão, seus desafios e sua relação com os resultados de aprendizagem dos alunos; d - indicação dos principais aspectos que tornam a “escola de qualidade”; e - destaque da evolução do rendimento escolar dos alunos nos últimos dois anos, utilizando tabelas e/ou gráficos, e das ações promovidas para a sua melhoria. Obs.: Se for o caso, explicitar porque os índices de desempenho dos alunos permaneceram os mesmos. A -
  • 3. CARACTERIZAÇÃO DA ESCOLA  NÍVEIS E MODALIDADES DE ENSINO OFERTADO: ( ) Educação Infantil ( x ) Ensino Fundamental ( ) Educação de Jovens e Adultos  PERÍODO DE FUNCIONAMENTO: ( x ) Manhã ( x ) Tarde ( ) Noite ( x ) Horário integral/Mais Educação  NÚMERO DE ALUNOS POR TURMA EM 2014: TURMAS 1º 2° 3º 4º 5º 6º 7º 8º 9º TOTAL DE ALUNOS MÉDIA DE ALUNOS POR TURMA Manhã 32 26 48 42 42 190 24 Tarde - - - - - 37 35 19 09 100 25 Noite - - - - - - - - - - - Integral - - - - - - - - - - - TOTAL DE ALUNOS 32 26 48 42 42 37 35 19 09 290  QUADRO DE DOCENTES DA ESCOLA EM 2014 N° PROFESSOR ANO ESCOLAR CARGA HORÁRIA 01 EVA LÚCIA DANTAS 1º ANO U 30 02 MARIA LÚCIA DE OLIVEIRA NASCIMENTO 2º ANO U 30 03 ROSÂNGELA MARIA NOBERTO DA SILVA 3º ANO A VACÂNCIA 04 ELIEMARY APARECIDA CORDEIRODE FREITAS 3º ANO B BOLSISTA 05 ERIKA LAYANE BASÍLIO 4º ANO A 40 06 EDNA MARIA ALVES DA SILVA 4º ANO B 30 07 CLEIDE REGINA DA SILVA 5º ANO A 30
  • 4. 08 CLEIDE REGINA DA SILVA 5º ANO B VACÂNCIA 09 CARLOS DANTAS FERNANDES 1º AO 5º ANO 30 EDUC. FÍSICA 10 MARIA DE FÁTIMA BARBOSA DA SILVA 6º AO 9º ANO 30 11 STÊNIO LÚCIO DA ROCHA 6º AO 9º ANO 40 12 MELQUISEDEC KLEBER DA SILVA 6º AO 9º ANO 40 13 JOÃO PAULO MONTENEGRO SILVA 6º AO 9º ANO 40 EDUC. FISICA 14 CRISTIANA GOMES DE OLIVEIRA 6º AO 9º ANO 30 15 DANIEL GUSTAVO LIRA DOS SANTOS 6º AO 9º ANO 40 16 FRANCISCO VALBERTO DANTAS 6º AO 9º ANO 30 17 WALBER FERREIRA DA SILVA 6º AO 9º ANO 30 Obs.1 O Parâmetro 2 da dimensão Gestão Pedagógica destaca como critério práticas inovadoras apresentadas por total de professores em porcentagem, no processo de análise será necessário o quadro de docentes para identificarmos quantos professores da escola realizaram práticas inovadoras.  INDICADORES DESEMPENHO DA ESCOLA: A- EDUCAÇÃO INFANTIL: INDICADOR ANO MATRICULA INICIAL MATRICULA FINAL ÍNDICE DE FREQUÊNCIA (%) TAXA DE ABANDONO (%) 2013 - - - - 2014 - - - - Obs.2 Conforme Lei de nº 12.796, de 4 de abril de 2013 a frequência mínima obrigatória na Educação infantil é de 60%. Quanto a criança que falta, a instituição deve informar ao Conselho Tutelar e ao Ministério Público. B- ANOS INICIAIS: INDICADOR ANO MATRICULA FINAL TAXA DE ALFABETIZAÇÃO (%) TAXA DE APROVAÇÃO (%) TAXA DE REPROVAÇÃO (%) TAXA DE ABANDONO (%) TAXA DE DISTORÇÃO IDADE/SÉRIE (%) MÉDIA GLOBAL 2013 176 77,0 83,0 17,0 1,1 15,3 6,5 2014 176 86,0 93,8 6,3 - 19,3 7,0 C - ANOS FINAIS: INDICADOR ANO MATRICULA FINAL TAXA DE APROVAÇÃO (%) TAXA DE REPROVAÇÃO (%) TAXA DE ABANDONO (%) TAXA DE DISTORÇÃO IDADE/SÉRIE (%) MÉDIA GLOBAL 2013 91 81,3 18,7 1,1 16,5 6,7 2014 90 83,0 7,8 - 45,6 7,0 D - EDUCAÇÃO DE JOVENS E ADULTOS:
  • 5. INDICADOR ANO MATRICULA FINAL TAXA DE APROVAÇÃO (%) TAXA DE REPROVAÇÃO (%) TAXA DE ABANDONO (%) TAXA DE DISTORÇÃO IDADE/SÉRIE (%) TAXA DE ALFABETIZAÇÃO MÉDIA GLOBAL 2013 34 82,4 17,6 50,0 - - 7,4 2014 - - - - - - -  DADOS DA PROVINHA BRASIL E IDEB: ANO PROVINHA BRASIL 1ª FASE PROVINHA BRASIL 2ª FASE IDEB 1º ao 5º ano 6º ao 9º ano L. PORTUGUESA MATEMÁTICA L. PORTUGUESA MATEMÁTICA 2013 4,5 2014  DADOS DA ANA: ANO ANA - LEITURA ANA - ESCRITA ANA - MATEMÁTICA FREQUÊNCIA DE ALUNOS QUANTIDADE DE ALUNOS POR NÍVEL ALCANÇADO FREQUÊNCIA DE ALUNOS QUANTIDADE DE ALUNOS POR NÍVEL ALCANÇADO FREQUÊNCIA DE ALUNOS QUANTIDADE DE ALUNOS POR NÍVEL ALCANÇADO NÍVEL 1 NÍVEL 2 NÍVEL 3 NÍVEL 4 NÍVEL 1 NÍVEL 1 NÍVEL 1 NÍVEL 4 NÍVEL 1 NÍVEL 1 NÍVEL 1 NÍVEL 4 2013 33,33 51,67 15,00 0,00 53,57 14,29 20,00 5,00 24,99 48,57 22,14 5,00 2014  DADOS DOS ALUNOS DESTAQUES ANO ESCOLAR 5° ANO Claúdia Ines Ferreira da Silva ANO ESCOLAR MÉDIA GLOBAL PERC. DE FREQUÊNCIA 9,5 97% ANO ESCOLAR 9° ANO NOME COMPLETO ANO ESCOLAR MÉDIA FINAL PERC. DE FREQUÊNCIA Obs.3 Conforme Lei de Responsabilidade Educacional, de nº 2717/2010, o aluno destaque deve ter frequência média superior a 85% e os melhores rendimentos em todas as disciplinas.
  • 6. Comissão Própria de Avaliação - CPA Mossoró, ____ de ____________ de 2015. OBSERVAÇÕES:  Os dados devem ser coletados em documentos oficiais: Boletins do Censo Escolar, Mapa Educacional 2014 e em documentos da escola.  Anexar ata da reunião do Conselho Escolar e Comissão para preenchimento dos documentos que compõem a FASE DE AUTO AVALIAÇÃO.  Os dados do consolidado da autoavaliação devem estar coerentes com os dados do detalhamento.  Os documentos comprobatórios devem, necessariamente, estar relacionados ao parâmetro e critérios marcados em cada dimensão.  O DOSSIÊ DEVERÁ SER ENTREGUE ATÉ O DIA 31/07/2015 - (ATÉ AS 17h).  APÓS PREENCHIMENTO DESTE INSTRUMENTO EXCLUA AS OBSERVAÇÕES CONSOLIDADO DA AUTOAVALIAÇÃO – PRÊMIO “ESCOLA DE QUALIDADE” DIMENSÃO PARÂMETROS INDICADOR 1 2 3 4 5 1. Gestão pedagógica: Abrange processos e práticas de gestão pedagógica orientados para assegurar a aprendizagem dos alunos, em # Garante o acesso e a permanência dos alunos, inclusive com deficiências, nas classes comuns do ensino regular. x # Realiza práticas de organização do tempo/espaço, de modo que assegure ações que aprimoram a qualidade do ensino e o atendimento às necessidades de aprendizagens dos alunos. x # Garante a atualização e validação do Projeto Político Pedagógico anualmente, com a participação de todos os segmentos da comunidade escolar. x
  • 7. consonância com o Projeto Pedagógico da escola. PESO: 4,0 Subtotal 2. Gestão de pessoas: Abrange processos e práticas de gestão dos profissionais da educação. # Promove o desenvolvimento profissional em relação aos conhecimentos, habilidades e atitudes, através de ações de formação continuada com base nas necessidades identificadas. x # Adota práticas avaliativas do desempenho de professores e dos demais profissionais, ao longo do ano letivo. x # Promove práticas de valorização e reconhecimento do trabalho e esforço dos professores e demais profissionais da escola no sentido de reforçar ações voltadas para melhoria da qualidade do ensino. x PESO: 1,0 Subtotal 3. Planejamento e gestão: Abrange processos e práticas de gestão dos serviços de apoio, recursos físicos e financeiros. # Realiza de forma sistemática, coletiva e cooperativa o planejamento dos serviços e das atividades escolares oferecidas. x # Zela pela transparência da gestão, utilizando os canais de comunicação da escola para divulgar informações de prestação de contas dos recursos, dos resultados obtidos pela escola e das estratégias utilizadas na resolução de problemas. x # Desenvolve projetos nas áreas de saúde, esporte, assistência social e/ou cultura, ampliando as atividades internas e externas da escola, firmando parcerias externas a comunidade escolar. x # Aplica os recursos financeiros conforme plano de aplicação construído coletivamente, dando prioridade as necessidades e faz a entrega das prestações de contas na SME dentro dos prazos determinados. x PESO: 2,0 Subtotal 4. Avaliação e resultados: Abrange processos e práticas de gestão voltadas para assegurar a melhoria dos resultados de desempenho da escola – rendimento, frequência e proficiência dos alunos. # Desenvolve um sistema de monitoramento das metas e ações estabelecidas no Projeto Político Pedagógico, garantindo condições de efetivação e sucesso. x # Acompanha cada aluno da escola individualmente, mediante registro de sua frequência e do seu desempenho nas avaliações. x # Alfabetiza as crianças até, no máximo, os oito anos de idade, aferindo os resultados por exame periódico específico. x # Adota ações de combate à evasão e repetência, com sistemática de monitoramento a fim de garantir a efetividade e sucesso dos alunos. x PESO: 3,0 Subtotal TOTAL GERAL LEGENDA 1: 1. MUITO AQUÉM DO ESPERADO 2. AQUÉM DO ESPERADO 3. NÍVEL ACEITAVÉL 4. ALÉM DO ESPERADO 5. MUITO ALÉM DO ESPERADO DETALHAMENTO DA AUTOAVALIAÇÃO - PRÊMIO “ESCOLA DE QUALIDADE” – a) Gestão pedagógica: Abrange processos e práticas de gestão pedagógica orientados para assegurar a aprendizagem dos alunos, em consonância com o Projeto Pedagógico da escola. Estabelece como foco a melhoria da qualidade do processo de ensino e de aprendizagem.
  • 8. PARÂMETRO CRITÉRIO MARQUE APENAS UMA ALTERNATIVA # Garante o acesso e a permanência dos alunos, inclusive com deficiências, nas classes comuns do ensino regular. 1. Não houve matrícula nova e a evasão foi superior a 10%. 2. Não houve matrícula nova e houve evasão até 5%. 3. Houve matrícula nova e menos de 5% de evasão. 4. Houve expansão de matrícula e não houve evasão. x 5. Houve expansão acima de 20% e não houve evasão. # Realiza práticas de organização do tempo/espaço, de modo que assegure ações que aprimoram a qualidade do ensino e o atendimento às necessidades de aprendizagens dos alunos. 1. Não foi apresentada nenhuma prática inovadora por nenhum dos professores. 2. Foram apresentadas praticas inovadoras por menos de 10% dos professores. 3. Foram apresentadas praticas inovadoras por mais de 10% dos professores 4. Foram apresentadas praticas inovadoras por 20% dos professores. x 5. Foram apresentadas praticas inovadoras por mais de 20% dos professores # Garante a atualização e validação do Projeto Político Pedagógico anualmente, com a participação de todos os segmentos da comunidade escolar. 1. O PPP não foi atualizado e nem validado. 2. O PPP foi atualizado, mas NÃO foi validado com a participação dos segmentos da comunidade escolar. 3. O PPP foi atualizado e validado com a participação de representantes dos segmentos da comunidade escolar. 4. O PPP foi atualizado e validado com a participação de representantes dos segmentos da comunidade escolar, com resultados positivos. x 5. O PPP foi atualizado e validado com a participação de representantes dos segmentos da comunidade escolar, com resultados positivos e inovadores. Total de pontos * Quando a expansão da matrícula foi limitada pelo espaço físico considerar o nível 5.
  • 9. RELATÓRIO POR PARÂMETRO (EXEMPLO) A) Garante o acesso e a permanência dos alunos, inclusive com deficiências nas classes comuns do ensino regular. 3. Houve matrícula nova e menos de 5% de evasão. Em 2014 a matrícula cresceu 10% em relação a 2013 e a evasão atingiu 1,0%. Conforme Boletim do Censo Educacional 2014 (anexo 1). A escola recebeu 02 alunos com deficiências (anexo 2). Encaminhou para o atendimento no AEE em outra Instituição Educacional os alunos deficientes conforme declaração do AEE (anexo 3). (APÓS LEITURA, EXCLUA TUDO QUE ESTIVER EM VERMELHO) A) Garante o acesso e a permanência dos alunos, inclusive com deficiências nas classes comuns do ensino regular. 4. Houve expansão de matrícula e não houve evasão. A Escola Municipal Heloisa Leão de Moura iniciou o ano de 2014 com 267 alunos e não houve evasão, fato que não ocorria há muitos anos, fruto de um trabalho árduo e contínuo. Mesmo com a extinção do EJA a escola manteve a mesma média de matrículas, segundo o Censo Escolar 2014(anexo 1). A EJA foi analisada pela equipe da secretaria que por várias vezes visitou a escola no turno noturno e percebeu a ausência de alunos, de professores e de supervisor, o índice muito grande de violência, chegando à conclusão que melhor seria extinguir a EJA. A escola aceitou a decisão pensando no melhor para a comunidade escolar. A escola teve sete alunos com deficiência (anexo 2-Censo Escolar). Todos participando efetivamente das atividades pedagógicas. (esse texto pode ser expandido acrescentando mais detalhes.) (colocar nesse espaço fotos de alunos com deficiência realizando atividades na escola ) B) Realiza práticas de organização do tempo/espaço, de modo que assegure ações que aprimoram a qualidade do ensino e o atendimento às necessidades de aprendizagens dos alunos. 4. Foram apresentadas práticas inovadoras por 20% dos professores. Para o melhor desempenho dos alunos, e do espaço físico da escola desenvolvemos atividades que envolvessem a biblioteca e a sala de informática, para que de forma significativa possamos construir novos conhecimentos, e também ganhamos as mesas digitais que causou um efeito muito produtivo juntos aos alunos do 1º ano. Com os recursos do PDDE sustentabilidade, compramos depósitos de coleta seletiva visando a conscientização e preservação do nosso espaço físico e do meio ambiente.
  • 10. Aprendendo nas mesas digitais ( todo o ano) Aula de leitura na biblioteca Pesquisa no laboratório de informática Utilização dos coletores pelos alunos RESULTADOS Observamos que os nossos alunos com relação a biblioteca estão com uma nova postura valorizando o significado da leitura para uma boa aprendizagem, e usando a muti mídia como instrumento de pesquisa para aprimorar os conhecimentos. Com os coletores passaram a utilizar no dia a dia, evitando a sujeira no espaço físico,utilizado por todos. IMPACTO Percebemos uma mudança significativa 80% dos alunos mais conscientes da necessidade da busca de novos conhecimentos e um ambiente mais limpo e acolhedor. A escola realizou o Projeto Interdisciplinar “O lixo no nosso ambiente escolar” (anexo 4), envolvendo as disciplinas Língua Portuguesa, Ciências e Artes, cujo objetivo foi estimular a mudança prática de atitudes e a formações de novos hábitos, proporcionando a reflexão sobre a importância e responsabilidade em manter a escola limpa.
  • 11. Fig. 1. Dramatização “Escola Limpa”, alunos do 5º ano A, 15/04/2014. Fig.2. Paródia Reciclar é preciso, alunas do 5° B, 16/04/2015. OBS.: Fotos usadas apenas como ilustração, retiradas do site slideshare.net, todos os direitos reservados ao site. RESULTADOS Percebeu-se mudanças nas atitudes dos alunos, pois com a realização do projeto estes passaram a usar cotidianamente as lixeiras e evitam jogar o lixo nas salas de aulas e nos demais ambientes da escola. IMPACTO A mudança de atitude com relação a manter a escola limpa, envolveu aproximadamente 70% do total de alunos da escola. C) Garante a atualização e validação do Projeto Político Pedagógico anualmente, com a participação de todos os segmentos da comunidade escolar. 4. O PPP foi atualizado e validado com a participação de representantes dos segmentos da comunidade escolar, com resultados positivos. A escola realizou atualizações no diagnóstico da escola, nas concepções de aprendizagem e avaliação, nos resultados esperados, como também nos projetos realizados (anexos 5 e 6) com a validação e participação do Conselho Escolar conforme consta em ata (anexo 7). Com isso apresentou-se melhoria nas práticas escolares que se refletiram na redução do índice de evasão (anexo 8). Obs.: Aqui é essencial especificar quais as atualizações foram realizadas, o que foi retirado ou modificado. 4. O PPP foi atualizado e validado com a participação de representantes dos segmentos da comunidade escolar, com resultados positivos. Visando melhorar os resultados obtidos, metas a ser alcançadas, objetivos a ser cumpridos a equipe juntamente com a comunidade escolar em reunião discutiu a importância das ações inseridas no PPP , em várias momentos de extrarregência com os docentes e reuniões com os pais e responsáveis, discutimos sobre atualização do ppp , contamos com a colaboração de todos. Por
  • 12. entender a sua importância no processo do ensino aprendizagem.  ANEXAR DOCUMENTOS COMPROBATÓRIOS PARA CADA PARÂMETRO INDICADO. DETALHAMENTO DA AUTOAVALIAÇÃO - PRÊMIO “ESCOLA DE QUALIDADE” – b) Gestão de pessoas: Abrange processos e práticas de gestão dos profissionais da educação: Estabelece como foco o envolvimento e o compromisso das pessoas (professores e demais profissionais, pais e alunos) com o projeto pedagógico da escola e as inovações na gestão. PARÂMETRO CRITÉRIO MARQUE APENAS UMA ALTERNATIVA # Promove o desenvolvimento profissional em relação aos conhecimentos, habilidades e atitudes, através de ações de formação continuada com base nas necessidades identificadas. 1. Não houve ações de formação continuada promovidas pela escola. 2. Houve apenas uma ação de formação continuada com base nas necessidades e envolveu menos de 50% dos profissionais da escola. 3. Houve apenas cinco ações de formação continuada com base nas necessidades, envolvendo 50% dos profissionais da escola. 4. Houve mais de cinco e menos de dez ações de formação continuada com base nas necessidades, envolvendo mais 50% dos profissionais da escola. x 5. Houve mais de dez ações de formação continuada com base nas necessidades, envolvendo 100% dos profissionais da escola. # Adota práticas avaliativas do desempenho de professores e dos demais profissionais, ao longo do ano letivo. 1. Não foi realizada nenhuma prática avaliativa do desempenho dos profissionais. 2. Foram realizadas práticas avaliativas apenas dos professores. 3. Foram realizadas práticas avaliativas do desempenho dos profissionais da educação pela equipe gestora. 4. Foram realizadas práticas avaliativas do desempenho dos profissionais da educação pelo Conselho Escolar 1 vez por ano. 5. Foram realizadas práticas avaliativas do desempenho dos profissionais da educação pelo Conselho Escolar 1 vez por semestre. 1. Não promove ações de valorização e reconhecimento.
  • 13. # Promove práticas de valorização e reconhecimento do trabalho e esforço dos professores e demais profissionais da escola no sentido de reforçar ações voltadas para melhoria da qualidade do ensino. 2. Promove ações pontuais sem planejamento. 3. Promove ações com base em diagnóstico e planejamento. x 4. Promove ações, monitora e avalia os resultados. 5. Promove ações proativas e tem resultados positivos. Total de pontos RELATÓRIO POR PARÂMETRO # Promove o desenvolvimento profissional em relação aos conhecimentos, habilidades e atitudes, através de ações de formação continuada com base nas necessidades identificadas. 4. Houve mais de cinco e menos de dez ações de formação continuada com base nas necessidades, envolvendo mais 50% dos profissionais da escola. # Adota práticas avaliativas do desempenho de professores e dos demais profissionais, ao longo do ano letivo. # Promove práticas de valorização e reconhecimento do trabalho e esforço dos professores e demais profissionais da escola no sentido de reforçar ações voltadas para melhoria da qualidade do ensino. ANEXAR DOCUMENTOS COMPROBATÓRIOS PARA CADA PARÂMETRO INDICADO.
  • 14. DETALHAMENTO DA AUTOAVALIAÇÃO - PRÊMIO “ESCOLA DE QUALIDADE” – c) Planejamento e gestão: Abrangem processos e práticas de gestão dos serviços de apoio, recursos físicos e financeiros. Estabelecer como foco os processos e práticas eficientes e eficazes de gestão dos serviços de apoio, recursos físicos e financeiros. PARÂMETRO CRITÉRIO MARQUE APENAS UMA ALTERNATIVA # Realiza de forma sistemática, coletiva e cooperativa o planejamento dos serviços e das atividades escolares oferecidas. 1. Não planeja. 2. Planeja sem participação da comunidade escolar. 3. Planeja com os professores, supervisores e demais profissionais da escola. 4. Planeja coletivamente, monitora e avalia. 5. Planeja efetivamente, monitora e avalia com toda equipe escolar. x # Zela pela transparência da gestão, utilizando os canais de comunicação da escola para divulgar informações de prestação de contas dos recursos, dos resultados obtidos pela escola e das estratégias utilizadas na resolução de 1. Não zela pela transparência da gestão. 2. Divulga os resultados e publica prestação de constas 1 vez no ano. 3. Divulga os resultados e publica prestação de constas semestralmente nos murais da escola 4. Divulga os resultados e publica prestação de constas da escola, mensalmente, em vários canais.
  • 15. problemas. 5. Divulga os resultados e publica prestação de constas da escola, mensalmente, avaliando os impactos. x # Desenvolve projetos nas áreas de saúde, esporte, assistência social e/ou cultura, ampliando as atividades internas e externas da escola, firmando parcerias externas a comunidade escolar. 1. Não desenvolve projetos. 2. Desenvolve projetos apenas na área da saúde. 3. Desenvolve projetos em mais de duas áreas, sem parcerias. 4. Desenvolve projetos internos nas diversas áreas, com parcerias. 5. Desenvolve projetos internos e externos nas diversas áreas, com várias parcerias. x # Aplica os recursos financeiros conforme plano de aplicação construído coletivamente, dando prioridade as necessidades e faz a entrega das prestações de contas na SME dentro dos prazos determinados. 1. Não constrói Plano de Aplicação. 2. Constrói Plano de Aplicação sem a consultar o Conselho e sem respeitar as prioridades. 3. Constrói Plano de Aplicação com consulta ao Conselho e respeitando as prioridades. 4. Constrói Plano com consulta ao Conselho, e aplica recursos respeitando as prioridades e entrega as prestações de contas na SME dentro dos prazos estabelecidos. 5. Constrói Plano com consulta ao Conselho, aplica os recursos respeitando as prioridades entrega as prestações de contas na SME dentro dos prazos estabelecidos e amplia com parcerias. x Total de pontos RELATÓRIO POR PARÂMETRO # Realiza de forma sistemática, coletiva e cooperativa o planejamento dos serviços e das atividades escolares oferecidas. 6. Planeja efetivamente, monitora e avalia com toda equipe escolar. Nos encontros de extrarregência,os docentes tem oportunidade em expor suas dificuldades enfrentadas no dia a dia em sala de aula , monitoramos e avaliamos individualmente alunos com dificuldades na aprendizagem e comportamento, discutimos o que podemos fazer nos casos mais críticos, sobre os alunos faltosos entramos em contato com a família através de visitas domiciliar ou por telefone para saber quais os motivos que levam a criança a faltar aula, e como a escola pode ajudar de forma significativa , foi assim que conseguimos todas as metas planejadas com relação aos índices de aprovação e evasão. # Zela pela transparência da gestão, utilizando os canais de comunicação da escola para divulgar informações de prestação de contas dos recursos, dos resultados obtidos pela escola e das estratégias utilizadas na resolução de
  • 16. problemas. 5. Divulga os resultados e publica prestação de constas da escola, mensalmente, avaliando os impactos. Zelando pela democracia, fazemos juntos o nosso plano de aplicação e conforme vamos recebendo os recursos vamos expondo nos quadros de anúncios da escola.
  • 17. # Desenvolve projetos nas áreas de saúde, esporte, assistência social e/ou cultura, ampliando as atividades internas e externas da escola, firmando parcerias externas a comunidade escolar. 7. Desenvolve projetos internos e externos nas diversas áreas, com várias parcerias. As parcerias são de grande importância e contribui significativamente com o desenvolvimento da instituição escolar. É muito gratificante falarmos dos nossos parceiros, que sempre nos ajudam a ampliarmos nossas atividades, beneficiando toda comunidade escolar. São eles:Unidade Básica de Saúde - UBS do bairro , Universidade Estadual do Rio Grande do Norte - UERN (educart), Companhia de Teatro máscara projeto escola em cena, Mulheres em Ação, Gazeta do Oeste ,Conselho Tutelar e a policia militar com o PROERD. Relatório das ações desenvolvidas pela UBS Dr. Antonio Soares Junior – Dentro das ações e estratégias do Programa de Saúde realizadas no ano de 2014 nesta escola tivemos: palestras educativas e apresentações audiovisuais com temas relacionados à educação sexual, saúde reprodutiva e prevenção das DST/AIDS, prevenção no uso de drogas e violência,controle das vacinas , promoção da saúde ambiental, saúde bucal, escovação,juntamente com aplicação de flúor , distribuição de escovas nas turmas do 1º ao 9º ano, supervisionado pela Drª Jacqueline Cavalcante e Silva . Esse conjunto de ações só foi possível acontecer graças ao esforço dos profissionais da UBS e Escola Municipal Heloisa Leão de Moura. Tratamento dentário Controle de vacina Escovação com aplicação de flúor Palestra
  • 18. Escola em Cena Companhia Máscara Escola em Cena Esse projeto desenvolvido nas escolas municipais de Mossoró é destinado à professores , alunos e tem como ojetivo organizar o acesso dos mesmos produção de teatro e dança, visando orientação as escolas para que essas atividades culturais sejam articuladas ao desenvolvimento do currículo de forma a contextualizar no ensino das disciplinas.As linguagens de teatro e dança são componentes da disciplina e Ensino da Arte no EnsinoFundamental. É importante que o professor comece esse trabalho antes do momento de apreciação de um espetáculo e a participação pelos alunos permitindo experiencias mais significativa para ambos. Esse projeto vem como complemento das atividades pedagógicas e deve está coerente com os objetivos e procedimentos definido no planejamento do professor. Um grupo de alunos da E.M.Heloisa Leão de Moura participaram de uma apresentação teatral na E.M. Mauricio de Oliveira/Maisa RN e no Teatro Municipal Dix- Huit Rosado Maia, com o tema “Nem Tudo Que o Mestre Mandar” foi muito gratificante à atuação e o envolvimento dos mesmos. Escola em cena Apresentação em uma escola na zona rural Polícia Militar – PROERD O Programa Educacional de Resistência as Drogas visa o envolvimento da escola, família e comunidade na questão das drogas e violência, desenvolve ações pedagógica de prevenção ao uso de drogas e a violência nas escolas públicas de um modo geral, tem como objetivo „ fortalecer a auto-estima das crianças e adolescentes a valorizarem a vida, mostrando opções saudáveis de comportamento, longe das drogas e da violência”. Essa parceria tem contribuído muito com o bom desempenho dos alunos através de atividades esportivas,competições e ações solidárias. Na E.M. Heloisa Leão de Moura temos duas turmas de 5º ano que participam das aulas dois dias na semana com policial Edmar que desenvolvia atividades pedagogias, como aula expositiva,filmes, música e o uso do livro enfatizando os prejuízos causados a saúde com o uso das drogas. No final do ano foi realizado a cerimônia de conclusão com todas as escolas que participaram do curso, com a entrega do certificado e a camiseta aos alunos que participaram do programa. Sala de aula 5º ano Cerimônia de Conclusão do PROERD
  • 19. UERN - EDUCART O educart é um programa desenvolvido pela Pró-Reitoria de Extensão – PROEX, coordenado pelo professor Alexandre Nader desenvolvido nessa escola dois dias na semana com alunos do 6º ao 9º ano com as atividades diversificadas, ministradas por bolsistas da UERN. Esse programa tem como objetivo desenvolver manifestações artísticas nas escolas públicas de Mossoró. Nessa temática os professores desenvolvem atividades de teatro, dança, música ( violão) e audiovisual em escolas públicas, aliando arte à educação. Nessa escola temos um grupo de meninos e meninas que participam com entusiasmo dedicação e responsabilidade as aulas ministradas no horário intermediário. Podemos perceber mudanças de atitudes e a valorização à arte e o envolvimento de cada um. EDUCART – aula de dança Aula de violão - EDUCART Visão Mundial – mulheres em Ação Mulheres em ação desenvolvem atividades diversas em parceria com o Projeto da Visão Mundial através de apadrinhamentos de pessoas voluntárias de outros países que contribuem financeiramente com o mesmo para desenvolver programas de ajuda as pessoas da comunidade visando o bem estar de cada um e o acompanhamento dos filhos em idade escolar.Essas crianças são selecionadas através do contato com a família, são cadastradas no programa e a partir daí são estabelecidos vínculos com os padrinhos através de cartas que a própria criança escreve. Nesta escola temos vários alunos que participam das atividades desenvolvidas por esse grupo. Atividades na escola Apresentação de Teatro
  • 20. UERN- Prevenção contra a Violência e drogas Essa Instituição de Ensino mantêm parceria com esta escola e desenvolve ações relacionadas a prevenção contra ao uso das drogas e a prática de violência. São designados estudantes universitários do curso de pedagogia para vir dois dias na semana, para realizar atividades com os alunos do 6º ao 9º ano em horário oposto ao que estuda. São atividades diversificadas como: palestra, futebol, dinâmicas, brincadeiras, filmes etc.. Todas essas atividades tem como objetivo levar o aluno a refletir sobre os prejuízos que a droga e a violência promove na vida do ser humano. Atividades com os alunos Assistindo filmes CONSELHO TUTELAR Sabemos que esse conselho foi criado para garantir os direitos da criança e dos adolescentes previsto no Estatuto da Criança e do Adolescente e sua função tomar providências em casos de ameaças ou violação a esses direitos, para isso tem os conselheiros que são acionados para verificar essa violação. Hoje enfrentamos muitos problemas nas escolas com alunos problemáticos e as famílias que não tem responsabilidade em mandar o filho para a escola e acompanhar o mesmo. Por várias vezes a equipe pedagógica da escola já encaminhou alunos ao Conselho Tutelar através de relatórios e também convidando o mesmo para realizar palestra para os pais mostrando a responsabilidade deles para com os filhos. Reunião de pais Palestra com os pais / conselho tutelar
  • 21. GAZETA CIDADÃ O projeto Gazeta Cidadã esteve presente na E. M. Heloisa Leão de Moura com o objetivo de trazer novos conhecimentos com metodologias inovadoras para ser desenvolvido com os alunos de 1º ao 9º ano com o propósito do professor trabalhar leitura e escrita em sala de aula, para tanto a escola recebeu o jornal. Os alunos tiveram oportunidade de conhecer o que é um jornal, quais as partes,quem escreve e onde é feito.Apresentaram teatro mostrando a importância do jornal como meio de comunicação, distribuíram picolé, pipoca. Houve uma participação de todos que fazem essa Instituição de Ensino. Gazeta Cidadã na escola Atividade na escola com a Gazeta Cidadã # Aplica os recursos financeiros conforme plano de aplicação construído coletivamente, dando prioridade as necessidades e faz a entrega das prestações de contas na Secretaria Municipal de Educação (SME) dentro do prazo determinado. 8. Constrói Plano com consulta ao Conselho, aplica os recursos respeitando as prioridades entrega as prestações de contas na SME dentro dos prazos estabelecidos e amplia com parcerias. Tendo como base uma gestão democrática, conversamos com os membros do conselho e com toda escola, ouvimos as opiniões, verificamos quais são as prioridades, e dessa forma fazemos o nosso plano de aplicação, estão sempre trabalhando para fazer melhor e fazemos com responsabilidade a entrega das prestações em dias de acordo com seus respectivos setores.
  • 22. PRESTAÇOES EXPOSTAS NOS MURAIS Obs.: Entre as comprovações para este indicador deve constar declaração do setor de prestações de contas da SME de que as prestações de contas da escola foram entregues dentro dos prazos determinado, ou seja, até 30 dias após recebimento dos recursos. ANEXAR DOCUMENTOS COMPROBATÓRIOS PARA CADA PARÂMETRO INDICADO.
  • 23. DETALHAMENTO DA AUTOAVALIAÇÃO - PRÊMIO “ESCOLA DE QUALIDADE” – d) Avaliação e resultados: Abrange processos e práticas de gestão voltadas para assegurar a melhoria dos resultados de desempenho da escola – rendimento, freqüência e proficiência dos alunos. Estabelece como foco a aprendizagem, apontando resultados concretos a atingir. PARÂMETRO CRITÉRIO MARQUE APENAS UMA ALTERNATIVA # Desenvolve um sistema de monitoramento das metas e ações estabelecidas no Projeto Político Pedagógico, garantindo condições de efetivação e sucesso. 1. Não desenvolve sistema de monitoramento do PPP. 2. Tem o sistema e não desenvolve o monitoramento. 3. Tem o sistema de monitoramento do PPP. 4. Tem sistema de efetivo monitoramento das metas e ações do PPP. 5. Tem sistema de efetivo monitoramento das metas e ações do PPP, redimensionando o planejamento da escola. x # Acompanha cada aluno da escola individualmente, mediante registro de sua frequência e do seu desempenho nas avaliações. 1. Não faz acompanhamento dos alunos. 2. Faz o acompanhamento e não registra as informações. 3. Faz o acompanhamento e registra as informações. 4. Faz o acompanhamento, registra e analisa as informações. 5. Faz o acompanhamento, registra, analisa e faz uso dessas informações no planejamento. x # Alfabetiza as crianças até, no máximo, os oito anos de idade, aferindo os resultados por exame periódico específico. 1. Alfabetizou menos de 50% das crianças com até oito anos. 2. Alfabetizou entre 51% a 69%% das crianças com até oito anos. 3. Alfabetizou entre 70% a 79% das crianças com até oito anos. 4. Alfabetizou entre 80% a 99% das crianças com até oito anos. x 5. Alfabetizou 100% das crianças com até oito anos. # Adota ações de combate à evasão e repetência, com sistemática de monitoramento a fim de garantir o a efetividade e sucesso dos alunos. 1. Não adota ações de combate a evasão. 2. Adota ações de combate a evasão, sem monitoramento. 3. Adota ações de combate à evasão, com monitoramento, e mesmo assim apresentou índice de evasão abaixo de 10%. 4. Adota ações de combate à evasão, com monitoramento, zerando o índice de evasão. 5. Adota ações de combate à evasão, com monitoramento, zerando o índice de evasão e garantindo o sucesso dos alunos. X Total de pontos
  • 24. RELATÓRIO POR PARÂMETRO # Desenvolve um sistema de monitoramento das metas e ações estabelecidas no Projeto Político Pedagógico, garantindo condições de efetivação e sucesso. 5. Tem sistema de efetivo monitoramento das metas e ações do PPP, redimensionando o planejamento da escola.+ Mensalmente nos encontros de extras, analisamos com esta nosso planejamento, nossas metas e nossas ações avaliando e reavaliando cada uma de nossas ações. Planejamento envolvendo todos da escola, também os monitores do Mais Educação, monitoramento das ações, avaliação geral do nosso PPP, e reavaliação de nossas metas. # Acompanha cada aluno da escola individualmente, mediante registro de sua frequência e do seu desempenho nas avaliações. 5. Faz o acompanhamento, registra, analisa e faz uso dessas informações no planejamento
  • 25. Junto com parte da equipe que tem mais alunos faltosos e com muita dificuldade de aprendizagem , elaborando praticas que ajude a esses alunos . # Alfabetiza as crianças até, no máximo, os oito anos de idade, aferindo os resultados por exame periódico específico. 4. Alfabetizou entre 80% a 99% das crianças com até oito anos. Conforme nossos anexos 80% das nossas crianças foram alfabetizadas # Adota ações de combate à evasão e repetência, com sistemática de monitoramento a fim de garantir o a efetividade e sucesso dos alunos. 5. Adota ações de combate à evasão, com monitoramento, zerando o índice de evasão e garantindo o sucesso dos alunos. ANEXAR DOCUMENTOS COMPROBATÓRIOS PARA CADA PARÂMETRO INDICADO.