SlideShare uma empresa Scribd logo
• Cerrado é um bioma do tipo savana que
ocorre no Brasil. Podemos encontrar a
vegetação de cerrado, principalmente, na
região centro-oeste do Brasil, ou seja, nos
estados do Mato Grosso, Mato Grosso do
Sul, Goiás e Tocantins. Está presente
também nas seguintes regiões: oeste de
Minas Gerais e sul do Maranhão e Piauí.
Vegetação
O cerrado é uma vegetação típica
de locais com as estações
climáticas bem definidas (uma
época bem chuvosa e outra seca)
e regiões de solo de composição
arenosa.
• Características do Cerrado:
• - presença marcante de árvores de galhos
tortuosos e de pequeno porte;
- as raízes destes arbustos são profundas
(propriedade para a busca de água em
regiões profundas do solo, em épocas de
seca);
- as cascas destas árvores são duras e
grossas;
Clima Do Cerrado
• Temperaturas
• A temperatura média anual é de 24ºC. Na
primavera e no verão a temperatura pode
chegar aos 40ºC e nos meses de inverno
(junho, julho e agosto) ficam em torno de
12ºC, sendo que podem chegar até a 0ºC.
Nestes dias mais frios pode ocorrer a
presença de geadas, principalmente na
região sul do Cerrado.
Chuvas
Índice Pluviométrico (chuvas) e umidade
A média de chuvas anual fica em torno de
1.300 a 1.700 mm. Grande parte da chuva
concentra-se nos meses de outubro a
março (nas estações da primavera e
verão). Entre maio e setembro ocorre a
estação seca, período em que as chuvas
são raras, podendo ocorrer estiagem.
Animais Do Cerrado (Mais conhecidos)
- anta
- cervo
- onça-pintada
- cachorro-vinagre
- lobo-guará
- tamanduá-bandeira
- gambá
- quati
- porco-espinho
- capivara
- onça-parda
- cutia
- paca
Animais Em Extinção
Cachorro-do-mato-vinagre
Gato-Maracajá
Jaguatirica
Tamanduá-Bandeira
Lobo-Guará
Besouro
Curiosidades
O espaço ocupado pelo Cerrado equivale à soma das áreas da
Espanha, França, Alemanha, Itália e Inglaterra.
O número de insetos na região do Cerrado é surpreendente:
apenas na área do Distrito Federal, há 90 espécies de cupins,
1000 espécies de borboletas e 500 tipos diferentes de abelhas e
vespas.
O Cerrado, diferentemente da Amazônia, Mata Atlântica e
Pantanal, não recebeu da Constituição Federal o status de
"Patrimônio Nacional", tornando a conservação de sua
biodiversidade uma tarefa mais difícil.
Cerca de 80% do carvão vegetal consumido no Brasil vem das
árvores do Cerrado.
O Cerrado é uma região peculiar: associa uma rica biodiversidade
a uma aparência árida decorrente dos solos pobres e ácidos e
de contar com apenas duas estações climáticas - seca e
chuvosa.
Apesar de ser um bioma pouco estudado, sabe-se que
o Cerrado é uma das regiões de maior diversidade
do planeta, com um grau de endemismo
significativo.
Das 837 espécies de aves registradas no Cerrado, 759
se reproduzem na região e o restante são aves
migratórias.
O Cerrado é considerado o “berço das águas”, ao
abrigar as nascentes de importantes bacias
hidrográficas da América do Sul: Platina, Amazônica
e São Francisco.
A ocupação do Cerrado iniciou-se no século XVIII com
a mineração, que se desenvolveu num rápido ciclo
de exploração intensiva.
FIM

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Brasil – domínios morfoclimáticos
Brasil – domínios morfoclimáticosBrasil – domínios morfoclimáticos
Brasil – domínios morfoclimáticos
Professor
 
Apresentação amazônia
Apresentação   amazôniaApresentação   amazônia
Apresentação amazônia
Victor Ygor
 
Bioma da Mata Atlântica
Bioma da Mata AtlânticaBioma da Mata Atlântica
Bioma da Mata Atlântica
Anderson Silva
 
Bioma da Caatinga - Completo
Bioma da Caatinga - CompletoBioma da Caatinga - Completo
Bioma da Caatinga - Completo
Bruno Djvan Ramos Barbosa
 
Grandes biomas terrestres
Grandes biomas terrestresGrandes biomas terrestres
Grandes biomas terrestres
João José Ferreira Tojal
 
Vegetação Brasileira
Vegetação BrasileiraVegetação Brasileira
Vegetação Brasileira
Cleber Reis
 
APRESENTAÇÃO SOBRE O BIOMA PANTANAL
APRESENTAÇÃO SOBRE O BIOMA PANTANALAPRESENTAÇÃO SOBRE O BIOMA PANTANAL
APRESENTAÇÃO SOBRE O BIOMA PANTANAL
Ceber Alves
 
Biomas terrestres
Biomas terrestres Biomas terrestres
Biomas terrestres
Andre Luiz Nascimento
 
Biomas: Pantanal
Biomas: PantanalBiomas: Pantanal
Biomas: Pantanal
Guimattosrp
 
Unidades de conservação
Unidades de conservaçãoUnidades de conservação
Unidades de conservação
Maira Egito Barros
 
Os biomas brasileiros.ppt
Os biomas brasileiros.pptOs biomas brasileiros.ppt
Os biomas brasileiros.ppt
Jones Godinho
 
BIOMA: MATA ATLÂNTICA
BIOMA: MATA ATLÂNTICA BIOMA: MATA ATLÂNTICA
BIOMA: MATA ATLÂNTICA
Hávila Said
 
BIOMAS E OS FATORES QUE INFLUENCIAM NA SUA FORMAÇÃO
BIOMAS E OS FATORES QUE INFLUENCIAM NA SUA FORMAÇÃOBIOMAS E OS FATORES QUE INFLUENCIAM NA SUA FORMAÇÃO
BIOMAS E OS FATORES QUE INFLUENCIAM NA SUA FORMAÇÃO
Conceição Fontolan
 
Floresta amazônica
Floresta amazônicaFloresta amazônica
Floresta amazônica
KELSON DA LUZ OLIVEIRA
 
Amazônia
AmazôniaAmazônia
Amazônia
Edmar Souza
 
Biomas do brasil (Prof° Elves Alves)
Biomas do brasil (Prof° Elves Alves)Biomas do brasil (Prof° Elves Alves)
Biomas do brasil (Prof° Elves Alves)
elves0927
 
As formaçoes vegetais pelo mundo
As formaçoes vegetais pelo mundoAs formaçoes vegetais pelo mundo
As formaçoes vegetais pelo mundo
Professor
 
Biodiversidade
BiodiversidadeBiodiversidade
Biodiversidade
PIBID Joel Job
 
Floresta amazônica
Floresta amazônicaFloresta amazônica
Floresta amazônica
taffila
 
Biomas
BiomasBiomas
Biomas
Tânia Reis
 

Mais procurados (20)

Brasil – domínios morfoclimáticos
Brasil – domínios morfoclimáticosBrasil – domínios morfoclimáticos
Brasil – domínios morfoclimáticos
 
Apresentação amazônia
Apresentação   amazôniaApresentação   amazônia
Apresentação amazônia
 
Bioma da Mata Atlântica
Bioma da Mata AtlânticaBioma da Mata Atlântica
Bioma da Mata Atlântica
 
Bioma da Caatinga - Completo
Bioma da Caatinga - CompletoBioma da Caatinga - Completo
Bioma da Caatinga - Completo
 
Grandes biomas terrestres
Grandes biomas terrestresGrandes biomas terrestres
Grandes biomas terrestres
 
Vegetação Brasileira
Vegetação BrasileiraVegetação Brasileira
Vegetação Brasileira
 
APRESENTAÇÃO SOBRE O BIOMA PANTANAL
APRESENTAÇÃO SOBRE O BIOMA PANTANALAPRESENTAÇÃO SOBRE O BIOMA PANTANAL
APRESENTAÇÃO SOBRE O BIOMA PANTANAL
 
Biomas terrestres
Biomas terrestres Biomas terrestres
Biomas terrestres
 
Biomas: Pantanal
Biomas: PantanalBiomas: Pantanal
Biomas: Pantanal
 
Unidades de conservação
Unidades de conservaçãoUnidades de conservação
Unidades de conservação
 
Os biomas brasileiros.ppt
Os biomas brasileiros.pptOs biomas brasileiros.ppt
Os biomas brasileiros.ppt
 
BIOMA: MATA ATLÂNTICA
BIOMA: MATA ATLÂNTICA BIOMA: MATA ATLÂNTICA
BIOMA: MATA ATLÂNTICA
 
BIOMAS E OS FATORES QUE INFLUENCIAM NA SUA FORMAÇÃO
BIOMAS E OS FATORES QUE INFLUENCIAM NA SUA FORMAÇÃOBIOMAS E OS FATORES QUE INFLUENCIAM NA SUA FORMAÇÃO
BIOMAS E OS FATORES QUE INFLUENCIAM NA SUA FORMAÇÃO
 
Floresta amazônica
Floresta amazônicaFloresta amazônica
Floresta amazônica
 
Amazônia
AmazôniaAmazônia
Amazônia
 
Biomas do brasil (Prof° Elves Alves)
Biomas do brasil (Prof° Elves Alves)Biomas do brasil (Prof° Elves Alves)
Biomas do brasil (Prof° Elves Alves)
 
As formaçoes vegetais pelo mundo
As formaçoes vegetais pelo mundoAs formaçoes vegetais pelo mundo
As formaçoes vegetais pelo mundo
 
Biodiversidade
BiodiversidadeBiodiversidade
Biodiversidade
 
Floresta amazônica
Floresta amazônicaFloresta amazônica
Floresta amazônica
 
Biomas
BiomasBiomas
Biomas
 

Destaque

Cerrado
CerradoCerrado
Trabalho Cerrado - 3* ANO
Trabalho Cerrado - 3* ANOTrabalho Cerrado - 3* ANO
Trabalho Cerrado - 3* ANO
Jhonatas Neves
 
Cerrado
CerradoCerrado
A conservação do cerrado com imagens
A conservação do cerrado com imagensA conservação do cerrado com imagens
A conservação do cerrado com imagens
Uelson E E
 
Cerrado
CerradoCerrado
Cerrado
Carol Almeida
 
Flora e fauna do cerrado brasileiro
Flora e fauna do cerrado brasileiroFlora e fauna do cerrado brasileiro
Flora e fauna do cerrado brasileiro
LeilocaTavares
 
O espaço natural brasileiro - Clima
O espaço natural brasileiro - ClimaO espaço natural brasileiro - Clima
Ecologia Cerrado
Ecologia CerradoEcologia Cerrado
Ecologia Cerrado
RAFAELA BARBOSA
 
SOS Cerrado
SOS CerradoSOS Cerrado
SOS Cerrado
valdeniDinamizador
 
Cerrado
Cerrado Cerrado
Cerrado
Cerrado Cerrado
BIOMA CERRADO
BIOMA  CERRADOBIOMA  CERRADO
BIOMA CERRADO
Christoffer Carlos
 
A vegetação nativa e os animais silvestres-Professora Joelma
A vegetação nativa e os animais silvestres-Professora JoelmaA vegetação nativa e os animais silvestres-Professora Joelma
A vegetação nativa e os animais silvestres-Professora Joelma
Joelma Araujo
 
O cerrado
O cerradoO cerrado
O cerrado
margosanta
 
Cerrado Brasileiro
Cerrado BrasileiroCerrado Brasileiro
Cerrado Brasileiro
ecsette
 
Biomas cerrado-2
Biomas   cerrado-2Biomas   cerrado-2
Biomas cerrado-2
Vinícius Nonato
 
11 De Setembro Dia Do Cerrado
11 De Setembro Dia Do Cerrado11 De Setembro Dia Do Cerrado
11 De Setembro Dia Do Cerrado
Luciano Carvalho Delucci
 
Cerrado do Brasil
Cerrado do BrasilCerrado do Brasil
Cerrado do Brasil
Dani Santos
 
Cerrado
CerradoCerrado
Brasil Cerrado
Brasil CerradoBrasil Cerrado
Brasil Cerrado
janbarbosa
 

Destaque (20)

Cerrado
CerradoCerrado
Cerrado
 
Trabalho Cerrado - 3* ANO
Trabalho Cerrado - 3* ANOTrabalho Cerrado - 3* ANO
Trabalho Cerrado - 3* ANO
 
Cerrado
CerradoCerrado
Cerrado
 
A conservação do cerrado com imagens
A conservação do cerrado com imagensA conservação do cerrado com imagens
A conservação do cerrado com imagens
 
Cerrado
CerradoCerrado
Cerrado
 
Flora e fauna do cerrado brasileiro
Flora e fauna do cerrado brasileiroFlora e fauna do cerrado brasileiro
Flora e fauna do cerrado brasileiro
 
O espaço natural brasileiro - Clima
O espaço natural brasileiro - ClimaO espaço natural brasileiro - Clima
O espaço natural brasileiro - Clima
 
Ecologia Cerrado
Ecologia CerradoEcologia Cerrado
Ecologia Cerrado
 
SOS Cerrado
SOS CerradoSOS Cerrado
SOS Cerrado
 
Cerrado
Cerrado Cerrado
Cerrado
 
Cerrado
Cerrado Cerrado
Cerrado
 
BIOMA CERRADO
BIOMA  CERRADOBIOMA  CERRADO
BIOMA CERRADO
 
A vegetação nativa e os animais silvestres-Professora Joelma
A vegetação nativa e os animais silvestres-Professora JoelmaA vegetação nativa e os animais silvestres-Professora Joelma
A vegetação nativa e os animais silvestres-Professora Joelma
 
O cerrado
O cerradoO cerrado
O cerrado
 
Cerrado Brasileiro
Cerrado BrasileiroCerrado Brasileiro
Cerrado Brasileiro
 
Biomas cerrado-2
Biomas   cerrado-2Biomas   cerrado-2
Biomas cerrado-2
 
11 De Setembro Dia Do Cerrado
11 De Setembro Dia Do Cerrado11 De Setembro Dia Do Cerrado
11 De Setembro Dia Do Cerrado
 
Cerrado do Brasil
Cerrado do BrasilCerrado do Brasil
Cerrado do Brasil
 
Cerrado
CerradoCerrado
Cerrado
 
Brasil Cerrado
Brasil CerradoBrasil Cerrado
Brasil Cerrado
 

Semelhante a Cerrado

Mata de araucaria e caatinga
Mata de araucaria e caatingaMata de araucaria e caatinga
Mata de araucaria e caatinga
Michael Douglas
 
Cerrado Brasileiro.pptx
Cerrado Brasileiro.pptxCerrado Brasileiro.pptx
Cerrado Brasileiro.pptx
cdamazio
 
Trabalho de Biologia
Trabalho de Biologia Trabalho de Biologia
Trabalho de Biologia
PorfSIlva
 
Biomas: CAMPOS, CERRADOS e DESERTOS. E + Estepes e Savanas.
Biomas: CAMPOS, CERRADOS e DESERTOS. E + Estepes e Savanas.Biomas: CAMPOS, CERRADOS e DESERTOS. E + Estepes e Savanas.
Biomas: CAMPOS, CERRADOS e DESERTOS. E + Estepes e Savanas.
Ajuda Escolar
 
Trabalho Biologia
Trabalho Biologia Trabalho Biologia
Trabalho Biologia
PorfSIlva
 
Trabalho de geografia..pptx kelen 8º d
Trabalho de geografia..pptx kelen 8º dTrabalho de geografia..pptx kelen 8º d
Trabalho de geografia..pptx kelen 8º d
norivalfp
 
Ecossistemas brasileiros csanl
Ecossistemas brasileiros csanlEcossistemas brasileiros csanl
Ecossistemas brasileiros csanl
Ricardo Vilas
 
6º ano cap 6 biomas brasileiros
6º ano cap 6  biomas brasileiros6º ano cap 6  biomas brasileiros
6º ano cap 6 biomas brasileiros
ISJ
 
UNI. 3 - CAP. 3 BIOMAS BRASILEIROS I.pptx
UNI. 3 - CAP. 3 BIOMAS BRASILEIROS I.pptxUNI. 3 - CAP. 3 BIOMAS BRASILEIROS I.pptx
UNI. 3 - CAP. 3 BIOMAS BRASILEIROS I.pptx
Kelvin Sousa
 
UNI. 3 - CAP. 3 BIOMAS BRASILEIROS I.pptx
UNI. 3 - CAP. 3 BIOMAS BRASILEIROS I.pptxUNI. 3 - CAP. 3 BIOMAS BRASILEIROS I.pptx
UNI. 3 - CAP. 3 BIOMAS BRASILEIROS I.pptx
KelvinSousa11
 
Biomas do Brasil (Ecossistemas terrestres) e Ecossistemas Aquáticos
Biomas do Brasil (Ecossistemas terrestres) e Ecossistemas Aquáticos Biomas do Brasil (Ecossistemas terrestres) e Ecossistemas Aquáticos
Biomas do Brasil (Ecossistemas terrestres) e Ecossistemas Aquáticos
Adna Myrella
 
VegetaçãO Brasileira 4° e 5º ano Ensino Fundamental
VegetaçãO Brasileira 4° e 5º ano Ensino FundamentalVegetaçãO Brasileira 4° e 5º ano Ensino Fundamental
VegetaçãO Brasileira 4° e 5º ano Ensino Fundamental
Coraci Machado Araújo
 
VegetaçãO Brasileira - Ensino Fundamental 4º e 5º ano
VegetaçãO Brasileira - Ensino Fundamental 4º e 5º anoVegetaçãO Brasileira - Ensino Fundamental 4º e 5º ano
VegetaçãO Brasileira - Ensino Fundamental 4º e 5º ano
Coraci Machado Araújo
 
Vegeta. brasileira 2010
Vegeta. brasileira 2010Vegeta. brasileira 2010
Vegeta. brasileira 2010
petrivanacarvalho
 
Biomas Brasileiro - Semana 36.pptx
Biomas Brasileiro - Semana 36.pptxBiomas Brasileiro - Semana 36.pptx
Biomas Brasileiro - Semana 36.pptx
JOZIMARAASSUNCAOCAMI
 
Biomas do Brasil
Biomas do BrasilBiomas do Brasil
Biomas do Brasil
Fábio Ianomami
 
Biomas brasileiros
Biomas brasileirosBiomas brasileiros
Biomas brasileiros
Maicon Azevedo
 
NÍVEL 1 - 1º ANO
NÍVEL 1 - 1º ANONÍVEL 1 - 1º ANO
NÍVEL 1 - 1º ANO
Vanúcia Moreira
 
Biomas do brasil
Biomas do brasilBiomas do brasil
Biomas do brasil
Italo Alan
 
Trabalho priscila biomas tundra
Trabalho priscila  biomas tundraTrabalho priscila  biomas tundra
Trabalho priscila biomas tundra
Silenezé Souza
 

Semelhante a Cerrado (20)

Mata de araucaria e caatinga
Mata de araucaria e caatingaMata de araucaria e caatinga
Mata de araucaria e caatinga
 
Cerrado Brasileiro.pptx
Cerrado Brasileiro.pptxCerrado Brasileiro.pptx
Cerrado Brasileiro.pptx
 
Trabalho de Biologia
Trabalho de Biologia Trabalho de Biologia
Trabalho de Biologia
 
Biomas: CAMPOS, CERRADOS e DESERTOS. E + Estepes e Savanas.
Biomas: CAMPOS, CERRADOS e DESERTOS. E + Estepes e Savanas.Biomas: CAMPOS, CERRADOS e DESERTOS. E + Estepes e Savanas.
Biomas: CAMPOS, CERRADOS e DESERTOS. E + Estepes e Savanas.
 
Trabalho Biologia
Trabalho Biologia Trabalho Biologia
Trabalho Biologia
 
Trabalho de geografia..pptx kelen 8º d
Trabalho de geografia..pptx kelen 8º dTrabalho de geografia..pptx kelen 8º d
Trabalho de geografia..pptx kelen 8º d
 
Ecossistemas brasileiros csanl
Ecossistemas brasileiros csanlEcossistemas brasileiros csanl
Ecossistemas brasileiros csanl
 
6º ano cap 6 biomas brasileiros
6º ano cap 6  biomas brasileiros6º ano cap 6  biomas brasileiros
6º ano cap 6 biomas brasileiros
 
UNI. 3 - CAP. 3 BIOMAS BRASILEIROS I.pptx
UNI. 3 - CAP. 3 BIOMAS BRASILEIROS I.pptxUNI. 3 - CAP. 3 BIOMAS BRASILEIROS I.pptx
UNI. 3 - CAP. 3 BIOMAS BRASILEIROS I.pptx
 
UNI. 3 - CAP. 3 BIOMAS BRASILEIROS I.pptx
UNI. 3 - CAP. 3 BIOMAS BRASILEIROS I.pptxUNI. 3 - CAP. 3 BIOMAS BRASILEIROS I.pptx
UNI. 3 - CAP. 3 BIOMAS BRASILEIROS I.pptx
 
Biomas do Brasil (Ecossistemas terrestres) e Ecossistemas Aquáticos
Biomas do Brasil (Ecossistemas terrestres) e Ecossistemas Aquáticos Biomas do Brasil (Ecossistemas terrestres) e Ecossistemas Aquáticos
Biomas do Brasil (Ecossistemas terrestres) e Ecossistemas Aquáticos
 
VegetaçãO Brasileira 4° e 5º ano Ensino Fundamental
VegetaçãO Brasileira 4° e 5º ano Ensino FundamentalVegetaçãO Brasileira 4° e 5º ano Ensino Fundamental
VegetaçãO Brasileira 4° e 5º ano Ensino Fundamental
 
VegetaçãO Brasileira - Ensino Fundamental 4º e 5º ano
VegetaçãO Brasileira - Ensino Fundamental 4º e 5º anoVegetaçãO Brasileira - Ensino Fundamental 4º e 5º ano
VegetaçãO Brasileira - Ensino Fundamental 4º e 5º ano
 
Vegeta. brasileira 2010
Vegeta. brasileira 2010Vegeta. brasileira 2010
Vegeta. brasileira 2010
 
Biomas Brasileiro - Semana 36.pptx
Biomas Brasileiro - Semana 36.pptxBiomas Brasileiro - Semana 36.pptx
Biomas Brasileiro - Semana 36.pptx
 
Biomas do Brasil
Biomas do BrasilBiomas do Brasil
Biomas do Brasil
 
Biomas brasileiros
Biomas brasileirosBiomas brasileiros
Biomas brasileiros
 
NÍVEL 1 - 1º ANO
NÍVEL 1 - 1º ANONÍVEL 1 - 1º ANO
NÍVEL 1 - 1º ANO
 
Biomas do brasil
Biomas do brasilBiomas do brasil
Biomas do brasil
 
Trabalho priscila biomas tundra
Trabalho priscila  biomas tundraTrabalho priscila  biomas tundra
Trabalho priscila biomas tundra
 

Mais de Edmar Souza

EUA
EUAEUA
Bioma Costeiro
Bioma CosteiroBioma Costeiro
Bioma Costeiro
Edmar Souza
 
Pampas
PampasPampas
Pampas
Edmar Souza
 
Amazônia
AmazôniaAmazônia
Amazônia
Edmar Souza
 
Mata atlântica
Mata atlânticaMata atlântica
Mata atlântica
Edmar Souza
 
Geografia
GeografiaGeografia
Geografia
Edmar Souza
 
Mata Atlântica
Mata AtlânticaMata Atlântica
Mata Atlântica
Edmar Souza
 
Cerrado
CerradoCerrado
Cerrado
Edmar Souza
 
Pampa
PampaPampa
Pantanal
PantanalPantanal
Pantanal
Edmar Souza
 
Caatinga
CaatingaCaatinga
Caatinga
Edmar Souza
 
Pantanal
PantanalPantanal
Pantanal
Edmar Souza
 
Santa catarina
Santa catarinaSanta catarina
Santa catarina
Edmar Souza
 
Rio grande do sul
Rio grande do sulRio grande do sul
Rio grande do sul
Edmar Souza
 
Rio de janeiro
Rio de janeiroRio de janeiro
Rio de janeiro
Edmar Souza
 
São Paulo
São PauloSão Paulo
São Paulo
Edmar Souza
 
Santa catarina
Santa catarinaSanta catarina
Santa catarina
Edmar Souza
 
Rio de janeiro
Rio de janeiroRio de janeiro
Rio de janeiro
Edmar Souza
 
Paraná
ParanáParaná
Paraná
Edmar Souza
 
Distrito federal
Distrito federalDistrito federal
Distrito federal
Edmar Souza
 

Mais de Edmar Souza (20)

EUA
EUAEUA
EUA
 
Bioma Costeiro
Bioma CosteiroBioma Costeiro
Bioma Costeiro
 
Pampas
PampasPampas
Pampas
 
Amazônia
AmazôniaAmazônia
Amazônia
 
Mata atlântica
Mata atlânticaMata atlântica
Mata atlântica
 
Geografia
GeografiaGeografia
Geografia
 
Mata Atlântica
Mata AtlânticaMata Atlântica
Mata Atlântica
 
Cerrado
CerradoCerrado
Cerrado
 
Pampa
PampaPampa
Pampa
 
Pantanal
PantanalPantanal
Pantanal
 
Caatinga
CaatingaCaatinga
Caatinga
 
Pantanal
PantanalPantanal
Pantanal
 
Santa catarina
Santa catarinaSanta catarina
Santa catarina
 
Rio grande do sul
Rio grande do sulRio grande do sul
Rio grande do sul
 
Rio de janeiro
Rio de janeiroRio de janeiro
Rio de janeiro
 
São Paulo
São PauloSão Paulo
São Paulo
 
Santa catarina
Santa catarinaSanta catarina
Santa catarina
 
Rio de janeiro
Rio de janeiroRio de janeiro
Rio de janeiro
 
Paraná
ParanáParaná
Paraná
 
Distrito federal
Distrito federalDistrito federal
Distrito federal
 

Último

As sequências didáticas: práticas educativas
As sequências didáticas: práticas educativasAs sequências didáticas: práticas educativas
As sequências didáticas: práticas educativas
rloureiro1
 
Redação e Leitura_7º ano_58_Produção de cordel .pptx
Redação e Leitura_7º ano_58_Produção de cordel .pptxRedação e Leitura_7º ano_58_Produção de cordel .pptx
Redação e Leitura_7º ano_58_Produção de cordel .pptx
DECIOMAURINARAMOS
 
TUTORIAL PARA LANÇAMENTOGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGG
TUTORIAL PARA LANÇAMENTOGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGTUTORIAL PARA LANÇAMENTOGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGG
TUTORIAL PARA LANÇAMENTOGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGG
ProfessoraTatianaT
 
Slide de biologia aula2 2 bimestre no ano de 2024
Slide de biologia aula2  2 bimestre no ano de 2024Slide de biologia aula2  2 bimestre no ano de 2024
Slide de biologia aula2 2 bimestre no ano de 2024
vinibolado86
 
A festa junina é uma tradicional festividade popular que acontece durante o m...
A festa junina é uma tradicional festividade popular que acontece durante o m...A festa junina é uma tradicional festividade popular que acontece durante o m...
A festa junina é uma tradicional festividade popular que acontece durante o m...
ANDRÉA FERREIRA
 
1_10_06_2024_Criança e Cultura Escrita, Ana Maria de Oliveira Galvão.pdf
1_10_06_2024_Criança e Cultura Escrita, Ana Maria de Oliveira Galvão.pdf1_10_06_2024_Criança e Cultura Escrita, Ana Maria de Oliveira Galvão.pdf
1_10_06_2024_Criança e Cultura Escrita, Ana Maria de Oliveira Galvão.pdf
SILVIAREGINANAZARECA
 
Resumo de Química 10º ano Estudo exames nacionais
Resumo de Química 10º ano Estudo exames nacionaisResumo de Química 10º ano Estudo exames nacionais
Resumo de Química 10º ano Estudo exames nacionais
beatrizsilva525654
 
slides de Didática 2.pdf para apresentar
slides de Didática 2.pdf para apresentarslides de Didática 2.pdf para apresentar
slides de Didática 2.pdf para apresentar
JoeteCarvalho
 
D20 - Descritores SAEB de Língua Portuguesa
D20 - Descritores SAEB de Língua PortuguesaD20 - Descritores SAEB de Língua Portuguesa
D20 - Descritores SAEB de Língua Portuguesa
eaiprofpolly
 
OS elementos de uma boa Redação para o ENEM.pdf
OS elementos de uma boa Redação para o ENEM.pdfOS elementos de uma boa Redação para o ENEM.pdf
OS elementos de uma boa Redação para o ENEM.pdf
AmiltonAparecido1
 
Dicas de normas ABNT para trabalho de conclusão de curso
Dicas de normas ABNT para trabalho de conclusão de cursoDicas de normas ABNT para trabalho de conclusão de curso
Dicas de normas ABNT para trabalho de conclusão de curso
Simone399395
 
Atividade de reforço de matemática 2º ano
Atividade de reforço de matemática 2º anoAtividade de reforço de matemática 2º ano
Atividade de reforço de matemática 2º ano
fernandacosta37763
 
A QUESTÃO ANTROPOLÓGICA: O QUE SOMOS OU QUEM SOMOS.pdf
A QUESTÃO ANTROPOLÓGICA: O QUE SOMOS OU QUEM SOMOS.pdfA QUESTÃO ANTROPOLÓGICA: O QUE SOMOS OU QUEM SOMOS.pdf
A QUESTÃO ANTROPOLÓGICA: O QUE SOMOS OU QUEM SOMOS.pdf
AurelianoFerreirades2
 
Atpcg PEI Rev Irineu GESTÃO DE SALA DE AULA.pptx
Atpcg PEI Rev Irineu GESTÃO DE SALA DE AULA.pptxAtpcg PEI Rev Irineu GESTÃO DE SALA DE AULA.pptx
Atpcg PEI Rev Irineu GESTÃO DE SALA DE AULA.pptx
joaresmonte3
 
O Mito da Caverna de Platão_ Uma Jornada em Busca da Verdade.pdf
O Mito da Caverna de Platão_ Uma Jornada em Busca da Verdade.pdfO Mito da Caverna de Platão_ Uma Jornada em Busca da Verdade.pdf
O Mito da Caverna de Platão_ Uma Jornada em Busca da Verdade.pdf
silvamelosilva300
 
Slides Lição 11, Central Gospel, Os Mortos Em CRISTO, 2Tr24.pptx
Slides Lição 11, Central Gospel, Os Mortos Em CRISTO, 2Tr24.pptxSlides Lição 11, Central Gospel, Os Mortos Em CRISTO, 2Tr24.pptx
Slides Lição 11, Central Gospel, Os Mortos Em CRISTO, 2Tr24.pptx
LuizHenriquedeAlmeid6
 
UFCD_10949_Lojas e-commerce no-code_índice.pdf
UFCD_10949_Lojas e-commerce no-code_índice.pdfUFCD_10949_Lojas e-commerce no-code_índice.pdf
UFCD_10949_Lojas e-commerce no-code_índice.pdf
Manuais Formação
 
Slides Lição 12, CPAD, A Bendita Esperança, A Marca do Cristão, 2Tr24.pptx
Slides Lição 12, CPAD, A Bendita Esperança, A Marca do Cristão, 2Tr24.pptxSlides Lição 12, CPAD, A Bendita Esperança, A Marca do Cristão, 2Tr24.pptx
Slides Lição 12, CPAD, A Bendita Esperança, A Marca do Cristão, 2Tr24.pptx
LuizHenriquedeAlmeid6
 
Fernão Lopes. pptx
Fernão Lopes.                       pptxFernão Lopes.                       pptx
Fernão Lopes. pptx
TomasSousa7
 
UFCD_4667_Preparação e confeção de molhos e fundos de cozinha_índice.pdf
UFCD_4667_Preparação e confeção de molhos e fundos de cozinha_índice.pdfUFCD_4667_Preparação e confeção de molhos e fundos de cozinha_índice.pdf
UFCD_4667_Preparação e confeção de molhos e fundos de cozinha_índice.pdf
Manuais Formação
 

Último (20)

As sequências didáticas: práticas educativas
As sequências didáticas: práticas educativasAs sequências didáticas: práticas educativas
As sequências didáticas: práticas educativas
 
Redação e Leitura_7º ano_58_Produção de cordel .pptx
Redação e Leitura_7º ano_58_Produção de cordel .pptxRedação e Leitura_7º ano_58_Produção de cordel .pptx
Redação e Leitura_7º ano_58_Produção de cordel .pptx
 
TUTORIAL PARA LANÇAMENTOGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGG
TUTORIAL PARA LANÇAMENTOGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGTUTORIAL PARA LANÇAMENTOGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGG
TUTORIAL PARA LANÇAMENTOGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGG
 
Slide de biologia aula2 2 bimestre no ano de 2024
Slide de biologia aula2  2 bimestre no ano de 2024Slide de biologia aula2  2 bimestre no ano de 2024
Slide de biologia aula2 2 bimestre no ano de 2024
 
A festa junina é uma tradicional festividade popular que acontece durante o m...
A festa junina é uma tradicional festividade popular que acontece durante o m...A festa junina é uma tradicional festividade popular que acontece durante o m...
A festa junina é uma tradicional festividade popular que acontece durante o m...
 
1_10_06_2024_Criança e Cultura Escrita, Ana Maria de Oliveira Galvão.pdf
1_10_06_2024_Criança e Cultura Escrita, Ana Maria de Oliveira Galvão.pdf1_10_06_2024_Criança e Cultura Escrita, Ana Maria de Oliveira Galvão.pdf
1_10_06_2024_Criança e Cultura Escrita, Ana Maria de Oliveira Galvão.pdf
 
Resumo de Química 10º ano Estudo exames nacionais
Resumo de Química 10º ano Estudo exames nacionaisResumo de Química 10º ano Estudo exames nacionais
Resumo de Química 10º ano Estudo exames nacionais
 
slides de Didática 2.pdf para apresentar
slides de Didática 2.pdf para apresentarslides de Didática 2.pdf para apresentar
slides de Didática 2.pdf para apresentar
 
D20 - Descritores SAEB de Língua Portuguesa
D20 - Descritores SAEB de Língua PortuguesaD20 - Descritores SAEB de Língua Portuguesa
D20 - Descritores SAEB de Língua Portuguesa
 
OS elementos de uma boa Redação para o ENEM.pdf
OS elementos de uma boa Redação para o ENEM.pdfOS elementos de uma boa Redação para o ENEM.pdf
OS elementos de uma boa Redação para o ENEM.pdf
 
Dicas de normas ABNT para trabalho de conclusão de curso
Dicas de normas ABNT para trabalho de conclusão de cursoDicas de normas ABNT para trabalho de conclusão de curso
Dicas de normas ABNT para trabalho de conclusão de curso
 
Atividade de reforço de matemática 2º ano
Atividade de reforço de matemática 2º anoAtividade de reforço de matemática 2º ano
Atividade de reforço de matemática 2º ano
 
A QUESTÃO ANTROPOLÓGICA: O QUE SOMOS OU QUEM SOMOS.pdf
A QUESTÃO ANTROPOLÓGICA: O QUE SOMOS OU QUEM SOMOS.pdfA QUESTÃO ANTROPOLÓGICA: O QUE SOMOS OU QUEM SOMOS.pdf
A QUESTÃO ANTROPOLÓGICA: O QUE SOMOS OU QUEM SOMOS.pdf
 
Atpcg PEI Rev Irineu GESTÃO DE SALA DE AULA.pptx
Atpcg PEI Rev Irineu GESTÃO DE SALA DE AULA.pptxAtpcg PEI Rev Irineu GESTÃO DE SALA DE AULA.pptx
Atpcg PEI Rev Irineu GESTÃO DE SALA DE AULA.pptx
 
O Mito da Caverna de Platão_ Uma Jornada em Busca da Verdade.pdf
O Mito da Caverna de Platão_ Uma Jornada em Busca da Verdade.pdfO Mito da Caverna de Platão_ Uma Jornada em Busca da Verdade.pdf
O Mito da Caverna de Platão_ Uma Jornada em Busca da Verdade.pdf
 
Slides Lição 11, Central Gospel, Os Mortos Em CRISTO, 2Tr24.pptx
Slides Lição 11, Central Gospel, Os Mortos Em CRISTO, 2Tr24.pptxSlides Lição 11, Central Gospel, Os Mortos Em CRISTO, 2Tr24.pptx
Slides Lição 11, Central Gospel, Os Mortos Em CRISTO, 2Tr24.pptx
 
UFCD_10949_Lojas e-commerce no-code_índice.pdf
UFCD_10949_Lojas e-commerce no-code_índice.pdfUFCD_10949_Lojas e-commerce no-code_índice.pdf
UFCD_10949_Lojas e-commerce no-code_índice.pdf
 
Slides Lição 12, CPAD, A Bendita Esperança, A Marca do Cristão, 2Tr24.pptx
Slides Lição 12, CPAD, A Bendita Esperança, A Marca do Cristão, 2Tr24.pptxSlides Lição 12, CPAD, A Bendita Esperança, A Marca do Cristão, 2Tr24.pptx
Slides Lição 12, CPAD, A Bendita Esperança, A Marca do Cristão, 2Tr24.pptx
 
Fernão Lopes. pptx
Fernão Lopes.                       pptxFernão Lopes.                       pptx
Fernão Lopes. pptx
 
UFCD_4667_Preparação e confeção de molhos e fundos de cozinha_índice.pdf
UFCD_4667_Preparação e confeção de molhos e fundos de cozinha_índice.pdfUFCD_4667_Preparação e confeção de molhos e fundos de cozinha_índice.pdf
UFCD_4667_Preparação e confeção de molhos e fundos de cozinha_índice.pdf
 

Cerrado

  • 1.
  • 2. • Cerrado é um bioma do tipo savana que ocorre no Brasil. Podemos encontrar a vegetação de cerrado, principalmente, na região centro-oeste do Brasil, ou seja, nos estados do Mato Grosso, Mato Grosso do Sul, Goiás e Tocantins. Está presente também nas seguintes regiões: oeste de Minas Gerais e sul do Maranhão e Piauí.
  • 3. Vegetação O cerrado é uma vegetação típica de locais com as estações climáticas bem definidas (uma época bem chuvosa e outra seca) e regiões de solo de composição arenosa.
  • 4. • Características do Cerrado: • - presença marcante de árvores de galhos tortuosos e de pequeno porte; - as raízes destes arbustos são profundas (propriedade para a busca de água em regiões profundas do solo, em épocas de seca); - as cascas destas árvores são duras e grossas;
  • 5. Clima Do Cerrado • Temperaturas • A temperatura média anual é de 24ºC. Na primavera e no verão a temperatura pode chegar aos 40ºC e nos meses de inverno (junho, julho e agosto) ficam em torno de 12ºC, sendo que podem chegar até a 0ºC. Nestes dias mais frios pode ocorrer a presença de geadas, principalmente na região sul do Cerrado.
  • 6. Chuvas Índice Pluviométrico (chuvas) e umidade A média de chuvas anual fica em torno de 1.300 a 1.700 mm. Grande parte da chuva concentra-se nos meses de outubro a março (nas estações da primavera e verão). Entre maio e setembro ocorre a estação seca, período em que as chuvas são raras, podendo ocorrer estiagem.
  • 7. Animais Do Cerrado (Mais conhecidos) - anta - cervo - onça-pintada - cachorro-vinagre - lobo-guará - tamanduá-bandeira - gambá - quati - porco-espinho - capivara - onça-parda - cutia - paca
  • 9. Curiosidades O espaço ocupado pelo Cerrado equivale à soma das áreas da Espanha, França, Alemanha, Itália e Inglaterra. O número de insetos na região do Cerrado é surpreendente: apenas na área do Distrito Federal, há 90 espécies de cupins, 1000 espécies de borboletas e 500 tipos diferentes de abelhas e vespas. O Cerrado, diferentemente da Amazônia, Mata Atlântica e Pantanal, não recebeu da Constituição Federal o status de "Patrimônio Nacional", tornando a conservação de sua biodiversidade uma tarefa mais difícil. Cerca de 80% do carvão vegetal consumido no Brasil vem das árvores do Cerrado. O Cerrado é uma região peculiar: associa uma rica biodiversidade a uma aparência árida decorrente dos solos pobres e ácidos e de contar com apenas duas estações climáticas - seca e chuvosa.
  • 10. Apesar de ser um bioma pouco estudado, sabe-se que o Cerrado é uma das regiões de maior diversidade do planeta, com um grau de endemismo significativo. Das 837 espécies de aves registradas no Cerrado, 759 se reproduzem na região e o restante são aves migratórias. O Cerrado é considerado o “berço das águas”, ao abrigar as nascentes de importantes bacias hidrográficas da América do Sul: Platina, Amazônica e São Francisco. A ocupação do Cerrado iniciou-se no século XVIII com a mineração, que se desenvolveu num rápido ciclo de exploração intensiva.
  • 11. FIM